One Piece RPG
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» I - Conhecendo o mundo
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Kekzy Hoje à(s) 18:34

» [FP] Kozuki Orochi
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:34

» Kozuki Orochi
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:34

» (Mini) Gyatho
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:30

» [Mini-Theodore]
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Shroud Hoje à(s) 16:26

» Sette Bello
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Pippos Hoje à(s) 14:38

» I - Pseudopredadores
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Megalinho Hoje à(s) 13:39

» Teleton Chronicles I: Retaliação
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Midnight Hoje à(s) 13:16

» Drake
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor CrowKuro Hoje à(s) 13:15

» Unbreakable
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Ainz Hoje à(s) 12:20

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 12:05

» Shaanti Mochan
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor GM.Furry Hoje à(s) 08:21

» Alipheese Fateburn
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 07:59

» Evento Natalino - Amigo Secreto
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 05:17

» Nox I - Loucura
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Jin Hoje à(s) 03:32

» Kime's here
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Kimerado Hoje à(s) 01:35

» あんみつ - Anmitsu
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Skÿller Ontem à(s) 21:27

» [ficha] Hinata Bijin
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 20:02

» Hinata Bijin
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 20:01

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Emptypor Achiles Ontem à(s) 18:41



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
Ken Rock
Pirata
Pirata


Data de inscrição : 27/05/2015

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptyQua 17 Ago 2016, 12:17

Sem nem ao menos recusar, seguiria aqueles homens. Até porque algo me dizia que poderia ser útil mas, uma sensação me deixaria inquieto, como se algo fosse dar muito errado, uma espécie de sexto sentido ou algo do tipo. Poderia parar, inventar alguma desculpa ou até mesmo fugir porém, continuaria a seguir aqueles três encapuzados enquanto minha mente mergulharia em questionamentos...

“Já ouviu falar em meu nome? Como isso é possível, nunca tive laços de amizade com ninguém, poucas pessoas me conheciam... Isso está ficando estranho, mas pelo que notei o cara que comanda eles parece não se importar com o passado ou qualquer outra coisa do tipo, não posso confiar neles, mas preciso ter pelo menos um fio de apoio caso precise fugir ou recuar.”

Enquanto caminhávamos responderia algumas perguntas que eram feitas pelo suposto líder daquele trio, diria ao mesmo que nunca tive como medir minha velocidade aquática, já que sempre nadei sozinho mas, acreditava que a minha velocidade deveria ser boa e que sempre batalhei com espadas de uma mão e que as minhas armas favoritas seriam a katana, o sabre ou o florete. É claro que não tiraria os olhos dos outros dois homens. Afinal um deles havia se mostrado mais suspeito do que eu para eles.

A medida em que nos aproximávamos do quartel, mais figuras estranhas surgiriam e tudo indicaria de que estaríamos chegando cada vez mais próximo. Como nunca havia estado em um quartel, teria uma impressão de ser um local tenebroso, cheio de regras e disciplinas mas, algumas pessoas pareciam estar relaxadas, conversando. Parecia mais com uma cidade cheia de malucos de capuzes verdes...

“Será que o Robin Hood também é um revolucionário?”

Aos poucos estaria cercado muitos revolucionários quando uma voz alcançaria a minha atenção, buscaria o dono dela com os meus olhos e quando finalmente o encontrasse não conseguiria acreditar ou até mesmo descrever aquela sensação que explodiria por cada parte do meu corpo, que como ondas em uma ressaca iam e vinham de uma forma avassaladora e tomaria meus sentimentos de tal modo que só conseguiria fechar meus punhos com uma imensa fúria, rangeria meus dentes de tal modo que sentiria um líquido quente tomar o canto de minha boca. Como eu ainda conseguira estar ali imóvel, em minha mente eu já havia matado ele mais vezes do que eu conseguiria contar.

Minha mente estaria mais branca do que a calcinha de uma virgem criada em um convento pelas freiras mais rigorosas. Nenhuma interferência externa poderia me tirar daquele momento, um silêncio agudo, fincava em meus ouvidos. Não seria capaz de pensar em nada, ouvir absolutamente nada meu objetivo estaria parado em minha frente, queria mata-lo e simplesmente gritar mas, como um relâmpago, sentira um enorme estalo em minha mente...

“Ainda não, ainda não! Estou desarmado, em menor número e ainda por cima ele é um deles! Espere, espere!”

Olharia para o homem que andou comigo até o quartel geral dos revolucionários e tentaria entender o que ele estaria dizendo para mim. Caso não fosse nada importante, olharia no fundo de seus olhos se assim aquela vestimenta rudimentar me proporcionasse tal feito e diria com uma voz embarbascada de ódio...

- Me diga mais uma vez... Qual é o seu real propósito em me trazer aqui?


Se o silêncio fosse a resposta daquele homem, voltaria a minha atenção ao nefasto Abel e caminharia de forma rápida e dura, pelo caminho tentaria liberar o meu caminho colando a mão nos ombros de quem estivesse em minha frente e os colocaria para o lado pedindo licença e continuaria o meu caminhar. Se pelo caminho houvesse alguém que não conseguisse deslocar, apenas esbarraria e continuaria a caminhar sem me importar com ninguém e assim que estivesse frente a frente com aquele covarde, estenderia uma de minhas mãos com a intenção de cumprimentá-lo e diria com uma voz sorridente!

- Abel! Meu amigo, meu colega! Eu vou fazer contigo o que o cavalo fez com a égua!

Olharia profundamente em seus olhos e esperaria a sua reação mais indigna, não me daria ao luxo de me ferir ali! Por isso a qualquer sinal de agressão vinda por parte dele, saltaria para trás quatro vezes e buscaria me aproximar do meu recrutador e seria cínico com minha palavras...

- Qual o seu problema velho amigo, estou desarmado, é assim que você recebe um querido amigo seu?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptyQua 17 Ago 2016, 18:54

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



Perdão?


Depois de ver Abel parado bem ali na sua frente, o tritão parecia não querer explodir bem naquele momento rodeado de pessoas armadas e treinadas e por isso se controlou e voltou a ouvir as ultimas palavras que o homem que o trouxera ali falava para ele. - ... Bem sabendo de tudo isso que eu acabei de lhe falar,  você esta pronto!... Aqui esta seu manto e sua espada, bem vindo de novo garoto... Pode comer alguma coisa ou descansar e daqui uma hora me procure, pois tenho uma coisa pra você fazer... - Assim o homem saia do local andando na direção de mais alguns revolucionários e sumindo por entre suas dezenas de capas verdes, deixando com o tritão um manto verde parecido com todos os outros e uma espada comum com uma bainha negra.

Ao olhar novamente para onde Abel estava, o tritão nada encontrava. Mas com seu olfato, ele sentia um cheiro muito particular, um perfume de uma erva conhecida na região por alguns, olhando para onde vinha o cheiro ele via uma roda de revolucionários fumando cigarros feitos daquela erva. Abel poderia estar perdido em meio aos outros revolucionários, todos se pareciam muito então seria difícil encontra-lo novamente.

Histórico:
 

Off:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptyQui 18 Ago 2016, 15:00

Estaria confuso por não ter pego o começo da conversa mas ao receber o traje e as armas, perceberia que não havia como negar! Ajeitaria a espada em minha cintura da melhor forma que me fosse cabível e vestiria o manto verde dos revolucionários...

“Cara, que confusão é essa! Preciso por meu pensamento no lugar! E se eu não me engano aquele cara pediu para procura-lo em uma hora, mas não tenho a menor ideia de qual seja o nome dele... Quanto Abel, creio que terei que cuidar dele em um outro lugar, infelizmente aqui ele parece ter companheiros ao seu lado.”


Terminaria de me vestir e não poderia deixar de sentir aquele agradável cheiro, por um momento aquela vontade louca de deslizar em pensamentos desconexos bateria como um caminhão em minha mente. Me aproximaria da roda e com um sorriso me apresentaria a eles...

- Olá, sou novo aqui! Me chamo Ken, vocês se importariam de eu dar um pega com vocês?

Esperaria a aprovação deles, se fossem solícitos, entraria na roda e esperaria a minha vez de saciar minhas necessidades. Assim que o baseado estivesse em minhas mão, puxaria de forma firme e profunda, prenderia a fumaça e depois soltaria de forma bem calma. Repetiria o processo mais uma vez e passaria a bola para o próximo...

- Está muito bom esse fuminho, onde eu consigo um pouco para mim?

Aguardaria a resposta, positiva ou negativa agradeceria com a cabeça e continuaria ali fumando com eles mais um pouco. Depois de um tempo, sairia da roda e acenaria com as mãos um sinal de despedida, procuraria um local calmo e ficaria ali sentado analisando o ambiente a minha volta. Desembainharia a minha espada e a analisaria por um momento e depois a guardaria...

“Cara que fome! Deve ter alguma cantina ou bar por aqui!”

Andaria a procura de algum membro dos revolucionários, assim que avistasse um pediria pela informação de algum bar ou cantina. Caso me fosse indicado iria até o local (se não fosse procuraria nas proximidades algum comercio, cantina ou bares) e uma vez lá dentro procuraria um local para me sentar. Uma vez acomodado, pediria um sanduiche e algo para beber. Enquanto esperava olharia a minha volta a procura de alguém que tivesse alguma foice como arma.

“A cara desse infeliz será difícil de reconhecer com esses mantos, mas o infeliz anda com a sua foice nas costas deve ser fácil de encontra-lo!”

Comeria a refeição e pagaria o valor que me fosse solicitado, sairia do ambiente e voltaria para o local que havia sido deixado por aquele cara, não teria a mínima noção do tempo já que não possuía relógio e por isso ficaria zanzando por ali. Sentaria em algum lugar, se houvesse, ou ficaria de pé olhando o modo e o comportamento daqueles caras.

Caso o meu recrutador me encontrasse, iria a sua direção e conversaria com ele...

- Acabei não perguntando o seu nome, como se chama? E agora o que eu tenho que fazer como um revolucionário? Sei que pode soar estranho, mas quando estávamos na cidade um de seus amigos disse que já ouviu falar em meu nome e você desconversou. Há algo que eu precise me preocupar ou saber? Afinal eu vi uma coisa interessante aqui.

“Por enquanto não perguntarei nada sobre o Abel, irei entrar na onda desses caras e caso ganhe a confiança deles, irei partir para as investidas contra o maldito. E tentarei manter minha cabeça calma caso o encontre, irei me fazer de desentendido”


Off:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptySeg 22 Ago 2016, 13:22

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



Smoke Weed Everyday


Os pensamentos do tritão se encontravam um pouco perdidos e confusos depois de tudo aquilo acontecer em tão pouco tempo, mas mesmo assim ele tentava se colocar no lugar pegando a espada e colocando o manto após isso. Ele seguia por alguns segundos o cheiro daquela erva milagrosa e chegando até a roda de revolucionários ele dizia sendo ouvido por todos ali. - Olá, sou novo aqui! Me chamo Ken, vocês se importariam de eu dar um pega com vocês? - Um deles que segurava um cigarro daqueles, abria um sorriso e após uma pequena risada dizia entregando o cigarro ao tritão. - Pode pegar amigo...

Após dar dois tragos, Ken já se sentia um pouco mais leve e sabia que daqui a pouco ele se sentiria mais estranho que isso. Perguntando onde arranjaria mais um pouco daquele fumo e passando o cigarro, um dos revolucionários que tinha a pele clara e os cabelos vermelhos brilhantes disse com um sorriso no rosto. - Amigo, se quiser mais pode me procurar, posso te arrumar mais quando quiser... Aqui, fique com mais um, considere um presente por entrar no exército também... - Pegando o pequeno cigarro marrom, Ken o guardava e seguia procurando por uma cantina.

Era fácil achar, era um refeitório a céu aberto a onde haviam muitas coisas para comer, e lá Ken saciava sua sede e fome com alguns pães e sucos. Ao seu lado, se sentava o mesmo homem que havia falado com ele antes, seu recrutador.

- Olá Ken, como esta indo no seu primeiro dia? - Sua voz tinha um ar de preocupação, mas era logo abafado por um pão que o homem pegava e comia. - Acabei não perguntando o seu nome, como se chama? E agora o que eu tenho que fazer como um revolucionário? Sei que pode soar estranho, mas quando estávamos na cidade um de seus amigos disse que já ouviu falar em meu nome e você desconversou. Há algo que eu precise me preocupar ou saber? Afinal eu vi uma coisa interessante aqui. - O homem abria mais os olhos e respondia agora parando de comer. - Primeiro você vai fazer uma missão, vamos aproveitar seus dons raciais para vermos se você vai poder mesmo ser útil pra nós. E é mesmo, alguns de nós conhecemos seu nome pois temos um soldado que falou muito de você, venha comigo... Aliás, pode me chamar de Gump. - Ken seguia o homem até uma cabana grande aonde tinham dois revolucionários armados na porta e então adentrava o local junto ao homem que ia primeiro.

Chegando la dentro, ele via uma mesa redonda de madeira grossa e do outro lado dela, estava Abel ainda pálido, olhando para o fundo dos olhos de Ken. - Abel... Precisa falar com ele... Desculpe Ken, não queríamos interferir em uma questão delicada como essa, mas ouça o que Abel tem a dizer, depois faça o que achar melhor, eu não vou interferir em nada.

Abel se levantava e ia na  direção de Ken, ficando a poucos metros do mesmo, suando e respirando fundo. - Ken... Eu... - Algumas lágrimas saiam de seu rosto, e ele colocava uma  das mãos sobre os olhos, soluçando. - Me desculpe Ken, eu me arrependo... Me arrependo muito do que eu fiz naquele dia, eu não sabia nada... Não sabia de nada mesmo! Entrei no exército revolucionário para fugir de tudo aquilo, mas descobri que não tinha como escapar do meu passado quando te vi... Se quiser, pode me matar, mas saiba que eu amava ela tanto quanto você Ken... - Seus olhos brilhantes e verdes olhavam para Ken, ele estava ajoelhado e com um semblante de terror e preocupação, com uma respiração cada vez mais profunda.

Histórico:
 

Abel:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptyQua 24 Ago 2016, 10:32

A conversa com Gump no refeitório seria muito rápida, não nos aprofundaríamos tanto nos assuntos. Assim como da última vez em que conversamos, ele foi rápido e sucinto em suas respostas parecia que era de sua personalidade e também tinha as minhas metas traçadas, coisas assim não me interessavam.

Adentrava ao local e assim que chegasse lá dentro cruzaria novamente com a cara daquele maldito, ressabiado olharia para Gump e assim que Abel tomava rumo a minha direção, concentraria todo o meu ódio para aquela pessoa. Não precisaria de palavras para dizer o quanto a presença daquele verme maldito me irritaria. Aquele verme estúpido, a poucos metros de distância faria meu corpo tremer por inteiro. Porém, assim que ele começasse a falar o escutaria...

“Mas que filho de uma puta hipócrita!”

Seria o meu pensamento enquanto o mesmo balbuciaria suas palavras ardilosas. Mas algo naquelas palavras, faria a minha expressão de ódio se dissipar e agora com uma feição mais calma olharia o mesmo dos pés à cabeça com um semblante de pena.

Assim que ele terminasse de falar, me aproximaria de Abel e de forma calma e gentil colocaria a minha esquerda em seu ombro e a deslizaria de forma gentil até o seu pescoço e o puxaria em minha direção para afaga-lo e com uma voz serena diria ao Abel.

- Pode chorar agora, fique calmo Abel. Minha raiva e ódio por você foram dissipados conforme os dias daquela tragédia passavam. A única coisa que eu posso dizer é que você terá que carregar esse peso em suas costas e não há ninguém no mundo que possa tirar ele de você. E é claro que ela não iria querer que nós dois brigássemos mesmo depois de tudo que você fez.

Continuaria com a mão esquerda na nuca dele enquanto daria leves e calmos tapas em suas costas com a intenção de acalmá-lo...

“Seu verme filho de uma puta, eu vou estripá-lo aqui e agora como um maldito porco imundo e sujo que você é, seu desgraçado dissimulado!”

Agora eu concentraria e liberaria toda a minha descarga elétrica pelo meu corpo, principalmente pela minha mão esquerda que agora estaria agarrando com toda a minha força enquanto, com a minha mão direita, sacaria a minha espada e a utilizaria para perfurar a barriga de Abel. Assim que a minha espada perfurasse sua barriga, puxaria para cima para alargar ainda mais o rasgo. Soltaria o seu pescoço de Abel e agora com as duas mãos empunharia a espada e desferiria dois golpes, um na diagonal em seu tronco e outro de forma reta na direção em seu coração com a intenção de perfura-lo. Antes de retirar a espada do corpo do Abel, bateria com uma das minhas mão na parte cega da lâmina para rasgar ainda mais o corpo dele, dispararia mais uma vez meus impulsos elétricos, na lâmina da espada, e retiraria a mesma.

Olharia o corpo de Abel cair no chão e caso o mesmo ainda estivesse respirando, perfuraria seu corpo mais três vez, uma em seu pescoço, outra em seus pulmões e a última se ainda houvesse necessidade em sua cabeça.

Em seguida olharia para Gump e com poucas palavras conversaria com ele...

- Obrigado pelas suas palavras a pouco. Agora estou em dívida com você e os revolucionários, irei fazer o necessário em sua missão.

Continuaria com a espada em minhas mãos e olharia para Gump, caso o mesmo não esboçasse nenhuma reação, balançaria a espada no ar para retirar qualquer liquido que possa haver e embainharia novamente e dessa vez com o peso do mundo retirado de minhas costas conversaria com Gump.

- Quando e onde você quiser podemos conversar sobre a missão que vocês querem utilizar as minhas individualidades.

Olharia mais uma vez para o Abel e diria...

- Você não matou apenas ela, você queimou duas pessoas enquanto elas estavam dormindo! Merece a morte mais que qualquer um.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptyQui 25 Ago 2016, 14:23

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



Frieza


Controlando seu ódio, o tritão somente dizia calmamente após o discurso falso de Abel. - Pode chorar agora, fique calmo Abel. Minha raiva e ódio por você foram dissipados conforme os dias daquela tragédia passavam. A única coisa que eu posso dizer é que você terá que carregar esse peso em suas costas e não há ninguém no mundo que possa tirar ele de você. E é claro que ela não iria querer que nós dois brigássemos mesmo depois de tudo que você fez. - Mas depois de sua fala, até mesmo Gump se surpreendia. Ken descarregava eletricidade para o corpo de Abel o fazendo tremer e gritar desesperadamente tentando se soltar, mas Ken o segurava fortemente e não era preciso segurar por muito tempo pois sua espada transpassava o corpo do garoto que somente soltava seu ultimo suspiro ao olhar profundamente nos olhos de Ken que subia sua lâmina abrindo ainda mais o ferimento.

Ken estava tão raivoso que queria mais, queria cortar cada átomo do corpo de Abel para fora. Mas após retirar sua lâmina par golpeá-lo mais uma vez, a mão grossa de Gump o impedia o trazendo para trás. - Já chega! Já teve sua vingança...! - Ken era puxado para trás pelas roupas talvez pelo medo de Gump de levar uma descarga elétrica do tritão.  - Vá la pra fora e me espere, vou te dar sua missão... - Com certo receio em suas falas, Gump olhava diretamente para Ken o empurrando para fora da cabana.

Depois de alguns minutos, talvez estivesse limpando a bagunça, Gump saia da cabana e se encontrando com Ken novamente começava a falar. - Não sei o que esse cara fez pra você, e nem quero saber... Sabe, aqui no Ex. Revolucionário temos muitos renegados, pessoas que cometeram crimes vistos como odiosos pelo governo... Mas espero que isso não seja um problema pra você... - Após uma pausa olhando no fundo dos olhos de Ken, o revolucionário continuava, e dessa vez começava a andar sendo seguido pelo tritão. - Depois do que ocorreu na ilha temos dificuldades em achar um tritão por aqui sabe? Não são muito bem vistos, e espero que você mude isso, de um jeito ou de outro. Vou te dar a primeira missão para testar seus dons raciais... - Ken podia perceber que Gump estava levando ele na direção do mar, a onde havia um pequeno barco na praia junto a algumas pessoas. - Sabe, os marinheiros não costumam velejar por essas rotas desde o que aconteceu... Mas conseguimos informações sigilosas de um navio marine que irá tentar passar por aqui perto, e não podemos deixar isso acontecer ou eles poderão dominar essa rota e iremos ficar basicamente cercados. Irei mandar somente um barco de reconhecimento para mostrar a eles que não estamos aqui de brincadeira, se eles tentarem invadir nossas rotas estaremos prontos pra guerra, e você irá nesse barco entendeu? - Os dois andavam durante mais alguns minutos e chegavam ao barco onde haviam quatro revolucionários com remos e mais uma mulher com um arco nas costas, que não carregava o manto verde. - Essa é Lara, ela não faz parte do exército revolucionário mas nos ajuda com sua ótima mira... Em troca de um bom dinheiro é claro. - A mulher que estava ajudando os revolucionários a carregar algumas coisas para o pequeno barco se virava para Gump e apertava sua mão agora olhando para o tritão. - Eae Gump, quem é o cara? - Gump a respondia com um sorriso. - É um dos nossos agora, um recém-chegado, não parece mas ele é um tritão... Quero que você leve ele nessa missão pra testar sua força e sua inteligência. - A mulher olhava Ken de cima a baixo e depois assentia para Gump. - Hm tudo bem, ele é um daqueles fedorentos então não é? Então amigo, fique já sabendo que eu não fui muito com a sua cara e se você fizer algo que coloque a missão em risco te meto uma flecha na cabeça, agora se prepare pois vamos zarpar daqui meia-hora! - Falando isso, tanto ela quanto Gump se distanciavam, Gump voltava para o centro revolucionário após desejar boa sorte ao tritão, enquanto Lara ficava verificando o barco.

Histórico:
 

Lara:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptySeg 29 Ago 2016, 09:50

Após ser impedido por Gump, olharia de forma fria enquanto era empurrado para fora da cabana. Lá fora ficaria dando voltas em círculos sem fim na frente da cabana. Levaria as mão na cabeça e depois as colocaria no rosto como se agarrasse a felicidade de ter finalmente realizado a minha vingança. Por muito tempo fiquei com medo do que fosse sentir quando finalmente eliminasse o Abel mas agora, meu coração não doía mais e minhas costas estaria leves, como que se a gravidade não fizesse efeito sobre mim...

“ Finalmente, agora vocês poderão descansar em paz sem se preocupar com aquele maldito covarde!”


Estaria em dívida com Gump e por isso, assim que ele começa a conversar, escuto detalhadamente as suas palavras e seus planos enquanto nos dirigíamos em direção ao mar. Concordava com a cabeça enquanto ele dizia os planos dos revolucionários a fim de impedir o bloqueio de suas rotas. Assim que chegamos ao banco me deparo com mais quatro revolucionários e uma mulher simpatizante dos revolucionários.

Ela estaria mais para uma mercenária do que qualquer outra coisa e infelizmente esse tipo de pessoa é comandada pelo dinheiro e quem pagar mais leva a sua lealdade suas ofensas não me impressionarão, afinal já fui chamado de coisas piores ao longo desses anos.

- Não estou aqui para ganhar a sua simpatia. A única coisa que me interessa é realizar a missão passada. A sua opinião com relação as pessoas que não me conhecem e julgam apenas pelo histórico da minha raça não me interessa nem um pouco.

Olharia para os outros revolucionários e os cumprimentaria com um balançar positivo e firme de cabeça. Assim que estivesse preparados, embarcaria junto com eles no barco e lá esperaria o restante do plano, passado pela Lara ou por um dos revolucionários.

Se avistássemos um navio ou se me fosse ordenado, sairia do barco e mergulharia no mar. Olharia para Lara e os outros revolucionários e perguntaria...

- Iremos realizar baixas do lado dos Marines ou simplesmente iremos seguir esse barco para ver qual é a deles! Por que se for para ficarmos seguindo eles, logo mais eles irão nos encontrar e seremos alvo fáceis!

Continuaria na água e aguardaria a manifestação de um deles com relação ao meu questionamento.


Off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptySeg 29 Ago 2016, 11:38

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



O Tritão e a Mercenária


Depois da fala da mercenária, o tritão a respondia com seu costumeiro jeito grosso. - Não estou aqui para ganhar a sua simpatia. A única coisa que me interessa é realizar a missão passada. A sua opinião com relação as pessoas que não me conhecem e julgam apenas pelo histórico da minha raça não me interessa nem um pouco.
- Lara olhava para ele com um sorriso e começava a falar depois de subir no barco que já ia partindo lentamente. - Ownt... Olha só, quem diria...A sardinha tem sentimentos! Anda logo cara, suba no bote e vamos acabar logo com isso! - Ela terminava com uma risada sarcástica e logo depois começava a ordenar para que os revolucionários remassem na direção que ela estava mandando.

O bote era rápido, e em poucos minutos após subir nele, Ken já podia se ver distante da praia e mais próximo de um ponto negro no horizonte. - Ali está... O barco da marinha... - A mercenária apontava para o ponto depois de verifica-lo com seu binóculo. - Iremos realizar baixas do lado dos Marines ou simplesmente iremos seguir esse barco para ver qual é a deles! Por que se for para ficarmos seguindo eles, logo mais eles irão nos encontrar e seremos alvo fáceis! - A fala de Ken parecia irritar a mercenária, que somente respirava fundo e o respondia. - Temos ordens para segui-los, e caso eles tentem nos combater, reagir... Mas o estranho é que eu não vejo nenhum marinheiro naquele barco, e ele parece estar danificado no casco... Talvez tenha sido atacado por algum monstro marinho... O que acha de irmos lá verificar? - Pela primeira vez, a mercenária parecia estar preocupada, e com isso, ela deixava sua briga com o tritão de lado para pedir sua opinião. O mar estava calmo, e o navio dos marinheiros estava imóvel como uma aparente presa fácil.


Histórico:
 

Off:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptySeg 29 Ago 2016, 16:40

“Essa mulher já está me dando no saco! E o pior é que esses outros merdas de revolucionários não falam nada e deixam uma pessoa fora do grupo deles liderar tudo! Ou eles devem ser ridiculamente fracos!”

- Blá, blá, blá... fique com o seu binóculo investigando o navio que eu irei até lá na frente ver mais de perto, já estou começando a ficar irritado nesse botinho com uma pessoa tão deixa pra lá ...

Me levantaria e pularia rapidamente no mar, daria um sorriso de sacarmos para a mercenária e nadaria para o fundo do mar em direção a embarcação supostamente à deriva. Analisaria o oceano a minha volta à procura de algum monstro. Se a minha vistoria não me mostrasse nenhum inimigo submerso, me aproximaria cautelosamente do navio, ainda estaria submerso, e daria uma olhada em possíveis danos...

“Não sou carpinteiro, não adianta ficar olhando a procura de como ele pode ter sido atingido”

Se por ventura, algo estranho fosse em minha direção, apenas usaria a minha velocidade aquática para tomar distância e analisar o que poderia ser aquilo...

Calmamente eu retornaria a superfície e agora com olhos atentos, procuraria alguma movimentação dentro da embarcação da marinha. Caso não encontrasse nada suspeito, me aproximaria e em seguida procuraria um jeito de adentrar dentro do barco. Uma vez lá dentro, me movimentaria de forma calma e sem fazer tanto barulho. A cada momento, procuraria um local seguro e olharia a minha volta e também tentaria avistar algum corpo no chão.

Caso avistasse algum corpo me aproximaria de uma forma sorrateira e analisaria a procura de alguma respiração ou algo do tipo. Feita essa primeira triagem, chegaria mais perto e com um tom de voz baixo questionaria...

-Hei... hei, o que aconteceu aqui?

Se como resposta fosse apenas o silêncio, seguiria adiante e faria a mesma ação caso encontrasse um outro corpo novamente até conseguir informações sobre o que ocorreu.

Sem nenhum corpo naquela embarcação da marinha, apenas continuaria a esgueirar pelas sombras a procura de algo suspeito. Manteria uma de minhas mãos próximas a espada e a sacaria em forma de defesa caso algo me atacasse e me afastaria para entender a situação em que acabará de acontecer.

Mas o navio poderia estar realmente completamente vazio, se esse fosse o caso mergulharia novamente no mar e nadaria pelas imediações a procura de outro navio ou coisa do tipo...

“ Se bem que esse navio pode ser uma armadilha para atrair os revolucionários e afundá-los em um ataque surpresa, se eu fosse da marinha e quisesse me livrar de pessoas como eles certamente utilizaria essa ação. Navegaria algumas vezes para chamar atenção e depois jogaria a maldita isca...”

Continuaria a nadar rapidamente tentando cobrir o maior raio possível a partir do navio supostamente avariado da Marinha.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptySeg 29 Ago 2016, 18:10

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



It's a Trap!


Depois de velejarem alguns minutos e de a mercenária pedir a opinião de Ken, ele somente a respondia de forma sarcástica e logo depois pulava no mar. - Blá, blá, blá... fique com o seu binóculo investigando o navio que eu irei até lá na frente ver mais de perto, já estou começando a ficar irritado nesse botinho com uma pessoa tão deixa pra lá ... - Pulando no mar, seu habitat natural, Ken se sentia muito mais rápido e forte e logo começava a nadar na direção do barco a deriva.

Não haviam sinais de monstros marinhos próximos, nem mesmo os peixes nadavam ali naquele mar aberto, Ken era um tritão solitário em meio a toda aquela imensidão azul. Chegando mais próximo dentro de alguns segundos, o tritão mesmo sem muito conhecimento em carpintaria poderia perceber que o casco do navio não estava muito danificado, talvez estivesse até muito normal diferente do que tinham visto de longe.

Ken procurava alguma forma de subir no barco, e por coincidência ou não, depois de dar uma volta inteira ele podia ver que a âncora do navio estava baixa naquele local e então ele pode subir por ela. Ao subir no barco, o tritão podia perceber que tudo estava em seu devido lugar, barris bem alinhados, tudo bem limpo... Até que...

- PEGUEM ELE! - Uma voz grossa e rouca saia de um dos barris junto a mais outros dez marinheiros que pulavam sobre o tritão o pressionando contra o chão, não dando nem possibilidade dele pegar sua espada ou fazer qualquer outra coisa. Os soldados mais fortes colocavam seu peso contra a força do tritão mas ele logo via, um velho com um charuto na boca que parecia ser o líder daquele esquadrão chegando perto com um bastão em suas mãos. - E é assim marujos... É assim que se pega um peixe... HAHAHAHA! - Os soldados riam junto com ele enquanto ele somente dava um golpe com seu bastão bem no meio da testa de Ken.

...

Grades, o tritão estava em uma cela e só conseguia ver isso após acordar. Com os pés no chão ele podia sentir o movimento do barco e o mar abaixo dele, suas coisas haviam sumido, somente seu cigarro estava no chão frio junto a Ken. A sua frente, aquele mesmo homem que havia lhe dado um golpe de bastão estava sentado em um pequeno banco, fumando um outro charuto com um olhar sarcástico na direção do tritão. - Hehehehe... Parece que pegamos vocês não foi...? - Ele se levantava e começava a andar em volta das grades. - Vocês acham que os marinheiros são burros?... Pois não somos! Hehehehe... - Ele baforava a fumaça entre os dentes e voltava a falar. - Então... Quer dizer que os revolucionários naquela ilha tem tritões com eles? Que coisa estranha... - Voltando a se sentar ele continuava. - Você deve ter informações secretas que eu nem sonharia colocar as mãos não é?... Bem, pra onde estamos indo vão ter pessoas que poderão arranca-las de você... Hehehehe - Ele terminava de falar com sua costumeira e estranha risada.

O tritão estava trancafiado, em direção a outra ilha provavelmente. Suas mãos estavam livres, mas aquele homem do outro lado das grades não parecia ser bobo o suficiente para se aproximar demais.



Histórico:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 EmptyQua 31 Ago 2016, 11:13

Enquanto o homem dos charutos proferia suas palavras eu simplesmente respiraria fundo, pegaria o cigarro que estava no chão e o guardaria em algum local apropriado.

“Não posso desperdiçar, vai que eles resolvam fumar o baseado!”

Olharia agora com um olhar mais calmo e diria ao homem da marinha!

- Prazer, meu nome é Ken! Infelizmente não faço a menor ideia das informações que você possui! Para ser sincero, há algumas horas antes de ser pego pelo seu pessoal eu matei um revolucionário chamado Abel. O cara do nada me atacou e acabei matando ele, como receio peguei os seus pertences e vestimentas para me misturar e fugir de seus amigos.

Ficaria de pé na cela e apoiaria uma de minhas mãos na grade enquanto continuava a conversar com o homem.

- Na minha fuga, um grupo de revolucionários estava em minha cola e então resolvi fugir pelo mar, depois de nadar algum tempo encontrei esse navio que na verdade parecia estar abandonado e como não como nada descente a dias, resolvi procurar alguma coisa na dispensa antes de seguir viagem de volta para casa.

Agora com as duas mãos na barra olharia nos olhos daquele ser humano e com toda a serenidade, calma que eu poderia ter naquele momento finalizaria a conversa.

- Essa é a verdade, pode não parecer por eu ser um tritão e não ter muita opção junto aos seres humanos. Mas não tenho interesse nenhum nos revolucionários e também não ofereci nenhuma resistência ao ser capturado... colocaria a mão na testa... até o seu golpe foi desnecessário mas, no seu lugar eu também ficaria com um pé atrás.

Sentaria novamente no local em que eu acordei e esticaria minhas pernas da melhor forma que fosse possível naquele momento.

“Não tenho muito o que fazer agora, se ele acreditar em mim eu serei um cara muito sortudo e duvido que eles tenham chego ou até mesmo consigam acompanhar esse navio com aquele bote”

- Mas é claro que eu sou seu convidado, não posso fazer nada a não ser que você queira e se você realmente quiser para uma outra ilha para que eu fale, fique à vontade não irei resistir... apenas irei cooperar com vocês!

“Se nada der certo, a melhor opção em fugir daqui vai ser na hora deles me tirarem dessa cela para o desembarque!”

- Só mais uma coisa, eu estou muito apertado, onde posso mijar?

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...   Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver... - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Bem Vindo ao Clube! Vivo só nos resta viver...
Voltar ao Topo 
Página 2 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Conomi Island-
Ir para: