One Piece RPG
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» The One Above All - Ato 2
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 01:43

» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Bluesday Ontem à(s) 20:26

» Cap. 2 - A New Day
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor ADM.Tonikbelo Ontem à(s) 18:59

» [Ficha] Song
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor MarionLRZ Ontem à(s) 18:39

» [LB] O Florescer de Utopia III
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Vincent Ontem à(s) 18:12

» Enuma Elish
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Thomas Kenway Ontem à(s) 16:57

» Seasons: Road to New World
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Ravenborn Ontem à(s) 15:51

» Arco North Blue: Uma Odisseia no Santuário
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Thomas Kenway Ontem à(s) 15:36

» I - As rédeas de Latem City!!
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Felix Ontem à(s) 15:18

» Akira Suzuki
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 10:58

» Lurion
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 10:57

» O Legado Bitencourt Act I
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Ineel Ontem à(s) 04:15

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Akuma Nikaido Sab 26 Set 2020, 23:54

» Livro Um - Atitudes que dão poder
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor ADM.Tidus Sab 26 Set 2020, 22:20

» Supernova
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Takamoto Lisandro Sab 26 Set 2020, 21:56

» Hey Ya!
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Takamoto Lisandro Sab 26 Set 2020, 21:55

» Cap.1 Deuses entre nós
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor Thomas Torres Sab 26 Set 2020, 21:05

» A inconsistência do Mágico
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor CaraxDD Sab 26 Set 2020, 19:27

» Vamos nos aventurar! Anjinhas me aguardem...
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor GM.Muffatu Sab 26 Set 2020, 18:23

» As mil espadas - As mil aranhas
Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Emptypor jonyorlando Sab 26 Set 2020, 17:46



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Arco 1: Passagem pela ilha do riso

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 59
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyDom 02 Ago 2020, 23:14

Relembrando a primeira mensagem :

Arco 1: Passagem pela ilha do riso

Aqui ocorrerá a aventura do(a) revolucionária Azura V. Pendragon. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Kenshin Himura
Cabo
Cabo


Data de inscrição : 22/04/2012

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptySeg 10 Ago 2020, 20:12



Enquanto apreciava minha boa bebida, percebia que uma ilha se aproximava junto com o nascer do sol, a pesar do tempo acordada, não estava com nenhum pingo de sono, e o fato de estarmos nos aproximando me deixava muito mais empolgada do que cansada. “Finalmente!” Pulava da caixa me aproximando da janela, Elliot acordava de sua noite de sono, olharia em sua direção de canto de rosto.

-Bom dia Elliot! Respondia ao bom dia do mink, em seguida falava que os animais estavam agitados e que estaríamos chegando na ilha, o garoto tinha razão, os bichos estavam bem agitados fazendo seus barulhos característicos. - Sim estamos para chegar a qualquer momento, daqui já podemos ver a ilha! Apontaria para a janela para que Elliot conseguisse ver. Assim caminharia de volta para meu assento, a final ainda era um tempinho até chegarmos, e toda energia guardada seria bem útil, pois não sabíamos oque poderia nos esperar na ilha assim que chegássemos.

“Foco Azura, encontrar Mao e acabar com o ponto de reabastecimento dos escravistas!” A voz de Urias vinha em minha mente novamente, olhava novamente na direção de Elliot para ver se o mesmo tinha falado algo, e em seguida para onde estava os animais, talvez estivesse ficando um pouco louca, mais uma vez escutando a voz da mulher. “Urias...” Pensava olhando a minha volta.

Sabia oque tinha de ser feito, mas para entender tudo que se passava naquela ilha eu precisaria encontrar o Comandante Wander Winterfell, Mao tinha me passado informações de encontrá-lo, e quem melhor para me manter informada sobre a ilha se não o líder revolucionário dela. “Espero que Mao não demore muito de chegar aqui!” Me levantaria pegando os dois livros que tinha pego e colocado em seus devidos caixotes, o intuito não era pegá-los para mim, e sim apenas usá-los enquanto estivesse em viagem, e com a viagem seguindo ao fim aquilo não seria mais necessário.

- Elliot, se prepare vamos chegar já já! Voltaria a me aproximar do caixote me sentando dobrando minhas pernas e aguardando a hora que pudéssemos descer.

Historico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyTer 11 Ago 2020, 00:26


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

NARRAÇÃO - ARCO 1: PASSAGEM PELA ILHA DO RISO



Expresso Oceânico - 06:30h


Avistando a ilha que se aproximava, Azura se levantava com um pulo, estava animada. Ela ia até a janela para conseguir enxergar melhor, e com o canto de seu olho, percebe que Elliot acorda.

Com a observação do mink, a garota também presta atenção nos animais, ouvindo seus balidos, relinchados e etc... Apontando para janela, ela sinalizava para que seu companheiro também visse Arstotzka ao longe. Ele se levantava e olhava, seus olhos brilhavam, quando seria a última vez que ele saiu de Terralegre? Se é que um dia já saiu.

Azura se senta novamente e mais uma vez ouve sua mentora, pedindo foco em sua missão. Sem entender de onde vinha a voz, ela olhava em volta, mas os animais continuavam com seus barulhos habituais e Elliot seguia encarando a janela, a voz estava em sua própria cabeça.

O objetivo da reevolucionária já estava traçado, ela precisava encontrar Wander Winterfell, assim como Mao a havia instruído. Falando nela, onde será que andaria a moça? Perguntas a parte, a major se levanta e devolve os livros que havia lido, o achado realmente não foi roubado dessa vez.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Após um certo tempo sentada na caixa, Azura percebe que o movimento do expresso diminui gradualmente até parar por completo. Enfim eles chegaram em Arstotzka, e assim que as portas do vagão se abrem, um frio de congelar os ossos entra. A estação, por mais que fosse coberta, estava gelada. O ambiente que a cercava era branco, muito bonito inclusive, mas deveras frio. Qual seria o próximo passo, cuidadoso para não escorregar, de Azura?

Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

       

POST 15
XIII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Cabo
Cabo
Kenshin Himura

Créditos : 4
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyTer 11 Ago 2020, 03:47



Estávamos nos aproximando cada vez mais do nosso destino e aquilo me deixava bastante empolgada, sentia a velocidade do expresso se diminuindo cada vez mais, assim que parava sabia que tínhamos chegado. Pulava da caixa que estava sentada e caminharia em direção porta, mas antes que pisasse do lado de fora parava por um instante.

“Não posso dar bandeira assim novamente, se bem que estamos longe do início da grand line, talvez minha recompensa aqui não vale de nada!” Pensava, mas não poderia arriscar, teria de fazer o mesmo que tinha feito anteriormente, olhava para o pano que Elliot tinha me entregado antes de dormir e assim enrolaria como antes em terralegre a fim de ao menos disfarçar o máximo possível.

- Não sabemos oque vamos encontrar aqui, então fique perto, assim que tivermos seguros eu devolvo sua echarpe! Falaria seguindo em direção a saída, assim que as portas se abriam um vento soprava fazendo me arrepiar por inteira, um frio que nunca tinha sentido antes, cruzava meus braços tentando me esquentar. “Uma ilha do inverno!” Pensava seguindo para o lado de fora.

- Nossa que frio! Falaria olhando para Elliot, talvez para ele não fosse tão frio por conta de ser um mink. - Acho que para você deve estar tranquilo em! Falaria brincando com o mink, do lado de fora do trem percebia que o lugar era muito mais bonito que terralegre, mas o frio era gritante ali.

Primeiro teria que ir atrás de aprender Forja, e aproveitar para conhecer a cidade, antes de conseguir uma forma de encontrar o quartel-general do exército naquele lugar. “Talvez os ferreiros podem me falar mais dessa ilha.” Assim caminharia pela estação até encontrar alguma pessoa.

- Bom dia, poderia me enformar aonde posso encontrar um ferreiro por aqui!? Caso a pessoa não soubesse iria atrás de outra pessoa até encontrar, tomaria cuidado para não chamar a atenção indesejada como da marinha ou da guarda local, sempre andando o mais longe possível deles.

Caso encontrasse alguém que me informasse a localização de um ferreiro, puxaria Elliot pelo braço e seguiria pelo local indicado pela pessoa, sempre olhando a minha volta para saber se não estava sendo seguido, ou apenas para saber como era a cidade, a final que melhor forma de conhecer o lugar do que observar como era o dia a dia das pessoas do local.

Historico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyTer 11 Ago 2020, 19:47


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

NARRAÇÃO - ARCO 1: PASSAGEM PELA ILHA DO RISO



Expresso Oceânico - 07:30h


Antes de descer do expresso, Azura toma uma atitude inteligente, ela novamente se enrola na echarpe de Elliot, cobrindo as partes de seu corpo que poderiam ser reconhecidas. Estavam longe do início da Grand Line, como ela bem observara, mas ainda havia uma recompensa em sua cabeça.

O mink ouvia calado as palavras de sua companheira, e apenas acenava com  cabeça, sinalizando que havia entendido. Ele não parecia tão incomodado pelo frio, uma vez que era um lobo coberto de pelos, mas não deixava de tentar se esconder dos olhares transeuntes. Azura, por sua vez se tremia da cabeça aos pés, suas roupas, tampouco os panos de Elliot, serviam para mantê-la aquecida.

- Frio não sinto muito, mas abrigo é bom para você. - Ele dizia olhando em volta, afim de achar um local mais aquecido. Ao avistar uma parede, ele conduz Azura até lá, se protegendo do vento congelante.

Não fosse o frio absurdo, talvez os dois conseguissem aproveitar melhor a beleza invernal da ilha, mas no momento, o objetivo principal era achar o ferreiro, e a forja quentinha, que seria mais do que bem vinda.

Naquele horário, o dia acabava de começar, por isso, diversas pessoas passavam em direção aos seus respectivos trabalhos. Uma delas, quando indagada por Azura, sorri simpaticamente e responde.

- Ora pois, o ferreiro é meu vizinho! Tenho uma padaria que fica próxima ao centro, se quiserem me acompanhar. - A senhora parecia sincera, e estranhamente não se importava com a aparência do jovem mink, algo incomum até o momento.

Ela guia o caminho, com Azura puxando Elliot em seu encalço. Durante o percurso, todos pareciam estar muito ocupados com suas própria vidas para dar atenção à revolucionária, e mesmo que a vissem, a neve que caia atrapalhava um pouco o reconhecimento.

Depois de alguns minutos caminhando e observando a cidade, que parecia pacífica, apesar da quantidade grande de marinheiros fazendo suas rondas e a tempestade de neve, que começava a aumentar com o passar do dia, eles alcançam o ferreiro. Uma construção simples de pedra, com uma forja coberta apenas por um telhado. A mulher se aproximava da porta e sinalizava para que seus acompanhantes viessem também, ela bate na porta e é recebida por uma outra mulher.

- Bom dia Ailynn, trouxe esses dois, estavam atrás do ferreiro. - Ela da uma risadinha e conclui. - Deixarei eles aqui com você, preciso abrir a padaria!

- Helga, esper... Argh essa mulher ainda vai me matar. - Ela fala cruzando os braços e olhando Azura e Elliot de cima para baixo, suspirando e dizendo. - Entrem, não querem congelar ai né? - Uma vez lá dentro, ela serve uma xícara de chá para os dois e os encara. - Então, o que os trás aqui?

Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

       

POST 16
XIII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Cabo
Cabo
Kenshin Himura

Créditos : 4
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyTer 11 Ago 2020, 23:21



O frio cortante da cidade me incomodava muito, mas para as pessoas que nela vivia parecia apenas um clima normal, talvez para julgar clima de ir a praia para eles, nunca tinha estado em uma ilha de inverno, logo para mim aquele clima era uma novidade. “Sabia que essas ilhas eram frias, mas nesse nível, puta que pariu!” Elliot percebia que eu estava com muito frio e então se posicionava a frente do vento.

-Percebi que o frio não te afeta muito, ao menos o clima aqui deve ser mais agradável do que em terralegre! Falava em resposta ao mink, percebia que as pessoas andavam aos montes pela rua da cidade, estavam todas indo para seus devidos trabalhos, o local aprecia muito mais pacífico que as outras ilhas que eu já tinha ido, principalmente pelo tanto de marinheiros que estavam nas ruas. “Preocupante, o número de marinheiros, e mais preocupante ainda já que aqui os escravistas usam como base de reabastecimento!” Pensava analisando a presença da força militar na ilha.

Logo encontrava uma senhora que se dispôs a nos levar até um ferreiro, dizendo que o mesmo ficava perto de onde ela morava, e isso me deixava animada, só de pensar no calor que a caldeira faria me enchia de alegria. Outra coisa que notava era como as pessoas não viam Elliot de forma estranha e isso era bastante agradável, diferente mas quem sou eu para questionar, talvez os habitantes da ilha fossem mais evoluídos mentalmente se por assim dizer.

“Se bem que como eles conseguem enxergar com toda essa neve?” A neve caia engrossava hora ou outra dificultando as vistas, mas aquilo era bom, já que poderia dificultar que a marinha me reconhecesse.

Chegávamos em uma construção simples, mas bem bonita, e dali já conseguia sentir um pequeno calor vindo dela, só um pouco da energia já me deixava bastante confortável, a mulher que nos guiava então batia na porta que em seguida outra mulher atendia. “Uma mulher, ótimo espero que ela seja a ferreira!” Pensava quando a primeira mulher nos apresentava e em seguida nos deixava ali parado a frente da porta da outra moça, que logo nos convidava para entrar.

Do lado de dentro sentia meu corpo se aquecendo novamente, mas isso não impedia que eu ficasse me tremendo por um todo, realmente não estava preparada para todo aquele frio. - Caramba aqui é muito frio! Falaria após as falas da mulher.

Começaria a me aquecer passando as mãos em meus braços para poder criar energia para poder voltar a temperatura normal, assim que percebesse a mulher nos olhando daria um sorriso para ela falando. - Foi mal, somos novos aqui, não estava esperando todo esse frio! Me aproximaria da mulher logo em seguida voltaria a falar.

- Sou uma aspirante a ferreira, venho estudando, mecânica e engenharia, tenho a teoria em minhas “mãos” agora só me resta a prática! Falaria dando uma pausa olhando a minha volta para poder saber a dimensão do lugar. - Venho pedir você, que me ensine a forjar armas e armaduras para que assim possa exercer a profissão! Não sabia se a mulher era a ferreira do lugar ou se tinha mais alguém ali. - Isso é se você for a ferreira daqui, me desculpe aonde estão os meus modos, sou Azura Pendragon! Assim dava um grande sorriso a mulher.

Aprendizado de pericia: Forja

Esperaria que aceitassem meu pedido para aprender sobre forja naquele lugar, assim prestaria bastante atenção em tudo que me era passado, observando assiduamente os movimentos do(a) ferreiro(a), e sempre tentado repetir quando fosse pedido, ajudando a pessoa que tivesse me ensinado a fazer tudo que fosse mandado e em seguida replicando todo o conhecimento, ficaria ali o tempo necessário para poder aprender tudo e assim me tornar uma ferreira.

Assim que terminasse, me limparia de todo aquele suor, perguntando aonde eu poderia me lavar, assim que chegasse em tal lugar tomaria meu banho me limpando e agora com o conhecimento de um ferreiro. Mas coso me recusassem, eu iria atrás de outro ferreiro na cidade, até encontrar um que pudesse me ensinar.

Após o banho, voltaria a encontrar a pessoa que tinha me ensinado, e de forma despretensiosa para saber mais sobre a ilha iniciaria uma breve conversa. - Ahnn poderia me falar oque você acha de toda essa marinha na ilha, não sou daqui, mas eles me parecem um tanto ameaçadores! Precisava saber se a pessoa era pró governo ou contra ele antes de falar algo que pudesse me entregar.

Historico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyQua 12 Ago 2020, 13:49



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

NARRAÇÃO - ARCO 1: PASSAGEM PELA ILHA DO RISO


Ferreiro - 11:30h

Estar em uma ilha de inverno era realmente diferente para Azura, acostumada com temperaturas mais amenas, ela se tremia com a neve pesada. Ela conversava com Elliot, que olhava ao redor observando as pessoas.

Os escravocratas deveriam usar um local muito escondido, ou sua passagem era extremamente rápida, a julgar pelo poderio militar do local. Mas Azura não tinha muito tempo para ponderar sobre isso, uma vez que a padeira se disponibilizava a levar os dois para o ferreiro.

Como Azura bem notava, as pessoas não se importavam com a aparência de Elliot, ou pelo menos não demonstravam por enquanto, com a quantidade de neve, ver qualquer coisa era praticamente impossível também.

Quando recebidos pela mulher ruiva, Azura se sente animada e aquecida, era bom estar dentro de uma construção novamente, protegida de todo aquele frio e neve absurdos. Ouvindo a fala da revolucionária, a mulher responde.

- Você jura? - Ela ri sarcasticamente e observa Azura se aquecendo e completava. - É, imagino que para novatos deva ser absurdo, mas quem mora na ilha acaba se acostumando, e eu trabalho na forja, então é sempre bem quente aqui. - Ela ouvia o pedido da revolucionária e respondia relutante. - Eu sou a ferreira sim, Azura Pendragon. Meu nome e Ailynn Dzero. Posso lhe ensinar a forjar.

Ela pega um pedaço de ferro e coloca-o na forja incandescente. A cor prateada do metal rapidamente muda para um laranja vivo, que emanava brilho e calor intenso. Em seguida, coloca o pedaço laranja na bigorna e martela com força, mas graça ao mesmo tempo. As faíscas voavam em várias direções com o ritmo compassado do martelo, e o metal ia ganhando forma. Depois de repetir o processo diversas vezes, ela mergulha o objeto na água, a essa altura, o pedaço de metal virava uma espada longa comum, que a mulher deixava de lado e então dizia.

- Sua vez. - Ela então se senta e encara Azura, que tenta repetir o processo. Quando cometia erros, Ailynn apenas pigarreava, esperando que a revolucionária percebesse o que fez, mas vez ou outra ela falava o modo certo de prosseguir.

Depois de muito suor, faísca e fuligem, Azura termina. Recebendo direção de onde poderia se lavar, ela vai até o local. Pegando um balde, ela o enche e vira sobre seu corpo, sentindo a água molhar seus longos cabelos arroxeados e sua pele alva, seria muito agradável, não fosse a temperatura da água, tudo naquele lugar parecia congelante.

Uma vez limpa, ela se veste e retorna para Elliot e Ailynn que estavam sentados em silêncio próximos à forja. Azura então perguntava sobre a quantidade de marinheiros na ilha, e a ferreira respondia.

- Ahh, eles estão aqui há um tempo, desde que o comandante Winterfell botou tudo a perder. Agora a marinha tenta controlar a ilha, sendo que a maioria dos cidadãos não gosta muito da presença dos... cães. - A mulher não parecia ter uma opinião muito favorável aos marines, sendo parte dos cidadãos de quem ela mesma falava.

POST 17

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Azura V. Pendragon:
 

Considerações:
 
OFF:
 
XIII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por Milabbh em Qui 13 Ago 2020, 11:48, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Cabo
Cabo
Kenshin Himura

Créditos : 4
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyQua 12 Ago 2020, 17:35



Ailynn aceitava meu pedido para me ensinar a forjar, aquilo me deixava bem empolgada, ao ponto de esquecer o frio da cidade por alguns estantes, mas oque não era tão complicado de se esquecer, a casa da mulher era bastante aconchegante, sem falar da forja que emitia um calor convidativo. “Maravilha, assim poderei me tornar uma ferreira!” Pensava feliz com aquilo, não conhecia tantos ferreiros, além das grandes ferreiras de Amazon lily, a não ser pelo Garfield, mas nunca cheguei a ver um trabalho do mesmo para saber se era realmente bom.

“Será mesmo que aquele idiota realmente é um bom ferreiro?” A dúvida vinha a minha mente, mas não importava a resposta, pois eu estava para me tornar uma ferreira e sabia que as coisas que eu produzisse teria uma grande qualidade.

Assim que chegava na forja, o calor do lugar me deixava bastante confortável, mas não perdia tempo com aquilo, fazia tudo que Ailynn pedia, assim aprendendo a arte da forja, estava bem feliz e suja no final do processo, pois além de ser uma combatente, poderia agora produzir armas e armaduras que poderiam ajudar os meus amigos e irmãos da revolução.

Assim que terminava seguia em direção ao banheiro, para poder me limpar, e puta que pariu, a água parecia que estava vindo direto de uma geleira, era um choque bem grande, já que eu acabava de sair de um lugar bastante quente. Me acostumando com a água e limpando meu corpinho, me vinha a mente oque teria de fazer por agora, tinha aprendido forjar que era um dos meus principais objetivos ali. “Tenho de encontrar o comandante!” Estava traçado em minha mente, encontrar o comandante Winterfell seria a próxima coisa a se fazer, de la ele poderia me guiar no que tenho de fazer.

Assim que voltava para a forja já limpinha e cheirosinha, via Elliot e a ferreira sentados perto um do outro, era o momento de saber se ela era pró ao governo ou exército, então fazia uma pergunta bem simples que logo foi respondida pela mulher.

A resposta era bastante estranha, oque entendia era que o comandante tinha tentado algo e perdido, e agora com o efeito disso a marinha estava tentando comandar a ilha, isso era um problema, não tanto pela marinha, mas oque ela representa, não são eles que mandam, como a mulher mesmo disse, eles eram apenas os cachorros, e o seu dono estava manipulando tudo. Fazia sentido a ilha agora ser um ponto de reabastecimento para navios de escravos, a final o governo acha normal as pessoas serem donas de outras e não fazem nada para impedir isso. “Essa ilha tá com mais problemas do que eu esperava.”

- Entendo, não sou muito fã da marinha! Falaria me aproximando mais deles, a mulher parecia não ser muito favorável a nenhum dos dois lados, mas era melhor do que alguém que aprovasse os atos da marinha. - Não acho justo eles se apossarem do governo de uma ilha, já que eles deveriam ser um órgão que auxilia e não governa! Falaria tentando pegar mais empatia da mulher que tinha me ensinado.

- Não sei oque pode ter acontecido, mas estou em busca de respostas de tudo que acontece nas ilhas em que piso! Assim que tivesse próxima de Elliot faria carinho no mesmo. - Poderia me falar aonde posso encontrar esse tal de General Winterfell? Ou onde ele ou seu pessoal costuma ficar, a final toda história tem dois lados, oque custa ver o lado deles? Esperava que a mulher me falasse onde pudesse encontrar o pessoal.

Caso me falassem, ainda tinha um pedido a fazer, a pesar das minhas vestes serem de mangas longas, não era o bastante para poder conter todo aquele frio. - Poderia me arranjar alguma coisa que pudesse parar todo esse frio? Pago assim que tiver um pouco de dinheiro. Com um sorriso no rosto esperava que a mesma aceitasse o pedido.

Mas caso ela não me informasse o lugar que poderia encontrar os homens de winterfell, ou mesmo me emprestar algo para conter o frio, apenas sairia rumo a um bar, não existe lugar melhor para se conseguir informações do que num lugar cheio de bêbados. Com a resposta da mulher ou não sairia com Elliot para assim seguirmos nossos objetivos.

Historico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyQua 12 Ago 2020, 21:11



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

NARRAÇÃO - ARCO 1: PASSAGEM PELA ILHA DO RISO


Ferreiro - 12:00h

Com a aula de Ailynn, Azura agora sabia como forjar algumas coisas, que foram demostradas pela ferreira. Mas ao aprender tanto, não podia deixar de pensar em Garfield, seu companheiro, que também era um ferreiro.

Ao se lavar, Azura quase congela, a ilha de inverno tinha suas belezas, mas também tinha algumas inconveniências, e como tinha. Mesmo com o choque ela consegue terminar seu banho, e já se apressava em pensar no seu próximo passo.

Mas antes disso, precisava de ajuda, e se volta novamente para Ailynn, afim de conseguir. Com a resposta da mulher, ela conclui que Arstotzka só parecia ser pacífica, mas no fundo, o problema era extenso. Entre os atritos do governo e revolucionários, o povo se via no fogo cruzado, tentando viver normalmente. Com a desordem, oportunistas se aproveitavam, mas a ilha não deixava de ser bem protegida pela marinha.

As duas conversam por um tempo, e ao ouvir as palavras da revolucionária, Ailynn sorri com um olhar distante e responde.

- É, eu concordo, mas não vale a pena ficar remoendo, já fiz muito isso e não ajudou em nada. - Ela continua ouvindo o que a moça tem a dizer e diz. - Respostas né? Se achar me avisa hahaha. - Ela ria enquanto olhava Azura acariciar a orelha do mink, que envergonhado balançava a cauda. - Da última vez que ouvi, ele se escondia no Winterfell Quarters, um castelo abandonado no meio do nada, mas não sei como chegar lá, se eu tivesse que chutar, o velho Luis deve saber, ele é um revolucionário, acho que só eles sabem chegar la.

Com as palavras da ferreira, Azura tinha um novo objetivo, precisava encontrar esse tal de Luis, ou tentar a sorte sozinha, mas onde seria o castelo no meio do nada? Mesmo com suas respostas, ela ainda tinha um pedido, e quando ouvido pela proprietária do local, ela ri e diz.

- Parar o frio? Só se você saísse daqui, meu bem! hahahaha. - Ela sorri e bate no joelho, mas anda até um baú grande de madeira, remexe e tira algo de dentro. Ao retornar para Azura ela diz. - Toma, isso deve manter você mais quente, não precisa me pagar, foi de um velho amigo, ele esqueceu aqui e acabou morrendo, não preciso mais. - Ela entrega um poncho vermelho com bordados negros em suas barras, era longo para o tamanho de Azura e o tecido parecia pesado e bem quente.

Em posse de seu escudo contra o frio, seu fiel mink e as informações da ferreira, Azura sai pela porta, sentindo o frio congelante entrar mais uma vez no recinto, porém, agora ela estava mais preparada. Eles seguem para o bar, onde se sentam na primeira mesa vaga que acham. Foi lá que tudo retornou ao normal, estavam aquecidos e cercados de pessoas, mas elas olhavam para Elliot de maneira estranha, alguns com curiosidade, outros malícia.

- Toma, comida. - Diz Elliot entregando 15 mil Berries para Azura, provavelmente para que ela comprasse o almoço dos dois, já que ele percebia não ser bem vindo ali.

POST 18

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Azura V. Pendragon:
 

Considerações:
 
OFF:
 
XIII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por Milabbh em Qui 13 Ago 2020, 11:48, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Cabo
Cabo
Kenshin Himura

Créditos : 4
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyQua 12 Ago 2020, 22:52



A mulher parecia desacreditada com tudo aquilo e aceitava o destino que a ilha teve, mas enquanto eu estivesse viva não permitiria a existência de um estado totalitário na ilha. “Certamente são agentes da escuridão!” Pensava no que provavelmente a ilha estava enfrentando, mas mal tinha chegado e sabia que o lugar precisaria de muita ajuda.

Ailynn então falava que o general se escondia em um castelo abandonado, mas que não sabia como chegar lá, mas ao menos me dava o nome para que pudesse seguir caminho. “Velho Luis” Pensava ao escutar a mulher, já tinha a pessoa para poder ir atrás, agora restava seguir caminho, mas com aquele frio, as coisas ficariam mais difíceis.

Visto a dificuldade que me apresentava para com o frio, a ferreira me presenteava com um poncho pesado, que era de um amigo dela, talvez não fosse de grande coisa contra o frio da ilha, mas isso já quebraria bastante coisa. - Muito obrigada! Falaria colocando aquele grande pedaço de pano grosso e pesado, mas confortável e aconchegante.

Logo então nos despedimos da jovem ferreira agradecendo tudo que a mesma tinha feito por mim, a final eu era uma estranha que aparecera do nada pedindo para aprender a arte da forja. Assim que estávamos do lado de fora, sentia a temperatura do meu corpo caindo, o frio tomando conta, não na mesma intensidade que antes, graças ao poncho que a ferreira tinha me dado, mas, mesmo assim, um frio cortante, e quanto menos ficasse nas ruas seria melhor.

- Temos que encontrar esse castelo, e somente esse velho pode nos levar! Falaria em um tom no qual somente Eliot poderia escutar, mas era um fato, não poderia me arriscar ou arriscar a vida do mink em uma empreitada em terras no qual nunca estive antes, ainda mais um lugar de extremo frio que qualquer vacilo estaríamos mortos. “Talvez se o clima fosse outro!”

Andávamos pela cidade até encontrarmos um bar, o lugar parecia estar cheio, oque fazia a temperatura ficar bem agradável, sem muita dificuldade conseguíamos encontrar um lugar vazio no bar. Sentávamos, mas uma coisa que eu não deixava de perceber era como as pessoas não paravam de olhar para Elliot, ao menos não pareciam ser tão preconceituosos e sim curiosos, a final não era todo dia que se encontrava um mink. “Espero que essas olhadas não passem de curiosidade, ou vão ter problemas!” Pensava olhando de canto de olha para todos que encaravam o mink.

Não aceitaria discriminação, e diferente do dia anterior agora eu poderia lutar, e quem tentasse contra a vida do meu amigo encontraria meu sapato enfiando o mais fundo em seu cu. Mas independente se os olhares fossem de preconceito ou não, Elliot não parecia estar confortável com eles, me pedia para ir atrás de comida para nós. - Posso ir comprar sim, mas você não pode se acanhar por causa de alguns olhares, pois o mesmo direito que eles tem de estar aqui você também tem! Sorriria para o garoto passando a mão em sua cabeça.

Me levantaria da mesa indo em direção ao balcão, naquela altura até eu estava com fome, talvez um pouco de comida não faria mal, olharia oque tivesse no cardápio pedindo oque tivesse no valor que o mink havia me dado, assim que fizesse o pedido olharia para a pessoa que tivesse atrás do balcão e falaria. - Poderia me falar onde posso encontrar o velho Luis? Talvez o mesmo seja alguém bem comum no local, ou não, queria chamar a atenção de alguma forma, segundo as informações da ferreira, a marinha não era muito bem-vista na ilha talvez ali pudesse encontrar uma forma de encontrar com o exército revolucionário.

Assim esperava que o mesmo me falasse algo, mas caso o mesmo não falasse anda apenas pegaria meu pedido e voltaria para a mesa, onde poderia me deliciar com a iguaria, em seguida voltaria olhar a minha volta para poder ver se encontrava alguém que soubesse onde poderia estar o velho Luis.

Se encontrasse alguém suspeito, andaria em sua direção e ia direto ao ponto perguntando onde eu poderia encontrar o velho. Esperava que o mesmo soubesse, pois não queria perder muito tempo com isso, uma brincadeira de esconde-esconde.

Historico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyQui 13 Ago 2020, 01:23



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

NARRAÇÃO - ARCO 1: PASSAGEM PELA ILHA DO RISO


Taverna - 12:25h

Em seu âmago, Azura sabia o que causava aquele desequilíbrio na ilha, e ela precisava ajudar. A moça já tinha um nome e o local para procurar, só restava encontrá-lo.

A ferreira se despede com um aceno de sua mão, e um sorriso leve no rosto, talvez não fosse uma pessoa de muitos amigos, mas valorizava uma boa conversa. Azura procura abrigo rapidamente, ela realmente não estava acostumada à temperaturas tão hostis.

Com a exclamação da revolucionaria, o mink acena positivamente com a cabeça e pensa um pouco. O clima da ilha era sempre frio e tempestades de neve eram recorrentes, se acabassem perdidos, morreriam congelados ou de fome, precisavam mesmo de um guia, alguém que conhecesse a região e sua intempéries.

Finalmente abrigados novamente, eles se aquecem e olham em volta, realmente, os olhares aqui não passavam de curiosidade, alguns poderiam ser mais lascivos, mas ninguém tentava fazer nada. Azura também tinha um jeito peculiar de defender seus aliados, talvez as pessoas tivessem percebido, e por isso se contiveram.

O mink não havia sido tratado com carinho daquela forma em muito tempo, por isso ainda ficava envergonhado, mas já não se afastava mais e até achava verdade nas palavras de Azura, sentando normalmente, sem se curvar.

Ao chegar no balcão, um homem alto, loiro e gordinho a recebe, ele pede para que preparem o prato da moça e diz.

- Viajante eh? Não são muitos os que procuram o velho Luis, ainda mais com a marinha andando por ai. - Ele pega um pano e passa no copo em sua mão, limpando-o. - Ele costuma vir aqui por volta de 14h, é mais seguro almoçar depois do horário movimentado. Se quiser, pode esperar por aqui.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


O homem entrega um prato de comida para Azura, que o leva até sua mesa para comer com Elliot. Ela sabia onde encontrar o velho, agora era só aguardar enquanto saboreava uma deliciosa e quentinha refeição, que não parecia muito convidativa, mas o cheiro compensava muito.

POST 19

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Azura V. Pendragon:
 

Considerações:
 
OFF:
 
XIII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por Milabbh em Qui 13 Ago 2020, 11:50, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Cabo
Cabo
Kenshin Himura

Créditos : 4
Warn : Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 EmptyQui 13 Ago 2020, 03:03



Assim que chegava ao balcão, rapidamente era atendida pelo que parecia ser o taberneiro do local, um gorduchinho loiro que respondia minha pergunta na maior simpatia. E ele tinha acertado, era uma viajando, estava a pouco tempo na ilha, mas o mais importante ele me dava a resposta de como encontrar o velho Luis. “Bom não tenho muito oque fazer a não ser esperar!” Pensava agradecendo pela resposta do homem.

- Acho que ficarei um tempo aqui, melhor do que enfrentar o frio la fora! Falava quando o homem me trazia um prato com um enorme peixe, sinceramente não estava com a cara muito boa, parecia ter sido retirado de um lago de lama, mas em compensação o cheiro estava bem convidativo.

Retornava para a minha mesa colocando o prato no centro, olhava para Elliot e com um sorriso falava. - Pode comer, parece que vamos ficar aqui um tempinho até as coisas se acalmarem por aqui! Falaria olhando a minha volta.

Fazia sentido o velho apenas aparecer quando o bar estava com pouco movimento, a final a marinha estava ai na rua, oque era uma imagem bem preocupante para nós que eramos contra o governo. Enquanto analisava tudo a minha volta pegava um dos garfos retirando um pedaço do peixe, esperava que o gosto estivesse melhor do que a cara, retirava um pedaço colocando na boca e comendo um pouco da comida, não era muito fã de comer, mas era necessário para me manter com energia principalmente com aquele frio.

Não saberia quanto tempo ficaria ali, já que não era certo que o velho apareceria no horário falado pelo taberneiro, muito menos que ele apareceria naquele dia, não podia ficar parada ali esperando a sorte sorrir para mim. Então me levantava seguindo em direção ao balcão, me sentaria em algum dos bancos vazios do local e então chamaria pelo gordinho loiro.

- Enquanto espero, poderia me contar mais sobre essa ilha? Acabei de chegar de viagem e o lugar é muito bonito, queria saber mais da história daqui! Precisava entender muito mais do que estava acontecendo ali, para que assim que chegasse até o general Wander já estivesse com um conhecimento básico do lugar para poder ajudá-lo, e quem melhor para me falar do que um dos famosos taberneiros que escutam das mais diversas histórias, das épicas até aquelas duvidosas que somente os pescadores contam.

Escutaria oque o mesmo tinha a falar, isso é se o mesmo me respondesse, então ficaria alia té encontrar o velho, pediria para o taberneiro me indicar o Luis assim que ele aparecesse, pois não estava afim de perder tempo.

Historico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Conteúdo patrocinado




Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Arco 1: Passagem pela ilha do riso   Arco 1: Passagem pela ilha do riso - Página 4 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Arco 1: Passagem pela ilha do riso
Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Grand Line - Paradise (Paradaisu) :: Terralegre-
Ir para: