One Piece RPG
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Nox I - Loucura
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Catuios Ontem à(s) 23:31

» Sons of Vermillion's Blood: Gênesis
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:08

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Achiles Ontem à(s) 21:43

» Teleton Chronicles I: Retaliação
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Sakaki Ontem à(s) 21:34

» [ficha] Hinata Bijin
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Bijin Ontem à(s) 20:39

» Apenas UMA Aventura
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Van Ontem à(s) 20:35

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Wesker Ontem à(s) 20:07

» Buki Bijin
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 19:02

» Arthas Mandrake
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 18:58

» Bastardos Inglórios
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Wing Ontem à(s) 18:57

» Evento Natalino - Amigo Secreto
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Mizzu Ontem à(s) 18:13

» あんみつ - Anmitsu
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Vincentão Ontem à(s) 18:03

» Unbreakable
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 18:03

» Cap. 1 - Abrindo caminho
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Fonseca Ontem à(s) 17:31

» [Mini-Theodore]
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Death-D.Obscure Ontem à(s) 17:04

» [Ficha] Mikhail Vermillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 16:40

» Mikhail Vermillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 16:37

» Construindo o Começo
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor Graeme Ontem à(s) 15:17

» [Ficha] Coldraz Vermiillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 13:35

» Coldraz Vermillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 13:34



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 I ~ Uma Loira Inteligente?

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4 ... 10, 11, 12  Seguinte
AutorMensagem
Akagami
Soldado
Soldado


Data de inscrição : 04/11/2014

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptySab 11 Ago 2018, 11:34

Picture yourself in a boat on a river; With tangerine trees and marmalade skies...
A Flor de Lótus
Depois de ter levado aquele tapinha, Mavis sairia daquele lugar com paciencia sem dar um soco na cara do velho, já que a personalidade dela era um pouco explosiva para ficar calma naquele instante. Tentaria andar até o lugar indicado pelo velho para sair daquela ilha de qualquer jeito.

Mais uma coisa não sairia de sua cabeça e seus pensamentos, era tentar o máximo não falar nada para ninguém que desejaria se tornar uma soldada da marinha, pois sabia que aquela ilha não tinha comando da Marinha para se tornar um local seguro.

~ Iria ser bom se o local fosse perto daqui, mas eu encaro de frente a caminhada. ~ Falaria depois que continuasse a caminhada por aquela via. Quando chegasse ao local perguntaria para quem estivesse no porto que horas que o barco sairia daquele lugar para ir direto para Loguetown enquanto aguardaria a resposta de uma das pessoas, pensava um pouco no alistamento da Marinha como poderia ser se seria fácil ou difícil.

Se caso o piloto do barco fosse uma pessoa boa para ensinar, Mavis pediria para ele ensinar a ensinar a perícia Pilotagem, já que ela desejaria se tornar uma ótima Navegadora dos Mares. ~ Você poderia me ensinar a Pilotagem de barco, pois eu gostaria muito de ser uma ótima navegadora? ~ Essa seria a pergunta para o piloto do barco e caso ele aceitasse ela prestaria muita atenção no que ele iria falar.


Objetivos:
 

Informações:
 

OFF:
 

NOTES : No exist the way
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptySeg 13 Ago 2018, 13:34

Post 009
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha, Sensei, Academia e Música, Tiros e Glamour...


Noelle

Noelle acabou lidando com os exercícios melhor do que ela esperava! Eagles, o seu avaliador, ficou contente de ver que a menina mesmo machucada não desistiu dos exercícios que lhe foram ordenados! Muitos ficaram até surpresa com o olhar cheio de orgulho que aquele homem cheio de músculos olharia para a garota mirrada!
O mesmo estava tão orgulhoso que quando a jovem pediu uma toalha, ele arrancou de um recruta que tinha acabo de começar os seus exercícios e entregou a moça dizendo... – Essa toalha não é digna de um preguiçoso como você! Pegue essa toalha garota e enxugue cada gota de orgulho que o seu corpo está liberando!

Determinada, a jovem continuava com o seu foque e voltava para a sua última etapa. Após algumas pedaladas em meio à bela vista de Loguetown... A Academia ficaria em uma das partes elevadas do QG, era completamente cercada por janelas e era possível contemplar grande parte da cidade, era uma vista legal e também servia para que aqueles que estivessem na academia ficarem de olho no que ocorre nas ruas.
Ao terminar o exercício, a jovem prestaria seu respeito saudando o Eagles que igualmente saudava a jovem!  Talvez devido ao excelente tratamento que recebeu seus ferimentos apesar de estarem um pouco mais doloridos do que antes, não abriram, parecia até uma coisa bizarra que após toda aquela movimentação nada tivesse acontecido, mas enfim, de volta a sala do recrutador nossa determinada e inocente loira já perguntaria o qual seria o seu novo teste. O local como sempre estava horrível, parecia pior do que antes, Sensei ainda com a cara em alguns papéis, terminava de assinar algumas coisas e depois de longos 15 minutos passaria a última etapa... – Muito bem minha gracinha dos cabelos loiros. Vejo que você conseguiu realizar a segunda tarefa, para ser sincero eu cheguei a cogitar comigo mesmo que você não iria conseguir! Ainda bem, a marinha precisa desse espírito... Ultimamente os novos recrutas não possuem uma chama da justiça.

Sensei levantaria da sua cadeira, ficaria um pouco de costas para a jovem enquanto observava alguma coisa na janela, parecia pensativo e ao mesmo tempo sério enquanto olhava atentamente para algo. A luz do meio da tarde que refletia pelo seu corpo misturado com a fumaça de seu cigarro formava uma espécie de aura dourada em volta daquele homem que começou a passar a última tarefa... – Muito bem, não irei mais enrolar, sua última tarefa será um exercício de combate e de acordo com s informações em sua ficha e também pelos relatos do capitão Esmeraldo, a senhora seria uma pistoleira, no sentido do ofício é claro... Digo atirar com as armas!

Voltando a atenção agora para a moça e com certo sangramento nasal, o jovem Sensei voltaria a falar... – Muito bem, você tem um mapa e a sua nova tarefa, vá até a área de combate e procure a Esmeralda, sim antes que me pergunte ela é a irmã do capitão Esmeraldo e assim como você pode estar se perguntando... Sim os pais deles não são muito criativos...

E assim o Sensei sairia da sua sala para tratar de seu sangramento. Se Noelle tivesse um pingo de curiosidade e fosse até a janela a fim de verificar o que o recrutador olharia com tanta atenção, iria verificar que a janela do escritório teria como vista uma casa de banhos e que o vestiário feminino, assim como as banheiras, ficava na frente da janela do pobre Sensei. Se a mesma olhasse com um mínimo de atenção verificaria que três mulheres estavam nuas relaxando em seus banhos tranquilamente.

Caso não ficasse paralisada e decidisse ir até a ala de treinamento, o caminho não seria tão desconhecido, já que passou por uma parte dele, pátio próximo a entrada do QG. Assim que chegasse lá e decidisse procurar por Esmeralda, seria indicada a falar com uma jovem loira com uma cicatriz na face, com aproximadamente 1,64m de altura, 46 kg, 86 cm de busto, 57 cm de cintura e 88 de quadril. A jovem estaria espancando alguns marinheiros e assim que terminasse iria em direção a jovem.

- Olá, você deve ser a nova recruta, muito marinheiros falaram de uma jovem com muletas que não "arregou" aos treinos básicos passados pelo Eagles! Achei que era mentira, mas olhando para você e suas ataduras, vejo que não eram boatos! A propósito, me chamo Esmeralda! Qual o seu nome e as suas especialidades em combate?

A Loira de olhos verdes olharia dentro dos olhos de Noelle e parecia que prestava em cada movimento que os lábios da jovem fazia sempre com um sorriso no rosto e com um balançar de cabeça gentil ela concordaria com o que fosse dito. Não parecia que aquela mulher teria espancado dois homens cheios de músculos, sendo eu um deles ainda estaria estirado no chão!... A você é pistoleira! Muito bem me siga!

A treinadora de combates saia do pátio e iria para um corredor estreito que dava acesso a uma sala muito ampla e com um forte cheiro de pólvora e olho. Durante o caminho, muitos cartazes de marinheiros sendo condecorados, alguns desses cartazes estariam o Sensei repleto de machucados e com um semblante muito sério diferente do que ele mostrava dentro da sala. Outros cartazes de marinheiros famosos também estariam por ali e até mesmo do homem que havia salvado a loira das mãos de Nestor. Esse estaria com certa evidência na parede e com uma manchete dando ênfase a foto... Irmãos acabam sozinhos com uma rede de prostituição em Conomi1... Na foto estariam Esmeralda, muito machucada, e Esmeraldo.
Caso Noelle resolvesse olhar para baixo durante o percurso se espantaria, ou não, com os trajes da moça que estaria com uma espécie de macacão fio dental que literalmente estava sendo engolido por suas nádegas.

- Muito bem, chegamos Noelle! Esse é o estante de tiros da marinha e a tarefa que irei te passar será a seguinte...
No estante número 1 o Alvo estará a cerca de 15 metros de distância, quero 2 tiros no peito e 1 na cabeça.
No estande número 2 o alvo estará a 50 metros e quero um tiro na cabeça.
No estande 3 haverá dois alvos, um deles estará com refém e o outro não. Nesse os alvos irão aparecer juntos e você terá que dar um tiro em cada bandido, sem acertar o refém que estará na frente de um dos bandidos.
No 4° estande, os alvos estarão em zigue zag a cerca de 20 metros de distância, são 5 alvos e quero que acerte no mínimo 3.
E no 5° e último estande eu estarei te esperando com uma maçã presa em minha cabeça, eu irei te atacar, vence aquela que derrotar a outra primeiro, você poderá usar todas as munições de sua pistola.


Esmeralda lhe entregaria uma pistola lhe desejando boa sorte e dizendo!... – Para você não se perder, haverá um papel preso em cada estande com as informações que te passei. O único estande que você terá um número incerto de tiros será o último, nos outros não poderá ultrapassar a contagem e lembre-se... as falhas são aprendizados que levamos como ensinamentos... Ela passaria a mão na ferida em seu rosto e sairia do local deixando Noelle para se preparar ou não para a última etapa de seu recrutamento.




Mavis



Em Conomi, nossa boxeadora controlava os seus nervos para não abater o seu atencioso amante. Indo em direção ao caminho que lhe foi indicado, a jovem conseguiu chegar ao porto sem nenhuma dificuldade, lá já se informou sobre qual o navio que ira para o local que tanto queria. Ela foi indicada a um navio que era diferente aos outros navios ancorados.

No local havia diversos barcos pesqueiros e o que lhe foi indicado era um banco bem cuidado, com um forte cheiro de perfume feminino, as velas eram vermelhas e as pessoas que estavam a bordo trajavam roupas finas ou arrumadas. Focada em seu destino a moça subiu a bordo e logo que chegou ao local arrancou suspiros, burburinhos e olhares para o seu corpo.

Dentro do navio, um homem negro, aparentemente com o corpo cheio de músculos chegou até Mavis e perguntou a mesma com uma voz aveludada e muito educada... – Olá Jovem, sou o capitão desse navio, muitos me chamam de 50! Prazer em conhecê-la... Qual seria o seu nome?
O rapaz educado seguraria uma das mãos da jovem e gentilmente a cumprimentaria, ainda segurando a mão da jovem ele andaria pelo navio indo em direção ao interior do mesmo... – Então a jovem gostaria de sair da ilha? Se quiser podemos lhe dar uma carona rápida até o seu destino! Em troca irei precisar de um favor, dois de meus empregados acabaram não comparecendo e já estamos prestes a sair! Como a senhorita é uma pessoa muito bem vestida e pelo jeito possui um requinte superior, gostaria se posso contar com a sua ajuda?

Caso deixasse ser guiada pelo capitão 50 para o interior do navio, notaria que o local era igualmente perfumado, a iluminação seria a base de vela, tapetes vermelhos estendidos por todos os lados e lindas jovens muito bem vestidas andavam pelo local, diversos adornos como vasos e candelabros de ouro, algumas das mobilhas também em feitas de ouro aumentariam ainda mais o requinte do local. O pedido de ajuda seria realizado em uma espécie de salão principal com diversas mesas de madeiras, fixadas ao chão, e um palco com uma grandiosa e bela cortina de veludo vermelha. As pessoas que estavam sentadas as mesas eram senhores, muitos deles de cabelo branco trajando smoking.

Se não resolvesse seguir o capitão para dentro do navio, notaria aproximação de alguns homens cortejando a moça, parecia que alguns homens que trabalhavam no navio já haviam puxado para dentro a prancha que dava acesso ao bote e que estariam desamarrando as cordas. Um homem de tatuagens, cabelos negros passavam as ordens para aqueles que estavam tanto na arte de fora do navio como na parte interna.  O mesmo poderia ser o imediato daquela embarcação.
Off Mavis:
 


Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 
Sensei:
 
Esmeralda:
 
Capitão 50:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptyTer 14 Ago 2018, 02:19

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Com êxito em realizar meus exercícios de treinamento, acabei por ser elogiada e liberada por Eagle para seguir em meu alistamento. Ao chegar no escritório do Sensei e encontrar tudo bagunçado novamente foi um pouco decepcionante, mas suas palavras de incentivo sobre eu ter essa chama da justiça, me fazia ficar animada para seguir em meu objetivo de pertencer a marinha. “Isso mesmo! Que minha chama continue ardendo para o que vir pela frente” Pensava enquanto observava o Sensei na janela falando, me pergunto o que ele poderia estar olhando de tão interessante…

O Sensei falou qual seria meu último treinamento, este que consistia em um treino de combate. E quando observei melhor a face do Sensei ao virar, ele estava tendo um sangramento nasal. “Mi-minha nossa! Quando foi que ele ficou ferido? Será que no passado ele sofreu algum acidente e seus vasos sanguíneos foram rompidos?” Teria pensado olhando o lado médico da situação. Deixando o sangramento de lado, o Sensei me ordenou para ir encontrar uma tal de Esmeralda que é irmã do Capitão Esmeraldo, sendo assim, o saudaria antes de me retirar —Sim senhor! Com sua licença estou saindo… E cuide do seu sangramento nasal, senhor!— e pegando o mapa iria em busca de tal mulher.

Ao caminhar até a ala de treinamento, me orientado enquanto uso o mapa, teria encontrado a entrada da ala próximo do pátio. —Com sua licença, estou procurando Esmeralda para me instruir no treino de combate, sou Noelle uma recruta e atiradora.— Teria dito, e tudo indicava que a mulher loira de cicatriz seria ela. “Que… Violência” Pensei ao ver aquela cena de espancamento contra os marinheiros. “Ah, espero não ser a próxima!”. E a loira espancadora veio falar comigo, me elogiando e depois perguntando sobre meu estilo de luta. —Sou uma exímia Atiradora—. Responderia. Ao escutar minha resposta ela saiu e foi por um corredor estreito e, eu a teria seguido de perto.

Aquele corredor parecia contar um pouco da história dos marinheiros de alta patente do Quartel General, pois acabei conhecendo alguns dos rostos nos cartazes que ali estavam. “Um dia eu também estarei estampada com condecorações em alguma parede!”. E assim mais um objetivo era adicionado à lista de coisas para obter na marinha. Prosseguindo no recrutamento, Esmeralda me levou até o estande de tiros da marinha, e depois começou a me dizer o que fazer em cada etapa, para então chegar na última onde eu deveria enfrentá-la. “Parece perigoso, espero que nada de errado acontece… Principalmente comigo!”. Minha preocupação era tão real quanto o arquear das minhas sobrancelhas naquele momento.

Pegaria a pistola que me foi oferecida por Esmeralda, verificaria se estava carregada, do contrário buscaria com os olhos aonde poderia recarregar e iria até lá, depois de recarregar eu retornaria. Tomaria fôlego, segurando aquela pistola com ambas as mãos iria até o estande inicial, e chegando na distância mínima, caso houvesse uma marcação ou obstáculo marcando o limite iria até o mesmo. Mirando no peito do alvo, daria o primeiro tiro e depois contando até três, daria o segundo. Agora erguendo a mira um pouco para cima, visando acertar sua cabeça eu tentaria atingir acima dos olhos, no que seria o centro da testa do alvo.

Depois me moveria até o segundo objetivo, este que seria de cinquenta metros, o que me fez segurar com bastante firmeza a pistola, pois um mínimo deslize de ângulo e poderia errar. “Não é nada demais, apenas foco Noelle! Foco”. Com o olho esquerdo fechado para dar mais ênfase a mira com o direito, miraria na altura da cabeça do alvo e daria o tiro.

Passaria agora para o terceiro estande, e este me surpreendeu ao ver que parecia bem mais difícil do que imaginara. “Eu acho que não vou conseguir…”. O meu primeiro alvo seria o bandido sem refém, pois me sentiria mais segura tentando acerta-lo; o tiro seria na altura do ombro esquerdo do alvo, meu temor estava bem alto, não queria nem cogitar matar um refém, mesmo que de mentira. Com o outro bandido seria um disparo visando a parte do corpo que estive a mostra, evitando mirar no refém eu tentaria acertar o seu braço. “Bem, não me foi dito nada sobre atingir lugares superficiais…”. Assim sendo, iria para o estande de número quatro.

Tentando acompanhar com os olhos a movimentação dos alvos, tentaria como sugerido, acertar o número exato de três, com disparos no centro visando atingir a parte do meio de seus corpos, acreditava que com alvos em movimento seria mais eficaz mirar nas áreas maiores. Apenas pararia de disparar quando o número exato de três fosse atingido, e então me encaminhar para o último obstáculo. “Melhor verificar minha munição antes de ir para cima”.

Depois de verificar e recarregar a arma caso houvesse pouca munição, iria até o quinto estande para encarar Esmeralda. Com ambas as mãos na arma, com os olhos focados em Esmeralda e procurando ler seus movimentos, eu iria mirar na maçã em sua cabeça e disparar, caso ela saltasse para cima, buscaria me jogar para trás, se fosse por algum lado eu correria para o lado oposto. Em cada esquiva assertiva, voltaria a mira na maçã para atirar novamente. Caso ainda não tivesse acertado a maçã e nem Esmeralda tivesse me derrotado, faria algumas fintas com o corpo para tentar enganá-la e quando ela viesse para cima, eu buscaria desviar me abaixando, giraria o corpo para ficar de frente com suas costas e atiraria na maçã.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
"Será que vou conseguir descansar agora?"


Ao finalizar o treinamento de alistamento, cumprimentaria Esmeralda com a mão ou abraço caso ela desejasse. —Obrigada pelas lições, e sinto muito se falhei em alguns momentos. Prometo melhorar para a próxima vez!— Em um tom confiante falaria, devolvendo a arma e esperando ser liberada para me reportar ao Sensei, e assim que possível o faria. —Tudo finalizado, senhor! O que vem a seguir?— Diria ao vê-lo novamente.





Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle
Localização: Loguetown (QG)
Post: 10
Ferimentos: Coxa direita (4/8) Tratado | Coxa esquerda (4/8) Tratado | Canela esquerda (4/4) Tratado | Barriga (3/3) Tratado
Perdas: Arma de fogo Simples(1x)
Ganhos:  Um par de Muletas | 01 Mapa do QG
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.
Capitão Esmeraldo - Um capitão da marinha que me salvou de piratas.
Sensei - O recrutador da marinha, que tem uma personalidade engraçada e é bem estranho.
Eagle - Um marinheiro de bigodinho engraçado que cuida da academia no QG de Loguetown.
Esmeralda - Marinheira que me instruiu no treino de combate ao me alistar.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akagami
Soldado
Soldado
Akagami

Créditos : 8
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/11/2014

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptyTer 14 Ago 2018, 07:56

Picture yourself in a boat on a river; With tangerine trees and marmalade skies...
A Flor de Lótus
A garota aceitaria o trabalho para sair daquela ilha onde ela saberia que era dominada por revolucionários e queria muito ser uma soldada da Marinha para tentar fazer de tudo para ter justiça e ficar tudo bem naquele local.

~ Prazer meu nome é Mavis Silverburgh. Gostaria muito de sair da ilha para ilha para ir para Loguetown. Eu aceito o trabalho mais eu tenho um recado antes de fazer qualquer coisa. ~ A jovem de cabelos rosas estalar os seus dedos e com uma cara meio nervosa já continuaria a falar.

~ Eu aceito só os clientes não fazendo nada que eu quero tudo bem, mas se fizer já fiquem preparados para levar uma. ~ Falaria para o capitão do navio antes de continuar as coisas.

A jovem iria ser levada para colocar as roupas que aquele lugar iria trabalhar, o pedido que o capitão fazia era um tipo de ordem, por causa se não aceitasse o trabalho via os homens do navio se aproximando lentamente. A partir daquele momento iria trabalhar num salão principal que era muito decorado e iria trabalhar no que fosse preciso para sair logo dali.

Ela esperaria qualquer coisa, mas preparada para dar uma surra em quem abusasse da sorte. Estava preparada para dançar e receber um dinheiro dos clientes se quisesse dar, caso eles fosse bons e não excederem a própria sorte e não quisessem levar uma boa surra naquele lugar.


Objetivos:
 

Informações:
 

NOTES : No exist the way
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptyTer 14 Ago 2018, 16:05

Post 010
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha, Sensei, Academia e Música, Tiros e Glamour, Mais uma vez e Algemas...


Noelle


Lá estava à loira, pronta para a seu último desavio no alistamento. As duas primeiras etapas foram concluídas com sucesso, a moça realmente soube controlar a respiração e a ansiedade antes de disparar seus tiros contra os alvos. O terceiro estágio daquele treinamento parecia ser mais preocupou a jovem, talvez pelo fato de se tratar de um refém e não querer transformá-lo em uma vítima ou coisa do gênero.

Mais uma vez preparada, os alvos saltaram. Cuidadosa, mirou no primeiro bandido na altura do ombro e depois acertou o segundo alvo no braço direito, após os tiros encaminhou-se para o quarto e penúltimo estágio e mais uma vez não teve pressa e assim que adequou seus olhos aos movimentos dos bonecos disparou até acertar os 3 alvos no centro. Felizmente ela não precisou de um quarto tiro.

Até o momento suas pontuações estrariam perfeitas, não havia errado nenhum alvo e após recarregar a pistola, estaria pronta para a última etapa. Acertar a maça localizada na cabeça da examinadora Esmeralda.

Assim que Noelle tomou o seu lugar, Esmeralda começou a correr com tudo na direção da loira. Seu movimento era reto, como um cachorro que vê o seu alvo e parte para cima dele babando, a recruta não perdeu tempo mirou na maçã e Bang! (droga comecei a cantar anitta na cabeça) Esmeralda saltaria para o lado direito e voltaria a correr, ao mesmo tempo a jovem pistoleira movimentou-se para a esquerda e buscou mirar novamente na maçã só que tanto ela quanto a examinadora haviam sumido. De repente, ela notou que estaria olhando para o teto da sala e segundos depois sentiria o seu corpo chocando-se contra o chão.

Esmeralda apalpava suas pernas retirando certa quantidade de areia delas, deu as costas para a jovem e retornou para o ponto de partida dizendo... – Essa foi só para aquecer! Dessa vez é para valer, prepare-se!!

Assim que Noelle fizesse o sinal que estaria Ok para continuar a examinadora partiria novamente em linha reta em direção a jovem...



Mavis


Após receber as informações do Capitão Fifty (Mudei um pouquinho) a jovem aceitaria o trabalho sem saber muito bem em qual buraco estaria se enfiando. Na verdade ela desconfiava, mas não imaginava o quão fundo seria esse buraco. O capitão, com um sorriso irônico, encaminhou Mavis até uma porta que daria acesso ao que seria o backstage ou alguma coisa do tipo.

Lá ela pode ver que só existiam mulheres, todas elas de lingerie. Algumas com algumas marcas de agressão pelo corpo ou rosto, outras com olhares perdidos sem nenhum tipo de brilho. Além do capitão, estariam presentes no local mais 3 homens, dois com sabres e um com pistolas que reportavam ao Capitão... – Senhor, as vadias já estarão prontas para o show dentro de alguns minutos! Essa daí é carne nova?... O capitão com um sorriso de satisfeito encarava todas as mulheres, todas elas desviavam os olhares, assim que recebeu o recado de seus homens o capitão pronunciou-se.

- Sejam rápidos e tirem as marcas das caras daquelas vadias, hoje temos clientes importantes e não estou querendo perder dinheiro por causa desses roxos! Se não conseguirem coloquem uma mascara logo nessas infelizes! Sim, essa daqui será o prato principal da noite, deem a ela aquela lingerie de renda preta! Muahuhuahushuha.

Antes de sair do local o capitão segurou os punhos da jovem, com a ajuda de um dos homens que vinham por trás dela e colocou um par de algemas dizendo... – Eu sou o Capitão desse navio e não te dou autorização para agredir meus convidados! E você irá fazer exatamente o que eu mandar!

Após a conversa, o homem daria um tapa na bunda de Mavis e sairia do local gargalhando! Seus homens empurravam a jovem de cabelos rosados de forma grosseira obrigando a moça a vestir aquelas trajes que não conseguiam tampar um buraco de bala. Após vestir a roupa ela foi posta num canto e obrigada que esperasse a sua vez!

Enquanto esperava, uma das moças chorava e dizia a jovem com um tom de voz similar ao de um sussurro... – Você também foi raptada? Eles mataram minha família e me obrigam a trabalhar e a me deitar com vários homens todas as noites!... – Eu não aguento mais, estou prestes a me matar! Acho que se eu morder alguns dos clientes eles me mataram! (diria uma segunda mulher)... – Não faça isso, a última que fez isso foi obrigada a se deitar com toda a tripulação, foi espancada e vendida para outros piratas (falaria com raiva uma loira de seios fartos)... – Malditos piratas! Escutei que hoje eles irão fazer uma espécie de leilão! Tomara que me comprem, assim poderei achar um jeito de escapar!!

- Cale a boca suas vadias, é só chegar uma carne nova que vocês começam a falar? O homem com um sabre aplicaria um tapa na cabeça de uma jovem morena e o silêncio se faria presente novamente no local.

Após um tempo era notório que o navio não estaria mais atracado e sim velejando, as horas foram passando e uma a uma as jovens iam sendo levadas a um corredor escuro que daria acesso ao palco principal! Se Marvis tivesse a curiosidade de ver e escutar, notaria que sempre que as jovens eram levadas, os homens brincavam com elas durante o caminho e uma salva de palmas era escutada segundos depois.

Não demorou muito e ela foi chamada para ir ao palco, como de costume os dois vermes levaram a jovem pelo mesmo corredor, passavam a mão na jovem enquanto diziam... – Como eu queria que você tivesse sido encontrada por nós, assim poderíamos ter testado a mercadoria antes... Assim que chegaram ao local à cortina se abriu...

- E agora senhoras e senhores... Rosinha a mais nova virgem da nossa embarcação!!!  Todos os homens iam ao delírio, muitos chegavam até a engasgar ao notarem a beleza de Mavis, realmente era algo inusitado naquele dia!... – Antes de começar os lances vamos a uma entrevista rápida com essa belezinha!!!

O capitão chegava perto do ouvido da jovem e diria.... – Acho bom você me obedecer e responder as perguntas com uma voz aveludada, você com certeza será o melhor prêmio da noite!... Falando ao microfone ele diria... – Qual a sua idade, quais as suas manias, é uma boa dona de casa? Já brincou com algum homem? Por esse seu olhar inocente acredito que não.... Gritos de comoção ecoavam!

As perguntas de mais baixo calam continuariam. A moça estaria algemada com as mãos para frente de seu corpo, suas pernas estariam livres e a cada pergunta respondida de maneira grosseira ou sem sensualidade o capitão aproximaria para falar algum ameaça próximo ao seu ouvido...

-------------
Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 
Sensei:
 
Esmeralda:
 
Capitão 50 (Fifty):
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptyQui 16 Ago 2018, 18:30

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O meu recrutamento já havia começado tinha um bom tempo e agora estava na sua fase final, com Esmeralda me treinando na parte do combate, se bem que, aquela estava sendo a segunda vez que eu entrava em uma luta. “Ainda não esqueço dos piratas que enfrentei anteriormente, principalmente devido o fato dos ferimentos feitos por eles ainda estarem presentes no meu frágil corpo”. Com o iniciar de minha prática de tiro nos alvos, acabei percebendo que aquilo não tinha sido um grande desafio para uma atiradora experiente como eu, porém, não poderia dizer o mesmo sobre a peleja contra Esmeralda.

Mesmo tendo êxito nos movimentos iniciais, acabei por sendo pega de surpresa e quando me dei conta estava visualizando o teto da sala “Quê? O mundo ficou de cabeça para baixo ou foi…” E como temia, segundos depois acabei descobrindo que eu é quem tinha ficado de cabeça para baixo ao sofrer um golpe de Esmeralda. O meu corpo foi de encontro ao chão, o que não ajudava em nada na minha recuperação. —Uuh, me dê um instante para recuperar o fôlego, acho que não machuquei nada gravemente dessa vez— Proferi ao apalpar minhas costas em busca de alguma área dolorida. —Certo, dessa vez vou tentar ser mais direta com você!— Exclamei já tentando ficar de pé e tentando tomar uma posição ofensiva.

Procuraria minha arma caso ela tivesse sido arremessada na queda, e assim que tivesse com ela em mãos, voltaria a ficar em uma posição ofensiva, que seria com uma perna mais adiantada que a outra e com a pistola sendo segurada nas duas mãos a frente do corpo. “Vou já ficar pronta para correr, essa Esmeralda não tá para brincadeira!”. E em tom alto avisaria que estou pronta. —Pode vir!— Teria dito, e iria mirar na maçã que provavelmente estaria novamente em sua cabeça, realizando um disparo na mesma.

Depois do primeiro disparo, começaria um recuou de alguns metros me movendo de costas para aumentar a distância entre eu e Esmeralda. Suspeitava que apenas um tiro não seria o suficiente para derrubar tal maçã, então após meu recuo, daria um segundo disparo visando acertar aquela fruta, tentando ao máximo mirar acima da cabeça de Esmeralda e acertar o centro da fruta, mesmo que isso me forçasse a visão. “É bem diferente lidar com um alvo pequeno e que ainda possui alguém rápido o carregando”. Caso em algum dos dois momentos de disparo fosse alcançada por Esmeralda, tentaria girar o corpo para me desvencilhar de seu golpe e correria uns três metros para longe dela em linha reta.

Tendo êxito em escapar ou evitar ser pega por algum golpe dela, voltaria novamente minha mira, na direção do alvo, a maçã, e dispararia. “Espero que ela não ache que posso lutar corpo-a-corpo, sou bem menos que um peso leve nesse quesito, uma zero a esquerda”. E novamente na situação de ser alcançada ou ver algum golpe vindo na minha direção, buscaria escapar girando meu corpo, mas se não fosse o suficiente, tiraria uma das mãos da minha pistola para tentar defender o golpe dela ao colocá-lo na frente, ou até mesmo me soltar de uma segunda tentativa em me levar para o alto e me derrubar. “Talvez se eu conseguir deslocar seu braço nem que seja alguns centímetros ela possa falhar”. Pensava já temendo sentir as costas no chão novamente.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Caso o golpe do zanghief de me levar para cima tivesse ocorrido novamente, me protegeria com as mãos em frente da cabeça ou se ele estivesse sendo feito de forma imperfeita com alguma brecha para escapatória, utilizaria minhas pernas para empurrar o corpo de Esmeralda para trás, como se estivesse tentando realizar um coice. Tendo sucesso em afastar ela, tentaria cair de pé no chão, do contrário, apenas lamentaria bater novamente minhas costas e ficaria massageando as mesmas com minhas mãos. —Você é muito forte, acho que eu nunca teria chance em um combate real contra você.— Teria dito no provável desfecho final de nosso treinamento. Agradeceria com um estender de mão para Esmeralda, devolveria a pistola caso fosse solicitado e seguiria meu caminho de volta para onde o Sensei estiver. —Acredito que agora terminei todas as tarefas, já posso me considerar uma marinheira, Senhor?— Falaria de peito estufado ao encontrar o Sensei.

Recebendo meu uniforme, procuraria um alojamento ou vestiário feminino para trocar de roupa, depois pegaria alguma arma no arsenal caso tivesse sido dito para o fazer, do contrario caso eu tivesse recebido alguma ou até ficado com a pistola do treinamento, colocaria ela na cintura ou no coldre se houvesse um no uniforme. Meu objetivo ao estar vestida e armada adequadamente, seria agora conseguir uma missão, para tal iria até o Sensei ou na sala de alguém de cargo maior caso o Sensei não pudesse me passar uma. "Preciso de uma missão, de preferencia que não me machuque muito fazendo..." Era o que pensaria em obter, mas apenas um superior poderia me dizer qual missão eu faria. —Noelle pronta para o serviço, senhor!— Diria para tal encarregado de missões.



Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle Eisenhower
Localização: Loguetown (QG)
Post: 11
Ferimentos: Coxa direita (5/8) Tratado | Coxa esquerda (5/8) Tratado | Canela esquerda (4/4) Tratado | Barriga (3/3) Tratado
Perdas: Arma de fogo Simples(1x)
Ganhos:  Um par de Muletas | 01 Mapa do QG
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.
Capitão Esmeraldo - Um capitão da marinha que me salvou de piratas.
Sensei - O recrutador da marinha, que tem uma personalidade engraçada e é bem estranho.
Eagle - Um marinheiro de bigodinho engraçado que cuida da academia no QG de Loguetown.
Esmeralda - Marinheira que me instruiu no treino de combate ao me alistar.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akagami
Soldado
Soldado
Akagami

Créditos : 8
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/11/2014

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptyQui 16 Ago 2018, 19:16

Picture yourself in a boat on a river; With tangerine trees and marmalade skies...
A Flor de Lótus
A jovem de cabelos rosas ficava naquele momento com um pensamento explosivo por estar sendo exposta daquele jeito e daquela maneira, ficava pensando de como sairia daquele lugar, aguentar até chegar em Loguetown.

~ Qual a sua idade, quais as suas manias, é uma boa dona de casa? Já brincou com algum homem? Por esse seu olhar inocente acredito que não...~ Gritos eram ouvidas da plateia, enquanto a cara de nervosa de Mavis pensava.

~ Tenho 21 anos, minhas manias é bater em quem merece, não sou dona de casa e apenas tenho uma coisa em mente podem me atirar desse navio na água, mas é bater em que eu não confio em que fica de gracinha comigo. ~ Falava com um pensamento impaciente em que poderia assustar os homens que estavam naquele lugar.

Ela sabia que poderia ser comprada por qualquer homem que estava naquele lugar, e já estava preparada para qualquer coisa que poderia acontecer naquele local com um homem que estaria acompanhando ela no quarto que poderiam levar ela.

Se caso ela fosse vendida e levada para um quarto com um dos homens que estivesse ali esperaria o momento certo para haver algo que ela não quisesse e faria uma agressão e daria uma joelhada na barriga do homem, caso ele passasse dos limites com ela já que suas mãos estavam com as algemas e prepararia tudo para partir para seu lado explosivo.


Objetivos:
 

Informações:
 

NOTES : No exist the way
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS

[/color][/color]

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptySex 17 Ago 2018, 15:29

Post 011
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha, Sensei, Academia e Música, Tiros e Glamour, Mais uma vez e Algemas, Sucesso e Chegada...


Noelle

O último desafio de seu recrutamento estaria chegando ao fim depois de um aquecimento ou quem sabe uma pequena amostra dos poderes da treinadora Esmeralda que sorridente, retornou ao seu posto esperando que a loira ajustasse a sua postura e mira! Após a sua preparação Noelle diria que estava pronta.

Com um largo sorriso estampado no rosto, a lutadora partiria novamente em linha reta em direção a loira que mais uma vez dispararia contra a mesma, mirando sempre na maçã, assim como da última vez a treinadora saio do raio do disparo movendo-se para o lado, a pistoleira recuaria com a intenção de manter a distância e assim dispararia mais uma vez! Esmeralda que era claramente mais rápida e não tinha um alvo pequeno para mirar diminuiu ainda mais a distância a ponto de entrar em seu raio de ação.

O segundo tiro também havia sido desviado igual ao primeiro e logo que alcançou a jovem recruta, Esmeralda deslizaria no chão, visando acertar novamente as pernas da jovem que dessa vez não ficou parada e girou o seu corpo e evitou que fosse acertada. Recuou e mais uma vez disparou, Esmeralda conseguiu evitar que a mação fosse atingida em cheio.

Esmeralda levantaria do chão e olhando a mação diria... – Meus parabéns! Pensei que conseguiria desviar de seu ataque. Infelizmente não fui rápida o suficiente!... Você passou meus parabéns! Agora você vá e se apresente ao Sensei... A moça jogaria a maça em direção de Noelle e sairia da sala na sequencia, caso tivesse o interesse de segurar a maça e analisa-la, perceberia que a bala havia retirado uma fina camada da casca, quase imperceptível.

Após devolver a pistola para examinadora, Noelle encaminhou-se até a sala do Sensei informando o mesmo de que acabará o seu treinamento. O homem estaria riscando alguns papéis e na sequencia diria algumas palavras à moça... – Meus parabéns minha jovem, estava analisando os relatórios entregues pelos seus examinadores. Eles realizaram algumas observações referentes ao seu teste! Aqui está a sua cópia caso queira ler...
O homem entregaria uma folha contendo algumas informações e depois pegaria mais alguns objetos na mesa e entregaria a mesma dizendo... - A Marinha está feliz em ter tido a oportunidade de testar uma jovem esforçada como você e é por isso que lhe entrego essa medalha e a parir de agora você é a Soldada Noelle. Sentindo!

Anotações::
 

Sensei bateria continência ao colocar a medalha na jovem e a olharia com um olhar fixo repleto de honra! O mesmo também daria o uniforme da marinha a dispensaria para que a mesma pudesse se trocar e também avisou que a moça, caso quisesse participar de sua primeira micção, deveria procurar informações na secretaria. O local estaria informado no mapa que Sensei havia lhe entregue antes.

Soldado:
 

Uniforme Padrão da Marinha:
 

Devidamente vestida e agora trajada com o uniforme da marinha, Noelle foi até a secretaria e lá acabou encontrando uma espécie de anciã que era quem repassava as missões para os jovens soldados, sem pestanejar e cheio de energia apresentou-se e já se pôs apta para começar a sua função.

- Huuuummm... Deixe-me olhar as missões que eu tenho disponíveis para você aqui minha jovenzinha de cabelos dourados... A velha foleava as folhas com uma calma absurda, na verdade parecia que ela nem tinha mais força pra segurar uma maldita folha, mas lá estava ela toda enrugada procurando uma missão para a soldada. Demorou muito e a velhinha lhe entregava um papel com as informações de sua missão...
Missão!:
 
A anciã ficaria olhando para Noelle esperando que a mesma aceitasse ou não a missão! Caso aceitasse, ela apontaria outra sala para a moça e que poderia seguir o caminho que estava em um mapa que lhe foi entregue junto com os papeis da missão.

Se fosse a sala apontada pela anciã, perceberia que se tratava do arsenal daquele QG, lá um marinheiro perguntaria a jovem... – No que posso te ajudar Soldada?... – Deixe me ver os papéis de sua missão!... - Qual o tipo de armas que você usa?...- Muito bem, assine aqui esses papéis e essa Pistola estará oficialmente sobre os seus cuidados soldado!

O homem prestaria continência e desejaria boa sorte assim que a mesma assinasse os papéis.
O tempo fora do QG estaria já escurecendo, seriam quase 19 horas e a jovem poderia ir até o local da empresa para conhecer o território, passear pela cidade ou simplesmente ir até o dormitório e relaxar um pouco.


Mavis


Em algum lugar no oceano entre Conomi e Loguetown uma jovem de cabelos rosados estaria uma situação completamente inesperada a qual imaginou começar o seu dia. Responderia as perguntas feitas pelo mercador com um tom intimidador, infelizmente os frequentadores da embarcação foram ao delírio com o modo em que a mesma respondeu.

Após mais alguns alvoroços o leilão continuou e a jovem foi vendida a um homem velho e barrigudo, lhe foi entregue as chaves das algemas e o mesmo a colocou em seu pescoço como se fosse um colar ou alguma coisa do tipo. Dadas às circunstâncias o leilão havia acabado e o barco começara a seguir sua viagem para Loguetown.

A moça foi conduzida pelo seu novo mestre até a sua cabine. O quarto tinha um cheiro estranho, parecia que nunca havia sido limpo ou lavado, a calça que cobria a cama era áspera, cheia de manchas e fedia como um porco a iluminação de apenas algumas velas fariam com que o local transmitisse uma áurea péssima, sem contar o ranger das madeiras do barco.

A tarde já havia caído, o céu estaria escurecendo quando o navio do Capitão Fifty havia aportado em Loguetown. O homem gordo que havia comprado Mavis estaria se vestindo enquanto a mesma estaria na cama... – Vamos escrava, enrole o seu corpo com esse trapo e me siga, tenho que pegar o meu barco e voltar para Conomi ainda hoje, esse navio irá partir em 5 minutos!... O velho daria as costas e seguiria em direção ao píer clandestino que o navio havia aportado. Apesar de toda a segurança que havia na ilha, muitos marinheiros eram subornados para fazer vista grossa nesses locais.

Caso Mavis resolvesse se enrolar no trampo que o homem havia se limpado, teria que pegá-lo no chão e depois seguir até um corredor estreito que dava acesso ao deck do navio. Lá estaria o capitão da embarcação, um homem portando um porrete e fora do deck um segundo homem com uma pistola.

O homem gordo estaria entrando em outra embarcação que estaria atracado na outra extremidade do píer que daria acesso à cidade de Loguetown. O píer era feito com algumas madeiras velhas, muitas em péssimas condições, à distância até a cidade era de cerca 10 metros e a péssima iluminação dificultava transitar por ali.
-------------
Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 
Sensei:
 
Esmeralda:
 
Capitão 50 (Fifty):
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptySex 17 Ago 2018, 19:01

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Depois de tanto esforço e ter passado por tantas provações até completar meu alistamento, finalmente havia conseguido terminá-lo com êxito. Fui elogiada por Esmeralda, uma grande marinheira por sinal, e posteriormente acabei sendo liberada para reportar a conclusão do treino de combate para o Sensei.

A pistola acabou ficando com Esmeralda e voltei sem nada até a sala do Sensei, lá ele me falou sobre um relatório que haviam feito ao meu respeito, teria pego aquela folha e dado uma rápida olhada antes de guardar.

O Sensei então pegou os itens de um marinheiro para me entregar, sendo uma medalha de admissão algo que ele fez questão de colocar por conta própria. “Na-não vou chorar, não vou chorar!” Era tudo que teria passado na minha cabeça naquele momento, afinal o Sensei e seu olhar de orgulho teria me feito muito feliz.

Outra vez fui dispensada, só que agora com o uniforme que teria pego e estaria levando em mãos para me trocar, e assim que me troquei estando devidamente vestida para realizar missão, meu próximo trajeto acabaria por ser o local que o Sensei informou no mapa.

Chegando na sala certa, acabei por avistar uma senhora idosa cuidando do local, ela então falou comigo e começou a procurar uma missão para eu realizar. “Vou começar minha primeira missão na marinha! Yup! Levarei justiça e ordem aonde for solicitado!”. E logo que a senhora pegou uma missão e me mostrou, daria uma boa olhada lendo a mesma, então aceitaria tal missão, levaria os papéis comigo e seguiria por onde ela me mostrou para ir. “É mesmo! não peguei uma arma ainda, preciso me armar antes de começar”. E quando teria entrado na sala que me foi apontada, veria que é o arsenal da base. Lá no arsenal um marinheiro me pediu os papéis da missão e perguntou que tipo de arma eu utilizaria.

—Arma de fogo, por favor!— Diria enquanto entregaria os papéis para o soldado verificar, depois assinaria o que foi solicitado, pegaria a arma de fogo a colocando na cintura ou coldre do uniforme, e prestando continência de volta ao marinheiro eu sairia daquele local.

Quando já estivesse do lado de fora e andando nas ruas, buscaria me informar com algum civil onde poderia ser o estabelecimento do comerciante. —Com sua licença, sou uma Soldado em operação, poderia me informar onde fica o estabelecimento do senhor “Nei”?— Teria Perguntado para algum civil, e repetiria a mesma pergunta até encontrar a loja.

Caso houvesse alguma placa informando que era uma loja de cadeiras ou a loja de um tal de Nei, iria até a mesma para me informar. —É aqui que solicitaram os serviços da marinha? Sou a Soldado Noelle, a responsável para ajudar!— Me apresentaria para quem fosse me atender no local e ficaria na espera de alguma resposta para prosseguir.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Tinha quase convicção que ninguém me enganaria agora que sou uma marinheira, mas com tal confiança excessiva que sempre demonstrei nunca se sabe o que pode acontecer. “Espero me dar bem com todo esse pessoal que provavelmente está me esperando no estabelecimento!”. E com tal pensamento positivo seguiria na realização da missão.  
 



Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle Eisenhower
Localização: Loguetown (QG)
Post: 12
Ferimentos: Coxa direita (6/8) Tratado | Coxa esquerda (6/8) Tratado | Canela esquerda (4/4) Tratado | Barriga (3/3) Tratado
Perdas: Arma de fogo Simples(1x)
Ganhos:  Um par de Muletas | 01 Mapa do QG |Relatório de admissão | Medalha De Admissão| Uniforme Padrão Marinha | 1x Arma de Fogo Simples
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.
Capitão Esmeraldo - Um capitão da marinha que me salvou de piratas.
Sensei - O recrutador da marinha, que tem uma personalidade engraçada e é bem estranho.
Eagle - Um marinheiro de bigodinho engraçado que cuida da academia no QG de Loguetown.
Esmeralda - Marinheira que me instruiu no treino de combate ao me alistar.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akagami
Soldado
Soldado
Akagami

Créditos : 8
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/11/2014

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptySex 17 Ago 2018, 23:31

Picture yourself in a boat on a river; With tangerine trees and marmalade skies...
A Bomba de Sete Cores
 Mavis depois que descesse para o píer tomaria cuidado para não cair já que teria pouca iluminação naquele lugar. Tomaria o máximo cuidado e quando chegasse na cidade que não estaria muito longe dali perguntaria para algumas pessoas sobre o QG da Marinha onde poderia ficar.

~ Onde fica o QG da Marinha mais próximo daqui, preciso ir para lá me alistar. ~ Perguntaria a jovem de cabelos rosas para alguma pessoa que soubesse a informação. Caso a resposta fosse positiva caminharia até o lugar especificado para tentar fazer o máximo para chegar lá.

E caso conseguisse a informação, também pediria onde poderia conseguir alguma roupa que combinasse com ela pediria algo botas femininas de salto alto, meias roxas de renda longa, luvas roxas, top de uniforme escolar, uma saia que mostra o fio dental e toda a coxa direita para ela ficar mais livre, para ficar mais tranquila hora que chegasse na base para prosseguir já que estaria envolvida em trapos, desde que saiu do navio e da noite que tinha naquele lugar.

~ Obrigado pela roupa, agora terei que seguir para o QG da Marinha. ~ Falaria a jovem de cabelos rosas depois que pegasse alguma roupa e seguiria para onde poderia se tornar uma marinheira.

Daria a resposta para o homem ou a mulher que ajudasse ela, depois que agradecesse iria para o QG da Marinha tentar o máximo para ser admitida como mais nova marinheira e não desistiria de seu sonho de ir para a GL como uma boa soldada , e tentaria o máximo para chegar o mais rápido que podia antes de se cansar.


Objetivos:
 

Informações:
 

OFF:
 

NOTES : No exist the way
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 EmptySeg 20 Ago 2018, 12:41

Post 012
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha, Sensei, Academia e Música, Tiros e Glamour, Mais uma vez e Algemas, Sucesso e Chegada, Noite e Conomi...


Noelle

Finalmente a jovem estaria com as suas vestes da marinha, a qual sempre sonhou, e com uma arma, essa que lhe pertencia e que não a devolveria tão cedo. O céu lá fora já estaria escuro, mas a empolgação da jovem não a fez perder tempo e assim foi ela pelas ruas de Loguetown encontrar a pessoa que precisava da sua ajuda, a ajuda da verdadeira justiça.

Após encontrar um casal e pegar as informações referentes ao local Noelle andou cerca de 20 minutos mais ou menos. A maioria dos comercias estavam fechados, alguns locais como bares e restaurantes ainda permaneciam abertos, recebendo diversas pessoas, o clima em si estaria agradável, cerca de uns 20°C e uma brisa bem tranquila que uma hora ou outra balançava os fios dourados da jovem soldado.

Enfim, após a sua caminha a loira encontrou o comercio, que ficava na esquina de uma das ruas da ilha. A placa na fachada da loja, Nei´s Silverchair, indicava que a informação que lhe foi passada estava certa. Infelizmente, o local tinha acabado de fechar as portas e um homem forte, cerca de 2 metros de altura estaria fechando as portas. Feliz, nossa soldada se identificou a tal ser imenso e cheio de músculos.

Com uma voz fina e um tanto estranha, comparada com o porte daquele ser, ele respondeu... – Iaiiinn minha queridinha, que coisa mais fofa você é! Chamo-me Nei e sim é aqui que foi solicitado o serviço! Infelizmente eu já estou fechando as portas e só abrirei amanhã por volta das 09 horas da manhããããin...

Certamente seria um balde gelo nas costas de Noelle. O homem musculoso continuou a falar... – Se quiser queridinha, pode ir beber um pouco comigo! Vou jantar agora antes de voltar para casa, iaiiiiinnn vai querer ir junto fofalete?

Noelle agora poderia retornar ao QG, seguir com Nei ou simplesmente andar pela cidade para conhecer o ambiente antes de encerrar o dia.

Citação :
20:15 da noite | 20°C | Céu estrelado

Mavis

O céu realmente estava escuro e o clima estaria muito gostoso para um passeio ou alguma atividade de lazer ou até mesmo um passeio entre casais ou coisa do tipo. Talvez tenha sido esse o pensamento da jovem de cabelos rosados pensou ao descer do deck e simplesmente ignorar as ordens do gordo e começar a caminhar, com todo o máximo de cuidado, em direção à cidade. Essa cena deixou todos ali chocados, alguns gargalhavam, outros olhavam de boca a aberta, alguns simplesmente deveriam estar pensando “ela pensa que está num desfile?”. Realmente seria algo inusitado ou normal para a nossa escrava, algemada de cabelos rosado.

Infelizmente, o homem que comprou o seu direito de ser livre não achou nada engraçado. Irritado ele gritou para que ela parasse e voltasse. Desobediente a jovem estaria chegando a alguns metros da metade do caminho quando o homem do capitão Fifty olhou para o mesmo que com um gesto de positivo com a sua cabeça autorizou que o mesmo a parasse.

O homem, simplesmente sacou a sua pistola e realizou um disparo na perna direita da moça, mais precisamente na panturrilha. O tiro atravessou a perna, jorrou sangue para todo o lado e a mesma caiu de joelhos. O carrasco ainda chegou perto da moça dizendo... – Você é só uma vadia escrava!... E finalizou com uma coronhada em sua cabeça que deixou a garota desacordada.

Algumas horas depois o sol já estaria nascendo, pelo menos é isso que mostraria as frestas na madeira da cabine suja que Mavis despertava. Isso se ela fizesse questão de olhar ao redor e tentar descobrir em que local estava! Sentiria assim que acordasse um peso sair de cima de suas costas e junto com essa sensação um alivio. A sensação de alívio passaria como uma brisa, pois uma forte dor latejava em sua cabeça e outra ainda maior em sua perna direita.

Quando de reprende escutaria a voz do seu mestre gordo que estaria novamente limpando o seu corpo suado em um pano que jogou na cabeça de Mavis após limpeza minuciosa... – Sua vadia, gastei um dinheiro desgraçado com você e agora está com esse buraco no corpo! Fique ai que eu tenho que tratar de assuntos rápidos e sair dessa maldita ilha e continuar os negócios.

O gordo sairia batendo a porta de madeira com extrema violência e na sequencia conversaria com um homem no corredor, isso se Mavis tivesse o interesse de tentar escutar a conversa... – arrumem tudo, não vou demorar nem 10 minutos e partiremos de Conomi, avisem os homens e mantenha a vigia nessa vadia, não quero que ela saia daqui!... O homem com um tom de voz grave respondia as ordens passadas pelo gordo e ainda questionava o mesmo referente ao ferimento da jovem... – Eu não me importo, ela que se vire! O meu interesse não é o bem estar dela Muahushuahusha... Ambos gargalhavam e logo em seguida o gordo sairia.

Mavis estaria em uma cabine, suja, com apenas uma cama, sem banheiro ou qualquer coisa do tipo, o local teria as dimensões para cabem apenas uma cama de solteiro das menores. O sangramento em sua perna ainda continuava e pelo que tudo indicava a jovem estaria em Conomi.

Citação :
5:30 da manhã | 18°C | Parcialmente Nublado

-------------
Off Noelle::
 

Off Mavis::
 
-------------
Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 
Sensei:
 
Esmeralda:
 
Capitão 50 (Fifty):
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
I ~ Uma Loira Inteligente?
Voltar ao Topo 
Página 3 de 12Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4 ... 10, 11, 12  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Conomi Island-
Ir para: