One Piece RPG
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Enuma Elish
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 10:22 am

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Licia Hoje à(s) 10:14 am

» [Mini-Aventura] A volta para casa
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Fiest Hoje à(s) 9:51 am

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Fukai Hoje à(s) 9:10 am

» [MINI-ARTHURBRAG] COMEÇANDO UMA AVENTURA
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor arthurbrag Hoje à(s) 9:07 am

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor PepePepi Hoje à(s) 6:50 am

» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 5:02 am

» Hey Ya!
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor GM.Mirutsu Hoje à(s) 1:56 am

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 1:08 am

» [Ficha] Raveny Moonstar
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 12:38 am

» Raveny Moonstar
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 12:36 am

» ブルーベリーパイ ~ Blueberry Pie
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 12:11 am

» Escuridão total sem estrelas
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 11:39 pm

» Capítulo I: Meu nome é Cory Atom! Filho de Kouha Atom
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Kiomaro Ontem à(s) 11:27 pm

» Arco 5: Uma boa morte!
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Kenshin Himura Ontem à(s) 10:58 pm

» A inconsistência do Mágico
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor CaraxDD Ontem à(s) 10:45 pm

» Seasons: Road to New World
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Volker Ontem à(s) 9:44 pm

» Ain't No Rest For The Wicked
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Hoyu Ontem à(s) 8:55 pm

» I - O bêbado e o soldado
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor Domom Ontem à(s) 8:49 pm

» Um novo tempo uma nova história
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 8:29 pm



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Dez 25, 2017 1:55 pm

Relembrando a primeira mensagem :

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial

Aqui ocorrerá a aventura do(a) marinheiro Laith Kinder. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
GM.Midnight
Tenente
Tenente


Data de inscrição : 27/04/2010

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptyDom Dez 31, 2017 10:30 am




The ache of my pain


Logo que encontrava o médico, e tinha seu pedido atendido, o marinheiro adentrava mais uma vez no consultório do doutor, observando o cenário conhecimento mais uma vez, dessa vez esperando que o outro tomasse a liderança no seu aprendizado.

~ Inicio da aprendizagem ~

Mirtrir recorria à sua prateleira, cheia de exemplares sobre as áreas da saúde, os dedos magros percorriam os livros até que paravam sobre um, puxando-o do aglomerado e deixando o mesmo repousar na mesa. Na capa do livro, de cor roxa, havia um titulo em letras garrafais “Os venenos dos mundo, a grande enciclopédia peçonhenta”. O médico abria-a, colocando em uma página onde exibia um gigantesco index com vários tipos de venenos e animais peçonhentos.

- Bom, a cada dia as pessoas descobrem novos venenos e animais peçonhentos, por isso possuímos enciclopédias como essa, afinal, não tem como saber todos os venenos do mundo de cor, não é mesmo? Hahaha ! Bom, acredito que para você o mais importante é conhecer alguns bem característicos e comuns, depois vamos para uma parte um pouco mais peculiar.

O médico movia as páginas até uma em que exibia um homem com várias pintas roxas ao longo do corpo, além de um inchaço notável nos lábios do enfermo, pela foto notava-se que o homem não estava morto, mas a situação não parecia ser das melhores.

- Esse é um veneno causado pelo Sapo verde pernas-longas, seu veneno não é mortal, mas pode causar paralisia e inchaço em alguns membros, em especial os mais sensíveis como os lábios, pele, etc.

Mais uma vez as páginas eram folheadas, enquanto o clínico olhava entre as figuras procurando alguma que possa apresentar. Dessa vez o escolhido era um homem com uma marca negra e putrefata, sobre a coxa do indivíduo, o qual parecia não conseguir movê-la.

- Bom, esse aqui já é um pouco mais agressivo, se não tratado no dia pode ser letal, é um veneno produzido pela cobra jibuta-negra, típica da sua ilha, Shell Town, devem ter tratado muitos casos assim. Agora é sua vez Laith, escolha alguns venenos desse capítulo e anote-os da seguinte forma:
Sinais:
Sintomas:
Animal:
Presente em:

O aprendiz pegava o livro e começava a olhar dentro do capitulo 1, nomeado como “Venenos comuns nos Blues”, e procurava aleatoriamente alguns que o chamasse a atenção, tais como:

- Veneno de Putra-amata
Sinais: Manchas amareladas sobre a pele, icterícia no paciente.
Sintomas: Febre agressiva e persistente, dores estomacais crônicas.
Animal: Javali Putra-amata
Presente em: No fígado e rim do animal.

- Veneno de cobra-dragão
Sinais: Protuberâncias ao longo dos braços e pescoço, “descamação” da pele no abdômen.
Sintomas: Dores fortes no abdômen, coceira cíclica nas protuberâncias.
Animal: Cobra Dragão-Coral.
Presente em: Pele do animal.

O soldado continuava com o fichamento ao longo dos venenos que observava, totalizando mais de 20 anotações, Mirtir observava as fichas e fazia um sinal de positivo com a cabeça, uma aprovação, e logo pegava um pequeno kit atrás da prateleira do livro, abrindo-a e contendo variados tipos de frascos e substâncias, além de instrumentos para mistura, separação, etc.

- Quanto à natureza dos venenos podemos separá-los de três formas: ácidos, básicos e neutros. É nesse ponto que você vai prestar atenção quando for neutralizar algum veneno, ainda assim, cada veneno produz no corpo algum sintoma ou sinal diferente, veja bem, venenos podem produzir sensação de ardência, dor, cansaço, ou até mesmo de atordoamento. Dependendo da potência do veneno, uma única gota é o suficiente para parar o coração de uma pessoa, é claro que isso depende também da pessoa, para um gigante por exemplo seria necessário muito mais.

Ele puxava do kit uma pequena placa de cerâmica e colocava sobre a mesma algumas gotas de um líquido incolor, mas um pouco mais viscoso, em contato com a cerâmica o mesmo líquido começava a tomar uma coloração amarelada. – Este é o veneno de Cobra Dragão-Coral, como não está em contato com o sangue ele reage pouco, mas consegue ver que ele está “digerindo” a cerâmica? Isso torna ele um veneno ácido, para isso temos que colocar algum produto que seja o contrário dele, a água do mar é uma boa opção para venenos muito ácidos, já que com certeza é o mais disponível. O doutor pegava então uma squeeze com água marinha e jogava sobre a amostra do veneno, o amarelado sumia e voltava a ser um único líquido incolor. – Se o veneno não tiver se alastrado muito, aplicando assim no local vai ser suficiente, mas se os sintomas tiverem mais forte, deve usar algum produto básico, como cetona ou cal diluído, em uma solução.

- No caso de venenos básicos. O médico pegava um outro frasco e pingava sobre a cerâmica, mas dessa vez não ocorria nada. – Venenos básicos não reagem como ácidos, mas causam um estrago igual ou pior, água-viva possui um veneno básico e você provavelmente vai encontrar muito deles na água.

Do kit, eram retirado  vários frascos e três deles de coloração diferenciada, enquanto a tampa de todos era de cor preta, os três frascos possuíam cor amarela, azul e branca.

- Ótimo, mas você deve estar se perguntando como eu sei tanto deles, se os frascos parecem iguais não é ? Agora vou te treinar um pouco a reconhece-los, a principal característica é como você viu, o aspecto visual, os ácidos tendem a ser mais viscosos, mas outra grande característica que permite diferenciar é o cheiro.

O homem colocava o frasco amarelo abaixo do nariz e sentia rapidamente um pouco do odor, em seguida o mesmo passava para Laith tal frasco, que resultante o pegava. – Fique tranquilo soldado, esses são venenos pouco concentrados, não fazem nenhum mal, uso eles como controle e referência para entender a natureza do veneno.

Kinder sentia então o veneno e a fragrância impregnava suas narinas, um cheiro que causava certa ardência e lembrava vinagre, o médico então passava as instruções ao marinheiro, para que sentisse o cheiro dos frascos controle e fosse reconhecendo nos venenos as notas de cada um, deixava com o mesmo uma venda para que se concentrasse apenas no olfato e fosse anotando os acertos e erros.

Se passava algumas horas na tentativa e erro, até que Mirtir voltava e observava a prancheta de acerto e erros do rapaz, ele olhava o mesmo e assim dava um leve tapa no ombro do aprendiz. – Olha só, não foi tão ruim assim, na minha primeira vez eu fui bem pior com você, já trabalhou com identificação de cheiros e afins? O assassino negava, mas obviamente no seu passado fora treinado de certa forma a conhecer alguns cheiros para afinar suas habilidades de execução e percepção.

- Acho que só falta ensinar a você uma coisa então, as vezes podemos usar outros venenos de propriedades distintas para neutralizar outro veneno, afinal uma natureza neutraliza a outra, assim passaria de um caso de veneno para um caso clínico comum. O marinheiro trazia em seu braço esquerdo uma vasilha grande, enquanto segurava na alça de um kit com algumas vasilhas e aparelhos. – Vou te ensinar como preparar alguns deles, sei que ensinar isso não deve parecer agradável, mas se você quiser aprender mesmo a toxicologia, é uma etapa necessária.

Laith fingia uma cara de preocupação, mas obviamente era uma mentira, tinha chegado ao ponto que finalmente queria: aprender a produzir venenos.

O professor retirava da vasilha um peixe de coloração laranja, de formato mais esférico e que parecia estar cheio de ar, enquanto havia espinhos armados ao longo de todo seu corpo. – Esse é o baiacu laranja não é? Comentava o soldado quando via o espécime colocado na mesa. – Exatamente, e nós vamos aproveitar um pouco do seu veneno para prepara-lo, aqui, primeiro usamos uma luva e com uma faca bem afiada cortamos a pele dele.

Após se instrumentar, Mitrir começava a fazer um corte na pele do peixe, um corte 3x3, colocando-o em uma vasilha com outros líquidos. – Aqui usamos alguns reagentes químicos, deve seguir a enciclopédia nesse ponto, porque cada uma diz como deve reagir para fazer a matriz do veneno, e é a partir daqui que podemos fazer antídotos específicos do veneno ou reproduzi-los, lembra da parte de reconhecimento da natureza do veneno? Consegue sentir que há um pouco do cheiro da referência básica nesse peixe? O soldado confirmava com um aceno de cabeça e continuava a observar. – Isso significa que o veneno dele também é básico, se colocarmos então produtos químicos com essa natureza, até mesmo a própria água do mar, podemos reproduzir o veneno.

Terminando os procedimentos, o outro passava para Laith a instrumentação e convidava o rapaz para tentar, Laith então pegava a pele realizando o mesmo corte 3x3 em uma região próxima ao anterior, reconhecia brevemente o cheiro básico e assim escolhia um produto básico dentro dos produtos químicos, reconhecido por etiqueta, e misturava à pele, observando que se formava um produto mais esbranquiçado, todavia ainda deixava boa parte da luz passar.

- É uma extração quase perfeita rapaz, devia se orgulhar, para uma primeira vez está muito bom, agora só falta praticar.

Kinder continuava a pratica e o doutor se retirava do local, passavam-se algumas horas e tentativas, com a maioria delas positivas, em que para validar o aprendiz reagia com o antidoto vendo se havia efeito e havia, por fim, visto que o professor não retornara ao recinto, o soldado saia, deixando seus resultados sobre a mesa.

~ Fim da aprendizagem ~

Laith retirava-se do consultório, sentia-se um pouco cansado pelo dia mentalmente exaustivo e assim procurava algum dormitório aonde poderia descansar, afinal logo estariam chegando a Loguetown e estar cansado seria um grande problema para os planos, não teria muito tempo de lazer ou folga na cidade, e não pretendia ficar muito tempo na cidade da passagem.






histórico:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Boreal
Pirata
Pirata
Boreal

Créditos : 4
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 19

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptyDom Dez 31, 2017 1:05 pm

Terminando seu aprendizado de toxicologia Laith se sentia ja extremamente cansado e exausto, deixando o local a caminho de um dormitório vago, que encontrava rapidamente. Uma cabine com dois beliches, e com um marinheiro descansando em um deles já também.

Laith não pensava duas vezes e se jogava na cama, pronto para ter seu desejado momento de sono. Aos poucos ele ia apagando naquele colchão que parecia tão fofinho, até que dormia.

Um tempo se passava e ele acordava com o grito de um marinheiro do lado de fora batendo na porta e seguindo pelo corredor. - MARINHEIROS EM SEUS POSTOS! Estamos prestes a atracar em Loguetown!
OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Midnight
Tenente
Tenente
GM.Midnight

Créditos : 61
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 23

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 1:38 pm




The ache of my pain


O sono era de fato restaurador, não atoa que os doutores por ai afirmavam que o sono era a base importante de uma pessoa, uma pena que na sua profissão (real e aparente), o rapaz não tinha tanto tempo para deleitar-se de tal prazer. Não era por coincidência que enquanto esse pensamento pairava sua cabeça, um outro marinheiro vinha avisar que a chegada para Loguetown estava próxima, e assim Laith se levantava, arrumando-se rapidamente até que estava com a higiene pessoal feita e seu uniforme à risca, junto de suas armas.

Sem delongar, o assassino se retirava do quarto e ia para o convés do navio enquanto se apresentava para o capitão do navio com uma contingencia, e então ficava a disposição, com o olhar focado no horizonte, observando a tão demorada Loguetown.

- Soldado Laith se apresentando, no que posso ser útil, senhor?

“Mais um passo..e em breve terei minhas respostas”





histórico:
 
off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

"Pague o preço do seu karma e aceite-o."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Boreal
Pirata
Pirata
Boreal

Créditos : 4
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 19

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 4:07 pm

E então o navio atracava em Loguetown, enquanto Laith saia de seu quarto rapidamente e se apresentava ao tenente de antes, capitão daquele navio, batendo uma continência. - Soldado Laith se apresentando, no que posso ser útil, senhor? - Ele dizia, se aproximando.

- Soldado Laith, encaminhe-se junto do soldado Phil para o QG de Loguetown, onde o Tenente Cruzis estará lhes esperando na porta. Sem mais, por enquanto. - E então batia uma continência para ele, liberando-o, enquanto apontava para um outro soldado, ruivo, com longas madeixas, e carregando um martelo de guerra sobre seus ombros.

Uma espécie de ponte era aberta ligando o navio ao pier de Loguetown, a Cidade do Inicio e do Fim, terra onde Will D. Chris fora assassinado, e Laith descia para o porto, vislumbrando a cidade. Era possível ver dali uma grande movimentação, comum da ilha, além de em destaque a famosa plataforma de execução onde Will D. Chris fora assassinado.

- Ei, você é o soldado Laith? - Dizia o soldado de cabelos ruivos de antes. - O tenente Sparks ordenou que fossemos ao QG da Marinha local, onde encontraríamos o Tenente Cruzis para nossa promoção. Vamos?

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Midnight
Tenente
Tenente
GM.Midnight

Créditos : 61
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 23

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 5:13 pm




The ache of my pain


Ao que ouvia as ordens do superior, o marinheiro devolvia a contingencia e logo se retirava do navio, surpreendendo-se com a cidade. Com certeza, Loguetown parecia bem diferente de Shell Town, era uma cidade com mais movimentação e que parecia muito maior à primeira vista, dado só pelas pessoas que transitavam na cidade, os olhos do marinheiro percorriam o local, como uma primeira análise, buscando algo que fosse chamativo, até que seus olhos iam para o soldado mais a frente, referido anteriormente pelo tenente.

Laith aproximava-se do mesmo e deixava um sorriso, falso, no rosto, com um tom mais calmo e buscando uma aparência amigável, mesmo que incoerente com seus sentimentos. – Ah sim, você deve ser o soldado Phill não? É um prazer! Bom, vamos andando, não deve ser bom deixar nossos superiores esperando.

O assassino começava a caminhar então junto ao soldado, deixando que o mesmo guiasse o caminho, passava os olhos pela cidade e então no outro navy, olhava o martelo já julgando que seu estilo de luta deveria ser pesado e talvez lento, afinal, se tivesse que lutar contra o mesmo, essa seria uma informação muito valiosa. – Então Phill, me diga, a quanto tempo está na marinha?

Ao que chegassem no Quartel General, esperaria que Phill se apresentasse primeiro e em seguida faria todo o ritual militar, até que encontrasse o tenente Cruzis, ou outro superior, e se posicionaria.

- Soldado Laith se apresentando, relatando viagem de Shell Town’s, chegamos com sucesso hoje!






histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

"Pague o preço do seu karma e aceite-o."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Boreal
Pirata
Pirata
Boreal

Créditos : 4
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 19

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 7:46 pm

- Ah sim, você deve ser o soldado Phill não? É um prazer! Bom, vamos andando, não deve ser bom deixar nossos superiores esperando. - Laith dizia para o outro soldado, com um sorriso agradável estampando seu rosto.

- Eu mesmo. Vamos lá! - Eles então seguiam, estando o ruivo com o martelo ainda repousado sobre seus ombros, aparentando não pensar em guardá-lo.

A dupla seguia então pelas ruas de Loguetown, enquanto Phil parecia impressionado com a quantidade de pessoas nas ruas e lojas abertas naquele lugar. Ao que parecia, nunca havia estado ali. - É tudo muito incrível por aqui, Laith! - Ele dizia, com brilho em seus olhos.

- Então Phill, me diga, a quanto tempo está na marinha? - Laith questionava, buscando informações.

- Eu? Alguns meses já, e estou muito feliz de estar sendo promovido a sargento! - Ele dizia, demonstrando a animação e verdade em suas palavras.

Em pouco tempo, eles alcançavam o QG, uma bonita estrutura com as cores típicas da marinha, azul e branco, com um homem imponente, trajando seu uniforme, óculos escuros, com grandes manoplas em formato de leão, e um simbolo de tenente em seu ombro. Ambos se aproximavam e ele esboçava um leve sorriso ao vê-los.

- Soldado Laith se apresentando, relatando viagem de Shell Town’s, chegamos com sucesso hoje!

- Soldado Phil se apresentando. Estamos aqui para nossa promoção para Sargentos. - Mesmo com a formalidade, não conseguia esconder a animação em sua voz.

- Bem vindos a Loguetown, soldados. O teste para sargento de vocês será bem simples: irão batalhar um contra o outro. Sigam-me. - E então ele adentrava o local, seguido dos dois garotos, levando-os a um grande pátio de cerca de 10x10, sem objetos, apenas o chão de concreto. Phil se posicionava logo ao centro, segurando ainda seu martelo. O que iria Laith fazer?

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Midnight
Tenente
Tenente
GM.Midnight

Créditos : 61
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 23

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 8:11 pm




The ache of my pain


O Quartel da marinha até que impressionava, uma estrutura imponente, assim como a marinha pregava a sua justiça, além de ter um certo destaque na cidade, reforçando sua posição central no poderio militar da região. Sem delongar com sua observação, o soldado após se apresentar ouvia as ordens do tenente e seguia para o local indicado, então o resultado de sua promoção iria depender da luta, e pelo pouco que sabia das características do adversário, ele usava um martelo e provavelmente tinha um estilo de luta mais devagar, em contraste com o seu que se destacava pela velocidade.

- Vamos ter uma boa luta então Phill !

“Que otário, só quero acabar com ele logo, agora vamos ver como posso fazer, tenho que usar minha velocidade como uma vantagem, então esquivas e ataques rápidos são uma boa opção, mas se aquele cara me acertar com esse martelo, é provável que eu estarei bem ferrado, sendo assim, a melhor opção no momento é usar a kunai.”

O marinheiro sacava sua kunai a empunhando, deixando a lamina na diagonal, frente ao corpo e na altura do peito, os olhos não mudavam de lugar senão do inimigo e os pés se movimentavam mais devagar, circundando o inimigo, esperando para seu primeiro ataque, como se fosse um tigre observando a melhor hora para dar um bote no mamute.

Caso Phill tomasse o primeiro movimento, indo em direção do soldado, Laith tentaria com agilidade iniciar uma corrida, ganhando velocidade e rolaria, buscando diminuir a distância entre o oponente e si mesmo, se fosse possível, passaria por debaixo das pernas do oponente, e se não fosse, ainda assim, tentaria desferir um corte de baixo para cima com a kunai, mirando o ombro do ruivo ( atrás, se chegasse as costas do opoente, ou na frente, se não tivesse conseguido). Prestaria atenção redobrada quando se aproximasse do outro, já que nesse momento era possível um golpe com o cabo do martelo, o qual o assassino tentaria desviar com um salto longo para o lado oposto ao do cabo.

Todavia, se Phill por um bom tempo não resolvesse atacar, Laith se aproximaria calmamente, ainda no movimento circular, e em dado momento explodiria em uma corrida em zigue-zague, seus olhos pairariam sobre o martelo e ao ver o golpe que seria dado, usaria o tempo entre a execução e o recebimento para desviar-se com um pequeno salto, e em seguida avançar contra o inimigo, dando uma investida rápida e buscando apunhalar a kunai contra o braço, ou o peito (o que estivesse mais fácil) do adversário, e se possível retirando-a rapidamente para utilizar a arma mais uma vez, entretanto, se um ataque fosse iminente, deixaria a arma empunhada no oponente e tentaria desviar com um salto longo para trás, já sacando sua ninjaken e a empunhando.
[/color]






histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

"Pague o preço do seu karma e aceite-o."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Boreal
Pirata
Pirata
Boreal

Créditos : 4
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 19

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 8:40 pm

- Vamos ter uma boa luta então Phill! - Dizia o habitante do céu, pensando já como derrotaria seu oponente.

Ambos se posicionavam para batalha e então Phil saia em corrida na direção de Laith, que fazia o mesmo, correndo em direção ao bárbaro. Quando estavam próximos o suficiente, o bárbaro tentava descer seu martelo contra a cabeça do ninja, que rapidamente, em um movimento muito astuto e, utilizando-se de suas habilidades de acrobacia, rolava, passando por entre o espaço das pernas do adversário. Phil ficava sem entender ao ver seu martelo passar pelo ar e não bater em nada, e mais ainda ao sentir o corte em seu ombro que se dava assim que Laith terminava seu movimento acrobático.

Contudo, logo que viu que o martelo não acertou, Phil girou seu corpo sobre os pés, mesmo após ter recebido um golpe, e acertou a coxa direita de Laith, empurrando-o para o lado e jogando-o para o chão a uma curta distância. - Vamos lá, Laith. Estamos apenas começando. - Enquanto eles batalhavam, o tenente Cruzis ficava apenas observando os dois, de braços cruzados e semblante neutro, a alguns metros.

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Midnight
Tenente
Tenente
GM.Midnight

Créditos : 61
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 23

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 9:16 pm




The ache of my pain


O primeiro golpe tinha sido um sucesso, o movimento de esquiva fora perfeito e o corte também, resultando em uma laceração no ombro do oponente, apesar de não mostrar o efeito esperado no inimigo, ainda sim, era um ponto. Mas, o que o marinheiro esquecia era da possibilidade de um outro movimento, e logo sentia uma forte dor em sua coxa e seu corpo era arremessado lateralmente, parando pouco mais a frente de onde estava.

“ Merda”

Sem perder tempo, o ninja se apoiava no chão com um joelho e ficava em guarda mais uma vez com a Kunai, olhava para o oponente observando-o, como estivesse procurando mais alguma falha em sua postura, enquanto isso com a mão livre ajeitava a ninjaken para que a mesma ficasse atrás da cintura, sabia que pelo menos por agora não poderia repetir o mesmo movimento e dada a falta de objetos do local, saltos não seriam as melhores opções.

O assassino decidia ficar na posição onde estava e tinha um plano em mente, esperaria o inimigo atacar, se o mesmo viesse com um ataque rotatório, desviaria com um salto longo para trás, ao tempo em que lançava sua kunai em direção do inimigo, tentando acertar o peito do mesmo, não se importaria se acertasse ou não, afinal era apenas um movimento para abrir a guarda do outro, assim, vendo o momento da guarda aberta, calcularia o tempo e avançaria com um mortal, esperaria o próximo ataque do inimigo, buscando desviar na direção oposta e caso houvesse sucesso, rapidamente com a mão esquerda sacaria a ninjaken e desferiria um corte horizontal no inimigo, na altura do braço, se o mesmo desviasse ao invés de executar o segundo ataque, Laith avançaria empunhando a ninjaken e tentando um golpe descendente na região do ombro já machucado. Ao final de seu golpe, recuaria com um mortal, tentando chegar até a kunai abandonada, pegando-a novamente e ficando em guarda.

Se o inimigo atacasse com outro golpe a não ser o giratório (horizontal ou vertical), desviaria com mais um rolamento e tentaria encurtar a distância com um salto curto, onde buscaria apunhalar o oponente com a kunai, usando a mão esquerda e a direita desferiria um corte com a ninjaken na região acima da outra arma, em seguida recuaria com um salto longo para trás e entraria em guarda. Se na sua investida, o inimigo tentasse outro golpe, desviaria com um possível mortal ou salto, e no último caso um bloqueio, tentando desviar a arma para o lado esquerdo.

Caso Phill não realizasse nenhum movimento, Laith se levantaria e sacaria ambas as armas, ninjaken e kunai, voltando a circundar o adversário, hora trocava as armas de mãos para tentar confundi-lo, e assim avançaria em uma corrida em zigue-zague, mas quando visse o ataque em sua direção recuaria para trás com um salto curto, esperando a arma chegar ao final do movimento, nesse tempo, olharia para qual fosse a melhor opção. Em um golpe descendente, Laith esperaria o martelo chegar próximo ao chão e aproveitando a brecha, usaria o cabo do machado como apoio para saltar em direção ao inimigo, levando suas armas acima dos ombros e disferindo um corte em X, focando o peito do marinheiro. Já em um golpe horizontal, o assassino se abaixaria e desviaria para a direita, buscando cortar a pena do inimigo, todavia, se fosse mais um ataque rotatório, abandonaria o plano do ataque, recuando com um mortal longo para trás, voltando a posição em guarda.

Em termos de bloqueio, Laith usaria a ninjaken como sua principal defesa e colocaria a ponta para aparar o golpe do adversário, usando o tempo ganho na tentativa de uma nova esquiva rápida, com rolamento, ou salto, na melhor direção.







histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

"Pague o preço do seu karma e aceite-o."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Boreal
Pirata
Pirata
Boreal

Créditos : 4
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Feminino Data de inscrição : 31/03/2013
Idade : 19

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 10:43 pm

Laith rapidamente se recuperava do golpe que havia recebido na coxa, e via o adversário Phil avançando contra ele novamente, segurando seu martelo pronto para acertá-lo com uma marretada. Era notável até que o bárbaro ia com as pernas mais fechadas, talvez se prevenindo do outro soldado passar novamente por entre suas pernas.

De toda forma, quando estava próximo o suficiente, Phil tentava realizar um golpe horizontal com o martelo, e o ninja saltava para trás, se esquivando então do golpe, e aproveitando a oportunidade para lançar sua kunai no bárbaro, que sem reação, acabava tentando saltar para o lado para se esquivar, mas acabava com um corte pouco abaixo de seu ombro.

Laith não parava e tentava avançar então contra o inimigo com um rolamento, e vendo isso Phil tentava outro ataque horizontal. Porém o habitante do céu era rápido e se esquivava novamente, sacando sua ninjaken e aplicando um corte na horizontal no adversário, acertando-o em cheio.

- Já chega! - Cruzis interferia na luta, separando os dois. Laith aproveitava para pegar sua kunai. - Já vi o bastante... Soldado Laith será promovido e Soldado Phil irá passar por outro teste para verificarmos mais suas habilidades. Laith, venha comigo. - E então Cruzis levaria o garoto para fora daquele pátio, até sua sala, onde haveria uma cadeira, uma mesa, algumas estantes e quadros nas paredes, um sofá. Ele diria para o soldado se sentar no sofá para começar a falar.

Avaliador:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
GM.Midnight
Tenente
Tenente
GM.Midnight

Créditos : 61
Warn : A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 23

A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 EmptySeg Jan 01, 2018 11:04 pm




The ache of my pain


Dessa vez os ataques haviam sido mais firmes, decisivos, e traziam o resultado que Laith desejava, em pouco tempo via seu corpo se mover com fluidez enquanto a kunai era lançada, esquivada e em seguida o próprio marinheiro se esquivava de uma martelada em sua direção, tendo como resposta o corte fundo da ninjaken contra o oponente.

O soldado já se preparava para atacar novamente, mas a voz do terceiro o fazia parar, assim o rapaz ia aos poucos indo para trás e pegava a kunai, por fim guardava a espada e parava por um momento, mesmo que estivesse com raiva do outro pelo ferimento, talvez fosse manter as boas relações para algum problema no futuro. Sendo assim, o ruivo se virava para o outro ruivo e se aproximava um pouco dando um falso sorriso. – Foi uma boa luta Phill, obrigado, espero que possamos estar juntos em outras missões, e desejo a melhor sorte na sua próxima avaliação.

Dito isso o ninja se retirava do local e seguia o tenente, indo em direção à uma outra sala no prédio, ao adentrar notava o ambiente bem diferente do anterior, agora haviam quadros e mobília, um típico escritório de alguém de alta patente no local.

“Bom, agora deve vir todo o mimimi de condecoração e ai poderemos ir para o que realmente interessa”

O rapaz dava alguns tapas em sua roupa  para tirar o pó e sem delongar se sentava no sofá, esperando a palavra do tenente.






histórico:
 
ao avaliador:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

"Pague o preço do seu karma e aceite-o."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial   A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A verdade sobre A Corte ! O passado de um oficial
Voltar ao Topo 
Página 2 de 9Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Polestar Islands-
Ir para: