One Piece RPG
Confronto de Realidades XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» The Lost Boy
Confronto de Realidades Emptypor Madrinck Dale Hoje à(s) 23:18

» [LB] O Florescer de Utopia III
Confronto de Realidades Emptypor Vincent Hoje à(s) 23:17

» The Victory Promise
Confronto de Realidades Emptypor Akise Hoje à(s) 23:12

» Unidos por um propósito menor
Confronto de Realidades Emptypor Jean Fraga Hoje à(s) 23:08

» Chapter I: Seafret - Oceans ♪♫♪
Confronto de Realidades Emptypor Nolan Hoje à(s) 22:48

» Kamui Arashi
Confronto de Realidades Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 22:22

» O Regresso do Anjo Torto
Confronto de Realidades Emptypor Jean Fraga Hoje à(s) 22:10

» Hisoka Kurayami
Confronto de Realidades Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 21:48

» Kizumonogatari
Confronto de Realidades Emptypor yaTTo Hoje à(s) 21:29

» Vincent Kjellberg
Confronto de Realidades Emptypor GM.Noskire Hoje à(s) 21:28

» [MINI-*fxgabriell*] *Em busca de justiça*
Confronto de Realidades Emptypor fxgabriell Hoje à(s) 21:14

» Apresentação 4 ~ Falência Articulada
Confronto de Realidades Emptypor GM.Furry Hoje à(s) 20:36

» Supernova
Confronto de Realidades Emptypor Shroud Hoje à(s) 18:48

» Do ferro ao aço
Confronto de Realidades Emptypor Vincent Hoje à(s) 18:03

» 1º Cap: O começo de uma grande aventura
Confronto de Realidades Emptypor Muffatu Hoje à(s) 17:53

» Cap. 2 - The Enemy Within
Confronto de Realidades Emptypor King Hoje à(s) 17:39

» As mil espadas - As mil aranhas
Confronto de Realidades Emptypor jonyorlando Hoje à(s) 17:06

» [MINI-Ballu] Um momento desesperador
Confronto de Realidades Emptypor Shroud Hoje à(s) 15:16

» Green Alert! O imortal Renasce! Ressurreição dos Skull Moneys(Parte.1)
Confronto de Realidades Emptypor Noah Hoje à(s) 15:14

» [MEP - Haqim]
Confronto de Realidades Emptypor Haqim Hoje à(s) 14:36



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Confronto de Realidades

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 53
Warn : Confronto de Realidades 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 1ª Rota - Karakui

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptySab 16 Fev - 23:39

Confronto de Realidades

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Shaanti Mochan. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Furry
Game Master
Game Master
GM.Furry

Créditos : 45
Warn : Confronto de Realidades 10010
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 28

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptySab 16 Fev - 23:42




Preparações

1


Haveriam dois dias de intervalo, dada a informação que Rin lhe havia repassado, nesse meio tempo poderia fazer o que quisesse, todavia...

- EIII PIRRALHOOO, ACORDAA. - jogaria o colchão da cama com Gutinho em cima. Isso obviamente se o mesmo ainda estivesse dormindo. - HEHEHEHE. - uma ideia cruel lhe passava pela cabeça, sabendo o quão sem jeito Gutinho ficava junto de Rin.

- Preciso de umas coisas. E você pode fazer isso pra sua Ane-san não pode. - estaria se inclinando para frente para aproximar seu rosto do rosto dele. Teria feito isso após ele levantar, ou no caso de já estar acordado previamente.

- Meu capacete foi avariado, também quero que um ferreiro olhe a armadura inteira. HEHEHEHE.

Rin havia se ferido bastante na última prova, Shaanti considerava que aquilo era tanto pela ingenuidade da garota como falha estratégica dela própria e por isso precisava reparar um pouco o seu erro, mas ir simplesmente ajudá-la não lhe daria o mesmo prazer.

- A Rin também vai precisar consertar a armadura dela. - colocaria uma mão em cada ombro de Gutinho. - A dela acabou ficando na floresta, mas ela acabou ficando um pouco ferida na última prova, então…. - giraria o rosto encarando-o com apenas um olho esperando que ele fosse capaz de acompanhar o raciocínio. - Sim… Seja um escudeiro e vá ajudá-la. Carregue a armadura dela e a minha como parte do seu treinamento, hehehehehe. E me compre uma lança, curta com ponta de flecha.

Shaanti não poderia sair por aí sem a sua armadura… Não ainda ao menos. Também não poderia ir vestindo-a até o ferreiro e esperar que ele consertasse consigo dentro. Seria justo é claro que fosse ela a ajudar Rin, mas a caminhada de ida e volta lhes custaria no mínimo 4hs, tempo que ela preferia se exercitar e aproveitar com Emily.


- Vá achar Rin, traga o café e diga que mandei você ajudar ela o dia inteiro em tudo que ela precisar e não aceite “Não precisa como resposta”. - - HAHAHAHAHAHAHAHAHA.   - a risada mental era pelo fato de Gutinho ficar completamente sem jeito perto de Rin.


>>><<<

- Hehe, aposto que ele vai se divertir muito. - daria uma piscada para Emily, que provavelmente teria acordado após toda essa comoção.

Antes que Gutinho voltasse com o café a tritã se apoiaria contra o chão para exercitar-se com alguns apoios e abdominais, aproveitando do momento para falar com Emily.

- Sem a armadura não vou poder sair hoje, preciso me preparar também pro torneio… - achava um pouco injusto ter deixado a pequena trancada no quarto pelos últimos dias, queria ficar junto dela, mas… - Você pode ir com eles… se… quiser. - embora dissesse isso seria óbvio pela maneira que falou que na verdade queria que Emily ficasse. - Ou… Você poderia ler pra mim um dos livros que te comprei. - recordações dos primeiros encontros de ambas voltaram a mente de Shaanti, não fazia um longo tempo na verdade, mas com tudo que havia acontecido entre elas acabava parecendo que isso havia sido em outra vida e a verdade era que a ruiva havia aprendido a apreciar as histórias que Emily lhe contava, mesmo que fosse ser do contra em diversos pontos destas apenas para incomodar a garota.


- Tem certeza? De… que não prefere ir? - diria no caso de Emily dizer que ficaria, mas diria isso fazendo um ‘bico’ xoxo com a boca. - ÓTIMO, HEHEHE. - comemoraria se a mesma confirmasse que iria ficar. - Pode começar por aquele que fala do mar. - após falar teria percebido que havia demonstrado mais empolgação do que devia, nesse momento sentar-se-ia interrompendo o exercício para se corrigir, - EU NÃO TO ANSIOSA, NÃO PENSA QUE EU TÔ, EU SÓ ACHEI QUE ESSA DEVE SER A MELHOR, NÃO É ANSIEDADE… EII. EII TA ME OUVINDO? TÁ RINDO DO QUE MALDITA?  


Quando o café chegasse interromperia seus exercícios para comer, dispensou Gutinho rapidamente do quarto e iria passar as horas seguintes revezando entre exercícios e ouvir atentamente as histórias que Emily lhe estivesse contando.




”objetivos”:
 

Histórico:
 

Spoiler:
 

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Alipheese
Comodoro
Comodoro
GM.Alipheese

Créditos : 57
Warn : Confronto de Realidades 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 26
Localização : Olympo- 5ª Rota

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptySeg 18 Fev - 2:23



Confronto de realidades - 1

Com uma certa liberdade de tempo, para que pudesse se recuperar e também se preparar, Shaanti decidia por poder ficar um tempo junto de quem lhe era importante, o que era a decisão mais sabia que alguém poderia tomar em seu lugar. Sendo a primeira a acordar, ela puxaria o colchão de Gutinho que caia de forma patética e parecia ainda estar um pouco confuso, ele ainda estava de olhos fechados, enquanto tateou o chão e tentou se levantar, lembrava de ter ouvido a voz de Shaanti e isso logo o alertou, quando se deu conta, e assustado repetia:

- O que? como?

Até que parava e olhava para a tritã sem entender muito bem o que estava acontecendo, a forma como ele falava acabava por acordar Emily que levantou-se e esfregava os olhos, tentando entender o motivo de tanta agitação.O rapaz logo levantou-se e quase numa posição de sentido, como se ela fosse a mais cruel general, se endireitava todo, com um sorriso nervoso e voz trêmula responderia.

- Posso sim! O que é?

Ele concordava rapidamente com a cabeça parecia simples mas, no momento que citasse a loira, poderia ver o garoto soar frio, seu olhar ficava inquieto, suas mãos soadas e respiração ofegante, como se tivesse corrido 30 vezes na frente do lago, com dificuldade ele diria quando finalmente conseguisse responder.

- E-Eu um escudeiro da Rin?I-Isso... V-você me derrubou da cama certo, não é um sonho?

Dizia de certa forma inocente e nervoso, com certa empolgação e medo ao mesmo tempo era algo até que bonitinho, poderia contar com ele certamente. O rapaz teria saído rapidamente de modo que quase ficava só um pequeno rastro de fumaça atrás dele, inclusive era possível ouvir um barulho na escada, junto a um " eu tou legal" pouco tempo depois com a voz do gutinho e com isso, emily acabava rindo um pouquinho.

- Você mostrou sua identidade só como armadurada até agora né?

Dizia ela pensativa, enquanto olhava para a tritã se exercitando, havia certa preocupação em sua voz, pois ela importava-se com a ruiva.

- Seria muito legal que você se tornasse uma cavaleira, mas eu não quero que eles te trarem mal, ainda mais porque sei que você se esforçou por isso.. Eu... quero ficar. Você me deu várias aventurar pra viver aqui.

Dizia de certa forma ela meio manhosa apontando pra própria cabeça com um sorriso bem bonito no rosto, ela confirmaria que não queria ir, havia gostado da ideia e logo levantou-se e foi até a prateleira, onde ela se sentava na mesma cama que Shaanti. Nesse momento ela abria o livro e o colocava de lado e era o momento que Gutinho trazia o café, logo saindo, sem mais delongas.

- Posso ler um trecho pra você com você deitada no meu colo? Eu vi isso em um livro mas nunca fiz... Parece legal... Minha mãe fazia comigo também...

Dizia a pequena olhando para a ruiva, em seus olhos com um certo carinho nos olhos, esperando uma resposta positiva, e se fosse, ela então faria carinho na cabeça da mão de Shaanti com uma das mãos, enquanto com a outra mudava as paginas, onde ela lia fazendo vários sons e efeitos com a boca, dava realmente vida a história, seriam aqueles momentos mágicos que ela poderia dividir com Emily.
”Histórico”:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ação
Pensamento
Fala
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Furry
Game Master
Game Master
GM.Furry

Créditos : 45
Warn : Confronto de Realidades 10010
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 28

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptySeg 18 Fev - 9:20




Inicio 1

2



- É melhor não esquecer minha armadura pirralho. - diria antes que Gutinho tivesse a chance de sair do quarto pela segunda vez, pois aéreo como estava era muito provável que já nem lembrasse o que Shaanti havia falado. - E a lança… E PEGUE DINHEIRO OU VAI TER QUE PAGAR COM TEU CORPO. - depois que ele saísse ela finalmente relaxou. - Como pode ser tão atrapalhado. - comentaria com Emily ao seu lado.


- Deitar no teu colo? - diria surpresa ao morder um pedaço de pão. - AHNN, ta me achando com cara do que? HAHAHAHA, sou uma grande tritã, tritões não deitam no colo. - fazia uma pose orgulhosa, afinal, ela não se deixaria passar por sentimental assim tão facilmente.

Durante um tempo revezava entre se exercitar e ouvir as histórias de Emily, achava graça a cada encenação da pequena, e não perderia a oportunidade pra implicar com algum som que ela achasse que devia ser diferente.

- Taaaaa, eu paro… Continua lendo. - diria caso Emily se irritasse com o comportamento.

Teria sido, depois de uma hora ou mais, após uma série de abdominais o momento que a ruiva se esgueirou para a cama repousando sua cabeça no colo de Emily. Nada diria de imediato, mas se a garota fizesse uma pausa na leitura devido sua atitude ela falaria. - Se você falar alguma gracinha eu te mato. - eram palavras vazias é claro e Emily muito provavelmente saberia disso, sendo ela a pessoa que mais conseguia entender a cabeça insana da tritã.


O que lhe restava era se preparar, aproveitar o tempo com Emily e tornar a vida de Gutinho um verdadeiro inferno de treinos físicos. Era assim que Shaanti pretendia passar os dois dias até o evento.

Conversaria com Rin se a mesma viesse até seu quarto. - Pode deixar ela entrar, já sabe. - diria se Gutinho fosse abrir a porta, ou mesmo Emily. - E ai pirralha 2, melhor? O pirralho te ajudou né? Se não ajudou… hehehe, você me fala que tenho um castigo especial para ele. - daria uma piscada para Rin, mas de toda forma era verdade, ela tinha um castigo especial, quem na posição dela não teria?


- Vai ter algum lugar que os dois possam ficar? - questionou Rin se a oportunidade surgisse, pois preocupava-se com Emily e Gutinho e de onde eles poderiam assistir a competição, certamente ficar no meio da praça não seria o mais seguro para eles.


Esperava que fosse haver ao menos uma secção para familiares dos finalistas e que assim pudesse levar os pirralhos para dentro da arena, ou quem sabe dentro do palácio, dependendo de onde a competição fosse ser realizada.

Esperava que Gutinho saísse novamente com Rin, tanto para buscar sua própria armadura, quanto para ajudar a loira com a dela. E então com essa rotina esperaria o dia prometido.

>>><<<


- Pronta? - perguntaria para Rin quando a visse naquele dia. Estaria já trajando sua armadura completa, teria limpado suas manoplas e também teria a corda do arpão para utilizar a nova lança. Não esperava que a mesma fosse de muita qualidade, desejava apenas que tivesse entre 1,0m e 1,3m para que fosse possível manejá-la com apenas uma mão. Para Emily daria o megafone. - HEHEHE, esse aqui é pra você torcer. - sorria. - E você pirralho, não esquece de levar o peso, não quero saber de moleza….. E pega dinheiro pra vocês comer.

Fora sua armadura, manopla e lança a outra única coisa que Shaanti estava carregando era o botão de Lvnell. - Mostre o caminho. - diria por fim para Rin, a quem considerava praticamente como sua Guia particular.

A partir dali acompanharia Rin, mas sem deixar de prestar atenção no movimento da cidade.

- Parece que vai passar pra todo o Blue. - diria ao se virar para Emily e Gutinho. - HHEHEHEHE, vou ser famosa. - mas a frase seria dito com nervosismo em sua voz. - Que que eu vou fazer?


Shaanti não havia conseguido chegar em uma resposta para essa questão, mesmo que houvesse pensado largamente nela nos dois dias que passou no quarto. O que faria quando fosse necessário se revelar, como faria isso, o que diria.

- EU SOU SHAANTI… SIM SOU UMA TRITÃ, ALGUM PROBLEMA COM ISSO LIXOS? - talvez não fosse a melhor opção, mas ela de certo não sabia planejar discursos e assim, depois de muitas ideias similares, acabou por desistir, aceitando que diria o que sentisse que devia dizer.

>>><<<

Despediu-se de Emily e Gutinho após os deixar no lugar deles e seguiria para onde os participantes devessem ficar.

- Eu não preciso de sorte, hehehe, afinal sou eu. - responderia caso eles lhe desejassem isso.



”objetivos”:
 

Histórico:
 

Spoiler:
 





____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Última edição por GM.Furry em Qua 17 Abr - 17:50, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Alipheese
Comodoro
Comodoro
GM.Alipheese

Créditos : 57
Warn : Confronto de Realidades 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 26
Localização : Olympo- 5ª Rota

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptySeg 18 Fev - 10:49



Confronto de realidades - 2

Em meio a sua empolgação Gutinho teria até esquecido de pegar o dinheiro e com isso o atrapalhado rapaz logo teria vindo já pedindo desculpas, antes de levar cerca de 1kk de berries para que pudesse pagar tudo direitinho, saindo em um mesmo pinote dali.

Emily de certo modo não se surpreendia com a atitude de Shaanti, na verdade ela agia do mesmo jeito como ela esperava e com isso havia começado a sua história, quando a tritã zoava algum som que ela fazia em um primeiro momento se mostrava um pouco mais tímida e tentava fazer ele melhor, sempre que se repetia aquele som, e com isso eventualmente a tritã viu que não era legal implicar, levou um bom tempo até que ela pudesse se render ao que realmente queria e com isso, a garota não teria parado mais do que um segundo para sorrir, antes que pudesse começar a passar as mãos pelos cabelos de Shaanti de forma carinhosa enquanto lia e encenava.

Eventualmente, Rin viria ao quarto, antes que Gutinho tivesse chegado batendo na porta e perguntando se poderia entrar, com a permissão ela apenas abriria a porta, já que Gutinho teria a deixado encosada e não trancada e com isso a loira sorria para ambas que estavam ali, antes que pudesse responder.

- Ele esta sendo bem gentil, me fez algumas perguntas.... Levou quase uns 15 minutos para fazer, acho que ele tem um pouco de medo de mim ou algo do tipo.. Mas enfim, eu posso mudar isso um dia se for gentil, acho. Ele foi arrumar a armadura, depois de me trazer o café e fazer as coisas que ele disse que tinha de fazer...

A garota colocou a mão atrás da cabeça enquanto fechou levemente os olhos com um sorriso meio sem jeito enquanto falava e coçava a nuca. Até que a pergunta de Shaanti tornava-se relevante naquele momento e a loira teria aberto os olhos e os colocado para cima, enquanto levou o dedo ao lábio inferior, com uma cara pensativa, fazendo barulho de "hmmm".

- hmmm Acho que eu ouvi algo assim, que cada competidor pode levar até quatro pessoas para o camarote, mas pra isso acho que eles tem que ir contigo, na hora e explicar tudo direitinho, para que direcionem eles.


>><<

Os dois dias haviam se passado e parecia que a competição logo seria uma realidade Rin viria logo cedo, já animada como uma criança que iria para a excursão, com a ajuda de Gutinho, ela não teria se esforçado muito e teria uma boa recuperação, graças ao rapaz, também as armaduras estavm consertadas e com o troco ele havia comprado uma lança de boa qualidade que tinha por volta de 1.3m de comprimento

- Sinto que eu nasci pronta para esse momento!

A loira dizia com uma chama nos olhos e um sorriso estonteante no rosto, sua voz inspirava uma confiança inocente. Emily pegava o megafone enquanto Gutinho pegou mais 200k para que pudessem comer ou comprar algo que eventualmente ele e Emily pudessem querer, assim como também pegou o peso dizendo algo como "sim Ane-san". Então dali partiriam como um quarteto, o botão de Lyvnel que ambas carregavam atraiam vários olhares na rua, comentários como " Nossa, são finalistas" ou " Será que uma delas vai ser a nova guarda real?" e vários comentários do tipo a enaltecer e encher o ego poderiam ser ouvidos, Emily parecia feliz com aquela situação e até teria comentado.

- Queria que comentassem sempre coisas gentis assim.

Acabaria dizendo a garota, enquanto eles andavam juntos, quando ela dizia sobre ser transmitido para todos os blues, teriam dito ambos ao mesmo tempo.

- Para todos os Blues?
- Para todos os Blues??

Ambos até se entreolharam e riam por falar ao mesmo tempo.Poderiam ver uma grande estrutura que parecia um coliseu circular, havia uma fila de pessoas bem grande em uma das entradas, assim como vários comerciantes, que vendiam camisetas e produtos dos favoritos, incluindo sim, Rin e Shaanti, eram desenhos estampados em camisetas e botons com base em suas imagens... É o Reino certamente se beneficiava economicamente desse tipo de evento.

Do outro lado, poderia ver outra entrada vazia, onde um dos guardas as teriam parado.

- São finalistas, certo? Entrem, siga pelo corredor logo a direita até o fim, lá você vai poder deixar seus familiares, assim que os deixarem, procurem as portas com o nome de vocês e esperem até ouvirem o nome de vocês ser anunciado, vai haver uma apresentação antes das lutas e vocês vão poder assistir alguns combates antes de entrarem no próprio de vocês. Desejo a vocês toda a sorte.

insruiu o guarda, até que eles pudessem entrar e ir até onde era o camarote, no lugar havia um espaço bem arejado e havia um serviço de atendimento muito bom, para caso eles precisassem de qualquer coisa, dali poderia também ouvir o povo ovacionar e a emoção e tensão poderiam ser sentidas ali, que logo tudo começaria, Gutinho e Emily pareciam super distraídos com a visão da arena, com as novas emoções e com tudo que tinha por ali, parecia que ficariam bem por ali e com isso eles se despediram de Shaanti.

Rin Teria acompanhado Shaanti pelo corredor e enquanto caminhavam até cada uma a sua própria sala, poderiam ter visto o nome do leão e com isso a garota comentaria.

- É, ele conseguiu também, isso é bom... Bem, dê o seu melhor, que possamos nos ver como guardas reais.

Diria a garota estendendo a mão para que cumprimentasse Shaanti, com um sorriso e um tom amigável, quando adentrasse a própria sala, poderia ver Sue a esperando, havia uma espécie de sofa vermelho, uma mesinha e uma outra porta na sala, Sue encontrava-se próximo a essa porta e carregava consigo o que parecia ser um pequeno caramujo, parecido ao que estava grudado em uma das paredes.

- Olá mocinha, bem... Vai levar um tempo ainda, então fique a vontade, se tiver perguntas sobre a próxima etapa, estou aqui para lhe instruir.

Diria o senhor em uma voz tranquila demais para quem tinha levado um chute lá.Uma coisa que poderia notar é, havia uma proteção extra agora, em suas partes baixas. Parecia que teria de esperar ainda um tempo por lá, então poderia esperar quieta ou conversar, a decisão no fim era dela.




”Histórico”:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ação
Pensamento
Fala
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Furry
Game Master
Game Master
GM.Furry

Créditos : 45
Warn : Confronto de Realidades 10010
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 28

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptySeg 18 Fev - 22:10




Reencontro Inesperado

2


- Não sei se é medo que ele sente de você, hahahahahaha. - riu-se com a imaginação inocente de Rin. - Bom, assim eles podem torcer pelo grande eu, hehe.

>><<

O dia prometido havia finalmente chegado e com ele a apreensão de não saber o que fazer. Shaanti não sentia-se nervosa com as lutas, ou o torneio em si, pois confiava em sua capacidade de resolver as coisas com seus punhos. O que lhe assustava de verdade era o que viria depois. A reação que teriam ao descobrir que era uma tritã. Talvez fosse o momento de desistir e aceitar que aquilo era algo fora do alcance para alguém da sua raça? Ou essas eram apenas vozes de fantasmas do passado, as quais existiam apenas na sua cabeça?

Olhando para Rin, Emily e Gutinho ela pensou. - Os humanos eram pra ser assim? - pois era o completo oposto do que havia aprendido. - Será o reino assim? - e os seus medos infundados?

Todavia ela não recuaria, não depois de dar esperanças para Emily, não voltaria atrás de sua palavra. - Não é como se eu estivesse cometendo um crime, no máximo não vai dar certo. - deu os ombros agarrando-se nesse pensamento para ser capaz de esvaziar a sua mente.


>><<

Despediu-se dos jovens e cumprimentou Rin antes de finalmente chegar na sua sala de espera, parando naquele momento por um segundo em frente a porta enquanto olhava para o seu nome.

- Eles perguntaram para ela….. Da onde que tirei a ideia de placas espiãs? - e assim entrou na sala, a qual lhe reservava mais uma surpresa.


- Hehehe, e ai Sue, vejo que veio preparado pra me ver. - então buscou um local para se sentar, soltando a lança ao seu lado. Abriu as pernas, inclinou-se para frente e apoiando os cotovelos no joelhos olhou para Sue. - De vez de ficar aqui para tirar dúvidas de estranhos você devia ir ver o seu filho.

Ao falar ela percebeu que se importava mais com isso do que achava, de início lhe pareceu como uma brincadeira, uma diversão onde poderia bater em um homem e justificar com alguma ladainha que não lhe fizesse se encrencar, mas… - Porque me importo? - não havia considerado, mas de fato havia gostado de Rick, ela na verdade acabava por gostar dos humanos que não se assustavam com sua aparência, mesmo ela sendo o mais inconveniente possível. - Fiz o mesmo com a florista. - se referia ao empurrão que havia dado para que ambos fossem falar um com o outro.

- Não tenho nenhuma dúvida específica… Só… talvez… O médico cuidou direitinho de você? Hahaha. - ria sem ouvir Sue. - Ah cara, aquele foi um belo golpe. Hahahaha. - demoraria um tempo para que se acalmasse.

- Ah, sim.. Esse botão, tem mais alguma função?

Não haveriam outras dúvidas, mas ouviria o que quer que Sue tivesse pra lhe dizer.

>>><<<

Por fim aguardava ser convocada. - Por onde vou? - perguntou quando o momento chegasse e assim pegou sua lança, ajustou suas manoplas, garantiu que o capacete estava bem preso e partiu.


”objetivos”:
 

Histórico:
 

Spoiler:
 





____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Última edição por GM.Furry em Qua 17 Abr - 8:40, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Alipheese
Comodoro
Comodoro
GM.Alipheese

Créditos : 57
Warn : Confronto de Realidades 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 26
Localização : Olympo- 5ª Rota

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptyTer 19 Fev - 0:58



Confronto de realidades - 3
Rin pareceu não entender bem, talvez sua inocência  mais a tenha feito ter dúvidas do que entender alguma coisa, certmente a semente da incerteza ali havia sido implantada e do jeito que Rin era honesta, bem em algum momento poderia ter certeza que ela perguntaria de forma muito direta a Gutinho e talvez Shaanti pudesse torcer estar presente naquele momento.

Ao olhar para Rin e Gutinho e Emily, poderia questionar-se sobre a impressão que tinha de humanos, pois eles eram diferentes de toda a agressividade ao qual ela teve de lidar por toda a sua vida, de modo que questionava até mesmo os seus medos, fosse infundado ou não a segurança era o melhor caminho para que pudesse naquele momento ajudar a realizar os sentimentos de Emily e a esperança que ela depositava na tritã. A tensão começava a se fazer fervente conforme mais e mais era possível ouvir a plateia ovacionar uma apresentação prévia que parecia estar acontecendo naquele momento, parecia uma espécie de tragédia em forma de música. Era algo bem grandioso, sons de espada e de batalha poderiam ser ouvidos em meio a música, como se tudo aquilo fosse um espetáculo que encenasse uma batalha, como uma opera teatral, para a tritã não mais do que sua imaginação poderia ser estimulada. É  os desgraçados estavam lucrando horrores as custas desse torneio que movia de fato a economia da ilha.

Enquanto isso, Sue parecia até meio calado frente a primeira provocação, então acabou enfim respirando fundo e comentanto.

- ... Talvez, um velho como eu mais acabaria o atrapalhando, acho... Ainda mais que você disse que ele encontrou uma boa moça...

O homem então retiraria o seu elmo, que abafava antes a sua voz, revelando-se ser um homem de cabelos grisalhos e uma expressão e traços bem firmes, havia um certo aspecto jovial em seu rosto ainda que fossem claras as cicatrizes do tempo sobre o homem

- Cuidou e espero que não tenha que cuidar de você também... Você diz não ter dúvidas mas bem, devo te informar isso de todo jeito, você tem direito a assistir a luta de um candidato, se não souber o nome de um, pode escolher a ordem, eu naõ vou te tomar muito do seu tempo, tenho de passar essa informação, para dar prosseguimento antes que a apresentação prévia termine...Mas é, foi um bom golpe.

Dizia o homem em um tom cansado fechando os olhos parecia ter pouca vida em sua voz e em seu modo de agir, como se a rotina dele tivesse começado muito mais cedo. O homem esperaria a resposta por um tempo, antes que pudesse a responder sobre o botão.

- Tem, ajuda a localizar possíveis candidatos que tenham se machucado ou precisem de resgate durante a etapa, não da para ajudar a todos, mas ao menos uma parte deles pode ser salvo.

O homem então quando tivesse o nome, caso Shaanti não quisesse que ele permanecesse ali por mais tempo, ele teria informado no dendenmushi a luta ao qual ela gostaria de ver, antes que se não fosse mais necessário lá, ele se despedisse.

- Se não tem mais dúvidas, esse é o fim da nossa conversa... Você é a 4ª a lutar, tem um tempo atoa ainda. Você saira pela mesma porta que eu vou agora, quando ouvir o seu nome.

Então  pouco tempo depois, poderia ouvir uma voz vindo do caramujo da parede.

- Bom senhoras e senhores, preparam-se pois vamos ter um intervalo de meia hora antes da primeira luta, de uma família famosa, ele o cavaleiro das cebolas! Siegmeyer! Contra o esguio Patches! Que declara públicamente que odeia clérigos, por algum motivo! Aqueles que vão apostar, devem dirigir-se de forma ordenada para o distrito de apostas, quem será o novo  membro da guarda real?

Anunciava um homem cheio de energia, enquanto o público parecia ir a loucura. Havia um tempo para que Shaanti matasse parecia que o torneio duraria quase o dia inteiro, ela não poderia sair daquele local até que fosse ou sua vez de lutar ou a de pessoa por ela escolhida, ou ao menos é o que pareceu. Provavelmente deve haver ainda alguma pausa para o almoço pelo intervalo que havia entre as lutas, então talvez tivesse um pouco mais de liberdade se as regras lhe permitissem, mas para isso precisaria conversar com Sue, para tirar suas dúvidas, para não perder a vaga por bobeira.



”Histórico”:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ação
Pensamento
Fala
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Furry
Game Master
Game Master
GM.Furry

Créditos : 45
Warn : Confronto de Realidades 10010
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 28

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptyTer 19 Fev - 12:39




Grande Show

4


Sue parecia incomodado, mesmo que seu semblante fosse sereno era fácil perceber que no fundo algo o perturbava. Talvez fosse o de se esperar, afinal era possível dizer que ele havia sido visitado por um fantasma do passado.

- Você que sabe… - Shaanti não se importava muito se ele iria ou não, pois cada um era livre para fazer o que quiser, mas havia algo que ela poderia falar, e que achou que devia. - Mas nunca é tarde pra mudar. Eu sei bem. - talvez melhor que a maioria das pessoas.

- Isso serve pra isso? - falava sobre o botão.. - Não era melhor ter usado na etapa passada? - já que a mesma era pela ilha toda. - Achei que iríamos lutar a vista de todos agora, é meio fácil ver se estamos feridos não? Com todo mundo olhando.

Não lhe fazia muito sentido a necessidade do botão naquele momento, mas manteria ele consigo já que havia sido Rin que lhe dera. Falando nela, poderia se desejasse assistir a luta da mesma, seria o certo afinal? Sabia que Rin provavelmente assistiria a sua para poder torcer por ela. - Mas seria bom ver a luta de alguém que talvez eu possa enfrentar na final… Se forem chaves é provável que eu lute com alguém da terceira luta. - Shaanti supunha através da lógica que seria assim o funcionamento.


Então lhe seria vantajoso assistir que fosse lutar o terceiro confronto, pois acabaria sabendo com quem lutaria a seguir… - Vou assistir a luta da Rin. - ainda assim, ainda que não fosse o ideal… Ela começava a descobrir coisas que lhe importavam mais. - Qual vai ser o confronto dela? ouviria. - Posso assistir junto dos meus acompanhantes? - Emily e Gutinho.


Se a luta de Rin, por coincidência fosse o terceiro confronto:

- Que divertido. - riu, porém sem humor. - Bom, achei que… pela lógica eu acabaria por enfrentar o vencedor do terceiro embate… Se for pra ser minha amiga… Acho que não se pode ser feliz em todas. - acabaria por murchar um pouco na cadeira.

- Como diriam… Entre a cruz e a espada. - Shaanti assim se sentia, pois não saberia como iria agir quando o momento chegasse e se seria capaz de lutar com todas as forças contra Rin e se ela conseguiria o mesmo. - Acho que nenhuma das duas. - se deu conta que se importava com o sonho da garota, muito provavelmente por enxergá-la da mesma forma que via Emily.


Se/ou quando Sue partisse, ou em algum momento que a fala casar:

Tendo suas respostas deixaria Sue partir. - Pense no que eu disse. - diria quando o mesmo estivesse para sair. - No pior dos casos Rick vai poder dar um soco ele mesmo em seu pai, hahahahahahaha. - o que para ela era tão bom quanto fazerem as pazes.


>>><<<

- OII, que? HAHAHAHAHAHA, CAVALEIRO DAS CEBOLAS? QUE MERDA É ESSA? HAHAHAHAHAHAHAHA. Ai, ai… mas tirando isso… não tá tudo muito exagerado não?

Shaanti não havia esperado se envolver em algo tão grande, na verdade quando fez os planos achava que seria apenas algum tipo de inscrição com algum teste individual, mas agora? Tudo estava em proporções muito maiores do que ela sequer era capaz de imaginar, ou compreender.

Recostou-se para trás cansada. - Então todo mundo, daqui até não sei onde vai descobrir sobre mim.

Em outro momento, talvez em uma outra perspectiva isso estaria animando-a, pois lhe dava a chance de mostrar para o mundo todo o quão formidável ela era, mas naquela circunstância específica ela sentia uma imensa pressão sobre seus ombros.

- Sinto que fiquei presa nesse pensamento. - o que era de fato verdade, pois por mais que tentasse afastar a ideia da cabeça ela sempre acabava voltando.

- Tem um banheiro? - perguntaria se Sue ainda estivesse a vista, ou abriria a porta para ver se havia alguém no corredor, mas não antes de verificar por si mesma se haveria um banheiro na sala em que esperava.

Nele ela iria se trancar por um momento, retirar o capacete e então jogar água no rosto. - Salgada seria melhor, mas assim serve. - lavaria suas preocupações com o frescor da água, algo que para um tritão tinha muito mais significado do que para os humanos.

Voltaria a se sentar após um momento para esvaziar novamente a cabeça, e ali aguardava pelos anúncios, ou da sua luta, ou da luta de Rin para então sair.





”objetivos”:
 

Histórico:
 

Spoiler:
 

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Alipheese
Comodoro
Comodoro
GM.Alipheese

Créditos : 57
Warn : Confronto de Realidades 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 26
Localização : Olympo- 5ª Rota

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptyTer 19 Fev - 15:32



Confronto de realidades - 4
O homem quanto a constatação de Shaanti pareceu um pouco mais incomodado, nunca era tarde para mudar, repetiria para si mesmo com certo amargor em sua mente e seria visível em seu semblante, ainda que não fosse o homem mais expressivo do mundo. Um suspiro teria sido a resposta que Shaanti teria, o homem então entendeu ao que a garota havia o perguntado, com certo delay para que finalmente entendesse e então uma grande quantidade de ar sairia de sua boca.

- Estou ficando senil... Desculpe acabei me embaralhando todo... O botão não tem uma função real, é só um botão caro que serve para ajudar a custear a competição, você deve ter visto que temos vários meios de usar esse evento para levantar fundos... Não é mais do que um deles... A função que me confundi, teria sido em relação as plaquetas, que sim tinham tambéme ssa função como um meio de localizarmos as pessoas feridas...

O homem teria crusado os braços e concordava com a cabeça quando ouvia o nome de Rin ser citado, apertando logo o botão no dendenmushi e informando que " Shaanti assistiria a luta de Rin". e Então responderia a pergunta da garota.

- Vai ser o terceiro confronto e você pode ficar a vontade no camarote junto aos seus acompanhantes.

O homem então passou a mão pelo rosto depois de guardar o dendenmushi, enquanto seu olhar estava voltado ao teto, onde ele então acabaria comentando sobre como funcionaria essa etapa.

- Vocês não lutam em uma chave ou algo assim, a ordem é decidida pelo número de candidatos que você acabou eliminando, então sua amiga deve estar enfrentando alguém que assim como ela atrapalhou pelo menos 20 pessoas, já que as pessoas que ela derrotou tinham pessoas que tinham suas placas como alvo... Você derrotou oficialmente um candidato, mesmo que tenha feito mais, deve lutar com alguém de feitos semelhantes... Há um número irregular de candidatos, para formar lutas, o que significa que alguém vai ter de lutar uma luta a mais, se será você ou outra pessoa que tenha azar, só o público pode determinar, dependendo de quanto você movimentar em apostas...

Disse o homem esclarecendo bem como funcionaria as próximas etapas, ela poderia tanto ter um só combate como mais de um, tudo dependeria de como poderia cativar o público, fosse em apostas a favor dela ou contra, uma das dez vagas estavam bem próximas de se tornarem realidade. O homem estava impaciente em relação aos anuncios, e era normal que achassem o nome do cavaleiro engraçado, o homem então teria contado para ela o motivo.

- Sieg é um homem bem cotado para tornar-se parte da guarda real, sua filha é uma das melhores e mais exemplares e foi uma das melhores candidatas do ano passado, eles vem de uma ilha chamada Catarina, onde tem uma linhagem bem longa de espadachins, a armadura de sua família lembra muito uma cebola, então alguns o chamavam assim, cavaleiro das cebolas ou cebolão... Acho o primeiro mais respeitoso.

O homem falava em um tom sério o homem então abririr a porta e avisaria no Dendenmushi que guiaria a candidata ao banheiro, para que outro não fosse liberado ao mesmo tempo. O homem então mostraria o caminho e esperaria na porta para que ela usasse o banheiro, que era bem limpo apesar de individual, o homem a guiaria de volta e assim que entravam na sala poderiam ouvir.

- É incrível! Com apenas um golpe Patches foi derrotado! Como esperado de um dos favoritos para a guarda real os cavaleiros de Catarina são absurdamente incríveis! teremos agora um intervalo para a segunda luta, Senagawa Kan o barbaro! ...Liontom Fofo? É, isso mesmo, aparentemente será dessa forma! Façam suas apostas, em dez minutos começará a próxima luta! Não esqueçam de dar suporte ao seu candidato preferido, comprando seus produtos nas lojas de lembranças!

Dizia o homem que claramente segurou o riso quando falava sobre o Mink conhecido por Shaanti, ainda que já não fosse a luta de Rin, poderia ser interessante de ouvir.
”Histórico”:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ação
Pensamento
Fala
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Furry
Game Master
Game Master
GM.Furry

Créditos : 45
Warn : Confronto de Realidades 10010
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 28

Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades EmptyTer 19 Fev - 20:06




E depois reclamam dos piratas

5



Sue parecia estar tendo o tipo de problema que a idade trás, já não ouvindo direito, confundindo as coisas e esquecendo detalhes.

- Ou seja, não serve pra nada. Precisava, e não serve pra nada? - Shaanti obviamente não havia pago pelo dela, já que Rin lhe havia dado, mas isso não a impedia de ficar completamente possessa com a situação. - Vocês só queriam dinheiro………. - retirava o botão de onde estava preso fazendo menção em jogá-lo no chão… deteve-se durante o movimento.   - Só não estou mais irritada porque ganhei esse. - ao lembrar-se que havia sido a primeira coisa que Rin lhe deu ela voltou a pendura-lo na armadura.

>><<

O receio de ter que possivelmente enfrentar Rin logo foi aliviado por Sue, embora para Shaanti não fizesse muito sentido a lógica proposta. - Considerando que, derrotar muitos ou ser inteligente tem o mesmo mérito, pois dos dois modos se classificam… eu devo supor que essa invenção é apenas para lucrar mais dinheiro com as apostas, certo? - Vocês são piores que piratas.

Para ela não havia sentido em diferenciar aqueles que saíram topando com dezenas de inimigos aleatórios daqueles que agiam e pensavam de forma a tirar o melhor proveito da situação. - Talvez seja pra classificar metade dos trogloditas e metade dos espertos…. Isso torna a Rin uma troglodita e eu a esperta? - abaixou a cabeça apoiando-o na mão. - Tem algo errado. - embora a resposta lhe fugisse.

>><<


- HAHAHAHA, EU ENTENDO SEU SENTIMENTO AMIGO, HAHAHAH. Ai, ai, foi dificil ver ele todo orgulhoso da linhagem dos fofos. - sentava-se novamente enquanto esperava que as lutas prosseguirem.


- AHHH, DROGA. - se questionada daria uma desculpa qualquer para não responder. - Esqueci de ir buscar o bote…. Como que vou fazer o pirralho remar ao redor da ilha? Merda.


>><<

- Acho bom você não perder Fofo, não foi fácil te colocar naquele bote. - Se Sue questionasse algo a respeito. - Meu alvo foi ele, depois que peguei a placa… Bem, hehehe, fiz ele me servir em troca, ajudei a achar o próprio alvo. - era provável que Sue já soubesse que Fofo havia sido o alvo de Shaanti, mas o resto poderia muito bem ser confuso de se entender. - Prefiro ter um TomFofo que um Cebolão ao meu lado. - completaria a resposta se Sue ainda se mostrasse confuso. - HAHAHAHAHA, CEBOLÃO. HAHAHAHAHAHA, AÍ, EU VOU TER QUE CHAMAR ELE DISSO, HAHAHAHA. Hun, Hun, O Sue me falou que você se chama Cebolão… HAHAHAHA, VAI SER ÓTIMO.  

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

>><<

Quando a luta finalmente começasse a jovem ruiva interromperia as conversas com Sue e começaria a prestar atenção aos anúncios, pois no fundo torcia para que Fofo fosse capaz de vencer, embora sentisse que aquilo talvez estivesse acima das capacidades do gatão.

- Espero que não fale aquela palhaçada de espadas gêmeas não são duas espadas. Ninguém vai te respeitar com esse nome e com essas frases de impacto.

Porém as outras reações de Shaanti seriam mais discretas, expressadas através da força com que ela apertava o assento onde estava acomodada, imprimindo mais força nas mãos a cada notícia ruim e aliviando-se sempre que Fofo parecesse estar na vantagem.

- PARA DE FICAR PARADO E ATACA DUMA VEZ CARALHO. - gritaria se parecesse que o leão estava sendo mais uma vez reativo ao invés de ativo. - NEM PARECE A MERDA DE UM LEÃO.  - exaltava-se, algo que talvez assustasse um pouco seu acompanhante. - SE VOCÊ PERDER VOU TE AMARRAR COM UM NOVELO DE LÃ, NÃO TO BRINCANDO. - gritava para o caracol na parede, como se aquilo fosse fazer Fofo lhe escutar.


>><<

Se ele perdesse.

- Merda de uma leoa… Não sei porque me incomodo.

Se ele ganhasse.

- HAHAHAHAHAHA, NUNCA DUVIDEI, HAHAHAH, SABIA QUE ELE IA GANHAR. VOCÊ VIU NÃO VIU? HAHAHAHA.


>><<

- E ai pirralhos. - diria quando chegasse no camarote com Emily e Gutinho. - Me liberaram para ver a luta da Rin. - sentar-se-ia. - O que tem pra comer? - ergueria apenas um pouco o capacete para comer, isso se o camarote fosse isolado de outras pessoas.

- O leão, de antes… Foi bem? - havia obviamente ouvido, mas era diferente de poder ver.



”objetivos”:
 

Histórico:
 

Spoiler:
 

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Confronto de Realidades Empty
MensagemAssunto: Re: Confronto de Realidades   Confronto de Realidades Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Confronto de Realidades
Voltar ao Topo 
Página 1 de 8Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: North Blue :: Lvneel Kingdom-
Ir para: