One Piece RPG
Libérateurs - O Fim da Utopia XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [MINI-ARTHURBRAG] COMEÇANDO UMA AVENTURA
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Ryoma Hoje à(s) 16:14

» I - A Whole New World
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 14:37

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Furry Hoje à(s) 12:39

» [ficha] Arthur D.
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor arthurbrag Hoje à(s) 12:25

» Enuma Elish
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 11:22

» [Mini-Aventura] A volta para casa
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Fiest Hoje à(s) 10:51

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Fukai Hoje à(s) 10:10

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor PepePepi Hoje à(s) 07:50

» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 06:02

» Hey Ya!
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor GM.Mirutsu Hoje à(s) 02:56

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 02:08

» [Ficha] Raveny Moonstar
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 01:38

» Raveny Moonstar
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 01:36

» ブルーベリーパイ ~ Blueberry Pie
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 01:11

» Escuridão total sem estrelas
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 00:39

» Capítulo I: Meu nome é Cory Atom! Filho de Kouha Atom
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Kiomaro Hoje à(s) 00:27

» Arco 5: Uma boa morte!
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 23:58

» A inconsistência do Mágico
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 23:45

» Seasons: Road to New World
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Volker Ontem à(s) 22:44

» Ain't No Rest For The Wicked
Libérateurs - O Fim da Utopia Emptypor Hoyu Ontem à(s) 21:55



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Libérateurs - O Fim da Utopia

Ir em baixo 
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyQui 04 Jul 2019, 17:03

Libérateurs - O Fim da Utopia

Aqui ocorrerá a aventura do(a) revolucionário Raksha Ragnarson. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wild Ragnar
Narrador
Narrador
Wild Ragnar

Créditos : 38
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Masculino Data de inscrição : 24/06/2014
Localização : Rio de Janeiro

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyQui 11 Jul 2019, 18:57




Raksha

O Monge Sanguinário


Apoiado na lança, Raksha descansava brevemente após o longo dia de treino. De um lado o oceano, do outro as dunas do deserto, e com o pôr do sol pintando tudo de vermelho, ele viu a beleza daquela paisagem sem vida. ”Não realmente sem vida. De baixo d’agua, de baixo da areia, longe dos meus olhos, ela prospera.” Alguns minutos mais se passaram enquanto ele em sua solidão apreciava o mundo ao seu redor, no entanto a sede crescente e o cantil vazio em sua cintura o levaram a finalmente voltar seus olhos na direção do longínquo acampamento. A magia daquele momento tão necessário considerando a tristeza geral que sentia devido as perdas do dia anterior chegara ao fim.

Dando um passo à frente, ele desaparecia de sua posição deixando atrás de si apenas um rastro de poeira e areia. Se movendo a uma velocidade impossível para olhos comuns detectar, ele usava a técnica aprendida, o Soru. Uma vez que chegasse na parte externa do acampamento frearia dando um fim a movimentação e voltando a andar normalmente, caminhando até o local onde ele e seus companheiros haviam dormido. No caminho, reabasteceria seu cantil tomando água no local apropriado para tal, e caso visse alguém conhecido acenaria para a pessoa a cumprimentando levemente. – Alguma novidade? – Perguntaria, afinal de contas passara o dia treinando isoladamente com o tutor.

Uma vez que chegasse ao seu lugar de descanso, caso encontrasse Lily, Messias e Harry, faria a mesma pergunta, apenas acrescentando – Como foi o dia de vocês? – Se sentando em uma posição confortável, escutaria o que os companheiros tivessem a dizer. – Durante o treino mal tive a chance de comer algo, me acompanham? – Questionaria se levantando e indo até o local armado como refeitório do acampamento, se alimentando e jogando conversa fora com eles.

– Acredito que amanhã eu deva começar o treino no Haki, e uma vez que acabar vamos partir para Utopia buscar por informações sobre a CP9 e a Casa do Amanhecer. Lily, quero que veja com os outros revolucionários qualquer informação sobre a ilha que eles possam ter, apesar de ser improvável que alguém vá saber mais do que o que a Comandante vier a nos informar, nunca se sabe, as vezes algum deles já esteve lá ou vem de lá e saiba de algo que possa vir a ser útil. Messias, quero que você cheque depois o estado das pessoas que resgatamos, você os conhece melhor que ninguém. Veja se após essa tribulação algum deles teve uma mudança de coração e gostaria de se juntar a nós. Eles precisam entender que a única forma de impedir que isso continue a ocorrer vez após outra, é lutar. – Diria uma vez que tivesse acabado de comer, designando para seus companheiros tarefas que sabia estarem na alçada deles. – Harry, venha comigo. – Diria, indo encher o prato\tigela de comida mais uma vez, mas sem comer nem retornar até a mesa e sim andando pelo acampamento em busca de uma figura.

– O doutor Hizumy deixou para trás seu companheiro Shima. Tive uma conversa com ele, e disse acreditar que os garotos e Ezequiel estão vivos. É pouco provável, mas se estiverem, foram capturados por Arya e seus homens, que por sua vez estão em Utopia. Vê onde quero chegar? – Diria ao jovem medico de óculos enquanto procurava pelo Urso, primeiramente no último lugar em que o vira. Se encontrasse o animal, se aproximaria do mesmo dizendo – Trouxe um pouco de comida – a colocando no chão ao seu lado. - Em breve deverei partir para um lugar chamado Utopia, se Hizumy estiver vivo, é provável que estará lá. Quer vir comigo? Perguntaria, olhando para o animal. - Tem certeza? Vai ser difícil encontra-lo, e perigoso também. Continuaria caso Shima dissesse que sim, e se ele confirmasse, finalizaria colocando uma mão nos ombros de Harry como que para mostra-lo para o urso -Então peço que fique perto de Harry e o ouça, se lembra dele não é? - Raksha não sabia até que ponto Hizumy havia treinado o urso para compreender e seguir humanos, mas o Mink não poderia ficar o tempo todo do lado do animal se comunicando com ele, e como a missão que fariam tinha uma natureza mais furtiva, não queria que o urso atrapalhasse também. Por outro lado, Shima poderia ser útil em achar o garoto de cabelos azuis, e por consequência Ezequiel. Assim, caiu nos colos de Harry a função de tomar conta daquele grande ser.

Se afastando, voltaria para o local em que dormiria para esperar o retorno de Lily e Messias, ouvindo o que tivessem a relatar para então se deitar e fechar os olhos, caindo no sono de forma a ficar em condições ideias para o treino do dia seguinte.





Histórico:
 
Objetivos:
 
Akuma:
 




____________________________________________________


Hao:INSPIRE VIDA | EXPIRE MORTE
"Pensamento"
- Fala -



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

code by sant


Última edição por Wild Ragnar em Dom 14 Jul 2019, 11:33, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 140
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyDom 14 Jul 2019, 04:39


Narração
Tarde~noite
Tempo "Agradável" - é um fucking deserto
Localização: Alabasta - 6ª rota

Raksha Ragnarson
O treino durou muito tempo e assim Raksha não possuía muitas opções além de comer, beber água e conversar. Andando por aí esbarrou com muitos que o conheciam, mas ninguém que ele conhecia ou reconhecia. Um deles comentou rapidamente para Raksha passar na tenda de assuntos militares mais tarde que a comandante o chamou.

Desta forma continuou a andar até finalmente achar seus amigos onde realmente estariam. Todos eles responderam que não possuíam nenhuma novidade, nada muito surpreendente nessa parte, durante seu treino, apesar de distante daquele local, não ouvira nenhum tipo de alarde. Sentindo que o pedido de Raksha não era um simples pedido, todos aceitaram ir com o mink para o local onde comeriam alguma coisa. - E o seu treino? Acha que já pode nos ensinar o que aprendeu? - Perguntou sua companheira interessada enquanto se dirigiam para o local onde comeriam. - Uma boa mesmo, não quero enfrentar monstros sabendo que existem habilidades que não conheço. - Soltou um de seus colegas ao ouvir a pergunta de Lily. O tom de voz de Harry não era dos mais animados, ele provavelmente não se animara muito com a conversa que teve com Raksha anteriormente e ainda temia a situação como um todo em que estavam se metendo.

Talvez por isso, mas quando o mink tigre comentou o que fariam e pedia algo para cada um deles, viu a cor de Harry sumindo por um tempo. - Pode deixar. Mas você vai ter que ensinar aquilo depois. - Falou Lily lembrando que ele não escaparia de uma futura aula de Rokushiki. Messias não comentou nada, só concordando com a cabeça. Harry também não falara nada, até porque ele não sabia o que Raksha queria ainda, mas este possuía outros planos para seu colega médico.

O guiando para longe, chegou até o panda de Hizumy, este vigiava os itens do pequeno doutor. Ragnarson ia explicando o que havia acontecido para seu colega de óculos e este acabava engolindo em seco o que ouvira. Quando o panda ouvira Raksha, logo concordara e se animara, ficando em duas patas e sinalizando para irem andando, mas precisou acalmá-lo falando para ficar perto de Harry. Pela clara demonstração de entendimento, o urso parecia entender perfeitamente a situação, sendo mais inteligente do que o mink havia imaginado. O médico de óculos ajoelhou-se no chão e abraçou o panda quando este voltou a ficar de quatro patas. - Desculpe ser medroso... Hizumy está bem e vamos salvá-lo. - Falou seu colega para o panda que concordava com a cabeça.

Naquele momento Raksha sabia que já precisava se aproximar da tenda de assuntos militares para descobrir o que Victória queria.


off:
 

Legendas:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wild Ragnar
Narrador
Narrador
Wild Ragnar

Créditos : 38
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Masculino Data de inscrição : 24/06/2014
Localização : Rio de Janeiro

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyDom 14 Jul 2019, 13:20




Raksha

O Monge Sanguinário


- Eu preciso de mais alguns dias praticando e usando o Soru para conseguir chegar ao ponto de ser capaz de ensinar a vocês. Se formos separar em aprendiz, praticante e mestre, eu estou no do meio e preciso chegar no último. - Disse ele à Lily e os outros antes de se afastar com Harry em busca do urso - Alguns dias,um ano uma semana no máximo. - Completou definindo um prazo não só para seus companheiros mas também para si mesmo, sem perceber o quão incrível ele seria se realmente se tornasse mestre naquela tecnica em apenas uma semana.

Já após deixar Harry com Shima e se dirigir à tenda de assuntos militares, no rosto do Mink ao invés da determinação e seriedade usual, um sorriso leve mas um tanto tristonho podia ser visto, ou melhor dizendo, apesar de um sorriso leve seu olhar demonstrava tristeza. Ele nunca desejou tanto estar errado como naquele momento, pois no fundo não acreditava realmente que Hizumy e Ezequiel estivessem vivos. ”Mas desde que haja uma ínfima chance de estarem, tenho que verificar.” No fim ele era que nem Harry, apenas em busca de um raio de esperança nessa situação toda. Lembrando da forma que o rapaz abraçara o urso e dissera aquelas palavras reconfortantes, a tristeza em seu olhar desapareceu um pouco. ”Tenho bons conpanheiros."

Ao contrário do que o médico pensava sobre si mesmo, Raksha não o considerava um covarde. Não, talvez ele seja o mais bravo dentre todos, pois mesmo com todo medo que ele sente, vez após outra avançou ao lado do Tigre. Foi assim nos túneis de Cactus Island, na perseguição em alto mar, na investida contra Apollo. Na visão do Mink ser corajoso não é sinônimo de não ter medo, e sim de ser capaz de supera-lo. ”Preciso conversar com ele sobre isso, afinal de contas, o motivo que eu estou fazendo tudo que posso para aprender essas habilidades é porque não quero estar em desvantagem contra meus inimigos também, à mercê deles.”

Chegando na frente da tenda, colocou o assunto no fundo da mente já tendo uma ideia de como abordaria o assunto com o rapaz, ajeitou a expressão de forma a não deixar vestígios da tristeza que sentia e entou com o rosto sério. - Comandante. - Acenou para ela a cumprimentando e observando o local. Se houvesse mais alguem presente acenaria para pessoa igualmente. Ele não tinha certeza do motivo que havia sido chamado, talvez fosse para ouvir mais sobre a missão, talvez para ser promovido para Major como ela mencionara anteriormente que faria se recebesse permissão dos próprios superiores, talvez ambos.

Caso fosse promovido, bateria com o punho no peito como se fosse uma espécie de continência, falando com o tom firme - Obrigado pela confiança depositada! - Hoje completavam cinco dias desde que ele encontrara o Exército Revolucionário e resolvera ingressar nele, e se estivesse se tornando Major realmente, sua ascensão nos ranks não seria nada menos do que meteórica. Se ela tivesse algo a dizer sobre a missão que ele teria que realizar, ouviria atentamente para poder responder.






Histórico:
 
Objetivos:
 
Akuma:
 




____________________________________________________


Hao:INSPIRE VIDA | EXPIRE MORTE
"Pensamento"
- Fala -



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

code by sant
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 140
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyDom 14 Jul 2019, 16:00


Narração
Tarde~noite
Tempo "Agradável" - é um fucking deserto
Localização: Alabasta - 6ª rota

Raksha Ragnarson
Indo para a tenda de assuntos militares acabou se encontrando com a comandante, com o major Jones e outros homens e mulheres que simplesmente não sabia o nome, totalizavam ali oito pessoas. - Bom, vamos começar. - Falou a comandante ao ver que Raksha havia cumprimentado todos na tenda, ela se aproximou dele. - Acho interessante não termos um broche para isso, mas Raksha Ragnarson, eu te nomeio major de nosso exército revolucionário. - Informou ela de frente para ele com a mão estendida para que eles se cumprimentassem mais formalmente, soava até como piada sendo que no dia anterior recebera diversas daquelas condecorações.

O mink agradecia o voto de confiança e logo percebia que o assunto iria para o que Victória realmente desejava falar. - A ironia é forte, mas você acabou de subir de cargo e te passarei uma missão antes de você partir e uma missão inferior a sua patente. - Informou ela, Raksha percebia que ninguém ali na apertada tenda falava coisa alguma. - Como você sabe, fomos atacados massivamente e nesse dia que está passando fizemos algumas contagens. - Um dos homens parecia querer chorar. - A falta de recursos está bem pior do que o imaginado. Então enquanto fazemos outras missões, quero que o senhor lidere uma unidade para Alubarna, a capital de Alabasta. - Falou ela calma, preparando o motivo. - Lá você precisará se preocupar em cumprir dois objetivos: Como irá subir no expresso oceânico é o primeiro e provavelmente o mais importante. O segundo é roubar uma loja de den den mushi's. - Falou ela calma e o motivo era bem óbvio.- Nós perdemos basicamente todos os nossos meios de comunicação com os incêndios provocados em nossas bases. - Informou um dos homens que estavam na tenda. - Se você roubar vários, pode inclusive ficar com um baby den den mushi para se comunicar comigo enquanto estiver em Utopia. - O tom dela deixava claro que a ideia seria uma boa.

- E quanto ao expresso. - Falou uma mulher desta vez. - Fiquei sabendo que você estava na batalha marítima, como sabe, perdemos diversos navios nessa batalha. E também não possuímos nenhum tipo de eternal para Utopia, então o expresso é a melhor opção. - Ela deu uma pausa. - O expresso é mais rápido de qualquer forma. Para voltar recomendo que use ele também, então tente não provocar danos no expresso enquanto está viajando. - Comentou Victória ali. A comandante claramente possuía a maior patente naquele grupo de pessoas, onde cada um dos outros parecia encarregado de algum problema.

- Podemos treinar o seu haki amanhã e você partiria para Alaburna depois. Ou você pode partir para Alubarna primeiro, voltar e treinar. Isso fica a sua escolha. - Informou ela calma e decidida. - E quanto a ajudantes, tente levar os que sabe ser mais discreto... você chama muito a atenção. - Informou o conhecido major Jones para Raksha, ele demonstrava com a mão o próprio mink, maior que todos ali na sala e com a figura impotente de um tigre. - Lembre-se que você possuí uma recompensa alta por sua cabeça e estará indo para a capital, então tenha cuidado. - E isso ligou uma chavinha na cabeça de Victória, que logo comentou. - Nós possuímos uma base em Alubarna, mas digamos que não desejo utilizar bases já estabelecidas por enquanto, como prevenção para possíveis problemas. - A frase dela tornava o ambiente um pouco mais sombrio, onde todos ali com exceção do major e do próprio Raksha lembravam da invasão que combateram.

- Sinta-se livre para chamar pessoas para a causa desde que confie nelas. Podem ser úteis indo com você para Utopia depois. - Informava ela e desta vez outro homem falava também quanto a isso. - E sobre informações de Utopia, ainda estou tentando compilar algumas informações para você. - Victória esperou por um tempo após esse homem terminar e perguntou para Raksha. - Algo mais? A confusão esta tamanha que podemos ter deixado algo passar. - Falou permitindo-se finalmente soltar um pouco de um tom cansado em sua voz.


Legendas:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wild Ragnar
Narrador
Narrador
Wild Ragnar

Créditos : 38
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Masculino Data de inscrição : 24/06/2014
Localização : Rio de Janeiro

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyQui 25 Jul 2019, 22:46




Raksha

O Monge Sanguinário


Após um dia árduo de treino e principalmente considerando a tensão constante dos dias anteriores, não era surpresa nenhuma que Raksha se sentisse cansado. Tudo que ele queria era deitar e dormir um pouco antes do treino do dia seguinte, mas após fechar os olhos por um instante, os abriu novamente e apenas determinação podia ser vista ali. – Quanto tempo leva daqui até Alubarna? - Questionaria após ouvir tudo o que tinham a falar, visando calcular que horas deveria sair para chegar lá quando fosse cerca de três ou quatro horas da manhã. - Partirei dentro de x minutos/horas. – Diria uma vez que soubesse a resposta.

– Levarei Lily e Messias comigo, e gostaria de requisitar um mapa da cidade com o local da loja demarcado, assim como mais informações sobre o expresso. Os horários em que parte, quantidade de vagões, nível de segurança, onde as cargas ficam. Se houver alguém que conheça a área e que possa nos acompanhar seria bom também. – No fim das contas era a primeira vez de Raksha e dos outros dois naquela ilha, e a presença de uma pessoa local certamente ajudaria.

O clima na tenda era pesado, e isso era perceptível, ele tinha certeza que todos ali haviam perdido alguém querido na batalha do dia anterior e se não houvesse mais nada a ser dito, ele se despediria de todos com um aceno de cabeça, mas quando estivesse prestes a sair pararia e olharia para trás por ter se lembrado de algo que ele pensara bastante a respeito após a noite anterior, quando usou os cubos de areia para fazer uma sala de interrogatório. - Gostaria de pedir também por um livro, ou alguém que saiba sobre construção antes de partirmos para Utopia. Creio que com minhas habilidades tal conhecimento possa vir a ser útil quando estivermos lá. -

Em seguida iria para o local onde suas coisas estavam, esperando por Lily e Messias para avisar-lhes sobre a nova missão de uma vez só e ouvir relatório deles sobre o que havia pedido anteriormente. - E então? - questionaria ao vê-los. No entanto se não houvesse tempo a ser perdido, iria a procura dos dois, indo primeiro até o local onde os ex-reféns estavam, esperando encontrar Messias lá. - Temos uma nova missão para essa noite. - Explicaria a ele, e voltando-se para as pessoas que resgatara duas vezes seguidas perguntaria - E vocês, estão se sentindo melhores?





Histórico:
 
Objetivos:
 
Akuma:
 




____________________________________________________


Hao:INSPIRE VIDA | EXPIRE MORTE
"Pensamento"
- Fala -



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

code by sant
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 140
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptySex 26 Jul 2019, 14:50


Narração
Tarde~noite
Tempo "Agradável" - é um fucking deserto
Localização: Alabasta - 6ª rota

Raksha Ragnarson
O mink estava cansado, mas percebeu que talvez não tivesse descanso graças aquela nova missão, ou assim imaginava, sendo um pouco surpreendido ao perguntar sobre o tempo que levaria para chegar até Alubarna. - Normalmente um dia e meio ou dois. Com seu poder pode ser mais rápido, mas ainda vai ser bem demorado. - Quando Victória terminava de falar Ragnarson percebia que havia subestimado o tamanho do país em que estava, não era uma pequena ilha como Cactus Island, seria melhor descansar antes de partir em uma viagem tão longa principalmente sabendo que teria que chegar descansado na cidade ao planejar chegar de madrugada, realizar algum movimento cansado poderia causar danos irreparáveis. Ele informava a hora que iria partir para Victória, que respondeu de forma singela. - Cuidado com o frio da madrugada. Você provavelmente não sofrera com ele, mas seus colegas sim.

O mink já pensava no que precisaria para aquela missão e informava quem iria com ele e que desejava que alguém que conhecia a capital fosse junto. - Sobre o expresso não temos informação alguma basicamente além de que aceitam qualquer um dentro independente da recompensa. Sobre a cidade vou sim pedir que uma pessoa te siga para que você não se perca. Falar agora só aumenta a chance de esquecer algum ponto impor... - Quando a comandante iria terminar de falar ouviram alguém correndo na direção da tenda e todos lá já estavam preparados para matar a pessoa, mas viram que se tratava de um revolucionário desconhecido qualquer. - Senhora. A recompensa de Raksha aumentou novamente. Agora são cento e trinta e oito milhões e quinhentos berries. - Aquela informação pegava todo mundo ali desprevenido. - Ok... aquele agente então sobreviveu com certeza... você precisa tomar atenção em dobro agora. - Informava ela pensativa quanto a nova situação. - Até literalmente alguns minutos eu sabia da existência de alguns piratas que possuíam uma recompensa pela cabeça deles maior do que os seus oitenta milhões. Mas agora a sua é a maior recompensa da ilha, cuidado para não ser perseguido por nenhum caçador de recompensas. - Victória não parecia realmente preocupada com aquilo, provavelmente sabia que o mink tiraria aquilo de letra. Caçadores de recompensa seriam o menor problema de Raksha na capital. - Vou pedir para o seu guia da capital se apresentar ainda essa noite. - Ouviu e percebeu que estava liberado para sair daquele ambiente.

Realizou um pedido no mínimo estranho naquele momento antes de sair, mas viu alguns acenos de cabeça de que fariam o possível. Estavam numa situação para lá de precária e ele queria um livro de algo meio difícil de se ter no meio do deserto, teriam que procurar por alguém com o conhecimento. Mas isso não era um problema para o mink no momento, este procurava por seus conhecidos.

A primeira pessoa que encontrava era Lily, que já descansava no ponto marcado. Raksha indagava sobre o que ela havia descoberto. - Não muito na verdade. O jornal ajudou mais do que o povo. - Falou ela indicando para ele sentar. - Utopia era território de um shichibukai. Não bastando ser infestada de marinheiros e agentes. E os shichibukais foram destituídos de seus cargos. - Informou ela de forma simples o que poderia ser algo tão complexo. - A ilha deve estar um caos gigantesco. - A informação ruim dela já vinha com uma informação boa de Messias que simplesmente aparecia por ali sentando-se com eles. - Simplesmente todos entraram para a revolução. - O tom animado combinava com a ótima notícia, não parecia o tom de alguém que se autodenominava assassino. - Não sei se todos vão te seguir depois, já que alguns podem querer seguir Victória, afinal, ela é mais bonita, mas pelo menos todos entraram para a causa. - O homem fazia uma piada com a situação, mas ainda eram ótimas notícias.

E com um balde de água fria o mink informava sobre a missão nova que teriam. - Estamos ótimos e prontos para essa missão. - Respondia Lily por ela e por Messias. - Vamos partir de noite? Vamos precisar de algo para nos mantermos quentes. - Indagava já preocupada com os preparativos que teriam que fazer para essa missão que Raksha não contara nenhum detalhe. Porém mais duas pessoas surgiam antes de Ragnarson responder, bom, se é que eram pessoas, eram tão pequenas, trinta centímetros ou menos, caberiam facilmente na mão do mink. Um deles era pequeno e careca, enquanto o outro era cabeludo sem o rabo por favor né, o careca foi o primeiro a falar. - Imagino que você é Raksha Ragnarson. - A voz dele estava séria, enquanto o outro tentava não rir só de ver seu colega falando de forma tão séria. - Victória pediu para nos encontrarmos com você. - Informava o pequeno ser ali.


Legendas:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wild Ragnar
Narrador
Narrador
Wild Ragnar

Créditos : 38
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Masculino Data de inscrição : 24/06/2014
Localização : Rio de Janeiro

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyTer 30 Jul 2019, 20:34




Raksha

O Monge Sanguinário


Ao ouvir o tempo que seria necessário para alcançar Alubarna, Raksha percebeu que teria que revisar seus planos. Ir, voltar e depois ir até lá novamente pegar o expresso levaria entre três e seis dias, fora o tempo que ele usaria para treinar o Haki. Já se fizesse o treinamento primeiro e só então fosse realizar a missão, já partindo a partir de lá, tal tempo seria reduzido drasticamente. – Pensando bem, creio que seja melhor realizar o treino primeiro e já partir para Utopia a partir de Alaburna. – Avisou - Então devo levar o Dr. Harry e o urso que pertencia à Hizumy também. -

Ouvindo o que sabiam sobre o expresso oceânico, ficou levemente decepcionado com a falta de informações que o exército parecia ter. Considerando que era um meio de locomoção extremamente útil na Grand Line, achou o fato no mínimo estranho, mas não viu motivos para demonstrar isso, se retirando da tenda. ”Cento e trinta e oito milhões...” Enquanto caminhava pensou sobre a quantia inesperada que por um lado dizia o quão perigoso o governo o considerava, e do outro servia também como um indicativo do quão forte ele estava se tornando. Ainda assim, o espanto não o abalou nem criou nenhuma ondulação real em suas emoções e logo voltou sua atenção para o que realmente importava. As missões que teria pela frente.

Ao encontrar Lily e se sentar ao seu lado, logo ouviu sobre as últimas notícias. - Um shichibukai? Qual? - Questionou enquanto puxava na memória quem eram os atuais e o modus operandi deles. Os dois que ele mais sentia curiosidade em conhecer eram Kedrah a Fúria e Brahma, apesar que por motivos diferentes. Era dito que a primeira era governante de um paraíso para não humanos e tinha um grande exército. Já o segundo era o mais forte dentre os corsários e tinha uma tradição forte na área de meditação. Com essa destituição por parte da marinha e do governo, se eles encontrassem o que tinha seu território em Utopia, talvez pudessem tê-lo como aliado ao invés de inimigo. Talvez. - O que aconteceu para que o Governo fizesse isso? - Questionou, buscando com os olhos pelo jornal mencionado por ela, o pegando caso o encontrasse/ela o entregasse.

A conversa tomava outro rumo com a chegada de Messias, e pela primeira vez naquele dia Raksha dava um sorriso amplo, mesmo que durasse pouquíssimos segundos antes de desaparecer. - Fico feliz que tenham tomado essa decisão, mesmo se preferirem ficar aqui. Amanhã tirarei um tempo para conversar com eles.- Disse serenamente, falando da missão em seguida. Lily já se mostrava pronta, e antes mesmo que Raksha pudesse responde-la, outras duas pessoas chegavam.

“Minúsculas” Esse foi o primeiro pensamento do Mink ao vê-las ”Devem pertencer à raça dos anões. “ e assim que ouviu o que um deles disse, acenou positivamente. - Isso, e esses são Lily e Messias. - Disse apresentando-os, para logo perguntar - Imagino que sejam os guias que requisitei. Como posso chama-los? -

Uma vez que as apresentações tivessem sido feitas devidamente, Raksha prosseguiria - Podem ficar à vontade. Falta apenas Harry, o médico do grupo, quando ele chegar passarei os detalhes da missão. Enquanto isso, nos digam tudo que puderem sobre Alubarna e a situação atual de Alabasta por favor. - Assim, escutaria o que eles tinham a dizer enquanto aguardava a chegada do doutor e do urso.





Histórico:
 
Objetivos:
 
Akuma:
 




____________________________________________________


Hao:INSPIRE VIDA | EXPIRE MORTE
"Pensamento"
- Fala -



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

code by sant
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 140
Warn : Libérateurs - O Fim da Utopia 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia EmptyQua 31 Jul 2019, 11:50


Narração
Tarde~noite
Tempo "Agradável" - é um fucking deserto
Localização: Alabasta - 6ª rota

Raksha Ragnarson
Com a surpresa vinda do tempo que iria gastar na viagem, Raksha já informava que na verdade levaria mais algumas pessoas, precisava certificar-se de que iria e não voltaria até ter concluído até mesmo a missão em utopia e por isso pedia o treino de haki também de forma antecipada. - Amanhã irei te ensinar. - Informou a comandante ao ouvir a fala do mink, ela parecia confiante de que conseguiria passar o conhecimento para ele sem problemas e parecia concordar com o plano dele de partir diretamente de Alubarna para Utopia.

Saindo da tenda, logo encontrava com Lily e recebia algumas informações pertinentes, indagava sobre o porquê ao mesmo tempo que procurava pelo jornal. - O ex-shichibukai se chama Willian Fish. Talvez seja possível tê-lo como aliado... - Falava ela num claro tom de duvida, onde não parecia haver esperança de que isso realmente ocorreria. Talvez ela soubesse mais do shichibukai. - Aparentemente o Almirante da Frota aposentou e outro entrou no lugar. Esse novo está fazendo uma confusão mudando diversas coisas ao mesmo tempo. - Informava ela num plano mais geral ao mesmo tempo que passava o jornal para o mink para ele receber todos os detalhes depois. - Fish possui território em mais de uma ilha, não sei se ele vai estar por lá. - Informava a mink pensando em qual plano maluco teria que ocorrer para um ex-shichibukai ajudar piratas. - E a recompensa dele é ainda maior do que a sua, cento e cinquenta milhões de berries. - Falava por fim, indicando que ele era alguém perigosíssimo, sendo meramente incrível o tanto que ele não deveria ser forte nos dias de hoje. - A ilha deve estar um caos gigantesco. só para colocar na ordem certa com as novas respostas e o que ocorreu no último post

Ela talvez continuaria falando, mas com a chegada de Messias a história mudava e Raksha animado com os novos aliados informava que conversaria com eles no dia seguinte. E como numa brincadeira do destino, logo a história mudava novamente pela chegada de dois seres pequenos que haviam sido mandados por Victória. Raksha apresentava seus colegas para os baixinhos. - Eu sou Niriruk. - Informava o careca. - E esse é o meu colega Ottorakak. - Apresentou o colega que começava a olhar de maneira engraçada para o mink tigre. - Seremos o seu guia até Alubarna e pelo que Victória falou, você não irá voltar com a gente, então seremos os responsáveis por trazer os den den mushi's depois que a missão se concluir. - Falava ainda sério e iria continuar falando, mas seu colega o interrompeu. - Alubarna ta toda destruída. - Falou o jovem num tom sério e numa expressão séria, mas esta não durou muito. E o careca o empurrou para longe. - Não é mentira, mas não é a verdade toda. Alubarna está com vários pontos em reforma, inclusive o palácio central por causa de um grupo pirata que fez uma confusão por lá. - Falou. - Eu não estava na cidade no dia para saber o que eles fizeram exatamente, mas ela está com vários pontos em reforma. Isso com certeza vai ajudar a entrarmos com mais facilidade fingindo ser algum grupo que veio reformar o lugar. - Informava felizardo no início, mas após acabar lembrou de um ponto negativo. - Com a confusão, duas hipóteses existem, ou aumentaram a vigilância nesses últimos dias por causa dessa confusão. Ou ocorreram diversas mortes e agora estão até mesmo com déficit de pessoal. - Falava o pequeno meio infeliz por não conseguir informar com toda a certeza da situação atual. - Mas bem, do que posso falar, Alubarna é uma grande cidade livre, fácil de ver já que fica no meio de um morro, por isso não tem uma muralha muito alta, alguns portões dão acesso a cidade, claro que não é qualquer um, teoricamente, que entra, mas isso nós resolvemos fácil, temos alguns contatos na cidade. - O tom meio malicioso dele fez seu colega rir. E iriam começar a brigar, mas outra figura, porque aquele dia não podia ficar mais cheio, apareceu. Ele era bem estranho, mas foi diretamente falar com Raksha. - Você que quer aprender sobre edificações? - Perguntou o homem, mas não esperou pela resposta. - Imagino que sim, não tem muitos tigres conversando e andando em duas patas por aí, eu sou Bob, vou te ensinar amanhã de manhã porque agora está tarde, ok? - E sem esperar por resposta já foi saindo e falando ainda. - Me procure amanhã de manhã que terá sua aula. - Sua mão dava um tchau com as costas da mão. Naquele momento Raksha percebia que teria duas aulas no dia seguinte, além de Nirikuk não ter terminado de falar. - Que sujeitinho esquisito. - Recomeçava a sua fala de forma bem diferente do que estava falando antes, mas logo retomava o assunto. - Os guardas que ficam de plantão nos portões não serão um problema. - O tom malicioso voltava aos poucos. - E no meio da cidade também é bem tranquilo, vamos entrar pela entrada que chamam de leste. - Comentava. - De lá chegaremos em um pulinho na loja de den den mushi's. - Sua certeza era tamanha que era difícil imaginar que ele estivesse errado. Mesmo com tudo aquilo dito, ainda não havia sinal de Harry ou do panda.


Legendas:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Libérateurs - O Fim da Utopia Empty
MensagemAssunto: Re: Libérateurs - O Fim da Utopia   Libérateurs - O Fim da Utopia Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Libérateurs - O Fim da Utopia
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Grand Line - Paradise (Paradaisu) :: Alabasta-
Ir para: