One Piece RPG
Cory Atom XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Evento Natalino - Amigo Secreto
Cory Atom Emptypor (Orochi) Hoje à(s) 05:51

» Mao di Lut Ima
Cory Atom Emptypor Alek Hoje à(s) 04:24

» [Mini] Albafica Mino
Cory Atom Emptypor Albafica Mino Hoje à(s) 03:42

» Ato 157: Se eu quisesse tua opinião, Eu tirava na Porrada
Cory Atom Emptypor Dante Hoje à(s) 02:53

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Cory Atom Emptypor Fran B. Air Hoje à(s) 00:30

» One Piece RPG Awards 2020
Cory Atom Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 00:00

» Vol 1 - The Soul's Desires
Cory Atom Emptypor Arthur Infamus Ontem à(s) 23:55

» VIII - The Unforgiven
Cory Atom Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 23:31

» BOOH!
Cory Atom Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 23:06

» [LB] O Florescer de Utopia III
Cory Atom Emptypor Vincent Ontem à(s) 22:56

» Mess in Grand Line: The Red-Haired Arrived
Cory Atom Emptypor Revescream Ontem à(s) 22:33

» O Samurai
Cory Atom Emptypor K1NG Ontem à(s) 21:30

» Capitulo II: Sangue e navalhas! O Golpe em Las Camp
Cory Atom Emptypor Oni Ontem à(s) 21:28

» Cap.1 Deuses entre nós
Cory Atom Emptypor Tensei Ontem à(s) 20:00

» Julian D'Capri, das Mil Espadas
Cory Atom Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 19:55

» Carregada de Culpa / Amanhecer em Prata
Cory Atom Emptypor Adrian/Vampiro Ontem à(s) 19:28

» The One Above All - Ato 2
Cory Atom Emptypor Thomas Kenway Ontem à(s) 19:01

» Cortes e Tiros, resgate na ilha das aranhas!
Cory Atom Emptypor jonyorlando Ontem à(s) 17:47

» Cap IX ~ Esperança ~
Cory Atom Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 16:34

» A Ascensão da Justiça!
Cory Atom Emptypor K1NG Ontem à(s) 16:27



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cory Atom

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Senshi
Mercenário
Mercenário
ADM.Senshi

Créditos : 10
Warn : Cory Atom 10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 26

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Cory Atom   Cory Atom EmptyQua 12 Fev 2020, 19:54

~ PESSOAL ~

Nome: Cory Atom
Idade: 19
Altura: 1,80m
Peso: 70kg
Mão predominante: Direita
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho/Espécie: Normal
Origem: Arquipélago Sandline- West Blue
Localização: Toroa Island -West Blue
Grupo: Civil

~ ATRIBUTOS ~

LEVEL: 2
EXP: 41/50
BERRIES: 151.000
BANCO: 0

HP: 130
SP: 101

DANO: 6 +4(edc) +2(racial) +2 (Broche) = 14 [Bom]
ACERTO: 4 +4(edc) +3(racial) +2 (Broche) = 13 [Bom]
PONTARIA: 1 [Normal]
ESQUIVA: 19 +4(edc) +3(racial) +2 (Broche) = 28 [Habilidoso]
BLOQUEIO: 0 [10 bônus] [Normal]
RESISTÊNCIA: 11 [Bom]
VELOCIDADE DE ATAQUE: 3


KENBUN-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050


BUSOU-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050


~ ESTILOS DE COMBATE ~


Citação :
Estilo de Combate: Gatuno
LEVEL DE COMBATE: 2
EXP DE ESTILO: ~PRIMÁRIO NÃO POSSUI EXP~


~ Perícias ~


Citação :
• Furtividade
• Disfarce
• Lábia
● Atuação
● Punga
● Acrobacia


~ Ofícios ~


Citação :
•Gatuno
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-


~ FAMA & REPUTAÇÃO ~


Photoplayer:
Spoiler:
 
Alcunha:
Recompensa:

Citação :
LINK DOS JORNAIS:


~ AKUMA NO MI ~


Citação :
Nome:
Tipo:
Energia:
Bonificação:


~ EQUIPAMENTOS ~

• ARMA(S)
Nome:
Dano:
Requerimentos:
Custo:

• CABEÇA
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• TRONCO
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

10th -Year Anniversary:
 

• BRAÇOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• MÃOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PERNAS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PÉS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:


~ INVENTÁRIO~

(MÁXIMO DE 10W)

● Cartão de contato Família Profiacce
● Adaga lv 1
● Bolsa com máscaras com diversos rostos diferentes, materiais de maquiagem, materiais de falsificação de documentos, cartazes de recompensas falsos, carimbo do Tenente Curry Atom, peças de roupas femininas diversas.
● Diário de Bordo Criptografado do "Maior Ladrão do Continente:
 
● Baú com Joias (10 kk berries)
● Número de Conta do Banco Mundial:
 
● Perfume Parfum Fleur:
 
● Veneno Flor de Toroa:
 


~ EMBARCAÇÕES ~


Nome:
Tipo:
Descrição:
Velocidade:
Número de tripulantes máximos acomodados:
Lotação máxima no transporte:
Número de ilhas sem precisar reabastecer:
HP:
Canhões:


~ TÉCNICAS ~


• Sagi-shi no yajirushi:
 

[b]~ TÉCNICAS SUPREMAS ~


• -X-
• -X-
• -X-



~ EXTRAS ~


APARÊNCIA:É um rapaz humano e esguio de traços finos e pele clara. Tem cabelos escuros e olhos castanhos bem claros que podem ser confundidos com vermelho dependendo da direção da luz que incide sob eles. O jovem não difere muito de um cidadão comum exceto pelo fato de que a harmonia entre todos os seus traços corporais faz dele mais visualmente agradável que a média. Suas mãos são delicadas e seus músculos discretamente definidos por debaixo de roupas que costumam a esconder grande parte de seu corpo. Cory demonstra certa predileção por tons escuros e nunca varia seu visual por pura praticidade. Sempre é visto usando um casaco de pele aberto com certa “pelugem” nas mangas e no capuz. Por baixo, uma camisa gola “V” de cor cinza escuro seguida por uma calça preta e sapatos da mesma cor. Além disso na sua mão direita, no dedo anelar , veste um anel de prata roubado da mansão de Nero em Yakira Town como troféu de seu primeiro triunfo como ladrão.
● Diversas feridas de senbons pelo corpo [3/5]

PERSONALIDADE:Ao contrário do que sua aparência revela Cory é uma pessoa focada e detentora de objetivos muito claros em sua vida e certa devoção por eles. Ele é curioso, alegre um tanto quanto sarcástico além de fascinado por leitura. Apresenta muito boa oratória que permite cativar as pessoas que estiverem dispostas a ouvi-lo com sua dicção e articulação corporal notáveis, possui ciência dessa habilidade e utiliza dela para influenciar pessoas a sua volta facilitando seu oficio como gatuno. As características complexas de seu psicológico fazem de Cory um manipulador nato, capaz de explorar pessoas o tanto que for necessário para alcançar objetivos próprios.

HISTÓRIA:

~Infância~


“Não se pode viver de imaginação moleque... a vida real exige dureza!” Essas palavras tinham cheiro de infância, lembravam o tempo em que tudo era salgado em Yakira Town, o ar fedia e era repulsivo.

Cory costumava ouvir constantemente isso de seu velho pai. Sua mãe? Bem, ela não era de falar muito. Cory imaginava que ela fosse como as cobras, pois as únicas palavras que ele ouvia dela eram “SHHHH” para que se calasse quando enchesse a paciência. Seu nome era esse mesmo “Cory” somente Cory. Seu pai dizia que ele não merecia ser chamado por um sobrenome, pois sua vida era um acidente que ele jamais perdoaria.

Aos 6 anos de idade, ele já era insuportavelmente curioso, queria saber sobre todas as coisas do pequeno mundo onde vivia. “As coisas são o que são! Nem tudo precisa de explicação seu moleque enxerido” berrava a professora da escola no ouvido do menino, aquilo não parecia justo para o jovem, essa foi uma verdade que ele jamais aceitou.

A realidade de sua casa era dura, seu pai exigia do menino uma postura de adulto já aos 12 anos de idade. Cabia ao garoto a função de ir até o núcleo de Yakira Town, vender pequenos artesanatos que eram feitos por sua mãe. A lembrança daqueles lindos objetos feitos a mão ainda orbita a cabeça de Cory com muito carinho, eram lindos colares, aneis e pulseiras que pareciam pertencer a realeza, feitos com objetos extremamente baratos como ossos de animais e couro velho e pedrinhas encontradas no chão do deserto.
Foi nessa época que Cory descobriu seu talento quase que biológico em articular as palavras e também em fazer negócios, o jovem contava histórias mirabolantes sobre os objetos que vendia.

Muitos sequer notavam o menino e outros até riam de suas histórias, mas aqueles que paravam pra ouvi-las sempre compravam seus produtos. Isso por que o menino contava as histórias tão detalhadamente que não havia quem duvidasse que elas fossem reais e no fundo até o menino acreditava nelas.

Cory vendia os artesanatos por um preço muito maior do que seus pais jamais imaginariam e por conta disso ele conseguia omitir grande parte do dinheiro que ganhava para gastar com coisas para si. Ele fazia de tudo com aquele dinheiro, comia pela cidade já que a comida de sua casa era desagradável e insossa, também comprava livros onde aprendia cada vez mais histórias para contar aos clientes.

Certa vez apareceu em sua pequena loja um cliente muito peculiar, ele usava trajes elegantes e uma máscara macabra. As pessoas em volta cochichavam enquanto o homem se aproximava a passos lentos e assertivos do pano de chão Cory anunciava seus itens “exclusivos”. “Há Boatos que você tem itens muito valiosos com você não é garoto...Quanto quer por eles?” disse o homem que intimidava o garoto com sua voz sombria e linguajar refinado. “São os mais raros de todo west blue certamente senhor..., mas acho que alguém como você não conseguiria pagar, posso-lhe oferecer um desconto que tal 5 mil berris?”. O homem deu uma risada que ecoou por toda a cidade e em seguida prosseguiu “Não conseguir pagar? Você certamente não sabe com quem está falando garoto... Eu pago 500 mil berris por suas relíquias”.

Cory nunca tinha visto tanto dinheiro na vida, aceitou logo de bom grado a proposta do mascarado e seguiu viagem até sua casa com o dinheiro em um saco, parecia ser bom demais para ser verdade, e de fato era.

Estava a poucos metros de distância de onde morava, tudo que restava era atravessar um beco e pronto! O dinheiro mais fácil de sua vida! até que dois homens surgiram por trás do garoto. Ele não tem muitas lembranças do que aconteceu depois disso, só de segundos antes de apagar ver um desses homens, que era alto com uma cicatriz no olho direito se aproximar de seu corpo já quase inconsciente. Nada mais lembrava senão a sensação de estar de bruços no chão noturno com vários machucados no rosto e, claro, sem dinheiro.


Essa surra foi quase mais forte que a do seu velho pai quando o menino disse ter sido roubado “Você realmente não presta garoto! Já que não é capaz de fazer um trabalho simples como esse então agora você vai catar lixo pra fazer os colares lixos da sua mãe!”. As doces palavras do seu pai entraram pelos ouvidos do garoto como se fossem facas, ele insistiu para voltar ao oficio, mas isso só lhe rendeu mais alguns roxos pelo corpo. Talvez aquele homem tivesse razão, aquela não era a verdadeira vocação do garoto, a que viria depois disso o acompanharia até o final de sua vida...

Cory deixou de frequentar a escola e passou a trabalhar exclusivamente com catador de tralhas. Ele ia até o centro de Yakira town onde ora ou outra encontrava algumas pedrinhas que podiam ser usadas como enfeite.

Certo dia ele caminhava pela cidade com um sol que queimava até seu espirito a cima de sua cabeça, olhando atentamente o chão como se procurasse não só pedrinhas, mas as pistas de um grande tesouro enterrado como os piratas que ele admirava dos seus livros. Seu foco era tanto que nem sequer viu um homem caminhando em sentido contrário ao dele a passos de elefante. Bastou um segundo para que inevitavelmente eles colidissem e Cory caísse feito um objeto inanimado no chão devido a força e tamanho descomunal do homem, “OLHA POR ONDE ANDA SEU MOLEQUE DISTRADO!” cuspiu as palavras no rosto do garoto como um gorila agressivo prestes a atacar.

Cory teve um segundo para olhar no rosto do homem que saia andando ainda mais rápido do que antes da colisão, tempo o suficiente para reconhecer a cicatriz do dia que havia perdido não só seu dinheiro, mas também seu trabalho que tanto gostava. Olhando mais atentamente Cory notou ainda uma pulseira no seu braço direito... idêntica a uma daquelas que vendeu ao mascarado no dia do assalto! aquilo não podia ser somente coincidência e de fato não era o coração de Cory se encheu de uma cede por vingança que jamais tinha sentido.

Cory seguiu discretamente o homem que andava apressado pelas ruas simples daquela cidade do deserto até uma mansão que se destacava das demais construções da pequena cidade. As portas imediatamente abriram para aquele monstro em corpo de humano. Aquilo era como as histórias dos livros de aventura, um homem mau com ligação direta  aos ricos da cidade, Cory ainda sentia raiva e ao mesmo tempo uma curiosidade gigantesca. Queria saber mais sobre aquele homem e queria recuperar seu dinheiro, então planejou o que seria o primeiro de muitos assaltos que cometeria na sua vida, embora nunca tenha considerado aquilo um assalto, roubar quem te rouba é um assalto? Para Cory não! Aquilo era um acerto de contas.


~Invasão a mansão~


Esperou o sol cruzar o céu dando lugar a uma noite sombria e escura, onde não havia uma luz sequer vindo das casas com exceção do clarão imenso que emanava da mansão.  
Cory sabia dos riscos que corria ao tentar sua vingança, já havia passado da hora do garoto estar em casa, quando chegasse estaria morto caso não morresse tentando entrar naquela mansão tão vigiada quando um quartel general.

Cory foi pelos fundos onde viu uma janela aberta achou estranho à primeira vista ser tão simples assim encontrar uma brecha naquele local tão seguro, mas prosseguiu. Quando chegou perto conseguia ver claramente o interior da mansão, ela era a exata descrição do castelo que ele sonhava.

Todo o piso e as escadas eram feitos de tabua corrida lustrada, as portas também de madeira, tinham entalhos feitos a mão e o corredor era repleto de objetos decorativos de arte e um enorme lustre e candelabros cinzelados com ouro cobre e cristais. O jovem esperou até que não houvesse sinal de movimento dentro da casa e entrou com um salto, fechando a janela para não levantar suspeitas e escondendo-se imediatamente atrás de cortinas grossas de um vermelho vivo.  

O menino ouviu passos seguidos de uma conversa vindas do final do enorme corredor e prestou muito atenção. “Chefe, o carregamento de alimentos e bebidas da cidade foi atrasado devido a um ataque pirata ao navio de transporte, como faremos para que isso não prejudique os negócios da família?” o homem que parecia um mordomo da família, com a voz tremula. “Os danos serão inevitáveis... vá até o meu escritório e pegue uma caneta e um papel para mim, preciso fazer alguns cálculos quanto a isso” disse o homem mascarado com um tom de voz ignorante. O mordomo subiu as escadas sem olhar pra trás com muita pressa e Cory se aproveitou disso para segui-lo pelas costas.
O tempo desacelerou para o garoto naquele momento, tinha em suas mão uma faca pequena porém afiada e o mordomo  de costas para ele ocupado demais procurando a chave certa para abrir o quarto do mascarado. Cory imaginava que seus itens roubados estivessem dentro daquele quarto e só havia uma forma de entrar... matando.

A respiração de Cory estava ofegante o coração acelerava e as mãos tremulas, nunca pensou até aquele momento de sua vida que seria capaz de matar uma pessoa, estava na verdade prestes a desistir de sua vingança quando sentiu um puxão atrás de sua blusa e uma mão que ao mesmo tempo que fechava sua boca arrastava com força porem em silencio para bem longe do homem. “Ta querendo morrer garoto? Olha como você ta tremendo! Vou te contar o que ia acontecer, você iria pular na garganta dele e antes de conseguir mover o braço  para degola-lo ele te jogaria longe e pisaria na sua cabeça até ela explodir por causa do seu nervosismo, tá achando que a vida real é um livro de ação?” disse o sujeito que ainda mantinha a mão pressionada contra sua boca com uma voz baixa e suave.  

Cory não sabia exatamente o que pensar naquele momento, estava com medo e paralisado no fundo ele realmente achava que seria como uma historia de ação, porem era como seu velho pai dizia "Não se pode viver de imaginação moleque...". A verdade era que estaria morto por sua falta de habilidade e ingenuidade da época.

“Meu nome é Kouha Atom, fica aqui escondido e quietinho enquanto eu mostro como se faz entendeu?”  Replicou Kouha enquanto sem pressa soltava a boca do menino e olhava atentamente para a porta do escritório, sua presença aparentava a de um leão prestes a executar um ataque sorrateiro, o homem tinha uma presença muito forte que fez Cory tremer e quase cair no chão, jamais conseguiu esquecer aquela sensação.

Kouha era um homem de aparentemente 30 anos e tinha um semblante dócil e acolhedor ao mesmo tempo aquela presença assustadora que emanava um instinto assassino animalesco. No momento que o funcionário daquele mafioso mascarado encontrou a chave do escritório e a enfiou na fenda da fechadura da porta Kouha investiu com uma velocidade assustadora contra o homem e em um piscar de olhos a faca que estava na sua cintura já estava no pescoço aberto do mordomo enquanto uma das mãos de Kouha abafava o grito de dor seguido da morte silenciosa daquele azarado funcionário. Kouha fez um gesto com a mão chamando Cory que seguiu silenciosamente caminhou em sua direção, “Pega o que ele te deve e vamos embora o mais rápido possível, temos 30 segundos até alguem ver essa bagunça, eu subornei um funcionário desse idiota do Nero pra que ele deixasse uma janela aberta para a minha fuga, ele nem vai suspeitar que estive aqui” Disse Kouha com confiança e orgulho de seu assassinato perfeito, agora sua presença alterava completamente, parecendo até um pouco infantil para um homem de sua idade.

“Que? Aquela janela aberta era de proposito? Eu fechei assim que entrei aqui....” disse Cory assustado, culpado e talvez um pouco eufórico.  Em uma questão de segundos o semblante sorridente de Kouha passou para uma expressão de pavor. “fud... Não nada disso, eu sou o maior ladrão de todos os tempos, o lendario Kouha Atom! Eu já tinha pensado em tudo isso ok? Ta pronto pro plano “B” garoto?” Disse o convencido Kouha ainda mais assustado, culpado e eufórico que Cory enquanto abria a porta do escritório e apanhava em cima do mafioso um pesado abajur de metal também um papel encardido que parecia um mapa do tesouro. Cory vasculhou rapidamente o quarto mas só encontrou um anel de prata que não era exatamente o que estava procurando, mas resolveu levar como lembrança daquele dia memorável.

Os dois ladrões assustados desceram as escadas da mansão e foram ouvidos por Nero “finalmente você encontrou papel seu imprestável, venha logo aqui antes que eu te demita!” disse antes de olhar para escada e ver na verdade os dois ladrões descendo a escada com o abajur na mão. “Espera ai quem são vocês! E por que estão com o meu abajur?! Guardas!!!” berrou Nero enquanto sacava uma pistola da cintura, aquele mafioso andava armado até dentro de casa, era um sujeito realmente precavido. Kouha segurou firme Cory pelo braço e investiu com toda sua velocidade em direção a janela que Cory havia fechado. Em seguida lançou o abajur com toda força em direção a janela que estilhaçou em mil e um pedaços, tiros passavam ao redor de suas cabeças e apareciam cada vez mais pessoas cercando o perímetro da casa, um cenário claramente impossível de escapar, mas não para Kouha.

O habil ladrão lançou Cory pela janela com apenas uma das mãos que caiu desnorteado em frente a 3 capangas do mafioso com espadas apontadas em sua direção. O jovem temendo por sua vida levantou as mãos em tom de rendição. “Mas você já desistiu garoto?” gritou Kouha que habilidosamente saltava a janela e pousava em frente ao garoto como se fosse um herói valente e não um ladrão que acabara de assassinar um homem no segundo andar.

Ele atirou uma bomba de fumaça que rapidamente cobriu tudo em um raio de 4m com uma neblina e pegou Cory nas costas correndo em uma velocidade ainda impressionante, como se não tivesse nenhum peso.  “Garoto, terei que fugir pelo deserto até o rio Kakka onde meus companheiros me esperam com uma pequena embarcação, caso você me siga sua vida nunca mais será a mesma, está disposto a largar tudo e aprender a se tornar um ladrão?” Propôs Kouha enquanto corria a toda velocidade com o menino nas costas ficando cada vez mais distante da mansão e dos capangas de Nero.
Não era como se Cory tivesse muita opção que senão seguir aquele homem desconhecido, seus pais nunca deixariam ele pisar em casa depois desse atentado, provavelmente ele seria caçado e morto se continuasse naquele arquipélago e além disso Cory jamais havia sentido tamanha euforia na sua vida, era como se ele estivesse esperando esse momento desde que nasceu. “Por favor, me leva com você, eu quero aprender a ser ladrão como você!” Suplicou o garoto segurando firme nas costas do veloz ladrão Kouha. Ele abriu um sorriso de orelha a orelha e começou a correr ainda mais rápido a ponto da cabeça de Cory pender para trás e disse em voz alta com muita alegria “Não precisa insistir tanto seu moleque! Bora que bora!!”  


~Novo Começo~


Passaram-se 7 anos desde o dia em que a vida de Cory mudou para sempre. Ele navegou junto com os amigos de Kouha por todo aquele tempo aprendendo a se tornar um verdadeiro ladrão desenvolvendo habilidades que já apresentava desde muito jovem, como a labia a furtividade e o disfarce, o jovem aprendeu muito cedo pois era um autodidata de nascença e isso fez com que Kouha e seus amigos admirassem muito o talento do jovem. Cory havia decidido deixar o navio de Kouha quando completasse 19 anos, ele não queria viver do legado daqueles homens, Cory era ambicioso e talvez um pouco egoísta pois desejava criar seu próprio caminho sem depender de homens mais fortes que ele para isso.

Houve muita festa no dia de sua partida regada a muito rum e comida roubada de outras ilhas. Recebeu como presente para iniciar a nova vida 50.000 berris e talvez alguns conselhos questionáveis da tripulação. O navio atracou na vistosa Toroa Island, antes de Cory descer sozinho e talvez nunca mais ver aqueles homens que acostumou a chamar de família Kouha segurou no ombro do jovem adulto e lhe disse algumas ultimas palavras “Cory, você cresceu muito durante todo esse tempo que estivemos juntos, parece até gente agora!” Cory tentava esconder a leve indignação que sentiu naquele momento enquanto Kouha ria baixo debochando do garoto. "Quero te dar um ultimo presente meu garoto a partir de hoje quero que você se apresente como “Cory Atom”  o filho de Kouha Atom o maior (e mais convencido talvez) ladrão de todo o continente HAHAHA” Cory não se esforçou em tentar esconder a profunda felicidade de finalmente ter um sobrenome, era algo muito valioso sem duvida, o melhor presente que Kouha havia lhe dado em todos esses 7 anos de viagens "Cresça forte meu garoto, e quando estiver pronto, venha me encontrar na grand line, quero ver se você vai ficar mais forte que esse seu pai aqui" Os dois se abraçaram e seguiram seus caminhos agora separados.  

Agora a vida de Cory passava pela sua terceira grande revolução. Cory decidiu naquele momento que não só se tornaria forte o suficiente para encontra-lo na grand line mas também mais poderoso e genial do que aquele convencido ladrão--agora pai--, sonhava ser. Talvez uma tarefa impossível já que ele se julgava no topo do mundo , mas Cory o alcançaria a qualquer preço!

~ VANTAGENS E DESVANTAGENS ~


Vantagens:

•Genialidade
•Boa aparência
•Temperamento Calmo

Desvantagens:

•Curioso
•Devoção
Devoção escreveu:
Cory após anos de convivência com o convencido ladrão "Kouha Atom" herdou o sonho de se tornar tão poderoso e lendário quanto o mesmo dizia ser, chegando um dia roubar dele o titulo de "maior ladrão de todo o continente".
OBS: A Red Line é o único continente no mundo de one piece, lar da terra sagrada de mary geoise, capital do governo mundial. Ser o maior ladrão do continente significa ter a maior notoriedade dentro da capital do continente.
Má Fama (West Blue):
 

~ PERSONAGENS CONHECIDOS ~



PLAYERS:
 

NPC's Importantes:
 

NPC's Criados:
 


~ AVENTURAS CONCLUÍDAS ~


------------------

Link da ficha anterior ou da Mini-Aventura concluída: https://www.onepiecerpg.com/t33555-kiomaro-roshiro?highlight=kiomaro

____________________________________________________


Cory Atom BgSDAYZ

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Cory Atom Ali_e_Shi_final
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kiomaro
Narrador
Narrador
Kiomaro

Créditos : 7
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 25/02/2015
Idade : 21
Localização : brasilia

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQua 08 Abr 2020, 13:30

Atualiza pra mim o ticket e o brochezin do evento fazendo o favor? Cory Atom 325310319

Link do evento que eu participei:
https://www.onepiecerpg.com/t45404p20-10-anos-de-oprpg-bingo?highlight=Bingo

Coloca os bônus do broche em dano, acerto e esquiva (2, 2, 2)

É isso, muito obrigado!

____________________________________________________

Cory Atom Ed7z2yC
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQui 09 Abr 2020, 12:59

~Atualizado~

____________________________________________________


Cory Atom KJbVkzo
~Ficha|Aventura~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

Cory Atom ObLkbM2
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kiomaro
Narrador
Narrador
Kiomaro

Créditos : 7
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 25/02/2015
Idade : 21
Localização : brasilia

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQua 22 Abr 2020, 14:20

Eu gostaria de adicionar uma pequena observação na devoção do meu personagem, pois acredito que alguns narradores se confundam com o significado de "continente" no mundo de one piece.

Código:
[quote="devoção"]Cory após anos de convivência com o convencido ladrão "Kouha Atom" herdou o sonho de se tornar tão poderoso e lendário quanto o mesmo dizia ser, chegando um dia roubar dele o titulo de "maior ladrão de todo o continente".
OBS: A Red Line é o unico continente no mundo de one piece, lar da terra sagrada de mary geoise, capital do governo mundial. Ser o maior ladrão do continente significa ter a maior notoriedade dentro da capital do continente.[/quote]

____________________________________________________

Cory Atom Ed7z2yC
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQua 22 Abr 2020, 15:49

~Atualizado~

____________________________________________________


Cory Atom KJbVkzo
~Ficha|Aventura~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

Cory Atom ObLkbM2
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kiomaro
Narrador
Narrador
Kiomaro

Créditos : 7
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 25/02/2015
Idade : 21
Localização : brasilia

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQua 18 Nov 2020, 14:41

fim dessa aventura maravilhosa  Cory Atom 325310319


@Avaliador de Aventuras escreveu:
Avaliação Cory Atom


Perdas:



Ganhos:
● Cartão de contato Família Profiacce  - Ok
● Perícia Atuação  - Ok
● Perícia punga  - Ok
● Adaga lv 1 - Ok
● Perícia Acrobacia  - Ok
●  101.000 B$. - Ok
● Bolsa com máscaras com diversos rostos diferentes, materiais de maquiagem, materiais de falsificação de documentos, cartazes de recompensas falsos, carimbo do Tenente Curry Atom, peças de roupas femininas diversas.  - Ok
● Diário de Bordo Criptografado do "Maior Ladrão do Continente" - Alterado
Diário de Bordo Criptografado do "Maior Ladrão do Continente:
 
● Baú com Joias - 10 kk berries - Ok
● Número de Conta do Banco Mundial Alterado* (Ver feedback Narrador)
Número de Conta do Banco Mundial:
 
● Perfume Parfum Fleur - Alterado
Perfume Parfum Fleur:
 
● Veneno Flor de Toroa - Alterado ( * Ver feedback Narrador)
Veneno Flor de Toroa:
 
● Diversas feridas de senbons pelo corpo [3/5]  - Ok
Má Fama(West Blue):
 
- Ok  



Relação de personagens:
● Ele Faz - OK

Exp: 17

Localização:  West Blue - Las Camp -  OK

Quantidade de posts do(s) Narrador(es): Oni - 8 créditos

Feedback Jogador:
 

Feedback Narradores:
 


provas: https://www.onepiecerpg.com/t45234p90-capitulo-i-meu-nome-e-cory-atom-filho-de-kouha-atom

-Favor somar com os 10 de xp do vale que tem ali no inventario e os 4 de XP desse evento de aniversario aqui (totalizando 31 de xp)

31 pontos de experiência ganhos:

10 em resistência que sobe pra torna ~bom~
16 em esquiva que sobe pra ~habilidoso~
1 em acerto que sobe pra ~bom~
4 em dano que sobe pra ~bom~


Codigo :
 

~obrigado s2

____________________________________________________

Cory Atom Ed7z2yC
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Noskire
Civil
Civil
ADM.Noskire

Créditos : 62
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 21/02/2012
Idade : 28
Localização : Limbo

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQui 19 Nov 2020, 18:19

Atualizado. Cory Atom 3997999705

____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Kiomaro
Narrador
Narrador
Kiomaro

Créditos : 7
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 25/02/2015
Idade : 21
Localização : brasilia

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptySab 21 Nov 2020, 19:12

Faltou fazer a relação com alguns npc's da aventura ;=;



Cowboyboy: Um caçador de recompensas experiente que Cory conheceu em um restaurante na periferia de Toroa, o caçador ajudou Cory em diversos momentos mesmo eles estando de lados opostos pois este acredita que em algum momento a recompensa pela cabeça de Cory irá subir muito e quando esse momento chegar ele mesmo irá atrás da recompensa dele. Cory reconhece e respeita a habilidade do cowboy e o considera um grande oponente em um futuro talvez próximo

Chapéu (Coby Atom): Foi a primeira pessoa que cory conheceu em Toroa, o menino de 12 anos de idade vendia armas roubadas, mesmo ainda sendo criança demonstrava grande talento com as palavras e enganou o ladrão diversas vezes, embora Cory tenha sido enganado por ele num primeiro momento o ladrão o considera como um irmão mais novo, pois compartilham do mesmo sobrenome e detém ambições similares.

Tenente Curry Atom: Um tenente da marinha que Cory conheceu a bordo de uma excursão marítima em Toroa. O Tenente tem uma richa direta com o pai de Cory (Kouha Atom) e possui um compromisso muito forte com a justiça sendo capaz de delatar a própria família em nome desta.

Gaivota: uma atriz talentosa que Cory conheceu em um teatro no centro de Toroa Island e ensinou ao ladrão o básico da atuação, sua habilidade nata com a sedução faz dela uma excelente manipuladora, sendo capaz de seduzir até mesmo o Tenente Curry Atom.

O organizador: Um homem misterioso na qual Cory não chegou a ver o rosto, contudo ele se revelou como como “o maior ladrão do continente” através de um comunicado na excursão em “vem ver Toroa” e organizou um torneio de ladrões no mesmo lugar, o que faz Cory suspeitar que se trate de seu pai “Kouha Atom.

Agente Ann: Uma agente do governo muito curiosa que utiliza de truques de mágica e senbons para lutar que foi um dos maiores desafios para Cory dentro do torneio de ladrões devido sua personalidade controladora e sempre atenta aos mínimos detalhes. A agente foi enganada por Cory em um de seus truques de mágica e provavelmente guarda muito rancor do ladrão devido a isto.

____________________________________________________

Cory Atom Ed7z2yC
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Noskire
Civil
Civil
ADM.Noskire

Créditos : 62
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 21/02/2012
Idade : 28
Localização : Limbo

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyTer 24 Nov 2020, 10:43

Atualizado. Cory Atom 3997999705

____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Kiomaro
Narrador
Narrador
Kiomaro

Créditos : 7
Warn : Cory Atom 10010
Masculino Data de inscrição : 25/02/2015
Idade : 21
Localização : brasilia

Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom EmptyQua 25 Nov 2020, 18:12

add a técnica pa mim? Cory Atom 325310319

Código:
[b]Level:[/b] 2        [b]Números de Técnicas:[/b] 0
[b]Nome:[/b][b] [color=#9933ff][i]Sagi-shi no yajirushi (salto em flecha do ladrão)[/i][/color][/b]
[b]Descrição:[/b] A técnica consiste em atacar o alvo de cima para baixo com um único corte com faca ou arma similar de curto alcance. Para realizar a técnica o usuario precisa saltar a uma altura elevada o suficiente para -no momento da queda- posicionar seu corpo perpendicular ao solo utilizando suas habilidades acrobáticas e segurar sua arma de curto alcance acima da cabeça com as duas mãos com firmeza para então alvejar o alvo com um poderoso corte vertical. Após realizar o golpe o usuario da técnica deve novamente utilizar da acrobacia para realizar um rolamento frontal minimizando os danos provenientes da queda.
[spoiler="demonstração"][img]https://giffiles.alphacoders.com/124/12466.gif[/img][/spoiler]
[b]O que usa:[/b]Edc gatuno, Adaga e Acrobacia.
[b]Restrição:[/b]
A altura mínima necessária é de 4 metros de salto.
A altura máxima para execução da técnica é de 13 metros
A técnica só pode ser utilizada turno sim e turno não
Caso o alvo desvie do bloqueie o golpe o sp é gasto integralmente.
Caso a técnica seja interrompida no meio da execução metade do sp é gasto
[b]Efeito:[/b] N/A
[b]Dano ou Bônus:[/b] 110% de Dano
[b]SP[b]: 27

____________________________________________________

Cory Atom Ed7z2yC
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cory Atom Empty
MensagemAssunto: Re: Cory Atom   Cory Atom Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cory Atom
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Arquivo de Fichas :: Civis-
Ir para: