One Piece RPG
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [MINI - Gates] O Pantera Negra
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Gates Hoje à(s) 10:45

» [M.E.P] Joe Blow
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Joe Blow Hoje à(s) 09:56

» [Mini-Aventura] Joe Blow
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Joe Blow Hoje à(s) 09:55

» Livro Um - Atitudes que dão poder
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor gmasterX Hoje à(s) 09:54

» [M.E.P] Veruir
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Veruir Hoje à(s) 08:16

» [Mini-Aventura] Veruir
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Veruir Hoje à(s) 08:14

» Mise en place
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor arthurbrag Hoje à(s) 07:24

» I - A Whole New World
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Makei Hoje à(s) 07:01

» ブルーベリーパイ ~ Blueberry Pie
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Skÿller Hoje à(s) 04:45

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Licia Hoje à(s) 03:45

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 03:15

» Sidney Thompson
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Zed Hoje à(s) 01:19

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Fukai Hoje à(s) 00:49

» Seasons: Road to New World
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Ravenborn Hoje à(s) 00:26

» Hello darkness my old friend...
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Zed Hoje à(s) 00:09

» Phantom Blood
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Licia Ontem à(s) 23:50

» [M.E.P]Kujo
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Kujo Ontem à(s) 23:42

» [Mini-Aventura] A volta para casa
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 23:30

» Enuma Elish
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Thomas Kenway Ontem à(s) 23:07

» Xeque - Mate - Parte 1
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Emptypor Ceji Ontem à(s) 22:22



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyTer 15 Set 2020, 23:22

Relembrando a primeira mensagem :

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Phil Magestic. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por ADM.Tidus em Qua 30 Set 2020, 19:07, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
GM.Muffatu
Game Master
Game Master


Data de inscrição : 04/02/2020

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyTer 13 Out 2020, 18:35

Phil Magestic

Where is “is is”?



Prestava atenção em cada palavra proferida pelo funcionário do hotel. Era muita audácia de fato sequestrarem alguém dentro do hotel dos Salvatore. Eu começo a repensar em quais as possibilidades para que fizessem isso e quem teria interesse em alguém que recentemente chegou a cidade. Só um nome me vinha a mente.

”Filhos da p… da Raposa.”

- Obrigado pelas informações, lembra-se da aparência de algum deles?

Pergunto ao homem, caso ele fizesse algum sinal como se pedisse dinheiro, deixaria 10.000 B$ pela informação. Caso contrário apenas ouço com atenção o que fosse dito pelo distinto sujeito.

Thomas se mostrava agastadiço, o que era de se esperar afinal de contas, um dos seu havia sido levado debaixo de seu focinho.

Saímos do hotel chamando tanta atenção quanto possível e Kaito teve a idéia de separar o pessoal. Eleonora, Ballu e eu iríamos atrás dos contatos para achar a tal menina, mas não sem antes eu ter uma boa descrição.

- Como é essa mulher? Digam. Ballu, consegue tomar notas por gentileza, meu consagradinho? Eleonora, prepare a pistola. Precisaremos dela. Todos aqui sabem se virar, acredito eu. Tomem cuidado, está bem. Sim, duas horas está ótimo.

Olhava meu relógio para verificar e medir quanto tempo tinha até tudo se resolver. Uma vez decidido saio dali com Ballu em meu bolso, agora mais seco - espero - e caminhamos até a loja. Ali dentro ligaria para Jhonny.

- Oi Jhonny sei que ainda estão em uma reunião de negócios sobre a raposa, mas preciso de uma ajudinha. Uma mulher de cabelos rosas, corpo bonito, o rosto é - diria dando a descrição completa e então continuaria - Disseram que piratas haviam levado essa menina. Sim ela é importante. Caso tenha um grupo para nos ajudar, podem ser recrutas, está tudo bem. Só preciso de contingente. Obrigado.

”Se forem piratas é menos pior. Damos um jeito neles, uma aula de etiqueta e está tudo certo. Se for o pessoal da Raposa é melhor eles estarem prontos, pois não acredito que o grupo da garota vai receber muito bem essa ideia.”

Caso alguém dos Salvatore chegasse para nos ajudar eu iria junto a ele(s) até o cais esperar por eles e tomar a ordem de ação. No caminho procuraria pistas sobre o paradeiro da menina, e qualquer um que estivesse falando algo sobre menina de cabelo rosa eu me aproximaria.

Se achasse alguém com Isis eu tranquilamente me aproximaria com a mão dentro do terno, segurando “Educação” e diria:

- Senhores, não sabem que é indigno esse tipo de situação? Devolvam a garota e sigam o caminho de vocês se não quiserem ter uma aula de etiqueta.

Se chegasse ao cais antes deles e sem rastros, aguardaria e perguntaria se alguém por ali teria alguma bebida para esperar o tempo passar. Caso tivesse mais homens comigo, eu já os indicaria até o navio para começarem os trabalhos enquanto aguardo o resto do grupo.




bichaelson

|


Histórico:
 
Nessa Aventura:
 


Última edição por GM.Muffatu em Qua 14 Out 2020, 10:06, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Madrinck Dale
Membro
Membro
Madrinck Dale

Créditos : Zero
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 9010
Masculino Data de inscrição : 16/09/2017
Idade : 34
Localização : Brasil / Dawn island

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyTer 13 Out 2020, 21:38

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Contos de Forxen
A União por um proposito incerto



Eu com a minha atenção a tudo com antecedência, ao ouvir sobre a amiga dos meus ex-companheiros sequestradas eu lentamente me levantava olhando para o caos brotando dentro do recinto com Thomas virando a besta incontrolável e sanguinária, não tinha forma de conversar com o Panda agora semi-irracional, e eu também não queria me aprofundar tanto assim da minha necessidade de ajuda-los, ajudar a achar a garota de cabelos rosas para mim era o suficiente para pagar minha divida, que no meu ponto de vista deveria ser tratado assim, por te-los abandonados em Dawn Islands sem aviso prévio, era uma boa maneira de compensar, e claro que eu não deixaria de seguir o grupo para o lado de fora de modo calado, botando a mão no queixo e pensando calmamente nos próximos passos a se fazer na procurar, já interligando os pensamentos as ordens atribuídas de Kaito, ele não era meu chefe, na verdade não tinha nenhum poder sobre mim para que eu sentisse a necessidade obrigatória de obedece-lo, mas eu via ele como um bom amigo, e aceitava cordialmente as ordens.

Então finalmente sobrepondo a minha voz de modo repente, finalmente dando as caras ali no meio do grupo eu falava com a minha mão levantada, não completamente, um movimento sutil e incompleto para chamar mais atenção além da minha voz entre o grupo - Vocês que são do mesmo grupo dessa tal Isis, tem algum pertence ou roupa com o cheiro dela? A muito tempo eu trabalhei numa cozinha, meu olfato foi melhorado e talvez eu consiga sentir o cheiro dela envolta da taberna e achar algum rastro, nunca fiz isso antes claro, mas vale tentar não? Pouparia tempo de certa forma do que maioria de nós procuramos as chegas, além do mais eu, Senhorita Fran e Senhorita Adorea mal chegamos na ilha, nós perderíamos muito fácil num local desconhecido...numa ilha desconhecida- Falava levando lentamente a minha mão para dentro do bolso do meu sobretudo, me deixando a dar o prazer de ficar numa postura relaxada já que maioria dali eram conhecidos, não precisava me forçar a me fazer de certinho, mesmo que fosse costume meu, claro.

Caso algum deles me entregasse algum pertence de Isis, eu levantaria calmamente a minha máscara e deixaria o pertence o mais próximo de meu nariz dando uma profunda respirada tentando memorizar o cheiro como já tinha feito antes com vários tipos de ingredientes, caso fosse necessária absorveria mais um pouco do cheiro do pertence e tentaria então, lentamente cheirar o ar tentando procurar algum cheiro igual dos pertences da Isis, e caso fosse necessário eu daria algumas voltas pelo Hotel a procura de algum possível rastro do Aroma, caso eu encontrasse falaria - Por aqui!- Falaria com uma entonação alta o suficiente para que o grupo me ouvisse, caso ou o pertence não tivesse um cheiro forte o suficiente para eu captar e memorizar, ou eu simplesmente não achar o cheiro de Isis, suspiraria desapontado olhando para o grupo e balançando a cabeça, assim voltando a seguir Fran um pouco desapontado, mas não parando de pensar em outra possibilidade para achar a Mulher de cabelos Rosas.

Se o grupo ignorasse ou falasse que não tinha nada com o cheiro de Isis eu só frangeria os cenhos por trás da máscara e seguiria Fran conforme foi divididos os grupos, olhando em volta a procura de algo suspeito o suficiente para eu dar atenção, caso não ficaria calado pensando.

Thanks, Lollipop @ Sugaravatars


Spoiler:
 

Histórico:
 
Fala e Pensamentos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
AoYume
Membro
Membro
AoYume

Créditos : 6
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Data de inscrição : 23/09/2018

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyQua 14 Out 2020, 08:53

A princesa falida
O gostinho do gelo envolto por canela e cachaça tocando meus lábios, o adocicado perfeito em contraste com o gosto forte do cravo, como eu precisava daquilo, um momento de paz degustando meu bacon e minha bebida, mas, esse mundo não permite paz a alguém como nós. Meus olhos arregalam ouvindo uma conversa distante em tons bem exaltados, ou, ao menos tentaria vendo o homem aproximando-se do bando. - Isis? Indagar-me-ia abaixando o copo um instante um pouco ansiosa com o rumo que aquilo tomava.

Não somente eu, mas, principalmente Thomas alterava-se bastante. O copo quica entre meus dedos com o susto quase saindo enquanto recuperá-lo-ia com alguma dificuldade ainda no para ver o que parecia um surto de rugidos e falas estranhas. - Droga Isis, o que aconteceu? Meu semblante se nubla, minha feições se fecham e o que antes era prazer torna-se uma golada forte no restante da bebida avermelhada e engolir a seco minha comida apenas para aliviar a fome.

Por outro lado antes que eu pudesse efetivamente levantar-me e deslocar-me até o local, Sadie vem até mim interagindo diretamente. - É, eu ouvi... Mais dez sem vê-la só para ela desaparecer de novo, sequestrada por uns bandidinhos, que droga... Sorrio de forma sarcástica e irritada. - Se ela morrer eu mato ela, eu juro! Com isso levanto-me para juntar-me aos demais caminhando apreensiva apoiando a mão no cabo da espada em minha cintura.

- Não, não vi nada... Respondia de forma seca, talvez, se eu tivesse ido atrás dela, quem sabe ouvido minha libido e não resolvido as coisas sozinha? Poderia estar com e tê-la salvo, quem diria que controlar o meu tesão acabou tornando-se um problema que pôs minha amiga em perigo, de fato, o mundo é algo estranho. O peixe perguntava como ela era, se eu podia descrevê-la. - Bem, ela parece um pouco com Nasubi, com asas, afinal é uma celestial, fios róseos, só que mais bonita. Um pouco mais alta que e tem uma boca meio suja.

Outro garoto também perguntava algo semelhante, mas, não sabia bem o que responder para esse. - O cheiro? Não sei bem, ela usava um perfume doce ontem quando nós... Bem, não vem ao caso. Ela pode ter se banhado após isso então não sei nem se ajuda. Talvez pela espécie ela tenha uma aroma parecido com o de Nasubi mas, sinceramente, não sei nem mais o que to falando. Era claro um pouco de confusão e apreensão em minhas falas que se atropelavam e embolavam entre si. Não diria mais nada, não estava pensando com tanta clareza e apenas acompanharia Kaito em suas decisões e destino.




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
♥ 44/44
♦ 62/62
♠ 00/03
Cons off.:
 
Objetivos:
 

Histórico:
 


Princess Iris Ao'Yume
Um passo à frente, pode ser o começo para consertar os passos que já foram dados

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




____________________________________________________

A Luxure Girl
Keep

calm,


i'm

Here



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
DarkWoodsKeeper
Membro
Membro
DarkWoodsKeeper

Créditos : 6
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Data de inscrição : 27/06/2020

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyQua 14 Out 2020, 13:53



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Pandamônio
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Parece que o mink Urso Panda havia escutado meu cumprimento. Ele foi cordial e se apresentou como Thomas. Ele me perguntou se eu era um Tontatta, ao que eu respondi com um aceno de cabeça. Por mais que fosse assustador, conhecer novos rostos era uma experiência interessante.


Ele estendeu o braço, esticando o dedo em um aperto de mão adaptado com sua garra. Eu deslizaria pelo braço de Phil e me agarraria na manga de seu paletó com uma mão. Com a minha mão livre, apertaria sua garra e sorriria timidamente.


"Ele parece ser um cara legal, talvez eu os tenha julgado rápido demais..."


Meu pensamento, contudo, foi interrompido por um funcionário do hotel que trouxe a notícia de um sequestro: uma integrante do bando que acabamos de conhecer havia sido sequestrada. Thomas, que há alguns momentos estava calmo, começou a rosnar e gesticular de forma aterrorizante. Eu escalaria novamente no ombro de Phil com medo da reação do panda, mas não podia julgá-lo, pois ele havia acabado de descobrir algo horrível.


Meu coração afundou e todo o som de Phil e dos outros conversando se tornou abafado. Eu estava em choque, pois alguém havia sido raptado do mesmo jeito que eu.


"Será que... foi A Raposa? " - pensei, relembrando meu tempo como prisioneiro - "Não posso deixar que isso aconteça..."


Não sabia o que havia se passado e nem conhecia a pessoa desaparecida, mas eu faria o que fosse possível para ajudar.


Voltei a mim quando Phil disse meu nome. Percebi que já havíamos deixado o hotel e estávamos reunidos com integrantes daquele bando. Phil me pedia para fazer o retrato falado da pessoa desaparecida. Eu concordaria com um aceno de cabeça e prestaria atenção em quem fosse fazer a descrição. O plano era nos separarmos e procurar mais informações que ajudassem a localizá-la.


Indo para o bolso de Phil, eu só conseguia pensar em uma coisa enquanto olhava para o retrato falado: "Não vou permitir que você passe pelo que eu passei."










Histórico:
 

Status:
 

Técnica Utilizada:
 

Objetivos:
 

Consideração:
 

off:
 

                                       
DAMAGE: 7




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dogsofain
Civil
Civil
Dogsofain

Créditos : Zero
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2020
Idade : 18
Localização : No cabo do revolver

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyQui 15 Out 2020, 11:34





Ao longo de sua pequena jornada para achar algum lugar para descansar, o óbvio lentamente começou a se revelar a Resin. “Claro que nao vou achar algum lugar para descansar… Essa cidade nunca dorme. LITERALMENTE!” Resin pararia de procurar algum lugar, abaixaria a cabeça, fecharia os olhos, e soltaria um breve porém forte —Ughh...

Em um instante irresponsável e espontâneo, decidiu praticar. Ao longo do tempo, seus pulmões começaram a pesar e seus músculos accumulariam com fatiga e sangue, mas o mundo externo estaria bloqueado de seus pensamentos, e a única coisa em sua mente seria executar o próximo movimento de maneira mas eficaz e fluida possível. Com chute após chute, a primeira hora se passaria em um instante.

Enquanto treinava, Resin perceberia algum movimento em sua visão periférica, estavam pertos demais para ignorar, e antes do próximo chute ser executado, Resin pararia para ver quem estava se aproximando. Foi quando perceberia que não era somente um indivíduo, mas vários. Eram piratas que o negaram mais cedo. Perceberia que estavam segurando vários sacos, e tinha algo extremamente estranho em um deles. Resin ficaria tenso e com seus olhos abertos, pois seu mau pressentimento dispararia. “Ahh merdaa…”

Quando sarcasticamente convidaram o coelho para irem com eles enquanto o cercavam, Resin rolaria seus olhos, “Que original, um monte de humanos querendo bater em um mink. Nojo…” mas instantaneamente mudaria sua expressão séria e irritada, e daria um grande sorriso amigável, que entrava em contraste com sua expressão corporal tensa e preparada. Querendo se safar com segurança, Resin tentaria os convencer de não lutar. Com um tom amistoso e confiante falaria —Vamos mesmo ter que fazer isso senhores? Acabei de aquecer, nao quero usar toda essa energia em vocês. Podemos ser maduros e achar um entendimento. Não precisam me levar, mas posso ajudar vocês, onde estão indo? Posso fazer alguma coisa para que seu precioso cargo chegue no destino, sem a interferência daqueles marinheiros imundos.



Atributos:
 

Considerações:
 

Objetivos:
 

Histórico:
 

informações:
 

OFF:
 

                                     


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Bluesday
Sargento
Sargento
Bluesday

Créditos : Zero
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 31

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyDom 18 Out 2020, 07:40


UREEE!
Em algum lugar, alguma coisa incrível está esperando para ser descoberta.
A
guardeio o rapaz desenrolar a grana, mas aparentemente ele não daria nada. Ao menos não por enquanto.

Um novo funcionário aparecia no meio do diálogo. Chegava um tanto mandão querendo saber de algumas informações. A princípio fechei a cara, demonstrando uma expressão de cuzona, cruzando os braços, estufando o peito e abrindo os ombros. Permanecendo calada enquanto olhava diretamente para o mesmo sem piscar em um silêncio torturante.

Aquilo poderia causar certa intimidação pela postura e jeito desafiador, sem demonstrar fazer o que ele queria que eu fizesse.

No desenrolar, acabou que foi repreendido por seu colega de trabalho. Ao mesmo tempo, olhava para meus companheiros e notava algo. Thomas parecia perder a cabeça por alguma razão.


Os funcionários continuavam a falar, até que revelavam um sequestro e o motivo de estar querendo saber da minha relação com a outra garota. De fato possuíamos cabelos parecidos, embora eu tenha os meus mais embaraços e descuidado. Nunca dei tanta atenção assim a minha aparência. Isis por outro lado demonstrava uma vaidade constante consigo mesma.

Refletindo sobre tudo, virei-me para o rapaz que tentei extorquir e respondi.

A garota em questão e eu, não dividimos nenhum traço genético. Entretanto, ela faz parte do bando. Enfim, com licença, tenho que por ordem na casa ou o que falei agora pouco, se tornará real.

Sem delongas, vire-me de costas para os dois e fui até o capitão que estava exaltado demais. Antes passei e peguei uns biscoito e suco numa caixinha com canudinho, e fui bebendo. Me aproximava do panda que fazia aquela cena ridícula, olhei brava pra ele e repreendi.

Você vai continuar agindo como uma bolota de pelo descontrolada ou ser nosso capitão? — Notava a dificuldade que ele parecia ter em acender o charuto. Tratei de tomar o isqueiro de suas mãos e acender para ele. — Se recomponha, pois você é meu Pandemônio! E temos de encontrar Isis.

Kaito logo mais dava algumas instruções do que fazer. O bando ia sendo direcionado a realizar tarefas diferentes. Mas sentia que faltava mais informações pra sair procurando às cegas.

Iris, macaco, vamos falar com o gerente.

Não esperei eles e procurei por alguém que me indicasse o funcionário em questão ou alguém com mais autoridade no hotel. Uma vez com tal pessoa, questionaria amigavelmente.

Olá! Sou uma das hóspedes e bem, acabo de descobrir que uma colega minha foi sequestrada em seu hotel. Meus companheiros estão bastante nervosos e impacientes. Planejavam fazer uma busca pela cidade, mas eu antes quero olhar os Den Den Mushis de vigilância. Será que poderia fazer essa cortesia para nós? Afinal... A segurança em vosso estabelecimento falhou conosco.

Restava esperar uma resposta positiva para poder ver as gravações.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Nasubi
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP: 44/44
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP: 62/62

Nasubi:
 




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Objetivos Anyway:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
xRaja
Civil
Civil
xRaja

Créditos : Zero
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 17/11/2012
Idade : 25
Localização : Portugal

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyDom 18 Out 2020, 11:20






[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Terrorismo




O palco estaria repleto de estrelas, cintilam incansavelmente um brilho único, próprio, caracterizante. Entre as vastas estrelas no local, uma se elevava, encadeava o mink Macaco, com a sua presença, com as suas palavras. Uma estrela cadente, um anjo caído, uma deusa expulsa dos céus, um vulto de conhecimento puro estaria pronto a passar o seu poder a Raja, no entanto, nada se dá sem algo em troca, especialmente com atos divinos. Uma garota, de cabelos dourados, longos e lisos. Olhos penetrantes com cor de mel, olhavam diretamente para o jovem adulto Macaco, enquanto o mesmo, ajoelhado, segurando as mãos superiores de Fran, esperava a reciprocidade e é nesse momento que enquanto vislumbrava a cara cicatrizada da divina garota, o calor e aconchego da sua mão encostaria na cabeça do mink. Entregava a Raja uma pequena amostra da sua dadiva do conhecimento e o Macaco com respeito e inocência confirmaria.

-   Sim. Raja é o meu nome.

Uns sussurros eram presenteados ao mink e, nesse momento, a verdadeira face que o divino possui se apresentava com um pedido.

*Som de um macaco a gritar*

Surpreso de tal forma que cairia de nádegas no chão e afastar-se-ia rapidamente da divindade, empurraria o chão com todas as suas mãos.

- Não! Não quero! Poderias dissecar e estudar a comida que preparo? Uma banana energética?

O mink Macaco estaria um pouco afastado da jovem, então, talvez pudesse ouvir, com sua audição treinada, Thomas a declarar uma palavra desconhecida. – Tontatta.

Se esse fosse o caso, dirigia-se a eles, neste caso em particular a Thomas daria 2 pequenos toques no seu braço e tentaria ficar mais alto apoiando nos dedos dos pés, para assim, tentar sussurrar ao ouvido do Panda. – Estas a falar com quem? Não me digas que os fantasmas existem?

Um pequeno flashback de Raja quando criança, tentava dormir, a noite era uma imensa escuridão, qualquer barulho era uma presença ameaçadora, um desconhecido.

O mink Macaco olharia a sua volta, estaria perdido no espaço ainda nem havia entrado nele, o restaurante era um grande palco, o teatro já teria começado e todas as estrelas que nele entravam ainda não tinham chegado. Procuraria pelos membros do bando com a sua mão por cima da vista, como se estivesse a tapar o brilho que rodeava o local dos seus olhos. Um grito, um grito imponente trespassaria os ouvidos de Raja, um grito que já ouviria antes, um Panda mortífero, um panda furioso. Neste momento o Macaco só procuraria uma pessoa, Kaito seria o mais indicado para a ocasião.

Ao avistar o imediato, caso fosse possível, correria até as suas costas. – Kaito! Kaito! Eu consigo falar com animais, mas não com monstros!

Com as mãos nos ombros de Kaito escutaria tudo o que se desenrolava e já mais calmo, porém, ainda assim, receoso seguia o jovem.

- Não vejo a Isis desde o balão enorme…

Fazendo pausas para continuar a escutar e informar nos momentos adequados.

- Ok Kaito, conta comigo!!

Olharia rapidamente à sua volta, procuraria Iris e Nasubi, o Macaco apoiaria as mãos no chão e preparava uma posição similar ao de "sprinters" enquanto esperam o disparo de partida, quando o olhar de Raja se encontrar com as jovem a corrida iniciaria. Correria tentando agarrar tanto Iris como Nasubi pela cintura, cada uma com um braço diferente e continuaria sem tempo a perder, rapidamente, paralelamente ao mar até chegar ao cais.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

- Alguma de vocês sabe o caminho para o cais? Diria enquanto correria.



legenda:
 

Objetivos:
 


[spoiler=OFF]
Quando falo de teatro e divindades, não levem à letra xD São comparações e exageros. Visto todos os clientes e staff do restaurante estarem a observar as ações que o bando está a tomar, como se fossem os espectadores de um frenético espetáculo. [/spoiler ]

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!

"Não me interessa o que você faz como profissão. Quero saber o que você deseja, e se você ousa sonhar ir de encontro com o desejo do seu coração. Não me interessa quantos anos você tem. Eu quero saber se você arriscaria ser visto como um tolo, pelos seus sonhos, pela aventura de se sentir vivo."
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 140
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyQui 22 Out 2020, 04:29




Narração
Sensação térmica agradável
Manhã para todos menos o coelhinho que está no final da madrugada
Localização: Newberry City – West Blue



Coelhinho

Após o treinamento que durou várias horas, o coelhinho acabava se vendo cercado por alguns piratas. Seu pensamento era rápido para a situação, percebia que seu corpo estava cansado após todo aquele exercício físico. Além do nojo por imaginar-se apanhando, acabou pensando em uma forma fácil de contornar o problema.

Após Resin ser bem educado, o pirata começou a rir ainda mais e entre as risadas acabou falando. – Pelo que me lembro você não se importava muito para onde estávamos indo. Só queria sair dessa ilha. – Falava ele com uma memória muito boa do pedido do mink de algumas horas atrás.

Porém só aquele comentário provavelmente não convenceria o coelhinho e talvez por isso o homem decidiu ajudar um pouco mais na decisão respondendo. – Mas já que quer saber, estamos indo para a Grand Line, muito melhor do que essa ilha ou as outras deste nojento West Blue. – Ele dava uma pausa e sinalizava para os piratas relaxarem por um instante. Ele fazia um sinal para o coelho com a cabeça, tipo um “siga-me” indicando para subirem no navio.

Callahan acabava tendo uma única opção em que não lutaria, subir naquele navio e seguir com aqueles piratas desconhecidos. – Não acho que teremos problemas com marinheiros até a Grand Line, mas lá já fiquei sabendo de diversos piratas brigando para conseguir navios. Qualquer ajuda será bem-vinda. – Falava ele, talvez aproveitando o fato de Resin ter demonstrado treinar ou se aquecer para uma boa luta.


Todos menos o coelhinho e Nasubi

Aquela manhã seria longa. Fran e Raja conversavam sobre alguns pontos interessantes sobre as raças, o mink sentia puro pavor ao ouvir as ideias que aquela loira o apresentava. Thomas ao mesmo tempo cumprimentava o pequeno Ballu, que havia batido tão forte a cabecinha ao cair no chão que aparentemente queria descer deslizando pelo braço do tritão apesar de já estar com seus pezinhos firmes no piso. Inclusive, o mink macaco aproveitava a situação do panda gigantesco falando com o além e se aproximava para fugir um pouco da médica Air. Acabando assim cumprimentando o pequeno tontatta que havia por ali também.

Enquanto Kaito comentava com a ruiva navegadora e Sadie comentava com Phill sobre carpintaria, Thomas ia pagando a conta como devia. Ou seja, no geral o povo estava se entendendo tranquilamente enquanto Iris finalmente conseguia comer e encher minimamente a barriga.


Nasubi

Apesar de ficar quieta e decepcionada que não havia recebido nenhum dinheiro ainda com aquela tramoia. Nasubi acabava ouvindo algumas coisas interessantes e comentava que não era parente da menina desaparecida apesar de conhecê-la. Enquanto se distanciava acabava por ouvir o segundo mordomo comentando algo que só pegou uma parte. – Talvez por isso que essa aqui... – Onde acabou por não ouvir já que estava entrando no salão novamente e acabava por ver o panda furioso enquanto o resto do povo a sua volta reagia.


Todos menos o coelhinho

Como a história não pode ficar só nisso porque vocês não querem bater no teto infelizmente más notícias acabaram recaindo sobre o recinto. Todos ali reagiam de uma forma diferente. Phill, Forxen, Ballu e Fran ficavam meio avoados da situação pois simplesmente não sabiam de quem o homem estava falando. Já os demais, sem a presença de Nasubi pois ela ainda não chegou na cena, acabavam percebendo a ausência de Isis. Perguntas começavam a serem jogadas no ar. O panda ficava mais puto do que pessoas com fúria.

Os civis aos poucos começavam a se distanciar, alguns pareciam querer até sair do hotel. Ficava claro porque o homem não queria aquele povo por ali.

Fran começava a analisá-lo e pedia para sua irmã ficar longe dele. Adorea não parecia possuir nenhum motivo para contrariá-la. Sadie ia na direção de Iris após deduzir que era Isis a pessoa que havia sido sequestrada. Enquanto isso Kaito já começava a falar alguma coisa para Thomas, mas sem muito efeito. Nasubi chegava ajudando o panda a acender o charuto enquanto Kaito tentava colocar ordem no local.

Com as ordens e com seus próprios pensamentos, três pessoas acabavam por abordar o possível dono do hotel ao mesmo tempo e com perguntas parecidas. O dono do hotel não gastou muito tempo olhando para Nasubi e Fran, pois obviamente ele se postou a responder Phill e seus quase oito metros primeiro. – Eu não cheguei a vê-los, então infelizmente temo que você precise perguntar para alguém da Famiglia. – Respondeu o dono do local. – E isso vale para vocês duas também... Temos câmeras? Temos... Só a família pode acessá-las, até marinheiros que as peçam precisam passar pela autorização deles primeiro ou quem sabe o que ocorreria conosco. – Comentou o homem olhando para as duas, demonstrando como o fato de alguém atacar um hotel protegido por tal família mafiosa realmente parecia um ato meio absurdo.

Uma pequena pausa era dada e ele olhava para Fran principalmente. – Eu sei que a família teve um confronto com eles aqui perto e neste confronto a menina de cabelo rosa caiu de um saco que eles a levavam e acabou acordando, por isso posso pelo menos falar que ela está viva. – E após ele falar aquilo ele abaixou um pouco o tom e comentou. – Eles não começaram a lutar com os piratas para resgatar a mulher de cabelo rosa, eles a descobriram por causa do combate. – Ele dava uma pausa para ver se a loira entendia o que ele queria falar com aquilo, mas acabou comentando para deixar as coisas mais mastigadas para a médica. – Eles até devem conhecer os sequestradores, apesar de não terem comentado comigo, mas porque ela foi o alvo específico eu duvido que eles saibam.

Bem, não eram respostas perfeitas, mas era alguma coisa que poderia ajudar no futuro. Assim, todos eles podiam enfim sair daquele hotel, onde Kaito planejava separar o povo e se unir no cais depois por nenhuma razão. A ideia era de dividir alguns grupos, o que era no mínimo cômico, pois ele colocava pessoas como Adorea, Fran e Forxen no mesmo grupo apesar de só terem a descrição que Iris dera, ou seja, não era muita coisa. Talvez por isso, mas o menino múmia acabava perguntando até mesmo do cheiro, para quem sabe não ficarem completamente perdidos numa busca sem sentido. Apesar de Iris também responder quanto ao cheiro, não era uma resposta suficientemente boa para o que ele planejava.

Ballu já podendo realizar o esboço da menina, acabava por sair com Phill e Eleonora. Kaito começava a sair para andar também querendo procurar por pistas enquanto ouvia Raja falando que podia falar com animais, Iris o acompanhava. Mas a real é que a maioria ficava ali parado na porta do hotel, Fran, Forxen, Sadie, Thomas, Nasubi e Raja. Apesar de Iris ir com Kaito, o mink macaco ficava fazendo palhaçada na frente de Linchee preparando-se para alguma corrida.

A ilha em si parecia bem movimentada e vivida, o povo na rua olhava para aquele grupo circense que havia acabado de sair do hotel claramente surpresos por toda aquela variedade de raças que existia ali.


Iris, Kaito, Sadie e Thomas?

Como o Kaito colocou vocês no grupo, mas vocês não narraram nada disso, não sabia se os levava ou não, fica a cargo de vocês se estão com eles ou se ficaram na porta com o resto.

Após se distanciar um pouco do hotel, naquela ilha cheia e com várias pessoas falando, ficava realmente difícil imaginar que achariam alguma pista por ali. Apesar disso, algo bem chamativo existi ali perto, onde viam que uma das construções da rua logo ao lado do hotel possuía algumas janelas quebradas e até mesmo a parede possuía algumas marcas de mãos fechadas, onde claramente alguém havia socado a parede e a marca havia ficado ali como um mero lembrete.


Ballu e Phill

Após andar um pouco, Phill e Ballu acabaram chegando em sua loja. Que bem, estava vazia, pois após matar todos os donos antigos não haviam colocado ninguém como empregado no local e por isso não havia como vendas ocorrerem de forma milagrosa no local reclame com a Mila. Mas em um ambiente familiar e sabendo que poderia ligar a vontade, não tardou até que o tritão pegasse o den den mushi da loja como essa loja não existe na ficha eu estou deixando, mas você não vai poder levar ele por motivos de porque sim e ligasse para alguém dos Salvatore para tentar controlar melhor a situação.

A ligação demorou um pouco para ser atendida. Após descrever a situação pelo telefone para o tal Jhonny. – Ah sim... fiquei sabendo de algo sobre isso. – Ele dava uma pausa do outro lado da linha, parecia que ele estava dispensando alguém pelo den den mushi. – Pelo que entendi foi uma coincidência termos descoberto o sequestro, o que só mostra como a situação estava pior do que gostaríamos de admitir. – Comentou ele e então Phill ouvia o barulho dele se levantando da cadeira que provavelmente estava sentado do outro lado.

– Não sei quão útil pode ser o que vou falar. Mas esse grupo pirata estava sendo investigado por possíveis ligações com a Raposa. Os nossos que lutaram estão basicamente em coma e por isso o que descobrimos foi pelos den den mushis câmeras.  – Outra pausa era dada enquanto ele parecia do outro lado da linha procurar por alguma coisa. – Não chegamos a ter um veredito sobre o caso e não teremos até que eles acordem, mas é um fato que eles são fortes. – Comentou Jhonny do outro lado da linha, mas era claro que ele possuía mais informações para passar. – Não sei porque a menina de cabelo rosa é importante. Mas posso informar que pelas câmeras vimos que eles se dirigiam para o cais. Não acho que seja possível localizá-los mais tão cedo. Estou com alguns homens por lá questionando quem poderia ter visto algo de madrugada. E Phill, não acho bom você levá-los, como não temos certeza do envolvimento da Raposa, não podemos retirar nossos homens da ilha sem ter esse tipo de certeza. – Comentou Jhonny do outro lado, alertando para a falta de reforços.  



Off:
 

Legenda:
 
Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Thomas Kenway
Narrador
Narrador
Thomas Kenway

Créditos : 2
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 11/04/2020
Idade : 19
Localização : NewBerry City

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptyQui 22 Out 2020, 06:02





Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!— Post 05





Muitas vezes na vida, um homem surta, ou mesmo faz coisas que não deveria ter feito em seus momentos de maior fúria e raiva, era algo que eu sempre escutava em minha infância na mansão Kenway...

A dificuldade de acender o meu charuto era grande, eu estava me tremendo todo por causa da raiva que percorria o meu corpo, mas Nasubi chega e me ajuda a acender aquele fumo que era tão necessitado por meu corpo.

— Obrigado pequena, eu já estou bem, vamos achá-la!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Falava isso enquanto fazia um carinho em sua cabeça de forma mais sutil possível com minhas unhas retraídas.

“ Eu to bem caralho nenhum, mas não posso deixar a raiva me dominar agora, eu preciso encontrar a Isis...”

Fran conversava ao meu lado com o senhor do hotel, ele falava algumas coisas interessantes sobre o acontecimento, me aproximaria dele, me agacharia e diria:

— Onde eu posso encontrar essa família? Olha só, eu não to com paciência para joguinhos agora, só me passa a porra do endereço ou contato que você tiver, ou a raiva que você viu antes vai parecer só birra de criança!

“ Porra, se esse cara não me falar nada, eu não sei o que eu posso fazer... ”

Olharia para quem ainda estivesse comigo no local, e daria uma ordem enfiando minhas unhas na palma de minha mão, tentando fazer a dor me manter mais "acordado":

— O Kaito cuidou das coisas enquanto eu estava “fora” mas agora eu voltei, eu estou indo falar com eles e pegar um pouco de informação, eu vou lá agora, se alguém quiser que venha comigo! mas não todos, preciso de pessoas em outros lugares também pegando mais informações! Vocês encontrem pistas sobre o paradeiro dela, nos encontramos no cais logo ROARRR!

“ Caso de algo de merda nessa negociação, eu não sei o que vai rolar, mas tenho que tentar não puxar briga agora, merda!”

Iria para onde o homem tivesse me dado o endereço ou mesmo contato, iria de forma rápida para lá, sem ficar parando ou mesmo dando bola para coisas desnecessárias no momento, caso chegasse no local ou mesmo fosse em um telefone falaria com quem estivesse disposto.

— Alo? Meu nome é Thomas Kenway, aconteceu algumas coisas em um hotel que acredito eu, seja da sua jurisdição, uma querida amiga minha foi sequestrada, e eu preciso saber para onde ela foi e porquê!

Caso eu estivesse frente a frente com alguém, me ajoelharia e bateria a testa no chão com força.

— Vocês não têm porque me ajudar, mas por favor, eu imploro, de mafioso para mafioso, minha amiga está em perigo e eu tenho que ajuda-la.

Cerrando meus dentes eu diria, não podia mostrar minha raiva para eles por mais que me doesse me segurar tanto, mas agora eu só podia implorar


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


“Abaixar a cabeça não é vergonhoso quando é pelo motivo correto! Se eu puder fazer isso para ver meus companheiros viverem de corpos erguidos, então eu sempre abaixarei ela com prazer! ”

Para mim fazer aquilo não era humilhante, era apenas algo que como capitão, deveria ser feito, caso eu estivesse no telefone suplicaria a pessoa mesmo assim, mesmo que para isso tivesse que engolir minha raiva.

— Qualquer informação que vocês tiverem... já me ajudaria muito, eu sou o capitão do bando Pandamônio, fico devendo uma a vocês!

Pacientemente esperaria pela resposta deles, apertaria o telefone, ou enfiaria mais a minha testa no chão, no momento era o mais sensato a se fazer ao meu ver...


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



Legendas:

  • Narração
  • "Pensamentos."
  • — Falas.



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Thomas Kenway:
 
Histórico:
 

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Objetivos:
 

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!


Última edição por Thomas Kenway em Dom 25 Out 2020, 19:59, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Muffatu
Game Master
Game Master
GM.Muffatu

Créditos : 41
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 04/02/2020
Idade : 34
Localização : Newberry - West Blues

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptySab 24 Out 2020, 15:18

Phil Magestic


Se todo mundo se arrumar dá para bater em 4 de uma vez.


”Merda, Jhonny tem razão. Com tudo o que está acontecendo aqui não dá para tentar alguma coisa diferente, como levar os rapazes. E para ajudar o infeliz que ia ficar aqui na loja não ficou… Estamos sem lucro. Catzo!”

- Tá ótimo, Jhonny, muito obrigado. Pode mandar alguém para cuidar da loja, o último soldato nem apareceu por aqui… Sem educação…

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Era isso, nesse mar tinha sardinha. Era certo. E claramente era alguma coisa que Jhonny só passaria a alta cúpula, eu ainda não era alguém por ali, e de fato para ter algo seria um pouco mais complicado que matar marinheiros e bater em escravocratas. Precisava fazer algo e rápido. Pelo menos uma pista já tinha, cais.

”Duas horas… Duas horas… Por favor, em duas horas eu já bati em todo mundo que precisava apanhar e já estou com a moça do cabelo rosa.”

- Ballu, prepara sua arma. Vamos precisar educar algumas pessoas. Eu vou até preparar a minha marreta. Xuxuzinho, sua mira está boa, acredito eu. Prepare suas pistolas, vamos precisar de toda a munição possível. Jhonny disse que são fortes. Vamos ver o quanto…

Arrumaria meu terno me preparando para mais uma vez agir. Trocaria a gravata, pois estava vestido de forma inadequada à ocasião.

Passando a mão pelos dentes, os limparia. Estalo as mãos e então começo a caminhar para o Cais.

”Eu vou, eu vou, lecionar agora eu vou… Parara tim bum, parara tim bum, eu vou… eu vou…”

Cantarolava em minha cabeça até chegar no cais. Caso encontrasse alguém do bando passaria as informações que obtive e seguiria meu rumo, não havia a necessidade de correr, visto que se eles estivessem no mar, usaria meu barco para ir atrás deles, caso estivessem em terra, já começaria logo a resolver essa equação.
Assim que chegasse no cais começaria a perguntar para os transeuntes.

- Você viu alguns piratas passarem por aqui com um saco diferente, que parecia ter alguém dentro?

Perguntando a todas as pessoas até que pudesse ter informações suficientes. Caso algum desses mostrasse-se de alguma forma mais hostil eu tranquilamente bateria em sua cabeça com o cabo da marreta de 2m (Educação) com a intenção de nocauteá-lo e então passaria ao próximo.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Deixaria claro que era para Eleonora também fazer o mesmo, procurar a mulher e se alguém tentasse algo que desse uma coronhada na testa da pessoa. Não precisávamos matar ninguém, mas caso necessário não pensaria duas vezes.

Se achasse os responsáveis em mar, eu marcaria bem sua bandeira e seu navio para que pudesse seguir os homens e resolver essa pendência. Caso eles estivessem em terra, eu iria para cima do que parecesse mais forte e diria:

- Você por um acaso não está com uma mulher de cabelo rosa em um saco, está? Pois se estiver, prefiro que deixe logo essa senhorita partir, ou partirei a sua nuca. - Por fim daria um belo sorriso e diria. - Sua roupa condiz com sua face. Parabéns pelo mau gosto, senhor.




bichaelson

|


Histórico:
 
Nessa Aventura:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


“Aventuras”:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran B. Air
Pirata
Pirata
Fran B. Air

Créditos : 32
Warn : Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 24
Localização : The Wonderful Land

Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 EmptySab 24 Out 2020, 19:58


05
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Médica ou Veterinária!? Nova Médica no Bando!

Olhava para Kaito um pouco preocupada por sua amiga e o respondia sem nem saber o que dizer. – Infelizmente eu não sei de nada mesmo, é como Forxen disse, eu mesma nem sabia que vocês tinham uma outra amiga. – Quando ele sugeriu as divisões, fiquei meio confusa à princípio com o raciocínio do rapaz. – O cais? – Não entendi de cara o que ele queria com isso, de forma que segurava o queixo com um olhar vazio por breves segundos enquanto tentava o entender. “Por que o cais entre todas as possibilidades, eles não poderiam estar em algum prédio a duas quadras daqui? Bem, eu nunca mexi com pirataria, acho que é natural pra eles pensarem no mar logo de cara.”

De toda forma, pensando um pouco, consegui entender seus motivos. – Huum, acho que dada a situação o pior cenário possível seria ela sendo levada pra outra ilha, aí sim seria problemático ir atrás dela e acho que sequestradores não a levariam de zepelim... Então acho que faz sentido. –

Quando o homem deu sua resposta vazia que na verdade não respondia nada, cruzava os braços o encarando desapontada ao comentar sem muito ânimo. – Essa família parece ser bem influente aqui. Me pergunto se meu pai já ofereceu serviço pra eles, ele nunca disse o nome dos mafiosos que atendia, talvez se sentisse como parte das famílias mafiosas. Hihihihi. Não, acho que não... – Ria um pouco, sabia que para o papai os mafiosos eram só experimentos e uma forma de conseguir muito dinheiro. Agora no momento em que ele falava sobre a garota estar viva, dava um suspiro comentando aliviada. – Ufff. Ao menos ela ainda está viva, eu nem a conheço, mas por algum motivo estou com vontade de a salvar... –

Olhava para as pessoas que me acompanhariam tentando entender suas personalidades para lidar com cada um apropriadamente. “Um Mink macaco divertido e incente, uma dama e... A outra deve ser a Nasubi... Ela parece ser esperta.” Quando Thomas veio falar sobre como ia atrás de informações, meu lado emotivo começou a se aflorar e não conseguia me controlar, era um panda fofo gigante querendo sua amiguinha de volta, uma lágrima escorreu pelo meu olho esquerdo sendo acompanhada por várias outras, onde pegaria meu lenço e tentaria enxugar enquanto falasse comovida com a situação com voz de choro.

- Olha só pra vocês... Que fo-fofinhos se organizando pra encontrar a ami-miguinha desaparecida, chega a ser lin-lindo de se ver... Espero conseguir ajuda... –

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


"Não sou a melhor em liderar, mas esse Panda não parece estar em sua melhor forma, acho que ele acabou se abalando, alguém tem que ao menos tentar assumir as rédeas aqui." Respiraria fundo tentando me controlar e após enxugar as lágrimas, comentaria então para todos tentando assumir uma postura confiante. – Eu, Adorea e imagino que o Forxen também, nunca vimos ela, então ao menos um de vocês tem que nos acompanhar até o cais, senão podemos encontrar ela vagando por aí e nem perceber.  – Olharia para Nasubi e continuaria dando a seriedade que a situação pedia ao tentar levar todos para o sucesso da missão. – Eu vi que você manteve a calma e acendeu os charutos do panda, me sentiria mais confortável se você fosse junto pra cuidar dele, daí se decidam quem vai querer ir junto, é melhor nos dividirmos em grupos de pelo menos três pra evitar outros sequestros. –

Seguraria o queixo tentando chegar em uma solução para falar com eles. – Seria bom se pudéssemos nos comunicar, mas não tenho nenhum den den mushi ainda... Bom, de toda forma é só todos estarem no lugar marcado na hora. – Sorriria me virando e colocando as mãos na cintura ao olhar em direção ao cais e comentaria de costas para o panda. – Tirando Adorea e um pouco o Forxen, eu não conheço vocês e vocês não me conhecem, mas eu ao menos senti um pouco de sinergia aqui, quero que todos se esforcem e tenho certeza de que vamos recuperar sua amiga! – Olharia para trás, mais especificamente para os olhos de Thomas com o canto do olho já dando um sorriso sádico e comentando animada. – Tente não morrer ainda, preciso de você vivo... –

Então sairia andando em direção ao cais deixando que Adorea indicasse a direção já que ela era melhor que eu nesse quesito, não queria ficar andando de forma tão aleatória, mas não tinha o que fazer, não tínhamos o menor senso de direção. Meu objetivo indo para o cais não era nem encontrar Isis necessariamente, tanto que no caminho comentaria com os outros o que eu pensava sobre a situação. – Acho quase impossível de ela estar lá. Do meu ponto de vista, estamos mais para o grupo que vai ficar de guarda e impedir que ela seja levada daqui, do que para o grupo que vai descobrir onde ela está... – Ajeitaria minha tiara e continuaria confiante. – Tudo que vamos precisar fazer é procurar pelo cais enquanto procuramos por qualquer pessoa ou grupo suspeito que entrar em algum navio, de resto, vamos ter que contar com a investigação dos outros... –

No caminho, se avistasse uma loja de armas, diria aos outros. – Só um minuto. – Então adentraria na mesma falando normalmente com o primeiro atendente que visse. – Eu queria algumas senbons... – Onde olharia para cima comentando mais baixo comigo mesma enquanto saísse depois de pagar a pessoa. – Agora que sou pirata, acho que existe a possibilidade de precisar lutar, melhor não ficar desarmada andando por aí. – Caso visse uma loja de suprimentos, diria o mesmo para os outros e compraria algumas coisas ao pegar tudo e falar para o atendente. – Vou levar isso aqui. – Já pensando nos outros. “Se alguém se machucar com esses sequestradores, é melhor eu estar pronta! Só é uma pena eu ter feito o acordo de cuidar deles sem cobrar nada, acho que se pagarem pelo material usado ao menos não é considerado pagar.” Pensamentos mercenários me afligiam como sempre. - Hum... -

Chegando no cais, contemplaria o lugar tentando entender como era já que como tínhamos chegado de zepelim, não tinha ideia. Queria ver também se enxergava algo fora do comum, senão, apenas ficaria vagando pelo lugar com os outros para ver se alguma coisa acontecia enquanto esperávamos chegar a hora combinada.

Info
Atributos
  • Lv: 1 HP: 44
  • Dano: 12 (Habilidosa)
  • Acerto: 4 (Normal)
  • Pontaria: 0 (Inábil)
  • Esquiva: 6 (Normal)
  • Bloqueio: 0 (Inábil)
  • Resistência: 14 (Habilidosa)
Histórico:
 
Tentando Comprar:
 
Objetivos:
 
Feitos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, consistência é o segredo! Só vai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!   Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line! - Página 5 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Voltar ao Topo 
Página 5 de 6Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: West Blue :: Newberry City-
Ir para: