One Piece RPG
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Que tal um truque de mágica?
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 03:17

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 01:58

» O catálogo continua, Baterilla a cidade da beleza
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor maximo12 Hoje à(s) 00:00

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Licia Ontem à(s) 23:32

» Seasons: Road to New World
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Volker Ontem à(s) 22:37

» Vol 1 - The Soul's Desires
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Arthur Infamus Ontem à(s) 22:08

» VIII - The Unforgiven
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 22:00

» The Hero Rises!
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 21:56

» The One Above All - Ato 2
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 20:53

» Cortes e Tiros, resgate na ilha das aranhas!
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Achiles Ontem à(s) 20:49

» Bakemonogatari
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Milabbh Ontem à(s) 20:39

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 20:25

» Ato 157: Se eu quisesse tua opinião, Eu tirava na Porrada
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Dante Ontem à(s) 19:52

» [MINI-DoflamingoPDC] A pantera negra da ilha montanhosa
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Makei Ontem à(s) 19:43

» [Mini - Nice] A espada que dorme.
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:35

» [M.E.P] Nice
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:34

» [Mini] Albafica Mino
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Makei Ontem à(s) 19:16

» [M.E.P] Albafica
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Makei Ontem à(s) 19:15

» A primeira conquista
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor Rangi Ontem à(s) 18:19

» A Ascensão da Justiça!
Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Emptypor K1NG Ontem à(s) 16:26



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap.1 - O primeiro passo!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Senshi
Mercenário
Mercenário
ADM.Senshi

Créditos : 10
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 26

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyTer 02 Jun 2020, 13:17

Relembrando a primeira mensagem :

Cap.1 - O primeiro passo!

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Jin Ryuji. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] / [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Kallieel
Soldado
Soldado


Data de inscrição : 07/06/2012

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyQui 18 Jun 2020, 19:34

UM NOVO AMANHÃ

A festa que rolou noite à dentro animou Ryuji de uma forma que poucas vezes acontecera. O jovem aproveitou tudo o que podia, bebendo, cantando e dançando, mesmo de forma não muito sincronizada. Havia sido realmente uma ótima noite que não deixaria sua mente tão cedo, mesmo que com alguns lapsos temporais.

Quanto a sua pergunta ao taverneiro, a resposta havia sido negativa, porém Ryuji ainda sim indagaria ao homem - Teria pelo menos um banheiro? Gostaria de jogar pelo menos uma água no rosto - diria com um sorriso no rosto - Não é todo dia que nos apresentamos na Marinha… Gostaria de estar minimamente apresentável.

Independentemente da resposta, continuaria puxando papo com o taverneiro. Sem parecer muito incisivo, tentando parecer como se fosse uma conversa casual, perguntaria informações sobre Thala. Diria algo como - Faz tempo que o senhor tem o bar aqui? - caso percebesse que o homem abriu liberdade para isso, perguntaria sobre o governo do local, fazendo paralelos com o governo de sua própria terra, perguntaria sobre a Marinha e se existiam muitos ataques de piratas. Informações e notícias que fossem de senso comum da população.

As horas que se seguiriam só serviriam para aumentar a ansiedade do jovem, mas não havia nada a fazer a não ser esperar o dia clariar. Quanto a Roam e os seus ex-companheiros de viagem, Ryuji retribuiria os cumprimentos, apertando fortemente a mão do homem de cabelos rosa, dizendo - Boa sorte em seus objetivos também! Em seguida, caso a resposta do taverneiro fosse positiva quanto ao banheiro, iria ao local jogar uma água no rosto e pentear o cabelo. Se olharia no espelho, caso tenha um, e quando julgasse que estava com uma aparência boa, voltaria ao bar.

Por volta de meia hora antes do nascer do Sol, o jovem se despediria e sairia. Gostaria de procurar algum local alto onde pudesse observar o nascer do Sol de forma tranquila. Caso o clima estivesse limpo, e encontrasse um local que tivesse uma vista boa, algo como um mirante ou talvez um cais perto do porto, aproveitaria para apreciar o momento, pensando em que aventuras a vida o traria a partir daí.

Em todo o caso, quando o dia já tiver se formado, e estiver claro o suficiente, o jovem começaria sua busca ao Quartel da Marinha. Se lembraria dos Marinheiros que havia encontrado no dia anterior no porto, e pensaria que talvez seria o melhor local para ir, talvez fosse o melhor local para pegar informações de que local se encontraria o Quartel. Em todo o caso, se encontrasse um marinheiro, diria - Bom dia! Poderia me informar para que lado fica o QG? Estou buscando me alistar, porém não sei chegar até lá... - se fosse algum civil, faria apenas a primeira parte da pergunta.

Histórico:
 

Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Tonikbelo
Civil
Civil
ADM.Tonikbelo

Créditos : 74
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/11/2011

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptySex 19 Jun 2020, 21:55

Tinha sido uma noite e tanto, algo que provavelmente Ryuji se lembraria por muito tempo, mas, como tudo que era bom não durava pra sempre, as horas se passavam e estava quase na hora de ir para o Quartel. Como o taverneiro tinha lhe respondido antes que existia um banheiro no lugar, além de contar a ele que sempre morou ali e que o bar era mais velho do que ele pois pertenceu a seu pai, o rapaz aproveitava o momento após a despedida de seus ‘’companheiros de viagem’’ para se preparar um pouco antes de se apresentar a uma organização como a Marinha, afinal, aquela farra tinha lhe rendido uma cara não muito apresentável e lavar o rosto e consertar do jeito que dava o seu cabelo ajudaria-o a ter uma aparência um pouco mais apresentável.

Como faltava algum tempo, sua ida inicial tinha sido a um lugar que poderia ver o nascer o sol. Um pico de pedra, próximo ao porto, local que ele sabia ir pois tinha vindo de lá, era onde também posteriormente ele sabia que encontraria alguns marinheiros e poderia finalmente perguntar a algum deles como chegar ao Quartel da Marinha daquele lugar e realizar o seu alistamento.

O soldado escolhido por ele para perguntar era um cara alto e magro, portava as vestes tradicionais. Calça azul, camisa branca e boné, carregando um rifle. Ele também parecia trabalhar no porto e aparentemente tinha trabalhado por ali pela madrugada.

-Ah... não é muito longe daqui. Qual seria o motivo? Perguntava ele em resposta ao questionamento de Ryuji. –De todo modo estou indo pra lá, meu turno está quase terminando. Se quiser vir será mais fácil saber o caminho. Mas me diga... aparentemente não é daqui, pois não sabe onde fica o Quartel. Qual seu nome? Vem de onde? Perguntava ele tentando manter alguma conversa pelo caminho.

Se  Ryuji optasse por acompanhá-lo até o Quartel veria que o caminho não era complicado e o lugar também não ficava muito longe dali, na verdade era bem perto do porto. Quase a mesma distância até o bar, mas na direção oposta. As ruas mantinham as mesmas características que viu antes. Aparência meio medieval, muitas pessoas entre civis, comerciantes e até mesmo marinheiros, nada fora do que aparentemente era normal naquele lugar. Ao chegarem, veria que a aparência de um Farol era algo extremamente chamativo, mas fazia sentido para um Quartel da Marinha. Lá, muitos oficiais que pareciam estar ocupados das mais diversas formas.

-Bom, me despeço aqui. Preciso reportar e então vou descansar. Boa sorte no que procura. A recepção é logo ali. Diria ele apontando na direção de uma portinha onde caso resolvesse ir, Ryuji encontraria uma moça, também trajando as vestes da marinha e que parecia ser a responsável por aquele setor do quartel.

Por outro lado, se ele tivesse optado por não acompanhar o Marinheiro, ainda teria as instruções de como chegar ao Quartel e vendo o Farol próximo dali com a informação de que era o lugar que procurava, não seria difícil pra ele também chegar lá por sua conta própria. Restava saber quais escolhas o rapaz faria.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kallieel
Soldado
Soldado
Kallieel

Créditos : 5
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/06/2012
Idade : 21
Localização : Província de Shandang - Kano Country - West Blue

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyDom 21 Jun 2020, 04:01

O LUGAR CERTO!

O rapaz que Ryuji encontrara no porto fora muito solicito com sua dúvida. Respondera exatamente o que o jovem esperava: a localização do Quartel que provavelmente seria o próximo passo do seus sonhos. Ryuji já havia conseguido sair de sua ilha e chegar até Ilusia, agora apenas alguns poucos quilômetros o separavam da Base da Marinha. Ryuji prontamente responderia ao Marinheiro:

- Que bom! Estou pensando em me alistar... - então, percebendo sua falta de educação por não se apresentar, continuaria - Meu nome é Jin Ryuji, vim lá do País de Kano, é um prazer conhecê-lo. - estendendo a mão para um cumprimento.

Ryuji aceitaria o convite para acompanhar o homem, o seguindo pelo caminho até o Quartel. Visto que o homem era bem aberto para conversas, Ryuji procuraria fazer algo próximo com o que fez com o taverneiro. Puxaria assuntos sobre o dia-a-dia da ilha, mas para se situar sobre o que seria o seu novo lar. Perguntas como - É tranquilo o serviço por aqui? - ou até mesmo - A pirataria é muito predominante aqui na ilha? Além disso, não deixaria de observar os detalhes arquitetônicos da ilha em si: sua característica levemente medieval, com a presença de muitos elementos de pedra.

Ao chegar ao local do destino, diria - Certo, muito obrigado por me trazer até aqui! Um bom descanso para você! - com um aceno com as mãos. Colocaria-se então a entrar no local, com um sorriso no rosto pela proximidade de seus objetivos. Observando a moça que parecia ser a responsável do local, o rapaz diria tranquilamente:

- Bom dia! Meu nome é Jin Ryuji e eu gostaria de me alistar, o que é necessário para isso. No caso da necessidade de se preencher algum tipo de formulário, apenas faria isso da forma mais eficiente possível, com a caligrafia mais bonita que pudesse fazer. Se houvesse alguma fila que precisasse enfrentar, apenas seguiria até o local, murmurando um - Obrigado! - a mulher. Em todos os casos, esperaria até que uma nova ordem fosse lhe dada ou qualquer outra próxima instrução.  

Histórico:
 

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

< [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] >

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Tonikbelo
Civil
Civil
ADM.Tonikbelo

Créditos : 74
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/11/2011

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptySeg 22 Jun 2020, 04:09

Ir junto daquele soltado até o Quartel tinha sido uma boa oportunidade para Ryuji aproveitar e sanar algumas dúvidas sobre a ilha. O caminho não era longo, mas tiveram tempo suficiente para a rápida conversa e apresentação entre dois que começou com o Marinheiro questionando o nome e origem do rapaz aspirante.

-Entendido. Eu sou o Jasper... que bom que queira se alistar. Eu também não estou na Marinha a muito tempo. E bem, desde que estou aqui as coisas tem sido bem tranquilas. Acho que a presença de nós da Marinha iniba as atividades piratas. As vezes algumas confusões nos bares, brigas entre civis, mas nunca precisei trabalhar num caso com piratas por aqui.

Apesar de ter sido simpático, ele não passava muito mais tempo conversando com Ryuji e logo partia para o que tinha de fazer, deixando o rapaz orientado de onde era a recepção e permitindo assim que Jin fosse finalmente procurar uma forma de ingressar a organização. A mulher da recepção respondia-o com algo parecido com o que tinha ocorrido em sua ilha natal na Marinha Happo. Um pedido para preenchimento de uma ficha, algo que ele logo tratava de responder. Eram perguntas bem objetivas e de fácil resposta, mais para coleta dos dados pessoais do que pra qualquer outra coisa.

Quando finalmente terminado o preenchimento, ela apontava com o dedo na direção de um grupo que se encontrava no pátio. Existiam ali uns cinco caras, todos de aparência jovial e nenhum deles trajava qualquer veste da Marinha. Pareciam apenas civis que aguardavam por alguma coisa.

-Pode aguardar com aquele grupo por favor. Os testes de hoje serão realizados em breve. Um responsável deve lhes chamar. Falava sorridente.

Assim, ele poderia aproximar-se do grupo e aguardar até que as coisas se desenrolassem. Nenhum daquele rapazes parecia saber muito mais do que Ryuji e aparentemente todos estavam ali pelo mesmo propósito, aguardar uma oportunidade de ingresso na marinha. Por alguns minutos poderiam permanecer ali e conversar se quisessem, mas, cerca de dez minutos após a chegada de Ryuji, outro rapaz chegava e mais uns doze minutos depois uma moça. Após isso, mais quinze minutos se passariam e então finalmente um homem trajando as vezes da marinha se aproximava. Ele dava uma leve tossida como se tentasse chamar a atenção do grupo, fazendo com que eles ficassem todos de pé e parados olhando-os atentamente.

-Hoje temos oito... interessante. Dizia ele contando os ali presentes e olhando rapidamente alguns papeis em suas mãos. Eles pareciam ser as fichas preenchidas pelos aspirantes. -Muito bem então. Chamarei quatro e depois o restante. Sigam-me os que eu falar o nome: Kyle... Titus... Jordan e Harper... Terminava de dizer e se virava, começando a andar para o interior do quartel e sendo acompanhado por três dos rapazes e a moça que tinha chegado por último.

De tal modo, continuavam ali fora podendo conversar se quisessem, ou apenas aguardar, algo que demoraria em torno de quase uma hora até que o homem retornasse novamente, outra vez sozinho e com os papeis na mão também.

-Certo... Lincoln... Nathan... Ryuji e Wells. Sigam-me! Falava brevemente já entendendo que os quatro que ficaram eram exatamente as pessoas das fichas que ele tinha.

O grupo começaria então seguir adiante, fazendo o mesmo percurso que o anterior e indo para dentro do quartel. Lá dentro, se reparasse, ele poderia ver bastante movimentação de fuzileiros navais trabalhando. Pode ver o que parecia ser refeitório, um corredor que levava para os dormitórios, algo que ele pode perceber devido a uma placa com uma seta indicando que era pra lá que ficavam e também pode notar algumas várias salas que com as portas fechadas não dava pra entender do que se tratavam. Depois de alguns instantes pareciam estar no que se assemelhava a um pátio interno. Nele existiam barras, um campo de corrida, uma quadra de areia, um campo de lama e uns sacos de pancada. Talvez fosse ali onde os marinheiros treinassem.

-Fico feliz que queiram se juntar a Marinha. Meu nome é Jaha. Sargento Jaha. Meu papel hoje é avaliar o desempenho físico de vocês como teste de entrada, afinal, temos alguns requisitos e é importante que alguém que queira compor o nosso corpo de Fuzileiros Navais consiga atingí-los. A primeira etapa consistirá na avaliação de três exercícios. Uma corrida. Uma série de barras e por fim flexões. Dez voltas na pista, o que totaliza um quilômetro. Cinquenta barras e cem flexões. Claro, não bastam a quantidade também, pra nós o tempo também é importante. Deverão fazer o mais rápido possível pois cronometraremos para ver se conseguem atingir a meta estabelecida, que nesse caso não será informada a vocês, então deem o máximo que puderem. Alguém tem alguma dúvida? Se não possuírem, começaremos pela mesma ordem que chamei seus nomes lá fora. Lincoln é o primeiro!

Os três que entraram junto de Ryuji naquele lugar não pareciam ter qualquer dúvida e o que parecia ser Lincoln apenas assentia com a cabeça positivamente assim que mencionado pelo sargento. Quando tudo estivesse conversado, era hora de começar os testes e assim o primeiro dos avaliados iniciava a série de exercícios exigida pelo avaliador. Depois de algum tempo chegava a vez de Nathan e após o mesmo fazer o seu teste, o nome de Ryuji era finalmente chamado.

Jaha:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kallieel
Soldado
Soldado
Kallieel

Créditos : 5
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/06/2012
Idade : 21
Localização : Província de Shandang - Kano Country - West Blue

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptySeg 22 Jun 2020, 19:46

BATERIA DE EXERCÍCIOS

Ryuji retribuia o sorriso dado pela mulher, fazendo um aceno positivo com a cabeça. Apesar disso, sua mente agora estava longe; o jovem buscava se concentrar o máximo possível para obter os melhores resultados que pudesse ter nos testes que poderiam ser aplicados. Estava próximo do seu objetivo e tudo dependia de sua capacidade agora. Mesmo estando na presença de mais alguns outros aspirantes, Ryuji não faria nenhum esforço para puxar assunto. Esperava que a última noite sem dormir não lhe afetasse de nenhuma maneira.

Quando enfim ouvira seu nome ser chamado, junto a de outros três companheiros, seguiria o homem que chamara, posteriormente denominado como Jaha. Ryuji observaria com cuidado os detalhes do local que possivelmente seria seu novo lar no futuro. Mesmo que não obtivesse sucesso, já começaria a fazer uma espécie de mapa mental para evitar a se perder no futuro, anotando por exemplo o caminho para os dormitórios, sendo que havia visto uma seta que indicava a localização.

Enfim, ao chegar no local, em que Ryuji pode constatar que se passaria o teste físico, Jaha tratou de explicar o que deveriam fazer. O jovem pode constatar que era o terceiro a realizar o percurso requisitado, que consistia inicialmente em algumas voltas no campo de corrida, um determinado número de barras e de flexões. Antes mesmo de ouvir seu nome ser chamado, Ryuji começou a se alongar brevemente, principalmente com o intuito de evitar alguma lesão que pudesse ter no percurso. Tratou também de se aquecer um pouco, tentando não dispender muita energia no processo.

Quando ouviu seu nome ser chamado, Ryuji começou a correr. O jovem sabia que provavelmente não seria o mais rápido dos recrutas, mas seu principal objetivo seria mostrar sua consistência em relação ao resto. Gostaria, se pudesse, de mostrar como estaria em pleno vigor mesmo após a bateria de exercícios. Mesmo assim, daria todo o possível, para tentar impressionar o máximo possível os seus prováveis futuros superiores.

O aspirante a Marinheiro começaria com um ritmo um pouco mais lento, com o objetivo de poupar energia no começo. Gradualmente iria acelerando até chegar ao auge de sua velocidade na oitava volta. As duas últimas voltas seriam completadas por Ryuji com o melhor que suas pernas pudessem proporcionar. Se estivesse cansado, e provavelmente estaria, o jovem evitaria demonstrar em seu rosto.

O rapaz seguiria então para as barras. Prontamente começaria a fazer o exercício, levantando o peso do próprio corpo apenas com o auxílio dos braços. Provavelmente sentiria os músculos dos braços e das costas se retraindo para fazer o esforço necessário. Mesmo assim Ryuji não desistiria; já estava muito longe de casa para deixar seus sonhos escorrerem pela suas mãos e isso seria um incentivo a mais para concluir o exercício.

Após isso, o jovem seguiria para as flexões; no caso, uma centena dessa o esperavam. Ficaria na posição de prancha, com os braços estendidos e as palmas das mãos afastadas à largura dos ombros e alinhadas com os mesmos. Faria o exercício de forma eficiente, chegando sempre o mais próximo possível do chão antes de se levantar novamente. Ryuji não se importaria com o possível suor que estaria tanto por seu corpo quanto por suas vestimentas, nem mesmo com os próprios músculos dos braços e das pernas, que provavelmente reclamariam do movimento repentino; o jovem estava determinado a fazer o melhor possível.

Quando enfim terminasse o exercício, Ryuji apenas se levantaria e ficaria em uma espécie de posição de sentido. Apesar de não ter sido requisitado, o jovem julgaria que seria o movimento certo a se fazer, antes de esperar a próxima ordem. Se fosse oferecido água ou alguma toalha para se secar, aceitaria, mas sem fazer nenhuma mesura de que estava cansado. Se manter hidratado seria importante para um próximo teste. Por fim, observaria como seus companheiros de alistamento pareciam, se estavam cansados ou apresentavam algum sinal de dor em alguma parte do corpo.

Histórico:
 

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

< [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] >

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Tonikbelo
Civil
Civil
ADM.Tonikbelo

Créditos : 74
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/11/2011

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyTer 23 Jun 2020, 09:39

O tão sonhado teste para ingressar na Marinha estava finalmente ali diante de Ryuji e ele pode sentir o quão próximo de seu sonho estava. Claro, ainda tinha que ser aprovado naquilo e os requisitos não eram nem um pouco fáceis, a começar com uma corrida e alguns exercícios na barra e flexões, algo normal, mas dada a quantidade pedida, poderiam ser realmente um bom filtro para eliminar aqueles que não teriam capacidade de fazer parte da organização.

Os dois que foram chamados antes do jovem aspirante realizaram seus testes de forma tranquila. Não pareceram demorar muito tempo na corrida, mas nas barras e flexões, principalmente na segunda metade das séries, podia se perceber o quanto realmente era difícil, mas, os dois superavam aquilo e finalmente era chegada a vez do rapaz.

Chegada a vez de Ryuji, ele já parecia bem aquecido, preocupou-se em não cometer um erro bobo de se esforçar tanto sem um alongamento apropriado. Nada muito complexo, mas o suficiente para permitir-lhe realizar aquilo sem se complicar. E apesar disso, não foi fácil. Metro após metro na corrida ele sentia o cansaço chegar, bem como o via se intensificar nas barras e depois nas flexões, mas, após muitos minutos, não muito mais que o tempo gasto pelos dois primeiros, ele finalmente terminava o seu teste também, dando a oportunidade para que o quarto fizesse o seu.

-Muito bem... muito bem. Pude perceber que alguns ainda podem melhorar, mas todos vocês avançam para o próximo teste. Dizia o marinheiro após ver que todos eles tinham terminado. -Agora quero ver como se saem em um combate. Um contra um. Completava soltando um sorriso. -Normalmente eu pediria que lutassem conta mim, mas como temos quatro aqui, faremos duas duplas. Assim não terá injustiça. Todos estão cansados após o exercício e terão as mesmas condições. Irão de mãos nuas mesmo. Lincoln contra Nathan e Ryuji contra Wells. A dupla que mencionei primeiro começa!

Assim, terminada a explicação, ele logo exigia que a primeira dupla se posicionasse naquele pátio mesmo para que pudessem iniciar o combate. Instantes depois ambos já estavam na trocação de socos e ali se fez um combate relativamente interessante, mas, antes que houvesse de fato algum vencedor naquela briga, o marinheiro os interrompeu.

-Podem parar. Já tenho o que é preciso de ambos. Próxima dupla!

Chegava então finalmente a hora de Ryuji mostrar-se como se sairia em combate frente a avaliação daquele marinheiro. Seu oponente se colocava a sua frente, era o rapaz que fez o teste por último e ele também parecia estar tão desgastado quanto o próprio Ryuji. Ele acenava com a cabeça, como se indicasse estar preparado e que Ryuji poderia iniciar se quisesse, aparentemente ele não via o rapaz como inimigo e sabia que aquilo seria apenas um teste.

Wells:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kallieel
Soldado
Soldado
Kallieel

Créditos : 5
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/06/2012
Idade : 21
Localização : Província de Shandang - Kano Country - West Blue

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyQua 24 Jun 2020, 02:54

QUE COMEÇE A PORRADARIA!

Ryuji observava com atenção o combate que estava acontecendo antes do seu próprio. Nenhum dos dois combatentes lhe chamaram muita atenção quanto ao golpes que utilizaram, apenas o básico, com socos realizados de maneira comum, sem nenhum tipo de técnica avançada. O jovem esperava que se seu adversário estivesse nesse mesmo nível, seria uma luta relativamente tranquila.

Jaha indicou que iria lutar contra o outro rapaz de cabelo alaranjados; se havia entendido bem, seu nome era Wells. Ryuji se perguntava qual estilo de combate de seu adversário, talvez predominasse o uso dos punhos ou seria de um estilo de chutes, mais próximo ao que o próprio aspirante a marinheiro usava.

Quando enfim foi chamado ao espaço de luta, o rapaz estava pronto. Inicialmente fez um breve aceno de cabeça antes de levantar os dois punhos em uma posição de defesa. Ryuji sabia que não seriam de grande serventia para um ataque, mas podiam ajudar a tornar uma defesa mais compacta. O jovem daria o primeiro movimento ao adversário, principalmente com o intuito de analisar o seu estilo de luta, isto é, se viria um chute ou um soco primeiro e qual era o lado dominante de Wells.

Ryuji começaria tentando alongar a distância do combate, deixando, conforme havia pensado, que seu adversário desse os primeiros golpes. Caso fosse um soco ou chute do tórax para cima, tentaria bloquear com as duas mãos. Se o golpe fosse abaixo disso, tentaria bloquear com a canela. Na possibilidade de ser algum agarrão, seu objetivo seria devolver com uma joelhada na altura do estômago, para voltar ao combate a distância.

O jovem havia pensado em um estratégia que envolvia um contra-ataque. Esperava receber o próximo golpe de Wells com uma defesa usando um braço, caso acima do tórax, ou uma canela, caso abaixo disso, porém tentando aproveitar a guarda aberta de seu adversário para colocar um chute na altura da costela. Caso o adversário agarrasse sua perna, o jovem tentaria puxar a perna com força, visando desequilibrar o oponente. Se houvesse sucesso no movimento, tentaria aplicar uma joelhada no queixo de Wells.

Em todo o caso, o próximo movimento de Ryuji envolveria um chute utilizando sua perna direita em direção a lateral da perna esquerda do adversário, mais precisamente na altura do joelho com o objetivo de causar alguma desestabilização na postura inimiga. Apesar do movimento de ataque, o jovem ainda manteria seus punhos em riste, para evitar um possível contra-ataque.

Caso algum dos movimentos planejados por Ryuji resultassem em alguma falha a ponto de que sofresse uma queda, o jovem apenas rolaria para trás, tentando evitar outros possíveis golpes que pudessem o acertar enquanto ainda estivesse no solo. Levantaria com um sorriso no rosto, porém com os olhos demonstrando um breve sinal de raiva, pronto para surrar o rapaz que estava em sua frente, pensando algo como - “Você me paga...” - Por fim, voltaria a levantar os punhos cerrados novamente, esperando uma próxima ação de seu adversário.
Histórico:
 

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

< [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] >

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Tonikbelo
Civil
Civil
ADM.Tonikbelo

Créditos : 74
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/11/2011

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyQui 25 Jun 2020, 00:43

Mais uma vez Ryuji seria testado, dessa vez em um combate. Ele não conhecia nada do seu oponente, mas, se estava ali se alistando com ele e aqueles outros, talvez desse para imaginar que seu nível não fugiria muito do que todos eles tinham apresentado, o que era bom, afinal, um oponente muito forte poderia complicar bastante as coisas ali. Apesar disso, ele não fazia ideia de qual era o estilo daquele rapaz e isso poderia ser um risco também, apesar de que naquele caso, por não haver o uso de armas, também tinha uma vantagem por saber lutar sem elas.

De todo modo, quando percebeu que aparentemente estava esperando que ele tomasse a iniciativa, Wells simplesmente avançou na direção de Ryuji. Era rápido, mais do que Jin, mas não tanto para que fosse um problema. Sua primeira tentativa um soco no rosto de Ryuji, que por pouco não acerto, mas, antes que tivesse tempo de fazer algo, tentou acertá-lo pelo outro lado com a outra mão. Um golpe arriscado, abriu todas as suas defesas em troca daquele ataque, mas fora efetivo. O rapaz sentiu a pancada em seu lado direito, próximo da orelha e isso tinha doído um pouco, mas logo tratou de devolver também. Aplicou alguns chutes que afastaram o Wells.

Era uma luta interessante e como tinham imaginado, ambos tinham um nível parecido. As tentativas de socos e chutes de cada um estava sendo boa e ambos sabiam bem como se defender e tentar surpreender o inimigo.

-Podem parar. Já tenho o que é preciso de ambos também. Interrompia o Marinheiro ao colocar sua mão frente a um chute de Ryuji para cessar o combate. -Felizmente os quatro tem nível para aprovação. Muito bem, rapazes. Completava ele, dessa vez falando para todos os quatro e com um sorriso no rosto. -Mas ainda faltam algumas coisas, então preciso ir conversar com o capitão, reportar tudo e preparar a parte burocrática da coisa. Enquanto isso, queremos ver uma última situação e como se portam. O primeiro grupo está fazendo a parte deles agora mesmo... foram arrumar a biblioteca. Já vocês... quero que varram esse pátio. Cairam muitas folhas secas e tem alguns oficiais que não sabem jogar algumas coisas diretamente no lixo. Façam isso enquanto vou fazer o que falei. Podem conseguir vassouras ali. Terminava apontando para uma região ao fundo daquele patio onde havia duas lixeiras grandes e algumas vassouras e pegadores de folha próximos a ele.

Ele então começava a se mover para fora dali, deixando os quatro rapazes livres para fazer a atividade que tinha pedido ou fazer qualquer outra coisa que quisessem, desde conversar ou simplesmente saírem dali, não havia nada que os impediria, se quisessem. De todo modo era um pátio grande, pouco mais de vinte e cinco metros de largura e vinte e cinco metros de comprimento, o que explicava que a pista de corrida teria os cem metros por volta. Tinha o lugar das barras, a quadra de areia e realmente algumas árvores em seu interior, o que, se olhando pro chão, confirmava que existiam muitas folhas secas espalhadas por ai. Também havia algumas coisas como papel, plástico e outras coisas que pareciam lixo espalhados pelo lugar e seria um trabalho chatinho de se fazer.

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kallieel
Soldado
Soldado
Kallieel

Créditos : 5
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/06/2012
Idade : 21
Localização : Província de Shandang - Kano Country - West Blue

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptySex 26 Jun 2020, 18:50

VARRENDO O PÁTIO

Ryuji mal havia se aquecido o suficiente ao ouvir que devia parar a luta. As palavras de Jaha a respeito do nível suficiente quanto às suas habilidade de combate para o alistamento soaram bem no seu ouvido. O jovem ouviu com atenção sobre a próxima tarefa que devia fazer, envolvendo a limpeza do pátio em que passara pelos testes anteriores. Não parecia nada tão complexo, quanto as duas tarefas anteriores.

Sua primeira ação, imediatamente ao final da luta, seria estender uma mão em cumprimento a Wells, dizendo - Foi uma boa luta! Aquela hora que você acertou o golpe realmente me surpreendeu... - com um sorriso no rosto, parecendo simpático. Como os rapazes provavelmente seriam seus companheiros na Marinha, Ryuji agora tentaria conhecê-los minimamente - Wells né? Aqui de Ilusia mesmo?. Caso fosse um fator que gerasse uma conversa entre os potenciais Marinheiros que estavam no local, Ryuji se apresentaria dizendo - Sou Jin Ryuji, vim lá do País de Kano.

Em todo o caso, no desenrolar de uma conversa entre os aspirantes ou não, o jovem prontamente se colocaria a fazer a função que lhe fora encaminhada. Pegaria uma vassoura no local que fora indicado e começaria a juntar toda a sujeira presente no grande pátio. Conforme havia pensado anteriormente, era uma tarefa chata, porém longe de ser tão difícil quanto as anteriores.
Ryuji buscaria recolher todas as folhas, papéis e plásticos que se espalhavam pelo local de maneira eficiente. Juntaria tudo em uma grande pilha antes de jogar todo o conteúdo nas grandes lixeiras, próximas de onde havia pegado sua vassoura. Poderia ser um momento propício para puxar assunto com os outros dois aspirantes também. Caso estivesse acontecendo uma conversa de fato, Ryuji perguntaria - Por que decidiram entrar para a Marinha? Na sua vez de contar, caso houvesse um retorno a sua pergunta, diria - Grande parte veio pelas histórias de meu avô, que foi Marinheiro há muito tempo. Junto a isso, tenho o sonho de me tornar um Almirante também. - caso os homens rissem de seu sonho, possivelmente trincaria o maxilar e fecharia os punhos.

Em todo o caso, após finalmente concluir a tarefa de arrumar o pátio, o jovem apenas esperaria a volta do Sargento. Se houvesse um desenrolar de conversa anteriormente, Ryuji se interessaria por descobrir se algum dos três possuia algum ofício diferente; se algum deles possuía habilidade na cozinha ou ferraria, por exemplo. Logo, na sua vez de falar, diria algo como - Domino um pouco a arte de navegar… Chegar de um ponto a outro pelo mar da melhor maneira possível… Coisas assim. - com um breve sorriso no rosto.

Histórico:
 

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

< [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] >

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Tonikbelo
Civil
Civil
ADM.Tonikbelo

Créditos : 74
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/11/2011

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptyDom 28 Jun 2020, 04:02

Tinha sido uma batalha equilibrada e interessante que no fim acabou sendo um enorme passo de Jin rumo ao seu desejo de se ingressar na marinha e ouvir que aquilo tinha sido suficiente para uma aprovação, certamente deve ter sido uma excelente notícia para o rapaz. Antes, no entanto, estendeu sua mão ao seu adversário em cumprimento, que prontamente aceitou. Ambos sabiam que não eram inimigos e aquilo fora apenas um teste, então, Wells também sorriu quando recebeu o cumprimento do rapaz de Kano.

-Não, também não sou daqui. Kano... interessante de onde vem. Eu venho de Toroa. Respondia ele.

Assim, enquanto o Sargento saiu para resolver as coisas que tinham dito, o grupo partiu em direção as vassouras para começar o trabalho que havia sido pedido. O problema, no entanto, é que nem todos os quatro optaram por fazer isso. Um dos rapazes, aquele identificado como Lincoln simplesmente começou a andar na direção que o levava para fora daquele pátio e em direção ao interior do Quartel.

-Bom... eu não vim aqui para varrer chão. Vou esperá-lo em outro lugar mesmo. Eu vim aqui para ser o Marinheiro. Boa sorte com isso ai! Indagou ele aos três que ficaram como se tivesse realmente ficado incomodado com o que tinha lhe sido pedido.

Os outros dois não pareceram das bola ao que ele fez e apenas seguiram em direção as vassouras também, assim como Ryuji e aos poucos começaram a trabalhar naquilo ali. Era um pátio relativamente grande, mas, trabalhando em três as coisas pareceram ficar bem mais fácil e a medida que os minutos passavam conseguiam facilmente ver um bom progresso na limpeza daquele lugar. Enquanto isso, aproveitaram também para conversar um pouco, já que Ryuji puxava conversa de modo que pudessem ir se familiarizando, afinal, seriam companheiros a partir daquele dia.

-Eu vim pelas dificuldades em minha ilha. Somos uma vila pobre, então nem todos tem uma boa forma de subir na vida. Espero que sendo um bom marinheiro eu consiga ajudar minha família com o dinheiro que receber. Respondia Natham.

-Eu vim pela adrenalina de ser um homem do mar e viajar por ai fazendo missões e pegando criminosos. A vida em Toroa é bem chata, eu queria algo mais animador. Falava Wells.

Assim até mesmo Jin falava de seus motivos e apesar de cada um ter suas próprias motivações, nenhum deles parecia desrespeitar o que os outros dava de motivo. No fim o que importava é que eram aliados agora e precisavam também terminar de varrer aquele pátio.

Depois de um tempo o Sargento finalmente retornou, acompanhado ao seu lado por Lincoln, o rapaz que tinha ido atrás dele e se recusou a varrer aquele pátio junto dos três que ficaram como o Sargento tinha pedido.

-Ótimo, já tenho aqui tudo que preciso. Todos vocês se saíram bem nos testes físicos e estão aptos a continuar. A partir de agora poderão ir ao vestiário se trocar e utilizar nossas fardas e assim os levarei a sala do Capitão para que recebam a primeira missão de vocês. Porém, tivemos um pequeno problema. O Lincoln não está mais apto a ingressar a Marinha. Falava ele, se virando para o rapaz assim que disse a última frase. -Um dos valores que presamos na marinha é a Subordinação e respeito as Hierarquias. Eu como Sargento lhe dei um trabalho simples de varrer o pátio. Parecia bizarro colocar vocês para fazer isso, mas era a última etapa do teste. Se você se recusa a fazer algo apenas porque não atende os seus critérios, você não faz parte do grupo de pessoas que queremos ter com a gente. Aqui dentro tudo será importante e principalmente o respeito pelos superiores e o que eles pedem ou ensinam. Você está dispensado, Lincoln. Pode se dirigir para fora do Quartel por favor. O restante, me acompanhem até o Vestiário!

Lincoln se mostrou furioso com aquilo, porém não fez nada a não ser resmungar e começar a caminhar pra fora dali conforme tinha sido ordenado. Era uma decisão dura, mas parecia fazer sentido para a organização e não havia nada ali que alguém pudesse fazer para mudar o resultado daquilo. Sem dúvidas uma perda de potencial. Apesar disso, a vida seguia e todos eles poderiam caminhar com o Sargento de volta para dentro do quartel e passando por seu interior até que finalmente chegavam no vestiário masculino. Um lugar grande para um ''banheiro''. Havia ali alguns mictórios enfileirados, algumas cabines de chuveiro, outras com vaso sanitário, uma pia e armários. Nada diferente do padrão que poderia se imaginar, mas, um local bem limpo.

-No primeiro armário da direita estão quatro conjuntos de fardas. Calça e camisa são obrigatórias. Se acharem necessário podem utilizar o boné também. Se quiserem guardar as roupas que usam agora, podem escolher um armário vazio e deixá-las lá. Se não, podem descartar no cesto que elas serão lavadas e doadas a população se estiverem em bom estado. A partir de agora sempre serão fornecidos com roupas limpas da Marinha, então não vão precisar se preocupar. Vou esperá-los ali fora por alguns minutos e então iremos ao Capitão.

Todos eles poderiam aproveitar para fazer as necessidades, se lavar e trocar tranquilamente se entendessem que era preciso, o Sargento esperaria até que todos os três estivessem prontos para que seguissem adiante como o planejado. Quando todos estivessem prontos, eles começariam novamente a seguir pelo interior daquele Quartel até que chegassem em frente a uma porta que parecia bem mais ornamentada que as outras que viam por ai, o que indicava ser um lugar importante.

-Quando entrarmos, demonstrem respeito e prestem continência. Não falem se não forem perguntados e fiquem em pose firme. O Capitão é um homem bom, mas é sempre importante manter a pose. Eu os apresentarei. Dizia pouco antes de abrir a porta.

Lá dentro viam uma sala não muito grande, mas com suas paredes cobertas de estantes com livros e ao meio uma enorme mesa com muita papelada, livros, objetos como um grande mapa que parecia ser da ilha, compasso, den-den-mushis e uma cadeira atrás dela com um homem aparentemente bem jovem sentado.

-Capitão Gingaku... Falava chamando a atenção do rapaz e prestando sua continência também. -Como informado, aqui estão três dos novos recrutas. Eles são Nathan, Wells e Ryuji. Falava apontando para cada um deles quando mencionava os nomes. -Estão a sua disposição, senhor!

O Capitão então sorria e se levantava de sua cadeira, começando a caminhar para dar a volta pela mesa e se aproximava dos novos chegados parando em frente a eles. Ele parecia bem humorado e apenas começava a falar em um tom tranquilo.

-Sejam muito bem vindos. Fico feliz que tenham escolhido a minha jurisdição para se alistarem. É sempre um prazer ter novos talentos com a gente. Espero que se sintam em casa por aqui. No entanto, é uma pena também que não poderei lhes dar uma recepção mais acalorada pois já precisamos dos serviços de vocês, o que também não é ruim pois já poderão começar a adquirir experiência. Então vou dar-lhes logo uma missão. Pra vocês quatro na verdade. Dava uma leve pausa olhando para o Sargento. -Tivemos um roubo em um bar logo ao fim da madrugada. Um grupo desconhecido. Não bastasse isso, algumas pessoas relataram que eles também podem ser os responsáveis pelo sequestro de uma moça chamada Swann. Preciso que vão até o bar e peguem informações sobre o tal grupo e vejam o que conseguem descobrir. Aqui é o bar que precisam ir. Terminava de falar indo em direção ao mapa e apontando com o dedo a localização que tinha mencionado. -Alguém tem alguma dúvida?

Assim poderiam perguntar algo se precisassem ou do contrário, simplesmente esperar que o Sargento os conduzisse até o lugar. No entanto, o Capitão se aproximava do Sargento e falava algo bem próximo dele para que apenas ele escutasse. Não parecia nenhum segredo, apenas a função dele no que seria aquela a primeira missão dos três jovens como novos membros da grande organização que era a Marinha.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kallieel
Soldado
Soldado
Kallieel

Créditos : 5
Warn : Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/06/2012
Idade : 21
Localização : Província de Shandang - Kano Country - West Blue

Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 EmptySeg 29 Jun 2020, 02:49

Capítulo 1 - O primeiro passo!
~ QG da Marinha - Ilusia Kingdom - Post 15 ~


Ryuji ouvia os motivos de Wells e Nathan para se juntar a Marinha enquanto limpava o pátio. Ambos eram bem válidos de acordo com o julgamento do jovem; ganhar dinheiro de forma justa para ajudar a família e adrenalina de ser um homem do mar eram propósitos bem dignos para um Marinheiro.

O jovem, tendo acabado a arrumação dada pelo Sargento, escutava atentamente as palavras do mesmo, principalmente a parte em que era informada a recusa de um dos quatro aspirantes. Ryuji entendia que o motivo para isso fora de extrema tolisse por parte de Lincoln, mas não havia nada que pudesse fazer ao seu alcance. Talvez um Marinheiro insubordinado não fosse a melhor opção para a instituição mesmo.

O recebimento de sua primeira farda de Marinheiro animou o rapaz; desde que começara a sonhar com sua entrada para a Marinha, o jovem se imaginava utilizando o uniforme branco e azul, com o símbolo da gaivota. Ryuji, seguindo as instruções passadas pelo oficial de maior patente, tomou uma ducha rápida, para tirar todo o suor dos exercícios que fizera anteriormente e colocou suas novas vestimentas. O rapaz optou por utilizar o boné, algo que era bem comum entre os soldados de baixa patente. Quanto as roupas antigas, passou uma dúvida pela mente do jovem. Pensou em guardar-las para um futuro necessário, mas achou melhor ajudar quem tivesse necessidade.

Enquanto avançavam para a sala do Capitão, Ryuji ouvia com atenção as instruções passadas pelo Sargento Jaha. Pretendia seguir o que foi passado, se portando na posição de sentido que lhe fora informado, e falando apenas quando lhe fosse dado o momento para isso. Conforme entraram na sala, o jovem pode observar alguns detalhes da decoração do local. O mapa que estava na mesa do Capitão Gingaku lhe chamara especial atenção, mas naquele momento não faria nada para chegar mais perto.

Ryuji continuaria em posição de sentido, tentando manter uma expressão impassível. Inicialmente, o jovem se animaria com a possibilidade de já fazer uma primeira missão. Esperava ser hábil o suficiente para isso, e pensava também com começar a juntar um pouco de dinheiro, visto que estava praticamente zerado. A segunda parte da fala do Capitão porém lhe surpreenderam; a citação da moça chamada Swann e o bar roubado na madrugada, tudo isso o fizeram relembrar dos rapazes que haviam o ajudado a chegar até Ilusia - “Será que Finn e Roam estão por trás disso?!” - pensou o jovem.

Em todo o caso, ao fim da fala, após o Capitão Gingaku questioná-los se teriam alguma perguntas, Ryuji falaria - Senhor, não tenho exatamente uma pergunta, mas algumas informações que possam ser importantes. Cheguei ontem a noite do País de Kano para tentar me alistar, e no caminho acabei pegando carona com alguns desconhecidos. Acontece que durante o percurso ouvi alguns desses homens falando sobre uma senhorita Swann, e após chegarmos aqui em Ilusia, fomos até um bar para comemorar o sucesso da viagem - com um semblante tristonho no rosto - Infelizmente não tinha como saber que os homens estavam praticando atividades ilicitas, pois em nenhum momento da viagem eles demonstraram qualquer coisa relacionada a isso... - seguido de um movimento com os ombros. O objetivo do jovem era passar uma visão de que estava se sentindo culpado.

- Não tenho como ter certeza de que foram realmente eles que fizeram esses malefícios Senhor, mas posso passar as descrições físicas e tudo o que ouvi do que me foi dito. Ryuji esperava que não fosse preso por isso, ou pior ainda, ser expulso da Marinha por causa disso. Se soubesse que estava se juntando a bandidos, jamais teria aceitado a viagem. Pensava brevemente nos pescadores que estavam no bar, se não teriam sido uma melhor escolha.

Em todo o caso, se fosse requisitado a descrição dos homens, daria a dos seis que o acompanharam, dando especial ênfase em - ...tinha um que se chamava Roam, de cabelos de tom rosa, não tão alto e relativamente musculoso. Um deles se chamava Finn, cabelos negros, mais baixo e menos encorpado. Por último, tinha o Kane, careca e de estatura parecida com o primeiro. Quanto ao que me foi dito, conforme expliquei anteriormente, nada foi muito claro. Cheguei a perguntar algumas vezes o porquê de estarem em Kano, ou mesmo a vinda até Ilusia, porém responderam somente de forma vaga. A única coisa que me lembro era um deles falarem algo sobre essa senhorita Swann, mas sem nenhum tipo de detalhes.

No mais, Ryuji apenas esperaria o que podia ser o fim da sua carreira na Marinha, ou talvez algum bom tempo de privação de liberdade. Continuaria em posição de sentido, enquanto esperava as palavras do Capitão a sua frente, que poderiam mudar o destino da sua vida.

Histórico:
 

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

< [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] >

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap.1 - O primeiro passo!   Cap.1 - O primeiro passo! - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap.1 - O primeiro passo!
Voltar ao Topo 
Página 3 de 6Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: West Blue :: Kano Country-
Ir para: