One Piece RPG
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Kroft
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Kroft Hoje à(s) 00:38

» [FICHA] Akito Wanijima
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 00:25

» [Ficha] Roxas
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 00:15

» [FICHA] Bóris Ivanenko
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 00:10

» Bóris Ivanenko
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 00:09

» Henry Meursault
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Meursault Ontem à(s) 20:42

» Glitzky Platzken
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Pierce Ontem à(s) 15:35

» Suzuk Hamada
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Faktor Seg 19 Ago 2019, 20:10

» [Mini-Haqim] Maelstrom
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Khrono Dom 18 Ago 2019, 21:15

» [Mini - Nine}
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Nine Dom 18 Ago 2019, 19:40

» Todo dia um meme educativo do Furry diferente
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Johnny Bear Dom 18 Ago 2019, 18:02

» [Kit - Rikan Motsai]
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Blum Dom 18 Ago 2019, 17:04

» Hizumy Mizushiro Mayan
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Mizushiro Hizumy Dom 18 Ago 2019, 16:31

» Karyo Shen
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 12:38

» Fanalis B. Ria
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 12:08

» Kaleb Blaze
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 11:19

» Doppio Pannacotta
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 11:17

» ||NPC|| Jack e Mari - Lvneel - North Blue
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor PepePepi Dom 18 Ago 2019, 00:46

» Mini-aventura Shironi
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Khrono Sab 17 Ago 2019, 22:17

» [Kit - Ken Rock]
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Emptypor Ken Rock Sab 17 Ago 2019, 18:03



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and Fire

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero.

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
GM.Hisoka
Game Master
Game Master


Data de inscrição : 15/06/2017

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero.   [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 EmptyQua 05 Jun 2019, 05:11



Mini-Aventura

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Giphy



Tal como seu adversário, Arthur preparou-se para a testilha, assumindo uma postura de combate com o gume cruzando sua vanguarda. Antes de qualquer avanço, entretanto, preocupou-se em solicitar que a anã requestasse ajuda de alguém, como uma autoridade local. A garota até o ouviu do outro lado da porta, porém de nada podia fazer, pois não havia saída naquele cômodo, e o único meio de comunicação estava na bancada principal; um den den mushi simplório, com adornos generalistas, sem uma expressão de alguém em específico.

– Você está fudido, garoto. – Espavoriu o larápio, elevando o lábio superior no cenho neurastênico.

Seu calcanhar de base deixou de tocar o assoalho concomitantemente ao de Arthur, o que forneceu uma apropinquação mais veloz por parte dos duelistas, com uma singela vantagem para o loiro em virtude de sua aceleração. O rapace já erguia o braço destro pronto para uma ofensiva, quando suas íris correram repentinamente, seguindo a finta do garoto com precisão. Seu tronco seguiu os olhos, assim como os tornozelos e ombros que rotaram, conduzindo fugazmente sua lâmina de encontro a de Arthur na altura da clavícula alvejada; faíscas irradiaram num véu harmoniosamente a um retinido que penetrou os ouvidos dos combatentes. Dentes cerrados sob o corisco então carregaram um ulo de guerra átimo antes de um completo giro de corpo no próprio eixo, empunhando sua katana horizontalmente, na altura do peito, com ambas as mãos. À carranca frenética estava bordada toda a emoção posta na investida, que ele cria ser a última da pugna.

– AHHHH! DRAGON SLAYER!! – Uma aura cerúlea seguiu o trajeto da lâmina, que zuniu bravamente antes de encontrar a espada de Arthur posicionada na vertical, rente ao corpo. – Qu-!? – O cenho esgazeou ao se ver desequilibrado com a reverberação do choque; sangue então espargiu ao ar em seguida, resultante da estocada contra seu ombro, profunda o suficiente para fazê-lo largar a espada e cambalear até encostar no balcão e deslizar as costas pela estrutura, sentando-se alquebrado. – D-Desgraçado... Meu golpe! Voc-Você... Argh! – O líquido vital gotejava incessantemente, escapando pelos dedos da canhota que apertavam a região na intenção de apaziguar a hemorragia. – DESGRAÇAAAADOOOO!!! – Gritou aos ares, erguendo o pescoço e arreganhando a boca ao teto; sua feição crispada insinuava enorme dor, mas, acima de tudo, decepção pela derrota.

Nesse momento, o sino badalou uma outra vez, agora suavemente, tal como quando Arthur entrara no estabelecimento. Os raios do astro celeste então reluziram sobre um corpo rotundo; tratava-se de um homem alto, de barba ruiva crassa, enrolada em três tranças que alcançam o tórax, e um rosto tão rechonchudo quanto a barriga avantajada. Ele trajava uma indumentária rústica, com um calção-suspensório e uma camisa branca, suja de graxa e óleo. Assim que ele percebeu a situação, seus olhos encíclicos, até então repletos de júbilo, estreitaram e a mandíbula vedou tensamente, consumidos pela sanha ao vislumbrar a cena.

– Você! Não acredito que teve coragem de voltar aqui depois da surra que te dei, Marshall! Seu ladrãozinho! – Rechaçou colérico, fechando o punho direito à frente do tórax; sua ira era tamanha que as veias saltaram sob a epiderme.

– T-Tsc... Pensei que podia assaltar essa m-merda com você fora... Argh! M-Mas essa loirinha de meia-tigela... Argh... – Revelou em meio a arquejos e gemidos, ressaltando o martírio de sua chaga. Continuava jogado no chão, de pescoço combalido e perna espaçadas, já apresentando escassez de vigor em decorrência da perda de sangue.

– Hum... Loirinha...? – Perguntou o barbudo, inclinando a cabeça em incerteza. – Você o derrotou? – Apontou o indicador para Arthur, erguendo um dos sobrolhos. – Mas quem é você afinal? – Levou o mesmo dedo à têmpora, como se requestasse à memória um reconhecimento, que evidentemente não teria até que Arthur o respondesse.

Dicas e Orientações:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mad
Estagiário Narrador
Estagiário Narrador
Mad

Créditos : Zero
Warn : [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 9010
Data de inscrição : 30/05/2019

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero.   [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 EmptyQua 05 Jun 2019, 10:22



O duelo finalizou com a vitória de Arthur, que franzia o cenho pelo cansaço enquanto reunia um pouco de ar para os pulmões. Ao saqueador restou escorar as costas no balcão e grunhir com o ferimento grave recebido do espadachim loiro. ━ Pare de gemer, mocinha! ━ proferiria, expressando certa irritação.

Não muito depois, o sino soou outra vez, um badalar suave diferente da entrada abrupta do ladrão caído. Giraria os calcanhares para analisar a efígie daquele que adentrava o recinto e presumiu não ser uma ameaça, ouvindo a conversa enquanto enquanto se recompunha. Arthur sabia agora o nome do ladrão, Marshal, e o homem desconhecido apontava para ele. ━ Meu nome é Arthur, eu... bem, impedi o roubo ━ cravaria a lâmina em sua respectiva bainha, após procurá-la. ━ Peço desculpas pela lâmina, parece que inaugurei ela mais cedo do que pensávamos ━ diria, se aproximando do balcão, de olhos bem atentos no larápio derrotado. Puxaria sua katana com um pé, cauteloso como sempre, afastando-a de seu dono para que não viesse a ser um problema de novo. ━ Há alguma recompensa por esse homem? ━ proferiria pensativo, apontando para Marshal.

Se conseguisse tirar a espada do homem, pegaria-a pelo cabo e voltaria-se para a anã de antes, mas ainda com um olho bem atento ao seu adversário. ━ Essa espada cobre o valor que faltava? ━ diria esperançoso e preocupado. Se sim, entregaria a espada e o ouro faltante para reivindicar a grande espada que empunhou, se não contentaria-se com a lâmina do ladrão como nova arma.

Se houvesse, de fato, uma recompensa pelo homem que derrotara, Arthur o pegaria pela gola ao dizer: ━ Não tente nenhuma gracinha ou o próximo buraco vai ser na sua bunda ━ apontaria a ponta da katana para suas costas, fazendo questão que ele ficasse à frente e diria então ━ Para onde o levo? ━ esperando que algum dos dois na loja soubesse o destino. Seguiria para lá ao ouvir. ━ Vamos! ━

Se não houvesse recompensa alguma, deixaria-o ali e se despediria. Se lhe fosse oferecido a espada de graça ou com um belíssimo desconto, aceitaria e pagaria o valor combinado, pegando a espada antes de ir embora e dizer ━ Obrigado! Até mais ver! ━ Era hora de focar em outros objetivos, virar um caçador de recompensas.

Afins:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Game Master
Game Master
GM.Hisoka

Créditos : 30
Warn : [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero.   [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 EmptyQua 05 Jun 2019, 21:37



Mini-Aventura

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 CxKS



– Ohh... É mesmo? – Espaçou as pálpebras e entreabriu a boca num semblante surpreso. Nesse momento, a porta dos fundos retiniu num ruído férrico contínuo à medida que era descerrada vagarosamente. De lá, o pequeno corpo da anã assomou; inicialmente somente sua cabeça desnorteada, cujos olhos perscrutaram o interior do recinto para ratificar sua seguridade.

– P-Pai! Que bom que voltou... – As íris marejaram, manando lágrimas que escorreram pela face rúbida enquanto a pequenina cruzou todo o espaço do empório, abraçando o corpo grandalhão de seu progenitor; como aquele balofo barbudo era seu pai? Isso ficaria nas entrelinhas.

– Desculpe, minha querida. Eu demorei... – Pretextou de entonação fraca, mas sossegada ao saber que sua filha estava bem. Sua grande mão cobria por completo o corpo da liliputiana ao passo que o indicador da oposta afagava o topo de sua cabeça.

– Sim, foi ele! Ele quem me salvou! – Revelou a anã de sorriso ledo, apontando para Arthur. – Ele veio comprar a espada... Mas disse que não tinha dinheiro suficiente... Eu estava prestes a pegar outra quando esse babaca apareceu! Unnnnhh!!! – Debochou do rapace, soltando a língua afora e puxando a pálpebra inferior direita com o indicador. – E-Eu estava tão, tão, preocupada... – Suspirou tranquila, encolhendo os punhos sob o pescoço, de olhos fechados e corpo rente à mão do pai.

– Entendo... Devo a você muito mais que um obrigado então... – Comentou sereno, mirando os olhos fleumáticos em Arthur. Seu ruivo bigode basto então espaçou, desvelando um sorriso genuíno moldado pelos lábios úmidos. – Ele é só um ladrãozinho de bairro... Fica enchendo o saco ora ou outra, e nunca desiste... – Tensionou o bucinador em desprezo, negativando com a cabeça em reprovação à conduta de Marshall. – Não tem recompensa... Mas não se preocupe. Você pode levá-la! É minha maneira de agradecer por ter salvo minha loja e minha filha. – Ratificou com um meneio positivo com o crânio, completando com uma piscadela.

Antes que o loiro saísse, a pequenina se soltou dos dedos fraternos e perambulou pelo assoalho até o rapaz, saltando em seu pescoço num abraço. Arthur sentiu o corpo quente da garota, ainda que seus braços mal chegassem na metade de sua fauce. De olhos cintilantes e dentes de esmaltes radiantes, ela tratou de agradecê-lo pessoalmente:

– Obrigada!! De verdade!! – Forçou ainda mais o riso jubiloso ao tesar os orbiculares quase a ponto de cerrar as pálpebras.

O sino badalou pela última vez, introduzindo a saída de Arthur do empório, agora com sua mais nova aquisição, a belíssima espada de dupla empunhadura que conquistou com seu ato de bravura. De soslaio, vislumbrou o ruivo agarrando o ratoneiro pelo braço, talvez pronto para levá-lo às autoridades locais. De qualquer maneira, era momento do loiro continuar com sua jornada; aquele fora apenas seu primeiro alvo.

~Mini-Aventura ENCERRADA~


Observações:

Encerramos, Arthur! Gostaria de agradecê-lo por ficar comigo até o fim e me proporcionar essa experiência tão gratificante! Você tem um potencial imenso, garoto; pode ter certeza que dependerá apenas de você e de sua força de vontade para se tornar um grande jogador. Se continuar assim, não demorará a ter destaque, acredite. ;D.

Pois bem, meu caro, minhas últimas ressalvas a você são:

Atente sempre ao português. Embora não exijamos que nossos jogadores sejam letrados em língua portuguesa, é sempre importante que a quantidade de erros sejam encurtados ao máximo. Para isso, tente sempre fazer uma releitura de seu post após criá-lo, de modo a retificar as falhas que sempre passam desapercebidas. Eu, por exemplo, faço uma revisão de um parágrafo sempre antes de passar para o parágrafo posterior, fora a revisão geral no fim da escrita.

Se possível, procure por um template para você. Não precisa ser nada muito sofisticado. Basta ver o meu, que é bastante singelo, porém cumpre a função de ornar meu texto. Não é obrigatório, claro. Você não perderá nota em sua aventura pela construção estética de seu post, entretanto, tenha certeza que se sentirá muito melhor com ele bem ataviado ;D.

Pense bastante antes de criar seu personagem. Devo frisar que ele é fixo por, no mínimo, seis meses. Isto é, depois de criar sua ficha, caso arrependa-se, somente poderá produzir um novo em meio ano! Não estruture um personagem que dependa de uma akuma no mi para você ter felicidade em narrá-lo, por exemplo. Além disso, saiba que o crescimento aqui é lento e progressivo, então conceba um personagem interessante desde o início. Não tente criar alguém que apenas será divertido com determinados objetivos, como level, poderes ou akuma, como citei.

Por fim, nunca se acomode! A evolução é constante, meu caro. Saiba que você sempre pode melhorar, independentemente do quão bom esteja. Os melhores players do fórum compreendem muito bem esse ponto e é por isso que estão sempre no topo! Bem, boa sorte, companheiro!

O que fazer agora que terminei minha Mini-Aventura?
- 1º passo: Agora que encerrou sua mini-aventura basta criar a sua ficha na Criação de Personagens usando o Modelo de Ficha.
- 2º passo: Corra e crie sua aventura. Onde? Há um tópico chamado Crie sua Aventura, lembre-se de que você somente pode criar uma aventura se sua ficha for aprovada e dentro do limite de pedidos de criação de aventura pendentes. Caso haja alguma pendência espere alguém aprovar a aventura anterior, para postar a sua.
- 3º passo: Aventura aceita? Então procure um narrador, onde? Em T.N.D crie um tópico para solicitar seu narrador, e aguarde o ADM responsável pela área escolher um narrador para você.
- AH! Leia as regras para que você não venha a tomar punições.
- Lembre-se você tem 30 dias para pedir os 6 créditos da conclusão da mini-aventura neste link.



____________________________________________________

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 His

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Rose

[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 0fMOaeE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero.   [MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero. - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[MINI-Arthur Pendragon] Chapter Zero.
Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: