One Piece RPG
O Sapo Mágico - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» O Regresso do Anjo Torto
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Jean Fraga Hoje à(s) 22:10

» Kamui Arashi
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor MDarak Hoje à(s) 21:54

» The Lost Boy
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Madrinck Dale Hoje à(s) 21:52

» Hisoka Kurayami
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 21:48

» Kizumonogatari
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor yaTTo Hoje à(s) 21:29

» Vincent Kjellberg
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 21:28

» [MINI-*fxgabriell*] *Em busca de justiça*
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor fxgabriell Hoje à(s) 21:14

» Apresentação 4 ~ Falência Articulada
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor GM.Furry Hoje à(s) 20:36

» Supernova
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Shroud Hoje à(s) 18:48

» Do ferro ao aço
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Vincent Hoje à(s) 18:03

» 1º Cap: O começo de uma grande aventura
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Muffatu Hoje à(s) 17:53

» Cap. 2 - The Enemy Within
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor King Hoje à(s) 17:39

» As mil espadas - As mil aranhas
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor jonyorlando Hoje à(s) 17:06

» Unidos por um propósito menor
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Oni Hoje à(s) 16:49

» [MINI-Ballu] Um momento desesperador
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Shroud Hoje à(s) 15:16

» Green Alert! O imortal Renasce! Ressurreição dos Skull Moneys(Parte.1)
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Noah Hoje à(s) 15:14

» [MEP - Haqim]
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Haqim Hoje à(s) 14:36

» [Mini-Radamanto] One Piece - MEP
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Radamanto Hoje à(s) 14:28

» [Mini-Radamanto] One Piece
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Radamanto Hoje à(s) 14:19

» [Mini-Haqim] Maelstrom
O Sapo Mágico - Página 2 Emptypor Shroud Hoje à(s) 14:07



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 O Sapo Mágico

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 53
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 1ª Rota - Karakui

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptyQui 14 Maio 2020, 22:43

Relembrando a primeira mensagem :

O Sapo Mágico

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Kebara Oniguchi. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
CaraxDD
Membro
Membro


Data de inscrição : 03/02/2011

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySeg 25 Maio 2020, 07:14

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Como o esperado, a velha tinha realmente sido assaltada, porém só percebeu bem depois do fato ter acontecido. "Não vai dar pra ajudar a velha assim não." Kebara via os marines o encarando com desdém e apenas devolvia o olhar para eles. Aquele mesmo homem de antes voltava a falar e Kebara o ouvia enquanto passava ambas as mãos em seu chapéu como se estivesse coçando a cabeça.

- Aaaaaa... Eu fui roubado e você vai me dar bronca? Você podia ter me dito um caminho mais seguro, tio. Ou mandado um desses caras comigo. Não adianta só falar pra tomar cuidado. Olha olha... Vou ter que resolver isso eu mesmo? Essa proteção tá meio fraca. - Kebara comentava alfinetando os Marines ali presentes, mas sem perder sua compostura. Suas mão desciam de seu chapéu, ele guardaria o papel de procurado em seu paletó e dirigiria-se para o homem que parecia comandar tudo ali. - Esse Baco deve ser fodão mesmo, mas eu preciso do meu dinheiro de volta e a velha também. Eu vou me alistar e pegar aquele cara e minha carteira.- Kebara então andaria até a velha e perguntaria seu nome e endereço, tentando assegurar que iria encontrar a carteira dela e devolver.  

Agora Kebara tentaria ir novamente até a base da marinha, porém agora sem muitas preocupações, pois não tinha carteira para ser roubado mesmo. Caso conseguisse chegar, iria até algum balcão de informações ou alguém que pudesse o ajudar e diria. - Eu quero me tornar Agente do Governo. Eu preciso ajudar uma velha que foi roubada e pegar minha carteira de volta também. -

Na hipótese de não conseguir chegar até o quartel ele ficaria onde estava e conversaria com o marinheiro que estava ali com ele. - Eu tô tentando me tornar um agente para ajudar pessoas em situações como a minha e a da velha. Me ajuda a ajudar as pessoas. Me leve para me alistar. Kebara tentaria se aproximar do marinheiro usando o lado de proteger e servir que sabia que muitos marinheiros tinham, ou pelo menos deveriam ter.

Objetivos
Spoiler:
 


Histórico:
 

OFF
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
K1NG
Membro
Membro
K1NG

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 30/04/2020

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySeg 25 Maio 2020, 21:26




Sapo Mágico

Las Camp ~ 08:53 ~ 28º



Finalmente o rapaz colocava pra fora o que lhe afligia. A situação em que passou, talvez por falta de disciplina de certas pessoas, poderia ser bem pior. De fato, quando colocado os fatos frente a obrigação dos marinheiros ele tinha sim certa razão. O superior daqueles cinco soldados olhava com ultraje ao rapaz, parecia ter sido pessoalmente atacado pela ofensiva de respostas e argumentos, mas nada fazia, até então. Quando Kebara anunciava que queria se alistar ele então respondia: - Se não consegue cuidar de sua carteira como conseguiria cuidar da vida de alguém?

A rua continuava com a mesma movimentação típica antes do bairro industrial, poucas pessoas, que a este momento pareciam já ter chegado aos seus respectivos trabalhos, crianças, acompanhadas de algumas mulheres que as puxavam pelo braço e outros que entravam e saíam das lojas, uns com sacolas outros sem. Nada fora do comum. Por sinal a prefeitura parecia um pouco mais movimentada do que parecia ser o padrão. Um certo acumulo de pessoas na grande porta do prédio governamental, além de outras pessoas que transitavam dentro do prédio, demonstrando certa pressa. Era possível ver muitas coisas pelas janelas que estavam a cerca de oito metros de distância das paredes onde os soldados estavam. Era bem curioso marines estarem ali também, mas nada fora expressado.

Seguindo então caminho rumo ao quartel da marinha, com a convicção de se alistar especificamente no Governo Mundial, o garoto circense continuava seu trajeto. Ele poderia continuar pela rua onde estava, que seguiria pelo bairro industrial e pela movimentava avenida dos operários, poderia passar por de trás daquela avenida ou poderia tentar outro caminho diferente dos já tentados. Era notável que assim que ele se aproximasse do beco onde a senhora estava, a qual já não está mais, ele perceberia a presença de mais alguém. Era uma pessoa diferente, alta e com longos cachos que desciam até a base da escápula posterior. Era uma mulher morena com pequenas sardas nas bochechas e sobre o nariz, além de roupas bem sujas. Ela observava os cartazes, pegava um e caminhava na direção oposta do garoto com chapéu de sapo.

O soldado da marinha também observava a garota com atenção, e com apenas um olhar designava dois marines para seguirem-na. – Ela de novo? – Sussurrou um que se assustava com o olhar penetrante de seu superior.

Outro detalhe era que a avenida dos operários estava cada vez mais movimentada, alguns gritos saíam da aglomeração, mas depois o barulho habitual das máquinas e ferramentas voltava a "falar mais alto". Se o garoto quisesse passar por ali ele teria uma certa dificuldade, porém nada impossível. O grito era algo bem único, difícil de não ser notado. – PEGA LADRÃO! - Andando um pouco mais ele notaria o Quartel General da Marinha bem mais longe do que orientado pelo marine.

Histórico:
 

OFF:
 

NARRAÇÃO - V

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
POORS ARE THOSE WHO HAVE EYES BUT CANNOT SEE
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Membro
Membro
CaraxDD

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptyTer 26 Maio 2020, 03:38

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O capitão dos marinheiros presentes continuava com as grosserias, duvidando da capacidade de Kebara de proteger por ele ter sido roubado. "Talvez eu tenha vacilado mesmo, talvez tivesse com muita pressa de ir me alistar... Agh eu tenho que focar em algo, mas olha essas pessoas pra lá e pra cá... AAAAAAAAAAH" O garoto refletia enquanto observava toda a movimentação ao seu redor. Talvez algum evento fosse ocorrer, havia muita gente andando para lá e pra cá e a presença dos Marines era algo que o deixava pensativo, mas no geral relevou o assunto e seguiu seu rumo.

Próximo ao beco notava uma mulher diferente das pessoas ali presentes, parecia estar procurando algo, pegara então um cartaz e iria embora. Kebara percebia os Marine se movimentando para segui-la. Revirava os olhos ao imaginar que talvez algo interessante pudesse acontecer onde eles estavam indo, porém via as que o quartel da marinha era no lado oposto. Pensaria um pouco e então tentaria seguir os marinheiros curioso para saber o que estava acontecendo. Se conseguisse os seguiria até o final, caso abordado apenas disfarçaria e faria um caminho diferente alegando estar perdido. Se não fosse abordado por ninguém tentaria interagir com a garota. - Você sabe que tem gente te seguindo né? Eu inclusive. O que é esse cartaz aí na sua mão hein?

Caso não conseguisse seguir ninguém iria finalmente para o Quartel da Marinha seguindo a rua movimentada passando com dificuldade entre as pessoas e de certa forma ignorando os gritos alheios, como não conseguiu fazer nada com o ladrão de sua carteira, ele queria primeiramente conseguir recursos para ajudar os outros, senão nada aconteceria. Haviam tantas coisas acontecendo simultaneamente e o rapaz tinha um pouco de dificuldade em focar em qual acontecimento seguir. Ele tinha essa vontade enorme de se alistar, porém também perdeu o foco quando viu os Marines indo atrás da moça, ele queria saber mais.



Objetivos
Spoiler:
 


Histórico:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
K1NG
Membro
Membro
K1NG

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 30/04/2020

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptyQua 27 Maio 2020, 22:04




Sapo Mágico

Las Camp ~ 08:58 ~ 29º



Era cômico de certa forma ver como as direções em que Kebara caminhava eram bem diferentes entre si. Por um lado, era um verdadeiro inferno, várias pessoas. Um espaço minúsculo que milagrosamente comportava uma multidão, porém do outro lado ele caminhava tranquilamente, era uma verdadeira paz. Se houvesse um paraíso seria daquela forma. A diferença entre os caminhos era tanta que até mesmo o estilo e ambientação parecia ter mudado completamente, por alguns segundos alguém despercebido poderia imaginar estar em outro lugar. As casas muito luxuosas, além de pessoas com roupas de grife, todas com seus olhares muito elevados e de nariz em pé. Olhavam para o garoto como um pedinte.

Seguir a garota parecia ter sido uma escolha bem mais tranquila do que adentrar aqueles corpos suados e musculosos do bairro industrial. Eram cotovelos, punhos e mãos disputando um espaço entre a lama do chão muito mal asfaltado e os becos e calçadas imundos. Porém a moça, mesmo percebendo estar sendo seguida, por um olhar bem sugestivo ao jovem, ainda assim não demonstrava uma reação de medo ou surpresa. Quando ouviu então a voz do rapaz com chapéu de sapo respondeu no mesmo tom. – É, eu sei. – Pausou por um segundo. – E acho melhor você também não me seguir, não vai ficar nada bom para o seu lado. – Continuou respondendo, porém, sem parar de caminhar.

O caminho ao qual ela parecia ir dava a uma longa avenida que cruzava em uma rua ainda maior, porém, apertando bem os olhos, percebia-se que ela fechava em uma rua um pouco menor. Esta rua, mais estreita, dava em uma enorme mansão, digna de um rei.

Os marinheiros tentavam disfarçar sua presença, se escondiam entre as pessoas, porém eles mais pareciam chamar atenção do que despistá-la. Se entre olhavam antes de se aproximar, e em questão se segundos, já estavam apertando o passo quanto a dupla de “pega cartazes”.

- Olha, eu realmente não quero te meter em nada disso. – Disse com uma voz mais dramática. – Eu vi o que aconteceu mais cedo, roubaram sua carteira, não foi? – Indagou, mas seu tom de voz não demonstrava nenhuma dúvida e sim certeza. Ela já sabia a resposta. – Estou indo para onde esse cara do cartaz mora, vou acabar com esse joguinho sujo dele. – Exclamou com um olhar bem profundo e penetrante. – A escolha é sua, não garanto que saía ileso... ou vivo... – Alertou sobre o perigo de vida. – Vai vir ou não?

Histórico:
 

NARRAÇÃO - VI

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
POORS ARE THOSE WHO HAVE EYES BUT CANNOT SEE
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Membro
Membro
CaraxDD

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySex 29 Maio 2020, 05:47

[quote="CaraxDD"]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Kebara observava a sua companheira de caminhada enquanto apenas assentia com a cabeça confirmando que continuaria a acompanha-la - Eu já tô aqui contigo mesmo, agora não quero parar não. Eu vou ter que pedir para esse carinha devolver minha carteira. Como pode alguém pegar coisas dos outros sem pedir né?! Seu comentário era em um tom tranquilo, mudando apenas um pouco ao ironizar o fato de alguém roubar algo, afinal, não muito tempo atrás aquela era sua função. - Corram Marine-senpais... Vocês estão devagar demais Debochava também dos marines que ainda sofriam para acompanhar os dois.


"Perigoso ou não perigoso eu preciso da minha carteira e essa mulher parece saber das coisas... Sinceramente aqueles marinheiros foram inúteis até agora." O rapaz pensava enquanto observava o caminho que estavam indo, reparava a mansão lá longe e se questionava. "O que diabos estamos fazendo indo pra esse lado? É tudo muito tranquilo... e aquela mansão... Estranho" Não era apenas desconfiança, era um pouco de dúvida, afinal o que essa mulher queria com o bandido e como ela sabia onde ele estaria.

- Pela forma que os marinheiros falaram você já tá nesse vai e vem há um tempo. O que você quer com esse cara? Pessoas querendo se vingar não se enrolam tanto não... Pelo menos não de onde eu venho. - Kebara achou pertinente questionar, afinal era uma situação estranha mesmo.- Se eu morrer, põe meu nome na tumba... É Kebara... E você é? Ele falava em tom de brincadeira, mas com olhar sério, apenas para ver se havia alguma redação da garota. Continuaria à seguir o caminho com ela.


Objetivos
Spoiler:
 


Histórico:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
K1NG
Membro
Membro
K1NG

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 30/04/2020

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySex 29 Maio 2020, 20:11




Sapo Mágico

Las Camp ~ 09:07 ~ 29º



As perguntas em um tom infantil despertavam um certo interesse dela nos objetivos do rapaz. Quem sabe ela poderia ser uma peça fundamental na recuperação de seu dinheiro e, principalmente, admissão no Governo Mundial. O quadro geral da disposição dos fatos poderia ser considerado bem amplo, ele tinha possibilidade de realizar várias coisas, caminhos bem diferentes inclusive, mas seu foco era a resolução daquele problema que, como pode perceber, não era algo pessoal, mas sim era de calamidade pública, por assim dizer.

A moça observava e acenava com a cabeça, ela não tirava os olhos por um segundo dos olhos de Kebara. – Hum... acho que você pode me chamar de Kiara. – Respondeu com seriedade. – Eu quero algo muito importante que ele roubou de mim. – Aquelas palavras tinham grande peso para ela. Kiara percebia a presença dos marines, mas ainda os ignorava. Seus passos começavam a aumentar à medida que se aproximavam da mansão.

As ruas tomavam proporções muito maiores e mais diferentes. Lojas de bens e artigos decorativos eram dispostas pelos dois lados da rua, era notável como tais mobílias e itens domésticos demonstravam um ar de realeza e superioridade. Eram vasos com ilustrações angelicais, além de grandes quadros pintados com ambientes e panoramas bem detalhados e realísticos. Eram verdadeiras obras de arte! O preço era algo que chamava muito a atenção, apenas um vaso ornamental de plantas custava trezentos mil berries. – Isso é lamentável... – Disse Kiara sem perceber.

Os marines estavam cada vez mais próximos e continuavam tentando se esconder, entravam em lojas, conversavam com alguns transeuntes, mas nunca tiravam os olhos da dupla. Suas vestes despertavam também a curiosidade de alguns. Não foi difícil para Kebara ouvir de algum lugar: "O que a marinha está fazendo aqui? Está acontecendo alguma coisa?"

Finalmente a mansão estava à frente deles. E ela definitivamente bela e imponente! Era grande e sua aparência demonstrava poder. Isso não era normal. Poucas pessoas passavam em frente a ela, mas todos os que o faziam não deixavam de ficar admirados com a mesma. A construção era definitivamente de alguém bem importante. As paredes completamente brancas com treliças e trepadeiras subindo em suas laterais, se encontrando com as telhas coloniais cinza escuro. Um jardim enorme, com diversos tipos de flores e arvores frutíferas, e um pequeno poço, também decorado com alguns arcos floridos. Um delicado caminho de pequenas pedras cortava o jardim ao centro, indo em direção a porta principal da casa. A mansão tinha três andares, com duas janelas no primeiro andar, três no segundo e apenas uma no terceiro. A base da parede era construída de madeira, com detalhes desenhados que pareciam ser feitos a mão. Ao longe uma criança brincava com alguma coisa no jardim, acompanhada de uma mulher que a observava com um sorriso contente.

- Tsc... – Cuspiu Kiara enquanto caminhava frente a construção. – Ele está lá dentro, deve estar planejando seus próximos golpes. – Anunciou ela. – Nossa única chance é entrar pelos fundos, porém a casa é muito bem vigiada. – Alertou com o dedo erguido. – Você é bom em se esconder?

Histórico:
 

NARRAÇÃO - VII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
POORS ARE THOSE WHO HAVE EYES BUT CANNOT SEE
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Membro
Membro
CaraxDD

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySab 30 Maio 2020, 02:03

Frog Boy
- Kebara e Kiara... KeKi... hmmm Gostei O rapaz falava em um tom de infantil ao ouvir o nome da mulher misteriosa. - Opa opa... Era caro o que ele te roubou? Você me empresta?- Tinha noção de como era sério o assunto da garota, mas mesmo assim fazia comentários aleatórios, podia até não estar agradando a garota, mas ele adorava.

Kebara acompanhava o ritmo de Kiara enquanto olhava para toda aquela riqueza ao seu redor. "Esse cara mora por aqui? Mas é tanta riqueza... Hmmm... Meus pais adorariam abrir o circo nessa cidade... Olha quantos lugares pra saquear. OPA OPA, Agente da Governo não deve pensar assim ou deve?" Os pensamentos como sempre viviam indo para lá e para cá, porém, a dúvida de seu destino continuava. Kiara murmurava algo ao ver os valores das coisas ao redor. Kebara apenas assentia com a cabeça novamente, tentando empatizar com a garota de alguma forma.

"É o que estou me perguntando também... O que a marinha está fazendo aqui? Pra que seguir uma mulher aleatória? Será que aqui mora aquele cara que o orelhudo falou? Enfim, agora já tô aqui, veremos."

Kebara questionava-se após ouvir o comentário sobre a presença da marinha, era realmente algo incomum. Se eles patrulhassem todo tipo de movimento suspeito em todas as ilhas, sua família não conseguiria ter feito tantos saques como já fez. Algo de estranho estava acontecendo.

- Caraca, você realmente não gosta daqui hein, Kiki-chan - Comentava o rapaz sobre a reação de Kiara ao chegar na mansão.- Olha... Digamos que essa é uma de minhas especialidades... Kebara responderia a dúvida da garota com uma demonstração de suas habilidades circenses, sua respiração era ainda mais curta, seus movimentos não faziam barulho algum, para demonstrar o quão silencioso ele era, Kebara daria um mortal e pousaria fazendo o mínimo de som possível e como dedão levantado fazendo sinal de positivo. Fazia isso também para mostrar que sua movimentação não era restrita por causa de seu chapéu inusitado, na verdade, todos seus movimentos eram com o chapéu em consideração, ele realmente considerava aquele sapo como uma extensão de seu corpo. O rapaz agora coçava novamente a cabeça do sapo e sussurrava. - Faça as honras. Kebara seguiria Kiara fazendo o máximo de silêncio possível e utilizaria de seus dons acrobáticos para conseguir facilitar a movimentação em áreas mais difíceis.
.jup




Objetivos
Spoiler:
 


Histórico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
K1NG
Membro
Membro
K1NG

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 30/04/2020

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySeg 01 Jun 2020, 08:17




Sapo Mágico

Las Camp ~ 09:10 ~ 28º



Visto que seria relativamente fácil para a dupla adentrar a mansão, caso contassem apenas com suas habilidades brutas, eles poderiam começar a árdua missão de invadir o local. Kiara observava com mais atenção ao muro e grades, conseguia identificar um ponto mais afastado e bem menos movimentado onde poderia ser usado para a invasão. Seria então fato de que eles dessem a volta na mansão e adentrasse pelo caminho identificado. Outra coisa era que a movimentação da moça havia mudado completamente, antes ela caminhava de um modo que transmitia uma sensação de pressa ou ansiedade, mas agora ela estava completamente despreocupada, apenas se atentando a evitar deixar rastros ou chamar atenção.

Os marinheiros que seguiam a dupla não estavam mais lá, inclusive o local onde eles foram vistos por último estava bem mais movimentado do que anteriormente. Curioso. Algumas lojas já encerravam os serviços daquele dia, mesmo as com muitos clientes, outras começavam a trabalhar de portas fechadas. De fato, aquilo não era nada comum. O movimento de certas partes das ruas também não era mais o mesmo, ainda que em partes específicas o fluxo de pessoas tenha aumentado o caminho pelo qual a dupla de gatunos veio estava bem mais vazio.

O caminho, visto pela parte de trás da casa, já começava a se configurar em algumas partes em que eles teriam de passar. O primeiro e mais óbvio era passar pela presença da mulher com a criança no jardim, visto pelos fundos eles tinham um campo de visão bem maior, porém a própria vegetação os ajudava. Algumas árvores e pequenas construções de jardinagem eram um ótimo recurso para esconder sua presença. Não muito longe havia uma porta, aberta, que levava a uma escada. O interior da casa, visto deste ângulo, não era muito visível, apenas a escada.

O jardim da parte de trás da mansão era composto por três grandes campos de flores, um campo de rosas vermelhas, outro de tulipas e mais outro com lírios e dente-de-leão. Era realmente muito bonito de se ver. Dois caminhos de pedras quadriculadas cortava os três campos de flores em direção a pequena varanda da casa. Havia uma pequena mesa metálica com duas cadeiras, um jarro vazio e uma pequena escultura de barro com o busto de alguém.

- Vamos! – Sussurrou a moça, que começava a se esconder entre o muro, grades e árvores, caminhando com passos leves e praticamente inaudíveis. Se Kebara não estivesse vendo Kiara provavelmente não saberia que ela estava ali.

Histórico:
 

OFF:
 

NARRAÇÃO - VIII

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
POORS ARE THOSE WHO HAVE EYES BUT CANNOT SEE
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Membro
Membro
CaraxDD

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptyTer 02 Jun 2020, 05:35


Frog Boy

A mudança de Kiara era algo interessante, toda aquela pressão vinda da garota não era mais sentida por Kebara, agora parecia estar acompanhando uma pessoa totalmente diferente.  Outra coisa diferente que chamou a atenção de Kebara por alguns segundos foi o sumiço dos marinheiros, eles estavam com bastante pressa antes e agora simplesmente sumiram, não só ele como também as pessoas que estavam passando na rua, porém Kebara deu de ombros, afinal estava fazendo algo que julgava mais importante, pegando sua carteira de volta.

Ao ouvir Kiara o chamando Kebara à seguiria pelo caminho tentando dar os mesmos passos que ela, tomando bastantee cuidado para não ser notado. Tentaria também no caminho pegar uma ou duas pedras pequenas, não seriam para se armar, mas sim para utilizar de distração caso alguém os visse, assim jogaria as pedras para o lado oposto. Caso não fossem encontrados continuaria com as pedras no bolso de seu casaco.

O caminho era muito bonito e diversificado, porém não era hora de prestar atenção na beleza do caminho, mas sim nos possíveis obstáculos, faria o máximo de esforço para não mudar a configuração de nada lá, evitando esbarras nas flores, principalmente dentes de leão e caso chegasse na mesa tomaria cuidado com o vaso e as cadeiras também. Se conseguissem chegar até a porta, Kebara esperaria a entrada de Kiara por alguns segundos e em seguida entraria também, assim caso houvesse apenas um pequeno espaço para esconder-se dentro da casa eles não se atrapalhariam.
.jup




Objetivos
Spoiler:
 


Histórico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
K1NG
Membro
Membro
K1NG

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 30/04/2020

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptyQua 03 Jun 2020, 11:40




Sapo Mágico

Las Camp ~ 09:12 ~ 28º



A primeira parte da invasão fora relativamente fácil. O garoto circense conseguia não chamar a atenção da mulher com a criança logo mais ao lado do jardim, assim como não interferir nem deixar rastros de seus passos e presença no ambiente. Eles se moviam como sombras, mesmo a luz do dia. E era incrível ver como Kiara fazia isso com tanta naturalidade, ela nem mesmo se esforçava em tentar se esconder, como se já fosse parte dela caminhar sem ser percebida. O mesmo poderia ser dito de Kebara, que também tinha grande experiência na furtividade, e era isso o que ele colocava em ação.

Passando pelo jardim eles conseguiam alcançar o segundo estágio da invasão, a grande cozinha. Antes mesmo, na varanda, ele percebia que seus passos já faziam um certo barulho, pelo piso ser de madeira, então era lógico que adentrar a casa também teria este problema. A varanda, que tinha aquele busto esculpido, também revelava ter mais algumas coisas sobre a mesa que pela distância não foram vistos. Vários jornas e cartazes de procurados, inclusive o cartaz em que Kebara havia pego e estava rasgado. O rosto visto era de uma pessoa bem... comum, por assim dizer, porém o que mais chamava a atenção era o “apenas morto” sob o nome Baco.

A cozinha não havia nada de extraordinário. Uma grande mesa com várias cadeiras, um enorme armário pregado na parede e outros acompanhando a larga pia. Pequenos tapetes em frente a pia e fogão e algumas cestas de frutas dispostas pela bancada. Logo no centro da mesa um grande pano de prato bordado e decorado com vários pássaros, na parede duas ou três fotos de Baco com uma mulher e uma criança, além de uma belíssima pintura de uma paisagem oceânica. Tudo isso abrigando três brutamontes, que estavam conversando. – Será que o time Chamas de Dawn ganha do Dragões de Yotsuba amanhã? – Perguntava um enquanto descascava uma laranja. – Sei não, aquele defensor do Yotsuba consegue parar todo mundo... – Respondeu outro que lavava as mãos na pia. – É bom que o Chamas de Dawn perca! Eu apostei pesado no Yotsuba! Hahahah – Exclamou outro. Eles pareciam estar bem despreocupados.

Logo a frente da porta da entrada da cozinha, talvez dois ou três metros de distância, havia uma escada que levava ao andar superior, que também não era de se ver muitas coisas. Porém o foco da dupla deveria ser em passar da cozinha, afinal, qualquer barulho poderia chamar a atenção daqueles homens, que pelo tamanho e cicatrizes pelo corpo pareciam não ser muito agradáveis de se lidar, ainda mais sendo invasores.

Histórico:
 

OFF:
 

NARRAÇÃO - IX

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
POORS ARE THOSE WHO HAVE EYES BUT CANNOT SEE
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Membro
Membro
CaraxDD

Créditos : 8
Warn : O Sapo Mágico - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 EmptySex 05 Jun 2020, 04:01


Frog Boy

Kebara sentia-se mais investido ao perceber que sua parceira conseguia esconder sua presença com tanta facilidade. "Meu pai iria adorar recrutar ela. Ela faz isso com uma naturalidade" Kebara divagava enquanto seguiam até a varanda. Ao ver os cartazes de Baco, Kebara virou a cabeça mostrando um pouco de confusão. "Esse velho é o tão perigoso Baco? Será que ele que ficou com minha carteia? Velho safado".

A cozinha era bem coisa de velho mesmo, cheia de frescura de pano de prato na mesa, todo o ambiente cheirava à velho, afinal tudo aquilo era muito "família tradicional" e isso deixava Kebara entediado, afinal, ele vinha de uma família um tanto quanto peculiar. Sem contar que sempre que ele participava dos furtos, ele procurava as casas mais diferentes para assaltar. O som que o chão fazia poderia acabar entregando a dupla para aqueles 3 brutamontes batendo papo, então eles deveriam encontrar uma forma de atravessar o local sem serem notados.

A primeira ideia de Kebara seria tirar seus sapatos, pois assim o barulho feito iria diminuir consideravelmente, os tiraria em silêncio ali onde estava mesmo, sinalizando para Kiara fazer o mesmo. Faria isso rápido, e ao retirar os sapatos os colocaria nas mãos como se fosse luvas. Agora era o momento de paciência, esperaria junto de Kiara o momento mais oportuno para cruzar para o outro cômodo. Faria isso dando passos longos e evitando pisar com o pé todo no chão, seriam passos bem específicos para evitar qualquer tipo de som. Caso conseguissem cruzar até o outro cômodo, procuraria um ponto de vantagem de onde conseguisse ver todas as saídas e entradas do cômodo, para que assim evitassem ser pegos de surpresa.

Se fossem ouvidos, Kebara jogaria seus sapatos para o andar de cima, para que assim o som mais alto viesse de outro andar, usando da distração para tentarem esconder-se mais rápido. Se por algum motivos fossem vistos a melhor ideia era agir naturalmente, como se estivessem ali como convidados. Kebara se apresentaria como mágico e diria ser contratado por alguém para fazer mágica para a criança, esperaria que Kiara fizesse parte da mentira o ajudando a completar partes da história com informações que ela tivesse. Se questionados o motivo dos sapatos nas mãos, soltaria apenas um pequeno comentário sobre ser algo cultural não pisar no chão da casa dos outros. Kebara de qualquer forma tentaria evitar qualquer tipo de hostilidade, afinal, não sabia onde estava se metendo, porém acreditava que conseguiria passar em silêncio.
.jup




Objetivos
Spoiler:
 


Histórico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




O Sapo Mágico - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: O Sapo Mágico   O Sapo Mágico - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O Sapo Mágico
Voltar ao Topo 
Página 2 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: West Blue :: Las Camp-
Ir para: