One Piece RPG
[Mini - Aspros] Epílogo XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [Mini - Lind] Testando novas águas
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Lind Hoje à(s) 1:38

» [Ficha] Song Jun Wang
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Visastre Hoje à(s) 0:53

» [Mini - Inim] O errante
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Khrono Ontem à(s) 23:25

» [Ficha] Miyamoto Ryuma
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Miyamoto Ontem à(s) 22:52

» [Mini - Van] Seguindo conselhos
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor GM.Hisoka Ontem à(s) 21:12

» [MINI-*JAUM11*] *O INÍCIO*
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Fanalis B. Ria Ontem à(s) 20:19

» Anitha Degar
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Degar Ontem à(s) 19:34

» [Ficha] Boney Pepino
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Pepino, o Breve Ontem à(s) 14:44

» Alipheese Fateburn
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 13:46

» [Kit - Gyro Zeppeli] Blum vai pegar
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Blum Ontem à(s) 13:25

» Ficha~Pierce~
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Pierce Ontem à(s) 9:58

» [Mini - Kyoki] Uma Jornada Inesperada.
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor GM.Hisoka Ontem à(s) 2:20

» [Ficha] Violet
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Nana. 21.07.19 22:17

» [Mini-SWGSwordWarrior]O Começo
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Khrono 21.07.19 21:56

» [MINI - Gust ] O Início do fim
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor ReiDelas 21.07.19 21:00

» [MINI - Pepino, o Breve] Rascunho
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor ReiDelas 21.07.19 20:54

» Maya Snow
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor ADM.Hoyu 21.07.19 20:14

» [Mini - Chikara] - Vamos para algum lado ?
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor Chikara 21.07.19 19:03

» Meu perfil / mini-aventura
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor ReiDelas 21.07.19 14:41

» [MINI-JuninhoSiq1997] O Inicio
[Mini - Aspros] Epílogo Emptypor JuninhoSiq1997 21.07.19 12:49



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and Fire

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 [Mini - Aspros] Epílogo

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Aspros
Membro
Membro
Aspros

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Aspros] Epílogo 10010
Data de inscrição : 17/02/2018

[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty21.02.18 17:51

Nome: Aspros
Idade: 19
Sexo: Masculino
Raça: Humano
Tamanho: 1,74 m
Estilo de Combate: Espadachim
Localização: East Blue - Shells Town
Grupo: Civil
Vantagens: Ambidestro
Desvantagens: N/A


Última edição por Aspros em 21.02.18 18:35, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Convidado
avatar


[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty21.02.18 18:05

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: https://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Aspros
Membro
Membro
Aspros

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Aspros] Epílogo 10010
Data de inscrição : 17/02/2018

[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty21.02.18 22:43

Uma brisa suave passa e me desperta, os olhos não se abrem, a nodosa sensação de um corpo que a pouco repousava ainda pesa em sua carne, a vontade de permanecer em repouso é inevitável, sente um leve formigamento em seus braços, retesados atrás da cabeça, usados como forma de travesseiro, um suspiro longo e desmotivado se rompe, as mãos deslizam sobre a grama como se a união de homem e natureza fosse possível, ele só queria permanecer ali, descansado e sem nenhuma vontade para o mundo. Porém este sabia muito bem do que se tratava o mundo, um lugar cruel e de poucas alegrias, fortes são aqueles que conseguem achar algum bom motivo para sorrir, isso o faz lembrar de seus entes a muito distantes agora, sua cicatriz arde com a lembrança e a mão imediatamente lhe cai sobre o olho, talvez tenha havido uma lágrima, talvez algum lamento, "Será que ainda se lembram de mim ?" ele se questiona.

É uma pena não poder ser eternamente pensador, eternamente vagando e divagando sobre dilemas, a vida pede muito mais que isso, a vida lhe pede ação, ao menos uma reação miníma por parte daqueles que procuram, e desde que fora expulso, tudo o que este jovem fazia era procurar, um motivo ou alguém ? Nem ele sabia lhe responder, o peso das suas escolhas o levaram a exoneração, porém este mantinha uma cabeça altiva e sem ressentimentos, na sua concepção fizera o que era certo e por isso tudo valeu a pena. Com um lamento seco o jovem levanta e começa a andar, gostaria de encontrar algum tipo de trabalho remunerado, algo que pudesse envolver um katana na negociação, ele era afeiçoado a lutas, acostumado com elas desde a infância, era algo que ele sabia fazer com certa destreza.

Um trabalho de proteção talvez, não gostava da ideia de machucar inocentes sem algum motivo maior, sabia que muitas das vezes as pessoas não tinham culpa por se machucarem, eram tratadas como inferiores e massacradas por todos os lados, muitos poderes existiam e abusavam de todos, e ele realmente gostaria de conseguir mudar tudo isso um dia, mas quem era ele afinal ? Que poder ele poderia possuir para mudar tudo, onde o caos se torna diário, a morte e o escárnio são crescentes, onde um mero Aspros se encaixaria nisso tudo ? Ele leva as mãos ao bolso e segue o seu caminho, esperando ter acertado bons números do dado do acaso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Convidado
avatar


[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty23.02.18 16:45

☾ Mini-Aventura☽
'Post 1
Interação & Dialogo

O dia estava frio em Shells Town, um clima completamente diferente do habitual, era neve, ela já cobria as vielas das ruas, e parecia tomar conta do lugar aos pouquinhos, estranho pra qualquer um que já morou ali, pois isso não acontecia na ilha com frequência, na verdade mesmo nas estações mais frias apenas a chuva caia, isso era um pouco surreal mesmo pra alguém que viveu a vida toda por ali, nosso herói que a pouco despertara de seu sono e passa a caminhar naquele mar branco que cobria as ruas, ele tinha um objetivo que era talvez conseguir algum trabalho pela ilha. O vento estava leve e a neve não caia muito violentamente, então as ruas estavam bem cheias, algumas crianças brincavam por todo lugar ali.

Já nisso o acaso caminhava ate o garoto, sem que ele menos esperasse uma loira que corria esbarrava nele caindo por cima do mesmo, em um golpe só, era uma mulher bonita, cheia de belas curvas, seios fartos, quadris largos, e olhos verdes-esmeralda, ela tinha uma pele extremamente macia era como tocar algodão, a cor dela ate mesmo se perdia no meio da neve quando se observava, ela estava aparentemente bem apressada, e todas as coisas dela se espalhavam pelo chão. - Me desculpa eu sou muito distraída.- e levantava de cima dele começando a colocar as coisas de volta no cesto que carregava, havia algo ali era uma oferta de emprego ao que parecia mas não dava pra ver direito de onde ele estava.

Os dados dele deveriam ter tirado ótimos números naquele dia e agora haviam mais oportunidades para alguém como ele e esse era o importante mais facil ainda se a contratante fosse ela mesma o que seria mais dificil mas ao menos deveria trabalhar no lugar, todas essas perguntas o jovem só descobriria com as perguntas certas, que ele deveria estar a menos de um passo de fazer.



Dicas e Orientações:
 




THANKS TENEBRAE



Voltar ao Topo Ir em baixo
Aspros
Membro
Membro
Aspros

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Aspros] Epílogo 10010
Data de inscrição : 17/02/2018

[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty27.02.18 14:17

Ele continuava lá, caminhante no branco atemporal, épocas incomuns de fato, neve caia em Shells Town, provavelmente a primeira vez que aquilo ocorria por ali, o vento leve carregava com ele uma gelada porém suave nevasca, que caia lentamente, fazendo a alegria de algumas crianças que brincavam e se divertia, aquilo provavelmente retirou um pequeno sorriso do nosso protagonista, mas não aquele sorriso agradável, mas aquele que se sente quando se lembra do passado, ele desvia o olhar das crianças e prefere focar o nada, lembranças podem ser feridas dolorosas, e elas traziam consigo a saudade, saudade de um tempo que não voltaria nunca mais, ele sabia disso, a cicatriz em seu olho o lembraria disso para sempre, com as mãos no bolso e olhar vazio então ele caminhava, não lamentando a neve, tampouco intrigado com ela, ele simplesmente ia, distraído e solitário como sempre fora.

Mas por mais deprimente e triste que esta história pareça, os clichês de que a esperança aparece dos lugares mais inusitados torna-se uma verdade nesta trama, e ela veio em forma de uma jovem radiante, tão radiante quanto o sol, emanava uma beleza certamente capaz de derreter o coração de qualquer um, e tão impactante quanto sua beleza fora o encontro dos dois, quando se deu por conta a moça já se encontrava sobre ele, linda e corada, destoando completamente da neve e da palidez triste de nosso jovem, -Me desculpa eu sou muito distraída. Dizia ela já levantando e se recompondo, guardando o que quer que fosse novamente na cesta que viera junto dela, o garoto ainda se encontrará atordoado, tímido e retraído como era, não esperava nunca conseguir chegar tão perto de tamanha vistosidade, porém um de seus pontos fortes sempre foi a educação, se apressaria em levantar e ajudar a moça, -Peço perdão, permita-me ajudar.

Gostaria de realmente fazer alguma coisa por ela, sem dúvida a garota parecia ter pressa, mas ele poderia ser útil de alguma forma então se ofereceria para levar a cesta para a jovem, estenderia o braço e pediria:- Se tudo bem por você, eu gostaria de te acompanhar, pelo menos levar isto para você, como pedido de desculpas. Certamente ele estaria envergonhado debaixo da mascara, provável que as palavras saíssem falhas e sem confiança, não tinha a miníma experiencia na arte da conversação, muito menos com jovens encantadoras quanto aquela lhe parecia, o rubor certamente lhe tomaria o corpo inteiro, mas ele não deixaria aquela oportunidade passar, uma oportunidade de ajudar, não esperava nada em troca, é claro, não se atreveria nem a perguntar o nome da jovem, para ele não existe tal vida, ele só era uma sombra, que quando podia, tentava ajudar de alguma forma, e esperava com todas as forças que ela aceitasse.

Caso ela recusasse, para ele certamente seria triste, mas nada fora do comum, bem certo de que isso já era esperado da parte dele, sem dúvida é o tipo personagem que sempre espera o pior, estenderia  o braço e indagaria, mas já esperava a resposta negativa, - Eu entendo, ele diria. E logo depois partiria, continuaria seu caminho, somente com a doce lembrança da jovem para aquecer sua mente naquele dia frio, continuaria atrás de algum tipo de tarefa em que ele poderia facilmente se encaixar, algo que não precisasse de muita comunicação, esperava ele.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Convidado
avatar


[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty01.03.18 20:11

☾ Mini-Aventura☽
'Post 1
Interação & Dialogo

A moça abria um risinho e logo o cumprimentava também se desculpando pela forma repentina com a que falou, elas estava bem preocupada com a possibilidade de os cestos pesados não poderem ser carregados apenas por ela, o que levaria a duas chances, derrubar tudo ou se livrar de um ou dois cestos, o que de certeza não era de forma alguma o que ela desejava fazer, ela logo prosseguia falando. - Oh desculpe ser repentina mas eu preciso realmente de ajuda hihhi, e sim era com você. - ela apenas pegava 3 dos 6 cestos e prosseguia.- Você pode levar 3 pra mim?- o rapaz não se demorava muito a responder apenas jogava a resposta por mais que seu cérebro fosse contra isso. há uma frase tão simples em um rosto tão calmo, mas com todo um completo medo, várias possibilidades horríveis se passavam na mente dele e se ela fosse alguém ruim, uma assassina, naqueles becos qualquer coisa era de se esperar, ele não estava errado em pensar assim.

A moça logo o passava os cestos e falava sobre o caminho era simples e ele só precisaria segui-la. - É em direção a área central na minha casa mas pra ser mais exata ela é centro por nome, já que fica no limite entre área central e gueto, um divisor, mas só me seguir e chegamos lá.- A moça começava a caminhar seguida do garoto e logo após passarem por vários caminhos cruzado estavam fronte a casa dela, ela pegava os cestos e colocava na calçada perto da porta assim como os que estavam com o garoto e logo o convidava. -Quer entrar? Tomar um suco, café ou comer alguma coisa, ou ambos?- Era um convite que parecia bom mas como ele reagiria, ela estava bem tranquila no seu rosto aparentemente, e era possível ver a fachada da casa toda coberta de neve.

Era um lugar bem grande no fim das contas parecia mais uma mansão quando olhava de fora, bem ele não sabia se dentro seria da mesma forma claro a menos que aceitasse adentrar, existiam possibilidades e possibilidades, mas apenas seguindo em frente pra saber, a mulher parecia bem calma e segurava a maçaneta da porta esperando respostas



Dicas e Orientações:
 




THANKS TENEBRAE



Voltar ao Topo Ir em baixo
Aspros
Membro
Membro
Aspros

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Aspros] Epílogo 10010
Data de inscrição : 17/02/2018

[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty05.03.18 19:09

As vezes, coisas boas podem tender a seu favor, a deslumbrante jovem aceitara a ajuda de nosso protagonista, que agora prontamente a acompanhava, juvenil como era, nutria uma profunda vergonha e falta de conversação com o sexo oposto, seguia então sem nada dizer, o olhar fixo em algum ponto, mas mesmo assim contente por poder acompanhar a moça e ser de alguma utilidade, ouvirá ela atentamente dizer o caminho e com um aceno, confirmará o entendimento do trajeto, conforme dito por ela, cruzaram alguns pontos e logo estavam em frente a uma casa com neve cobrindo a fachada. Pegara as cestas que ele trazia consigo e lhe oferecia comida, tímido e cético como era, aquilo certamente o deixou completamente envergonhado. -Obrigado, mas eu ainda tenho que fazer uma coisa importante na cidade. Diria ele, acenaria e tentaria partir.

Tudo aquilo estava parecendo convidativo demais para ser verdade, uma bela jovem, convidativa daquela forma, ele não sabia dizer se ainda estava sonhando ou estavam pregando alguma peça nele, ou era a volta da inocência nos seres humanos, por isso ele agradeceria o convite e partiria, não era do feitio dele adentrar na casa de estranhos de toda forma, pensar negativamente fazia parte dele, e aquilo estava suspeito demais, até para seu desejo de algum tipo de felicidade na sua curta vida, acharia um absurdo caso aquilo fosse algum tipo de golpe, visto que ele não carregara consigo nada de valor, porém, observaria a jovem com muita atenção, pois se ao ouvir a negação, ela demonstrasse algum tipo de irritação ou intuito de agressão, ele se prepararia para ela.

Certamente não gostava da ideia de agredir uma dama, isso o incomodava muito, então se caso ela partisse para cima dele, portando alguma faca ou semelhante, tentaria rapidamente desarma-la agarrando com precisão seu pulso e o torcendo, porém se ela portasse algum tipo de arma de fogo, esperaria a aproximação da mesma e em algum momento de descuido, tentaria imobilizar o braço da portadora, e na sequência lhe tomaria a arma.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Convidado
avatar


[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty07.03.18 16:52

☾ Mini-Aventura☽
'Post 1
Interação & Dialogo

- Tudo bem então, obrigada pela ajuda- era o que ela dizia, apenas entrando, ele não via todo o interior mas ainda na porta a casa da moça ao adentrar era maior do que parecia por fora, a entrada era um enorme salão vazio, apenas com uma katana que parecia num altar a direita do garoto, mais a frente haviam duas escadas que se uniam num numa passagem cheia de quartos que dava ali no segundo andar, e próximos a elas mais dois corredores ao fundo(Lembrando aquelas casas mais antigas de filme clássico americano.), já perto da porta ela colocava os cestos numa mesa a direita era um lugar maravilhoso exceto por uma coisa.

Havia bem ao centro da sala agora um homem com um charuto aceso a visão agora podia enxergá-lo mas como ele chegou ali? Era certeza que ele não estava lá antes a moça voltava com a jarra com um pouco de suco na mão e logo o homem sentado avançava e a jarra caia ao chão em mesmo instante o barulho de vidro quebrando era alto e claro, ele era estranho, longos chifres estavam na cabeça do mesmo, o cabelo mais lembrava a pelugem de algum animal, seu rosto era humano, mas relativamente peludo, mais do que o de alguém normal de barba, mesmo parecendo que ele a tinha feito a pouco seu cavanhaque se destacava, seus olhos avermelhados era parte importante de tudo aquilo, eles passavam um grande ar pesado como o do clima de um filme de terror, as unhas grandes nas mãos cheias de pelos também eram uma marcante na sua descrição.

O Cara com charutão, tinha um caminhar lento ate a porta deixava a moça em estado de alerta ela se afastava da saída e ele rapidamente falava próximo aos dois. - Olá Marilene Izabell, achou mesmo que eu estava me esquecendo de acertarmos as contas? Só pode ser piada, bem que fique de aviso a minha visita a este local, sabe onde isso para não é hahahahahaha..- A voz grossa e estrondosa tomava conta do vazio são, e ecoava por todo ele, o homem passava a mão no rosto dela já saindo pela porta a fechando, enquanto a moça se desesperava sem conseguir falar muito, ela apressadamente enrolava faixas nas mãos, se preparando prontamente pra alguma coisa.

O curioso garoto estava pronto a perguntar mas logo la de cima da escada direita outra criatura estranha e verde saia de um dos lados, mais especificamente a direita lado onde estava a , claro muito ditante ainda, usando uma boina e uma roupa simples ele caminhava arregaçando as mangas já em sua direção, haviam várias tatuagens em seu antebraço e um charuto também estava a sua boca, as presas mal se mantinham dentro da boca ficando enormes pra fora, a barba circulava o queixo e a parte dos lados das bochechas unindo-se as costeletas. - Viemos acertar as contas milady.- Ele caminhava rápido agora partindo de lá. Mas o mais estranho é que ele era um Cara verde de charutão

Antes de tudo pudesse dizer que a coisa estava ficando ruim não podia demorar, outro inimigo descia em um salto lá de cima, caindo já ao fim da escadaria pouco a frente. Era um Espadachim dessa vez, estava sem camisa e apoiava a espada ainda embainhada no ombro, seus cabelos eram brancos e longos com um rabo de cavalo amarrado logo atrás, outro grande destaques eram dois longos braceletes e ferro que iniciavam nos pulsos e cobriam quase todo o antebraço se aproximando do cotove-lo, nos pés usava um solado de borracha por baixo mas a parte que cobria a costa do pé era visivelmente metálica.


A moça então logo se colocava em postura de batalha aprontando todo o tórax ereto e firme e logo soltava a frase que provavelmente ele não queria ouvir depois de tanto sofrer esperando que algo acontecesse. - Sabe lutar né garoto? Escolhe um e vai pra cima que eu cuido do outro.- falava ela convicta do que estava dizendo. A espada estava a um braço de distância do garoto e os inimigos se aproximavam pra que rota ele seguiria?



Dicas e Orientações:
 




THANKS TENEBRAE



Voltar ao Topo Ir em baixo
Aspros
Membro
Membro
Aspros

Créditos : Zero
Warn : [Mini - Aspros] Epílogo 10010
Data de inscrição : 17/02/2018

[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty12.03.18 17:40

A situação não poderia ter se tornado pior,  uma simples ajuda a uma bela dama acabará de se tornar um verdadeiro caos, muito provavelmente mortal, a garota perguntará se o jovem estaria pronto para aquilo, ele fecharia os olhos e após um suspiro, estenderia o braço  ate a espada e a pegaria, -Como se houvesse alguma outra opção, o espadachim é meu. Diria e focaria no homem de aparência curiosa, na realidade todos eles detinham incomum semblante, porém isso não importava, não agora, sentia que aqueles homens eram perigosos, era melhor ter muita cautela.

Avançaria a passos lentos no começo, porém quando ficasse perto o suficiente, iria com velocidade total para cima do espadachim, ao conseguir fazer com que o adversário entrasse em seu alcance, seguraria a bainha e liberaria a espada com toda a força que conseguisse, eu um corte único, na horizontal, visando o tronco do adversário, sabia que as chances de conseguir efetividade com um ataque direto eram poucas, porém se conseguisse empregar forte e velocidade o suficiente, o adversário poderia não conseguir defender ou ser arremessado para trás, aproveitaria este instante para liquidar o mesmo.

Porém, caso percebesse no meio da corria que o adversário mudasse sua postura, e fosse desferir algum corte em sua direção, ao invés de ir diretamente ao oponente, no momento em que o espadachim começasse seu golpe, deslocaria seu corpo para o lado, ainda mantendo a velocidade, apoiaria o pé na parede para ganhar impulso e assim poder investir contra o maldito de uma direção oposta ao golpe do mesmo,  tentaria cortar o braço fora do atacante, pois o mesmo estaria ainda sobre o movimento de ataque, e esperaria ter velocidade o suficiente para pegá-lo.

Se o oponente, começasse a investir sobre nosso protagonista assim que o mesmo começasse o deslocamento, continuaria indo, porém ao chegar próximo ao oponente rolaria e se viraria desferindo um golpe visando o peito do adversário.

Olharia para a moça e diria, num tom calmo e cordial:-Vamos.

Sorry:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Convidado
avatar


[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty18.03.18 12:56

☾ Mini-Aventura☽
'Post 1
Interação & Dialogo

A moça dava um sorriso de leve ouvindo o que ele falava, mas logo avançava contra o outro inimigo deixando o espadachim pra ele claro, logo nesse momento nosso heroi analisava a situação antes de tudo, ele se pre parava pra avançar mas no momento que começava a fazer tal coisa notava que o homem que estava ali ia atacar, sim isso mesmo, seria um golpe frontal, mas ele estava preparado pra isso, ele rapidamente usando a parede atrás dele com um chute rápido se lançava para cima do inimigo que estava com a guarda baixa executando um golpe naquele oponente.

Aquilo quase era certeiro por milésimos movendo a espada direcionada ao ataque o homem foi capaz de bloquear. Nesse momento se preparando para continuar ele aproveitava para com o cabo da espada bater na cabeça do nosso protagonista, era um golpe simples mas bem dolorido, sim esse homem era rápido, isso agora estava mais que provado, ele nesse momento se pronunciava.- Muito bom, parece que treinou bastante, agora vamos ver se o suficiente.- ele então se preparava ficando em uma postura pessoal com a espada, erguendo ela na lateral com apenas uma mão, e segurando a bainha com a outra.

A moça trocava socos e chutes com o verdão e parecia manter a luta dela equilibrada, bom sinal pra o rapaz já que poderia se focar na luta dele sem se preocupar muito com o que rolava ali do outro lado, então as coisas seguiam bem, claro que a seu modo mas bem.



Dicas e Orientações:
 




THANKS TENEBRAE



Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




[Mini - Aspros] Epílogo Empty
MensagemAssunto: Re: [Mini - Aspros] Epílogo   [Mini - Aspros] Epílogo Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Mini - Aspros] Epílogo
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: