One Piece RPG
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» ~ RESET ~
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Shiro Hoje à(s) 12:53

» [Kit - Garou]
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Ainz Hoje à(s) 12:06

» V - Into The Void
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 11:03

» Mini - DanJo
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor DanJo Hoje à(s) 02:51

» Crisbella Rhode
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 02:48

» A Aparição de Mais Um Meio a Tantos
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Wave Hoje à(s) 00:53

» O vagabundo e o aleijado
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Ghastz Hoje à(s) 00:40

» Mini Aventura - Agyo Shitenno
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 23:16

» O Legado Bitencourt Act I
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Faktor Ontem à(s) 22:16

» Apenas UMA Aventura
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Van Ontem à(s) 17:49

» Bellamy Navarro
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Greny Ontem à(s) 12:43

» Unbreakable
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor Ainz Ontem à(s) 11:55

» (Mini) Gyatho
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 01:02

» (MEP) Gyatho
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:55

» [MINI-Tenzin]Here we go again
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:53

» [M.E.P]Tenzin
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:43

» [Extra] — Elicia's Diary
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor GM.Noskire Ontem à(s) 00:27

» M.E.P DanJo
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:27

» Mini Aventura - No Mercy
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:20

» [Mini-Rosinante-san] O homem que quer ser livre
Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:15



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 Capítulo I - Em busca da sereia perdida

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte
AutorMensagem
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário


Data de inscrição : 26/02/2018

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyDom 01 Jul 2018, 16:21

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
O velhinho no balcão providenciou todos os itens necessários da ruiva, que com um sorriso pagou a devida quantia dos itens, colocou tudo dentro da mochila rosa e saiu da loja com um sorriso esplêndido e realizado no rosto. Queria ter comprado tudo antes, mas coisas mais importantes aconteceram, problemas maiores que itens materiais, a vida de outras pessoas era mais valiosa que qualquer objeto e Cris sabia disso.

Ao ouvir a voz da mãe, Cris deu um suspiro de alívio, felizmente estava em casa, Cris entrou na simples e humilde residência, deixando os sapatos na entrada, se voltou para sua mãe que a recebera de maneira comum, mal sabia ela os perrengues que a filha havia passado e o crime cometido. Não tinha certeza se deveria contar o que havia feito… Embora a mãe sempre fosse uma mulher muito justa, roubar, mesmo que por uma boa causa, não era algo valoroso. Engolindo seco, Cris se aproximou do sofá, sentando no mesmo de maneira relaxada.

Adorava aquele sofá, passou muitas noites ali lendo os livros que alugava na biblioteca - ‘’Acho que eu não devolvi o último livro que eu peguei…’' - pensou antes de se voltar a mãe.- Sim! Consegui conversar hoje de manhã com um marinheiro, ele me disse que eles receberam ordem de levá-la a um Dragão Celestial… Encontrei com uma moça, que disse que iria me ajudar a encontrá-la e que vai me dar uma carona até Loguetown. - Olharia para a mãe, seguraria nas mãos dela e com um olhar confiante diria: - Mãe! Eu vou encontrar a Mirana, ela faria o mesmo por mim, mas pra isso terei de ir para a GL… Só quero pedir que me apoie, eu vou ficar bem mãe, comprei algumas coisas com o dinheiro que eu tinha guardado, ainda tenho uma grana sobrando, vai dar tudo certo… Os revolucionários irão me ajudar nessa. - Cris estaria sorrindo, abraçaria a mãe, esperando que a mesma a apoiasse.

Se sim, Cris sorriria para ela, mas caso a mãe demonstrasse certa resistência, tentaria convence-la -Eu não sou criança, sei o que posso fazer e o que não posso, é uma questão simples e eu não estarei sozinha, já fiz alguns amigos que irão me ajudar nessa.- Tentaria convencer a mãe com uma voz firme, confiante. Cris conviveu a vida toda com sua mãe, sabia o quão difícil para ela seria deixar a única filha partir em uma viagem arriscada, mas mesmo que fosse obra do destino ou não, Cris não queria magoá-la, mas tão pouco desistiria de sua amiga. -Ela precisa de mim mãe... Não posso ficar parada vendo coisas erradas serem feitas em baixo do nosso nariz! Eu vou fazer o que for possível para trazê-la de volta para casa, queira você ou não...- Aguardaria a resposta de sua mãe.


-x-

Off:
Spoiler:
 

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

Mommy~
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]




Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyQua 04 Jul 2018, 08:57

Crisbella Rhode



Cris não possuía total certeza se contaria a sua mãe sobre o que havia feito anteriormente na mansão de Lázaro Duval e com um suspiro ela se sentava de maneira relaxada sobre o sofá. Ali, naquele instante a jovem pensava sobre como adorava aquele sofá e das várias noites que passara lendo livros ali, aliás a ruiva sequer se lembrava se havia devolvido o último que havia pego da biblioteca. Assim, ela se virava para sua mãe respondendo sobre as pistas que tinha encontrado sobre sua amiga - Nossa, você vai ter que ir mesmo? a mulher perguntava se entristecendo ao saber que teria de separar de sua filha, Cris olhava diretamente em seus olhos segurando suas mãos e com olhar confiante, ela falava sobre ir atrás de Mirana na Grand Line - Eu não sei se você ainda está pronta para enfrentar esse mundo lá fora, talvez você devesse esperar mais um pouco, filha Elizabeth tinha seus olhos cheios de lágrimas e correspondia abraçando a jovem.

Com a relutância de sua mãe em não a deixar sair em busca de Mirana, a jovem começava a tentar convencê-la dizendo que não era mais criança e que sabia muito bem o que poderia fazer, já até havia conseguido amigos. Seu tom de era firme e confiante o que só deixavam as coisas mais difíceis para sua mãe - Você amadureceu tão rápido Elizabeth não conseguia segurar mais suas lágrimas pela emoção que sentia naquele momento. A jovem realmente estava decidida com aquilo tudo e apesar de não querer magoar sua mãe ela também não queria desistir de sua preciosa amiga, ela falava uma última vez antes de esperar pela resposta que ouviria - Está bem, você venceu as lágrimas continuam a cair por seu rosto, mas Elizabeth finalmente cedia e permitia a partida da filha, algo que não imaginara até o presente momento - Mas, me mande cartas certo? ela estava agora um tanto séria e assim chamava a filha para mais um abraço. A dor da despedida era algo ruim, mas tão certo que aquilo era apenas um adeus e de certa forma Cris com certeza voltaria um dia para ver sua mãe mais uma vez.  


Offzão:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyTer 10 Jul 2018, 20:50

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
Cris sentiu uma dor enorme no peito ao ver as lágrimas no rosto de sua mãe. Sabia que era difícil de deixá-la ir para longe em um mundo perigoso, especialmente com revolucionários, das quais eram perseguidos e tidos como inimigos da marinha. Uma vida de crimes aguardava a ruiva, embora suas intenções muitas vezes nobres, escondem as reais ações da causa pela qual lutava. Traria a amiga de volta, independente do preço, nada era mais importante que a liberdade e dignidade de uma pessoa.

Abraçando a mãe, Cris deixou escorrer algumas lágrimas de seu rosto também. Sentiria muita saudade, mas tinha fé que logo estaria de volta. - Irei sim mamãe, escreverei cartas para você saber que estou bem, não se preocupe. - Irônico, logicamente ela iria se preocupar, mas esperava que no futuro, suas cartas pudessem aliviar o coração pesado de sua mãe. Terminou de abraçá-la e antes de sair de casa, voltou-se a ela novamente.- Ahhh esqueci de uma coisa... - Cris não demoraria para seguir ao seu quarto, queria levar consigo uma lembrança, por mais que simbólica de sua casa. Chegando no quarto, olharia ao seu redor, procurando um simples coelho de pelúcia da qual gostava muito. Sua mãe o havia costurado quando era bebê e desde então era o seu objeto favorito desde criança. Se achasse o coelho, guardaria-o na mochila rosa e voltaria para a porta da frente, dando mais um abraço na mãe antes de se voltar para fora da casa de madeira. Não olharia para trás, pelo contrário, sabia que se olhasse o seu coração doeria ainda mais ao provavelmente ver sua mãe ali. Seguiria em frente, com o rosto coberto pelas lágrimas mas com um olhar confiante.

Seus passos seriam calmos mas não lentos, recuperando o fôlego devagar e aos poucos enxugando as lágrimas do rosto, Cris seguiria para seu próximo destino: Awa´s Shells. Olharia para o céu, tentando identificar a hora que era, precisava se apressar para sair da cidade, mas ao mesmo tempo queria que a conhca se tornasse um colar. Se notasse que ainda tinha um certo tempo, iria até a velha cabana de Manawa que adorava fazer artesanato com conchas, Cris gosta muito de seu artesanato. Se o encontra-se, o cumprimentaria com um belo sorriso: - Ma-Maanawaaaa! Ta ai? - Se o mesmo respondesse, sorriria para ele: - Ahh e-eu vim lhe trazer um trabalho… irei v-viajar por um tempo, queria levar uma lembrança para uma amiga, pode me atender? - Estaria sorrindo com as bochechas coradas enquanto olhava para ele. Se bem atendida, aguardaria o artesão fazer sua arte, pagaria no final antes de voltar ao barco.

Se o notasse que o céu estava escuro demais e já havia se passado muito tempo desde que saíra do banco, voltaria para Rebecca no porto da ilha, andando calmamente mas de maneira esguia, evitando pessoas ao seu redor. Procuraria o barco novamente e embarcaria nele, tentando localizar os aliados. -Rebecca? Leo? Alguém por ai? - Se encontrasse Rebecca, a abraçaria, caso Leo, se aproximaria dele com um sorriso tímido.





-x-

Off:
Spoiler:
 

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

Leaving home
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptySex 13 Jul 2018, 15:23

Crisbella Rhode



Antes de ir embora, a jovem dizia que escreveria as cartas para sua mãe e assim que se soltara do abraço, se lembrara que havia esquecido de algo. Assim, Cris sem perder muito tempo seguia para seu quarto em busca de uma lembrança simbólica de sua casa e quando adentrou o local iniciou sua procura por um coelho de pelúcia. Após alguns minutos, a ruiva encontrara o brinquedo dentro de uma das gavetas da cômoda ao lado de sua antiga cômoda e com todo carinho, colocava o objeto de pelúcia dentro de sua mochila rosa. Por fim, ela ia até a porta da frente onde abraçava sua mãe uma última vez antes de deixar a casa e seguia sem olhar para trás, já que sabia que doeria ainda mais em si ver sua mãe ali e com isso, seu olhar era de confiança, mas estavam cobertos pelas inúmeras lágrimas que se formavam devido ao triste momento que acabara de passar na despedida. Com passos calmos a jovem buscava recuperar o fôlego perdido seguindo para a Awa's Shells, uma pequena loja localizada na margem norte de Shells Town construída por seu atual proprietário Manawa Awa e com um pouco de tempo sobrando a jovem conseguiria pedir um colar ao homem.

Depois de alguns minutos de caminhada, a ruiva conseguia avistar o estabelecimento e Manawa do lado de fora arrumando algumas coisas na cabana. Ao encontrá-lo Cris gritava chamando a atenção do homem - Mas olha só, tudo bem com você jovenzinha? sempre bem humorado o homem de pele bronzeada e corte de cabelo rastafári correspondia o sorriso dado pela jovem - Não irei demorar, vou num pé e volto no outro com sua lembrança pronta Manawa adentrava a cabana tranquilamente para realizar o pedido feito por Cris. Assim que terminou o objeto, o homem voltava com um colar feito da concha que a jovem entregara em mãos, mantendo um sorriso amistoso - Aqui está, são 50.000 Berries ele dizia ao entregar o colar para a ruiva e logo em seguida, já recebia o devido pagamento por parte da mais nova. Com tudo pronto, Cris partia para o porto mais uma vez buscando o navio revolucionário e tomando cuidado, ela procurava evitar as pessoas ao seu redor. Quando chegou a embarcação, deu logo de cara com seus aliados Rebecca e Leo conversavam sobre algo ao notarem a presença da jovem a major lhe dava um abraço, enquanto o outro apenas observava tudo com um sorriso - Finalmente! Os outros acabaram de chegar só faltava você para zarparmos! ela se desvencilhava do abraço, após alguns instantes para dar algum aviso - Muito bem todos! Quem faltava chegou, levantem as âncoras, icem as velas e vamos a toda velocidade para Loguetown! a major comandava os outros revolucionários que agiam rapidamente. A viagem estava prestes a começar e assim, Cris poderia começar a se aproximar do encontro com Mirana que possivelmente a esperava em apuros na temida Grand Line.

Offzão:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyDom 15 Jul 2018, 15:24

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
Embora a coragem e a vontade de mudar o mundo estivessem presos a seu coração, Crisbella continuava sendo a garota meiga, gentil e de certo ponto, infantil. O coelhinho em sua bolsa mostrava isso junto ao diário rosa que cederia suas páginas a cartas para sua mãe assim como os desejos de seu coração.

Manawa foi bem cordial com a garota, seu cabelo era diferente da grande maioria das pessoas da ilha, o que Cris achava exótico e muito interessante, Cris entregou a concha com carinho e aguardou o homem voltar enquanto pegava o diário de sua bolsa, anotou por ali os gastos que tivera naquele dia, sabia que tinha dinheiro suficiente, mas sempre era bom deixar contabilizado caso precisasse de um acesso rápido. Não demorou muito para Manawa voltar com a linda concha presa a um belíssimo colar. Os olhos de Cris se arregalaram de surpresa e felicidade ao ver o objeto. A concha brilhante que havia encontrado na praia junto a Adrian agora estaria em seu peito, acompanhando sua nova jornada, sem delongar, colocou o objeto em volta do pescoço, sorrindo ao lembrar do gentil marinheiro que a ajudará com a primeira pista sobre Mirana. ‘’- Espero um dia poder te agradecer de maneira adequada Adrian… - ‘’ O pensamento vinha a tona a cabeça da garota antes de pagar Manawa.

Sem delongar, os passos de Cris seguiram rumo ao navio Revolucionário. Recebeu o abraço de Rebecca com carinho, de algum modo, Cris sentia muita empatia pela mulher de cabelos rosas, e ao avistar Leo ao seu lado, sentiu as bochechas ficarem mais quentes e coradas. - D-Desculpe a demora, esta tudo resolvido! - Dizia Cris aos dois e logo em seguida, Rebecca dera a ordem de içar velas e colocar o barco em alto mar.

Nunca havia velejando antes e tudo aquilo parecia encantador a Cris. Estar em uma aventura a animava e sem pensar duas vezes, se dirigiria a proa do navio, queria ver o navio andar sobre a água e ficaria por um tempo ali, observando o oceano e pensando em Mirana. Embora o medo em seu coração fizesse seus punhos se fecharem, Cris tinha esperança que iria achá-la. Foi nessa esperança que sussurraria baixinho; - Não se preocupe Mi… Eu vou te achar, e todos os que fizeram maldade com você irão pagar por isso… Mesmo que eu tenha de fazer coisas que eu não goste… Você é minha melhor amiga… Faria o mesmo por mim… Só, espere mais um pouco ok? - Sorriria olhando para as águas e logo após procuraria Rebecca.

A viagem para Loguetown poderia ser longa, e embora o dia tivesse sido agitado até demais para a ruiva, não estava cansada ainda. Temia ficar enjoada, pois nunca estivera em um barco antes, mas caso isso acontecesse, teria um bom remédio de dormir nas mãos para apagá-la por um tempo. Se encontrasse Rebecca, sorriria gentilmente para a mulher. - Reh, não quero ficar atoa nesse barco, precisa de ajuda em alguma coisa? Posso limpar o convés, descascar batatas, o que você precisar! Só não quero me sentir um estorvo para vocês… - Suas palavras seriam sinceras, os revolucionários haviam ajudado demais a garota até aquele momento e sentia uma obrigação de ajudá-los no que fosse necessário ali.


-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 01
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyTer 17 Jul 2018, 22:22

Crisbella Rhode



Aos poucos a embarcação começava se movimentar, assim deixando para trás o porto de Shells Town, aquela era a primeira viagem da ruiva e aos seus olhos tudo parecia lhe ser encantador. A animação por estar em uma aventura fazia com que Cris se dirigisse até a proa para observar o navegar do navio sobre reluzentes águas, enquanto pensava sobre sua amiga Mirana. Nem mesmo os constantes barulhos provindos do convés da escuna pareciam lhe incomodar, já que parecia imersa em seus pensamentos sobre a sereia e embora seus punhos se fechassem por conta do medo no coração dela, a esperança que a jovem possuía em encontrar a amiga fazia com que sussurrasse algumas palavras em tom baixo, olhando o movimentado oceano. O sorriso inocente demonstrava toda a sinceridade que a jovem detinha ao dizer tudo aquilo, além de toda esperança de que suas buscas dessem certo para então reencontrar a amiga que havia sido retirada de perto de si.

Após algum momento sozinha com seus pensamentos, a jovem então decidira procurar por Rebecca e aquela não fora uma tarefa tão difícil, já que a mulher parecia ter ficado no mesmo lugar desde que Cris se dirigira até a proa. Imponente, a major revolucionária continuava a dar ordens aos seus subordinados - Mais rápido! não temos tempo a perder! os pobres coitados apenas se forçavam a continuar mantendo uma grande velocidade em limpar o convés, apesar disso alguns ainda paravam para descansar quando a mulher se virava de costas para fazer outras coisas. Sorrindo gentilmente para a superior a jovem questionava se ela precisava de ajuda em alguma coisa, Cris até aquele momento sentia uma obrigação de auxiliar seus companheiros, já que até  ali eles tinham ajudado ela - Bem, acho que você pode ajudar o cozinheiro a major colocava a mão sobre seu rosto em uma expressão pensativa, que estava estampada em sua face. Logo em seguida, a mais velha fazia um sinal para que Cris a seguisse até a cozinha e assim que chegavam ao local, podiam sentir um delicioso aroma provindo da comida preparada ali - Bruce, trouxe uma ajuda pra você a mulher falava com um homem esguio que parecia se esconder atrás de um grande caldeirão com sopa - Que bom, agora tenho mais alguém para me auxiliar com as batatas ele apontava para uma pilha de batatas, onde haviam alguns outros revolucionários descascando os tubérculos. Apesar de ter dado apenas um exemplo do que faria, a jovem agora estava literalmente prestes a descascar as batatas para aquela sopa, que provavelmente renderia porções a todos os que estavam no navio.  



Offzão:
 

Viagem escreveu:
1/6 Posts para chegar em Loguetown

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyQua 18 Jul 2018, 09:38

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
O sorriso no rosto de Cris a acompanhava enquanto ia para a cozinha do navio. Rebecca tinha seu jeito durão e firme com seus subordinados, mas com a ruiva até que ela era gentil e tanto compreensiva, talvez devido a sua beleza ou voz, mas Cris acredita que a mulher de cabelos rosas era uma boa pessoa atrás de seu jeito durão de comandar. Embora não tivesse nenhuma dívida com os tripulantes, ajudar era algo que a ruiva gostava de fazer e ficar parada definitivamente não era de seu agrado. Em passos lentos chegaram até a cozinha aonde Cris pode ver o homem atrás de um grande caldeirão de sopa.

Adentraram o recinto e logo Cris percebera o maravilhoso aroma que pairava pelo ar, não conseguiu identificar de primeiro o que era até o homem magro se pronunciar que seria ótimo mais alguém para ajudar com as batatas. Cris sorriu de maneira tímida para o homem, sentia as bochechas corando novamente como de costume e logo se voltaria a Rebecca, agradecendo a ela. - Obrigada, vou ajudar com m-muito prazer! - O sorriso da ruiva logo foi se tornando mais tímido a medida que se aproximava do monte de batatas das quais já haviam pessoas tomando conta.

De maneira tímida, Cris se aproximaria deles, pedindo por uma faca para descascar as batatas. - O-Olá… Posso me sentar aqui? O-Onde acho uma faca? - Estaria sorrindo de maneira tímida para as pessoas, se fossem homens, continuaria com as bochechas coradas, caso tivesse alguma mulher ali, tentaria sentar-se ao lado dela para se sentir mais confortável. Não puxaria assunto com ninguém, mas responderia gentilmente qualquer pergunta que lhe fosse feita.Após receber a faca ou o objeto cortante para tal tarefa, o observaria antes de começar a descascar as batatas.

Já havia descascado muitas batatas antes, pois em casa tinha o costume de cozinhar algumas poucas coisas para si e para sua mãe. Tinha noção do que era preciso e como fazer, porém nunca tivera a experiência de descascar algo em um barco que, teoricamente, está sujeito a mudanças de eixo e inclinação devido às ondas do mar. Assim, teria o máximo de cuidado possível para não cortar as mãos.

Tentaria descascar o máximo de batatas que conseguisse, se atentando aos detalhes de não deixar que nada da casca ficasse sobre elas, talvez demorasse mais do que os outros para fazer tal ato, mas continuaria tentando para fazer um bom trabalho, não se incomodava com o tempo desde que fosse feito um trabalho digno. Se o cozinheiro ou outra pessoa ali chamasse-lhe a atenção pela demora, diria: - Ah m-m-me desculpe… Eu não estou a-acostumada a usar uma faca… - Se encolheria em seu próprio canto, com vergonha e continuaria a descascar as batatas até que o cozinheiro dissesse que não precisava de mais. Iria até mais perto do caldeirão e do cozinheiro para perguntar a ele de maneira tímida: - E-Essa sopa, o cheiro está muito bom, o q-que tem nela? - Aguardaria a resposta com um sorriso tímido.




-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 02
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptySex 20 Jul 2018, 16:36

Crisbella Rhode



A viagem se iniciava tranquilamente com Cris dentro da cozinha prestes a começar a auxiliar o cozinheiro com as batatas. Antes que Rebecca pudesse se retirar do recinto, a jovem se virava para ela agradecendo e também que iria ajudar com todo prazer - Só tome cuidado para não se cortar viu? ela sorria amigavelmente para tímida jovem.  Por falar nisso, à medida que a ruiva se aproximava da pilha de batatas o seu sorriso cada vez mais se tornava mais introvertido e assim ela pedia por uma faca para começar a descascar os tubérculos - Bom, eu vou descansar um pouco agora, então você pode ficar com esta aqui gentilmente ele entregava a faca nas mãos da jovem e se levantava indo direção a porta - Obrigado pela ajuda Bruce dizia antes do homem deixar a cozinha. Por coincidência havia uma mulher em meio aos outros homens e parecia ser a mais jovem dentre os que estavam ali juntamente de Cris - Olá, me chamo Elisa, tudo bem? com um sorriso a moça estendia a mão para realizar um aperto de mão amigável com a ruiva. Com a resposta dada a outra jovem, Cris se atentava em descascar as batatas e apesar de demorar um pouco mais do que os outros, ela conseguia retirar as cascas facilmente.

Justamente por conta disso, Elisa algumas vezes a ajudava a realizar o processo um tanto mais agilmente - Olha, se fizer desta forma você pode terminar isso rapidamente com simpatia a garota de curtos cabelos azulados auxiliava Cris - Tudo bem, ninguém é perfeito certo? apesar de não exatamente ter dado alguma bronca na ruiva, Elisa parecia compreensiva e até entendia o que Cris dizia. Após alguns minutos descascando as batatas, a jovem finalmente se via livre daquela tarefa que poderia ser um tanto entediante, assim ela se levantava e ia na direção do cozinheiro perguntando timidamente o que havia naquela sopa - Bom, além das batatas tem aqui cogumelos, cenouras, frango e etc ele explicava calmamente para a jovem os componentes da sopa - Por que não prova um pouco? Bruce rapidamente enchia um prato fundo com a sopa e o entregava nas mãos da jovem - Vocês todos fizeram um bom trabalho! ele começava a encher o restante dos pratos com o alimento - Vem, vamos lá fora! Elisa puxava a mão da ruiva até o lado de fora da cozinha. Assim a viagem continuava para a jovem Cris que cada vez mais se aproximava de Loguetown juntamente dos revolucionários.
Offzão:
 

Elisa:
 

Bruce:
 

Sopa:
 

Viagem escreveu:
2/6 Posts para chegar em Loguetown

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptySeg 23 Jul 2018, 09:54

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
A garota dos cabelos azulados fez um breve e aliviado sorriso surgir no rosto de Cris. Ela parecia doce e delicada e fez a ruiva questionar se o Exército Revolucionário era mesmo uma organização tão poderosa quanto ouvira falar. Até o momento só havia encontrado pessoas jovens ali no meio, o que não era uma coisa ruim, apenas estranho. Imaginava que o Exército seria composto de soldados tão bem como a marinha. Era agradável saber que ali era seguro para todos, homens, mulheres e garotinhas delicadas assim como Cris que, acima de tudo, queriam mudar o rumo do mundo para melhor.

- M-Me chamo Cris...Tudo sim e você como está? - Perguntaria de maneira gentil enquanto sorria para a menina. Cris apertou a mão da garota e logo sentou-se ao lado dela para descascar os tubérculos. O pouco de dificuldade que tivera para descascar as batatas foram aos poucos sendo superadas pela paciência e gentileza de Elisa. - O-Okay… Vou tentar! - Cris parecia animada após ouvir a explicação e o novo método da garota, Cris começou a segui-lo e ficou surpresa por ter dado certo de alguma forma. Continuou ali até terminar de descascar o necessário e ao perguntar se havia mais alguma coisa a se fazer, foi surpreendida com um prato fundo com a deliciosa sopa.

- Ah, obrigada! O cheiro está muito bom. - Ela dizia ao sentir o aroma que emanava daquele caldeirão e do prato. Foi surpreendida com a voz de Elisa, que a convidara para sair da cozinha e se juntar aos outros para comer do lado de fora. Sorrindo, Cris acompanhou a garota, seu rosto avermelhado de vergonha logo mostrou um belo sorriso. Elisa parecia uma boa garota, estava feliz por ter encontrado uma talvez nova amiga.

Levando o prato de sopa consigo, Cris olharia ao redor, procurando um local para se sentar. Evitando ficar muito perto dos outros tripulantes, afinal, sua timidez afetava também o convívio social com muitas pessoas. Se encontra-se um local calmo e mais reservado, pediria para Elisa lhe acompanhar. - A-Acho que ali é um bom lugar… N-não gosto muito de aglomerados… - Diria com a voz em um tom baixo mas audível.

Se não tivesse opção e um local reservado não fosse possível, tentaria se manter calma, afinal todos ali eram aliados e subordinados de Rebecca. Confiava na mulher de cabelos rosas, sabia que estaria segura com ela e Leo… Ao lembrar do rapaz de cabelos verdes, suas bochechas ficariam ainda mais vermelhas. Não havia agradecido o rapaz pela ajuda na última missão ainda, especialmente na hora do discurso onde ele tecnicamente a ‘’salvou’’.

Comeria a sopa lentamente, degustando da mesma, estaria feliz se estivesse boa e caso não, comeria mesmo assim. - Está muito boa! - diria mesmo que fosse mentira. Estava acostumada com comida ruim, pois sua mãe não era grande cozinheira, mas ficava muito feliz com sabores deliciosos. - P-Pena que não sou muito fã de cenouras hehe. - Diria para Elisa com um sorriso. Aos poucos enquanto comia, relaxaria mais o corpo, estava cansada pelo dia que tivera… Várias coisas haviam acontecido. Se sentisse que a garota estava à vontade ao seu lado, Cris puxaria uma conversa amigável com Elisa.

- Então… A-A quanto tempo você está na tripulação? Todos aqui parecem tão amigáveis e g-gentis… - Terminando a sopa, deixaria o prato ao seu lado enquanto conversava com a garota. - Rebecca me ajudou muito assim como o Leo… Sou muito grata a eles… M-Mas me conte, o que te trouxe para cá? - Olharia para a menina de maneira gentil. escutaria sua história caso ela decidisse contar, e ao final, contaria sua própria.

- Minha melhor amiga foi sequestrada por marinheiros a alguns dias… Eu decidi ir atrás dela, ela faria o mesmo por mim sabe… Infelizmente ela já deve estar na Grand Line agora, por isso não posso perder muito tempo… Sabe-se lá o que podem fazer com ela… Uma sereia é muito valiosa para alguns, ainda mais se for bonita como ela… - Daria um breve suspiro enquanto abraçava as próprias pernas. - Mas eu não vou desistir! Vou achá-la e trazê-la de volta para casa! - Diria de maneira confiante antes de abrir um largo sorriso para a garota.


-x-

Off:
Spoiler:
 

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 03
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vincentão
Revolucionário
Revolucionário
Vincentão

Créditos : 31
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2017

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyQua 25 Jul 2018, 12:18

Crisbella Rhode



Cris acompanhava Elisa até o lado de fora da cozinha com um sorriso a primeiro momento envergonhado, mas que ficara maior mais tarde. Com o prato em mãos, a ruiva observava ao seu redor procurando por algum reservado, assim evitando a aproximação de outros tripulantes, já que sua timidez lhe afetava muito em convívio social com outras pessoas - Tudo bem, vamos lá então ambas se direcionavam até uma parte do convés a onde não havia ninguém, apenas em alguns momentos passavam aqueles que limpavam o navio. Lentamente, Cris levava a sopa até sua boca buscando degustar o alimento - Bruce é um ótimo cozinheiro, não é? Elisa sorria ao ouvir o comentário feito pela ruiva quanto ao sabor do alimento - Ele foi trazido pra cá justamente por conta de sua deliciosa culinária ela continuava a falar antes de tomar mais uma colherada da sopa. Por fim, conforme se alimentava a jovem relaxava seu corpo pelo dia exaustivo que tivera - Já eu, adoro cenouras! duplo sentido foda esse Elisa respondia o comentário feito anteriormente pela ruiva e parecia se divertir muito com aquela conversa que estavam tendo [ont=Arial Black]- É bom ter alguém com tempo para conversar [/font] ela falava sorrindo, enquanto se lembrava por instantes de quando não poderia conversar com Bruce ou até mesmo o restante dos revolucionários.

Vendo que a outra jovem estava à vontade conversando consigo, Cris puxava uma conversa amigável com Elisa perguntando a quanto tempo ela estava na tripulação - Deixa eu ver... Acho que são um pouco mais de 3 anos, já que entrei junto do Bruce ela também terminava o prato de sopa e colocava sobre o chão do convés, próximo da onde estavam. Cris continuava a conversa agora falando que era muito grata a Rebecca e Leo, a jovem também perguntava o que havia trazido Elisa para a tripulação - Bom, eu trabalhava como assistente do Bruce em um restaurante ela relembrava alguns tristes fatos - Isso não durou muito tempo, já que o lugar fechou por conta de problemas com a Marinha e muitas dívidas do dono Elisa prosseguia - Foi assim que a gente encontrou a Rebecca, que gostava da comida do Bruce e o recrutou para os revolucionários Por fim, ela sorria com o desfecho feliz de sua própria história - Enfim, eu só estou aqui por causa dele ela mantinha seu sorriso ao olhar para a cozinha. Com o término das palavras de Elisa, Cris também começava a contar sua história para a azulada que escutava a tudo atentamente - Nossa! Espero que você consiga encontrar sua amiga! ela parecia triste, mas sorria com a sequência de fatos contados por Cris. A viagem continuava de maneira tranquila e sem muitos transtornos para a ruiva, com isso os revolucionários estavam no meio do caminho para Loguetown.
Viagem escreveu:
3/6 Posts para chegar em Loguetown

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luizatomita
Revolucionário
Revolucionário
Luizatomita

Créditos : 30
Warn : Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 10010
Feminino Data de inscrição : 26/02/2018
Idade : 26

Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 EmptyDom 29 Jul 2018, 14:51

Capítulo I  - Em busca da Sereia Perdida
Aos poucos a sopa ia se acabando do prato e ao contrário do normal, Cris comeu as cenouras, com um pouco de esforço e cara torta, mas não desperdiçaria comida dada, ainda mais de seus companheiros que tiveram tanto trabalho de preparar a sopa assim como ela mesma. Deixou o prato ao seu lado e com um sorriso ouvia a história da menina.

Seus pensamentos voaram para longe ao ouvir que ela estava seguindo os passos de Bruce, o que não era algo tido como comum aos olhos de Cris, que desconfiada, acreditava que Elisa podia ter alguma relação mais… Especial com o rapaz e isso a fez sentir uma imensa vontade de provocar a garota de cabelos azulados.- HUUUUUUUMMMM… Você parece gostar bastante dele mesmo… Eu entendo, ele é até bonitão… Acho homens que usam óculos bem atraentes.- Ela dera dera uma risadinha com as bochechas coradas para Elisa, obviamente tentando descobrir alguma reação da garota para desvendar seus reais sentimentos entalados em seu coração. - Bem, irei encontrá-la com certeza! Ela provavelmente iria adorar provar dessa sopa e estar em um navio como esse… Sendo livre, pelo menos… Embora ela provavelmente dê em cima de todos os homens por aqui.... Ela sempre me deu trabalho com isso!- Em um suspiro, espreguiçaria o corpo antes de procurar algum apoio para descansar as costas.

Sorriria para Elisa antes de levantar-se. - Deixa que eu levo os pratos, não podemos deixá-los sujos né. - Pegaria o próprio prato e se a garota lhe entregasse o dela, voltaria para a cozinha, evitando contato com alguma pessoa estranha no caminho. Adentraria a cozinha e procuraria a pia ou o balde a onde se lavam os pratos, limparia os utensílios junto com os pratos, se percebesse que havia mais deles ali para serem limpos, os lavaria também, deixando tudo limpo e o máximo de organizado possível.

Se fosse impedida por alguém da cozinha, deixaria os pratos com o encarregado da limpeza do local, e mesmo assim se ofereceria para ajudar.   - Não me importo de ajudar! - diria sorrindo. Após terminar o trabalho na cozinha, se nada a impedisse, sairia dali. Ainda precisava ler o livro de costura que havia comprado, estava ansiosa para treinar alguma coisa com ele. Procuraria um local tranquilo, abriria a mochila e pegaria no livro.

Amante dos livros e da escrita, Cris sorriria de maneira graciosa ao folhear as páginas do livro, sentindo o cheiro do papel e a textura do papel sobre seus dedos. Começaria a ler o livro sem delongas, absorvendo as informações do mesmo da melhor maneira possível, estava com vontade de fazer algo especial, um presente talvez. Treinaria a costura enquanto lesse o livro, afinal, nada melhor que um manual juntamente com a prática do mesmo. Com um pequeno pedaço do tecido branco que havia comprado, bordaria seu próprio nome ali e continuaria treinando e lendo até poder fazer algo mais elaborado.



-x-

Histórico:
Spoiler:
 

Dados:
Spoiler:
 

The Ocean 04
When I see your face there's not a thing that I would change 'cause girl you're amazing! Just the way you are!

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I - Em busca da sereia perdida   Capítulo I - Em busca da sereia perdida - Página 7 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capítulo I - Em busca da sereia perdida
Voltar ao Topo 
Página 7 de 9Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Shells Town-
Ir para: