One Piece RPG
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 XwqZD3u
One Piece RPG
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor AoYume Hoje à(s) 15:08

» Pandemonium - 9 Brave New World
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor GM.Milabbh Hoje à(s) 14:50

» Uma promessa ao céu
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Bolin Hoje à(s) 13:32

» Lealdade, Valor e Morte
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Coldraz Hoje à(s) 11:47

» Steps For a New Chapter
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Achiles Hoje à(s) 10:49

» Right Punch, Left Punch!
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Razard Hoje à(s) 10:36

» ~ Acontecimentos ~ The Wonderful Land
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor GM.Milabbh Hoje à(s) 10:17

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Shogo Hoje à(s) 09:22

» [Mini - Toji]
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Mephisto Hoje à(s) 07:33

» Um Encontro Destinado
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Cloe Kaminari Hoje à(s) 02:24

» Drake Fateburn
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 01:49

» I did not fall from the sky, I leapt
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Formiga Hoje à(s) 01:47

» Alipheese Fateburn
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 01:43

» Sophia Aldebaran Rockfeller
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 01:38

» Vol 2 - The beginning of a pirate
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Formiga Hoje à(s) 01:09

» [MINI-HOKI] O Espadachim Negro
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Hoki Hoje à(s) 00:35

» União Flasco: Inicio do Sonho
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 00:12

» I - Justiça: Um compromisso obstinado!
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Hammurabi Ontem à(s) 22:57

» 11º Capítulo - Cataclismo em Skypeia!
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Marciano Ontem à(s) 22:05

» Razão
Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Emptypor Wing Ontem à(s) 21:48



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap.1 Deuses entre nós

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 11, 12, 13
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 77
Warn : Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : Fishman Island

Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 EmptyQui 17 Set 2020, 19:14

Relembrando a primeira mensagem :

Cap.1 Deuses entre nós

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Uriel Seraphim. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Formiga
Civil
Civil


Data de inscrição : 05/01/2021

Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 EmptySab 20 Fev 2021, 14:53



~ Narração - 03 ~
Horário: 03:50

~ Todos ~

A festa continuava de maneira insana, os convidados já estavam totalmente sem pudor, uma pegação generalizada rolava naquele barco. Kisame não demorava a achar Gin, afinal, qual a dificuldade que teria para encontrar um urso? O mesmo se aproximou da mesa sem ter conseguido qualquer informação do bêbado, no momento que subiu no barco ele saiu correndo para festejar com outros conhecidos, abandonando o homem peixe - AMIGAAAAAAAAAAAAAA! Olha esse babado aqui. - Levantou o homem que estava ao lado de Gin, passando a mão no peito do tritão - Querido, me chama de piranha e acaba comigo. - Concluiu, olhando apaixonadamente para tritão. A mulher estava ao lado de Gin e ouvia duas palavras, em seguida acalmaria o pequeno urso - Calma meu querido, somos amigos do Montanha sim. Mas não ligo para quem entra no seu barco, apenas aproveite, já já aquele gordo medíocre aparece aí. - Bradou a mulher enquanto acariciava o rosto do urso, olhando para um tritão com uma expressão...maldosa, mas, pro lado "bom" se é que me entende. Antes mesmo que Kisame ou Gin pudessem falar alguma coisa com seus dois novos amigos, um grito se alastrava pelo barco - SENHORAS E SENHORES ESPERO QUE ESTEJAM SE DIVERTINDO. - Gritou o anfitrião da festa enquanto outros clamavam o seu nome com louvor, ele estava acompanhado por um punhado de mulheres seminuas. Algo chamaria a atenção dos rapazes, Montanha era grande...no nome, sua aparência minúscula, ele era poucos centímetros maior que Gin, extremamente gordo e com as pernas finas. O homem também estava acompanhado por dois seguranças, que visivelmente não queriam estar ali, dada suas expressões faciais, o grupo saia do barco sem falar muito, apenas Montanha que no caminho até a saída falou com alguns convidados.

Já com Salazar tudo ocorria bem, bom, mais ou menos. O cozinheiro literalmente ignorava as palavras do homem e o fuzilava com um olhar cruel - SAIA DAQUI AGORA! - Foi a única frase que saiu da boca do cozinheiro e o mesmo voltou sua atenção para o preparo dos pratos. O garoto tinha um plano um tanto quanto complicado, ele procurou pelo gás e não foi difícil achar! O desenrolar das suas ações ocorriam com total eficácia, contudo, uma coisa estava fora e sairia do seu controle: a dimensão da explosão.

Ao disparar o certeiro tiro através da parede uma explosão exageradamente grande acontecia, além do gás no canto da cozinha e no andar debaixo haviam barris de rum e outras bebidas alcoólicas, itens extremamente inflamáveis. Com a potência da explosão Salazar e o funcionário que estava próximo a ele eram lançados com brutalidade, na verdade, tudo e todos eram lançados ferozmente após a explosão na cozinha. Gin estava no chão, homem que flertou com Kisame estava em cima dele desacordado, o tritão havia sido lançado contra a mesa batendo sua cabeça, abrindo um ferimento na lateral da sua cabeça, mais especificamente na região da sua têmpora e em seguida caia no chão. Salazar estava próximo a eles, sua situação era um pouco mais grave que as demais, o garoto estava com um pedaço de madeira perfurando sua região abdominal e vários cortes pelo corpo.

Arkad e Yorag por sorte estavam bem, o homem ia ao encontro do atirador - Garoto, você quem fez essa merda toda aqui? Porra, precisamos sair logo. - Bradou o homem enquanto olhava ao redor, avisando Kisame e dando sinal para Yorag ir até ele. A raposa era inteligente e rapidamente sacava a jogada do seu companheiro, o barco estava afundando e qual aliado mais valoroso era necessário, se não um tritão? - Espere, vou te ajudar! - Balbuciou enquanto ajudaria o homem peixe a ficar de pé - Preciso da sua ajuda, meu amigo está ferido e o barco afundando, se cairmos na água salve-o. Você será devidamente recompensado. - O Mink apontaria para a direção que Arkad e Salazar estavam, indo também de encontro a eles.

O porto estava uma loucura, Montanha estava completamente furioso e buscava saber o que ou quem tinha causado toda aquela confusão e destruição do seu barco. Alguns poucos agentes do governo chegavam no porto, diferente da quantidade de homens do montanha que apareciam a todo momento, buscavam  auxiliar os convidados que estavam no mar e tentar tirar aqueles que ainda estavam no barco, enquanto o mesmo afundava pouco a pouco.


Históricos:
 


Ferimentos:
 

Legendas:
 

Aparência NPC'S:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gin Yamazaki
Civil
Civil
Gin Yamazaki

Créditos : Zero
Warn : Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 10010
Data de inscrição : 04/11/2020

Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 EmptyTer 23 Fev 2021, 05:34

Passado alguns segundos de conversa e muito pouco tempo que havia se afastado do tritão ele já estava parado diante de Gin, o que fez o urso ficar ainda mais confuso sobre aquele homem. "Porque não entrou comigo quando entrei? QUe sujeito estranho." Gin tinha os olhos vidrados na doce garota que lhe dizia que não havia problema algum em ter entrado sem realmente terem sido convidados, a situação se seguia de forma calma o que dava um ar interessante para o ambiente, Gin estremecia dos pés a cabeça, parecia sentir um cala frio, algo estranho, sentimento de angustia. -Joe, acho melhor nos...- Gin era interrompido por um grito ao fundo que claramente era do anfitrião o garoto procurou pelo mesmo e demorou a entender que este mesmo homem era o projeto de homem no meio do salão, Gin esperava um homem gigantesco, mas não e coitados de seus seguranças pareciam muito estarem com vontade de morrer, umas caras de cães que caíram da mudança; -Eu nunca seria segurança de alguém e perder uma festança dessas.- Por algum tempo Gin já havia esquecido completamente de que queria sair dali, havia já se distraído com os seguranças e o tamanho do humonoide.

Um barulho seguido de uma explosão, o navio parecia ter sido jogado ao ar e voltado com tudo contra a terra, duas explosões rápidas se seguiram, duas por chamas, Gin se sentia atordoado com a cabeça rodopiando seu ouvido zunia quase como se estivesse surdo, respirava calmamente enquanto via agora com mais exatidão toda a cena de terror que estava diante de seus próprios olhos, pessoas estavam também feridas, tinha um rapaz que tinha um pedaço de madeira dentro do seu corpo, um velho e um outro homem estava próximo dele, Joe era clamado para ajuda-los, Gin não sabia muito o que fazer, pois ao reparar o tritão havia um homem sobre ele que também estava desacordado, o tritão não daria conta de ajudar essas pessoas, Gin era um nadador nato, afinal animais são nadadores natos não é mesmo, o pequenito correu em direção de Joe para arrastar aquele homem desacordado, o puxaria com toda força tentando fazer ele acordar com tapinhas em seu rosto pra ver se reagia, verificando pulso e outras fontes de sinais vitais. Se este homem não recobrasse a consciência sabia que teria de lavar-lo Gin era esperto e rápido. -Joe, ajude este garoto e vamos embora daqui nadando o quanto antes, eu tenho força para carregar ele, tire o ferido daqui o quanto antes, sem demora, temos que ver o quão grande é o burado.-
Gin tentaria levar o Okama para fora do barco, nadando ou caminhando se o barco ainda aguentasse, o que duvidava muito, caso conseguisse sair do barco colocaria o homem deitado ao chão e esperava pelas ordens de Joe.
legenda:
 

Objetivos:
 



Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]/

____________________________________________________

1° Divisão de Demônios

-A tropa do Urso ta em Outro PATAMAR!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Salazar Merlin
Membro
Membro
Salazar Merlin

Créditos : Zero
Warn : Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 10010
Data de inscrição : 05/08/2016

Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 EmptyTer 23 Fev 2021, 06:32



Salazar foi atirado metros longe a roupa rapidamente era manchada de sangue, uma dor constante não conseguia mexer muito o corpo, só podia ouvir a gritaria e pessoas tentando se levantar, porém seu corpo não parecia responder seus movimentos de prontidão seu corpo estava lesado ainda, Arkad vinha em seu apoio junto de Yorag.
O sorriso era de alegria mesmo com seu ferimento, percebeu de forma atrasado que havia calculado mal, era um gênio porém não sabe calcular os riscos, mas um gênio.

[color=orange]-Não achei que seria tão catastrófico...-[/colo]

Salazar era um intuil perante toda aquela situação, pra ele era desagradável o fato de estar ferido, esperava para que seu resgate chegasse, o homem que o ajudasse o ouviria reclamar da dor.

-Arkad, peguem o rapaz da cozinha, ele ta, ele ta....

Salazar procurava de forma desesperada pelo rapaz que havia o levado para cozinha do barco, caso o achasse apontaria seu dedo ao mesmo de forma desesperada para ninguém saber quem havia disparado aquela bala antes deles terem partido, Arkad havia envolvido outras duas pessoas na história que não mereciam o destino, isso era que Merlin pensava, mas sabia que aquele tritão era um perigo vivo.
O sangue estava quente o sentia escorrer por sua ferida, era quase um espetinho na madeira, passou a mão pelos cabelos procurando por outros feridos, tentaria rastejar até escorar as costas em algum tipo de apoio que não o fizesse desabar no chão até que o tritão lhe ajudasse;

-Caramba cara, obrigado, você é bem grande, me perdoa por esse ferimento na cabeça, tudo culpa minha.-

Yorag estava preocupado em tirar Salazar do barco, até ofereceu uma recompensa a altura para o salvamento.

-Então eu sou valioso Yorag? Para você oferecer tanto valor para minha cabeça? Desculpa as piadas em uma hora como está, heheh, estão bem? EU estou meio perfurado agora, mas daqui a pouco estarei melhor, vamos pular este dia das nossas páginas, abortem a ideia inicial, só vamos embora, falhamos.-

Em meio tanta confusão Salazar tinha certeza de quem ninguém perceberia o diálogo e se percebessem poderia dizer que era a missão de pegar mulheres lindas;
Salazar fechou os olhos e esperou que fosse previamente salvo, estava pronto para trancar a respiração e ser atirado na água pelo tritão e arrastado o caminho inteiro até terra firme, era o que esperava que fosse acontecer, ao chegar em terra firme se tivessem pego o serviçal como havia pedido diria rapidamente para os homens do governo mundial o que havia acontecido.

-Este homem saindo da cozinha disparou dentro do barco, não sei por qual motivo, eu havia apenas ido conversar com o cozinheiro que me mandou embora, olha o estado que ele me deixou, estou completamente destruído, prendam-no pelo amor de deus.-

Lá estava Salazar causando o inferno na terra, pois em uma situação onde procuram um motivo e um causador deste alarde, qualquer luz no escuro é uma luz a ser seguida, demoraria uns bons minutos até que descobrissem a verdade sobre aquele desastre, talvez batessem naquele homem por horas até descobrirem algo, talvez o matassem, não importava, apenas tinha que ir embora daquele local o quanto antes;

-Me leva pro barco, esta na costa, siga por este caminho, Arkad ajuda seu amigo urso a chegar, apenas mergulhe e me leva por dentro da água, agora, fuja...

Sussurou Salazar no mesmo instante em que havia delatado uma mentira;

Caso não tivessem achado o homem para por a culpa apenas ficaria estirado junto ao homem que o urso havia salvo.




Atributos:
 

Observações (SIM):
 

Modelo De Ação:
 

Objetivos Briss:
 

Histórico:
 

informações:
 

OFF:
 

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Joe Blow
Civil
Civil
Joe Blow

Créditos : Zero
Warn : Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 10010
Masculino Data de inscrição : 29/01/2013
Idade : 24
Localização : Desconhecida

Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 EmptyTer 23 Fev 2021, 06:50




Kisame
Há um Monstro na água



Meus olhos vidraram aos olhos da encantadora mulher que estava acompanhando Gin, não pude deixar de notar em sua estonteante beleza, porém precisava pensar em outras coisas para conseguir fazer um dinheiro, mas a ideia de curtir uma noite não era tão ruim, a conversa entre eles parecia estar boa, o homem estava de pé ao meu lado mostrou um certo interesse sobre mim que achei estranho, nenhum pingo de medo ou frustração por minha presença, o que era diferente, uma sensação completamente nova. -Gin, quem são essas pessoas, prazer eu me chamo Kisame.- Me senti um pouco orgulhoso de ter despertado o interesse da garota, em poucos segundos meus olhos se viraram a um homem baixo que se encontrava entre outros que pareciam seus seguranças, então aquela miniatura de ser era o dono deste barco, que desagradável, realmente esperei por alguém mais forte, ergui minha mão a altura de minha testa dando um tapa pomposo, montanha, isto era uma montanha. -Perfeito pra você Gin.- Gargalhando bastante com a situação... Em meio a gargalhada sentia seu estomâgo ser puxado para dentro e socado para cima com toda força, a imagem estava revirando diversas vezez em sua cabeça, as coisas estavam perdidas indo para um lado e para o outro, uma gritaria... Será que desmaiei? O que aconteceu aqui....
Única coisa que era clara era o ferimento que haviam me causado, não entendia muito o que houve, perdeu por alguns segundos a ideia do que era certo e incerto, seu ferimento era em um ponto bem sensível para sua espécie de tubarões, a dor foi insuportável que o fez talvez até alucinar com a reviravolta, foi estranho e a dor foi aguda de mais.
As pessoas tinham virado borrões rapidamente, mas já recobrando o que era normal pude avistar um velho apontando para mim enquanto um outro homem me dirigia a palavra; -Eu posso até salva-lo, mas me dê alguns segundos para entender toda está situação, está bem, está bem...- Apenas consegui responder isto enquanto Gin retirava o homem de cima de mim, já havia entendido sua ideia, era hora de ir embora e abandonar a ideia inicial, o que parecia estranho, pois o outro garoto havia pronunciado algo parecido com isto, mas estava tão preocupado em retirar o homem do local e sair dele o quanto antes, pois a chance de ser reconhecido pelo incidente do restaurante também era alta. -Segure-se firme por favor.- Agarraria sua cintura com uma de minhas mãos a mais fraca que tinha e com a outra nadaria o mais depressa possível, não tentaria sair de forma normal caso ainda desse, pois a velocidade era na água. Se conseguissem chegar as margens esperaria alguma coisa acontecer, se tudo seguisse conforme o esperado, iria esperar pelos outros agirem e ver o que aconteceria.

Considerações: -

[/color][/color]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Kisame, PauTora:
 
Histórico:
 
Objetivos:
 
OFF:
 

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

____________________________________________________


1° Divisão de Demônios

[Você precisa estar
registrado e conectado para ver esta imagem.]
O Rei Da Confusão, Pandemônio
Voltar ao Topo Ir em baixo
Formiga
Civil
Civil
Formiga

Créditos : 6
Warn : Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 10010
Masculino Data de inscrição : 05/01/2021
Idade : 26

Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 EmptyTer 23 Fev 2021, 21:48



~ Narração - 04 ~
Horário: 04:12

~ Todos ~
Montanha estava no porto com ambas as mãos na cabeça, esbravejava furiosamente ao ponto de parecer que a veia extremamente saltada em sua testa não demoraria para explodir. Berrando incansáveis lamentações pela visão que estava tendo naquele momento, o barco tido pelo mesmo como "xodó" estava com sua estrutura ainda mais imersa na água. A trupe no convés parcialmente destruído do navio já havia rapidamente formulado um plano para sair dali, mesmo bastante ferido o pequeno Merlin conseguia até mesmo fazer piada com toda a situação, Yorag demonstrava-se nervoso com toda aquela situação, tinha ouvido as palavras do garoto, contudo, preferiu abster de qualquer resposta por hora. Sinalizou para irem, a saída para sorte do grupo foi fácil, pelo fato do navio está afundando lentamente não tiveram dificuldade em cair na água e irem nadando até o Porto.

Chegaram ao porto e lá rapidamente notaram que o caos estava complementarmente instalado naquele lugar. Pessoas correndo carregando outras pessoas no colo, gritos e gemidos de dor rasgavam a escura noite, o pessoal do Montanha tentava da melhor maneira que conseguia auxiliar os tripulantes que estavam outrora no barco, afinal ele tinha uma reputação e não podia perder sua credibilidade. Um homem alto utilizando um terno e acompanhado de mais três homens chegavam perto do anfitrião que quase instantaneamente silenciava sua gritaria, eles pareciam conversar e Montanha visivelmente tratava aquele homem com um certo respeito - Agentes do Governo. - Balbuciou um homem deitado próximo ao grupo - É hora de sair daqui… - Concluiu enquanto com muito esforço tentava-se colocar de pé. Yorag aparecia, ele havia sido o último a sair da embarcação - Você tritão, como se chama? Preciso que me siga, o garoto precisa de tratamento. - Pausou sua fala enquanto olhava ao redor - Vamos, me siga. Você também urso, venha comigo, Arkad logo nos encontrará. - Verdade, o velho homem senil não estava ali junto com o grupo.

Yorag guiava o grupo entre os prédios da cidade, não muito longe do porto o homem entrava em um pequeno prédio - Entrem rápido! Tritão, coloque o garoto na mesa. - Bradou o homem que esperou todos entrarem para fechar o portão de ferro. No interior do prédio existia um grande salão, diversos armários de ferro e um montante de tralha no canto. O homem rapidamente começava a trabalhar em Merlin, primeiro dando-lhe um composto para que o menino apagasse, em seguida ao observar o material que havia perfurado o abdômen do menino, por sorte, não tinha sido muito fundo. O médico retirava o corpo estranho e rapidamente estancava o sangue que começava a vazar do corpo do jovem, com uma exímia técnica o homem dava os pontos necessários para fechar o abdômen do menino, sem esquecer de tratá-lo internamente - Ele vai passar algumas horas desacordado ainda, por hora, vamos descansar. - Balbuciou o homem que mostrava uma face cansada e ainda assim continuaria a trabalhar. Dessa vez cuidaria do ferimento do tritão, por ser algo pequeno o tratamento não demandou muito tempo, após dar os pontos e cobrir com um curativo - Obrigado pela ajuda, passem um álcool nesses arranhões para evitar um problema maior e também... - Antes mesmo de conseguir terminar sua fala, o homem foi interrompido pela chegada de Arkad. O velho estava ofegante e tomou um tempo para recuperar seu fôlego - Estamos com um grande problema. - Proferiu enquanto direcionava a todos um olhar sério - Montanha está procurando por um urso e um tritão. - Colocou a mão no peito enquanto respirava fundo - A mulher que estava na mesa com vocês é irmã do montanha. Ele acha que foram vocês que causaram toda aquela confusão para sequestrar Rosalin. - Concluiu sua fala.

Yorag levava a mão na cabeça e uma expressão de preocupação tomava conta do seu rosto, podia dizer que o cansaço até mesmo havia sumido - Isso é ruim, muito ruim. Parece que estamos todos juntos nessa. - Bradou o homem enquanto deixava seu corpo cair lentamente no chão - Um dos homens de montanha nos viu no porto, até ajudou o urso a retirar um homem do mar e para piorar um outro homem também viu a gente. - A situação não parecia ser muito boa para a trupe, Montanha era um homem influente na região - Precisamos sair daqui. Salazar e eu temos um barco na costa, chegando lá a gente consegue sair daqui em segurança. - Arkad havia aberto sua "carta na manga" para Joe e Gin, todos ali estavam na mesma situação naquele momento - Vocês sabem lutar? Talvez nossa ida até o barco pode ser complicada. - Indagou Arkad enquanto dava uma olhada em Salazar, que ainda estava desacordado -
Por hora vamos continuar aqui, esperar a poeira baixar um pouco e traçar um plano até o barco. - Finalizou.

~ Horário: 9:34 ~

O tempo havia passado e Salazar encontrava-se acordado, estava com o curativo devidamente no lugar - Só encontrei uma arma. - Falou calmamente Yorag enquanto apontava para uma das pistolas que o garoto havia levado até o barco, ela estava sobre um armário ao lado do menino - Bem vindo de volta pestinha, espero que esteja pronto para dar o fora daqui. - Proferiu Arkad com um sorriso no rosto, o velho demonstrava gostar do menino. Sem dar tempo para resposta, ele continuou - Preciso de encontrar um colega antes de ir, creio que Montanha não esteja atrás de mim. Vocês vão querer alguma coisa? Posso comprar rapidamente e damos o fora daqui, se preparem. - Finalizou sua fala enquanto estendia a mão com a palma virada para cima, esperava que caso alguém ali quisesse algo, desse obviamente o dinheiro para comprar .


Históricos:
 

Ferimentos:
 

Legendas:
 

Aparência NPC'S:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 Deuses entre nós   Cap.1 Deuses entre nós - Página 13 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap.1 Deuses entre nós
Voltar ao Topo 
Página 13 de 13Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 11, 12, 13

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: South Blue :: Briss Kingdom-
Ir para: