One Piece RPG
Vincent Kjellberg XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» A primeira conquista
Vincent Kjellberg Emptypor Rangi Hoje à(s) 05:10

» Bitch Better Have My Money
Vincent Kjellberg Emptypor Kylo Hoje à(s) 03:54

» Pequeno Gigante
Vincent Kjellberg Emptypor Teo Hoje à(s) 00:53

» Um novo recruta: o nome dele é Jack!
Vincent Kjellberg Emptypor Teo Hoje à(s) 00:53

» Vol 1 - The Soul's Desires
Vincent Kjellberg Emptypor Arthur Infamus Ontem à(s) 23:47

» VIII - The Unforgiven
Vincent Kjellberg Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 23:41

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Vincent Kjellberg Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 23:28

» [MINI-*Kan Kin*] *Uma vida de merda*
Vincent Kjellberg Emptypor Shideras Ontem à(s) 23:25

» [MINI-Koji] Anjo caído
Vincent Kjellberg Emptypor Makei Ontem à(s) 22:53

» [M.E.P] Koji
Vincent Kjellberg Emptypor Makei Ontem à(s) 22:52

» ZORO
Vincent Kjellberg Emptypor Makei Ontem à(s) 22:52

» The Hero Rises!
Vincent Kjellberg Emptypor Achiles Ontem à(s) 21:03

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Vincent Kjellberg Emptypor Furry Ontem à(s) 20:16

» 11º Capítulo - Cataclismo em Skypeia!
Vincent Kjellberg Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 19:46

» Capitulo II: Sangue e navalhas! O Golpe em Las Camp
Vincent Kjellberg Emptypor Kiomaro Ontem à(s) 19:08

» Um Destino em Comum
Vincent Kjellberg Emptypor Jean Fraga Ontem à(s) 18:59

» Kit - Jinne
Vincent Kjellberg Emptypor GM.Jinne Ontem à(s) 13:17

» [LB] O Florescer de Utopia III
Vincent Kjellberg Emptypor GM.Midnight Ontem à(s) 13:07

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Vincent Kjellberg Emptypor Fran B. Air Ontem à(s) 13:05

» Meu nome é Mike Brigss
Vincent Kjellberg Emptypor Oni Ontem à(s) 10:27



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Vincent Kjellberg

Ir em baixo 
AutorMensagem
ADM.Senshi
Mercenário
Mercenário
ADM.Senshi

Créditos : 10
Warn : Vincent Kjellberg 10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 26

Vincent Kjellberg Empty
MensagemAssunto: Vincent Kjellberg   Vincent Kjellberg EmptyQua 10 Jun 2020, 02:14


~ PESSOAL ~

Nome: Vincent Kjellberg
Idade: 22 anos
Altura: 1,72m
Peso: 67 kg
Mão predominante: Ambidestro
Sexo: Masculino
Raça: Celestial
Tamanho/Espécie: Normal
Origem: Akaihane Island - Ilha Celestial
Localização: East Blue - Gecko Islands
Grupo: Civil

~ ATRIBUTOS ~

LEVEL: 1
EXP: 10/25
BERRIES: 50.000
BANCO: 0

HP: 44
SP: 62

DANO: 4 (+2 Racial)(+2 EDC) = 8
ACERTO: 2 (+2 Racial)(+2 EDC) = 6
PONTARIA: 0
ESQUIVA: 2 (+4 Racial)(+2 EDC) = 8
BLOQUEIO: 0
RESISTÊNCIA: 2
VELOCIDADE DE ATAQUE: 3


KENBUN-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

BUSOU-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

~ ESTILOS DE COMBATE ~

Citação :
Estilo de Combate: Boxeador
LEVEL DE COMBATE: 1
EXP DE ESTILO: ~PRIMÁRIO NÃO POSSUI EXP~

~ Perícias ~


Citação :
• Anatomia Humana
Você possui conhecimento sobre o funcionamento do corpo humano tanto externamente quanto internamente, reconhecendo desde o desempenho dos órgãos, a composição genética humana e a localização dos órgãos.

• Diagnose
Você sabe dizer se uma pessoa está doente, reconhecer a doença e determinar a maneira de curá-la conhecendo os nomes dos remédios e até mesmo algumas curas naturais que não sejam de grande complexidade. Sabendo prever também a evolução dos sintomas.

• Primeiros Socorros
Você sabe fazer curativos, reduzir fraturas, deter sangramentos e outras coisas que se deve fazer ou não fazer em caso de acidentes com vítimas.

~ Ofícios ~

Citação :
• Médico
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ FAMA & REPUTAÇÃO ~


Photoplayer:
Spoiler:
 
Alcunha:
Recompensa:
Citação :
LINK DOS JORNAIS:

~ AKUMA NO MI ~


Citação :
Nome:
Tipo:
Energia:
Bonificação:

~ EQUIPAMENTOS ~

• ARMA(S)
Nome:
Dano:
Requerimentos:
Custo:

• CABEÇA
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• TRONCO
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• BRAÇOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• MÃOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PERNAS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PÉS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

~ INVENTÁRIO~


(MÁXIMO DE 10W)





~ EMBARCAÇÕES ~

Nome:
Tipo:
Descrição:
Velocidade:
Número de tripulantes máximos acomodados:
Lotação máxima no transporte:
Número de ilhas sem precisar reabastecer:
HP:
Canhões:

~ TÉCNICAS ~


• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ TÉCNICAS SUPREMAS ~


• -X-
• -X-
• -X-


~ EXTRAS ~

APARÊNCIA: Vincent é um celestial de pele branca como a neve e estatura mediana. Seu corpo é definido devido aos seus treinos. Seus olhos são levemente puxados e são de um amarelo brilhante e hipnotizante, que combinados com seus cílios grossos e escuros e suas sobrancelhas que parecem asas, dão um ar sedutor para o rapaz. Além disso, embaixo de seus olhos, existem duas marcas de nascença, dois pequenos triângulos que apontam em direção ao seu nariz, como se fossem as marcas de uma ave de rapina.

Seu cabelo é loiro e brilhante, com ondas que escorrem da frente de sua cabeça até a nuca. Algumas mechas rebeldes por vezes caem em seu rosto, o que o faz utilizar uma tiara quando em momentos mais relaxados.

O nariz é pequeno e delicado, assim como todo o resto de seu rosto, que contrasta com os olhos de um predador. Em seu queixo, um fino e ralo cavanhaque, que demonstra sua jovialidade.

Sendo um celestial, Vincent tem também asas. Belíssimas asas de plumas avermelhadas, que chamam muita atenção quando exibidas. Vincent costumava utilizar roupas largas e escuras para tentar esconder suas belíssimas asas de pessoas mal intencionadas, mas com o passar dos anos, foi perdendo esse hábito, passando a deixá-las livres, mas sempre bem encolhidas junto ao seu corpo.

PERSONALIDADE: Vincent é extremamente parcimonioso. Sua voz é grave, mas muito serena e tranquila. Soa sempre como a voz de alguém que tenta acordar uma outra pessoa delicadamente. Sua calma é tão presente que as vezes faz com que o jovem pareça arrogante, como se desprezasse das pessoas ao seu redor, mas na verdade é o contrário. É respeitoso e sabe exatamente quando tem de falar e quando tem de ficar calado. Apesar de sua voz delicada e de saber ser respeitoso, adora um palavrãozinho sempre que pode. Mesmo sendo parcimonioso e parecendo meio distante em alguns momentos, Vincent adora conversar e muitas vezes exagera em suas caretas e adora fazer um dramalhão, algumas vezes na brincadeira, e algumas outras sem nem perceber. Mas mesmo fazendo tais coisas normalmente, não significa que ele seja bom nisso.

Vincent é justo. Ele entende que essa visão de "bem e mal" que as pessoas tem é absurdamente deturpada e que ela raramente se dá de forma simples. Não acredita na justiça da marinha, não só por suas experiências ruins com marinheiros, mas pelas próprias atitudes que a mesma tem.

Vincent é cauteloso. Adora um desafio, ainda mais quando o desafio é uma luta contra alguém mais forte, mas isso não significa que ele caia de cabeça em qualquer enrascada. Em situações de desvantagem, procura sempre uma maneira de conseguir dar a volta por cima, de preferência sem se dar muito mal.

Vincent é extremamente leal. É difícil conquistar a plena confiança do celestial, mas quando ele confia em alguém, ele confia com a alma. E na verdade essa é a razão de sua vontade de ser o mais forte. Vincent quer ser o mais forte pra não precisar se sacrificar para proteger alguém.

Vincent é confiante. Acredita com firmeza que pode se tornar alguém grande, o mais forte de todos. E todas as suas ações o guiam para o caminho do poder. Vincent quer mostrar para o mundo que o poder só corrompe os fracos e que pessoas boas podem sim ter um coração bom.

HISTÓRIA: Vincent nasceu em Akahane Island, uma ilha no céu. A ilha, extremamente isolada, nunca recebia nenhum visitante já que sua knock up stream que se ativava apenas a cada vinte e cinco anos. Isso acontecia também porque os nativos de Akahane tinham medo de ser saqueados e escravizados por serem diferentes de humanos normais e para se defender, fizeram barricadas e mecanismos para jogar qualquer intruso de volta ao mar. Vincent não se recorda muito bem de seus pais, visto que sofreu um incidente quando muito jovem, aos sete anos, que o jogou para fora da ilha.

Quando pequeno, Vincent era muito curioso, adorava fazer experimentos e vivia perguntando sobre tudo e todos para seus pais. Em Akahane, havia uma lenda que dizia que um monstro habitava os limites da ilha celestial, capturando e comendo todos os seres que se atrevessem chegar perto de seu "habitat". A lenda, na verdade, servia apenas com o propósito de manter as crianças longe das bordas, por onde poderiam cair no mar. Vincent, curioso e teimoso, não ligava muito pra lenda, crendo ser poderoso o suficiente para derrotar o monstro e livrar a ilha de seus males. Então, foi rumo aos limites da ilha flutuante, onde explorou e procurou pelo monstro incessantemente. No momento em que percebeu que estava ficando tarde, Vincent decidiu voltar para casa, mas antes, quis dar uma olhada no que tinha nos limites da ilha. Se dependurou nas nuvens, observando o mar azul lá embaixo, se estendendo por todo o seu campo de visão. Mas não estava satisfeito, então se pendurou ainda mais nas bordas da ilha, querendo observar o que tinha embaixo da ilha, quando... uma lufada de vento derrubou uma árvore próxima a ele, fazendo um baque estrondoso, que o assustou, fazendo-o se desequilibrar e... Cair em queda livre, em direção ao mar azul.

Ao invés de se assustar com toda situação, o jovem garoto abriu um sorriso tão grande que mal cabia em seu rosto, a sensação do vento batendo seu rosto, o cheirinho de mar ficando mais e mais forte, a vista magnífica do sol se pondo e uma ilha, uma belíssima e cheia de vida, que estava abaixo de Akahane; Tudo isso fez o coração do garoto acelerar de excitação, visto que nunca havia experimentado nada do tipo nem visto o mundo além de Akahane. Graças as suas peripécias, Vincent sabia cair como ninguém. Vivia subindo na torre do relógio de Akahane e pulando lá de cima, para o desespero de todos os espectadores. Quando estava próximo ao chão, abria suas pequenas asas vermelho-escuro que davam a ele o controle da queda, então ajeitava seu corpo no ar e as asas faziam o resto acontecer. Vincent então planava calmamente e pousava com a maior naturalidade do mundo, o que deixava todos boquiabertos, já que mesmo com asas, nenhum deles conseguia realizar tal façanha. O garoto então, fez o que sabia fazer de melhor, mesmo com a morte iminente. Quando estava chegando perto do mar, abriu suas asas e planou, em direção a ilha que havia avistado em sua queda celestial. Apesar de conseguir planar por alguns segundos, Vincent não conseguiu se sustentar por muito tempo, caindo no mar. Obviamente, ele não sabia nadar e rapidamente se afogou, perdendo a consciencia.

O garoto acordou. Não conseguia ver nada, ouvir nada. Tossiu um pouco de água. Pensou até que estava morto e que o pós vida era simplesmente uma escuridão. Tossiu um pouco mais de água e tentou se mexer, mas falhou miseravelmente. Percebeu então que seus braços estavam algemados e seus pés presos por correntes. Seus sentidos ainda estavam se recobrando quando ele finalmente vomitou toda a água que havia ingerido no mar. Piscou forte para tentar enxergar algo, mas tudo ainda estava escuro. Aquele lugar apertado, a sensação de não conseguir se mexer começaram a apertar o coração do jovem celestial, que gritou por socorro por horas. Ninguém veio o salvar. Então adormeceu mais uma vez. Quando acordou, o mesmo cenário. E a cena se repetiu por mais algumas vezes, até que alguém apareceu. Uma portinhola se abriu, deixando uma luz forte adentrar o minúsculo compartimento onde estava preso. "Você deve tá com fome, né? toma" -Disse a figura ofuscada pela luz, entregando um pão e um copo d'água. "você será vendido amanhã para um colecionador, então faça o favor de CALAR A PORRA DA BOCA E COMER." No dia seguinte, a portinhola se abriu novamente e novamente a luz fez com que fosse difícil enxergar. Com um tranco, foi puxado pela figura ofuscada. Então, percebeu que estava em um navio, cercado de piratas curiosos cochichando sobre suas asas. Um balde de água foi despejado em sua cabeça. Os piratas então o esfregaram com sabão e então jogaram água mais uma vez. Deram-lhe uma calça beje e só. Mantiveram-no algemado. Olhou para o céu e já não conseguia mais ver a base de Akahane, não sabia onde estava, nem quantos dias haviam se passado desde sua queda. Então, depois de alguns minutos, o colecionador chegou. Depois de uma pequena vistoria do estado do jovem celestial, Vincent foi transferido de navio e novamente encarcerado, dessa vez num compartimento ainda menor. E ficou nessa agonia por três meses. Dessa vez, Vincent sabia conseguia saber o tempo que passava quando a portinhola de seu compartimento era aberta para que sua alimentação fosse entregue. Quando aberta, era possível ver o céu ao longe e verificar a posição do sol. Diferente do navio anterior, neste, o jovem era alimentado diariamente, o que ajudou com sua contagem de tempo.

Então, três meses exatos após seu confinamento, o navio atracou em uma ilha. Já psicológicamente abalado, Vincent mal conseguia olhar nos olhos de alguém, só falava quando lhe era solicitado e só desejava tirar aquelas correntes de si mesmo e correr para longe. Fora encarcerado novamente, dessa vez na casa do colecionador e por um doloroso ano inteiro. Dia após dia, Vincent matutava sua fuga, até que certo dia, devido ao seu bom comportamento, o colecionador tirou as correntes do celestial. Então, esperou até a noite, espreitou até o quarto do colecionador e o matou sufocado com o próprio travesseiro. Era o que vinha desejando fazer desde que fora engaiolado e sua inocência fora destruída com tal ato. Comeu tudo o que pode e então correu a toda velocidade em direção ao porto. Subiu no primeiro navio que pôde, escalou até a cesta da gávea e se escondeu. Com o sol nascendo, o navio zarpou, rumo a uma outra ilha. Alguns dias depois, após avistar terra, Vincent saltou da cesta e planou até a ilha, ouvindo os gritos dos piratas lá no navio. "Que porra foi essa? TINHA UM CLANDESTINO NO CARALHO?!" O celestial, após pousar, correu e se escondeu e repetiu o processo de ser clandestino no navio por mais um ano inteiro.

Agora, aos nove anos, Vincent finalmente chega a Gecko Islands, no East Blue. Cansado de ficar pulando de navio em navio, Vincent decide que irá morar na ilha, mesmo que se torne procurado por seus pequenos delitos cometidos para tentar sobreviver. Seus delitos se estendem até os seus doze anos, quando um desses pequenos crimes é visto por alguém especial. Vincent, que nessa época roubava no porto, avistou um grande navio pirata que parecia carregar muitos tesouros e comida. Então, em plena luz do dia, invadiu a grande embarcação. Alguns minutos depois, pulou de cima da proa e planou até o cais, aos gritos do capitão do navio. "EI SEUS IMBECIS, PEGUEM ESSE LADRÃOZINHO DE MERDA!". Um brutamontes apareceu de repente e agarrou o pequeno celestial pelo pescoço, mas com a calma de alguém que já havia passado por algo semelhante inumeras vezes, o jovem acertou um chute certeiro no queixo do brutamontes, fazendo-o cambalear e soltar seu pescoço. Vendo que haviam mais alguns piratas ao redor, o pequeno celestial apanhou a espada da bainha do brutamontes e correu em direção a um dos piratas, que tentou acerta-lo, mas falhou miseravelmente, levando um golpe de espada bem no meio do rosto, caindo no chão, agonizando. Vincent então largou a espada e saiu correndo em direção ao centro da cidade. Atrás dele, um ser até então desconhecido, o perseguiu até seu esconderijo. Ao encontrar o pequeno Vincent, a figura desconhecida tratou logo de falar. "Você é um larapiozinho bem esperto, não é?" e Vincent respondeu de forma simples. "Se eu não me arriscar, morro de fome." A figura se encolheu, como se tivesse se sentido terrível ao ouvir isso. Os dois então começaram a conversar. Continuaram assim por tanto tempo que o sol já começara a se pôr. "Você é uma criança incrível, Vincent. Seu potencial é totalmente desperdiçado numa vida como essa." Disse a figura. "E o que exatamente você espera que eu faça?" Disse Vincent, calmamente. "Não é como se alguém tivesse o coração bom o suficiente pra me tirar dessa vida de merda." Disse Vincent, olhando para a figura e percebendo que a mesma dava um sorriso caloroso. "Vamos, eu resolvo isso. Vou te tornar alguém respeitável."

Então, aos doze anos, cinco anos depois de cair do céu, Vincent finalmente achou um lugar onde pôde encontrar o amor novamente. A figura que Vincent havia conversado, era nada menos que William Amadeus Asiimov, um dos grandes médicos das ilhas Gecko. O celestial, passou então a viver com a familia de William, que o adotou como se fosse um filho. Durante o tempo em que viveu com a familia Asiimov, Vincent aprendeu a arte da medicina diretamente de William, mas não abandonou a paixão que criou pelo combate. De dia, aprendia a medicina e a noite, fugia da residencia Asiimov para treinar com o armeiro da cidade, sempre testando armas novas, mas nunca deixando de treinar seus punhos ligeiros. Seu treinamento de medicina se estendeu até seus vinte anos, quando uma tragédia aconteceu.

Aos vinte, numa cirurgia complicada que William realizava, o paciente infelizmente não resistiu e faleceu. A familia do paciente, influente nas ilhas, inconformada com a morte de um de seus integrantes, reportou o ocorrido para a marinha, que julgou William culpado e o condenou a morte. Vincent tentou incessantemente tentar fazer os marinheiros mudarem a sentença, mas foi em vão. William fora executado na praça da cidade, deixando a familia e Vincent inconsoláveis. O ódio pela marinha por conta da injustiça tomou o coração do jovem celestial, que decidiu no momento em que viu a vida de seu mentor se esvair, que ia se tornar um pirata, o mais forte deles, e iria destruir a marinha.

Vincent treinou por mais dois anos, até decidir que estava pronto para se jogar no mar, pronto para descobrir o mundo e por último, mas não menos importante pronto para se tornar o mais forte e destruir a marinha de uma vez por todas.


~ VANTAGENS E DESVANTAGENS ~


Vantagens:
• Ambidestro (1 ponto)
Você possui um elevado nível de destreza manual, podendo executar tarefas com as duas mãos/pés sem sofrer penalidades.

• Temperamento Calmo (1 ponto)
Você é naturalmente calmo e dificilmente perde o controle; fazendo o seu personagem ser um mestre ao lidar com situações tensas e de difícil resolução.

• Noção Exata do Tempo (1 ponto)
Você tem uma noção de tempo inata e é capaz de estimar a passagem do tempo com exatidão, sem usar relógios ou outros instrumentos mecânicos.

• Aerodinamicidade (1 ponto; exclusivo para Celestiais)
Em alguma parte da sua vida você aprendeu a dominar suas asinhas melhor do que os demais membros de sua raça. Você pode usá-las para evitar grandes quedas e planar por alguns segundos através de pequenas distâncias, utilizando-se de impulso e pura aerodinâmica.

• Adaptador (2 pontos)
Você tem noções básicas de uma grande variedade de estilos de luta, talvez não de todos, mas a noção geral lhe permite utilizar o básico de cada EDC INICIAL do fórum. Sua capacidade obviamente não se compara a mestres dos estilos, mas lhe abre um leque de possibilidades diversas quando em combate, permitindo assim uma maior facilidade de adaptação.



Desvantagens:
• Trauma Profundo (2 pontos)
Spoiler:
 

• Fobia (2 pontos) 
Spoiler:
 

~ PERSONAGENS CONHECIDOS ~


PLAYERS:
 

NPC's Importantes:
 

NPC's Criados:
 

~ AVENTURAS CONCLUÍDAS ~

------------------

Link da ficha anterior ou da Mini-Aventura concluída:
Aqui

____________________________________________________


Vincent Kjellberg BgSDAYZ

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Vincent Kjellberg Ali_e_Shi_final
Voltar ao Topo Ir em baixo
Torugo
Membro
Membro
Torugo

Créditos : 5
Warn : Vincent Kjellberg 10010
Data de inscrição : 28/05/2020
Idade : 19

Vincent Kjellberg Empty
MensagemAssunto: Re: Vincent Kjellberg   Vincent Kjellberg EmptyTer 07 Jul 2020, 12:01

Então, acho que por eu ainda não ter terminado uma pagina de posts na aventura eu posso fazer uma modificação na ficha, certo? (Se eu não puder, só ignora e apaga essa msg)

Aventura sem a página completa:
https://www.onepiecerpg.com/t45697-capitulo-i-i-want-to-fly-away#413852

Eu só queria acrescentar uma coisa na personalidade do personagem, que na real só percebi pq me falaram. A descrição atual não fala isso explicitamente, mas deixa brecha pra entender que por ser "extremamente calmo" meu personagem pode dar a impressão de ser antissocial. Por isso, lá no primeiro parágrafo da personalidade, você poderia, por favorzinho, adicionar o seguinte:

"Mesmo sendo parcimonioso e parecendo meio distante em alguns momentos, Vincent adora conversar e muitas vezes exagera em suas caretas e adora fazer um dramalhão, algumas vezes na brincadeira, e algumas outras sem nem perceber. Mas mesmo fazendo tais coisas normalmente, não significa que ele seja bom nisso."

Obrigadin
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Noskire
Civil
Civil
ADM.Noskire

Créditos : 62
Warn : Vincent Kjellberg 10010
Masculino Data de inscrição : 22/02/2012
Idade : 28
Localização : Limbo

Vincent Kjellberg Empty
MensagemAssunto: Re: Vincent Kjellberg   Vincent Kjellberg EmptyTer 07 Jul 2020, 21:28

Atualizado. Vincent Kjellberg 3997999705

____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Vincent Kjellberg Empty
MensagemAssunto: Re: Vincent Kjellberg   Vincent Kjellberg Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Vincent Kjellberg
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Arquivo de Fichas :: Civis-
Ir para: