One Piece RPG
Genichiro Fiore XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Bell Farest
Genichiro Fiore Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:25

» Helves
Genichiro Fiore Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:22

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Genichiro Fiore Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 18:53

» O Segredo de Um Ladrão
Genichiro Fiore Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 18:11

» Art. 5 - The hunt is on
Genichiro Fiore Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 18:10

» Cap.1 Deuses entre nós
Genichiro Fiore Emptypor Thomas Torres Hoje à(s) 18:09

» The Hero Rises!
Genichiro Fiore Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 17:21

» VIII - The Unforgiven
Genichiro Fiore Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 17:10

» 11º Capítulo - Cataclismo em Skypeia!
Genichiro Fiore Emptypor Far Hoje à(s) 16:17

» Ato 157: Se eu quisesse tua opinião, Eu tirava na Porrada
Genichiro Fiore Emptypor K1NG Hoje à(s) 15:52

» Vol 1 - The Soul's Desires
Genichiro Fiore Emptypor Arthur Infamus Hoje à(s) 15:41

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Genichiro Fiore Emptypor Furry Hoje à(s) 13:22

» Seasons: Road to New World
Genichiro Fiore Emptypor GM.Muffatu Hoje à(s) 10:55

» [FICHA] Sonny Delahunt
Genichiro Fiore Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 10:10

» Sonny Delahunt
Genichiro Fiore Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 10:09

» Capitulo II: Sangue e navalhas! O Golpe em Las Camp
Genichiro Fiore Emptypor Oni Hoje à(s) 8:33

» Meu nome é Mike Brigss
Genichiro Fiore Emptypor Oni Hoje à(s) 8:18

» Evento Natalino - Amigo Secreto
Genichiro Fiore Emptypor Hisoka Hoje à(s) 3:24

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Genichiro Fiore Emptypor Fukai Hoje à(s) 1:54

» [MINI-DoflamingoPDC] A pantera negra da ilha montanhosa
Genichiro Fiore Emptypor Makei Hoje à(s) 1:53



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Genichiro Fiore

Ir em baixo 
AutorMensagem
ADM.Senshi
Mercenário
Mercenário
ADM.Senshi

Créditos : 13
Warn : Genichiro Fiore 10010
Feminino Data de inscrição : 27/05/2018
Idade : 26

Genichiro Fiore Empty
MensagemAssunto: Genichiro Fiore   Genichiro Fiore EmptySab 7 Set 2019 - 0:52

~ PESSOAL ~

Nome: Genichiro Fiore
Idade: 16
Altura: 1,60m
Peso: 50kg
Mão predominante: Direita
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho/Espécie: Normal
Origem: Wano
Localização: Dawn Island
Grupo: Civil

~ ATRIBUTOS ~

LEVEL: 1
EXP: 10/25
BERRIES: 50.000
BANCO: 0

HP: 44
SP: 62

DANO: 1 +2+2
ACERTO: 1 +3+2
PONTARIA: 1
ESQUIVA: 5
BLOQUEIO: 1 +3+2
RESISTÊNCIA: 1

VELOCIDADE DE ATAQUE: 3


KENBUN-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

BUSOU-SHOKU HAKI


Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

~ ESTILOS DE COMBATE ~

Citação :
Estilo de Combate: Espadachim
LEVEL DE COMBATE: 1
EXP DE ESTILO: ~PRIMÁRIO NÃO POSSUI EXP~

~ Perícias ~


Citação :
• Furtividade
• Intimidação
• Punga

~ Ofícios ~

Citação :
• Gatuno
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ FAMA & REPUTAÇÃO ~


Photoplayer:
Spoiler:
 
Alcunha:
Recompensa:
Citação :
LINK DOS JORNAIS:

~ AKUMA NO MI ~


Citação :
Nome:
Tipo:
Energia:
Bonificação:

~ EQUIPAMENTOS ~

• ARMA(S)
Nome:
Dano:
Requerimentos:
Custo:

• CABEÇA
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• TRONCO
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• BRAÇOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• MÃOS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PERNAS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

• PÉS
-Nome:
Bônus:
Requerimento:
Custo:

~ INVENTÁRIO~


(MÁXIMO DE 10W)





~ EMBARCAÇÕES ~

Nome:
Tipo:
Descrição:
Velocidade:
Número de tripulantes máximos acomodados:
Lotação máxima no transporte:
Número de ilhas sem precisar reabastecer:
HP:
Canhões:

~ TÉCNICAS ~


ぶつける - Bash:
 
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ TÉCNICAS SUPREMAS ~


• -X-
• -X-
• -X-


~ EXTRAS ~

APARÊNCIA:
Genichiro Fiore é um rapaz de pele alva, cabelos louros e olhos cor de mel. Ele tem uma aparência infantil que passa a impressão de ser alguém indefeso e fraco, ponto este que, dentre tantos outros, o deixa irado quando comentado. Amarelo é sua cor favorita, sendo a cor principal em qualquer escolha de roupa que faça. Usa trajes típicos de Wano: kimono sobre uma roupa larga e confortável, além de chinelos discretos, simples, mas não menos confortáveis. Apesar da cor chamativa de suas roupas, sua altura não é algo que chama atenção, o deixando passar despercebido muitas vezes.

PERSONALIDADE:
Quem julga Fiore pela sua aparência acaba se surpreendendo muito. Apesar de muito jovem, Genichiro é extremamente irritável, inquieto, estressado e genioso. Com poucos ídolos em sua vida, o garoto é daqueles que precisa ver para crer, não se intimidando com tamanho ou quantidade de músculos sem antes vê-los em ação. Por ter sido criado com samurais, ele é disciplinado até certo ponto, respeitando seus superiores, mas não os colocando acima daqueles que ele realmente tem apreço e carinho.

Irritar Fiore não é difícil. Longe disso. Comentar sobre sua altura ou julgar suas habilidades pela aparência são alguns dos milhares de tópicos que iram o rapaz. Apesar de tudo isso, tem um senso de justiça apurado e vê o preto no branco, talvez sendo algo que deva trabalhar com a idade. Somando seu senso de justiça com a doutrina samurai, ele segue um código de gratidão, o qual costumava se restringir somente ao seu irmão mais velho. Devido aos acontecimentos de seu passado, ele tem o objetivo de continuar o sonho de seu irmão, se tornando o mais forte dos espadachim.

Ainda assim, tem seu foco primário, que é se tornar alguém respeitado mundialmente para que, um dia, possa mudar a política de sua terra natal. Por conta disso, vê que a melhor forma de fazer isso é alcançar o tesouro do Rei dos Piratas, que irá lhe tornar um dos homens mais influentes de toda a história.

HISTÓRIA:
O clã Genichiro (源一郎) nunca foi um dos mais tradicionais ou mais nobres de Wano. Nunca houve alguém que se sobressaiu ou que fez história, mas também nunca houve um membro sequer que não tivesse servido Wano com toda a sua vida e respeito. Dedicação era balanceada com a discrição, o protagonismo não era o foco do clã. Todos nasciam e cresciam como sidekicks. Em todas as dinastias, ao lado de grandes e famosos samurais existia um Genichiro, sempre em segundo plano, sempre na contenção e na ajuda. Os Genichiro eram, na verdade, conhecidos como os solícitos e prestativos ajudantes de grandes shinobi. A filosofia do clã era bastante respeitada internamente, mas, externamente, eram vistos como covardes com capacidades limitadas. Mas eles não tinham tempo para lutar contra essa imagem distorcida.

Disciplina
-修-

Esse era os kanji que representavam o clã. E aí veio Fiore.

Com uma personalidade difícil e geniosa, ele fazia par com seu meio irmão Tomoe, que também tinha a personalidade que contrastava com o que o clã pregava. Toda a serenidade e calmaria que se esperavam de um Genichiro iria por água abaixo quando os dois irmãos se apresentavam como tais. Fiore tinha oito anos quando Tomoe já tinha doze, e, apesar de terem o mesmo sangue, a aparência dos dois era completamente diferente. Fiore tinha a pele rosada e o cabelo claro e liso, enquanto o meio irmão tinha a pele negra e o cabelo crespo e armado. Isso se devia ao fato de que o pai, Ashina, tivera dois outros relacionamentos, mas suas esposas por fatalidade não resistiram ao parto. Agora os irmãos viviam sob maternidade de Mrs. Onigiri, uma integrante do clã e mãe de outros dois pirralhos insuportavelmente quietos.

- Mrs Onigiri falou que a gente não pode se atrasar pra voltar para casa, Tomoe maldito! - resmungava o mais novo, com uma katana de madeira repousando sobre o ombro direito.

- Ela não é minha mãe - constatou o mais velho -, nem sua. A gente não está fazendo nada de errado. É contra os princípios do clã vir ver os navios no cais?

O Sol se escondia debaixo do tapete azulado do oceano. Os navios balançavam suavemente com a marola. Tomoe se sentou na beira do cais, os pés pendiam, longe do nível da água. Fiore ficou atrás, em pé, olhando para trás, onde, em terra firme, flores cerejeiras caíam numa dança suave na grama esverdeada. Wano se desenhava atrás daquilo, com suas montanhas, castelos e casas no estilo feudal. O garoto não pensava muito na vida e o que faria no futuro, mas gostava de ouvir seu irmão falando sobre o que planejava fazer algum dia. Sempre envolvia sair do país para encontrar mais desafios, afinal os colegas já não eram páreo para a batalha de espadas. Fiore era o único que conseguia fazer Tomoe suar, mas nunca o derrotava.

Fiore só sabia de uma coisa: queria poder sair de lá também. Mas não gostaria de ser visto como um desertor. Os garotos aprenderam da maneira difícil que não deveriam sequer externar esse pensamento perto de Mrs Onigiri, que batia na cabeça deles com golpes de karatê. Entretanto, não entrava na cabeça deles o porquê daquilo. Não havia sentido em querer se isolar do mundo. As notícias chegavam atrasadas na ilha. E muitas vezes por acidente. Fiore queria poder conhecer o mundo da forma que preferisse, indo aonde quisesse, quando quisesse e como quisesse.

- Ei, gema de ovo. - Tomoe chamou - Nós vamos sair daqui um dia.

- Hum. Tá bom. - concordou.

Liberdade
-自由-

Como um convite sem fundo, aquela frase de Tomoe três anos atrás se perdeu na memória. Pelo menos na memória de Fiore.

Numa fatídica noite, Fiore aproveitava um ótimo sono, sonhando com fama e reconhecimento. Realmente não era igual o restante do seu clã, e nem mesmo os anos de surra com Mrs Onigiri o fizeram mudar. Mas alguma coisa estava estranha naquela noite. Alguma inquietação remexia a casa deles. Apesar do sono pesado do garotinho, alguma coisa o fez acordar repentinamente. Os olhos abriam num movimento brusco, e a silhueta de Tomoe se desenhava empacotando seus pertences numa trouxa de roupa amarrada num bastão de madeira. Ao perceber que estava sendo observado, o rapazinho se apressou, sem dar tempo para o irmão questionar o que fazia. Se virou com agilidade e rumou para fora do quarto.

Fiore saltou para fora da cama e seguiu o irmão. Estavam no pátio da casa sob a luz do luar, na penumbra da residência dos Genichiro. Fiore não se conteve.

- O que você tá fazendo?

- Shhh! - disparou Tomoe, colocando o indicador na frente da boca - Quer acordar a gorducha? Vai dormir, gema de ovo!

- Me responde, maldito! - ordenou o mais novo, aumentando o tom.

Tomoe parecia tentar fazer o som voltar para a boca do irmão, num movimento desesperado para que o menino calasse a boca. Ele foi até o irmão e mostrou um pergaminho. Em manuscrito, a carta falava sobre um barco abandonado que estava no cais e que, durante alguns meses, Tomoe e seus amigos estavam abastecendo ele para uma viagem sem volta. Estariam sendo liderados por Udon, um rapaz mais velho que compartilhava das mesmas ideias que o irmão de Fiore. O loiro ficou irritado com aquilo. Como que estava sendo deixado de fora daquela situação? Com um movimento de raiva, ele rasgou o pergaminho e bateu as folhas rasgadas no peito do irmão.

- E você ia me deixar aqui com a gorducha e os pirralhos dela? - perguntou Fiore batendo mais uma vez no peito do irmão, que tentava conter o som - Se você não me deixar ir junto eu vou acabar com a sua viagem!

- Não viaja, moleque. Você é muito novo ainda. E para de me bater!

Empurrando a testa de Fiore com a palma da mão, Tomoe deslocou o irmão para trás, desequilibrando-o. Num movimento ágil, o samurai negro saltou para trás num movimento acelerado e rumou para fora da casa. Fiore não conseguia acreditar naquilo. Ele iria nessa viagem de uma maneira ou de outra. Se recompôs o mais rápido que pôde e partiu atrás do irmão, mesmo de pijama. A corrida parecia impossível para o mais novo, afinal, perdia para o mais velho em todos os aspectos físicos. Entretanto, era veloz o bastante para não perdê-lo de vista. Em alguns instantes ele estava de frente para o barco de madeira com uma bandeira genérica. Alguns rapazes carregavam caixotes de mantimentos para dentro do barco, e um deles, o maior de todos, batia na cabeça de Tomoe como um cumprimento.

- TOMOE!!! - gritou Fiore - VOCÊ NÃO VAI A LUGAR NENHUM SEM MIM!!

- Que? - se virava o garoto - FIORE! EU MANDEI VOCÊ FICAR EM CASA!

- SEM ESSA! - Fiore gritava, correndo em direção ao irmão com um pedaço de galho que encontrara no meio do caminho.

Ele chegou até o irmão com um golpe vertical de cima para baixo, que foi esquivado com um simples passo para o lado. Os golpes eram sequenciais, mas Tomoe sempre conseguia se esquivar, dando passos para trás a para os lados. Conforme os golpes eram desferidos, lágrimas caíam dos olhos de Fiore. A cena era vista por todos da tripulação recém formada, mas Fiore não tinha vergonha de chorar em público, ainda mais por esse motivo. Tomoe sempre foi o referencial de Fiore, afinal, seu pai estava mais ocupado obedecendo a carrasca da Mrs Onigiri. Uma separação dessas era mais do que o garoto poderia aguentar.

- Você. Não. Pode. Me. Deixar. Sozinho. Aqui. - por um instante ele parou - Eu não posso ser o rei dos piratas sozinho!

E com um golpe final, ele tentou uma estocada, que falhou mais uma vez, o fazendo cair no mar. Com a cabeça na superfície e a cara inchada de choro, Fiore rosnava para o irmão, que olhava com pena para o mais novo. Os outros da tripulação riam do garoto, mas deixavam a decisão para Tomoe. Com as mãos na cintura e a lua atrás de sua silhueta, ele dava o seu veredito.

- Ok, Fiore, você pode vir com a gente. Mas saiba: nós não poderemos voltar aqui nunca mais!

- Como se eu estivesse perdendo alguma coisa!

Ao som de risadas, Fiore era o mais novo integrante da tripulação de Udon.

Treinamento
-実習-

A tripulação não havia cometido crime algum, não havia cometido saque algum, nem mesmo entrado em conflito. Udon era um bom capitão, organizado, decidido, mas alguma coisa o deixava inseguro. Estar fora do país de Wano deixavam todos apreensivos, e era totalmente compreensível que isso acabaria sumindo com o passar do tempo. Fiore não ligava tanto para isso, estava feliz de poder aprender coisas novas com seu irmão. As vezes ele se perguntava onde Tomoe havia aprendido tudo aquilo em relação à espadas. Tomoe fora o mestre samurai mais sábio que Fiore tivera. Fora isso, ele também tinha aula com os outros tripulantes, que o viam como um projeto científico, uma arma mortífera em produção. Mas na verdade ele era somente uma criança com um sonho.

Durante os primeiros meses navegando juntos, Fiore ouviu de todos que haveria um dia em que ele teria que conseguir dinheiro de alguma maneira, talvez trabalhando, caçando bandidos, ou até mesmo roubando. Caso não conseguisse dinheiro com nenhum das duas primeiras opções, teria que ser um bom ladrão. Aprendeu com os colegas de seu irmão a agir como um. Primeiro ele foi treinado a se mover silenciosamente, a usar as sombras ao seu favor, a passar perto das pessoas sem ser percebido. O interior do navio era perfeito para isso. Ele treinou seu stealth com caixotes, com pilares de madeira, sacos de mantimentos e em algumas semanas ele já estava razoavelmente bom.

Ele aprendeu a pegar objetos das pessoas sem que elas percebessem. Bater carteiras, chaves e mapas era parte do trabalho sujo que um dia talvez tivesse que fazer. Com algumas outras semanas de prática ele já conseguia pegar as coisas sem ser visto. Udon via também uma boa oportunidade de transformar o defeito que Fiore tinha de ser briguento numa habilidade. Ele poderia ser intimidador, usar seu temperamento agressivo para coagir outras pessoas a colaborarem. Utilizando de aulas montadas, criando cenários onde Fiore deveria ameaçar os outros tripulantes, ele foi ensinado a ser uma pessoa mais intimidadora, a ter olhares mais sérios, contrastando com a cara de bom moço que ele tinha.

Em questão de um ano, Fiore já tinha uma grande malícia e, batendo os seus treze anos, ele já estava pronto para fazer o trabalho sujo caso fosse necessário.

Irmãos
-兄弟-

Chovia em Dawn Island. Já faziam alguns anos desde que os Genichiro deixaram Wano com os colegas para partir numa jornada. Entretanto nem tudo havia saído como os conformes. Dos oito amigos, sem contar Udon, dois foram pegos furtando e cumpriam pena, outros três se bandearam para outras tripulações e se declararam piratas, outros três desistiram daquilo e voltaram para Wano. Udon, Tomoe e Fiore eram os remanescentes daquela tripulação aventureira e agora criminosa. Por sorte e habilidade, nunca foram pegos, por isso não tinham recompensas pelas suas cabeças, mas o cuidado não compensava as necessidades dos três rapazes.

Eles estavam famintos, precisam de mais comida, e, após uma rápida discussão, decidiram que Fiore ficaria no barco para fugir caso fosse necessário, enquanto os outros dois iriam furtar as coisas na cidade. E assim foi. Fiore acabou ficando entediado e pegou no sono, o barulho da chuva o acalmava e o fazia sonhar mais ainda com o grande futuro daquele que encontrasse o tesouro do rei dos piratas. Ele realmente tinha adotado aquele sonho e, assim como Tomoe fazia com seu objetivo de ser o maior espadachim do mundo, Fiore fazia com o seu sonho de se tornar alguém relevante e aventureiro.

O seu sonho estava indo muito bem, mas foi interrompido por um estouro. Num primeiro momento, pensou ser um trovão, mas o barulho fora seco, direto, sem continuidade. Aquilo só significava uma coisa: um tiro. Ele saiu da cabine do capitão e se molhou no cais procurando a origem daquele barulho. Se assustou quando viu Udon já dentro do navio, apressado, colocando as coisas no lugar e gritando com o garoto para que se movesse, afinal, precisavam sair de lá o mais rápido possível. Fiore procurou pelo irmão, olhou para a praia e o viu ali, correndo, gesticulando, gritando algo inaudível de onde estavam.

- Udon, meu irmão está vindo. Espere!

- Não dá tempo. Içar vela!

Atrás de Tomoe estava o motivo de toda euforia. Dezenas de soldados da marinha corriam atrás dele com rifles nas mãos. Tomoe gritava desesperado, e conforme se aproximava do mar, o barco se distanciava aos poucos. A rampa de acesso ao cais estava retraída, Tomoe fora deixado. Por um instante foi possível ouvir o que ele gritava.

- Udon! Você vai pagar!

- Udon? - perguntou Fiore - O que isso significa?

- Garoto... - falou - Eu não espero que entenda.

Com um forte soco, Fiore se desequilibrou e caiu no mar. Os marinheiros, tão focados, não perceberam isso e, após os diversos tiros disparados contra o corpo já caído de Tomoe, repararam que havia também um corpo no mar. Um dos soldados anunciou o que via, alegando que era um refém que havia escapado. Udon fugia com todo o mantimento e toda a vergonha sobre suas costas, enquanto Fiore ficava com o legado de seu irmão, cujo sangue manchava as areias de Dawn Island. Agora ele estava só, sendo tratado como uma vítima, sem poder sequer vingar a morte do irmão. Estava desacordado. Sonhando. O tesouro no fim do mundo estava lado a lado com a imagem de seu irmão. Eram as duas coisas que o motivariam a partir daquele momento, além de, é claro, a vingança.
~ VANTAGENS E DESVANTAGENS ~


Vantagens:

• Aparência Inofensiva
• Aceleração
• Adaptador

Desvantagens:

• Fúria
• Código da Gratidão
Spoiler:
 

~ PERSONAGENS CONHECIDOS ~


PLAYERS:
 

NPC's Importantes:
 

NPC's Criados:
 

~ AVENTURAS CONCLUÍDAS ~

------------------

Link da ficha anterior ou da Mini-Aventura concluída: https://www.onepiecerpg.com/t43357-rosemary-da-vinci#400113

____________________________________________________


Genichiro Fiore BgSDAYZ

Andando muito tempo por aí
Percebo que não tenho muito onde ir
E todos os caminhos percorridos
São páginas velhas viradas de um livro já lido.

(Jimmy & Rats)

Genichiro Fiore Ali_e_Shi_final
Voltar ao Topo Ir em baixo
Aesop
Civil
Civil
Aesop

Créditos : Zero
Warn : Genichiro Fiore 3010
Masculino Data de inscrição : 14/06/2014
Idade : 20
Localização : São Paulo-SP

Genichiro Fiore Empty
MensagemAssunto: Re: Genichiro Fiore   Genichiro Fiore EmptyDom 8 Set 2019 - 16:25

Técnica aprovada Genichiro Fiore 3997999705
Código:
[spoiler="ぶつける - Bash"][b]Level:[/b] 01           [b]Números de Técnicas:[/b] 00
[b]Nome:[/b] ぶつける - Bash
[b]Descrição:[/b] Fiore precisa de um único golpe que cause um grande impacto, conseguindo utilizar tanto da gravidade, quanto de sua força e agilidade. Ele então salta girando em seu próprio eixo, trazendo seu braço que carrega a espada para um golpe mais potente focando algum alvo.
[spoiler][img]https://media1.giphy.com/media/3o7aDdM71AuRRUS9La/source.gif[/img][/spoiler]
[b]O que usa:[/b] Espada, movimento do corpo
[b]Restrição:[/b] Não pode ser usado em lugares apertados; qualquer toque na espada durante o giro resulta no cancelamento da habilidade, com gasto normal de SP;
[b]Efeito:[/b] N/A
[b]Dano ou Bônus:[/b] 105% Dano
[b]SP:[/b] 18[/spoiler]

https://www.onepiecerpg.com/t42817p300-crie-suas-tecnicas#400508

____________________________________________________



Última edição por Aesop em Sex 24 Abr 2020 - 11:21, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Mercenário
Mercenário
ADM.Ventus

Créditos : 61
Warn : Genichiro Fiore 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Genichiro Fiore Empty
MensagemAssunto: Re: Genichiro Fiore   Genichiro Fiore EmptyTer 17 Set 2019 - 22:37

~Atualizado~

Na próxima vez não esqueça.

Spoiler:
 

____________________________________________________


Genichiro Fiore KJbVkzo
~Ficha|Aventura~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

Genichiro Fiore ObLkbM2
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Genichiro Fiore Empty
MensagemAssunto: Re: Genichiro Fiore   Genichiro Fiore Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Genichiro Fiore
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Arquivo de Fichas :: Civis-
Ir para: