One Piece RPG
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» I - A Whole New World
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 14:37

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Furry Hoje à(s) 12:39

» [ficha] Arthur D.
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor arthurbrag Hoje à(s) 12:25

» Enuma Elish
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 11:22

» [Mini-Aventura] A volta para casa
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Fiest Hoje à(s) 10:51

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Fukai Hoje à(s) 10:10

» [MINI-ARTHURBRAG] COMEÇANDO UMA AVENTURA
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor arthurbrag Hoje à(s) 10:07

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor PepePepi Hoje à(s) 07:50

» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 06:02

» Hey Ya!
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor GM.Mirutsu Hoje à(s) 02:56

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 02:08

» [Ficha] Raveny Moonstar
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 01:38

» Raveny Moonstar
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 01:36

» ブルーベリーパイ ~ Blueberry Pie
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 01:11

» Escuridão total sem estrelas
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 00:39

» Capítulo I: Meu nome é Cory Atom! Filho de Kouha Atom
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Kiomaro Hoje à(s) 00:27

» Arco 5: Uma boa morte!
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 23:58

» A inconsistência do Mágico
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 23:45

» Seasons: Road to New World
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Volker Ontem à(s) 22:44

» Ain't No Rest For The Wicked
Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Emptypor Hoyu Ontem à(s) 21:55



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Episódio 2 - A luta dos Justos

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySeg 28 Mar 2016, 12:47

Relembrando a primeira mensagem :

Episódio 2 - A luta dos Justos.

Aqui ocorrerá a aventura do(a) marinheiro Carnelian Velvet. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento


Data de inscrição : 31/10/2011

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptyQua 27 Abr 2016, 19:46

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Não dá pra prender? Que não dá pra prender o que? Ouvi evidência pra caralho...
Post: 10 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

O avanço para cima do gordo deu certo e um bom soco foi aplicado, porém antes de continuar a sequência de golpes, o alvo tentava argumentar e isso lhe deu tempo suficiente para a chegada de Ganjo. Agora, Veru tinha dois oponentes em seu caminho. Entretanto, as palavras do gordo mostravam que ele era um homem sem escrúpulos, o que aqueceu ainda mais o sangue justiceiro do ferreiro.

Oi, oi... o que está fazendo moleque? Vou lhe processar, esse lugar é privado, não tem motivos para me prender, quais evidencias você tem?!

Que diabos está acontecendo aqui? A marinha? Porque está aqui?

- Calado, Ganjo… Este homem está te usando. Você é a vítima das armações dele. Se você não acredita em mim, o nome Kletos te ajudará a confiar…

E assim Velvet voltaria a atacar o gordo sem hesitações. Ele não precisava de provas, já tinha ouvido o suficiente, tudo o que precisava fazer era encher aquele homem de porrada e prendê-lo depois. O soldado atacaria com dois socos, um no estômago e um gancho no queixo do adversário obeso. Visava assim nocauteá-lo sem perda de tempo. Havia a possibilidade da Marinha sofrer com a falta de provas, mas Carnelian pouco ligava para isso. Ele estava mais preocupado com seu senso de justiça do que com a aplicação da lei.

Na hipótese de Ganjo se intrometer, Velvet voltaria a falar. - Ganjo, ajude-me a prender este homem e você será ajudado na hora do julgamento. Caso contrário, você será o culpado. Ele armou pra te incriminar! - Insistiria na verdade, pois só com ela seria capaz de libertar as amarras em cima daquele criminoso que dessa vez não tinha tanta culpa assim. Caso ele não mudasse de atitude, socaria-o também sem hesitar. Quanto mais presos, melhor!
Considerações:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySex 29 Abr 2016, 17:36

~~ Narração ~~


O jovem Carnelian explicava a situação para Ganjo que se demonstrava confuso ao ouvir o nome Kletos. O gordo deixou um leve sorriso irônico sair de seus lábios até voltar sua expressão apavorado. – Pare garoto, você está louco? Invade um lugar privado e ainda agride o dono da fábrica! Velvet nem queria saber ia logo sentando a pica no gordo, depois de duas bofetadas o homem ficava com as partes inchadas e roxas até o sargento restringir os movimentos do soldado. – O que está fazendo Velvet? Pare! Naquele momento tomado por fúria, a única coisa que pode lhe acalmar era a voz de seu superior. Rhoen olhava para Ganjo e para o careca e como não sabia da situação largou os pulsos do boxeador e pediu que explicasse o que ocorria.

Porém o careca atento as falas do outro marine, interviu nas palavras de Velvet. – Esse soldado está louco... começou a nos acusar de coisas sem sentido sem ao menos ter provas, tem noção da idiotice que ele fez? Façamos assim... O gordo lentamente colocava-se de pé respirando fundo. – Se saírem agora eu não irei dar queixa! O sargento quase sem nenhuma prova concreta responde. – Tudo bem, iremos agora. Vamos Soldado Carnelian, não fale nada pode piorar as coisas! Os marines já estavam saindo da fábrica, mesmo que o boxeador praticamente estivesse sendo arrastado pelo seu superior. Após saírem do local, Rhoen levava Velvet consigo até o outro lado da rua onde os irmãos Zetrax estariam. – Então o que conseguiram? Profere o superior ao olhar para os soldados. – Sargento, parece não ter nada além de pele nas caixas, tem alguns animais sedados numa ala mais acima, porém não é ilegal se foram capturados! Um dos irmãos fala ao fazer uma face pensativa. – E você soldado Carnelian, o que houve lá? Questionava o marine buscando entender a situação anteriormente.





Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptyTer 03 Maio 2016, 18:32

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Sabe o que é isso? É injustiça… É isso que a gente quer… Injustiça com inocentes...
Post: 11 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

Frustração. Não havia palavra melhor que se encaixasse naquele momento. O jovem Velvet estava atrás do vilão da história e já havia lhe derrotado com alguns golpes, bastando dar o golpe final quando seu próprio grupo lhe interrompeu e tirou daquele lugar. Aquele sequestrador sabia manipular e não hesitou em mostrar suas competências. Agora, todos estavam fora do armazém fazendo o relatório de suas buscas.

E você soldado Carnelian, o que houve lá?

- E o que interessa? Você me tirou de lá sem perguntar o motivo de eu estar batendo nele. Aquele merda confessou pelo den den mushi que era o responsável pelos sequestros e Ganjo era um bode expiatório.

Não disfarçaria a raiva sentida. Pensar em punições estava fora de cogitação, tudo o que sentia era raiva, sensação de incapacidade e tristeza. Tinha que segurar a vontade de voltar e esmurrar aquele homem até não poder mais. Suas manoplas não estavam amassadas ainda e ainda poderiam causar muito mais estrago naquele obeso.

Depois do rompante, escutaria o que os superiores tinham a dizer. Se confiassem na sua palavra, voltaria lá e encheria o homem gordo de socos até não poder mais. Se lhe dessem broncas, ouviria tudo de cabeça baixa e esperaria as novas ordens, executando-as em seguida. Se bolassem uma nova estrategia, ouviria e esperaria pelas orientações.


Considerações:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptyQua 04 Maio 2016, 14:14

~~ Narração ~~


O jovem boxeador ainda frustrado, irado e perturbado respondia ao seu superior de maneira rude, ambos os irmãos soldados e o sargento apenas olhavam para o marine. Rhoen cruzou os braços apoiando sua mão no queixo mostrando estar pensativo, sua mente começava a produzir estratégias para que pudessem prender o responsável pelos sequestros. – Hum... então o culpado é o sócio do Ganjo?! Estamos num jogo de xadrez, qual será o próximo movimento dele? O sargento mostrava sua capacidade de raciocínio, era bem alta e por mais que Velvet estivesse puto por terem tirado da fábrica, havia motivos e poucas provas, pois quem acreditaria em um mero soldado raso?

Enquanto os marines pensavam em uma forma de extorquir informações do gorducho, o homem careca saia pelos portões da fábrica olhando para os lados e tentando avistar algum marine, porém, o grupo estava do outro lado da rua escondidos pela sombra que fazia do estabelecimento. O homem de terno careca sorria ao perceber estar sozinho e saia caminhando em direção a ladeira. Ganjo saia da loja poucos segundos e subia a rua principal. – Soldado Carnelian siga o seu atual suspeito, não faça bobagens, pegue ele no ato, para que consiga provas, um dos irmãos irar contigo. Eu irei seguir Ganjo com o Fill! Ele terminava de falar e saia pelas bordas das ruas tentando se esconder junto do soldado Zetrax. O ferreiro estava com Will, o jovem de madeixas mais claras. Ao seguirem o careca após minutos na espreita, os dois soldados deparam-se com uma casa perto do mar. Era velha, mas habitável. O homem de terno batia na porta enquanto olhava pela volta, Velvet e Will se escondiam atrás de uma árvore.

A porta se abria e um homem estilo caçador falava com o careca. Velvet conseguia escutar de longe, mas não conseguia distinguir o assunto, apesar de que a voz era exatamente a mesma do den den mushi. O gordo entrava e uma das luzes ficava acesa, a porta era fechada e não havia ninguém na volta, a não ser a luz da lua clareando as aguas noturnas. O que o jovem e inexperiente faria a seguir?





Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptyQua 11 Maio 2016, 17:41

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
BRRRR
Post: 12 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

A missão se afastava do desfecho com as ordens do superior. Deixar o principal suspeito escapar por falta de evidências era algo normal, porém o jovem justiceiro não conseguia aceitar aquela situação. Ele lutava contra sua própria personalidade, tentando não ser um subordinado ruim e acabar agindo contra as ordens do Sargento. Respirando forte sempre que sentisse a frustração e a raiva tomarem conta de seu corpo, ele partiu com um companheiro numa missão furtiva, aonde deveriam seguir o alvo e quem sabe encontrar provas e reconquistar a confiança dos colegas.

- Ei… Essa voz… Aquele homem estava do outro lado do den den mushi. Deve ser o tal do Kletos.

Diria após reconhecer a voz que já tinha ouvido antes. A dupla estava agora em uma casa perto do mar sem luzes. Era perigoso se aproximar, pois poderia ser uma armadilha. Mas cada segundo perdido, era um segundo de sofrimento que os sequestrados sentiam. Era hora de tomar uma posição e Velvet - tentando não ser impulsivo - perguntaria ao nakama o que fazer.

- Como agiremos? Vamos nos separar, invadir e quebrar tudo ou observar mais de perto?

Caso o companheiro decida avaliar mais e tentar buscar mais informações, seguiria e tentariam analisar mais antes de tomarem alguma atitude. Caso decidam invadir quebrando tudo, Veru começaria a invasão com um chute na porta perto do maçaneta para quebrar e já entraria de forma imprudente, buscando aquele obeso para voltar a lhe encher de porradas. Na hipótese de optarem por uma infiltração silenciosa, apenas seguiria as orientações do colega. À qualquer momento, ficaria atento à possíveis golpes e armadilhas, tentando desviar como fosse possível, seja com saltos ou cambalhotas pelo chão.

Considerações:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptyQui 12 Maio 2016, 14:48

~~ Narração ~~


O jovem marinheiro decidido ao fazer o bem, mas relutando a não fazer besteira, dialogava com seu parceiro sobre o que iriam fazer, Will ficava um pouco pensativo enquanto analisava a residência melhor. – Se você tem certeza que ele é o culpado podemos invadir e fazer ele falar na base da porrada! Não sou bom com torturas ou perguntas, deixarei isso para você. O marine de madeixas louras terminava de falar ao dar um tapinha na costa do Carnelian, deixando seu sorriso contagiar o boxeador.

Em seguida os soldados decididos a fazer o gorducho falar e descobrir quem era Kletos, chegavam na frente da porta e Velvet sentou o pé estilo detetive quando descobre um crime. No momento que a porta se quebra com o chute, puderam notar uma casa quase que vazia, possuindo apenas alguns moveis e uma outra porta mais à frente. – Ué... proferiu o soldado Zetrax ao estar confuso analisando o ambiente. O marine anda até a porta e abre. – Vem aqui Velvet, rápido! Ele aumenta seu tom de voz ao descobrir o que tinha dentro da sala. O jovem ferreiro acelerou o passo e ao entrar pela porta percebeu um rastro de sangue enorme, como se tivessem arrastado um corpo, esse rastro continuava até uma entrada no que parecia ser uma entrada para o porão ou alguma coisa no subsolo. – Caramba... ta parecendo filme de terror! Will fala ao mostrar-se tenso com a situação, talvez estivesse nervoso, pois sabia que poderia ser alguma das crianças sequestradas ou talvez algum marine sabe-se lá. Will agachou-se e tocou no sangue. – Está fresco! Não faz muito que algo foi morto. Ele mostra uma cara de surpreso. Mas apesar do medo, o soldado não recua, coloca suas mãos no que parecia ser maçanetas largas e ergue. No mesmo momento as duas portas de porte médio abrem-se para os lados e uma escadaria com uma luz acesa era o que poderia notar.

Will faz um sinal para Velvet, um sinal que insinuava a descida. Passo a passo eles seguiam pelas escadas, iam lentamente mostrando-se atento a qualquer ataque, apesar do silencio, e do forte vento que estava no local, não havia sinal de ninguém. Estranhamente, pois eles tinham confirmado duas pessoas dentro da casa! A escada terminava e Velvet e Will estava de frente para algumas gaiolas de aço. Dentro de cada uma tinha uma criança, deveria ter em média umas 7 a 10 gaiolas. Porém algumas estavam vazias e apenas uma luz fraca que piscava freneticamente pela falta de energia ou por estar velho mesmo, iluminava o lugar. Era um tipo de sala quadriculada e parecia não ter saída. – Meu Deus, é muito doentio isso! Velvet, tá cheirando a armadilha saporra! Não sei não em... acha que é melhor recuar? To contigo, se quiser recuar ou seguir em frente! Ele terminava de falar ao olhar para o corredor onde estavam e em seu final dava para ver as gaiolas com as crianças no que pareciam estar dormindo.



Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySex 13 Maio 2016, 18:49

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
É 13, PORRA!
Post: 13 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

A dupla observava a situação e o soldado loiro - mais antigo no grupo em comparação ao ferreiro - decidia confiar no instinto recém-chegado e assim invadiam ao estilo Matanz: Pé na porta e soco na cara! Mas para a surpresa de ambos, não havia uma pessoa sequer em seu interior a não ser por mais uma porta e assim a dupla foi cada vez mais fundo naquela missão, dando de cara com gaiolas aonde estavam as crianças sequestradas.

Meu Deus, é muito doentio isso! Velvet, tá cheirando a armadilha saporra! Não sei não em... acha que é melhor recuar? To contigo, se quiser recuar ou seguir em frente!

- Recuar? - Apertou os punhos com toda a força, extravasando todo a raiva que sentia no momento. Ver aquelas crianças em estado tão deplorável, mexia diretamente com suas emoções e lhe cegavam para os perigos no caminho. - Eu vou até o fim… Eu os farei pagar…

Velvet estaria decidido e nem mesmo as palavras de seu colega conseguiriam mudar sua opinião. O soldado de cabelos rosas sairia correndo em direção as crianças, prestando atenção nos arredores, pois seu verdadeiro objetivo eram os malfeitores. Caso encontrasse algum, mudaria a corrida para a sua direção e utilizaria de dashs para surpreendê-lo e se aproximar de maneira veloz e quem sabe evitar uma possível armadilha. Caso consiga chegar perto, atacaria com socos, mirando o rosto dos criminosos. Sempre com socos diretos, aproveitando ao máximo o potencial das manoplas que ele mesmo havia forjado.

Na hipótese de ser pego em uma armadilha ou não encontrar malfeitor algum, focaria nas crianças e no resgate, tanto delas quanto dele mesmo. Sair de lá com vida poderia ser um desafio, porém ele seguiria em frente sem hesitar. Um verdadeiro marinheiro não podia se preocupar com os perigos que o mundo tinha e sim com as pessoas que podia ajudar. À qualquer momento, utilizaria suas capacidades físicas para desviar de qualquer golpe em sua direção. Tentaria manter-se em perfeitas condições enquanto observaria quem lhe atacava, tentando assim bolar alguma maneira de derrotar tal adversário.
Considerações:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySab 14 Maio 2016, 16:17

~~ Narração ~~


O jovem ferreiro após ouvir as palavras de seu companheiro de equipe, cerrava seus punhos com tamanha ira que mal podia conter seu corpo, sua mente sabia, havia sido avisada sobre a armadilha, mas o corpo em certas situações acaba movendo-se sozinho e foi nessa ocasião que Velvet saio correndo determinado a ajudar as crianças. – Espere Velvet, vamos com calma! Falou Will ao ver o soldado de madeixas rosadas correr em direção as gaiolas contendo algumas crianças.

O soldado Carnelian havia passado pela entrada no final do corredor mostrando estar com a adrenalina em alta, fora que estava ainda furioso com as artimanhas do gorducho. Ao chegar na ala, poderia ver que eram uma sala quadriculada, as gaiolas estavam grudadas nas paredes formando pares em baixo e em cima. Apesar das crianças estarem o que parecia dormir, Velvet mostrava-se agitado sem pensar em suas ações, quando menos notou caio em cima dela uma rede cheia de espinhos pequenos, porém pontiagudos. Eram feitos de ferro e isso perfurou a roupa, os músculos e a alma do marinheiro, pois tinha caído numa armadilha mais do que obvio. Não era culpa de Velvet, pois quem iria segurar-se numa cena como aquela, crianças maltratadas, engaioladas e sabe se lá o que mais... Will estava alguns metros atrás de Velvet quando viu a rede cair por cima de seu companheiro. Ele corria em direção ao soldado Carnelian para prestar ajuda e percebeu que a rede havia algumas partes dos espinhos que eram maiores e mais grossos, grudando assim no solo. O ferreiro foi obrigado a baixar seu corpo ficando com as mãos no chão junto de seus joelhos. Seu corpo sangrava pelos furos que havia recebido. – Vou tirar você daí Velvet, aguente firme! O soldado Zetrax profere ao mexer na rede. Porém o jovem de madeixas rosadas pode perceber uma parte a sua direita mais escura pela falta de iluminação e nesse momento percebeu um homem saindo daquela escuridão, poderia até tentar avisar, mas seria tarde demais.

O mesmo homem vestia camisa sem mangas de couro com um cachecol longo e escuro, sua bermuda parecia surrada e costurada em algumas partes, usava munhequeira de couro também. Possuía cabelos longos bagunçados e uma barbada mediana de cor escura também. – Não se rouba de um ladrão sabiam? Ele prefere enquanto carregava consigo uma adaga, mas já havia jogado outra no ombro esquerdo de Will. – AHHHHHHHWWRR... Ele gritava de dor e caía para trás. – Infelizmente terei que matá-los, pois o gordão de terno é meu chefe e infelizmente ninguém pode saber dessa operação! Velvet ouvia as palavras do homem que carregava consigo adagas e um sorriso bem repulsivo. Provavelmente era Kletos, era mais do que obvio, pois, a voz dizia tudo do homem, como apenas o soldado Carnelian havia ouvido, apenas ele poderia assumir e dizer a identidade do homem.


Kletos:
 


Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySab 14 Maio 2016, 16:58

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Agora a porra ficou séria
Post: 14 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha rasgado e Óculos.

O coração quente do soldado novamente lhe colocava em uma situação dolorosa. Ter avançado de forma impulsiva cobrava o preço e sem conseguir perceber a armadilha, acabou pego. Não havia mais nada a se fazer, pois as consequências de seus atos apareciam e a dor que sentia mostrava o quanto ele ainda precisava crescer antes de se tornar quem desejava. Não bastava ser forte fisicamente, sua mente também precisava ser lapidada e a ficha caía conforme seu joelho tocava o chão.

É a segunda vez que um inimigo me bota de joelhos…

Estar de joelhos era apenas uma situação. Temporária ou permanente dependeria apenas de como o ferreiro lidaria com a situação. Render-se-ia e deixaria tudo o que lutou ir por água abaixo com a sua morte ou lutaria até o fim com honra? A primeira opção sequer foi considerada uma hipótese. Velvet jamais abaixaria a cabeça, principalmente diante de uma situação aonde injustiças ocorrem. Kletos tinha o pior inimigo à sua frente. O que movia Veru não era dinheiro, respeito ou vingança. O que lhe movia era o amor e não havia arma maior nesse mundo. O amor pela justiça e o sonho de um mundo melhor preenchiam o coração daquele soldado, dando-lhe forças para superar qualquer situação.

- Você… Eu reconheci a sua voz… Kletos, certo!? Você pagará!

Veru então tentaria se levantar, mesmo com a dor que sentia devido os espinhos no seu corpo. Tentaria puxar as estacas maiores e mais pesadas para conseguir levantar parte da rede e sair pelo pequeno espaço. Utilizaria, também, a armação dos óculos especiais que havia forjado, tentando cortar a armadilha com a parte afiada da armação. Caso não consiga, tentaria morder para romper as linhas num último ato desesperado, mostrando o quão determinado estava para sair dali.

Na hipótese de conseguir sair ou caso seu companheiro lhe solte, ficaria de pé e apontaria para o inimigo com a mão esquerda. - Você sentirá o peso da justiça! - E assim avançaria com toda a velocidade que tinha, dessa vez agiria diferente, usaria de dashs para mover-se em zigue zague e evitar ser pego em novas armadilhas, além de dificultar os movimentos do adversário. Caso consiga se aproximar, atacaria com um jab de esquerda, porém antes do soco atingir, recolheria o golpe e atacaria com um cruzado de direita, efetuando a famosa “finta” no boxe. O objetivo era fazer o oponente agir pensando tratar-se de um golpe direto e baixar a guarda para um segundo golpe que causaria muito mais dano por atingir uma parte desguardada. Atingindo ou não, tentaria um segundo golpe, um gancho de esquerda no estômago do alvo, tentando assim acabar com seu fôlego e quem sabe nocauteá-lo. Caso consiga, tentaria um último golpe, um soco direto com a mão direita mirando a ponta do queixo, algo que certamente causaria muito dano, tanto pelo ponto vital quanto pela manopla. Na hipótese do oponente atacar, usaria sua agilidade corporal para esquivar de seus golpes, movendo-se lateralmente e para trás com saltos rasos, buscando sempre pela abertura para invadir e atacar da forma supracitada.
Considerações:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySeg 16 Maio 2016, 00:34

~~ Narração ~~


O jovem soldado sentia os espinhos penetrarem suas roupas acertando seu corpo. Ele ouvia as falas do gatuno e respondia asseverando a derrota do ladrão. Ele sorria enquanto mexia em sua lâmina, parava próximo de Velvet enquanto encarava sua pequena arma. – Que coragem ou burrice, insultar aquele que estás prestes a te matar! Ele falava ao aumentar seu sorriso mostrando estar no comando. – Por essa ousadia, irei te matar por último, primeiro vou punir seu amigo para que sofra um pouco! Ele falava ao passar em frente aos olhos de Velvet.

Kletos segue em direção a Will, o soldado estava tentando ficar de pé, porém outra adaga penetra a coxa do marine fazendo cair no chão e soltar mais um urro de dor, porém outras duas lâminas eram jogadas acertando o braço e barriga. O marine estava literalmente imobilizado. Ele retirava a adaga de seu ombro, tirava a de sua coxa e a de seu braço, mas a de sua barriga quando tentou tirar a dor era insuportável para o homem, pois estava muito cravada e apenas no mexer, cortava as entranhas de Will. – Ei não grite tanto camarada, pode acordar as cr-.... Suas falas eram interrompidas por choros, sim... as crianças haviam acordado, isso por sorte mostrava para Velvet que pelo menos se superasse tal situação, poderia levar vivas para suas famílias, ele não poderia tentar, ele teria que fazer acontecer, pelo menos isso estava gravado em sua alma. Após exercer força para retirar os espinhos maiores do chão, poucos segundos fazendo força e o espinho era retirado, fazendo o ferreiro retirar a armadilha. Por sorte Kletos não havia notado, estava prestando atenção nas crianças até virar para o lado e perceber o marine de pé. – Ora, ora eu falei, acordou as crianças... mas até que você tem bolas, soldado! Sua voz tinha uma tranquilidade incrível, nem parecia um ladrão de fato.

O jovem boxeador erguia-se e profere sobre o peso da justiça, insinuando que Kletos iria sentir o poder da lei. – Soldado-san, me ajude por favor! Velvet estava prestes a iniciar sua investida, mas uma voz mostrando medo e agonia, chamava pelo marine e seu corpo mostrou-se frágil pelos diversos furos no corpo, apesar de serem finos. Nessa fração de segundos onde Velvet hesitou, não por medo, mas sim por diversos fatores, abriu uma chance para o gatuno tocar uma de suas lâminas na coxa do marinheiro, penetrando o músculo, porém por sorte não acertando o osso. – Sabe era muito obvio que você tiraria a rede, os espinhos eram só uma distração, mas acredito que o efeito da droga irar fazer efeito em poucos minutos... a mesma droga que usamos para nocautear as crianças! Talvez o soldado Carnelian não entendesse inicialmente as falas de Kletos, mas ao olhar seu companheiro, pode ver o mesmo desmaiado, poderia afirmar estar apagado e não morto, pois o peito do soldado mostrava-se respirar ainda. A situação não parecia muito boa, mas as habilidades do marine, poderia reverter a situação.



Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 EmptySeg 16 Maio 2016, 20:59

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
A Justiça não dorme
Post: 15 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha rasgado e Óculos.

A situação de Velvet era horrível. Pior, talvez fosse difícil ficar. Mesmo com seus esforços para se soltar, ainda havia uma segunda armadilha, algum tipo de droga que deixava os alvos inconscientes. Seu companheiro loiro estava nocauteado, embora ainda parecesse respirar. As crianças estavam dormindo e assim o ferreiro pôde concluir que tratava-se de um sonífero. A hesitação, o corpo mais pesado que o normal, certamente estava drogado e era questão de tempo até ser derrotado.

- Heh… É a segunda vez que sou pego em uma situação de derrota certa… Só tem um pequeno problema… Eu jamais desistirei… Você acha que algo como sono vai me parar?


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Enfiaria a haste dos óculos na parte externa da mão esquerda. O objetivo era causar uma dor tão forte que lhe despertaria e adiaria o efeito do sonífero. Não precisava da mão esquerda para atacar o sequestrador, confiava o bastante na mão direita para nocauteá-lo. - CRIANÇAS… VOCÊS VERÃO SEUS PAIS EM BREVE… EU PROMETOOOOOOOOOOOOOOO! - Um grito saía de sua garganta, alto o bastante para ecoar por todo o local. Não tinha objetivo algum em mente, apenas estava buscando forças em seu interior para ultrapassar a situação e continuar lutando. Afinal, o sono no momento seria seu maior inimigo e tinha de derrotá-lo para poder enfrentar o criminoso.

Que merda… Como eu vou enfrentar esse cara?

A dor e o cansaço lhe impediam de pensar com calma e seus atos impulsivos estavam piorando a situação. Como lidar com a situação? Não havia possibilidade vitoriosa, tudo o que podia contar era com seu punho direito e sua força de vontade. E assim ele partiria em direção ao usuário de facas. Manteria a mão em guarda e a esquerda para baixo. Aproximar-se-ia lentamente e tentaria ficar de olho no alvo, esperando seus movimentos para reagir. Mover-se-ia com o jogo de pés típico de boxeadores para desviar de possíveis cortes e estocadas. Caso sentisse que não daria para esquivar, saltaria para trás e tentaria recuperar a distância novamente. Se encontrasse alguma abertura, tentaria aplicar um soco direto no maxilar do adversário. Caso não encontre, forçaria a abertura ao tentar segurar a faca com a mão esquerda e contra-atacaria com um gancho de direita. O sacrifício poderia lhe dar a hesitação necessária para atingir o alvo e conseguir derrotar aquele oponente cheio das artimanhas.
Considerações:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Conteúdo patrocinado




Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Episódio 2 - A luta dos Justos
Voltar ao Topo 
Página 3 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Polestar Islands-
Ir para: