One Piece RPG
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Bell Farest
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:25

» Helves
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:22

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 18:53

» O Segredo de Um Ladrão
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 18:11

» Art. 5 - The hunt is on
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 18:10

» Cap.1 Deuses entre nós
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Thomas Torres Hoje à(s) 18:09

» The Hero Rises!
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 17:21

» VIII - The Unforgiven
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 17:10

» 11º Capítulo - Cataclismo em Skypeia!
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Far Hoje à(s) 16:17

» Ato 157: Se eu quisesse tua opinião, Eu tirava na Porrada
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor K1NG Hoje à(s) 15:52

» Vol 1 - The Soul's Desires
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Arthur Infamus Hoje à(s) 15:41

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Furry Hoje à(s) 13:22

» Seasons: Road to New World
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor GM.Muffatu Hoje à(s) 10:55

» [FICHA] Sonny Delahunt
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 10:10

» Sonny Delahunt
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 10:09

» Capitulo II: Sangue e navalhas! O Golpe em Las Camp
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Oni Hoje à(s) 08:33

» Meu nome é Mike Brigss
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Oni Hoje à(s) 08:18

» Evento Natalino - Amigo Secreto
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Hisoka Hoje à(s) 03:24

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Fukai Hoje à(s) 01:54

» [MINI-DoflamingoPDC] A pantera negra da ilha montanhosa
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Emptypor Makei Hoje à(s) 01:53



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 68
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyDom 09 Set 2018, 19:31

Relembrando a primeira mensagem :

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Alexander Maxell. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Noah
Civil
Civil


Data de inscrição : 12/04/2014

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptySab 24 Nov 2018, 19:29



*O Rei rubro*


Alexander Maxell, o Imortal


Envolvido pelas trevas que permeavam o porto, a escuridão total, por mais que meu olhar se esforça-se não havia resquício de luz e de justiça apenas um palco sombrio feito pela natureza para ladrões e assassinos. Estranhamente eu estava com a velocidade reduzida, manco, por causa das dores e do ferimento em meu estomago o mais estranho, enquanto andava repassava em minha mente os passos do curativo que eu poderia fazer.

Logo me detenho, meus olhos encontram um novo veiculo marítimo para nossa escapada, dei de ombros aquela esperança e retornei até meu companheiros. No caminho, não sei explicar muito bem, eu sentia aquelas trevas me adentrando e a vontade de ajudar os meus companheiros ia diminuindo, o pensamento foi se reduzindo, o egoísmo começava a me tomar juntamente com estranhas dores na cabeça onde meus cabelos eram brancos.

“o mal vai retornar?ainda existe soro em mi? Não pode ser..”

Logo retornei arregalando os olhos,connor não estava mais ali. A preocupação foi estranhamente menor do que deveria ser, senti um certo nojo com aquela partida mais tudo interno não deixaria transparecer.

Então logo me vem uma noticia triste, teria que esperar os companheiros partirem para ai então  eu me juntar ao grupo dentro da segurança do navio revolucionário.
-Tudo bem...-

Proferi preocupado e triste juntamente com um leve aceno de cabeça. Após isso a palavra companheiros mudava seu significado. Eu me viraria de costas para o barco partindo enquanto uma estranha sede de sangue vinha até minha garganta, o imagem da katana não saia da minha cabeça. Em meio a este turbilhão me veio pensamentos.

“realmente fico grato pelos revolucionários, são aliados muito interessantes, entretanto deixar aliados feridos não foi muito inteligente, prefiro me cuidar sozinho”

A dor, o rancor, e muita muita frieza fizeram com que eu re pensa-se meu lugar nesse mundo, sendo pau andado um dia alguém me impediria de fazer justiça, logo assim decidi deixar o grupo justiceiro..., o barquinho chega e eu me sentava mais não me sentia mais um deles e sim um estranho aliado.

Ao chegar no navio aquele sentimento ainda estava presente em mim porem havia se reduzido, haviam muitos feridos. Aquilo me preocupava muito e um dos homens me entrega o kit medico e me pedia para ajudar com os feridos, sorri junto com gemidos de dor.  Logo procuraria um bom cômodo onde me sentar, retiraria a camisa com muita calma e força de vontade. Usando algodão limparia e esterilizaria a área ferida assim como uma agulha.
Doloroso,hediondo mais necessário, movido por minha frieza uni uma por uma minha pele rasgadas e as perfurava unido as como uma roupa feita de carde rasgada. Ao final um curativo somado a bandagens que me envolveriam segurariam a ferida ate ficar boa, e logo eu sairia daquele local realmente a situação estava precária.

Vou então a parte inferior do navio, ainda não estava habituado então e moveria com cuidado e meio confuso. Chegando La munido do kit medico logo iria tomar meu lugar entretanto avisto connor.

-Você esta mais para La do que praca.-

Sua voz era fraca e logo pedi gentilmente que não se estorça-se. A missão estava cumprida e eu fiquei feliz, mais ele não ficaria. Do meu bolso eu tiraria um objeto a insígnia dos revolucionários e colocaria sobre as mãos do cabo.

-Obrigado, fico feliz de telos ajudado, contem comigo sempre, mais eu devo seguir meu cainho sozinho, pirata talvez, não quero contato com o governo e sua gente-

Este ultimo ponto da frase era dito com um tom frito e sem um pingo de sentimento. Logo começou suas atitudes piratescas, apesar de tudo havia ajudado o exercito e até esmo bolado o plano e arriscado a vida logo cobraria o justo preço.

-Connor, converse com o velho da loja de armas e diga para que me denuncie as autoridades.eu desejo ficar no olho do furação, o governo nunca vai me esquecer. Como ajudei vocês eles provavelmente vão me perseguir. Por isso queria te pedir uma capa também –

Uma despedida não ali nascia um novo elo que poderia destruir de vez o governo. Começaria tratar todos ali assim que ele termina-se de conversar comigo, era um caminho terrível e duro, mais eu procuraria por aquilo que os piratas chamam de nakamas.    


Spoiler:
 

Objetivos:
 


Histórico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 153
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyDom 25 Nov 2018, 21:32



Narração
Clima: Esfriando
Localização: Meio do mar
Posts para Ilusia Kingdom: 1/2

Alexander Maxell
Alexander foi seguindo com os revolucionários, mas foi percebendo que isso não era algo que ele gostava de fazer. Foi questionando todas as decisões tomadas naquela situação. Começou a repensar se queria receber ordens para depois se arrepender e assim acabou tomando uma decisão enquanto realizava diversas ações, como se tratar e tratar as outras pessoas que estavam por ali. A primeira que ele tratou foi o próprio Connor, onde contou seus planos futuros como pirata.

- Olha, não vou falar que acho essa ideia boa. Mas não irei te impedir também. - Falou ele respirando fundo por causa do tratamento que recebia. O tom não era dos mais amigáveis, talvez estranhasse as atitudes do homem, que falava que não queria nada com os revolucionários logo após falar que poderiam contar com ele. - Alguém deve ter uma capa por aí. - Falou novamente. - Quando chegarmos em Ilusia pode se separar da gente sem arrependimentos.

Após o tratamento de todos, Alexander estava livre para fazer o que quisesse, como por exemplo procurar uma capa ou outras coisas que pudesse arranjar com os revolucionários antes de chegar em Ilusia.


off:
 

Ferimentos:
 

Cores das falas:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noah
Civil
Civil
Noah

Créditos : 2
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 9010
Masculino Data de inscrição : 12/04/2014
Localização : no seu coração s2 <=****

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptySex 30 Nov 2018, 16:10

*silver fang*

Alexander Maxell, o Imortal


Finalmente aquela caixinha negra com adornos dourados que cintilavam fora aberta. Connor havia estranhado minhas atitudes e eu nem resmunguei apenas fiquei feliz por ter-me entendido como pessoa. O mesmo e apontaria que alguns companheiros haveriam de ter uma capa. Logo estendi minha pálida mão cheia de costuras sobre as mãos do cabo.

-obrigado e descanse bem companheiro muitas batalhas viram para nós ainda-

Então me retiraria, caminhando com minhas botas negras e brilhantes pelo chão de madeira que com certeza estava cheio de pegadas revolucionarias. Procuraria por salas, aposentos, conversaria com os meus ex-companheiros, pelos seguintes itens: uma capa negra com capuz, o jornal sea-gull, e um kit de primeiros socorros. Uma mochila me cairia muito bem e não negaria pedir uma.

Em meio aos meus feitos, sinto fortes dores na cabeça e em meu corpo, o que seria? Eu havia feito meu chek-up, não estava doente. Após pegar os itens me fecharia em meu quarto ou o que estive-se vago.

(mundo dentro de mim)

Eu estava em uma sala escura em que nada podia ser visto o chão era água mais eu não afundava, diante de mim estava outro como eu entretanto mais macabro. O mesmo sorria enquanto fincava suas mão em meu pescoço eu me sentia fraco que poder era aquele?segurei seus pulsos por defesa própria e ele começa a  fraquejar, tínhamos  a mesma força.

Era o mal que o governo havia injetado em mim,ele queria ver o sangue os corpos de meus pais, meu irmão e de Julia! Logo um estranho ar Mario apareceu. Ele cravou seus dentes no meu ombro direito e eram presas como de um vampiro,ele esta sugando minha consciência eu já quase não podia ficar de pé. Tinha que controlar e eliminar o mal mais isso levaria tempo e muitos ficariam feridos, o agarrei e pulamos –para o armário! Nos trancando La.o que deu vida a um outro eu que era eu mais sem muitos de meus dotes. Meu olhar era agora prateado assim como meus cabelos, sem duvida o resquício do soro maldito.

(fim do mundo dentro de mim)

Vagarosamente abriria os olhos,cama, marcas de espada nas paredes uma locura. A cama não seria cortada por mim e ficaria intaquita para dormir pelo menos boa parte dela.

-Não voltarei até que realmente os efeitos tenham terminado, não suportaria matar um dos entes queridos eu me suicidaria. Viverei como pirata e cobrarei cada centavo do governo pelo que me fez ... aos poucos.Montarei uma tripulação, que a cura caia sobre os de bom coração e a peste sobre os incenseis e malvados, seja marinheiro,caçador, pirata...todos cairão diante da minha justiça-

Eu estava diferente, ousado mais controlado, aquela generosidade havia desaparecido mais eu não me sentia malvado, meu desejo, espalhar algumas doenças e curar outras e a próxima cidade seria o palco deste grande começo.

- nem a luz e nem as trevas,só a prata imparcial ai dominar, os Silver angels ao de chegar. – deitaria em minha cama para descansar os ferimentos.  

Spoiler:
 
Objetivos:
 


Histórico:
 

____________________________________________________

   
   
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Recompeças adquiridas:


[/center]
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 153
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptySab 01 Dez 2018, 18:49



Narração
Clima: Esfriando
Localização: Meio do mar
Posts para Ilusia Kingdom: 2/2

Alexander Maxell
Agradecendo pela informação de Connor, Alexander decidiu andar pelo navio procurando pelos itens que lhe faltavam. O kit médico falaram para ficar com o que já estava, parecia algo meio justo por ele ter ajudado boa parte do povo que estava ali a se curarem. Os outros itens, foram bem mais difíceis de serem encontrados.

Procurou por mais coisas, o jornal conseguiu facilmente, já haviam lido e simplesmente lhe entregaram sem problemas algum. A capa foi bem mais difícil, mas um bom samaritano acabou por dar-lhe uma capa meio surrada, não duraria muito, mas conseguindo de graça seria difícil de reclamar. Infelizmente, todas as mochilas por ali estavam usadas.

Sem ter o que fazer. O jovem acabou por deitar em uma das camas para descansar enquanto esperava que chegassem em Ilusia. Neste tempo, acabou tendo um sonho meio bizarro, onde foi acordado com a parada do navio. Ilusia Kingdom havia chegado, os revolucionários faziam o que queriam. Não pediram por ajuda de Alexander em momento algum, talvez Connor já houvesse falado para todos que ele havia desistido da causa. O jovem médico sentiu sua barriga reclamando de fome enquanto encarava a cidade que nunca havia ido antes. Ilusia Kingdom era bem maior que Las Camp, era uma ilha basicamente com casas e pedras, não era muito bonita ou acalentadora. Dependia de Alexander o que ele fosse fazer naquele momento. Desassociar sua imagem dos revolucionários parecia o que desejava fazer pela sua escolha no navio, mas como faria isso naquela cidade desconhecida? Pedira para Connor denunciar o mesmo, porém aquele velho era de Las Camp, mesmo que o homem houvesse denunciado, como ele saberia naquela ilha tão rápido?


off:
 

Ferimentos:
 

Cores das falas:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noah
Civil
Civil
Noah

Créditos : 2
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 9010
Masculino Data de inscrição : 12/04/2014
Localização : no seu coração s2 <=****

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyTer 04 Dez 2018, 16:30

*praga e cura,o anjo pirata*

Alexander Maxell, o Imortal


Finalmente havia terminado meu oficio naquele navio, todos ficariam bem, estavam salvos, o mal não reinava mais ali. A muito não sentia uma calma e tranqüilidade em um lugar a ultima vez Haia sido na casa onde morava desde pequeno. Troooloook! minhas orbitas despertaram repentinamente enquanto eu tatearia o ar assustado.

“acho que chegamos”

Juntei minhas coisas,meu lábio torto junto do olhar cabisbaixo já mostrava minha opinião sobre aquela capa velha e resgada. Entretanto era tudo o que podiam e oferecer e sendo de graça como dizia uma tia pobre, pretesente a família de minha mãe, ate injeção na testa.

Sairia pelo navio e seus corredores, não havia muito sinal de connor e dos revolucionários, então cruzaria a prancha para fora do navio com um ar melancólico, giraria levemente a cabeça olhando o navio de rabo de olho, gratidão era o que eu sentia pelos revolucionários.

Caminharia pela cidade que não me conhecia certamente, me distanciaria do centro e procuraria as partes mais baixas perto do porto por prováveis bandos piratas. Claro não seria estúpido de dar bandeira seria sempre muito indireto,tranqüilo, maroto, deixando claro que estava e busca de uma tripulação para fazer parte.

As dores no meu peito estavam relativamente menores, estava quase curado, entretanto ainda sentia dores.

“Meu intuito e formar uma tripulação, mais no momento quero me tornar um pirata famoso, eu quero que o governo tenha medo de mim, medo do que ele criou!”

Eu já tinha tudo formado na cabeça, como seria conhecido como imortal, decidi usar esta alcunha ao meu favor, cometendo atos estranhos, colocarei doenças nos nobres e agentes do governo. Eu olhava para o kit medico Lá teria uma seringa, e com ela eu infectaria aqueles nojentos. Mais so de mal não posso vier, vou curar piratas os que valem apena, revolucionários e cidadões.o meu território e meu território.

Enquanto caminhava procurava me familiarizar com a cidade, o jeito dos moradores, seu clima, ouvir fofocas, observar trejeitos.Logo minha marca estaria nessa cidade, os bons viverão e os mals serão carregados pela praga.

Spoiler:
 

Objetivos:
 


Histórico:
 

[npc acompanhante] -

Spoiler:
 

____________________________________________________

   
   
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Recompeças adquiridas:


[/center]


Última edição por Noah em Sab 08 Dez 2018, 15:12, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 153
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyQua 05 Dez 2018, 13:23



Narração
Clima: Outono
Localização: Ilusia Kingdom

Alexander Maxell
Alexander saiu do barco, sentindo o vento frio batendo em sua nova e acabada capa. O jovem começou a andar pela cidade a procura de piratas, queria entrar em algum bando, porém também queria ser famoso. Olhou em seu kit médico e viu que havia ali uma seringa, pensou em utilizá-la para infectar pessoas do governo ou próximas ao mesmo. Porém como faria isso sem algum tipo de vírus ou bactéria ou qualquer outra forma que fosse para infectar tais pessoas?

Enquanto andava, via que o sol começava a nascer no horizonte. Não havia muitas pessoas na cidade acordadas ainda, mas via os trabalhadores com turnos bem diurnos, como padeiros por exemplo, acordando e indo até seu trabalho. A maioria não falava com ele, que nada falava ou perguntava, só esperava ouvir qualquer tipo de fofoca.

Ele ia entendendo como a cidade era, até sentir um abraço vindo de trás, os braços da pessoa que o abraçaram eram bem brancos e peludos. - Alexander! - Ouviu e reconheceu a voz de Nikole.


off:
 

Ferimentos:
 

Cores das falas:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noah
Civil
Civil
Noah

Créditos : 2
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 9010
Masculino Data de inscrição : 12/04/2014
Localização : no seu coração s2 <=****

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyTer 11 Dez 2018, 19:11

*praga e cura,o anjo pirata*

Alexander Maxell, o Imortal



meus pés descansados, tateariam a nova terá descoberta que seria o berço do nascimento da minha pirataria.Não uma pirataria nefasta, não uma pirataria maligna. Sim eu sujaria minhas mãos entretanto se for para fazer isso que seja o menos possível. Havia abandonado a idéia de infectar as pessoas do governo, eu havia acabado de acordar minha menta ainda estava meio quebrada, ao invés disso eu cuidaria dos piratas,revolucionários e civis. Isso desagradara o governo, quando isso passa pela minha cabeça arregalava um sorriso branco mesmo com olhos entreabertos.

Nada, nada, o povo estava mudo por causa do sono estava sedo. Quando ameacei dar um passo sou agarrado por trás! Senhor! Será o meu fim? Meu coração começava a saltitar, meus olhos se arregalaram juntamente com a minha boca, foi tão rápido que nem pensei na espada.

Pensei mesmo que seria meu fim, tão vergonhoso. Então senti algo bom, confortante e feopudo, branco?me virei e não acreditei, era.. era..

-Nicole!!!?você esta viva?! amiga-

Não pude conter minhas emoções, sempre fui muito frio mais desta vez não teve jeito. A agarraria com um belo abraço esfregaria meu rosto no dela. Pouco a pouco o liquido da saudade brotava de meus olhos e se derramava por todo meu rosto. Minha companheira de cela do governo eu havia pensado que estie-se morta. Me recobraria aos poucos, o dorso da mão secaria meu rosto e meus olhos.

-Nicole, estou formando uma tripulação pirata,decidi viver por mim mesmo, e largar o governo de mão até o dia que os revolucionários acabarem com ele, se não eu mesmo acabarei com eles. Viver livre, em um lugar onde ninguém pode te fazer mal, sem sofre de fome ou doença, onde o amor pode florescer... O REINO BRANCO! O segundo one Pierce!, venha comigo amiga...-

Me juntaria a Nicole, e após isso iria a alguma taverna nos cantos da cidade ou melhor perto do porto a procura de homens que nos propusessem a nos ajudar, casa, comida e tratamento medico.um navio, conversaria com ela, se ela poderia me ajudar a acha uma pequena embarcação, eu não iria embora agora havia acabado de chegar, La seria nosso lar.mantimentos. mais assim que tudo fosse resolvido, meu novo plano se desenrolaria.

-Nicole, precisamos roubar 1 milhão de berrirs, será um bom dinheiro para começarmos nosso bando, e se souber de piratas feridos me informe..o preço e 100 mil. O tratamento.-

[spoiler=Objetivos]


Histórico:
 

Spoiler:
 

Objetivos:
 


Histórico:
 

[npc acompanhante] -

Spoiler:
 

____________________________________________________

   
   
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Recompeças adquiridas:


[/center]
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 153
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyQui 13 Dez 2018, 01:40



Narração
Clima: Outono
Localização: Ilusia Kingdom

Alexander Maxell
O jovem médico não acreditou em quem havia aparecido, uma velha amiga de tempos obscuros. O mesmo começou a falar sobre seus planos para o futuro, todo esperançoso como sempre. A coelha ia ouvindo o mesmo com claro gosto por rever seu amigo de muito tempo. - Eu estou trabalhando por aqui. - Falou a mesma mostrando que havia soltado uma cesta de pães para abraçar ele desprevenido. - Mas adoraria seguir com você, acho que sei onde podemos encontrar o que você busca. Só preciso terminar de entregar isso aqui. - Falou a mesma pegando os pães. Os dois começaram a andar e ela continuava falando. - O padeiro é muito gentil comigo. - Ela diminuiu o tom de voz e continuou falando. - Ele não se importava com o fato de eu ser uma fugitiva e por isso me acolheu quando invadi a padaria para comer por estar desesperada. Ainda me deu um emprego e agora estou aqui. Firme e forte. O governo nem sabe que estou aqui, acho que a missão era tão ultra secreta que acabaram não se importando tanto com eu ter sumido do mapa. - A mesma bateu em uma porta e entregou a cesta, pegando o pagamento da mesma e agradecendo. - Como você fugiu? Haviam contado que você havia morrido. - Perguntou a mesma interessada na história do médico que acabara por fugir sozinho. Após a conversa e a entrega do dinheiro para o padeiro, o mesmo acabou liberando a jovem graças ao amigo que com ela estava.

Foi quando Alexander explicou que queria um milhão de berries e que cobraria cem mil berries por tratamento. A mesma sorriu para ele de forma meio diferente do esperado, como se ela não acreditasse muito. - Ninguém aqui pagaria cem mil por um tratamento. Mas você pode tentar roubar o banco já que precisa do dinheiro... poderíamos nos unir a algum outro grupo pirata que esteja por aqui, mas duvido que aceitem um estranho como capitão, você teria que fazer algo para se destacar muito... por isso mesmo que roubar o banco seria uma boa. - Falou a mesma bem séria. - Só que isso não seria simples assim, teríamos que vigiar o banco por um tempo, arquitetar um plano. - E a mesma parou de andar, não estavam encarando o banco, estavam encarando o mar, estavam no porto. Onde Alexander via diversas tavernas por ali, só que todas estavam bem calmas por causa da hora do dia, sendo no máximo umas nove da manhã. Vários barcos estavam parados no porto, de diferentes tamanhos, difícil de falar se algum deles possuía gente dentro ou não, igual as tavernas, era difícil determinar se estavam cheias ou não, o barulho ali era somente de poucos homens que trabalhavam no porto e nas redondezas, a cidade estava calma.


off:
 

Ferimentos:
 

Cores das falas:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noah
Civil
Civil
Noah

Créditos : 2
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 9010
Masculino Data de inscrição : 12/04/2014
Localização : no seu coração s2 <=****

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyTer 18 Dez 2018, 19:23

*praga e cura,o anjo pirata*

Alexander Maxell, o Imortal



Iniciei meus planos como de costume, sempre sou muito direto e mecânico quando o assunto e importante para mim. E como se tratava da minha Nova vida vermelha, me senti preocupado e empolgado. Porem meus delírios são barrados pela dura realidade, fiquei feliz ao saber que Nikole tinha conseguido refazer sua vida, conheceu um homem bom, o padeiro, que lhe deu abrigo e comida.

Eu cheguei a sentir inveja da minha amiga. Porque para mim nunca foi fácil a vida depois do cativeiro, todos me tratavam friamente ou nem chegavam perto de mim por causa de minha aparência. Então levaria ambas as mãos coladas em meu rosto para tirar a tensão e a vergonha daquele pensamento, logo elas se destacavam do rosto mostrando u m leve sorriso meu.

-Que bom nikole fico feliz. Mais não confio no governo, eles apareceram antes atrás de mim, e uma questão de tempo até descobriram você. E por isso que iremos ficar fortes e cuidaremos de nossas vidas, ficaremos tão fortes que o governo não terá outra escolha a não ser nos deixar em paz-

Andamos e andamos, enquanto conversávamos chegávamos ao porto e parecia bem cedo.

-Nikole, você se importaria de nos unirmos a um bando pirata, futuramente formaremos nosso próprio bando, tudo bem? Tenho vários planos, invasão e comigo meso acabei de invadir o QG da marinha rsrs., sobre mi? Uma longa historia, me injetaram 90% do soro , me descontrolei e com uma super força sobre humana Fugi matando a todos, mais agora o efeito terminou a messes.-

Eu iria a um dos bares a procura de uma boa tripulação, mesmo que momentânea a final meu objetivo e me tornar rei. E caso encontre, nos uniremos a eles e conversaremos sobre o plano de roubo do banco e que eu bolaria um muito bom, procuraria saber se tinham navio ou esconderijo na ilha, mantimentos e tudo mais e claro so perguntaria isso depois de já esta aceito no bando.


Objetivos:
 


Histórico:
 

[npc acompanhante] -

Spoiler:
 

____________________________________________________

   
   
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Recompeças adquiridas:


[/center]
Voltar ao Topo Ir em baixo
PepePepi
Membro
Membro
PepePepi

Créditos : 153
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 10010
Data de inscrição : 15/03/2013
Localização : Utopia - 7ª rota

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyQui 20 Dez 2018, 03:55



Narração
Clima: Outono
Localização: Ilusia Kingdom

Alexander Maxell
Contando o que havia ocorrido para Nikole, Alexander viu-se então por fim no porto da cidade, já possuía alguns objetivos em mente, porém como iriam cumprir tal objetivo era uma incógnita. Precisava naquele momento entrar para uma tripulação e para isso iria entrar na primeira taverna e perceber que ali não havia ninguém. Sem ter o que fazer, saiu e foi para a seguinte, esta também estava vazia. Talvez aquilo o deixasse desanimado, porém o mesmo acabou continuando para a terceira taverna e assim viu o grupo predestinado. Não aparentavam ser muita coisa, mas era claramente um grupo pirata.

A taverna em si não era grande coisa, ela quase não tinha espaço para cinco mesas, a mesa no canto era a mesa que eles estavam, dois apoiados na parede mais ao norte, dois apoiados na parede mais a oeste e outros seis em cadeiras mesmo. O grupo era grande e estava rindo muito, um bom sinal para eles e talvez um péssimo sinal para outra pessoa da cidade, difícil determinar. De qualquer forma, Alexander foi se aproximando de tal grupo e expressou seu desejo de querer entrar no grupo pirata. Eles pararam de rir aos poucos enquanto observavam aquela dupla estranha que havia por ali, um homem todo costurado e uma coelha, não era um conjunto muito normal de se ver. A maioria deles nem queria nada com eles na verdade, o humor estava tão bom que parecia que responder já estragaria tudo, porém um deles, talvez o que tivesse bebido mais, acabou por se levantar. Ele era um homem mais ou menos da altura do próprio Alexander, ele o encarou e falou já com os punhos fechados, com um bafo de bebida. - Fracotes não podem entrar.


OFF:
 

Ferimentos:
 

Cores das falas:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noah
Civil
Civil
Noah

Créditos : 2
Warn : Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 9010
Masculino Data de inscrição : 12/04/2014
Localização : no seu coração s2 <=****

Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 EmptyTer 25 Dez 2018, 17:11

*praga e cura,o anjo pirata*

Alexander Maxell, o Imortal



Ali no chão rochoso da cidade que nem ao menos sabia que existíamos, bem pelo menos a mim não. Nikole e eu havíamos caminhado passo após passo na esperança de encontrar um grupo pirata, assim faríamos aliança nem que para isso precisássemos utilizar a força.

Afaguei a mão na porta do primeiro bar, meio relutante com quem poderia estar La, infelizmente tudo que me aguardava era um lugar vazio, onde estavam os bêbados? Cabisbaixo, meu semblante murchou assim como meu olhar, juntos viramos de costas e saímos.

Novamente chagávamos ao segundo bar. Desta vez não sei por que cargas d’água deixei nikole ir na frente. Pensei comigo, agora sim encontrarei eles.Ao adentrar novamente meu semblante muda, não para decepção mais com um ponto de raiva. Que era facilmente percebido por meus dentes de fora, enquanto meu punho fechado se apertava cada vez mais. Eu sairia primeiro que minha companheira demonstrando a ela minha indignação.

Finalmente chegamos ao ultimo bar. Estiquei minha mão encostando na dura madeira, sim e se não houve se ninguém?hesitei, porem segundos se passaram e segui enfrente. Quanto as portas daquele lugar se abriram surgiu em mim um estranho sorriso. Com poucas olhadas no canto descobri um grupo promissor, eles não se importavam em se esconder, seriam eles fortes? Iríamos até eles.

Haviam quatro na parede uma dupla de um lado e outra do outro, e seis em uma mesa. A desvantagem numérica era grande, naquele momento pensei seriamente se era realmente o que eu devia fazer ou não. Já estava aqui e não deveria voltar era fato, ou éramos aceitos ou mortos, que a vida decida por nós.

Em fim chegamos já sendo bem diretos, queríamos ser piratas. As gargalhadas que davam para mim eram misteriosas e logo elas pararam,as batidas do coração se aceleraram por um momento e eu gelei, será que eu estava cutucando um bando de leões dorminhocos. Balançava a cabeça ligeiramente afim de afastar este pensamento negativo, diante de mim só havia o meu desejo de ser grande, e não deixar que outros sofram como eu sofri.

Então o homem veio um dos que estavam na mesa, estava bêbado deve ter bebido alem da conta o que mostrava que tinham dinheiro e aguçou ainda mais o meu desejo. Fracotes não podem entrar. Disse o mesmo já estendendo seus punhos cheios de alço.

-Nikole, me siga, só não o mate ele será nosso companheiro.-

Com a mão esquerda eu pegaria a minha katana ainda na bainha, não queria matá-lo ele era um provável companheiro. Inclinaria meu corpo e rapidamente daria alguns passos longos até o mesmo em linha reta. Próximo dele esperaria sua reação, por esta alcoolizado, usaria de covardia sim subestimar minha força assim não e uma coisa que deixo passar em branco. Bloquearia seu próximo ataque parando a frente dos punhos com a bainha e com a mesma daria uma batida rápida de baixo para cima em direção ao pulso do mesmo de forma e objetivo que o mesmo mostra-se seu peitoral.

Então avançaria em um golpe horizontal rápido e forte o suficiente para faze-lo vomitar toda aquela cerveja barata, e claro criar uma abertura para nikole. Se por acaso o mesmo se recobra-se contra minha companheira  a visando golpearia sua cabeça de cima para baixo com minha força habitual visando desmaiá-lo.

-Não vejo nenhum fracote por aqui esta louco?ahh espera se e verdade como te deixaram entrar?-

Dizia em um tom irônico para o mesmo e logo me virava a todos da mesa.

-hehahah..apenas devolvi o favor que ele queria. Gente que tal deixar as armas de lado e resolver isso com uma caneca de cerveja? Quem me vencer na bebedeira tirando o capitão vai ganhar desconto de 50% no tratamento!-

Eu sorria , meu semblante era claro, deixamos bem implícito que éramos fortes  e que somos gente boa apenas procurando sobrevier. A vida de pirata, começava a mil por hora.

Spoiler:
 

Histórico:
 
[/quote]

____________________________________________________

   
   
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Recompeças adquiridas:


[/center]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell   Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell - Página 6 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Um Imortal em busca de justiça! Surge o revolucionário Alexander Maxell
Voltar ao Topo 
Página 6 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: West Blue :: Las Camp-
Ir para: