One Piece RPG
Koyozumi Yoshindo XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» The Hero Rises!
Koyozumi Yoshindo Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 13:59

» Capitulo II: Sangue e navalhas! O Golpe em Las Camp
Koyozumi Yoshindo Emptypor Oni Hoje à(s) 13:44

» Nova Ficha - Regina "Gina" Drake
Koyozumi Yoshindo Emptypor Gina Hoje à(s) 9:51

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Koyozumi Yoshindo Emptypor Ryoma Hoje à(s) 6:47

» Que tal um truque de mágica?
Koyozumi Yoshindo Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 3:17

» O catálogo continua, Baterilla a cidade da beleza
Koyozumi Yoshindo Emptypor maximo12 Hoje à(s) 0:00

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Koyozumi Yoshindo Emptypor Licia Ontem à(s) 23:32

» Seasons: Road to New World
Koyozumi Yoshindo Emptypor Volker Ontem à(s) 22:37

» Vol 1 - The Soul's Desires
Koyozumi Yoshindo Emptypor Arthur Infamus Ontem à(s) 22:08

» VIII - The Unforgiven
Koyozumi Yoshindo Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 22:00

» The One Above All - Ato 2
Koyozumi Yoshindo Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 20:53

» Cortes e Tiros, resgate na ilha das aranhas!
Koyozumi Yoshindo Emptypor Achiles Ontem à(s) 20:49

» Bakemonogatari
Koyozumi Yoshindo Emptypor Milabbh Ontem à(s) 20:39

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Koyozumi Yoshindo Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 20:25

» Ato 157: Se eu quisesse tua opinião, Eu tirava na Porrada
Koyozumi Yoshindo Emptypor Dante Ontem à(s) 19:52

» [MINI-DoflamingoPDC] A pantera negra da ilha montanhosa
Koyozumi Yoshindo Emptypor Makei Ontem à(s) 19:43

» [Mini - Nice] A espada que dorme.
Koyozumi Yoshindo Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:35

» [M.E.P] Nice
Koyozumi Yoshindo Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:34

» [Mini] Albafica Mino
Koyozumi Yoshindo Emptypor Makei Ontem à(s) 19:16

» [M.E.P] Albafica
Koyozumi Yoshindo Emptypor Makei Ontem à(s) 19:15



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Koyozumi Yoshindo

Ir em baixo 
AutorMensagem
ADM.Senshi
Mercenário
Mercenário
ADM.Senshi

Créditos : 10
Warn : Koyozumi Yoshindo 10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 26

Koyozumi Yoshindo Empty
MensagemAssunto: Koyozumi Yoshindo   Koyozumi Yoshindo EmptyDom 22 Set 2019 - 23:25

~ PESSOAL ~

Nome: Koyozumi Yoshindo
Idade: 24
Altura: 2,04 m
Peso: 115 kg
Mão predominante: Ambidestro
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho/Espécie: Normal
Origem: Vila Wazera – East Blue
Localização: Gecko Islands - East Blue
Grupo: Civil

~ ATRIBUTOS ~

LEVEL: 1
EXP: 10/25
BERRIES: 50.000
BANCO: 0

HP: 44
SP: 62

DANO: 7 (+2 EDC) (+2 Racial) = 11
ACERTO:  (+2 EDC) (+3 Racial) = 5
PONTARIA: 0 = 0
ESQUIVA: 0  = 0
BLOQUEIO: 1 (+2 EDC)  (+3 Racial)  = 6
RESISTÊNCIA: 2 = 2
VELOCIDADE DE ATAQUE: 3


KENBUN-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

BUSOU-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

~ ESTILOS DE COMBATE ~

Citação :
Estilo de Combate: Espadachim
LEVEL DE COMBATE: 1
EXP DE ESTILO: ~PRIMÁRIO NÃO POSSUI EXP~

~ Perícias ~


Citação :
•Pilotagem
•Navegação
•Meteorologia

~ Ofícios ~

Citação :

• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ FAMA & REPUTAÇÃO ~


Photoplayer:
Spoiler:
 
Alcunha:
Recompensa:
Citação :
LINK DOS JORNAIS:

~ AKUMA NO MI ~


Citação :
Nome:
Tipo:
Energia:
Bonificação:

~ EQUIPAMENTOS ~

• ARMA(S)
Nome:
Dano:
Requerimentos:
Custo:

• CABEÇA
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• TRONCO
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• BRAÇOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• MÃOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PERNAS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PÉS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

~ INVENTÁRIO~


(MÁXIMO DE 10W)





~ EMBARCAÇÕES ~

Nome:
Tipo:
Descrição:
Velocidade:
Número de tripulantes máximos acomodados:
Lotação máxima no transporte:
Número de ilhas sem precisar reabastecer:
HP:
Canhões:

~ TÉCNICAS ~


• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ TÉCNICAS SUPREMAS ~


• -X-
• -X-
• -X-


~ EXTRAS ~

APARÊNCIA: Koyozumi é um homem alto com o físico musculoso, possui cabelo curto de cor preta, cheio de pontas. Em sua testa, permite que alguns fios fiquem para baixos, caindo sobre sua testa.

Ataduras cobrem suas duas mãos para um melhor manuseio da espada, e uma camisa branca sem mangas, permitindo que mova os braços livremente.

Um conjunto marrom de armadura que transita entre couro e um material mais duro. Além deste equipamento, uma capa preta longa com um capuz sobre a cabeça. Sendo retratado com um homem bastante alto, com uma estrutura muscular forte e cheia de cicatrizes.
Sem seu capuz, é mostrado com um rosto jovem sem rugas, com uma cicatriz atravessando o seu nariz.



PERSONALIDADE:

Quando mais novo, era apenas mais uma criança feliz e curiosa, com seus objetivos de impressionar as pessoas ao seu redor e ficar forte da sua maneira. Após o acontecimento em sua vila, com o desaparecimento da pessoa que havia cuidado do mesmo por todos esses anos, se afastou de outras pessoas e decidiu se isolar como uma forma de se autoproteger de laços futuros que podem ser rompidos por alguma coisa ou alguém.

Pensante e em seu auge, tático. Sério e até mesmo frio às vezes, mas ainda capaz de sorrir e se divertir caso algo lhe agrade. Este tem sido o seu jeito até o momento, no caminho em que trilhado para começar o seu sonho.

Por baixo de seu rosto sério e da pilha de músculos, apenas mais um homem determinado e com autoconfiança para procurar novas aventuras em novos lugares, mesmo em vista dos grandes perigos em que o aguardam pelo caminho, a fim de chamar a atenção do mundo todo com um título grande o suficiente para isso, ou até mesmo, fazer com que seu “pai”/amigo que sumiu repentinamente o encontre caso ainda vivo.

Embora tenha vivido momentos de felicidade e alegria, sua verdadeira paixão foi deformada para um desejo por luta, não abandonando apenas o amor que o mesmo sempre teve pelo mar. No meio de batalhas, para completar seus objetivos ou proteger alguém importante, pode virar o próprio demônio com um estilo de luta bruto, sendo esse um dos raros momentos em que esse é tirado do sério.

Mesmo tentando manter distância de outras pessoas, no período em que passou com outras tripulações, adquiriu novas experiências através de outras pessoas e experimentou a sua “habilidade” com público, um tanto quanto contraditória, mas com o poder de fazer as pessoas o seguirem, talvez por causa de algum tipo de áurea que nem mesmo este é capaz de compreender.




HISTÓRIA: Após preparar todo um local para repouso, Koyozumi se sentava ao pé de uma árvore já morta e quebrada pela metade em uma noite de lua cheia. Longe de qualquer urbanização e próximo apenas de sua fogueira, este se inclinava para frente para observar a fogueira e acabava saindo de sua realidade para focar apenas nela, até que por fim, comparava o seu momento atual com a fogueira e pensava no caminho em que sua vida estava seguindo.
Como de praxe, voltavam as suas memórias de um passado distante, recapitulando uma grande parte de sua vida e esquecendo-se totalmente do que acontecia ao seu redor ficando imerso às memórias.

Um garoto de aproximadamente cinco (5) anos chegava desacordado à praia de uma pequena ilha, sendo carregado por pequenas ondas até a areia quando um rapaz o avista e corre para socorrê-lo, verificando seus batimentos vendo que ele ainda estava vivo, mas aparentemente havia engolido certa quantidade de água até chegar ali. Após fazer os primeiros socorros, a criança colocava a água para fora enquanto tossia ainda desacordado, assim sendo levado para a casa desse rapaz.

Algumas horas depois do ocorrido, abria os olhos virando a cabeça para o lado enquanto em cima de uma cama via um rapaz loiro de cabelo razoavelmente grande e com óculos, dormindo e acordando de braços cruzados em uma cadeira próximo da cama. Nessas idas e vindas de sono, o rapaz acorda para verificar e se anima com o garoto que acabava de acordar. – Ei garoto, tudo bem com você? Qual é o seu nome e como você veio parar aqui?

Encarando tudo ao redor e sem reconhecer nada, olhava para o rapaz que havia feito uma pergunta e o respondia de forma suave pelo seu desgaste. –Koy..Koyozumi.

Animado com a sua recuperação, os dois conversavam por horas trocando ideias e descobrindo um pouco mais um sobre o outro.

O Rapaz que o havia salvado se chamava Zaki, um civil que trabalhava no restaurante local de sua irmã, enquanto a criança se chamava Koyozumi, que nem fazia ideia de como fez para chegar até ali e nem mais nada sobre o mesmo além de seu nome.

Três (3) anos se passaram e Zaki havia adotado Koyozumi como filho, passando o seu sobrenome Yoshindo para ele. O garoto o ajudava em algumas pescas para o restaurante e outros serviços ali dentro, limpando o chão, pratos e até servindo clientes algumas vezes. Mas todas as vezes que Koyozumi pescava, ficava a encarar o mar, se maravilhando com sua beleza e complexidade.

Sendo visto algumas vezes apreciando a vista, Zaki perguntava sobre o que ele achava do mar, e ao confirmar que ele gostava, passou a ensinar tudo o que sabia para ele.

Mais um (1) ano se passava e Koyozumi havia recebido alguns livros sobre navegação, o qual lia no final de cada dia, aprendendo cada vez mais sobre formas de navegar e sonhava em um dia colocar tais conhecimentos em prática.

Em uma das noites pós-trabalho, os dois chegavam a casa juntos como sempre, e Koyozumi ia para um quartinho, onde costumava deixar seus equipamentos de pesca. Assim que os colocava de canto, voltava o seu olhar para uma das paredes onde tinha uma espada gigantesca presa por uma corrente. Não era nenhuma novidade, mas  parecia algo estranho já que Zaki nunca a tirou de lá desde a chegada do mesmo.

O garoto corria até o quarto de Zaki e o gritava, o fazendo olhar para trás curioso. – O que foi, Koy?
-Que espada é aquela no depósito?

O rapaz desviava o seu olhar e começava a olhar para o teto enquanto coçava o rosto com o seu dedo indicador. –Essa espada foi dada pra mim por um amigo ferreiro. Ela é bem exagerada, né?
Quando terminava de falar, voltava o seu olhar para Koyozumi que parecia super empolgado com a história, sem perder nem um pequeno detalhe.
-E eu posso usar?
- Você realmente gostou dela?

Após o garoto confirmar com a cabeça, Zaki dava as costas e voltava a mexer em sua mochila. –Tá certo. Amanhã eu falarei com alguém que pode te ajudar.

Só essas palavras já bastavam, deixando Koyozumi animado o suficiente para que o seu dia pudesse acabar e aguardar pelo próximo, e assim foi feito.

Aproveitando o seu dia de folga, dormia o máximo que podia em sua sala.  Zaki se aproximava com mais uma pessoa que apontava para o dorminhoco. – É esse aí que você quer que eu treine?
-Sim, o que acha?
-Sem problemas. Respondia sorrindo e cruzando os braços.

Koyozumi acordava lentamente com a conversa dos dois e abria seus olhos devagar se assustando momentaneamente com a presença do desconhecido. –Quem é esse?

-Esse cara aqui? Ele se chama Ran, é casado com a sua tia, mas ele geralmente é ocupado e era obrigado a viajar muito, por isso você ainda não o conheceu, mas agora ele já acabou as coisas dele e está livre. Ele que irá te ajudar com espadas.

O garoto se levanta relativamente impressionado enquanto analisa seu “tio” de baixo para cima. – Sério?

Ran estende sua mão o cumprimentando como forma de afirmação. –Sim, prazer.
Desde tal acontecimento, seis (6) anos se passavam e Koyozumi com 15 anos já podia segurar uma espada, nada ainda como a que tinha em sua casa, mas uma maior e um pouco mais larga que o normal.

Koyozumi treinava arduamente com Ran enquanto Herton trabalhava no restaurante não muito distante do local. No restaurante, alguns Marinheiros se sentavam à mesa esperando pelo seu pedido, quando Zaki se aproxima e coloca os pedidos na mesa. O marinheiro esteticamente mais forte em questão de músculos que parecia ter alguns cargos a mais que os outros ao seu redor, dava risada de alguma coisa que estavam comentando, e ao ver os pratos serem colocados na mesa, olhava para trás para agradecer, até que percebe algo familiar na pessoa que estava o servindo e decide se levantar para poder averiguar o que ainda era incerto.

Ficando de frente e encarando bem próximo do rapaz que ficava relativamente irritado com a aproximação, decide levantar os óculos dele com o seu polegar, e confirmando sua teoria, ri empolgado com a descoberta.

-Se não é o “Grande” pirata Zaki... Se escondendo em um lugarzinho como esses...?! Como ninguém percebeu que era você? Apenas por que deixou o seu cabelo crescer e colocou um óculos? Bem, por mais que não tenham mais cartazes de procurado sobre você... Eu te levarei agora.

O marinheiro tenta desferir um soco e é desviado por um salto para trás, e em seguida faz um sinal com a sua mão para que os seus acompanhantes de levantassem, e assim o fazem, se levantando e preparando suas armas.

-Bem, eu acho que um espadachim sem a sua espada... Não pode fazer nada em uma situação do tipo. Se bem que você usava uma monstruosidade que nem poderia ser comparado com uma espada... Apenas aceite o seu destino e se renda.

Zaki mudava sua expressão para a de um assassino enquanto retirava o seu óculos, e como uma lança, avançava para cima do seu oponente com um soco tão forte que o arremessava para fora do estabelecimento enquanto atravessava uma parede. Os marinheiros que o acompanhavam tremiam por um instante e um deles usava o seu Den Den Mushi para acionar o superior deles que estava ainda dentro do Navio ancorado.

Ran ouvia a gritaria perto de onde estavam e decide parar o treinamento, indo direto para janela avistando marinheiros perto do restaurante onde Zaki trabalhava. O mesmo se mantém relativamente estável emocionalmente, sabendo que uma hora ou outra aconteceria algo do tipo, mas ao olhar para o Porto, percebe mais uma “onda” de marinheiros e uma pessoa magra, porém alta que parecia ter poder acima da média, que era o momento onde se desesperava.

Sem perder tempo, Ran puxava Koyozumi pelo braço o levando para fora da vila o mais rápido possível. O garoto tentava relutar para não ser puxado, inquieto com a ação repentina e a gritaria, curioso para entender se virava e via vários marinheiros no local. Apenas isso não era o suficiente para tirar a sua dúvida, assim decide gritar para o seu tio enquanto seguia sendo puxado. – Por que você está me levando daqui? E por que tem tantos marinheiros aqui?
Ran se mantinha quieto ignorando o ignorando, mantendo seu rosto sério.
- Será alguma invasão pirata? Já que eles fazem o bem...

Chegando a uma pequena construção de um cômodo, Ran o soltava e começava a destrancar a porta o mais rápido que podia, assim se atrapalhava para abrir e tentava o responder. – Zaki era um pirata, por isso eles estão aqui.

Terminando, abria a porta e ordenava que ele entrasse, e assim era feito. Algumas prateleiras rodeavam o lugar, mas reto em direção da porta, existia uma escotilha que era aberta por Ran que novamente mandava Koy entrar. E enquanto fazia, Koy continuava com seus questionamentos.
- Mas por que ele nunca falou que já foi um pirata? E mesmo assim, se ele não é mais, por que ainda querem ele?

Os dois seguiam descendo a escada e Ran o respondia. - Vou sanar suas duvidas logo de uma vez. Ele costumava ser um pirata quando mais novo, tinha grandes sonhos mas teve que os deixar de lado uma vez que descobriu um problema em sua saúde. Seus duelos não poderiam ser extensos, ele acabava por se esgotar com facilidade. Se não fosse por isso, ele seria um grande pirata... Mesmo assim, ele conseguiu causar certos problemas apenas com a sua força explosiva. Assim, ele desistiu de seus solhos e resolveu voltar para sua vila natal, aqui.

Koy parecia surpreso, ficando de boca aberta por um certo tempo, até que tocava o chão e em seguida Ran, que apertava um botão e iluminava o lugar, mostrando uma longa descida e um carrinho para minerar.  –É aqui que você entra, essa rota de fuga já existe a um tempo, e tá na hora de você usar ela.

Koyozumi se virava negando-se a fugir. – Eu não posso ir, preciso ficar e ajudar vocês.
Nesse meio tempo, Ran o golpeava forte na barriga o deixando quase desacordado. – Por enquanto você não pode ajudar... Quem sabe no futuro?!

Assim, o pegava jogando dentro do carrinho e o empurrava. Parado por um tempo observando ele se afastar, suspirava e voltava a subir para ajudar Zaki e o resto da vila que sairia para o ajudar devido o carinho por ele.

Depois de certo tempo, percebia que havia ficado desacordado e finalmente chegado até o final do trilho. Koy via outra escada onde possivelmente daria na saída onde queriam que ele fosse, mas se recusando a fugir, percorria todo o caminho de volta para a cidade, ainda pelos trilhos mas andando. Sem conseguir pensar em quanto tempo já havia se passado, apenas imaginando que havia sido muito, continuava a correr, mas por fim já lhe faltava energia suficiente, além de seu cansaço, a fome também o impedia de manter o pique.

Finalmente, se via diante da escada onde havia descido no início, e assim este a sobe. Ao abrir a porta, conseguia apenas ver os rastros causados pela guerra. A vila estava toda em chamas enquanto o céu já se mostrava escuro. Afim de achar algum rastro de vida, se assustava com ao ver que não havia sobrado ninguém vivo naquele local, apenas marcas de destruição, e além disso, nenhum sinal da pessoa que havia tomado conta deste por anos.

Correndo de um lado para o outro, decide ir até a casa onde havia crescido ao menos na esperança de encontrar a espada que havia admirado por anos, mas ela também não estava mais lá. Confuso, caia de joelhos no meio da cidade em chamas, olhando para o céu com a boca aberta...

Após 9(nove) anos, já havia entrado e saído de pelo menos duas tripulações piratas da qual havia se retirado por não seguir a sua forma de pensar, assim começando a se mover sozinho até o dia em que voltará a correr atrás de suas próprias ambições, mantendo apenas seus treinos regulares e algumas cicatrizes de experiência.

Acabando de pensar em tudo o que havia passado em sua vida, Koyozumi parava de encarar a fogueira e olhava para o céu escuro, bem parecido com o mesmo daquele dia. Sabendo que não podia perder mais tempo parado, se levantava e apagava a fogueira que havia criado voltando a trilhar o seu caminho.


~ VANTAGENS E DESVANTAGENS ~


Vantagens:

• Adaptador
• Ambidestro
• Temperamento Calmo

Desvantagens:

• Sinceridade Excessiva

~ PERSONAGENS CONHECIDOS ~


PLAYERS:
 

NPC's Importantes:
 

NPC's Criados:
 

~ AVENTURAS CONCLUÍDAS ~

------------------

Link da ficha anterior ou da Mini-Aventura concluída: https://www.onepiecerpg.com/t43808-mini-aventura-o-caminho-da-espada?highlight=caminho+da+espada

____________________________________________________


Koyozumi Yoshindo BgSDAYZ

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Koyozumi Yoshindo Ali_e_Shi_final
Voltar ao Topo Ir em baixo
Koyozumi
Membro
Membro
Koyozumi

Créditos : 6
Warn : Koyozumi Yoshindo 10010
Masculino Data de inscrição : 28/01/2019
Idade : 21

Koyozumi Yoshindo Empty
MensagemAssunto: Re: Koyozumi Yoshindo   Koyozumi Yoshindo EmptyTer 7 Abr 2020 - 18:20

Gostaria de pedir atualização na Localização. Ela está como um lugar fictício, substituir para Gecko Islands - East Blue

____________________________________________________

Koyozumi Yoshindo Berserk__guts_chibi_by_silverhyena-d6kuf97
Koyozumi Yoshindo Doyk10
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Koyozumi Yoshindo 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Koyozumi Yoshindo Empty
MensagemAssunto: Re: Koyozumi Yoshindo   Koyozumi Yoshindo EmptyQua 8 Abr 2020 - 11:02

~Atualizado~

____________________________________________________


Koyozumi Yoshindo KJbVkzo
~Ficha|Aventura~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

Koyozumi Yoshindo ObLkbM2
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Koyozumi Yoshindo Empty
MensagemAssunto: Re: Koyozumi Yoshindo   Koyozumi Yoshindo Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Koyozumi Yoshindo
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Arquivo de Fichas :: Civis-
Ir para: