One Piece RPG
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» ~ RESET ~
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 17:38

» [M.E.P] Nash
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor TsubasaNash Hoje à(s) 13:40

» [Kit - Garou]
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Ainz Hoje à(s) 12:06

» V - Into The Void
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 11:03

» Mini - DanJo
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor DanJo Hoje à(s) 02:51

» Crisbella Rhode
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 02:48

» A Aparição de Mais Um Meio a Tantos
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Wave Hoje à(s) 00:53

» O vagabundo e o aleijado
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Ghastz Hoje à(s) 00:40

» Mini Aventura - Agyo Shitenno
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 23:16

» O Legado Bitencourt Act I
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Faktor Ontem à(s) 22:16

» Apenas UMA Aventura
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Van Ontem à(s) 17:49

» Bellamy Navarro
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Greny Ontem à(s) 12:43

» Unbreakable
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor Ainz Ontem à(s) 11:55

» (Mini) Gyatho
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 01:02

» (MEP) Gyatho
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:55

» [MINI-Tenzin]Here we go again
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:53

» [M.E.P]Tenzin
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:43

» [Extra] — Elicia's Diary
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor GM.Noskire Ontem à(s) 00:27

» M.E.P DanJo
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:27

» Mini Aventura - No Mercy
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:20



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 Em busca de um novo Horizonte - Shells Town

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 5ª Rota - Pindorama

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptySeg 11 Jan 2016, 22:56

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Gaiden. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gaiden
Civil
Civil
Gaiden

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 4010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2012
Idade : 24
Localização : Micqueoto - Northo Blueo

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptySex 15 Jan 2016, 15:14


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

  Minhas pernas ainda que encharcadas e doídas se submetiam às minhas ordens, e naquele dia tenebroso me levavam para um destino volátil e incerto. Cabisbaixo, caminhava relutante, com braços estirados e esperanças desvanecidas, fadigado, entretanto, determinado...determinado a achar meu destino perante aquela terra nova, determinado a encontrar explicações, esclarecimentos, ou pelo menos uma luz que me dissesse o que eu queria ouvir...um consolo para a superação do óbito do meu passado. 

  Como pode um homem viver sem história? - Refletia aflito, enquanto continuava meu obscuro deslocamento - Tenho que continuar, tenho que continuar, tenho que viver, tenho que continuar...tenho que encontrar respostas - Prosseguindo com o devaneio, eu enchia os olhos de lágrimas, mirando minha parte mutilada, da qual resultara de uma cena que me assombrava desde a perda de memória. A única lembrança restante.

  Após alguns segundos sonhando, eu logo me tocava da necessidade de uma ocupação, um meio de me desvirtuar dos maus pensamentos, um modo de ganhar conhecimento do que aconteceu...era o que me parecia certo até o momento. Após ler aquela carta minha ânsia de saber a verdade era absoluta, contudo, algo em minha essência me levava a priorizar outras diretrizes, não sabia se era por meu subconsciente ter me condicionado a relevar abstrações após o ocorrido, ou o receio de encontrar a verdade me iludia e me direcionava a outras vertentes...só sabia que eu tinha que encontrar um trabalho, mesmo com minhas vestes empoeiradas e minha cabeça ao avesso, eu precisava ser funcional, e esse pequeno ponto de vista intrínseco em meu ser me fazia ficar ao menos um pouco mais determinado.

  Aqui eu me encontro, fraco, em uma cidade desconhecida à procura de um serviço. Algo me fazia continuar a caminhar, mesmo que quase caindo, mas fazia. Depois de enxugar meu olhos levemente, eu ergo a cabeça, provavelmente tentando provar para meu consciente de que eu conseguia ser forte. Meu objetivo estava traçado, e eu iria ter sucesso nele...Iria usar minhas habilidades ainda inferidas de ferreiro para encontrar um emprego, talvez em uma companhia de Zeppelins, ou em uma loja de armas, tanto faz... o que faz a diferença não é o emprego, mas sim a oportunidade de subir na vida novamente, e de me ocupar...pra depois voltar para aquele lugar. Eu caminhava sem rumo, mas com um almejo, de ser mais forte. Encontrando qualquer cidadão, eu perguntaria:

  Senhor(a), por favor, poderia me dizer onde que me encontro? E onde poderia achar uma companhia de transporte aéreo ou uma loja de ferraria pelas redondezas? - Falando firmemente, já na tentativa de incorporar um semblante de confiança.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

HP: 120
SP:62

Off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Legenda:
 



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Gaiden em Dom 23 Abr 2017, 17:31, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Pirata
Pirata
Kenshin Himura

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 23

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyDom 17 Jan 2016, 05:12

Mais um dia e o jovem Gaiden caminhava sem rumo pela cidade, o dia estava calmo haviam poucas pessoas andando pelas ruas da cidade, o clima estava totalmente agradável sem nenhuma nuvem no céu, o garoto andava meio que desnorteado pelas ruas, já que o mesmo não se lembrava de seu passado, o que restava agora era construir o seu futuro, enquanto andava pela cidade o mesmo indagava.

- Como pode um homem viver sem história? O mesmo dava uma pequena pausa e logo voltava a falar. - Tenho que continuar, tenho que continuar, tenho que viver, tenho que continuar...tenho que encontrar respostas. As poucas pessoas que estavam andando a sua volta começavam a achar estranho, alguém que andava sem rumo e falando sozinho para o nada, os mesmos começavam a achar que o garoto era algum tipo de doido.

 Após algum tempo analisando sua situação, o mesmo chegava na conclusão que deveria arranjar um emprego, mesmo que ainda não se sentisse muito bem ele deveria ser útil para alguma coisa, e assim subir na sua nova vida. Com isso em mente ele ia em direção a uma velha senhora que se encontrava sentada em um banquinho em frente à sua casa, o mesmo se aproximava dela e sem muitas cerimonias começava a falar.
 
- Senhora, por favor, poderia me dizer onde que me encontro? E onde poderia achar uma companhia de transporte aéreo ou uma loja de ferraria pelas redondezas? O mesmo falava com uma voz firme e focada para que a mulher não se assustasse com ele, a mesma analisava o garoto de cima a baixo, assim sem muitas demoras a velha começava a falar.

- Meu filho, você se encontra na cidade de Shells Town, no East Blue, o porre deve ter sido grande hein!? Ela dava uma pequena pausa dando algumas risadinhas, em seguida a mesma voltava a falar. – Bom o porto de zepelins fica a oeste da cidade, se você seguir esse caminho logo encontrara ela! Ele falava apontando para um beco a sua esquerda. – Bom quanto a loja de armas fica no lado oeste da cidade, e uma grande loja de armas com uma pequena forja do lado, se seguir a sua direita na estrada principal logo logo irá encontrar, não e nada difícil, espero ter ajudado. A velha dava um sorriso simpático para Gaiden que agora tinha duas escolhas a fazer, seguir para a loja de armas ou então ir tentar uma vida na estação de zepelins.
Off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Gaiden
Civil
Civil
Gaiden

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 4010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2012
Idade : 24
Localização : Micqueoto - Northo Blueo

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyDom 17 Jan 2016, 22:58


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

   Assim como o tempo, eu circulava manso através da ruelas da cidade imperita, sentindo em minha derme o agradável clima corrente, e notando o nítido azul do céu me cercar. Era de se esperar que alguns olhares me fossem direcionados durante o trajeto, afinal de contas, para os locais o dia estava em seu ápice de normalidade, e não era nada normal um andarilho sujo caminhar perante seu território. Mas eu não ligava, sabia que meu compromisso era crucial para com meu futuro, então não autorizaria meu ser a se abalar.  

   Após alguns momentos jornadeando, eu logo encontro um indivíduo aparentemente singular...uma simplória idosa, humildemente sentada em um banquinho na vanguarda de sua residência. Não pretendi observar mais detalhes da velha, pois por mais que eu quisesse, estava psicologicamente ansioso, mesmo não expressando em minha superfície.   Portanto fui isocronicamente ao ponto, e esperei a resposta da senhora.

   Meu filho, você se encontra na cidade de Shells Town, no East Blue, o porre deve ter sido grande hein!? - Soltava a velha, meio que debochando da minha cara, e de praste já continuava sua indagação - Bom o porto de zepelins fica a oeste da cidade, se você seguir esse caminho logo encontrara ela! Bom quanto a loja de armas fica no lado oeste da cidade, e uma grande loja de armas com uma pequena forja do lado, se seguir a sua direita na estrada principal logo logo irá encontrar, não e nada difícil, espero ter ajudado. - Terminava sua articulação a mulher, após apontar para becos e estradas.

  Apesar de estar ainda um pouco desnorteado, conseguia absorver as informações com certo grau de facilidade. Acenando a cabeça levemente, dava um sinal de "Ok, valeu pela informação, se cuide, você é linda, abraços, até mais, não se esqueça dos remédios" para a velhinha, e já continuava minha trilha. Minha diretriz estava traçado, minha primeira opção era a Empresa de "Zeppelins". Era uma empresa relativamente grande, onde eu poderia subir de maneira fácil, e onde também teria os artifícios para ajudar tanto na parte da maquinaria quanto do ferro, me adequando perfeitamente ao clima industrial e/ou mecânico da companhia.

  Apressando meus passos, eu seguia pelo beco, já ganhando uma grande parcela determinação perdida, não sabia o que tinha, ou o que se passava por baixo da minha pele, mas sabia que uma energia começava a emanar do meu corpo, como nunca tinha sentido antes - Vou conseguir, vou me lembrar de tudo, algo vai me fazer subir, vou encontrar meu caminho perante os grandes, e vou fazer isso com o "Swag" e a genialidade que sei que tenho...VAMOS LÁ!! - Terminava minha reflexão em êxtase, e quase que sincronicamente começava a correr com prontidão, em busca da companhia aérea.

  Caso chegasse a encontrar uma recepção, perguntaria à mesma "Olá!! Estou a procura de um trabalho por aqui... Não peço muito, algo provisório já seria o bastante, tenho certas habilidades que penso que serviriam para o propósito de vocês" - Encerrando minha falatória em tom feliz e confiante, tentando mostrar um semblante sadio.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

HP: 120
SP:62

Off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Legenda:
 



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Gaiden em Dom 23 Abr 2017, 17:32, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Pirata
Pirata
Kenshin Himura

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 23

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyTer 19 Jan 2016, 02:52

Gaiden não se sente incomodado com os olhares constantes que recebe, consegue as informações requisitadas com uma velhinha bem generosa e um pouco sarcástica. Apesar de não dizer nada, Gaiden acena levemente com a cabeça, fazendo assim um sinal de agradecimento, que a velha parece entender, já que mantêm seu sorriso no rosto, observando Gaiden seguir pelo caminho indicado.

O beco que o ferreiro adentra, apesar de ser um pouco estreito, não parece ser tão longo, e por ainda não estar tarde, não encontra problemas com iluminação, mas algo que pode lhe incomodar, é que poucos segundos após entrar no beco, um outro indivíduo também entra, caminhando calmamente, um pouco mais atrás, e o som dos passos ecoam por todo o beco, que inclusive está bem silencioso, tirando o som do caminhar de Gaiden e deste outro sujeito que está caminhando na mesma velocidade que o ferreiro.

- Você! -

Gaiden já estava chegando perto da saída do beco, apenas mais alguns metros e sairia em uma nova rua, quando uma voz lhe interrompe, o som dos passos cessam, dando espaço para o som de uma voz feminina, que apesar disso não é nenhum pouco suave.

- Qual é o seu nome? -

Ao olhar para trás, Gaiden vê que de fato é uma mulher, adulta, com idade aparentemente próxima da sua, e trajando uma vestimenta quase toda marrom, sou cabelo tinha uma mecha de seu cabelo em vermelho. É pouca coisa menor que Gaiden, e o fato de ter uma espada fina ao lado direito da cintura, pode tornar a situação um tanto suspeita.

- Eu estava indo ao caís, quando lhe vi caminhando... Você tem uma aparência intimidadora, e isso é uma coisa que me chama a atenção. -

A mulher dá uma pequena pausa, retirando do bolso um charuto e estendendo a mão para que Gaiden pegue, em outras palavras, a mulher desconhecida oferece um charuto para o ferreiro. Logo ela continua a falar.

- O que acha de me acompanhar até alguma taverna, para conversarmos sobre algumas coisas? Não vou tomar muito do seu tempo. -

A mulher fica aguardando a resposta de Gaiden, permanecendo de braços cruzados e mantendo um olhar fixo no ferreiro, além de manter um sorriso quase que imperceptível. Claro que, seguir rumo ao porto de zepelins continua sendo uma opção válida, mas quem sabe um desvio não seja uma opção melhor? Apesar do clima estar bem agradável, o vento sopra com mais frequência no beco, e o som do vento agora é o protagonista do cenário, já que a mulher fica quieta, avaliando as reações de Gaiden e aguardando uma resposta para sua pergunta.
Mulher:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Gaiden
Civil
Civil
Gaiden

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 4010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2012
Idade : 24
Localização : Micqueoto - Northo Blueo

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyTer 19 Jan 2016, 22:55


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

   Com minha firmeza implacável, eu logo começava a andar confiante em direção ao beco indicado pela velha. A feição antes figurada pelo meu rosto não mais se via presente, apesar de também não exalar uma tão imensa alegria em contraposto. Me locomovendo com passos estritamente largos e fixos, eu me mantinha cabisbaixo, e adentrava a viela de modo discreto e singelo, para não atrair mais olhares indesejados. 

   O dia ainda continuava bonito e radiante como antes visto, entretanto, enquanto jornadeava pela travessa, um simples fato estranho me fazia atiçar o pensamento, algo que ao meu ver, não parecia normal em tais circunstâncias. Um vento de sonoridade intensa urrava através das paredes estreitas da passagem, fazendo-me quase que sincronicamente apertar o casaco de penas negras contra meu torso...talvez um mecanismo de defesa, talvez uma remanescência de insegurança...ou talvez algo realmente estava para acontecer, e meu sistema pressentia.

   O que está acontecendo? Sei que não sei muito de clima, mas tenho quase certeza de que esse vento não é normal - Ponderava brevemente, enquanto voltava meu foco à travessia.

   O caminho que outrora aparentava ser curto custava a ser passado, e as condições propostas já regiam meu humor de modo até que repentino, contudo, a passagem de ar não seria minha única surpresa naquele local. Alguns pequenos barulhos eram captados por meus ouvidos, que provocados anteriormente pelo vento já se encontravam de guarda alta para qualquer inconveniência. Passos, isso que pareciam, pequenos passos curtos e ligeiros, que me seguiam pela viela apertada. Mesmo ouvindo o eco irritante de uma sola desconhecida a bater no chão, eu persistia em não me virar...aliás, eu poderia estar sendo "desconfiado demais", mesmo sabendo que precaução exagerada sempre é bem vinda. Meu susto só aumentara quando sua voz me alcançou.

  Eu me via estático e contornado. Uma mulher me abordava de uma forma um tanto descarada, e sem mais nem menos conjurava uma pergunta estranha e um comentário relativamente ofensivo. Estava gelado, parado, sim, mas não com medo, meu temperamento calmo e minha mente branda me faziam relaxar perante aquela situação...bem, se eu não tivesse acordado sem lembrança aquele contexto se configuraria bem mais normal, apesar do meu real receio ter se encontrado na espada ainda embainhada da tal desconhecida. Precisava pensar antes de agir.

  Não posso dar meu verdadeiro nome para ela, a tentarei ludibriar com algo mais adequado ao caso - Meditava manso, com um semblante sério e com as sobrancelhas sobrepostas - E não tenho arma, não posso me deixar levar por uma mulher qualquer sem nenhuma possível defesa...sei que não tenho nada a perder...mas vou usar minha cabeça, pra pelo menos não perder ela ainda - Terminava o pensamento já começando a indagação

  Senhorita, sei que você deve ter boas intenções...Meu nome é Memorie, mas não posso aceitar tal convite só por que você me achou conveniente para uma determinada conversa - Soltava em sua direção, irrisoriamente frustrado  - Por outro lado, eu poderia aceitar sua chamada, só que estou desarmado...se por um ato de humildade você me der antes sua espada, para que não ajam surpresas, ficaria feliz de acompanhá-la. Ficaria Feliz de devolvê-la após nossa conversa - Terminava a falatória, esperando a resposta da semi-ruiva .


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

HP: 120
SP:62

Off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Legenda:
 



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Gaiden em Dom 07 Maio 2017, 04:09, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Pirata
Pirata
Kenshin Himura

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 23

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptySex 22 Jan 2016, 22:13

Após algum tempo caminhando pela cidade desconhecida, Gaiden conseguia encontrar uma bondosa senhora que o ajudava a se situar nesse “novo” mundo para o garoto, o mesmo estava em busca de um emprego, pois via aquela oportunidade de um recomeço, com as informações em mente, o mesmo seguia em direção a um beco não muito longe da sua localização anterior, o beco estava completamente iluminado, o garoto andava pelo mesmo sem nenhum problema quando foi abordado por uma jovem mulher, a mesma desejava que Gaiden a acompanhasse para um breve conversa.

- Senhorita, sei que você deve ter boas intenções...Meu nome é Memorie, mas não posso aceitar tal convite só por que você me achou conveniente para uma determinada conversa – o mesmo parecia um pouco descontraído, mesmo tentado tal mentira, e em seguida voltava a falar. - Por outro lado, eu poderia aceitar sua chamada, só que estou desarmado...se por um ato de humildade você me der antes sua espada, para que não ajam surpresas, ficaria feliz de acompanhá-la. Ficaria Feliz de devolvê-la após nossa conversa.

A jovem mulher suspirava, e olhava para o garoto a mesma parecia segura de si, então ela dava um pequeno sorriso e começava a falar. – Muito bem rapaz não preciso de armas para essa ocasião. Assim ela pegava sua espada e tacava para o canto do beco ande nenhum dos dois pudesse usar tal arma. – Acho que agora estamos “nus”, garoto não adianta mentir para mim, não venha querer mentir para alguém que está no ramo dos negócios, bom meu nome é Fish Mooney, e bom começarmos nossa conversa sem mentiras, agora vamos. A mulher fazia um sinal para que Gaiden a seguisse, assim o mesmo fazia, após longos minutos andando eles se encontravam em uma parte um pouco mais movimentada da cidade, mas essa tinha tanto pessoas pobres quantos as ricas, logo mais à frente havia um bar com uma espinha de peixe rosa no letreiro, todos que estavam na rua saiam do caminho da mulher pareciam ter respeito, mas a maioria estava era com medo.

Ao chegar no local os garçons já disponibilizavam uma mesa, a mulher sem cerimonias sentava na cadeira em frente a uma vazia, fazia sinal para que Gaiden se sentasse, assim o mesmo fizera, a mulher estrava os dedos para cima e em seguida vinha um garçom com um vinho e duas taças, ele enchia as duas e colocava em frente aos dois, a mulher dava um sorriso para o garoto e começava a falar. – Garoto tenho uma proposta que certamente vai mudar a sua vida, mas antes que eu possa continuar devemos começar com o pé esquerdo, qual é seu verdadeiro nome! Assim ela aguardava ansiosamente pelo nome do garoto, assim que ele respondesse ela voltaria a falar. – Bom estou em busca de trabalhadores fortes e dedicados para minha rede de empresas, e você tem o perfil exato para isso, grande e forte, pago bem para homens habilidosos. Ela dava uma pequena pausa levando sua taça a boca e logo voltava a falar. – Bom estou precisando de um bom ferreiro e você parece ser muito habilidoso, preciso que faça algumas armas para mim, pagarei cada centavo por arma que produzir para mim, caso for bem-sucedido poderemos ver um cargo permanente em nossa família. Ela dava um sorriso empolgante para o garoto voltando a falar. – Então oque você acha? Gostaria de trabalhar para mim? Se sim já pode seguir o Giusepe para os fundos, lá ele te levará para a nossa forja.Logo terminava apontando para o homem de terno apoiado no balcão.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
Gaiden
Civil
Civil
Gaiden

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 4010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2012
Idade : 24
Localização : Micqueoto - Northo Blueo

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyDom 07 Maio 2017, 22:19


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

  Muito bem rapaz [...] e bom começarmos nossa conversa sem mentiras, agora vamos - Ela terminava sua fala e eu me repunha intrigado, seu diálogo calmo e sua certeza pedante de que eu estava mentindo me pareciam algo um tanto curioso, entretanto, não a ponto de colocar minha tão breve restauração de espírito abaixo novamente, não queria muito, só um emprego, e ser abordado em minhas condições por uma semi-ruiva estranha não me divertia.  

  Apesar de indubitavelmente esquisita, um gesto brando amansava meus instintos... a mulher jogara sua espada. A tensão antes reconhecida por mim já se tornava algo novo... possibilidade talvez? Não sabia se podia confiar nela, não sabia se "devia" confiar nela, mas ver e ouvir a arma branca despenhar no chão me fez despertar um sentimento de firmeza e segurança, o que já era algo, vide o cenário horripilante que após eu acordar sempre regozijava.

  A dama fazia seu sinal já andando para seu destino, e percebi que esperava que eu realmente a seguisse. Ainda que apreensivo, me apertava em meu casaco, suspirava profundamente e a seguia cabisbaixo - Talvez não seja um erro, talvez seja um acerto, talvez ela só esteja procurando alguém para algum ofício importante - Era o que procurava mentalizar naquele momento incerto. Ali estava, numa ilha que provavelmente nunca estive antes, desmembrado, com um corte transversal milimetricamente executado em meu rosto, atendendo uma desconhecida em seus presumíveis devaneios... minha vida já podia acabar...mas não, eu queria viver.

  Dali em diante minutos pareciam séculos. Com meus passos duvidosos, porém, firmes, eu tentava permanecer atento a qualquer tribulação local, almejando simplesmente chegar safo até o lugar que aquela moça ansiava me guiar. A medida em que nos aproximávamos eu já conseguia distinguir a cidade, em minha cabeça chegávamos perto do centro, pois a densidade populacional já começava a subir de forma mais abrupta, e mais diferenciação de renda era vista, a partir de que notava mais pessoais simples e mais ricas.

   Está demorando... - interpelava ao vento, quase como um sussurro, ainda cabisbaixo, mas ainda atento.

   E logo após o ínfimo desabafo, a via finalmente entrar em um estabelecimento, um com um desenho de peixe em seu letreiro de fachada, em um tom rosado, o que me fazia estranhar sua serventia de referência, mas não questionava, simplesmente adentrava o "bar" com uma feição de andarilho. O espaço parecia normal... ao verem que a dita mulher tinha entrado os garçons já se prostravam a lhe arrumar uma mesa, e ela, sem rodeios, já fazia questão de se alocar. Com um toque de desgosto, atendia a seu sinal de sentar, me aconchegando numa cadeira vazia que se encontrava a minha frente contra a mesa. Não gostava de ser tratado como cão, e não precisava nem me lembrar do meu passado para saber disso... e foi então que ela começou a falar.

   Garoto tenho uma proposta que certamente vai mudar a sua vida, mas antes que eu possa continuar devemos começar com o pé esquerdo, qual é seu verdadeiro nome! - soltava em minha direção de forma incoerente.

   Com o esquerdo? Não seria o direito? Ela ao menos entende de expressões cotidianas? - refletia curioso, entretanto, não perdendo tempo para rebater o questionamento -  Desculpe pela inverdade, me chamo Gaiden, não espero que compreenda meu nervosismo, é que as coisas tem sido difíceis ultimamente - indagava mais tranquilo, sabendo que a única coisa que ela queria era me propor algo, e logo continuava a escutar, enquanto os serventes traziam seu vinho.

   Bom, estou em busca de trabalhadores fortes e dedicados para minha rede de empresas, e você tem o perfil exato para isso, grande e forte[...] - entre alguns sorrisos de empolgação e algumas goladas de vinho, logo terminava sua oferta - [...]Então oque você acha? Gostaria de trabalhar para mim? Se sim já pode seguir o Giusepe para os fundos, lá ele te levará para a nossa forja. - pontuava sua frase apontando para um homem de terno que se encontrava aos fundos da taberna.

  Tranquilidade não era bem o que descrevia meu estado. Questões ainda custavam a se responder... como ela sabia que eu era ferreiro? Como sabia que eu mentia sobre meu nome? Por que contratar um homem que nunca viu na vida?...Mas não importava, eu precisava de um emprego, e aquela porta ao lado de Giusepe me arranjaria um. Acenando a cabeça eu me levantaria com um aspecto incógnito, não sabia o que esperar, sem olhar para a proponente eu iria em direção a porta, pararia pouco antes de entrar, daria um pequeno suspiro e a abriria com minha mão direita, uma forja... algo que queria ver desde que acordei.

   Após entrar no recinto eu observaria o nível da forja... vendo se era algo bem estruturado, ou algo de condição precária, meu intuito era realmente saber com o que iria trabalhar, não poderia deixar essa oportunidade fugir - Por onde começo? - Finalizaria minha entrada com a inquisição.
     

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Atributos, Vantagens e Desvantagens:
 

Off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Legenda:
 



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tsuru
Civil
Civil
Tsuru

Créditos : Zero
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 10010
Masculino Data de inscrição : 28/10/2010
Idade : 26
Localização : Itaperuna

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyQui 11 Maio 2017, 03:35

O vento uivava levemente pela noite, trazendo consigo um aroma capaz de mudar o mundo. Tsuru dormia no armário, o que era estanho, pois geralmente dormia ao lado da cama dos seus pais em um colchão improvisado, era um dos poucos lugares em que se sentia seguro, passava mais tempo dormindo ali do que em seu quarto. Estava perdido em um sonho qualquer de infância, quando um barulho forte o fez acordar._ Pai? Mãe?_. Murmurou de forma sonolenta enquanto se levantava._ Mãe to com fome_. Choramingou saindo do armário e caminhando em direção a cozinha.

A casa era enorme, possuía vários cômodos, quadros nas paredes e tapetes nos corredores. Vasos decoravam cada canto com flores das mais diversas espécies._ Eu odeio esse lugar _. Resmungou pra si enquanto procurava seu caminho por entre os cômodos iluminados apenas pela luz do luar que passava através de enormes janelas. Seus olhos estavam cansados e sua boca ressecada, acordar era como nascer para ele, parecia que seu corpo todo gritava e chorava.

Tsuru ouviu um ruído vindo da sala e imaginou ser seu pai trabalhando até tarde, então foi checar, ao se aproximar pisou em algo gelado e melequento._ Ewwoo, que nojo _. Pensou enquanto se abaixava para analisar, a substância tinha cheiro de ferro e era vermelha, olhou por alguns segundos até se dar conta._ Sangue? _. Ao levantar a cabeça viu seu pai e sua mãe caídos no chão em meio àquela poça, um desespero inexplicável tomou seu corpo e ele começou a correr em direção a eles, correu até suas pernas arderem, chorou até seus olhos fecharem e gritou até sua garganta sangrar, mas sem nunca chegar ao outro lado da sala.

Tsuru acordou suando frio._ De novo _. Pensou lamentando. Suas memórias o assombravam há muito tempo, sua impotência frente a morte de seus pais o caçava com um verdade cruel. Tsuru sentia uma sede insaciável de buscar o poder e as ferramentas necessárias para nunca mais passar por esse sofrimento._ Já chega _. Disse decidido a mudar o seu futuro._ Está na hora de entrar para a marinha _. Essa era uma ideia que ele já vinha cogitando, assim como seu avô e seu pai ele iria servir e talvez um dia ser capaz de proteger aqueles que ama, como sua mãe o fez uma vez ao coloca-lo no armário.

Tsuru estava decidido a tentar se alistar no primeiro QG que encontrar.


Spoiler:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

"Não quero me tornar um herói, quero me tornar uma lenda. Os heróis morrem, mas as lendas são para sempre." - Tsuru V. Evangelion - Primeira aventura - Nov/2010

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

The end’s not near, it’s here.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://onerpg.forumeiro.com/forum.htm
Yamazaki Raizo
Revolucionário
Revolucionário
Yamazaki Raizo

Créditos : 6
Warn : Em busca de um novo Horizonte - Shells Town 10010
Masculino Data de inscrição : 21/03/2017
Idade : 24

Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town EmptyDom 14 Maio 2017, 17:05

Gaiden


     Estranhamente, as oportunidades estavam sendo servidas de bandeja ao jovem ferreiro, o serviço que ele procurava foi oferecido à ele sem que ele precisasse se esforçar muito. Mesmo muito desconfiado com a facilidade de como seus objetivos estavam sendo cumpridos, Gaiden seguiu Giusepe até entrar na forja, onde seria o palco das performances de sua profissão.

     Gaiden observou com atenção o seu local de trabalho e gostou muito, pois era muito espaçoso, todas as ferramentas eram novas e reluzentes a ponto de passar a impressão que tiniam, quando iluminadas pela luz amarelada do sol da tarde, que entrava por grandes vidraças, posicionadas no alto do galpão. As vidraças abertas permitiam a entrada da luz e a ventilação do ar, tornando o ambiente bastante agradável.

      Gaiden, ansioso para começar a trabalhar, se direcionou à Giusepe e disse:

    - Por onde começo?

     A surpresa foi imensa, ao receber a resposta de Giusepe:

    - Pode começar por aqui!

    E ao mesmo tempo que esbravejou essas palavras, o empregado de Fish Mooney acertou um soco na boca de Gaiden, fazendo o rapaz cambalear, até se apoiar numa bigorna, que por sorte estava próxima. Gaiden, perplexo com o acontecido, só conseguiu olhar para Giusepe, que estava ao lado da porta, enquanto a mulher que dizia se chamar Fish Mooney entrava na forja junto com eles, ja dirigindo suas palavras à Gaiden:

     - Bem vindo ao seu posto de trabalho Gaiden! Devo dizer que você não é o rapaz mais esperto que já sequestrei. Dei diversas dicas, enquanto conversávamos, que eu já conhecia você, e mesmo assim você caiu na minha armadilha! Agora, você vai construir as armas que eu mandar por tempo indeterminado, e em troca, eu não deixo o Giusepe torturar você. Acho que agora você pode entender o que eu quis dizer quando falei: vamos começar com o pé esquerdo! Mwaahahahaaha!

     Ao terminar seu discurso, Fish saiu pela única porta do galpão, e Giusepe apertou um botão vermelho na parede ao lado da porta, que fez várias placas de metal se moverem automáticamete, fechando as janelas e deixando o ambiente completamente escuro e sinistro. Luzes de emergência se acenderam, deixando o ambiente com pouquíssima luminosidade. Antes de sair, Giusepe se pronunciou:

      - Este galpão está completamente vedado contra som, luminosidade, e ate mesmo fumaça. Nada sai daqui de dentro, então se você pensou em emitir algum sinal de socorro, esqueça! A única ajuda que pode ter é a celestial, sugiro que reze pra se acostumar com sua nova vida.

     A última frase de Giusepe, foi acompanhada de um sorriso irônico dele, como se se divertisse com a situação de Gaiden. Após o discuso, ele saiu e trancou a porta, deixando o ferreiro sozinho.

       Gaiden estava numa situação ruim, tudo que parecia estar bom demais para ser verdade ficou horrível e o destino mais uma vez o surpreendeu, e o jovem ferreiro teria que superar-se para se libertar da armadilha que o pegou desprevenido.

Giusepe:
 


Tsuru

           Tsuru estava confiante em achar um quartel general da marinha, e treinar até ser forte o suficiente para não precisar mais ser escondido por ninguém no armário, e para poder proteger todos que ama. O garoto errava lentamente pelas ruas de Shells Town, regado pela luz aconchegante do sol da tarde, e acompanhado de uma brisa refrescante, o aspirante à marinheiro olhava atentamente, procurando pelo quartel general da ilha.

            Depois de uma breve busca, pode contemplar fascinado a grande muralha que rodeava o quartel da marinha de Shells Town. Um grande portão de ferro fazia o papel de porta de entrada do quartel, e era fortemente guardado por marinheiros de todos os lados, tanto no interior como em cima da muralha, todos atentos para qualquer tipo de ataque, já que ao longo da história Shells Town fora fortemente atacada.

            O jovem médico estava à porta de sua primeira oportunidade, o fracasso em se alistar já era certo se ele não tivesse coragem, mas se fosse corajoso para chegar até o portão, iria depender apenas dele ter sucesso ou não em sua aventura.


Quartel General:
 

____________________________________________________

~A vida é apenas um fenômeno superestimado...~


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]  |  [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Gods Slayers
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
From the ashes, we will be reborn


- Fala -
* Pensamento *
~ Flashback ~

Objetivos:
[x] Entrar no exercito revolucionário
[  ] Declarar guerra ao governo mundial
[  ] Organizar um ataque à marinha que entre para a história
[  ] Libertar os escravos das mãos dos tenryuubitos
[  ] Obliterar Mariejoa com uma arma apocalíptica
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de um novo Horizonte - Shells Town   Em busca de um novo Horizonte - Shells Town Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Em busca de um novo Horizonte - Shells Town
Voltar ao Topo 
Página 1 de 6Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Shells Town-
Ir para: