One Piece RPG
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Sette Bello
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Pippos Hoje à(s) 06:36

» 10 Anos de OPRPG - Olimpíadas
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 05:40

» Timbre Mudo
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Wesker Hoje à(s) 04:16

» There's no good man in the west
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor PepePepi Hoje à(s) 04:01

» Cap. 2: Da alvorada ao Crepúsculo, os aspectos da liberdade surgem!
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Akuma Nikaido Hoje à(s) 03:43

» Contos lunares - O Mercador e o Ifrit
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 01:24

» II - Aliados
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 01:17

» I - Pseudopredadores
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Lurion Hoje à(s) 01:16

» O começo do grande catálogo! Aventura na ilha das flores
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor maximo12 Hoje à(s) 00:38

» Galeria Volker ~
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Axell Ontem à(s) 22:45

» Bastardos Inglórios
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Dante Ontem à(s) 21:35

» O bando nasce! Nobreza contra ralé!
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Aesop Ontem à(s) 21:10

» Capítulo I - Despedida
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor GM.Noskire Ontem à(s) 19:28

» CAP. 2 - Preparação para a escalada
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Palitinho Ontem à(s) 18:00

» Cap. 2 - The Enemy Within
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor King Ontem à(s) 17:56

» Tidus Belmont
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 17:40

» Fanalis B. Ria
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 17:30

» On The Top Of The World
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor GM.Kekzy Ontem à(s) 16:32

» Capítulo I - Surgem os Eternos!
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Ripper Ontem à(s) 16:26

» Cortes, Tiros e Socos, rumo a Grand Line!
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Emptypor Noelle Ontem à(s) 15:36



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 44
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 1ª Rota - Karakui

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyQua 04 Dez 2019, 21:25

Relembrando a primeira mensagem :

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Roxton. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
rafaeliscorrelis
Soldado
Soldado


Data de inscrição : 26/03/2012

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyTer 28 Jan 2020, 23:44



Finalmente o adversário estava no chão e desta vez parecia que ele ficaria no chão. Foi quando o
juiz da luta finalmente havia informado que o mink havia ganhado a luta, mesmo lutando com um estilo que lhe era desconhecido.

Ajudando Finn a se levantar, um certo ar de tristeza passou pelos olhos de Roxton, imaginando qual seria a punição que o garoto poderia sofrer, mas logo esta tristeza foi substituída pela alegria imensa de ter ganhado a insignia de Admissão na marinha.

Porém a alegria durou pouco, pois ambos os competidores acabaram desmaiando no chão sujo.

Quando Roxton Abriu os olhos, não estava na base da marinha, muito menos na própria ilha de Yotsuba, o atirador se via em um campo verde, sob um céu azul claro e sem nuvens, viam se flores lindas de todas as cores, onde abelhas brincavam de passear de flor em flor.
O mink ainda estava imerso na beleza do local quando uma voz que, a princípio ele não reconheceu, o retirou de seus pensamentos.

Lobinho! Como vai meu filho! Dizia a voz ainda desconhecida, quando Roxton se virou, ele reconheceu a voz, era a voz do seu pai de criação! O velho marinheiro estava vivo em sua frente, mais jovem do que ele lembrava, mas estava lá! E, com lágrimas nos olhos, Roxton começou a correr em direção ao pai para ser parado quase imediatamente.
Não filho! Não chegue mais perto! Dizia o marinheiro com uma expressão de urgência nos olhos, quando ficou claro que o mink não iria se aproximar, o velho relaxou e voltou a falar:
- Então filho, conseguiu entrar na marinha? Parabéns Lobinho! Siga seus sonhos meu filho, seja alguém grande e honre o nome que lhe deram!
- Sim velho! Eu irei ! Pode apostar nisso! Irei virar um ótimo marinheiro como você foi, pode apostar! Dizia o mink enquanto enxugava as lágrimas de alegria por poder ver novamente o velho.


Quando sua consciência retornou, a primeira coisa que sentiu foi o cheiro de alvejante no ambiente, quando abriu os olhos, percebeu que não era alvejante, mas éter, pois estava no ambulatório do QG e, ao seu lado estava aguardando o marinheiro, que o informou quais eram os próximos passos após passar no teste.

Enquanto o marinheiro passava para a cama ao lado, onde ainda havia um descordado Finn, Roxton não pôde deixar de perceber que uma melodia era tocada do lado de fora, ouvindo com mais cuidado, percebeu que vinha da dupla de artistas de mais cedo, como se estivessem lhe dando os parabéns por vencer esta nova etapa de sua vida.

Após algum tempo saboreando a melodia, que novamente inundava sua mente com lembranças, Roxton procurou o saquinho de balas que foi comprado mais cedo e, tirando uma bala, colocou -a na boca, saboreando o doce sabor da cereja que agora inundava sua boca, quase trazendo uma sensação de alívio, aplacando seu vício por doces até a próxima carga.

Após esse pequeno prazer, o mink então se levantou, pegou suas roupas e seguiu pelo corredor que o seu agora irmão de profissão lhe havia indicado até o paiol de armas.

Infelizmente, de acordo com o marinheiro, só haveriam pistolas no local, mas isso poderia ser resolvido mais tarde.

Enquanto caminhava pelo corredor, Roxton finalmente havia chegado no local com os novatos, onde chegaria até um dos grupos que ali houvessem e começaria se apresentando e perguntando de onde os marinheiros haviam vindo, como foram seus testes, atento para pegar alguma informação interessante sobre algum pirata ou ainda a tal missão que haviam lhe falado que haveria de ser logo.

Quando chegasse a sua vez de falar com o armeiro, Roxton então lhe mostraria gentilmente a insígnia e falaria animadamente:

- Olá mestre armeiro! boa tarde! Eu gostaria de um par de pistolas de 8 tiros cada se possível. Outra pergunta mestre, quem aqui fabrica as balas? Adoraria aprender a fazer algumas balas para caso necessitar em um local onde não tivesse condições de manter as balas. Ah antes que me esqueça, preciso de uma caixa de balas para as armas não é? Isso seria com você mesmo ou seria com a pessoa responsável pelas balas?

Caso as balas fossem pegas em outro local, o mink então seguiria para o local, cantarolando uma melodia alegre.

Após estar de posse da caixa de balas e das pistolas, agora alojadas confortavelmente em sua cintura até ter condições de comprar um coldre para as armas, Roxton então iria até o estande de tiros, onde iria treinar um pouco com as novas armas que possuía.

Após um pouco de treino, caso ainda houvesse tempo, Roxton então iria até o ambulatório novamente, onde tentaria arrumar um kit de química,caso houvesse no local um kit, pegaria o mesmo e manteria consigo o kit, se não houvesse um no local, perguntaria onde poderia encontrar, para que mais tarde pudesse ir até o local. Após pegar o kit ou saber onde encontrar, correria até o refeitório afim de pegar uma fruta para que pudesse comer alguma coisa enquanto se dirigia até a sala da tenente.



Situação do Personagem:
 

Ficha:
 

OFF²:
 



Voltar ao Topo Ir em baixo
KingSalazar
Civil
Civil
KingSalazar

Créditos : Zero
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 5010
Masculino Data de inscrição : 08/12/2017
Localização : Pergunte ao narrador.

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptySex 31 Jan 2020, 14:59

Recebendo as suas instruções, o Chacal se dirige para o local onde receberia suas armas, mas sem antes escutar mais um pouco daquela música. O local estava cheio de marinheiros de baixa patente fazendo uma fila, e entregando a arma para cada um deles, estava lá um homem alto e de cabelos ruivos, ele parecia ser forte e quem olhasse para ele, acabaria por na maioria das vezes sentindo uma leve intimidação, mas nada que fizesse o mink se amedrontar a ponto de sair dali. Entrando na longa fila, enquanto conversava e conhecia novos marinheiros, a fila continuava andando até o ponto em que ele buscaria as suas armas. Fazendo perguntas para o armeiro, Roxton poderia ver cada vez mais e mais as veias saltando dos braços do homem, que logo bateu na parede ao lado dele e falou -Dá para você calar a porra da sua boca!!?!- o homem parecia estar morrendo de raiva com as perguntas que o jovem mink fazia para ele, porém logo após isso, ele volta a sua expressão a normal e então Roxton escuta ele sussurrando para ele mesmo -Se acalma, se acalma, Graver.- em seguida, Graver pede desculpas para o mink e diz-Me desculpe, garoto, apenas estou estressado... Ok, aqui está as suas duas pistolas, e sobre quem fabrica as balas, nós não a produzimos aqui, mas sim em uma ilha vizinha, eles fabricam e nós compramos.- ao terminar de falar, o homem entrega para Roxton duas pistolas e uma caixinha com várias balas dentro.

Saindo do local, o jovem marinheiro parte para onde ficava a sala de treinamento, o local estava molhado ainad, mas ao menos já não se via mais lama, em posição, o jovem começa a fazer tiro ao alvo, visando treinar a sua mira antes de começar a sua primeira missão. Oito minutos haviam se passado, e o mink chacal escutava seu nome sendo chamado, ao olhar para onde vinha a voz, ele via Finn, o seu novo parceiro da marinha -Ei, Roxton! A tenente está nos chamando.-. Sendo guiado por Finn, Roxton chega na sala da tenente, -Olá, novatos! Eu me chamo Wala, sou a superior de vocês e comando está parte do QG...- diz a tenente que dá uma parada na sua frase, e então olha de baixo pra cima em ambos os jovens, e continua a falar enquanto tira dois uniformes da marinha do seu armário e entrega para eles -... Tomem aqui, estes são seus uniformes da marinha. Bem, agora que já tem os uniformes, posso continuar. Está sera a primeira missão que vocês dois terão que cumprir: Recentemente está acontecendo uma onda de crimes, um grupo de piratas misteriosos esta estuprando mulheres e matando os seus maridos, quero que vocês investiguem esse acontecimento, procurem um homem chamado Dalton, ele mora no topo da ilha, ele lhes contarão algumas coisas importantes a saber, e então vocês irão investigar e descobrirem onde esse bando se encontra, nem pensem em ataca-los ou bancarem heróis, apenas investiguem e quando terminarem, reportem o que descobriram para mim. Muito bem, vão se trocar e comecem a missão.-

Finalmente estava a começar a primeira missão de Roxton e Finn já como marinheiros, missão essa que apesar de parecer simples, qualquer descuido que faça o bando descobrir sobre a missão, poderá acabar na morte de ambos os dois.
Uniforme da marinha:
 

Tenente:
 

Ilha:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Objetivos:
 


Toujours:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
rafaeliscorrelis
Soldado
Soldado
rafaeliscorrelis

Créditos : 8
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 10010
Data de inscrição : 26/03/2012

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyDom 02 Fev 2020, 21:51



Após o que pareceu na mente de Roxton Horas, dado nível de concentração em que se encontrava, o mink foi retirado de seu mundo por uma voz já conhecida, quando se virou, viu que era o jovem Finn que o chamava ir até a sala da tenente ainda desconhecida.

Enquanto caminhavam pelos corredores, Roxton primeiramente se desculpava com o garoto pelo ocorrido mais cedo, dizendo que não era sua intenção ter feito o que fez, depois de mais um tempo o mink então perguntou para o garoto se haveria alguma punição por ele ter perdido a luta, que logo foi desconversada pois já se encontravam na porta da sala da tenente da base.

Ao entrarem, são logo recebidos pela tenente e, num gesto quase automático, Roxton bate continência para sua superior, algo que seu pai de criação lhe ensinou desde pequeno, sempre respeitar patentes.

Após a saudação, os olhos de Roxton brilharam quando a tenente trouxe para eles o novo fardamento, segurando como se fosse o próprio One Piece ou um filho recém nascido sua roupa, Roxton prestava atenção nas informações da primeira missão que os recrutas estariam participando.

Ao ouvir do lábios da tenente que havia um bando pirata agindo da mesma maneira que os Timelords agiram no passado com Roxton, os pelos da nuca de Roxton não puderam deixar de ficar arrepiados, seus lábios se abrirem levemente como se estivesse se controlando e seus olhos faiscarem com a lembrança do ocorrido em sua própria infância.

Após sair da sala da tenente, Roxton soltou um profundo suspiro, como que na esperança de voltar a enterrar as lembranças do passado que ainda o atormentavam e pôs-se a ir para o vestiário.

Enquanto se preparava para trocar para o novo uniforme, Roxton se olhou no espelho, para a pata de lobo que havia em seu peito e uma ideia começou a permear a sua cabeça, uma ideia no minimo louca, após alguns segundos pensando, deixou essa ideia de lado, pois poderia colocar o seu colega em perigo sem pensar.

Após se arrumar e colocar seu colar confortavelmente em seu peito, acariciando-o como um filho, Roxton saiu do vestiário para o corredor, onde ficou aguardando Finn.

Senhor, estou pronto para irmos para nossa missão! Diria Roxton enquanto batia continência para seu colega, caindo na risada logo após a ação.

Após saírem do quartel e enquanto se dirigiam a residência de Dalton, o mink ia prestando atenção ao redor, utilizando sua audição aguçada para captar qualquer coisa que pudesse atrapalhar o plano que lentamente se formava em sua mente.

Quando chegassem na casa de Dalton, Roxton então se apresentaria e falaria:

Boa tarde senhor Dalton, nós somos os marinheiros Roxton e Finn, estamos aqui para que possamos juntos trabalhar na prisão do rupo nojento que causado caos em nossa amada ilha, a Tenente informou-nos que você tem algumas informações que pode dividir conosco sobre o bando que esta fazendo isso, você poderia no informar?

Após falar isso, Roxton aguardaria as informações referentes aos bandidos, e dependendo das informações, iria dar continuidade ou não ao seu plano que estava em criação.


Situação do Personagem:
 

Ficha:
 

OFF²:
 

[/quote]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jabuloso
Civil
Civil
Jabuloso

Créditos : 6
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/12/2019

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptySab 22 Fev 2020, 10:07



A dupla de recrutas deixava o gabinete da tenente com seus uniformes nas mãos e, sem muitas delongas, dirigia-se ao vestiário para colocar as icônicas vestes da Marinha. Uma vez prontos, os dois encontravam-se no corredor, onde Roxton saudava seu companheiro com uma gracinha que, para seu senso de humor, era deveras engraçada. Finn, contudo, esboçou apenas um leve sorriso, motivado muito mais pela reação de Roxton à própria piada do que outra coisa. Em seguida, os dois deixaram o quartel e atravessaram a ilha em busca de Dalton.

Após alguns bons minutos de procura, finalmente encontraram a residência do Marinheiro. Lá chegando, tocaram a campainha e, com seus ouvidos bestiais, Roxton pôde escutar os resmungos por detrás da porta, as passadas pesadas de quem sentia-se completamente contrariado por ter que receber alguém. Dalton abriu a porta, revelando sua aparência carrancuda e mal-humorada, nada contente em ver aqueles dois recrutas a sua frente. Roxton, por sua vez, antes mesmo que Dalton pudesse esboçar sequer a intenção de falar algo, adiantava-se apresentava-se, além de anunciar o motivo da sua vinda. Dalton grunhiu sutilmente, coçou a cabeça e suspirou profundo, e então disse:

- É, tudo bem... Vamos, entrem. - dizia, indicando aos dois rapazes que se dirigissem para a sala de estar e se sentassem em alguma das poltronas.

Os dois tomavam seus lugares e Dalton, que havia ido até a cozinha pegar uma cerveja para si, logo aparecia e assentava-se também. O homem dava três goladas de sua bebida e, atirando à mesa de centro uma ficha, dizia:

- Bem, a maior parte das informações que vocês precisam está neste documento. As minhas suspeitas são de que, obviamente, eles vieram da parte baixa da cidade, mas os seus crimes todos ocorreram na parte central. Já são 13 mulheres e 11 homens na conta. Eu também não faço ideia quantos podem ser, por sinal. -
Dalton se ajeitava na poltrona, largando-se na espuma da mesma, e tomava mais um gole de sua breja. - De qualquer forma, tem alguns retratos falados aí na ficha, mas vocês vão ter que ir de um jeito ou de outro até a parte baixa. Boa sorte! - dizia Dalton com um imenso sorriso que logo evoluiu em uma gargalhada.


Considerações:
 
Aparência dos NPC:
 
Ilha:
 




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
rafaeliscorrelis
Soldado
Soldado
rafaeliscorrelis

Créditos : 8
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 10010
Data de inscrição : 26/03/2012

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyTer 25 Fev 2020, 22:41




Ótimo, estas informações serão bem úteis para que possamos encontrar estes maníacos. Pensava consigo mesmo Roxton enquanto analisava as informações na ficha entregue por Dalton.

Enquanto saía da casa do homem, Roxton se virou para seu colega e, com um olhar maroto de quem já tinha um plano em mente para achar os bandidos.

Finn, eu estou com vontade de tomar uma bebida na parte baixa da cidade, quer ir comigo? Perguntava Roxton para seu colega enquanto uma ideia se formava em sua mente.

[b] Ok cara, o plano é o seguinte, você tem muita cara de bonzinho, por isso precisa ficar de vigia, eu tenho esta cara de mal e posso aguentar um pouco mais que você, eu vou até o bar e pergunto sobre os caras, você fica a distância, de preferência nas sombras, onde ninguém possa te ver. Eu vou me misturar com quem estiver por lá e irei achar onde os safados estão, se eu sair com mais alguém, me siga de longe e sempre pelas sombras, até onde eu parar e vá correndo informar a tenente.


O plano de Roxton era louco, porém só uma pessoa estaria em perigo imediato, este plano era se misturar com os tipos que haviam na parte baixa da cidade e encontrar alguém do bando ou alguém que pudesse levar o mink e junto dele a marinha.

Após falar do plano para Finn, Roxton então começou a afrouxar o lenço que trazia, bem como a amarrotar o uniforme, como se ele houvesse tomado uma surra, após isso bagunçou seu pelo de forma que ficasse o mais desgrenhado possível.

Quando julgasse que estava o mais mal acabado que pudesse, os dois marinheiros iriam então até a parte baixa, perguntando aqui e ali para as pessoas o melhor caminho até o local que procurava.

Quando encontrasse a região mais baixa da cidade, daria sinal para Finn ficar em um beco no limite da visão do bar para que pudesse ficar de vigia.

Roxton então entraria no bar mais próximo e passaria rapidamente pelas mesas até o balcão do bar, onde, chamando o o barman falaria:

Fala aí chefe, beleza? Eu acabei de ser expulso da marinha por "conduta imprópria" como eles disseram, eu ouvi falar que tem um grupo na cidade que pode me ajudar com um servicinho sujo, você conseguiria me ajudar a encontrar este grupo? Diria para o funcionário enquanto passava 500 berries para o homem.

Após pagar pela informação, Roxton então iria sentar em uma cadeira com os pés apoiados na mesa e o boné cobrindo parcialmente os olhos, enquanto ouvia as conversas nas mesas dentro do bar.




Situação do Personagem:
 

Ficha:
 

OFF²:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Jabuloso
Civil
Civil
Jabuloso

Créditos : 6
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/12/2019

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptySab 29 Fev 2020, 10:17



Roxton e Finn deixavam a residência de Dalton e rumavam em direção à parte baixa de Shells Town, buscando pelos criminosos com os quais a dupla de recrutas deveria lidar. O chacal, enquanto caminhava, ia materializando um plano em sua mente, o qual informava ao seu parceiro ao passo que ia fazendo os preparos necessários - em suma, desgrenhar o máximo possível as suas próprias vestes e aparência até assemelhar-se a um pobre coitado que há pouco levara a maior surra de sua infeliz vida. Não demoraram tanto tempo até alcançar o Pé de Shells Town; desceram rapidamente as escadarias que conectavam uma parte à outra e logo estavam naquele antro de miséria. Com Finn sempre seguindo de longe, Roxton abordava alguns transeuntes e questionava-os a respeito do bar mais próximo, o qual foi indicado com precisão cirúrgica por todos os entrevistados. Logo o mink estava às portas do estabelecimento, prestes a dar sequência ao seu "plano louco".

O marinheiro atravessou rapidamente o recinto e sentou-se frente ao balcão. Dirigindo-se ao barista, perguntou ao mesmo onde poderia encontrar algum "grupo" para fazer alguns "serviços", após, obviamente, explicar a fictícia situação do personagem que inventara. O bartender, contudo, não parecia acreditar nas palavras do chacal, dirigindo-lhe um olhar desconfiado enquanto enxugava o copo em sua mão.

- Olha, parceiro - dizia, suspirando forte e colocando o copo na prateleira. - Tem muitos grupos por aqui. Você precisa ser mais específico... - encerrava a sua fala, dando uma olhada gananciosa para os 500 berries em seu balcão.



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
rafaeliscorrelis
Soldado
Soldado
rafaeliscorrelis

Créditos : 8
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 10010
Data de inscrição : 26/03/2012

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptySex 06 Mar 2020, 22:25



Ah, sua raposa esperta, mas este é um jogo que dois podem jogar. Pensava consigo mesmo o mink enquanto olhava para o barista e abrindo um sorriso que ele havia entendido a ação.

Sabe, eu procuro um cara, não sei como ele é, muito menos o nome dele o mink ia falando enquanto colocava dinheiro a mais naqueles 500 berries. Tudo que eu sei dele é que ele está famoso por abraçar e matar as suas vitimas. Roxton dizia esta frase terminando de colocar mais 1000 berries com os 500 já colocados, totalizando 1,500 berries na mesa.

O que eu preciso é de um nome e um endereço, simples assim, e eu ficaria REALMENTE feliz se não falassem que estão procurando ele. Com eta frase, mais 1000 berries entraram na mesa, desta vez em uma pilha separada.

E uma gorjeta para o melhor barista deste lado do oceano. Adicionando mais 1500 berries a esta segunda pilha, totalizando 4000 berries pela informação.

Metade agora e metade depois de confirmar as informações, temos um acordo? o mink olhava para o barista, enquanto mantinha o boné no rosto e seus ouvidos atentos aos ruidos do bar.




Situação do Personagem:
 

Ficha:
 

OFF²:
 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Jabuloso
Civil
Civil
Jabuloso

Créditos : 6
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/12/2019

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyQua 11 Mar 2020, 17:38



- Olha, vou ser sincero... Eu não sei porcaria nenhuma sobre alguém assim! - dizia o barista, guardando o dinheiro recebido no bolso. - Mas é o seguinte, até sei do que você tá falando, mas não tenho mais informações sobre. O melhor que tu pode fazer é armar uma armadilha. Seja criativo!

O bartender virava-se para as prateleiras, pegando uma garrafa de uísque e servindo uma dose para Roxton, dizendo que era "por conta da casa", com um sorriso irônico estampado em seu rosto. Depois, o homem abandonava o mink e o deixava a sós com a bebida, partindo para outro cliente que chegava naquele instante. Antes de sair, contudo, desejava boa sorte ao rapaz, e dava alguns conselhos:

- E só uma coisa... Essa tua história de ex-marinheiro não vai colar se tu não fizer por onde. Melhor tomar cuidado porque não é todo mundo que vai com a cara de quem se veste com esse uniforme. - terminava sua fala, indicando com um olhar um grupo de caras misteriosos e mal-encarados que fitavam as costas do marinheiro com olhares perigosos. - Se cuida garoto!

Roxton era, então, deixado sozinho com seus pensamentos e um copo de álcool, enquanto a noite do lado de fora distribuía seus primeiros sinais de vida.


Ilha:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
rafaeliscorrelis
Soldado
Soldado
rafaeliscorrelis

Créditos : 8
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 10010
Data de inscrição : 26/03/2012

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyQua 18 Mar 2020, 21:02



Obrigado pela dica e pela bebida, amigo. Falava consigo mesmo o mink enquanto pegava a bebida e olhava o conteúdo através do vidro ja meio embaçado do uso contínuo.

Não costumo beber, mas já que estou aqui neste "pulgueiro"... pensava consigo mesmo enquanto levava o copo aos lábios e tomava um pouco da bebida, que descia queimando sua garganta por não estar acostumado ao álcool.

Aguado, como os amigos do velho falavam, pensava enquanto lembrava vagamente de uma lembrança de seu passado com o seu pai de criação.

Após outro gole, sempre ciente que aquela bebida poderia atrapalhar seus reflexos e por isso não tomava grandes goles, Roxton então assumiu uma posição mais relaxada como se a bebida tivesse "batido" na mente do mink, ficando com o corpo mais apoiado no balcão e o braço direito pendendo ao lado do corpo.

Ele fazia este movimento pois era o local onde sua arma estava preparada, aproveitando de um suposto "baque pelo álcool", o mink usaria de sua audição bestial para ouvir o que era falado nas outras mesas e rodas de conversa que sua audição lhe permitisse escutar.

Caso algum outro cliente sentasse ao seu lado no balcão, Roxton faria que não havia prestado atenção no visitante, conversando calmamente enquanto o outro estivesse calmo e, caso houvesse um sinal de hostilidade, a mão direita iria diretamente para a arma e da arma para a barriga da pessoa ameaçando, usando o corpo para bloquear a visão dos outros clientes, afim de não começar um tumulto indesejado em um local onde claramente estaria em desvantagem.

Muito bem amigo, você chegou até aqui, eu não quero briga e não quero sujar esta roupa com seu sangue e suas tripas, tenho algumas perguntas e estou disposto a pagar por elas, que tal? Falaria enquanto estivesse com a arma apontada para o ponto mais vital que a sua posição lhe permitisse.

Caso o visitante indesejado lhe revelasse alguma informação interessante, Roxton lhe pagaria 3000 berries e falaria: Que eu não veja sua cara imunda mais amigo, boa noite. E sairia do estabelecimento.

Caso Roxton escutasse alguma informação interessante n meio daquela muvuca,ele então aguçaria ainda mais os ouvidos afim de perceber o local exato de onde a voz estava vindo e após a informação terminar de ser conversada, o mink aguardaria mais  um minuto, sairia do balcão e olharia mais ou menos para a direção de onde a informação havia saído e quando estivesse do lado de fora do bar, andaria pelos becos e lugares escusos até onde seu amigo Finn o aguardava.

Se mesmo após todos estes fatos, Roxton não conseguisse nenhuma boa dica, ele sairia do bar como se nada tivesse acontecido e indo por lugares escuros, se encontraria com seu colega, onede após uma rápida atualização da situação, ambos iriam andar a esmo pela cidade baixa, como se estivessem procurando diversão ou ago do gênero, com Roxton mantendo sua audição a todo vapor para quaisquer barulhos que viessem a chamar a atenção.

Situação do Personagem:
 

Ficha:
 

OFF²:
 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Jabuloso
Civil
Civil
Jabuloso

Créditos : 6
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/12/2019

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptySeg 30 Mar 2020, 22:58



Roxton bebia tranquilo, sempre atento para que não se embriagasse e viesse a atrapalhar seus próprios movimentos e, após alguns minutos, uma pessoa sentou-se ao seu lado. Era um homem de aparência comum, não tinha traço nenhum que lhe tornasse sequer interessante. Provavelmente era um mero coitado que queria afogar as suas decepções e fracassos em um copo de rum. Roxton, contudo, talvez por causa do álcool, rapidamente sacou a pistola e posicionou-a sigilosamente de forma a ameaçar o infeliz que, notando a arma e por causa da fala do mink, foi logo desesperando-se. Suor descia o rosto do homem que, paralisado, só conseguia balbuciar algumas coisas ininteligíveis. O impasse estendeu-se por alguns instantes, até que Roxton foi surpreendido por um homem à suas costas, o qual posicionava de forma agressiva a mão sobre o ombro do mink.

- Com licença amigo, - dizia o homem, com uma voz pesada que acertou os tímpanos de Roxton como um martelo. - mas será que poderia guardar essa arma?

Aproveitando o ensejo, o homem o qual Roxton havia ameaçado corria por sua vida, atravessando o bar como uma gazela fugindo de um leão. Poucos haviam notado a tensão que ocorria ali no balcão; dependendo da atitude do marinheiro, aquela situação poderia evoluir numa bela briga de bar. Tudo dependeria das ações de Roxton.

Off:
 
NPCs:
 
Ilha:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
rafaeliscorrelis
Soldado
Soldado
rafaeliscorrelis

Créditos : 8
Warn : Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 10010
Data de inscrição : 26/03/2012

Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 EmptyTer 31 Mar 2020, 21:15



Merda, merda, merda! por isso nunca deveria beber! pensava consigo mesmo o mink enquanto via o pobre homem correr em dispara por causa de um movimento descuidado.

Se contenha Roxton! se continuar com esses erros de principiante você não vai terminar a semana vivo!

Sua linha de raciocínio foi cortada quando uma voz pesada caía em seus ouvidos como uma salva de canhões de um Buster Call e uma figura imponente pedia de uma forma educada porém com uma autoridade que faria até um tenente bater continência.

Droga, se eu não tomar cuidado eu não vou passar de 24 horas vivo. Pensava consigo mesmo.

Respirando fundo, o mink então guarda a sua arma na cintura e, olhando para o cavalheiro rezava para todos os santos e seres sagrados que lembrava em sua mente, levantaria as mãos, com as palmas abertas e com uma voz levemente animada diria:


Opa! desculpa, desculpa! Estou meio bêbado aqui e não percebi o pobre diabo, pensei que era alguém querendo me encher! Não queria assustar muito menos ferir o cara! Aqui, vou deixar uma grana para que ele possa tomar uma bebida por minha conta, e uma para você também cavalheiro! Após falar isso deixaria 2.000 berries em cima do balcão sem tirar os olhos da figura em sua frente.

Novamente cavalheiro peço desculpas por atrapalhar sua noite e a dos demais aqui, por isso estou indo agora, até mais.

Após falar isso, Roxton começaria então a andar para a saída, passando ao lado do homem sem esbarrar nele e sem olhar para o mesmo.

Após sair do bar, por sorte sem maiores problemas, Roxton seguiria um pouco pela rua e após ter certeza de estar longe o bastante, voltaria pelos cantos escuros das ruas e vielas até onde Finn estava, prestando atenção se ouviria alguma coisa.

Caso o cavalheiro não lhe permitisse sair, Roxton ainda com o rosto como se pedisse desculpas pediria licença para do homem e se mesmo assim ele não lhe permitisse sair, ainda com o semblante calmo, mantendo contato visual com o homem afim de faze-lo olha-lo de volta, levaria a mão direita o mais próximo que pudesse do cabo da arma, pronto para sacá-la caso o clima começasse a ficar mais pesado.


Situação do Personagem:
 

Ficha:
 

OFF²:
 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!   Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador! - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Sangue e Pólvora! O Caminho do Atirador!
Voltar ao Topo 
Página 3 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Yotsuba Island-
Ir para: