One Piece RPG
[MINI-Shroud] - Origens XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Jack Blackwater
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Mad Hoje à(s) 14:34

» [Ficha] Daniel Joseph
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor DanJo Hoje à(s) 11:55

» Amigo Secreto - PRESENTES
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 11:35

» mini-aventura
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor guatemaia Hoje à(s) 11:01

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor PepePepi Hoje à(s) 05:44

» [Mini - Polyn] Sorriso afetado.
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Polyn Hoje à(s) 01:10

» Evento Natalino - Amigo Secreto
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 00:00

» I - Conhecendo o mundo
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Bijin Ontem à(s) 22:58

» [KIT] Slade Wilson
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Achiles Ontem à(s) 22:22

» O vagabundo e o aleijado
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Ghastz Ontem à(s) 20:15

» [FP] Kozuki Orochi
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 17:34

» Kozuki Orochi
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 17:34

» (Mini) Gyatho
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 17:30

» [Mini-Theodore]
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Shroud Ontem à(s) 16:26

» Sette Bello
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Pippos Ontem à(s) 14:38

» I - Pseudopredadores
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Megalinho Ontem à(s) 13:39

» Teleton Chronicles I: Retaliação
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Midnight Ontem à(s) 13:16

» Drake
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 13:15

» Unbreakable
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor Ainz Ontem à(s) 12:20

» Shaanti Mochan
[MINI-Shroud] - Origens Emptypor GM.Furry Ontem à(s) 08:21



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [MINI-Shroud] - Origens

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Shroud
Designer
Designer
Shroud

Créditos : 5
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 08/05/2019
Idade : 21
Localização : Micqueot

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptyQua 08 Maio 2019, 19:15

Nome: Aleksandr Shroud
Idade: 22 anos
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho: Comum
Estilo de Combate: Bárbaro
Localização: Fernand Ice Island
Grupo: Civil
Vantagens: Temperamento Calmo
Desvantagens: Sinceridade Excessiva
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mephisto
Orientador
Orientador
Mephisto

Créditos : 109
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 21
Localização : Wars Island (North Blue)

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptyQui 09 Maio 2019, 13:01

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.

____________________________________________________

Make love, not war


[MINI-Shroud] - Origens D4wsKVj


2017 Achievements:
 


2018 Achivments:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Shroud
Designer
Designer
Shroud

Créditos : 5
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 08/05/2019
Idade : 21
Localização : Micqueot

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptyQui 09 Maio 2019, 15:31

Aleksandr Shroud se orgulhava de dizer que um dia seria um grande pirata com uma grande recompensa sobre sua cabeça, também, ao mesmo tempo em que era a última pessoa no mundo que as pessoas esperariam que se metesse em alguma coisa estranha, perigosa ou muito misteriosa, porque simplesmente o jovem de cabelos escuros não mostrava qualquer aptidão para o assunto. Tinha pouco mais de um metro e sessenta e cinco, um corpo esguio e ossudo e sua principal característica era o padrão preto adotado por seus cabelos, sobrancelhas e olhos. Quase dez anos haviam se passado desde o dia em que os cidadãos de Fernand Ice Island acordaram e se depararam com a figura de uma criança lhes batendo a porta se apresentando como àquele que um dia seria o Rei dos Piratas, mas até então não mudara praticamente nada.

Desde então, dia após dia, o sol nascia para os mesmos jardins iluminando e penetrando sorrateiramente às mesmas salas de estar, que continuavam quase iguais ao que foram na noite em que ouviram a funesta notícia que antecedia o aporto de Aleksandr naquele ilha. No entanto o Shroud continuava lá, no momento adormecido, mas não por muito tempo. Com um sono leve despertou com o mínimo dos ruídos, as olheiras intensas por de baixo de suas íris negras e sombrias revelavam noites recentes mal dormidas.

Que horas são? — Questionou a si mesmo sentindo as pálpebras ainda pesadas.

Independente, não tinha um relógio para confirmar em que momento do dia se encontrava, suspirou um tanto cansado; Virou-se de costas e tentou se lembrar do sonho em que estava. Era um sonho gostoso. Havia um enorme navio e tinha a estranha sensação que já vira esse sonho antes. Balançou a cabeça a fim de dispersar tais pensamentos, levantou-se dando dois tapas em cada bochecha para despertar de uma vez. Vestiu-se adequadamente e sem nem mesmo comer uma fruta sairia porta a fora. Aleksandr tinha a estranha mania de conversar sozinho, mais do que isso era como se fizesse uma minuciosa análise de tudo que achava pertinente para trilhar seu caminho como pirata.

Se eu quero me tornar um pirata eu deveria ter pelo menos um navio, também seria interessante ter comigo qualquer tipo de armamento para me defender, e apesar de gostar de trabalhar sozinho é imprescindível ter companheiros junto de mim. Para piorar eu nem sei por onde começar... — Divagava o rapaz sem muito norte.

As mãos se afundaram em seus bolsos, sentia a necessidade de fazer algo maior do que viver em uma ilha qualquer do North Blue ajudando pessoas que lhe viam como uma piada viva. Decidiu então ir para o lugar onde tudo havia começado, que lugar melhor para conhecer o mar do que um porto?! Com a mente astuta, Aleksandr em meio a seu trajeto arquitetava maneiras de avançar em sua 'carreira' como pirata e isso incluía arriscar até mesmo o que não tinha. Chegando ao local seus olhos vasculhariam qualquer individuo que aparentasse preencher minimamente o requisito de portar uma arma e um barco.

Vejo que o senhor é um aventureiro dos mares — Iniciaria a conversação — Tenho uma proposta a lhe fazer, eu sou um grande guerreiro e creio que gostaria de colocar suas habilidades a prova, que tal uma aposta? — Um sorriso singelo surgia em meio seus lábios como se astutamente tivesse dando inicio a um grande feito — Lutemos, e quem vencer, fica com tudo. — A destra se estenderia como se sugerisse uma firmação de contrato e, por mais que sua ação degeneralizada parece totalmente sem sentido Aleksandr tinha a certeza de que poderia sair vitorioso.

Off:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mephisto
Orientador
Orientador
Mephisto

Créditos : 109
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 21
Localização : Wars Island (North Blue)

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptySex 10 Maio 2019, 20:51

MINI AVENTURA / POST 1

Interação & Dialogo



One look in her lusting eyes
Savage fear in you will rise
Teeth of terror sinking in
The bite of the she-wolf




Era cedo quando Aleksandr acordava, ele podia ouvir o forte barulho do vento que batia pelas janelas e portas às fazendo balançar. Era como sempre um dia extremamente frio naquelas terras geladas e a neve junto do vento, percorria todos os lugares daquela ilha.

O rapaz no entanto estava ainda no conforto mediano que sua casa podia prover. Levantando da cama ele, pegava suas roupas e vestia. Ele tinha um questionamento em mente, que horas seriam? Bem, a resposta era algo improvável pra si visto que ele não tinha um relógio.

Mas por fim apenas saia de sua casa falando consigo mesmo um tanto pensativo enquanto se decidia rumar para o porto. O vento gelado balançava seus cabelos, assim como a neve repousava sobre seus ombros enquanto caia. Era um dia como tantos outros mas com uma particularidade, ele estava decidido a trilhar o seu caminho.

Chegando ao porto era possível ver uma serie de embarcações, eram 5 a 10 delas, sim, poucas para um padrão de um porto grande… Mas uma quantidade razoavel para uma ilha de tão poucos habitantes como Fernand Ice Island. Existia ali um barco pesqueiro que aparentemente se preparava para zarpar. Mas certamente esse não era o barco que ele procurava.

Observando um pouco mais a primeira pessoa que ele quase tinha perdido de vista era um rapaz, todo de branco, ele estava perto do fim de um pier bem distante e parecia falar algumas ordens. Estava com uma espada na cintura, o que logo indicava que ele, tinha armas e um barco, e além do mais os tripulantes que caminhavam pra esse barco tinham suprimentos, ração para alguns dias.

Vendo isso, o rapaz que já tinha se decidido e chamava atenção do homem de longos cabelos pretos que estava de costas, até que notava aquele rapaz se virando e agora mais de perto podia enxergar. Era uma mulher. Estava toda de branco em meio a neve e distante algo facilmente confundível. Até porque esse era o primeiro momento que ele tinha visão mais clara de como ela era.

Garota de branco:
 

Ela era bonita tinha olhos de uma tonalidade roxa, cabelos longos e negros, uma pele clara e bem alva que quase desaparecia com suas roupas de mesma cor. Seus trajes eram completos em branco e dourado. Usando até mesmo luvas que possuíam uma cor equivalente ao resto dele.

Após se virar para ele depois de ouvir o que ele tinha dito ela então começava. -Hmm… Então você deseja algo como um torneio ou algo assim? Haha… Bem… Não é meu forte, eu gosto muito mais de resolver as coisas com diálogo. Você parece meio determinado, deseja sair da ilha?- ela fazia esse questionamento praticamente cortando o que o rapaz estava dizendo. Suas perguntas eram claramente óbvias, visto que ele parecia procurar um alvo que tivesse posse de algo assim. Afinal estava no porto.

O olhar dela estava focado no garoto e parecia ler ele de cima a baixo, como se procurasse alguma falha em sua postura, ou qualquer coisa do tipo, não para atacar ele, apenas parecia curiosa. -Infelizmente o barco não é meu, mas posso te levar ao dono se quiser tentar algo… Não lhe aconselho, mas não tentaria impedir você de vê-lo- A mão dela ia para o queixo e apoiava-se logo abaixo do mesmo, estava pensativa. Mas a questão ali era simplesmente que decisões ele iria tomar? E com elas que as coisas iriam seguir.


Dicas e Orientação :
 

____________________________________________________

Make love, not war


[MINI-Shroud] - Origens D4wsKVj


2017 Achievements:
 


2018 Achivments:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Shroud
Designer
Designer
Shroud

Créditos : 5
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 08/05/2019
Idade : 21
Localização : Micqueot

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptySab 11 Maio 2019, 02:24

As palmas das mãos batiam contra a neve acumulada no corpo magro, Fernand Ice Island era um ilha de clima predominantemente frio e nevar era algo comum para aquele pequeno pedaço de terra isolado no oceano, porém nem mesmo o mais gelado dos ventos era suficiente para apagar a chama do desejo que queimava no peito de Aleksandr naquela manhã. Os olhos negros percorreram toda a extensão do porto buscando o sujeito que lhe abriria passagem ao mar; O que não esperava era que tal pessoa fosse uma garota.

Suas roupas eram todas alvas, assim como a neve que recaia sob suas cabeças. Seus traços delicados e femininos, os olhos profundos cruzando junto ao seu e seus fios ao vento surtiram efeitos sob o Shroud que sentiu suas bochechas esquentarem a tal ponto que poderia apostar que elas adotaram uma coloração rubra, apenas para deixar evidente o quão sem graça estava se sentindo diante a presença feminina

Não seria bem um torneio, sabe— a destra repousou sob sua nuca, Aleksandr sorria de maneira tímida ao mesmo tempo que não sabia onde esconder suas mãos — Estou procurando alguém para um tudo ou nada. Uma aposta entre homens que irá colocar meu nome na história como um grande pirata. —  O outrora nervosismo havia aparentemente sumido e dado lugar a determinação costumeira do moreno que pela primeira vez havia aberto um lisonjeiro sorriso orgulhoso.

O aspirante a pirata se prostrava em poses com toda sua autoconfiança - ao que parecia, inabalável. Suspirou, estralou os punhos como quem estiva pronto para trocar socos, mas não, sua mente processava a proposta da garota. O dedo indicador e polegar encaixaram-se em seu queixo, os olhos fechados e o murmurio reproduzido pelo garoto deixavam claro, ele estava falando sozinho de novo.

Eu não conheço esta garota e sequer sei seu nome, repentinamente ela me oferece ajuda levando-me até o dono deste barco sem qualquer motivo, mesmo que minhas ações tenham deixado subentendido que desejo me apossar deste bem. As possibilidades de estarem armando pra cima de mim são de 70% levando em consideração que a isca é uma garota, muito apropriada para fisgar um peixe como eu, nesse caso estaria em desvantagem não sabendo para onde estou indo, quem encontrar e quantos serão meus possíveis adversários.Levando tudo isso em consideração eu acredito que minha resposta deva ser — seus olhos se abriram encarando friamente a garota — YES! Eu aceito, me leve até seu mestre.

Aleksandr era uma figura enérgica e de lógica própria, entendia e via o mundo com uma singularidade que apenas o Shroud poderia compreender completamente e isso era o motivo de faze-lo ser quem era. O punho fechado frente ao corpo, o sorriso incontido e um olhar em chamas eram as provas incontestáveis de que seguir seu sonho era a coisa mais importante que o jovem tinha a cumprir em sua vida.

Aliás, meu nome é Aleksandr, prazer em conhece-la — disse reverenciando-a com o baixar da cabeça junto ao tronco — Mas antes de irmos quero pedir algo. Eu quero empunhar uma arma e desafiar quem for o dono deste barco. — Solicitou, dessa vez com o semblante fechado e sério.

Aleksandr aceitaria o que lhe fosse dado, tinha resolução de que se sairia bem com qualquer lâmina em mãos, caso seu pedido fosse negado não voltaria atrás em suas palavras, enfrentaria até mesmo o diabo no soco se fosse necessário para seguir em frente. Se manteria ao lado da garota o tempo todo, entretanto evitaria olha-la diretamente, não sabia o que ou o porquê mas sentia-se entranho e bobo ao fita-la de maneira tão próxima. Uma vez frente ao titular da embarcação faria frente a figura, o dedo indicador à altura do peito confrontaria-o diretamente num desafio de honra - mesmo que pessoal.

Eu lhe desafio para um confronto direto entre homens, o vencedor leva tudo enquanto o perdedor amargara o gosto pútrido da desonra — gritaria o garoto sem escrúpulos, vergonha ou noção do que dizia, afinal, como possuidor de nada, uma derrota apenas lhe acarretaria a dita desonra.

____________________________________________________

[MINI-Shroud] - Origens 9pxSr97

[MINI-Shroud] - Origens FpqrGnj[MINI-Shroud] - Origens CNhwa9D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mephisto
Orientador
Orientador
Mephisto

Créditos : 109
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 21
Localização : Wars Island (North Blue)

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptySeg 13 Maio 2019, 14:51

MINI AVENTURA / POST 2

Interação & Dialogo


Uma luz azul me guia
Com a firmeza e os lampejos do farol
E os recifes lá de cima
Me avisam dos perigos de chegar



O garoto que agora ouvia o que a mulher de branco lhe falava se encontrava em um dilema, seria uma armadilha? Ou será que não? Ele balbúrdiava falando para si mesmo o que acreditava, a moça ficava o olhando sem entender o que ele dizia mas sorrindo de leve pos achava meio engraçado a forma como ele pensava em voz “alta”. As chances de serem uma armadilha eram imensas, então ele fez o que qualquer ser humano sensato faria ao ter certeza que era uma cilada. Ele decidiu ir….

E como tal ele afirmava a moça que iria com ela, com uma enorme e resoluta confiança. Ela então olhando bem nos olhos dele falava com um tom de voz calmo e suave. -Tudo bem então, é só me seguir, te levarei até ele.- e assim ela já começava a se virar e caminhar para dentro do barco quando o garoto lembrava de se apresentar. Ela virava o rosto pra trás no momento que ouvia o nome dele, seu olhar era de surpresa, teria ela ouvido aquele nome antes? Ou apenas se tratava de algo momentâneo, um flash de memória?

De todo modo isso não demorava mais que alguns segundos e logo ela então se apresentava também para o garoto que tinha lhe dito seu nome. - Me chamo Kaly.- Falou a mulher em um tom calmo, fala essa que se sucedia pela de Aleksandr que requisitava a possibilidade de portar qualquer lâmina para combate, a garota coçava a parte de baixo do queixo, e parava apenas para lhe explicar sobre isso. -Se ele aceitar seu desafio ele lhe dará uma arma, não se preocupe.- Disse ela dando uma piscadela no olho direito e se virando novamente a caminhar pelo barco. Ao entrar ele poderia ver a estrutura do barco. Era um Brigue simples que logo ali na entrada tinha duas cabines separadas entre si, a primeira era do capitão que ficava mais perto da proa. A segunda deviam ser os dormitórios que ficavam lá pela popa.

Tudo ia correndo conforme o esperado. Entrando na cabine do capitão eles seguiam por um pequeno corredor que tinha apenas três portas, uma a direita da entrada, que ficava logo no começo, a segunda na esquerda do corredor já no meio. A terceira era seguindo reto e em frente, sendo assim era tudo simples e facil, caminhavam direto até a do meio e quando abriam a porta lá estava o capotão. Um homem de cabelos negros e longos, usando um rabo de cavalo, roupas azuis e pretas, estava também com o que parecia uma manopla na mão direita e a esquerda livre. O que indicava que ele provavelmente era destro. Ou seria isso uma tentativa de enganar?

Capitão:
 

Antes mesmo que o capitão dissesse algo ele então apontava o dedo para o meio do peito do homem e então em alto e bom som o desafiava. O homem clarmaente não esperava por isso e inicialmente se surpreesndia mas logo seu rosto era tomado por um sorriso. -DAHAHAHA Gostei dele!! DARAHAHA me diga garoto qual o seu nome?- antes de prosseguir ele perguntava, olhando nosso heroi de cima a baixo.

E então logo depois disso prosseguia. -Me chamo Norman Stronghold, sou o capitão deste barco, eu aceito seu desafio MAAAS uma aposta tem duas partes e acredito que você só tem uma coisa pra me dar… Você sabe o que? Sua Lealdade. Se eu te vencer, você vai ser parte da minha tripulação. Se eu perder eu até mesmo sigo viagem com você? E então? Está disposto a algo de alto risco? DARARAHAHA- Falou ele sorrindo naquele momento, aquele era o espírito da pirataria.

Se o garoto aceitasse ele então puxaria debaixo da mesa um tapete enrolado cheio de armas e rolaria sobre a mesa que estava na esquerda deles. Ali tinha um martelo, um tacape, um machado de duas mãos, uma machadinha, uma espada, um arco e flecha, e duas adagas. -Escolha suas armas e me siga depois disso, vamos para um lugar mais apropriado, não vamos quebrar meu barco certo?- dizia ele se preparando. O lugar seria não tão apropriado assim, basicamente eles sairiam do barco pra lutar no pier.


Dicas e Orientação :
 

____________________________________________________

Make love, not war


[MINI-Shroud] - Origens D4wsKVj


2017 Achievements:
 


2018 Achivments:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Shroud
Designer
Designer
Shroud

Créditos : 5
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 08/05/2019
Idade : 21
Localização : Micqueot

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptySeg 13 Maio 2019, 17:22

Ingenuidade ou burrice em sua forma mais simples e bruta? Para Aleksandr aquilo significava ser capaz; Ser capaz de enfrentar o inesperado, de se provar digno e acima de tudo construir o próprio futuro. Os dedos entrelaçados descansavam no topo de sua cabeça ao mesmo tempo que afagavam os cabelos desgrenhados. Sua expressão corporal era completamente desleixada, era como se o Shroud nãos e importasse nenhum um pouco com as infinitas possibilidades de dar errado ou os riscos que sua vida corria diante o desconhecido.

O fato da mulher lhe negar qualquer lâmina naquele momento apenas salientava as desconfianças de outrora, porém, mantinha-se firme em sua decisão, dar para trás naquele momento seria apenas um motivo para continuar vivendo sua vida da maneira pacata e deselegante que vinha tendo desde então. Os pés sentiram a madeira da embarcação e os olhos fitaram toda sua extensão, sorriu, aquilo era muito mais do que esperava. Não era preciso dizer nada, sua face revelava todos seus sentimentos de maneira clara, assim como um livro aberto escrito em letras garrafais e adjetivos simples.

Ficara alguns passos atrás de Kaly, enxergava as costas da garota que lhe conduzia por dentro do navio, entretanto, logo viu-se diante mais pessoas sendo uma delas um homem que se destacava dentre os demais, foi então que Aleksandr tomou a diante e desferiu seu desafio ao homem sem qualquer temor em sua voz ou noção em sua mente. As mãos afundaram-se em seus bolsos e mordiscou o lábio inferior, os olhos escuros encaravam o capitão em tom de desafio.

Minha lealdade? Interessante — a cabeça abaixou-se em análise da situação — Está certo, não seria digno da minha parte impor meus desejos e não concordar com os seus, aposta é aposta e vice-versa, não é mesmo? — No fim não se tratava de nada além do prometido, a garota do porto havia cumprido com sua palavra, e agora, Aleksandr estava frente a sua maior oportunidade — Obrigado, Kaly. Quando eu for o capitão desse bando irei te colocar como imediata — Sorriu abertamente o menino em direção a morena.  Daria passos a frente para verificar o arsenal que Norman lhe disponibiliza para o combate que se aproximava, as orbes percorreram suas opções até que a destra vir a tomar posse do machado.

Claro concordo plenamente, não iremos quebrar o meu barco — Sentindo o peso da arma que escolhera Aleksandr empunhou o machado com ambas as mãos seguindo para o pier.

As botas afundavam na neve fofa esparramada no chão, Aleksandr inspirava e respirava, uma respiração consciente a fim de concentrar-se, se acalmar e reter toda a paciência que seria necessária daquele momento em diante. A boca estava selada e os dedos pressionavam com força a empunhadura do machado. Sem aviso aparente, o Shroud avançaria em linha reta para cima de Norman, a lâmina do machado correria ao chão cortando a neve naquele percurso deixando um rastro junto a suas pegadas, quando estivesse a uma distância mínima de de 3 metros do capitão, o pé direito avançaria um passo à frente freando a arrancada e os braços mecanicamente trariam o machado para frente de seu corpo cortando horizontalmente a neve que teria se acumulado a retenção da corrida.

O objetivo do aspirante a pirata não era atacar cegamente seu inimigo em uma investida óbvia, mas sim conduzi-lo a pensar nessa possibilidade. O golpear na neve serviria para levantar o terreno a altura do rosto do homem obrigando-o a reagir. A ação, mesmo que lhe comprasse poucos segundos seriam suficientes para o que viria a seguir, a perna direita lhe servindo de apoio simultaneamente a esquerda servindo de eixo, Aleksandr girou sob o calcanhar levando o machado a seguir o mesmo movimento, que dessa vez mirava atingir o homem na região do abdômen; Com o impulso regido para a conclusão do golpe era esperado que o jovem perdesse o equilíbrio no fim, por isso aceitaria a inercia e se jogaria de costas na neve fofa e encaixaria o machado verticalmente sob o tronco buscando proteger a região do peito e barriga. Não esperaria qualquer impacto e se possível giraria seu corpo para a direita buscando espaço para equilibrar-se de novo.

Espero resolver isso rapidamente, eu não gosto muito de molhar minha roupas na neve e olhe pra mim, já estou encharcado —  Comentava o garoto após todo seu esforço.

Off:
 

____________________________________________________

[MINI-Shroud] - Origens 9pxSr97

[MINI-Shroud] - Origens FpqrGnj[MINI-Shroud] - Origens CNhwa9D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mephisto
Orientador
Orientador
Mephisto

Créditos : 109
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 21
Localização : Wars Island (North Blue)

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptyQui 16 Maio 2019, 13:49

MINI AVENTURA / POST 3

Combate


Now I've never been the one to play it safe
I might play a little dirty some day
I'm just following fate they say I'm the chosen one



Apesar de desconfiado o garoto caminhava para dentro do lugar e sim, ele então conhecia seu rival, olhava para ele sem nenhum medo, mesmo estando claramente em uma situação complicada para combate, ele ainda assim, tinha sua resposta, ele podia sim competir com ele por tudo aquilo, e aceitando a proposta então ambos partiam para o Pier, enquanto confiante provocava o capitão atual do navio, dizendo que aquele já era seu barco.

Assim como falava para a jovem que ela seria sua imediata dali pra frente, mas o que realmente acontecia, apenas os deuses da guerra diriam agora, pois o combate iria começar. O boxeador apenas olhava com cuidado, pensando claramente sobre o assunto, ele estava calmo e centrado e até mesmo suas risadas tinham parado, ele levava o rapaz a sério, não estava considerando subestimar ele.

O rapaz no entanto se acalmava, concentrava sua respiração, enquanto se preparava para um começo. Ele então avançava, ele paria arrastando o machado pela neve correndo em velocidade para que pudesse acumular neve durante toda a corrida, ele então assim que e se aproximava, estando a poucos metros do homem subia com o machado como se fosse golpear, mas na verdade ele estava jogando neve sobre ele.

O Boxeador dava dois passos pra trás na hora que via isso, cruzando os braços na frente do corpo, ele realmente tinha caído na finta, o motivo era simples, geralmente novatos atacam com tudo, sem se preocupar com resultados, ou com ferimentos, isso tinha sido uma surpresa positiva pra aquele homem, que naquela hora sabia que outro golpe viria.

Então usando seu pé central como apoio e o outro de eixo, o rapaz girava o machado agora com um corte em direção ao abdômen do boxeador, o ataque era forte e se pegasse em cheio de certo podia matar um homem. O capitão no entanto afastavasse mais dois passos pra trás na hora, ele tomava o golpe mas sua esquiva por sorte, fazia que aquele dano não fosse total, o corte rasgava sua camisa e fazia um talho em seu tórax, mas não profundo o suficiente pra ser fatal.

Naquela hora ele deixava que seu corpo fosse ao chão e quando estava nele buscava recobrar o equilíbrio, mas para seu azar assim que ele levantava se reajustando o seu inimigo não tinha caído, pelo contrário, ele estava esperando aquela levantada, Assim que ficava de pé, o nosso heroi sentia um punho vindo de cima pra baixo esmagando seu queixo e o tirando do chão momentaneamente. Era um upercut. Durante o movimento de levantada Normam tinha girado pelo chão, e levantando de uma única vez com um soco direcionado ao queixo do garoto.

Aquilo não só o tirava do chão, mas fazia que Norman acertasse o segundo ataque que ele preparava, que era uma investida pra frente com o ombro, que ia direto no estômago, ele abaixava um pouco o torso avançando diretamente contra o corpo de Aleksandr, e por isso o derrubando ao chão novamente. O ataque era forte e causaria uma boa dor estomacal. Uma pessoa normal poderia até vomitar com aquele ataque que mais lembrava um jogador de futebol americano investindo enfurecido

Agora cabia ao garoto fazer alguma coisa ali, ele precisava se levantar para continuar, e por honra ou algo assim, Norman não o atacava no chão, ele esperava que ele se levantasse, sem dirigir nenhuma palavra no momento em que o derrubou. Já os outros que estavam no barco começavam a fazer uma plateia lá em cima, parecia que o garoto tinha chamado atenção.


Dicas e Orientação :
 


____________________________________________________

Make love, not war


[MINI-Shroud] - Origens D4wsKVj


2017 Achievements:
 


2018 Achivments:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Shroud
Designer
Designer
Shroud

Créditos : 5
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 08/05/2019
Idade : 21
Localização : Micqueot

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptyQui 16 Maio 2019, 18:28

O que antes se situava apenas em desconfianças se confirmou da maneira mais dolorida possível, Norman confrontava usando os punhos. Previamente os movimentos de Aleksandr haviam dado resultado, mesmo que não fosse 100% efetivo em nada diminuía o prazer de sua ofensiva ao menos ter mostrado um pouco do que era capaz, todavia, o tudo ou nada ironicamente resultou em um ‘50/50’. Assim que seus joelhos se firmaram e seu rosto levantou-se para dar prosseguimento ao combate, Aleksandr sentiu quase que de imediato o impacto que levou-o ao ar, sequer tivera tempo de notar o que havia acontecido quando angústia tomou a região de seu estômago. Novamente caiu junto a neve, o corpo estirado demonstrava que aquele confronto em nada seria fácil, ótimo, afinal ninguém nunca disse que se tornar o rei dos piratas era algo simples.

De costas à neve, levou a destra até a região atacada. Sentia pouco a pouco a dor se dispersar, definitivamente era algo que não deseja sentir novamente tão cedo; O seu adversário por algum motivo após a ofensiva não deu sequência a seus golpes, o Shroud não sabia o porquê e, apesar de acreditar que o homem sentia alguma necessidade de pegar leve, não podia negar que aquele tempo foi bem-vindo para se recompor. Pouco a pouco voltou a postura ereta.

Isso foi intenso — Protestou o garoto com uma cara emburrada — Mas agora entendo um pouco mais de como as coisas vão se desenrolar, obrigado por isso. — O sorriso sincero voltou a se desenhar nos lábios do desafiante.

Manejar aquele machado exigia força e energia, uma vez que começava a movimentá-lo devia-se continuar no mesmo fluxo, já que pará-lo bruscamente exigia enorme esforço. Em compensação, quando em movimento o machado criava uma zona de perigo em torno do usuário. Em conclusão, atacar levaria grande perigo para o inimigo, porém o peso da arma dificultava o reequilíbrio do corpo e reagir a tempo para se defender dos fortes e velozes golpes do capitão Norman. “Isso vai ser difícil, muito mais complicado do que pensei que seria”; Um truque como o anterior não funcionaria novamente e Aleksandr iria precisar se reinventar nos métodos de ataque.

Era possível que Norman apenas respondesse aos movimentos do moreno, uma vez que já havia ficado provado que defender-se após um ataque era complicado devido ao peso e tamanho da arma que manejava, mesmo assim, não poderia deixar de tomar a iniciativa e buscar acabar com tudo o mais rápido possível.

Aleksandr, recuperado do golpe que receberá instantes atrás novamente daria um passo a frente para iniciar um nova investida. Correria frente ao oponente, desta vez carregando com ambas as mãos o machado frente a seu tronco, quando próximo o suficiente para desferir um golpe, o bárbaro miraria no possível ponto mais exposto do boxeador: suas pernas. Afetar sua mobilidade facilitária os próximos ataques e isso seria um ponto importante para vencê-lo. Aleksandr não queria matar e nem causar ferimentos sérios no homem - mesmo que seu primeiro ataque tivesse levado grande risco -, e por isso procuraria aplicar uma pancada em seu joelho com um movimento semelhante aos que os espadachins chamam de 'estocada'.

Esperando que novamente ele respondesse como passos para trás - como fizera anteriormente, então, isso poderia ser interpretado como um padrão - Aleksandr seguraria o desfecho da carga de agressão, acompanharia os passos - sendo quantos fossem - e então realizaria o ataque conforme o planejado. Conseguindo ser efetivo em seu plano, Aleksandr iria desferir um arremete no rosto de Norman com a extremidade oposto de seu machado e na sequência emendaria um golpe de cima para baixo em seu ombro.

Diante a possibilidade de Norman procurar feri-lo em meio aos movimentos, Aleksandr deslocaria o machado para ficar entre seu torso e o punho do homem. A fim de encurtar a distância entre seus corpos, o moreno acompanharia o 'jogos de pés' de Norman, acompanhando-o e impedindo que o mesmo criasse espaço. Com a base de seu machado buscaria atingir o estomago do homem, uma pequena vingança pelo que havia sofrido mais cedo; Esperando que dessa forma ele se curva-se, Alek golpearia sua cabeça com uma cotovelada. Alto risco, alta recompensa. Esse era o pensamento do jovem que, se tivesse êxito pretendia imobilizar seu corpo - isso, se Norman tivesse caído -, reivindicando a vitória.

____________________________________________________

[MINI-Shroud] - Origens 9pxSr97

[MINI-Shroud] - Origens FpqrGnj[MINI-Shroud] - Origens CNhwa9D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mephisto
Orientador
Orientador
Mephisto

Créditos : 109
Warn : [MINI-Shroud] - Origens 10010
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 21
Localização : Wars Island (North Blue)

[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens EmptySeg 20 Maio 2019, 09:43

MINI AVENTURA / POST 4

Combate


With a thousand lies
And a good disguise
Hit 'em right between the eyes
Hit 'em right between the eyes
When you walk away
Nothing more to say
See the lightning in your eyes
See 'em running for their lives



O rapaz tinha recebido um ataque mais forte do que esperava, a pancada o tinha derrubado e debilitado momentaneamente mas como quase uma bênção o homem não o atacava no chão. Tomando seu tempo ele se recuperava e ficava de pé novamente dessa vez ele tinha preparado uma ofensiva diferente.

O garoto partiu para cima do inimigo e como quase uma estocada ele mirava o joelho de Norman, mas o homem claramente não estava para brincadeira, normam ia para a esquerda, dando 3 passos para o lado e girando o corpo em média noventa graus, ficando de lado, deixando que o garoto passasse direto. Praticamente um olê de toureiro -Um ataque nas pernas, inteligente, golpe debilitante, o jogo de pés de um boxeador é importante pra todo combate.

Estando ele pronto após a esquiva preparava um forte golpe para atacar contra o rapaz mas antes mesmo que o fizesse ele era surpreendido, pois após o primeiro movimento Aleksandr não parava, pelo contrário ele girava o machado com as duas mãos, acertando a parte de trás da cabeça do inimigo, mas claro com o cabo da arma e não com a zona cortante, mas não apenas isso…

Os golpes se seguiram, vindo de agora um corte no ombro que feria na mesma hora o capitão, que então soltava um grunhido de dor e falava em seguir. -É garoto, você é bom, acho que isso vai ser bem difícil.- Falava ele finalmente avançando. Dessa vez ele não ia esperar para que mais ataques viessem até ele e partia para uma ofensiva.

Ele avançava contra o garoto mirando um soco no estômago dele, mas logo Aleksandr colocava ali o machado entre eles para atrapalhar e afastar e por consequência acabava bloqueando o golpe. Mas não se deve contar felicidade tão cedo, ele começava a tentar acompanhar o jogo de pés do boxeador, tentando ali mediar o que aconteceria, ele então atacava com o cabo do machado visando bater na barriga do homem.

O golpe era forte e a distância era curta, isso era perigoso, mas Norman estava disposto a brincar daquela dança, ele então girava o corpo para a lateral, deixando que sua costela fosse atingida, a pancada era forte e machucava fazendo até mesmo um barulho de estalo por conta do local, provavelmente um osso.

Obviamente esse era o momento que ele esperava, no momento em que ele era atingido, segurava no cabo do machado, não para tomar ele, mas para se reposicionar e desequilibrar o garoto. Ele colocava o peso do corpo puxando o rapaz pra frente e assim que ele vinha se desequilibrando o punho do boxeador mirava o estômago dele mais uma vez acertando com toda a força, somada a propria velocidade de deslocamento do rapaz que fora puxado pra frente.

Assim seguindo sua sequência ele acertava um soco cruzado bem no maxilar dele, o golpe fazia com que Aleksandr ficasse tonto apenas por alguns segundos e assim, Norman se afastava dando 4 passos pra trás esperando que o garoto viesse na ofensiva. - Acho que estamos ainda empatados Hahaha- ele falava aquilo com um sorriso grande no rosto e por mais que ele dissesse essas palavras, bem, ele tinha danos mais graves, além de estar com dores complicadas de recuperar.

Dicas e Orientação :
 

____________________________________________________

Make love, not war


[MINI-Shroud] - Origens D4wsKVj


2017 Achievements:
 


2018 Achivments:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




[MINI-Shroud] - Origens Empty
MensagemAssunto: Re: [MINI-Shroud] - Origens   [MINI-Shroud] - Origens Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[MINI-Shroud] - Origens
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: