One Piece RPG
Reach for the Moon - Página 4 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Cap. 2 - The Enemy Within
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 23:53

» X - Some Kind Of Monster
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 22:59

» [Mini-Cadmo] Prelúdio
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Makei Ontem à(s) 22:23

» Primeiros Passos
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 22:09

» Chapter I: Seafret - Oceans ♪♫♪
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Nolan Ontem à(s) 22:07

» Cortes e Tiros, resgate na ilha das aranhas!
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor jonyorlando Ontem à(s) 21:19

» Alejandro Alacran
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Buggy Ontem à(s) 20:27

» A inconsistência do Mágico
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 19:42

» Ep 1: O médico e o marinheiro
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Wild Ragnar Ontem à(s) 19:30

» Onde terra e mar se encontram, o início da jornada!
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 19:29

» Vol 1 - The Soul's Desires
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor GM.Milabbh Ontem à(s) 18:29

» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Dogsofain Ontem à(s) 16:57

» Battle Tendency
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Rimuru Ontem à(s) 16:45

» Making Wonderful Land a Real Wonder
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Achiles Ontem à(s) 16:35

» Contrato de Sangue
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Greny Ontem à(s) 16:12

» The One Above All - Ato 2
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 13:18

» Mini - Casslol
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor casslol Ontem à(s) 09:54

» Cap.1 Deuses entre nós
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Gin Yamazaki Ontem à(s) 07:44

» I - Vós que entrais, abandonai toda a esperança
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Meursault Ontem à(s) 07:02

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Reach for the Moon - Página 4 Emptypor Kyo Ontem à(s) 06:00



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Reach for the Moon

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 71
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : Fishman Island

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyDom 16 Ago 2020, 15:05

Relembrando a primeira mensagem :

Reach for the Moon

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Neil Orochi. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
(Orochi)
Civil
Civil


Data de inscrição : 15/12/2019

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptySeg 31 Ago 2020, 08:41

Abandonado II

Neil rolaria para o lado direito o mais rápido possível para desviar do ataque, se levantaria e correria para as costas do homem para evitar uma possível sequência onde ele arrastaria os punhos para o lado. Para conseguir acertar os dois punhos no chão sendo desse tamanho você teve que se abaixar e adquirir uma posição nada dinâmica - pensaria Neil que, ao chegar nas costas do homem, se lançaria em direção a ela na intenção de cravar sua espada nas costas do caçador. Caso ele rolasse para frente ou para os lados para evitar o ataque, pularia para trás levando a espada à sua frente preparado para bloquear um possível contra-ataque defletindo-o para o lado com um movimento de espada. Caso ele girasse o tronco trazendo o braço com ele para acertar o espadachim, viraria em direção ao braço se aproximando e tentaria empurrar a espada contra ele e pularia para trás quando sentisse que a espada o perfurou, para tentar diminuir o impacto do ataque do caçador em seu corpo.

Depois disso Neil correria em círculos ao redor dele deferindo estocadas e cortes aleatórios aonde conseguisse tentando assim desgastá-lo pela quantidade  não pela qualidade do dano, pelo menos por enquanto. Caso ele tentasse atacá-lo durante essa corrida, bloquearia o golpe com a espada defletindo-o para longe dele por mover a espada na direção oposta assim que o ataque do inimigo entrasse em contato com ela. Caso ele ataque de novo, tentaria correr para evitá-lo, seguindo a trajetória previsível circular mas aceleraria quando fosse para as costas dele e bloquearia quando estivesse no alcance dos golpes dele.

Por último Neil se aproveitaria dos danos causados no inimigo recuando e o incitando a vir até ele: - Você disse que ia me matar, ainda estou esperando. De todos os caçadores que encontrei nessa floresta hoje, você é o mais patético.

Caso ele avançasse até Neil, aproveitaria os ferimentos e a fúria do inimigo para bloquear qualquer possível ataque com um corte na direção do ataque, defletindo-o para o lado e aproveitando o momento para girar seu corpo se movendo em uma diagonal para a frente e o lado oposto ao do inimigo carregando a espada consigo na intenção de cortar-lhe na altura do quadril. Após sair do caminho do avanço do monstro, quer conseguisse ou não cortá-lo, avançaria até ter uma boa distância antes de se virar e olhar o que se sucedeu, para assim tentar evitar um possível contra-ataque.

Caso ele não avançasse até Neil o garoto recuperaria seu fôlego segurando a espada à sua frente por precaução.
Fala | Pensamento
Codage par Libella sur [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Histórico:
 
Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
CaraxDD

Créditos : 12
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptySeg 31 Ago 2020, 23:26




Reach For the Moon

Yumegara Forest ~ Noite ~ Fresco



Sua velocidade para sair de baixo do homem foi o suficiente para dar-lhe a vantagem necessária para encerrar a batalha. Neil girava seu corpo saindo da trajetória do ataque do monstro e agora lhe atacava por trás. O homem por sua vez, novamente por impulso, movia seu tronco tentando evitar de ser cortado, porém Neil havia previsto tal movimentação e desferia um corte na horizontal em seu braço direito e em seguida pulava para trás escapando do ataque do homem.

Fúria, o homem exalava um sentimento de ódio mortal enquanto Neil desferia vários cortes correndo ao seu redor. O homem parecia ficar cada vez mais rápido, sua raiva era a força que o movia. Como grande parte dos cortes foram superficiais, a mobilidade do homem ainda estava "inabalada", salvo sua perna, Neil parecia não saber como finalizar os cortes e dar um ataque certeiro no adversário. Assim que o homem se esticava para pegar Neil, o rapaz pulava para trás para recuperar seu fôlego e ainda provocar o adversário.

-FRACO? FRACO? FRACOOOOOOOOOO O homem estava cego por sua fúria, ele botava ambos os punhos no chão, seus músculos enrijeciam, o sangue de suas feridas pingava, porém seus olhos raivosos estavam sedentos pelo sangue de Neil. Exatamente igual um animal o homem estava usando seus joelhos e mãos como patas. Todos seus músculos estavam quase que explodindo. Com um rápido movimento o corpo do homem era lançado na direção de Neil. O rapaz precavido usava sua espada para tentar parar o homem, contudo, a mão do homem se esticava como se fosse pegar a espada e então a lâmina atravessava-a. A espada mão do homem ia até metade da espada, seus olhos tinham mais ódio ainda, estava tão louco que nem dor sentia - EU VOU MASTIGAR TUAS ENTRANHAS. MORRE MORRE MORREEEEEEEEEE. Enquanto ainda "segurava" a espada de Neil os dentes do homem iam na direção do pescoço dele.

Histórico:
 
NARRAÇÃO - 15

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
(Orochi)
Civil
Civil
(Orochi)

Créditos : 2
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2019
Idade : 20
Localização : Torino Kingdom

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyTer 01 Set 2020, 00:56

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Abandonado III

Neil não hesitaria nem mesmo com aquela imagem assustadora de um verdadeiro monstro se lançando diretamente em sua direção. Ele pularia para trás para ganhar um pouco mais de espaço para trabalhar, mas com a sua espada ainda presa na mão da criatura ele precisava se concentrar em parar os dentes, para isso aproveitaria o pulo para encolher suas pernas e depois esticá-las tentando colocá-las nos ombros do inimigo, tentaria apoiar a sua mão esquerda na parte de cima da testa dele também, agarrando-o firme pelos cabelos e formando uma espécie de tripé no intuito de impedir que os dentes do inimigo alcançassem seu pescoço ou qualquer outra parte de seu corpo, mantendo distância. Usaria também a posição como alavanca para tentar forçar a liberação de sua espada, puxando-a com o braço direito ao mesmo tempo que empurrando o corpo do inimigo com a mão esquerda e as pernas.

Caso Neil não conseguisse soltar a espada desse jeito tentaria forçá-la para o lado cortando o interior da mão no caminho até deixá-la por completo, e então se lançaria para trás empurrando o monstro para pegar impulso, com os pés e braço esquerdo.

Uma vez que a espada estivesse livre Neil encolheria seu cotovelo trazendo-a, ainda apontando para frente, para perto de si e então aplicaria sua nova técnica: - Você nunca mais fará essa floresta chorar, seu desgraçado. Lágrimas Lunares!

Independente dela acertar o inimigo ou não, Neil estaria preparado para caso o inimigo avançasse na direção dele novamente ele bloquear, quer fossem dentes ou socos, colocando a espada à sua frente e apoiando ela com as duas mãos, uma no cabo e outra na parte plana da lâmina. Caso conseguisse bloquear com sucesso, passaria a mão esquerda para junto da outra no cabo e viraria a espada com o fio da lâmina para frente, então correria para o lado direito arrastando a espada pelo quer que o inimigo tenha usado para atacar, rasgando-o e saindo de perto para evitar um possível contra-ataque.
Fala | Pensamento
Codage par Libella sur [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Histórico:
 
Técnica:
 
Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
CaraxDD

Créditos : 12
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyTer 01 Set 2020, 02:01




Reach For the Moon

Yumegara Forest ~ Noite ~ Fresco



Em sã consciência o homem teria facilmente segurado a espada do rapaz quando ele tentou tira-la de sua mão, contudo, o seu excesso de raiva fazia com que o homem focasse nas mordidas e não nas outras partes do corpo. Neil conseguira segurar o homem por um bom tempo, uma pose meio estranha, mas útil para arrancar a espada da mão dele e evitar as mordidas animalescas do homem.

Após o esforço de empurrar o rosto do homem e recuperar sua espada, Neil tinha a melhor abertura possível para utilizar sua técnica. Tal técnica tinha tanta leveza e ao mesmo tempo era caótica, talvez uma técnica apropriada para o estado que a luta havia chegado, um homem que usava de extrema violência e golpes grandiosos ser destruído por uma sequência de cortes calmos e violentos.

Ombro esquerdo, queixo, lábio inferior, bochecha esquerda, olho direito, orelha esquerda, testa, olho direito novamente, nariz e bochecha direita de dentro para fora.
 A sequência de golpes desfigurava a grande besta, o homem tinha uma expressão assustada em seu rosto, seu corpo caia sem consciência no chão. Era o fim daquele capítulo, finalmente o monstro havia sido dominado.

A brisa noturna mais uma vez reaparecia como se estivesse agradecendo Neil por ter acabado com o monstro. As folhas das árvores balançavam e saudavam o jovem herói revelando o brilho da lua, a qual agora estava ainda mais alta e imponente, mostrando que algum tempo já havia passado desde que o rapaz havia decidido apenas cumprimentar o Taichi.

Aos poucos o rapaz sentiria seu corpo cansar, essas últimas horas foram de pura intensidade, seu corpo não havia sentido toda a tensão ainda pois estava sempre em alerta, mas agora podia aos poucos relaxar. Ouviria uma voz familiar gritar na distância, as frases pareciam ainda desconexas, mas aos poucos tudo ficava mais claro, era uma voz realmente familiar.

- CHEFEEEEEEE!!!!!!!!! SE VOCÊ MORREU ME AVISAAAAAA. A GENTE JÁ CUIDOU DAS ARMADILHAS PRÓXIMAS AO LAGO, MAS A GENTE TÁ PRECISANDO DE UMA MÃOZINHA... CHEFEEEEEEEEEEE!!! ALGUNS ANIMAIS FERIDOOOOOOOOOOOOOS.... CHEFEEEEEEEEEEEEEEEEEE Os berros eram obviamente de um de seus pequenos companheiros. Ele vinha de onde o lago ficava, próximo da fazenda. - CHEFE CHEFE CHEEEEEEEEEEEEEFEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE... EU NÃO SEI FAZEER BANDAGEM, CHEFEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE Não tão distantes os berros avisavam sobre animais feridos na fazenda. Neil chegaria até seu companheiro. - Chefe!!! VOCÊ TÁ VIVO... SNIF... SNIF.... CHEFE... SNIF VOCÊ É TÃO LEGAL SNIF SNIF SNIF...

Histórico:
 
NARRAÇÃO - 16

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
(Orochi)
Civil
Civil
(Orochi)

Créditos : 2
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2019
Idade : 20
Localização : Torino Kingdom

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyTer 01 Set 2020, 06:53

Nunca Estive Sozinho

Ao perceber que a fera à sua frente finalmente caía ao chão Neil o encararia um pouco e então permitiria-se fazer o mesmo. Deitado de costas no chão, com a espada ainda em mãos e os braços e pernas estirados parecendo uma estrela do mar, o jovem descansaria por um momento. Apreciando a brisa e admirando a Lua que dava o ar da graça por entre as folhas.

- Você me viu mãe? Eu derrotei o último deles, eu salvei a floresta. Você... está orgulhosa do seu filho? - enquanto falava taparia os olhos com a mão esquerda pois eles logo se enchiam e escorriam de lágrimas, levantaria também a mão direita com a espada apontando para o céu - Eu vou me tornar ainda mais forte, vou derrotar inimigos ainda mais perigosos e proteger muito mais pessoas e animais. Então continue me observando daí mãe, você... - o jovem começa a soluçar de tanto chorar - ...você ainda vai... se orgulhar muito do seu filho!

Seu momento de fraqueza é interrompido por uma voz ao longe que vai se tornando mais e mais discernível com o tempo. Ao finalmente reconhecer a voz e entender a mensagem ele se levantaria, guardaria a espada, enxugaria suas lágrimas, daria uma última olhada para a Lua e se despediria com um sorriso. Partiria então na direção da voz, ao chegar lá cumprimentaria o novo amigo:

- Obrigado pela preocupação, meu amigo. Ótimo trabalho retirando as armadilhas, estou orgulhoso de você. Agora, onde estão os animais feridos?

Ao chegar até eles avaliaria quantos são, quais seriam os ferimentos e a gravidade de cada um, provavelmente cortes e feridas causadas pelas armadilhas. Diria para o seu amigo - Você está com um kit de primeiros socorros aí? - caso não estivesse, complementaria -  Vá até a casa principal e peça Gaze, Esparadrapo, Agulha e Sultura. Se tiverem álcool para esterelizar as feridas traga também. Vá rápido e volte logo. Cuidado, nada disso pode se sujar ou cair no chão senão as feridas irão infeccionar. Enquanto esperava os materiais, faria pressão com as mãos para tentar desacelerar o sangramento caso houvesse algum animal com hemorragia muito grave.

Quando os materiais chegassem, ou caso já estivessem lá, começaria limpando as feridas, o animal talvez se debatesse um pouco com o ardor do álcool, então pediria ajuda para contê-lo. -  Me dê uma mãozinha aqui. Segure ele e faça carinho na cabeça dele para que se acalme.

A seguir, caso alguma das feridas estivesse muito grande seria necessário dar pontos, faria isso com a agulha e a sultura, juntando as duas partes da carne separadas pela ferida. Enfim enrolaria a gaze ao redor da ferida para protegê-la de infecções e conter possíveis sangramentos, prenderia ela com o esparadrapo. Por último, caso eu percebesse algum caso de osso fraturado eu pediria para meu "ajudante" - Vá até a árvore mais próxima, quebre e traga aqui alguns gravetos e galhos. - mostraria o tamanho da perna do animal e quantos seriam necessários para ele ter uma noção de que tamanho e quantidade deveria trazer os gravetos, quando chegassem lavaria eles com álcool e os envolveria com gaze, depois prenderia eles à pata quebrada enrolando ao redor com gaze e prendendo tudo com esparadrapo.

Ao final pediria ajuda para meu diminuto amigo para levar os animais feridos até a casa principal onde ficariam em observação até melhorarem por completo. - Pronto, agora só falta levá-los para a casa principal para descansarem. Me ajude aqui. - daríamos quantas viagens fossem necessárias para transportá-los com o máximo de cuidado.
Fala | Pensamento
Codage par Libella sur [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Histórico:
 
Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
CaraxDD

Créditos : 12
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyTer 01 Set 2020, 23:12




Reach For the Moon

Yumegara Forest ~ Noite ~ Fresco



Neil tinha um momento com a lua e parecia lhe trazer muita paz no coração. Uma promessa feita sob a luz do luar, não, uma promessa feita sob os olhos de sua mãe. Ele prometia força, prometia dar orgulho, jogava para o universo e deixaria que seu destino lhe mostrasse o que lhe aconteceria.

Ao encontrar Joa o homem saltitava de felicidade, parecia um cachorro que não via o dono há anos. Neil lhe dava ordens os olhos do rapaz se enchiam de lágrimas novamente e ele começava a rir - FUAFUAFUAFUA Chefe. FUAFUAFUA Não é tão assim também, eles já tiverem seus primeiros cuidados. O pai do Taichi apareceu todo fodão cheio de armadilhas com ele, daí me chamou de imprestável e disse para ajudar, fiquei ajudando ele enquanto você... Tomava uma surra...? Enfim... VEM Joa falava rápido como se estivesse empolgado com algo, pegava na mão de Neil e o levava para dentro de uma das construções da fazenda. Uma grande casa com dois andares e uma grande porta na frente.

Os dois passavam pela grande porta e Neil e uma mesa de recepção estava logo na frente deles. Nela estava Daichi com seus pés na mesa, pernas cruzadas e dormindo "confortavelmente" ali. - Esse é o fodão, chefe. Ele disse que salvou a bunda de um bunda mole sem talento com cabelo estranho e espada feia. Espero que você não tenha esbarrado com ele, chefe Joa comentava sem perceber que o "bunda mole" mencionado na história era Neil.

Andavam mais um pouco e chegavam e uma sala enorme com grande espaço, de primeira parecia um hospital normal sem macas, mas olhando bem era possível ver alguns animais deitados, com bandagens, mancando aos poucos, todos bem tratados, apenas na espera de uma melhora total. - Meu amigo... Muito obrigado. A voz de seu amigo Taichi era ouvida vindo de uma porta no final do corredor. Chegando lá perceberia uma sala de cirurgia, diversos itens para cuidado dos animais. Sem nem falar nada Neil simplesmente começava a tratar os animais feridos. Grande maioria tinha ferimentos devido a armadilhas, Neil os tratava com maestria. Diferente do que imaginava, tinha diversos itens modernos para tratar os bichos. Seu tratamento era certeiro e rápido, cuidava bem de todos os animais que passavam por ele. Ao fim...

- Você é incrível mesmo, me desculpe por te colocar nessa situação, meu amigo. Seu amigo Quin e meu segurança Bun foram levados ao hospital para tratar os seus ferimentos. Joa ficou aqui auxiliando meu pai a trazer os animais feridos e a encontrar e desarmar as armadilhas... O rapaz parava por alguns segundos, olhava Neil da cabeça aos pés e com um sorriso comentava. - Acho que meu favor te levou além do esperado né... Você pode usar a casa grande inteira para você, lá temos roupa, comida, cama. Está quase amanhecendo, os animais aqui estão bem graças a você. Me diga se precisar de QUALQUER coisa.  

Histórico:
 
NARRAÇÃO - 17

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por CaraxDD em Ter 01 Set 2020, 23:13, editado 1 vez(es) (Razão : codes)
Voltar ao Topo Ir em baixo
(Orochi)
Civil
Civil
(Orochi)

Créditos : 2
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2019
Idade : 20
Localização : Torino Kingdom

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyQua 02 Set 2020, 06:10

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Descanso Merecido

- Aqui Taichi, tome - diria Neil estendendo o braço para entregar a Taichi o bilhete que recebera dos gêmeos - Aqueles dois baixinhos me disseram tudo, parece que tem algum nobre de merda dando recompensas para quem entregar animais raros para ele. Diga para seu pai avisar os contatos dele no Exército Revolucionário, talvez eles possam fazer alguma coisa à respeito. Eu vou aproveitar a sua hospitalidade e dormir por aqui hoje, o Joa pode vir comigo para a casa grande? É que ele me ajudou bastante hoje. - esperaria a resposta dele e se fosse positiva se despediria pegando na mão de Joa e começando a andar - Amanhã a gente se fala. Muito obrigado.

Neil então partiria para a casa grande, procuraria por algo para comer e por algo para beber, um suco ou água, ofereceria ao amigo e então comeria o máximo possível do que achasse antes de se deitar. Colocaria a espada apoiada na parede ao lado da cama antes de se deitar. Antes de dormir no entanto Neil viajaria em seus pensamentos de olhos fechados, pensava sobre a Lua, o que faria agora... e sobre o bilhete.

- Goayu Birds, Zigzacobras... Torino Kingdom, Baterilla. Devem haver caçadores enviados por esse nobre nessas outras ilhas também. Será que há alguém para protegê-los nessas ilhas? Eu acho que vou dar uma passadinha por elas só pra conferir... me pergunto como elas serão. Ai, mal posso esperar para descobrir - daria um sorriso ainda de olhos fechados e se viraria para o outro lado da cama. Mas logo adquiriria uma expressão séria devido ao pensamento seguinte - Esse maldito nobre, nem os caçadores sabem onde ele fica. Qual seria esse Farol onde é realizada a troca? - a dúvida então cutucando a curiosidade de Neil o faria acordar e procurar Joa, se estivesse dormindo tentaria acordá-lo e perguntaria:

- Joa, o Farol que o bilhete dizia ser o ponto de encontro para troca dos animais por dinheiro. Ele fica em qual ilha? - esperaria a resposta antes de poder sucumbir ao sono e dormir. Um último pensamento rodaria sua cabeça antes de descansar de fato - Boa noite pai... boa noite mãe. - o jovem então dormiria com um sorriso no rosto.

Ao acordar pegaria sua espada e a levaria consigo, daria primeiro uma olhadinha se não havia sobrado alguma comida, se sim aproveitaria para fazer a primeira refeição do novo dia, se não apenas continuaria seu caminho. Procuraria então Daichi e Taichi. Quando encontrasse Daichi diria com um sorriso: - Eu acabei com o último caçador ontem, se me lembro bem você tinha me prometido algo em troca. Quando encontrasse Taichi diria: - Taichi, me desculpe mas na verdade eu tenho dois favores para pedir a você. O primeiro é se você pudesse contratasse aqueles dois que estavam comigo, Joa e Quin, como seguranças. Eles me ajudaram quase a noite toda e estão precisando de um emprego, essa fazenda é muito grande para um segurança só, pense com carinho nessa proposta por favor, eles são meus amigos. E quanto ao segundo favor... eu queria saber se teria como você me ajudar a chegar numa ilha chamada Torino Kingdom.
Fala | Pensamento
Codage par Libella sur [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Histórico:
 
Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
CaraxDD

Créditos : 12
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyQui 03 Set 2020, 01:42




Reach For the Moon

Yumegara Forest ~ Noite ~ Fresco



- Joa me falou tudo... Meu pai quando soube ficou extremamente irritado, mas comentou que caçar caçadores torna-se mais difícil com o tempo... Bem haha ai ele começou a reclamar da idade e da geração atual, mas acho que por fim vai falar sim com o exército revolucionário... O rapaz parava e sorria para seu amigo.   Já falei, sinta-se em casa.  Joa e Neil iam para a casa ao lado.

Assim como a casa anterior, essa também era enorme, o que seu amigo Taichi tinha de simples a casa tinha de chique. O suado dinheiro do antigo açougue de Daichi com certeza não iria conseguir pagar tudo isso, não não, o seu atual emprego com certeza era o que bancava a fazenda. Um grande corredor levava os dois até a cozinha, bem como o resto da casa, a cozinha era enorme.

A mesa mostrava que Taichi tinha esperança na volta de seu colega, pois haviam uma grande quantidade de frutas, carnes, pães e alguns doces também. Todos muito bem dispostos na mesa com uma aparência muito convidativa. Após ambos comerem subiam para os aposentos no segundo andar. Logo na primeira porta havia um quarto enorme com uma cama extremamente macia e diversos travesseiros. Ao lado uma cama um pouco menor, mas com o mesmo conforto, tudo ali foi preparado com muito carinho.

Joa estava prestes a cair no sono quando ouvia a pergunta de Neil - A gente também não sabe... Bem ouvimos de um cara lá em Latem que se a gente chegasse numa tal de última ilha era vida ou morte até o Farol. Daí como a gente não entendeu decidimos descobrir isso depois. Joa não tinha noção que estava falando dos perigos que antecediam a perigosa Grand Line, mas também não parecia com medo. Ambos caíam no sono em seguida, mal percebiam que o sol já estava quase ressurgindo quando fecharam os olhos.


Yumegara Forest ~ Meio dia ~ Ensolarado



Os raios de sol invadiam aquele quarto, a dupla não percebeu que a janela havia ficado aberta e que por parte da "noite" a brisa foi tudo o lhes fez companhia. Após uma grande espreguiçada Joa corria para a cozinha antes mesmo de dar bom dia para Neil, sua fome era maior que sua educação.

Ao chegar na cozinha para o café da manhã era recebido por Taichi com um grande sorriso no rosto e um enorme banquete e Daichi... com cara de poucos amigos. Daichi esticava o braço e entregava um pacote com dinheiro para Neil, 80.000 berries. Murmurava algo de seu jeito rabugento e ia embora da cozinha. Taichi continuava sorrindo enquanto comia com seus amigos. - Acho que meu pai quis dizer algo como "obrigado por  cuidar apagar o incêndio, se livrar de todos os caçadores e tratar os animais, aqui vão oitenta mil berries pois eu sou mão de vaca e não quero pagar mais, mesmo sabendo que posso." Taichi imitava a voz do pai com perfeição e mostrava um lado seu que não havia ainda, sua leveza também era carregada nas brincadeiras.

Ao ouvir Neil Taichi começava a rir novamente, uma risada leve e gostosa, ria não do rapaz, mas da forma que ele se comunicava. - Orochi-kun, com certeza vai se tornar um grande líder. Já decidiu tudo que todos irão fazer AHAHAHA AHAHA AHAHA Joa e Quin ontem me contaram que você tinha esse plano para eles, mas... Joa finalmente falava, sua boca estava cheia de pão, mas a cada mastigada soltava pequenas frases - Chefe nham nham nham eu e meu irmão nham nham vamos respeitar nosso combinado de  nham nham não ferir nenhum animal mais nham nham nham, mas nós também vamos continuar sendo aventureiros nham nham. Tomava um gole do suco de laranja para limpar a boca. Nós vamos caçar recompensas... ou tesouros... não sei. Como somos procurados Mostrava o cartaz para Neil e Taichi Nós queremos e vamos levar uma vida livre de regras, mas protegendo a natureza. Você vai ouvir de nós ainda, chefe!

Havia uma pausa, enquanto Taichi pegava os pratos para limpar e jogava os restos pela janela, vários pequenos animais e pássaros se juntavam para comer as migalhas. Em um tom  amigável e inteligente dizia  - Orochi-kun, um grande líder deve escutar os sentimentos dos outros também. Eu não vou prender Joa e Quin aqui comigo, se eles quiserem que fiquem... Meu pai foi fazer depoimento na cidade, há alguns membros do exército na floresta, mas eu queria fazer algumas coisas no centro, visitar Quin e Bun no hospital. Tenho que fazer algumas coisas para te arranjar o contato para sua primeira viagem para Torino. Ao anoitecer devo ter tudo pronto para te ajudar a começar sua aventura de verdade, meu amigo. Você pode me encontrar próximo ao porto ou então me acompanhe agora. Sorria esperando a resposta do rapaz, mas já preparado para ir para o centro de qualquer forma.


Histórico:
 
NARRAÇÃO - 18

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
(Orochi)
Civil
Civil
(Orochi)

Créditos : 2
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2019
Idade : 20
Localização : Torino Kingdom

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptyQui 03 Set 2020, 07:22

Despedidas

Neil refletiria e se sentiria até um pouco envergonhado por suas atitudes para com seus amigos. Taichi era jovem mas com certeza muito sábio, Neil ficaria feliz de ter feito um amigo tão legal e com certeza lembraria de seu conselho. Acharia graça de seu erro, e se desculparia com uma boa risada - Entendo Joa. Me desculpe amigo, na minha intenção de lhe ajudar quase acabei atrapalhando sua liberdade. Mas eu entendo agora, e tenho fé que ainda nos encontraremos por esses mares. - Neil se afeiçoava ainda mais de seu amigo diminuto agora, eles eram mais parecidos do que ele achava.

- Eu irei com você até o hospital visitar os dois. Mas depois irei visitar meu pai. Nos encontraremos no porto ao anoitecer. Tudo bem? - o jovem então se prepararia para seguir Taichi até o hospital.

No caminho iria observando o lugar e as pessoas, lembrando de todo o tempo que passou nessa ilha. - Se eu tivesse partido para o mar antes não teria tido essa oportunidade de conhecer pessoas incríveis e ajudar os animais da floresta. Tudo tem seu tempo, sou muito grato e não me arrependo de nada.

Ao chegar no hospital seguiria Taichi até os dois pacientes que haviam ido visitar. - E aí Quin, como está o ombro? O que os médicos disseram? - diria genuinamente preocupado com o novo amigo, mas tentaria aliviar o clima dizendo com um sorriso no rosto: - Pois trate de melhorar logo meu amigo. Você e seu irmão ainda tem muitas aventuras para trilharem juntos. E eu quero ouvir todas caso nos reencontremos em algum outro lugar desses mares.

Neil então se aproximaria do segurança, não havia se conectado muito com ele mas era uma boa pessoa e o espadachim estava preocupado com ele: - E aí grandão. Como você está? O que os médicos disseram? - esperaria por boas notícias para responder com um sorriso e uns tapinhas leves de encorajamento no ombro, mas caso fossem ruins diria com uma expressão séria: - Se lhe serve de consolo, eu tenho certeza que o cara que fez isso com você está bem pior. Eu mesmo me certifiquei disso. - Neil sabia que não era dos melhores consolos, mas não o conhecia bem o bastante para saber como animá-lo mais do que isso. Se despediria então de todos e iria em direção a casa de seu pai. No caminho pensava no que diria à ele. - Maldito Sol, não me ajuda em nada... se fosse a Lua no céu agora ela me inspiraria e me apoiaria. - pensaria Neil se distraindo.

Ao chegar na casa bateria na porta e entraria, caso estivesse fechada esperaria ela ser aberta. Já lá dentro procuraria seu pai e ao encontrá-lo diria: - Pai, como você está? - esperaria uma resposta antes de prosseguir - Você não vai acreditar na noite que eu tive. O senhor conhece a Yumegara Farm não é? Então... - Neil então contaria em detalhes tudo o que ocorrera. Ao final diria num tom sério, quase triste: - Pai, o Taichi vai arrumar uma viagem para outra ilha pra mim. Eu vou viajar por esses mares. Sinto muito mas eu não quero ser um revolucionário, o senhor sabe o quanto eu respeito eles mas não é o futuro que eu quero pra mim. Eu quero liberdade, aventuras, e deixar o senhor e a mamãe orgulhosos. - começaria a se emocionar mas não deixaria suas lágrimas escorrerem, caso não conseguisse contê-las tamparia os olhos com a mão. Continuaria dizendo: - Eu já estou decidido. Obrigado por tudo meu pai. Espero que ainda tenha orgulho de seu filho, por que ele tem muito orgulho de ter você como pai. - Neil então se lançaria e abraçaria seu pai fortemente deixando qualquer emoção que estivesse tentando conter fluir. Aproveitaria então os últimos momentos com seu pai, passaria o resto do dia com ele, ouvindo histórias, mostrando sua espada nova, etc. Quando caísse a noite Neil se informaria sobre como chegar ao porto com seu pai, caso ele soubesse, e se despediria: - Isso não é um adeus, é só um até logo pai. Eu irei voltar cheio de histórias para contar. Então... até logo - diria com um sorriso e terminaria a despedida com um longo abraço apertado antes de partir rumo ao porto. Caso tivesse dificuldades no caminho, ou seu pai não soubesse o caminho perguntaria a mais pessoas que encontrasse no caminho como chegar ao porto.

Chegando lá procuraria por Taichi. Enquanto passava, olharia de fora todos os barcos que visse ancorados no porto.
Fala | Pensamento
Codage par Libella sur [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Histórico:
 
Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
CaraxDD
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
CaraxDD

Créditos : 12
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 03/02/2011

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptySab 05 Set 2020, 19:09




Reach For the Moon

Centaurea (Centro) ~ Tarde ~ Ensolarada



Caminhavam juntos até o centro da cidade, era um local calmo, algumas pessoas indo e vindo, comércio todo aberto com amigos conversando em todos os cantos. O trio caminhava até o pequeno hospital de Centaurea, não era nada muito chamativo, haviam algumas pessoas para lá e pra cá esperando para serem atendidas. Uma criança remelenta sentada olhando para o nada ao lado de sua mãe que o cobria com uma pequena coberta como se o garoto estivesse com frio. Bem, é um hospital, gente doente em todos os cantos, mas ninguém parecia estar no estado de emergência.

Recebidos por uma gentil atendente ela pegava sua prancheta olhava os nomes e então pedia um minuto. Passaram-se alguns minutos desde que ela havia deixado a sala de espera, mas voltava acompanhada de Quin. O homem tinha um curativo no braço. Sorria ao ver seu irmão e amigos e corria em direção de Joa (o qual fazia o mesmo) e ao chegarem próximos lançavam-se um no braço do outro. - Manooooooooooooooooo.

A enfermeira informava que o estado do segurança era grave ainda e que estavam considerando amputar a perna dele devido a uma infecção no corte. Havia algum tipo de veneno ou toxina na armadilha que pegou sua perna. - Eu vou ficar aqui, passar um tempo vendo se posso fazer algo, farei algumas ligações também. Nos vemos à noite.

Eles saíam do hospital sem Taichi e enquanto os irmãos caminhavam com Neil, Quin parava na frente dele e sorria. Chefe! Muito obrigado por tudo. Eu vou guardar esse corte comigo para sempre. Será o símbolo da nossa amizade. Ontem vindo para o hospital eu e Joa conversamos e  nós vamos navegar atrás de aventuras. A gente queria ir com você, mas acho que no momento temos que correr atrás de outras coisas, adquirir nossa própria força e... e.. e... FICAR FORTES PARA TE DERROTAR UM DIA, CHEFE! Os dois sorriam enquanto enxugavam as lágrimas e para parecer caras legais ambos só acenavam de costas para Neil enquanto choravam e andavam indo embora.

Chegando em casa Neil contaria todos os detalhes de sua aventura para seu pai, falaria sobre querer liberdade e o quanto estava ansioso para tudo que estava para acontecer. Seu pai ouvia tudo calmamente, sorria tranquilamente para Neil. Com voz firme e encorajadora ele diria. -Vá meu filho. Cresça. O mundo está aí para ser explorado. Eu não tenho o que falar para te impedir, não pretendo também. Você está no caminho para se tornar um homem. Filho... Ele levantava-se ia até seu quarto e voltava com uma pequena corrente com uma pedra azulada na ponta e entregava para Neil. - Carregue esse colar com você assim, mesmo sem a lua para te olhar, eu e sua mãe estaremos com você em todos os momentos. O colar parecia ter sido feito a mão, talvez um presente que nunca foi entregue, ou então o momento de entregar o presente era esse mesmo, Neil não perguntaria e seu pai também não pretendia se alongar sobre. Ele acompanhava seu filho até a porta e após um longo abraço dizia adeus a ele - Lembre-se de nomear sua companheira. Uma espada não é apenas uma arma, ela é uma extensão de você. Por mais que ela não te acompanhe em sua jornada para sempre, é algo importante que deve ser tratado com respeito. Bem... Comece sua aventura filho

Caminharia até o porto e lá encontraria com Taichi. - Neil, desculpe o atraso. Bun começou a se recuperar aos poucos, aparentemente não será necessário amputar a perna dele, não sei direito, mas acharam a toxina nas armadilhas e estão tentando reverter o processo. Eu acredito que vai dar tudo certo. Enfim... Meu amigo... Você nunca me disse onde quer ir. Conte-me mais. Já deixei meus contatos alertados de que talvez tivessem um tripulante a mais, eles partirão em uma hora. Só preciso saber qual será o que te ajudará mais.

Histórico:
 
NARRAÇÃO - 19


OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por CaraxDD em Dom 06 Set 2020, 20:28, editado 1 vez(es) (Razão : Colar)
Voltar ao Topo Ir em baixo
(Orochi)
Civil
Civil
(Orochi)

Créditos : 2
Warn : Reach for the Moon - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2019
Idade : 20
Localização : Torino Kingdom

Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 EmptySab 05 Set 2020, 20:00

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Ouroboros (Fim e Início)

- Torino Kingdom... eu quero ir para Torino Kingdom. - diria Neil super empolgado para começar sua jornada. Seguiria então as instruções, comandos e direções de Taichi para chegar no barco que o levaria até seu destino, caso fosse apresentado, cumprimentaria o responsável pela embarcação: - Prazer, Neil Orochi. Muito obrigado pela carona.

Antes de partir, no entanto, se viraria na direção de Taichi e se despediria dizendo: - Muito obrigado Taichi. Você é uma pessoa incrível que eu tenho orgulho de chamar de amigo. Algum dia voltarei e vamos trocar histórias de frente àquele lago novamente. Proteja seu tesouro, aquela floresta é realmente linda.

Lembraria então do que os gêmeos disseram, e com uma risada pensaria: - Estarei esperando, meus amigos. Nosso reencontro será fenomenal.

Pegaria então o colar que recebeu do pai e o admiraria. Após algum tempo concluiria pra si mesmo: - Esse é o meu tesouro. - daria um sorriso e então olharia para o horizonte cheio de ansiedade e curiosidade pelo futuro.
Fala | Pensamento
Codage par Libella sur [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Histórico:
 
Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Reach for the Moon - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Reach for the Moon   Reach for the Moon - Página 4 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Reach for the Moon
Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: South Blue :: Centaurea Island-
Ir para: