One Piece RPG
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Asger
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 23:40

» Samantha Evergreen
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 23:38

» Buki Bijin
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 23:33

» Rimuru Tempest
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 21:53

» Lotus Chô
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 21:49

» Gallore Strange
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 21:35

» Ling Tian
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 21:27

» Han Dom
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Hoyu Ontem à(s) 21:11

» [Mini Aventura - Moryn] O Início
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Moryn Ontem à(s) 21:10

» [Kit - Gyro Zeppeli] Blum vai pegar
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Shiro Ontem à(s) 17:42

» Mini Zayel
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Zayel Ontem à(s) 17:11

» [Mini - Inim] O errante
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Visastre Ontem à(s) 16:37

» [Kit - Neferpitou - Hunter x Hunter] v2
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Blum Ontem à(s) 13:51

» [MINI-JuninhoSiq1997] O Inicio
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor JuninhoSiq1997 Ontem à(s) 13:41

» Raksha Ragnarson
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 01:55

» [Mini - Van] Seguindo conselhos
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Van Ontem à(s) 01:34

» Voltei, arrependido.
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Bijin Ontem à(s) 01:31

» [M.E.P] Inim
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Khrono Ontem à(s) 00:19

» [MINI - Pepino, o Breve] Rascunho
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor Pepino, o Breve Ter 16 Jul 2019, 22:40

» [MEP] Seguindo conselhos
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Emptypor GM.Hisoka Ter 16 Jul 2019, 21:02



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and Fire

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [Mini - Liss] Perturbação nas ruas

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
GM.Hisoka
Cabo
Cabo


Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptyQua 10 Abr 2019, 08:19



Mini-Aventura

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 3cd1d9655415453b184de3eec26bf1f12032434cr5-500-210_00



– Dinheiro? Fufufu, é muito mais que isso, garotinha... – Respondeu o agressor, cuja voz grave estava blindada por perversão.

Seu abraço não afrouxou sequer por um segundo, sugerindo que o homem realmente não estava disposto a negociações. Havia algo além do financeiro naquele empreendimento malévolo e Liss não precisou de muito para obter uma resposta, dado que a mão direita do indivíduo devasso deslizou na direção de um de seus seios, declarando que ele era um desgraçado assediador. Para seu azar, o momento de descuido custou-lhe caro, pois a bárbara encontrou nele uma chance de sair daqueles braços desregrados. O pisão em seu metatarso culminou num ulo de dor, seguido de um desequilíbrio em virtude da jogada de corpo da garota que, se não fosse pela diferença de peso, certamente teria derrubado-o no chão.

– ARGH! Puta desgraçada! – Esbravejou irritado, cambaleando no pé machucado enquanto os braços esticados tentaram agarrar a jovem mais uma vez, mas em vão. Ágil, Liss correu em direção de um dos barris com armas, empunhando o machado visto anteriormente. – Tá achando que consegue me derrotar, vadiazinha? Você vai sofrer em dobro o que essas outras megeras sofreram! – Com os punhos cerrados, o assediador deu um passo a frente e saiu da penumbra, revelando sua aparência. Trata-se de um homem alto, com cerca de um metro e oitenta, corpo malhado, de músculos realçados sob a regata branca, que estava colada no tronco suado. A cabeça lustrosa é desprovida de cabelo, ao passo que um cavanhaque mal-feito destaca-se ao redor dos lábios carnudos e volumosos. – Vamos, vamos... Se entregue, vadiazinha... Sabe, não gosto de machucar muito a carne antes de comer... – As palavras exauriram de seus beiços junto a um alento sórdido. Por outro lado, as mãos fechadas a frente do tórax numa típica guarda de boxe sugeriam que ele possua certa habilidade em combate corpo-a-corpo.

O machado que Liss apanhou, por sua vez, parece ser mais leve que o habitual. Seu cabo de madeira não é tão maciço, embora grande. O que mais chama a atenção, no entanto, é sua lâmina de gume nem tão afiado, revelando que trata-se de um instrumento muito mais de adorno que de guerra. Ainda assim, na extremidade oposta à região cortante, há uma base corpulenta de ferro, bem rígida ao que parece. Talvez fosse útil se bem usado, afinal seria melhor que lutar com as mãos nuas.

Dicas e Instruções:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kurumi
Membro
Membro
Kurumi

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 10010
Data de inscrição : 02/05/2015

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptyQua 10 Abr 2019, 19:50


Talvez por um golpe de sorte e sendo auxiliada por seu pequeno tamanho e agilidade Liss foi capaz de se desvincilhar dos braços do brutamontes. Assim que liberta a jovem correu para a direção pretendida e rapidamente sacou uma das armas ali presentes, sendo esta um machado, contudo logo que se deu conta notou que o instrumento era menos denso que o comum e evidentemente possuía uma baixa capacidade de corte, entretanto o lado oposto do fio chamou a atenção da moça, pois este continha um revestimento mais denso e resistente. - Como martelo deve servir. Disse a Liss a si mesma.

-Você é tão estupido quanto parece[...] Falou a jovem com um tom de voz agressivo e visivelmente ironizando o homem a sua frente, em quanto falava Liss já empunhava o machado com ambas as mãos, uma um pouco a cima da outra, sendo a mão superior a direita. -[...] Uma garota como eu atrairia mais meninas para cá e você teria mais prazer e mais dinheiro, babaca.

Embora a jovem falasse estas coisas seu interesse em participar de algo já havia se esvaído completamente, de forma que a mesma apenas aproveitou o momento para mostrar ao brutamontes o quanto ele  poderia ter perdido por não a dar ouvidos desde o começo, e quem sabe estas palavras fariam o homem baixar sua guarda mesmo que brevemente.

Com o machado firmemente posicionado com a parte mais maciça para frente, para usa-lo como uma marreta, Liss realizou seu primeira ação movendo-se rapidamente para frente e sempre se atentando a posicionar o pé firmemente ao chão até ter uma certa distancia entre o homem e ela. Liss procurou uma distancia que considerava equivalente ao alcance de sua arma e os braços do homem esticados, pois pelo posicionamento do mesmo ele parecia um boxeador, desta forma se ele se precipitasse e esticasse os braços para ofertar um golpe, a moça atacaria lateralmente com o machado visando atingir a área do braço de seu oponente, para assim causar-lhe dano ao mesmo tempo que poderia reduzir a mobilidade e força dos braços de seu rival.

Caso o homem não esticasse seus braços Liss tentaria atingir as pernas do brutamontes também com um golpe lateral, quem sabe até mesmo gerando danos aos joelhos daquele ser grotesco, o que garantiria uma vantagem estratégica a moça. Este alvo secundário e de certa forma mais provável que o primeiro havia sido escolhido pois era mais difícil o homem  esquivar sua parte inferior do que apenas seu tronco.

Em ambas as ações Liss pretendia continuar seu ataque da mesma forma, acertando os braços ou pernas, a moça terminaria seu ataque lateral girando em torno de si mesma enquanto tinha sua velocidade impulsionada pelo armamento e então aproveitando-se desta velocidade extra para soma-la a sua força a jovem moça ao final de seu giro ergueria a machado deixando seus braços a quarenta e cinco graus acima dos próprios ombros, para desta forma tentar aplicar um golpe descendente, de cima para baixo, com a intenção de atingir a cabeça, pescoço ou ombros do homem a sua frente.

Contudo se logo de inicio notasse uma alteração na postura do brutamontes que inviabilizaria suas ações planejadas, Liss apenas daria seu primeiro golpe lateral e então se defenderia afastando-se com alguns passos a esquerda, sempre mantendo a machado a sua frente para possivelmente utiliza-lo para aparar um golpe ou mesmo aplicar um contra ataque.

Independente de qualquer situação algo era evidente nas ações demonstradas pela moça até então, sua frieza e personalidade não permitiriam que o medo ou possíveis contraversões a desequilibrassem emocionalmente, desta forma provavelmente Liss manteria sua razão e capacidade de se adaptar a possíveis mudanças dos fatos.  
   

Off::
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptyQui 11 Abr 2019, 20:56



Mini-Aventura

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Death-parade-takashi-machiko-bleeding-bloody-wedding-ring-hands



Esperta e dotada de certa experiência no manejo de machados, Liss atinou que aquela arma em seus punhos, embora dirigida à moda à priori, poderia ser útil para concussões, como um martelo. Por isso, elevou-a com ambas as mãos, cerrando os dígitos pelo seu cabo sinuoso e apontando seu gume na direção do assediador. A bárbara ainda tentava, a todo custo, motejá-lo na busca por uma brecha, mesmo que pequena. No entanto, o meliante não aparentava dispor de uma mente fácil de ser intimidada.

– Tsc, cale a boca. – Retrucou rispidamente, balançando a cabeça em negação. Ele gingava com seu corpo, atuando principalmente com os joelhos e calcanhares, tornando sua movimentação imprevisível de certa forma.

Sem tempo a perder, Liss decidiu tomas as rédeas do combate e realizar o primeiro movimento, acelerando as passadas na direção do sequestrador. Usufruindo de todo o alcance de seus braços e de sua arma, então, entesou os ombros com firmeza para sustentar o machado sem danificar a articulações, rotacionando o tronco e espáduas num golpe lateral contra as pernas do inimigo, contudo, o martelo improvisado irrompeu o ar num sibilo sem acertar o alvo, que recuou num salto para trás fugazmente.

– Peguei você! – Brandou em pleno ar com os cantos da boca tesos num sorriso altivo. Assim que a ponta dos pés voltou a tocar no chão, ele se impulsionou para a frente, almejando utilizar o meio tempo em que a bárbara estaria afetada pelo rebote da arma pesada para golpeá-la com um soco com sua destra.

A bárbara, entretanto, conseguiu lobrigar a movimentação adversária de esgalho e esquivar com dois passos a esquerda a tempo, ainda sendo capaz de sentir o punho impetuoso do valentão cruzando seus cabelos prateados, mas sem atingi-la devidamente. Teve sorte, de certa forma, pois aquele machado era menos pesado que muitos outros que ela já empunhou e, se não fosse este pormenor, talvez tivesse sido acertada em cheio.

– Que rata desgraçada! – Vociferou de dentes à mostra ao notá-la desviando de seu golpe. Ele, entretanto, não desistiu e, rotacionando o corpo no próprio eixo com um giro sobre o calcanhar destro, retomou o soco com a mesma mão, agora com uma passada de aproximação à direita. Um atroo, então, tomou conta da tenda junto a um suspiro da refém que, de olhos fechados, imaginou que a bárbara havia sido atingida; todavia, ela agiu com celeridade, elevando o martelo na altura do rosto, que amparou o golpe inimigo com seu gume pouco afiado. O líquido rubro chegou a verter pelos dedos do assediador, tingindo suas unhas, porém o talho não fora tão profundo. – Argh! Que merda! – Resmungou com um estalo no céu da boca, sacolejando a mão na lateral do corpo para desenodoá-la, o que esvoaçou sangue pelo piso. O corte pequeno poderia significar certa vantagem por parte de Liss, mas ela certamente sabia que precisaria de muito mais para vencer aquele duelo.

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 His

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Spz5CoK
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kurumi
Membro
Membro
Kurumi

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 10010
Data de inscrição : 02/05/2015

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptySab 13 Abr 2019, 19:56


Por um breve instante Liss pode sentir o deslocamento de ar gerado pelo soco do pugilista, que quase lhe atingiu diretamente na cabeça, por sorte seus cabelos não se feriram com o soco, sendo que os mesmos apenas esvoaçaram.

Após finalizar seus movimentos e quase ser atingida, Liss, soltou o que pareceu ser um breve suspiro, mas na verdade nada mais era que a moça esvaziando o ar de seus pulmões, pois durante a movimentação a jovem havia contraído seu peito para tentar girar com maior eficacia.

Ao notar o soco que o oponente pretendia desferir contra ela, e conseguir se defender, Liss rapidamente se recolocou em posição de combate, avançando diretamente contra o brutamontes outra vez, sem demonstrar medo algum. Com os olho fixos em seu inimigo, e mantendo sua fria expressão, Liss deu passadas rápidas e largadas e, desta vez impulsionou seu machado verticalmente, iniciando seu movimento de baixo para cima e da direita para esquerda, Liss pretendia elevar na primeira metade do seu giro o machado até a altura da cintura de seu rival, para atingir-lhe diretamente sob as costelas, porém caso ele se esquivasse Liss manteria o movimento acabando sua rotação em torno de si mesma e com o machado então totalmente elevado a moça desferiria novamente um ataque descendente na intenção de agredir o pescoço do inimigo.

Caso evidentemente a moça notasse que seu oponente seria capaz de contra atacar seu movimento giratório, Liss iniciaria sua segunda alternativa que era, com o machado também para baixo e de seu lado direito, a moça iniciaria seu giro, porém se abaixando ao chão e estendendo seu tronco para frente, assim aumentando seu alcance e possibilitando atingir o oponente do joelho para baixo, basicamente lhe aplicando uma rasteira com o machado.

Existia ainda a possibilidade de ambas as alternativas apresentarem aberturas para contra ataques do pugilista, desta forma ao iniciar seu giro, se Liss notasse que seria um ataque falho ou mesmo que lhe colocasse em risco, a moça literalmente atacaria elevando o machado até a altura do rosto do oponente, o que provavelmente o faria elevar os braços para bloquear o instrumento e, neste instante com um dos pés firmemente apoiados ao chão e apoiando-se na arma que estaria sendo segurada pelo inimigo, Liss rapidamente aplicaria um chute com a perna direita em seu inimigo, visando acertar-lhe exatamente entre as pernas, pois para bloquear a arma sem se desequilibrar provavelmente o homem teria de afastar as pernas, deixando uma abertura para ter suas genitálias atingidas.

Não importava o método, dificilmente Liss derrubaria aquele homem com um único golpe, a não ser que este fosse fatal, como por exemplo lhe cortar o pescoço, por essa razão a moça focava em ataques que surtiriam danos secundários, e certamente, homem algum manteria-se em pé após um potente chute, incrementado pela firmeza de uma bota militar bem em meio as pernas.

Certamente Liss era uma garota acostumada a viver nas ruas, e que portanto lutava com as regras da mesma, ou seja, a unica regra era dita pelo ultimo homem em pé, ou ultima mulher.

Todavia, se ainda sim tudo fosse falhar, Liss tentaria se defender de um possível soco daquele ser grotesco a sua frente, desta vez não bloqueando o seu soco, mas sim tentando se esquivar lateralmente, ao mesmo tempo que tentaria contra atacar atingindo com o machado a axila do homem, de baixo para cima, na tentativa de deslocar-lhe o ombro.  
   
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptyTer 16 Abr 2019, 00:37



Mini-Aventura

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 95dccf2308a1b2a9572d74aefda3cf21



O sangue que vertia da mão do assediador gotejava paulatinamente como uma bátega, espargindo-se no solo ao ponto de conceber uma pequena poça carmesim que contrastava com o pavimento plúmbeo. Sua neurastenia, por sua vez, deu vida a uma veia que saltava à têmpora, responsável por amparar um pingo de suor que relutava em estilar pela face. Ele conseguia ouvir os próprios batimentos cardíacos que reverberavam peito afora, ciciando junto aos gemidos da moça enjaulada e ao alento em arquejo de Liss.

– Chega, é seu fim! – Pronunciou, expondo os vasos sanguíneos do antebraço rijos ao cerrar o punho destro. Os dentes forçados uns contra os outros em cólera, no entanto, abriram caminho a uma expressão boquiaberta no átimo que vira a bárbara avançar por trás das íris tiritantes.

Sabendo que suas chances de vitórias eram parcas caso não pressionasse o adversário, Liss não pestanejou antes de avançar como um touro rábido na direção do pugilista, volvendo as espáduas de modo a erguer seu machado de baixo a cima, visando as costelas do inimigo. Todavia, seus olhos refletiram o deslocamento em recuo do veloz sequestrador, de forma que, tal como outrora, sua arma irrompeu apenas o vento. Contudo, desta vez mesmo o erro parecia dentro dos planos da garota que, com uma larga passada de aproximação, despencou o opressivo martelo contra a lateral do pescoço do assediador.

– URG- – Concomitante a um grunhido, seus olhos perderam o brilho, sendo dominados pelo branco profundo da esclera. Seu corpo robusto, então, ruiu ao chão num baque surdo, perdendo a consciência junto ao entesamento vagaroso dos músculos, principalmente as mãos que fecharam num último lampejo de espírito.

Os gemidos da moça presa aumentaram como nunca antes, ao passo que seus olhos sinuosos mergulharam em lágrimas que manaram por todo seu rosto delicado, lixiviando o suor e pulverulência impregnados na pele suja. Ainda que não pudesse falar, aquela expressão de alívio e esperança eram claras quanto a mensagem que gostaria de repassar a Liss: obrigada.

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 His

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Spz5CoK
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kurumi
Membro
Membro
Kurumi

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 10010
Data de inscrição : 02/05/2015

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptyTer 16 Abr 2019, 20:51



Finalmente, após uma sucessão de golpes o brutamontes vem a ruína, caindo esplendorosamente sobre o chão,de forma a finalizar o conflito outrora iniciado. Ao ver seu inimigo inerte a seus pés, Liss, vira seu machado de forma a deixa-lo com a parte mais densa virada para o chão, e então utilizando ambas as mãos a jovem bárbara aplica uma sequencia de três golpes sobre o corpo indefeso do homem, pouco abaixo da linha do ombro, de forma a não demonstrar piedade.

Todavia, após estres três golpes, utilizados como alivio do estres gerado pelo conflito, Liss para de golpear seu oponente já inconsciente, e então olha na direção das garotas que lá estavam a observa-la, dizendo com um tom de voz mais elevado que o de costume: - Se são incapazes de se levantar, que morram. Se não querem lutar pela própria liberdade não tenho para que ajudar, pois odeio pessoas que se curvam, odeio aqueles que deixam de lutar, seria melhor morrer que viver nesta miséria que vocês estão. Se possuem o minimo de dignidade recobrem a força em suas pernas e se levantem, pois aqui esta o seu algoz, façam com ele o que bem entenderem,este homem está entregue a vocês.

Ao terminar suas palavras Liss encosta seu machado em uma das prateleiras quebradas lá existentes, para então arrumar seus cabelos prateados, que foram bagunçados anteriormente pelo golpe do pugilista. Já pronta e detendo toda sua beleza a jovem diz com um tom mais tênue e aveludado: -Não esqueçam de fugir e pedir ajuda para livrar as outras garotas, eu não tenho mais interesse neste lugar.

Virando-se de costas  a jovem começa a caminhar, como sempre plenamente segura de si, em direção a saída. Entretanto, antes de partir Liss pega novamente o machado que estava utilizando, e aproveitando-se que a arma era mais leve que o comum para uma bárbara, a jovem pega também outras armas contidas no barril, aquelas que era capaz de carregar. - Talvez valam alguma coisa se eu vender, senão valer eu jogo na rua.E pensando Liss disse a si mesma: - E se alguma autoridade vier confisca-las e me perguntar o que faço com elas, então eu conto deste lugar e destas garotas, quem sabe eu ganhe uma recompensa.



FEED BACK:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Cabo
Cabo
GM.Hisoka

Créditos : 22
Warn : [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 EmptyQua 17 Abr 2019, 05:47



Mini-Aventura

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Another-header



A tríplice investida indômita de Liss provocou três baques surdos acompanhados de grunhidos, exceto pelo último, cujo crepitar subjugou qualquer gemido de dor, representando a quebra do esterno do assediador em decorrência da pressão contra o solo. A refém, por sua vez, engoliu em seco com dificuldade em razão do pranto, talvez aturdida com aquela cena, ainda que seu inconsciente desejasse além do pior para aquele criminoso que tanto a violentou, desonrando sua pele feminina imaculada.

No entanto, o que as vítimas não esperavam era o fato de não estarem diante de uma heroína. Liss, demonstrando a falta de qualquer gota de empatia, judiou da situação das mulheres, que sequer detinham forças para se manterem de pé. Suas palavras atingiram aqueles corações despedaçados impetuosamente, estraçalhando os poucos fragmentos que uniam-se pela parca força de vontade que ainda restava-lhes. A moça de outrora não teve outra reação senão desabar; o rosto deslizou pelas barras de ferro da jaula lacrada, espalhando as lágrimas que estilaram por toda a extensão da haste até ruírem naquele chão pulverulento. Talvez serem abandonadas por outra mulher tenha sido pior que qualquer transgressão que sofreram.

Com os braços enlaçando um conjunto de armas – duas espadas, três lanças e, claro, seu machado –, Liss irrompeu a tenda pela mesma fenda que entrara, deixando para trás um ambiente dominado pela penumbra, tal como antes, apagando a luz para as moças enjauladas junto a última dose de esperança que detinham, a qual foi exaurida na lágrima póstuma que manou de seu rosto desiludido. O assediador, por sua vez, encontrava-se jacente no chão, de costas escusas. Sua cabeça estava mergulhada num mar de sangue, que fluía das narinas em decorrência dos pulmões perfurados.

~Mini-Aventura ENCERRADA~


Observações:

Chegamos ao fim, Kurumi! Gostaria de dizer que a sua mini-aventura foi uma das que mais gostei de orientar. Você é um jogador com bastante potencial; sua narração está acima da média, com uma interpretação muito boa. Novamente reitero a questão do português, uma vez que a escrita também é um fator importante de avaliação. Ainda assim, saiba que está no caminho certo e que, se não apertar o freio, certamente se destacará daqui em diante no RPG.

Minhas últimas ressalvas a você são:

Atente sempre ao português. Embora não exijamos que nossos jogadores sejam letrados em língua portuguesa, é sempre importante que a quantidade de erros sejam encurtados ao máximo. Para isso, tente sempre fazer uma releitura de seu post após criá-lo, de modo a retificar as falhas que sempre passam desapercebidas. Eu, por exemplo, faço uma revisão de um parágrafo sempre antes de passar para o parágrafo posterior, fora a revisão geral no fim da escrita.

Se possível, procure por um template para você. Não precisa ser nada muito sofisticado. Basta ver o meu, que é bastante singelo, porém cumpre a função de ornar meu texto. Não é obrigatório, claro. Você não perderá nota em sua aventura pela construção estética de seu post, entretanto, tenha certeza que se sentirá muito melhor com ele bem ataviado ;D.

Pense bastante antes de criar seu personagem. Devo frisar que ele é fixo por, no mínimo, seis meses. Isto é, depois de criar sua ficha, caso arrependa-se, somente poderá produzir um novo em meio ano! Não estruture um personagem que dependa de uma akuma no mi para você ter felicidade em narrá-lo, por exemplo. Além disso, saiba que o crescimento aqui é lento e progressivo, então conceba um personagem interessante desde o início. Não tente criar alguém que apenas será divertido com determinados objetivos, como level, poderes ou akuma, como citei.

Por fim, nunca se acomode! A evolução é constante, meu caro. Saiba que você sempre pode melhorar, independentemente do quão bom esteja. Os melhores players do fórum compreendem muito bem esse ponto e é por isso que estão sempre no topo! Bem, boa sorte, companheiro!

O que fazer agora que terminei minha Mini-Aventura?
- 1º passo: Agora que encerrou sua mini-aventura basta criar a sua ficha na Criação de Personagens usando o Modelo de Ficha.
- 2º passo: Corra e crie sua aventura. Onde? Há um tópico chamado Crie sua Aventura, lembre-se de que você somente pode criar uma aventura se sua ficha for aprovada e dentro do limite de pedidos de criação de aventura pendentes. Caso haja alguma pendência espere alguém aprovar a aventura anterior, para postar a sua.
- 3º passo: Aventura aceita? Então procure um narrador, onde? Em T.N.D crie um tópico para solicitar seu narrador, e aguarde o ADM responsável pela área escolher um narrador para você.
- AH! Leia as regras para que você não venha a tomar punições.
- Lembre-se você tem 30 dias para pedir os 6 créditos da conclusão da mini-aventura neste link.



____________________________________________________

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 His

[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Spz5CoK
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




[Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Liss] Perturbação nas ruas   [Mini - Liss] Perturbação nas ruas - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Mini - Liss] Perturbação nas ruas
Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: