One Piece RPG
[MINI - Nox Valentine]  XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» I - A Match Made In Heaven
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor War Hoje à(s) 12:41

» Unbreakable
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Ineel Hoje à(s) 12:38

» Apresentação - 2: Falência ambígua
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor GM.Furry Hoje à(s) 12:33

» Livro I: A paz na ilha da Guerra
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor ZnorLAX Hoje à(s) 11:43

» Ur Kleiner Bär
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Johnny Bear Hoje à(s) 08:46

» Shimizzu Price
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Mizzu Hoje à(s) 01:57

» [Mini-Eizen] Redenção do Espadachim
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Eizen Hoje à(s) 01:53

» [MINI-JIN WOO] Ocioso de mão cheia
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Jin Woo Hoje à(s) 01:50

» [MEP - JIN WOO] Ocioso de mão cheia
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor TheJoker Hoje à(s) 01:37

» [M.E.P] Eizen
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor TheJoker Hoje à(s) 01:33

» Cap 1.2 - Liberté
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor King Hoje à(s) 00:49

» [Frota] LB - Lótus Branca
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Midnight Hoje à(s) 00:39

» O vagabundo e o aleijado
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Mirutsu Ontem à(s) 23:46

» 1° Versículo - Gadeus, os Ateus do Gadismo!
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor yaTTo Ontem à(s) 21:35

» Sons of Vermillion's Blood: Gênesis
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor Boreal Ontem à(s) 20:46

» O Ronco do Bárbaro
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor West Ontem à(s) 19:42

» Fogo e Sangue
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor PepePepi Ontem à(s) 18:53

» Desventura 3.5: O treino para Grand Line
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor TheJoker Ontem à(s) 17:14

» Red Albarn
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor GM.Doodles Ontem à(s) 17:09

» A Jornada do Herói: Capítulo 1 - O garoto do cachecol vermelho
[MINI - Nox Valentine]  Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 16:16



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [MINI - Nox Valentine]

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Catuios
Membro
Membro
Catuios

Créditos : Zero
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2016
Idade : 17
Localização : Longe,em outra estação.

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptySab 12 Out 2019, 21:43

Nome: Nox Valentine
Idade: 17
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho: Normal
Estilo de Combate: Taekwondo
Localização: North Blue - Lvneel
Grupo: Civil
Vantagens: Aceleração
Desvantagens: Código de Gratidão (Herdado de seu avô)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
ADM.Senshi

Créditos : 45
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptyQua 16 Out 2019, 14:07

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.

Citação :
OBS: NÃO SE PODE ESCOLHER NENHUMA DAS ULTIMAS ILHAS DE CADA BLUE NA SUA FICHA, COMO É MINI DEIXEI PASSAR MAS ISSO NÃO PODE SER FEITO NA FICHA.(Letra em caps apenas pra chamar atenção e garantir a leitura)

____________________________________________________


[MINI - Nox Valentine]  QR95F9t

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Catuios
Membro
Membro
Catuios

Créditos : Zero
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2016
Idade : 17
Localização : Longe,em outra estação.

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptyQua 16 Out 2019, 19:26

Quando acordei, só consegui pensar no sonho que tive que me fez recordar de meu passado. Eu voltei à minha infância quando meus pais tinham sido assassinados por piratas. Eu era pequeno e nem me lembro das circunstâncias envolvidas,mas sem dúvida me marcou,pois tive que viver sozinho por um tempo,chegando ao ponto de roubar comida em casos de necessidade.
Depois,no sonho,fui levado ao momento que fui salvo...por um homem chamado Kent,que eu carinhosamente chamo de "vovô",que ganhava a vida de maneira simples,vendendo alimentos. Após roubá-lo e ser descoberto,eu esperava ser espancado,como as outras vezes em que roubei. Entretanto,ele não apenas me deu a comida que eu carregava em minhas mãos sujas,como me ofereceu um lar para morar e cuidou de mim. Devo muito a ele,tanto que mesmo sem ter tanta vontade de ser marinheiro,decidi honrar meu avô me juntando à marinha que ele tanto respeita.
Esse sonho só me fez lembrar da promessa que fiz a mim mesmo,a de retribuir ao meu avô pelo tanto que ele me deu,oferecendo a minha vida como marinheiro. Não sei como exatamente farei isso,mas hoje acordei decidido em pelo menos me aproximar desse meu objetivo,aproveitando que o vovô está viajando,tentarei surpreendê-lo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
ADM.Senshi

Créditos : 45
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptyQua 16 Out 2019, 22:00

~Post Negado~

Bom, primeiro de tudo, não desanima por isso, os posts negados fazem parte do sistema, é algo que todo mundo geralmente recebe dentro do fórum. É importante que leia o texto todo para entender bem o que aconteceu certo? Eu vou procurar ser o mais sucinta possível para que eu não coloque informações demais certo?

Primeiro de tudo queria deixar claro que esse não é um post ruim, e na verdade tem muitas coisas positivas. O primeiro ponto mais positivo de seu post é que você estabeleceu bem um pano de fundo pra o seu personagem, mostrando um breve flashback ali, isso é bom pois ajuda o narrador/orientador a se situar em quem é o Nox Valentine, ou ao menos uma breve parte do que ele foi até aqui.

Além disso, tem mais coisas é claro, como por exemplo a deixa final que você deixou ali no post, era uma ótima transição para começar as ações do personagem. Mas aqui é onde começo a falar dos motivos do seu post ter sido negado, então peço que tenha bastante atenção a partir daqui pois irei explicar algumas regras do fórum conjuntamente.

O motivo de seu post ter sido negado é que você não realizou ações, você acabou por não estabelecer o que seu personagem faria ou, como, ou pra onde ele iria, ou melhor, você até deixou uma deixa dizendo que tentaria surpreender seu avô.

Entretanto como faria isso? Imagino que agora você esteja provavelmente se questionando “Mas como faço isso? Sem cenários? SEM NPCS? CÊ TA LOKA MUIE?” provavelmente é isso que se passa né? kkkkkkk mas aí que vem as noções de sistema:

O fórum aqui usa o futuro do pretérito (Verbo + Ria), ou seja trabalha com casos. Você propõe ações que serão apenas tentativas do seu personagem, e depois disso que o narrador faz a mágica, vou te dar uns exemplos pra deixar mais claro de como criar esses casos:

Citação :
“Então naquele ponto decidia sair para a cidade, para impressionar ele, era melhor comprar um bom vinho… Desse modo procuraria por ali algumas moedas dentro da casa. Checaria os bolsos dos shorts velhos, depois debaixo da minha cama, e se eu achasse algum dinheiro seria um bom começo. Então eu sairia de casa fechando a porta e caminharia até uma taverna próxima, que eu lembrasse, afinal moro por aqui a algum tempo… Chegando até algum lugar que eu pudesse fazer as compras então eu pediria por um vinho do bom, falando com o possível atendente do local.

-Olá senhor(a), poderia me dar um dos seus melhores vinhos? (Falas são importante, sempre que seu personagem falar alguma coisa, coloque a fala exatamente como ele diria ~dica da tia)

Porém, se não encontrasse nada, fosse o dinheiro em falta ou a taberna, eu sabia o que teria de fazer, talvez ganhar algum dinheiro trabalhando nas docas, não apenas pelo vinho mas por ser um bom adicional, pensar sobre isso parecia uma boa ideia, eles normalmente precisam de trabalhadores por lá. Então eu me dirigiria até o porto (Continua…)”

Booooom esse aqui é um exemplo bem simples e genérico pra dar aquela explicada por cima de como as ações funcionam no fórum. Vale lembrar que isso não precisa ser o rumo que você escolha, e na realidade o ideal é que escolha sua própria maneira de desenvolver seu post, esse é apenas um exemplo de funcionamento que acho plausível, para dar melhores noções.

Por fim, é isso, qualquer dúvida que tenha ficado, pode me procurar por via de MP ou pelo discord, sempre tentarei responder o mais rápido que eu conseguir. Deixarei abaixo alguns extras pra você como dever de casa pra caso você ainda tenha muitas dúvidas dar uma lida.

Extras/Dever de casa:
 


____________________________________________________


[MINI - Nox Valentine]  QR95F9t

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Catuios
Membro
Membro
Catuios

Créditos : Zero
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2016
Idade : 17
Localização : Longe,em outra estação.

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptySab 19 Out 2019, 16:57

No momento em que acordei,minha mente não conseguia desviar-se do sonho que acabei de ter. Eu tinha retornado à minha infância,quando meus pais tinham sido assassinados por piratas. Só não tive o mesmo destino que meus pais biológicos em razão de um marinheiro ter salvado minha vida. Após ser salvo,fui entregue a um orfanato da cidade,lugar que até hoje me aterroriza. Não me acostumei com aquela vida,as crianças implicavam comigo,os responsáveis pelo orfanato eram rudes e nem um pouco carinhosos,o ambiente era triste e comida era horrível.

Durante a noite,tive de escapar de lá,melhor viver uma vida sozinho do que naquele lugar,era o que eu faço pensava. Fiquei um tempo vagando pela rua,passei fome,senti na pele a mais pura solidão,minha estadia no orfanato não parecia tão ruim perto do que eu passava naquele momento. Minha barriga roncava tanto que não aguentei,quando vi um cesta de pães em uma pequena tenda, sorrateiramente tentei pegar um pão. O vendedor não me notou,felizmente,e a partir daí passei a roubar para obter alimento e saciar a minha fome. Assim foi minha vida por alguns meses,roubando o que eu comia,às vezes sendo pego e espancado,outras conseguindo roubar sem ser notado,ou tendo que fugir com a comida em minhas mãos.

Depois,ainda no sonho,me deparei com o dia que mudou minha vida. Eu tinha acabado de roubar um senhor de meia-idade,fui ganancioso demais e tentei levar uma cesta inteira de maçãs. Grande erro meu,o senhor apesar da idade e de não parecer ninguém especial,apenas um vendedor de rua, facilmente me pegou. Eu estava pronto para receber chutes,socos e reclamações. Entretanto,o homem não brigou comigo,ele apenas olhou em meus olhos e em seguida me deu um forte abraço. Foi reconfortante, não sentia esse carinho desde a morte de meus pais,era tudo o que eu precisava naquele momento. Após de me abraçar,o homem disse que não apenas eu poderia ficar com as maçãs,como me convidou a morar com ele,convite esse que aceitei sem pensar duas vezes. Vivendo com esse homem,denominado Kent,a quem chamo carinhosamente de "vovô,descobri a respeito de sua apreciação com a Marinha,e desde então decidi orgulhá-lo me juntando à Marinha.

Hoje,finalmente,aos meus 17 anos,aproveitando que o vovô está viajando,irei retribuir pelo tanto que me foi dado por ele,oferecendo minha vida como marinheiro. Para isso,eu tentaria em primeiro momento uma abordagem mais direta: procurar pela cidade um QG da Marinha,visto que eu não tenho ideia onde tenha algum. Caso encontrasse o QG,eu iria falar com algum marinheiro que estivesse lá e ofereceria meus serviços.

Prazer,senhor,sou Nox Valentine,eu gostaria de me alistar na Marinha. Estou disposto a me disponibilizar para quaisquer serviços,desde limpar o chão,até participar de qualquer treinamento exaustivo que tenham aqui. Se você puder me encaminhar a alguém adequado a me instruir,eu agradeceria.

Alternativamente,caso não encontrasse o QG,eu iria andar pela cidade à procura de alguém com as vestes da Marinha que poderia me ajudar e conversaria com ela,me disponibilizando da mesma fora para qualquer serviço que possa me ajudar a me alistar na Marinha.

OFF:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
ADM.Senshi

Créditos : 45
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptySeg 21 Out 2019, 19:41

Interação & Diálogo

Nox tinha acabado de acordar e bem, era cedo, tão cedo quanto poderia ser, naquelas plenas 5 horas da manhã o garoto se levantava. Ele tinha tido anteriormente algum tipo de sonho ou algo do gênero, mas nada muito alarmante, eram quase como uma reorganização de trechos de sua própria memória.

Não demorava muito até que acordado ele tomava uma decisão, ele iria entrar na marinha e sem demora, ele avançava, saindo de sua casa para o mundo lá fora. Ao abrir a porta, o garoto iria se deparar com uma bela cena, o nascer do sol. A grande bola flamejante e brilhante subia aos poucos ali, tomando seu lugar nos céus.

Mas sua caminhada não podia parar, mesmo com o vento gelado que batia em seu rosto, e arrepiaria os cabelos dos mais resistentes, sua caminhada não cessava. Ele sabia que morava muito longe do QG e por isso a caminhada árdua seria necessaria. Passo a passo ele sentia que o lugar parecia ficar mais longe.

Pois em duas horas ele quase não conseguia chegar. Mas atravessando toda a ilha para chegar do outro lado, ou melhor não bem toda a ilha, mas uma parte dela, apesar de o possível sentimento ser de uma viagem longa até demais. Assim, ele chegou, de frente a grande construção de metal, o QG da marinha daquela ilha quase brilhava. Seus enormes portões eram até mesmo chamativos.

Na frente deles, dois marinheiros ficavam a vigia, cada um de um lado da entrada, e desse modo assim que o rapaz se apresentava dizendo seus objetivos. Ambos os marinheiros cruzavam as alabardas na frente da porta, antes de ouvir ele. -Se deseja se alistar siga para dentro, procure a instrutora Alice Wonderwood, é uma mulher de cabelos brancos, provavelmente vai ser fácil achar ela.- dizia ele tirando a lança da frente e abrindo a porta para o rapaz.

Assim que elas eram abertas ele poderia ver ali um vasto gramado verde, e também, mais para o fundo as instalações, dava pra ver que era uma construção tão grande por dentro quanto por fora, mas o mais impressionante era aquele “quintal” por assim dizer cheiro de grama.

Haviam alguns marinheiros vestindo uniformes de treino que corriam aparentemente de forma circular, como provável treinamento e aquecimento matinal, e mais ao canto esquerdo existia um grupo específico um pouco distante, tinham em média 10 homens meio desorganizados. E ao centro uma mulher relativamente alta, com cabelos brancos, uma pele meio bronzeada, e claro completamente trajada com uniforme da marinha, sua capa indicava que ela provavelmente era Tenente ou similar, talvez mais…

Porem ele poderia ter tido outro foco inicial já que os seios da moça eram generosamente fartos. Seus olhos pareciam bem interessantes, era como se eles demonstrassem uma confiança grande, mas também disssessem “Eles tão tudo fodido na minha mão haha” ou coisa assim.

[MINI - Nox Valentine]  4f342db72d1ac009c779a03c776f5086

A mulher ao centro se pronunciava em alto som, que poderia ser escutado pelo rapaz apenas de leve. - Quero que todos se preparem para começarmos a primeira parte, irei entrevistar um por um com algumas perguntas.- a voz era bem bonita e agradável como um todo.

Dicas e Orientações:
 



____________________________________________________


[MINI - Nox Valentine]  QR95F9t

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Catuios
Membro
Membro
Catuios

Créditos : Zero
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2016
Idade : 17
Localização : Longe,em outra estação.

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptyQua 23 Out 2019, 21:58

Legendas:
 

Chegando ao QG da Marinha,Nox sentia-se determinado como nunca esteve. O estonteante nascer do Sol só serviu para afiar seus sentidos e deixar o jovem mais determinado. Para ele,era como se a natureza estivesse confirmando que aquele dia seria um ponto de virada para a sua vida. Não acreditava em deuses,mas de vez em quando, inconscientemente, sentia ser a natureza um objeto de emanação divina,a bela visão do Sol ou apenas o cheiro de terra molhada pela chuva eram motivos suficientes para animar o aspirante a marinheiro.

Apesar da caminhada ter sido exaustiva,o cansaço era só uma pequena fração de tudo que estava sentindo. Nox estava ansioso,com medo do fracasso e,simultaneamente, sua determinação o encorajava a seguir em frente. Sentiu um aperto no seu coração ao estar diante do enorme portão,o local era intimidador, lembrando-lhe inclusive do portão de ferro do orfanato em que viveu,o que por um instante lhe deu calafrios.

Após permitirem sua entrada, deparando-se com o vasto gramado verde,a doce fragrância da grama e a bela visão desaceleraram seus batimentos. Ainda que estivesse nervoso,o jovem se sentia pronto para enfrentar quaisquer desafios. Resolveu se juntar ao pequeno grupo de homens que estava ao redor de uma mulher que aparentava ser a instrutora a quem o marinheiro do portão tinha mencionado. Ao chegar mais próximo,conseguiria notar melhor a aparência de Alice.

Ela é um pouco intimidadora,dá para notar sua confiança e não precisa ser ninguém especial para perceber que ela é forte,mas desde que nosso treino não envolva lutar contra ela,ou melhor,apanhar dela,eu estou de boa. Ela parece ser bem humorada,apesar de que eu não arrisco tirá-la do sério.

Além do mais,ela sem dúvida alguma é uma bela dama,e até bem...dotada,eu diria. É estranho como as mulheres conseguem ser assustadoras e ao mesmo tempo lindas. Talvez essa contradição aparente fosse apenas mais um charme. Enfim, não posso me distrair agora,tenho que ouví-la.

Eu esperaria minha vez de ser chamado pacientemente,apreciando o ambiente para me distrair e me acalmar, além de me preparar mentalmente para a entrevista formulando respostas para possíveis perguntas que a instrutora Alice me fosse fazer. Se me perguntasse a respeito de minhas aspirações e motivos para estar nesse local,eu diria:

Quanto aos motivos que justificam eu desejar me tornar um marinheiro,eu fui muito inspirado pelo meu avô,ele é meu herói. Ele me salvou quando eu era criança,eu costumava roubar,porque não tinha muitos meios de arranjar comida e esse método,mesmo que ilegal,era o mais fácil e imediato para satisfazer minha fome e sede. Eu quero retribuir tudo que ele me fez,eu quero não apenas orgulhá-lo,mas também fazer o meu possível para ajudar as pessoas. Sei que esse discurso de "eu quero ajudar as pessoas" parece meio clichê e até falso,eu diria,mas é meu motivo. Eu sei o que é sofrer e eu quero amenizar a dor daqueles que sofrem,assim como meu avô fez comigo.

Outra possibilidade é que me pergunte sobre minhas habilidades e aptidões,que eu responderia por dizer:

Eu não sou particularmente habilidoso em nada eu diria,mas estou disposto a aprender,e isso,acho eu, já é um ponto positivo a meu respeito. Eu me especializo em combate com as pernas,em que na verdade não tenho muita experiência e...ah,eu sou meio ágil.  

Caso a instrutora quisesse testar nossas habilidades,eu agiria de modo diferente dependendo da situação. Se fosse um simples aquecimento,como uma corrida ou algo simples,eu tentaria reservar minhas energias para o verdadeiro teste,me esforçando,mas não a ponto de que me canse muito. Já se fosse por meio de uma luta,desde que eu lute contra outro aspirante a marinheiro,e não fossemos todos testados por Alice, provavelmente daria tudo certo se eu desse o meu máximo. Já considerando a situação assustadora da instrutora desejar lutar com a gente,eu não sei o que faria,pois meu máximo não seria exatamente o bastante. Torcer para essa última possibilidade não ser o caso é a melhor opção. Independentemente da situação,eu seria o mais respeitoso o possível com Alice,obedecendo às indicações que ela fizesse,contanto que ela não peça nada absurdo ou fora do comum.


OFF:
 

EDIT:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
ADM.Senshi

Créditos : 45
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptySex 25 Out 2019, 23:58

Interação & Diálogo

Vendo a moça no centro a dualidade que se passava na mente do rapaz era interessante e até um pouco engraçada até certo ponto, já que ele achava ela bonita, mas assustadora às vezes… Mas pensando melhor… Essa é uma bela combinação… Naquele ponto a mulher começava chamando um por um, ela ia aos poucos os escolhendo por características que achava interessante sempre se aproximando e apontando pra quem queria.

As perguntas que ele podia ver eram bem interessante, algumas delas, mais que outras, afinal a mulher por vezes era incisiva com alguns que pareciam mais tímidos. Até que chegava a vez dele, ele não tinha conseguido ouvir muito dos outros rapazes pois ela sempre afastava eles dos demais do grupo para que pudesse conversar melhor, apenas pequenos barulhos de relance.

Além de claro a expressão de pavor algumas vezes vinha no rosto deles diante de algumas perguntas. Até que por fim ela se aproximava de Nox com calma e um olhar um tanto sombrio, talvez ela não estivesse tão animada com as entrevistas assim. -Muito bem, me diga, qual o Seu nome e por que deseja entrar na marinha?- era uma pergunta muito padrão para um recrutamento.

Como tal, nosso jovem herói, futuro marinheiro tinha se preparado para isso, ele rapidamente desenrolava a questão, sem problemas, exceto que sua empolgação em responder seus motivos, fez ele esquecer de se apresentar. A mulher coçava o queixo, e tinha gostado da resposta dele, mas ao mesmo tempo queria o nome do rapaz, mas deixaria pra perguntar novamente isso no final, talvez ela preferisse chamar ele de algo quem sabe…

Mas até ali ela anotava num caderninho provavelmente fazendo avaliações de como ele se saía na entrevista. -Muito bem, tem alguma experiência com o trabalho? E com o uso de algum tipo de arma? Ou forma de combate corpo a corpo?- questionava ela com um olhar mais tranquilo que ele tinha visto antes, ela parecia emanar uma maior calma do que antes. E o garoto que estava muito bem preparado, já respondia com primor a essas questões que eram importantes.

Assim a mulher terminava de anotar tudo e então fazia a última pergunta pra ele antes de passar para o centro. Levantando-se da cadeira ela caminhava para o centro tranquilamente, enquanto já de costas falava. -Bom, qual seu nome garoto, você acabou por não se apresentar. Aliás, eu já tenho seu apelido, vou te chamar de Pitury, parece um apelido adequado o que acha?- dizia sem olhar pra trás ainda caminhando.

Independente da resposta do garoto ela só se manteria caminhando e quando no centro do lugar ela então proferiu as palavras que dariam início às guerras de inscrição. -Muito bem, eu agora quero que vocês estejam cientes que essa é a parte mais importante de todas no alistamento. Válido lembrar que serem aceitos ou recusados, não significa ganhar ou perder a luta, e sim como avalio vocês em quesitos que eu mesma preparei.- ela então avaliava passando o olho em todos que estavam ali e finalmente tomava a decisão final.

Sua voz ecoava então pelos quatro cantos do QG, ou era a impressão que dava quando ela levantava a mão para o alto como se iniciasse uma guerra completa dizendo. -No centro agora PITURY e MARGINALZINHO DO BASTÃO. Quero que ambos se posicionem um de frente pro outro a uma distância média de 10 passos apenas, nem mais nem menos.- Essa escolha não era aleatória apesar de parecer talvez um pouco…

O motivo dessa seleção para ela eram as respostas que eles deram que tinham um tom gigantescamente discrepante. Mas claro ambos não sabiam disso, mas talvez apenas de olharem um para o outro fosse notável, quando se vissem o atrito. Sem demoras um jovem de cabelos alaranjados, usando uma touca, uma jaqueta amarrada na cintura. Portando um enorme bastão de metal se aproximava do centro.

[MINI - Nox Valentine]  Iu


O rapaz ficava parado em postura de combate, segurando o bastão na mão e apenas mantinha um olhar marrento no rosto. E assim que Nox chegasse ao centro ela diria as regras. -A vitória, ocorre de 3 formas, Nocaute, Desistência, ou Por intervenção minha por meio de decisão, se preparem e LUTEM- diria ela autorizando o inicio.

O rapaz do bastão inicialmente não avançou parecia que ele estava esperando a iniciativa de NOX naquilo.

Dicas e Orientações:
 



____________________________________________________


[MINI - Nox Valentine]  QR95F9t

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Catuios
Membro
Membro
Catuios

Créditos : Zero
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2016
Idade : 17
Localização : Longe,em outra estação.

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptySab 26 Out 2019, 23:25

Legendas:
 

Nox queria ter ouvido mais a respeito do questionário feito aos outros aspirantes a marinheiro,mas de certa forma estava feliz de ser chamado logo. Sentiu que se sairia bem,o jovem estava ansioso. Por um lado,se conseguisse passar nos testes,poderia iniciar sua vida como marinheiro. Por outro lado,se falhasse,talvez não fosse tão ruim assim,apenas teria que fazer o teste novamente,e até com mais experiência,o que lhe daria uma vantagem em relação à primeira tentativa,pensaria ele para reconfortar-se de um possível e desastroso final.

O olhar sereno a instrutora poderia ser considerado por alguns como sombrio,mas para Nox era até charmoso. As perguntas feitas estavam dentro do esperado,o que rendeu o jovem uma certa facilidade para respondê-las,o que só o empolgou. A única coisa que o deixava um pouco preocupado era não conseguir ver o que Alice escrevia em seu caderninho,cada anotação era fatal,o mistério só ampliava sua ansiedade. Pôde respirar melhor quando viu que estava feita a entrevista. Só tinha achado estranho o nome que lhe foi dado por ela.

Bem...eu foquei tanto em me preparar para as respostas que eu ia dar na entrevista que esqueci do mais importante...me apresentar. Agora não importa muito também. Só não entendi o porquê de "Pitury". É um nome até estranho de se falar...Pitury. Não é um nome tão legal,né,mas poderia ser pior,eu acho.

Ao ouvir as palavras da instrutora,sentiu-se até mais calmo,porque como não tinha muita experiência em batalhas,mesmo que perdesse ainda teria uma chance de passar no teste. A voz de Alice ao anunciar os primeiros lutadores até assustou um pouco o rapaz,que estava perdido em seus próprios pensamentos. Ao escutar seu nome e o de seu combatente,iria se preparar e ir em direção ao local designado.

Bem,agora eu estou certo de que meu nome não foi tão ruim assim...com certeza melhor que "Marginalzinho do Bastão". Ela talvez só goste de zoar com a nossa cara...a batalha épica do grande guerreiro Pitury e o destemido Marginalzinho do Bastão,que emocionante... - pensou,com um tom sarcástico.

Notando a aparência meio rebelde do seu combatente,se lembrou inclusive das crianças que implicavam com Nox no orfanato - aquele que tenta parecer forte as vezes é quem está mais fragilizado por dentro- pensou. O jovem achava que ninguém nascia verdadeiramente mal,talvez apenas egoístas por natureza,mas a vivência em um ambiente tóxico poderia influenciar na formação de um indivíduo que comete delitos. Nox sabia disso bem,ele mesmo teve altos e baixos em sua vida. Quem sabe onde estaria agora se seu avô não o tivesse resgatado. Contudo,agora não era hora para refletir,tinha que focar na batalha.

Aproveitando que seu oponente o permitiu iniciar a luta,aproveitaria de sua própria agilidade para surpreender o adversário. Nox conseguia atingir sua velocidade máxima de forma mais rápida que outras pessoas (Vantagem Aceleração). Enquanto corria,tentaria também pegar algum objeto do chão,preferencialmente areia,terra ou cascalho,algo que pudesse jogar no rosto do MB quando Nox se aproximasse dele. Uma pedra também seria útil,porém não tão efetivo,pois o objetivo era atrapalhar o adversário e não machucá-lo com o objeto. Caso não tivesse nada em seu caminho,tentaria outra estratégia.

Ao se aproximar,elevaria seus braços verticalmente,dobrado na parte dos cotovelos,mantendo-os próximos ao peito,fingindo estar prestes a dar um soco,o que também poderia servir para dar maior equilíbrio ao jovem,já que seu centro de massa estaria mais concentrado. Essa falsa sensação de um possível soco serviria para distrair o oponente,para que ele não se atente tanto ao verdadeiro ataque que viria com a perna. Sua perna direita dobraria e se elevaria um pouco acima do chão e subiria acertando na genital de MB - não há homem que resista à um chute bem dado no saco. Caso fosse impedido e o inimigo tentasse bater com seu bastão em Nox,este apenas recuaria,ou se por algum motivo isso não fosse possível,iria utilizar de sua agilidade para chutar as pernas de seu oponente,buscando desequilibrá-lo - a melhor defesa é o ataque.

Em seguida,caso algum ataque conseguisse atordoar MB,seja o na genital ou na perna,logo eu seguiria por segurar a parte de trás de sua cabeça e trazê-la em direção ao meu joelho,ao mesmo tempo que direciono meu joelho para a cabeça dele na maior velocidade que me é possível.

Já se ele avançasse em minha direção,eu iria tentar,novamente, a estratégia de jogar algum objeto nele para atrapalhá-lo(apenas se a primeira tentativa não funcionou). Alternativamente,como sou ágil,esperaria ele começar a balançar o bastão para me acertar e poucos instantes antes de ser acertado,desviar para o lado de MB e acertar lateralmente seu joelho. Caso eu fosse acertado e caísse no chão,permaneceria no chão esperando o oponente vir em minha direção para eu desferir um golpe ascendente em sua genital. Sucedendo ou não,retomaria à minha posição inicial de combate.

Considerando uma possibilidade em que estamos bem próximos um do outro,eu pegaria em sua touca que está em sua cabeça e arrastaria para baixo,tampando seus olhos e,em seguida,poderia usar um dos ataques citados anteriormente,como a joelhada na cabeça. Aproveitando que ele estaria possivelmente atordoado,eu chutaria o bastão de sua mão,desarmando-o. Logo eu pegaria a arma e diria - Você perdeu essa,está desarmado.

Considerando os dois finais possíveis,em caso de vitória,ofegante,eu diria para mim mesmo - Vô,eu consegui - e ajudaria meu oponente a se levantar,caso ele esteja no chão,e diria - Foi divertido... - com um sorriso no rosto. Se o resultado terminasse em derrota para mim,por outro lado, eu diria ao meu oponente - Foi uma boa batalha,boa sorte no seu futuro - tentando esconder possíveis lágrimas que escorreriam de meu rosto.

OFF:
 

EDIT:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Senshi
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
ADM.Senshi

Créditos : 45
Warn : [MINI - Nox Valentine]  10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 25

[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  EmptyTer 29 Out 2019, 07:14

Combate

O garoto estava em seu momento de pensar melhor sobre o que estava acontecendo, mas ao ser chamado para o centro tinha uma surpresa, aquele apelido era estranho, mas ele percebia que não era nada comparado ao do marginal do bastão. Ele apenas se movia para o centro e bem… Como dizia o velho ditado “Quem não ataca é atacado”, e nosso herói seguiu a risca… Se bem que esse ditado existe mesmo? Bom, seja como for aqui funciona.

Assim ele acelerava em um único instante para cima do inimigo, ele tinha uma arrancada incrível, a primeira pisada forte que o impulsionava para a corrida até mesmo arrancava um pouco de grama do chão e não satisfeito, ele abaixava um pouco durante a corrida apanhando um punhado de terra durante seu movimento com a mão. O Garoto do bastão mantinha a guarda fechada e parecia já estar esperando o golpe.

A areia era efetiva e atrapalhava a visão do inimigo, a jogada do item fazia com que o bárbaro recuasse ao ver a pequena cortina de terra voadora em sua direção, o que gerava tempo suficiente para Nox chutar ele. Era um chute bem específico que mirava as bolas do inimigo, entretanto no momento exato o rapaz arregalou os olhos e desceu o bastão com tudo bloqueando o chute. -CÊ TÁ MALUCO AMIGO!! EU QUERO TER FILHOS!!- certamente o golpe tinha deixado ele alerta. A avaliadora começava a rir na mesma ora, ela simplesmente começava a embolar no chão, achando aquilo tudo simplesmente hilário.

Nox havia sentido um pouco a pancada do bloqueio do inimigo, visto que o metal do bastão tinha acertado sua canela, porém seu corpo calejado de lutador, aguentava os danos, que não eram sérios mas também o lembrava que não estava ali com boas grevas ou botas pra resistir perfeitamente. Enquanto ele se reposicionou naquela hora ainda sentindo a perna ele via finalmente uma ofensiva do marginal.

O bastão vinha de baixo para cima e era rápido o suficiente para atrapalhar ele, vendo que uma esquiva apenas abriria margem para um ataque sequencial, ele ia para o lado, saindo sim da frente do golpe, mas aproveitando aquele momento para chutar o joelho do adversário, o que abria uma janela de tempo muito boa, fazendo MB cambalear. Entretanto nesse mesmo momento o rapaz aproveitou do cambalear e vendo uma pedra ali no chão, como um bom rebatedor, ele tentava o home run.

Ele girava o bastão com toda a força lateralmente ajudando a ajustar a própria posição e lançando a furiosa pedra em alta velocidade em direção a testa do nosso herói, que sentia a bela pancada na testa… Pois é… Isso vai inchar… Deixar um belo caroço… Acontece… E no espaço de tempo ainda meio tonto Valentine via aquela sombra chegando perto.

Seu instinto dizia que talvez aquela fosse a hora… Então com seu resquício de visão ele agarrava algo… Era a touca, há sim… Sua intuição estava certa, e assim recuperando melhor sua capacidade e a visão desembaçando, rapidamente ele puxava a touca cobrindo os olhos do inimigo e em seguida trazendo a cara dele em direção ao seu joelho, o golpe era forte o suficiente pra quase desacordar o inimigo, o fazendo largar a arma no chão e desse modo sem pagar pra ver o que aconteceria se o inimigo se levantasse ele tomava a arma para si, ouvindo algo estranho que o ainda caído inimigo dizia. - ai..fa num acabu, fem ca qui fou murder fua canela- Ele acabou quebrando um dente do rapaz… E ele estava falando meio estranho… Mas seja como for a avaliadora levantava depois de quase morrer de uma crise de riso.

Ainda meio com cara de riso dizia.-Muito bem, dou a luta por encerrada, foi um bom trabalho das duas partes, em vocês falta experiência, e muito trabalho duro, mas considerem que passaram dessa fase, depois ainda teremos testes, mas ao menos nesse primeiro ambos foram aprovados.- a boa notícia era tudo que ele talvez pudesse pedir, seu combate foi algo duro, intenso, mas muito bem organizado, agora lhe restava se preparar para o que viesse a seguir.

Dicas e Orientações:
 

____________________________________________________


[MINI - Nox Valentine]  QR95F9t

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Best Gang:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




[MINI - Nox Valentine]  Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI - Nox Valentine]    [MINI - Nox Valentine]  Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[MINI - Nox Valentine]
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: