One Piece RPG
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Um Destino em Comum
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor (Orochi) Hoje à(s) 06:02

» 10º Capítulo - Parabellum!
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor OverLord Hoje à(s) 02:44

» Hey Ya!
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor GM.Mirutsu Ontem à(s) 23:12

» The One Above All - Ato 2
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor CrowKuro Ontem à(s) 22:17

» [LB] O Florescer de Utopia III
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 22:05

» The Hero Rises!
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Achiles Ontem à(s) 21:57

» Capitulo II: Sangue e navalhas! O Golpe em Las Camp
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Oni Ontem à(s) 21:24

» Meu nome é Mike Brigss
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Oni Ontem à(s) 20:57

» BOOH!
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Oni Ontem à(s) 20:20

» Garfield Henryford
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Sagashi Ontem à(s) 19:54

» Caçadoras Eternas: Almas entrelaçadas!
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 19:04

» [M.E.P] Kan Kin
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Shideras Ontem à(s) 19:03

» [MINI-*Kan Kin*] *Uma vida de merda*
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Shideras Ontem à(s) 18:58

» Bakemonogatari
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor yaTTo Ontem à(s) 18:50

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Furry Ontem à(s) 18:35

» [M.E.P] Albafica
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Albafica Mino Ontem à(s) 18:01

» [Mini] Albafica Mino
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Albafica Mino Ontem à(s) 18:00

» Cap.1 Deuses entre nós
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor Salazar Merlin Ontem à(s) 17:54

» Cap 4: O Silêncio dos Inocentes
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 17:50

» Mess in Grand Line: The Red-Haired Arrived
Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 17:50



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap 2. Rei dos Ratos

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 65
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySex 17 Ago 2018, 16:48

Relembrando a primeira mensagem :

Cap 2. Rei dos Ratos

Aqui ocorrerá a aventura do(a) revolucionario Nyx. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
yaTTo
Soldado
Soldado


Data de inscrição : 07/11/2010

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySab 15 Set 2018, 18:26



老鼠之王


O que era aquele gosto “Sangue humano” tem um sabor horrível, cuspia logo ao meu lado direito, mantinha um grande sorriso sanguinário em meu rosto. Sentia o sangue escorrer por meus lábios, pelo meu corpo, tanto de meu inimigo como o meu próprio. Já tinha experienciado tal sensação de ser banhado em sangue, porem aquilo estava ficando mais comum do que gostaria de imaginar. Essa era a primeira vez que tinha me submetido a aquele tipo de instinto tão animal, tão desumano, sentia a adrenalina correr por todo meu corpo, era diferente, mas ainda assim uma sensação tão nostálgica. Eu queria mais, mais do que? "Daquele sangue imundo, daquela carne fraca, daquela sensação de caça a presa” Mesmo sabendo tudo isso ainda assim não conseguida entender, porque queria aquilo? Porque estava tão animado com uma batalha que era apenas para ganhar tempo? Respirava fundo, estava muito agitado, tinha que me manter em um estado que poderia utilizar tanto de minha raiva quanto de uma estratégia bem planejada “Não faça isso” Algo dentro de mim parecia me forçar a querer continuar naquela luta desgovernada, sem fundamentos em um puro frenesi animal. - Ehe he he he he he - Começava a gargalhar, gargalhava tão forte que recolhia os braços para o centro de meu corpo os puxando vagarosamente, tinha que me controlar, aquela luta ainda não tinha acabado – Aha há há há há há há - Devorava com os olhos o agente do governo, soltaria vagarosamente as linhas de minha mão esquerda, não podia esperar muito tempo, meu oponente estava sangrando, era minha oportunidade para “Mata-lo” que? Não, apenas o deixar inconsciente “Mate ele”, Mas o que diabos eram esses pensamentos? Isso não era do meu normal, a pouco tempo estava pedindo para Xi não fazer nenhum ataque mortal e agora eu mesmo estava considerando isso? Daria dois passos para trás, apesar de não sentir muita dor sabia que tinha sofrido diversos golpes, estava me mantendo daquele jeito unicamente por causa da epinefrina que fazia ignorar momentaneamente toda as feridas da batalha. - Laranjito, venha a mim e encontre seu fim! - Gritava, recolhia minhas pernas, abaixava-me e em um impulso felino iria em direção do agente. - [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] - Gritava em meio a minha corrida, minha visão começava a ficar turva “Raiva, Odio”, não iria realizar nenhum tipo de esquiva como anteriormente, eu só tinha um foco em minha frente, aquele homem que sangrava como um rato. Iria lançar os fios de minha mão esquerda em direção a perna ferida de meu inimigo, visava enrolar todas as linhas na mesma em qualquer localização, mais acima, abaixo ou centro, onde pudesse ter uma melhor adesão e facilidade. No momento em que as linhas fixassem na perna iria ao mesmo tempo que puxar me lançar em direção ao mesmo com passos largos e fortes contra o solo. Quando estivesse a aproximadamente um metro e meio iria pular para o lado em que o mesmo estava mais ferido, tanto perna quanto pescoços, iriam tentar atingir seu lado mais fraco e impedir uma fuga desnecessária. Liberaria minhas garras da mão direita, em um golpe horizontal da direita para a esquerda, tentaria acertar o pescoço de meu alvo, cortar ainda mais profundo onde tinha anteriormente o mordido, iria ao fazer morrer engasgado com seu próprio sangue. Não conseguindo acertar o corte horizontal iria puxar os fios fixados a perna, seu foco era me deixar mais próximo do agente do governo, agora precisava daquela mão para continuar meus ataques desenfreados. Ao mesmo tempo que puxaria os fios, usaria do movimento do braço para liberar também minhas garras e tentar um corte de baixo para cima em vertical, da esquerda para a direita, logo também usaria a mão direita, da direita para a esquerda em vertical. Ambas as mãos tentavam acertar a parte torácica de meu alvo. Iria manter os ataques constantes e seguir avançando caso o mesmo executasse uma fuga desesperada.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Citação :
Nome: Xanax Nyx
Posts: 10
Ganhos: • Linhas de Pesca
Perdas:
Berries: • 30.000 Berries
Vantagens: Aceleração | Noção Exata do Tempo | Presas e Garras | Zooglota | Genialidade | Visão Aguçada
Desvantagens: Aparência Inumana | Código de Conduta | Sinceridade Excessiva
NPCs:
Extra:-x-

Objetivos:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Comandante Revolucionário
Comandante Revolucionário
Kenshin Himura

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySex 28 Set 2018, 02:07



A tenção em volta da batalha começava a ficar cada vez mais alta, o revolucionário Nyx estava de frente a um adversário verdadeiramente habilidoso, mas aquilo parecia não preocupar o jovem Nyx, pois o jovem começava a gargalhar mostrando empolgação com a luta. Os agentes e marinheiros que estavam presentes assistindo a luta começavam ficar cada vez mais irritados, mas mesmo sangrando e diante de uma dificuldade o superior que tinha escolhido aquela luta como a sua batalha mostrava um semblante calmo e sereno.

- Parece que está se divertindo com nossa batalha não é mesmo? O Homem falava tentando limpar o sangue de algumas partes de sua veste os marinheiros a sua volta estavam impacientes sedentos para intervir na luta, o homem de cabelos alaranjados começava a caminhar lentamente em direção a Nyx.

- Laranjito, venha a mim e encontre seu fim! Nyx gritava em provocação ao homem, então começava correr em direção ao homem, o Mink estava furioso só tinha um objetivo ali derrotar o homem custe oque custar. Partia para o ataque jogando seus fios em direção as pernas do homem, que mesmo ferido previa os atraques da fera e pulava para esquivar do ataque, o sorriso em sua face era evidente.

- Acha que sou tolo de cair nesses fios? O agente  tomava distancia e em seguida tomava impulso em direção a Nyx pulando em uma distancia segura e girando no ar em uma cambalhota em direção ao jovem Mink finalizando em um chute poderoso de cima para baixo na cabeça do Nyx fazendo o  felino cair no chão desnorteado, o agente se afastava do garoto estava confiante de que a vitória era dele, pois seu oponente estava caído no chão. Ainda consciente, talvez por sua grande vontade de vencer.

- Garoto se renda logo, pouparia tempo para todos... O homem era interrompido por um barulho ensurdecedor, uma forte Luz vinha do lado direito do QG, Nyx ainda caído conseguia ver tudo em volta em chamas, sua missão tinha sido concluída distrair enquanto a outra equipe cuidava de implantar as bombas no QG. Xi se aproximava do mink rapidamente sussurrando no ouvido do mesmo que eles tinham de sair dali o quanto antes, mas já era tarde demais, grande parte dos marinheiros e agentes ali presentes tinha corrido em direção ao lado direito do QG afim de controlar o incêndio. Logo a outra parte incluindo o líder do governo se encontrava a frente dos jovens revolucionários.

- Então era para isso que essa luta ridícula se tratava! Uma distração para algum verme de vocês invadir e explodir nossa base! O mesmo dava uma pausa voltando a caminhar na direção do Nyx. – Espero que tenha valido a pena escoria, pois se depender de mim nunca mais verão a luz do dia! Aquele momento Nyx podia ver os outros marinheiros e agentes se aproximando da dupla, oque poderia fazer? Correr ou continuar lutando?
Movimento feito pelo agente:
 

____________________________________________________

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 >
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
yaTTo
Soldado
Soldado
yaTTo

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 23

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptyQui 04 Out 2018, 16:12



老鼠之王


- Render-me? Com quem acha que você está falando? - Levantava-me do chão vagarosamente após a manobra acrobática do agente, minha visão se tornava turva e aos poucos parecia voltar ao normal, era uma pancada forte que recebia. - O rei dos ratos nunca irá abaixar sua cabeça para desgraçado nenhum - Puxava os fios que após a pancada ficavam todos em contato com o solo, era hora de contra-atacar com o que restava de força em meu corpo. Contudo antes que pudesse pensar em qualquer coisa, explosão, naquele momento, naquele instante, tinha a certeza que o plano tinha sido realizado com sucesso “Isso!” conseguia atrasar tanto o agente como os outros marinheiros com exatidão, pelo jeito toda aquela agitação no fim era suficiente para o balde e cicatriz fazerem uma grande fogueira. - Xi! - Gritava para minha parceira, era o sinal que esperávamos para recuar, uma batalha prolongada era a pior das situações que poderíamos enfrentar, já estava machucado e mesmo que o agente também mais e mais marinheiros se reuniam ali e quantos mais poderiam estar correndo em direção ao foco da explosão, tinha que seguir meu próprio plano. Recebia um último golpe certeiro, o sangue amargo em minha boca se tornava cada vez mais, afinal sair correndo sofrendo a última ferida era quase uma ofensa. Com ambas as pernas em sincronia dava dois passos para trás e antes de me virar em direção a nossa rota de fuga iria exibir um grande sorriso em direção ao agente do governo - Laranjito! - Gritava – Acertaremos nossas contas um outro dia – Virava-me olhando diretamente para minha companheira e com a certeza de que Xi estava me acompanhando era hora de fugir com máxima velocidade. Tinha que me preocupar com o agente correndo em minha direção, ele parecia estar furioso – Xi, rápido! - Olhando para xi imediatamente fintava o marinheiro, com os olhos indicava que aquele era um ótimo momento para ela intervir, não poderíamos perder mais tempo ali, as situações eram invertidas e agora eu tinha que acelerar as coisas e não atrasar. Nossa rota de fuga antes planejada no esconderijo revolucionário era ir em direção a uma zona popular da cidade onde naquela hora estaria com gente suficiente para qualquer perseguidor nos perder em meio à multidão, normalmente o local preferido seria um mercado, esses ambientes são sempre cheios de pessoas de todos os tipos e o risco para qualquer marinheiro de atirar nem que seja uma pedra era muito alto “Talvez não...” lembrava-me do monstro que enfrentava em las camp, contudo não tinha qualquer sinal de um monstro como aquele estar nesta ilha, apesar do laranjito ser um oponente forte ele não era nada comparado ao marinheiro que pulou por entre fogo e chamas para me derrotar. Esperava que Xi com sua pistola conseguisse atrasar o homem que nos perseguia, obviamente pelo que parecia minha velocidade não era nada comparada a dele, contudo apostava em sua perna ferida e na cobertura que minha aliada podia realizar com tiros precisos, desejava que isso fosse suficiente para ele nos perder de vista e conseguirmos uma fuga. Conseguindo chegar ao ponto de encontro sem qualquer perseguidor, era hora de procurar por balde e cicatriz, eles eram pessoas que nitidamente não poderiam se esconder na multidão, mesmo que o número de pessoas no local fosse grande ainda assim uma pessoa com um balde na cabeça era no mínimo bizarro e que chamaria atenção de qualquer um ali. Não encontrando com eles logo de cara iria fazer a ação mais óbvia – Balde, cicatriz, onde estão vocês!? - Gritava tentando chamar por eles, não recebendo qualquer resposta iria continuar a busca. Encontrando meus aliados era hora de analisar a situação, como estávamos separados não sabia que tipo de dificuldades eles tiveram e como estavam após tudo aquilo, observaria o estado geral, procuraria por ferimentos expostos ou qualquer coisa significativa. Encontrando ou não só tínhamos um destino, voltar para a base dos revolucionários e reportar tudo que tinha acontecido na missão. Tomando cuidado para não estarmos sendo seguidos de qualquer jeito iriamos andando cuidadosamente até a base, tinha que ter certeza de não ser seguido ou tudo que tínhamos feito poderia se virar contra a gente em um simples momento de descuido.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Citação :
Nome: Xanax Nyx
Posts: 11
Ganhos: • Linhas de Pesca
Perdas:
Berries: • 30.000 Berries
Vantagens: Aceleração | Noção Exata do Tempo | Presas e Garras | Zooglota | Genialidade | Visão Aguçada
Desvantagens: Aparência Inumana | Código de Conduta | Sinceridade Excessiva
NPCs:
Extra:-x-

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] l [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Comandante Revolucionário
Comandante Revolucionário
Kenshin Himura

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptyTer 09 Out 2018, 08:27


A explosão do QG chamava a atenção de muitas pessoas que estavam próximas ao local, a distração causada pelo Mink tinha sido bem-sucedida, ao menos era oque ele achava, agora só restava correr, correr o máximo possível, pois em sua cola estava o agente do governo, além de muitos outros marinheiros e agentes menores, o plano era simples correr até o mercado que a essa hora já estaria cheia de gente.

Nyx zobava do agente que estava em sua cola, e só restava fugir o mesmo se levantava com dificuldades do ataque do homem, e então olhava para Xi e então falava para dar inicio a segunda parte do plano dar o fora daquele lugar. Assim começavam a correr em direção ao mercado, o gigantesco grupo de marinheiros e agentes que tinham ficado para capturar os dois revolucionários começavam a correr passando pelo agente que permanecia imóvel, Xi tentava disparar contra o grupo de inimigos tentando despista-los mas era inútil, conseguia acertar um ou outro, mas a grande maioria continuava a correr enfurecidos com tudo aquilo.

- Peguem eles, vamos mata-los, vão pagar pelo que fizeram! Eram algumas das frases que escutavam em meio ao grupo de marinheiros enfurecidos que os seguiam. Se aproximando do mercado uma sensação de alívio começava a tomar conta da dupla de revolucionários, mas antes que conseguissem virar a esquina e se misturarem um vulto passava por eles, fazendo a dupla parar por um instante e ver uma mulher de cabelos loiros e terno parada diante deles.

- Parece que meu parceiro subestimou vocês! Causaram muitos danos a propriedade do governo, se rendam ou terão seu julgamento aqui e agora! A mulher falava a mesma tinha um chicote em mãos, enquanto isso o grupo de marinheiros cercavam a dupla de revolucionários abrindo espaço para o agente de cabelos laranja passar.

- Nanao-chan por favor, eu disse que daria conta desses insetos! O mesmo dava um sorriso para mulher que permanecia firme e seria perante a dupla culpada pela explosão do QG.

Ambos cercados, com uma nova inimiga a sua frente, sem o paradeiro de seus amigos que eram responsáveis pela explosão enquanto eles causariam a distração na frente do QG, a situação começava a ficar cada vez mais perigosa, Nyx poderia ser preso mais uma vez, aguentaria mais um tempo na prisão?
Nanao:
 

____________________________________________________

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 >
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
yaTTo
Soldado
Soldado
yaTTo

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 23

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySex 19 Out 2018, 14:03



老鼠之王


Eu não tinha tempo para perder com a marinha, tinha que sair o mais rápido dali ou teríamos mais problemas do que simples machucados. Ser preso era algo que não planejava e morreria antes de isso acontecer novamente, não traria vergonha duas vezes seguidas tanto para o exército revolucionário como para mim mesmo. "Maldita marinha" Bravejava cuspindo ao chão. Não conseguia encontrar meus aliados e agora estava tanto com o maldito laranjito como uma mulher que nunca tinha visto antes, quanto mais rezava mais assombrações me apareciam. Ela parecia rápida, mas nada mais do que isso, tínhamos que passar por ela para fugir, quanto mais tempo ficássemos ali parados mais tempo teria o restante dos marinheiros para nos alcançar. - Xi, pernas... - Falava baixinho para minha aliada enquanto com passos lentos acelerando continuamente seguia em direção da loira. Analisando brevemente sua aparência tinha certeza de duas coisas, ela lutava com o que parecia ser um chicote, uma batalha de quem era mais habilidoso com tal arma? Aceitava o desafio. A outra certeza que tinha era que atacar pelo lado esquerdo me traria vantagem, o tapa olho que cobria seu olho seria seu principal ponto cego e uma abertura surgiria caso estivesse por ali. Xi utilizava de pistolas então tinha que conseguia prender a possível agente do governo junto a mim, se deixasse que a desgraçada se aproximasse seria um problema. Meus olhos afiados fintavam minha adversaria enquanto com passos rápidos procurava me aproximar. Minhas armas no momento eram minhas garras, presas e as linhas de pesca que ainda não tinha muito domínio. Suspirava e regulava minha respiração em meio a meus movimentos, tinha que ter uma ótima noção de tempo e espaço para não perder uma ação ofensiva por desleixe ou por subestimar meu inimigo. Confiança era importante, porém tinha que ter alguma ideia sobre o que a maldita poderia fazer. Com passos largos tentava utilizar de minha habilidade gatuna para em zig-zag correr em direção a mulher sem deixar espaço para a mesma me acertar a longa distância. Sabia que o ponto fraco de qualquer usuário de chicote era um combate a curta e excessiva distancia, no caso estávamos com total vantagem. Iria me posicionar a esquerda de seu corpo antes de lançar minha real investida, abaixando meu centro gravitacional iria pegar impulso flexionando minhas pernas e liberando de uma só vez um máxima velocidade. - Xi! - Dava o sinal para Xi atacar, tínhamos que atacar ambos ao mesmo tempo para que caso ela desviasse de qualquer um dos golpes em uma esquiva precipitada o outro conseguisse a atingir. Meu foco ao contrário das balas de minha aliada eram seus braços, meu objetivo era imobilizar ela por completo, caso conseguisse atingir seus braços e Xi suas pernas ela seria apenas um boneco que não conseguiria mais lutar como acompanhar em velocidade a nossa fuga. Meu ataque era simples, em meio a toda aquela loucura que tinha me metido não poderia exagerar em estratégias elaboradas, algumas vezes o menos é muito mais. Meu braço esquerdo iria se estender para trás quando estivesse a pouco mais de dois metros de meu alvo. Com o máximo de velocidade que conseguisse iria puxar as linhas e tentar laçar, fincar ou prender no braço em que a agente do governo estivesse segurando o chicote, neutralizaria primeiramente seu armamento. Conseguindo fixar minhas linhas era hora de continuar o ataque sem perder tempo. Puxaria as linhas por um segundo e não esperaria pela competição de força entre nós, meu movimento focava em simplesmente desestabilizar o equilíbrio e a posição de combate, após puxar iria me jogar contra a mulher, com minha mão esquerda liberaria minhas garras, naquele momento eram minhas principais armas, tentaria fazer um corte vertical no antebraço em que tinha puxado as linhas, esperava que com o braço amarrado fosse de maior facilidade acertar tais garras. Acertando ou não era hora de continuar, não poderia dar descanso, afinal tinha uma multidão de soldados nos perseguindo. Com o pé esquerdo apoiado contra o chão me jogaria para a direita saindo do lado esquerdo para o direito com velocidade. Iria avançar para frente puxando tanto meu braço quanto o possível braço de minha adversaria, no momento da passagem iria tentar com as garras da mão esquerda rasgar a lateral de seu tronco enquanto passava para suas costas. Conseguindo chegar atrás de minha oponente tentaria com as garras da mão direita em um corte vertical de baixo para cima acertar toda a extremidade de suas costas. Acertando ou não todos os golpes continuaria a avançar e esperar que minha companheira me acompanhasse, mesmo recebendo golpes de qualquer gênero não recuaria, se ficasse preso ali com certeza teria muito mais problemas.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Citação :
Nome: Xanax Nyx
Posts: 12
Ganhos: • Linhas de Pesca
Perdas:
Berries: • 30.000 Berries
Vantagens: Aceleração | Noção Exata do Tempo | Presas e Garras | Zooglota | Genialidade | Visão Aguçada
Desvantagens: Aparência Inumana | Código de Conduta | Sinceridade Excessiva
NPCs:
Extra:-x-

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] l [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin Himura
Comandante Revolucionário
Comandante Revolucionário
Kenshin Himura

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 22/04/2012
Idade : 24

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySex 26 Out 2018, 06:31


O jovem Nyx se encontrava em uma situação complicada, completamente cercado pelos marinheiros, encarava uma nova inimiga parecia ser tão forte quanto o agente que estava lutando antes. Estava claro que só conseguiria fugir se acabasse com os dois agentes, algo que naquela altura poderia ser impossível já que o mesmo estava ferido enquanto um dos agentes estava completamente descansada para o combate.

Nyx tentava bolar um plano contra a agente, talvez estivesse pensando que seria uma luta dois contra um, assim fazia uma investida rápida ate a agente que a surpreendia, pois, o mesmo estava ferido e atingir aquela velocidade incrível estando completamente machucado era algo bastante impressionante. Xi aproveitava a distração e disparava contra a mulher, a garota talvez um pouco nervosa com a situação não conseguia acertar em cheio, o tiro passava de raspão no braço direito da agente fazendo ela grunhir de dor.

Nyx via a chance perfeita para poder segurar a mulher para que sua companheira pudesse finalizar e assim conseguirem fugir de tudo aquilo, mas antes de encostar na mulher talvez tomado com o desespero de sair dali tenha esquecido dos outros inimigos a sua volta, o agente de cabelos laranjas aparecia na frente do mesmo chutando em cheio na barriga fazendo com que Nyx sentisse uma dor tremenda na região e em seguida sendo jogado em direção a Xi, caído no chão Nyx olhava para a dupla de agentes.

- Garoto achou mesmo que eu iria ficar parado enquanto atacavam a Nanao dois contra um? Vamos levante, teremos nossa ultima dança antes de serem presos! O agente falava dando um sorriso para Nyx, o jovem mink podia ver a sua volta completamente cercado pelos marinheiros que estavam a sua busca e a sua frente a dupla de agentes esperando os próximos movimentos do garoto.

____________________________________________________

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 >
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Sempre estarão comigo:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t33737-cla-shadows-league
yaTTo
Soldado
Soldado
yaTTo

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 23

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptyQui 08 Nov 2018, 23:39



老鼠之王


Com a mão esquerda colocava sobre a região que acabava de receber um golpe, o chute que tinha me feito como um boneco ser jogado para trás cada vez me deixava mais furioso, o maldito estava ferido e ainda tinha toda aquela força consigo “Maldito seja o governo” bravejava encarando meus dois adversários que me olhavam com desprezo, odiava aqueles olhos, se pudesse os arrancaria ali mesmo. - Porem não posso fazer isso... - Tinha obrigações mais urgentes, levantava-me vagarosamente do chão enquanto não tirava por nenhum momento um sorriso irônico de meu rosto. Aquela era uma sensação estranha, aquela era a segunda vez que me metia em uma cilada com inimigos poderosos, da última vez explodi um hotel inteiro e mesmo assim como um verdadeiro demônio das chamas o marinheiro me abocanhou com raiva, não iria cometer o mesmo erro de antes. Daria pequenos tapas em meus shorts, depois de toda aquela confusão tinha agora uma noção de quanto aos farrapos estava. Inspirava e respirava vagarosamente, uma fuga com velocidade agora estava cada vez mais distante de ser realizada, tinha que melhorar minha questão estratégica ou iria acabar nas algemas da marinha mais uma vez, não iria trazer outra vergonha como essa para meu nome. Até porque meu objetivo final é descobrir de onde vim, se em minha jornada conseguisse sujar esse nome que a pouco vim a descobrir sua importância não valerá a pena. Da direita para a esquerda girava lentamente minha cabeça procurando contar quantos inimigos estavam a meu redor e de Xi, afinal já não bastava a dupla de agentes ainda tinha que lidar com todos aqueles marinheiros “Marinheiros?” O sorriso irônico que antes apresentava agora transfigurava-se em um sádico e alegre. - Xi, siga o fluxo – Com um passo de cada vez lentamente iria vagar pelo campo de batalha, queria chamar a atenção de ambos agentes, apesar de suas investidas cruéis poderia considerar que no mínimo não tinham a intenção de me matar, o que já era o suficiente para ter uma ideia vaga do que poderia ou não fazer. Milhares de situações surgiam em minha mente e só conseguia pensar em uma que nada me era agradável, contudo seria eficiente caso a moral de ambos os agentes fossem maiores do que seus egos encharcados de poder, algo que parecia comum em pessoas de seu convívio social. Antes que desse qualquer passo sentia algo que a muito tempo não sentia tão forte “Sede” estranho, lembrava-me dos moribundos que encontrava em minha antiga ilha, era engraçado como que a única coisa que todos eles tinham em comum era essa sede interminável, infinita. Refletia olhando para minhas roupas, estava eu me tornando um desses moribundos? Sorria, tinha saído em uma jornada de auto descobrimento e acabava aqui lutando contra a lei me aliando a um monte de pessoas cujos ideais mesmo que diferentes ainda assim pareciam colidir e se concentrar em um único objetivo de levar o nome dos revolucionários e mudar o sistema atual do governo mundial. - Xi! - Gritava para minha companheira, iria correr o mais rápido que conseguisse, não sentia qualquer dor forte, a adrenalina que parecia jorrar em minhas veias estava com certeza fazendo seu trabalho, contudo pouco a pouco começava a reconhecer que meu corpo não estava já mais o mesmo desde que tinha começado aquela missão, sentia como se um dono de taverna, daqueles bem gordos estivesse cada vez mais subindo em minhas costas com seu jeito desengonçado e infeliz. “Rápido, preciso ser mais rápido!” Aproximar-me-ia do marinheiro mais à esquerda, com movimentos em zig-zag tentaria escapar de quaisquer ações ofensiva de atiradores a distância, por mais que aquela fosse a melhor opção a se seguir ainda assim era no mínimo perigosa. Chegando a pouco mais que um metro e meio iria puxar minha perna esquerda para trás enquanto jogaria minha direita para frente deslizando contra o chão, sentia o chão encontrando-se com minha perna e o barulho que fazia me trazia uma sensação nostálgica, não gostava daquilo, mesmo que o sentimento fosse bom gostar de alguma coisa sem saber de onde veio era a pior coisa do mundo. “Basta disso” Com meus fios iria tentar agarrar os mesmos no braço esquerdo do marinheiro, no momento em que agarrasse o mesmo iria usar de minha perna esquerda que antes estava flexionada liberando energia para em um só impulso me jogasse para cima saindo de minha posição mais baixa elevando-me a minha altura normal. No momento em que me levantasse puxaria os fios para as costas do marinheiro assim como eu mesmo tentando imobiliza-lo. - Pistola – Gritava para minha companheira, ela não parecia ser do tipo que entendia muito bem como funcionava as coisas então cada oportunidade que tivesse para lhe orientar iria tentar ser o mais breve possível pois aquela era minha função como líder. - Eu recomendo que se afastem – Falava tanto para a dupla de agentes como para todos os marinheiros que ali estivessem, exibia minhas garras da mão livre e colocava todas próximas ao pescoço do marinheiro, pegar um dos mesmos de refém era uma ação covarde, sim, contudo não poderia nem por um segundo me deixar ou deixar Xi ser capturada, aquela era uma ação necessária, mesmo que não gostasse. - Calma, calma, só precisamos que nos deixem sair com a mais perfeita paz – Pouco a pouco iria dar pequenos passos para trás adquirindo distância entre nós e o resto dos marinheiros – Quando tivermos certeza que não estamos sendo seguidos iremos liberar nosso querido... - Puxaria minha cabeça para a esquerda – Qual é seu nome mesmo?  - Não importava seu nome, queríamos simplesmente sair dali o mais rápido que conseguíssemos ou iriamos ter um verdadeiro exército nos cercando de todas as maneiras possíveis.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Citação :
Nome: Xanax Nyx
Posts: 13
Ganhos: • Linhas de Pesca
Perdas:
Berries: • 30.000 Berries
Vantagens: Aceleração | Noção Exata do Tempo | Presas e Garras | Zooglota | Genialidade | Visão Aguçada
Desvantagens: Aparência Inumana | Código de Conduta | Sinceridade Excessiva
NPCs:
Extra:-x-

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] l [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wild Ragnar
Narrador
Narrador
Wild Ragnar

Créditos : 38
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/06/2014
Localização : Rio de Janeiro

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySeg 12 Nov 2018, 00:14

As coisas não iam nada bem para Nyx, ferido, com mais oponentes do que poderia lidar e apenas com Xi para lhe fornecer alguma ajuda. Na sua frente dois agentes do governo, ao seu redor um pelotão da marinha. Haveria como escapar das garras da prisão? Ou pior ainda, da morte?

Em uma tentativa que só pode ser descrita como ousada e desesperada, o rapaz de cabelos alvos avançava contra um marinheiro o pegando de surpresa. Deslizando pelo chão, ele atacava com os fios de forma a enrola-los pelo braço do oponente, e em um movimento ágil estava novamente em pé, atrás do homem e imobilizando seu braço.

É claro que os inimigos não ficariam parados apenas observando. Os agentes começavam a avançar, os marinheiros atiravam tentando acertar o cientista, e um tiro de fato o atingia no ombro esquerdo, mas tudo isso não foi o suficiente para impedir sua movimentação. Já os agentes eram parados pelos disparos de Xi que tentava acompanhar Nyx, sendo ela mesma atingida pelos marinheiros na região das costelas e começando a sangra e empalidecer. Felizmente a mão que segurava a arma se mantinha firme no entanto.

Com as garras no pescoço do marinheiro imobilizado, os tiros paravam e a situação chegava em um impasse. Nyx fazia suas exigências, mas em retorno recebia um sorriso frio do agente de cabelos laranjas.

- Se mata-lo, garantirei que nem você nem sua amiga saiam daqui com vida. Estão cercados. Mas se desistir agora, apenas darei voz de prisão, e vai viver para lutar outro dia. – Quem dizia era um marinheiro que mais parecia um coelho gigante, e pela insígnia em seu peito aparentava ter a posição de sargento. O cerco em torno dos dois revolucionários se fechava, com varias espingardas apontadas para eles. Aparentemente não seria daquela forma que escapariam.

“BANG! BANG! BANG!” Era o barulho dos disparos consecutivos, porem não era Nyx e Xi que eram atingidos, não! Os marinheiros começavam a ser abatidos, três, quatro, cinco deles eram atingidos em sucessão, fazendo com que caíssem em desarreio.

- O que vocês dois tão fazendo aí parados c@r41h0?? Vem logo seus putos!! –
Vinha uma voz feminina conhecida por Nyx. Era Cicatriz, que estava atrás dos marinheiros com duas pistolas nas mãos atirando loucamente. Ao seu lado, Balde tinha mais duas pistolas e atirava em conjunto fazendo com que os marinheiros corressem para buscar cobertura e tentar revidar. A aparição dos dois mais lembrava ladrões do faroeste que atiravam insanamente contra tudo e todos. Atrás deles a entrada para uma rua estreita, onde 15 metros a frente uma carroça estava estacionada com dois cavalos prontos para puxa-la.

Um caminho para salvação havia aparecido a frente de Nyx e Xi, mas seria um caminho onde uma chuva de balas ocorria, e nem os marinheiros nem os agentes haviam sido derrotados. Certamente o perseguiriam e tentariam impedir que escapasse por entre seus dedos.



____________________________________________________

____________________________________________________


Hao:INSPIRE VIDA | EXPIRE MORTE
"Pensamento"
- Fala -



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

code by sant
Voltar ao Topo Ir em baixo
yaTTo
Soldado
Soldado
yaTTo

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 23

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySeg 12 Nov 2018, 13:46



老鼠之王


“Viver para lutar outro dia?” Aquilo me deixava mais puto do que simplesmente a ideia de morrer, como assim desistir para lutar outro dia? Já não estamos lutando aqui e agora? Sorria exibindo minhas presas enquanto vagarosamente lambia com a ponta da língua a parte inferior de meus lábios os cerrando com uma mordida leve. Pegar um refém me parecia ganhar tempo e perde-lo simultaneamente, fugia de uma batalha indesejada, mas cada vez mais o número de marinheiros iria aumentar. Aquele calor, já tinha sentido antes, o sangue que jorrava de meu ombro não era a primeira vez que isso tinha acontecido, porem não pretendia me acostumar com tal sentimento. O sangue em minha boca em mistura com areia provinda de diversas quedas me fazia sentir o gosto de ser jogado ao chão diversas vezes e continuamente levantar-me, uma batalha difícil. - Não me venha com esse papo laranjito... - Recusava de prontidão sua proposta, não iria ser enjaulado como um animal outra vez, estava ali naquele campo de batalha justamente por isso, tirar pessoas inocentes das garras do governo, não poderia acabar como uma delas. - Suas palavras não valem mais do que o coaxar de um sapo. - Voltava a ter um sorriso irônico, tinha que continuar naquele plano maluco ate ter uma melhor ideia... Bang Bang Bang, como em uma história de heróis e vilões chegava a cavalaria, o susto inicial me era tomado de alegria enquanto pouco a pouco via caras conhecidas, ou melhor balde e cicatriz que chegavam com velocidade para nos resgatar. “Que belo líder que sou...” mesmo envergonhado em minha própria falta de habilidade e força para sair daquela situação sozinho aceitava de bom grado aquele cabeça de balde que me estendia a mão para sair dali. Puxava a linha, com a outra mão iria socar o maxilar do homem utilizando da força e velocidade em conjunto para o desmaiar, mesmo que tivesse o ombro danificado pelo tiro iria ignorar toda e qualquer dor, não tinha escolha. Conseguindo realizar o soco contra meu refém era hora da segunda parte daquela fuga desesperada, não poderia simplesmente sair correndo e receber mais tiros do que conseguia aguentar com meu corpo, um já era suficiente. - Xi, na minha frente, vai! - Ordenava que minha companheira em linha fosse a primeira a abandonar o campo de batalha – Estarei logo atrás de você. - Sem perder nem um segundo com o marinheiro desacordado ou não iria ainda amarrado com o mesmo ficar de costas deixando seu corpo fixado a mim contra os outros marinheiros e partiria em fuga em direção a meus companheiros. “Merda” meus companheiros com certeza não eram tão desfocados, cada passo que dava parecia que estava entrando dentro de um mangue, como se o chão que pisasse parecesse engolir meus pés e todo o barulho de vozes e tiros fossem ficando mais distantes. Engolia em seco e ate nisso sentia dificuldade, não podia parar ali, não iria nadar como um desgraçado e morrer na praia. Minha cabeça começava a doer como se fosse explodir, meu peito doía e por fim vinha uma vontade forte de vomitar. Tinha perdido muito sangue, baixava minha cabeça olhando para meu próprio corpo e não tinha comprovação maior “Meu moletom não era preto? Porque esse desgraçado está vermelho como uma maçã? HAHAHA” Gargalhava em meus pensamentos, mesmo durante aquela situação a única coisa que tinha vontade era de rir de mim mesmo que iria aos poucos “Caindo...” meus olhos baixos começavam a se fechar, não tinha mais força para continuar, parava. “Acho que esse é o fim...” não tinha mais força alguma para continuar, já estava sentindo frio, como poderia com toda aquela agitação sentir frio? Olhando para o chão pensava em meu mestre, ele com certeza ficará desapontando ao ler as notícias de minha morte “Desculpe” aquela era a segunda vez em minha vida que largava o sorriso em meu rosto e ficava serio. Enquanto continuamente caía levantava minha cabeça, olhava para meus companheiros, eles tinham lutado bem “Jiya, nos vemos depois, Kyriel...” Eu tinha feito uma promessa para aquele monstro “Promessa...” Iria descumprir minha promessa? Para aquele que jurei um dia enfrentar de novo? Iria abandonar tudo que me foi importante e ainda vai ser? Irei abandonar meu nome e desistir de procurar minha família? - Não fode porra – Abria meu sorriso de sempre, não vou morrer, não aqui - ARGHHHHHHHHHHHHHH – gritava em fura enquanto mais uma vez andava, corria em direção a onde estava meus companheiros e em um último momento de força iria pular como um felino em direção ao meio de transporte para no qual eles estavam enquanto tudo se tornava negro e todo o som do ambiente aos poucos sumia era “Hora de dormir”.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Citação :
Nome: Xanax Nyx
Posts: 14
Ganhos: • Linhas de Pesca
Perdas:
Berries: • 30.000 Berries
Vantagens: Aceleração | Noção Exata do Tempo | Presas e Garras | Zooglota | Genialidade | Visão Aguçada
Desvantagens: Aparência Inumana | Código de Conduta | Sinceridade Excessiva
NPCs:
Extra:-x-

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] l [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wild Ragnar
Narrador
Narrador
Wild Ragnar

Créditos : 38
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 24/06/2014
Localização : Rio de Janeiro

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptyQua 14 Nov 2018, 20:50


A situação havia mudado rapidamente, o “BANG BANG BANG” dos revolveres ressoavam no ouvido de todos. Felizmente a luta anterior já havia afastado qualquer civil normal da cena, e aproveitando a oportunidade, Nyx gritava para Xi correr na frente enquanto ele ia atrás carregando o marinheiro a força consigo.

E era sorte que fazia isso. Apesar do homem lutar para não se mover, sua posição era desfavorável estando com um braço para trás e o pescoço ameaçado pelas garras do revolucionário. Dessa forma, os marinheiros que começavam a disparar de volta tinham que tomar cuidado para não acertar seu companheiro capturado, errando um Nyx e uma Xi que recuavam.

Os agentes ameaçavam perseguir, mas eram parados pelos tiros de Cicatriz e Balde que se focavam neles enquanto também se abrigavam atrás de objetos que os defendesse dos disparos dos marinheiros.

“BANG BANG BANG”

Isso não significava que tudo estava bem para o grupo de revolucionários no entanto. Era visível que os passos de Nyx estavam pesados e o sangue que escorria do seu ombro não era em pouca quantidade. Somado com os ferimentos anteriores e o cansaço da luta, assim que ele virava na rua onde a carroça se encontrava, era apenas com a ajuda de Balde que conseguia avançar até o transporte.

O marinheiro levara uma coronhada sem dó nem piedade de Cicatriz e assim como Nyx, no momento em que caíam na carroça, um embaixo do outro, ambos já estavam desacordados. Tiros vinham do início da rua onde o restante dos marines chegavam com suas espingardas, mas balde já estava com um chicote na mão que estalava nos cavalos, Cicatriz e Nyx atiravam de volta enquanto a primeira gritava – YYYYYYYYYYYYYIIIIIIIIIIIIIHHHHHAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

---

No mundo de Morfeu, Nyx se afundara em seus sonhos e pesadelos. Por quanto tempo haveria dormido? Onde estaria?

Uma vez que acordasse, um balançar como se estivesse deitado em uma rede, ou mais provavelmente dentro de um barco trairia sua localização. Com o torso cheio de bandagens, suas feridas tratadas, numa cama ao lado, ainda dormindo estava Xi que também perdera muito sangue mais cedo.

A ilha de Ilusia não podia mais ser vista ao longe, mas dois barcos da marinha que estavam aos poucos conseguindo se aproximar cada vez mais, quase entrando na linha de disparo dos canhões, fazia com que os revolucionários da embarcação se preparassem para mais uma batalha.

“BOOOOOOM!!!” Ressoava um dos canhões da marinha, com o projetil caindo poucos metros atrás do barco dos revolucionários.
Off:
 

____________________________________________________


Hao:INSPIRE VIDA | EXPIRE MORTE
"Pensamento"
- Fala -



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

code by sant
Voltar ao Topo Ir em baixo
yaTTo
Soldado
Soldado
yaTTo

Créditos : Zero
Warn : Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 23

Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 EmptySex 23 Nov 2018, 22:38



老鼠之王


Escuridão, era a última imagem que vinha a minha mente, respirava profundo, mas o ar não parecia nem sequer fazer presença, onde diabos estava? Aquela sensação de ser estrangulado em meio a um mar de absolutamente nada “Mar?” Conseguia sentir o cheiro da água salgada, da sensação de areia tocar meus pés “Odeio isso” Reclamava sem nem mesmo ouvir minha própria voz, afinal estava pensando ou falando em todo caso? Sentia a brisa do mar, a náusea causada pelo balançar quando de repente uma luz forte parecia descer do céu como um enviado divino e então - Ahhhhhh – Acordava assustado como se tivesse acabado de nascer novamente, os sons abafados ao longe começavam a cada vez mais se aproximavam, pouco a pouco minha audição começava a ter noção de palavras, barulhos “O mar” Tentava levantar-me mas sentia uma forte dor, que dor era aquela? Sentia que a qualquer momento meu braço poderia simplesmente cair de meu corpo como um boneco. Enjoo, tudo parecia girar ao meu redor, sentia meu estomago sair de meu próprio corpo e o ardor do vomito que expelia por todos os orifícios de meu rosto. Olhava para o lado BOOM! uma explosão na água “Mas que merd...” Olhava para todos os lados e percebia que estava no que parecia ser o interior de um navio, como tinha chegado ali? Xi estava a meu lado então no mínimo estava na companhia de meus aliados ou pelo menos da atiradora sanguinária que tinha como companheira, sentava-me em meio a toda aquela confusão mental, parecia que minha cabeça iria explodir a qualquer momento como uma granada. Com o antebraço direito passava levemente sobre meu rosto limpando de minha própria sujeira após acordar em de um jeito ridículo como aquele. - Xi, que diabos está acontecendo? - Balançava minha cabeça de um lado para o outro, esquerda para direita, ate mesmo falar parecia que iria abrir meus ferimentos. Contudo não parecia que poderia simplesmente ficar parado ali, pouco a pouco os barulhos das explosões fora do navio me davam a impressão que nossa viagem não seria nada tranquila para seja lá qual fosse nosso destino afinal nem mesmo tinha noção de como tinha chegado ali a ultima coisa que me lembrava era... “O que era mesmo?” Minha cabeça doía, minhas lembranças estavam embaçadas e confusas, talvez seja resultado do ferimento em meu ombro esquerdo ou qualquer pancada que tivesse tido em minha luta desenfreada contra o agente do governo “Codenome Laranjito” Em meio a toda aquela loucura ainda assim conseguia pensar em piadas sem graças, então estava bem. - Xi, onde diabos estamos e por favor não me diga que esse barulho são canhões. - Já saber a resposta obvia não era surpresa, o que parecia ser uma perseguição estava acontecendo e eu tinha que lidar com isso como um líder que era. Levantaria de onde estava o mais rápido que conseguia, erro meu, caía logo após o primeiro passo apoiando-me apenas com meu joelho direito - Ow! Ouch! - Estava fraco, a quantos dias estava dormindo? Parando para pensar agora meu vomito não era nada mais do que simplesmente restos de uma alimentação que a muito tinha conseguido, a quanto tempo estava sem comer? “Saco vazio não se mantem em pé” Meu mestre adorava falar essas frases, essa era a primeira vez que via quão verdadeira elas eram. Suspirava forte, tentava levantar-me novamente, mordia meus lábios em dor e recusaria qualquer tipo de ajuda de Xi, tinha acabado de receber uma promoção, precisar de ajuda para simplesmente ficar em pé era humilhante. Conseguindo ficar de pé era hora de ver o que estava acontecendo, com o braço esquerdo encolhido sobre meu peito iria andar ate onde pudesse ver uma porta, nunca tinha estado naquele navio antes então minha melhor opção era simplesmente sair em busca de outras pessoas – Xi, quem mais está aqui? Jiya? - Tinha que contar com as informações de alguém que ainda parecia sã, não poderia me apoiar em suposições feitas por um felino acabado que mal tinha condições de se manter em pé. Saindo pela porta era hora de ver em que situação tinha me metido e como iria sair daquela enrascada.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Citação :
Nome: Xanax Nyx
Posts: 15
Ganhos: • Linhas de Pesca
Perdas:
Berries: • 30.000 Berries
Vantagens: Aceleração | Noção Exata do Tempo | Presas e Garras | Zooglota | Genialidade | Visão Aguçada
Desvantagens: Aparência Inumana | Código de Conduta | Sinceridade Excessiva
NPCs:
Extra:-x-

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] l [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 2. Rei dos Ratos   Cap 2. Rei dos Ratos - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap 2. Rei dos Ratos
Voltar ao Topo 
Página 3 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: West Blue :: Ilusia Kingdom-
Ir para: