One Piece RPG
I - A Step of Harmony XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» ☆☆I'm a motherf#$%in' starboy!☆☆
I - A Step of Harmony Emptypor Wild Ragnar Hoje à(s) 02:32

» Cap. 2: Da alvorada ao Crepúsculo, os aspectos da liberdade surgem!
I - A Step of Harmony Emptypor Punk Hoje à(s) 02:28

» あんみつ - Anmitsu
I - A Step of Harmony Emptypor Skÿller Hoje à(s) 02:06

» I - Dançando No Campo Minado
I - A Step of Harmony Emptypor Achiles Hoje à(s) 00:02

» I - Conhecendo o mundo
I - A Step of Harmony Emptypor Bijin Ontem à(s) 22:53

» Cap. 1 - Abrindo caminho
I - A Step of Harmony Emptypor Bijin Ontem à(s) 22:30

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
I - A Step of Harmony Emptypor Achiles Ontem à(s) 21:49

» Desventura 3.5: O treino para Grand Line
I - A Step of Harmony Emptypor Bijin Ontem à(s) 21:28

» Sons of Vermillion's Blood: Gênesis
I - A Step of Harmony Emptypor Hooligan Ontem à(s) 21:02

» Rumo à Grand Line?
I - A Step of Harmony Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 17:33

» 1° Versículo - Gadeus, os Ateus do Gadismo!
I - A Step of Harmony Emptypor ADM.Kiodo Ontem à(s) 16:06

» II - Armas Químicas & Poemas
I - A Step of Harmony Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 15:21

» Apresentação - 2: Falência ambígua
I - A Step of Harmony Emptypor love.licia Ontem à(s) 14:42

» [Mini - Jens] Que saco...
I - A Step of Harmony Emptypor Adriano1706 Ontem à(s) 14:33

» Fogo e Sangue
I - A Step of Harmony Emptypor Shroud Ontem à(s) 14:28

» [Mini Aventura] Harvey Specter
I - A Step of Harmony Emptypor Mikamireis Ontem à(s) 13:11

» Cortes, Tiros e Socos, rumo a Grand Line!
I - A Step of Harmony Emptypor Noelle Ontem à(s) 12:04

» William "Billy" Bonney
I - A Step of Harmony Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 11:43

» Send in the cats!
I - A Step of Harmony Emptypor Ishin Murasaki Ontem à(s) 11:40

» Shiro Borsalino (le macaco)
I - A Step of Harmony Emptypor Shiro Ontem à(s) 11:34



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 I - A Step of Harmony

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3 ... 11, 12, 13  Seguinte
AutorMensagem
Roy Collins
Estagiário Orientador
Estagiário Orientador
Roy Collins

Créditos : 17
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 23/11/2012
Idade : 22
Localização : East Blue - Loguetown

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptySeg 04 Jan 2016, 17:23

I - A Step of Harmony

Aqui ocorrerá a aventura do(a) Civil Shira Yarin. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá, Convidado seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Kekzy
Tenente
Tenente
GM.Kekzy

Créditos : 15
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 06/11/2013
Idade : 21
Localização : Utopia - 7ª Rota

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptySeg 04 Jan 2016, 19:06

Página 1 ⁞ Post 01 ⁞ Status: Normal


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.][Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
A song to the ocean

Já fazem alguns dias.


Deixei a minha família e vim desvendar o mundo com meus próprios olhos. Tem sido como me falaram, difícil. Cada passo que você dá é um passo no desconhecido, e cada passo em falso uma chance para alguém te derrubar. Muitos são os que estão te esperando cair, sedentos por uma oportunidade. Fui descuidado, tanto quanto poderia ser. Me arrependi, profundamente.

Deixar o conforto da minha trupe é algo intrigador, e ainda não deixo de me perguntar se realmente foi a escolha certa. Não. Com certeza não foi a melhor escolha, senti isso com clareza ainda hoje, mas foi a escolha que eu preciso. Os artista de trupe não são só habilidosos, eles também são sábios, e um conselho não me foge a cabeça. Não um bom conselho. E se um dia encontra-los por aí, pare. Os escute como nunca escutou antes. Não ignore um bom conselho, você só tem a ganhar.

"Se quer entender e fazer parte do mundo, veja ele com seus próprios olhos". Nunca entendi o significado dessa frase, mas agora seu sentido não me foge, tamanha a verdade.

Ele já não repousava mais em minhas mãos, meu antigo - e precioso - violino. Olhar para o mar, apesar de confortante, não era o suficiente. Eu queria tocar, tocar por horas cada melodia conhecida para o mar, sem problemas e preocupações, apenas a vaga companhia das ondas. Mas eu não podia.

Ótimo. Sendo furtado no dia que marca a minha própria jornada. É assim que serei lembrado, vão fazer cantigas e canções sobre o meu nome dessa maneira. Idiota. — soltei um longo e pesado suspiro após me irritar com a minha própria incompetência.

Não faz um dia que cheguei em Malkiham, devo ter pisado com o pé esquerdo na ilha, tamanha a minha sorte. Mesmo assim, as tradições não se perdem. Não deixarei de ir até lá, mesmo que de mãos vazias. Aliás, é a minha paixão, e essas não se deixam de lado.

Deixei as minhas mãos ao bolso, cantarolando. Caminharia até a praia, de pés descalços pisaria na areia, pois assim gosto de sentir a natureza. Procurando a pedra, ou o lugar mais alto, subiria nele, tomando cuidado com as minhas vestes se assim fosse necessário, eram as minhas únicas, não me dou o luxo de perde-las. Sentaria com as pernas cruzadas e me prepararia para o que estava por vir. Uma respirada funda. Logo, começaria a cantar para o mar, com a minha doce e suave voz, até quando me fosse conveniente parar.

Até o sol cair, se assim conseguisse.

[color=#33ff33]Off[/color]:
 
[color=#33ff33]Histórico[/color]:
 





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]  | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Kekzy em Ter 05 Jan 2016, 02:56, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Buggy
Coringa
Coringa
Buggy

Créditos : 16
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 30/07/2015
Idade : 22

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptySeg 04 Jan 2016, 22:37


Post: 1 Where: Malkiham Wheater: ? Notes: (Escrever)

Primeira Parada


Assim começa minha nova vida, uma que valha a pena ser vivida. Não ter responsabilidades, compromissos perante a ninguém, nenhum vínculo que me impeça de ser livre, apenas eu e um mundo inteiro em minha frente, aguardando que seja desvendado. Orgulhe-se, Malkihan, pois serás a primeira etapa de uma vida que ainda passará por muito, apesar de ser tardia! Jubilem-se, humildes plebeus, pois participarão do início do fim! Pois não apareço com intenções boas, ah não. Estou farto de pessoas rindo de meus espetáculos no Jack's Walking Circus, levando suas crianças para divertirem-se às minhas custas! Está na hora de mudar de clima. Agora quero ouvir gritos.

Já dei a volta nos Blues, com uma grande nariz vermelho, uma cartola de mágico ou marionetes nas mãos, trazendo alegria e felicidade para o povão que me assistia. Mas nunca passei deste ponto, nunca ultrapassei estes mares. Não há nada de desafiante nestes; nenhum enigma suficientemente difícil de ser resolvido, um homem com uma inteligência, perspicácia e astúcia rivais as minhas. Sempre achei minhas viagens monótonas e repetitivas, mas escondia tais emoções. Treinei minha vida inteira com marionetes; agora, é hora de testar minhas técnicas em humanos.

Estou tão exaltado de alegria que mal sei por onde começar; devo recorrer aos meus instintos, eles irão me guiar ao elemento mais essencial. Sim, sim! Whiskey! Me parece que o líquido sagrado não desce goela abaixo há eras, aquecendo meus músculos, revigorando minhas forças e deixando um sabor indescritível em meu paladar. Sim, eu necessito de um pouco disto! Primeiramente, buscaria uma taverna ou um bar onde eu possa pedir uma garrafa de whiskey. Se encontrasse uma, entraria no recinto e sentar-me-ia no balcão ou em uma das mesas. Estaria ansioso para reencontrar minha boa e velha bebida divina. Lá, gritarei ao barman ou a um garçom por uma garrafa de whiskey,  e, enquanto o aguardaria, eu examinaria o estabelecimento e os sujeitos que lá se encontram. Assim que fosse servido, beberia um gole da garrafa e a tamparia, visando guardar para depois. Afinal, não posso desperdiçar tudo de uma vez só! Ficaria no local, apenas observando.




Histórico de Nero:
 

OFF:
 




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akuma Nikaido
Pirata
Pirata
Akuma Nikaido

Créditos : Zero
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Data de inscrição : 03/08/2012

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptyTer 05 Jan 2016, 12:04

Dois homens, em nada parecidos um com o outro, buscavam, de certa forma, o mesmo objetivo: conhecer o mundo com os próprios olhos. De um lado possuíamos Nero, um homem que chegava perigosamente próximo da meia-idade, inclusive com suas crises. Do outro, Shira, um jovem e delicado musicista que, ainda que fosse pacífico, guardava consigo um terrível segredo, talvez digno de ser desvendado pela mente curiosa de Nero.

O primeiro homem, já na casa de seus trinta anos, no momento tinha como objetivo beber seu whisky. O segundo, apenas apreciar a paisagem. As contradições entre ambos já apareciam logo tão cedo, mesmo sem se conhecerem. Shira andava do cais, onde seu barco atracara, até a praia, localizada ao lado. Não existia algum lugar muito mais alto para que apreciasse a paisagem de cima, como queria, mas ao menos conseguira localizar-se uns cinco metros acima do solo, ao subir na torre salva-vidas que tinha ali.

O sol de meio-dia era um alento à população, pois, ao menos, anuviava um pouco o frio local. Mas Nero queria saber apenas de aquecer-se com um pouco de seu whisky. E foi assim que, procurando pela cidade um bar, quase entrara na sede do clã Ant-Bullet. A construção, afinal, lembrava muito uma taverna e o homem não se importara em ler a placa, tamanha sua sede. Por sorte foi barrado de entrar por um membro do clã com apenas um sermão verbal. Caminhou mais um pouco, chegando próximo da praia, onde achou uma taverna digna de receber os viajantes. Oras, fazia sentido que o melhor local para encontrar um ambiente de bebidas e diversão ficasse próximo às docas.

O belo som da música. Mesmo sem seu violino, perdido por meio de um furto, Shira ainda era capaz de emocionar com sua bela voz. E, com o vento soprando do mar para a terra, sua melodia chegava aos ouvidos de quem se aventurasse próximo às docas. Muitos, apressados, não reparavam nos acordes sonoros. Mas muitos também paravam por um instante que fosse para admirar a bela cantoria. Talvez Shira realmente fosse capaz de permanecer por horas e horas cantando, mas a fome o atingia como um soco, juntamente com o frio da brisa gélida que lhe cortava por dentro das vestes. Não o bastante para congelá-lo, mas o suficiente para se sentir incômodo.

Já dentro da taverna, Nero sentava-se e observava os presentes enquanto aguardava a chegada de sua garrafa de whisky. Um whisky barato, diga-se a verdade, mas o que mais ele poderia esperar de uma bebida que custara-lhe somente 20 mil berries? O grisalho observava ainda poucos clientes, pois era somente agora que o pessoal costumava vir para almoçar. Havia, naquele instante, além do garçom, um senhor na faixa de quarenta anos com uma barriga um tanto quanto saliente, dois outros homens, vestidos todos de preto e com uma máscara branca que cobria toda a sua face. Podia-se ver apenas um desenho de uma formiga negra na região da testa. Provavelmente tratava-se de caçadores do clã Ant-Bullet, mas porque eles usavam essa máscara, ao contrário do jovem que o barrara na porta da sede, isso era realmente um mistério.
Orientações:
 

Citação :
Citação :
Shira Yarin:

Posts: 1
EdC: 0
Ganhos: -x-
Perdas: -x-

Citação :
Nero Blackwater:

Posts: 1
EdC: 0
Ganhos: Garrafa de bebida (9/10)
Perdas: 20.000 berries
Vício: 0/10

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Buggy
Coringa
Coringa
Buggy

Créditos : 16
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 30/07/2015
Idade : 22

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptyTer 05 Jan 2016, 13:13


Post: 2 Where: Malkiham Wheater: Ensolarado, ligeiramente frio Time: Meio-dia

Clã Ant-Bullet



Aleluia, uma garrafa de whisky! Adquirí-la foi mais difícil que o planejado, porém valeu a pena. Quase invadi a sede dos famosos Ant-Bullet por descuido! Que tolo eu fui! Se eu não tivesse sido barrado pelo segurança, vai saber o que poderia ter me acontecido. Ao menos achei uma taverna sem muita demora, justo ao lado das docas. Aqui me parece que o whisky barato é um pouco caro demais, porém não perderei meu tempo procurando por outra; aqui estou e aqui ficarei, mesmo que o local não me pareça muito movimentado.

Enquanto examinava o bar, eu revisava meu conhecimento sobre a ilha. "Malkiham Island... Conhecida pelo clã Ant-Bullet, basicamente caçadores de recompensas que se deram bem. Eles têm uma boa fama com a população. Melhor eu ficar longe desses aí. Também tem o Krieg, grande figura e dono do zoológico; este é basicamente odiado pela população, e é conhecido por ser corrupto. Praticamente não há marinheiros aqui. Minha maior ameaça pelo jeito será este clã."

As pessoas que se situam no estabelecimento são poucas: um garçom, dois caçadores peculiares do clã Ant-Bullet e um homem gordo com aproximadamente minha idade. Verdade seja dita, não me interesso nem um pouco com um mero garçom inútil; o máximo que posso aprender com ele, seria como preparar um frango frito. E, pessoalmente, isto não me interessa. É melhor eu manter uma boa distância dos caçadores; minhas intenções são puramente contrárias às deles, e creio que o melhor seria não arrumar uma briga de bar neste momento. O homem, porém, me interessa. Aí está meu primeiro enigma: quem é este homem? Qual suas intenções? Porém não possuo dados o suficiente para desvendar isto ainda; preciso lhe perguntar. Além do mais, há tempo demais que não entretenho uma conversa interessante com alguém.

Pegaria minha garrafa com a mão direita, segurando-a firmemente. Erguer-me-ia de minha cadeira e aproximar-me-ia do homem. Se ele estivesse sentado em uma mesa, arrastaria uma cadeira se não houvesse nenhuma e sentar-me-ia em frente dele. Caso ele estivesse sentado em um balcão, sentar-me-ia ao seu lado. Primeiramente, ofereceria minha mão para ser apertada e abaixaria meu chapéu como saudação, lhe dizendo com uma voz agradável, porém firme e máscula:


Olá, meu senhor. Chamo-me Nero, Nero Blackwater. Com quem tenho o prazer de falar?

Caso ele se recusasse a conversar comigo, lhe diria, com uma voz condolente  e apaguizadora:

Ora, meu bom homem, o que está lhe causando problema? Pode me contar.

Se ele me dissesse seu nome e talvez sua função, anotaria mentalmente a informação. Todo dado é essencial para o entendimento de um segredo, até os menores detalhes. Estaria atento a qualquer movimento dos homens de máscara. O que será que eles são? Homens de ranks especiais do clã Ant-Bullet? Aí está mais um mistério a ser desvendado.








OFF:
 







____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Kekzy
Tenente
Tenente
GM.Kekzy

Créditos : 15
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 06/11/2013
Idade : 21
Localização : Utopia - 7ª Rota

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptyTer 05 Jan 2016, 23:19

Página 1 ⁞ Post 02 ⁞ Status: Normal


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.][Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
The delicacy of a man

Eu cantei. Não tanto quanto podia. E nem tanto como queria. Mas estava satisfeito, poderia estar mais, mas parecia que não era para ser assim. Também não me era de direito reclamar, estava desnorteado e havia deixado vários de meus afazeres. É tudo uma questão de prioridades.

Negligenciei minhas necessidades, tudo para ter um momento com o mar, minha paixão. Já me encontro, desde já, ansioso para retornar para meu lar, entre as ondas e o nada. Onde todo homem pode ser livre, onde todos tem uma chance. Mas como eu poderia voltar para lá ainda é uma incógnita. E são tantas coisas pendentes ainda a se fazer que... Eu não devia desperdiçar meu tempo com tantos pensamentos.

O mar é bom, sem dúvidas, mas a fome superava. As pancadas no estômago não me deixaram pensar uma segunda vez. Essa sensação não é bem-vinda, muito menos de meu costume. Notei como sou frágil. Não que um dia tenha me achado forte, ou mesmo resistente, eu conheço minhas fraquezas, não tão bem quanto gostaria, mas ainda assim, algumas não me fogem o conhecimento. Não tem para que ser teimoso, me levantaria com alguma delicadeza e desceria de onde estava. Olharia ao meu redor, precisava de algum lugar para comer.

Tenho opções, elas não me faltam. Tavernas existem aos montes pelas docas, mas não. Nada de taverna. Fui criado com alguma etiqueta, um lugar tão imundo me dá nojo, evito até passar perto. Procuro algo mais refinado, nada tão exótico, nada tão sujo. Procurar é a única saída, então trataria de vagar por algumas ruas - movimentadas - na parte mais interior da cidade até achar um local limpo e aceitável, mas não tão caro, não podia me dar esse luxo. Não ainda.

Andaria cantarolando. Alguns assobios para acompanhar. Algum ritmo no andar.

Na busca por um lugar apropriado, o encontrando logo entraria e me acomodaria onde me fosse possível. Para a sede me presentearia com uma taça de vinho. Para a fome, algum peixe bem preparado. Nada que tenha um valor extravagante demais para uma boa refeição como aquela, algo com um teto máximo de cinco milhares de berries estava de bom tamanho. Sim, caro. É o preço por não frequentar lugares mais... Nojentos. Pelo menos, estarei livre dos típicos bêbados.

Aguardarei ansiosamente. É um dia para se comemorar, mesmo com seus pontos baixos.

Spoiler:
 




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]  | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Popowiski
Civil
Civil
Popowiski

Créditos : Zero
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 09/05/2015
Idade : 22

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptyQua 06 Jan 2016, 16:29







P o s t - I


Estava portão a fora, finalmente conseguiria escapar dos muitos olhos que a cidade tinha. ~Será que não vou fazer falta? Os guardiões vão procurar por mim... Não posso nunca mais colocar meus pés dentro desta civilização!~ Meus pensamentos fluíam soltos, tantos planos, duvidas em mente, porém apenas um instinto, seguir em frente. As possibilidades eram tremendas, vagar pela floresta a encontro de alguém, procurar algum barco nos arredores da ilha, caçar ou ser a caça na floresta, mas o que me interessava mais era conquistar a amizade.~Mas quem em são consciência vai querer fazer uma amizade em uma floresta? Bom... Alguém muito interessante!~ Apreciaria a passagem, sentiria a liberdade, desfrutando-a, estava na hora de fazer o que eu quisesse, quando eu quisesse e ninguém podia me impedir. ~Há não ser que algum guarda me identifique aqui fora.~ Após alguns instantes retomaria meu foco na mundo real, escapando-me dos pensamentos para agir. Começaria minha jornada tomando os primeiros passos, meu coração começaria bater forte, a animação tomando conta do meu corpo e o medo nas minhas veias, finalmente me sentiria vivo!

Perambularia pela floresta, buscando algum ser-vivo que me chamaria a atenção, desde o mais minusculo inseto até o maior animal, um humano se encaixa neste perfil. Observaria, caso encontrasse, mas apenas reagiria, na hipóteses de ter alguma ação com vinculo a mim. Na ocasião de um ataque me prepararia para me defender, talvez até correr pois estava sem nenhuma arma, todos nas quais treinei com o Mestre tive que deixar para trás, não pertenciam a mim e não possuía meus próprios. Meu gosto não era a agressividade, nem a batalha, enfrentarei, a principio, a base de conversa ou persuadir, deixando a luta em ultimo caso. Se houvesse alguma conversação ou troca de carinho entre algum animal, me interagiria. No entanto caso eu chegue a algum lugar remoto, tomaria tento a analisar o local, a procura de objetos ou paisagens cativantes.

Para Narrador:
 







Créditos:  Zetto



____________________________________________________

Falas
Pensamentos

Cursed Crusade Pirates

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Popowiski em Qui 07 Jan 2016, 16:37, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Far
Pirata
Pirata
Far

Créditos : 53
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 05/07/2015
Idade : 22
Localização : Your worst nightmare

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptyQui 07 Jan 2016, 16:08

The Beginning

O jovem Vlad abria seus olhos após uma longa noite de sono, não sabia onde estava pois acabara de chegar na ilha e desconhecia a área interna da ilha, seu único conhecimento era geográfico possuindo o formato e localização no Blue da ilha afinal passou um bom tempo de aprendizagem em navegações junto a seu pai. O sono ainda dominava seu ser, não conseguia ver muito bem a paisagem mas também não importaria até porque não fazia ideia da própria localização, sem muito o que fazer coçaria seus olhos levemente com as mãos tentando estabilizar sua visão retirando o estado de sonolência, seguindo seu caminho por quaisquer local que julgasse ser o mais próximo de uma estrada.

Lembrando-se da noite passada a qual havia terminado seu último cigarro, apalparia suas vestes para confirmar se realmente eles haviam acabado, ainda na esperança de encontrar algum mesmo que seus bolsos estivessem completamente vazios. De qualquer modo finalmente estava livre e seguindo o caminho para o desconhecido, seu pai gostaria de lhe ver nesse caminho depois de todo esforço para cria-lo desse modo, estar perdido em uma ilha com florestas não era lá a maior definição de liberdade mas todos devem começar por algum lugar, Vlad não havia escolhido esse local de propósito mas já estava ali e nada o faria voltar atrás.

Voltando ao presente, sua primeira preocupação era encontrar qualquer local que vendesse cigarros, podendo ser uma loja comum ou até mesmo um bar, seus pensamentos eram apenas voltados em reabastecer seu estoque independente do local onde compraria. Paciência é uma das virtudes da vida, e Vlad como um homem calmo não se importava em andar até encontrar o que procura, porém se o caminho fosse longo demais e uma pausa necessária, sentar-se-ia em qualquer local no chão cruzando as pernas para retomar o folego e seguir sua jornada.

Caso encontrasse o tal recinto apropriado para a venda de nicotina, a fim de sustentar o seu vício, adentraria sem mais delongas se aproximando do vendedor, afagando suas roupas recolheria o pouco dinheiro que possui no bolso e olharia diretamente ao homem sorrindo levemente enquanto inicia sua fala.

- Olá, gostaria de um maço de cigarros e um isqueiro.

off:
 

Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS


____________________________________________________


Fala (#B22222 - FireBrick)
Pensamento (#4682B4 - SteelBlue)

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akuma Nikaido
Pirata
Pirata
Akuma Nikaido

Créditos : Zero
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Data de inscrição : 03/08/2012

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptySex 08 Jan 2016, 15:15

Nero era um homem um tanto quanto curioso e tinha um prazer, quase uma compulsão, em encontrar enigmas e decifrá-los. E, em sua mente, aquele senhor gordo parecia um perfeito mistério. Sentando-se à mesa do homem, começava a indagá-lo, a fim de obter informações. O homem olhava-o de volta e, soltando um sorriso de canto de boca, respondia-lhe:

— Oras, em minha terra a gente oferece um copo de bebida, se é pra conversarmos num bar. Aceito um gole do seu whisky. Meu nome é Kotomine. A que devo a honra de vir sentar-se comigo, Nero-kun? -

Kotomine já retirava uma taça dourada de dentro de seu casaco que, somente agora, Nero podia notar ser feito de couro. O senhor, prontamente, esticava sua taça para a frente, esperando ser servido. Qual seria a reação de Nero?

E não era somente Nero e Kotomine que procuravam um pouco de conforto em uma bebida alcoólica. Shira também procurava por um restaurante, ansiando por um copo de vinho. E não demorou muito para achar um local bem simples, mas aconchegante, onde pediu uma refeição simples, mas muito apreciada. Se o jovem reparasse bem, haviam muitas pessoas naquele local, pelo menos dez fregueses, todos bem-vestidos, embora sem muita pompa, sendo servidos por três garçons diferentes. Um deles, alto e musculoso, ouvindo o pedido de Shira, prontamente trouxe-lhe uma taça de vinho.

- Desculpe-me, senhor, mas demoraremos cerca de meia hora para trazer-lhe o peixe. A casa encontra-se cheia hoje. -

Shira teria de esperar se quisesse saciar sua fome, mas ao menos poderia fazê-lo em um local bacana, podendo, ainda, apreciar o som de um colega de ofício, haja vista uma mulher, mais ao fundo, estar montando uma harpa e testando seu som enquanto a afinava. Pelo jeito teriam música em breve no local.

Se, para uns, o Sol de meio-dia desencorajava atividades físicas, para outros, como "Doctor", esse não era um problema. Ou ao menos era o que o homem pensava. No meio da floresta, era bem verdade que a luminosidade não chegava a seu pico, bloqueada pelas frondosas árvores que formavam um teto verde. Por outro lado, o calor fazia-se bastante presente, fazendo o ninja suar bastante. Procurava por outras almas vivas na floresta, mas a maioria dos animais que ali habitavam eram noturnos ou, ao menos, estavam em algum outro local, buscando sossego nessa hora quente do dia. Chegou a avistar vários insetos e alguns pequenos mamíferos, mas nenhum deles despertou seu interesse. Apesar de suas pretensões iniciais não serem atendidas, acabou por achar algumas árvores com um furo em seu tronco, de onde pingava um líquido viscoso amarelado. E, embaixo, colhendo esse líquido, encontravam-se alguns baldes. Certamente foram humanos que haviam feito aquilo. Mas também parecia não haver ninguém naquele instante na região. O que seria aquilo?

Não muito longe de onde "Doctor" encontrava-se, Vlad despertava quando finalmente a luz conseguia chegar em seu rosto, obrigando-o a acordar. Verificava que realmente não possuía mais seus preciosos cigarros. Encontrava-se, também, desarmado e sem barco para sair dali. Dentro da floresta, não tinha muito o que fazer, a não ser tentar sair do local. Caminhava por cerca de meia hora, parando somente quando encontrou um belíssimo lago no coração da floresta. O lago era praticamente todo límpido e translúcido, salvo um pequeno trecho seu, o qual parecia estar cheio de animais, uma vez que tudo que via, estando a mais de cinquenta metros desse ponto, era um vulto negro gigante encobrindo seu fundo. A região escura não ocupava mais do que 20 m² de área, mas contrastava absurdamente com o resto do local. Vlad parava para descansar alguns minutos no local, mas, se quisesse seus cigarros, deveria pôr-se a caminho logo. Ou talvez valesse a pena ficar mais um pouco naquela paisagem interessante. Mas será que isso seria útil a seus objetivos?
Orientações:
 

Citação :
Citação :
Shira Yarin:

Posts: 2
EdC: 0
Ganhos: -x-
Perdas: -x-

Citação :
Nero Blackwater:

Posts: 2
EdC: 0
Ganhos: Garrafa de bebida (9/10)
Perdas: 20.000 berries
Vício: 1/10

Citação :
"Doctor":

Posts: 1
EdC: 0
Ganhos: -x-
Perdas: -x-

Citação :
Vlad Nishiyama:

Posts: 1
EdC: 0
Ganhos: -x-
Perdas: -x-
Compulsão: 1/10
Vício: 1/10

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Kekzy
Tenente
Tenente
GM.Kekzy

Créditos : 15
Warn : I - A Step of Harmony 10010
Masculino Data de inscrição : 06/11/2013
Idade : 21
Localização : Utopia - 7ª Rota

I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony EmptySex 08 Jan 2016, 22:21

Página 2 ⁞ Post 03 ⁞ Status: Normal


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.][Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
About to Break

O tempo. Quanto nós temos? Melhor, quanto eu tenho? É um luxo que eu não tinha, o tempo corria contra mim, mas ao mesmo tempo o tinha de sobra. E cada segundo sem poder desfrutar da minha música me consumia por dentro, como uma engrenagem prestes a quebrar.

Me senti frágil. Mais uma vez.

Levei a taça de vinho a minha boca, senti o seu cheiro, agradável. Esperei que o gosto fosse tão convidativo quanto a fragrância, logo o levei até a boca. Era disso que eu precisava, relaxar. Senti a explosão do sabor e me deixei esperar até a chegada do peixe, dispensei o garçom com educação, não podia ser tão ruim aguardar, não com música. Pelo menos, era isso que esperava.

Mas também não ficaria ali parado por mais meia hora, havia pessoas o suficiente para se conversar, aliás, havia uma harpista. Me levantei com delicadeza, levando a taça de vinho com cuidado, iria até o encontro da mulher, seus traços eram de meu interesse. Como ela se pareceria? Gostaria de saber. Resolvi me aproximar mais, assim faria se conseguisse.

Poderia até não conseguir uma conversa agora, mas um assento mais próximo poderia estar mais perto de meu alcance, e se estivesse, ele seria meu. Conseguindo, tentaria puxar conversa. Não custava nada.

Bela harpa — começaria elogiando o instrumento. Não existe muita coisa a mais que um músico que se preze dê mais valor — Shira, prazer — me apresentaria ao seu olhar.

Abriria meu melhor sorriso amistoso. Novos colegas músicos, não seria uma má ideia, relações sempre te levam a algum lugar, quem sabe até não poderia chegar mais perto de obter um novo violino. No mais, caso estivesse falando enquanto ela se preparava voltaria ao meu lugar e esperaria o peixe para assim comê-lo, e então a daria toda a atenção que meus ouvidos pudessem. Não tendo a minha chance, apenas aguardaria até o final de sua apresentação para iniciar a conversa.

Mas uma coisa já era certa na minha mente. Não sairia dali com fome, muito menos sem a conhecê-la.

Spoiler:
 

Spoiler:
 




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]  | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Kekzy em Sex 08 Jan 2016, 22:32, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




I - A Step of Harmony Empty
MensagemAssunto: Re: I - A Step of Harmony   I - A Step of Harmony Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
I - A Step of Harmony
Voltar ao Topo 
Página 1 de 13Ir à página : 1, 2, 3 ... 11, 12, 13  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: North Blue :: Malkiham Island-
Ir para: