One Piece RPG
Do ferro ao aço - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Mini-Aventura
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Makei Hoje à(s) 10:44

» MEP _ IRUH
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Makei Hoje à(s) 10:43

» [MINI - PALERMITO PALERMOLE] O GRITO DO LEÃO FAMINTO POR CARNE VERMELHA E SUCULENTA
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Makei Hoje à(s) 10:43

» [M.E.P] - PALERMITO
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Makei Hoje à(s) 10:42

» O que me aguarda em Ponta de Lança? Espero que belas Mulheres, hihihi
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor GM.Muffatu Hoje à(s) 10:40

» Mini-Aventura
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Makei Hoje à(s) 10:40

» [M.E.P] Azarado
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 10:28

» [MEP] Akaza
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Makei Hoje à(s) 10:27

» Mini Aventura (Yoshi)
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 10:24

» [Mini-Apolo] O punho furioso
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 10:24

» [MINI-sinhorelli] Punho flamejante
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 10:24

» [Mini-Aventura] A volta para casa
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Ryoma Hoje à(s) 03:51

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Misterioso Hoje à(s) 03:04

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor OverLord Hoje à(s) 01:13

» O catálogo continua, Baterilla a cidade da beleza
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor maximo12 Hoje à(s) 00:23

» I - A Whole New World
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Achiles Hoje à(s) 00:14

» Um novo tempo uma nova história
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor new man reformed Ontem à(s) 20:57

» [MINI-MECHZZZZ] O ponto de partida
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:42

» [M.E.P.] - Mechzzzz
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:40

» Galeria Volker ~
Do ferro ao aço - Página 3 Emptypor Volker Ontem à(s) 19:01



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Do ferro ao aço

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyTer 21 Abr 2020, 19:07

Relembrando a primeira mensagem :

Do ferro ao aço

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Solomon Dias. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Anjodk
Membro
Membro


Data de inscrição : 08/04/2020

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyTer 12 Maio 2020, 19:19

Meu ataque, apesar de bem sucedido só demonstra que sou bom fazendo machados, mas ainda muito ruim os usando. Precisaria encontrar alguém num futuro que poderia me ensinar alguma coisa se eu quisesse continuar vivo. Aquele cretino não era alguém qualquer e pra enfrentá-lo eu precisaria melhorar e muito se o encontrasse novamente.

Eu tentaria, mesmo com toda dor da perna machucada, e forte dor nas costelas, ir na direção do homem que antes havia sido atacado e o colocaria em meu ombro usando meu braço esquerdo e com o direito carregaria meu machado, mas antes disso, eu gritaria:
-EI, FILHA DO PESCADOR, SE VOCÊ ESTIVER EM ALGUM LUGAR, EU TO LEVANDO SEU PAI ATÉ O VELHO MYAMOTO, SE QUISER ME ACOMPANHE OU ME ENCONTRE LÁ!
Então, mesmo se ouvesse algum risco de me queimar, ou piorar a minha situação, eu tentaria levar aquele homem até a casa do velho Myamoto, que me ajudou antes, e pediria a sua ajuda. Mesmo mancando, eu esperaria que conseguisse ter forças para chegar na casa do velho e pediria a ajuda dele:
-O senhor me disse que se eu precisasse de você, você estaria aqui, então agora eu preciso. Me ajuda! Eu colocaria na mesa que antes havia visto. E diria:
Cuida da cabeça dele, se ele ainda estiver vivo, os desgraçados estavam com muita vontade de matar esse homem. Eu esperaria que ele pudesse me ajudar a pelo menos fazer alguns curativos básicos, mas que priorizasse tentar salvar a vida do homem. Afinal, ele ainda tinha uma filha, que eu precisaria achar depois, caso já não a tivesse encontrado antes. Crianças não devem ficar sozinhas nesse mundo, ou viram desgraçados igual aqueles dois.

Se tivesse conseguido a devida ajuda de Myamoto, após feito os curativos me encaminharia à loja de armas esperando que não tivesse demorado muito tempo e procuraria chegar no horário marcado com o dono onde iniciariamos nossa conversa.

Caso os curativos tivessem demorado muito e adentrassem a noite, eu pediria a Myamoto:
Posso dormir aqui? Só até amanhã pra eu achar a filha desse cara.
Então, se ele tivesse concordado, eu dormiria e ao amanhecer voltaria ao lixão para perto da cabana que foi atacada e procuraria a filha do homem, se já não a tivesse encontrado na noite anterior. Então, a procuraria ao longo do dia, caso a encontrasse a levaria até onde o pai estava e diria:
-Seu pai é um homem corajoso, ele pensou muito em você antes dos homens maus o atacarem ele quis proteger a sua casa e lutou bravamente contra eles. Ele foi(se tivesse morrido)/Ele é (se ainda sobrevivesse) um herói.
Então a deixaria sob os cuidados de Myamoto, por enquanto,e iria até a loja encontrar com Kuuro para que conversássemos.
Me desculpe não ter vindo ontem, tive problemas com uns desgraçados, me diga o que tem a me dizer.



Off:
 
Histórico:
 


Última edição por Anjodk em Sex 15 Maio 2020, 08:50, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lawrence
Membro
Membro
Lawrence

Créditos : Zero
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyQui 14 Maio 2020, 19:19


Solomon com o homem nocauteado em suas costas seguia em direção ao velho Myamoto buscando sua ajuda, entretanto a tarefa se mostrava muito mais difícil do que parecia, o fogo ardia cada vez mais já que não era contido, o tritão mal conseguia se rastejar com fortes dores em sua costela e a queimação em sua perna que parecia piorar a cada segundo que passava; a tensão extravasava por todos os arredores tanto que o tritão, após andar cerca de 5 metros com o guardinha em suas costas, desmaiava caindo para frente com o homem junto.

– Você está vivo? – Uma garota que aparentava ter uns 14 anos dizia enquanto cutucava Solomon com uma vareta comprida, que logo abria seus olhos se deparando com a mesma que nitidamente não demonstrava perigo algum. Ela possuía olhos enormes castanhos, cabelos curtos de coloração similar, um rosto pouco característico deixando seus grandes olhos como característica principal, a única coisa diferente naquela menina era o fato de em seu bolso de trás estar um estilingue de madeira grossa.

– Eu tratei a queimadura na sua perna com alguns remédios que tinha comigo, espero que esteja melhor. – Dizia ela sorrindo enquanto se afastava lentamente. – Eu acredito que você fosse levar aquele homem até meu pai... Ele não iria ajuda-lo nem fodendo... – Dizia a garota com ar mais sério de costas aos olhos de Salomon. – Quanto aos bandidos eu não consegui impedi-los de fugir – Todo momento a voz aguda característica de crianças que estão passando pela puberdade parecia não condizer com a personalidade daquela menina que pelo modo de falar aparentava se tratar de uma moradora de rua ou coisas do tipo.

– Bom, não precisa me agradecer, irei atrás daqueles homens ao anoitecer, adeus peixinho. – Dizia a garota que agora se virava para o tritão fazendo um sinal com o indicador e o dedo do meio levantados para Solomon, e logo, saia correndo pouco se importando com o que o tritão pudesse falar. Aquela garota parecia ser mesmo a filha do Myamoto, as técnicas usadas por ela para tratar o homem-peixe se mostravam eficazes, já que até enfaixada estava sua perna. A única dor de Solomon era quanto a sua costela que parecia inchada com o soco previamente recebido.

Analisando ao seu arredor, o mesmo conseguia perceber que o fogo havia sido apagado, apenas meia dúzia de arvores estavam queimadas cercadas com bastante cinzas de seus galhos, frutos e folhas, a guarita e o deposito estavam completamente incinerados com poucas madeiras pela metade para contar a história, o homem que havia caído junto de Solomon havia sumido misteriosamente e a garota não havia apontado para onde ele poderia ter ido ou o que aconteceu com ele. Todavia a maior preocupação do Salomon era outra naquele momento.

Eram exatamente 17:40, entretanto a falta de nuvens no céu mostrava que não se tratava do mesmo dia, Solomon havia ficado lá naquela mesma posição por mais de 24 horas, o que possivelmente aconteceu porque o mesmo havia inalado muita fumaça das arvores, tomado golpes realmente fortes e principalmente devido ao seu tamanho que estaria muito cansado de tudo aquilo. A loja iria fechar logo, Solomon com sua perna tratada e uma dor quase que nula estaria pronto para seguir até ela e falar com o senhor caso desejasse, em outra hipótese ele poderia tentar seguir a garota que já havia sumido de sua vista devido a velocidade surpreendente da mesma, ou então ir falar com Myamoto sobre ter encontrado sua filha e o que havia acontecido no dia anterior.






PPs:
 

Ferimento:
 

Considerações:
 

Legenda:
 


Citação :
Clima: Dia ensolarado com poucas nuvens.
Temperatura: 33ºc
Local: Lixão de Spider Miles
Horário: 17:40

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anjodk
Membro
Membro
Anjodk

Créditos : 5
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 08/04/2020
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptySex 15 Maio 2020, 09:06

Pelo visto agora eu estou em dívida com uma garota de 14 anos. Espero que aquele homem pelo menos esteja vivo. Por que o Myamoto não me ajudaria? Não é o dever de um médico cuidar de um paciente?. Espero conseguir respostas com aquela garota depois, caso a encontre mais uma vez.

Eu tenho 5 minutos para chegar na loja, estar com esses machucados me atrasaria, mas eu esperaria ainda chegar a tempo na loja de armas para conseguir conversar com Kuuro. Iria então caminhando, acompanhado de meu machado o mais rápido que me fosse possível a caminho da loja, e ao chegar lá diria:
Boa noite homem, me desculpe o atraso, tive problemas com alguns desgraçados. Preciso comer e descansar, mas me diga, o que tem para tratar comigo?  Esperaria que a conversa tivesse algo a ver com o desaparecimento do lixão. Eu acrescentaria:
Ontem lutei com dois homens, Tresh e Greg, por acasa já ouviu esses nomes por aqui, ou sabe com quem estão envolvidos. Pelo menos meu machado deixou uma lembrança em Greg, mas esse Trash deixou lembranças em mim, preciso estar melhor da próxima vez. Conhece alguém que lute bem? Preciso aprender a lutar melhor.

Esperaria que eles pudessem me indicar alguém que eu poderia treinar e iria ao seu encontro. Porém, antes disso, eu iria na casa de Myamoto para pedir que ele tratasse melhor meus ferimentos, perguntaria se ele não gostaria de algo em troca pelo serviço.

Pensar nos outros dói, machuca, mas lutaria outras mil batalhas para que ninguém passasse o que aquele homem passou na mão daqueles desgraçados. Esperaria que na próxima vez que nos encontrássemos eu poderia estar mais bem preparado para o combate, e os levasse a conhecer meus parentes, os peixes.

Off:
 
Histórico:
 
[/color][/color]

____________________________________________________

-Comprar uma arma
-Aprender perícia "Costura"
-Aprender Perícia "Engenharia Mecânica"
-Conhecer Charles Kim
-Comprar um Barco
-Conseguir um NPC companheiro
-Conseguir um amigo duo


Última edição por Anjodk em Qui 21 Maio 2020, 03:21, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lawrence
Membro
Membro
Lawrence

Créditos : Zero
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Data de inscrição : 13/04/2020

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyTer 19 Maio 2020, 00:03


Solomon mesmo machucado insistia em acelerar seus passos para chegar à loja de reciclados em Purge Point, entretanto o mesmo optaria por seguir no limite que não fosse nocivo para sua saúde. Para a alegria do tritão seu corpo não doía tanto quanto antes, era quase que imperceptível a dor em sua perna, tanto que as ataduras que estavam bastante apertadas implicavam mais no sistema nervoso do homem-peixe do que qualquer outra dor; já para sua infelicidade, a velocidade que ele conseguia manter com sua perna assada era não muito rápida para que chegasse até a loja antes que fechasse.

Contudo, Solomon conhecia bem o caminho e conseguira chegar a cidade sem problema, todavia o tempo de caminhada fora de aproximados 20 minutos até que chegasse em frente a loja que já se encontrava toda fechada sem resquícios dos proprietários Kiiro e Kuro, o que fazia com que Solomon seguisse com mais calma até a casa de Myamoto logo em frente. O tritão ao se aproximar da porta batia em um ritmo equivalente para chamar a atenção de Myamoto que logo respondia. – Já estou indo! – O mesmo gritava visando avisar o visitante que não batesse mais atoa.

Cerca de 2 minutos passavam e Myamoto resmungando seguia em direção a porta, Solomon não conseguia entender muito bem o que ele estava falando, apenas palavras como “desgraçado” e “inconveniente” podiam ser percebidos por ele. – Ahh, é você, entre. – Dizia Myamoto que abria um sorriso não muito largo em sua face. Solomon conversavam com o senhor pedindo que ele o tratasse melhor, sem dizer qualquer sobre a garota, Myamoto sem responder fazia o mesmo ritual de antes subindo as escadas de sua casa para pegar sua típica maleta de ferramentas para que pudesse tratar o tritão.

– Esse ferimento na sua perna já está bem tratado, não precisarei fazer nada aqui... Você só precisa repousar um pouco e se alimentar... Notei uma irregularidade também na sua respiração, parece que sua costela não está na melhor condição também... Durma aqui hoje... – Dizia Myamoto para Solomon após ter checado tudo que suas ferramentas pudessem checar no homem-peixe. O velho seguia até a cozinha não muito longe da sala onde Solomon estava sentado em um enorme sofá para pega um chá em alguns biscoitos para dar ao seu visitante, ele também pegava um cesto que pendurava em seu braço com diversas frutas levando junto até Solomon. – Coma bastante, amanhã me conte quem fez isso em sua perna... Por hoje, só descanse. – O homem dizia sério seguindo para o segundo sem nem se quer dar boa noite a Solomon.

Chegando ao segundo piso, uma espécie de claraboia do primeiro para o segundo andar era fechada por Myamoto para que ninguém mais subisse até o segundo andar, o que era comprovado pelo fato de uma fechada estalar logo após o alçapão se fechar. Solomon teria durante esse final de dia o primeiro andar para usufruir como quisesse, lá haviam livros enormes escritos “Médicina I,II,III e IV”, “Costuras para iniciantes” e “Engenharia mecânica vol. I e II”, haviam diversos outros livros mas por algum motivo esses eram os mais destacados nas prateleiras onde se encontravam, também haviam revistas atiradas pelo chão, roupas e alguns palitos de picolés. Solomon poderia investigar qualquer coisa caso desejasse ou simplesmente dar uma volta pela cidade e depois retornar para dormir ali.






PPs:
 

Ferimento:
 

Considerações:
 

Legenda:
 


Citação :
Clima: Sol se pondo com poucas nuvens.
Temperatura: 29ºc
Local: Casa de Myamoto em Spider Miles
Horário: 18:05

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anjodk
Membro
Membro
Anjodk

Créditos : 5
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 08/04/2020
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyQui 21 Maio 2020, 03:55


Havia sido um dia cansativo, eu realmente não estava nas melhores condições, mas esperava sobreviver. Não estavam sendo dias fáceis e eu já havia sido atacado e quase morto por dois malditos. Ainda não descobri o que procurava e esperaria que conseguisse pelo menos alguma informação nova. Eu precisaria também melhorar meu combate se quisesse sair melhor de uma próxima vez. Mas dessa vez eu aproveitaria aquela tarde para descansar.

Eu apoiaria Synodos num canto da sala e pegaria o livro sobre costura e o outro sobre engenharia e os folhiaria, por que tenho muito interesse em aprender sobre estes assuntos. Eu acho difícil um médico saber esse tipo de coisa, até que costura faz sentido, mas Engenharia Mecânica? Posso me surpreender. Assim como me surpreendi em ele, um humano, ajudar um tritão. Após ler o que pudesse do livro, eu iria checar as condições do meu machado e no dia seguinte quando fosse conversar com Kuuro pediria se ele poderia me emprestar uma pedra de amolar e algumas peças caso fosse necessário algum concerto. Então eu iria dormir com a companhia do meu novo amigo e daqueles livros.

~ Início do Aprendizado de Costura ~

No dia seguinte falaria com Myamoto:
-Muito obrigado por toda a ajuda que você me deu. Eu quero fazer algo para retribuir algum dia. Por que você tem livros sobre costura e engenharia mecânica? Por acaso já foi engenheiro? Eu gostaria muito de aprender essas coisas, você pode me ensinar? Sei que to pedindo muito e você já tá fazendo demais por mim então fique a vontade pra aceitar ou não. E mais uma vez, muito obrigado por tudo, você e a sua filha com certeza salvaram a minha vida. Você deve ter muito orgulho dela.

Eu esperaria a resposta dele, sendo positiva então passaria a tarde aprendendo sobre costura. Tentaria prestar atenção em tudo que me fosse ensinado para colocar em prática, me aproveitando de minha calma natural para tentar não me apressar, visando garantir o melhor aprendizado possível.

Iria tentar ter cuidado com meus grandes dedos grossos de tritão, pois tinha ciência que eles poderiam me atrapalhar, mas não desanimaria com isso e nem com qualquer erro que pudesse ter ou furo que pudesse fazer em mim mesmo, apesar de tentar evitar isso. Ficaria ali o tempo necessário para aprender, independente de quanto fosse, buscando me manter calmo e focado. Diria as dúvidas que pudesse vir a ter, além de perguntar se existiam diferença entre os tipos de nó.

Ao final do aprendizado, agradeceria novamente a Miyamoto por tudo o que fizera por mim, e iria até a loja de armas, para minha conversa com Kuuro.

~ Fim do Aprendizado de Costura ~

Chegando lá eu perguntaria:
-O que tem para conversar comigo homem? Preciso de informações sobre a cidade, sobre o que tem acontecido, quem são os homens que me atacaram e o que eles tem a ver com a cidade e o lixão. Tive alguns problemas esses dias com alguns cretinos por isso não vim antes. Se for não for te incomodar, poderia me emprestar uma pedra de amolar, para que eu pudesse amolar meu machado enquanto conversamos?

Esperaria que aquela conversa poderia me dar informações valiosas que pudessem me ajudar na minha jornada no qual seria o futuro dela.



Off:
 
Histórico:
 

____________________________________________________

-Comprar uma arma
-Aprender perícia "Costura"
-Aprender Perícia "Engenharia Mecânica"
-Conhecer Charles Kim
-Comprar um Barco
-Conseguir um NPC companheiro
-Conseguir um amigo duo


Última edição por Anjodk em Qui 18 Jun 2020, 01:24, editado 4 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincent
Soldado
Soldado
Vincent

Créditos : 46
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptySex 05 Jun 2020, 19:54

Solomon Dias


Aquele havia sido um dia verdadeiramente cansativo para Solomons, mas ele havia encontrado alguém bondoso o suficiente para lhe dar comida e um local para dormir. Logo o tritão apoiou em um dos cantos do cômodo o seu machado do ferreiro e que recebera um nome, seu interesse no momento estava nos livros que Miyamoto guardava por ali. Os títulos de ambos eram curiosos, afinal um médico não era muito comum um médico ter outros conhecimentos a respeito de outras áreas de atuação. O ferreiro estava surpreso tanto pela presença do livro sobre engenharia mecânica ali quanto por ter sido ajudado um humano.

Mesmo após folhear ambas as obras ele pouco pode entender o que estava sendo ensinado e acabou por somente perder tempo. Seria preciso uma pessoa com certa proficiência nos assuntos para que ele pudesse compreender o que estava escrito. Não tendo muito mais o que fazer ele apanhava sua arma e verificava seu estado podendo notar que estava um pouco gasto devido a luta anterior que tivera com os dois homens. Apesar disso essa situação não era um problema que pudesse lhe gerar preocupações e o bárbaro poderia dormir em seguida de maneira tranquila podendo arranjar a pedra que queria para amolar o machado com o velho.

Havia também no cômodo uma cama para que ele pudesse se acomodar, ela estava devidamente arrumada como se estivesse esperando pelo tritão. A comida que miyamoto ficara por ali sem ser tocada pelo tritão que não demorou muito para adormecer quando fechou os olhos pensando no que faria no dia seguinte. Ao fundo era possível ouvir o som da chuva caindo levemente sobre o solo da cidade tornando as coisas mais fáceis já que um ar de tranquilidade havia se instalado no ambiente.

Quando o tritão acordou no outro dia já era bem cedo por volta das 9:00, o sol já raiava do lado de fora e os passarinhos cantavam alegremente indicando o início de mais um dia primaveril. As frutas e o restante da comida já não estavam em tão bom estado como antes, mas ainda eram comestíveis caso Solomon resolvesse se alimentar. Ele acabou por descer as escadas voltando ao primeiro andar e logo encontrou miyamoto - Acordou na hora certa rapaz! disse de maneira animada - Não se preocupe, é a minha função ajudar todos aqueles que estão feridos sorriu na direção do homem-peixe.

O velho escutou atentamente as palavras proferidas pelo Bárbaro e pareceu pensar na resposta por alguns segundos - Quando comecei a passar mais tempo em casa pude me dedicar mais à leitura disse inicialmente - Mas, é minha filha quem sabe sobre costura e eu pedirei para que ela lhe ajude por um momento ele se ausentou. Logo, ele apareceu juntamente da menina que carregava consigo o que era preciso - Bom, enquanto meu pai faz os outros afazeres de casa eu te ajudo ela falava primeiramente antes de iniciarem a aprendizagem.  

Quando Miyamoto se afastou os dois já haviam começado e a menina explicava inicialmente na prática os primeiros passos para se aprender a costurar. Após permanecerem por algum tempo nessa parte ela partia para técnicas um pouco mais complexas e ao final deixava o tritão praticar por contra própria. Ao fim do aprendizado horas haviam se passado e a tarde chegava com um leve aumento da temperatura local - Bom, já que terminaram podem vir almoçar  chamou os dois para que fossem até a cozinha.  
Ferimento:
 
 


Citação :
Clima: Ensolarado

Temperatura: 29ºc
Local: Casa de Myamoto em Spider Miles
Horário: 13:30

Offzão:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ato IV: Aranhas e mais aranhas
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Vincent em Dom 21 Jun 2020, 22:43, editado 5 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anjodk
Membro
Membro
Anjodk

Créditos : 5
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 08/04/2020
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyQui 11 Jun 2020, 19:49


Aquela foi realmente um noite tranquila pelos dias que passei. Poder dormir numa cama e comer comida de verdade foi realmente uma sensação que mudou meu humor. Estar descansado realmente faz bem a um homem.

Após o aprendizado com a filha de Myamoto, que por sinal puder aprender muito, eu me sentaria num lugar da sala e o diria:
Você parece bem mais convidativo do que das outros meu velho. Não existe realmente nada que eu possa fazer pra te recompensar? Sinto que tenho abusado da sua hospitalidade. Sua e da sua filha.
Vi que tem alguns livros interessantes na sua biblioteca, se eu juntar algum dinheiro me venderia?Ou me emprestaria? Esse de engenharia mecânica Poderiam me ser úteis mais pra frente caso encontrasse alguém que pudesse me ensinar mais sobre os assuntos nesses livros.



Eu esperaria uma resposta e se fosse positiva me prontificaria a realizar algum pedido que ele me fizesse, ficar em dividas com qualquer pessoa é algo que me incomoda. Caso não houvesse eu o agradeceria mais uma vez sairia da casa e andaria pelos arredores daquele lugar somente para passar o tempo até as 17:40 para que pudesse ir conversar com Kiiro e Kuuro na loja de armas em frente a casa de Myamoto.

Dando o horário eu iria conversar com Kuuro.
-Finalmente consegui chegar homem, espero que tenha assuntos importantes para tratar e que possam me ajudar na conversa, enquanto conversamos pode me emprestar uma pedra de amolar para meu machado? A qualidade do seu aço é fenomenal, consegui ter bons resultados com ele quando precisei. Ele não me deixou na mão!

Eu esperaria o desenrolar da conversa que antes ele tinha pra falar comigo, onde esperaria que pudesse me ajudar a ter pistas sobre os acontecimentos passados, sobre os homens que encontrei e sobre o sumiço do lixão da cidade. Sentaria e o ouviria e enquanto isso apoiaria meu machado no colo e com movimentos 3 movimentos circulares repetidas vezes ao longo da lâmina de cada lado do machado eu traria de volta o fio daquele aço. Acredito que eles como vendedores de armas não se importariam com o som, que pra nós forjadores é tão gratificante.

Tomaria as informações, se fossem úteis e iria em rumo aonde eles pudessem me dizer onde encontrar mais respostas para minha jornada.





Off:
 
Histórico:
 

____________________________________________________

-Comprar uma arma
-Aprender perícia "Costura"
-Aprender Perícia "Engenharia Mecânica"
-Conhecer Charles Kim
-Comprar um Barco
-Conseguir um NPC companheiro
-Conseguir um amigo duo


Última edição por Anjodk em Qua 17 Jun 2020, 21:42, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincent
Soldado
Soldado
Vincent

Créditos : 46
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyTer 16 Jun 2020, 18:35

Solomon Dias

A primeiro momento Solomon não seguiu até a cozinha juntamente dos outros dois, preferiu se sentar ali mesmo na sala. Havia uma cadeira recostada sobre a parede e logo se acomodou sobre o móvel - Bem, há algo que você pode fazer por mim sim ficou pensativo por alguns segundos antes de seguir falando - Entregue isto a Kuro, ele vai entender quando você der a ele ele ia até a uma estante que estava por ali e abria uma gaveta. Ali tinha um embrulho pequeno que estava devidamente amarrado por uma fita - Não vá abrir isso aqui hein!? por um momento sua expressão tornou-se um tanto mais séria.

A conversa prosseguiu com o questionamento do tritão sobre o homem lhe emprestar ou vender o livro de engenharia mecânica - Contanto que você venha me devolver o livro pode ficar com ele o tempo que quiser disse sem se importar muito. Não tendo mais o que fazer por ali o homem-peixe se levantava da cadeira e se despedia - Então, seremos só nós dois hoje pai a menina ia para a cozinha - Tenha cuidado, não estrague a minha encomenda disse por fim seguindo a filha.  

Depois de deixar a residência do velho, o bárbaro ia para o Purge point encontrar Kuuro e seu neto Kiiro ao final do expediente. Ainda estava cedo e por isso o tritão ficava andando aleatoriamente para que o tempo passasse, logo ele começava a sentir um tanto mais fraco já que não havia se alimentado desde a noite anterior. Dessa forma, as horas se passavam mais lentamente e ele podia sentir seu estômago roncar implorando por um pouco de alimento.  

Quando finalmente a hora de encontrar os dois chegou, o tritão adentrou a loja de armas buscando inicialmente o mais velho - Oh, você é bem pontual disse primeiramente - Isso é o que aquele velho do miyamoto tinha para mim? Kuro tratou de rapidamente pegar o pacote das mãos de Solomon. Ele também não perdia tempo e rasgava o embrulho ali mesmo revelando algumas fotos velhas - Ah, como os tempos eram bons antigamente ele recordava seu passado ali - Sem essas malditas fábricas resmungava sobre a chegada da indústria em Wars.

Kiiro balançava a cabeça em negação pesarosamente ao ver seu avô tão apegado com lembranças antigas - Venha, parece que ele não vai sair desse ‘transe’ tão cedo fez um sinal para que o tritão o seguisse. Havia uma porta no canto da loja, ali funcionava uma espécie de estoque onde estavam guardadas armas que não estavam expostas no balcão e prateleiras da loja. Uma mesa com duas cadeiras estava por ali, o rapaz indicou um dos assentos para Solomons e se acomodou no outro - Meu avô é muito saudosista, apesar de ter razão muitas das vezes disse inicialmente - Mas, quanto ao que você procura eu sei quem pode te ajudar mudou o assunto rapidamente - Há um homem conhecido como Snake, ele com certeza sabe o que aconteceu com o ferro-velho prosseguiu - Irei lhe dar a localização dele, quando chegar ao local diga o meu nome e ele irá te ajudar disse por fim.

O rapaz se levantou da cadeira e foi até uma prateleira onde apanhou um pedaço de papel para escrever, aproveitou também para pegar a pedra de amolar pedida anteriormente - Aqui está após escrever entregou as duas coisas para o homem-peixe. Depois de realizar 3 movimentos circulares na pedra repetidas vezes o tritão conseguiu fazer com que o fio de corte do machado voltasse ao seu estado inicial.
 

Ferimento:
 
 

 

Citação :

Clima: Ensolarado

Temperatura: 30ºc
Local: Purge PointSpider Miles
Horário: 17:55

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ato IV: Aranhas e mais aranhas
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anjodk
Membro
Membro
Anjodk

Créditos : 5
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 08/04/2020
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyQua 17 Jun 2020, 22:18


A fraqueza pela fome realmente me abatia, devia ter aceitado a comida oferecida por Myamoto. Eu agora pelo menos tenho informações claras de para onde ir em minha busca.

Eu diria a Kiiro:
-Agradeço demais por todas as informações. Espero ainda poder lhe retribuir de alguma forma para o que precisar, e espero um dia ainda ter mais armas ou alguma armadura feita do seu aço. Por acaso você conhece alguém engenheiro que esteja disposto a ensinar engenharia? Não precisa ser pra hoje, é que tenho aqui esse livro- Tiraria o livro do bolso interno da camisa e mostraria a Kiiro- E espero um dia poder aprender mais sobre essa arte que me será útil algum dia.  

Eu esperaria a resposta dele para obter essa informação, ou não, o devolveria a pedra de amolar que conseguiu recuperar o fio do meu machado, e antes de ir à localização do papel que me foi entregue por ele, eu iria até a casa de Myamoto, bateria na porta e diria a quem me atendesse:
-Peço desculpas de mais uma vez incomodar, prometo que essa será a última vez, mas será que poderia me dar um pouco daquela comida que me ofereceram antes? Passei o dia inteiro pensando nela e estou morrendo de fome. E se não for incomodar mais ainda posso dormir aqui fora no chão, é que minha forja é longe daqui.

Esperaria pelo consentimento ou não dos pedidos, e se sim, aceitaria de bom grado a refeição, me alimentaria e pediria:
-Por acaso, poderia me dar um bolsa onde pudesse guardar um pouco dessa comida para mais tarde?É que não sei quando vou voltar. Caso ela me desse eu pegaria a bolsa a passaria pelo pescoço e a deixaria do lado do meu corpo como lembrança pela boa vontade daquela família. Então dormiria ali no alento da noite até o amanhecer, quando, acompanhado de meu machado, eu iria até a localização dada por Kiiro. Caso ela não pudesse me dar a comida, eu iria caminharia até a praia, mergulharia em algum lugar e procuraria os recifes onde há peixes, que são mais ativos a noite, e procuraria pelas tocas dos peixes algum escondido que eu poderia me alimentar. Como a pele dos tritões e dos peixes são iguais, ele não escorregaria de mim, e mesmo eu estando cansado, esperaria que pela quantidade de animais a noite, pudesse pescar algum deles com a minha velocidade maior natural dentro d'água..  

Apesar de já morar muitos anos nessa ilha eu esperaria que o lugar que ele me passou fosse em algum lugar familiar. Caso eu não conhecesse o lugar eu perguntaria a Myamoto:
-Por acaso conhece onde este lugar fica?- E mostraria o papel.

Tendo ele me dito afirmativamente eu simplesmente seguiria suas instruções, mas caso não, eu iria até a loja e faria a mesma pergunta a Kiiro. Chegando no local indicado eu procuraria por Snake e diria:
Saudações companheiro, eu sou um conhecido de Kiiro e foi ele que me deu a sua localização, tenho aqui um papel escrito por ele mesmo como prova--Mostraria o papel-E ele me disse que você tem informações sobre o que aconteceu com o ferro velho. Estou aqui para saber e se possível encontrar o responsável por tirar o sustento de tantas familias que dependiam daquele lugar. Além de que o aço daquele lugar era a matéria do meu trabalho então também estou sem sustento. Se puder me ajudar eu lhe ofereço minha ajuda em algo que lhe possa ser util.

Esperaria pela resposta de Snake para prosseguir minha jornada.





Off:
 
Histórico:
 

____________________________________________________

-Comprar uma arma
-Aprender perícia "Costura"
-Aprender Perícia "Engenharia Mecânica"
-Conhecer Charles Kim
-Comprar um Barco
-Conseguir um NPC companheiro
-Conseguir um amigo duo


Última edição por Anjodk em Qua 01 Jul 2020, 14:52, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincent
Soldado
Soldado
Vincent

Créditos : 46
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyDom 21 Jun 2020, 23:53

Solomon Dias

Solomon primeiramente agradecia pela informação dada por Kiiro e em seguida perguntava se o homem conhecia alguém que sabia sobre engenharia mecânica - Tudo bem, não tenho ninguém em mente agora, mas assim que souber de alguém que pode te ajudar irei lhe avisar disse com um sorriso no rosto. Com isso, o tritão devolveu a pedra de amolar para o ferreiro e guardou novamente o livro que Miyamoto lhe dera - Antes que eu me esqueça, tome cuidado com quando for encontrar Snake, o lugar onde ele mora é um tanto perigoso disse por fim antes de despedir do homem-peixe.

Quando os dois voltaram até a parte central da loja, Kuuro ainda permanecia observando as fotos e assim que percebeu a presença do neto o chamou para mais perto - Venha ver Kiiro como era antigamente o mais novo apenas soltou um suspiro demonstrando desânimo. Vendo o bárbaro deixar o local o homem acenou em sua direção - Boa sorte! foram essas suas últimas palavras. Solomon decidiu retornar até a casa de Miyamoto para pedir comida ao velho - Quem é que vem me incomodar!? resmungou em tom alto quando ouviu os barulhos de toque na porta - Ah, é você de novo falou sem muita surpresa.

O homem escutava atentamente as palavras do homem-peixe que além da comida pedia para dormir em frente à casa do idoso - Não diga besteiras rapaz! disse um tanto irritado - Entre, já que veio até aqui pode dormir também! disse ainda sem muita paciência. Logo, ele abriu passagem para que o tritão pudesse adentrar a casa mais uma vez - Venha logo fez um sinal para apressar a entrada do homem-peixe na residência. Miyamoto comia tranquilamente na cozinha um tanto de sopa e rapidamente indicou o caldeirão para que o tritão se servisse - Sente-se disse ao se acomodar em sua cadeira.

Era por volta das 19:00 enquanto o tritão terminava de se alimentar o velho chupava uma laranja tranquilamente - Vá descansar agora ordenou e assim o homem-peixe seguiu até o segundo andar. Não demorou muito para que ele adormecesse e acordasse no dia posterior com mais vigor e disposição - Olha só, acordou cedo para o café falou enquanto bebericava um copo de café - Se não quiser comer agora, pode guardar nesta sacola para mais tarde mostrou o objeto para o tritão.
Ferimento:
 
 

Citação :

Clima: Manhã, Amena.

Temperatura: 23 ºc
Local: Casa de Myamoto em Spider Miles
Horário: 8:00

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ato IV: Aranhas e mais aranhas
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anjodk
Membro
Membro
Anjodk

Créditos : 5
Warn : Do ferro ao aço - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 08/04/2020
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro

Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 EmptyQua 01 Jul 2020, 15:13


Aquela noite de sono realmente foi muito revigorante e pode me trazer um vigor que não sentia fazia tempos.

Ao amanhecer eu agradeceria pela comida servida por Yamato e aceitaria o punhado que ele me deu naquele saco para comer depois. Então eu diria:
-Bom dia Myamoto. Hoje preciso procurar um homem, Snake, me disseram que ele pode ajudar a encontrar os homens que estão envolvidos no sumiço do lixão e que me deram essa cicatriz- Então mostraria a perna que Myamoto e sua filha ajudaram a tratar.- Por acaso conhece esse endereço e como faço pra chegar lá?- Mostraria o papel que foi dado por Kiiro. Se a resposta fosse sim, eu pegaria a bolsa com a comida, colocaria meu machado nas costas e iria em direção ao endereço indicado. Caso ele não soubesse eu iria até Kiiro novamente e pediria:
-Olá companheiro, apesar de morar aqui a muitos anos, eu nunca andei muito pela cidade pra evitar problemas com os humanos, será que pode me indicar como faço para chegar no endereço que você me deu?-

Então esperaria que ele pudesse me ajudar e iria ao encontro de Snake. Ao estar perto do endereço eu manteria minha mão direita perto do machado para sacá-lo rapidamente se necessário, não o pegando antes para evitar algum conflito desnecessário. Se caso chegasse a encontrar Snake eu perguntaria:
-Soube que tem informações sobre os homens que sumiram com o lixão, estou procurando por eles para que consiga trazer de volta um bem que apesar de ser um incomodo ao ricos, trazia sustento aos pobres.Além de dois homens que me atacaram e mataram um homem a um tempo atrás. Eu consegui ferir um deles com um corte no peito e o outro infelizmente escapou Por acaso me consegue alguma informação em troca de algum serviço que eu possa prestar a você?-

Caso houvesse uma resposta positiva dele eu então seguiria suas instruções para encontrar os homens que encontrei antes. Se ele me pedisse algum favor em troca das informações eu o faria de bom grado e seguiria as instruções até chegar na tarefa e tentaria realiza-la com calma e destreza.





Off:
 
Histórico:
 

____________________________________________________

-Comprar uma arma
-Aprender perícia "Costura"
-Aprender Perícia "Engenharia Mecânica"
-Conhecer Charles Kim
-Comprar um Barco
-Conseguir um NPC companheiro
-Conseguir um amigo duo


Última edição por Anjodk em Seg 13 Jul 2020, 21:22, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Do ferro ao aço - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Do ferro ao aço   Do ferro ao aço - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Do ferro ao aço
Voltar ao Topo 
Página 3 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: North Blue :: Wars Island-
Ir para: