One Piece RPG
Natureza Médica - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Unidos por um propósito maior
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Muffatu Hoje à(s) 18:10

» Busca Implacável
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Gyatho Hoje à(s) 17:08

» [MEP - Kuroper]
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Kuroper Hoje à(s) 15:16

» [Mini-Kuroper] Começo da Jornada
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Kuroper Hoje à(s) 15:12

» Mini - Themis
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Themis Hoje à(s) 14:29

» Vamos nos aventurar! Anjinhas me aguardem...
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Pippos Hoje à(s) 13:52

» The Claw
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Achiles Hoje à(s) 12:31

» Gregory Ross
Natureza Médica - Página 2 Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 11:43

» Xeque - Mate - Parte 1
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Jacob Allan Hoje à(s) 7:19

» [LB] O Florescer de Utopia III
Natureza Médica - Página 2 Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 4:06

» Hello darkness my old friend...
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Alek Hoje à(s) 4:03

» Rumo à Grand Line?
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 4:02

» The Victory Promise
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Akise Hoje à(s) 3:00

» VI - Seek & Destroy
Natureza Médica - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 1:56

» What do You do For Money Honey
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Lancelot Hoje à(s) 0:46

» O início da pesquisa.
Natureza Médica - Página 2 Emptypor BlackHole99 Ontem à(s) 23:18

» Island End! Goodbye Utopia!
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Wander Ontem à(s) 19:49

» III ~ Uma Loira na Ilha das Aranhas?
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Noelle Ontem à(s) 19:40

» Kizumonogatari
Natureza Médica - Página 2 Emptypor yaTTo Ontem à(s) 18:36

» [MINI-*TheKnightWhoSayNi*] *A Grande Decisão*
Natureza Médica - Página 2 Emptypor Shroud Ontem à(s) 17:26



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Natureza Médica

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 53
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 1ª Rota - Karakui

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySeg 23 Mar - 16:58

Relembrando a primeira mensagem :

Natureza Médica

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Shiroishi Raghu. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Raghu
Designer
Designer


Data de inscrição : 07/03/2015

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptyQua 15 Abr - 7:08




Natureza Médica

- Oi tio! Meu nome é Tom.. Tom Hignoshika. Estou tossindo bastante sim tio. Mas não sai nada não. Também … A… A…. AAAA…. TCHIMM!! Também tem espirro… A cabeça tá doendo aqui ó. – O pequeno Tom mostra a testa. – E é isso tio. Não tem mais nada para contar não tio. Ah! Ontem teve brócoli no almoço! Foi um dia super legal! Mas a gente não pode brincar… Porque estamos dodói…Aí a gente fica na creche.

Ouviria as respostas do jovem Tom com atenção, tentando sempre passar confiança para a criança. Chegaria no fim a conclusão já esperada. De fato, era bem provável que estaria lidando com Sarampo àquela altura e, portanto, as recomendações dadas à senhora estavam corretas, apenas me atentaria à dor de cabeça relatada, questionando a existências de remédios para isso.
Respiraria fundo após estas e seus questionamentos a respeito das crianças, aguardando pacientemente uma resposta. Temi ter sido grosseiro mas a postura e, principalmente, a resposta de Etah mostraram que ela não havia sido afetada.

- Elas estão aqui há mais ou menos dois dias, desde quando começou o surto. – Disse a velha, me fazendo levar a mão até o queixo com o indicador levemente levantado cobrindo os lábios. - Os pais sabem que aqui no fundo é uma creche. A entrada é em outro local, passamos pela porta dos fundos. – Suspiraria aliviado com essa fala, abaixando o braço e abrindo um sorriso para ela. - Peço só que ajude os pequenos. Os pais vem buscá-los após o expediente. Ao menos 10 deles… Tenho 2 órfãos que cuido por aqui...

Convencido, levaria a mão direita até o mesmo lado do peito, fechando rapidamente o semblante para demonstrar seriedade. Com os olhos cerrados e os lábios secos, prometeria seus serviços, dessa vez de forma mais sucinta.

- Eu prometo que cuidarei delas. Aceitarei de bom grado me hospedar aqui, se você não se importar.

Ouvir o agradecimento prévio das crianças encheu meu coração de felicidade e, finalmente, da certeza de que estava fazendo a coisa certa após tanto tempo. Anotaria mentalmente os últimos recados da senhora antes dela ir embora, voltando minhas atenções mais uma vez para as crianças.

- Muito bem, estou aqui para vocês sempre que precisarem de qualquer coisa, ok? Algum de vocês sente algo diferente do que eu perguntei para o Tom? Ou está com alguma daqueles sintomas incomodando mais do que o coleguinha? Uma tosse bem forte, por exemplo.

Talvez antes que pudesse ter uma resposta notaria uma nova criança vindo pela entrada junto com a jovem garota que encontrei mais cedo. De feições fracas e mal se aguentando de pé não demorou muito para que ele caísse no chão, o que em fez praticamente correr em sua direção. Abaixaria ao seu lado, levantaria gentilmente suas costas e apoiando-as em sua perna esquerda, buscaria tocar seu peito com a mão direita para conferir sua respiração e, em seguida, procuraria tocar partes específicas de seu corpo para tentar encontrar outros possíveis sintomas.

- Eu estava dando banho nele, sabe? E ele começou a ficar mais e mais mole… E agora??

- O banho estava quente?! – Ignoraria as perguntas sobre o futuro da criança.

Caso a resposta fosse positiva e tivesse sentido uma febre alta vinda do garoto, removeria o excesso de roupas do mesmo, mantendo-o com apenas o suficiente para não causar constrangimentos à criança. – Traga-me uma toalha molhada em água fria, por favor. – Pediria para a garota. Precisando aguardar ou não o pegaria no colo e passaria o olho por todo aquele local, procurando uma janela, de preferência aberta, ou um local onde julgasse ser mais arejado que o restante do cômodo e o levaria para a cama mais próxima daquele ponto, pedindo licença caso estivesse ocupada. Colocaria a toalha molhada, sobrada, sobre sua testa para ajudar a diminuir a temperatura. Mesmo se a febre não estivesse elevadíssima, faria este procedimento, com exceção da toalha.

- O que você está sentindo, garotão? - Buscaria atrair sua atenção, para que se mantivesse acordado e lúcido tanto quanto o possível.

Daria os primeiros socorros ao garoto de acordo com a sua experiência e da possível resposta dele, tentaria examina-lo em seguida, porém a ideia de que a criança estivesse com outra enfermidade além de sarampo estaria crescendo em minha cabeça.

- Sabe me dizer se ele teve contato com alguma outra coisa? – Perguntaria para a mulher. – Ou se ele tem algum histórico de doenças na família? – Buscaria qualquer informação que facilitasse o meu diagnóstico, mas no fim, confiaria muito mais nas minhas habilidades médicas durante o exame.



Objetivos:
 

Status da Aventura:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Muffatu
Narrador
Narrador
Muffatu

Créditos : 14
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Data de inscrição : 04/02/2020

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptyQui 16 Abr - 22:37

Muffatu Presents:

Um diagnóstico complicado...




- Não, ele estava tomando banho em água morna para fria.

Ela ajudava como podia, foi buscar a toalha molhada para o doutor para ajudar a diminuir a febre do garoto, o que mostrava certo efeito, mas parecia que não seria uma solução definitiva.

Tentar manter o garoto acordado era uma boa tática, mas é conhecido pelos médicos que uma síncope nessa idade é algo relativamente comum. O que pode levar a esse caso é um estresse excessivo, ou um aumento repentino de pressão ou temperatura. Pode ser que algo o tenha assustado e por isso acabou ficando dessa maneira. Enfim, mil dignósticos podem ser tomados a partir de um só sintoma. Além da síncope a hipertermia. Dois pontos importantes, com o paciente acordado é mais fácil lidar com a situação, certo?

Porém apesar dos esforços o menino parecia estar de fato perdendo consciência, talvez por uma fraqueza em seu ser? Não era possível saber. Os olhos não estavam tão vermelhos, mas Raghu poderia perceber que o menino respirava com dificuldade.


- Não sei Raghu. Ele só teve contato com as crianças mesmo… E não sei de histórico na família. Os pais dele são pescadores, então ficam pouco por aqui… O que mais precisa? Como te ajudo?

O relógio no alto do corredor já mostrava 18:00, um som clássico de gongo era escutado vindo de dentro do relógio, o tic tac parecia mais acelerado. O tempo corria e a vida do menino ia junto. O que faria o nosso médico para ajudar o menino e tentar contornar a situação? Será que terá salvação?

bichaelson


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


“Aventuras”:
 


Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Raghu
Designer
Designer
Raghu

Créditos : 3
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 07/03/2015
Idade : 24
Localização : Limbo

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySab 18 Abr - 7:42




Natureza Médica

Em uma mistura de calma e aflição, se é que isso é possível, ouviria os relatos da mulher enquanto examinava a criança doente que agora já tinha a toalha sobre sua cabeça em uma tentativa de amenizar a febre.
Felizmente o meu temperamento calmo tomaria o controle de meus pensamentos e sentimentos, mantendo-me focado para encontrar a melhor opção do garoto. Imaginava mil situações que poderiam ter causado o problema, a informação de uma família pescadora, no entanto, me trouxe a memória um rapaz pescador que morreu no navio de uma de minhas viagens com uma certa condição causada, naquela situação, por uma mudança brusca de pressão, os sintomas eram ligeiramente parecidos e talvez valesse a tentativa.

- Talvez... Barotrauma pulmonar? Mas é um chute distante... Se for o caso, a não ser que evolua para algo pior, ele precisa de oxigênio. – Coçaria o queixo. – Vocês por acaso não teriam um respirador ou algo assim por aqui, não é? – Já imaginava uma resposta negativa e apenas aceitaria se fosse o caso, questionando algo diferente em seguida. - Em que lugar da cidade eu posso conseguir um?

Caso, por algum milagre, existisse um respirador para administrar oxigênio para o garoto, pediria que a garota trouxesse até lá e então faria os procedimentos necessários para aplica-lo à criança.
Usaria de todo o seu conhecimento em diagnose para checar o garoto de tempo em tempo para encontrar novos sintomas e/ou desvendar o que seria a possível doença.
Por fim, novamente insistiria em remédios, tentando buscar qualquer coisa que estivesse ao alcance para ter o mínimo de chances de salvar aquele garoto.

- Remédios! Onde eles ficam? Preciso ver se tem algo para ajudá-lo. A possibilidade de não ser Barotrauma é altíssima e preciso estar apto para pensar em novas soluções o mais rápido possível.

Em caso de resposta positiva, pediria para que ela o acompanhasse até o local e, ao chegar lá, observaria todos os rótulos e escolheria cautelosamente tudo o que o seu conhecimento em medicina e diagnose julgaria útil para tal situação. Em seguida voltaria para a sala com a criança enquanto não conseguia novas ideias. Se não houvesse um respirador ali porém em algum lugar da cidade fosse possível conseguir um, começaria a pensar se valeria ou não a pena ir atrás disso por um chute inicial no diagnóstico.
O tempo estava correndo e a vida da criança talvez se esgotasse a cada segundo perdido. Tinha que encontrar uma solução logo!



Extras:
 

Objetivos:
 

Status da Aventura:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] -

- Fala
"Pensamento"
- Fala / "Lembrança de fala" de terceiros



Voltar ao Topo Ir em baixo
Muffatu
Narrador
Narrador
Muffatu

Créditos : 14
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Data de inscrição : 04/02/2020

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptyTer 21 Abr - 19:02

Muffatu Presents:

Um diagnóstico complicado...




A mulher olha para Raghu sem conseguir entender.

- Respirador? Não....Somos muitas coisas aqui, hospital não...

O médico fazia os seus procedimentos tentando salvar o garoto, tentando descobrir que enfermidade tomava aquele corpo juvenil. O que estaria afligindo pequena e delicada criatura? Seria um vírus? Seria uma bactéria? Seria uma infecção ou algo do gênero?

Raghu poderia perceber que seu paciente tinha um aumento de seus linfonodos sublinguais, isso certamente significaria um problema no trato respiratório superior o que significa que poderia ser qualquer uma das vias, seja nariz, laringe, faringe.. O que poderia ser? E como nosso médico iria lidar com essa situação?

Pensando nisso, o médico questiona sobre os medicamentos e rapidamente é levado até uma sala onde há algumas caixas, o que inclui equipamentos de primeiros socorros e medicamentos diversos. Ali ele poderia encontrar antibiótiocos e remédios para febre e tosse, mas seria o suficiente?


bichaelson

[/color]

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


“Aventuras”:
 


Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Raghu
Designer
Designer
Raghu

Créditos : 3
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 07/03/2015
Idade : 24
Localização : Limbo

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySex 24 Abr - 5:19




Natureza Médica

- Eu já imaginava, me desculpe por perguntar. – De fato não era estranho a falta de respiradores ali.

Tendo ido até os remédios, me deparei com algumas coisas que, por mais que não fossem solução, poderiam amenizar alguns dos sintomas do garoto e, por isso, acabaria pegando antibióticos e, principalmente, os remédios para febre e tosse.

- Poderia conseguir água para que que eu administre o medicamento? – Perguntaria à mulher. – Irei voltar para lá enquanto isso.

Após o pedido, faria o que foi dito e me dirigiria de volta para a cama onde o garoto repousava. Aguardaria de forma impaciente pela água e, se esta chegasse, administraria os remédios de febre e tosse para a criança, reservando o de antibiótico para futuros sintomas, sejam estes novos ou uma piora dos atuais.

- Acredito que não podemos fazer muita coisa além de deixa-lo em repouso. Por enquanto irei acompanha-lo de perto, mas nosso foco deve ser no Sarampo.

Apesar das palavras, tentaria analisar mentalmente todos os sintomas do garoto mais uma vez, buscando alguma das doenças que conheço para encaixa-la em um diagnóstico mais preciso. Evitar qualquer destino trágico para todas aquelas crianças era o meu maior objetivo no momento.
Além disso, precisaria dar um jeito com a Vitamina para o tratamento do Sarampo. Por mais que não exista uma cura, isso deveria fortalece-los. Já havia pedido isso para a senhora e, por isso, bastaria aguardar.

- Vou perguntar novamente. – Se dirigiria a mulher caso ela ainda estivesse por perto. – Existe algum lugar pela cidade onde eu possa conseguir equipamentos? Tive problemas na minha última viagem e cheguei até aqui com pouca coisa.



Objetivos:
 

Status da Aventura:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] -

- Fala
"Pensamento"
- Fala / "Lembrança de fala" de terceiros



Voltar ao Topo Ir em baixo
Muffatu
Narrador
Narrador
Muffatu

Créditos : 14
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Data de inscrição : 04/02/2020

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySab 25 Abr - 2:23

Muffatu Presents:

Então é assim...




A sabedoria do médico era clara, ele sabia que os medicamentos seriam apenas tratamentos sintomáticos. Ajudariam a conter um pouco os sintomas, porém ele precisava de algo a mais e seu conhecimento gritava em seu ser.

A água logo veio em um copo, fresca e cristalina como se tivesse sido retirada de uma fonte natural.

Ao cogitar as possibilidades que tinha e seus anos de dedicação ele já cogitava que poderia ser uma Faringite, ou uma laringite. Não era algo que mataria, mas precisava sim de um tratamento para evitar maiores problemas. Ele sabia que repouso, tratamento dos sintomas e uma observação seria o suficiente.

Ao perguntar sobre outro lugar para que pudesse encontrar equipamentos a jovem responderia:


- Claro doutor. Aqui no final da avenida principal você vai chegar até o ponto de apoio. Lá eles tem equipamentos para os médicos e acabam vendendo a um preço bacana. Além disso… Fiquei sabendo que por lá tem uns médicos super ocupados, um dos nossos problemas por aqui é exatamente isso, sabe? Os médicos estão ocupados por lá e aí não recebemos muita ajuda por aqui. Sem contar que não temos dinheiro para pagar os serviços deles. Enfim, por lá deve achar algo…

A moça ficava perto do menino fazendo carinho nele enquanto falava e olhava para Raghu com um rosto angelical sorrindo e aguardando os próximos passos do homem.

Enquanto isso acontecia, Maschul apareceu e chamou mais uma vez o doutor.


- Vamos jovens, o jantar está servido. Durma aqui hoje doutor, amanhã vá até o posto médico e pegue o que precisa. Sua estadia aqui está garantida. Agora vamos… Ah, se te ajuda, o chefe dos médicos é um conhecido meu… Antonio Kataikura é o nome dele, um sujeito bem… Sério.

Ela termina a frase mostrando-se pensativa enquanto olha para os dois e caminha para o refeitório da pousada.

Código:

[color=#00ffff] - Tom Hignoshika
[color=#ff66ff] - Maschul Etah
[color=#cc9900] - Velho Jhon
[color=#ff6699] - Kader Ni Etah

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


“Aventuras”:
 


Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Raghu
Designer
Designer
Raghu

Créditos : 3
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 07/03/2015
Idade : 24
Localização : Limbo

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySeg 27 Abr - 8:45




Natureza Médica

Ouviria as palavras da mulher, imaginando se era necessário ir atrás de mais equipamentos para aqueles casos. É verdade que são muito importantes, mas não queria deixar as crianças sozinhas por muito tempo, mas como não tinha tanto dinheiro, provavelmente teria que prestar favores ou ir atrás de dinheiro para que fosse possível a aquisição das ferramentas. Sua vida em embarcações já não o deixava acreditar em doações naquele ponto. A presença de Maschul me fez deixar o assunto para outra hora.

- Aceitarei com prazer a estadia, muito obrigado. Antonio Kataikura? Vou me lembrar. As crianças também irão para o refeitório?

Aguardaria a resposta antes de seguir Maschul até o refeitório, questionando a forma como alimentariam as crianças em caso de uma resposta negativa. Buscaria me servir do mínimo possível para que não faltasse comida para as crianças por causa de um ‘inquilino clandestino inesperado’, como me julgava naquela situação, sentando-me em um canto isolado onde, de preferência, eu pudesse ter o olho acompanhando toda a movimentação do local.

Estava um pouco incomodado em não poder fazer muito pelas crianças além de acompanha-las e de estar recebendo comida e um teto para dormir mesmo fazendo um trabalho que praticamente já estava sendo realizado por elas. Queria fazer mais e, tão importante quanto, talvez até mesmo estudar ou praticar minhas habilidades afim de tornar-me útil para a pousada enquanto estivesse por ali. O posto médico talvez pudesse ajudar também nesse sentido, mas ainda evitaria esse assunto até o dia seguinte.

Se nada extraordinário acontecesse durante o jantar e Maschul indicasse onde poderia dormir, seguiria rumo ao local para enfim descansar, se ela não o fizesse, perguntaria, explicando a situação em que me encontrava quando cheguei à cidade. Me despiria do jaleco e botas, buscaria me acomodar na cama em uma posição confortável e, finalmente, deixaria o cansaço físico da viagem e mental da situação com as crianças tomarem conta, alcançando o sono.



Objetivos:
 

Status da Aventura:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] -

- Fala
"Pensamento"
- Fala / "Lembrança de fala" de terceiros



Voltar ao Topo Ir em baixo
Muffatu
Narrador
Narrador
Muffatu

Créditos : 14
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Data de inscrição : 04/02/2020

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptyTer 28 Abr - 3:02

Muffatu Presents:

Adormecendo no paraíso.




- Sim, aqui somos um grande familia, Raghul. Comemos todos juntos e a mesma refeição.

A mulher segue então e bate o que parecia um sino pendurado em uma das paredes. Um sino dourado com a corda branca e um pêndulo de madeira na ponta.

Em alguns minutos todos estavam sentados à mesa, era perceptível que estavam com suas mãos lavadas, rostos limpos e claramente já tinham passado pelo chuveiro estando todos por ali prontos para irem para casa ou então para irem dormir, no caso dos dois “filhos” de Maschul.

Nos pratos que chegavam a cada momento para as crianças era possível ver um prato colorido e extremamente cheiroso. Uma salada de brócolis com cenoura refogada na manteiga, arroz com alho e feijão tropeiro. Uma bela peça de carne que parecia ser de boi, não muito gorda, nem muito magra. Acompanhando o prato um suco de laranja com acerola feito naturalmente, o que era perceptível pelos pequenos gomos de laranja no suco.

As crianças muito amigas e claramente aquela convivência era muito saudável para cada uma das pessoas ali, desde as crianças até a família Etah.
Assim que todos se servem, a matriarca sorri e diz em bom tom:


- Agradecemos pelo alimento. Agradecemos aos novos amigos. Agradecemos à nossa vida! Bom apetite meus filhos!

Entre os barulhos de prato e talher batendo nos vidros, sorrisos e conversas de todos os tipos, brincadeiras saudáveis e risadas. Tosses e espirros também estavam presentes na mesa, porém era esperada por conta da doença que estavam enfrentando.

Pouco tempo depois, as crianças começavam a ir para a entrada da creche com suas mochilas aguardando os pais, Tom e sua irmã de criação Samia já estavam indo para a salinha onde havia alguns jogos para eles. Enquanto isso acontecia, no lado dos adultos Maschul encaminhava o doutor ao seu quarto enquanto ouvia pacientemente sua história e conversava com ele sobre como era ter as crianças por ali e onde ele poderia receber algum trabalho.

Durante a conversa ficou sabendo que há uma farmácia que precisa de gente que saiba medicar e esteja apto a aprender, assim como também o posto médico tem uma espécie de residência onde é possível aprender de anestesia a cirurgia.

Dando um cobertor e um travesseiro extra a velha dona do ambiente sorri e diz:


- Caso precise, é só bater na porta da frente. Minha neta está por lá. Durma bem, e lembre-se de fazer uma oração antes. Até amanhã, doutor.


Na manhã seguinte, o sol bateria na janela e deixaria o quarto claro. Fazendo com que o médico acordasse de um sonho, ou pesadelo, dele. E então caso seguisse até o posto médico iria encontrar diversos médicos por ali já chegando para o trabalho enquanto outros sairiam de seus turnos para irem descansar.
Porém era algo que ele poderia esperar também e ir mais tarde, após a entrada de cada um dos responsáveis pelo local. É óbvio que ele não tem esse conhecimento, porém é algo que a sua natureza médica já conhece.


Código:

[color=#00ffff] - Tom Hignoshika
[color=#ff66ff] - Maschul Etah
[color=#cc9900] - Velho Jhon
[color=#ff6699] - Kader Ni Etah

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


“Aventuras”:
 


Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Raghu
Designer
Designer
Raghu

Créditos : 3
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 07/03/2015
Idade : 24
Localização : Limbo

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySex 1 Maio - 1:08




Natureza Médica

Após um jantar relativamente agradável, principalmente por causa das crianças que ao menos ali aparentavam esquecer as doenças e os problemas para interagirem como apenas pequenos de suas idades podem, sem preocupar-se com mais nada, finalmente era levado até o meu quarto, descobrindo durante uma conversa a existência de uma farmácia na região que que buscava pessoas aptas a medicar e um posto onde era possível aprender a respeito de cirurgia. Talvez seriam boas opções para o futuro, mas por hora me manteria focado em ajudar os garotos.

- Obrigado, durmam bem também. – Ignoraria a parte sobre oração, não por desrespeito, mas apenas por falta de ânimo para tais coisas.

~ Dia Seguinte ~

Ao despertar, ganharia alguns minutos vegetando em cima da cama, observando o teto e os detalhes do quarto que tinha ignorado na noite anterior. Estava descansado, mas ainda relativamente desanimado, afinal, havia finalmente encontrado um trabalho digno mas talvez não fosse capaz de realiza-lo da melhor forma possível. Fora que estava praticamente dizendo para fazer o mesmo que já estava sendo realizado ali, ou seja, deixar as crianças em repouso.
Se por um lado isso era bom, afinal, a doença poderia ser mais grave, por outro me deixava sentir como se estivesse enganando aquelas pessoas. Mais uma vez a certeza de que não pediria nenhuma espécie de pagamento vagava por minha mente.

- Bom... Vamos lá.

Me sentaria na beirada da cama, calçando as botas enquanto decidia sobre meu destino naquele novo dia. A opção de ir até o ponto de apoio era a mais atraente, mas conhecendo a agenda desses lugares, ir logo de manhãzinha certamente não era a melhor opção, então gastaria um pouco de tempo antes de se mover até lá.
Iria até o primeiro banheiro que encontrasse, abandonando o jaleco nesse primeiro momento. Se encontrasse um, o usaria para necessidades fisiológicas e então para lavar a cara, removendo o tapa olho e o deixando jogado sobre o ombro até que pudesse secar o rosto novamente, vestindo-o uma vez mais.
Após isso caminharia um pouco pelo estabelecimento, observando quais possíveis fregueses frequentariam aquele local de manhã, se é que teria algum, e em seguida indo até as crianças que não haviam ido embora com os pais, tomando um grande cuidado para não as acordar, observando de longe pela porta entreaberta.

Caso nada de extraordinário acontecesse, finalmente iria até o posto. Primeiramente voltaria ao seu quarto para vestir o Jaleco, passando novamente pelo estabelecimento até encontrar a porta por onde entrara a primeira vez. Me localizaria nas ruas para lembrar exatamente onde estava, passando o olho pelas lojas e casas ao redor e então, finalmente, movendo-me para o final da avenida principal, conforme indicado.
Se chegasse até lá sem problemas, tentaria entrar da forma mais discreta possível, buscando alguém que parecesse minimamente responsável pelo local.

- Bom dia. Estou precisando de alguns equipamentos... Estou prestando serviços para a dona Maschul Eta, ajudando a cuidar as crianças doentes de lá, mas perdi praticamente tudo durante a minha última viagem marítima até aqui. – Respiraria fundo antes de continuar, dando espaço para alguma resposta da pessoa. – Também estou procurando por Antonio... Kataikura, chefe dos médicos? Me foi dito para procurar por ele.

Aguardaria os resultados da possível conversa.



Aviso/Pedido:
 

Objetivos:
 

Status da Aventura:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] -

- Fala
"Pensamento"
- Fala / "Lembrança de fala" de terceiros



Voltar ao Topo Ir em baixo
Muffatu
Narrador
Narrador
Muffatu

Créditos : 14
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Data de inscrição : 04/02/2020

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySab 2 Maio - 1:28

Muffatu Presents:

O Próximo, por favor...




Ao chegar ao posto médico com um ambiente mais tranquilo a secretária mal daria atenção ao médico falando sobre perder suas coisas, porém o nome de Maschul era conhecido por ali.

A mulher para um momento de lixar as unhas, olha para ele por cima dos óculos e então diz:


- Claro, para compras de itens ou doações é a terceira porta. Pegue uma senha por favor, vai precisar.

Ela se recosta na cadeira novamente enquanto olha para o médico que ainda seguia ali na frente dela, quando o nome de Kataikura fosse dito ela olharia para ele.

Soltaria o ar pelo nariz fazendo barulho de descontentamento. Mexendo em um Den Den Mushi, ela entra em contato com outra área do hospital.


- Oi Doutor, tem um homem aquii na portaria que veio da Maschul e ele está procurando o Dr. Kataikura. Isso… Claro eu passo o recado.

A mulher termina a ligação olha para ele e aponta um local para que ele possa se sentar.

Pouco tempo depois um médico de cabelos e olhos negros com um jaleco muito limpo e arrumado aparece no ambiente. Sorri e então aproxima-se de Raghu.


- Doutor Kataikura. Como posso te ajudar, jovem?


Dr. Kataikura:
 

bichaelson


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


“Aventuras”:
 


Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Raghu
Designer
Designer
Raghu

Créditos : 3
Warn : Natureza Médica - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 07/03/2015
Idade : 24
Localização : Limbo

Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 EmptySex 8 Maio - 3:29




Natureza Médica

Apesar da clara falta de vontade da atendente, me manteria calmo mesmo que a julgasse constantemente em meus pensamentos. Citar o nome daquele médico fez a mulher, que até então parecia um robô ainda mais sem vontade do que o normal, suspirar, revelando-se não um robô e sim apenas uma péssima funcionária. A observei ligar para algum lugar, avisando sobre a minha presença e aguardei pacientemente por ali, ignorando completamente o local onde a mulher havia indicado para mim, mantendo-me de pé, porém um pouco mais afastado dela. Aguardei até a chegada de um médico de cabelos e olhos negros que possuía um ar de médico muito melhor do que o meu.

- Doutor Raghu, muito prazer. – Faria uma leve reverência com a cabeça, não por respeito e sim por educação. -  Estou responsável pelas crianças de Maschul Eta, ela está cuidando de algumas crianças com Sarampo. Uma em específico parece ter alguma complicação, apesar de não aparentar ser nada grave.

Meu olho percorreria de cima a baixo o médico, analisando-o por completo, aguardando alguma resposta até aquele momento. Imaginei que Kataikura conheceria a velha, afinal, ele foi indicado por ela por alguma razão.

- Pois bem, a situação é que eu estou sem equipamentos por uns problemas em viagens recentes. Ela me disse que eu encontraria novos por aqui e citou o senhor. Imagino que possa contar com a sua colaboração, sim? Mesmo que temporariamente. Como não estou cobrando pelo trabalho na pensão de Maschul, tenho pouco dinheiro comigo no momento, então tinha pensado em até um aluguel, talvez. O que me diz?

A situação talvez fosse favorável, mas não saberia dizer no momento. O fato era de que a minha jornada naquele lugar tinha o potencial de grandes mudanças a partir deste encontro.



Objetivos:
 

Status da Aventura:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] -

- Fala
"Pensamento"
- Fala / "Lembrança de fala" de terceiros



Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Natureza Médica - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Natureza Médica   Natureza Médica - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Natureza Médica
Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: North Blue :: Lvneel Kingdom-
Ir para: