One Piece RPG
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Asger
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 20:40

» Samantha Evergreen
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 20:38

» Buki Bijin
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 20:33

» Rimuru Tempest
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 18:53

» Lotus Chô
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 18:49

» Gallore Strange
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 18:35

» Ling Tian
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 18:27

» Han Dom
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Hoyu Hoje à(s) 18:11

» [Mini Aventura - Moryn] O Início
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Moryn Hoje à(s) 18:10

» [Kit - Gyro Zeppeli] Blum vai pegar
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Shiro Hoje à(s) 14:42

» Mini Zayel
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Zayel Hoje à(s) 14:11

» [Mini - Inim] O errante
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Visastre Hoje à(s) 13:37

» [Kit - Neferpitou - Hunter x Hunter] v2
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Blum Hoje à(s) 10:51

» [MINI-JuninhoSiq1997] O Inicio
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor JuninhoSiq1997 Hoje à(s) 10:41

» Raksha Ragnarson
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 22:55

» [Mini - Van] Seguindo conselhos
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Van Ontem à(s) 22:34

» Voltei, arrependido.
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Bijin Ontem à(s) 22:31

» [M.E.P] Inim
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Khrono Ontem à(s) 21:19

» [MINI - Pepino, o Breve] Rascunho
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor Pepino, o Breve Ontem à(s) 19:40

» [MEP] Seguindo conselhos
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Emptypor GM.Hisoka Ontem à(s) 18:02



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and Fire

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Baranor
Civil
Civil
Baranor

Créditos : Zero
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 10010
Masculino Data de inscrição : 09/03/2015

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyQui 12 Abr 2018, 20:39

Nome: Baranor Vult
Idade: 20 anos
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho: Normal
Estilo de Combate: Ninja
Localização: Organ Island
Grupo: Civil
Vantagens: Aparência Inofensiva
Desvantagens: Código de Conduta

____________________________________________________

FICHA    FALAS    PENSAMENTOS   NPC's
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Dbgs9u
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 46
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 25
Localização : Na Monstrolandia...

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyDom 15 Abr 2018, 02:26

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.

Dicas e Orientações:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa DuXWscQ
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 7KiC7F7

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa XG4WLSF   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa BoYumQ5
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Baranor
Civil
Civil
Baranor

Créditos : Zero
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 10010
Masculino Data de inscrição : 09/03/2015

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyDom 15 Abr 2018, 13:29

Não saberia ao certo responder quantas vezes isso já teria se repetido. Acordaria, andaria sem rumo pelos lugares, ignoraria os rostos, fingiria estar indo para algum lugar que nem eu mesmo sei onde é. Essa seria a minha rotina há algum tempo já, gostaria de saber quando ela terminaria.

Quando eu encontraria a resposta para o que procuro e preciso, se um dia teria fim?  Vagaria pelos arredores sem caminho definido, apenas me perguntando o porquê. O porquê de estar sozinho, de não ter nada, não se lembrar de nada. Apenas o caminhar me compreendia e por isso eu o faria.

Talvez hoje procurasse o caminho para as praias ou cais, me sentiria bem em ver um pouco de vida, pessoas, mesmo que não fosse visto ou notado. O fato de poder estar perto dos outros me alegraria. E quem sabe não fosse hoje o dia que esse garoto encontraria o que procura aquilo que daria à motivação ou a ideia de o que fazer nos meus dias além de andar como um zumbi pela cidade e estradas.

Ergueria a cabeça e procuraria uma rota que me levasse ao meu destino, quando tivesse alguma noção de onde estava e para que lado devesse seguir, me colocaria a caminho. Queria chegar logo, então apertaria o passo o máximo que meus pés permitissem andar. Algo bom poderia estar para acontecer. Talvez eu pudesse sentir de alguma forma, ou seria um mal pressagio disfarçado? Isso eu só saberei quando chegar lá.

Assim que chegasse a parte costeira da ilha, procuraria por alguém que pudesse me oferecer informações de embarcações que estariam para deixar a ilha ainda hoje e como poderia fazer para fazer parte da tripulação. – Olá, me chamo Baranor, saberia me dizer se há alguma embarcação partindo hoje da ilha? Saberia onde posso ter mais informações? Obrigado – Seriam as falas que diria a todos até achar alguém que pudesse me indicar aonde ir, e assim que tivesse essa informação iria para onde disseram.

Antes de apresentar aos tripulantes quando chegasse, iria olhar de longe a embarcação e me aproximaria gradualmente, poderia estar querendo sair da ilha, mas é sempre bom saber onde estamos para entrar. Assim que achasse o local seguro ou menos hostil. Iria me apresentar e perguntaria se necessitavam de mais dois braços para ajudar nos serviços. – Oi, gostaria de saber se estão precisando de um par de braços fortes para ajudar nos trabalhos. Chamo-me Baranor e gostaria de ajudar e quem sabe sair dessa ilha.

Caso não tivesse tido informações sobre embarcações, teria me dirigido ao bar ou taverna mais perto, afinal, não haveria lugar melhor para achar trabalho e possíveis barcos saindo da ilha. Apenas entraria e me dirigiria ao balcão, observaria as pessoas ao redor em busca de um tipo que me parecesse mais aberto a conversa e a contratar alguém para uma jornada ou para eventuais trabalhos.

____________________________________________________

FICHA    FALAS    PENSAMENTOS   NPC's
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Dbgs9u
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 46
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 25
Localização : Na Monstrolandia...

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyDom 15 Abr 2018, 21:30

~~ Orientação ~~


Organ Island é a típica ilha que possui um verão caloroso. Sem contar que quase toda ilha é composta por floresta, selva e ruinas dos antepassados. A cidade fica bem na costa, onde o porto e o comercio também habitam. Poucos visitam tal local, já que, nada de muito interessante lá reside.

Perdido em seus pensamentos, principalmente onde estaria, Baranor peregrinava pela praia até chegar na cidade. Se dirigia até o porto que ficará bem próximo. Alguns pescadores estavam indo até seu pequeno barco com o intuito de pescar peixes tanto para comida como para venda. O jovem Vult abordava um dos homens e perguntava sobre alguma embarcação. – Oia guli... a única embarcação é daqueli! Ele dizia com sotaque rural enquanto apontava para o pequeno navio a alguns metros adiante.

O ninja percebia alguns homens limpando a superfície do navio enquanto outro instruía com ordens. Ao subir a rampa e falar com o que parecia o mandante no navio, Baranor se oferecia para prestar serviço e notoriamente revelar que gostaria de sair da ilha. – Hun, hun. É viver numa ilha como essa deve ser uma bosta, né garoto?! Ele dizia ao expressar um sorriso e dar um tapa no ombro do ninja.

O homem possuía um corpo robusto, típico de aventureiro. – Sempre a espaço no navio do pirata Froop, punho firme! O homem dizia ao fazer uma pose enfatizando seu braço e punho de maneira orgulhosa. Baranor poderia afirmar que, o homem seria o capitão do navio. Para quem não visa se tornar membro da pirataria, talvez não fosse boa ideia prestar serviços para piratas, mas era a oportunidade de o ninja poder sair da ilha.

O homem apontava para alguns barrios que provavelmente seriam de cerveja e diria. – Carregue-os para a minha cabine. Terminava de falar ao apontar para o local ficando alguns metros a diante. Eram seis Barrios, supostamente pesados. Baranor poderia ver que os tripulantes cada um fazia seu serviço, havia aproximadamente oito homens arrumando o navio. Isso significava que; logo o navio partiria da ilha. Vult notava que o capitão descia pela prancha e ia falar com alguns comerciantes. O ninja poderia começar a trabalhar se assim desejasse, já que, quanto mais rápido for, mais próximo estará de sair da ilha.


Dicas do Monstrão:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa DuXWscQ
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 7KiC7F7

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa XG4WLSF   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa BoYumQ5
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Baranor
Civil
Civil
Baranor

Créditos : Zero
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 10010
Masculino Data de inscrição : 09/03/2015

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyDom 15 Abr 2018, 22:30

“Bom, é o que temos para hoje. Mas se me ajudar a sair daqui, ta valendo. Encaremos, como algo temporário” – Pensaria comigo enquanto iria carregar os barris que o capitão apontou. Pegaria um de cada vez, sempre se lembrando de fazer a força com as coxas e não com as costas para não ter uma lesão (posso ser jovem, mas não sou burro).

Quando entrasse com o primeiro barril na cabine, iria olhar superficialmente, para ver se avistava alguém interessante, alguma coisa que chamasse minha atenção ou me dê-se ideia de para onde iríamos ou qual era a da tripulação. Não iria investigar logo no primeiro barril, voltaria para fora e procuraria ver como estava à movimentação de todos e do comandante. Mais um barril. Dessa vez me demoraria um pouco mais, caso tivesse visto que todos estavam entretidos em seus afazeres e não viriam procurar por mim.

O fato aqui seria mais por curiosidade e para saber onde estava me metendo do que querer roubar ou pegar algo. Mais um barril. E de novo repetiria a rotina até chegar ao ultimo. Nesse, caso já tivesse definido um local para vasculhar iria ser cauteloso, como um ninja deve ser, olharia como estavam arrumadas as coisas antes de tira-las de lugar.

Quando começasse a mexer, ficaria alerta para passos ou qualquer ruído do lado de fora. Se fosse surpreendido mexendo nas coisas, daria a desculpa de que vi as coisas bagunçadas e só quis arrumar, não estava fazendo nada demais e se quisessem poderiam me revistar.
Depois de finalizar meu trabalho, iria sondar com os tripulantes sobre nossa viagem, iria questionar para onde iríamos e há quanto tempo estavam no barco, saber suas funções e quem sabe ouvir umas aventuras para distrair até a hora de zarpar.

- Então senhores, poderiam me contar suas funções nesse navio? Gostaria de ouvir algumas historias suas para me inspirar. Será a primeira vez que sairei da ilha, não sei o que esperar do mundo. Queria saber o que pode vir a acontecer daqui para frente. E se possível, vamos para onde?

Esperaria pelas historias ou por insultos vindos dos tripulantes, afinal sou só um novato e quem gosta de pessoas novas. Mas me manteria firme, caso ninguém me dê-se atenção, procuraria o capitão e informaria que havia terminado a tarefa e se não teria mais nada para eu fazer. Acataria suas ordens assim que as recebesse.
OFF:
 

____________________________________________________

FICHA    FALAS    PENSAMENTOS   NPC's
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Dbgs9u
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 46
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 25
Localização : Na Monstrolandia...

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptySeg 16 Abr 2018, 15:34

~~ Orientação ~~


Conforme Baranor carregava os barrios para dentro da cabine do capitão, não pode evitar de bisbilhotar o recanto do pirata. Logo na parede de madeira atrás da mesa robusta e antiga, um cartaz de procurado, obviamente era do próprio capitão. Seu valor estava meio apagado, provavelmente devido a seu tempo já pendurado.

Não havia muitas coisas interessantes na cabine, a não ser os barrios de cerveja e alguns baús, quem sabe fosse a própria fortuna do homem, mas estavam trancafiados com correntes e cadeados. Após terminar de trazer os barrios, Vult decidiu ir mais afundo em xeretar nas coisas do pirata. Não por possuir má intenção, queria apenas saber para onde iria. Era ousadia de sua parte mexer nas coisas de um pirata, estava colocando seu pescoço a prêmio. Mas Baranor estava atento para quando ouvisse alguém se aproximar ele parasse de futricar.

Entretanto os ouvidos do rapaz não eram aguçados como de algumas pessoas, sem contar o barulho que era ouvido dos tripulantes trabalhando. Era praticamente impossível ele ouvir alguém se aproximar, quem sabe seus instintos pudessem lhe avisar, porém, já era tarde demais quando um dos subordinados do pirata adentrava na cabine. – Mas o que? O homem dizia ao encarar Baranor de forma suspeita. Mas Vult prevendo tal situação apenas insinuava que estava a arrumar a bagunça do capitão.

O tripulante ainda permanecia fintando dos pés a cabeça do ninja expressando um ar questionável referente as falas do inofensivo homem. – Ahhh nem fala cara, ele é muito desorganizado! HAHAAH sem contar que é um vadio, mas não fala nada pra ele se não ele fica puto! HAHAHAAH. A expressão do sujeito mudava para uma mais extrovertida e ainda confirmava a mentira ao qual Vult havia criado. Provavelmente a aparência inofensiva ajudará muito em tal situação ou talvez a ingenuidade do homem.

Após a saída do homem da cabine, pois, havia ido apenas para largar alguns utensílios, Baranor decidia por falar com alguns tripulantes, com intuito de descobrir para onde iriam. Alguns homens riam, outros brigavam por esporte, enquanto outros dormiam sentando na borda do navio. – Vamos para Conomi novato! Um deles respondia de bom grado. Pareciam relaxados, havia terminado seus afazeres quando Froop subiu a rampa e entrou no navio.

Antes que os homens pudessem se apresentar e dizer seus oficios, não importando muito se Baranor fosse apenas um novato, o pirata dizia.– Atenção homens! Sua voz tom firme e sua face manifestava jubilo. Prontamente os homens erguiam-se e apresentavam o respeito pelo seu mandante. – Vamos zarpar rumo a Conomi Island! Ele terminava de falar quando ia para o mastro e alguns homens iam para determinados locais e assim o navio começava a navegar.

Pouco a pouco a ilha de Organ ficava mais distante, seu tamanho diminuía conforme o navio seguia. A aventura de Baranor estava começando e isso provavelmente deixaria o jovem contente afinal, estava ansioso para sair daquela ilha medíocre. Vult percebeu que havia apenas ele ficado de bobeira na superfície do navio, porém o pirata lhe indagava. – Novato? Ajude o Kim com os canhões! Ele deve estar lá embaixo! Vai reconhecer ele pela barba trançada. Froop profere ao mostrar a escadaria que daria para o interior do navio. Baranor ao chegar lá pode notar alguns homens posicionando os canhões devidamente em seus lugares. Vult logo notou o homem com a aparência dita pelo pirata mexendo algumas bolas de ferro.


Dicas do Monstrão:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa DuXWscQ
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 7KiC7F7

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa XG4WLSF   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa BoYumQ5
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Baranor
Civil
Civil
Baranor

Créditos : Zero
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 10010
Masculino Data de inscrição : 09/03/2015

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyTer 17 Abr 2018, 19:49

A principio, a tripulação parecia ser amigavel ou eu era tão ingênuo quanto minha aparência. Ainda estaria meio zonzo por finalmente estar deixando Organ Island, quando fui subitamente trazido de volta a realidade pelos gritos do meu agora capitão.

Ele me ordenará que fosse na parte inferior do navio ajudar um homem chamado Kim, o qual segundo ele, eu reconheceria pela barba trançada. Sendo assim, desceria as escadas e buscaria pelo tal homem em meio aos tripulantes que organizavam os canhões e as suas munições. " Acho que teremos "festa" em breve" - Pensaria comigo mesmo enquanto buscava por Kim.

Assim que o avistasse, iria me apresentar e perguntaria no que poderia ser útil naquele momento - Kim? Eu sou Baranor, entrei hoje para a tripulação e nosso capitão me mandou ajuda-lo, então no que posso ser útil? - Esperaria pela resposta de Kim e faria o que me fosse ordenado.

Enquanto executasse a tarefa, perguntaria para Kim algumas coisas - Kim, a quanto tempo está na tripulação? Qual foi a maior aventura que você viveu até aqui? Vocês já estiveram na Grand Line? - Entenderia se ele não me repondesse, afinal era apenas um novato com algumas horas de barco, mas ficaria feliz em ouvir algumas histórias.

No mais, continuaria a fazer as tarefas que me fossem passadas e iria vivendo a minha vida, agora como um pirata. Poderia não saber o queria ou quem era, mas a partir de hoje, seria Baranor Vult, pirata da tripulação de Froop
.

____________________________________________________

FICHA    FALAS    PENSAMENTOS   NPC's
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Dbgs9u
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 46
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 25
Localização : Na Monstrolandia...

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyQui 19 Abr 2018, 00:39

~~ Orientação ~~


O ninja se dirigia até o homem de barba trançada conhecido como Kim. No momento que o rapaz o aborda, o homem o analisava da cabeça aos pés. Baranor se apresentava e em seguida questionava qual seria sua tarefa para ajudar a tripulação. – E aí garoto. Novato então?! Hunf. Ajude-me a carregar essas bolas de ferro para as bancadas. Ele terminava de proferir enquanto continuava o serviço.

Vult poderia notar algumas bancadas de aço que ficavam ao lado dos canhões. Haviam três de um lado e três do outro. Enquanto carregavam e largavam as pequenas bolas de ferro, Baranor decidiu por puxar assunto com o velho homem. – Quanto tempo? Vejamos... bastante, garoto. Ele profere ao limpar o suor da testa pela força que já estava a exercer no carregamento das munições. – Maior aventura? Já não lembro mais, garoto. Ainda não estivemos na GL, mas o capitão tem pretensão em ir. Ele terminava de falar ao soltar um suspiro após o termino do serviço.

Kim sentava-se em um dos caixotes para descansar enquanto esticava os braços para alonga-los. Não demorou muito para que um barulho pudesse ser ouvido na superfície do navio. Um estrondo fazia com que causasse um abalo na embarcação. Outro barulho seguido de mais outro, que poderiam facilmente ser reconhecido como tiro de canhão, explodiam parte do local ao qual Baranor e Kim estariam. Na hora do impacto o velho homem de barba trançada voava acertando uma das vigas de madeira no local, demonstrando ter apagado. Já Baranor havia caído para trás e recuado alguns metros, mas por sorte sem qualquer arranhão.

Vult logo notou um grande buraco feito pelos disparos e em seguida um homem passou pela fenda no navio. Barulhos de armas, espadas e gritos logo faria o ninja perceber que; o navio pirata estava sendo atacado. Pelas roupas do homem que havia entrado, não era da marinha, provavelmente outro navio pirata. – Tá na hora da matança para ganhar há recompensa! O homem profere ao encarar o ninja com um sorriso sádico. Havia uma espada curvada na mão direita do pirata, parecia não ser do tipo atirador. Vult estava desarmado, porém, estava num local que era onde ficava os canhões, munições e armamentos.

Havia um barril todo quebrado ao lado de Baranor e ali havia algumas espadas velhas, trincadas e outras quebradas devido o impacto. Mas no meio das lâminas havia um ninja-to. Uma arma especifica para as aptidões do ninja. Estava em um estado bom, o que parecia ser uma sorte. – Ora, ora... eu encontrei um garoto na toca do coelho, ou seria toca do lobo? Que se dane, coelho ou lobo, vou te escalpelar! O pirata parecia ser louco, pois, falava nada com nada. Única coisa que Baranor podia entender era que: aquele homem estava sedento por sangue. O que o ninja faria a seguir?


Dicas do Monstrão:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa DuXWscQ
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 7KiC7F7

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa XG4WLSF   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa BoYumQ5
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Baranor
Civil
Civil
Baranor

Créditos : Zero
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 10010
Masculino Data de inscrição : 09/03/2015

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptyQui 19 Abr 2018, 18:50

Estaria totalmente atonito com a situação, todo aquele clima amigavel e tranquilo fora rompido por balas de canhões e agora pelo tilintar de espadas batendo. O sr. Kim encontravasse desacordado apos ter sido arremessado por uma explosão e na minha frente se encontrava um louco por tando uma espada, pronto para me retalhar sem a menor cerimônia.

Por sorte ou por benção dos deuses, a mesma explosão que arremessará meu amigo pirata, também me fornecerá uma arma para enfrentar meu insano inimigo. Pegaria do chão o ninja-to que acabaria por ter caido de um dos barris de armamento, mas tambem pegaria uma espada trincada ou que tivesse a empunhadura intacta e a lamina quebrada, ela me serveria para uma coisa durante a batalha. E por falar nisso, vamos a ela.

Esperaria pela iniciativa do pirata, não iria propor a luta contra um adversário mais experiente e mais forte. Manteria o ninja-to em altura média, na qual eu conseguisse ter agilidade para defender ataques, tanto na região das pernas, quanto do tronco e cabeça. Assim que fosse atacado, tentaria bloquear o maximo possivel de golpes com a minha espada, afim de sentir o peso colocado pelo oponente em seus ataques, mas pela feição e palavras, acreditaria que tivessem toda sua força e raiva, pois deveria quer acabar logo com o combate. Caso em alguma momento da batalha, não conseguisse bloquear um ataque, tentaria usar minha agilidade de ninja para esquivar para o lado oposto da lamina. Apos, a primeira série de ataques e estudo do pirara, estaria pronto para o contra ataque, mais uma vez deixaria ele vir me atacar, mas dessa vez com um toque de fúria a mais. - Não que eu tivesse uma grande expectativa de lutas piratas, mas pensei que morreria no meu primeiro combate, mas ao que parece você não é tão capaz de fazer isso, talvez eu devesse subir e procurar alguém que fosse - diria na intenção de provocar o adversário e faze-lo perder o foco, afinal aos seus olhos eu deveria ser uma pessoa inofensiva graças a minha aparência. Me postaria proximo as mesas onde eu e Kim colocamos as balas de canhão antes do ataque, serviriam de obstaculos e no caso de um desvio bem sucedido meu, o oponente poderia vir a acertar a mesa e com sorte perder sua arma ou sofrer um atraso no seu proximo golpe. Quando conseguisse uma brecha, focaria meus ataques nas pernas do pirata, coxas e joelhos, minha intenção seria causar dano e reduzir a mobilidade dele, usaria golpes horizontais na tentativa de tentar acertar uma das pernas dele.

Caso quando ataquesse suas pernas ele saltasse para tras ou apenas se esquivasse, usaria a segunda espada para desferir um outro ataque visando seu abdomen, esse seria um ataque perfurante com maior intenção de causar dano, mesmo não sendo direcionado a nenhum orgão vital apenas para machuca-lo. Se acertasse algum dos ataques, me reposicionaria e avaliaria como seria a próxima investida, que provavelmente seria para finalizar o embate.

____________________________________________________

FICHA    FALAS    PENSAMENTOS   NPC's
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Dbgs9u
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 46
Warn : [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 25
Localização : Na Monstrolandia...

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa EmptySex 20 Abr 2018, 20:19

~~ Orientação ~~


Por um momento os tiros de canhões haviam parado, no entanto, as batalhas continuava sobre a superfície do navio pirata. Mas dentro de seu interior também havia uma batalha, ou melhor dizendo, começaria uma. Baranor percebia o insano homem a sua frente que queria apenas matar por prazer. Diferente do jovem ninja que queria apenas defender sua vida, mas isso não significaria que o jovem rapaz iria poupar a vida de seu oponente.

O homem espadachim avançava contra Vult, que defendia a lâmina usando sua arma que a momentos atrás havia pegado; duas na verdade. Cada golpe cortante era defendido pela boa mobilidade de Baranor e logicamente sua maestria sobre o estilo de luta ninja. O homem louco começava a se irritar e, a cada golpe sua precisão diminuía, porém, sua agilidade aumentava. Devido a isso, Baranor teve que desviar de alguns ataques por não conseguir acompanhar o homem. – Seu cú de cachorro! Não fuja de mim, quero ver seu sangue escorrer na minha espada! Ele dizia expressando uma face furiosa.

O pirata inimigo havia perdido o folego devido os contínuos ataques, e Vult talvez esperasse tal oportunidade, pois que, apenas estava a se defender, havia assumido uma boa tática. O ninja caçoava seu inimigo tentando desconcentrar o homem louco, que acabará por ter êxito. O pirata partia para cima como uma besta faminta e tentava fatiar Baranor. Porém, o rapaz usava os moveis do interior da embarcação para ganhar vantagem territorial.

Um ataque de cima para baixo a espada crava numa das bancadas fazendo as bolas dos canhões caírem e rolarem para longe, e a brecha surgia para que Baranor acertasse com a outra lâmina que havia pegado. O pirata inimigo até havia esquecido da outra arma e Vult desferia um corte da coxa destra do homem. – HAAAAAAAH! Filho da mãe! O homem gritou demonstrando a dor que estava a sentir. Porém o pirata poderia ter surpreendido o ninja, já que, puxará de suas costas outra lâmina, um tanto menor que a espada que o mesmo usava.

Era uma katana de tamanho menor que o comum e especifica para combates, e seu destino era: há coxa de Vult. Ambos estavam com quase que o mesmo ferimento, única diferença era que a dor havia diminuído a força do golpe do pirata louco e apenas alguns centímetros haviam penetrado a perna de Baranor, mas mesmo assim a dor era intensa, o que era estranho.

– Tá sentindo esse cheiro? É o cheiro do medo... maravilhoso não?! HHAHEHEHE. O insano pirata dizia ao rir enquanto sua perna escorria sangue. – Eu só uso minha segundo espada em situações de vida ou morte! Pera, pera, não fique se achando seu merdinha, porque? Eu sempre uso ela, já que eu sou um pirata! Ela possuí veneno e mesmo que eu morra... verei você no inferno! HHAHEHEHE. O homem dizia ao arrancar a lâmina quebrada e enferrujada de sua coxa enquanto apontava ela para Baranor e ria constantemente. Os tiros recomeçavam e o navio acabará de ocorrer um elevado balanço fazendo o pirata recuar. O que o ninja faria a seguir?


Dicas do Monstrão:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa DuXWscQ
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa 7KiC7F7

[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa XG4WLSF   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa BoYumQ5
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa   [Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Mini - * Baranor Vult *] - Uma nova tentativa
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: