One Piece RPG
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Akuma Nikaido Ontem à(s) 23:54

» Livro Um - Atitudes que dão poder
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:20

» Seasons: Road to New World
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:04

» Supernova
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 21:56

» Hey Ya!
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 21:55

» Cap.1 Deuses entre nós
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Thomas Torres Ontem à(s) 21:05

» The One Above All - Ato 2
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 19:44

» A inconsistência do Mágico
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 19:27

» Vamos nos aventurar! Anjinhas me aguardem...
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor GM.Muffatu Ontem à(s) 18:23

» As mil espadas - As mil aranhas
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor jonyorlando Ontem à(s) 17:46

» [Mini - Cass Sabach] A fumaça cresce no horizonte
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Jinne Ontem à(s) 16:34

» Um Destino em Comum
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor (Orochi) Ontem à(s) 15:13

» A busca da liberdade
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Dogsofain Ontem à(s) 14:12

» Karatê Cindy
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Oni Ontem à(s) 13:11

» Meu nome é Mike Brigss
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Oni Ontem à(s) 12:03

» Enuma Elish
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 10:12

» Apresentação 5 ~ Falência Sensacionalista
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Furry Ontem à(s) 09:59

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 04:26

» Arco 4: Segredos enterrados em gelo!
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 01:42

» ブルーベリーパイ ~ Blueberry Pie
Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Emptypor Wild Ragnar Sex 25 Set 2020, 23:22



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Escaping Mean! Run Ria, Run!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 59
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySeg 13 Jul 2020, 14:44

Relembrando a primeira mensagem :

Escaping Mean! Run Ria, Run!

Aqui ocorrerá a aventura do(a) pirata Fanalis B. Ria. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Fran B. Air
Pirata
Pirata


Data de inscrição : 30/11/2017

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySex 24 Jul 2020, 20:10

Prison Break! Part 20!

Colocava a mão na direita olhando com seriedade para o comodoro, ao menos até o momento que ele falava que Yue estava bem e já tinha acordado inclusive, onde suspirava pegando algum ar. - Ufff. Se eles estão bem, tudo bem então. - Apenas estranhava a última olhada que ele deu no prato, mas dava de ombros, o comodoro não parecia o tipo de homem que faria algo e além disso, as palavras de Joan da primeira vez que fui comer comida de prisão ecoavam em minha mente. “Se eles forem me colocar pra dormir, não vai ser me envenenando com a comida.”

Apesar do marinheiro ser estranho e totalmente fora da caixinha em relação ao esperado, eu ainda confiava nele, parecia ser só mais um homem fazendo o seu trabalho. Além disso, mesmo não me assustando, na presença dele o clima era pesado de uma forma diferente de quando a capitã ou o tenente estavam na sala, ele parecia simplesmente ser tão forte, que nem eu e nem as outras prisioneiras teriam chance alguma, então ele tinha total liberdade para agir como quisesse, era como se não passássemos de bonequinhas de pano para ele. “O pior é que mesmo ele estando na posição em que está, não está subestimando nem a mim e nem às outras prisioneiras, então não vou ter margem nenhuma para escapar enquanto ele estiver por perto, a única saída que sobrou foi Ennies Lobby ao que tudo indica.”

O mordomo que segurava uma espada de madeira a balançando com força atacando o ar em golpes verticais comentava. - Acho que vai ser bem mais difícil do que você esperava, não é Senhorita Ria? - Me sentaria e começaria a comer o respondendo um pouco irritadiça por não saber o que fazer para libertar os outros e sair daquele lugar. - Sim, no instante em que o comodoro trouxe Yue e Boujin pro barco antes de mim, ele ganhou a disputa, agora é 4 a 0 pra marinha, eles não me deram nem sequer uma oportunidade de fuga, até agora o sistema deles tá funcionando perfeitamente. - Finalizaria o prato pensativa sobre a situação.

“Esse comodoro claramente não vai me deixar fazer nada e vai levar tudo na brincadeira enquanto faz tudo de forma altamente profissional...” Seguraria o queixo com a mão. “Essa cela é ainda mais fortificada que a outra e completamente forrada por kairouseki? O que quer dizer que mesmo sem as algemas não vou conseguir fazer nada aqui...” Deixaria meu prato no lugar para que algum marinheiro o recolhesse e analisaria cada perímetro da cela tentando procurar por qualquer fraqueza na estrutura da mesma ou coisa que não fizesse parte dela para que eu desse alguma serventia para o que quer que fosse.

Me vendo fazer isso, sem parar seu treino o Mordomo comentaria. - Você não desiste mesmo, não é Senhorita Ria, acha mesmo que vai conseguir fugir assim? - Eu sabia que ele tinha razão, mas mesmo assim, tinha que tentar, por mais que a chance fosse remota, qualquer coisa que pudesse me dar alguma vantagem sobre o comodoro seria útil, então o responderia, mesmo que de forma irônica. - Vai que... - Se não encontrasse nada, me deitaria olhando para cima por alguns segundos e diria. - Chega… Me acorde se algo acontecer, acho que vou descansar um pouco mesmo. - Fecharia os olhos e tentaria dormir um pouco e sonhar já que tinha que estar em 100% da minha condição física para uma provável fuga em Ennies Lobby. Onde o Mordomo apenas sorriria respondendo. - Tenha bons sonhos. -

Objetivos:
 

Histórico:
 

Feitos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySab 25 Jul 2020, 13:07




narração - escaping mean! run ria, run!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Se dando por satisfeita com as informações do comodoro, Ria estranhava o olhar de Hector para seu prato, mas o que ela pansava estava certo, não havia motivo para colocarem algo além de tempero na comida. Que inlcusive parecia uma delícia, o cheiro do tempero invadia os sentidos da pirata. A aparência era de fazer qualquer um salivar, a temperatura do prato era perfeita para aquecer o coração, e aquela decoração era de encher os olhos. Talvez a ruiva devesse agradecer ao tenente.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Hector era uma figura incompreendida por muitos, não só pelas prisioneiras que ali estavam. O homem realmente era muito forte, e não tinha muito com o que se preocupar, por isso, agia como lhe era conveniente. Mas ser forte como ele era, não queria dizer que estava afim de ter dor de cabeça, então não deixava brechas para fugas por parte de nenhum de seus prisioneiros. Aparentemente, Ria só teria chance de fuga novamente em Ennies Loby, mas será que era viável?

Sim mordomo, o plano estava cada vez mais complicado, mas mesmo com isso, a pirata não parecia desanimar. Ela pensava em suas opções enquanto terminava seu alimento. O comodoro, apesar de estranho e amigável, claramente estava preparado para tudo, ou não teriam mandado ele para escoltar duas prisioneiras perigosas e procuradas. Aquela cela era toda de kairouseki praticamente, o que fazia Ria se sentir atordoada e enfraquecida, a cada minuto que ela passava ali dentro, parecia que suas energias se esvaiam ainda mais.

Olhando em volta, Ria percebia que o navio era bem resistente, e que sua cela não apresentava fraquezas. Outro ponto importante, é que havia uma guarda ali parada perto da escada, vigiando. A embarcação era ainda mais rigorosa do que a prisão em que estava. Não achando nada útil, ela se deita na cama , sentindo a maresia balançá-la, e o sono a arrebatando. Ela precisava de suas energias, mas não seria fácil guardá-las por aqui.

Com a monotonia das ondas e Joan dormindo também, Ria não acorda, se mantendo adormecida durante toda a noite. De manhã, a ruiva seria acordada por dois guardas, um carregava seu café, e o outro estava armado, mantendo a pirata em sua mira, preparado para qualquer movimento. O homem que segurava o prato, chegava perto da cela e o estende para ela. Qual seria a delícia da manhã?

Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

                                     

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran B. Air
Pirata
Pirata
Fran B. Air

Créditos : 32
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 24
Localização : The Wonderful Land

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySab 25 Jul 2020, 18:14

Dream! Part 1!

Lá estava eu, Fanalis B. Ria, uma garota de 17 anos que acordava pronta para mais um belo dia em Conomi Island. Me levantava me espreguiçando feliz da vida, ao acordar, via todos os pôsteres de piratas procurados em minha parede e dava um sorriso comentando comigo mesma. - Um dia vou ter o meu próprio! - Para só então me levantar deixando a cama arrumada.

Ia tomar um banho e logo em seguida ia ver meu querido pai que já estava de cama a alguns dias o comprimentando com uma bandeja com o café da manhã dele em mãos. - Bom dia! - Dando um beijo em sua testa, com um enorme sorriso comentava. - Pai, eu vou pegar o arroz que coletei ontem e levar pra cidade, você consegue ficar aqui sozinho por algumas horas, né? -

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Escutaria com um enorme sorriso o que quer que ele falasse e fazendo um leve cafuné em sua careca sairia me despedindo com a mão levantada. - Eu já volto! Come tudo hein! Deixei avisado com a nossa vizinha, Dona Cherry, ela vai passar aqui pra te dar o almoço e cuidar de você. -  Andaria em direção a saída da casa pegando a foice longa que eu mesma tinha desenvolvido, a jogando acima das sacas de arroz na carroça e me posicionando para fazer com que nosso jegue de estimação a puxasse ao dar o comando com as cordas falando empolgada com o animalzinho. - Bora Pé-de-Aço, a gente tem vai passar no acampamentos dos revolucionários e temos que ir pra Hirotown ainda. -

Sempre que visse alguém na estrada, animada com mais um dia que estava por vir, comprimentaria a pessoa falando seu nome se a conhecesse ou com um simples. - Tenha um bom dia! - Caso não soubesse quem era, o importante naquele momento era seguir meu caminho rumo à célula de revolucionários para entregar o arroz que eles compravam comigo e receber o dinheiro.

Infelizmente eu tinha que fazer tudo sozinha já que tudo que a fazenda gerava ia para cuidar de meu pai e tentar pagar suas dívidas, mas mesmo assim não desanimava, queria que ele tivesse alguma qualidade de vida até o seu último suspiro. “Não vou largar ele por mais que eu queira sair pro mar e ver o mundo, vou continuar trabalhando e me esforçando para que tudo dê certo!” Era o único pensamento que se passava enquanto fazia as tarefas chatas rotineiras de cada dia.

Chegando a célula, diria aos primeiros revolucionários que encontrasse. - Bom diaaa! Estou aqui pra falar com Kurono, tenho uma entrega pra ele… Onde posso deixar a carroça? - A deixaria onde quisessem e esperaria que Kurono viesse receber a entrega, até que não eram maus clientes, embora pegassem alguma quantidade uma ou duas vezes por mês, ainda sim eram uma parte interessante da minha fonte de renda.

Quando o homem viesse, o cumprimentaria como sempre dando um soquinho em seu punho e falando. - Trouxe o arroz desse mês, cinco sacas como sempre, né? - Com ele confirmando, deixaria que seus homens descarregassem a carroça e o perguntaria enquanto isso sobre como iam as coisas. - E aí? Tá tudo meio parado por aqui, né? Pensam em continuar defendendo Conomi? -

Objetivos:
 

Histórico:
 

Feitos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, consistência é o segredo! Só vai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySab 25 Jul 2020, 19:47




narração - escaping mean! run ria, run!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Ria caía em um sono profundo, o barulho das tábuas rangendo, a maresia que a embalava, o cheiro de sal que vinha da água e uma parede cheia de cartazes de piratas.... Pera, o que?! Isso mesmo, aquela garotinha ruiva de 17 anos acordava para mais um dia, animada ao imaginar seu futuro como pirata!

Ela toma seu banho, ficando arrummadinha para sair por ai. Corre até o quarto de seu pai, dando-lhe um beijo e desejando bom dia, avisando sobre seus afazeres. O homem, com a voz meio rouca, a responde com um sorriso.

- Bom dia, minha querida! Já vai tão cedo? Não se preocupe comigo, ficarei bem, esperando seu retorno. Tenha cuidado está bem? - Ele pegava na mão de sua filha fazendo um leve carinho, enquanto ela lhe fazia cafuné com a outra e saia da casa.

Munida com sua foice, ela a joga na carroça e com um pulo, se senta já pegando as rédeas de pé-de-aço, que ao escutar o comando de sua dona, começa a andar. Durante o caminho, a menina ruiva encontrava algumas pessoas, as saudava e a maioria a cumprimentava de volta. Era um fardo pesado que ela carregava, mais do que aquelas 5 sacas de arroz que levava, ter que trabalhar para sustentar a casa e arcar com as despesas da doença de seu pai. Mas isso não a abatia, ela continuava sua vida com um belo sorriso e animação para dar e vender.

Ela finalmente chega em seu destino, sendo saudada por um homem alto e simpático que diz.

- Bom dia Ria!! Pode deixar ali perto dos estábulos mesmo, os homens descarregam as sacas de arroz antes de você ir embora. O Kurono está por lá também!

A renda não era muita, mas já era alguma coisa, não podia reclamar. Avistando o homem enquanto parava a carroça, ela desce com um pulinho e fala com ele.

- Isso mesmo, precisamos alimentar esse batalhão aqui! hehehehe. - Ele dizia apondando com o polegar para trás, onde muitos homens se reuniam para fazer tarefas diárias. - Por enquanto a ação tá diminuída, estamos só de olho mesmo, mas defendendo sempre! E você, como anda? - Ele falava com ela, mas olhava em volta para ver como as coisas estavam no momento.
Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

                                     

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran B. Air
Pirata
Pirata
Fran B. Air

Créditos : 32
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 24
Localização : The Wonderful Land

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySab 25 Jul 2020, 22:33

Dream! Part 2!

Com a pergunta de Kurono, olhava para baixo meio triste e comentava. - Ah, você sabe, o meu pai já não é o mesmo a algum tempo, agora ele só consegue ficar de cama... - Mesmo assim segurava o choro e olhava para ele continuando mais animada. - Mesmo assim, eu tô cuidando dele e fazendo o necessário pra que ele viva bem até seus últimos dias, vou segurar a vontade de ir pro mar por mais um tempinho. Hihi. -

- Acabando aqui eu vou lá em Hirotown, tem uma revenda que eu atendo lá que tá me devendo bem, só espero não ter que usar a força... - Esperaria para ver a reação dele e comentar alegre. - Tô brincando… Tô brincando… Não vou fazer nada se o Myura também não fizer, sabe como ele é estressado e gosta de brigar por qualquer coisa... - Caso ele oferecesse ajuda, colocaria as mãos na cintura de cabeça erguida e diria confiante. - Relaxa, eu dou conta, aquele lá vai me pagar. -

Começaria a mexer nos longos fios ruivos ficando com o rosto meio avermelhado. - Ontem um dos seus homens foi lá em casa falar sobre as ferramentas que foram desgastadas daquele ferreiro, o Tony… Foi mal, realmente usei pra ajeitar a minha foice, ela tava quase cega! E você sabe como ou gosto de manter essas ferramentas conservadas. - Jogaria os cabelos para trás os ajeitando e finalizaria. - Depois faço umas espadas legais pra vocês, pelo preço certo e não me venha dizer que sou careira de novo. Hahaha. -

- Acho melhor deixar você ir fazer suas coisas de revolucionário, acho que o Governo não vai cair sozinho, não é mesmo? - Comentaria estendendo as mãos empolgada para receber o dinheiro e logo em seguida o deixando lá e me dirigindo até o veículo que usava para me locomover. - Depois a gente se fala, Seu Kurono! -

Me sentaria na carroça e assim que tudo fosse descarregado, me despediria dos outros e partiria. - Até mais gente! Precisando de qualquer coisa é só falar! - Meu destino agora seria Hiroton, mais precisamente o Myura’s Seafood. Colocaria o Pé-de-Aço para ir o mais rápido que conseguisse já que agora a carroça estava descarregada daquelas enormes sacas de arroz e bem mais fácil de de puxar. “Bora Pé-de-Aço que eu não tinha tempo a perder já que a Cherry não pode ficar com o pai o tempo todo.” Claro que da mesma forma de quando ia para a Célula, cumprimentaria qualquer um que passasse ao falar. - Bom diaaa! - ou - E aí, tudo beem? -

Chegando em frente ao lugar, amarraria o Pé-de-Aço e pegaria minha foice longa a utilizando como se fosse uma bengala enquanto fosse em direção ao restaurante. Chegando lá, procuraria por Myura e se não o encontrasse perguntaria a algum dos funcionários levemente irritada com a voz elevada sem me importar em chamar a atenção dos clientes. - Oi, tô aqui pra falar com o Myura... - Se indicassem o caminho, o trouxessem até mim ou mesmo se eu o avistasse, começaria a falar. - E aí Myura, vai conseguir me pagar agora? Essa mania sua de dar comida pra galera quando pega muito peixe tá quebrando não só as suas pernas, como as minhas também, sabia? -

Objetivos:
 

Histórico:
 

Feitos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, consistência é o segredo! Só vai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptyDom 26 Jul 2020, 18:12




narração - escaping mean! run ria, run!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Lembrando da situação de seu pai, Ria ficava levemente triste, mas, disfarçando suas emoções continuava a conversa. Kurono, ao ouví-la, logo responde.

- Sei sim, pensei que ele estivesse melhor, mas ele tem sorte de ter uma filha como você, deve se sentir feliz por isso. - Ele dizia em uma tentativa de animar a garota e continuava. - Hirotown ne... Não quer uma mãozinha, ou duas? - Ele dizia fazendo força com os braços para mostrar os músculos, com a resposta da ruiva, ele os abaixa e diz. - Não duvido que dê conta hehehehe. Precisando é so chamar.

Eles continuam a conversa e a menina ruiva acaba confessando que usara as ferramentas para afiar a foice. O homem a encara e diz.

- Ahh, então foi você?! Bem que eu desconfiei, aceito sua proposta, mas terá que fazer um desconto pelas ferramentas hehehe. - Ele dizia sorrindo com os braços cruzados. A menina então se despedia de Kurono.

- O governo precisa de um belo chute nas bolas antes de cair, e a bota que fará isso é a minha!! - Ele ri e logo tateia seus bolsos em busca de uma bolsa com o dinheiro combinado, entregando para Ria e dizendo. - Até mais Ria, vai pela sombra!

Vendo que todo o conteúdo da carroça já havia sido descarregado, ela sobe mais uma vez com um pulinho e pega as rédeas de seu animal. Acenando e dando tchau. Os homens acenavam de volta e se despediam, enquanto viam a carroça sair pelos portões. Ela estava decidida a não perder tempo, precisava logo voltar para casa, com isso, dá um pequeno balançar nas rédeas e grita para pé-de-aço, que relinchando, aperta o passo.

Ela finalmente chega ao restaurante de Myura, amarra pé-de-aço e procura pelo homem. O que não foi difícil de ser feito, ele estava no balcão do restaurante. Quando avista a ruiva, dá um sorriso de medo misturado com simpatia e a reponde.

- Olá Ria, veio comer meu delicioso sushi hoje? Ei, ei, fala baixo, você não quer que as pessoas saibam dos seus problemas ne? - Ele dizia movimentando suas mãos para cima  epara baixo olhando em volta e continuava. - Olha, eu não to com o dinheiro todo aqui, precisei comprar umas coisas para o restaurante, eu tenho que manter meu nome, você entende ne? - Ele diz dando uma piscadinha para ela.

Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

                                     

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran B. Air
Pirata
Pirata
Fran B. Air

Créditos : 32
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 24
Localização : The Wonderful Land

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptyDom 26 Jul 2020, 20:12

Dream! Part 3!

Fechava sutilmente o semblante com o homem tentando desviar o assunto o respondendo. - Não quero sushi, obrigada. Não tô nem aí dessas pessoas saberem da minhas coisas, você sabe porque eu estou aqui. - Com essa fala colocaria as mãos na cintura apoiando a foice em meus e continuaria ainda um pouco alterada respondendo sua última fala. - Claro… Seu nome… Escuta aqui ô seu pescador, eu não tô aqui pra brincadeira, sabia? -

Daria um sorriso sádico e posicionaria minha foice de forma que o cabo dela ficasse entre mim e o homem, onde a lâmina da arma ficasse atrás de seu pescoço embora não esbanjasse nenhuma intenção homicida. - Vai me dizer que você não consegue nem cumprir uma simples promessa? - Aguardaria sua resposta mantendo a confiança e a pose mesmo que ele me atacasse, ficando sempre de cabeça erguida, sabia que não tinha chances contra ele já que eu teoricamente não passava de uma simples fazendeira.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Assim que ele me respondesse, continuar removendo a foice sem o atingir ao falar mais calma. - Façamos assim então, eu vou receber o dinheiro que você tem e você me paga o resto em comida, deve ter bem mais que o bastante para me pagar aí em mercadoria, imagino eu. - Me sentaria em alguma mesa que estivesse desocupada com as pernas cruzadas e a foice escorada para só então finalizar. - Acha que podem me preparar algo? Eu tô cheia de fome. Ah, pode deixar que algum dos seus funcionários preparem. -

“Já comi a comida do Kurono e até eu faço melhor, se a ideia é comer bem, não dá pra deixar ele cozinhar” Pensaria aguardando que ele pedisse que me preparassem a comida. Assim que ela chegasse, sorriria agradecendo pela comida. - Muito obrigada! - E começaria sentindo o cheiro da mesma pronta para a devorar, isso até que tudo ficasse escuro e eu percebesse o que realmente estava acontecendo.

Tudo era apenas um sonho e minha realidade atual era outra, uma cela apertada de kairouseki em um navio rumo à Enies Lobby, onde dois homens chegavam trazendo meu café da manhã. “Han? Foi só um sonho… Com certeza eram tempos mais simples.” Dava aquela leve vontade de voltar para os sonhos, mas não tinha o que fazer, minha realidade era outra e eu tinha que a encarar.

Me levantaria arrumando as longas mechas rubras e olhando diretamente para os marinheiros analisando a situação enquanto os encarasse. “Dois deles e um armado, realmente, se a segurança da prisão era insana, essa aqui tá absurda, mesmo com algemas de kairouseki eles não querem me dar nem uma brecha sequer.” Pegaria a comida e me sentaria recordando de meu pai e meu sonho com um leve sorriso.

- Estava sonhando Senhorita Ria? Está com um sorriso estranho logo cedo... - Comentaria o Mordomo sentado tomando um pouco de chá enquanto segurava um livro, onde o responderia. - Ah é, eu sonhei com o meu pai, ele era um grande homem. - Começaria a comer o que quer que tivessem me trazido para me preparar para meu treinamento diário naquela cela apertada enquanto pensava. "Hum, até que ler parece ser uma boa forma de distração..." Acabando de comer, deixaria o prato na passagem de comida e quando o marinheiro viesse recolher, o perguntaria animada com a ideia que o Mordomo tinha me dado. - Ei, será que não tem alguns livros sobrando? Essa cela é muito chata, sabia? -

Objetivos:
 

Histórico:
 

Feitos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, consistência é o segredo! Só vai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySeg 27 Jul 2020, 13:17




narração - escaping mean! run ria, run!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Irritada com o que acabara de ouvir, ela o responde. Coloca sua foice na nuca do homem, apenas com finalidade de intimidação. Ela pergunta em tom de raiva sobre sua palavra. Os homens que trabalhavam no restaurante avançam em direção à ruiva, porém, Myura apenas ergue sua mão, fazendo sinal para que se contenham e responde.

- Mas eu estou mantendo minha promessa Ria, vou te pagar, só peço um pouco de compreensão, sabe que está difícil para todo mundo, certo? - Ele diz sorrindo, enquanto afasta a foice da menina para o lado. Ouvindo a proposta dela, ele pensa por um instante, colocando a mão no queixo e responde. - Bom, acho que é um ótimo negócio, até porque, minha comida vale bem mais do que esse dinheirinho que você esperava. - Com um gesto de mão, ele manda que um de seus funcionários cozinhem algo para a menina, que esperava sentada em uma mesa.

Sorte a dela que ele não foi cozinhar, pois como muitos sabiam, aquilo não era a especialidade do homem, era melhor que ficasse apenas na pescaria mesmo. O cheiro da comida deliciosa novamente tomava conta dos sentidos dela, preparada para abocanhar o alimento, salivando de fome.... Ela acorda, estava deitada, encarando um teto que rangia com o bater das ondas, é verdade... Não estava em Conomi, seu pai não a esperava em casa, a fazenda não era mais sua responsabilidade e as pessoas do sonho estavam a vários quilômetros de distância.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Afastando sua vontade de retornar ao sonho e à sua antiga vida, ela pega a comida, pensando o quanto aqueles marinheiros eram precavidos com ela. A comida do sonho parecia deliciosa, mas a do navio não ficava para trás, talvez o cheiro que sentiu em seu devaneio tinha vindo dali. Apesar dos pesares, pelo menos a comida era muito melhor do que a do QG de Utopia, muito melhor do que a de muitos lugares, para ser justa. Os marinheiros viviam bem mesmo.

O mordomo falava com a pirata, que sorrindo de maneira distante respondia sobre o sonho que teve. Terminando de comer, ela se preparava para seus exercícios diários e ponderava sobre ler um livro enquanto estivesse presa ali. Os guardas só retornariam na hora do almoço para que ela pudesse conseguir seu passatempo literário, enquanto isso, o que ela faria?

Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

                                     

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran B. Air
Pirata
Pirata
Fran B. Air

Créditos : 32
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 24
Localização : The Wonderful Land

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySeg 27 Jul 2020, 20:27

Prison Break! Part 21!

Sem saber se os marinheiros demorariam muito, começaria a fazer meus exercícios matinais para aproveitando que estava totalmente descansada olhando para o Mordomo e o perguntando. - Vamos treinar juntos? Acho que o tempo deve passar mais rápido do que se cada um fizer coisas diferentes. - Ele dava de ombros e me respondia ao virar sua xícara de chá. - Por que não? Eu já ia começar mesmo... -

Começaria me sentando no chão com as pernas cruzadas e os olhos fechados para me concentrar, então daria início a meditação tentando esvaziar minha mente de tudo que me rodeava e focar apenas em minha respiração onde cronometraria os segundos que levasse em cada expiração e inspiração. Faria isso por cerca de trinta minutos apenas para me preparar mentalmente para o treinamento físico que estava por vir, onde acabando comentaria sarcasticamente com o Mordomo pois já sabia a resposta. - Acha que consegue me acompanhar nos próximos exercícios? -

Então me deitaria para começar as 100 abdominais, flexões e agachamentos de forma que sem me responder o Mordomo me acompanhava também fazendo os exercícios. Acabando, olharia para a cela e calcularia mais ou menos seu tamanho para que pudesse completar os 10 quilômetros correndo dentro dela, eu já estava em um tédio imenso mesmo, então ficando parada ou me desafiando ao correr com algemas de kairouseki não mudaria nada. Ao menos correria até completar as voltas que tivesse calculado ou até que não aguentasse mais.

- Arf… Arf… Estou exausta! - Comentaria com as mãos sobre as coxas estando cansada de tanto correr, me sentaria na cama sem nem me aguentar em pé após beber alguma água da pia. O Mordomo continuaria dando mais algumas voltas até que parasse, ele parecia não se cansar, como se pudesse fazer aquilo infinitamente, me levando a o questionar curiosa. - Você… Arf… Não cansa não, é? - De forma que ele apenas levantasse as mãos levemente para os lados respondendo. - Eu estou morto, então nada muda para mim, não importa o que eu faça, eu acho. -

Reviraria os olhos e deixando o Mordomo de lado, após tomar algum fôlego me aproximaria da cela da minha vizinha para ver como ela estava. “Eu não sei nem como eu não tô surtando nesse lugar, talvez tenha a ver com eu já ser meio surtada, mas como a Dalecorte tá fazendo pra manter a calma?” Puxaria assunto mais por curiosidade que para tentar algo produtivo já que estava literalmente de mãos atadas ali. - Joan? Que que você tá fazendo de bom aí? -

Escutaria atentamente o que a mulher tivesse para me dizer, ela e as minhas alucinações eram praticamente as minhas únicas formas de entretenimento e o que faziam a diferença entre eu enlouquecer de vez e me manter lutando. Com sua resposta, continuaria. - Como você consegue manter a calma e não endoidar presa desse jeito? Sinto que eu tô enlouquecendo aqui e vou fazer algo horrível se não conseguir sair logo... -

Buscaria conforto nas palavras da mulher, para logo depois a deixar fazendo o que quer que fosse ao respondê-la normalmente. - Continua aí, tô pensando em alguma forma da gente sair dessa aqui… Mas não tô tendo nenhuma ideia, eles tão dando zero margens de erro pra gente, é frustrante. - Me sentaria na cama de forma que o Mordomo se levantaria pronto para sair ao dizer. - Vou dar uma volta, já volto. - Onde tentaria cronometrar mentalmente o tempo que ele demorasse esperando o tempo passar me segurando para não bater a testa na parede até a morte de tanta chatice que estava aquele lugar, esperando inclusive os marinheiros para os quais pediria os livros como já havia planejado...

Objetivos:
 

Histórico:
 

Feitos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, consistência é o segredo! Só vai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milabbh
Narrador
Narrador
Milabbh

Créditos : 36
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySeg 27 Jul 2020, 23:23




narração - escaping mean! run ria, run!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Decidida a manter uma rotina para não perder completamente sua sanidade, Ria pergunta se o mordomo gostaria de se juntar a ela. Ele que, por sua vez, aproveitava uma xícara de chá, se sente animado em acompanhá-la. A dupla se senta, apoia os braços sobre as pernas cruzadas e se concentram. A ruiva cronometrava cada segundo de suas respirações, se preparando para a labuta que viria à seguir. Sua intenção de meditar por 30 minutos foi bem sucedida, olhando em seu relógio, ele apontava que o tempo exato havia se passado. Então os dois seguem para a próxima fase.

Ela deitava, seus sedosos fios ruivos enfeitavam o chão da cela e ela começava com 100 abdominais, logo seguia para as flexões e agachamentos. Contudo, algo estranho acontecia, a pirata sentia uma fraqueza extrema, algo muito mais forte do que ela. Ainda bem que já estava no chão, pois, se estivesse de pé, com certeza cairia. O esforço fora demasiado, ela estava exausta, gotículas de suor se acumulavam na linha de seu cabelo, ela deitava novamente, confusa com aquilo. A verdade é que a quantidade de Kairouseki por ali era absurda para que ela aguentasse, ainda mais com a quantidade de exercícios que pretendia fazer.

Ainda deitada ela arfa, o ar parecia pesado, difícil de respirar. Ela arranja forças para falar com o mordomo, que com muita graça responde sobre seu estado. Lembrando de sua vizinha, Ria decide falar com ela. Parando para pensar, Joan também era uma usuária da fruta do diabo, provavelmente também sentia os efeitos daquela prisão.

- Cara.... Eu tô na merda, me sentindo fraca , quase não saio da cama mais. - Ela dizia com a respiração pesada, sua voz parecia distante, provavelmente estava deitada na cama. Continua ouvindo Ria e reponde. - Sinceramente...? Acho que me acostumei com isso, estou presa há tanto tempo que perdi as esperanças, talvez o segredo para não enlouquecer seja a falta de opções. Fazer algo horrível? O que? Você só pode fazer algo contra si mesma nessa situação.

As palavras da mulher ressoavam na cabeça da ruiva, será que aquele era mesmo o fim? A falta de esperança naquilo tudo era de enlouquecer até os mais sãos. Mesmo com vários planos criados, todos foram esmagados pela marinha, e agora ainda tinha o comodoro, a segurança rígida e estavam em alto mar, a situação não era nada favorável para nenhuma delas. Sentando-se no chão, Ria começa a bater sua cabeça contra a parede mais próxima, sendo surpreendida por dois marinheiros, que olhavam aquilo e falavam.

- Mas que...? - O primeiro guarda, que apontava sua arma para Ria, falava.

- O que você está fazendo detenta?! - Dessa vez uma mulher dizia, indo em direção ao prato do café da manhã, afim de trocá-lo pelo novo, com seu almoço.

Histórico:
 

Imagens:
 

Considerações:
 

Off:
 

                                     

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran B. Air
Pirata
Pirata
Fran B. Air

Créditos : 32
Warn : Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 24
Localização : The Wonderful Land

Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 EmptySeg 27 Jul 2020, 23:54

Prison Break! Part 22!

Escutando Delacorte, não a respondia, o sentimento enlouquecedor só ficava mais forte. “Eu só queria matar todo mundo e fugir, é pedir demais? Brincadeira... Ou não? Brincadeira.” Eu nem ia bater a cabeça, mas eu já estava fora de mim mesmo pelo jeito e não sabia mais o que estava fazendo, para um espírito livre como eu ficar presa daquela forma era com certeza o pior cenário possível, como se não tivesse uma vida para viver.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Apenas quando os marinheiros chegaram que eu percebi o que estava acontecendo e recobrei a consciência percebendo o que estava fazendo à mim, de forma que me levantaria dando alguns tapinhas verticais no macacão laranja que usava como se estivesse tirando a poeira. Já de pé, agindo como se nada tivesse acontecido, os responderia após uma leve tosse enquanto esfregava minha testa. - Cof… Cof… Nada não… Nada não… Mas... -

Me aproximaria deles ainda como se não tivesse acontecido nada de anormal com um delicado sorriso e com minha doce voz os questionaria. - Eu queria conversar com o Comodoro um pouco, será que ele não vai vir mais? Adoraria beber um pouco de chá e falar com ele... - Enquanto o fizesse daria uma olhada para a chaleira do Mordomo com um pouco de inveja rapidamente, mas logo voltando meu olhar para a marinheira, de forma que logo em seguida alisasse meus reluzentes cabelos ruivos como se fosse apenas uma garota qualquer que não demonstrava o menor sinal de perigo.

Eu precisava de alguma forma de entretenimento naquele lugar, senão provavelmente enlouqueceria e começaria a bater a cabeça de novo do nada ou coisa pior. O problema é que muito provavelmente o único que poderia me ajudar com isso era o Comodoro e por mais que eu não quisesse utilizar do entretenimento para fugir, talvez ele quisesse ser precavido ao ponto de não deixar que eu fizesse nada.

Imaginava até onde iria a bondade daquela pessoa. “Até chegar no navio do comodoro, acho que eu nunca tinha comido tão bem… Ele certamente leva comida boa muito a sério, mas eu só queria alguns livros, será que isso é pedir demais? Não tenho ideia. A comida que seria o básico ou sua atenção quando solicitada ele deu, mas um extremo que seria me deixar ficar próxima de Yue e Boujin ele negou na hora...” Tinha que ter uma noção de até onde iria a caridade do Comodoro, sabendo disso, talvez desse até para criar algum plano de fuga em cima.

Se os marinheiros se recusassem em o chamar, tentaria os ameaçar ao falar expressando uma ar sádico tanto em meu rosto quanto em minha voz. - Tem certeza que não vão chamar ele? O que acham que vai acontecer quando ele souber que vocês se negaram a isso? - Tinha quase certeza de que os marinheiros me escutariam e o chamariam, mas se ainda sim se recusassem, continuaria apontando para minha testa machucada por causa das batidas. - Será que ele vai gostar de saber que uma de suas preciosas prisioneiras perdeu a sanidade e bateu a cabeça até a morte por não ser agraciada com a presença dele? -

Lamberia os lábios para que os marinheiros soubessem que eu falava sério, por mais que não tivesse nada de sério nisso já que como todos sabem, eu sou “S” e não “M”. Com minha fala, me sentaria de pernas e braços cruzados em frente às grades e esperaria pelo comodoro confiante de que ele ouviria meu chamado, sendo que não deixaria que ele saísse de lá sem escutar algumas poucas e boas.


Objetivos:
 

Histórico:
 

Feitos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, consistência é o segredo! Só vai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Escaping Mean! Run Ria, Run!   Escaping Mean! Run Ria, Run! - Página 5 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Escaping Mean! Run Ria, Run!
Voltar ao Topo 
Página 5 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Grand Line - Paradise (Paradaisu) :: Utopia-
Ir para: