One Piece RPG
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor PepePepi Hoje à(s) 04:29

» Hey Ya!
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor GM.Mirutsu Hoje à(s) 02:56

» [MINI-ARTHURBRAG] COMEÇANDO UMA AVENTURA
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Ryoma Hoje à(s) 02:55

» Enuma Elish
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 02:32

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 02:08

» [Ficha] Raveny Moonstar
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 01:38

» Raveny Moonstar
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 01:36

» ブルーベリーパイ ~ Blueberry Pie
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 01:11

» Escuridão total sem estrelas
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 00:39

» Capítulo I: Meu nome é Cory Atom! Filho de Kouha Atom
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Kiomaro Hoje à(s) 00:27

» Arco 5: Uma boa morte!
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 23:58

» A inconsistência do Mágico
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 23:45

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Furry Ontem à(s) 22:54

» Seasons: Road to New World
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Volker Ontem à(s) 22:44

» Ain't No Rest For The Wicked
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Hoyu Ontem à(s) 21:55

» I - O bêbado e o soldado
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor Domom Ontem à(s) 21:49

» Um novo tempo uma nova história
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 21:29

» Ruby Belmont
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 19:47

» Drake Fateburn
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 19:38

» Alipheese Fateburn
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 19:10



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptyTer 17 Jul 2018, 22:13

Relembrando a primeira mensagem :

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!

Aqui ocorrerá a aventura dos(as) piratas Asken Kanogan, Helves e Kryn Nerelin. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Punk
Pirata
Pirata


Data de inscrição : 01/07/2013

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptyQua 01 Ago 2018, 23:57



Forja II. A arma daquele que vendeu sua alma.


Bom não pensava em outra coisa além de continuar com o meu trabalho estava muito empolgado com aquilo, tinha que ser uma espada perfeita, para mim. Agora era hora de começar a forja o metal era uma parte bem trabalhosa então com aquele material em uma tonalidade viva e bem aquecia era hora de continuar. Próximo a bigorna pegaria meu martelo enquanto deixaria ali para começar a golpear. “Bom continuar com o que tínhamos em mente.” Então começaria a golpear o metal, meus movimentos eram de uma pessoa com raiva, ódio, ira, mas sabendo onde bater e mesmo com todo esse sentimento negativo eu teria o máximo de cuidado para não estragar a peça a qual estaria fazendo. E mesmo sentindo todas essas coisas ruins eu teria minha expressão calma e não as demonstraria a ninguém “Seu ódio me alimenta cada vez mais.” Então enquanto golpeava o mesmo iria virando-o ao forjar, cada batida do martelo me fazia pensar em cada pessoa que matei, o quão prazeroso foi aquilo. – Ahhhhhhh – Era um grito de alivio, os repetitivos movimentos eram cansativos, além do ódio que me consumia.

Assim que o material estivesse frio eu o levaria novamente para o forno para aquece-lo, pois, os golpes de forja precisam do metal quente. Sempre usando minha luva de raspa para não queimar minhas mãos, todos meus movimentos eram feitos com muito cuidado mostrando sempre uma expressão calma no olhar, escondendo em minha mente os mais perversos desejos, dentro de mim eu era violento, alguém que adora lutas e matança. Jamais teria piedade do seu inimigo, pelo contrário como uma pessoa sádica procuraria o jeito mais doloroso de mata-lo. “Saudades da Matança, assim que pisar numa ilha eu quero o desejo do sangue, ouro, violência.” Após estar bem aquecido novamente então levaria novamente para a bigorna onde eu voltaria a golpear só que agora enquanto eu golpeava meu objetivo era, dobrar e cinzelar o material sobre a bigorna para criar a forma da lâmina. Então direcionaria meus golpes de martelo para ajudar a moldar a lâmina. Enquanto me concentraria na proporção básica da espada inicialmente. “Uma Cimitarra perfeito.” Meu objetivo era esse estilo de espada após conseguir modelar o corpo da mesma limparia o suor do rosto caso tivesse antes de continuar.

Vendo que o metal está duro, novamente levaria ao forno para poder trabalhar com ele, deixando o mesmo até ficar com um laranja bem vivo. Assim retiraria para dar novos golpes com meu martelo, sempre virando enquanto forjava para bater nos dois lados. Assim que satisfeito com o corpo da cimitarra, tendo trabalho na curva que aquele tipo de espada fazia era hora de forjar a ponta da mesma. “Uma boa ponta, para dar estocadas, tem que ser algo mortal, perigoso.” Então começaria a forjar a ponta batendo com o meu martelo diversas vezes. “É com isso que pretende matar? Maravilha!!!” Eu ignorava o diabo na minha cabeça para focar exclusivamente no que eu precisava fazer, quando a ponta da lâmina estivesse pronta, beberia um pouco de água para na sequência voltar ao trabalho. Estava me sentindo orgulhoso comigo mesmo, mas não tinha muito tempo para descansar, assim que tomasse um bom gole de água voltaria para o material.

Agora começaria a trabalhar na curvatura dos Chanfres, que no caso são dois, teria muito cuidado para não estragar o que já tinha sido feito. Um chanfro longo e afiado que se estende até a ponta da espada fornecendo a parte cortante, e o segundo a seção mais curta e grossa percorre ao longo da coluna da espada. Era de extrema importância para a arma em si, então meus movimentos com o martelo agora seriam mais cuidadosos, fazia dos dois lados da espada então seguia trabalhando até concluir para seguir adiante na minha forja. “Um passo de cada vez. Vamos lá que a criança já está pegando forma.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySex 03 Ago 2018, 01:31



Cap.3 - You Will Learn To Show Respect



A viagem estava sendo tranquila para o bando, todo mundo estava ocupado trabalhando o seu tempo de maneiras diferentes, mais perto da amurada estavam Helves e Aya apreciando os golfinhos que pulavam e sumiam no horizonte, para a celestial, aquela era uma experiência nova. - Eles são lindos mesmos. Mas eu nunca tinha visto tão grandes assim, são o triplo do tamanho normal. – A sirena estava mais do que surpresa em ver aqueles mamíferos em tamanhos extras plus. Com a admiração da mulher peixe olhando para aqueles golfinhos, a celestial não podia deixar de a precisar aquele momento ao seu lado e fazer com que a tímida garota sorrisse também que retribuía o abraço dado. Ao olhar para o céu, a garota percebia que não estava muito longe do anoitecer, deveriam ser por volta de quatro horas da tarde onde o sol já estava ficando mais distante. Com tempo de sobra no sol, ela pedia para que Aya esperasse um pouco e aproveitando do momento para bagunçar um pouco do cabelo da sereia, seguindo em direção a Oz que parecia esperar a sua presença. - Ainda bem que gostou. – Ele pegava o livro guardando-o em sua bolsa de imediato enquanto que a garota ia perguntando sobre emprestar mais um. - Não é incomodo, gosto de compartilhar sabedoria. – Octavio começava a sua procura pela bolsa enquanto que a celestial também propunha que ele emprestasse um segundo livro, este de cirurgia e o mesmo parecia guardar os dois em conjunto como se fossem dois volumes. - São livros do mesmo autor, são bons, aqui. – O homem continuava sem expressar qualquer emoção, coçando o rosto em sua cicatriz após entregar os livros para a garota que retornava até a sua companheira que parecia mais triste pelos golfinhos terem ido embora, mas era esperado. - S-sinta-se a vontade. – Ela dava um sorriso olhando para a garota que estava perto da mesma, o tempo passava-se rapidamente nos olhos da pirata que não percebia o quão rápido conseguia terminar aquele livro, os estudos do doutor autor do livro eram bem explicados com imagens e tudo mais o que poderia imaginar, deixando bem claro, quais áreas do corpo eram vitais.

Com um espaço de tempo passado, Asken soltava o leme para seguir diretamente até Oz, entregando o livro para ele que assentia a cabeça, guardando-o em sua bolsa. Helves terminava o livro bem naquela hora e quando ia perguntar se a sirena desejava fazer alguma coisa, Kanogan fazia essa pergunta por ela, já tendo ancorado o barco e subido as velas, o dragão estava bem carismático e saltava do barco em direção ao mar, esperando pela sirena que parecia concordar com aquilo. - Volto logo, Helves. – Ela sorria para a garota dando pequenos passinhos curtos com sua cauda e saltando para o mar junto com o negro, ela ficava na superfície com o mesmo que jogava a água salgada na direção da mesma. - Pode deixar, é para já! – A sirena estava bem feliz em poder nadar, era uma coisa que todos de sua raça deveriam adorar, o contato com a água. E a mesma mergulhava, sua velocidade nadando era mais do que incrível chegando a rodear o barco em questão de segundos, passando em volta do seu capitão e chegando até a mergulhar mais fundo onde Asken não conseguia vê-la e voltando com um gigantesco salto que chegava a uma altura da metade do mastro. O tempo passava de maneira rápida para quem estava se divertindo e a sirena chegava a ficar um tanto triste de ter que subir ao barco depois de tão pouco tempo na água, mas com a ajuda de Kanogan e Helves, subindo a embarcação. Independente disso, estar ao lado da celestial parecia melhorar o seu astral. Com tudo feito, o bando voltava a navegar em meio à Grand Line, o mar estava tranquilo e permitia que o negro conseguisse ler o seu livro.

Em meio a todo esse tempo, estava Kryn cuidando de sua forja, provando que era um ótimo ferreiro mesmo sem ter uma devida forja, o seu martelo batia sobre o aço que ia sendo moldado aos poucos, tomando a forma que desejava e Elizabeth parecia presenciar cada aquele momento com uma empolgação cada vez maior, ela sorria diretamente ao espadachim que sentia tudo o que estava acontecendo do lado de fora através das vibrações, o barco parando, algo se movendo bem rápido ao redor da embarcação e por fim, ele voltando a navegar sem maiores delongas. Não haviam muito o que se observar a mais por ali, apenas que ele estava gastando um bom tempo naquilo e sua arma parecia ficar em um ótimo estado.

O tempo passava bem rápido quando estava se lendo e após um bom estudo sobre as leis da física e seus usos mais elaborados, o dragão conseguia terminar o seu livro antes que escurecesse, o seu mostrava-se limpo com um pôr do sol mais do que belo para aqueles que conseguiam ver o horizonte. Conforme o tempo ia passando, a fome ia crescendo no estômago daqueles aventureiros, as provisões das quais Helves havia comprado serviriam bastante agora para abastecer todo o bando, mas não podiam se esquecer que Nerellin trabalhava em sua espada naquele momento, então talvez teriam que esperar para arrumar um alimento. - Não é tão lindo?! – Dizia a tímida para a celestial.


Considerações:
 

Legenda:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Kiodo
Honorário
Honorário
ADM.Kiodo

Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2010
Idade : 26
Localização : Crtl + F - Depois digita ADM.Kiodo

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySab 04 Ago 2018, 17:02

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] Post: 06 - Fala ’Pensamento’
Under an Ancient Dragon!

Uma leitura proveitosa fez o deus aprender sobre física, o mar estava calmo e sereno com um clima ameno e fresco. De qual modo que estava tendo uma viagem tão tranquila que o negro conseguiu fazer a leitura completa do livro, não havia muita coisa para fazer de diferente e prosseguiu com a leitura do livro de Marcenaria. Caso o negro venha precisa se concentrar apenas na navegação do barco, assim faria deixando um pouco a leitura de lado; caso a viagem continue de forma serena Asken continuaria a leitura do livro de Marcenaria até terminar, provavelmente seria uma leitura um pouco mais fácil no entendimento, considerando que poderá haver algumas semelhanças com o livro de carpintaria. ’Provável que com tudo isso já posso conseguir construir meu barco. Boa!’ A mente do negro já conseguia imaginar seu futuro barco com a para frontal de dragão negro.

Com o término da leitura e caso a viagem com de forma tranquila, o espadachim poderá notar que Kyrn estava ocupado com a construção de uma arma aparentemente. - Elizabeth! Com uma voz alta e firme chamava a atenção da moça e com sua mão direita gesticulava um sinal balançando os dedos de forma uniforme, interpretando que estivesse chamando a moça para ir até o deus. - Como está a senhorita? No momento em que a loira se aproximar, de forma simpatica e carismatica perguntava sobre a mulher que estava um pouco entediada e solitária na viagem. - Estou bem, um pouco cansado. Caso após a resposta da mulher, vier acompanhado com uma pergunta sobre como o negro estiver se sentido. Responderia de forma carismática, seguidamente a sua resposta prosseguia uma conversa. - Imagino que esteja cansada de viajar. Estamos a bastante tempo no mar, sendo que me conte como você conheceu o Kyrn? De uma forma um tanto quanto neutra, Asken dividiu sua atenção na pilotagem do navio e na conversa com aquela mulher do bando que não havia nenhuma afeição. Caso fosse perguntado sobre a celestial e a relação que a mesma possui com o negro. - Fomos criados em um orfanato e desde lá, temos uma relação de irmandade e nós vemos como irmão apenas, não preciso de algo sexual com alguém sou um deus e ninguém está a altura de minha beleza. Hiarhiar… Ao final de sua falácia estava com um tom irônico, sua risada deixava a cômica de sua fala de forma clara.

Olhava para o horizonte checando o tempo, o clima e como estaria o horário naquele momento. - Obrigado, você ajudou bastante em Toroa. Espero que goste de fazer parte do grupo, sendo que não sou um ser protetor, não me espere como seu salvador. O negro terminava o assunto com a Elizabeth, breve conversa de conhecimento dos dois era algo de forma neutra, por mais com o incômodo que Asken possa sentir com humanos, possuía uma forma de respeito com aquela mulher que o ajudou bastante em seu plano. - Foi bom te conhecer um pouco, moça poderia chamar o Kyrn. Gostaria de conversar um pouco com ele também, quando ele tiver tempo fala para ele dar uma passada aqui. Se despedindo de forma serena daquela humano, terminando com um pedido para que a mulher pudesse transmitir ao seu marido. Caso Asken notar que pudesse deixar o timão do barco por um curto período de tempo sem prejudicar a viagem, assim o homem faria para ir até o Oz e devolver os dois livros que estavam consigo. - Obrigado, foram bastantes úteis os seus livros. Com um simplório agradecimento pelo o ato daquele homem, o negro voltava para sua cabine para continuar a pilotar a embarcação com segurança.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar
registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por ADM.Kiodo em Qui 09 Ago 2018, 01:34, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Punk
Pirata
Pirata
Punk

Créditos : 13
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/07/2013
Idade : 28
Localização : No barco

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySeg 06 Ago 2018, 01:24



Forja III. A arma daquele que vendeu sua alma.


Precisava continuar com meu trabalho, sentia o cansaço, mas ao mesmo tempo uma pequena felicidade ao ver a espada começar a tomar formato. Calmamente olharia para a mesma, sempre com cuidado, então continuaria forjando a lâmina da mesma, usava meu martelo para deixar na finura que precisava. Enquanto também daria uma forma um pouco melhor, um trato, seria como uma assinatura deixando a mesma diferente. Levaria ao forno assim que sentisse frio e ficaria ali olhando para mesma até chegar em um tom alaranjado vivo novamente. “Ah estou quase acabando, mas algumas marteladas um bom cabo e posso matar pessoas a vontade.” Pensaria enquanto estaria ali calmamente. “Com essa lâmina poderá cumprir com seu contrato e me trazer muitas almas.” No fundo eu gostava disso porque meus pensamentos iam ao mais sádico que a mente humana poderia alcançar, pensaria não só como a pessoa iria sofrer morrendo, mas sim na tortura que iria aplicar. “Tem que ser algo bem sanguinário ...”

Olharia se a cor da espada estava boa então retiraria a mesma do forno para continuar dando forma a lâmina e praticamente indo para a parte final da mesma. Movimentos cuidadosos e certos, até eu olhar que a mesma finalmente tinha total formato que queria. Começaria o processo de esfriamento do metal, para endurecer o material para fazer esse procedimento usaria água, então pegaria bastante água com muito cuidado enquanto deixaria a mesma num local seguro. “Vamos lá, pois ela também precisa me ajudar a bloquear alguns golpes.” Em minha mente uma espada não pode só ter uma lâmina perfeita no corte, ela tem que ser um pouco resistente, para ser superior à do inimigo e claro a técnica do espadachim também conta. Então levaria água num balde grande ou em algo que eu pudesse carregar até onde tinha deixado a lâmina, com cuidado para não deixar o líquido cair.

Mergulharia a lâmina na água ao longo da borda e da ponta primeiro. Esse método tem um propósito duplo que seria deixar a superfície de corte mais dura e manter a parte de trás da lâmina mais macia para absorver golpes infligidos pelos adversários. Técnicas de arrefecimento são importantes, pois quanto mais rápido você esfria a lâmina, mais dura ela fica. Então faria isso com muito cuidado, seguindo minha lógica para uma boa espada, com uma qualidade muito boa. Após fazer isso o próximo passo seria algo que é chamado como temperar a lâmina, um passo muito importante e um pouco demorado devido a usar a temperatura ambiente, então retiraria a espada com cuidado para dar prosseguimento a forja. Olhava meu trabalho calmamente e sim sentia um pouco de orgulho de mim mesmo, no fundo estava me divertindo fazendo aquilo, me trazia até que pensamentos muito bons e alguns até prazerosos.

O próximo passo era algo bem simples, eu iria reaquecer a lâmina até cerca de 205 °C após esfriá-la bruscamente e, em seguida, deixe-a esfriar à temperatura ambiente. Esse processo ajuda a equilibrar a flexibilidade e dureza da lâmina. Era exatamente o que faria levaria a mesma ao forno, para o reaquecimento do material a ser forjado então quando ele começasse a demonstrar que estava no ponto, como perceberia, muito simples a lâmina iria ficar alaranjada era esse o detalhe principal, quando chegasse nesse ponto eu a retiraria então levaria para fora, deixaria bem próximo a bigorna, para esfriar na temperatura ambiente. Olharia para a mesma com muito orgulho pensando em todo o trabalho que me deu no fim valeu bastante a pena. Não mentiria, pois é algo que não consigo fazer, estava bem cansado, exausto e com as mãos doendo das marteladas. Pensaria já em fazer um novo acordo com o diabo para não sentir dor. “Uma pena eu já não ter mais alma para um novo acordo.”

Olharia um pouco as coisas ao meu redor. “Acho que fiquei focado demais, enquanto esfria dá para dar uma descansada.” Caso eu visse a garota conversando com alguém então pensaria. “Que bom ela está se enturmando ...” Enquanto o diabo ofuscava minha mente. “Logo ela te deixará ... Eu sou o único que você pode confiar.” Balançaria minha cabeça negativamente tentando afastar os pensamentos do coisa ruim. – Você fala besteira demais. – Diria comigo mesmo enquanto tentaria esquecer isso. “Sinto um vazio dentro de mim.” Minhas mãos tremeriam um pouco então tentaria olhar o que faltava para me completar eu sabia o que era mais calmamente encararia essa situação. “Aquilo que procura está comigo aqui em baixo ... Isso que te completa, mas com o tempo aprenderá a viver sem ela.” Olharia para o céu enquanto diria. – Talvez há um jeito de recuperá-la. Poderia parar de ficar vagabundeando aí em cima e me ajudar em. – Após isso iria falar um pouco com Elisabeth para distrair um pouco.

Caso ela pergunte se havia acabado então responderia para a mesma com um tom suave e calmo. – Falta pouco, será uma bela espada, tudo bem que é a primeira, mas com o tempo minha forja fica que nem você. Perfeita!!! – Não mudaria muito minha expressão, mas daria uma piscada para a garota que já viveu muitos momentos complicados ao meu lado. Também ouviria um pouco do que ela tinha a dizer, enquanto ela falava olharia bem nos olhos dela, pois gostava do sorriso, da pele, o tom do seu cabelo e claro do jeito que ela mata as pessoas. “Derramamos muito sangue, inocentes morreram por nossa culpa.” Enquanto ela falaria, passaria a mão sobre o seu rosto e então me aproximaria e suspiraria em seu ouvido. – Estarei sempre do seu lado, não importa qual lado você escolher. – A viagem parecia longa, mas para mim ali dentro do navio era uma eternidade eu sentia bem o que era ser um animal preso dentro da jaula. Tinha algo dentro de mim, maligno, cruel, essa coisa queria sair da jaula .... quer muito derramar sangue por aí.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ryoma
Super Nova
Super Nova
Ryoma

Créditos : 81
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 04/06/2011
Idade : 22
Localização : hell

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptyTer 07 Ago 2018, 15:12



자꾸 네가 생각나

O livro era tão bom que Helves não conseguia parar de ler, aproveitando cada momento daquela leitura que ainda teria uma sequência, pois eram dois livros do mesmo autor com conhecimentos que se complementavam. – Estou melhorando, da próxima vez não vou desapontar ninguém. – Sorrindo ela observava o mar, o céu e Aya, que no momento estava próxima da celestial e falava sobre algo lindo que Helves não identificava naquele momento, mas não queria fazer sua companheira sentir-se intimidada por alguma pergunta surpresa. – Sim, literalmente lindo. – Ela dizia tais palavras e sorria para Aya, passando a mão direita sobre os cabelos da sirena enquanto deixava o livro atual de lado. "O mar é lindo, tem o céu também, mas Aya supera um pouco o que acho desses lugares. Deve ser por conta dela ser minha amiga, não consigo imaginar algum defeito nela." Todos os aspectos que alguns poderiam imaginar ruins na sirena eram o que a celestial achava completar ela, fazer da mesma um ser único e que se destacava da sua própria forma. Durante seus pensamentos a bela garota sentia que precisava comer algo, provavelmente teria de ir ela mesma buscar a comida e trazer ao restante do grupo que parecia um pouco ocupado. Aquele não era momento para festa alguma, mas ao menos um pouco de pão e outras coisas estavam prontas e poderiam servir de refeição no mar sem a necessidade de um cozinheiro.

Helves apenas pararia de acariciar o cabelo de Aya para assim seguir ao encontro da cozinha, onde procuraria os alimentos já prontos para se comer. Independente do que fosse ela apenas pegaria um pouco de tudo e levaria até o convés, separando tudo em porções individuais de comida em pratos diferentes. Com bastante cuidado e calma ela se aproximaria de cada um dos tripulantes, primeiramente de seu capitão que estava controlando a embarcação. – Comida. – Anunciava, deixando o prato de Asken por perto para que ele pudesse comer quando necessário. O segundo à receber a comida seria Oz, pois provavelmente era o mais próximo e fácil de se encontrar. Sem muito que dizer Helves apenas deixaria a comida para o sujeito enquanto sorria, fazendo um breve aceno com a cabeça para se despedir dele. Kryn estava forjando algo, a celestial não tinha muita noção, mas imaginava que o casal estaria no mesmo lugar. Sem muitos problemas a garota entregaria os pratos do casal. – Coloquei de tudo um pouco, não sei exatamente o gosto de todos ainda. – Comentava ao deixar a refeição da dupla e seguir para onde Aya estava. As únicas que restavam receber alguma comida eram as duas, onde Helves colocaria os dois próximos da sirena já saindo de perto para buscar algo que eles poderiam beber. "Todos pareciam gostar de bebidas alcoólicas, vou levar um pouco de suco só por precaução." Uma garrafa de bebida para cada um dos tripulantes seria levada de uma vez, entregando elas com um sorriso. No caso de algum deles preferir suco, a garota esperava estar carregando um consigo para dar a eles, prosseguindo com o planejado até encontrar sua companheira de viagem mais uma vez. – Não sei se está com fome, só acabei pegando para todos caso sintam vontade de comer agora. – Dizia já abrindo a garrafa de bebida, pegando algo que não possuísse álcool em sua composição. O momento de comer e se acalmar um pouco seria assim que a jovem permaneceria por algum tempo enquanto já aproveitava para abrir o próximo livro.

' Perícia Cirurgia '


Conseguir tratar de ferimentos internos era uma habilidade incrível. Helves obviamente já presenciou alguém morrendo por causa de uma ferida dentro do corpo, algo que apenas os médicos conseguiriam tratar com perfeição. Aquele conhecimento não era apenas interessante, mas também útil quando se é um pirata. Ferimentos aparecem o tempo todo, até mesmo Asken já se feriu gravemente e ela não conseguiu tratar perfeitamente tudo. Após três livros a celestial esperava conseguir alcançar boa parte dos ferimentos, pois somente assim teria capacidade de tratar dos companheiros de tripulação. "O livro segue o mesmo ritmo do anterior, espero encontrar outros assim para aprender futuramente." Conforme a leitura fosse prosseguindo, Helves estaria comendo e bebendo lentamente. Talvez Aya ainda estivesse por ali, algo que a garota gostava. Ter alguém por perto enquanto se aprecia a leitura é interessante, principalmente quando esta pessoa é amada por você. "Pode ser um pouco tedioso para ela, mas eu me sinto feliz de a ter por aqui." Retomando a leitura sem problemas, seguia em um ritmo mais constante para terminar rapidamente aquilo e assim poder aproveitar o restante da viagem com a sirena sem mais interrupções. Conversar com ela era a coisa mais interessante de estar no mar, um local calmo onde as duas poderiam ter um dialogo tranquilo. Algumas horas obviamente passariam conforme ela lia, talvez até a noite já tivesse chego e a jovem só perceberia isto quando não houvesse mais a luz do sol para iluminar as páginas. Nesta situação ela teria de ir buscar uma vela para terminar de ler pro ali mesmo, só parando quando a ultima pagina fosse virada e nada mais restar para ser lido.

' Fim da Perícia '


Fechando o livro e colocando este sobre o anterior, mais uma vez a garota olharia Aya para ver a situação em que ela se encontrava. – Terminei. – Diria sorrindo, pegando ambos os livros e mãos para assim seguir ao encontro de Oz, entregando ao homem o que era dele. – Gostei desses dois, me ajudaram muito... Obrigada por emprestar, agora me sinto um pouco mais confiante em minhas habilidades como uma médica. – Agradecendo, novamente retornava para Aya, pegando o resto da refeição e garrafas para levar até a cozinha, passando por todos os companheiros que tivessem comido para levar tudo de uma vez. Por algum tempo a celestial estaria lavando os pratos, guardando a comida que não tivesse sido tocada para mais tarde em algum canto da cozinha. Ao sair de lá, ela estaria observando o céu e percebendo que já era tarde só poderia questionar sua amiga sobre a situação. – Quer entrar? – Helves estava um pouco preocupada que o vento noturno poderia deixar alguns dos companheiros doentes. Se a sirena estivesse interessada em entrar para o quarto das mulheres, Helves a carregaria até o quarto colocando-a onde fosse mais confortável para a mesma. Seja na banheira cheia de água ou apenas sobre a cama onde a médica também iria deitar-se. Agora se o desejo da sirena fosse ficar do lado de fora, a bela celestial apenas poderia concordar com ela, trazendo no máximo algo como um cobertor para cobrir o corpo nu de Aya. – Não quero que fique doente, não tenho muito para tratar doenças aqui no barco. – Alertava com um sorriso, permanecendo onde fosse com a sirena.

Objetivos:
 
Histórico:
 
Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptyQui 09 Ago 2018, 03:42



Cap.3 - You Will Learn To Show Respect



Asken estava lendo o seu livro novo, a marcenaria parecia ser bem interessante para o mesmo em sua maratona de livros, não parecia haver imprevistos em sua viagem, o tempo passava e após ele, Kanogan convidava Elizabeth que estava ao lado de Kryn para vir até ele e a garota que aparentava estar um tanto entediada, subia até o seu capitão, um diálogo começava entre os dois. - Apenas um pouco entendiada, mas bem e você? – Ela olhava para os olhos dele que parecia estar com uma aparência carismática. - Estou, mas mal posso esperar até nós chegarmos, a aventura que está próxima. Ah… Isso me deixa tão empolgada! – Ela era pega de surpresa com a pergunta relacionada ao encontro do espadachim e ela. - Estava acontecendo uma festa e ele estava nela, Kryn estava com um olho inchado e sem eu conhecer ele, fui ver o que havia acontecido, ele de cara me cantou e nós fomos criando uma conversa e futuramente, acabamos entrando em alguns problemas, mas a emoção de escapar dali foi o que me fez continuar com ele, mesmo me sentindo um tanto assustada, tive coragem para sair de onde estava. – Ela sorria ao contar aquela história, mas também tinha uma curiosidade sobre ele e a celestial. - E você e Helves, como se conheceram? – Ela começava a ouvir a explicação do deus, ouvindo cada palavra com um sorriso no rosto e rindo um tanto em sua frase final, ao ouvir seus agradecimentos, seu sorriso se tornava ainda maior. - Eu agradeço por me receber, enfrentarei meus perigos e matarei ao lado de Kryn, mas agradeço pela sinceridade. – Ela sorria quanto ao homem, o negro estava sendo sincero e para ela, isso era importante. - Também foi bom te conhecer, assim que ele terminar, ele virá. – Com isso, ela voltava até Kryn. Asken devolvia o seu livro para Octavio, também agradecendo-o por emprestá-los, ele assentia com a cabeça em um “De nada” e guardava o seu livro na bolsa, o homem não exibia nenhuma expressão, como era de costume.

No lado de dentro da cozinha, Kryn continuava a fazer sua espada, de maneira contínua e sendo preciso em cada detalhe, sempre com sua maneira sínica e psicopata de se pensar, o homem queria fazer da espada, a melhor arma possível que suas mãos pudessem criar e os seus inimigos temer. O tempo passava e o espadachim percebia que Elizabeth estava conversando um pouco acima do mesmo, ouvindo sussurros de sua voz com a do capitão, ele não conseguia entender bem as palavras ditas pela mesma, mas era possível escutar seu nome sendo citado algumas vezes. Após a conversa, ela voltava. - Asken está te procurando quando estiver pronto, a espada está pronta? – Ela ouvia a resposta de Nerellin, sorrindo quando ele a elogiava. - Você é perfeito, Kryn. – Ao ver que ele se aproximava para dar um beijo em seu rosto, Elizabeth retribuía o mesmo. - Eu sempre estarei ao seu lado. – Ela parecia estar feliz e ao mesmo tempo confusa.

Do lado de fora, Helves conversava com Aya, apenas concordando com o que ela estava falando, sorrindo e assentindo a cabeça, aproveitando a brisa que estava vindo do horizonte conforme o barco ia se movimentando, a celestial parava de acariciar a sua cabeça para ir buscar a comida na cozinha, ela via o trabalho árduo que Kryn estava tendo para criar a sua espada e a determinação do mesmo, em meio a isso, ela começava a vasculhar pelos seus suprimentos, as comidas das quais havia comprado com Karthus, não haviam problemas para que ela encontrasse o que procurava, separando em pratos e começando a distribuir um pouco para cada um, ela tinha um apreço por fazer aquilo para cada um e também distribuía as bebidas baseadas no gosto de cada um, alguns comiam enquanto que outros esperavam para comer ou não tinha uma reação específica ao mesmo, mas parecia que todos gostavam do que ela fazia, quando ela passava para recolher de Oz, o mesmo se expressava. - Agradeço. – Por mais que fossem poucas palavras, ele parecia ter um apreço a mais pela celestial, embora não expressasse mais do que isso.

Ao olhar para o céu, já era noite e estava todo estrelado, o tempo parecia estar cada vez mais favorável para eles, embora o frio estivesse começando a tomar conta do barco, com tudo isso a vista, restava apenas a olhar para o horizonte e era o que Asken conseguia ver tranquilamente, ele conseguia ver o resquício de algo bem ao fundo de sua visão, era como um ponto preto em meio ao enorme azul que era o mar, talvez ele estivesse vendo uma ilha. Do lado de dentro dos quartos, estavam Helves e Aya, a sirena havia aceitado entrar com ela e deitava-se na banheira para se reidratar melhor. - Agradeço por tudo, Helves, boa noite. – Ela parecia começar a dormir em meio a banheira.


Considerações:
 

Legenda:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Punk
Pirata
Pirata
Punk

Créditos : 13
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/07/2013
Idade : 28
Localização : No barco

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySex 10 Ago 2018, 11:22



Forja IV. A arma daquele que vendeu sua alma.


Elisabeth se aproximava me dizendo que o capitão estava me procurando quando a espada estivesse pronta. Ainda faltava detalhes e ajuste, mas pelo tempo que ia ficar ali acho que poderia falar com Asken, já era algo a fazer. – Ainda não, mas ela precisa ficar sobre temperatura ambiente, então acho que posso ir falar come ele. – A garota retribuía meu carinho, no fundo eu gostava muito de estar ao lado dela. “Desde quando eu a conheci, muita coisa mudou em minha vida ...” Então pediria licença para a garota e caminharia para falar com o negro, meus passos era calmo, olharia as coisas a minha volta, como estava tão focado na forja, já havia até esquecido de prestar atenção nas coisas ao meu redor. “Bom que posso perguntar coisas sobre a viagem. Se já temos um destino certo.” Pensaria comigo enquanto me aproximaria do homem.

Então com um tom de voz normal, ao mesmo tempo mostrando toda calma do mundo, sem mudar muito minha expressão facial, então o chamaria pelo nome. – Asken!!! Gostaria de falar comigo? – Ouviria o que o negro tinha a dizer. – O prazer em conhece-los foi todo meu!! Pode ajudar a realizar minha vontade de conhecer o mundo por aí. – Diria olhando nos olhos do capitão, mostrando o meu sentimento mais puro e sincero, pois querendo ou não sempre quis viajar o mundo por aí. “Pergunta para ele onde vai ser a próxima matança.” O diabo atrasava minha mente, mas de fato era bom saber para onde estávamos indo, caso tenha um destino. – Tenha sempre minha espada ao seu dispor, claro meus talentos de ferreiro. – Diria ao mesmo, enquanto ouviria sua resposta e na sequência, completaria com uma pergunta simples. – Já temos um destino, ou um nome de um lugar? - – Após ouvir o nome do local, em partes achava um pouco engraçado, mas esperava para ver o que o destino tinha para mim em Tuntz Tuntz Island. “Derramar sangue lá!!!”

Voltaria para ver como estava a espada, após deixa-la um tempo. “Bom!!! A lâmina parece estar pronta agora começar os detalhes finais.” Então pegaria meu martelo para arrumar o cabo da espada, começaria a bater com cuidado, meus movimentos seriam bem cuidadosos e focando em pequenos detalhes. Não queria bater com muita força par não quebrar e olhava o ângulo para o martelo acertar com cuidado, colocaria um raro sorriso no rosto enquanto olhava o desenvolvimento do meu trabalho. Usaria a bigorna para colocar a espada em cima enquanto dava os toques finais, então enquanto iria usando o martelo com muita calma iria virando a espada, bem devagar. “Creio que assim ela ficará boa.” Então voltaria com a espada ao forno, usaria luva e com cuidado. Ficaria olhando atentamente até começar a ficar bem alaranjada, na sequência retiraria a mesma e voltaria para a bigorna para ajustar o cabo da espada.

Limparia um pouco meu suor pois martela aquela espada, além do calor, por retirar a espada do forno. Deixaria a parte a qual eu iria trabalhar em cima da bigorna, usaria a luva para ir virando a espada enquanto eu iria martelando com cuidado. Objetivo era deixar um cabo firme com um tamanho bom para que eu pudesse segurar com firmeza, tendo isso em mente me basearia pela minha mão. Logo na sequência voltaria ao trabalho com muito cuidado bateria com mais força em partes onde eu gostaria que fosse ajustada para meu dedo, deixando uma espécie de onda entre um dedo e outro. “Isso será incrível!!! Essa espada está ficando perfeita, próximo passo e detalhes pessoais.” Após muito trabalho eu colocaria novamente a espada para esfriar e aguardar para dar os detalhes finais e pessoais. Limparia o suor, com minha a mão direita enquanto olharia para a mesma e então falaria calmamente. “- É você vai matar muita gente.”


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Punk em Ter 04 Set 2018, 03:56, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ryoma
Super Nova
Super Nova
Ryoma

Créditos : 81
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 04/06/2011
Idade : 22
Localização : hell

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySab 11 Ago 2018, 14:29



언제쯤이면 이 시간이 무뎌질까

Helves fazia um belo trabalho na leitura e na alimentação dos companheiros de viagem. Todos tinham sua comida levada e poderiam se alimentar sem problemas, por conta disso ela se mostrava feliz enquanto permanecia do lado de fora com a sirena. Após toda a leitura, devolução dos livros e retorno até Aya, a celestial percebia que era hora de entrar para descansar em um local sem tanto vento. Por já ser noite a sirena aceitava, fazendo Helves a carregar até o quarto das mulheres, onde a deixava na banheira com água na temperatura desejada por Aya. – Sem problemas, boa noite. – Antes de sair do banheiro a celestial dava um breve beijo na testa de sua amiga, sorrindo enquanto caminhava para a porta de saída. "Ainda não tive oportunidade de conversar com a mulher de Kryn. Tivemos pouco contato e não sei se ela ficará confortável dormindo na mesma cama que eu." Elizabeth era um caso complicado. Até o atual momento ela só tinha ficado com seu namorado, fora a conversa com Asken um tempo atrás. Mesmo que fossem mulheres, o contato com de um casal não poderia ser facilmente interrompido e por conta disso a médica só conseguia ficar com a sirena. "Não tem muito o que fazer..." Infelizmente a garota só poderia deixar a cama para a companheira, pois não conseguiria dormir com alguém que se sente desconfortável. Helves não obrigaria ninguém a isso, tendo assim que dormir isolada e talvez em algum momento futuro perguntar a opinião de Elizabeth sobre o assunto.

A maleta serviria para descansar a cabeça, com isto a jovem deitava-se no chão bem ao lado da porta do banheiro. "Se algo acontecer eu estarei bem perto dela." Ataques durante viagens podem não ser tão comuns, mas acontecem e na Grand Line a celestial não duvidava de nada. "Asken não falou quanto tempo a viagem vai demorar, espero que não seja algo tão longo... Estou um pouco entediada após ler tanto, quero comprar roupas e aproveitar a primeira ilha que estamos indo." Obviamente o objetivo principal do grupo era seguir as ordens de Asken, que provavelmente resultariam em algum roubo ou ataque às pessoas com riquezas evidentes. Roubar não era ruim, o maior problema dos roubos para Helves eram as consequências dele. Mortes de inocentes, ferimentos e o trabalho de fugir. Esses fatores incomodavam, talvez até impedissem a garota de apoiar mais uma vez algo do tipo. "Eu tenho que lutar, mas precisa ser algo que não leve à morte de alguém." Por ser alguém tão bom ela nunca conseguiria pensar em matar alguém. Pessoas mortas sem necessidade não era atrativo, não encaixava em sua cabeça. Helves não era uma pirata e talvez nunca fosse seguindo seus ideais ela deveria estar caçando criminosos como Asken e Kryn.

Helves já estava pensando muito e o sono a atingia. "É melhor eu deixar isso de lado." Viver com eles era muito bom e isso não a impediria de ser feliz, mesmo tendo de realizar ações horríveis aos olhos da justiça. A tranquilidade finalmente atingia a mente da celestial, levando-a para o descanso após tanto aprendizado nas leituras daqueles livros de Oz. Dormir era a melhor forma de esquecer-se dos problemas, principalmente quando ela não conseguia parar de pensar nisso. Por muito tempo Helves permaneceria dormindo, acordando apenas com algum barulho feito no quarto. Talvez fosse Aya, ou apenas Asken a acordando de alguma forma. Quem sabe Elizabeth estivesse ali e o barulho de seus movimentos acordasse a celestial. A forma como isso aconteceria não importava, pois assim que ela abrisse os olhos obviamente se esticaria um pouco já esfregando os olhos. – Já é de manhã? – Perguntaria para quem estivesse ali ou apenas diria sem esperar uma resposta, observando os arredores para encontrar qualquer coisa estranha no quarto. Calmamente a garota caminharia até o banheiro onde checaria se Aya estava bem, observando ela dormindo ou acordada, sorriria e seguiria para lavar seu rosto e escovar os dentes rapidamente. Helves finalmente ajeitaria as vestes, penteando direito seu cabelo e por fim poderia acordar ou apenas carregar Aya para fora, acordando-a ao afagar a cabeça da sirena. – Vamos! – Era o que a garota diria ao sair do quarto com sua companheira e a maleta em mãos, indo ao convés para encontrar o restante do grupo e identificar a situação atual da viagem.

Objetivos:
 
Histórico:
 
Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Kiodo
Honorário
Honorário
ADM.Kiodo

Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 16/12/2010
Idade : 26
Localização : Crtl + F - Depois digita ADM.Kiodo

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySab 11 Ago 2018, 21:06

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] Post: 07 - Fala ’Pensamento’
Under an Ancient Dragon!

A conversa aconteceu de forma agradável com a Eliza, em seguida a mulher foi de encontro ao seu companheiro que estava trabalhando naquela arma branca. Naquele instante Asken dava um bocejo enquanto se concentrava em pilotar o navio. - Ahh… Era uma mania estranha de pilotar a embarcação e só parar no momento que atingir seu destino, algo que era desgastante até para um deus. ’Vou tirar aquele sono, quando chegar.’ Sendo que não demorava muito até o jovem Kryn aparecer diante aquela singela e serena noite.- Sim, eu te chamei. Asken respondia a primeira pergunta de forma neutra e descompromissada. - Vi que estava concentrado, não queria atrapalhar anteriormente. Bem, não tive uma oportunidade de conversar direito contigo. Sou grato pela ajuda que me deu ao salvar a minha pequena sirena… O negro dava uma pausa para respirar e em seguida continuava a sua falácia. - Bom, já avisei para a sua esposa… Não sou o tipo de pessoa muito protetora, sou mais egoísta. Então sendo sincero, não esperem que eu venha a salvá-los em algum momento. Seu tom era firme, sincero e acima de tudo manteve um respeito ao falar sobre sua própria personalidade. - Espero que possamos conviver e continuar a nossa aventura, pois é um prazer conhecê-los. Apesar de ser um deus, demonstrava ser direto e sincero é como aquele homem é seu aliado, não pretendia esconder nenhum tipo de pensamento para seu companheiro.

Kryn demonstrava sua condolências e demonstrava estar agradecido pelas palavras sincera do deus. - Iremos para Tuntz Tuntz Island, este é o nosso destino. Com uma voz obstinada e um olhar perseverante o negro respondia, observando o horizonte e imaginando seu destino. - Enfim, era só isto. Obrigado por me ouvir, se precisar de algo pode me chamar. Deixarei o senhor descansar com sua esposa. Uma despedida mais neutra e amigável, Asken demonstrava estar confortável e tentava fazer com que os tripulantes de seu navio se mantivesse em um ambiente conveniente e acolhedor. O negro se manteria focado até o final de sua viagem, usando manobras caso venha ser necessário para não perder o controle da embarcação e no momento em que o navio chegar em seu destino, Asken caminhava até o seu quarto sendo que antes passava para procurar Helves. Caso Helves estiver dormindo, o espadachim buscava um papel para escrever um bilhete ’Assume para mim, meu anjo. Estou descansando um pouco… Depois acordo.’, Caso a celestial estiver acordada, com um tom cansado e mais sonolento. - Cuida das coisas para mim, Helves. Vou descansar um pouco. Disse a sua irmã, esperando que a mulher venha a atender seu pedido.




Objetivos:
 

Histórico:
 

Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar
registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Achiles
Sargento
Sargento
Achiles

Créditos : 47
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 01/09/2017
Localização : The Wonderful Land - 1º Rota

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptySeg 13 Ago 2018, 23:12



Cap.3 - You Will Learn To Show Respect



Elizabeth ficava na cozinha enquanto que seu homem saia pela porta em direção a Asken, ambos se cumprimentavam e começavam a conversar entre si, trocando palavras de gratidão entre eles e com o deus sendo bem sincero e dizendo quase a mesma coisa que havia dito a nobre garota. Após ser perguntado para qual direção e qual ilha estavam indo, Kanogan respondia que era para Tuntz Tuntz Island e ambos se despediam após a resposta, embora Kryn ficasse por ali e o negro pilotando a embarcação.

Enquanto isso, Helves dava boa noite para a sua companheira, seus pensamentos se resumiam em como Elizabeth se sentiria em ter que dividir a cama se ela viesse dormir, se ela não se sentiria incomodada de compartilhar a cama ou apenas aceitaria tranquilamente, como não havia muito o que fazer diante disso, ela deixava o seu sono vir, mas não sem antes deixar a sua maleta por perto para estar preparada para qualquer coisa e não demorava até que dormia em tranquilidade.

A embarcação estava chegando em seu ponto final, a chegada, já era possível escutar o som de melodias soando em uma distância enorme, mas ninguém parecia perceber tal melodia, também era possível ver apenas o ponto de distância se transformando em um borrão maior, mas ninguém conseguia reconhecê-la de tão longe ou havia percebido a música até então. Elizabeth era a primeira a perceber ao sair da cozinha para olhar para o horizonte, visto que Nerellin estava demorando a voltar. - Vocês estão escutando isso? – Ela dizia com um sorriso no rosto e Octavio era o segundo a perceber a música após ela ter dito, concentrando os seus ouvidos, ele ia até o timão onde Asken estava apenas o bagaço, quase dormindo abraçado ao timão devido ao cansaço que tinha de navegar, ficando de pé e apenas lendo o livro, tendo que controlar a embarcação a cada momento. - Preste um pouco de atenção no som, não é aleatório e sim uma música. Estamos chegamos em Tuntz Tuntz. – Kanogan que agora dava uma acordada, percebia o som seguido de Kryn que estava ao lado, conforme iam se aproximando da ilha, o som ia ficando cada vez mais alto e dando mais facilidade a distingui-lo, suas batidas, seu tempo e a suavidade que o som ia se expandindo.

Pedras davam uma visão diferente da aproximação da ilha, eram de tamanhos enormes e começavam a dar um trabalho para o navegador, era necessário contorná-las para não batê-las como outros haviam feito, deixando destroços de seus barcos nela ou mergulhando sobre a água. Havia um grande foco no centro da ilha, era possível ver luzes brilhando até o céu, como se fosse holofotes presenciando um grande show e era o que dava a maior iluminação naquela ilha, como era noite, não era possível distinguir tanto da ilha, mas era possível ver que algumas das árvores que cercavam a ilha por todo o redor, tinham uma coloração alaranjada, não haviam uma quantidade massiva de folhas nelas, se assemelhando ao clima de outono. O que era possível distinguir, é que haviam clareira sem meio a floresta e o que parecia ser caminhos, trilhas, por assim dizer.

O som parecia vir mais ao centro da ilha e não haviam barcos por perto, talvez, se contornassem, achariam outros e o porto, mas eles estavam em alguma parte da ilha da qual a presença de barcos era nula, apenas seus destroços. Eles estavam bem perto da ilha, Elizabeth e Octavio cuidavam das necessidades de parar o barco, subindo as velas e seus ângulos e jogando a âncora para o barco parar enquanto que Asken manobrava-o para ficar virado a lateral da ilha. Estavam parados em uma distância de aproximadamente vinte metros da ilha, sendo necessário apenas um simples mergulho até a ilha. Elizabeth era a mais feliz ao ver a ilha, ela estava toda empolgada e saltitantes olhando para aquilo e imaginando cada coisa que descobririam, mas a garota se sentia cansada e o tédio de antes havia deixado a Eliza mais exausta psicologicamente, ao se aproximar de Kryn, ela sorria. - Você não está empolgado e ansioso?! O que será que guarda nessa ilha?! Essa música está me deixando bem animada! Aaah! – Ela via que Asken estava cansado e ia até o quarto de Helves, que estava dormindo e deixando um bilhete para a mesma, para que assim que acordasse, tomasse as rédeas da embarcação. Vendo que o homem ia até o seu quarto para descansar, a garota percebia o quão cansada estava. - Parece que todos dormirão. Vamos descansar também e ter nossas energias recuperadas para uma boa aventura amanhã! – A garota dava um beijo no garoto e antes de descer até o quarto de Helves, ela falava com Kryn. - Dormirei com a Helves esta noite, não há uma cama para nós dois. – Ela abraçava o espadachim antes de se deitar. Por mais que ambos tivessem uma relação, naquele momento, ela sabia que não teriam espaço para os dois deitarem juntos.

A nobre não se incomodava ao compartilhar a cama com a celestial, por mais que fosse um membro da realeza, ela não se importava com isso, deitando-se ao lado da mesma e com a exaustão pesando sobre a mesma, tendo o seu sono vindo bem rápido, ignorando a sua ansiosidade. Octavio também estava cansado, mas sentia um dever de vigiar a embarcação, subindo até a proa para olhar todo ao redor, tendo seus olhos atentos para que não deixasse algum detalhe ou pessoa se aproximasse sem que a sua presença fosse notada. Era o único momento da viagem que o mesmo não estava segurando um livro e ficava mais inquieto, movendo-se pela proa em círculos. De todos os membros da tripulação, apenas Kryn e Oz ainda estavam de pé, o próximo dia seria longo e todos precisariam reservar as suas energias, mas talvez Nerellin quereria terminar a sua espada antes de dormir e partir com seus companheiros na sua aventura pela ilha.


Considerações:
 

Legenda:
 


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Ficha na Sign

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ryoma
Super Nova
Super Nova
Ryoma

Créditos : 81
Warn : Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 04/06/2011
Idade : 22
Localização : hell

Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 EmptyTer 14 Ago 2018, 17:23



이제 와 뭘 어떡해

Após uma boa e longa noite de sono Helves finalmente acordava, sentindo-se bem disposta à caminhar pela ilha por ter seu corpo descansado. "Não sinto mais nenhum movimento do barco, parece que chegamos." Os olhos se abriam e a jovem os esfregava para limpar a visão embaçada da escuridão, olhando para ambos os lados onde encontrava Elizabeth deitada na mesma cama. "Oh, por essa eu não esperava." A nobre não tinha muito contato com a celestial, talvez por isso ela não estivesse acreditando que a mulher de Kryn estava dormindo ao seu lado. A segunda surpresa foi uma mensagem escrita ao seu lado, um pedaço de papel que tinha a letra de Asken. "Assumir, bem... Asken deve ter ido dormir, navegar durante tanto tempo sem descanso é um pouco forçado. Ainda bem que ele está conosco, sem ele isso seria impossível." Lentamente a garota sentava-se na cama enquanto observava Elizabeth, ela não tinha noção do tempo que a humana estava dormindo ao seu lado, mas entendia e respeitava que o descanso é algo que ninguém deve atrapalhar. "Sem problemas, cuidarei da tripulação enquanto todos dormem e posso aproveitar para dar uma olhada na ilha." Conhecer o local onde estavam era bom antes do deus acordar, pois assim Helves teria uma base do que eles poderiam fazer na ilha e teria algo para informar ao negro.

Com bastante cuidado Helves passaria a mão direita sobre a cabeça da humana, cobrindo ela um pouco melhor com o cobertor ou lençol que estivesse por perto. – Durma bem. – Sussurrava sorrindo enquanto movimentava-se para fora da cama, arrumando as vestes e que poderiam estar amassadas para poder caminhar ao banheiro onde cuidaria de escovar os dentes e lavar o rosto, terminando com um pente que ajeitaria o cabelo. "Parece bom." Nesse momento a celestial observaria Aya, esperando que ela estivesse dormindo para que assim não precisasse levar ela para fora naquele momento, mas se a sirena já estivesse acordada só restaria esta missão para a médica. – Bom dia. – Diria com um sorriso, aproximando-se mais da sirena. – Quer ir lá fora? – Ela perguntou e dependendo da resposta já começaria a tarefa de carregar a sirena junto da maleta até o exterior, onde deixaria a mesma descansando perto da amurada. Sem dizer nada Helves apenas caminharia até um ponto onde todos aqueles que estivessem acordados poderiam escutar. – Olá! Asken foi dormir e me deixou com a responsabilidade de cuidar da tripulação. – Fazia uma breve pausa para ver se todos tinham a atenção voltada para si mesma. – Como eu não conheço essa ilha tenho a intenção de dar uma volta por aí, conhecer um pouco mais desse lugar e ver o que há de interessante para explorarmos. Como algumas pessoas ainda estão dormindo, peço que ao menos um de vocês permaneça acordado e cuide do barco na minha ausência. – A pessoa à fazer isso provavelmente seria Kryn, que era a pessoa de maior confiança e força fora Asken. – Agora se estiverem querendo sair pela ilha, não vou impedir vocês. Apenas procurem informações, jornais e voltem com tudo àquilo que for útil. Eu posso permanecer aqui se necessário. – Dito isto ela esperaria qualquer palavra dos tripulantes, aguardando uma resposta sobre quem iria à ilha ou se seria apenas ela mesmo.

Ficando na embarcação, Helves apenas cuidaria de observar movimentações estranhas pelo local onde estavam. Agora se ela fosse até a ilha, só poderia caminhar tranquila com sua maleta enquanto olhava tudo e todos que encontrava pelo caminho. "Montar um mapa na minha cabeça." Durante todo o trajeto ela gravaria as ruas por onde passava e guardaria as informações para futuros planos. O objetivo fora conhecer a ilha era também encontrar um jornal, talvez cartazes de recompensas e informações sobre o bando deles. "Fizemos o bastante para chamar a atenção da marinha, imagino que algum de nós deve possuir recompensa e isso é importante no momento." Com alguma informação do tipo em mãos a garota procuraria também lojas interessantes, talvez de roupas ou joias que ela poderia comprar. Além disso, também existia a intenção de achar locais interessantes para se roubar tudo àquilo que parece possuir muito dinheiro e Asken provavelmente teria interesse. "Será que existe um mapa dessa ilha?" Durante a caminhada Helves daria uma parada em locais que pudessem vender o mapa da ilha, seja em um biblioteca ou qualquer outro ponto chamativo do tipo. – Olá, estou procurando um mapa da ilha, o senhor/senhora teria algum para vender? – O preço não importava muito, pois com a quantia que possuía ela conseguiria pagar pelo mapa sem problemas. Pagando ou apenas recebendo a informação de onde poderia ter, a celestial seguiria até o local fazendo o mesmo pedido e por fim agradecendo. – Obrigada. – Sorrindo sempre que estivesse falando com os habitantes daquele local.

Objetivos:
 
Histórico:
 
Informações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!    Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!  - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap. 3 - You Will Learn to Show Respect!
Voltar ao Topo 
Página 3 de 10Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Grand Line - Paradise (Paradaisu) :: Farol-
Ir para: