One Piece RPG
The One Above All - Ato 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
The One Above All - Ato 2 Emptypor xRaja Hoje à(s) 19:19

» Cap. 2 - A New Day
The One Above All - Ato 2 Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 18:59

» [Ficha] Song
The One Above All - Ato 2 Emptypor MarionLRZ Hoje à(s) 18:39

» [LB] O Florescer de Utopia III
The One Above All - Ato 2 Emptypor Vincent Hoje à(s) 18:12

» Enuma Elish
The One Above All - Ato 2 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 16:57

» Seasons: Road to New World
The One Above All - Ato 2 Emptypor Ravenborn Hoje à(s) 15:51

» Arco North Blue: Uma Odisseia no Santuário
The One Above All - Ato 2 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 15:36

» I - As rédeas de Latem City!!
The One Above All - Ato 2 Emptypor Felix Hoje à(s) 15:18

» Akira Suzuki
The One Above All - Ato 2 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 10:58

» Lurion
The One Above All - Ato 2 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 10:57

» O Legado Bitencourt Act I
The One Above All - Ato 2 Emptypor Ineel Hoje à(s) 04:15

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
The One Above All - Ato 2 Emptypor Akuma Nikaido Ontem à(s) 23:54

» Livro Um - Atitudes que dão poder
The One Above All - Ato 2 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:20

» Supernova
The One Above All - Ato 2 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 21:56

» Hey Ya!
The One Above All - Ato 2 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 21:55

» Cap.1 Deuses entre nós
The One Above All - Ato 2 Emptypor Thomas Torres Ontem à(s) 21:05

» The One Above All - Ato 2
The One Above All - Ato 2 Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 19:44

» A inconsistência do Mágico
The One Above All - Ato 2 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 19:27

» Vamos nos aventurar! Anjinhas me aguardem...
The One Above All - Ato 2 Emptypor GM.Muffatu Ontem à(s) 18:23

» As mil espadas - As mil aranhas
The One Above All - Ato 2 Emptypor jonyorlando Ontem à(s) 17:46



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 The One Above All - Ato 2

Ir em baixo 
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 59
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptyTer 15 Set 2020, 23:22

The One Above All - Ato 2

Aqui ocorrerá a aventura do(a) marinheiro Drake Fateburn. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
CrowKuro
Comodoro
Comodoro
CrowKuro

Créditos : 5
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 24/01/2018
Idade : 26

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptyQui 17 Set 2020, 15:22

The One Above All - Ato 2
O tempo havia se passado e enfim a queda do animal aconteceu, após uma batalha feroz e bastante problemática, finalmente era hora de um descanso merecido junto com aqueles que me ajudaram a vencer a besta.-Finalmente vencemos… Essa coisa é realmente uma besta, achei que nunca fosse cair. Olhava em direção a aqueles que estivessem próximos observando os rostos de cada um, vendo o cansaço em suas faces e o desgaste.-Se animem… Nós vencemos, vamos ter mais um dia de vida, não era para estarem com essas caras de quem quase morreram. Com isso eu começava a avançar em direção ao portão do qual havíamos saído, voltando para dentro da prisão e deixando a arena.-Vamos descansar… Merecemos isso depois desse combate. Estenderia meu braço para cima, como se estivesse os agradecendo por terem se juntado a mim, Lúcifer e Gabriel e então adentrava no portão, caso o mesmo já estivesse aberto.

Dentro dos portões, eu seguiria assim como já era de costume, esperaria para os guardas virem em minha direção com as algemas, caso os mesmos já não tivessem feito isso enquanto estivéssemos na arena, e assim, esperaria para ser levado até o local de costume, para me banhar e logo após retornar a minha cela para comer o que tivessem para nós.

Com isso se eu tivesse alguma liberdade de me movimentar pela prisão sem que os guardas tivessem que estar presentes, eu apenas passaria pela cela de cada um dos prisioneiros, buscando entender cada um, jeitos de agir e se comportar enquanto estão ali, ou como estavam sendo tratados, em relação a comida e outras coisas, porém, caso não tivesse tal liberdade, apenas aproveitaria a oportunidade de estar passando pelas celas para observar tudo o que eu podia e assim retornaria para a minha própria.

Olharia para o guarda que estivesse me conduzindo e então o perguntaria.-Vão me deixar descansar finalmente? Não queria ser um incômodo, mas se pudessem trazer alguma comida seria bem interessante... Meu tom sarcástico continuava presente em minhas falas com os guardas, mantendo ainda meu semblante perverso, esperaria uma resposta do mesmo, mas caso não desse nenhuma, apenas seguiria até onde estivesse me levando, esperando para saber onde seria esse lugar.

Histórico:
 

Mochi Mochi no Mi:
 

Ferimentos:
 

Objetivo:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Pensamento
Fala
Extras

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Thomas Kenway
Narrador
Narrador
Thomas Kenway

Créditos : Zero
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 11/04/2020
Idade : 19
Localização : NewBerry City

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptySex 18 Set 2020, 02:57


The One Above All - Ato 2


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Olympo (4º Rota)
09:40 AM
Dia frio e meio nublado, 18ºC


O cansaço e fadiga em todos era aparente para qualquer um que passasse os olhos por seus corpos e rostos sem vida.

Um rapaz mais novo, bem magro, e com os olhos fundos e pele amarelada, quase não conseguia se manter em pé por conta da desnutrição e cansaço.

— Nem sempre viver é a melhor opção...

Companheiro de luta:
 

O espirito do homem estava quebrado e machucado, e o dia não ajudava, estava mais escuro que o normal, apesar de estar nublado, ele ainda parecia ter algo a mais nos céus, seria fumaça?

A maioria dos homens que não se arrastavam, ajudavam uns aos outros a voltarem para o portão, a prisão era horrível, mas era bem melhor do que ficar na perigosíssima arena.

— Eu nem precisava descansar só de receber um pouco de comida já ficava feliz.


Os homens ao redor de Drake estranhavam o seu ânimo, afinal, ele não conseguia ver no inferno onde ele estava? Talvez ele fosse muito otimista, ou mesmo louco. O portão já estava aberto e os guardas já estavam prontos para levarem os ao banho.

Logo após isso, os homens levam eles até suas celas, e jogam pães secos e duros com um pouco de água para cada homem, todos eles comiam com voracidade, quase como animais em seus instintos mais primordiais.

Eles abrem a cela de Fateburn mas o deixam com as algemas, um guarda se aproxima dele e diz:

— Você pode passear por aqui, mas todas as portas estão fechadas, e guardas estão a postos, se tentar qualquer gracinha, eu parto você no meio me entendeu?

Guarda:
 

O homem vira de costas para ele como se nem estivesse preocupado, e deixa Drake mais “avontade”

Passeado pela prisão, ele podia ver que a maioria dos homens já não tinham mais dentes ou muitos músculos para se ver, provavelmente pela escassez de nutrição, alguns até mesmo já pareciam estar mortos, pois apenas ficavam encolhidos no canto sem movimento algum.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Um homem escorado na grade de sua sela vê o homem solto e diz.

— Pffft, então até mesmo nesse buraco do inferno eles dão tratamento especial, o que fez para eles?

Preso:
 


Legendas:
 

OFF:
 

Histórico:
 

Considerações:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!
Voltar ao Topo Ir em baixo
CrowKuro
Comodoro
Comodoro
CrowKuro

Créditos : 5
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 24/01/2018
Idade : 26

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptySex 18 Set 2020, 15:57

The One Above All - Ato 2
O dia não parecia nem um pouco alegre, mesmo após aquela grande vitória, os céus nublados que fazia com que tudo se tornasse mais escuro com seus tons de cinza, parecia também haver muita fumaça se misturando as nuvens, o que deixava tudo ainda mais triste.

Em meio a isso, enquanto retornavámos, um de meus companheiros começava a se expressar, dizendo que nem sempre viver é a melhor opção, eu apenas o olhava de rabo de olho e o respondia.-Não diga bobagem… Estando vivo você sempre pode mudar o seu destino, mas se estiver morto, como fará isso? Éramos levados ao banho e logo após a nossas celas, os guardas passavam por nós e enquanto estávamos presos enquanto jogavam pães duros e ressecados juntamente com água, parecia que eu era jesus, mas como só tinha isso para comer, era o que eu fazia, comia todo aquele pão e tomava toda a água.

Enquanto eu terminava, um dos guardas se voltava a minha cela, abria a mesma mas não tirava minhas algemas, o homem me dizia que eu podia transitar pelos locais da prisão, porém, estavam todas as celas fechadas, eu não entendia muito bem o motivo daquilo, mas apenas o observava enquanto me levantava e seguia para a saída da mesma, buscando esticar minhas pernas e me movimentar.-Ora… A quem devo esse privilégio? E o que pensam em ganhar com isso? Meu olhar era bastante afiado, apesar de um sorriso malicioso estar estampado em meu rosto.-Oh… Quanta agressividade com alguém que mal consegue se manter de pé... Continuava com meu tom sarcástico enquanto caminhava mais a frente passando pelo homem enquanto verificava as celas dos demais prisioneiros.

Os homens pareciam já estarem mortos, alguns se colocavam encolhidos nos cantos de suas celas, outros estavam tão desnutridos que pareciam estar se tornando múmias e essa visão me deixava com cada vez mais ódio daquele que se dizia o deus daquele lugar e seu regente.”Olha só pra isso… Esse desgraçado acha mesmo que é um deus e por isso trata todos esses homens dessa forma? Isso só me faz querer acabar com a raça dele cada vez mais. Meu sorriso deixava meu rosto logo como imediato, e um semblante mais sério tomava forma em minha face, porém, continuava seguindo observando todos ali.

Algum tempo depois, ao passar por uma das celas, um dos prisioneiros se comunicava comigo, perguntando se eles davam tratamento especial, eu me aproximava de sua cela e encostava de pé na mesma segurando suas barras enquanto o respondia.-Bom… Não sei se isso é de fato um tratamento especial ou se é uma tortura, ver pessoas jogadas dessa forma é muito pior do que ficar preso naquele buraco. Continuava o olhando ainda sem ter muita força para me manter de pé, e logo eu retornava a minha cela, pois precisava descansar também, o combate havia sido cansativo e bastante desgastante e como todos que estiveram naquela arena, eu também precisava de uma noite de sono e não podia me estender ali por mais tempo, por mais que eu quisesse, com isso seguia até minha cela e então ia direto para o lugar onde eu podia me deitar e dormir enquanto sussurrava em um tom bem baixo para que ninguém escutasse.-É melhor tentar sonhar para ver se pelo menos nos sonhos eu tenho alguma tranquilidade e felicidade… Espero sonhar com Hana! E assim me deitava sob a cama de palha, esperando pegar no sono.

Histórico:
 

Mochi Mochi no Mi:
 

Ferimentos:
 

Objetivo:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Pensamento
Fala
Extras

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Thomas Kenway
Narrador
Narrador
Thomas Kenway

Créditos : Zero
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 11/04/2020
Idade : 19
Localização : NewBerry City

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptyDom 20 Set 2020, 03:44


THE ONE ABOVE ALL - ATO 2


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Olympo (4º Rota)
09:50 AM
Dia frio e meio nublado, 18ºC


Andando para o portão Drake faz um comentário, para um amigo seu de espada, ele olha por alguns segundos com esperança, mas quando olha novamente sua situação, seus brilhos nos olhos morrem lentamente.

Já de banho tomado, Fateburn come o miserável café da manhã que os homens os servem, já com o guarda em sua cela, o liberando para andar um pouco por aí, Drake faz algumas perguntas e acréscimos ao velho.

— Você fala como se eu devesse alguma explicação para você hahahahaha.

Já de costas, o guarda para com o comentário sobre a aparência e situação que Drake tinha feito.

— Mesmo com a minha situação, não se esqueça da sua! Eu facilmente te mato aqui e agora.

Uma aura densa saia do homem, não era um blefe, ele era realmente forte.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Andando por ai quase se arrastando por conta da fadiga e cansaço, ele pode ver toda a esperança destruída e fome nos olhares dos homens, ele chega na cela do homem e lança a sua resposta.

— Você aprende rápido rapaz, normalmente eles deixam você sair para ferrar seu psicológico, afinal, se sua esperança morrer, você não vai tentar fugir...

Antes que Drake se afastasse da cela do homem, ele segura sua perna de forma fraca, quase meio que implorando para que ele esperasse.

— Sabe rapaz.... Eu tentei fugir desse buraco do inferno, mas fui pego, e estou sendo repreendido, já faz 1 mês que eu não como nada.... Será se você conseguiria roubar um pão para mim? Eu fico te devendo uma! Por favor eu imploro!


O homem colocava a testa no chão, só quem já sentiu o desespero da fome, podia sentir a dor e agonia que aquele homem passava no momento.

Lagrimas pingavam no chão, ele só esperava a resposta do rapaz, já que ele não podia fazer mais nada...


Legendas:
 

OFF:
 

Histórico:
 

Considerações:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!
Voltar ao Topo Ir em baixo
CrowKuro
Comodoro
Comodoro
CrowKuro

Créditos : 5
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 24/01/2018
Idade : 26

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptyDom 20 Set 2020, 15:36

The One Above All
Antes que eu pudesse sair e seguir para minha cela, o homem segurava minha perna e se ajoelhava, se curvando e colocando a testa no chão enquanto implorava para que eu roubasse um pão para ele, eu o olhava e sentia a dor que era estar sem comer, ainda mais por um mês inteiro, eu não o julgava por tentar fugir dali, mas não tinha sequer um local de onde eu pudesse roubar o pão, nada próximo a nós e nem em algum lugar específico.-Eu poderia tentar fazer isso… Mas onde tem isso por aqui? Estamos dentro de um buraco onde nem os ratos querem estar, e nunca nem deixaram nada exposto dessa forma, eu realmente não faço idéia de onde encontrar isso... Continuava o olhando enquanto prestava atenção em volta para ver se não tinha nenhum guarda por ali, que pudesse ouvir aquilo enquanto falava o mais baixo possível.

Aquilo era de fato algo bem complicado, eu não podia simplesmente sair pela prisão, fraco como eu estava, caçando pão por todo lugar, eu sequer conseguia usar meus poderes, o que tornava isso ainda mais difícil.-Mas, já parou para pensar em como vai ser seu tratamento, se encontrarem você comendo algo quando não devia? Se estão te punindo é porque você tentou fazer algo errado… Não te julgo por ter tentado fugir, mas certamente fez isso de forma errada e agora tá pagando por isso, e se tá achando isso difícil, imagina se descobrem que você recebeu comida… Eles vão te matar, ou fazer coisa ainda pior. Com isso eu me afastava lentamente do homem enquanto continuava ia terminando de falar.

-Eu vou tentar te trazer algo… Mas só quando realmente for seguro, não posso simplesmente colocar a minha integridade aqui dentro em risco por conta dos outros, agindo de forma totalmente displicente, assim como você quando tentou fugir… Não espere por nada, mas tenha esperança de sair daqui vivo... Enquanto eu dava mais um passo à frente eu pensava comigo mesmo, enquanto o ar de convicção podia ser transpassado em minhas palavras anteriores.”Eu vou tirar todos daqui… E vou matar aquele verme!” Com isso, eu seguia para minha cela, porém, me mantendo atento a todos os locais, onde poderiam haver comida ou algo do tipo, e com isso chegaria a minha própria cela para dormir.

Não estaria ignorando as condições do homem, mas não podia agir com impulsividade naquela situação, primeiro eu seria punido com algo tão ruim quanto a punição dele, e outra, ele também poderia ser punido ainda mais severamente, ou até mesmo ser morto, então, enquanto caminhava eu analisaria tudo e todos os locais, para quando me deitasse, eu pudesse arquitetar algum plano para tentar algo desse tipo, ou não, tudo dependerá da quantidade de informações que eu teria.

Histórico:
 

Mochi Mochi no Mi:
 

Ferimentos:
 

Objetivo:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Pensamento
Fala
Extras

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Thomas Kenway
Narrador
Narrador
Thomas Kenway

Créditos : Zero
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 11/04/2020
Idade : 19
Localização : NewBerry City

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptySeg 21 Set 2020, 18:50


THE ONE ABOVE ALL - ATO 2


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Olympo (4º Rota)
10:00 AM
Dia frio e meio nublado, 18ºC


Por um momento em silencio após o pedido do homem, Drake dá sua resposta

— Eu concordo com você garoto, mas aqui em baixo tem um local onde eles guardam os alimentos, a única questão, é que na maioria do tempo, eles ficam por lá bebendo e comendo, mas eu tenho uma dica

Antes que o homem pudesse terminar de falar, seu estomago ronca tão alto que pode se escutar os ecos pelas paredes de pedra naquele local úmido.

— Se você esperar até de noite, provavelmente a maioria já foi dormir, e os outros já estarão apagados de tanto beber, pegue isso.

Ele joga uma chave, ela era meio diferente, mas parecia abrir a porta

— Essa chave foi feita pelo meu poder, Ki Ki no mi, eu consegui produzir uma, eles tiraram minha algema para lutar, e nesse dia eu trouxe ela para minha cela, mas ela só foi feita para abrir as celas comuns, as que você se encontra...

— As dessa área são diferentes, e eu não posso usar meu poder por causa dessa maldita algema.


Drake olha para os lados e não vê nenhum guarda, novamente ele pensa um pouco.

— Garoto, você não entende, a minha punição não é ficar só um tempo sem comida, e sim morrer de fome! Não tem como piorar entende...

— Tudo bem rapaz, não quero ter que ver você morrer de fome se for pego também...


Ele se afasta lentamente e vai para a parte mais escura da cela, se encolhe e tenta ficar confortável, Drake começa a andar em direção a sua cela novamente, uma expressão de convicção se esboçava no rosto dele.

Olhando aos redores, ele podia ver várias salas que eram de uso dos guardas exclusivamente, mas uma permanecia aberta, e alguns homens bebiam e comiam em uma mesa enquanto jogavam cartas.

Ele pode ver o guarda de antes por lá também, ele finalmente chega, e começa a pensar em um plano, talvez sua melhor opção seria esperar até o anoitecer e roubar o pão, se ele conseguisse o poder daquele homem, seria muito útil...


Legendas:
 

OFF:
 

Histórico:
 

Considerações:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!
Voltar ao Topo Ir em baixo
CrowKuro
Comodoro
Comodoro
CrowKuro

Créditos : 5
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 24/01/2018
Idade : 26

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptyTer 22 Set 2020, 15:35

The One Above All - Ato 2
Eu percebia a dor que o homem sentia e a esperança que ele me depositava, porém, como havia dito, não iria simplesmente ir lá e pegaria o pão, arquitetaria um plano e assim agiria quando tivesse oportunidade.”Pelo que percebi, há algumas salas por este andar que não são celas… Eles devem usar esses locais para se divertirem a noite, afinal não deve ter muita coisa para fazer em um buraco como esse, além de ficar olhando homens presos… Vou esperar a noite cair e usar das minhas habilidades furtivas pra procurar alguma coisa por aí, talvez eu encontre algo.” Enquanto deitado, iria arquitetando o plano, e pensando em como agir, além de também ter em mente que eles pudessem fechar minha cela a noite, mas, isso eu tinha que esperar para ver.

Esperava a noite cair, e quando finalmente escureciam os céus, eu começava a me levantar calmamente, e começava a analisar os locais da prisão, primeiramente sentado, buscando ouvir algum passo ou vozes no local, que não fossem dos prisioneiros, mas sim dos guardas, e logo me levantaria como quem não quisesse nada, me espreguiçando e andando calmamente a passos leves, buscando não fazer barulho, ao analisar o entorno com meu haki da observação, buscaria saber se haviam muitos guardas na área e quem eram, onde estavam, e como estavam, dessa forma me movendo ainda com meu haki em utilização, buscando cobrir ainda mais espaço a cada passo dado.

Analisaria previamente a situação, buscando trechos e brechas que eu poderia utilizar no local, utilizando de minhas habilidades furtivas para não ser visto, usando da baixa iluminação do lugar ao meu favor, conseguindo trabalhar as luzes também a meu favor e contra os guardas, usando minhas habilidades de ilusionismo, dessa forma, sempre buscando um ponto cego de todos ali para me mover, com frieza e calma, a movimentos leves e suaves.

Em meio a isso eu ainda não agiria, continuaria buscando o máximo de informações possíveis para que quando fosse o momento certo, conseguir agir com êxito, pegar o que eu precisava sem ser visto, sair e me deitar novamente, para que não suspeitassem de alguma coisa, por isso, esperaria os guardas beberem bastante, e até mesmo que alguns deles acabassem dormindo, e com isso, ainda com meu haki da observação ativo, tomaria as melhores decisões que eu poderia tomar para que o plano funcionasse perfeitamente.

Histórico:
 

Mochi Mochi no Mi:
 

Ferimentos:
 

Objetivo:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Pensamento
Fala
Extras

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Thomas Kenway
Narrador
Narrador
Thomas Kenway

Créditos : Zero
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 11/04/2020
Idade : 19
Localização : NewBerry City

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptySex 25 Set 2020, 23:14


THE ONE ABOVE ALL - ATO 2


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Olympo (4º Rota)
00:00 PM
Dia frio e meio nublado, 18ºC


Olhando tudo ao seu redor, Drake tinha um plano, ele esperaria a noite cair, e usaria suas habilidades furtivas para cumprir com seus objetivos, deitado em sua cela, ele espera o cair da noite pacientemente...

Com tudo já escuro, as luzes fracas de tochas iluminavam a escura prisão, as chamas dançavam de acordo com o vento fraco e sutil que soprava pelas pequenas frestas com barras que eles chamavam de janelas...

Lentamente Drake se senta, e escuta pacientemente a movimentação de tudo ao seu redor, parece calmo, ele se levanta e se espreguiça, com passos leves e sutis, ele começava a usar seu haki de observação para sentir a aura de todos ao redor.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Ele pode sentir as auras de todos que estavam no raio de seu alcance com seu haki, ele podia “ver” que a maioria dos guardas já estavam dormindo ou mesmo apagados depois de tanto beber e comer.

Se movendo lentamente de maneira furtiva e calculada, ele vai se aproximando da sala lentamente, se escondendo nas sombras, guardas passam por ele, e nem mesmo se tocam que ele estava ali, quase como um ninja.

Usando suas habilidades de ilusionismo ele vai afastando e tirando a atenção de guardas que poderiam ser um problema para ele, finalmente ele estava na frente da sala, a maioria dos guardas já estavam dormindo...

Agachado ele entra na sala lentamente, com passos leves, ele se aproxima pouco a pouco do pão, ele o pega, e começa a sair de fininho, por muito pouco um guarda não o encontra, novamente ele faz seu caminho de volta de forma inteligente.

Ele chega em sua cela sã e salvo, aparentemente nenhum dos guardas o haviam visto, isso era perfeito, com o pão em mãos e já dentro de sua cela, o que faria O algoz?


Legendas:
 

OFF:
 

Histórico:
 

Considerações:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Piratas Pandamônio!
Voltar ao Topo Ir em baixo
CrowKuro
Comodoro
Comodoro
CrowKuro

Créditos : 5
Warn : The One Above All - Ato 2 10010
Masculino Data de inscrição : 24/01/2018
Idade : 26

The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 EmptyOntem à(s) 19:44

The One Above All - Ato 2
A pequena missão era bem sucedida, e o pão agora estava em minha posse, parecia de fato que a noite era o ponto onde eu poderia vagar pela prisão sem ser notado por nenhum dos guardas, ou quase nenhum, e isso certamente seria um bom ponto, tendo em vista uma possível fuga daquele lugar.

Agora com o pão em mãos e em minha cela deitado em minha cama, eu o guardava em um lugar para que ninguém pudesse vê-lo naquele momento e então esperaria por alguns minutos, ainda usando meu haki da observação para saber se houvesse algum guarda próximo ou não.”Vou esperar por um tempo aqui deitado… Esperar que tudo se acalme novamente e então vou levar isso para o homem, não há melhor lugar para esconder isso se não a barriga dele.” Me manteria ali deitado enquanto o pão permanecia escondido em uma fresta do local onde eu estava deitado, aproveitando da baixa iluminação do lugar para que caso algum guarda fosse até minha cela não o visse, além de também, esperar que alguém me visse ali deitado, o que deixaria ainda mais fácil de não desconfiarem de eu ter feito algo do tipo.

Quando eu enfim percebesse que tudo estivesse tranquilo com a ajuda do meu haki da observação, apenas me levantaria mais uma vez, calmamente, com o semblante mais calmo e cínico do mundo, como se nada de errado se passasse em minha mente, e quando enfim tudo estivesse calmo novamente, me levantaria suavemente enquanto iria até a cela do homem, mais uma vez usando minhas habilidades furtivas e de ilusionismo, buscando sempre me mover pelas sombras enquanto manipulava meus movimentos de acordo com a luz do ambiente, sempre buscando não ser visto enquanto me movo o mais rápido e silenciosamente possível.

Quando enfim chegasse até a cela do homem, apenas daria um pequeno toque em uma das barras de sua cela, dessa forma fazendo um pequeno som para o homem, enquanto jogava o pão até o mesmo, onde quer que estivesse, e logo me viraria de costas novamente enquanto saíria calmamente me movendo em silêncio até minha cela novamente. O pão estaria escondido em minhas vestes para que ninguém visse caso eu fosse pego andando por ali, e claro, entregaria o mais rápido possível para o homem antes que alguém visse.

Se eu fosse encontrado em meio a minha trajetória até a sua cela, eu não me moveria mais pelas sombras, buscando não chamar a atenção por estar me movendo de forma furtiva, dessa forma, buscando tirar quaisquer suspeitas de qualquer coisa sobre mim, e então caso fosse chamado, apenas seguiria em direção a quem havia me chamado, e caso perguntado o que eu estava fazendo ali, apenas responderia.-Ora, apenas me movendo… Não é tão confortável ficar naquela cela parado na mesma posição o tempo todo… Preciso mover as pernas e andar um pouco, assim meu sangue circula melhor pelo meu corpo… Afinal, eu tenho essa liberdade de me mover por aqui não tenho? Um leve sorriso aparecia em meu rosto, que certamente era falso, enquanto meu olhar se mantinha ainda mais afiado, como se fosse um demônio surgindo das sombras pronto para devorar a alma de quem fosse.

Dessa forma continuaria me movendo, sem voltar a minha cela, buscando fazer com que meu álibi fosse verdadeiro, me espreguiçava enquanto fazia alguns alongamentos breves, tentando manipular seus pensamentos para que confiasse em mim, devido ao horário e a possivelmente estar bêbado, de bebida ou de sono. Dessa forma, seguiria ainda até a cela do homem, calmamente e tocaria nas barras de leve com a algema, para que o mesmo prisioneiro que eu daria o pão acordasse, e quando ele estivesse com sua atenção em mim, usaria de minhas habilidades de ilusionismo para tirar o foco do guarda do que eu faria, enquanto eu jogaria o pão para o prisioneiro, sem que ele pudesse perceber ou entender o que eu estava fazendo, logo me movendo novamente para longe da cela do homem, chamando a atenção para mim, para que ele não pudesse ver de alguma forma, o homem com o pão em mãos enquanto comia.

Após isso caso tudo corresse bem, retornaria a minha cela, indo em direção ao guarda e o desejando boa noite, enquanto eu caminhava lentamente pelos corredores até chegar em minha cela para enfim dormir.

Histórico:
 

Mochi Mochi no Mi:
 

Ferimentos:
 

Objetivo:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Pensamento
Fala
Extras

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




The One Above All - Ato 2 Empty
MensagemAssunto: Re: The One Above All - Ato 2   The One Above All - Ato 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
The One Above All - Ato 2
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Grand Line - Paradise (Paradaisu) :: Parthenon :: Olympo-
Ir para: