One Piece RPG
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Karyo Shen
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 21:37

» Kaleb Blaze
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 21:21

» Levy
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Ainz Ontem à(s) 18:11

» Masimos Titã Howker
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 17:19

» Nicolas
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 13:02

» Retornando para a aventura
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor rafaeliscorrelis Seg 21 Out 2019, 22:51

» [MINI - Nox Valentine]
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Senshi Seg 21 Out 2019, 19:41

» MEP mra22
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor mra22 Seg 21 Out 2019, 19:15

» [MINI-mra22] Calm Berserker
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor mra22 Seg 21 Out 2019, 19:11

» [M.E.P] - [Mini - Sakura] - Pelo Direto de Viver
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Sakura Ootsuka Seg 21 Out 2019, 16:42

» [Mini - Sakura] - Pelo Direito de Viver
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Sakura Ootsuka Seg 21 Out 2019, 16:31

» [Mine-Revescream] Prazer Homicida
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Senshi Seg 21 Out 2019, 15:16

» Mini Aventura - No Mercy
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Senshi Seg 21 Out 2019, 13:34

» Começo
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor TsubasaNash Seg 21 Out 2019, 00:55

» Miyamoto Musashi
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Ventus Dom 20 Out 2019, 14:10

» one piece altas aventuras
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Fanalis B. Ria Sex 18 Out 2019, 18:41

» Sophia Aldebaran Rockfeller
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor ADM.Ventus Qui 17 Out 2019, 17:18

» [Mini-Rosinante-san] O homem que quer ser livre
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Rosinante-san Qua 16 Out 2019, 21:41

» Troca de Orientador Mini-Aventura
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Makei Qua 16 Out 2019, 19:35

» [M.E.P]
[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Emptypor Makei Qua 16 Out 2019, 19:35



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [Mine-Revescream] Prazer Homicida

Ir em baixo 
AutorMensagem
Revescream
Membro
Membro
Revescream

Créditos : Zero
Warn : [Mine-Revescream] Prazer Homicida  10010
Masculino Data de inscrição : 09/10/2019
Localização : Desconhecida

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  EmptySex 11 Out 2019, 15:11

Nome: Wodas Gyaku
Idade: 15
Sexo: Masculino
Raça: Tritão (Tubarão Tapete Japonês)
Tamanho: Normal
Estilo de Combate: Gatuno
Localização: Loguetown – East Blue
Grupo: Civil
Vantagens: Genialidade
Desvantagens: Insano (Esquizofrenia)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Game Master
Game Master
ADM.Senshi

Créditos : 34
Warn : [Mine-Revescream] Prazer Homicida  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: Re: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  EmptyQua 16 Out 2019, 13:59

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.

Citação :
OBS: Defina sua esquizofrenia, é necessario definir como ela é em relação ao personagem, se tu escuta vozes e vê coisas, que coisas são essas... Que vozes costuma ouvir ? Variam, São aleatorias?

____________________________________________________


[Mine-Revescream] Prazer Homicida  MfUQcCd

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Revescream
Membro
Membro
Revescream

Créditos : Zero
Warn : [Mine-Revescream] Prazer Homicida  10010
Masculino Data de inscrição : 09/10/2019
Localização : Desconhecida

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: Re: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  EmptyQui 17 Out 2019, 00:02

Prazer Homicida
Spin-off# A Perícia do Latrocínio

Legenda
~ Falas #0033cc - ~ Pensamentos #990099 - ~ Técnica #00ffff
~ Subconsciente #Padrão - ~ Esquizofrenia - Voz 1 #ff0000 - ~ Esquizofrenia - Voz 2 #9966cc





Poderia ser um dia agradável, como o de costume, estaria sentando num banco perto da praça observando as pessoas que passavam pelo local. Meus olhos, escondidos junto ao resto do meu rosto pela minha mascará, perambulariam pela paisagem que poderia ser pacífica ou não. Não estaria concentrado em nada em específico, estaria apenas remoendo as minhas lembranças passadas. Minhas "Belas" lembranças. Começaria a me relembrar de tudo aos poucos, abriria um pequeno sorriso, eu não sabia ao certo o que sentir. O cheiro de ferro enferrujado, os ratos procurando por alimento, cordas presas aos meus pulsos e sangue...Não, uma enjurrada de sangue saindo de minha nuca, onde deveria estar uma de minhas nadadeiras... Essa qual estava em minha frente decepada.

- Haha... Hahaha... HAhahAha! - Uma gargalhada, perturbadora e rouca devido a mascará, seria efetuada mesmo sem consciência do autor. Porém, não demoraria muito para que o mesmo percebesse e depois parasse, pois mesmo sendo curta isso já era um sinal de que estava... Passando de uma linha sem volta.

Me levantaria e começaria a caminhar em meio as pessoas, ainda estaria com os remorsos em mente, continuaria com os meus olhos vidrados nas pessoas em minha volta tentando notar qualquer expressão voltada a mim. Ver tantos rostos serenos, simples e pacíficos me atraia de uma forma o tanto peculiar... Ahh sim, eu já sabia do que se tratava.

- Haha... A quanto tempo eu... Estou sem fazer "Aquilo"? - Sussurraria para mim mesmo, com uma leve risada no início junto de uma pergunta no fim. Eu estava aos poucos me perdendo pela vontade, entretanto, ainda tento me manter firme para não levantar mais suspeitas do que minha simples presença já possui.

- Há tempo suficiente...Faça o que tem que ser feito. - Responderia o que parecia ser a voz de um garoto, era grave, porém, misteriosamente suave.

- Poderíamos procurar por algum estuprador, seria mais divertido de ouvir os gritos. - Dizia em seguida uma voz que parecia ser de uma garota, por volta de seus 10 anos, soava em um tom calmo e gentil o que contrastava totalmente as palavras que ela tinha citado antes.

- Calem a boca. Eu não posso fazer isso no momento atual, sem contar que estou sem armas! Vocês só estão fazendo-me parecer doido.

- E você não é? Hihihi. - Dizia em um tom brincalhão, que logo em seguida falaria: - Eu também estou entediada, por favor, não demore muito para encontrar alguém divertido.

- E quanto mais pessoas brincarem conosco, melhor.

Essa curta conversa já estaria me levando ao delírio de cometer alguma besteira, se bem que não é como se eu não quisesse cometer... Preciso de uma faca, um canivete, adaga ou qualquer coisa afiada. Teria de satisfazer essa vontade, só assim para eles pararem de me encher o saco, mas não posso fazer nada impulsivo ou indiscreto... Teria uma ideia do que fazer, poderia funcionar, a expectativa era alta, um grande sorriso se formaria em meu rosto mesmo não sendo visível.

- Pelo visto alguém tem uma ideia em mente. O que pensa em fazer? - Indagaria aquela gravíssima voz.

- Só fiquem quietos, os dois, e aguardem. Já irei fazer vossa vontade meus "amigos".

Já teria tudo imaginado em minha mente, era como dar "Start" numa partida de tabuleiro, tudo dependeria de minhas habilidade e um pouco da sorte, mas ainda sim, seria muito satisfatório caso fosse concluído com êxito.

Provavelmente, eu já estaria perdido devido ao tempo que fiquei andando sem prestar atenção para aonde caminhava. Mas, isso não seria problema, já colocaria o meu "jogo" em ação. Começaria a procurar por uma loja de armas, caso eu não encontrasse iria me aproximar de qualquer pessoa e perguntaria: - Licença, sabe onde fica alguma loja de armas? Preciso pegar uma encomenda. - Caso eu recebesse uma resposta negativa, procuraria outra pessoa e repetiria a pergunta, mas caso fosse positiva ou logo no começo eu tivesse encontrado uma loja de armas, eu caminharia rumo a ela e antes de entrar analisaria toda a estrutura de dentro e fora da loja, e logo depois entraria com o propósito de encontrar o(s) funcionário(s) do lugar.





Objetivos:
 
Off:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Game Master
Game Master
ADM.Senshi

Créditos : 34
Warn : [Mine-Revescream] Prazer Homicida  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: Re: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  EmptySex 18 Out 2019, 03:39

Interação & Diálogo


O vento corria forte naquela ilha, era possível até mesmo sentir as ondas do mar naquele dia, mesmo que você estivesse muito longe dele, o sol ainda estava tímido, escondido por trás de algumas nuvens, não estava completamente nublado, mas se olhasse para cima ele veria uma extensa quantidade de nuvens que se moviam vagarosamente de sua perspectiva.

Umas mais engraçadas tinham até mesmo formatos, um dragão, um coelho, e até mesmo um barco voador estavam naqueles desenhos. Mas assim que ele saía de seus pensamentos, que pareciam talvez o perturbar, a primeira coisa que ele veria de certo eram as árvores…

Aquele lugar a sua volta era raro até mesmo para Loguetown, que era uma cidade bem menos arborizada do que o normal. Mas naquele pequeno “parque” isso não parecia verdade, as copas estavam bonitas, e uma delas até mesmo tinha um belo canteiro de flores em volta de seu tronco.

Os bancos que tinham por ali eram bonitos, brancos e bem lustrados. Entretanto era muito cedo, agora estavam dando 7 e meia da manhã e isso por si só, ditava um pouco o público que ele poderia encontrar, apenas crianças estavam ali, às vezes alguns pais, ou mães por longe, mas praticamente nenhum deles parecia se importar muito com a existência do tritão.

Exceto é claro um pai bem distante que demonstrava certa preocupação… Ao menos até ele ver que o garoto caminhava para longe do lugar aparentemente, e um alívio se fazia no rosto daquele pai que viu a segurança de seu filho voltar novamente.

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Iu

Saindo dali, o tritão aos poucos ia debatendo com suas vozes, aquelas que mandavam ele fazer coisas… Questionáveis, talvez a melhor palavra para definir isso seja essa, questionável, pois até certo ponto índoles são pontos de vista afinal.

Ele acabava por demorar para achar um ferreiro naquele lugar, sua caminhada para longe daquele ambiente durava em média duas ou três horas, pois ele acabou rondando a ilha, ele chegava a questionar a um civil porém eles sempre davam informações distintas, ou que não levavam a lugar nenhum como “Tinha uma na esquina perto do porto, logo na esquerda da loja de bananas” e por aí ia.

Mas finalmente ele podia avistar a loja, onde ele dava uma bela olhada em sua estrutura. Era madeira rústica que cobria a parte de cima dela, mais especificamente o telhado. Pedras formavam as paredes e pareciam ser bem grossas, ele poderia observando chutar que a grossura daquela parede devia aguentar um tiro sem ser perfurada até o fim mole mole.

A porta, bem aquilo… Não era exatamente uma porta, era um portão enorme e de madeira maciça daqueles que abrem uma parte para cada lado e lá dentro ele já começava a visualizar um curto corredor que levava ao balcão. Haviam alguns escudos nas paredes e enquanto ele caminhava podia notar que eles tinham brasões, deveriam ser apenas ornamentais, pois apenas de olhar dava pra se imaginar que seu peso deveria atrapalhar.

Chegando mais perto do balcão ele finalmente podia ver a primeira alma viva em vista, e era… Uma garota, isso, mesmo, era uma moça que estava perto da caldeira, ali do balcão ele podia ver melhor o cenário, havia lá no fundo um grande caldeirão que estava aparentemente com algo fervendo dentro, derramando o que parecia ser algum tipo de metal derretido sobre uma bigorna.

Mais para a direita o que deveria ser uma fornalha, e ao centro uma garota de cabelos rosa que estava distraída, ela mede em média 1,72 aparentemente, está sem a blusa provavelmente para lidar melhor com o calor, seu rosto parecia simpático, e seu olhar meio distraído. Sua pele era branca bem clara, e parecia um pouco calejada se ele focasse pelas zonas das mãos, mas sem perder o charme.

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Iu

Ela acabando por ver o rapaz no balcão se virava ficando de frente pra ele enquanto falava. -Bom dia, senhor, posso ajudar com algo?- dizia colocando as mãos na cintura. Sua voz era fina, mas suave, era relativamente uma voz bem bonita.

Dicas e Orientações:
 

____________________________________________________


[Mine-Revescream] Prazer Homicida  MfUQcCd

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Revescream
Membro
Membro
Revescream

Créditos : Zero
Warn : [Mine-Revescream] Prazer Homicida  10010
Masculino Data de inscrição : 09/10/2019
Localização : Desconhecida

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: Re: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  EmptySab 19 Out 2019, 01:30

Prazer Homicida
Spin-off# A Perícia do Latrocínio

Legenda
~ Falas #0033cc - ~ Pensamentos #990099 - ~ Técnica #00ffff
~ Subconsciente #Padrão - ~ Esquizofrenia - Voz 1 #ff0000 - ~ Esquizofrenia - Voz 2 #9966cc





Chegava naquele rústico local analisando cada detalhe do mesmo, tinha o analisado tanto por fora quanto, depois de entrar obviamente, por dentro. Já estaria tomando minhas primeiras conclusões.

- Certamente, não tem nada, pelo menos nesse momento, de diferente do que se imagina encontrar em uma ferraria. O lugar, em minha visão, é de certa forma pequeno. Da entrada para um único curto corredor que em instantes já estaria no balcão; definitivamente, acho-o pequeno. Principalmente, para aquilo que vim procurar. - Eu teria esse longo pensamento enquanto analisaria as paredes do local, enxergava alguns escudos, porém, eu procuraria por alguma faca, adaga ou qualquer coisa que fosse parecido dando mole por ai.

Não demora muito para eu chegar no balcão e logo sou chamado a atenção por...Uma garota? Ficaria um pouco confuso, procuraria por mais funcionários para ver se realmente era só ela ali sozinha. Uma Ferreira? Não é raro e nem difícil de se imaginar, entretanto, ainda é incomum de se ver. Neste momento duas coisas vem em minha cabeça; ficaria aliviado por eu estar de máscara, não só pelo meu rosto "diferente", mais sim pois acho que foi muito desrespeitoso da minha parte, caso eu tenha reagido de tal forma, e se ela tivesse percebido a minha expressão seria uma infelicidade; E ficaria pensativo pois ninguém até agora comentou nada sobre minha máscara, será que era normal as pessoas dessa ilha usarem cotidianamente?

Deixando os pensamentos um pouco de lado, eu finalmente responderia a pergunta feita por ela: - Sim, bom dia moça, você teria armamentos já forjados para combate? Em preferência, adagas e sais. - Eu ouviria a resposta que viesse, mas também, apenas agora começaria a prestar mais atenção pela garota em minha frente. Não teria parado para raciocinar antes de o quanto a garota era bela, sua pele branca parecia macia mesmo com algumas regiões calejadas, principalmente nas mãos, e o fato da mesma estar sem camisa me recearia um pouco, entretanto, ainda continuaria firme em minha posição e com minha mente longe de pensamentos "absurdos".

Caso ela não tivesse alguma arma forjada, pediria para ela fazer alguma coisa básica com lâmina para eu poder ver a qualidade da forja, quero dizer, isso era o que diria para disfarçar o real motivo.

- Hmmm interessante. - Fingiria interesse em qualquer possível oferta que a Ferreira me oferecesse e até examinaria qualquer objeto que ela me desse por qualquer motivo relacionado a venda de sua mercadoria. Uma adaga, por exemplo, eu manejaria um pouco para ver se sua desenvoltura era eficiente. - São bons materiais, você realmente é muito boa no que faz. Imagino que isso aqui deve ser sua vida, não é mesmo? - Comentaria apenas para deixar a vendedora a vontade, afinal, quando mais tranquilos as presas estão mais fáceis ficam de serem abatidas. Já estaria abrindo a minha boca para falar algo até que:

- ISSO JÁ ESTÁ LONGO DEMAIS! CHEGA DE CONVERSA FIADA! - Sentiria uma repentina dor de cabeça, junto daquela alta voz cheia de fúria ecoando altamente pela mesma região.

- Ela é apenas uma garota... Inocente e, provavelmente, com família.

- Pode me dar um minuto? Eu vou dar uma olhada de novo naqueles escudos lá atrás e já volto. - Diria para a de cabelos rosa com uma das minhas mãos encostadas na minha cabeça, devido a dor. Falaria: - Não é nada, obrigado pela preocupação. - Caso ela perguntasse se eu estava bem.

Quando ficasse longe o suficiente para que a Ferreira, ou um ser humano normalmente, não ouvisse minha voz começaria a falar: - Vocês não colaboram nem por u-

- Você, seu imbecil, que não está colaborando! - Falaria a voz interrompendo minha fala.

- Você não precisa mais fingir, já temos tudo favorável, ponha ela logo para dormir.

- NÃO! Ela não fez nada, ela é apenas uma garota, ela não merece sofrer isso!

- Como? Que palhaçada é essa Sally?

Maravilha, tudo que mais precisaria agora era de que minha cabeça virasse um chatbox de discórdia. Eles falavam e se alfinetavam sem parar. Estaria difícil pensar nessas condições, minha cabeça parecia que ia explodir!

- Gente...Gente... - Tentaria chamar atenção deles, coisa que funcionaria, mas logo me colocava numa situação difícil.

- Gyaku, meu amigo, não evite fazer o que você quer tanto fazer hehe, vamos por um GRANDE sorriso naquele rosto feio de cabelos rosas!

- Gyaku, não faça isso, apenas compre ou até ROUBE uma arma e saia dai! Vamos procurar um pouco mais! A gente pode encontrar alguém melhor! Eu tenho certeza!"

Cada voz, provocativa e desesperada, me deixava numa situação complexa de escolher. Eu posso mata-la? CLARO QUE EU POSSO! Eu tenho algum motivo? Não! Mas seria tão bom ouvir os gemidos de dor que aquela pessoa pode mim proporcionar! Mas... como fica a família dela? Sua mãe, pai, irmão, possível namorado, como fica? Eu quero tanto dar "Start" no que já planejava fazer, mas essa sanidade, essa porcentagem de humanidade, me faz remoto e simplesmente sufocado pela dúvida. Eu quero mas não quero. Eu quero mas não quero! EU QUERO MAS NÃO QUERO! EU QUERO MAS NÃO QUERO!

Em um rápido movimento, ainda tentando me manter discreto, colocaria as minhas mãos na boca para impedir a gargalhada que estava por vir. Eu estava louco, eu já sentia isso, um silêncio agonizante havia se instalado em minha mente. Aos poucos, a sanidade, a insanidade, já não SABIA MAIS QUAL RESTAVA! Agora, para poder me acalmar, olharia para baixo e começaria a respirar fundo. Depois, não importando o quanto tempo eu tivesse demorado para tal feito ou mesmo que eu ainda não tivesse totalmente sã, voltaria para o balcão onde possivelmente veria a garota de cabelos cor de rosa me esperando, como havia a pedido. Tomaria uma postura firme, meus olhos passariam perambulando por traz da garota parando num caldeirão e depois numa fornalha. Uma ideia acabaria de surgir em minha mente, abriria um sorriso sínico sendo este não sendo possível ver devido a máscara, e logo perguntaria um pouco trêmulo:

- Você teria um saco bem grande? Gostei das coisas que eu vi, penso em comprar bastante coisa. - Caso a resposta fosse positiva, e ela me desse um saco grande, eu analisaria o saco para ver se ele era realmente grande para poder carregar um monte de coisa... ou até mesmo algo grande e relativamente pesado.



Objetivos:
 
Off:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Game Master
Game Master
ADM.Senshi

Créditos : 34
Warn : [Mine-Revescream] Prazer Homicida  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: Re: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  EmptySeg 21 Out 2019, 15:16

Interação & Diálogo

A primeira pergunta do rapaz, fazia com que a garota esboçasse um leve sorriso, estava animada, pois fazia algum tempo que ela não vendia adagas. Era mais comum que comprassem dela martelos, às vezes alguma espada, talvez até lanças saíssem mais. Mas adagas foram como ela começou nesse ramo.

A garota então já bem perto do balcão abaixava pegando uma chave e abrindo a gaveta. Ela apenas pegava duas adagas diferentes e um conjunto de Sais. -Essas duas são de boa qualidade, e esse conjunto de Sais eu fiz em uma viagem recente, tem um ótimo material. - ele então pegava o que lhe era oferecido, balançava testava.

Ele poderia sentir que o cabo das adagas se encaixava muito bem nas mãos dele, ficando completamente justas. Dava para ver que o balanço de peso entre a lâmina e o cabo era perfeito, de um modo único. Ela tanto serviria perfeitamente para um combate rápido e frenético corpo a corpo. Como a boa estrutura e divisão de peso a tornava híbrida, podendo ser perfeitamente usada em um lançamento.

O garoto então de certo modo puxava mais conversa para disfarçar, não era como se ele estivesse interessado de verdade, mas era um bom método de distrair ou como ele dizia amaciar a presa. Entretanto a garota não sabia disso de maneira clara, apenas respondendo ele. -Eu na verdade apenas trabalho em forja por Hobbie, eu tenho dinheiro de outro lugar. Na verdade o que ganho vendendo armas não paga muito mais do que as migalhas do pão haha.- dizia ela um pouco incomodada sobre o assunto, ela definitivamente gostaria de viver disso, de talvez não precisar ter seus trabalhos por fora dali.

Ela então comentava com ele de uma maneira mais simples sobre o assunto, apenas por cima sem dar detalhes demais, mas esclarecendo a situação. -Minha mãe adoeceu a bastante tempo, e ela não pode trabalhar, meu pai perdeu a perna em uma viagem de barco e ainda tenta trazer algum dinheiro pra casa usando o barco para transporte. Entretanto nada disso ajuda, e nem a forja, eu caço recompensas, isso sim gera retorno financeiro.- e isso era o caso, estava certa, para cuidar de um familiar doente e colocar comida na mesa, esse era o melhor trabalho, exceto pelos riscos é claro.

O garoto naquele instante estava ficando insano e por isso ele pedia alguns segundos para falar com as vozes de sua cabeça, ela pegava as Adagas e guardava de volta nas gavetas, trancando elas com a chave e deixava que ele se afastasse, é claro como ela guardou aquilo, apenas uma arma ficou ali, e estava na mão dela, ela estava sim com uma das adagas. Porém apenas parecia estar observando o balanço de peso.

Por alguns instantes o rapaz insano, pensando que talvez pudesse apenas matar ela, ou não… Por que ele quer, mas não quer? Ou ele não quer mas quer? Sabe se lá o que… Então acho que ele vai? Ou não vai? Sei lá… Uma hora descobriremos isso… Eu acho…

Ao se aproximar dela ele questionava algo estranho, coisas sobre ela ter um saco grande, e a garota distraída não tinha compreendido bem a pergunta, por uns primeiros 10 segundos ela parou e pensou “Eu não tenho esse tipo de coisa não… Será que ele acha que eu sou menino?” e só então que caiu a ficha, ele tava falando de uma sacola pra carregar as armas…

Então ela antes de falar alguma besteira tossia duas vezes “Cof Cof” e tirava o pigarro da garganta. -Sacola? Saco? Sei sei… É isso é haha eu tenho alguém lá dentro sim. Acho que não tão grande, mas serve pra carregar armas, ele é de couro acho mas aumenta um pouco o preço.- ela então novamente se abaixava ainda com a adaga na mão e pegava um saco na parte de baixo do balcão.

Ele poderia ver que aquele saco de couro aguentaria bem carregar algumas armas, mas sua proporção e tamanho não suportam tão bem assim o peso de um ser humano. Poderia até aguentar algum tempo mas não muito, então é difícil saber se era usável para seu propósito.

Naquele mesmo instante enquanto ele pensava uma outra pessoa adentrava no lugar, era um homem de máscara e com uma espada na cintura. Ele tinha ali seus 1,75m mais ou menos, carregava um Katana? Ou era uma Ninjaken? Pela bainha era difícil dizer pois a maneira como ela estava colocada naquele ângulo não deixava que se tivesse uma visão clara.

As roupas dele talvez fossem o que chamasse atenção pois apesar de tudo, ele estava vestido como um bartender. Além disso tudo, uma das respostas do rapaz era respondida o por que de ela não estranhar o uso de uma máscara, já que aquele homem estava ali com uma máscara que lembrava a ideia das kitsunes, ou de uma raposa como um todo.

[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Fmm___fancy_clothes_by_tohdraws_d7g7mpc-pre

Seu caminhar até o balcão era lento mas a garota logo o cumprimentava como se fosse um velho amigo, ou talvez um parceiro de trabalho. Mas também pela primeira vez ela dava alguma “bola fora”. -E aí cara, você atrasou muito hoje, era pra termos saído a alguns minutos. Se você tivesse chegado cedo, já estaríamos no porto.- o homem ainda meio silencioso balançava a cabeça positivamente concordando.

Mas talvez você esteja se perguntando… Bola fora? O que ela fez de errado? A resposta talvez seja feliz para as vozes, no momento em que ele chegou, ela acabou deixando a adaga em cima do balcão e se movendo para até perto da zona em que o rapaz novo estava, ou seja, para a direita de Gyaku, talvez pela displicência momentânea ou por alguma euforia que a atingiu ali.

Agora cabia ao garoto e suas vozes, decidir se atacar eles era mesmo uma boa ideia, números podem ser uma faca de dois gumes afinal, tanto podem dizer “Cuidado, tem gente demais” como podem dizer “Uhul dois corpos”, então quem sabe o que poderia acontecer dali pra frente...

Dicas e Orientações:
 


____________________________________________________


[Mine-Revescream] Prazer Homicida  MfUQcCd

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




[Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty
MensagemAssunto: Re: [Mine-Revescream] Prazer Homicida    [Mine-Revescream] Prazer Homicida  Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Mine-Revescream] Prazer Homicida
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura-
Ir para: