One Piece RPG
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» O vagabundo e o aleijado
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Tensei Hoje à(s) 22:11

» V - Into The Void
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 17:09

» A Aparição de Mais Um Meio a Tantos
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Vincentão Hoje à(s) 15:32

» Unbreakable
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Ainz Hoje à(s) 11:23

» O Ronco do Bárbaro
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor West Hoje à(s) 11:11

» [mini-nickgames1234] *East Blue*
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 06:18

» [Fiction] — The Legend
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor GM.Noskire Ontem à(s) 21:46

» [Mini-Rosinante-san] O homem que quer ser livre
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Rosinante-san Ontem à(s) 20:23

» Mini - Serana
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Serana Ontem à(s) 19:42

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Achiles Ontem à(s) 12:37

» [Ficha] Pandora
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:20

» ~ Mudanças Importantes ~
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor DEV.Ryan Sex 15 Nov 2019, 23:45

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Wesker Sex 15 Nov 2019, 22:54

» Apenas UMA Aventura
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Van Sex 15 Nov 2019, 22:00

» De pernas pro ar! A revolução de Yumi
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Akuma Nikaido Sex 15 Nov 2019, 16:00

» Cap I: Veneno de dois Gume
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor Noelle Sex 15 Nov 2019, 15:12

» Retornando para a aventura
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor rafaeliscorrelis Qui 14 Nov 2019, 23:00

» [Mini - Asin] - Seja o Equilíbrio
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor TheJoker Qui 14 Nov 2019, 14:44

» Desventura 3.5: O treino para Grand Line
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor TheJoker Qua 13 Nov 2019, 18:54

» MEP Serana
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Emptypor TheJoker Qua 13 Nov 2019, 17:49



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 Capítulo I - Em busca da sereia perdida

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte
AutorMensagem
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário


Data de inscrição : 26/02/2018

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptyDom 29 Jul 2018, 14:51

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
Aos poucos a sopa ia se acabando do prato e ao contrário do normal, Cris comeu as cenouras, com um pouco de esforço e cara torta, mas não desperdiçaria comida dada, ainda mais de seus companheiros que tiveram tanto trabalho de preparar a sopa assim como ela mesma. Deixou o prato ao seu lado e com um sorriso ouvia a história da menina.

Seus pensamentos voaram para longe ao ouvir que ela estava seguindo os passos de Bruce, o que não era algo tido como comum aos olhos de Cris, que desconfiada, acreditava que Elisa podia ter alguma relação mais… Especial com o rapaz e isso a fez sentir uma imensa vontade de provocar a garota de cabelos azulados.- HUUUUUUUMMMM… Você parece gostar bastante dele mesmo… Eu entendo, ele é até bonitão… Acho homens que usam óculos bem atraentes.- Ela dera dera uma risadinha com as bochechas coradas para Elisa, obviamente tentando descobrir alguma reação da garota para desvendar seus reais sentimentos entalados em seu coração. - Bem, irei encontrá-la com certeza! Ela provavelmente iria adorar provar dessa sopa e estar em um navio como esse… Sendo livre, pelo menos… Embora ela provavelmente dê em cima de todos os homens por aqui.... Ela sempre me deu trabalho com isso!- Em um suspiro, espreguiçaria o corpo antes de procurar algum apoio para descansar as costas.

Sorriria para Elisa antes de levantar-se. - Deixa que eu levo os pratos, não podemos deixá-los sujos né. - Pegaria o próprio prato e se a garota lhe entregasse o dela, voltaria para a cozinha, evitando contato com alguma pessoa estranha no caminho. Adentraria a cozinha e procuraria a pia ou o balde a onde se lavam os pratos, limparia os utensílios junto com os pratos, se percebesse que havia mais deles ali para serem limpos, os lavaria também, deixando tudo limpo e o máximo de organizado possível.

Se fosse impedida por alguém da cozinha, deixaria os pratos com o encarregado da limpeza do local, e mesmo assim se ofereceria para ajudar.   - Não me importo de ajudar! - diria sorrindo. Após terminar o trabalho na cozinha, se nada a impedisse, sairia dali. Ainda precisava ler o livro de costura que havia comprado, estava ansiosa para treinar alguma coisa com ele. Procuraria um local tranquilo, abriria a mochila e pegaria no livro.

Amante dos livros e da escrita, Cris sorriria de maneira graciosa ao folhear as páginas do livro, sentindo o cheiro do papel e a textura do papel sobre seus dedos. Começaria a ler o livro sem delongas, absorvendo as informações do mesmo da melhor maneira possível, estava com vontade de fazer algo especial, um presente talvez. Treinaria a costura enquanto lesse o livro, afinal, nada melhor que um manual juntamente com a prática do mesmo. Com um pequeno pedaço do tecido branco que havia comprado, bordaria seu próprio nome ali e continuaria treinando e lendo até poder fazer algo mais elaborado.



-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 04
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptySeg 30 Jul 2018, 15:26

Crisbella Rhode



Os pensamentos da jovem ruiva iam longe ao escutar as palavras proferidas por Elisa, já que aos seus olhos aquilo não era comum e assim a jovem acreditava que a azulada teria alguma relação especial com Bruce, fazendo com que sentisse vontade de provocá-la sobre isso - N-Não é tanto assim, eu diria admiração por ele ter me ajudado ela parecia extremamente envergonhada diante da situação. Rapidamente o assunto pautado era mudado e a ruiva voltava a falar sobre Mirana - Entendi, dê seu máximo para encontrá-la! ela ria mesmo ainda estando um tanto constrangida pela situação anterior e assim como Cris se recostava sobre a amurada do navio - Estarei torcendo por você! da sua forma, ela tentava encorajar sua "nova" amiga. Antes de se levantar a ruiva sorria para Elisa e dizia para que ela deixasse levar os pratos até a cozinha, já que não poderiam deixá-los sujos ali - Eu vou também, afinal hoje sou a responsável em lavar os pratos ambas seguiam até a cozinha  calmamente. Bruce não estava mais no local e havia deixado um pedaço de papel em cima de um dos balcões direcionado para Elisa "Ei, quando voltar lave os pratos e arrume as coisas para o jantar" - Parece que terei mais coisas a fazer ela lia atentamente os dizeres escritos no papel.

Com um sorriso em seu rosto, a ruiva oferecia ajuda com os pratos para Elisa - Tudo bem, vamos terminar isso aqui rapidinho! ela se empolgava, enquanto arrumava as mangas do vestido que utilizava. A pilha de pratos era um tanto grande, mas como estavam em dupla aquilo não demorara muito tempo para ser lavado e assim, Elisa tivera até um tempo para descansar por alguns minutos - Ufa! Agora só falta arrumar o resto das coisas, mas isso eu acho que posso fazer sozinha ela sorria constrangida por ter recebido tanta ajuda de Cris - Muito obrigada mesmo, espero que a gente ainda possa se encontrar até o final da viagem, foi bom conversar com você! ela gentilmente se curvava agradecendo por tudo o que havia sido feito por parte de Cris. Com isso a jovem ruiva deixava a cozinha novamente buscando um local tranquilo onde pudesse retirar o livro sobre costura da mochila e adquirir o conhecimento existente naquela obra. Mais uma vez Cris ia até a proa, já que parecia ser o local mais silencioso para se aprender alguma coisa ali e mesmo que em momentos variados o lugar ficasse barulhento, ainda era melhor que ficar no convés.  De forma sorridente a jovem começava a folhear o livro buscando consumir todo o conhecimento que este poderia lhe dar, com os tecidos comprados anteriormente ela praticava lendo o livro para que assim pudesse chegar a um resultado mais do que satisfatório e assim sem mesmo perceber a lua brilhava intensamente sobre o céu dando indícios que ficara ali por muitas horas absorta em sua aprendizagem. Assim a viagem para Loguetown continuava de forma tranquila e sem quaisquer interrupções, apenas faltando mais um pouco para logo chegarem até a ilha.  
Viagem escreveu:
4/6 Posts para chegar em Loguetown

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptyQui 02 Ago 2018, 11:32

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
O sorriso no rosto de Elisa ao receber ajuda voluntária da ruiva era um presente para para Cris. Ficava feliz em ajudar uma colega ainda mais com tarefas domésticas, estava acostumada a fazê-las, afinal, vivia somente com sua mãe em casa, então de algum modo, teve de aprender o básico sobre tudo que envolvia os cuidados de um ambiente, sua limpeza especialmente e, gostava de deixar tudo limpo e organizado, limpeza era algo de suma importância para si.

As palavras de agradecimento de Elisa fizera um grande sorriso se abrir nos lábios de Cris, mas ao ver a garota curvar-se um pouco em agradecimento, a ruiva ficara toda sem graça. - T-Tudo bem, se precisar de mais alguma coisa me avise ok? - Dissera antes de sair da cozinha e ir até a proa do navio. O local tranquilo era perfeito para seu aprendizado e não demorou para começar a ler e a praticar a costura. A imersão que Cris conseguia ter para com os livros era absurda, deixando de lado os barulhos do navio e a maravilhosa lua que se mostrava no céu. Sempre tivera essa tendência, uma ‘’nerd’’ que já tinha sido muito zoada e chamada de ‘’rata de biblioteca’’ pelos colegas da escola. Felizmente, naquele lugar de paz, conseguiu ler tranquilamente, sem ser interrompida por nada e nem ninguém.

Ao terminar o livro, fecharia o mesmo e o guardaria, já havia absorvido o que queria, ou seja, o livro todo, agora ele estaria em sua mente e, cansada depois de horas ali sentada, levantaria e espreguiçaria o corpo todo, deixando a canseira de lado. Observaria o céu por um instante e o sentimento nostálgico ao ver a lua bateria em seu coração. ’’ - Espero que ela veja está lua também… Veremos mais luas juntas Mirana...- ‘’ Olharia ao redor, parecia tudo calmo no navio e sabia que logo o barco chegaria ao seu destino.

Aproveitaria seu tempo para treinar mais a costura, com o tecido branco, escolheria uma linha verde no tom parecido dos cabelos do rapaz para bordar o nome ''Leonardo'' sobre o tecido. Ponto por ponto, casa por casa até o nome sair escrito totalmente no tecido. Tentaria fazer a letra sair mais caprichosa que pudesse, não ligando caso a agulha se tirasse algumas gostas de sangue por desatenção, embora um trabalho minucioso e muito bem feito fosse seu objetivo. Cortaria as rebarbas do tecido, fazendo um lenço grande o suficiente para que ele pudesse limpar o rosto. Olharia para seu trabalho, se o resultado fosse o esperado, ficaria muito contente, se não, perdoaria a si mesma pela falta de prática e continuaria praticando mais para a frente.

Procuraria Leo, ainda não estava cansada o suficiente para dormir então poderia ajudar com algo a mais e até mesmo conversar com ele novamente. Se no meio do caminho encontra-se algum tripulante, perguntaria sobre. - Sabe a onde está o Leo?- Perguntaria com um sorriso e com as bochechas coradas. Também fazia tempo desde a última vez que virá Leo… E por incrível e mais estranho que parecesse, queria vê-lo, queria conversar com ele e saber como tinha ocorrido as coisas na casa de Lázaro após a saída dela.

Se encontrasse Leo, suas bochechas estariam mais rosadas que de costume. Ainda não tinha agradecido a ele pela ajuda em todo o esquema na casa dos Duval. Se aproximaria do rapaz, segurando as próprias mãos de maneira tímida e encolhida. - L-Leo… - Sua voz soaria como um lindo sussurro, audível, mas baixo o suficiente para que só ele pudesse ouvi-la. Se estivessem em algum local muito movimentado, pediria para falar com ele a sós: - Posso falar com você? ...Em particular?- se não, diria a ele ali mesmo a onde estivesse: - Queria agradecê-lo por hoje… Você foi muito corajoso em nossa missão. N-Não sei dizer o quanto fiquei feliz por ter me apoiado a convencer os empregados a nos ajudar… - Olharia para ele, com um sorriso singelo.   - E-Eu f-fiz uma coisa para você... Não está muito bonito... Não é meu melhor trabalho, mas é de c-coração... - Abaixaria a cabeça e entregaria a ele o lenço bordado. - O-OBrigada por ter me ajudado... -


-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 05
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptySab 04 Ago 2018, 10:45

Crisbella Rhode



Após terminar o livro e adquirir todo o conhecimento que queria, a ruiva o fechava e se levantava para espreguiçar o corpo todo, assim deixando o cansaço de lado. Cris passava a observar o céu com um sentimento nostálgico ao ver a bela lua brilhando, em seus pensamentos a jovem almejava ver mais luas juntamente de Mirana. Com algum tempo livre ainda sobrando, Cris aproveitava para treinar mais e assim escolhia uma linha verde para bordar o nome de Leo sobre o tecido branco que ainda lhe restava. De maneira caprichosa, a jovem fazia as letras procurando fazer um trabalho minucioso para o amigo, apesar de alguns momentos de desatenção a ruiva por pouco não furava os dedos que seguravam o tecido. Por fim, ela sorria para o trabalho que havia feito, já que conseguira atingir o resultado que esperava, um belo lenço grande o suficiente para que o rapaz pudesse limpar seu rosto sobre o tecido quando estivesse suado e etc.

Com o lenço pronto a jovem agora passava a procurar por Leonardo, não estava cansada o suficiente para ir dormir e por isso ela poderia conversar com o rapaz novamente ou então prestar alguma ajuda mais uma vez. No convés, Cris acabava por encontrar primeiro Bruce que estava acompanhado por um bom e velho copo de conhaque - Eu o vi perto da popa, há alguns minutos atrás respondia o cozinheiro antes de dar um gole no copo e apontar para a parte traseira da escuna. Fazia já algum tempo desde que a ruiva vira o rapaz, por isso ela queria o ver para conversarem sobre como as coisas haviam ocorrido na casa de Lázaro, assim que saíra de lá. Ao ver de longe o rosto do rapaz, a jovem corava instantaneamente e se aproximava de Leo segurando as próprias mãos timidamente - Cris... de alguma forma o rapaz parecia do mesmo jeito agindo também com certa timidez perto da ruiva. Não haviam pessoas por perto e o tom de voz utilizado por ambos parecia não chamar a atenção de ninguém que passasse por ali naquele momento - Que isso, eu só fiz o que qualquer um faria ele sorria um pouco sem jeito, assim que a jovem lhe entregava o lenço, o rapaz parecia ficar mais sem reações - E-Eu que agradeço ele dizia em um tom mais baixo, mas que ainda era audível para Cris que estava próxima. De longe loguetown já poderia ser vista para os tripulantes do navio que pareciam começar a se alegrar por estarem chegando ao seu destino - Terra à vista! gritava um dos aleatórios revolucionários.  
Viagem escreveu:
5/6 Posts para chegar em Loguetown

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptySex 10 Ago 2018, 08:27

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
Os passos curtos e calmos de Cris traziam a insegurança em seu pequeno coração. Já estava aos poucos se acostumando com todo o clima por ali e a informação que Bruce lhe dera a respeito de Leo fez o coração da jovem ruiva palpitar forte. O lenço em suas mãos estava caprichoso, estava contente por ter feito um belo trabalho como aquele pela primeira vez. Ao avistar Leo, percebeu pela primeira vez que o rapaz, assim como ela, estava surpreso em vê-la e… De algum modo, sentia como se ele estivesse diferente.

‘’ - Essa reação não é normal… O que será que ele tem? ‘’ - Pensou a ruiva enquanto entregava o lenço nas mãos do rapaz. As bochechas coradas de Cris contracenava com seus cabelos ruivos como uma maçã e, assim como ela, Leo parecia estar sofrendo da mesma timidez que a ruiva sofria. O clima parado e as palavras baixas de ambos fora subitamente cortadas pelo anúncio na embarcação. Cris olhou na direção que que vinha as palavras e logo abriu um largo sorriso no rosto. Finalmente havia chegado ao seu destino, estava animada!

- Aaaah chegamos! Mal posso esperar para ver a cidade! - Ela olhou para Leo e seu sorriso mudaria de felicidade para um mais contido e tímido. - Q-Quer ver as luzes da cidade comigo? - Perguntou de maneira calma, olhando para os olhos dele. Se ele aceitasse, iria junto com ele até a proa do navio, para poder ver de longe as possíveis luzes de Loguetown. Se conseguissem uma bela vista, ficaria admirando a ilha, aguardando ansiosa sua parada no porto. Olharia para Leo e com um sorriso perguntaria: - Então… Como foi com Lázaro? Eu saí antes de você, não vi se teve alguma confusão… - Sentaria em algum lugar na proa a onde pudesse deixar seus fios vermelhos ao vento. Estaria sorrindo mais calma e após a resposta do garoto caso ele estivesse com ela, olharia ao redor, tentando notar se os revolucionários estavam por ali.

Gostava de ficar sozinha, mas ter pessoas por perto também não era de todo ruim, pelo menos não mais e não ali, sabia que todos naquele barco eram aliados e sentia-se segura por isso. ‘’ - Essas pessoas querem o bem… Pelo menos é o que sinto. ‘’ - pensaria antes de ajeitar o cabelo e sorrir. Aguardava a embarcação atracar no porto de Loguetown.

-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 06
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptySeg 13 Ago 2018, 02:19

Crisbella Rhode


Um largo sorriso formou-se no rosto de Crisbella ao ver a direção em que apontava um dos revolucionários sobre o pretexto de ter visto Loguetown. Afinal, haviam praticamente chegado em seu destino, após completarem uma exaustiva missão e a “longa” viagem dentro da escuna o que facilmente justificava tamanha animação da jovem ruiva. Sua expressão de felicidade mudava totalmente quando ela voltava novamente o seu olhar para Leo se tornando um tanto contido e tímido, assim de maneira calma Cris perguntava se o rapaz gostaria de ver as luzes da cidade consigo - Claro! De longe elas são mais bonitas! a timidez apresentada anteriormente por Leo parecia desaparecer num instante, ele realmente não parecia estar normal. Ambos caminhavam até a proa, já que era por onde podiam visualizar melhor as luzes de Loguetown e quando conseguira uma bela vista a jovem admirava ver tudo aquilo ansiosa para chegar na ilha, com isso ela também contemplava Leo, lhe fazendo uma pergunta com um sorriso em seu rosto - Bem, alguns dos guardas estranharam a nossa saída de lá e até ameaçaram ir contar ao Lázaro, porém eles foram rapidamente silenciados ele comentava calmamente - É claro que ninguém saiu ferido, mas houve uma confusão daquelas e aí conseguimos escapar Leo sorria ao terminar de contar todos os fatos que haviam ocorrido.  

A jovem se sentava em no chão próximo a amurada deixando seus belos cabelos ruivos balançarem ao vento e enquanto prestava atenção nas palavras ditas pelo rapaz, ela também olhava aos arredores procurando notar se os outros revolucionários estavam por ali. Após algum tempo desde que fora avistada a iluminada Loguetown, o navio era atracado em uma região um tanto distante do porto - Finalmente chegamos! Tomem muito cuidado a partir de agora com marinheiros, soube por meio de outros revolucionários que o Tenente Katteblack Cruzis está sempre fazendo rondas pelas ruas da cidade Rebecca alertava a todos os que estavam no navio - Não podemos nos dar ao luxo de sermos capturados agora, então tentem não chamar muita atenção dos residentes da ilha ela finalizava suas palavras de forma autoritária. O movimento no convés aumentava, já que os revolucionários começavam a arrumar seus pertences para seguirem até a base local - Essa agora é nossa deixa ele se levantava da onde havia se sentado anteriormente juntamente de Cris e seguia até a popa sumindo da vista da jovem por alguns minutos. Pouco tempo mais tarde, Leo voltava ia novamente a proa com duas capas em suas mãos - Vista isto, assim não iremos chamar atenção das pessoas o rapaz falava gentilmente ao entregar nas mãos da jovem o vestuário para se disfarçarem.  
Offzão:
 

Capa:
 

Viagem escreveu:
6/6 Posts Completados, localizam-se no porto de Loguetown.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptySeg 13 Ago 2018, 10:20

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
Cris escutou atentamente as palavras de Leo, sabia que o rapaz estava em sua primeira missão sozinho, sem a liderança direta de Rebecca, por isso, acreditava que mesmo com todas as dificuldades enfrentadas pelos dois, ele era um bom guerreiro, ela admirava, de certa maneira essa característica, mas estranhou o comportamento do rapaz. que aceitou tão tranquilamente conversar com ela, mesmo ficando todo embasbacado a dois minutos atrás. - Que bom que não se machucou… E-Eu me sentiria mal se o visse machucado… - Disssera de maneira calma e tranquila.

Aos poucos o navio se aproximava mais ainda de seu destino e, diferente do que a ruiva pensava, ele não atracou diretamente no porto. Pensou por um segundo o porque de tal atitude, sabia que eram procurados de certa forma agora e Rebecca, tendo a experiência que tinha,não iria arriscar a vida de seus homens e dos refugiados ali tão facilmente. A ruiva olhou diretamente a Rebecca, que logo tomou a frente e avisou a todos ali o motivo do barco estar distante do porto. Cris ouviria atentamente as palavras de Rebecca e, após terminada a fala dela, sentiria um frio na barriga, uma mistura singela de nervosismo, ansiedade e euforia de sair do barco. A noite era perfeita para se esconder, mas a ruiva sempre tivera grande dificuldade de esconder sua identidade… Infelizmente, o cabelo da cor do fogo a dedurava facilmente.

Antes que pudesse dizer algo, Leo se levantou e sumiu da vista de Cris, a ruiva ao perceber o sumiço dele, logo trataria de ajeitar suas próprias bagagens, conferindo sua mochila antes de perceber a volta de Leo com duas peças de roupa em suas mãos. Cris pegou o grande sobretudo marrom e o vestiu. Analisaria brevemente o tecido, se fosse um tanto grosso e rude, algo que não condizia com sua pele delicada e fina, mas não se queixaria, afinal, não se reclama da boa vontade dos outros. Com passos cautelosos, Cris sairia do barco.

A noite tinha suas belezas e junto com ela, seus medos. Estar em uma ilha estranha era até assustador, mas ao lado de Leo, Cris se sentia um tanto... Protegida. Caminharia com cautela ao lado de Leo, buscando não perdê-lo de vista. Em um ato até infantil, seguraria a ponta da capa do rapaz, evitando assim se perder, ou, caso ele estendesse a mão para acompanhá-la, seguraria nas mãos dele, de maneira tímida enquanto suas bochechas estivessem coradas. - Mal posso esperar para acharmos um local para dormir… Um banho… Não seria nada mal. - Dissera de maneira calma enquanto andava. Iria na direção da cidade, evitando pessoas ao seu redor e andando ao lado de Leo. - E v-você, o que gostaria de fazer? Rebecca lhe passou algo específico?- Perguntaria de maneira tranquila.

-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

There's a new kid in town
Johnny come lately, the new kid in town, everybody loves you! So don't let them down, you look in her eyes the music begins to play. Hopeless romance? Here we go again

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptyQui 16 Ago 2018, 02:39

Crisbella Rhode


Assim que Leo entregava a capa nas mãos de Cris, a jovem rapidamente se vestia e com ela analisava brevemente o tecido do vestuário. Era algo grosso e rude, mas mesmo não condizendo com sua delicada pele a jovem não reclamava da boa vontade do rapaz - Vamos então? Leo fazia um sinal com sua mão chamando a ruiva para perto de si e assim deixar o navio juntamente dos outros revolucionários. Com passos cautelosos, os dois caminhavam logo atrás do grupo principal liderado por Rebecca que guiava a todos energicamente como sempre - Andem rápido! Não podemos perder muito tempo! todos aumentavam a velocidade de suas passadas ao ouvirem os gritos da comandante. Nesse horário as ruas de Loguetown estavam menos movimentadas, devido à grande concentração de indivíduos que se embebedavam nos bares locais e as poucas pessoas que passavam pelas ruas encaravam com estranheza o grande grupo de encapuzados caminhando em sua frente. Talvez, fossem alguma associação secreto ou até criminosos era o que pensavam os cidadãos comuns, mas logo perdiam o interesse e apenas alguns curiosos insistiam em seguir os passos dos revolucionários para saber os movimentos do “misterioso” grupo, assim mesmo que não quisessem acabavam por chamar a atenção.

A lua iluminava a noite a deixando ainda mais bonita, mas apesar disso os medos vinham em conjunto com e estar ao lado de Leo passava uma sensação de proteção a Cris que andava com cautela ao lado do rapaz. Para não se perder do rapaz, ela ainda segurava sua capa, mas logo o jovem estendia sua mão para que a ruiva segurasse fazendo isto de maneira tímida. Enquanto caminhavam, Cris ainda comentava sobre acharem um lugar para dormirem e encerrava sua fala perguntando a Leo o que ele iria fazer - Acho que descansar seria um bom começo ele sorria ao responder a pergunta feita pela amiga - Rebecca me disse que alguns de nós teriam de ficar de guarda, mas apenas isso mesmo ele mantinha seu sorriso ao terminar de contar tudo o que sabia. A essa altura a dupla ficava para trás - Ei, Pombinhos! Apertem o passo para não se perderem por aí!  um dos revolucionários gritava de forma provocativa aos dois, mas logo era repreendido por um cascudo de Rebecca. Após isso, o grupo não tardava a chegar a uma cabana que se localizava a uma certa distância do centro da cidade - Muito bem! Os que ficaram de guarda serão Oliver e Jason, o restante pode se acomodar em alguns dos quartos! ela dava as ordens ao abrir uma das portas do local. O lugar detinha uma aparência rústica feita integralmente de madeira e parecia ser como qualquer outra casa de uma pessoa normal, com isso os revolucionários possuíam um ótimo esconderijo que não chamaria muita atenção.  
Offzão:
 

Cabana:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptyQui 16 Ago 2018, 11:06

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
A mão quente e gentil de Leo trouxera um arrepio por toda a espinha da ruiva. Mesmo com sua timidez, aos poucos que ia conhecendo o rapaz, ia se libertando das amarras de sua vergonha, tornando a convivência de ambos mais natural, mas ainda sim, suas bochechas rosadas denunciavam seu estado de espírito. O grupo de revolucionários seguia pelas ruas da cidade, chamando atenção de algumas poucas pessoas por ali, Cris seguia junto ao rapaz, tentando esconder o rosto de todos, sentindo-se meio incomodada por ter tanta gente ao redor, mas era só olhar para cima e ver o semblante de Leo que tudo parecia se acalmar, exceto seu coração, que batia rápido como um tambor.

Quando menos perceberam, estavam conversando mais para trás do grupo, Leo respondeu que assim como ela, desejava descansar e que Rebecca queria algumas pessoas para ficar de guarda. Cris abaixou a cabeça, pensando por um segundo se ela seria chamada antes de ouvir uma voz mais a frente. As palavras do revolucionário fizeram o rosto de Cris arder como chamas e ficar totalmente vermelho. Sem ao menos perceber, Cris soltou a mão de Leo, e com muita vergonha, correu para mais perto do grupo, deixando o rapaz para trás. Não o fez por maldade, mas as palavras daquele homem haviam surtido efeito e feito ‘’a ficha cair’’ na cabeça da ruiva. Andar de mãos dadas não era um comportamento comum de amigos... Mas Cris em sua inocência, apenas buscou segurança nas mãos de Leo.

‘’- Acalme-se Cris… Ele é seu amigo, não precisa levar essas coisas tão a sério.’’- Conversava consigo mesma em seus pensamentos. Os passos seguiam em frente até encontrarem uma cabana mais afastada da cidade. Cris observou o local, não parecia muito ruim. Cris adentraria a cabana, sendo uma das últimas a entrar ali. As palavras de Rebecca eram firmes, e Cris suspiraria aliviada ao perceber que não era o nome dela sendo chamado para ser uma vigia. Sem delongar, ajudaria no que fosse necessário para acomodar-se ali junto a aquelas pessoas, se fosse preciso limpar algo, o faria sem preguiça.

Procuraria um quarto ou mesmo um cantinho seco e aquecido para dormir. Tanto no chão como em alguma cama lhe cairia bem, sabia que não teria luxos ali e não fazia questão do mesmo. Como não estava acostumada a dormir em locais com muitas pessoas, procuraria Elisa para lhe fazer companhia ou mesmo Rebecca. Recolheria sua mochila, tirando o coelho de pelúcia da mesma. Ele era seu companheiro nas noites frias e quentes. Encontrando um local para deitar-se, o faria, agarrada ao seu coelho. Fechando os olhos lentamente até pegar no mais profundo sono.



-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

There's a new kid in town
Johnny come lately, the new kid in town, everybody loves you! So don't let them down, you look in her eyes the music begins to play. Hopeless romance? Here we go again

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptySex 17 Ago 2018, 14:43

Crisbella Rhode



Um suspiro aliviado vinha por parte de Cris ao saber que não seria uma dos que ficariam de guarda em frente a cabana dos revolucionários. Calmamente a jovem adentrava o lugar juntamente do restante do grupo - Ei, Cris pode me ajudar a levar essa mala até o quarto? Elisa aparecia novamente, desta vez a azulada carregava sua bagagem com seus pertences. A ruiva que também procurava o dormitório aproveitava para acompanhar a nova amiga e com isso, mataria dois coelhos com apenas uma cajadada, já que poderia chegar a onde queria. Após muito esforço a dupla chegava até o quarto - Muito Obrigada! ela sorria ao agradecer pela ajuda presta por Cris. Recolhendo a sua mochila, a jovem apanhava seu coelho de pelúcia e assim procurava um lugar onde pudesse se deitar para descansar do dia cansativo que tivera - Não vejo problemas, na gente dividir uma das camas grandes certo? ela se deitava antes da ruiva se virando para a parede na onde o leito estava encostado. Agarrada ao seu peluche, a jovem lentamente fechava seus olhos procurando pegar no sono e naquela hora da noite, apenas podiam ser escutados os barulhos daqueles que estavam de guarda, além disso algumas cigarras "cantavam" em bom som estando perto das jovens.



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 EmptyTer 21 Ago 2018, 10:05

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
As tarefas na casa foram poucas, mas mesmo assim, cansativas. Cris passou a mão no rosto após levar as malas pesadas que Elisa havia pedido para um dos quartos. Sentia o cansaço do corpo pela primeira vez naquela noite, aparentemente, suas energias estavam baixas. Com um leve sorriso, a ruiva ouviu as doces palavras da amiga. Não via problema nenhum em dividir o espaço de dormir com uma garota, ainda mais Elisa que a essa altura, Cris considerava como uma amiga. Aproximou-se da garota e após pegar o coelhinho na mochila, deitou-se ao lado da azulada.

Os olhos de Cris, pesados se fechavam calmamente enquanto uma sinfonia de sons rodavam fora daquele quarto. Os guardas conversando, as cigarras cantando, tudo misturado a maestria do silêncio do quarto. Elisa havia dormido, aparentemente, e Cris não demorou a fazer o mesmo, deixando seu longo dia se findar em um suspiro antes de cair no mais profundo sono.

Sonhou que estava em meio aos escombros de uma antiga catedral. Os pesados sinos estavam quebrados, rachados em diversas partes. No chão, um mar de sangue que ia até o horizonte de seus olhos. Já não havia Mirana por perto, estava sozinha e sua cauda de sereia havia sumido. Aos poucos, começou a caminhar em meio aos escombros, calmamente olhando tudo ao redor como se aquilo fosse-lhe da mais pura familiaridade. Seus passos pararam ao encontrar uma enorme porta de mármore, com runas e desenhos entalhados nela, coisas da qual a ruiva não entendia. A porta não abria, e Cris sentou-se a frente dela, molhando as pernas com o sangue que havia no chão e ao fazer isso, notou suas pernas sumirem e no lugar delas, uma cauda de peixe, mas não era uma cauda normal, eram os ossos de uma, um esqueleto de sereia, o que fizera a ruiva chorar em agonia antes de tudo escurecer novamente.


-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

Nightmare
Johnny come lately, the new kid in town, everybody loves you! So don't let them down, you look in her eyes the music begins to play. Hopeless romance? Here we go again

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 8 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capítulo I - Em busca da sereia perdida
Voltar ao Topo 
Página 8 de 9Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Shells Town-
Ir para: