One Piece RPG
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Xeque - Mate - Parte 1
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor TheJoker Hoje à(s) 23:26

» Arco 5: Uma boa morte!
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 23:12

» Supernova
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 22:34

» I - O bêbado e o soldado
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Masques Hoje à(s) 21:39

» Capítulo I: Raízes Perdidas
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 21:30

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Furry Hoje à(s) 21:10

» [Kit - Makei] Red Saber/Mordred Pendragon
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Volker Hoje à(s) 21:06

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Achiles Hoje à(s) 20:27

» Drake Fateburn
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor CrowKuro Hoje à(s) 19:59

» Hermínia Hetelvine
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:51

» Akira Suzuki
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:49

» Sette Bello
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:46

» Bell Farest
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Far Hoje à(s) 19:43

» Alipheese Fateburn
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 19:31

» As mil espadas - As mil aranhas
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Noelle Hoje à(s) 19:08

» The One Above All - Ato 2
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 18:54

» Seasons: Road to New World
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor GM.Muffatu Hoje à(s) 18:28

» Cap. 2 - The Enemy Within
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 18:04

» Enuma Elish
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 17:28

» Primum non nocere
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Emptypor Misterioso Hoje à(s) 17:21



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyTer 17 Jul 2018, 22:13

Relembrando a primeira mensagem :

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!

Aqui ocorrerá a aventura dos(as) piratas Asken Kanogan, Helves e Kryn Nerelin. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
ADM.Kiodo
Honorário
Honorário


Data de inscrição : 16/12/2010

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptySex 24 Ago 2018, 11:32

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] Post: 11 - Fala ’Pensamento’
Under an Ancient Dragon!

Aquele homem misterioso falastrão acertava novamente o negro e o ficava observando, a expressão do deus demonstrava uma decepção gigantesca facial desacreditando que aquilo era sério. - Pela sua maturidade de uma criança de 5 anos. O tom da voz do negro de desapontamento era nítido, fazendo o seu primeiro discurso antes mesmo de começar a executar qualquer ação de se levantar. - Definitivamente é do Governo, uma organização que fica mandando bilhetinhos infantis e provações de uma escola infantil. Hahaha. Seguidamente ao começo de sua oração, seus braços acompanhavam para o impulsionar e o levantar do chão. Estando de pé o deus podia notar a celestial falando consigo mesma, com as mãos batia suas roupas para limpar a poeira. - No orfanato onde fomos criados, haviam muitas crianças parecidas contigo. Naquele tempo... Eu me envolvi na briga dela, me desenvolvi o suficiente e notei. O tom do negro era completamente despretensioso em suas falas e ações, aquelas provocações infantis humanas não iriam o atingir e deixava sua guarda completamente aberta. - Notei que nunca permiti minha irmã, finalizar algo por ela mesma. Notei que não a permitir se desenvolver com suas próprias pernas. Olhava para os lados buscando os pertences para amontoar em proximidade a uma árvore, Asken estava completamente despreocupado andando e coletando seus pertences. - É minha responsabilidade, permitir que minha pequena irmã... Desenvolva o seu voo solitário, para que meu mais dragão mais lindo possa queimar o mundo sobre suas asas. A eloquência daquele deus possuía um tom de firmeza e demonstrou uma grande confiança na celestial pois em sua cabeça o mundo dela ainda estava “preso” naquele orfanato. ’Irei observar a sua beleza… ao sair daquele lugar’ Após juntar seus pertences próximo a uma árvore o espadachim apontou para a celestial que voltou a ficar de pé. - Essa luta é dela. Com seu tom neutro, o negro observava o desenrolar do embate. Caso algum disparo efetuado pela Helves, venha em direção do negro, usando um jogo de corpo sem mudar muito sua direção tentava esquivar.

Após o começo do combate o negro se sentava próximo aos pertences e observaria a luta de sua irmã. ’Uh… Quer ser a minha vice? Hahahaha…. Me prove minha encantadora anja, aceitarei com todo o prazer.’ No momento em que a celestial recitar que precisava se provar, seria o momento em que a expressão do deus ficaria com um sorriso estampado em seu rosto até o final da luta e sua atenção para o combate ficou maior.




Objetivos:
 

Histórico:
 

Informações:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyDom 26 Ago 2018, 13:19



Cap.3 - You Will Learn To Show Respect



A garota, por um momento, refletia sobre o homem do qual estava lutando, a velocidade incrível e a esquiva eram diferentes de qualquer pessoa da qual a celestial havia visto nos blues, ela estava enfrentando um agente da Grand Line com uma força bem superior. Asken começava algo parecido com um discurso, contando um pouco de sua história do orfanato e como a atitude do agente era comparada à de uma criança, as suas provocações infantis e o seu meio de pensar, o jeito arrogante de ser. O negro forçava o pé em suas costas impulsionando com os seus braços e o agente dava um passo para trás, deixando o negro se levantar. Ele dava uma gargalhada ao ver que o Deus começava a se afastar mais um pouco novamente, recolhendo os seus pertences após bater em sua roupa. - Você não passa de um covarde! – Com isso dito, Asken deixava claro que a luta era da celestial e o agente se virava para a mesma.


Helves estava em pé mais uma vez, com um diálogo para si mesmo, falando sozinha e pensando em voz alta, mas suas palavras começavam a se dirigir para o agente, tentando puxar um assunto e ao mesmo tempo, distraindo-o levemente e com o término de sua frase, seu rifle era disparado em direção ao tronco do homem. A bala passava em branco como já era de se esperar, quase atingindo o negro que fazia um jogo de corpo leve para sair da trajetória da mesma, o homem estava atento a movimentação da garota em zigue-zague e dando alguns passos para trás enquanto via ela se aproximar, ele não forçava nenhum ataque a meio tempo e a celestial conseguia se aproximar sem maiores problemas, tendo o início do seu ataque ao dar um salto veloz, segurando firme em seu rifle e realizando uma estocada com a lâmina de sua arma, o metal passava raspando pela costela do agente, que desta vez, não usava da sua movimentação de papel, quase como se ele quisesse que o golpe passasse raspando por ele, mas o que ele não contava era a continuação fluída do golpe de Helves. Cravando a sua lâmina no chão, ela girava pela sua carabina usando do impulso do salto, acertando a têmpora do agente e consecutivamente o estômago dele. O homem havia sido mais acertado naquele momento do que o combate todo, soltando um “Tsc” no meio.


A garota não parava de falar consigo mesmo, ela havia dominado aquela parte do combate e o agente tinha se irritado por ter sido acertado e o tanto que ela estava falando de si mesmo dava um “plus”. O homem dava um rápido avanço e a sua velocidade era tão grande que Helves apenas conseguia acompanhar uma parcial da mesma, tendo que usar mais dos seus reflexos instintivos do que o visual, com um chute em suas costelas, a celestial movia-se para o lado, sentindo a dor daquele golpe que não parava quando uma rasteira em sua perna era passada, levando a garota ficar em meio ao ar e o taekwondo não parando quando usava de sua mão pela primeira vez no combate e agarrando ao crânio da garota, descia com tudo na direção do solo. O golpe dava um impacto e uma dor na garota misturada a uma pequena falta de ar momentânea. - Você tem uma certa beleza, mas está longe de me ganhar em qualquer confronto um contra um, pirata de merda! – O agente estendia um dedo para cima, ele parecia vibrar e estava pronto para acertar a garota, Asken não intrometeria o combate e algo surpreendia a todos os presentes, um homem misterioso saindo da moita da qual parecia ter estado lá desde o começo, se camuflado em meio ao ambiente. Era um homem de toca laranja, com um casaco com uma toca de pelo, olhos cinzas como a lua mais clara e cabelos negros como a noite, lembrando de Oz no momento que seus olhos encontraram o rosto do homem, mas não era ele. O violão pendurado em suas costas dava o esclarecimento aos piratas, era o acompanhante de Octavio.


O garoto usava uma maça de ferro e conseguia surpreender o agente acertando em cheio a sua nuca, deixando o homem sem reação. A luta havia sido interrompida e intrometida pelo garoto que sorria ao olhar para a celestial, ele tomava as rédeas daquele combate partindo para uma trocação corpo-a-corpo com o agente, a velocidade dos dois eram enormes, como se fossem inimigos habituados aos movimentos um do outro, mas o bárbaro levava uma vantagem acertando-o mais uma vez que levava o agente a sua movimentação assemelhada a um papel ao vento, mas diferente de Helves, o moreno interceptava aquela movimentação brandindo a sua arma nas costelas do agente, seguido de um golpe na cabeça do qual levava-o ao chão, desacordado. O garoto sorria novamente para a celestial, se aproximando da garota e estendendo a mão para que a ajudasse a se levantar. - Olá, bela celestial. Nunca vi uma mulher tão bela quanto a você. – Seus olhos brilhavam ao olhar para ela, o seu sorriso era encantador e passava uma sensação de calma em meio a sua tentativa de seduzi-la. Não muito longe dali, um grito era escutado com uma voz reconhecível. - Kane! – Era a voz de Octavio Oz.


Considerações:
 


Legenda:
 





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ryoma
Super Nova
Super Nova
Ryoma

Créditos : 81
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 04/06/2011
Idade : 22
Localização : hell

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyTer 28 Ago 2018, 03:49



모두 다 거짓말 같아

Lutar por si só. Era a primeira vez que Helves tinha uma luta contra alguém tão poderoso sem ajuda de ninguém. Isso alimentava sua determinação, dando muito espaço para pensar e focar no inimigo sem ninguém no caminho. Toda a estratégia mostrava-se interessante na cabeça dela, esvaziar a mente ao falar consigo mesma deixava a celestial tranquila, sorrindo conforme os resultados apareciam e com muito esforço ela alcançava algo diferente da primeira investida. Atacar ao pensar e esclarecer melhor seus sentimentos, revelando o quão poderosa poderia ser. "Cheguei no nível que imaginava, sinto que posso criar mais surpresas." Toda a sequência ter um sucesso mostrava uma bela evolução durante o combate, algo que a jovem nunca teve por conta da dificuldade ser dividida com os companheiros. Foi somente após sentir-se um pouco melhor que a médica viu o quão distante estava do objetivo, observando a velocidade tão superior do oponente. "Imaginei que terminaria assim." A dor nas costelas era seguida por uma rasteira e finalmente terminava no chão, com a cabeça sendo levada ao chão com tanta força que Helves não conseguiu segurar-se naquele instante, fechando os olhos ao levar as mãos à cabeça. – Ah... Ahnn... E-eu não sei, droga... – A voz da celestial parecia sumir no meio das palavras, nada poderia ser escutado facilmente por ser basicamente uma lamúria pela dor sentida naquele instante, sem qualquer reação aos ataques e aquelas palavras do agente.

Sentir-se tão fraca perante aquele homem era horrível. Helves entendia a razão de ele ser forte, obviamente um treinamento mais rigoroso e uma estratégia melhor tinham conseguido leva-lo até aquele nível. "É o fim... Ele está muito fora do meu alcance." Perder o combate após alguns golpes ensinavam a ela o que força era. Asken e Kryn poderiam parecer realmente fortes, mas aquele homem estava em um nível diferente. A ajuda do negro parecia interessante naquele instante, um pouco de distração e companheirismo poderia ganhar a luta. Dor e medo consumiam a alma dela, assumindo uma expressão um pouco triste ao ver aquele dedo para cima em uma vibração estranha e poderosa. Helves sabia que tinha perdido de forma justa, seu maior arrependimento naquele combate foi não ter mostrado o quão boa poderia ser. – Eu não me arrependo disso... – As pausas surgiam pela falta de ar e a forma como estava jogada no chão sem muita reação. – Mostrei o potencial que tinha, talvez com um pouco mais de tempo poderia ter melhores chances... Sinto-me honrada de ter enfrentado um oponente tão forte e... – Novamente a dor na cabeça latejava, criando outra pausa e um semblante sofrido junto do sorriso característico. – Espero que tenha conseguido mostrar minha força pela primeira vez... Foi difícil. – Concluía fechando os olhos sem prestar muita atenção nos arredores.

A presença de outra pessoa naquele lugar surpreendia até mesmo o agente, que recebia o golpe preciso, acabando complicando a situação do oponente da celestial que agora se tornava uma luta entre duas pessoas com o mesmo nível de poder. A troca de golpes aparentava estar equilibrada, tornando-se um pouco mais voltada ao garoto que antes estava com Oz, acabando com o agente sem grandes problemas. Helves deveria estar realmente feliz por ter sido salva, mas ela já tinha aceitado o destino. – Po-... – Naquele segundo ela fez uma breve pausa, percebendo o erro que estaria cometendo ao estourar e mostrar toda a raiva. Fazendo isto ela estaria fugindo muito do que realmente era cedendo à ira. "Relaxa garota, você precisa pensar antes de falar... Essa pessoa me ajudou, estou viva e no momento deveria ser educada com ele." Claro que ela ainda não tinha gostado do intruso em seu combate, mas aceitava aquela situação por hora e sorria já sentindo não estar no melhor dia de sua aparência. – Obrigada, me sinto lisonjeada. – Aceitando a ajuda para levantar-se, segurava a mão do desconhecido e assim que ficou de pé Helves tratou de ajeitar sua aparência, batendo nas vestes para tirar a sujeira, além de limpar o rosto e cabelo. – Sua ajuda foi interessante, realmente agradeço por ter se intrometido, mas era um combate onde eu estava me arriscando mesmo já sabendo qual poderia ser o resultado final. – Poderia não ser o melhor dos agradecimentos, porém era a forma como ela sentia correto explicar e lidar com a situação.

Bem mais tranquila após respirar um pouco e entender melhor a situação, seguia até onde o corpo do agente estava procurando qualquer coisa que poderia usar para amarrar o mesmo. Helves tinha noção do que estava ocorrendo, rasgando as vestes do sujeito para criar pedaços de pano resistentes, unindo eles até se tornar uma boa corda que amarraria os braços e pernas do agente. Por fim ela só poderia criar uma grande bola e enfiar na boca dele, prendendo-a com mais uma corda. – Assim você não vai correr. – Poderia não parecer a melhor das ideias, mas ainda era uma e a garota apenas aguardaria Oz se aproximar. – Qual a razão de estarem por aqui? – No momento retornar ao barco parecia à coisa mais importante, por conta disso deixar o negro cuidar das responsabilidades seria a melhor escolha. – Asken. – Chamando usa atenção acalmaria um pouco o ar daquele momento. – Pode retornar ao barco, sinto muito que a luta não foi boa o bastante. – Foi assim que ela recebeu a resposta, sentindo-se um pouco desaminada com a situação só conseguia melhorar o momento por conta de seu irmão. – Entendo... Obrigada pela confiança, ainda tenho muito para entender desse mundo, mas acredito que ele querer nos capturar é correto. O que fazem depois não é do meu conhecimento, preciso estudar mais e conhecer melhor os humanos para entender. – Com estas palavras a jovem terminava de conversar com o negro, imaginando que ele fosse à embarcação antes de tudo. Caso Oz e Kane quisessem ir até a embarcação para conversar melhor seria o que a garota faria, seguindo junto de Asken até onde eles poderiam dialogar bem e encontrar o restante da tripulação. "Ainda me sinto um pouco desconfiada desse homem, ele nos ajudou sem muita necessidade apenas por seu objetivo que parecia ser encontrar esse outro... Parece tudo bem, Kane me ajudou e preciso agradecer da forma correta." Helves tinha uma respiração bem suave e sorrindo se aproximaria mais do jovem com a touca. – Pode me chamar de Helves, vim do céu e estou aqui para ajuda-lo caso precise... Tenho de lhe pagar de alguma forma, não consigo aceitar que me salvou e não dei nada para você. – Finalizando assim ela esperava alguma resposta, mesmo que fosse algo bem simples e direto, provavelmente existia uma coisa que aquela dupla estranha precisava.

Objetivos:
 
Histórico:
 
Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Ryoma em Ter 28 Ago 2018, 16:31, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Kiodo
Honorário
Honorário
ADM.Kiodo

Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2010
Idade : 26
Localização : Crtl + F - Depois digita ADM.Kiodo

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyTer 28 Ago 2018, 12:59

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] Post: 12 - Fala ’Pensamento’
Under an Ancient Dragon!

A celestial não estava em bons momentos naquela combate, tudo aparentava está dando errado para a mulher. ’Eu ainda sinto seu medo…” O deus estava longe de esboçar qualquer ação que possa ajuda-lá ou salvar a mesma. ’É humanos… Sempre imaturos, falastrões e intrometidos. Apesar que minha pequena anja, ainda tem medo de me perder e de se perder de mim… Hiarhiarhaha.’ Helves após ser ajudada por um humano misterioso, começava a prender o agente misterioso e interagir com o intrometido que entrou em sua luta. No momento em que a celestial se aproximar para se interagir com o negro, o mesmo escutava a olhando. - Vão vir atrás dele… Lembre-se ele treina outros agentes. O tom de sua voz era firme e confiante, sua expressão apática e durante sua falácia apontou para o agente preso. - Você precisa entender, que você nunca será ruim por trazer o fim… Dava uma pausa e desviava seu olhar para os itens. - Sem o fim não existe um recomeço, enquanto este homem estiver vivo, vão libertar ele, para que ele continue defendendo humanos que usam celestiais como você como escravo. Despretensioso juntava as coisas que a celestial havia comprado, proferindo palavras que pudesse ter inúmeras interpretações um remanente da personalidade e conhecimento de Lusacan. - Não se preocupe com a luta. Você me provou que sempre será minha imediata, não importa o que aconteça. O sorriso no rosto do negro enquanto terminava de pegar os itens, sua voz confiante e sua expressão de satisfação ao ver que aquela luta foi necessária para Helves demonstrar que não era a princesa indefesa, era uma mulher com com as asas de rainha dragonica que estava pronta para criar seu reinado.

O negro caminhava em direção do navio para encontrar com Aya, no momento que chegar no navio. Caso o homem notar movimentações de estranhos no navio, pularia no convés de forma rápida e colocaria os itens sobre o chão e seguidamente sacou a espada. Visando defender qualquer ataque ou golpe que pudesse ser alvejado. Caso o navio estiver de forma tranquila, iria até o quarto feminino e colocava todas as coisas na cama. ’Depois ela me entrega minhas coisas.’ Caminhando de volta para o timão do navio. - Elisabeth e Aya vamos para a ilha, começando a dominar pelo porto. Já sabem que estamos aqui. O negro abaixava as velas para que pudesse velejar até o porto principal, estava despreocupado e como já existia a informação de sua chegada na ilha então dominaria logo pela porta da frente.




Objetivos:
 

Histórico:
 

Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar
registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyQui 30 Ago 2018, 14:54



Cap.3 - You Will Learn To Show Respect



A garota sentia o combate e a diferença de forças entre ambos, por mais que tivesse melhorado, estava claro que a sua força ainda estava longe de ser perfeita e que sabia que seus companheiros eram mais fortes que ela atualmente, mas aquilo não era uma fraqueza em reconhecer aquilo, era uma aceitação da qual vinha com um sentimento de felicidade. Helves estava pronta para se entregar nos braços da morte, não realizaria nenhum movimento para tentar escapar do agente que estava pronto para atacá-la, suas palavras eram comoventes, dando um tom de aceitação, mas Kane aparecia para interrompê-la e não deixar que o homem a matasse. De primeiro momento com a surpresa do garoto, a ira era o primeiro sentimento, atrapalhar aquela aceitação tinha deixado a celestial brava, mas reconhecendo que ela havia sido salva, ela aceitava a situação, por mais que não fosse o que ela tinha permitido acontecer anteriormente. Seus agradecimentos vinham por palavras, expressando tanto uma coisa quanto o incômodo dele ter intrometido. - Peço desculpas pela intromissão. – Suas palavras eram sinceras e sérias, não passavam nenhum sinal de deboche ou sarcasmo. Com ambos em pés após a ajuda de Kane para se levantar, a situação estava mais tranquila, o homem dava uma leve mexida em seu bolso onde era possível ver uma ponta de papel, a celestial arrumava a sua aparência e batia as suas roupas para retirar a poeira que havia se acomodado por ali, ela tomava uma decisão de deixar o homem vivo, usando das vestes dos mesmos e vários nós para formar cordas da qual ela amarrava-o em diferentes pontos, colocando uma especial amordaça em sua boca da qual o agente ficava parecendo um porco assado.

O tempo para a realização daquilo dava o tempo para que Oz se aproximasse, ele mostrava uma expressão de constrangimento do seu irmão como se ele tivesse criado uma confusão. - Meu irmão causou problemas a vocês? - E Kane respondia antes que ambos pudessem. - Eu salvei ela de um dos agentes presentes nessa ilha, ele parece ser um homem com uma patente mais elevada, sabia lutar bem. – Oz parecia querer levar o irmão para longe ao pegar o seu braço, mas o garoto mostrava resistência a tal ato, ao serem questiona do por quê de eles estarem ali, Kane tomava a ponta, soltando o braço de seu irmão e olhando diretamente nos olhos de Helves. - Eu tive um sonho… Haviam pessoas estranhas em um salão escuro, no centro, uma luz vermelha emanava de um altar, homens encapuzados estavam ao seu redor e uma luz estava em mim, suas palavras e gestos eram para me aproximar. “Venha! Venha! Lhe darei o poder que deseja! – Ele olhava para Asken. - Ao pisar no primeiro degrau, eu fui empurrado para trás, caindo de bunda no chão por alguma força misteriosa. Os homens sussurravam e suas palavras eram: “Não há como se tornar forte sozinho, encontre alguns amigos! – Ele dava alguns passos para trás, podendo ver o rosto de ambos. - Meu irmão disse mais cedo que havia viajado com uma mulher com o colar verde mais lindo que ele havia visto e comparado ele a um de seus livros e com um negro do qual parecia ser um homem muito forte e inteligente e nem havia visto uma luta para perceber isso. – Ao olhar para Oz, ele ficava mais sério e menos sorridente como estava anteriormente. - Segui vocês e consegui ver que pareciam pessoas confiáveis nos quais poderiam me ajudar nisso, vi a confiança que Asken havia em você, Helves e a sua empolgação, inocência e desejo de vencer na batalha contra o agente. Não acho que terão pessoas melhores que vocês, peço, apenas por agora, que me deixem acompanhá-los e ajudar no que eu puder, para mostrar que eu sou confiável e não um homem estranho que apenas intrometeu em sua luta. – Ele terminava girando o seu corpo para a direção de ambos, terminando aquele momento dele, Oz estava quieto como sempre, mas ele parecia ter dado essa liberdade ao seu irmão.

Asken olhava para Helves após vê-la que ela estava sentida por não ter lutado tão bem como parecia, mas as palavras do Dragão eram mais do que reconfortantes para a garota, ele sempre trazia esse sentimento com a sua irmã. Com tudo esclarecido, estavam prontos para parar de perder tempo ali e irem direto ao barco, carregando todos os pertences com si, andavam sem maiores problemas todo o grupo junto até a embarcação da qual estava em bom estado, não havia acontecido nada com o barco e tudo parecia ter ocorrido bem por ali. Ao subirem, Asken ia direto para o quarto feminino deixar as coisas do lado de dentro, Helves conseguia ouvir umas palavras de Oz falando sozinho. - Novamente aqui. – Ele não parecia incomodado como aquilo, era como se ele tivesse passado um enorme tempo fora e tivesse voltado a um lugar que fazia sentir-se confortável. - Você não me deve nada, Helves. Apenas quero mostrar que podem confiar em mim. – Ele sorria para ela olhando diretamente em seus olhos, o seu sorriso trazia um ar de sedução por parte do garoto e seus olhos brilhavam ao olhar para os dela.

As velas eram abaixadas e o negro assumia o timão, anunciando para eles que iriam diretamente para o porto, pois já sabiam da presença deles naquela ilha. Aya dava um leve susto e Elizabeth abria um sorriso largo, correndo até Kryn para tentar acordá-lo que ainda repousava no mesmo canto de antes. A sirena usava suas pernas feitas de sua cauda para se mover até Kanogan, ela não conseguia se mover bem e usava as paredes como apoio para andar e subir as escadas até ele. - O que aconteceu enquanto estavam na ilha? Você não parece ter se machucado ou ferido alguém, mas está um pouco sujo. – A sirena se mostrava preocupada com o seu companheiro, ela havia uma grande admiração no sujeito. O tempo se passava e as manobras do negro conseguiam ser evasivas o suficiente para escapar dos rochedos em meio ao mar, ele dava a volta pela ilha conseguindo achar o caminho perfeito para que conseguisse observar o porto de longe, haviam três barcos aportados, todos de tamanho mediano e bastante pessoas naquele local, mas a floresta se mostrava ser uma das principais características daquela parte da ilha, pois mesmo dali, não dava para ver a cidade. - Estamos chegando, mas Kryn não está acordando, vou levá-lo até o quarto e cuidar dele, Asken. – Ela pegava o garoto em seus braços, carregando-o até o quarto. Kane dava um sorriso, colocando um pé na amurada ao observar ao longe e Oz estava estático, sem mostrar nenhuma expressão como usual.


Considerações:
 

Legenda:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ryoma
Super Nova
Super Nova
Ryoma

Créditos : 81
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 04/06/2011
Idade : 22
Localização : hell

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptySex 31 Ago 2018, 20:39



믿을 수 없잖아

A explicação de toda aquela trajetória até chegar onde ele estava salvando a garota e indo ao barco com ela. Helves não conseguia acreditar muito naquilo, pois aprecia fantasioso demais e ela ainda não tinha total confiança em Kane. Ele era um desconhecido que parecia ser irmão de Oz, isso já não ajudava muito. "Nunca consegui falar muito com ele, Oz parecia muito distante quando estava em nosso barco..." E ao olhar para ele a única coisa que via era mais uma vez a distância criada pelo seu semblante, algo difícil de lidar em uma tripulação. – Uma pessoa de confiança não precisa mostrar nada. – O momento não era nada tranquilo, ela estava séria e olhava para Kane sem saber muito bem como lidar com o garoto. – Vocês dois são estranhos, não tenho qualquer problema em os ter por aqui. Só tome cuidado e cuidem do barco, tenho de dar uma olhada em Kryn. – Ambos eram bonitos, Helves não podia negar isso, mas nenhum deles passava qualquer sentimento positivo para a celestial. Um pouco inocente da parte dela foi não perceber que aquele sorriso dizia algo mais. "Dormir tanto não é exatamente normal." Tirando totalmente a atenção dos irmãos, focando-se em Elizabeth que havia levado o espadachim ao quarto.

Chegando ao quarto masculino e abrindo a porta, Helves entraria já se direcionando para onde o garoto estava deitado. A maleta em mãos seria aberta ao lado de seu corpo, pousando um olhar preocupado em Kryn. – Deixe-me dar uma olhada nele. – Com cuidado a celestial verificaria se ele estava respirando, usando da mão direita pra sentir o ar um pouco abaixo do nariz. Se tudo estivesse bem ela pararia para ver se o coração de seu companheiro estava batendo, encostando seu ouvido direito no peito dele, além de sentir sua pulsação. Seguido disso teria fazer checagens básicas, buscando usar dos conhecimentos em doenças para determinar o que poderia ser. Levantando a camisa na busca de qualquer mancha estranha na pele, tudo seria visto com cuidado e tocado de leve para não machucar o rapaz. Helves se manteria sempre séria, observando cada ponto do corpo dele que estivesse ao seu alcance e Elizabeth não tivesse qualquer reclamação sobre isto. – Se tiver algum problema quanto ao que estou fazendo pode me falar, te direi como fazer e você poderá me falar tudo que viu. – Com isto a celestial continuaria ou apenas explicaria para a ex-nobre todos os pontos importantes de olhar, pedindo a descrição do que era visto para determinar qual era o problema de Kryn.

Ao fim dos exames buscar em sua memória qualquer doença que pudesse encaixar nos problemas do garoto, talvez fosse apenas um sintoma de algo comum, cansaço ou apenas estresse. Não importava muito, pois Helves tinha tudo gravado em sua cabeça e usaria desses conhecimentos para encontrar uma informação que tivesse um encaixe perfeito com a situação de Kryn. "Podem ser tantas coisas, me pergunto se terei como tratar dele aqui caso seja algo grave." Helves ainda sentia as dores do combate, estava cansada e suja devido a luta na floresta. Esses problemas não a incomodavam agora por conta da distração que era cuidar de outra pessoa, perdendo algum tempo ali até definir qual seria o problema e como poderia tratar dele. No caso de ser algo bem simples a jovem celestial poderia apenas usar dos recursos que tinha na embarcação para cuidar disso, talvez pegando ervas ou apenas um pano molhado com água fria ou quente para colocar na testa do humano. Já problemas mais complicados precisariam de um tratamento complexo, podendo levar até a cidade na procura dos medicamentos necessários.

Independente do que fosse, Helves sairia apenas após cuidar do humano, tratando com algo simples até ter acesso à medicamentos melhores. Assim ela iria ao seu quarto, lavando o rosto, arrumando as vestes e seu cabelo para retornar ao convés logo em seguida, procurando o negro e os irmãos. – Cuidem bem de todos, estarei olhando como estão as coisas pelo porto. – Após dizer isso começaria a caminhar para fora da embarcação, parando no meio do caminho para explicar-se caso Kryn realmente estivesse precisando de remédios. – Também comprarei alguns remédios, se precisarem de algo é só falar agora. Voltarei rápido. – Diria um pouco mais séria do que o normal, mantendo o semblante preocupado que a levaria para fora da escuna e de volta à cidade. Desta vez a procura seria um pouco mais cautelosa, tomando cuidado com qualquer pessoa vestida como o agente do governo que tinha enfrentado antes. Com atenção ela buscaria lojas que vendiam medicamentos, ervas e coisas do tipo caso Kryn realmente precisasse. No caso de não existir tal necessidade, Helves estaria apenas observando a região, checando o que cada um daqueles barcos era para reunir informações importantes que ajudariam no próximo plano do grupo pirata.

Objetivos:
 
Histórico:
 
Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Kiodo
Honorário
Honorário
ADM.Kiodo

Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2010
Idade : 26
Localização : Crtl + F - Depois digita ADM.Kiodo

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptySex 31 Ago 2018, 23:51

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] Post: 13 - Fala ’Pensamento’
Under an Ancient Dragon!

Com a chegada do negro em sua embarcação a sirena ficava preocupada com o estado de sujeira das roupas do deus. - Um agente me derrubou duas vezes, então Helves lutou contra ele... O tom de Asken aparentava dar pouca circunstância ao estado de suas vestimentas. Caso em algum momento Aya venha perguntar sobre o estado do embate da celestial.- Deu tudo certo. Com um tom neutro e de forma simplória sem dar muita firula, as preocupações de Elisabeth era com o seu amado que aparentava não acordar. - Não vamos fazer nada tão insano ainda. Um sorriso esboçou a face do negro, seu tom ficava um pouco maquiavélico como se estivesse planejando algo. - Vamos dominar o porto, quero o controle da entrada e saída dos barcos nessa ilha. Seu tom era firme e trespassava confiança em sua voz e postura, velejando até o porto no momento que notar que havia três barcos tentaria aportar seu barco de uma forma que dificuldade a saída dos três barcos.

No momento em que a embarcação estiver parada o deus saltava do barco de forma rápida até o porto, sacando sua espada já no ar para que ao amortecer sua queda, usando a flexibilidade de seus joelhos, a espada já estivesse empunhada em sua mão direita. - Podem correr, podem fugir… Sendo que ninguém entra ou sai desse porto sem minha autorização. Exclamou sua ordem com um sorriso em seu rosto, uma voz potente e firme sem temores. Caso alguém vier na direção de golpear o negro seu foco seria esquivar e contra atacar de forma rápida e certeira com um corte na horizontal; Caso vier um ataque de longa a distância a reação de Asken visaria executar um bloqueio com sua espada de forma que ela fique girada para que pegue a parte do gume mais larga. Caso todos no porto simplesmente correr e fugir em direção a cidade, o espadachim permitiria e em seguida subiria nas três embarcações visando saquear o que houver de útil nas mesmas.




Objetivos:
 

Histórico:
 

Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar
registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyDom 02 Set 2018, 15:23



Cap.3 - You Will Learn To Show Respect



Helves estava meio desconfiada dos irmãos, não sabia nada sobre ambos e a explicação de Kane era muito fantasiosa para que a celestial pudesse acreditar no mesmo, não sendo inocente. Por mais que ela estivesse desconfiada, não fazia nada a respeito, dando um voto de confiança aos irmãos e indo em direção a Kryn que poderia precisar de cuidados médicos. Ela começava examinando o garoto, olhando pelo seu corpo e medindo a sua temperatura através do tato, se ele haviam alguma mancha estranha pelo seu corpo ou algum tipo de sintoma do qual não fosse tão comum, ela não encontrava nada parecido com aquilo, mas seus batimentos estavam lentos e a sua temperatura corporal estava alta, demonstrando que o homem estava com febre e possivelmente uma gripe com o seu nariz escorrendo e estando igual à de um palhaço, vermelho forte.

O esforço físico de passar tantas horas acordado, com um grande esforço físico pela criação de sua arma, a vigia e outras tarefas da qual havia que fazer na embarcação, Kryn sofria de uma exaustão mistura com gripe e essa era a diagnosticação da garota. Com um pano de água molhada em sua cabeça, ele começava o seu repouso enquanto que Elizabeth não via problemas na médica mexendo em seu marido, sendo completamente profissional. - Obrigada! – Era claro em seu rosto, a preocupação que a garota havia. Ao sair para o lado de fora, viam que estavam atracados no porto, ela deixava um recado para quem pudesse lhe ouvir, dizendo que desceria do barco a procura de algo que pudesse ser relevante. A sua procura era objetiva em relação a observar e reunir informações importantes que poderiam ajudar no plano do grupo pirata, mas não via nada que poderia ser útil a ponto de ajudá-los em outrora de primeira vista, tendo que fazer uma análise profunda em meio ao tanto de homens dos quais não possuíam uma atitude suspeita de início.

O tempo se passava levemente e ele conseguia ver dois caras de terno conversando, eles pareciam ser agentes do governo e a celestial conseguia furtivamente se aproximar de ambos. - Você ficou sabendo alguma coisa do chefe? – O outro olhava para o lado vendo se alguém estava falando com ele e voltava a falar. - Ainda nada, ele deve estar ocupado. – Os homens começavam a se mover pela trilha, saindo um pouco do porto e a garota ia atrás deles a busca de mais informações. - Sempre me interessei pelas músicas dessa ilha. – Dizia o homem da esquerda, era um moreno de cabelos longos, perto de uma altura de dois metros com uma espada em sua cintura. - Eu acho enjoante, já me cansei de ouvir, aliás, falta muito? – O da direita era quase que o oposto, uma pele bem clara como neve, tendo uma altura aproximada de um metro e trinta com um pequeno machado em suas costas. Ambas as armas deles não pareciam ser nada demais, eram armas comuns que Helves já havia visto antes, mas alguma coisa indicava para ela que o metal não parecia ser o mesmo. - Já chegamos.

A celestial tinha que parar e haviam dois guardas atrás dela enquanto os outros dois entravam em uma barraca, os atrás delas eram dois homens musculosos e altos, usavam soqueiras em suas mãos e pareciam fazer a ronda. Ela estava escondida atrás de uma árvore há cinco metros deles, estavam bem próximos e era como sentisse a respiração em seu cangote prestes a ser descoberta. A trilha não era longe dali, cerca de quinze metros da barraca e começava um tumulto.

Um pouco antes, Asken conversava com Aya, a sirena mostrava uma feição de sorriso como se estivesse sentindo o que o homem estava propondo, dominar o porto não seria uma tarefa fácil e ela percebia isso e também percebia o sorriso em seu rosto ao dizer que não fariam nada tão insano ainda. - Você está bem, é o que importa. – Com a embarcação parada, o negro saltava do barco e Aya ia junto, mas pelo mar onde ela teria mais vantagem por ser uma sirena e uma velocidade melhor, observando de tudo ao longe. Os dois irmãos pulavam logo após Kanogan, ficando em sua retaguarda e esperando uma ação dos guardas, com o anúncio do início da dominação, as pessoas se assustavam e algumas chegavam a reconhecer o negro, gritando: “É um pirata!” e o tumulto começavam, guardas sacavam as suas armas e começavam a fazer um cerco em direção ao negro, as pessoas corriam para fora do porto e mesmo com aquela frase de ninguém “sair ou entrar”, eles ignoravam totalmente, saindo do lugar. - O que quer que façamos agora? – Ele sorria para aquela situação, enquanto que Oz estava calmo como sempre. Os guardas estavam cerca de seis metros de distância do negro e companhia com as armas sacadas em mãos divergindo entre espadas, rifles, machados e qualquer outra arma que poderia ser usada em um combate físico e que fosse comum de se ver em um guarda ou marinheiro. A área em que estavam tinha um raio de dez metros, com as pontas sul e oeste sendo retas e o fim do porto.


Considerações:
 

Exemplos:
 


Legenda:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ryoma
Super Nova
Super Nova
Ryoma

Créditos : 81
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Feminino Data de inscrição : 04/06/2011
Idade : 22
Localização : hell

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptySeg 03 Set 2018, 14:12



아침 눈을 떴을 때

Helves se estendia em sua busca na cidade, acabando por seguir dois agentes do governo que conversavam sobre um superior. "Só pode ser aquele homem que eu enfrentei." E provavelmente era mesmo, mas ainda não tinha como afirmar isso sem entender a quantidade de pessoas no governo naquela ilha. Segui-los não era o melhor plano, foi isso que a garota percebeu enquanto estava avançando pela trilha, saindo do perto somente por algumas informações. A dupla não tinha percebido a jovem celestial e isso era um grande avanço, podendo aproxima-se daquilo que eles estavam buscando. O real problema apareceu quando eles entraram em uma cabana e outros dois homens surgiam por trás, estes pareciam mais encorpados e logo perceberiam que ela estava ali. "Cometi um erro, droga... Não acho que consigo correr disso se eles forem tão rápidos quanto aquele homem." A velocidade era um problema e sem muitas opções Helves teria de lutar, sendo ou não a melhor escolha, seria este caminho aquele que ela seguiria.

Buscando o elemento surpresa, Helves iria mirar com o rifle de onde estava, tentando acertar qualquer um dos homens que estavam por perto. O disparo chamaria a atenção daqueles dentro da cabana, isso seria o maior problema. Aquele primeiro disparo teria de ser perfeito, acertando em uma das pernas, tentando diminuir a mobilidade dele. Enquanto o outro provavelmente estaria procurando de onde aquele tiro tinha saído, seria nesse momento que a celestial realizaria o segundo disparo. Este teria um rumo parecido, visando destruir a movimentação da dupla e começar uma corrida para longe da cabana, passando pelo lado dos dois musculosos agentes. "Não sei se consigo ver um sucesso nessa estratégia." Com pequenos saltos para longe ela queria apenas se afastar um pouco, tomando a distância interessante para enfrentar todos os inimigos de longe. "Atrair eles até o porto seria uma ideia interessante se Asken não estivesse tentando dominar aquele lugar, eu devo segurar esses quatro aqui e se possível derrotar todos." Durante a movimentação para ganhar distância ela estaria atenta, tentando esquivar-se com saltos laterais ou apenas bloquear com uma de suas armas qualquer ataque vindo a encontrar.

A verdadeira luta começaria quando eles encontrassem a garota. Com bastante cuidado ela continuaria mirando na direção dos agentes feridos, procurando os outros que poderiam estar saindo da cabana. Esta seria a forma de coordenar a sua ofensiva da maneira correta, disparando com o rifle apenas naqueles que estivessem se aproximando. Helves não iria acertar aqueles sem movimentação, pois eles não representavam perigo enquanto não fizessem nada. "A última luta não foi ruim, eu tive uma evolução grande e se eles não estiverem no nível daquele homem terei alguma chance." Pensar no quão boa tinha sido sua última batalha a animava, criando coragem de enfrentar quatro homens sem ajuda alguma. Helves sabia dos limites de seu corpo, entendia que poderia ainda estar ferida, mas ajudar o plano de Asken era o que estava fazendo e ela mesma não se impediria de fazer isto. Qualquer um que conseguisse se aproximar o bastante seria recebido com a ponta da lâmina da carabina, realizando a estocada diretamente contra as pernas ou braços dos oponentes para piorar ainda mais as chances de atacarem ou chegarem próximos.

Novamente a celestial recuaria e faria isto durante todo o combate, recuando para pontos seguros onde poderia se esconder de projeteis e também mirar nos alvos, tomando a distância segura para atirar sem ser pega. Disparos seriam realizados a todo momento que alguém fizesse uma ação ofensiva, seja andar na direção de Helves ou apenas realizar ataques de longa distância, buscando limitar ainda mais a movimentação e formas de atacar dos agentes até ter total controle do combate. Caso a estocada de perto não fosse a melhor opção, Helves apenas executaria chutes ou socos com as mãos livres, usando até mesmo de sua cabeça para se chocar contra o rosto do adversário. As formas de esquiva seriam simples, saltando e movendo o corpo para longe de qualquer golpe, além de bloquear sempre que fosse necessário usando das armas, braços ou pernas. Ao fim dos ataques dela e dos oponentes a garota tomaria um tempo para respirar, observando a situação em que se encontrava, além de ver como estavam aqueles que teria de derrotar.

Objetivos:
 
Histórico:
 
Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Punk
Pirata
Pirata
Punk

Créditos : 13
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 01/07/2013
Idade : 28
Localização : No barco

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyTer 04 Set 2018, 04:46



Forja V. Finalizando!!! Voltando do Inferno!!.


Acho que já está no ponto para finalizar a espada enquan to olharia para espada ouvia Elisabeth falar em animação, ouvia um som, era um som estranho. Liza parecia estar bem animada, era nossa chegada na ilha, mas por um momento talvez alguma coisa dentro de mim me desconectava. Olharia para a espada e por um momento apenas ouviria a voz na minha cabeça, era algo terrível, parecia vim das profundezas do inferno. “ Faria qualquer coisa por Elisabeth – você respondeu que sim – Morreria por ela? Mas mataria alguém, algum inocente? E que tal muitas vidas inocentes? E o mundo todo? É realmente amor se chega ao ponto de precisar escolher entre a pessoa amada, e todas as outras vidas. Olhe para você, mal sabe, mas sua alma está queimando.” Ah voz em minha cabeça era algo que eu já tinha ouvido antes eu não sabia por quanto tempo esse tormento estava na minha cabeça. Piscaria meus olhos e então voltaria a minha consciência, sabendo que teria que terminar a minha espada. Caso Elisabeth ainda estivesse me esperando então olharia para a mesma e falaria. – Sinto muito eu me desconectei. – Na sequência com uma certa inocência no olhar a perguntaria. – Foi por muito tempo? – Então abraçaria a mesma e vendo a cidade em minha volta, uma certa felicidade tomaria conta do meu peito.

- Preciso terminar a espada, prometo que serei breve. – Então caminharia até a arma e pegaria a mesma e começaria a bater com martelo, pensando nos detalhes finais, enquanto golpeava a mesma pensaria o tanto de pessoas que iria matar naquela ilha. – Elisabeth !!!! – Chamaria a garota e na sequência mostraria a mesma para ela e diria que já estava quase acabando. Então voltaria a minha atenção a espada enquanto dava meus toques finais na mesma, colocaria em cima da bigorna os detalhes teria que lembrar algo que veio do inferno. Usava o martelo com suavidade para bater no mesmo, iria virando a espada enquanto dava uns toques finas também na parte da lâmina para ser algo único. Levaria ao forno se fosse preciso, mas não deixaria por muito tempo e iria repetindo o processo se fosse necessário, pois os principais detalhes da arma já estavam prontos. Olharia para a mesma com uma satisfação muito grande no meu rosto com uma cara de dever quase cumprindo. “É quem diria em que eu conseguiria.”

No cabo um desenho que simbolizava uma alma em tormento, caos, era como uma representação do caos, além do meu próprio, minha alma no inferno queimando, queria que as pessoas tivessem a mesma sensação ou a mesma cara de dor, pois isso será muito prazeroso. Então com muito cuidado terminaria o desenho e logo na sequência acrescentaria uns detalhes na lâmina, era como uma assinatura. “Amor e Caos” Devido a uns dos fatos de eu ter vendido a alma foi Elisabeth e o segundo era porque eu gostava de espalhar o mesmo. Continuaria focado para fazer o mesmo usaria meu martelo e a bigorna então aproximaria meu rosto para olhar bem de perto para não errar. Após um bom tempo trabalhando finalmente eu teria terminado a minha arma agora sim chamaria minha amada para dar uma olhada. – Desculpe a demora meu amor, acho que estamos atrasados, não é? – Diria com um tom um pouco irônico, sabendo que eu era o principal culpado.

Com minha Scimitar finalizada eu logo a pegaria e a guardaria então chamaria a minha mulher e logo desceria na ilha para ver como era a mesma. – Chegamos !!!!!!!! Ei Tuntz Tuntz, Bate coração, Tuntz Tuntz coração pode bater !!! – Então após dar uma boa olhada, estaria bem contente pois finalmente estamos na Grand Line, agora sim animado para começar uma nova aventura, perguntaria para Elisabeth o que ela tinha achado do local e o que chamava a atenção dela, além também de ver se algo chamaria a minha atenção. Me preocuparia em olhar para ver como era as pessoas, se tinha algo diferente nelas, ouvia as coisas detalhadamente, também ouviria minha mulher. “ Voltei !!!!!”

Espada:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Kiodo
Honorário
Honorário
ADM.Kiodo

Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2010
Idade : 26
Localização : Crtl + F - Depois digita ADM.Kiodo

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 EmptyTer 04 Set 2018, 11:54

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] Post: 14 - Fala ’Pensamento’
Under an Ancient Dragon!

A ação repentina do negro, causava pânico no porto e os civis corriam em desespero em direção da cidade. Acompanhado do negro estavam aqueles dois humanos, com desejo de fazer parte do seu bando. - Provem seu valor se quiserem começar a me perguntar sobre entrar no bando. Pois odeios humanos, ainda mais inúteis como vocês. A voz do negro era seca, firme como uma pedra e sua expressão impetuosa, estando com seu olhar fixado no guardas instituiu um sorriso em seu rosto. - Esse é o começo da minha era de dragão. A voz caricata rouca e recitada de forma silábica pausada com constantes expirações sobre suas falas era o prefácio para suas ações a partir. ’Eu sinto sua falta, um caos de verdade.’ A mente do negro despertava de adrenalina, o coração pulsava de forma intensa, sua mão apertava cada vez mais firme aquele cabo de sua espada e seu rosto deixava claro aquele deleite por aquela situação. Executando uma corrida em velocidade usava movimentos nas diagonais procurando desviar de quaisquer disparo executado pelos marinheiros que portavam rifles; o foco de aproximação a primeira instância de Asken seria um dos marinheiros empunhando espada. Caso conseguir efetuar a aproximação de um dos guarda, esperava que o mesmo reage visando executar um corte em direção do deus; no qual o negro buscava defender desse golpe com a lâmina de sua espada e com sua mão esquerda buscava segurar a mão que segurava a espada daquele oponente marinheiro espadachim, seguidamente Asken puxou o braço do marinheiro de forma intensa e movimento sua cabeça para que pudesse atingir o rosto do seu adversário buscando desnortea-lo.

Caso conseguir desnortear o marinheiro o suficiente para que possa conseguir roubar a espada que o mesmo empunhava; seguidamente com duas espadas, uma em cada uma das suas mãos e lançava a espada que estava empunhada em sua mão direita visando atingir um dos marinheiros que portavam rifles. - Irei mostrar a vocês… Que sete palmos de terra é o suficiente para igualar todos os homens. Diante do caos e da guerra era o momento em que Asken proferia palavras ao vento, uma remanescente da intensificação de sua natureza. Os olhos do negro brilhavam ao ver as gotas de sangue esvoaçando ao possível ventos por causa da proximidade com o mar. Caso observar que seu primeiro movimento não foi o suficiente para derrotar o marinheiro espadachim iria manter sua espada e dando continuidade ao embate, o deus buscava se manter em movimentos constantes circulando seu oponente para que os marinheiros com rifles pudessem ficar receosos de disparar e acertar seu aliado, os movimentos era um pouco que aleatorio sem entregar um padrão ao certo e também eram focado em esquivar de qualquer outro golpe que pudesse vir em sua direção. Asken buscava executar um golpe com sua perna direita para dar um chute forte baixo para atingir a perna daquela oponente, a intenção era fazê-lo perder o equilíbrio buscando criar um momento de abertura em sua guarda. Após executou um corte na diagonal buscando atingir o tronco e parcialmente as costas de seu adversário, ficando atento para caso em algum momento o marinheiro venha a demonstrar cair desnorteado tentando pegar a espada do homem antes que o mesmo venha completamente ao chão. Caso for atingido por ataques de curto alcance seu foco era bloquear com a lâmina de sua espada, deixando que o ataque deslize pela lâmina para que possa prosseguir com seus movimentos, buscando não permanecer parado por longo períodos.




Objetivos:
 

Histórico:
 

Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar
registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 5 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!
Voltar ao Topo 
Página 5 de 10Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Grand Line - Paradise (Paradaisu) :: Farol-
Ir para: