One Piece RPG
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» I - Conhecendo o mundo
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Kekzy Hoje à(s) 18:34

» [FP] Kozuki Orochi
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:34

» Kozuki Orochi
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:34

» (Mini) Gyatho
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:30

» [Mini-Theodore]
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Shroud Hoje à(s) 16:26

» Sette Bello
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Pippos Hoje à(s) 14:38

» I - Pseudopredadores
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Megalinho Hoje à(s) 13:39

» Teleton Chronicles I: Retaliação
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Midnight Hoje à(s) 13:16

» Drake
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor CrowKuro Hoje à(s) 13:15

» Unbreakable
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Ainz Hoje à(s) 12:20

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 12:05

» Shaanti Mochan
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor GM.Furry Hoje à(s) 08:21

» Alipheese Fateburn
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 07:59

» Evento Natalino - Amigo Secreto
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor ADM.Tonikbelo Hoje à(s) 05:17

» Nox I - Loucura
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Jin Hoje à(s) 03:32

» Kime's here
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Kimerado Hoje à(s) 01:35

» あんみつ - Anmitsu
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Skÿller Ontem à(s) 21:27

» [ficha] Hinata Bijin
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 20:02

» Hinata Bijin
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 20:01

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Emptypor Achiles Ontem à(s) 18:41



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
AutorMensagem
Pierce
Revolucionário
Revolucionário


Data de inscrição : 25/07/2017

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyTer 14 Ago 2018, 18:13


Fúria tem gosto de sangue

Revolução é uma arte, estraçalhar agentes faz parte.






Me jogava de costas contra o chão e junto a sensação excruciante da lâmina que quebrava em minha carne me fazendo cerrar os dentes perante a dor infinda dos cacos que se espalhavam, também vinha a doce sensação de esmagar o corpo de meu oponente sob meu peso.

No entanto mesmo a lâmina estilhaçada em minha carne não me fazia parar de querer partir pra violência, meu inimigo rastejando era tentação demais para parar de lutar para questionar a pontada aguda em minhas costas que agora nada mais era do que uma sensação inflamada pela chama da fúria como combustível para mover minha carcaça castigada pela luta.

Era como estar em chamas, as dores vinham em rajadas junto a dificuldade de respirar, as lufadas de ar que tragava desciam quentes pela minha garganta logo antes de voltarem a subir e sair pela minha boca contra o couro duro da máscara que aprisionava ali o calor a aquecer meu rosto em oposição a fria chuva que escorria pelo meu corpo e entre minha armadura.

Meu sangue corria calcinante veias, a sensação era como se ele fosse corroer até mesmo aço caso fosse trazido à tona e jogado contra algo, no entanto ele escorria morno pelas minhas feridas enquanto se misturava água da chuva.

Era como estar em câmera lenta, podia ver meu oponente rastejar como o verme que ele é em busca de uma fuga com suas pernas feridas.

TUUUUM……………………………………………...TUUUUM

A batida do meu coração era ouvida lentamente enquanto bombeava o sangue repleto de adrenalina pelo meu corpo, a sensação de lerdeza e a força das batidas me trazia a sensação de que o sangue passava feito blocos de cimento pelas artérias.

TUUUM……………………………………...TUUUM
Podia ouvir meu coração um pouco mais rápido, mas ainda parecia estar abalado pelo fratura da espada em minha carne, estava lento, a minha carcaça vergonhosa estava novamente reclamando do excesso de trabalho.

TUUM………………………………..TUUM

Os blocos de sangue chegavam a minhas extremidades com o novo som mais rápido de batidas, novos blocos de sangue eram enviados com a sensação de como se estivessem dilacerando minhas artérias… Via meu oponente rastejar para mais longe… Ele vai fugir…

TUM……….TUM

Era se meu corpo fosse uma prisão para minha fúria, podia sentir como se tivesse um outro eu dentro de minha carcaça se contorcendo e urrando em busca de levar meu corpo mais rapidamente a ficar em pé e chegar no fugitivo. As veias em meus olhos saltavam irrigadas pelo rubro licor fervente bombeado em meu corpo alimentando o fogo crescente, aquela vontade assassina sem fim era muito mais forte que minha própria carcaça, me sentia me movendo dentro de uma gosma viscosa, porém numa temperatura super elevada e ao invés da sensação gosmenta e confortável, era agraciado apenas com dor e tormento… Queria apenas destroçar aquele oponente, mas a fração de segundo até a chegada de tal saboroso momento era vagarosa e parecia interminável.

Após o que parecia uma eternidade minha mão alcançava o corpo de meu inimigo, a sensação explodia pelos meus nervos como eletricidade provinda de um raio, era como se toda a lentidão sumisse, havia pego meu objeto de maior foco em fúria em mãos e Clark era puxado no ar como um boneco de pano velho sendo levado por uma criança, mas diferentemente de um boneco de pano, quando forçado, seu corpo rangia e estalava, não dava para ver minha boca através da máscara, mas um sorriso demoniáco aparecia em minha face, o dragão em mim queria ver aquele homem em pedaços e era de minha crença que nada me impediria aquela altura, estar mais enganado seria difícil…

KABOOOOMMM… [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Uma explosão seca irrompia de minhas mãos, atingindo a mim e a Clark, libertando-o de meu agarrão e ferindo seriamente minha mão direita, apesar disso ainda era um dano bem menor do que eu considerava que deveria ser usado contra o dragão que havia libertado em meu corpo.

Meus dentes cerravam novamente com a explosão, dois agentes manipulavam cada canhão ao meu redor, no entanto meu maior motivo para ódio nem era a ferida, ela apenas instigava mais raiva na verdadeira causa e esta era ter minha presa retirada de minhas mãos após ser tão difícil pegá-la.

Levaria minha mão esquerda a minha alabarda agarrando-a a pelo meio para compensar o fato de estar segurando ela com apenas uma mão, em seguida daria um passo para a esquerda e urrando de raiva tentaria golpear o canhão deste lado enfiando o gancho da alabarda por baixo dele para se travar em rodas ou suportes do canhão e “agarrá-lo”. Então viraria de costas segurando a extremidade oposta da alabarda com a mão esquerda e usando o ombro direito como apoio, para então apoiando o antebraço direito e usando a força das costas, fazer uma “alavanca” , para erguer o canhão e em uma continuação do arco feito e fazendo mais dois passos pra frente jogar um canhão sobre o outro.

Após isso jogaria minha grande alabarda girando na horizontal para tentar derrubar Clark e seus carregadores e após isso correr mesmo que todo torto pelos ferimentos e me jogar contra Clark tentando agarrá-lo para mais uma sessão de porrada, faria isso mesmo que no fim ambos viessem a cair na água.

Uma vez próximo a Clark novamente, tentaria golpá-lo em uma fúria cega e assassina, com socos, chutes, cabeçadas e até mesmo usando as partes feridas de meu corpo para golpear, meu bem estar não era nada ali, queria a confiança daquele homem apagada da face da terra.





Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP(44) [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP(26)
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Fúria(100%)


Voltar ao Topo Ir em baixo
ZnorLAX
Narrador
Narrador
ZnorLAX

Créditos : 4
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 20
Localização : Farol - Grand Line

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyQua 15 Ago 2018, 12:31

A Queda do Colosso

Sedento por sangue e destruição, o colosso não se mostrou satisfeito em parar por ali. Ao ver o ferimento e em como seu oponente saía salvo, se assim podemos dizer, daquele momento, Pierce então voltou a agir. Deixando de lado sua mão ferida, a direita, e usando a canhota para agarrar seu armamento, o gigante desferiu um potente golpe em um dos canhões, o que fez o mesmo explodir por já estar pronto para disparo. O impacto jogou os dois manipuladores da arma de fogo para longe, os desacordando, porém, devido a isso sua arma estava fragilizada o bastante para quando menos esperar, quebrar-se. Com o canhão preso na ponta de sua arma, o gigante tentou arremessá-lo em direção ao outro, porém, sua arma quebrou a ponta durante o movimento, despencando o canhão antes do alvo. Mesmo não acertando, o susto causado aos outros agentes fez com que eles errassem o disparo, acertando apenas o ombro do gigante, obrigando-o a largar a arma e dando mais tempo para a fuga de Clark. Os agentes chegavam a uma pequena embarcação que havia ali no porto, uma escuna simples. O oficial era colocado lá, para ser evacuado, enquanto os demais agentes voltavam para dar o sinal de evacuação. No porto havia apenas meia dúzia de agentes, que rapidamente fugiam após causar um certo dano nos revolucionários ali, mas amargando a derrota.

O gigante via tudo acontecendo, porém, como a água atacando um peixe, a velocidade com que o som se tornava ecoado era rasante. Tudo ali tremulava e, lentamente a força do dragão ia se esvaindo até o mesmo padecer sobre o piso do porto, causando um estrondo poderoso, pausando a então batalha. Ele desmaiava. Ao acordar, Pierce não saberia onde estava e tudo estava escuro, porém, como se estivesse a metros de distância, uma voz feminina falava consigo.

Vejo que acordou, grandão! Como se sente?

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierce
Revolucionário
Revolucionário
Pierce

Créditos : Zero
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Data de inscrição : 25/07/2017

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyQua 15 Ago 2018, 19:54


Fúria tem gosto de sangue

Revolução é uma arte, estraçalhar agentes faz parte.






Ainda tomado pela fúria passei a ter os canhões como alvo de minha incessante ofensiva, o primeiro estava carregado com uma munição explosiva quando o acertei e o golpe detonou a carga danificando seus manipuladores e minha arma. Tentei usar um canhão contra o outro, mas minha arma quebrava no meio do golpe e no fim isso gerava apenas uma distração e não a destruição do meu alvo.

Com uma explosão o projétil encontrava meu corpo, dor se espalhava por dentro de meu corpo e fumaça por fora, a dor me deixava mais furioso, mas diferente de até agora a fúria não era mais o suficiente para manter meu corpo se movendo, meus músculos afrouxavam largando a haste metálica que sobrara de minha arma, esta caia no chão reverberando em um som seco. Minha visão estava turva, tanto pela fumaça quanto pelos danos sofridos… Estava definhando… Podia estar morrendo ali, mas a principal coisa em minha mente era Clark em sua fuga. Minha fúria parecia querer sair de mim e ir pra cima ainda, era como um dono segurando seu cachorro pela coleira, mas eu não estava segurando, a entidade estava apenas presa a minha fraca carne, eu não era o dono segurando seu cachorro, estava mais para como se a coleira estivesse amarrada a algo, uma lata de lixo seria a comparação perfeita, era isso que eu era, ser incapaz de ir além na luta era uma vergonha e apenas mostrava a fraqueza de meu ser. Essa luta podia até vir a ser considerada uma vitória na história, mas para mim era uma derrota, uma derrota total, uma vergonha em meu histórico de brigas sem tamanho, podia sentir a ligação entre mim e o dragão se romper, lentamente a dor me queimava, mas não como combustível para fúria, mas sim como um agouro de morte, dor pura e agonizante, não estava mais bêbado de fúria dracônica, estava sentindo como era e era um inferno.

Minha visão estava cada vez mais turva e então eu despencava num abismo negro, era assim que era a derrota? Era assim que era a morte? Seria eu tão fraco assim? Vergonhoso

)))Vergonhoso(((

Uma voz estrondava em meus ouvidos, ela estava sendo falada calmamente, mas soava como trovões em meus ouvidos.

)))Você acha que assim nos agrada? Você não é nada mais do que uma lagartixa como os outros… Não deveriam nem aceitar serem chamados de Drakens… Não é assim que um verdadeiro Draken tem que ser… Deixe-me lhe mostrar como um verdadeiro Draken é…(((


Eu podia ver agora o dono da voz, um dragão maior que montanhas falava comigo enquanto eu caía, suas escamas eram negras como a noite e seus olhos vermelhos como sangue vivo, enquanto estava vislumbrado pela visão aterrissei em água, era uma rasa poça sem fim de baixa iluminação, quando me dei conta não via mais o dragão, apenas meu reflexo na água, minha face jovem e longos cabelos ressaltando na imagem.

)))Por começar pelo corpo… Muito homem… Pouca violência...(((


Minha imagem na água pegava fogo, por um momento achava que era eu, mas só a imagem estava em chamas, os cabelos eram incinerados, cicatrizes apareciam por todo o corpo, o rosto se distorcia numa face de fúria e os olhos se brilhavam em escarlate.

)))Agora sem o corpo de um homem… É necessário as escamas de um dragão…(((

Uma enorme armadura como nunca vi antes se formava ao redor de minha imagem, era uma armadura que parecia ser de extrema qualidade, nunca vi nada assim antes, um enorme escudo brotava na mão esquerda do que um dia foi minha imagem espelhada, era enorme e tinha um de imponência a imagem já parecia ficar maior que eu e crescia pela água, assim como a visão do dragão, a aparência deste guerreiro me vislumbrava e trazia algum medo.

))) As presas de um dragão(((


Uma enorme e afiada lança de dupla lâmina surgiu na mão do guerreiro que a girou de forma ameaçadora.

)))O poder de um dragão(((

Uma estranha fruta distorcida parecia se fundir a imagem e a mesma começava a sair da água, a minha frente o que antes era meu reflexo se colocava de pé, maior e mais imponente que eu em uma escala inimaginável.

)))Este é um Draken criança… Você acha que seguindo os passos de seus ancestrais você chegará perto disso? Não passará de um humano… Se torne o primeiro verdadeiro Draken, escolhemos você para ser guiado nesse caminho… Não nos decepcione(((

O mundo ao meu redor se quebrava e eu caía novamente, dessa vez parava em um local escuro o qual não sabia aonde era, mas após algum tempo ouvia a voz de uma mulher falando comigo.

Em minha mente a fala do dragão ainda ressoava, sabia muito bem o que ele queria dizer, meus antepassados focaram sua força em combater o governo em uma busca de vingança, quando na realidade um dragão é poderoso apenas por ser e não por algo, minha vingança contra o governo não deveria ser prioridade, mas sim viria como consequência de conseguir todo o poder de um Draken.

Tentaria me levantar e ver aonde estava e com quem falava, apalparia minha cabeça em busca de meu cabelo, a primeira coisa que sumiu de minha imagem para virar o Draken de minha revelação foi o cabelo, esse era o primeiro passo para mostrar minha determinação.

Buscaria alguma lâmina próxima e caso não achasse nenhuma pediria a mulher em tom decisivo e sereno enquanto olhava fixamente a minha mão direita:

-Preciso raspar minha cabeça, será que você poderia me entregar algo que me permita…


Assim que eu tivesse a cabeça raspada ou caso isso fosse impossível de ser feito agora, olharia para a mulher e diria em tom seco e cansado enquanto vasculhava meu corpo em busca das feridas da batalha:

-Quem é você? O que ocorreu?

Enquanto ouvia, buscaria olhar bem ao meu redor, ver se minha armadura e escudo haviam sido salvos, pois lembrava bem do fim de minha alabarda.


Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP(44) [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP(26)
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Fúria(0%)

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ZnorLAX
Narrador
Narrador
ZnorLAX

Créditos : 4
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 20
Localização : Farol - Grand Line

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyQui 16 Ago 2018, 12:36

Escuridão Momentânea?

Despertando de horas desacordado, o gigante não fazia a mínima ideia de onde estava, porém, o som de gaivotas voando ao longe poderia evidenciar algo para ele. Ainda na profunda escuridão, o gigante tentou se levantar. Apalpando seus cabelos, o mesmo tentou encontrar alguma lâmina, porém, aquela profunda escuridão impedia-o de avistar qualquer coisa que tentasse.

Preciso raspar minha cabeça, será que você poderia me entregar algo que me permita…

Sinto muito, mas não tenho nada que possa ser manuseado por você aqui.


Quem é você? O que ocorreu?

Tentando ver a mulher, armadura ou qualquer armamento, o rapaz percebia que o local onde estava era totalmente escuro, ao ponto de ele não conseguir ver o próprio corpo ou qualquer resquício de luz que fosse. A mulher notando isso, ao ver que ele falava com ela olhando para outra direção, logo notava um estado clínico que não havia percebido anteriormente.

Acredito que você não esteja me vendo, certo? Estou aqui, do seu lado.


Colocando a pequena mão no corpo do gigante, ela também percebeu que o mesmo não sentia seu toque, assim como não sentia o ferimento, já que ao forçar seu levantamento, ele havia quase arrancado os pontos feitos após tanto trabalho. Tentando prevenir quaisquer danos a mais no grande homem, ela suplicou para que o mesmo não se movesse.

Não se mexa tanto. Acredito que o veneno usado por um dos Agentes tenha prejudicado a sua visão e um pouco do seu tato. Você consegue ver algo ou sentir onde estou te tocando? Acredito que não. Meu nome é Marie, Marie Saint’Anne. Sou enfermeira do Exército Revolucionário. Estamos tentando identificar o que agiu em seu corpo, porém, acredito que você teve muita sorte devido a sua pele, você adentrou aqui sorrindo como um louco, porém, estranhamente você estava desacordado. Acho que… Não, não é possível que tenha sido isso. Fique aqui que chamarei o Luze! Não se mova!


Partindo, o gigante pôde ouvir as passadas apressadas da mulher partir. As passadas eram um tanto quanto pesadas. Pierce não conseguia sentir nada de seu corpo, quase que como um instinto, o mesmo havia se erguido, porém, não sabia de fato onde estava deitado, ele apenas não sentia nada, para não dizer sem nada, levemente, porém, nada que fosse perceptível para ele. Sua visão também estava comprometida. Por enquanto, o gigante estava cego e sem tato algum, seria provisório ou eterno? Essas divagações poderiam vir a tona, porém, as passadas novamente eram ouvidas se aproximando de onde estavam.

Ele já acordou? Entendo. Cego? Como foi isso?

É um estado que não previ, quando ele acordou é que consegui descobrir. Acho que foi pela Felicidade G. Talvez tenha esse efeito também!


Que merda! Maldito Governo! Vou falar com ele, não é culpa sua Marie.

Eu sei…


Pois bem. Pierce Moschny, que bom que acordou. Meu nome é Luze, trabalho com o Exercito Revolucionário e sou responsável por seu caso. Não se preocupe, estou aqui para lhe tirar qualquer dúvida.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierce
Revolucionário
Revolucionário
Pierce

Créditos : Zero
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Data de inscrição : 25/07/2017

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyQui 16 Ago 2018, 15:06


Fúria tem gosto de sangue

Revolução é uma arte, estraçalhar agentes faz parte.






Quando perguntada sobre a possibilidade de eu conseguir um corte de cabelo, a voz feminina dizia não ter nada que eu pudesse usar, isso já me deixava desconfortável com a situação, aquilo era algo necessário para dar continuidade com meus planos e apesar da minha situação atual de não saber onde estou, cortar o cabelo naquele momento era o que eu acreditava ter sido me ordenado pelos dragões e portanto era prioridade. Perguntei a ela o que ocorria, saber mais do que acontecia me ajudaria a prosseguir com seja qual fosse a minha intenção, então era melhor saber o porque de tudo estar tão escuro e eu não sentir meu corpo.

A mulher então começava uma longa fala com um tom de voz suplicante pedindo que eu ficasse parado e tentando me explicar o que ocorria ela disparava diversas palavras, muita informação era absorvida muito rápido e a mulher saia com passos pesados enquanto eu ainda tentava mastigar suas falas. Veneno? Marie? Luze?Bem os dois últimos pareciam nomes e o primeiro era algo que não duvidaria que os agentes usassem, veneno é uma arma poderosa em guerras e lutas, fora que é algo muito bom contra “grandões” como eu, afinal de contas, se não consegue matar, derrube.

Enfim após digerir a fala da voz feminina, percebia que aparentemente estava em alguma instalação médica dos revolucionários, a luta com o governo me gerou algum envenenamento que estava danificando meus sentidos da visão e tato, perder o tato até que é algo útil para mim, a falta do sentido de dor poderia ser útil a um guerreiro focado em ignorar ferimentos, já a cegueira era um estorvo total, mas nada que eu não pudesse treinar para voltar ao combate mesmo que o estrago fosse permanente.

A voz feminina se misturava a uma masculina na escuridão, pareciam conversar sobre sintomas que podiam ser do veneno usado, aparentemente médicos travavam suas próprias batalhas, apesar destas serem bem diferentes das para quais fui criado.

A voz masculina se apresentava e dizia que tiraria qualquer que fosse minha dúvida.

-Luze não? Pois bem…


Dúvidas? Um draken não possui isso, a imagem do meu transformado que me foi mostrado em minha epifania era vista no escuro de minha cegueira, não importava o que ocorresse, enquanto estivesse vivo continuaria em frente em busca do poder opressor de um dragão… As únicas coisas próximas de uma dúvida ali eram:

-Irmão… Meus equipamentos como estão, armadura, escudo, arma, máscara, algum dano? Já posso sair da cama e treinar?O que ocorreu enquanto fiquei desacordado?


No caso do homem perguntar se eu estava falando sério sobre alguma pergunta, apenas diária em tom sério arqueando uma sobrancelha:

-Eu pareço estar rindo, irmão?


No caso do homem perguntar em algum momento se ele podia fazer algo a mais, diria em tom sério, franzindo a testa:

-Mande que raspem minha cabeça e preparem minhas coisas, quero voltar a treinar assim que der.


Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP(44) [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP(62)
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Fúria(0%)



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ZnorLAX
Narrador
Narrador
ZnorLAX

Créditos : 4
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 20
Localização : Farol - Grand Line

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptySab 18 Ago 2018, 20:13


Acendam as Luzes

O gigante, após reagir ao que lhe havia ocorrido, logo disparava uma chuva de questionamentos, esses eram ouvidos por Luze, que após o encerramento das dúvidas, respondeu tranquilamente o que Pierce queria saber.

– Suas armas e adereços, bem, o escudo afundo no mar, infelizmente, e sua lança, ou alabarda, teve um sério dano em sua ponta. Infelizmente o ferreiro e carpinteiro da ilha não podem lhe ajudar nos reparos. A máscara está bem, no ando onde ficou, com alguns danos, mas inteira. O que aconteceu foi que o batalhão do Governo partiu em retirada, os saudáveis para isso e ficamos com alguns para interrogar e torturar. Conseguimos informações de onde eles estarão e o que estão tramando, e isso engloba você. Precisamos que você esteja inteiro. Não sei quando sua visão volta, mas peço que pegue leve e descanse.

– Providenciaremos a questão da sua raspagem de cabeça, por enquanto peço que espere aqui, logo sua visão voltará e é isso que esperamos acontecer! Logo estaremos de volta aqui e lhe traremos mais informações, ok?

Na mente de Pierce, ele estava perdido. Na mais profunda escuridão. Não havia nenhum resquício de luz, nada do tipo, totalmente a surpresa do que lhe esperaria. Ele poderia esperar ali, quase deitado totalmente, ou poderia tentar se erguer e sofrer consequências que provavelmente não englobaria apenas ele mesmo.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierce
Revolucionário
Revolucionário
Pierce

Créditos : Zero
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Data de inscrição : 25/07/2017

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyDom 19 Ago 2018, 04:01


Fúria tem gosto de sangue

Revolução é uma arte, estraçalhar agentes faz parte.





– Suas armas e adereços, bem, o escudo afundo no mar, infelizmente, e sua lança, ou alabarda, teve um sério dano em sua ponta. Infelizmente o ferreiro e carpinteiro da ilha não podem lhe ajudar nos reparos. A máscara está bem, no ando onde ficou, com alguns danos, mas inteira. O que aconteceu foi que o batalhão do Governo partiu em retirada, os saudáveis para isso e ficamos com alguns para interrogar e torturar. Conseguimos informações de onde eles estarão e o que estão tramando, e isso engloba você. Precisamos que você esteja inteiro. Não sei quando sua visão volta, mas peço que pegue leve e descanse.


Aquele homem realmente estava calmo, sei que os médicos precisam passar calma para os pacientes, mas eu havia acabado de passar por muita coisa, ele bem que podia ter sido mais sincero, eu aguento más notícias muito bem.

-Minha visão não é o mais importante, preciso de uma arma, não matarei ninguém olhando pra eles fixamente, mas girar uma lança no meio dos inimigos até matar alguém às cegas… Fora isso, se a revolução depende tanto do bem estar de um recruta ferido numa luta, então não precisam de mim, mas sim de um instrutor de luta. A revolução não é tão fraca assim, apesar que sei que você tem que falar isso pra me dar vontade para passar pelo tratamento e todo o mais… Mas corta essa, não me dou com situações que sou paparicado.

– Providenciaremos a questão da sua raspagem de cabeça, por enquanto peço que espere aqui, logo sua visão voltará e é isso que esperamos acontecer! Logo estaremos de volta aqui e lhe traremos mais informações, ok?

A mulher então falava também com aquele tom de médico chato, pode até ser pelo meu tratamento diferenciado durante toda uma vida de treino, mas ser tratado assim realmente me era desconfortável, ser tratado era estranho.

-Aproveita e me trás uma bebida, creio que algo é bom pra feridas não? Grahahaha… Ai posso beber enquanto ouço as boas novas… A propósito enfermeira… Você tem uma bela voz… Por acaso você não teria alguns metros a mais de altura né?

Diria em tom extrovertido, na realidade nem havia prestado muito atenção a voz da enfermeira ou tinha real interesse naquela investida virar algum encontro, pelo contrário, usei de piadas para mostrar que estou bem e cantei a enfermeira pra ver se assim ela cria alguma inimizade para parar com essa fala mansa para comigo.

Meu primeiro pensamento assim que fui deixado no escuro silencioso da solitude, foi de me levantar, no entanto o pensamento de que mais pessoas poderiam estar espalhadas ali para tratamento impediu minha ação, seria problemático cair sobre feridos de batalha aliados, seria melhor esperar, apesar que sem visão não tinha nem como saber se eu estava mesmo aonde diziam que eu estava.

Iria então movimentar meus braços e pernas suavemente para ver se ouvia o barulho de correntes, bateria a palma da mão esquerda naonde estava deitado em busca de ouvir o som do material e tentar saber o que era.

Não estando preso, creio que o melhor seria dormir mais um pouco para ver se o veneno acabava, bem, a medicina do “dorme que passa” sempre foi a que mais imperava em casa mesmo, então seria o que faria.

No caso de acordar iria querer algo pra beber, então pediria em voz alta buscando alguém que tivesse por ali:

-Oi… Alguém ai?? Gostaria de algo pra beber… Olá?

Se alguém respondesse apenas diria:

-Quero beber algo, só por aqui perto e me dizer onde está que eu pego.


Repetiria essa fala enquanto fossem gentis, mas caso a pessoa se mostrasse brava em sua fala ou me ordenasse a abrir a boca de forma mais severa, apenas faria uma cara de inquietação, mas faria o que foi mandado.



Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP(44) [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP(62)
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Fúria(0%)



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ZnorLAX
Narrador
Narrador
ZnorLAX

Créditos : 4
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 20
Localização : Farol - Grand Line

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyTer 21 Ago 2018, 11:27

Luze já ensaiava sua saída, mas ouvindo o que Pierce comentava ali, o rapaz retornava e explicava. Na mente do Revolucionário, a “Revolução” como o gigante se referiu não se resumia em sacrificar peças, não, eles não abandonariam seus irmãos de luta, pelo contrário, juntos, unidos, mostrariam para quem governava o mundo que a união de fato faria a força, mostraria que esse discurso sairia do papel e se tornaria realidade. Respirando fundo, o responsável pela averiguação do gigante não quis ser duro, porém, suas palavras eram as mais sinceras que podia proferir ali.

– Não estou falando isso para ser uma babá sua. Deixar você ir é perigoso tanto para você quanto para os civis dessa ilha. Estou realizando a melhor abordagem para todos os lados. Não seria muito bom ter um gigante cego caminhando pela ilha, não concorda? – comentou – Apenas descanse, logo você ficará melhor e terá uma missão a fazer com o Exército, esse é um motivo também do meu cuidado, você é a nossa arma secreta nada secreta!

Partindo, Luze deixava o gigante sob os cuidados da enfermeira. Pierce, por sua vez, galanteava a moça, que na verdade era uma mulher. A mesma envergonhada, ria e respondia que o gigante era muita água para seu reservatório, literalmente. O gigante então descansava como pedido por Luze. O tempo passou, as horas também, e ao despertar, a visão do gigante havia voltado parcialmente. O que era totalmente escuridão agora era apenas uma visão turva. A praia. O colosso podia ouvir o barulho do mar indo e vindo, a maré estava alta. Antes mesmo que o rapaz proferisse seus pedidos desejados, uma voz feminina falou consigo. Não era a mesma voz da enfermeira, não, era mais dura, mais fria, era outra pessoa que estava fora do seu ângulo de visão.

– Você realmente é grande, como não conseguiu vencer a batalha para nós? – questionou.

– Não o julgue, ele tem muito o que aprender. Na próxima vez ele saberá o que fazer – afirmou uma voz masculina rouca.

– Ele vai acordar quando, já se passaram horas e ele ainda está aí jogado. Precisamos dele no fim!

– Se acalme. Logo ele despertará!

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierce
Revolucionário
Revolucionário
Pierce

Créditos : Zero
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Data de inscrição : 25/07/2017

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptyTer 21 Ago 2018, 16:00


Fúria tem gosto de sangue

Revolução é uma arte, estraçalhar agentes faz parte.






Luze demonstrava seu pensamento, não que estivesse totalmente errado, mas na minha opinião era um pensamento muito bonito sobre a guerra, a guerra é sangrenta, feroz e pode ser resumida a uma competição de quem empilha mais corpos inimigos, sem sombra de dúvida é um jogo de troca de peões onde tem que se tirar o máximo de cada peça, sem depender exclusivamente de nenhuma. No entanto não tinha porque em tirar a visão utópica de um médico, a guerra vista do salão de feridos pode exigir deles um pensamento otimista diferentes dos que estão dispostos a morrer na linha de frente.

Ao cantar a enfermeira, ela não parecia passar a me tratar mal, pelo contrário, ela respondia de forma gentil e risonha, ela provavelmente devia estar acostumada a ser cantada por homens destroçados em batalha, realmente cada área exige uma força diferente, meio que me sinto interessado nela agora… Que pensamento bobo, eu sou um guerreiro, não um boi reprodutor para ficar em busca de fêmeas em cada curva do meu caminho.

Querendo clarear a mente, decidia por dormir, no entanto mal fechava os olhos, já sentia que acordava, algo clássico de pessoas cansadas que dormem menos do que deviam e o que me acordava era uma conversa que parecia estar próxima.

– Você realmente é grande, como não conseguiu vencer a batalha para nós?

– Não o julgue, ele tem muito o que aprender. Na próxima vez ele saberá o que fazer.

– Ele vai acordar quando, já se passaram horas e ele ainda está aí jogado. Precisamos dele no fim!

– Se acalme. Logo ele despertará!



Minha visão voltava em partes, por enquanto ainda estava meio turva, mas pelo menos não estava mais completamente cego, no entanto a conversa me incomodava, a voz feminina parecia querer dizer que eu não fiz o suficiente e que ainda por cima perdemos a luta, mesmo que tivéssemos sido dizimados e só eu sobrasse vivo, lembro que os agentes recuaram e quem foge da luta é verdadeiro perdedor dela, a mulher falava de forma arrogante sem ter a mínima razão perante meus conceitos.

-Uma guerra é vencida pela soma do que cada guerreiro faz, tenho tanta culpa e glória quanto qualquer outro combatente que lutou… Se você participou da luta porque você não gerou nossa vitória? E se você não estava, não importa o que estava fazendo, você não participou para falar mal dos que ficaram e lutaram em desvantagem. Não estou retirando minha vergonha de ter sido tão ferido, já me mantive pensando nisso um bom tempo na realidade e não me agrada em nada… Mas você não possui nenhum direito de falar merda aqui, se achou ruim cace os que nos atacaram, os vença sozinha e nos mostre o exemplo de um combatente poderoso… Porque até agora você só mostrou como é ser um covarde e falar mal de homens feridos e inconscientes pelas suas costas…

Diria enquanto tentaria me levantar bem vagarosamente, tomando cuidado com feridas que eu possa não estar vendo ou sentindo, ou seja, me levantaria com muita cautela, tentando não erguer a cabeça muito rápido para evitar cair por alguma vertigem, sempre me apoiando com a mão esquerda que supostamente era a menos ferida.

-Cadê minhas coisas? Estou pronto pra outra…


Diria meio ofegante e caso não reconhecesse os rostos a minha frente diria:

-E vocês quem são?






Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP(44) [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP(62)
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Fúria(0%)



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ZnorLAX
Narrador
Narrador
ZnorLAX

Créditos : 4
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 20
Localização : Farol - Grand Line

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptySex 24 Ago 2018, 12:22


– Uma guerra é vencida pela soma do que cada guerreiro faz, tenho tanta culpa e glória quanto qualquer outro combatente que lutou… Se você participou da luta porque você não gerou nossa vitória? E se você não estava, não importa o que estava fazendo, você não participou para falar mal dos que ficaram e lutaram em desvantagem. Não estou retirando minha vergonha de ter sido tão ferido, já me mantive pensando nisso um bom tempo na realidade e não me agrada em nada… Mas você não possui nenhum direito de falar merda aqui, se achou ruim cace os que nos atacaram, os vença sozinha e nos mostre o exemplo de um combatente poderoso… Porque até agora você só mostrou como é ser um covarde e falar mal de homens feridos e inconscientes pelas suas costas…

As palavras de Pierce eram ditas enquanto o gigante se erguia. Se recuperando mais rápido do que imaginava, ele agora podia ver para onde ia, com certa dificuldade, mas muito melhor do que ates. Ao notar, as duas personalidades se colocavam em sua frente. A mulher, Lucinda Wolvestone. Uma mulher séria, cabelos negros, curtos, que não titubeava perante o gigante. O outro, um homem robusto, para não dizer gordo, careca e que aparentava ter saído da prisão há pouco tempo. Com ele vinha uma bola de canhão de tamanho elevado presa em uma corrente, era como um adereço par ao homem. Seu nome? Brutus Lohr.

– Hohoho! Vejo que esse novato tem bolas maiores que essa minha! – ironizou o gordo.

– Calado! – bradou ela – Muito corajoso, “Pierce”. Arrume-se! Temos trabalho para você!

– Cadê minhas coisas? Estou pronto pra outra…

– Coisas? – perguntou Brutus – Se você for um bom nadador, conseguirá pegá-las no fundo do oceano! Hohoho!

– Não temos tempo para perder, erga-se e nos siga!

– E vocês quem são? – questionou o gigante.

– Vamos! – bradou a mulher se retirando.

– Vamos lá garoto! Temos coisas para destruir! – afirmou Brutus – Eu sou o Brutus e ela… – esperou ela se distanciar – É a Lucinda – sussurrou.

– Estou ouvindo! – gritou ela – Cuidem seus inúteis!

Pierce notava que estava em um local no fundo do porto abandonado. A mulher seguia até o acampamento Aurors, onde passaria as informações mais evidentes ao gigante, assim como a missão que fariam a seguir. O caminho não seria difícil, apenas adentrariam na floresta, saindo da região portuária. Os animais se assustavam com a presença de Pierce e suas passadas faziam as folhas das árvores chacoalharem trêmulas.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierce
Revolucionário
Revolucionário
Pierce

Créditos : Zero
Warn : O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 10010
Data de inscrição : 25/07/2017

O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 EmptySeg 27 Ago 2018, 14:33


Fúria tem gosto de sangue

Revolução é uma arte, estraçalhar agentes faz parte.





A mulher parecia ser menos social do que a minha própria pessoa, será que ela algum dia já ouviu falar em pelo menos esclarecer as coisas pra alguém que acabou de ser pego no meio da situação? De qualquer forma o gordinho parecia mais interessado em me por dentro das informações, ele parecia ter saído recentemente de uma prisão, mas eu não era exatamente alguém que julgava ou sequer podia julgar alguém por ser um criminoso, até onde eu sei provavelmente minha cabeça passaria a valer alguma coisa em breve e bastaria um erro e acabaria preso também, então não há porque estranhar a presença de um detento aqui, principalmente a presença de um que está me explicando a situação.
O gordo não fazia mais do que me dizer seus nomes e a mulher já disparava insultos.

-Caramba… E falam que eu tenho o temperamento difícil… Já me falaram isso, creio que pode lhe ajudar, pra você deve ser mais fácil que eu mas… Esse mau humor todo pode ser resolvido se você arranjar uma namorada… Foi o que me disseram…

Diria isso num tom sério de conversa, para mim não era uma piadinha, não estava prestando atenção nos gêneros da conversa, até porque não havia entendido qual era o objetivo de se ter uma namorada para desestressar, estava tratando como um calmante qualquer.
Enquanto seguia a dupla, apalparia meu corpo e cabeça em busca de ver se a armadura e elmo ainda estavam comigo e se havia avarias nestes, também procuraria olhar minhas feridas, ver como eu estava após aquela briga toda.

-Vão servir algum lanche? Já faz um tempo que não como… Ta começando a me dar fome…

Diria em um tom calmo enquanto espero as informações a me serem dadas.


Histórico:
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]HP(44) [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]SP(62)
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Fúria(0%)



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma   O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O valor de um homem se mede pela força de seus braços e o tamanho de sua... Arma
Voltar ao Topo 
Página 3 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Conomi Island-
Ir para: