One Piece RPG
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Arco 5: Uma boa morte!
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 04:17

» Xeque - Mate - Parte 1
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Jacob Allan Hoje à(s) 00:45

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Ryoma Hoje à(s) 00:40

» Hey Ya!
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 23:53

» [LB] O Florescer de Utopia III
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Vincent Ontem à(s) 23:19

» Blues, Bourbon e balas
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:58

» Sorte ou Azar? Uma Ascensão Pirata!
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Misterioso Ontem à(s) 22:51

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Furry Ontem à(s) 22:23

» Livro Um: Graduação
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Jean Fraga Ontem à(s) 21:40

» Um Destino em Comum
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Jean Fraga Ontem à(s) 21:03

» Capítulo I: Raízes Perdidas
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Zeitgeist Ontem à(s) 20:27

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Akuma Nikaido Ontem à(s) 19:56

» Um novo tempo uma nova história
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor new man reformed Ontem à(s) 19:50

» MEP _ IRUH
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Iruh Ontem à(s) 19:49

» Mini-Aventura
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Iruh Ontem à(s) 19:44

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Akuma Nikaido Ontem à(s) 19:39

» [Mini-Azarado] Um falastrão beberrento
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor Azarado Ontem à(s) 17:31

» [MINI-ARTHURBRAG] COMEÇANDO UMA AVENTURA
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor arthurbrag Ontem à(s) 11:37

» Escuridão total sem estrelas
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor K1NG Ontem à(s) 11:33

» Cap. 2 - The Enemy Within
Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Emptypor King Ontem à(s) 10:41



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Bizarre Adventure: Smooth Criminal

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptySeg 04 Nov 2019, 18:38

Relembrando a primeira mensagem :

Bizarre Adventure: Smooth Criminal

Aqui ocorrerá a aventura do(a) Caçador de Recompensas Johnny Jones. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário


Data de inscrição : 15/12/2013

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyDom 08 Dez 2019, 16:22

SMOOTH CRIMINAL
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Post: 10 - Planos de conspiração?

Após pagar ou apenas pegar as bebidas caso fossem gratuitas para associados ao clube suicida eu segui caminhada com Juninho Play e mais quatro pessoas, eu já comecei bebendo uma das latinhas enquanto caminhávamos para não só tentar despertar como também enganar a barriga. Eu tinha ficado um dia inteiro fora, não só a madruga mas o dia inteiro. ~ Espero que Yasha não se incomode com o meu sumiço [...] Será que o Hórus está bem, espero que Yasha não esqueça de alimentar ele [...] Mas ele é um puta falcão, tenho certeza que saberá se virar caso fique com fome. ~ Eu sei que estava a caminho para a toca dos leões mas ao mesmo tempo eu não podia deixar de me preocupar com meus colegas, Michael Jackson não sabia que eu tinha amigos na ilha então eu não podia o culpar por me segurar todo esse tempo mas por mim tínhamos resolvido tudo ontem mesmo. Na minha cabeça o estranho homem de objetivos misteriosos precisou da noite de ontem para planejar essa incursão com os outros aliados e confirmar o apoio de outras pessoas, ou pelo menos era isso que eu queria acreditar.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

~ Parando para pensar existem umas similaridades aqui como existia em Shells Town... ~ Nesse momento algo estalou em minha cabeça, como tinha sido tão burro! Talvez esse fosse o motivo da estranha sensação de Vidar e o Gatuno estarem conectados, imediatamente lembrei do capitão Thor da marinha me falando o que sabia do criminoso. ~ Hamaku Thor: Ele é o líder de um grupo criminoso que disputa território com o Capra, ele aceita trabalho de outros criminosos mas no fim acaba assassinando os seus patrões sem nenhuma piedade... ~ Teria dito o capitão depois do meu primeiro encontro com o criminoso. ~ Hamaku Thor: Nosso serviço de inteligência diz que ele seguiu para Loguetown, deve estar em busca de mais recursos e seguidores depois que você derrotou os lacaios dele mais cedo... ~ Essa informação ele teria me passado depois de eu acordar na UTI, depois de tal flashback eu já começava a formar minha teoria sobre o que estava rolando ali. ~ Capra agia de uma forma bem similar a esse Vidar, dominando o mercado negro local, esconderijos e seguidores perigosos, será que o Gatuno não era o capitão e sim um seguidor do Vidar? Será que ele estava em Shells Town para dominar o território e isso começou a guerra de “gangues” que estava rolando por lá? Foi por isso que mesmo depois de eu derrotar os lacaios dele ele ainda apareceu no esconderijo do Capra, para terminar o serviço [...] Talvez ele tenha voltado para relatar o que rolou para o seu capitão ou pior... ~ Nesse momento eu lembrava da primeira informação que o Thor me deu. ~ Ele vai tentar matar o Vidar e assumir a liderança? ~ Terminava tal pensamento amassando a latinha já vazia.

Já abria a segunda latinha ainda na caminhada, aquele pensamento me perturbava, não sabia se estava certo ou não mas me parecia uma possibilidade já que as semelhanças de Vidar e Capra pareciam ser muitas, dos seus crimes até o valor de suas recompensas. Eu não sou nenhum gênio e nunca penso em mim como a pessoa mais inteligente de um ambiente mas se eu pensasse muito nessa teoria eu me imaginava sendo encurralado em uma luta com três lados, nós querendo capturar os criminoso, Vidar querendo nos matar para resistir a gente e o Gatuno querendo matar o Vidar para assumir seu lugar enquanto também tenta nos matar para resistir a prisão. ~ Isso claro se essas pessoas que estão comigo realmente tiverem boas intenções, até onde sei eles só são inimigos do Vidar mas isso os torna “mocinhos” de toda essa história? ~ O número de perguntas só parecia crescer, essa era a consequência de se aliar com estranhos e assumir os riscos de enfrentar o mal que assola uma região mas aqueles que pensam que isso me fariam desistir eram idiotas, eu ia viver pelos meus ideais e lutaria para os tornar realidade mesmo que eu ninguém me peça e mesmo que eu não seja reconhecido por isso.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Antes que mais perguntas surgissem em minha cabeça nós chegamos em um bar bem a tempo de eu terminar minha segunda bebida e uma outra semelhança de Vidar e Capra surgia ao saber que o pirata também possuía uma base secreta no subsolo, no fim não é que Shantall estava certa? - Todo vilão tem uma base secreta no subsolo... - Falei em resposta ao careca em um tom de voz que só aquelas pessoas me escutassem mas mal sabia eles que eu apenas citava as palavras que Shantall um dia citou para mim. Antes de ouvir mais um pio deles eu adentrava ao local com certa casualidade, tal postura que não era uma farsa afinal a segunda lata de energético vazia ainda estaria em minha mão enquanto na outra estava uma ainda cheia e outra vazia. Iria em direção ao balcão onde deixaria as três latinha antes de me sentar no lugar que estivesse disponível. - Vocês tem banheiro aqui? - Perguntaria de forma neutra mas seria, minha voz encantadora soaria com certa autoridade enquanto minha expressão séria colocava em prática a intimidação aprendida. ~ Se o bar é uma farsa então todos os funcionários devem estar cientes do que rola por trás das “cortinas” deve existir uma forma deles diferenciar clientes do bar dos clientes do submundo [...] talvez uma senha igual rola naquelas histórias e filmes... ~ Se o banheiro me fosse indicado eu pegaria minhas latinhas e iria até o mesmo enquanto ficava de olhos abertos aos eventos a minha volta e ao cenário.

No caminho até o banheiro eu procuraria qualquer coisa que poderia indicar alguma passagem para o subsolo, escadas, portas, alçapão, se o lugar tivesse carpete ou tapete eu tentaria procurar um desnível ou deformidade no mesmo para ver se tinha chances do tecido estar escondendo uma porta. Ainda assim para não chamar muita atenção eu iria até o banheiro tirar água do joelho, consequência de beber duas latas de energético mas era bom para manter o papel de cliente, se o banheiro tivesse fila eu aproveitava o momento de espera para olhar mais a minha volta com o pretexto de procurar outro banheiro quando na verdade eu queria encontrar tal passagem ou alguma porta em que só funcionários fosse permitidos.

No cenário de acabar encontrando tal passagem eu terminaria o que tinha que fazer no banheiro como as minhas necessidades, lavaria minhas mãos e rosto e voltaria para o meu lugar no balcão. - Vocês tem petiscos aqui? - Se a resposta fosse positiva então eu continuaria. - Me vê um prato então de peixe frito e uma porção de calabresa [...] ah não esqueça o limão. - Dispensaria o atendente da mesma forma que teria interagido antes mas no caso de não servirem comida ali então eu pediria outra coisa. - Me traz uma garrafa do seu melhor vinho então. - Esses pedidos eram feitos apenas para dispensar o atendente e me deixar sozinho no balcão para que eu pudesse falar com as outras pessoas que tivessem vindo comigo, falando baixo para apenas Michael ou outro de seus seguidores me ouvir eu diria. - Encontrei a entrada *insira o acesso a mesma aqui* podem começar a distração. - Tal frase seria passada sem fazer contato visual para não chamar atenção de olheiros afinal mesmo sem o atendente ali era possível que outras pessoas estivessem olhando e guardando o local.
Legendas:
 
Histórico:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyTer 10 Dez 2019, 21:42




Bizarre Adventure: Smooth Criminal


Era claro a preocupação de Johnny com o sentimento de seus companheiros e se esta hora eles estariam procurando por ele. Yasha deveria estar bem como já era o esperado e cuidando do falcão do garoto-estrela. E uma pequena engrenagem começava a rolar na cabeça de Jones quando ele começava a pensar melhor sobre o que estava acontecendo com os planos do Gatuno de Ferro.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Um conhecimento associado a um conhecido dentro do quartel general de Shells levara ele a pensar que Vidar era o real líder de todo aquele mercado negro acontecendo em Loguetown enquanto que o Gatuno de Ferro era uma parasita apenas servindo nele enquanto planejava uma forma de subir ao poder de uma maneira a dominar todo o mercado negro daquela região. O energético mexia bastante com o seu sangue e acelerava todo o seu corpo de uma maneira que fazia com que seu cérebro trabalhasse mil vezes mais rápido. As semelhanças e as suposições eram muito reais e ele podia ver tudo aquilo se desenvolvendo e dando um fogo a mais em sua empreitada contra o Gatuno de Ferro.

As suas preocupações também eram voltadas aos seus colegas de invasão que estavam por ali, pois não eram nada confiáveis e não sabia de suas origens, talvez poderiam até mesmo serem capangas do Gatuno de Ferro que colaborariam com a queda de Vidar? Será mesmo que eles eram um terceiro grupo ou eram do Gatuno? As respotas tinham que acontecer logo, pois Johnny estava começando a pensar demais e criar suposições demais sobre o assunto.

- Não sei dos outros, mas este, com certeza. – Teria dito Michael. O bartender do local após ver um de seus clientes sentado e perguntando do banheiro, apontava para uma direção e quando ele olhasse para a direção, conseguiria ver a plaquinha com o desenho do contorno de um homem em uma placa branca.

No banheiro, não encontrava nada de muito interessante a não ser um vaso mais solto que os demais, procurando mais afundo dentro deste, conseguia ver que descia um cano mais largo e profundo do que o restante e do lado de fora, uma placa que não tinha visto estava escrito que o sanitário estava quebrado. O local tinha por volta de seis cabines, duas pias e um grande espelho rachado. Era tudo uma nojeira, baratas e pichações por todos os lados. O sanitário não era o suficiente para alguém descer, mas gerava uma certa suspeita. Ele sentia algum tipo de mecanismo quando empurrava novamente para o lado e sentia que conforme empurrasse, alguma coisa estava abrindo na sua frente. Para não gerar suspeitas, voltava tudo ao seu lugar e aproveitava de outros vasos, esvaziava a sua bexiga e voltava para o bartender, sentando-se novamente no balcão.

E os seus pedidos começavam a serem atendidos após processado. Um homem estava por ali perto e Michael conseguia manter o contato com Johnny de uma maneira bem discreta. Assim que ele dizia que teriam encontrado, o homem que era responsável pela distração começava a agir. – Sua mãe é tão velha que desde criança ela já ejaculava leite em pó das tetas! – Gritava o homem, tacando a cadeira em um qualquer por ali e começando uma bela de uma briga de bar. – E lá vamos nós de novo... – Teria dito o bartender.


Considerações escreveu:
N/A

Legendas escreveu:
#cc0099 – Yasha
#cc0000 - Guin Ruiva
#C36900 - Michael Caio Junior.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyQua 11 Dez 2019, 18:54

SMOOTH CRIMINAL
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Post: 11 - Cagando em bonde.

Como a própria Nazaré Tedesco eu podia ver todas as fórmulas matemáticas diante dos meus olhos se formando e trazendo um possível resultado, resultado este que ainda não sabia se estava correto, tudo ainda era um hunch/palpite. Recapitulando o plano estávamos prestes a atacar uma das bases do Vidar, o objetivo deste ataque era sinalizar a nossa caçada contra o criminoso e assim o fazer reforçar as defesas nas outras localizações para que possamos nos infiltrar como possíveis criminosos, para mim não era um plano perfeito mas já era alguma coisa. ~ Como se eu fosse me infiltrar me passando por um criminoso, esses caras só podem estar sonhando. ~ Bem só Deus sabe o que ia dar no final mas agora eu tinha que seguir com o roteiro do Junior Jr.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Depois de dar meu mijão, enquanto eu lavava as minhas mãos notava um box ou uma privada ali destacada para conserto, em situações normais eu nem ousaria mexer naquilo mas estávamos ali para procurar uma entrada que nós levasse ao subsolo. ~ Esses porras não poderiam apenas ter uma escada até o porão? ~ Suspirava um pouco frustrado lembrando que até então não teria encontrado nada. ~ O que será que tem de errado aqui? É possível que tenha uma passagem escondida nessa merda? ~ Investigando de forma casual, claramente não esperando encontrar algo ali, acabava por fim pagando com a minha língua. - Só pode estar brincando comigo... - Falei baixo ao ver que atrás daquele vaso sanitário nojento estava o que buscamos, a passagem. ~ Hora de alertar a cavalaria, vou chamar o bonde para dar um cagão coletivo... ~ Pensei antes de sair enquanto eu olhava a minha volta e me certificava que ninguém tinha me visto ali buscando a entrada secreta.

Uma vez de volta ao bar eu passava para os outros o que tinha encontrado e o coitado da distração iniciou a sua algazarra, uma briga de bar não era um método que eu escolheria mas com certeza era efetivo ali, ainda assim me preocupava com o homem que ficaria para trás mas mais uma vez eu lembrava que aquela não era a minha operação e não era o meu plano, mordendo meu lábio inferior eu seguia para o banheiro aproveitando a deixa de nossa distração ainda tentando ficar atento para garantir que ninguém nos visse seguindo até a entrada secreta. O motivo de não manifestar minhas ideias era a simples falta de confiança naquelas pessoas, ou pelo menos era nisso que eu desejava acreditar, na minha operação com Shantall tinha sido minha ideia dividirmos os inimigos entre nós mas não podia esperar que o Gatuno fosse aparecer e pegar minha amiga desprevenida, tal falha levou a sua morte. No fundo eu não desejava mais comandar e nem oferecer ordens que possam guiar meus companheiros para a morte mas vendo como aquela operação seguia eu não tinha como esconder a minha insatisfação.

Por ainda não confiar e não ter um laço de amizade forte com aquelas pessoas eu segurava a minha língua, não sabia quais eram os objetivos e os desejos que aquelas pessoas tinham para com a ilha de Loguetown, eu precisava esperar pelo pior, talvez fossem inimigos desejando me encurralar levando-me direto para a boca do leão. ~ Tsc, fuck this shit... ~ Apesar de tudo isso eu não tinha muitas escolhas, se fosse mesmo uma armadilha eu lidaria com ela quando chegasse a hora, eu não era um pensador e sim um lutador. Ao chegar no box especificado eu mostraria como abrir tal passagem ainda tentando ficar atento a movimentação de todas as pessoas a minha volta, dessa vez empurraria até que a passagem tivesse completamente aberta e deixaria que uma das pessoas que estivesse comigo desse uma olhadela no caminho. - Vai na frente, tome cuidado para possíveis armadilhas e a tal vigilância. - Não lembrava muito bem do que tinham falado antes na reunião sobre a segurança local mas eu só queria que alguém fosse na frente porque eu não ficaria ficar com as minhas costas viradas para estranhos. - Vou fechar a passagem para que não sejamos seguidos. - Assim que todos entrassem eu iria logo atrás já buscando uma forma de fechar a entrada, isso claro se estivessemos sozinhos ali.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Se não tivesse nenhuma alavanca ou outro tipo de interruptor eu de dentro da passagem começaria empurrar a privada de volta para o lugar de uma forma que tal movimento fosse possível sem eu sair de tal entrada, deixaria que o Michael guiasse a partir dali enquanto eu protegia a retaguarda e claro ficasse atento ao movimento de meus “colegas” nessa hora eu me arrependia de não trazer a minha mochila pois sabia que meus explosivos seriam bem úteis para a bagunça que planejamos fazer. No caso de escutar ou perceber qualquer coisa suspeita eu tentaria alertar todos de uma forma que não alarmar-se ninguém e que não denunciaria a nossa posição. - Esperem olhem ali... - Diria enquanto também puxaria ou seguraria a pessoa mais próxima de mim, com certa experiência naquele tipo de invasão eu tentaria ficar atento ao solo antes de pisar no mesmo e nas paredes a nossa volta, na hipótese de estar muito escuro então meus passos seriam arrastados enquanto eu também deixava a ponta dos meus dedos passar pela parede de forma suave na tentativa de identificar o aspecto da textura da mesma e se existia orifícios ou muitos relevos ali.

Ao perceber qualquer perigo contra mim eu tentaria abaixar o meu corpo e dobrar os meus joelhos da forma mais rápida possível buscando me esquivar de qualquer coisa, se tal movimentação não fosse o bastante e eu percebesse isso pela minha noção exata de tempo então eu completaria tal manobra rolando no chão para o lado esquerdo ou direito, o que mais fosse indicado no momento. Salvo ou não do perigo eu já iria me preparar para o pior me levantando o mais rápido possível, contava também com minha resistência natural para resistir a qualquer possível dano sem deixar a minha posição.
Legendas:
 
Histórico:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
~[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyQua 11 Dez 2019, 21:43




Bizarre Adventure: Smooth Criminal


Em meio a cadeiras voando e vários outros tipos de coisas que aconteciam em uma briga de bar, rapidamente Jones se esgueirava para dentro do banheiro junto com os seus companheiros que chegavam logo em seguida. Como era se esperado, não havia ninguém do lado de dentro do mesmo e os que não tinham fugido pelas portas do bar estavam na briga. Com a distração, eles aproveitavam para explorar o que Johnny havia encontrado. – Quem diabos faz um esconderijo com entrada no banheiro?

Eram claros os sentimentos que Johnny tinha com guiar as pessoas e isso ainda era um incômodo e um fardo pesado para ele depois da morte de Shantall após as suas ordens. Não confiava naquelas pessoas e o sentimento era recíproco, até onde entendia. Sabia que não deveria ser o primeiro a ir e quem seguia era um dos parceiros de Michael, descendo a escada que tinha se aberto. A escada era feita de madeira, estando completamente vertical quase em 90°.

Assim que todos desciam, Jones ia atrás e ele fechava a passagem, era possível ver um mecanismo que não permitia que eles voltassem por ali, então era provável que houvesse uma outra saída ou saídas daquele local, mas tinha certeza que não seria por ali. O local era completamente iluminado por tochas em vários cantos da parede. Tijolos eram formados igualmente o piso em todos os cantos, as passagens tinham uma iluminação até um tanto boas. A sala da qual estavam tinha por volta de vinte metros, espaço suficiente para caber toda a operação. Ainda não se via nenhum tipo de guarda, mas não demorou para que encontrassem o primeiro problema.

Quando seguiram pelo corredor a frente, o homem mais a frente pisava em um mecanismo que ativava de imediato. Os mais espertos, Jones, Michael e mais quatro homens, dos seis que estavam ali, conseguiam escapar daquela armadilha abaixando-se. Um machado de dois metros cortava ambos no meio, deixando suas tripas e sangue espalhadas pelo solo manchado de mais sangue, mas este seco.

- É... parece que teremos que ter ainda mais atenção. – De maneira inabalável, eles seguiam rumo a frente. E depois de dez minutos de caminhada por corredores intermináveis, esquivando-se de armadilhas parecidas com flechas e lanças. Eles chegavam ao primeiro desafio do qual teriam que enfrentar. Em uma sala de trinta metros, forrado por o que parecia ser grama, encontravam cinco touros de tamanhos e chifres diferentes. Cada um tinha seu tipo de curvatura, alguns mais abertos e outros mais fechados, um quebrado e o outro mais longo. Eles olhavam diretamente para os invasores e viam aquele sangue vermelho que tinha manchado a roupa dos seus companheiros. E de imediato começavam a bater os cascos no solo.



Considerações escreveu:
N/A

Legendas escreveu:
#cc0099 – Yasha
#cc0000 - Guin Ruiva
#C36900 - Michael Caio Junior.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyQui 12 Dez 2019, 14:42

SMOOTH CRIMINAL
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Post: 12 - Mortes e abuso de animais? Nada legal.

Eu não gostava de nada daquela situação, eram muitas similaridades com o que ocorreu em Shells Town, parte de mim só queria largar aquilo tudo e voltar a velejar em alto mar junto com meus amigos e buscar algo mais tranquilo, ter paz por ao menos um momento em nossas vidas mas infelizmente aquilo não era possível, tinha feito uma promessa de capturar o Gatuno de Ferro buscando justiça pela Shantall e tinha me comprometido a capturar Vidar para encerrar suas operações na ilha, só assim eu poderia ter minha paz com as pessoas que me são queridas mas antes precisava remover tais obstáculos. Muitas eram as coisas que me incomodavam ali, primeiro tochas acesas, não era luz elétrica onde a pessoa pode acabar se dando o luxo de deixar acesa sem querer, eram tochas, algo que precisa ser aceso para se queimar por um tempo, outra coisa que me incomodavam era a ausência de coisas, até onde vi estávamos andando por um corredor. ~ Ta legal, até onde sei essa merda é um ponto de vendas para sei lá o que, coisa ruim provavelmente, o foda é… Cadê tudo? Tipo é super okay ele vender os lances dele no bar para clientes específicos com senha ou sei lá o que mas o produto precisa ficar guardado em um lugar né... ~ Mas até então eu só via os tijolinhos na parede e as tochas acesas. ~ ...Ou eu tô mesmo indo para uma armadilha desses puto ou ainda estamos para chegar lá, afinal este porão não pode ser tão grande assim. ~ Mais uma vez tudo aquilo era apenas uma suposição baseada em apenas um palpite, não tinha como saber se era verdade ou não mas nem por isso eu deveria abaixar a minha guarda.

Durante nossa infiltração algo já esperado por mim aconteceu, uma armadilha tinha sido acionada, de imediato praguejei em meio de minha esquiva imaginando o quão problemático era o descuido daquelas pessoas e se fosse um alarme ou um mecanismo mais letal como a nossa operação seguiria? ~ Esses porra tão mesmo querendo me matar só pode! ~ Por sorte eu tinha saído daquela inteiro, começava a me virar em direção aos outros para reclamar e dar uma bronca de cara feia naquele que acionou a trap, já ia me preparando para soltar a língua mas ao olhar em direção ao nosso grupo eu notava que nem todos tiveram a mesma sorte que eu. Duas pessoas tinham sido mortas, ao olhar aquela cena gore um puro sentimento de terror tomou conta do meu corpo, minhas pernas vacilaram e meus joelhos iam de encontro ao solo. ~ Nã- nã- não pode ser... ~ suspeitos ou não, estranhos ou não aquelas pessoas ainda eram pessoas, aliados ou inimigos uma vida sempre vai possuir seu valor, aqueles dois estranhos foram cortados como se fossem simples pedaços de carne e isso era repugnante, desumano, não tinha como eu não perder minha compostura.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Tampando a minha boca com ambas as mãos eu imediatamente fechava os meus olhos lutando com a vontade de vomitar e gritar, talvez por sorte não tinha nada no meu estômago para vomitar mas infelizmente já era tarde demais para fechar meus olhos, aquela profana cena já tinha ficado gravada em minha memória. - Puta merd... - Minhas mãos abafavam a minha voz tornando-a inaudível para os demais que se encontravam ali, eu estava em choque, claro que aquela não era a minha primeira vez vendo sangue mas duas mortes como aquelas era apenas errado demais para mim e meus ideais. Eu precisava de um tempo pois aquilo era demais, se alguém tentasse me apressar ou interromper o momento que eu precisava para recuperar a minha calma e minha sanidade eu imediatamente pegaria tal pessoa pelo colarinho. - Como você ousa... - Quase rosnando tais palavras eu fuzilava a pessoa apenas com o meu olhar. - ...foram os seus companheiros que morreram aqui! - Se tivesse obtido sucesso em pegar a pessoa antes então agora eu a empurrava para longe de mim, o pavor de antes se transformaria em raiva se tal cenário ocorresse pois eu não podia suportar a ideia de trabalhar e muito menos confiar em alguém que não se abalasse com um evento como aquele.

Assim que tivesse um momento para respirar e me acalmar eu seguiria junto com o grupo o restante do caminho. ~ Sinto muito que tenha acabado assim. ~ Pensava quase como uma reza para as duas almas que eram perdidas ali, parte de mim sentia culpa sobre tal evento, minha omissão pode ter colaborado para aquele fim. ~ Realmente devo deixar as coisas seguirem neste ritmo? Vou mesmo ficar calado aqui? ~ Eu estava indo contra todos os meus instintos seguindo os planos e os comandos de uma outra pessoa e olha no que deu, em contrapartida eu deveria mesmo assumir os riscos e o peso da liderança mais uma vez? Depois do que aconteceu a minha amiga teria eu o direito de agir como agia antes? ~ Tsc… Eu não gosto NADA disso... ~ Ainda de cara fechada eu seguia a nossa trilha com mesmo cuidado de antes, dispensava qualquer tipo de conversa ou tentativa de consolo queria apenas terminar com tudo aquilo e voltar aos meus próprios objetivos.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Passávamos por mais armadilhas mas talvez pelo evento de antes todos pareciam mais alerta o que evitava mais fatalidades, no fim de nosso caminho chegavamos a uma câmara mais aberta e imediatamente era possível notar que não estávamos sozinhos ali, diante de mim estava outra cena que me irritava, animais que deveriam estar correndo em campos abertos estavam ali no subsolo desprovidos até de um bom banho de sol, a reação deles era esperada, antes que o grupo de Michael agisse eu daria um passo para frente. - Saiam do caminho. - Dizia para os humanos naquela câmara que apesar do tom rude e grosso usado em tal frase essa era a forma mais "gentil" que eu conseguia conversar no momento dado a situação, não ia deixá-los machucar aquelas criaturas mas também não deixaria os animais me machucarem, não estava no humor para isso. ~ Mortes... ~ Lembrava das pessoas despedaçadas na armadilha. ~ ... Abuso... ~ Via os animais ali irritados. - [...] - / ~ ISSO ACABA AGORA! ~ Já não ficaria mais nos bastidores era hora de tomar as rédeas daquela situação, tal posição e determinação fazia as estrelas em minha capa se acenderem como o céu noturno banhado de estrelas, extremamente irritado eu fuzilava as criaturas com meu olhar furioso, Eu finalmente tinha acordado.


Já engajado no combate eu esperava a investida do primeiro animal, esperava que minha capa luminosa esvoaçante com toda a minha movimentação chamasse atenção das criaturas para mim, a primeiro momento eu me preparava para desviar me movimentando com alguns passos rápidos para o lado tentando fazer uso da minha noção de tempo, não conseguindo eu buscaria resistir com a força natural de meu corpo quase o usando o mesmo para o ataque como se fosse um lutador de sumo, independente do resultado eu tentaria saltar contra o pescoço do animal para o pegar em um mata leão, faria de tudo para segurar firme e manter uma postura sólida para não deixar o animal escapar. - Go to sleep, go to sleep, go to sleep! - Eu não tinha planos e muito menos a intenção de machucar ou fazer mau aos animais, ia os deixar inconsciente evitando causar danos desnecessários, assim que o primeiro desmaiasse eu agiria contra o segundo já correndo em sua direção tentando executar o mesmo plano de antes e assim sucessivamente.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

No caso de outro animal me atacar enquanto eu já estava engajado com um eu ainda me manteria agarrado com a criatura mas em vez de continuar posicionado na lateral do mesmo eu tentaria em um salto montar na criatura e deixar a esquiva por conta dela, caso o contrário seria o animal que sofreria com o ataque de seu colega. Agindo contra a resistência do animal eu tentaria sempre apertar mais a minha "chave" se o animal tentasse pular eu iria o puxar contra o solo, se tentasse ir para a esquerda eu puxaria para a direita e assim por diante, acreditava que com a minha força atual tal tarefa fosse possível apesar de qualquer desafio. - Já falei para não interromper! - Gritaria caso notasse alguém da equipe do Michael ou o próprio ameaçando a segurança e bem estar das criaturas, eles podiam desviar ou seguir sem mim não me importava com as escolhas deles contando que não atacassem os animais, já para as criaturas eu manteria o olhar feroz. - Quer continuar, besta? - Diria a uma assim que derrubasse alguma. Se percebesse que fosse possível derrubar algum dos touros com a minha força e alguma manobra de corpo eu executaria tal ação girando o meu tronco enquanto a criatura ainda estivesse presa em meus braços, junto com tal giro eu iria flexionar um dos joelhos e jogar o meu peso contra o animal para assim derrubá-lo e possivelmente o jogar no caminho de outro touro, não os buscaria socar e nem chutar para não gerar uma dano abrasivo desnecessário apenas os derrubar para que assim eu possa seguir adiante.
Legendas:
 
Histórico:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
~[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptySex 13 Dez 2019, 18:41




Bizarre Adventure: Smooth Criminal


Era claro um sentimento mais do que desespero daquele jovem que não tinha um estômago tão forte ou um coração tão frio como aqueles outros que estavam por ali, pois sequer se importavam com a perda de um companheiro e já queriam seguir em frente, um desses homens se aproximava de Johnny para tentar apressá-lo a seguir junto com eles e a raiva daquela cena era o bastante para que o garoto criasse uma coragem através da adrenalina e levantava o homem pelo colarinho. - Vai, bixola, segue rumo. Morte sempre vai ser morte, independente de onde esteja. - Dizia o homem barbudo que tinha quase caído para trás com o impulso que o garoto estrela havia dado.

Estava nítido o abalo em seu coração que se dividia em várias decisões, seu corpo trabalhava em mil formas de tentar processar aquele ocorrido e um trauma anterior fazia com que tudo fosse mais difícil de sentir. Tinha um grave problema em manter o foco naquela missão e as palavras dos homens que tentavam apenas rir de sua presença ou fazê-lo seguir em frente entrava por uma orelha e saia pela outra.

Em meio a cena com aqueles touros que estavam mais furiosos e prontos para atacar, Jones tomava o rumo da situação e se movia a frente de todos, pedindo? não. Ordenando que saíssem de seu caminho e mostrando que lidaria com aquela situação sozinho. - Essa eu quero ver.. - Teria dito Junior, duvidando da capacidade do garoto lidar com todos aqueles animais juntos. Os outros homens pareciam ter o mesmo pensamento que o líder deles tinha.

Assim como esperado, a sua capa chamava bastante atenção daqueles animais que começavam a seguir em direção ao loiro. No primeiro momento, sua velocidade era bem superior a daqueles pobres e abusados e o homem conseguia agarrar em seu pescoço, trazendo-o em um mata leão que com grande maestria era executado, levando o animal a cair no chão quase meio minuto depois. Os animais sabiam quem era os seus amigos e por isso não atacavam uns aos outros tentando pegar Johnny, para ele, era um alívio não ter que lidar com animais tão selvagens assim.

Os homens ficavam surpresos com tamanha força vinda do caçador, do qual não tinham conhecimento que ele era tão forte assim. Um atrás do outro, os touros iam caindo no chão, desmaiados e consequentemente sem maiores danos. Por fim, estavam todos desmaiados, naquele local, onde Johnny estava de pé, tendo lidado com todos em questão de minutos. - É um fraco de estômago, mas consegue ter uma força aceitável. Interessante. - Dizia Michael. - Agora, vamos? - Esperavam Jones se mover primeiramente.




Considerações escreveu:
N/A

Legendas escreveu:
#cc0099 – Yasha
#cc0000 - Guin Ruiva
#C36900 - Michael Caio Junior.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptySeg 16 Dez 2019, 19:41

SMOOTH CRIMINAL
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Post: 12 - Estrela solitária.

Aquelas pessoas de fato não eram confiáveis e não digo isso pelos comentários que os indigentes faziam sobre mim e sim sobre sua reação ao perder um aliado na verdade qualquer comentário e insulto direcionado a mim era quase que apagado ou esquecido por mim diante de um gesto tão desumano, mesmo o mais comprometido dos soldados demonstraria alguma reação ao perder um aliado mas não aquela gente que, além de sequer ligar para os caídos, não demonstravam respeito com os mortos então como eu no fim iria confiar em alguém assim. Cruzando com os animais eu ouvia mais comentários só que mais uma vez eu sequer dei bola continuando meu caminho como sequer tivesse escutado as palavras daquele careca, os animais no entanto se mostraram mais espertos do que esperava, para ser claro nunca tinha os julgado como estúpidos mas não esperava que os mesmos nos deixariam após um único confronto direto. ~ São mais espertos que os idiotas que me acompanham... ~ Pensei enquanto ainda passava o olho em cada criatura em pé me certificando que mais nenhuma delas viria para cima.

Me virando eu seguia o caminho que precisamos percorrer apesar de ainda continuar atento a toda sala e aos meus arredores. - Não lembro de pedir para me esperar. - Respondia de forma direta enquanto seguia o caminho apresentado, procurava em minha volta pistas ou qualquer coisa sobre o lugar, até onde eu sabia estávamos perto de um QG então não imaginava que aquele porão/esconderijo fosse muito grande, ou pelo menos eu esperava que os marinheiros não fossem deixar uma base subterrânea gigante passar despercebida bem debaixo de seus narizes. De qualquer forma "better safe than sorry" como dizia meu velho, não era demais esperar mais perigo sendo estes armadilhas ou não, percebendo qualquer risco contra mim sendo vendo algo estranho, escutando ou sentindo de qualquer outra forma a escolha primária seria desviar, movendo meu corpo para o lado imitando o gingado de boxe eu buscaria dar passos rápidos para sair da zona de perigo, no caso de buracos ou fendas eu tentaria analisar se seria possível alcançar o outro lado com um salto antes de tentar executar tal ação, se por acaso percebesse que o perigo na verdade vem de cima então eu abaixaria e tentaria rolar para frente buscando deixar qualquer obstáculo ou ameaça para trás, por fim se eu não fosse veloz o bastante para desviar então minha única opção seria me preparar para o dano cruzando meus braços em frente de região em que previa o golpe e assim contar com a minha resistência.

A interação continuaria mínima com aquelas pessoas, não iria mais tentar orientar ou ajudá-los como antes afinal sou novo demais para ser pai de marmanjo. ~ Tsc… Espero que o fim esteja próximo... ~ Pensei ficando cada vez mais ansioso com aquela jornada, o evento de antes colaborava para tal sentimento mas a verdade é que não gostava da ideia de estar no subterrâneo com pessoas que não confio, cercado por armadilhas enquanto procuro um pirata extremamente perigoso. ~ Eu realmente queria ter a minhas bombas agora... ~ Soltava um leve suspiro imaginando que Yasha devia estar numa boa em um banho quente comendo uvas e chocolates enquanto eu estava ali naquele buraco. ~ De onde eu tirei essa cena? ~ Balançava a cabeça de forma negativa afinal tal pensamento era muito errado, nunca tinha visto a bárbara tomar banho e tão pouco sabia se ela gostava de chocolate. ~ Nah ela deve gostar sim, quem não gosta… Mas talvez ela seja alérgica… Porra isso não é hora para pensar nisso. ~ Talvez fosse a adrenalina que fazia minha mente tentar me acalmar com pensamentos bobos e por vezes divertidos mas eu precisava ficar, levaria ambas as mãos contra as minhas bochechas em um tapa forte o bastante para me despertar e trazer minha cabeça de volta a situação atual.
Legendas:
 
Histórico:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
~[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyQua 18 Dez 2019, 21:58




Bizarre Adventure: Smooth Criminal


Johnny não gostava daqueles homens e também de suas personalidades, como um caçador de recompensas, era seu dever não gostar daqueles e querer captura-los se soubesse que havia uma recompensa em suas cabeças. Sua força seria o suficiente para acabar com eles em um piscar de segundos, algo que Jones não havia previsto tão bem ainda.

Por algum motivo, o resto do caminho inteiro não haviam armadilhas e não demorava nem um minuto para chegar a próxima sala onde tinha uma surpresa mais do que desagradável. Depois de ter pensamentos bem bobos e inusitados com a bárbara pensando em coisas que provavelmente ela jamais faria, ou bem raramente. Ele conseguia ver um homem amarrado com cordas em ambos pulsos em uma cadeira, assim com um holofote em seu rosto, seus cabelos brancos escondiam algumas marcas de maltrato em seu rosto, seus olhos mostravam claramente um cansaço físico e mental de estar ali.

Em seu corpo haviam diversas marcas e estava com seu kimono rasgado e vestido até somente sua cintura, deixando seu torso exposto para alguns ferimentos de lâminas. No momento em que todas as luzes se acendiam, ele ficava momentaneamente cego e sendo empurrado para frente, onde devido ao seu equilíbrio, não caia. Diferente dos outros homens ao lado de Michael que beijavam o solo. Era possível ver Michael em pé e atrás de Johnny, há três metros de onde estava a cadeira, dois homens. Vidar e o Gatuno de Ferro.

- Pelo jeito, caíram certinho na armadilha. – Teria dito Vidar, sua voz era grossa e o homem tinha uma estranha calma, seu semblante era até mesmo de quem não estava dando a mínima com aquilo. – Ssss. Temos dois traidores e um caçador de recompensas prontinho para ser morto após atrapalhar meus planos. – Completava o Gatuno de Ferro, exibindo um sínico sorriso em seu rosto.

- Entrega confirmada, agora posso ir embora? – Michael era um traidor dentro daquele esquadrão e parecia um pouco assustado até mesmo para quem tinha o controle da situação. Em seu ponto, era a única saída por ali, até onde conseguia ver. Caio estava a quatro metros de distância de Johnny, o homem da cadeira a um metro, tanto Vidar como Gatuno, que estavam lado-a-lado, estavam a três. Os outros dois homens considerados traidores estavam a dois metros, cada um de lado de Jones.




Considerações escreveu:
N/A

Legendas escreveu:
#cc0099 – Yasha
#cc0000 - Guin Ruiva
#C36900 - Michael Caio Junior.
#1ABC9C – Vidar
#ff3333 – Gatuno de Ferro


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptyQui 19 Dez 2019, 16:37


SMOOTH CRIMINAL
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Post: 14 - Se correr eu te pego, se ficar eu te surro!


Mesmo em um estresse quase que extremo minha mente acabou vagando para um cenário menos tenso mas ainda assim inapropriado, pensar nisso me fazia lembrar o porque eu tinha sido um péssimo aluno na época de escola mas sequer tive tempo para ponderar muito sobre isso porque parecia que no fim eu tinha chegado ao meu destino e Deus como eu queria ter as minhas bombas naquele momento. Luzes se acendiam de forma repentina e claro que meus olhos naquele momento estavam acostumados com a iluminação fraca e a escuridão mediana o que fez a iluminação extra me cegar por um breve período de segundos, nesse período ouvi pessoas caindo e passos? Meus olhos ainda iam se adaptando com a nova iluminação e o cenário mas eu já podia ouvir as pessoas falando e aos poucos a visão voltava ao normal. - Caçador? - Perguntava para mim mesmo em um tom de voz baixo, seria o rapaz amarrado? Pera... MERDA TEM UM RAPAZ AMARRADO ALI? Finalmente conseguia entender melhor o que acontecia e via as pessoas caídas mas quando ouvi a voz do Michael eu não pude me segurar.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Já me virava partindo em sua direção sem dizer nada que minha expressão facial já não dava a entender, desvantagem númerica? Até onde eu via esse era o único jeito de existir uma luta justa ali, cerrando o punho direito eu mirava acerta um jab contra o rosto do traidor e o empurrar com alguma esperança contra uma parede, pilar ou qualquer outra coisa dura que o cause ainda mais dano, tal golpe carregava tanto ódio que eu tinha pelo o homem que seria inegável o prazer e a satisfação no caso de acerta-lo pois eu não só o acertava por mim como também por todos que ele já traiu até chegar naquele momento. Em sucesso ou na falha de tal movimentação eu diria para todos ali presentes. - Acho que vocês estão ligeiramente enganados sobre a situação atual, não sou eu que estou encurralado aqui e sim vocês... - Meu olhar sério percorria por todos ali mais uma vez e ao ver aquela figura amarrada e injuriada eu voltava a me irritar. - ... Assim como em Shells Town eu vou lhes dar uma chance, se rendam agora e se entreguem sem resistência. - Minha voz apesar de encantadora não demonstrava nenhum encanto naquele momento se não a minha autoridade enquanto um olhar furioso fuzilava meus inimigos, dentro de mim eu esperava que eles mostrasse resistência ou qualquer outra coisa que não fosse a rendição, eu queria lutar e puni-los por tudo que fizeram mas apenas uma coisa criava um obstáculo, o inocente amarrado servindo possivelmente de refém.

No caso geral de ficar na mira de algum ataque antes ou depois do caso de tentar atacar Michael eu me jogaria no chão tentando rolar para frente na direção de onde o refém estava amarrado, depois de tal movimentação eu continuaria seguindo até o mesmo enquanto buscava manter o meu centro de gravidade abaixado e meu tronco inclinado para frente, uma de minhas mãos já se encontraria na empunhadura de meu sabre e quando finalmente estivesse ao alcance do rapaz eu executaria um golpe ascendente na vertical desenhando um arco no ar, o golpe obviamente não almejava ceifar o rapaz mas sim o livrar de suas amarras a cadeira. O golpe seria feito mas eu não pararia de correr em encontro ao mesmo pois assim que ele estivesse livre eu saltaria em sua direção buscando pegá-lo com meu braço livre e cair junto a ele para longe da confusão ou longe da mira de qualquer outro ataque.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Enquanto o mantinha em meus braços eu tentaria ver se o rapaz estava consciente, minha espada estaria apontada para os meus inimigos comigo já imaginando o que viria agora. - My name is Johnny Jones. You killed my friend. Prepare to die! - Se o rapaz estivesse inconsciente eu o deixaria no canto da sala e me posicionaria com minha espada em mãos na frente de seu corpo para garantir que ninguém passasse por mim, no caso do rapaz estar acordado eu removeria a pistola de minha cintura e a empurraria contra o seu peito. - Consegue correr? Pegue isto... - No caso dele estar em condições de correr eu continuaria. - ... e saia daqui ou procure um lugar seguro e não saia até eu mandar. - No caso dele não poder andar eu teria terminado dizendo. - ... e fique aqui, assim que terminar com eles eu volto para te buscar… Eu prometo. - Após dar a ordem que fosse mais apropriada eu daria dois passos para frente pronto para entrar em combate.

Na conjuntura de não ter sido rápido o suficiente para evitar os ataques mirados em mim eu tentaria continuar resistindo a qualquer flagelo e alcançar o rapaz mesmo que isso resultasse em algum ferimento, claro que tentaria amenizar o mesmo posicionando a lâmina da espada no caminho de qualquer possível ataque ou o braço livre se a possibilidade estivesse disponível, meu objetivo em tal momento era tirar o refém da zona de perigo e o libertar para que eu pudesse lutar sem mais preocupações.

Legendas:
 
Histórico:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
~[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptySex 20 Dez 2019, 23:23




Bizarre Adventure: Smooth Criminal


Johnny ao contrário de todas as expectativas, sequer pensava na própria segurança daquele homem amarrado e isso era o seu elemento surpresa, pois seus movimentos foram tão rápidos que Michael sequer houve uma chance de conseguir se defender do seu golpe pesado, empurrando-o com tanta força após seu golpe que suas costas batiam e suas costelas faziam um “crack” nada natural. O homem caia quase que duro no chão, desmaiado após o golpe sem sequer ter chance para dar um único golpe depois da força espetacular que Jones portava em si.

O gatuno de ferro dava um sorriso enquanto que a expressão de Vidar era de surpresa. – É... você disse que ele era uma caixinha de surpresas. – O homem cerrava os seus punhos e estava pronto para seguir em direção ao homem amarrado com os seus punhos. Quanto a isso, o caçador movia-se rolando igual um ninja e se aproximando com velocidade do homem amarrado, seu sabre era sacado e o corte era preciso, acertando na área certa de suas amarras onde o mesmo pendia para frente e caindo diretamente nos braços de seu salvador.

O homem estava consciente e parecia estar recuperando a atenção no local, seu corpo ainda estava marcado pelos ferimentos e estava fraco, mas uma pistola era empurrada no seu peito. No momento em que estava dizendo aquelas palavras, o salvado se tornava o salvador, empurrando com força Johnny para trás. O golpe passava milímetros a frente de Jones, a mão de Vidar passando bem em frente ao seu rosto. Enquanto isso, o gatuno de ferro lhe aplicava sorrateiramente um corte em suas costelas. – Droga, eu errei. – Falava ele sorrindo, mas Johnny sabia que ele não havia errado.

O corte não havia sido profundo, mas estava sangrando e isso poderia ser um perigo. O homem que havia recebido a pistola se colocava em pé e se afastava de Vidar. Ele parecia ter uma certa maestria naquele uso de arma, pois segurava-a com precisão, tendo acertado um tiro no braço esquerdo do pirata. Isso revelava que Johnny não estaria sozinho naquela luta.



Considerações escreveu:
N/A

Legendas escreveu:
#cc0099 – Yasha
#cc0000 - Guin Ruiva
#C36900 - Michael Caio Junior.
#1ABC9C – Vidar
#ff3333 – Gatuno de Ferro


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 EmptySab 21 Dez 2019, 15:56

SMOOTH CRIMINAL
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Post: 15 - Hora de cumprir minhas promessas.


No fim eu conseguia pegar o homem ferido em meus braços e imediatamente fiquei um pouco mais aliviado ao ver que ele estava consciente, isso acabou me fazendo abaixar minha guarda mas eu não me preocupava com isso, muitas vidas tinham se perdido naquela simples expedição por causa da traição de Michael então ver que fui capaz de salvar alguém me trazia sim certa satisfação e felicidade.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

~ Muito bem agora só... ~ Antes que terminasse meu pensamento o injuriado me tirava da mira de um golpe do Vidar, arregalando um pouco meus olhos eu fiquei um pouco aliviado em não ser acertado mas imediatamente esse alívio se converteu em agonia ao sentir uma dor pungente vindo da lateral de meu corpo só para me virar e ver que o gatuno tinha me perfurado com sua arma. - Tsc… Eu vou acabar com cada um de vocês! - Imediatamente giraria em direção ao alvo agressor enquanto brandia meu sabre em um movimento na diagonal vindo de cima para baixo mirando acertar de seu ombro até o fim de seu torço, apesar de minha ira contra tal criminoso eu ainda tinha meus ideais e minha promessa de levá-lo vivo até as autoridades, por isso apesar de minha raiva eu inconsciente me segurava para não executar um golpe fatal. Mirando um segundo golpe dessa vez tentava acertar Vidar, em sequência com o primeiro movimento eu tentaria girar o meu corpo no sentido em que o pirata se encontrava enquanto já manejava o sabre em um movimento horizontal buscando fazer um corte em sua coxa na perna que estivesse mais próxima do sentido de meu giro.

Com aqueles movimentos eu tentava fazer os dois deles ficarem próximos de mim com toda sua atenção voltada ao rapaz irritado com a espada e não no injuriado com uma arma, antes eu não esperava que o rapaz se prontificasse para me ajudar mas tal ajuda era bem vinda. ~ Não deixarei que ninguém mais morra! ~ Dessa vez ia ser diferente, não faria como antes com a Shantall onde dividimos os oponentes entre nós dessa vez iamos lutar juntos, eu seguraria todos os dois mantendo atenção deles em mim o que poderia ser bastante problemático. No caso de notar algum deles tentando perseguir o atirador eu tentaria de imediato me posicionar seja pulando ou correndo entre o criminoso e o atirador, nesse caso em específico eu aceitaria tomar qualquer golpe no lugar do atirador servindo como uma espécie de escudo humano para o rapaz que já estava tão ferido, mas tal sacrifício não seria à toa pois ao ser golpeado eu usaria de tudo que sei sobre luta de rua e imediatamente abraçaria o agressor buscando o prender em um abraço. - ORAAAA! - Com tal grito de guerra eu tentaria levantar o agressor e o descer em um suplex contra o solo esperando o finalizar ali mesmo.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

No caso em geral de ser atacado pelos dois piratas eu tentaria usar todo o gingado que tinha com o boxe e com os movimentos de dança para dar passos coordenados para trás ou para o lado disponível no momento, tentaria ficar atento ao tempo de meus oponentes em seus movimento para que com os meus passos coordenados eu conseguisse evitar seus ataques com maior tranquilidade. Se a o trabalho em equipe deles fosse melhor que a minha reação eu não teria escolha além de sofrer com mais de seus ataques e esperar aguentar com a minha resistência para que tal ação não atrapalhe o meu contra ataque, em resposta a um ataque dos meus oponentes eu tentaria executar um chute frontal no abdômen do agressor mais próximo esperando não só causar algum dano como também afastá-lo de mim. - Isso é tudo que podem fazer!? Eu nem comecei a suar ainda. - Mentia apenas para provocar meu inimigos expressando certa raiva em meu olhar, eu acreditava que meu treinamento tinha dado resultado, estava mais forte e aos poucos eu me acostumava mais a lutar com a espada mas isso não mudava o fato que eu ainda era uma simples pessoa e estava ferido. ~ Como se um simples corte fosse me parar... ~ Pressionava o mesmo com a minha mão livre tentando evitar o sangramento descontrolado apenas torcendo para que a resistência natural de meu corpo me permitisse continuar lutando.

Como resultado de tal embate eu conseguindo causar algum dano razoável ou até mesmo chegando a derrubar alguém ali com ou sem auxílio do atirador eu me viraria para a pessoa remanescente ou para os dois. - Essa vai ser a última vez que direi mas renda-se agora, você(s) não tem como nós vencer! - Diria mostrando a minha convicção, não ia perder ali eu não aceitaria perder ali depois de chegar tão longe, esse era o resultado de minha determinação.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Legendas:
 
Histórico:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
~[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Bizarre Adventure: Smooth Criminal   Bizarre Adventure: Smooth Criminal - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Bizarre Adventure: Smooth Criminal
Voltar ao Topo 
Página 3 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Polestar Islands-
Ir para: