One Piece RPG
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Que tal um truque de mágica?
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 3:17

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 1:58

» O catálogo continua, Baterilla a cidade da beleza
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor maximo12 Hoje à(s) 0:00

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Licia Ontem à(s) 23:32

» Seasons: Road to New World
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Volker Ontem à(s) 22:37

» Vol 1 - The Soul's Desires
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Arthur Infamus Ontem à(s) 22:08

» VIII - The Unforgiven
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 22:00

» The Hero Rises!
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 21:56

» The One Above All - Ato 2
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 20:53

» Cortes e Tiros, resgate na ilha das aranhas!
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Achiles Ontem à(s) 20:49

» Bakemonogatari
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Milabbh Ontem à(s) 20:39

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 20:25

» Ato 157: Se eu quisesse tua opinião, Eu tirava na Porrada
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Dante Ontem à(s) 19:52

» [MINI-DoflamingoPDC] A pantera negra da ilha montanhosa
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Makei Ontem à(s) 19:43

» [Mini - Nice] A espada que dorme.
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:35

» [M.E.P] Nice
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Ryoma Ontem à(s) 19:34

» [Mini] Albafica Mino
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Makei Ontem à(s) 19:16

» [M.E.P] Albafica
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Makei Ontem à(s) 19:15

» A primeira conquista
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor Rangi Ontem à(s) 18:19

» A Ascensão da Justiça!
Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Emptypor K1NG Ontem à(s) 16:26



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Chapter I: Was Shing Th ed ick

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 65
Warn : Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty30.10.18 15:33

Relembrando a primeira mensagem :

Chapter I: Was Shing Th ed ick

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Nolan Hawk. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Nolan
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas


Data de inscrição : 27/12/2016

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty15.02.19 13:41

Eu aceitava a gentileza da senhorinha e adentrava na loja, percebendo o quão desarrumada ela estava depois de todo o ocorrido. O lugar era bem pobre, tudo estava desgastado e remendado, o que me fazia pensar o que diabos os ladrões estavam procurando ao invadir o lugar. Ela se desculpava pela situação do lugar e eu prontamente falava: — Fique tranquila, não é nada demais. Sou apenas um soldado e morador desta vila, assim como você, a minha casa não é muito melhor que a sua.

Foi aí que algo chamou a minha atenção. Bem… Não algo, exatamente, mas alguém. O jovem neto, Alfred, caminhava para o quintal da propriedade, enquanto sua avó explicava que não tinham roubado absolutamente nada da casa, apenas revirando o lugar e seguindo justamente para o quintal, onde fizeram um buraco. Parecia que estavam procurando por algo específico, já que não levaram nada da casa. Mas o que podia ser esse item? Parecia que eu não demoraria muito para descobrir…

Indo para o quintal, percebo que o pequeno Alfred jogava, de maneira brusca, a areia de volta ao buraco. Estava visivelmente irritado com o que tinha acontecido, o que me fazia pensar que talvez ele soubesse o que estava escondido naquele buraco. Eu chegaria perto, e de forma amistosa, começaria a falar com ele: — Malditos bandidos, não é mesmo? — Não esperaria uma resposta do garoto, então se essa suspeita se confirmasse, continuaria a falar: — Entram aqui, bagunçam tudo e depois saem na calada da noite, e quando a gente acorda, vê toda a bagunça que fizeram… É realmente um saco. — Sentava do lado dele, no meio da terra, sem me importar muito com a sujeira nas roupas. — Você sabe o que tinha no buraco, não é mesmo? Sabe o porquê deles terem vindo, revirado a loja toda e cavado esse buraco. Saiba também que estou aqui para resolver essa questão e devolver a você o que foi roubado. — E virava para a vovó, que perguntava justamente o que tinha me levado a visitar o lugar:

— Estou aqui para investigar o que foi roubado da propriedade de vocês e possivelmente pegar quem fez isso. — Se o garoto não falasse o que estava escondido no quintal, eu não teria outra escolha a não ser voltar ao QG e reportar aos superiores a atual situação da loja e as minhas suspeitas sobre o tal buraco cavado. Antes de sair, lembrei de algo que eu não tinha perguntado.

— Qual é mesmo o nome do seu filho vovó? Nome e sobrenome por favor. — O que quer que tenha acontecido, parecia ter a ver com o filho dela. Pelo menos era o que eu suspeitava.





Histórico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty18.02.19 15:07




Narração

Investigação


Dialogando com o pequeno garoto que se mostrava um tanto quanto relutante em fazer o mesmo, Nolan tentou abaixar a guarda da criança para então tentar conseguir alguma informação útil para o andamento de sua missão. — Não quelo conversa com malineiro! — reclamou o menino, continuando a fazer, de maneira brusca. Quanto mais o marinheiro falava mais ele tentava resistir aquele sentimento que, mesmo sendo tão novo, estava em seu interior. — Esse ladlões entlaram aqui e loubalam a única coisa que meu pai tinha me deixado! — afirmou, apertando a pá com tremenda força. Ouvindo o que o espadachim argumentava o garotinho até abrandava mais, porém, nada mais que isso era dito. — Vocês malineiros abandonalam eu e a vovó depois que o papai moleu! — falou chorando — Eu tenho que plotegela! — afirmou. Vendo tudo que acontecia, a idosa não resistia. Lágrimas escorriam por seu enrugado rosto. Lamentando em como seu neto havia ficado depois desse tempo todo, ela tinha uma culpa e a carregava em seu peito, sendo justa ou não.

Entrando em direção a casa novamente, o oficial partiu para um diálogo mais aprofundado com a senhora, que se mostrava um pouco abalada. — Meu filho era um bom marinheiro! Era um bom marinheiro! — repetia ela, se exaltando lentamente — Embora tinham falado tudo isso, ele nunca deixou nada faltar para nós, para seu filho, a Marinha ignorou tudo que ele fez, eu não entendo, meu filho era o oficial e depois que aquele peixe monstruoso passou por essa ilha e levou a sua vida — pausou ela — Eu não entendo, por que não houve nenhuma lembrança no que toca seu nome. Não tivemos direito a pegar nenhum seguro, inventaram diversas histórias sobre ele, não faz sentido! Meu filho não é ladrão! Não é fora da lei! Todos sabem como o Nero era! — afirmava ela, tentando convencer o oficial que estava ali a sua frente — Só levaram umas coisas que ainda restavam dele e que ele tinha enterrado lá! Ele me fez prometer que nunca olharia o que era e isso fiz, mas ontem... Eles levaram tudo! Tudo! — bradou.

Caso voltasse aos fundos da residência e investigasse o local, o marinheiro avistaria um jardim normal, porém, perto de uma das paredes havia uma pequena abertura e no solo a propriedade um tijolo que aparentemente era apenas de encaixe. De fato, a murada não era baixa, mas com o auxilio daquela abertura podia subir facilmente. Um lenço ensanguentado também podia ser notado ali, próximo ao buraco que lentamente ia sendo tampado. Estava sujo de areia, talvez devido ao garoto manusear a terra ali, porém o cheiro de sangue ainda estava vivo. O garotinho também estava com um pequeno ferimento que agora podia ser notado por Nolan após o mesmo retirar a camiseta. Era um corte em seu tronco, lateralmente, feito recentemente. Nesse momento, alguém chamaria no lado externo da porta. — Alguém em casa!? — afirmou a voz, grave atrás da porta — Sou da Marinha, senhora! Vim investigar o que aconteceu em sua casa! — afirmou.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nolan
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
Nolan

Créditos : 1
Warn : Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 27/12/2016

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty18.02.19 16:03

Eu ouvia a explicação que a senhora dava e ficava cada vez mais preocupado. Como eu havia acabado de entrar na marinha, obviamente não sabia de nada que se passava ali dentro. Não sabia quem era o tal Nero e muito menos o que ele tinha feito quando estava vivo, as mentiras que contavam sobre ele e muito menos como ele tinha morrido. Mesmo assim, meu primeiro pensamento seria tentar deixá-la mais calma: — Eu não sei nada sobre o caso do seu filho, acabei de entrar na marinha, mas ainda sim não costumo julgar ninguém. — Dava uma pausa e prestava maior atenção ao netinho dela, era óbvio o motivo dele detestar tanto a marinha. — Vou fazer todo o possível para encontrar quem fez isso. — Aquela casa estava caindo aos pedaços, não têm como a senhora de idade prover sustento direito, realmente tinha algo errado acontecendo.

Quando estávamos no quintal, consigo perceber várias coisas. O muro com o tijolo removido para servir de apoio, o buraco no chão, no meio do quintal, um pano com um pouco de sangue, que eu prontamente iria recolher para o garoto não jogar mais areia. “Talvez a marinha tivesse algum jeito de achar o dono desse sangue”, pensava enquanto prendia-o em meu cinto.

Quando o garoto tira sua camisa, talvez por conta do calor que sentia depois de trabalhar tanto em tapar o buraco, percebo que ele estava ferido. Não devia ser muito grave, já que aquilo não parecia afetar o seu “trabalho” no quintal. — Garoto, como você se cortou? Confrontou os ladrões na calada da noite?! — Virava para a sua avó, que eu esperava estar mais calma, e falaria bem perto dela para o garoto não ouvir: — Você devia levá-lo a um médico pra tratar esse corte, depois pedirei a alguém com uma aparência mais amistosa para falar com ele, ver se tira mais algumas informações para resolvermos o caso e devolvermos os bens que seu falecido filho deixou.

Quando terminava de falar, alguém chamava na porta e se identificava como marinheiro. Minha primeira reação foi estranhar, eu questionava qual era o motivo de enviarem outro marinheiro para uma cena? Aquilo era suspeito… Faço um sinal de silêncio para ela e mando-a esperar com as mãos. Chego bem perto e falo sussurrando em seu ouvido: — Só por precaução, vou pular o muro e dar a volta para ver quem é, assim que eu subir, mande-o esperar e avisa que já está indo, porém não abra a porta e não fique visível para ele, vou pular o muro e ver quem é. — Com ela assentindo, eu me viraria para o buraco no muro e usaria-o de apoio para conseguir pular e chegar ao outro lado. Com isso feito, iria para a parte da frente da casa e perguntaria de forma amistosa a quem quer que fosse o marinheiro na porta:

— Quem foi que lhe mandou aqui? Achei que a investigação dessa cena fosse minha. — Se eu o reconhecesse, sendo um dos superiores a quem fui apresentado, eu prontamente me desculparia pela indagação e lhe explicaria o que eu sabia até então, sobre não saber o que tinha sido roubado, daquela casa ser o antigo lar de um marinheiro de nome Nero e do pano ensanguentado que eu carregava no cinto com o possível sangue do invasor. Mas se eu não o reconhecesse como marinheiro, a minha primeira ação seria sacar a minha Dao e perguntar:

— Marinheiro, se identifique por nome ou mostre-me sua medalha de admissão favor. Caso não seja convincente, terei que lhe parar e te levar ao QG para maiores investigações. — Estava realmente torcendo para ele se identificar, se não a situação poderia ficar bem complicada.



Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty21.02.19 2:43




Narração

Missão


Em meio a sua investigação, Nolan se deparava com um caso bem chato de lidar. As mágoas das pessoas era um fator que não se podia prever nem lidar totalmente sem os ensinamentos e experiências ideais. Tentando argumentar com o garoto, o homem já conseguia um bom avanço naquela relação, mesmo sendo nada sadia.  — Bem quelia, mas não consigo ficar até tarde acordado... — comentou o garoto, continuando o que estava a fazer e logo guardando a pá. No momento da intromissão, de maneira astuta, o marinheiro saltou o muro para investigar. Toda esta ação, inteligente e instintiva rendia prêmios e o principal era o fator surpresa que o rapaz havia realizado. Guardado o pano ensanguentado, o foco do oficial era naquela figura. A sua frente, estava uma figura que, mesmo sendo lembrava brevemente em sua mente, nenhum histórico aparecia para remeter tais informações.

— Eu? Eu sou o oficial... Shan! — afirmou — Fui indicado pelo oficial Laurel para esta missão. Não preciso mostrar nenhuma marca de admissão! — bradou, como se o comentário tivesse o incomodado ou ferido seu orgulho, talvez — Provavelmente ele me enviou para te ajudar, mas se não quer minha ajuda, vou embora. Só vim fazer meu trabalho! — afirmou, dando as costas para o oficial recém-admitido. Caso resolvesse seguir o homem, Nolan voltaria para a taverna que havia saído anteriormente. O homem sentava agora na mesa que antes os encapuzados estavam. O trio misterioso. Pedindo um chá, o homem tentaria relaxar um pouco.

Se voltasse ao interior da casa, a velhinha agradeceria a maneira que l rapaz havia agido e lhe entregaria um papel deixado por seu filho antes de partir. Ela nunca havia entendido de fato o que seria, mas tinham alguns dizeres escritos. “Ls Cmp – 02 – Bx – Uni”, assim como um envelope um havia uma chave e a marca de a missão, provando que de fato a história da velha em relação ao seu filho era verdade.

Saindo dali e indo em direção a qualquer lugar que fosse, o marinheiro daria de cara com alguns homens que havia visto antes. De relance haviam quatro, porém, antes não eram três?  Caminhando pela ilha, eles olhavam casa por casa enquanto conversavam entre si, rindo de algo.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nolan
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
Nolan

Créditos : 1
Warn : Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 27/12/2016

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty08.03.19 12:08

A atitude do Oficial Shan me pegou de surpresa. Parecia mais um bebê chorão do que um cara que havia passado no teste da marinha. Pensar que ele poderia ter um cargo acima do meu me deixava meio nervoso. O que eu fiz foi apenas ser precavido e ele simplesmente me deu as costas e foi embora. Antes de começar a seguí-lo, voltei rapidamente para avisar a senhorinha que estava tudo seguro, peguei um papel interessante com letras e números que até então eu não entendia e voltei rápido ao rastro do meu querido coleguinha marinheiro.

Tive que me segurar para não ter um ataque de risos enquanto o seguia, a idéia de atacar a honra dele com uma simples pergunta era hilária. Por mais incrível que isso possa parecer, ele acabou entrando no mesmo bar que eu tinha passado antes de ir para a cena do crime. Entraria torcendo para que ninguém presente me reconhecesse. Eu podia ter entrado naquele dia para a marinha, mas não acho que fosse sensato beber antes de uma investigação. Eu andaria até onde ele se encontrava e de maneira amistosa, levantaria as duas mãos para o alto como sinal de rendição:

— Foi mal ter duvidado de você Shan. Mas eu tinha que ser precavido. Ninguém me avisou nada que iriam mandar outro marinheiro. — falava tentando me explicar — Eu já vi a cena do crime, volte ao QG comigo e eu explico o mal entendido. Sou novo no serviço e por isso ainda não consigo lembrar o rosto de todos.

Após todo o pedido de desculpas, seria estranho se ele ainda sim se negasse a vir comigo. Mas de qualquer forma, eu não o forçaria a vir comigo, apenas me lembraria de seu nome, “Oficial Shan”. Lembraria também o que ele tinha dito, que o Lawel o mandou para me auxiliar na investigação. Prestava bastante atenção em suas feições para poder retratá-lo bem no QG e me despediria. Torcendo para que meu caminho fosse tranquilo, com muita paz e sem nenhum problema, me dirigiria ao Quartel e, chegando lá, iria a procura de um dos meus superiores, de preferência o próprio Lawel para contar-lhe o ocorrido. Falaria da velhinha que era mãe de um ex-marinheiro, do fato dos bandidos terem desenterrado algo específico do solo e que não levaram nada da casa, apenas a reviraram. Ah, mostrava também o papel que a senhorinha me deu, onde continha algo que o filho dela tinha deixado antes de morrer. Explicaria também a chegada do “Shan” e falaria o que lembrasse de suas feições e que ele havia dito que tinha ido lá por ordens de Lawel.

— Esse é o meu relato da investigação da cena do crime. — Falava após as explicações. — Eles invadiram a casa a noite e reviraram tudo a procura de algo específico. A senhora falava que antes de morrer, o filho dela, que era marinheiro, foi tratado como ladrão no fim da vida. Acho que vocês sabem de quem ela pode estar falando… Bem, quais são as novas ordens? — Perguntaria a qualquer um dos superiores a quem eu poderia estar respondendo.



Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty12.03.19 1:10




Narração

Acasos


Em diálogo com seu até então colega de trabalho, Nolan se deparava com uma figura que realmente lhe tiraria sorrisos. O rapaz não havia estranhado a reação do até então oficial Shan. Pronto para retornar ao Quartel General da Marinha, o rapaz viu a rejeição do aliado em retornar. Ainda nervoso, o mesmo chegava a gaguejar ao informar de seu destino. — E-Eu não posso voltar ainda. Tenho que... Averiguar outras cenas do crime. Mas mande um abraço para o oficial Blackmaster! — afirmou rindo, antes de partir. Não tendo mais nada a fazer, o espadachim protagonista partiu. Não havendo mais nada a fazer ali, ele partiu.

Em meio ao caminho, o espadachim se depararia em uma das vielas o trio de antes vagando. Era próximo ao local, porém, mesmo que retornasse, não veria mais nada. Seria coisa de sua cabeça? Não saberia, porém, mesmo com essa possível dúvida, o caminho seria calmo até o QG. Adentrando, o espadachim caminharia até a sala do superior Lawel, onde explicaria todo o acontecido, parte por parte, como parte da investigação. — Entendo. Então tudo isso aconteceu na casa do Nero — pausou ele, ficando com um semblante vazio por alguns segundos — Acho que estou começando a entender o que está acontecendo. Acredito que você não sabe da história do Nero, porém, vou lhes explicar logo mais, antes, estou curioso com uma questão — falou ele se dirigindo até seu gabinete e pegando algumas folhas, lendo-as antes de comentar — Quem é Shan? — questionou.

Como um turbilhão de informações, todos os momentos que Nolan viu, o nervosismo do tal Shan, tudo faria sentido. — Não vejo nenhum nome em meus dados. Você não forneceu nenhuma informação ou coisa do tipo a ele, certo? — questionou, desconfiado. Dependendo da resposta de Nolan, o homem prosseguiria com as próximas ordens. — Você não deve conhecer, não o julgo, mas vou lhe contar a história do Sargento Nero, ou como ficou conhecido, Blackmaster... — informou.

Julios Nero III, começou como um oficial da Marinha. Logo se destacou com os oficiais novatos. Inteligência afiada, perspicácia admirável, um ótimo oficial, logo chamou a atenção, mal sabiam que não eram apenas os bons olhos que estavam em cima do oficial. Missões vão, missões vêm, Nero conseguia mais destaque e evoluía a cada desafio. Era incrível. Uma aberração, um ponto fora da curva, um gênio. Nero fazia todos os desafios que surgiam parecer fichinha. O próximo era a organização T.R.O.I.A. Uma organização de ação expandida que tinha sede em quase todos os blues. Era uma facção em ascensão que tentava se equiparar a Marinha em termos de circulo de ação.

Ao saber disto, Nero não se manteve quieto. A sua sede por justiça falou mais alto e partindo sozinho, ele deu cabo de alguns homens da T.R.O.I.A. Por essa ação, temos algumas informações hoje sobre tal organização. Porém, algo havia mudado. Não se sabia ao certo, mas Nero não era o mesmo. A cada missão, ele ficava mais duro, mais frio, mas ríspido. Em pouco tempo, o Nero que todos conheciam havia mudado, mudança essa que chegou ao seu ápice com o seu pedido de dispensa, assumindo seu personagem, o Black Master de maneira oficial e final. Não se saiba qual os objetivos do Black Master. Um vingador? Um vilão? Um homem de bem? Era uma incógnita, porém, a partir do momento que ele atrapalhou as missões da Marinha, ele se tornou um procurado, independente de seus motivos.

— E hoje, acredito que o responsável por estes ataques é o Black Master. Inicialmente eu acredite que poderia ser a organização T.R.O.I.A, porém, com o assalto a sua própria casa, meus achismos ganham requintes de certezas — comentou, pensativo — Enfim, não temos mais tempo a perder. Não temos certeza alguma, todavia não posso te enviar sozinho para a próxima missão, então, recolha o que for necessário para a sua missão, você e uma equipe que separei ficarão responsáveis pela vigia da área, acredito que os ataques não cessarão. Ao entardecer, vocês ficarão na faculdade. O posto já foi preparado e lá vocês terão a visão necessária. Esteja pronto na sala de entrada ao entardecer. Entendido? Dispensado! —afirmou o superior, ordenando Nolan em sua próxima missão.

Ao sair do local, Nolan não teria muito tempo. Chocando-se com uma mulher, que pelos trajes, era uma oficial, o rapaz seria o responsável pela mesma derrubar alguns armamentos que carregava consigo, todos de combate corpo a corpo. —Oh, me desculpe! — falou ela — Estava com pressa e não te vi — falou se abaixando para pegar os objetos — Me chamo Alissa Netlaner, prazer. Agora tenho que ir, preciso treinar. Até mais! — se despediu, partindo logo para a sala de treinamento de combates. No Quartel General, haviam todos os departamentos conhecidos pelo marinheiro e outros que haviam no mapa geral do QG, que estava na entrada do mesmo. Marinheiros trafegariam pelos corredores em um fluxo normal, como diariamente faziam, nada fora do comum.

Caso optasse a ir para a sala de treinamentos, a garota estaria guardando os armamentos na mesa de exposição. —Ah, vejo que gosta de lutar também, certo? Pelo seu semblante, acredito que gosta de combate de armas, certo? — falou ela rindo — Ah, não, não foi por portar uma espada que cheguei a essa conclusão, mas enfim, o que acha de um bom treino? Eu curto desafios armados, gosto de impressionar os outros lutando apenas com o que aprendi nas ruas — riu ela, mostrando sua confiança ao caminhar até o ringue, onde erguendo sua guarda, esperaria a movimentação de Nolan — Vamos lá, as coisas só funcionam se você acreditar que sou uma mulher indefesa, vamos lá! — ironizou ela, rindo.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Chapter I: Was Shing Th ed ick   Chapter I: Was Shing Th ed ick - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Chapter I: Was Shing Th ed ick
Voltar ao Topo 
Página 3 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: West Blue :: Las Camp-
Ir para: