One Piece RPG
[Mini Aventura - Moryn] O Início XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [Mini - Chikara] - Vamos para algum lado ?
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Roy Collins Hoje à(s) 13:02

» [Mini Shelvinho] O Início da Lenda
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Khrono Hoje à(s) 12:44

» [Mini - Lind] Testando novas águas
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Lind Hoje à(s) 01:38

» [Ficha] Song Jun Wang
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Visastre Hoje à(s) 00:53

» [Mini - Inim] O errante
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Khrono Ontem à(s) 23:25

» [Ficha] Miyamoto Ryuma
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Miyamoto Ontem à(s) 22:52

» [Mini - Van] Seguindo conselhos
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor GM.Hisoka Ontem à(s) 21:12

» [MINI-*JAUM11*] *O INÍCIO*
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Fanalis B. Ria Ontem à(s) 20:19

» Anitha Degar
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Degar Ontem à(s) 19:34

» [Ficha] Boney Pepino
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Pepino, o Breve Ontem à(s) 14:44

» Alipheese Fateburn
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 13:46

» [Kit - Gyro Zeppeli] Blum vai pegar
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Blum Ontem à(s) 13:25

» Ficha~Pierce~
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Pierce Ontem à(s) 09:58

» [Mini - Kyoki] Uma Jornada Inesperada.
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor GM.Hisoka Ontem à(s) 02:20

» [Ficha] Violet
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Nana. Dom 21 Jul 2019, 22:17

» [Mini-SWGSwordWarrior]O Começo
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor Khrono Dom 21 Jul 2019, 21:56

» [MINI - Gust ] O Início do fim
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor ReiDelas Dom 21 Jul 2019, 21:00

» [MINI - Pepino, o Breve] Rascunho
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor ReiDelas Dom 21 Jul 2019, 20:54

» Maya Snow
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor ADM.Hoyu Dom 21 Jul 2019, 20:14

» Meu perfil / mini-aventura
[Mini Aventura - Moryn] O Início Emptypor ReiDelas Dom 21 Jul 2019, 14:41



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and Fire

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [Mini Aventura - Moryn] O Início

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Moryn
Civil
Civil
Moryn

Créditos : 6
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Data de inscrição : 28/06/2019

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptySab 29 Jun 2019, 01:22

Nome: Moryn
Idade: 22
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho: Normal
Estilo de Combate: Espadachim
Localização: South Blue - Baterilla
Grupo: Civil
Vantagens: Temperamento Calmo
Desvantagens: Trapalhão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptySeg 01 Jul 2019, 17:07

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.

____________________________________________________

[Mini Aventura - Moryn] O Início His

[Mini Aventura - Moryn] O Início Rose
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Moryn
Civil
Civil
Moryn

Créditos : 6
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Data de inscrição : 28/06/2019

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptyTer 02 Jul 2019, 23:26

Baterilla. A ilha é conhecida por seus resorts, praias, pontos turísticos diversos, e uma fama sem igual por todo o South Blue, não há uma ilha sequer aonde haja pessoas que não saibam da existência de Baterilla, uma ilha popular e por isto bem guardada, conta com um inteligente sistema de proteção da Marinha, esta que realiza uma presença assídua na ilha. Moryn não queria mais perder tempo, o seu desejo de tornar-se um marinheiro estava guiando-o pela ilha de Baterilla, a presença desta organização está presente em todo o South Blue, e em Baterilla certamente não era diferente.

Moryn que acabaria de chegar em Baterilla não conhecia à estrutura militar e governamental da ilha, e por isso nem ao menos sabia aonde se encontrava o QG da organização. Prontamente, recorreu à algum comerciante ou morador que estivesse próximo a ele para o informar a localização do QG. - O QG da Marinha. Preciso saber como chegar lá. – Curto, Moryn foi bem direto em sua pergunta, não estava ali para ganhar empatia com ninguém. Caso recebesse a resposta que desejara seguiria para o local indicado, caso o contrário, continuaria buscando mais informações.

Se adquirisse à informação da localidade do QG da Marinha seguiria para lá de imediato, no coração da cidade. Mantinha a cabeça erguida durante o percurso, esforçando-se para atingir a realização de seu objetivo proposto. Ademais, seu objetivo estava claro, portanto, deixou de observar o cotidiano do povo de Beterilla, como se fossem insignificantes. Não desviara o olhar de para o céu por um segundo, enfatizando que sua cor representava a Marinha, o deslumbrante azul do oceanoo. Após um momento, Moryn a fechou, ainda nas proximidades do QG da Marinha no centro de Beterilla.

Chegando na entrada do QG da Marinha, observou sua estrutura atentamente, esboçando um sorriso breve que se alargou em seu rosto. O seu sonho estava muito próximo. A Era dos Piratas iria findar-se, a ordem e o respeito às leis iriam prevalecer. Este era o seu único e restrito objetivo. Na entrada do quartel da organização, Moryn buscou iniciar uma conversação com algum marinheiro presente, alguém que poderia ajuda-lo a o levar até o encarregado do recrutamento. – Quero me alistar na Marinha. Existe alguém que possa me ajudar? – Calibrou na iniciação de sua conversa, maneirando no tom que fora usado, porém não perdendo a sua essência de sério e sucinto. Caso conseguisse a sua resposta, Moryn seguiria às instruções que lhe foram passadas, se não, continuaria buscando algum marinheiro para informa-lo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptySex 05 Jul 2019, 12:50



Mini-Aventura

[Mini Aventura - Moryn] O Início Gilead_prison_cell_by_rusty001-d2y36jg




As residências de Baterilla, propínquas umas as outras, eram adornadas com pinturas excêntricas e adereços peculiares, sendo quase tão chamativas quanto os comércios e estabelecimentos. Os citadinos que circulavam sobre as ladrilhas mostram-se sempre bem animados, de dentes esbranquiçados expostos aos sorrisos arreganhados, esbanjando alegria na recepção dos turistas. Mesmo o sol radiante num céu de poucas nuvens parece acolhedor, com seus raios resplandecentes amenos, alavancando o clima junto à umidade trazida pela maresia. É, de fato, o cenário perfeito para aproveitar as férias e espairecer, não à toa, a ilha atrai milhares de estrangeiros todos os anos, de marinheiros a piratas; aqui, não existe algo como a inimizade que trazem os ofícios. Entretanto, é, também, a situação ideal para os aproveitadores; e Moryn sofrera disso em sua pele.

O loiro andarilhava em busca de uma informação quando adentrou numa viela, talvez imaginando se tratar de um atalho para um centro mais movimentado. Em meados do beco, que surpreendentemente cheirava bem – como toda a cidade, sentiu um forte impacto em sua nuca, suficientemente intenso para fazê-lo desmaiar de imediato. Os olhos viraram para o topo do crânio, sendo preenchidos pelo vazio alvo da esclera. O corpo tombou para a frente, despencando de ombro e joelho contra o chão acimentado.

. . .


Acordou depois numa sala escura. Não sabia quanto tempo havia se passado desde então. As pupilas pouco a pouco adequaram-se à parca iluminação, os cristalinos empenharam-se em trazerem a nitidez do ambiente às retinas e um cheiro forte e denso ascendeu às narinas. Pela primeira vez em Baterilla estava de encontro a um hircismo. Era como a amálgama de suor e esgoto, tornando o ambiente abafado, de ar bochornoso. Logo que ergueu o crânio, um fio de esputo se desligou do beiço mirrado, juntando-se à pequena poça formada no pavimento granulado, onde outrora estava sua boca. Havia sangue ressecado em seu ombro e joelho, encrostados na pele junto à pulverulência, oriundos das chagas que recebera ao cair na viela.

– Enfim acordou. – A voz sibilina irrompeu o silêncio. Era grave e álgida, com requintes de altivez. – Sabe, jovem. É perigoso caminhar por aí sozinho... – Prosseguiu após a breve pausa, ainda de tom sisudo e imperativo.

A fala provinha de um homem sentado poucos metros a sua frente. De início, Moryn notara apenas seus sapatos sociais, lustrados e brilhantes como magnetita polida. À medida que as íris hasteassem, vislumbraria sua indumentária completa, composta por uma calça acinzentada de cambraia, separada da camisa branca abotoada até o pescoço por um cinto de couro, de fivela prateada. Tinha uma completa pinta de mafioso, até na maneira como estava assentado; o tronco vergado à frente, pernas espaçadas, cotovelos sobre as coxas e dedos da mão, onustos de anéis, unidos à vanguarda. Sua pele morena era realçada principalmente na careca, de poucos fios ralos no topo do cabeça. Os lábios carnudos eram circundados por um cavanhaque bem delimitado, certamente trabalho de um excelente barbeiro. Seu rosto é bem marcante, de traços definidos; pele rente aos ossos, destacando as nuances do crânio. Ainda assim, sua principal característica é certamente o olho esquerdo completamente cego, de íris nívea, opaca. Ele não acompanha os movimentos da órbita oposta, de tom havana, que parece analisar minuciosamente o loiro, contemplando-o dos pés ao pescoço como se fosse uma carne de primeira.

Mas, afinal, quais eram as intenções do mafioso com Moryn?

Dicas e Orientações:
 


____________________________________________________

[Mini Aventura - Moryn] O Início His

[Mini Aventura - Moryn] O Início Rose
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Moryn
Civil
Civil
Moryn

Créditos : 6
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Data de inscrição : 28/06/2019

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptyTer 09 Jul 2019, 12:32

Frustração. A palavra encaixava-se perfeitamente com o momento. A missão de entrar para a Marinha o mais rápido possível foi por água abaixo. No início, Moryn não reconheceu a realidade da situação em que se encontrava, sua cabeça estava latejando e seus olhos falhavam, tornando difícil a compreensão do que se passara. No entanto, com o tempo a sua visão foi adaptando-se com a ambientação e luminosidade da área em que se encontrava, que revelaria-se ser uma cela. - Ótimo começo, Moryn.. - queixou-se consigo mesmo, emburrado. Arrastaria-se com dificuldades para o final da cela, apoiando suas costas na parede, de modo que descansasse o já fragilizado corpo. O cheiro que a cela exalava era bastante incômodo para às narinas de Moryn, mais um agravante para o crescente mau humor que a situação de estar confinado em uma cela ofereceria.

Averiguaria o nível do ferimento em sua nuca, checando-o com apalpadas fracas com a mão pela região atrás da cabeça. - ... - A raiva tornava-se notória na expressão facial de Moryn. Não tardou muito para perceber a presença de uma outra pessoa na cela, em sua frente, materializou-se a forma de um homem. Afogaria às mãos em seus cabelos dourados, jogaria os cabelos para trás, de modo que seus cabelos não atrapalhassem a sua visão. De antemão, Moryn percebeu que o homem não era uma boa companhia e certamente, era o autor de sua prisão. -   E você é?.. - Perguntaria, olhando para o homem de cima a baixo, avaliando-o. Levantaria-se, se aproximando das barras da cela, ficando frente a frente com o mafioso. - O quê você quer comigo? - falaria, adotando um semblante sério e insétil.

Moryn reconhecia que somente o uso imposto da força poderia restabelecer a ordem no mundo e para tal, Moryn havia de aprimorar de maneira contínua o nível de sua força. O seu senso de justiça estaria aguçadíssimo. Moryn sempre adotou condutas de ética e dever que fossem invioláveis e restritamente seguidas e nesse momento, seus olhos faiscavam, com uma labareda flamejante de fogo que enraizava-se em seu corpo. Não tinha conhecimento das intenções do homem, mas estaria claro à Moryn que o homem em sua frente não guiava-se pelo respeito às leis vigentes. Agarraria às barras da cela com mais força, encostando seu rosto em uma das arestas das barras, de modo que pudesse observar melhor o mafioso. Sim, estava o desejo de Moryn de esmurrá-lo.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptyQua 10 Jul 2019, 18:42



Mini-Aventura

[Mini Aventura - Moryn] O Início Gilead_prison_cell_by_rusty001-d2y36jg




– Huhuhu... – A risada abafada pareceu estremer a cela. Carregava terror e prepotência, como se fosse um cientista com pleno controle sobre seu rato de laboratório. – Creio que tenhas preocupações maiores que saber meu nome. – Retrucou empedernido, apertando seus olhos pungentes como azagaias. Num suspiro, ergueu-se, tapeando o quadril com suas calejadas mãos negras para livrar a calça recém adquirida da sujeira local. Moryn, por sua vez, averiguou a lesão em sua nuca; não havia sangue, apenas um edema dolorido. – És um jovem de coragem, como posso ver. – Disse sem se abalar, aproximando-se das grades que separavam-no do loiro. Face a face. O canto de seus lábios vagarosamente moldaram um sorriso emproado, fulgurando em virtude de uma peça de ouro que substituía um dos caninos. Seu hálito espalhou um bálsamo nicotínico com um toque sutil de cravinho. – Onde ela está? – Foi direto ao ponto, álgido como um inverno atroz. Fungou em seguida, erguendo o mento. Suas íris lancinantes cor-de-mel pareciam esmagá-lo de cima para baixo.

Dicas e Orientações:
 


____________________________________________________

[Mini Aventura - Moryn] O Início His

[Mini Aventura - Moryn] O Início Rose
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Moryn
Civil
Civil
Moryn

Créditos : 6
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Data de inscrição : 28/06/2019

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptyQua 10 Jul 2019, 22:28

As explicações que Moryn buscava caminhavam para o seu desfecho. Bom, era isso que o garoto pensava até então. Conforme o homem prologanva às conversações, Moryn ficava ainda mais confuso com suas motivações. - Nossa, que cara esquisito! - refletiu Moryn, adotando um semblante de bobão enquanto julgava o mafioso com os olhos. A risada maléfica do homem que preencheria a cela com um ar de imponência, eriçando os pelos no braço de Moryn. Puxaria para trás a parte inferior dos lábios, assustando-se por um breve período da presença que o homem preenchia no pequeno perímetro de sua cela. Desta forma, recuaria das barras das celas, em passos contidos. Descuidado, o obstinado aspirante à marinheiro tropeçaria, desequilibrando-se. - Ooou! - proferiria, chocando-se contra o chão.

É irônico, se não cômico. Esse era o garoto que possuía coragem? Bom, iríamos descobrir. Moryn levantaria-se, voltando a encarar o homem em sua frente. - Nossa, estou indo muito bem. Posso até sentir o poder da justiça emanando de mim. - refletiu, ironicamente. No entanto, a situação em que se encontrava era séria, retornando ao semblante insétil que adotara anteriormente. Encararia-o, deixando que proferisse suas palavras, mantendo-se em silêncio. Na última fala do mafioso, a surpresa de Moryn foi inevitável. Não deixou que transparecesse em seu rosto o fato de que não sabia bulhufas sobre a pessoa que o homem estava procurando. - Ela quem? Eu sei lá quem é ela! Esse mafioso de terceira deve estar me confundindo, m-mas o que eu faço? - refletiria, esforçando-se para que sua insegurança não transparecesse em seu rosto.

Apesar da confusão, Moryn chegou à conclusão que essa era uma oportunidade. Adotou uma postura ríspida, com um semblante soturno. - ... - manteve-se em silêncio, adotando um sorriso puxado para à direita. - O QUE EU ESTOU FAZENDO?! - pensou, enquanto prosseguiria com a retórica falsa. - Tsc, parece que fui descoberto. Não cobri meus rastros perfeitamente, deplorável. Sim, é verdade que eu sei onde ela está. Satisfeito? - Afirmou, jogando os cabelos para trás. Aproximaria-se das grades, andejando em uma maneira refinada e culta. - Na verdade, não tenho apego nenhum à ela, admito. Estou pronto para entregá-la, abra a cela e vamos construir um diálogo. Garanto que será benéfico para mim e para você. - barganhou, usufruindo da oportunidade ao máximo para conseguir livrar-se da cela. Continuaria a enrolar o mafioso, caso o homem não acreditasse na retórica de Moryn de primeira.

Uma vez que aceitasse as condições impostas à ele, Moryn continuaria no personagem que inventou. Caso o contrário, continuaria mantendo um diálogo falso com o homem de dentro das celas. Se sua saída da cela fosse um sucesso, Moryn avaliaria de forma quase que panorâmica, o ambiente em que estava inserido, de modo que buscasse mais informações da área, desde saídas até de presença de mais pessoas no recinto. Aguardaria que o homem revelasse mais informações em suas falas posteriores, para que Moryn pudesse continuar mantendo a retórica de sua mentira com mais informações que o mafiosos dispusesse. 
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptySex 12 Jul 2019, 02:44



Mini-Aventura

[Mini Aventura - Moryn] O Início Maxresdefault




Talvez aturdido pela adrenalina que percorria sua corrente sanguínea, Moryn acabou por tropeçar no próprio calcanhar, indo de encontro ao chão como um patusco. Nesse breve ínterim, o semblante do mafioso enfim comutou. Os cantos de seus lábios tremeram. Ele parecia se esforçar para segurar um sorriso e manter seu feitio ríspido. A fim de conservá-lo, fingiu um pigarro na garganta, tossindo em duplicata com o punho cerrado à frente da boca.

– Tsc. O que está dizendo, imbecil? – Crispou a glabela, rechaçando a réplica do rapaz. Certo que Moryn nada sabia sobre a tal garota, mas, de todas as respostas, aquela certamente fora a menos esperada pelo malfeitor. – Dorme com a minha mulher e ainda caçoa de mim!? – Ele socou a grade, fazendo-a balançar em retinidos. Uma quantidade considerável de poeira despencou do teto, sugerindo que aquela estrutura era frágil. Sua mão, então, deslizou pelo interior de sua camisa, como se buscasse algo. – Ora s- – O lustro metálico de um revólver fulgurou aos olhos de Moryn, fisgando toda sua atenção. Entretido como o loiro, o mafioso, com suas dilatadas pupilas coléricas, também não percebeu a aproximação de uma silhueta em suas costas e, antes que pudesse sacar sua arma, sofreu um golpe em sua careca. Seu corpo trancou para a frente subitamente num grunhido e abalroou contra a cela que se desprendeu da parede com seu peso, concebendo um vão pelo qual o menino de cabelos dourados poderia escapar. Sangue vertia da região atingida, empoçando no chão tão vivo e brilhante que Moryn pôde vislumbrar o reflexo do agressor; aliás, agressora. Era uma garota, por volta dos dezoito anos. Cabelo liso, preto como tição, atado num rabo de cavalo. Pele morena, como jaspe, luzente por conta do suor. Corpo esbelto, magro, sem muitas curvas, senão pelos seios médios encobertos por uma camisa de malha grossa. Seus olhos redondos e de cílios volumosos pareciam inflamados de sanha. Às mãos, uma katana embainhada; empunhadura de aço, adornada com detalhes cor prata, agora nodoadas em cetrino.

– Sua mulher o cacete! – Vituperou irritada, abraçando a espada contra o corpo e inclinando a cabeça em direção do corpo inerte do mafioso. O que quer que tenha acontecido entre eles dois, não havia deixado a menina nada contente. – Err... Oi? – Disse ela desconcertada de olhos voltados para Moryn, abanando a palma esquerda içada. As eventuais dúvidas pendentes do rapaz, no entanto, teriam de esperar.

– Ei! Quem está aí!? – Brandou uma voz do andar superior. Estava abafada pela distância, mas não aparentava estar muito longe. Em seguida, passos súbitos e marcantes pelo assoalho, ganhando cada vez mais intensidade rapidamente. A ignota parecia segui-los com sua cabeça, preocupada.

– Bem... Sabe usar isso? – Ela perguntou, afastando os braços do corpo de forma a expor a espada amparada verticalmente em suas mãos. Os sobrolhos hasteados no cenho meândrico indicavam que ela não tinha ideia de como usá-la. Contudo, a veemente marcha crescente que já descia a escada que cedia acesso ao porão praticamente implorava que o loiro soubesse.

Havia cerca de sete metros de corredor até os degraus que davam acesso ao pavimento de cima. O passadiço era estreito, com pouco mais de três metros de largura, limitado por paredes que segregavam celas como a que Moryn estava. Não havia ninguém preso além dele e todas estavam fechadas. O piso é arenoso e seco, exceto por algumas poças dispersas criadas pelas goteiras oriundas da encanação aberta no teto. Na retaguarda, apenas mais três metros até o fim da galeria, delimitada por concreto.

Dicas e Orientações:
 


____________________________________________________

[Mini Aventura - Moryn] O Início His

[Mini Aventura - Moryn] O Início Rose
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Moryn
Civil
Civil
Moryn

Créditos : 6
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Data de inscrição : 28/06/2019

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptySab 13 Jul 2019, 14:28



O plano foi por água a baixo. A aldrabice adotada por Moryn não havia surtido efeito no contraventor, deixando Moryn em um terreno inóspito e perigosíssimo. Passou a acreditar irrefletidamente que naquela etapa crítica o seu destino fosse impreterível. No entanto, para à sua remição, surpreendeu-se com a aproximação célere de uma penumbra por detrás do mafioso, que o golpearia na nuca, derrubando-o. O garoto esbugalharia os olhos, escrutinando o desenrolar da situação com cautela, perscrutando a garota que se revelaria em sua frente. - Será que ela é a causa disso tudo? - Refletiria, enquanto avigorava-se do baque da situação.

Através do choque que o corpo do mafioso causara contra a cela, o garoto usufruiria do estreito vão que se tornou disponível, escapando. De fato, sua estratégia não fora bem pensada, mas para à sua sorte - e para má sorte do mafioso - a sua "salvadora" havia o libertado. - Erh...Obrigado? - Sibilaria, estendendo a mão esquerda para cumprimentá-la. No entanto, o tempo disponível para falatório era escasso, Moryn havia de encontrar uma saída o quanto antes. Sem tempo para desfiar a história que passara até então nas mãos do mafioso, o loiro passou a pensar nos ensejos dispostos à ele naquela situação. - Explicações para depois. Ações agora. - Concluiu, dando prossecução com o seu intentamento de saída da situação em que se encontrava. Atentaria-se com a voz vinda do andar superior e por seus passos súbitos e cada vez mais próximos, o que acaloraria os seus sentidos e amplificaria o seu senso de perigoso.

Portanto, esquadrinharia a espada sob a posse da garota, tomando-a para si, uma vez que fora ofertada. - É claro que eu sei usar. - Disse Moryn através de um gesto de fidúcia, criando uma atmosfera de sabichão entorno de si próprio. No entanto, através do manejo sólido de Moryn entorno do cabo da espada, tornava-se notório que o garoto detinha conhecimento sobre o seu manuseio.  - Vamos, fique atrás de mim e eu cuidarei do resto. - Afirmou, enquanto escrutinava a lâmina que estava sob sua posse. O loiro iria de encontro com a marcha crescente que já descia em fúria a escada que cedia acesso ao porão, colocando-se em algum espaço frívolo que ficasse rente à escada, mas que não fosse visível para quem estivesse descendo. Desta forma, aguardaria a chegada do homem ao porão em que se encontravam, para só então surpreendê-lo. - Shhhh.. - Murmurou para a garota, demandando o seu silêncio. Uma vez que o capanga descesse ao porão para averiguar a situação, Moryn utilizaria sua vantagem de estar fora da visão do homem para surpreendê-lo, chocando o cabo de sua espada contra a sua nuca para desacordá-lo, caso o homem estivesse de costas para o loiro. Se fosse recebido de frente, utilizaria a vantagem da curta-distância entre os dois, chocando a parte não cortante da espada contra às mãos do mafioso, caso este estivesse sob a posse de uma espada ou um revólver. Uma vez concretizado o golpe, utilizaria a parte não cortante da lâmina da espada para chocar-se contra o crânio do capanga, forçando-o para à direita, de modo que seu corpo fosse de encontro com a parede adjacente à escada.


Se Moryn sofresse algum soco ou chute na região a cima da cintura, usaria um de seus braços, aquele que não estivesse com a espada em mãos, para minimizar o impacto do golpe desferido. Caso neutralizasse o ataque direcionado a cima de sua cintura, Moryn agarraria o membro que capanga usou para atacá-lo, puxando-o para a sua direção, de modo que o contraventor se desequilibra-se e o garoto atingisse seu crânio com o cabo da espada, desnorteando-o. O loiro também iria se precaver de golpes a baixo da cintura, apenas direcionando-se para o lado oposto ao soco/chute desferido contra ele, de modo que o golpe fosse desferido contra o vácuo. Caso essa possibilidade se concretizasse, o garoto aproveitaria à margem gerada por sua estratégia de direcionar-se para o lado oposto do golpe do homem e avançaria contra o flanco exposto do capanga, efetuando um choque com o cabo de sua espada em sua costela. Estava claro, Moryn não queria matá-lo.

- A coragem não está em saber quando tirar uma vida, mas em quando poupá-la. - Respirou fundo, olhando para o homem no chão, caso conseguisse desacordá-lo. Contornaria o corpo do capanga, atravessando às escadas até o andar superior de onde o homem saíra. Com cautela, Moryn manteria a garota próxima a si, guiando-a até o andar superior. Esmaria o ambiente que se revelava, procurando uma área para esconder-se e observar com sustância às oportunidades de saída. - Lá! - Rumorejou à garota, caso encontrasse uma área para esconder-se e analisar a situação, endireitando-se até ela. Uma vez que houvesse mais alguém na área, perscrutaria o ambiente, arrancando uma lasca do assoalho com cuidado, para não realizar nenhum barulho brusco. Então de uma maneira asselvajada, chocaria a lasca contra às escadas do porão, de modo que se fosse feito um barulho considerável. Através disso, esperava atrair a atenção de quem estivesse no andar superior para às escadas, abrindo uma oportunidade para Moryn fugir com a garota. No entanto, caso o garoto não observasse mais ninguém presente no andar superior, apenas encaminharia-se até a saída que se revelaria na área. - Você não me disse o seu nome.. - Voltaria-se para a garota, esboçando um sorriso módico no rosto, enquanto dirigia-se até a saída. Uma vez a alcançasse, o loiro apresentaria-se, com uma amabilidade notória em seu sorriso. - Me chamo Moryn! - Apresentou-se, agora com sede de explicações da garota.

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini Aventura - Moryn] O Início 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início EmptySeg 15 Jul 2019, 17:57



Mini-Aventura

[Mini Aventura - Moryn] O Início Fff




Os passos ressoaram fortemente como uma fúnebre sinfonia anunciando o iminente combate. Diligente, Moryn decidiu tomar a iniciativa e se deu o luxo de dispor do primeiro golpe. Sua expectativa era manter-se de tocaia, porém não havia onde. O corredor não possuía vãos; a escadaria era diretamente interligada à galeria, sem locais para se esconder, senão as celas, que estavam fechadas.

Quando o malfeitor desceu, deparou-se imediatamente com a lâmina de Moryn zunindo ao ar indo de encontro a suas mãos. Numa ação de puro reflexo, ele entesou os braços e refreou a investida do loiro com sua arma, um bastão de metal. O encontro dos materiais provocou um retinido que penetrou os ouvidos do trio. Os equipamentos tremeram com o impacto, em especial a katana do espadachim. Aproveitando-se do pequeno átimo de desequilíbrio, o mafioso revidou o golpe do rapaz ao rotacionar a espádua e desferir um golpe firme contra seu braço esquerdo. Moryn sofreu com o tranco e foi jogado contra as grades da cela ao seu lado, ficando de joelhos em seguida. O local atingido latejava intensamente, resultado do sangue que aglomerava-se no edema. Ainda assim, por sorte, nada havia quebrado.

– Ora, ora! E não é que você estava mesmo escondendo ela! Agora vão os dois morrer! – Disse colérico, colidindo a face do bastão contra a palma da mão oposta. Era um homem alto, com seus um metro e noventa. Músculos de dar inveja, bem retratados em sua camisa vermelha que parecia um número abaixo de sua medida. Seu rosto tinha pinta de badboy, com traços rústicos, quase como se a sanha estivesse encrostada em sua carranca.

– Não! Por favor, eu posso explicar! – Interviu a menina, expondo as mãos esticadas a frente do corpo. Seus esforços, no entanto, eram inúteis. O mafioso não retrocedeu um passo sequer.

Dicas e Orientações:
 


____________________________________________________

[Mini Aventura - Moryn] O Início His

[Mini Aventura - Moryn] O Início Rose
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




[Mini Aventura - Moryn] O Início Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini Aventura - Moryn] O Início   [Mini Aventura - Moryn] O Início Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Mini Aventura - Moryn] O Início
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: