One Piece RPG
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Henry Meursault
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Meursault Hoje à(s) 20:42

» [FICHA] Akito Wanijima
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Lind Hoje à(s) 17:07

» Glitzky Platzken
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Pierce Hoje à(s) 15:35

» Suzuk Hamada
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Faktor Ontem à(s) 20:10

» [Mini-Haqim] Maelstrom
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Khrono Dom 18 Ago 2019, 21:15

» [Ficha] Roxas
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Mashx Dom 18 Ago 2019, 19:55

» [Mini - Nine}
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Nine Dom 18 Ago 2019, 19:40

» Todo dia um meme educativo do Furry diferente
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Johnny Bear Dom 18 Ago 2019, 18:02

» [Kit - Rikan Motsai]
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Blum Dom 18 Ago 2019, 17:04

» Hizumy Mizushiro Mayan
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Mizushiro Hizumy Dom 18 Ago 2019, 16:31

» [FICHA] Bóris Ivanenko
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Capato Dom 18 Ago 2019, 14:32

» Karyo Shen
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 12:38

» Fanalis B. Ria
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 12:08

» Kaleb Blaze
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 11:19

» Doppio Pannacotta
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor ADM.Hoyu Dom 18 Ago 2019, 11:17

» ||NPC|| Jack e Mari - Lvneel - North Blue
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor PepePepi Dom 18 Ago 2019, 00:46

» Mini-aventura Shironi
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Khrono Sab 17 Ago 2019, 22:17

» [Kit - Ken Rock]
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor Ken Rock Sab 17 Ago 2019, 18:03

» Meng Hao
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor ADM.Senshi Sab 17 Ago 2019, 11:09

» Meng Hao
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Emptypor ADM.Senshi Sab 17 Ago 2019, 11:07



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and Fire

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
EmperorNie
Membro
Membro
EmperorNie

Créditos : 6
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 11/03/2019
Idade : 97
Localização : Dawn Island

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptySeg 11 Mar 2019, 13:39

Nome: Edward Dantes
Idade: 20
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho: Normal
Estilo de Combate: Ceifador
Localização: Dawn Island
Grupo: Civil
Vantagens: Voz encantadora
Desvantagens: Vício - Tabaco
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Game Master
Game Master
GM.Hisoka

Créditos : 30
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptySeg 11 Mar 2019, 14:27

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.

____________________________________________________

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco His

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Rose

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 0fMOaeE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
EmperorNie
Membro
Membro
EmperorNie

Créditos : 6
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 11/03/2019
Idade : 97
Localização : Dawn Island

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptySeg 11 Mar 2019, 15:09

Em uma pequena cidade que ficava bem longe de Dawn Island, um jovem de cabelos brancos caminhava com passos largos nos becos impuros e sórdidos marcados pelo cheiro marcante de carne apodrecida e cinzas, até então por motivos desconhecidas. Após atravessar esse cenário tão desesperador, o pequeno homem finalmente encontra o único lugar em que ele poderia encontrar um resquício de segurança : a velha cabana de seu avô.

- Vovô Gehrman, eu consegui o dinheiro que o senhor pediu. Foi um pouco difícil roubar aqueles homens, mas no final das contas eles acabaram vacilando e eu consegui roubar esse saco de ouro deles. - Enquanto pronunciava essas palavras, o mancebo batia na porta apodrecida de madeira da casa de seu parente mais próximo. - Se os negócios continuarem assim, em breve eu vou conseguir tirar nos dois dessa situação e irei levar o senhor para fora desse lugar sujo e nojento.

E então, após alguns minutos, um senhor recebe seu neto, tomando o saco de dinheiro que ele havia conquistado com muito esforço e fechando a porta da cabana em seguida, provavelmente insatisfeito com a quantia presente que Edward havia lhe trazido.

***

- Oh, sonhando com o passado de novo ? Você não tem jeito mesmo, mas eu não esperaria menos de um ladrão vagabundo de meia tigela. - O já adulto Edward Dantes ajeita seu chapéu em sua cabeça e se levanta, limpando a poeira presente em seus trajes escuros no processo. - Eu deveria procurar saber a localização exata de uma base Marine, então acho que nada melhor do que recorrer ao bom e velho papo furado de sempre.  


Enfim, após concluir seu breve monólogo, Dantes começa a caminhar pelo local onde estava em busca de algum civil com disponibilidade para lhe informar sobre a localização de seu atual objetivo. Caso encontre alguém que possa lhe ajudar, além de educadamente questiona-lo sobre o quartel da Marinha, também lhe pediria um maço de cigarro, fazendo algo que todo bom fumante que se preze faria ao se deparar com uma possibilidade de abstinência, já que não tinha nenhum derivado de nicotina consigo.

Código:
A aparência do personagem é basicamente a do Edmond Dantes de Fate GO
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Game Master
Game Master
GM.Hisoka

Créditos : 30
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptyQua 13 Mar 2019, 00:29



Mini-Aventura

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 1505112706259



Em meio a devaneios de lembranças remotas, Dantes marchava numa região campestre nos arredores de Porto Branco. A aragem irrompia as deslumbrantes gramíneas esmeradas, formando caminhos que oscilavam entre as relvas. O céu de poucas nuvens foi palco da romagem de um bando de gaivotas que volitavam em "v" sob o sol radiante, grunhindo harmoniosamente ao ritmo do agitar das asas alvas. No horizonte, os olhos do aspirante a caçador não teriam dificuldade em lobrigar um fidalgo baluarte dotado de excelsas rochas índigo, tão imenso que amorava parte da abóbada celeste, bem ao centro de Porto Branco.

Num dado momento de sua caminhada, as íris sob a aba do chapéu umbroso vislumbraram uma carruagem à noroeste. Ao passo que se apropinquava, o atrito das rodas contra o cascalho da trilha que cortava o campo tornavam-se cada vez mais notórios, junto ao trotar do ginete de pelagem cor de ébano incumbido de carregar o defasado automóvel. Sobre uma plataforma de madeira, um homem de idade segurava as rédeas do animal, controlando sua velocidade e direção com as mãos enquilhadas. Seu bigode vetusto escondia os lábios crispados, enquanto os olhos cabisbaixos sobre as olheiras profundas demoraram a perceber o menino. Aliás, talvez sequer notaria, senão pelo breque do cavalo que se recusava a seguir caminho.

– Caminhe! – Junto a voz rouca, dispôs de dois sacolejos nas bridas, ainda que em vão. Os olhos quase que completamente alabastrinos, consumidos pela imparável catarata, finalmente ergueram-se na expectativa de compreender a situação. – H-Hum...? – De sobrancelha desigualmente alçada, forçava a visão com as pálpebras semicerradas em debalde, mas enxergava somente uma indistinta mancha afrente. – Quem está aí? – Indagou curioso, embora o tom transparecesse certa imperatividade. A careca com negruras fulgurou, resplandecendo os raios do brilhante astro sidéreo no instante que inclinou a cabeça na direção de Edward.

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco His

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Rose

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 0fMOaeE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
EmperorNie
Membro
Membro
EmperorNie

Créditos : 6
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 11/03/2019
Idade : 97
Localização : Dawn Island

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptyQua 13 Mar 2019, 14:01

Todo aquele cenário pacífico e vivido presenciado pelo jovem de cabelos pálidos não era algo que seus olhos haviam presenciado muitas vezes durante suas duas simplórias décadas de vida, e talvez por esse motivo, ele não se sentia muito confortável com a paisagem ao seu redor, apesar de que isso também não significava que ele odiasse ambientes como aquele. Era como se Dantes fosse uma inocente criança descobrindo o mundo e os fatos ao seu redor pela primeira vez. Como a maioria dos seres humanos, Edward não se sentia confortável ao encarar o desconhecido, contudo ainda sim estava curioso para descobrir que tipo de universo poderia se manifestar num local tão positivo, muito diferente da realidade violenta e obscura em que viveu a maior parte de sua vida. E não demorou muito para que ele encontrasse alguém que era fruto desse meio até então inexplorado por ele.

- Argh ! - Imediatamente após se deparar com os raios solares refletidos pela desgastada careca do senhor, Edward reagiria ao fato adverso com uma ação simples, ajustando seu obscuro chapéu em sua cabeça de uma forma que evitasse tanto o contato direto com os olhos do carroceiro e ao mesmo tempo que protegeria seu rosto da luz que obviamente incomodaria qualquer pessoa, ainda mais quando essa pessoa estava acostumado á conviver com a escuridão e com o astro oposto daquele presente no campo esverdeado em que o civil estava. - Me chamo Edward Dantes, é um prazer conhecer você. - Ao mesmo tempo que pronunciava tais palavras, o jovem inclinaria sua cabeça em sinal de reverência e respeito, realizando um costume que já tinha aprendido com seu falecido avô alguns anos atrás e que provavelmente agradaria uma pessoa que portava a mesma experiência, por assim dizer - Bem, eu sou novo na região e estou meio perdido em Dawn Island, então me vi obrigado à interromper seu trajeto para lhe pedir um favor. Por acaso você poderia me informar se existe algum quartel da marinha nessa ilha ?

Após fazer terminar de realizar sua fala, Edward imediatamente se lembrou de algo importante que estava se esquecendo e decidiu fazer algo sobre o assunto. Assim, contrariando seu próprio desconforto com os raios solares, Dantes levanta sua cabeça e cruza olhares diretamente com o senhor para fazer seu último pedido. - É um tanto rude fazer isso com alguém que eu acabei de conhecer, mas por acaso o senhor teria algum maço de cigarro para me dar ? Eu meio que estou sentindo falta de um pouco de nicotina nos meus pulmões, se é que você me entende.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Game Master
Game Master
GM.Hisoka

Créditos : 30
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptyQui 14 Mar 2019, 16:47



Mini-Aventura

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Anime-nature-wallpaper-10102604



– Hummm... – Resmungou o homem de glabela crispada entre os olhos semicerrados, esforçados em tentar reconhecer o andarilho poucos metros a sua frente. – Sou Trebold... – Disse, balbuciando os lábios na boca desdentada, como se buscasse ajeitar a dentadura de próteses às mínguas. – Não exatamente um Quartel General, meu jovem... – Pigarreou, entesando os músculos faciais enquanto limpava a testa rorejada com uma pequena flanela laranja. – Mas há representantes... Lá em Porto Branco. – O braço esquerdo tiritou antes de ser completamente esticado, apontando para o grande castelo no horizonte com o indicador. – Se quiser... Posso lhe dar uma carona, estou indo para lá neste momento levar este feno... – Comentou com bastante gentileza, cedendo com certa prontidão à voz do viajante, que parecia dispor de um quê a mais. Dantes notaria com facilidade os cinco cubos de feno amarrotados e empilhados uns sobre os outros nas costas do macróbio. Aproximando-se, ele ainda poderia sentir o eflúvio da grama seca, embora não fosse nada muito intenso e repulsivo.

Logo que comentou, o pequeno vetusto arrastou o quadril sobre a plataforma de madeira, saindo de seu centro para o canto esquerdo, insinuando um espaço suficiente para que Dantes pudesse subir e se aconchegar. A proposta do senhor parecia bastante tentadora, já que Porto Branco ainda encontrava-se distante aos olhos do nômade, que mal era capaz de enxergar com exatidão a gigantesca fortaleza na perspectiva de sua visão. Todavia, se a dúvida persistisse e o rapaz relutasse, era provável que mudasse de opinião de imediato com a resposta do velhinho acerca do cigarro:

– Oh... Tenho não, jovem... Esse tipo de mercadoria você encontra no comércio no início da cidade. – Abaixou a cabeça e curvou as sobrancelhas com certa frustração, relaxando os ombros junto a um suspiro. – Você quem sabe. – Inclinou as espaldas, pronto para dar o comando de partida para o cavalo com as rédeas. Se recusasse o aviso final, Dantes teria de suportar o deleite de seu vício algumas horas mais.

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco His

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Rose

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 0fMOaeE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
EmperorNie
Membro
Membro
EmperorNie

Créditos : 6
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 11/03/2019
Idade : 97
Localização : Dawn Island

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptyQui 14 Mar 2019, 18:25




- Seu nome é Trebold ? Esse era o nome do meu tio avô ! - Sem pensar duas vezes, ele conta uma mentira descarada enquanto encarava o senhor, prevendo que assim como seu familiar, ele gostasse de relembrar alguma coisa do passado. - É muito educado da sua parte me oferecer uma carona. São poucas as pessoas que costumam ser gentis com viajantes. Aceito de bom grado sua cortesia. - Disse enquanto subia na charrete e tomava posição ao lado do experiente comerciante, ajeitando seu chapéu para de modo que conseguisse proteger seu rosto do sol logo em seguida.

Já em cima do meio de transporte, Edward escutou a dolorosa resposta de Trebold e quase que por instinto, acabou mordendo parte dos seus lábios para conter sua própria boca de proferir algum palavrão em função da triste frustração de expectativas que havia presenciado naquele instante. Enfim, após passar alguns longos segundos repreendendo fisicamente a si mesmo em função do seu mal hábito, Edward finalmente quebra o silêncio fazendo uma nova pergunta para seu mais novo companheiro de viagem.

- É meio vergonhoso admitir isso, mas acho que vou ter que implorar para que alguém pague um malote de tabaco para mim quando chegarmos em Porto Blanco, já que alguns homens levaram todo meu dinheiro no momento em que cheguei em Dawn Island. - Mais um vez ele utilizava de uma mentira para conquistar a compaixão do homem ao mesmo tempo que puxava assunto. - Mas bem, acho que o senhor não quer ouvir as magoas de um viajante qualquer que encontrou por coincidência na estrada. E os negócios, como vão ? - Se houvesse uma abertura, questionaria Trebold sobre seu trabalho enquanto tentava aos poucos se acostumar com a agradável paisagem verdegante que se fazia presenta nos seus arredores.

"Não consigo imaginar que tipo de pessoas vivem dentro desse tal lugar chamado "Porto Branco"...provavelmente devem ser pessoas melhores que o povo da Velha Yharnam, já que conseguiram conservar uma construção tão bela e vívida quanto essa" - Inocentemente admirado com a estrutura física de Porto Blanco e com as pessoas que deram origem ao monumental palácio que estava no alcance de seus olhos, Dantes tentava evitar pensar que teria que aguentar mais alguns minutos sem sua tão amada nicotina.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Game Master
Game Master
GM.Hisoka

Créditos : 30
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptySab 16 Mar 2019, 20:52



Mini-Aventura

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco D4b2dcys7ufkvlq2fskemsvspqf3twu7_hq



Cativado em função do apreço pela voz do andarilho, a qual era detentora de um timbre único e portentoso, o pequeno vetusto sugeriu uma carona até a maior cidade de Dawn Island, Porto Branco, benesse que foi prontamente aceita por Dantes. Saber que a viagem gratuita lhe permitiria saciar o vício mais rapidamente até deu uma trégua ao incômodo que afligia seu peito e ressecava sua boca, oriundo da intensa ansiedade pelo regalo do eflúvio e saibo nicotínicos.

– Oh... É uma pena jovem, mas infelizmente os arredores são bem perigosos mesmo. Os bandidos aproveitam a falta de segurança que está concentrada para os nobres. – De semblante taciturno, o macróbio balançou a cabeça esmorecido, decaindo o tom ao fim da frase, o que denotava certa mágoa com a realidade. – Eu tento sempre estar protegido, mas com esta minha idade... – Logo que falou, inclinou a cabeça por cima do ombro, praticamente indicando o local para o qual Dantes deveria olhar.

Se tivesse a curiosidade, o andarilho não tardaria a ser surpreendido por um fulgor em meio ao feno, o qual provia de uma lâmina curva perdida no palheiro. Tratava-se de uma foice simplória, dotada de um gume de extremidades oxidadas e um sinuoso cabo de madeira, atados entre si através de uma série de cordas e amarras, sugerindo que havia sido feita a mão de modo amador, talvez na medida para o próprio velhinho, já que não era muito extensa, com cerca de um metro e cinquenta de altura.

– Fufufu... – O provecto soltaria uma risada abafada em reação ao comentário do rapaz, moldando um meio sorriso em seguida. – Então, jovem. Sou um transportador. Eu faço a conexão entre Frushin e Porto Branco, levando e trazendo alguns mantimentos... Fica bem distante de onde estamos, lá no extremo sudoeste da ilha. – Ele largou a rédea da mão esquerda por um momento para apontar sobre o ombro na direção do vilarejo. Realmente nada poderia ser visto no imenso horizonte, senão um vasto campo com árvores dispersas.

O silêncio ministrou a viagem mais uma vez, exceto pelo ruído das rodas contra o cascalho e as melodias das aves que ora ou outra irrompiam o céu, assim sendo mantido por alguns minutos. A silhueta do castelo, outrora tão pequena no plano de perspectiva, agora ganhava quase que todo o campo de visão de Dantes, engolindo parte da paisagem antes predominada pela natureza. O anelo já começava a tomar conta da corrente sanguínea do rapaz, de modo que ele já parecia conseguir sentir o cigarro entre os nós dos dedos, quando um súbito fragor chamou sua atenção, retirando-o da êxtase. O barulho proveu de folhas balouçando, sucedido pela queda de um véu de esgalhos duma árvore à noroeste da dupla. Junto a penca, um vulto também ruiu, aterrissando no solo com os joelhos flexionados em frente a carruagem, impedindo a sua passagem.

– Kukuku... Duas presas fáceis, ein? – A voz rouca exauriu por trás da silhueta adornada com um grande chapéu de palha, o qual permitia notar somente um marcante cavanhaque na pele bronzeada. – Podem deixar os pertences no chão e irem embora. Vamos... Façamos do jeito fácil. – Disse erguendo o mento, permitindo que os olhos fitassem a dupla sob a aba em trapos do kasa. Era um homem adulto, não muito velho, e de feição bem ríspida, ainda que passasse certa tolerância, dado que permitiu que suas vítimas possam sair ilesas, contanto que acatem com o ordenado.

Sua mão direita, então, deslizou até a cintura, apoiando os dedos na extremidade da bainha da espada, a qual estava sendo segura pela esquerda. O polegar, enfim, tocou o guarda-mão, culminando num frêmito agudo que acompanhou a lâmina sendo arrastada, sugerindo o teor de ameaça no comentário ao revelar parte do gume que reluziu em contato com os raios solares.

Ladrão:
 

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco His

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Rose

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 0fMOaeE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
EmperorNie
Membro
Membro
EmperorNie

Créditos : 6
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 11/03/2019
Idade : 97
Localização : Dawn Island

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptyDom 17 Mar 2019, 13:15


- Então nem mesmo num lugar tão bonito quanto esse as pessoas tem o mínimo de paz com relação ao problema da criminalidade ? Isso é algo bem...triste, por assim dizer. - Um tanto quanto decepcionado com o primeiro ponto exposto por Trebold, Dantes via suas expectativas com relação ao Palácio serem exterminadas em poucos segundos. Ele obviamente sabia que crimes existiam em qualquer lugar, contudo o real problema que incomodava o ceifador naquela situação era precisamente a quantidade de ocorrências desses acontecimentos e a inércia dos mais abastados em relação ao assunto. Porém, ao mesmo tempo que se irritava com os nobres, inconscientemente também se lembrava que estava buscando ser um Caçador de Recompensas justamente para ajudar na resolução desse tipo de fenômeno, o que acabou de certa forma contendo substituindo o sentimento revolta que sentia por uma sensação de esperança.

Após deixar claro sua insatisfação com o contexto de Dawn Island, Edward acabou vendo que o senhor portava uma arma consigo, o que deixava o civil bem mais seguro com relação à possíveis roubos durante a viagem. De certa forma, ele ainda se sentia em dívida com o comerciante e poderia pagar a sua carona justamente dando ao velho a tal almejada segurança que seu parceiro de viagem desejava, já que tinha certa experiência em combates usando foices e poderia usar isso ao seu favor.

- Depois de percorrer uma distância tão grande, aposto que você deve estar bem cansado. Não sei se eu aguentaria ter viver uma vida nesse tipo de ramo, já que viagens longas não são nem de longe o meu passa-tempo favorito. - Respondia o senhor de forma bem humorada enquanto tentava encontrar com seus olhos dourados e sem muitas expectativas a tal vila que o homem havia citado.

E não demorou muito para que a fala de Trebold sobre o perigo das estradas se mostrasse verdadeira. Após passar algum tempo admirando os campos verdejantes ao seu redor enquanto seu parceiro guiava os cavalos, repentinamente um homem surgiu, impedindo o prosseguimento do percusso. E "vualá", ali estava um homem que compartilhava do mesmo talento que Edward fazendo uso dessa não tão honrada habilidade.

Felizmente, Dantes já convivia com aquele tipo de situação desde muito jovem. Não foram poucas as vezes em que teve que roubar para sobreviver, assim como também ele havia sido furtado por pessoas com a mesma paixão pela vida. Assim, mesmo com a falta de cigarro para lhe fornecer conforto, ele era plenamente capaz de manter a calma diante de um assalto, em função do seu próprio passado.

De certa forma, ao analisar um pouco a abordagem escolhida pelo homem, o gatuno conseguiu supor que aquele homem não era muito experiente naquele tipo de prática, visto que escolheu atacar sozinho e preferiu conversar de maneira pouco agressiva com suas vítimas, ao invés de mostrar logo de cara que estava não estava para brincadeiras, o que poderia deixar Trebold e até mesmo Dantes numa situação de desespero. Se a conjuntura estivesse um pouco mais complicada, talvez o ceifador criasse algum tipo de medo com relação ao espadachim, porém, ao pensar que o ladrão era inexperiente, ele conseguiu acalmar seu espírito com relação ao assunto, apesar de ainda estar um pouco ansioso para dar um jeito no criminoso e enfim sentir o odor da nicotina invadindo suas narinas.

- Tudo bem, tudo bem, nós vamos te dar as nossas coisas. Apenas tenha um pouco de paciência com o meu amigo aqui, ele já é um homem de idade e não queremos que ele acabe fazendo algo desnecessário. - Enquanto pronunciava essas palavras, Dantes ergueria uma de suas mãos em sinal de rendição enquanto ajeitava seu chapéu para evitar a incidência dos raios solares nos seus olhos. Ele já tinha uma ideia do que fazer naquela situação para proteger as mercadorias de Trebold, no entanto, para conseguir pôr tal plano em ação, Edward ainda precisava que seu parceiro de viagem colaborasse com ele, mesmo que de maneira inconsciente. - Vamos nos render, nossas vidas valem mais que as mercadorias que estamos levando nessa carroça. - Com essas palavras Dantes tentava fazer com que Trebold abandonasse o meio de transporte, e caso obtivesse sucesso, isso concluiria a etapa preparatória do contra-ataque que estava planejando executar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Hisoka
Game Master
Game Master
GM.Hisoka

Créditos : 30
Warn : [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 10010
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco EmptyTer 19 Mar 2019, 00:26



Mini-Aventura

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Tenor



Enquanto muitos reagiriam de maneira desesperadora à situação, Dantes demonstrou uma frieza invejável, a qual ele deve principalmente a sua experiência de vida. Assim, mesmo na circunstância lancinante, o caçador de recompensas conseguiu manter a cabeça nas rédeas da racionalidade e pensar num plano para que pudesse ter chances de um contra-ataque. Desta forma, com seu timbre deslumbrante, o rapaz tentou dar a impressão de rendição, erguendo as mãos e solicitando que o pequeno vetusto aquiescesse com seu pedido. Todavia, o que ele não esperava era um vigor indomável por parte do macróbio, que retrucou intransigentemente o ladrão:

– Ora, seu! Não pense que vai levar as minhas mercadorias! – Redarguiu de glabela crispada e punho destro cerrado a frente do corpo, resistindo austeramente à ameaça do larápio.

– Kukukuku... Infelizmente o seu companheiro não é tão inteligente. – Comentou friamente, sugerindo que a atitude de rendição por parte de Dantes havia sido um comportamento sensato, ao contrário da resistência de Trebold.

Poucos instantes depois, o gatuno flexionou as pernas e não pestanejou em encurtar a distância entre Trebold e ele. Suas vestes largas esvoaçaram ao vento no ritmo de seu deslocamento, ao passo que seu chapéu fora deixado para trás e, antes mesmo que caísse no chão, a sua espada estava desembainhada, imediatamente irrompendo o ar verticalmente junto a um sibilo agudo, mirando precisamente na base do pescoço do provecto. Dantes teria pouco tempo de reação, mas dado sua proximidade com o macróbio, não teria muita dificuldade em protegê-lo se optasse pela escolha correta.

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco His

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Rose

[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco 0fMOaeE
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco   [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: