One Piece RPG
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Bastardos Inglórios
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Kenway Hoje à(s) 1:06

» Evento Natalino - Amigo Secreto
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor GM.Doodles Hoje à(s) 0:49

» Nox I - Loucura
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Catuios Ontem à(s) 23:31

» Sons of Vermillion's Blood: Gênesis
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:08

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Achiles Ontem à(s) 21:43

» Teleton Chronicles I: Retaliação
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Sakaki Ontem à(s) 21:34

» [ficha] Hinata Bijin
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Bijin Ontem à(s) 20:39

» Apenas UMA Aventura
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Van Ontem à(s) 20:35

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Wesker Ontem à(s) 20:07

» Buki Bijin
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 19:02

» Arthas Mandrake
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Ventus Ontem à(s) 18:58

» あんみつ - Anmitsu
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Vincentão Ontem à(s) 18:03

» Unbreakable
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 18:03

» Cap. 1 - Abrindo caminho
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Fonseca Ontem à(s) 17:31

» [Mini-Theodore]
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Death-D.Obscure Ontem à(s) 17:04

» [Ficha] Mikhail Vermillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 16:40

» Mikhail Vermillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 16:37

» Construindo o Começo
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor Graeme Ontem à(s) 15:17

» [Ficha] Coldraz Vermiillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 13:35

» Coldraz Vermillion
I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 13:34



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 I ~ Uma Loira Inteligente?

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, ... 10, 11, 12  Seguinte
AutorMensagem
Noelle
Soldado
Soldado


Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptyQui 2 Ago 2018 - 17:59

I ~ Uma Loira Inteligente? ~ Combate Em Alto Mar!

Quando Palavras Falham:
 

Nunca antes havia estado em um conflito real, quanto mais utilizando de minhas habilidades com armas de fogo, tudo aquilo parecia tão estressante e assustador para alguém como eu que queria apenas resolver tudo com fortes palavras. Mas já estava bem claro em minha cabeça que esses piratas não queriam nem um pouco dialogar e aceitar o que eu tinha para propor, o que apenas tornava tudo mais difícil já que acreditava que uma vida como marinheira me faria evitar tais conflitos e não me afundar neles. "Não importa como veja essa situação, ela está indo contra muitos princípios do que considero justiça" Penso ao ver aquele pirata vindo em minha direção.

A dor dos ferimentos parecia apenas me incomodar de leve e não teria restringindo meus movimentos, sendo assim chegou o momento de revidar mais apropriadamente tal estorvo de uma vez por todas. Minhas próximas palavras poderiam ser as ultimas que aquele pirata já ferido houveria. -Pare agora mesmo essa idiotice e largue sua arma, este é o ultimo aviso- Recuaria alguns passos enquanto falava e depois ergueria minha arma mirando do lado esquerdo do tórax de meu oponente e caso ele acatasse minhas ordens buscaria chutar sua arma para longe e voltar minha mira para Nestor.

Na possibilidade de ele não ter parado, me moveria de forma a fazer com que o pirata ao vir em minha direção ficasse de frente para eu e de costas para Nestor, apenas acreditando de forma ingenua que Nestor poderia não querer disparar novamente por ter seu subordinado na mira. E dando certo ou não buscaria realizar um tiro a queima roupa quando ele estivesse próximo, visando acertar seu tórax onde já havia mirado antes. -De-deu certo?- Indagaria esperançosa que ele houvesse parado ou caído. Mas na possibilidade de ter falhado ou de ainda atingido ele desferir seu golpe por estar bem perto, observaria de forma aguçada a direção de seu ataque para me mover de forma apropriada.

Para um corte na horizontal independente do lado que viesse minha ação seria a mesma, moveria meu corpo da cintura para cima de forma recuada para trás, mas caso fosse uma estocada visando o tórax buscaria retrair o meu abdômen o máximo que pudesse para não ser atingida, nem que fosse para evitar um ferimento mais profundo. "O famoso encolhe barriga". Na possibilidade de um golpe na vertical de baixo para cima tentaria saltar com as pernas abertas para trás ou caso fosse de cima para baixo me abaixaria com uma mão livre na cabeça só por precaução e giraria o corpo para o lado onde houvesse espaço para tal. Tendo exito em esquivar ou mesmo caso atingida ainda pudesse ficar de pé, dispararia uma segunda vez na altura do pescoço do oponente. -Você... Que pediu por esse desfecho...- Teria lamentado.    

Não podia esquecer de Nestor, pois já que ele é capaz de me atingir com uma arma de fogo mesmo estando longe isso significava que sua pontaria era tão boa ou melhor que a minha. "Ele realmente é sorrateiro, mas já que gosta de beijar, talvez queira beijar meus disparos!" E se em algum momento Nestor buscasse mirar em minha direção e atirar, me jogaria ao chão para evitar ser atingida de forma que pudesse ali mesmo com a cabeça um pouco erguida ter visão dele, para então mirar com as duas mãos na arma e com os braços erguidos apontar na direção de Nestor, dispararia uma vez na direção de sua cabeça e caso ele se movesse atiraria novamente na altura de sua cintura. -Você colocou tudo a perder em sua vida no momento em que virou pirata, não entende isso? Agora terei que te julgar!-. Indagaria indignada contra o capitão pirata.

Mesmo se depois de eu ter revidado, os piratas não tivessem declarado rendição e ainda houvesse contra quem lutar, eu buscaria olhar ao redor os possíveis objetos do cenário para procurar ir me esconder atrás de um deles e repensar meu plano de combate...    
                         



OFF:
 

Objetivos:
 

Informações:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptySex 3 Ago 2018 - 13:06

Post 005
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto...


O sol continuava a brilhar, o mar continuava com as suas batidas suaves contra a embarcação! Nada havia mudado nesses segundos. O caos da pequena embarcação continuava, os berros das vítimas ficavam com um tom mais desesperador, assim como as gargalhadas dos piratas invasores!

Mas, nossa aspirante a marinheira não tinha tempo para pensar nos problemas dos outros! A sua vida estava em jogo naquele momento, ainda mais com um pirata enraivecido correndo em sua direção! Com uma voz de comando, Noelle dá o seu último aviso contra o pirata, que aos berros retruca a moça chamando a mesma de vadia enquanto lançava um golpe na diagonal vindo de cima para baixo! O movimento do homem foi completamente desviado pela jovem que já estava adiantando seus movimentos!

O golpe passa no vazio e graciosamente a mesma aplica um tiro contra o peito do homem! Infelizmente o tiro não foi mortal, pois atingiu a clavícula do lado esquerdo do mesmo. O tiro fez com que o mesmo gritasse ainda mais de dor e talvez por reflexo ou por estar exaurido pelos seus ferimentos, deixou sua espada cair chão. Até o momento tudo estava indo de acordo com os se plano, havia conseguido neutralizar o ataque inimigo e como em uma jogada de xadrez pôs o pião contra o inimigo, bloqueando assim qualquer ataque contra a loira.

Mas seu oponente era um ser sem escrúpulos e assim que notou seu pião fora de ação realizou quatro disparos contra o mesmo. O primeiro atingiu a sua cabeça, fazendo com que uma boa quantidade de sangue voasse na direção do rosto de Noelle, os outros três disparos foram nas costas do inimigo, felizmente nenhum deles chegou a atravessar, que devido ao impacto acabou caindo em direção à pistoleira que focada no combate, jogou-se no chão, puro reflexo, escapando do peso morto que caia ao seu lado!

- Mas que droga querida, você acabou de matar o nosso padrinho de casamento! Isso é realmente imperdoável!

O homem de roupas negras parecia mais sombrio agora! O sorriso não estava mais estampado em seu rosto, à feição era de uma pessoa cheia de maldade pronta para realizar qualquer tipo de ação sem pensar em ninguém. A loira a essa altura já deveria ter percebido qual era a índole desse homem e assim ela ergueu seus braços e buscou a melhor posição, tendo o apoio de uma de suas mãos e disparou contra o mesmo. Infelizmente devido a algumas gotas de sangue inimigo, ela não conseguiu a precisão que tanto esperava e acabou acertando o ombro direito do homem! Ferido o mesmo buscou refúgio em um caixote de madeira que lhe serviu como escudo contra o segundo disparo da jovem!

- Você colocou tudo a perder em sua vida no momento em que virou pirata, não entende isso? Agora terei que te julgar! ... Enquanto desferia seu discurso à mesma procurou abrigo em um barril que estava nas proximidades!... – Garota estúpida! Você não faz a menor ideia do que é perder alguma coisa na vida! Pode julgar o quanto quiser no fim você terá o mesmo fim que as moças daquele navio RARARARARARARARARARARA!

O mesmo dava mais dois disparos contra o barril da moça, se a mesma estivesse atenta à situação, poderia ver alguns cartuchos de bala caindo ao chão, seria uma possível recarga de projétil?

Ao mesmo tempo na outra embarcação um pedido de clemencia, parecia ser de uma criança aos prantos era abafado aos gemidos de dor de um homem adulto e pelo choro estridente de provavelmente duas mulheres.  As gargalhadas dos homens abordo só aumentavam, apesar de estarem em menor número, suas vozes pareciam com as de uma multidão enquanto ordenavam em meio às gargalhadas!... – Eu já falei que você vai apanhar mais ainda sua puta! KIKIKIKIKIKI... Mas que merda, nunca peguei um vestido tão difícil de rasgar... Cala a boca vagabunda, ou antes de chegar a sua vez, irá morrer como esse inútil... HAHAHAHAHAHA... Olha essa criancinha! Será que é menino ou menina? Será que a aproveito antes de você mulher?... KIKIKIKIKI...HAHAHAHAHAHA... TAP, SOC,SOC, TAP (onomatopeias de socos e tapas)... – Para não me bata mais, eu imploro... A criança não!!... Ela só tem 10anos... Mamãe... solta ela! Socorro... Essa era o pouco que dava para ouvir daquele caos!

O tempo continuava o mesmo, céu azul, Sol extremamente forte, o mar ligeiramente calmo assim como o vento! A única diferença no cenário era que a embarcação pirata estaria começando a inclinar fazendo com que a loira ficasse na parte baixa do navio!

O que estaria acontecendo?
Situação:
 

Silabas:
 
Nestor:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptySex 3 Ago 2018 - 22:30

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

A cada minuto que passava eu acabava vendo e escutando coisas horríveis vindas de Nestor, não podia acreditar que ele foi capaz de matar seu próprio subordinado daquela forma, suas ações precisavam definitivamente serem paradas. Principalmente agora que alguns pedidos de ajuda chegaram aos meus ouvidos. Ainda atrás do objeto em que busquei abrigo diria algumas palavras para o pirata -Esse conflito acabou chegando muito longe! Espero que esteja preparado pois não irei parar até que fique "calado" para sempre no chão! Preciso acabar com sua raça e ir ajudar os inocentes do ataque e não irei mais perder tempo com você, Nestor!- Esbravejaria e me poria a correr na direção dos cartuchos.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Buscaria me movimentar com a cabeça abaixada e, enquanto estivesse segurando meu armamento com a mão direita, passaria a canhota no chão coletando os projeteis e, caso escute disparos em minha direção tentaria me jogar de ombro no chão. Recarregaria minha arma e daria um disparo na direção da face de Nestor entre o cruzamento de seus olhos e, mesmo que tivesse fracassado no ataque, seria uma boa chance para me aproximar, caso estivesse no chão me levantaria utilizando o braço livre e as pernas para me projetar em corrida até o mastro que estivesse próximo do pirata. Do contrario, não estando no chão faria o mesmo só que correndo paralelamente virado na direção de Nestor com a arma apontada na sua direção e dispararia visando acertar à área do pescoço ou acima.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Ao chegar no mastro, me colocaria de pés e mãos juntos para evitar expor qualquer parte de meu corpo e, depois daria uma rápida olhada para onde Nestor poderia ter ido ou onde estivesse e recolheria minha cabeça em seguida. "Preciso chegar o mais próximo dele e realizar alguns disparos a queima roupa, não posso deixar ele ganhar mais vantagem ou tudo ficará pior" E com meu plano em mente seria exatamente o que faria,  com ambas as mãos na arma correira em direção da escada/área que leva até onde Nestor se encontraria. Caso fosse alvejada antes de chegar no local, retribuiria na mesma moeda enquanto estivesse correndo, dispararia na altura de seu tórax quantas vezes fosse necessário.

Poderia ocorrer de ser atingida e estar incapacitada de ficar correndo ou me movendo livremente, então para desferir disparos optaria por ficar agachada utilizando minhas pernas como apoio e assim poder atirar contra o corpo de Nestor, caso ele estivesse correndo de meus ataques visaria mirar em suas pernas para derruba-lo. Se em algum momento tivesse visto que teria derrubado o pirata, iria rapidamente até o mesmo, chutaria sua arma ou a mão com a mesma para longe e decretaria sua prisão ao apontar a minha arma na direção de sua face mesmo não sendo marinheira ainda. -Você está sendo detido por todos os crimes cometidos, pirata!- Proferia. Porém, caso tivesse falhado em retirar sua arma e ele tentasse algo mais, não o pouparia e descarregaria minha arma contra seu corpo violentamente até que parasse de se mexer. -Vo-você pediu por isso- Lamentaria.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Caso houvesse tido exito em parar Nestor e deixado ele vivo, procuraria o deixar amarrado no mastro com algum objeto, como cordas, amarras que estivessem próximas ou até mesmo pano de sua roupa e da minha, amarraria tanto braços quanto pernas, também o amordaçaria se possível. O pirata estando amarrado ou morto, meu próximo objetivo seria ir até onde estavam os seus aliados e os suposto reféns e, ao os encontrar dispararia contra a cabeça nós que estivessem armados. Tentando evitar ou parar na possibilidade de algum refém ficar no meio. -Parem agora essa crueldade! O seu capitão já foi derrotado! Soltem eles!- Diria e não tendo exito, ficaria abaixada atrás de algum objeto próximo para pensar em um novo plano...
                         



Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle
Localização: Conomi -> Loguetown (0,5/1) "Navo parou para realizar o saque!"
Post: 05
Ferimentos: Ombro Esquerdo (1/2) passa naturalmente | Perna direita (1/2) passa naturalmente
Perdas: -x-
Ganhos: Arma de fogo Simples(1x)
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptyTer 7 Ago 2018 - 13:50

Post 006
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha...

Aquela confusão em alto mar continuava. Aos pouco um som que rasgava a água se aproximava em uma velocidade assustadora, era uma embarcação robusta e extremamente ágil. Infelizmente devido todo o tumulto ninguém conseguiu perceber esse barulho ou até mesmo detectar a aproximação daquele navio.

E em falar em navio, o paraíso fiscal estava ficando cada vez mais inclinado, dificultando um pouco a movimentação de quem estava a bordo, no caso Noelle e Nestor. Mesmo com toda essa dificuldade, a loira com certa dificuldade começou a correr lateralmente, Nestor que estava tendo dificuldades em recarregar a arma não conseguiu acompanhar o avanço e simplesmente parou de carregar a sua arma e decidiu utilizar apenas os três projetis que colocou no tambor da arma.

Desesperado e sem foco o pirata aplicou um tiro contra a aspirante a marinheira que se jogou no chão desviando da bala que acertava apenas alguns fios de seu cabelo. Enquanto deslizava no chão a moça também realizou o seu ataque que acabou acertando a orelha de Nestor que uivou de raiva e dor... – Sua desgraçada! Eu vou arrancar os seus membros e te vender como uma boneca sexual no mercado negro sua puta!... A raiva do homem mostrava que toda aquela frieza e controle havia ido embora, ficando apenas um pirata ferido e cheio de ódio.

Quando o pirata conseguiu focar na loira, a mesma já havia se esconderia no mastro do navio. Nestor terminou de recarregar a sua arma e se apoiou no caixote. Noelle estava com dificuldade de ficar escondida no mastro, já que a inclinação do navio piorou e muito com relação há poucos minutos.

Olhando a localização de Nestor, a loira partiu para cima do mesmo. Nestor aproveitou e descarregou sua pistola ao mesmo tempo em que a loira disparava a dela. Dois tiros da loira acertaram o pirata no ombro e mão, ambos do lado direito, o restante dos tiros acabou acertando o caixote em que o homem estava protegido. Noelle infelizmente pagou um pouco mais caro, dois tiros acertaram sua perna esquerda, um de raspão na canela e outro no meio de sua coxa. Outros dois tiros, um de raspão em sua barriga e outro também na coxa, só que a direita agora.  Os tiros fizeram que a mesma fosse ao chão e que derrubasse a sua arma no momento da queda.

Caída no chão, Noelle só conseguira ver Nestor saindo do caixote, reclamando de seus ferimentos, mas extremamente feliz por ter abatido a loira pistoleira... – MUMUHAUHSUAUSA até que esses ferimentos não serão nada, comparados à dor e aos ferimentos que irei fazer em seu corpo e na sua miserável alma HAHAHAHAHAHHA... Enquanto Nestor se aproximava uma enorme sombra tomou o cenário da batalha.

A sombra vinha de uma enorme vela com uma gaivota desenhada nela, ao mesmo tempo em que a loira poderia estar olhando para a vela uma voz de comando ecoou... - Homens, prendam  esses meliantes e aqueles que oferecerem algum sinal de resistência, mostrem que a Marinha não perdoa aqueles que não seguem as leis!... - HOOOOOAAHH... Gritavam os homens que pulavam do navio da marinha como pulgas.

Assim como os marinheiros, o capitão do navio pulou para o conflito, para ser mais exato o mesmo caiu entre Noelle e Nestor que paralisado se ajoelhou no chão pedindo clemencia ao homem loiro, com as roupas da marinha, tatuagem de gaivotas, cheio de músculos com o corpo de quem já viu e participou de muitas batalhas. O capitão com a sua voz de comando ordenou que o mesmo fosse levado até as celas. Preocupado com os ferimentos na perna da jovem o mesmo a pegou no colo dizendo... – Permissão para carrega-la no colo sem nenhum tipo de segundas intenções. Sei que você lutou com bravura, mas como um cavalheiro não posso deixar que os seus ferimentos sem o auxílio necessário por minha culpa, por isso irei leva-la até o novo navio para que o médico avalie o seu estado!

Em um pulo onde a loira poderia sentir a pressão do arranque ambos chegaram ao navio da marinha. Muito diferente do que a mesma estava navegando, esse era limpo, tinha um forte cheiro de madeira, tinta fresca, nenhuma madeira estava aos pedaços ou o chão coberto de água. Os tripulantes caminhavam em perfeita harmonia abrindo espaço para a passagem dos resgatados.

O capitão assim que embarcou em seu navio deliberou suas ordens... – Resgatem qualquer civil que esteja precisando de ajuda, vasculhem o navio desses escrotos e amarrem uma corta no navio civil para que possamos rebocá-los! ... – E o navio pirata senhor? ... Perguntou um dos marinheiros... – Afundem aquele lixo! Ele não merece navegar em nosso oceano!... - Sim senhor!


Após as ordens o capitão levou a jovem até a enfermaria, no meio do caminho o mesmo fez algumas perguntas... – Jovem qual o seu nome? Diga-me o que aconteceu com você e os seus outros amigos civis? Para onde iam? Havia mais algum civil ou pirata além dos que trouxemos a bordo?

O mesmo apenas balançava a cabeça referente às perguntas da loira. Caso a mesma perguntasse o seu nome, ele o responderia inflando o seu peito cheio de orgulho... - Meu nome é Esmeraldo, sou capitão da marinha, muito prazer... Se a loira também tivesse contado que pegou carona com os piratas, o homem diria a mesma... - Minha jovem, nunca aceite nada de pessoas estranhas! Dito isso eu tenho que levar esse barco para Loguetown! Não iremos demorar, aproveite esse tempo para descansar...

Assim o Capitão da marinha saiu do estabelecimento e navegou até porto de Loguetown. Se a jovem decidisse sair do quarto, notaria que o porta era de concessão da marinha da cidade, tudo ali estava em perfeita ordem e harmonia, alguns marinheiros trabalhando, outros arrumando as embarcações, alguns levando os recém-piratas capturados para seus devidos lugares e outros escoltando os civis para seus devidos lugares. Já eram quase 16 horas, o sol estava um pouco mais fraco com algumas nuvens no céu e o barulho do porto ecoava por todos os lados.

Um pouco mais a frente, havia um prédio branco com os dizeres em azul, Quartel General da Marinha, era muito fácil de ler aquilo e para quem fosse adepto do governo poderia a sentir certo orgulho. Agora o que a nossa loira que estava com as pernas doloridas e andava com as ajudas de muletas faria? Andaria pela cidade para conhecer um pouco o local, pediria informações, ficaria por ali ou iria até o Quartel para maiores informações?
Off::
 

Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptyQua 8 Ago 2018 - 11:59

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Em meio ao conflito que vinha ocorrendo, nem tinha percebido o quão inclinado o navio estava e acabei não levando em considerações se aquilo poderia prejudicar os meus movimentos. Por sorte, não foi algo tão impactante em minhas ações, tanto que na primeira investida acabei acertando uma das orelhas do pirata, e ele em resposta ao disparar retirou alguns dos meus fios de cabelo; uma troca nada favorável para ele. O pirata de nome Nestor não ficou nada feliz com o resultado inicial daquela troca de tiros e, suas palavras de ódio contra minha pessoa apenas provaram o quão frustrado ele tinha ficado.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

A tendência do cenário de conflito foi tudo piorar, começando com o inclinar da embarcação que atrapalhou meu posicionamento no mastro. Talvez não tenha sido uma das melhores ideias que pudesse ter, mas agora já era tarde para lamentar meus erros. O combate teve continuação comigo indo em busca de derrubar Nestor de uma vez por todas e, com dois disparos certeiros o feriu no ombro de um único lado, infelizmente não havia sido o suficiente para sair vitoriosa da peleja... Lamentei bastante o que ocorreu em seguida; os disparos bem mais certeiros do pirata me deixaram inábil e, ainda acabei largando minha arma ao ir de encontro ao solo da embarcação. Seria meu fim? Era tudo que pensava ao ouvir as risadas e vanglória do pirata.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Para minha surpresa e espanto, uma grande sombra nos encobriu e quando observei do que se tratava, eis que uma voz ecoou vindo de outra embarcação dando voz de prisão contra os piratas. Ao perceber que são os marinheiros vindo ao resgate, o meu semblante de tristeza começou a sumir aos poucos. Dentre os marinheiros um em destaque que deu as ordens e aparentava ser o superior surgiu em um pulo entre eu e Nestor; ele ordenou que o pirata fosse levado e depois veio até onde eu estava, para então me carregar até o navio da marinha onde disse que um médico poderia me tratar.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O novo ambiente em que me encontrava, fez com que eu lembrasse de como meus pais contavam como eram os navios da marinha, e tudo parecia exatamente como nas histórias, o que me deixou imensamente feliz. E depois do suposto superior dar algumas ordens aos soldados no navio da marinha, ele decidiu me levar para  a enfermaria e no caminho acabou fazendo algumas perguntas. —Sou Noelle Eisenhower, senhor!— teria respondido fazendo continência quando perguntada sobre quem era. —Eu acabei embarcando sem ter ideia de que era um navio pirata.— Uma pausa pensativa teria sido feita ao lembrar de Silabas quando perguntada sobre outros piratas. —Ah, não me disseram qual seria o destino final deles, e… Acho que todos já foram capturados, o principal era esse tal de Nestor.— Finalizando os diálogos o Capitão Esmeraldo saiu para navegar o navio e eu fiquei para ser tratada dos ferimentos.

Uma maré de acontecimentos foi o que tudo aquilo acabou sendo, desde ter começado meu caminho para virar marinheira, até o ponto de enfrentar piratas antes de nem mesmo me alistar. “Não sei dizer se estou feliz por tudo ter acabado bem ou apenas confusa de tudo ter acabado mesmo não tendo feito muito. Eu Sinto que é apenas o começo”. Após raciocinar um pouco, lembro que sou uma médica e decido dar uma olhada nos meus machucados; mesmo que já tratados, buscaria ainda caso estivesse na enfermaria do navio alguns instrumentos cirúrgicos, depois tentaria com minhas habilidades de cirurgia fazer um serviço melhor do que o já feito “Preciso verificar se existe algum problema grave no meu fêmur, essas coxas estão muito mal” e assim quem sabe reduzir o tempo de melhora. Mas falhando, tentaria apenas reverter a situação e quando melhor sairia daquele local usando as muletas. “Aiai, não me alistei e já estou toda machucada, como vou entrar na marinha assim?” Penso enquanto estaria andando em Loguetown, e ao avistar o quartel general me encaminhará até sua porta. —Com licença, busco me alistar, poderia me orientar?— Pergunto caso encontre alguém guardando à entrada. Agradeceria abaixando a cabeça e seguiria para dentro sozinha ou junto de quem concordou em ajudar. Iria até o local designado e me apresentaria para o superior responsável. —Noelle Eisenhower ao seu dispor! E gostaria de me juntar a Marinha!— Teria dito bastante animada.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Na situação de algo ou alguém suspeito ter me impedido de chegar aonde queria, eu tentaria recuar até onde estão ou estariam alguns soldados da marinha para pedir auxílio. E no caso de não me deixarem alistar devido minha situação precária, eu buscaria então ir até à ala medica do Quartel em busca de alguém para me ensinar novos conhecimentos médicos.        


                         



Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle
Localização: Conomi -> Loguetown (0,5/1) "Navo parou para realizar o saque!"
Post: 06
Ferimentos: Coxa direita (1/8) Tratado | Coxa esquerda (1/8) Tratado | Canela esquerda (1/4) Tratado | Barriga (1/3) Tratado
Perdas: -x-
Ganhos: Arma de fogo Simples(1x)
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptyQua 8 Ago 2018 - 14:36

Post 007
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha, Sensei...

Após ser tratada, a loira tentou verificar os serviços que lhe foram executados e como uma médica, ficou espantada com a qualidade do serviço e logo de cara percebeu que o serviço realizado foi de extrema qualidade e que tentar fazer algo só iria piorar o que já havia sido tratado.

Sendo assim, a mesma desembarcou e colocou-se em direção ao Quartel. Ao chegar, foi recepcionada por um soldado que ao olhar o estado da garota apenas bufou de maneira negativa de quem não estava aprovando o estado físico e apenas indicou o caminho para o local do alistamento.

A jovem adentrou ao Quartel, diversos homens e mulheres treinavam seus corpos, outros perambulavam com papeis ou acompanhando civis, provavelmente donos de algum estabelecimento, após diversas "muletadas" a loira havia chego à sala de recrutamento.

O local não era muito grande, o cheiro de nicotina tomava conta do local junto com a nuvem de tabaco. Diferente dos outros lugares que a jovem passou, ali parecia ser o ponto fora da curva. Além do cheiro e da fumaça, diversos papéis estavam espalhados pelo chão, livros empilhados de qualquer jeito e alguns potes de comidas em cima da mesa.

Noelle aguerrida entrou no local e logo começou dizendo quem era e o que queria. O recrutador que não havia percebido a jovem adentrar ao local deu um grito de espanto e acabou caindo da cadeira, derrubando uma pilha de papeis e livros no chão, deixando o local ainda mais bagunçado... Provando que realmente a bagunça poderia piorar.

- Mas que merda é essa mulher? Quer que eu morra antes de chegar aos 30 e casar com uma linda garota de 18 anos?... Ao terminar a frase, o homem loiro, de óculos escuros, correntes de outro, terno branco e camiseta  da marinha desabotoada, olhou Noelle diversas vezes, ascendeu um cigarro e com uma voz sedutora sentou-se a mesa e disse... – Não precisa mais se preocupar! O homem de sua vida está aqui para cuidar de você e seus ferimentos!

Se por ventura a loira não aceitasse tal pedido e decidisse apenas realizar a sua inscrição, o mesmo voltaria a se sentar e com uma voz de desanimo diria... - Muito bem, meu sonho perdido, pegue essa ficha a preencha! Caso ainda tenha interesse na minha proposta, saiba que eu não desisti e basta deixar um coraçãozinho no final da ficha que irei entender o seu pedido!

Enquanto esperava a garota preencher a ficha, o rapaz voltou a ler algumas revistas e só pararia quando a mesa lhe entregasse o papel da inscrição... – Vejamos... Noelle! Muito prazer você pode me chamar de Sensei, é assim que todas as mulheres me chamam ahvahvahvahvahvahvahvahva! Seus dados aparentemente estão corretos e nesse exato momento você é a recruta Noelle.

Sensei abriu uma gaveta e pegou uma espécie de crachá que escreveu o nome da aspirante a marinheira e entregou para que a mesma colocasse em seu peito dizendo... – Eu mesmo poderia colocar para vc, infelizmente me proibiram de fazer isso após um incidente com outra recruta, enfim isso são águas passadas. Infelizmente pelo seu estado não poderei lhe entregar muitas tarefas então irei lhe designar algumas funções administrativas.

O mesmo levantou de sua cadeira e começou a recolher alguns envelopes do chão e folhas que estavam empilhadas próximas a lixeira... – Esses 5 envelopes são os recrutas que não passaram nos testes! Peço que você as entregue no Arquivo, é uma sala que fica no final desse corredor a esquerda, depois você irá até a entrada principal, lá vai ter um quadro, quero que coloque esses 2 avisos lá e esse cartaz de procurado. Quando retornar pegue o meu lixo e o leve para o lixão que fica lá nos fundos do QG!

O homem tragava o seu cigarro e caminhava em direção a jovem colocando uma de suas mãos em seu ombro dizendo – Assim que terminar venha me procurar, tenho mais informações para você e caso esteja com fome, a uma cantina aqui na base! Passe por lá e pegue algo para comer e diga que é por conta do sensei!... Aaah antes que eu me esqueça, pegue esse mapa que eu fiz do QG para os novatos não se perderem! O local com um coração é o meu quarto! É lá onde a magia acontece! AHVAHAVHAVHAVHAVHAV... Mas é sério, se um dia precisar de algum lugar para dormir, chorar ou algum amigo para conversar basta me procurar

Em meio a gargalhadas o jovem recrutador saia de sua sala assobiando alegremente.
---------------
Ficha de Inscrição:
 
---------------

Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 
Sensei:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptyQui 9 Ago 2018 - 15:22

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Acabei tendo êxito ao chegar no Quartel General da Marinha, e mesmo não sendo tão bem recebida, estava difícil esconder minha empolgação ao ter entrado no Quartel. Enquanto andava com minhas muletas adentrando o local, observei com curiosidade os marinheiros treinando e alguns outros indo e vindo com papeladas em mãos. “Eles estão mostrando serviço, assim como eu também vou fazer quando me tornar uma marinheira igual eles. Espero que isso aconteça logo”. Voando em meus pensamentos, continuei minha caminhada até encontrar a sala de recrutamento.

Assim que entrei naquele local, meu nariz foi afetado por um forte cheiro de nicotina, e meus olhos afetados pela bagunça que o local é. “Minha nossa! que tipo de pessoa poderia trabalhar em um lugar como esse? Talvez eu tenha entrado na sala errado, deve ter sido isso”. Mas para minha surpresa eu estava no local certo e havia sim alguém trabalhando lá, um homem loiro que ao ouvir minhas palavras pedindo para ser recrutada, acabou levando um susto e caiu deixando a bagunça pior do que já estava.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O homem acabou revelando ser uma figura bem estranha, que alguns segundos atrás havia sido rude e agora me fazia um pedido inusitado; eu apenas teria balançado a cabeça em negação para seu pedido com um sorriso forçado na face. “Ehhh? Não sei se ele falou sério ou estava bancando o engraçado, ao menos ele parece ser divertido”. O homem loiro que não tinha ainda dito o próprio nome, me entregou uma ficha para preencher e assim teria feito, pegando algo para escrever e completando cada um daqueles campos de informação.

Sensei? Tinha quase certeza que esse não é um nome próprio e sim algum tipo de apelido, mas não me importaria de assim o chamar. —O-Obrigada, Sensei! Vou colocar eu mesma o crachá então— Responderia, colocando o crachá preso na roupa entre os seios. Depois o Sensei pegou alguns envelopes e folhas, ele quer que eu entregue essas papeladas aos seus respectivos donos e lugares, assim sendo, quando ele finalizou sua conversa e começou a sair da sala, eu bateria continência. —Sim, senhor! Considere o trabalho feito!— Teria falado e depois de sua saída eu decido revisar o material, estando tudo correto, me retiro da sala e sigo até o final do corredor a esquerda como me foi orientado.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Chegando na sala, bateria na porta caso estivesse fechado e depois entraria. —Olá, vim deixar alguns arquivos de recrutas rejeitados.— Falo para o responsável que estivesse no lugar. Procuraria o local adequado, nem que tivesse de olhar um por um onde é para guardar os envelopes e os guardaria, se fosse orientada a deixar com o responsável, pois ele mesmo vai guardar, assim o teria feito.      
       
Depois que tivesse terminado a entrega dos envelopes, dando meia volta eu decidi procurar pela entrada principal e assim encontrar o quadro que o Sensei me falou. Ao encontrar o respectivo quadro, colocaria separadamente os avisos e os cartazes, evitando que pudessem tampar informações de outros papéis que estivessem lá. Utilizaria o que estivesse à disposição para prender os papéis no quadro, grampos, pequenos pregos...

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Restaria agora apenas uma coisa. “Ele realmente me pediu para jogar o lixo fora, bem, é apenas o alistamento eu imagino” Eu pensava logo naquela bagunça que vi na sala e isso começava a me preocupar. Retornaria para a sala de recrutamento, eu pegaria um saco ou recipiente como um balde e cataria cada sujeira que tivesse encontrado. Caso já houvesse um local para o lixo e ele estivesse cheio, o esvaziaria nos fundos do Quartel como dito pelo Sensei para então voltar e recolher o resto do lixo. Faria quantas caminhadas fossem necessárias até limpar tudo —Ufa, acredito ter terminado— Diria cabisbaixa e depois respiro fundo estufando o peito para tentar me reanimar. —Certo! Para a cantina comer alguma coisa bem gostosa.— E ao falar sozinha sairia procurando onde fica a cantina da base. Pegaria algumas frutas como maçãs, uvas e talvez um pudim para comer em uma mesa. —Sen-sensei disse que era por conta dele.— Responderia para quem me questionasse sobre a comida.    

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Em todas as ações, teria tomado cuidado com minhas muletas e evitado me machucar ao realizar ações de qualquer tipo. Terminado o lanche, iria me reportar para o Sensei, procurando por ele na Base. —Quais as próximas ordens? Sensei!— Diria ao acha-lo. 
                         



Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle
Localização: Loguetown (QG)
Post: 07
Ferimentos: Coxa direita (2/8) Tratado | Coxa esquerda (2/8) Tratado | Canela esquerda (2/4) Tratado | Barriga (2/3) Tratado
Perdas: Arma de fogo Simples(1x)
Ganhos:  Um par de Muletas | 01 Mapa do QG
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.
Capitão Esmeraldo - Um capitão da marinha que me salvou de piratas.
Sensei - O recrutador da marinha, que tem uma personalidade engraçada e é bem estranho.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akagami
Soldado
Soldado
Akagami

Créditos : 8
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/11/2014

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptyQui 9 Ago 2018 - 15:46

Picture yourself in a boat on a river; With tangerine trees and marmalade skies...
A Flor de Lótus
Uma simples brisa pairava naquela pequena ilha perto de Conomi Island. Um pouco acima da área de lazer da casa Silverburgh, estava eu, sentado abaixo de uma árvore de maçã. Com um Isqueiro empunhado em minha mão, tocava uma musica um pouco melódica, pra ser sincera, um pouco sofrida. Mais a baixo, via minha feliz família apreciar aquele belo lugar, enquanto brincavam e se divertiam.

Uma coisa parecia está errada, tudo aquilo era bom demais para está acontecendo, mas não tinha importância naquele exato momento, via-me feliz por contemplar uma cena que talvez eu nunca tivera visto, ou que nunca poderia acontecer... Poderia estar eu no paraíso? Toda aquela cena me comovia mais a tocar, pois pensava que enquanto eu tocasse aquilo não poderia acabar.

De repente aquela agradável brisa já não pairava mais, e no meio daquela área de lazer eu novamente via o que tinha mais medo, um grande animal vermelho, e em suas mãos os corpos da minha família, enquanto isso uma grande matilha de assassinos subia a montanha, todos sedentos de sangue. Em seguida, um forte tremor acontecia ali, e me fazia perceber que aquilo era apenas um terrível sonho, e logo me acordava com alguém a me chamar.

~ Nossa! Maldito sonho, que música era aquela que eu estava tocando hein? Acho que não tinha autor, poderia ser um solo meu. Ahh! Essa música não me sai da cabeça ~ Pensava enquanto logo em seguida iria me levantar do chão ali. Havia acabado de chegar na famosa ilha, e não era por outro motivo que estava ali, fugindo eu fugiria de um clã de assassinos, e precisava de uma arma. Havendo me levantado procurava ver ou perceber quem estava me acordando ali. Já em pé batia um pouco em minhas roupas para retirar a poeira que estava na mesma, um belo conjunto esporte fino não poderia ficar sujo, logo colocava minha mão esquerda entre meus cabelos alvos e os ajeitava, tentando ficar da forma mais bela possível.

Não conhecia muito daquela ilha, era minha primeira vez nela. Perdido caminhava, sem saber em qual rua, beco ou viela estava, entrava sem ter um mínimo de informações da mesma. Cabeça baixa continuava a andar, distraído, poderia esbarrar em qualquer coisa ali, minha concentração estava somente na música que havia se impregnado na minha cabeça, tentava ao máximo não esquecer tais notas. ~ Preciso sair dessa ilha logo! ~ Pensava enquanto começava a tentar prestar atenção naquele local ali. Uma jovem bem vestida e bonita, com um corpo esbelto, não seria possível não conseguir ao mínimo uma informação, então em seguida tentava falar com qualquer pessoa próxima a mim pedindo alguma informação. ~ Olá tudo bem? Tem algum porto próximo para mim sair dessa ilha, preciso ir para Loguetown tenho que sair logo ~ Falava em um tom normal, enquanto um belo sorriso sai de seu rosto, ressoando seus belos olhos purpuros e coçava a parte de sua nuca com sua mão direita.


Objetivos:
 

Informações:
 

NOTES : No exist the way
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ken Rock
Pirata
Pirata
Ken Rock

Créditos : Zero
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Data de inscrição : 27/05/2015

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptySex 10 Ago 2018 - 12:35

Post 008
Despedida, Tripulação, Piratas, Dedos, Morto, Marinha, Sensei, Academia e Música...


Noelle

A loira realmente se ficou muito surpresa com o estilo de vida que o recrutador levava, afinal seria um papel extremamente importante para um vadio, primeira impressão é a que fica como ele exercer. Sendo um vagabundo ou não, a tarefa havia sido passada e mesmo remendada a moça demonstrou uma energia que muita gente não iria mostrar.

Sua primeira parada foi na sala de arquivos. Assim que a jovem entrou se deparou com milhares e milhares de prateleiras, cheias de pastas, processos, pilhas de papéis e muitos gatos! Uma senhora corcunda dos seus cento e poucos anos tomava conta da sala, infelizmente a mesma estaria ocupada limpando a areia de seus gatos e pediu para que Noelle acomodasse as fichas de inscrição dos jovens que foram cortados. A prateleira ficava quase que no centro daquela sala com inúmeros móveis de madeira. E sem dificuldade, retirando é claro a mobilidade afetada devido aos seus ferimentos, Noelle arquivou todos os recrutadas descartados.

Na sequencia a pistoleira dirigiu-se ao quadro na entrada da marinha, sem pressa ela adequou e arrumou perfeitamente os avisos e os cartazes de procurados. Realmente a organização daquela mulher tinha que ser levada em consideração, por algum motivo o quadro ficou muito mais fácil de procurar as informações necessárias.

Até o momento as tarefas passadas pelo Sensei eram fáceis e o mais difícil começava agora. Realmente a expressão jogar o lixo fora poderia mudar para jogar a sala de recrutamento fora, seria muito mais fácil do que limpar ela! Felizmente a loira queria entrar na Marinha e mesmo achando essa tarefa um pouco estranha, não perdeu tempo e começou a recolher todo o tipo de imundice como pedaços de papéis rasgados, marmitas com resto de comida mofada, pitucas e mais pitucas de cigarro (nessa tarefa a sensação seria igual à de recolher os grãos de areia de uma praia). Não diria que foram dias, mas, depois de algumas horas a sala realmente estava limpa, arrumada e era possível visualizar o carpete com o emblema da Marinha. Certa comoção e gritaria vinham da porta da sala de recrutamento. Muitos marinheiros pararam os seus afazeres e estavam acompanhando a limpeza, alguns saíram revoltados por perderem a aposta outros felizes comemoravam pelo trabalho executado pela jovem.

Após terminar a limpeza a fome já era uma inimiga declarada da loira que não recusou as ordens do Sensei em procurar alguma coisa para comer na cantina. Assim que chegou lá, encontrou um refeitório completamente equipado para alimentar os homens e mulheres que sacrificavam suas vidas pelo bem do mundo. A cantina contava com um vasto refeitório com muitas mesas e bancos. O que você imaginava havia ali no local como: máquinas de café, achocolatados, mesas de frios, saladas, frutas, comida, doces, sucos, salgados e outros mantimentos. Talvez por estar de dieta nossa aspirante pegou algumas frutas e um pudim na área dos doces. Sem saber o que fazer ela falou com a moça da recepção do local de que havia recebido a autorização do Sensei. A morena de seios fartos rangeu os dentes e com um olhar de fúria disse a jovem para nunca aceitar um jantar com ele, pois foi o maior erro da vida dela. Com o resto agora corado, a morena informou que o consumo de recrutas era descontado do recrutador!

Dê lanche tomado, Noelle voltou à sala de recrutamento pedindo novas ordens ao Sensei. O mesmo estava sentado em sua cadeira, por alguma maldição a sala estava completamente suja... – Muito bem, sua limpeza foi excelente assim como os outros trabalhos! Antes de continuarmos, onde está a sua ficha de inscrição não a vejo em lugar nenhum! Você realizou o preenchimento da mesma?

Sensei ficaria a espera de tal documento, afinal era importante e também fazia parte do trabalho dele, já que no local havia campos onde o mesmo colocaria informações complementares e até mesmo notas dos serviços realizados pelos recrutas.

Assim que o mesmo recebesse a ficha devidamente preenchida, ele começaria a escrever algumas informações e ao terminar começaria a falar com a jovem... – Muito bem recruta, os seus ferimentos ainda se recuperando e como dizem, sem dor não ganho! Por isso vá até a academia. Será fácil de localizar no meu lindo mapa! Lá procure o Eagles, ele irá passar o que você terá que fazer, assim que terminar regresse a minha linda sala que eu irei passar novas tarefas!... Boa sorte!... Sensei parecia ocupado com alguma coisa, estava mais concentrado e não brincou muito com a jovem recruta!

Quando a moça encontra-se a academia e entrasse dentro dela, assim como na cantina, iria encontrar um local amplo, cheio de esteiras, equipamentos de musculação, manilhas, colchonetes, diversos tipos de bicicletas, tatames e muitos outros equipamentos que se possa imaginar, havia algumas pessoas no local se exercitando como em uma academia normal. O diferencial era que os frequentadores levavam a sério suas atividades físicas. O responsável era um homem que estava no centro do local, de calças de ginástica azul, braços longos fortes e tatuados, um bigodinho de cafajeste combinava com a sua boina e um macaquinho de estimação em seu ombro.

Caso resolvesse conversar com o mesmo, Eagles, diferente do Sensei, responderia curto e grosso... – O quê uma pedaço de trapo todo remendado e com muletas quer em minha academia? ... Vejamos, nesse seu estado de merda não há muito que fazer, então se vire para fazer suas tarefas! Não sou como aquele preguiçoso do Sensei... A sua série será essa 100 agachamentos, 300 abdominais, 100 flexões, 5 km na esteira ou bicicleta! Agora suma da minha frente!


Enquanto isso em Conomi, Mavis...


A rosada despertava de seu agradável sonho, uma memória da perda de sua família, sem saber onde estava naquela ilha, ela despertou em uma espécie de praça, ainda aérea ela tentaria racionar em seus pensamentos. Realmente haveria uma música maldita que tocava no local, ela vinha de um rádiozinho de pilha que estava próximo a sua cabeça. Ao levantar do chão, a jovem retiraria todo o pó de sua roupa e belamente ajeitaria suas madeixas rosadas. Se a mesma olhasse ao redor, mais precisamente de onde havia levantado, notaria um mendigo simpático, careca, barba grande e suja, corpo sujo e fedido, estava trajando uma cueca com vários furos, encardida, e uma blusa regata que parecia ser muito pequena para a sua barriguinha saliente. O mesmo sorria para a jovem com apenas um dente na boca e com um dedo positivo agradeceria Mavis que se olhasse mais um pouco notaria que ele era o dono do rádiozinho que tocava aquela música irritante e pelo posicionamento de quando levantou e do homem, ambos estariam dormindo juntinhos de conchinha!

Musica do sonho/rádio:
 
Talvez um pouco chocada, a mesma começou a andar de cabeça baixa, seus pensamentos estariam apenas em um único foco sair da ilha e quem sabe esquecer aquela maldita. Porém, enquanto caminhava, continuaria com a bela melodia do morador de rua em sua cabeça. Depois de muito caminhar a boxeadora começou a prestar atenção por onde estaria andando e decidiu a perguntar de como sair daquele local o mais rápido possível.

Finalmente prestando atenção elo caminho, a moça terminou de completar a curva que estaria fazendo e para a sua surpresa retornou a praça onde estaria o mendigo e o seu rádiozinho de pilha.  O belo homem agora estaria de pé coçando a sua bunda por dentro da sua cueca furada. E assim a bela moça perguntou ao mesmo onde a localização do porto mais próximo para que a mesma saísse dali, enquanto acariciava a nuca do felizardo... O homem, mais uma vez sorrindo com apenas um atacante solitário na boca, responder prontamente a mesma... – Ooooh meu amor cheiroso, pra você eu paço qualquer informação! Afinal a noite passada foi a melhor noite da minha vida... É só você voltar pelo mesmo caminho que estava vindo delícia, só que vire a direita dessa vez!...

O homem terminaria de coçar a bunda e cheiraria com calma os seus dedos antes de continuar... – Meu deus, esse cheiro não é normal! Loguetown hein, realmente lá é badalado e tem um navio que parte para lá todos os dias um tal de Wet alguma coisa! É fácil de achar, bonito, limpo e com pessoal bem vestidas como você rosinha!...

O velho com um daria uma leve apalpada na bunda de Marvis e depois voltaria a cantarolar a música maldita que não parava de tocar de maneira infinita de seu rádiozinho!
---------------
Ficha de Inscrição:
 
---------------

Off::
 


Silabas:
 
Nestor:
 
Capitão Esmeraldo:
 
Sensei:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Legendas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Noelle
Soldado
Soldado
Noelle

Créditos : 40
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 9010
Feminino Data de inscrição : 02/12/2012

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptySex 10 Ago 2018 - 23:24

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Muitas coisas me passaram despercebidas, e uma delas foi a situação de ter sido observada limpando o local de recrutamento. Será que tudo que eles queriam era aprender como fazer uma limpeza? é sempre bom ver que os marinheiros gostam de observar os outros e aprender com isso. "Eles pareciam tão empolgados, fico feliz por eles, mas não acho que minha limpeza tenha sido para tanto". Realmente, não foi nada tão incrível que eu pudesse me orgulhar.

Já na cantina onde acabei pegando algumas frutas e um pudim para comer, uma atendente de busto avantajado me atendeu. Ela me falou para tomar cuidado com o Sensei, e acabei não entendendo muito bem o que ela realmente queria dizer com aquilo, o Sensei é um recrutador, que mal ele poderia me fazer? Seja como for, tudo que me preocupou naquela conversa, foi a falta de igualdade em um certo aspecto de nossos corpos. “Ahhh, eles são tão grandes e os meus tão pequenos, que mundo injusto!” Não havia muito o que fazer sobre isso é o que pensava.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Ao retornar para me reportar, acabei me deparando com o Sensei em sua cadeira, e para minha surpresa é que a sala estava novamente suja. “Nani!? Ma-mas eu acabei de limpar esse lugar! Será que algum furacão passou por aqui e eu não fui informada? Espero não ter que limpar novamente.” Meus olhos realmente não acreditaram no que estava vendo, todo o trabalho parecia ter sido por nada. Bem, agora não é hora de me preocupar com isso, pois devido a um esquecimento não entreguei minha ficha ainda.

Buscaria minha ficha com o que havia preenchido, começando por meu nome completo “Noelle Eisenhower", seguido do meu sexo “Feminino”, idade que é “vinte e seis”, minha altura da qual não me orgulho muito “um metro e sessenta e sete centímetros”, a cidade natal onde nasci, que é justamente onde estou agora “Loguetown”, o estilo de combate em que fui treinada “Atiradora”, minhas perícias médicas “Primeiros socorros, Anatomia humana e Cirurgia”, fazendo assim com que meu ofício atual seja “Médica”.

Ficha:
 

Entregaria o meu formulário depois de ter encontrado o mesmo, e ter confirmado se todas os campos no mesmo estavam corretos. —Aqui está minha ficha de inscrição, espero que tudo esteja em ordem. Quais as próximas ordens, senhor?— Teria dito ao entregar minha ficha com as informações para o Sensei. Assim que o Sensei viu minha ficha, me ordenou para ir até a academia encontrar um tal de Eagle, pois o mesmo me iria instruir. Bato continência, pegaria o mapa em mãos e sairia da sala. “Ai Ai, como vou me exercitar de muletas? espero que os curativos não abram” Minha preocupação estava estampada na minha cara.

Ao adentrar na academia conforme o mapa, perguntaria quem naquele local é o Eagle. —Sou Noelle, uma recruta. Vim aqui por mandato do Sensei para treinar com o senhor Eagle!— Teria dito em tom alto. O homem viril de bigodinho engraçado começou a falar, e eu acabei ficando com um pouco de medo, ele parecia bem furioso por algum motivo. “E-eu fiz alguma coisa e não estou sabendo?” E o mais assustador foi sua ordem de treinamento, que apesar de parecer difícil, tentaria dar o melhor de minha pessoa nele.

Começando com os agachamentos, deixaria as muletas de lado e começaria a fazer o exercício. Meu plano seria realizar os agachamentos em intervalos, de dez em dez, sendo que em cada intervalo pararia para verificar se estava tudo bem com os machucados. Com as mãos erguidas, minhas pernas um pouco afastadas e o bumbum recuado, realizaria o treino de agachamento.

Para as abdominais, teria pego um colchonete e deitaria nele. Caso estivesse sujo ou suado o colchonete, o limparia com algum pano para então deitar. Com as mãos atrás da nuca, segurando a mesma, começaria o exercício de abdominais. Utilizando os braços para erguer a cabeça e contraindo os joelhos com as pernas; e da mesma forma dos agachamentos faria isso em intervalos, só que de trinta, ao todo seriam dez intervalos.

Estava na hora das flexões e para tais, eu usaria um método alternativo e menos forçoso. Tal método consistia em deixar o joelho encostar no colchonete e fazer as flexões erguendo das coxas para cima. Então com as palmas das mãos no colchonete, começaria o exercício, vez ou outra parando para respirar e depois prosseguindo, até que finalmente tivesse finalizado as cem vezes. “Agora falta fazer uma longa correria na bicicleta”. Caso o meu método com os joelhos não fosse aprovado, realizaria as flexões normalmente.

Por fim, restaria fazer uma corrida de cinco quilômetros. Retiraria o suor do rosto com a mão e caso tivesse um pano pegaria para me enxugar, do contrário pediria o de alguém, bem como um pouco de água. —Alguém teria uma toalha para eu me limpar e água? Obrigada.— Pediria já agradecendo a suposta pessoa. De rosto limpo e talvez hidratada, subiria na bicicleta e começaria dando algumas pedaladas leves, depois aceleraria as pedaladas conforme o ritmo fosse aumentando, ao ponto de não ficar mais sentada.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

Terminando todos os exercícios, pegaria minhas muletas e agradecendo com uma saudação o Eagle, sairia para ir novamente me reportar ao Sensei. —Eu terminei os exercícios, Sensei! O que devo fazer a seguir?— Diria ao vê-lo. Caso em algum momento algum ferimento tivesse sangrando, buscaria ir na enfermaria para me tratar e, depois retornaria a fazer o treino.    




Objetivos e Informações:
 

Meu Histórico escreveu:

Nome: Noelle
Localização: Loguetown (QG)
Post: 08
Ferimentos: Coxa direita (3/8) Tratado | Coxa esquerda (3/8) Tratado | Canela esquerda (3/4) Tratado | Barriga (3/3) Tratado
Perdas: Arma de fogo Simples(1x)
Ganhos:  Um par de Muletas | 01 Mapa do QG
NPC/PLAYER: Silabas - Um jovem rapaz que conheci em Conomi Island e me indicou uma embarcação para ir até Loguetown.
Nestor - O Capitão Pirata de Silabas e que ordenou o ataque contra uma embarcação menor em alto mar próximo de Loguetown.
Capitão Esmeraldo - Um capitão da marinha que me salvou de piratas.
Sensei - O recrutador da marinha, que tem uma personalidade engraçada e é bem estranho.
Eagle - Um marinheiro de bigodinho engraçado que cuida da academia no QG de Loguetown.

____________________________________________________

"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar."

- Martin Luther King
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
O Painel a esquerda no fórum irá te ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akagami
Soldado
Soldado
Akagami

Créditos : 8
Warn : I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 04/11/2014

I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 EmptySab 11 Ago 2018 - 11:34

Picture yourself in a boat on a river; With tangerine trees and marmalade skies...
A Flor de Lótus
Depois de ter levado aquele tapinha, Mavis sairia daquele lugar com paciencia sem dar um soco na cara do velho, já que a personalidade dela era um pouco explosiva para ficar calma naquele instante. Tentaria andar até o lugar indicado pelo velho para sair daquela ilha de qualquer jeito.

Mais uma coisa não sairia de sua cabeça e seus pensamentos, era tentar o máximo não falar nada para ninguém que desejaria se tornar uma soldada da marinha, pois sabia que aquela ilha não tinha comando da Marinha para se tornar um local seguro.

~ Iria ser bom se o local fosse perto daqui, mas eu encaro de frente a caminhada. ~ Falaria depois que continuasse a caminhada por aquela via. Quando chegasse ao local perguntaria para quem estivesse no porto que horas que o barco sairia daquele lugar para ir direto para Loguetown enquanto aguardaria a resposta de uma das pessoas, pensava um pouco no alistamento da Marinha como poderia ser se seria fácil ou difícil.

Se caso o piloto do barco fosse uma pessoa boa para ensinar, Mavis pediria para ele ensinar a ensinar a perícia Pilotagem, já que ela desejaria se tornar uma ótima Navegadora dos Mares. ~ Você poderia me ensinar a Pilotagem de barco, pois eu gostaria muito de ser uma ótima navegadora? ~ Essa seria a pergunta para o piloto do barco e caso ele aceitasse ela prestaria muita atenção no que ele iria falar.


Objetivos:
 

Informações:
 

OFF:
 

NOTES : No exist the way
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: I ~ Uma Loira Inteligente?   I ~ Uma Loira Inteligente? - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
I ~ Uma Loira Inteligente?
Voltar ao Topo 
Página 2 de 12Ir à página : Anterior  1, 2, 3, ... 10, 11, 12  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Conomi Island-
Ir para: