One Piece RPG
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Nox I - Loucura
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Catuios Hoje à(s) 23:31

» Sons of Vermillion's Blood: Gênesis
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 22:08

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Achiles Hoje à(s) 21:43

» Teleton Chronicles I: Retaliação
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Sakaki Hoje à(s) 21:34

» [ficha] Hinata Bijin
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Bijin Hoje à(s) 20:39

» Apenas UMA Aventura
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Van Hoje à(s) 20:35

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Wesker Hoje à(s) 20:07

» Buki Bijin
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 19:02

» Arthas Mandrake
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 18:58

» Bastardos Inglórios
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Wing Hoje à(s) 18:57

» Evento Natalino - Amigo Secreto
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Mizzu Hoje à(s) 18:13

» あんみつ - Anmitsu
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Vincentão Hoje à(s) 18:03

» Unbreakable
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 18:03

» Cap. 1 - Abrindo caminho
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Fonseca Hoje à(s) 17:31

» [Mini-Theodore]
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Death-D.Obscure Hoje à(s) 17:04

» [Ficha] Mikhail Vermillion
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 16:40

» Mikhail Vermillion
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 16:37

» Construindo o Começo
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor Graeme Hoje à(s) 15:17

» [Ficha] Coldraz Vermiillion
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:35

» Coldraz Vermillion
Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:34



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 Em busca de fama! Um começo!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1 ... 12 ... 20, 21, 22
AutorMensagem
ADM.Ventus
Pirata
Pirata


Data de inscrição : 15/12/2013

Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de fama! Um começo!   Em busca de fama! Um começo! - Página 22 EmptyTer 03 Abr 2018, 15:58



Aliança Pirata
Consequências


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Era de certa forma boas notícias que eles recebiam indicando que o corpo militar da marinha tinha meios de conseguir extrair uma informação e agir em cima dela quando necessário no entanto aquele não era um momento de comemorações já que a marinha ainda circulava a região, o plano de fuga era executado exatamente como Savage dizia diferente de como eles tinham chegado na mansão com um grande grupo pirata agora eles evacuaram em pequenos grupos dívididos, era um plano prático considerando a velocidade e a tentação de confundir o inimigo mas era um tanto arriscado considerando que um grupo pequeno poderia ser facilmente capturado ainda mais considerando as condições em que os piratas estavam, por sorte os piratas da ruiva não sofreram com tal desfortuna e em segurança eles se aproximavam do porto.

No local tinha uma grande concentração de piratas do bando de Savage se reunindo entrando em botes para que pudessem remar até o navio que já não estava mais ancorado no porto e sim alguns poucos metros a frente, aqueles homens mais apressados para ir a bordo do navio arriscaram a nadar até o mesmo. -Deixaram o navio pronto para zarpar caso os navios da marinha dessem a cara.- Falou Bart continuando o trajeto até o porto, estavam todos muito machucados e cansados e isso era visível para qualquer um. -Esperem aqui ajudarei a pôr os mais feridos nos botes. - Falou Bart deixando os piratas da Ruiva na plataforma do porto enquanto ele e Elizabeth iam ajudar os mais fragilizados.

Como o navio não estava muito longe era possível para o trio ver toda a movimentação do barco, Yue começava a se tratar ali mesmo improvisando algumas coisas que ela encontrava como bandagem e materiais necessários para a produção de um torniquete e outras coisas úteis para cuidar de Ria e Dk, enquanto ficavam descansando no porto Savage surgia na murada do navio com um semblante sério e um corpo levemente ferido. -Sinto muito pelas suas perdas.- O homem se apoiou no muro do navio encarando a dupla no porto que gradualmente ia ficando mais vazio, Savage parecia esperar que a garota dissesse mais alguma coisa e por um momento seus olhos se direcionaram até o Dk como se esperasse o mesmo dele mas ao perceber o silêncio da dupla o homem suspirou pesadamente. -Então é isso “sinto muito”...- A palavra soou como um escárnio -Palavras vazias eu digo! Eu lhe não só uma chance mas duas e ainda assim você estragou tudo, ruiva...- Era clara a desaprovação de Savage e nesse momento o porto ficava vazio com apenas Ria, Dk, Yue e alguns piratas que estavam em um ponto crítico de saúde. -Olha a sua volta, ceifadora e diga a eles que sente muito por estarem nesse estado, vamos diga! Julyan me falou o que aconteceu na mansão, ele interceptou o tal Adaga que por sinal libertou os restantes dos reféns os mesmos que você deveria manter!- Ele apontou seu dedo indicador para o trio. -Sarutobi sobreviveu por pouco e me contou sobre o tal Katana e de como o Mallone fugiu, fomos cercados, alvejados e mortos pelo SEU egoísmo!- O rosto do homem estava vermelho em fúria, seus gritos de raiva eram acompanhados com trovões da tempestade tornando toda a discussão mais intensa.

No porto os homens mais feridos acompanhavam aquela discussão atônitos com a reação de seu capitão como se aquilo fosse algo raro ou até mesmo novo de se ver alguns até mesmo tentavam se levantar para ouvir melhor tudo aqui ou se re-posicionar para ter uma visão melhor daquela cena, Savage estendeu seu braço para o lado e gesticulou com sua mão para que alguém se aproximasse e esse alguém era Carlos e Julyan que traziam Haru amarrado e com uma fita em sua boca. -Por causa desse mísero homem todo meu planejamento de meses foi para o lixo, tudo por causa de sua noção estúpida de protegê-lo, por causa disso dezenas de homens meus morreram então por quê, eu deveria mantê-lo vivo?- Ameaçava Savage voltando sua atenção para Haru enquanto passava o gancho pelo pescoço do velho. -PAPAI! SOLTE-O, ELE NÃO TEM NADA A VER COM ISSO, A CULPA FOI NOSSA!.- Gritou Yue antes se levantando antes mesmo de terminar seu tratamento.  -Me deem um bom motivo para isso!- Brandiu Savage de maneira rude voltando sua atenção para o trio.



-Fanalis-
-Kaminari-
-Marine-
-Savage-
Histórico RIA:
 
Histórico DK:
 
FERIMENTOS:
 
OFF:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fanalis B. Ria
Pirata
Pirata
Fanalis B. Ria

Créditos : 51
Warn : Em busca de fama! Um começo! - Página 22 10010
Feminino Data de inscrição : 30/11/2017
Idade : 23
Localização : The Wonderful Land

Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de fama! Um começo!   Em busca de fama! Um começo! - Página 22 EmptyQua 04 Abr 2018, 04:17



Cidade Do Começo e Do Fim! Mas A Lenda Vai Continuar!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Abrir:
 

Depois de uma longa caminhada, com dificuldade devido a todos os danos que sofremos na mansão, finalmente chegamos no porto, nem estava acreditando, passamos por muita coisa naquela mansão, mas estava com uma certa sensação de alívio ao ver que tudo tinha finalmente acabado. Os homens de Savage mais feridos estavam sendo ajudados por Bart, enquanto Yue estava cuidando de si mesma, para depois olhar nossas feridas e nos tratar também, com isso, também poderíamos ajudar quem estivesse com problemas maiores. A tempestade era intensa e ainda tinham muitos feridos no porto para serem ajudados, deixando o lugar bem intenso e com uma grande correria no momento por parte dos outros piratas que estavam em melhor estado.

Não demorava até eu ver Savage que aparecia em seu navio nos encarando, prezo minhas condolências para o homem que mostrava sua fúria, me dava até um certo cala frio ao ver o jeito que suas falas se encaixavam com os trovões no momento, era como quando ele fez o discurso antes da invasão, mas ao invés de inspiração, suas palavras mexiam comigo, fazendo com que eu me sentisse ainda mais culpada por tudo, além da dor que eu sentia pelos meus ferimentos físicos, sentia uma sensação ruim ao pensar em todos os homens que morreram supostamente por minha culpa, escutava tudo que Savage tinha a dizer calada, em de pé próxima à Yue olhando em seus olhos com o rosto sério, de uma maneira que nunca tinha ficado na presença de Savage até o momento.

Savage sempre se mostrava como um homem brincalhão e sério nas horas que eram necessárias, mas nunca tinha visto ele daquele jeito. Era possível notar como o homem estava bravo conosco, naquele momento ele parecia ser o tipo de pessoa que guardava rancor e levava desaforo para casa, descontando tudo em seus inimigos. Ele aparentava saber de tudo que tínhamos feito na mansão que saiu de seus planos, pelo menos, era o que eu percebia ao escutar o que ele falava sobre Adaga, Katana, a fuga do Mallone, tudo. Ele descontava sobre nós como se toda a culpa fosse nossa, nesse caso, em seu ver, meu egoísmo tinha causado as falhas de seu plano.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Enquanto ele jogava a culpa sobre mim, eu abaixaria a cabeça levemente, soltaria meu cabelo molhado, colocaria um dos braços na frente de Yue, fazendo o sinal para que ela ficasse e deixasse eu cuidar disso. Então andaria em sua direção com os punhos fechados, chegando o mais próximo que conseguisse do navio e de Savage. Quando chegasse próxima, permaneceria com a cabeça abaixada por mais alguns segundos, então a levantaria olhando diretamente nos olhos de Savage com o rosto ainda sério e levemente fechado, o encararia por mais alguns segundos e então falaria - Realmente, tudo que te falaram é verdade, na mansão, eu estava interrogando o Mallone, quando Adaga e Katana apareceram, ambos eram extremamente fortes, eu estava sozinha contra eles, até tentei chamar os outros, mas não consegui, nessa interação minha com os mercenários, o Mallone conseguiu escapar e eu e os outros ficamos lutando contra os mercenários, durante a confusão, Adaga saiu, talvez tenha libertado os outros reféns nesse tempo, não sei dizer, mas depois disso, ficamos tentando derrotar Katana, foi quando seus homens chegaram e nos salvaram. -

Me aproximaria um pouco mais de Savage dando mais um pequeno passo, retomando o fôlego sem desviar meu olhar dele e continuaria - Mas me diga Savage, ninguém aqui pode prever o futuro certo? Poderia ser que o Mallone continuasse conosco na mansão e a marinha tentasse uma abordagem diferente da que foi feita, sendo talvez ainda mais efetiva ou uma abordagem menos efetiva, que no caso, é o que você está supondo, não temos como saber se o que fizemos atrapalhou, ajudou ou não mudou nada do que aconteceu lá. -

Estenderia meu braço direito, olhando para a palma de minha mão e ainda falando - O que podemos dizer é que erramos, eu não conhecia bem seus homens, mas sim, eu sinto muito por todos que morreram, entretanto, matar esse velho inocente vai trazer eles de volta? É isso que eles iriam querer? Nós descobrimos coisas que podem ajudar a população, talvez até a família de alguns de seus homens que foram mortos hoje ou os que estão vivos, além de termos provavelmente acabado com o reinado dos Mallone. - falaria tudo com convicção de que estava certa, e realmente, era o que eu pensava em relação à tudo que aconteceu hoje.

Veria se com isso, ele já teria se convencido de não matar o pai de Yue, mas independente disso, voltaria a olhar para ele e falaria - Savage, não mate esse velho, seria como se a vida de seus homens fosse levada com eles, eles lutavam pelo tesouro, isso era um fato, queria as riquezas e tudo mais, mas para mim, eles foram mais do que isso, foram heróis que ajudaram a salvar Loguetown das garras daqueles crápulas que acabaram com o sistema de saúde da ilha, esse homem vai ser fundamental na reestruturação de tal sistema, se você matá-lo, a vontade de seus homens que morreram hoje, morrerá com eles. - estenderia minha mão com a palma aberta para ele completando - Além disso, acima de tudo, você é um pirata, imagino que até mesmo os piratas tenham honra, me deixe levar esse homem e nossa parte do tesouro conosco como foi nosso acordo em troca de nossa ajuda, depois disso, nunca mais você nos verá se quiser, se nos ver pode tentar nos matar ou qualquer coisa do tipo. A Ruiva Guin nos disse para ter cuidado com você, mas eu confio em você depois de tudo que vi até agora e sei que tomará a decisão certa, ou vai me dizer que não consegue cumprir nem uma simples promessa? -

Se mesmo assim Savage ignorasse minhas falas, seria possível que ele o jogasse no mar já que ele estava amarrado, podendo o ferir antes ou não, caso o jogasse, eu eu deixaria minha foice no chão e mergulharia na direção dele. Não esperava que Savage faria isso, levando em conta que até agora se mostrou ser um homem sensato, sem nunca tomar atitudes inúteis sem uma finalidade específica como vingança, mas não era com isso que devia me preocupar agora e sim em salvar o pai dela, nadaria o mais rápido que conseguisse, agarraria as cordas no homem e tentaria puxá-lo comigo nadando até a superfície. Assim que subíssemos, o colocaria próximo de Dk dizendo enquanto encararia Savage - Corte as amarras. - pegaria minha foice, ajudaria o homem a se levantar e falaria - Vamos sair daqui. - viraria as costas e auxiliaria o homem como pudesse para sairmos de lá o mais rápido que pudéssemos. Provavelmente ninguém nos atacaria, mas se visse uma aproximação estranha por parte dos piratas enquanto eu ajudava o homem, encararia o atacante, descontente e falando - Tem certeza de que quer fazer isso? - Nessa hora, se alguém nos atacasse, provavelmente pararia com minha ameaça.

Estaria ofegante depois de toda essa discussão juntando com a exaustão que tinha após tudo que tinha se passado, não saberia dizer se Savage colaboraria ou não, caso ele colaborasse e deixasse que levássemos nossa parte do tesouro e Haru, falaria para ele ao pegá-los - Sabia que você faria a escolha certa! - os pegaria e sairia andando com eles, faria isso como pudesse, levando em conta meus ferimentos, assim que tivéssemos uma certa distância dos piratas, mas em um lugar que eles possam me ouvir mesmo com a tempestade, me viraria para o navio e gritaria balançando os dois braços bem alto à todos da tripulação que ouvissem e principalmente Savage com um sorriso estampado no rosto - ADEUS, NOS ENCONTRAMOS NA GRAND LINE! - apesar dessa crise final, tinha passados alguns momentos bons e ruins com todos aqueles piratas, alguns deles, eu jamais me esqueceria, lágrimas escorreriam de meus olhos ao me lembrar de tudo, essas logo sumiriam ao se misturarem com a forte chuva em meu rosto, mas mesmo assim, limparia com meu braço, não sentiria ressentimentos por eles, afinal, eles tiveram motivos para fazerem aquilo e causarem todo aquele drama, eu provavelmente também estaria irracional caso perdesse Haru ou Dk.

Assim que nos afastássemos o bastante, falaria para Yue e Haru - Vocês tem algum lugar para passarmos a noite, certo? Tipo aquele consultório, não devemos ter problemas sem os Mallone para atrapalhar agora. - se sim, seguiria com eles até o lugar que tivessem, caso não existisse tal lugar, iriamos até nossa canhoneira que provavelmente não estava tão distante dali pois a deixamos no porto, chegando no lugar, tomaria um banho. Caso fossemos para o consultório, perguntaria - Vocês tem roupas limpas para me arranjar? As minhas estão rasgadas e sujas. - se sim, as vestiria e depois, deixaria que Yue ou Haru cuidassem de minhas feridas, nesse momento, falaria para Haru - Sem os Mallone, tudo na cidade deve voltar ao normal, acho que você pode precisar passar uns tempos aqui em Loguetown até que tudo se restabeleça. Na mansão, descobrimos que ainda tem médicos que não foram mortos por se esconderem em meio ao caos, eles também podem ajudar, então, não devem ter problemas se Yue vier conosco. -

Se o pai de Haru fosse morto no navio ou morresse no caminho enquanto saíamos de lá, levaríamos ele até onde pudéssemos longe dos piratas, provavelmente Yue ficaria com ele, nessa hora eu diria para Dk - Vamos levá-lo para que ela faça um enterro. - levaria o corpo do pai de Yue e depois de tratados, não haveríamos motivos para comemoração, a não ser ajudar Yue no funeral de seu pai como ela quisesse, seja o cremando, o enterrando ou deixando a deriva no mar, jurar vingança a Savage e seu grupo um dia e consolar Yue pela sua perda a abraçando e dizendo - Me desculpe por não ter conseguido salvá-lo. - depois disso, daria tempo a ela para que superasse a morte de seu pai, faz poucas semanas que o meu tinha morrido, mas eu já havia superado, embora ainda me lembrasse de como era triste, ela com o tempo vai ficar bem, imagino.

Tudo teria finalmente se acabado, a invasão e todas as outras tramas que tínhamos encontrado e vivido naquela ilha e em Conomi Island nos últimos dias, se tivéssemos conseguido chegar em algum lugar seguro, eu dormiria onde quer que estivéssemos, no chão mesmo se fosse necessário, estaria exausta, no outro dia, perguntaria a Haru ou Yue -Onde fica a taverna ou restaurante mais próximo? se não soubessem, perguntaria a pessoas na rua mesmo até encontrar, iria até ao lugar mais próximo que encontrasse, pedindo ao primeiro atendente que visse - Me veja um porco assado ou qualquer carne que tiver e uma garrafa de vinho. - pagaria com o dinheiro do tesouro, mas se não tivéssemos conseguido, ainda seria motivo de comemoração, só por estarmos todos vivos, pediria para Dk antes de sair - Me empreste 100.000 Berries, vou comprar comida! - iria no lugar rapidamente, assim que conseguisse a informação e faria o pedido. Voltando a onde estávamos, devolveria o troco para Dk caso tivesse, colocaria vinho para todos que quisessem e beberia um copo ou taça, o que tivesse disponível, pegando um belo pedaço de carne e devorando, depois de tudo que passamos, merecíamos um belo descanso.

A aventura pareceria ter chegado ao fim, mas estava apenas começando, desde Conomi Island, onde roubamos um Den Den Mushi de um dos líderes da ilha para conseguirmos um navio, até os Mallone que invadimos para salvar Loguetown, tínhamos passado por incontáveis histórias e experiências, cada uma mais interessante e maluca que a outra. Mas o mar da aventura estava apenas começando, tudo que sei é que de alguma forma, encontrarei o One Piece e realizarei meu sonho de ser a mulher mais livre desse mundo, como diziam as histórias que escutava, conseguiria fama, riquezas e poder além de meus maiores sonhos, me tornando a Rainha Dos Piratas!

OFF PARA TODOS:
 

Objetivos:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Convidado, continue tentando melhorar e você chega lá, não desista jamais!


Última edição por Fanalis B. Ria em Dom 08 Abr 2018, 19:57, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kaminari Dk
Pirata
Pirata
Kaminari Dk

Créditos : 6
Warn : Em busca de fama! Um começo! - Página 22 9010
Masculino Data de inscrição : 27/11/2017
Idade : 23
Localização : Conomi Island

Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de fama! Um começo!   Em busca de fama! Um começo! - Página 22 EmptyQua 04 Abr 2018, 15:24

Ao chegarmos no porto, nos deparamos com vários outros piratas chegando e se amontoando para subirem no navio e darem o fora daquele lugar, vejo alguns subindo em botes, outros nadando e ainda tinham alguns piratas que estavam razoavelmente em melhores condições físicas ajudando os mais feridos, se antes era como se nos encontrássemos em uma guerra, agora parecia que estávamos no pós-guerra com as pessoas avaliando as perdas e tratando os feridos. Ficava com Yue e Ria enquanto Bart ia ajudar com os feridos, eu logo iria tentar ajudar com o transporte deles também, assim que Yue tratasse de mim, mas algo inesperado aconteceu, Savage aparecia no navio e começava a falar, ele parecia bastante nervoso, eu estava imaginando que ele iria nos parabenizar por termos feito tudo certo, mas quando Ria tentou consolá-lo, foi como ver o demônio na terra durante uma tempestade, ele não estava só nervoso, estava furioso.

Lá estava eu cheio de ferimentos, sentado e tranquilo esperando meu tratamento, achando que tudo ficaria bem, mas conforme Savage falava, eu associava os fatos, então o Mallone tinha fugido e os reféns tinham sido libertados, isso explicava aquela cena de luta na qual corri para ajudar Ria, foi quando o maldito do Adaga jogou uma adaga em mim e saiu correndo. Eu dava um leve tapa em minha testa olhando para Ria e falando -O que você fez? Bem, agora já tinha acontecido, não dá para mudar o passado. Mas me perguntava o que Savage faria agora, nos mataria? Não nos daria nada do tesouro? Nos torturaria? As opções eram infinitas e levando em conta todos os homens que ele perdeu, todos sendo seus companheiros que compartilharam várias coisas juntos, provavelmente seria muito difícil dele deixar isso barato.

Via os homens de Savage surpresos com o comportamento de seu capitão e realmente, eu nunca tinha o visto assim, ainda me lembro que no bar quando nos conhecemos brincávamos entre nós, de repente ele trás Haru de seu lado escoltado por Carlos e Julyan, o homem que pedimos que ele protegesse, agora era um refém em suas mãos, para ele, tudo aconteceu por causa de Haru e realmente, só queríamos ajudar nossa médica para que ela pudesse continuar a viajar conosco, o que aconteceu era que as coisas estavam ligadas, a invasão dos Mallone e o sumiço dos médicos, essa informação nos foi passada pelo pai de Yue e assim tudo começou, então de certa forma ele estava envolvido indiretamente, eu me levantava e cruzava os braços imaginando o que poderia fazer nesse momento para salvar Haru.

Eu já havia percebido que as nossas grandes perdas provavelmente tinham sido causadas pela fuga do chefe de família dos Mallone e posteriormente dos reféns, não tinha muito que pudéssemos fazer, mas se aquele homem morrer, vai saber como isso afetara o futuro da ilha em questão de saúde e Yue mentalmente por perder seu amado pai, lutar naquele momento, no estado em que estávamos parecia ser inviável, os seguidores de Savage já se mostraram serem lutadores formidáveis, ele tem algumas pessoas bem forte com ele, fora que tem um número absurdo de pessoas de seu lado quando comparado com nossa tripulação de três pessoas. Precisávamos de uma abordagem diferente, eu sabia que Ria tinha uma facilidade maior para conversar e convencer as pessoas, antes mesmo que eu falasse para ela fazer algo, já veria ela tomando a dianteira e se aproximando do navio para falar.

Escutaria o que Ria tinha a dizer, ela admitiria nosso erro na mansão e continuava a falar, ela diria que o que fizemos poderia afetar o plano tanto positivamente, quanto negativamente ou mesmo não ter mudado nada, eu acenava a cabeça concordando, de certa forma, ela estava certa, não tem como saber o que aconteceria se fosse de outra forma. Depois Ria iria por uma abordagem mais emocional e realmente, de certa forma os homens de Savage que lutavam por riquezas, por si mesmos e por Savage também lutaram por uma causa maior. Nada do que ela falava era sem nexo, eu concordaria com tudo, mas a questão não era se eu concordaria ou não, o problema seria se Savage nos deixaria ir ou tentaria algum tipo de vingança como se nós mesmos tivéssemos matado seus homens.

No caso de Savage não desistir de matar o homem e o jogar ao mar, assim que Ria pulasse atrás dele, eu correria para próximo de onde ele havia caído o mais rápido que conseguisse já que não estava em meus melhores momentos, esperaria na beira por alguns segundos, se não voltassem, eu mesmo pularia para ajudá-los, lá em baixo, cortaria as cordas para que ele também pudesse nadar de volta para a superfície. Caso Ria voltasse com ele, eu responderia seu pedido dizendo -Sim. E cortaria as cordas que prendiam Haru, olharia para Savage falando -Não acredito que você fez isso. E ajudaria Ria, Haru ou Yue como pudesse caso algum deles precisasse de ajuda para andar. Se quando estivéssemos andando, Haru ou Yue respondessem a pergunta de Ria de algum lugar para ficar dizendo que tinham, eu falaria -Vamos lá então. Seguiríamos o mais rápido que pudéssemos para sair de perto dos piratas de Savage e sempre tentando evitar a marinha ou qualquer inimigo que aparecesse.

Caso Savage fosse razoável e concordasse com o discurso de Ria deixando que levássemos Haru e nossa parte do tesouro, eu pegaria minha parte e seguiria com meus companheiros até o lugar que Haru ou Yue falasse ter ou o navio se não tivessem um lugar para ficarmos, durante a saída, caso Ria se despedisse, enquanto seguia em frente, apenas levantaria meu braço direito como se fizesse um sinal de até logo para os outros piratas enquanto nos distanciaríamos de todos, assim como Ria, em sinal de boa fé.

Se chegássemos até o lugar para passar o resto da madrugada, dormiria para descansar de todas as coisas que tínhamos passado nos últimos dias, nada como uma boa noite de sono para se preparar para outra aventura, logo iremos para Grand Line e se o que eu li em livros de navegação quando era menor estiver correto, teremos que de algum modo atravessar a Red Line, eu ainda teria que conseguir mais informações de como fazer isso, mas parece que tem algum tipo de corrente forte na montanha. Se eles tivessem roupas, aproveitaria que Ria pediu e pagaria para mim também no caso de terem.

O pai de Yue poderia morrer no meio de toda aquela bagunça causada por Savage, eu não acreditaria no que estava vendo se isso ocorresse, seria como se tudo que fizemos fosse em vão, até eu me sentiria mal por Yue e por não ter conseguido salvar seu pai, se isso ocorresse, eu ajudaria Ria a levar o corpo para que Yue pudesse prestar seu respeito a seu pai. Caso algum dos homens de Savage tentasse nos impedir, falaria -Vocês já não fizeram o bastante? E continuaria levando o corpo.

Era possível que tudo desse certo e no final fossemos comemorar depois de descansarmos um pouco, se Ria precisasse pedir dinheiro emprestado, eu daria os 100.000 berries para que ela comprasse a comida, piratas também devem comemorar pelos seus feitos. Mas não beberia vinho, pegaria algum copo que achasse e beberia um pouco do sakê que tinha comprado, se não achasse copo, beberia direto da garrafa mesmo e comeria o que tivesse no lugar para comer, independente do que fosse.

Fortes emoções desde que deixei minha avó e minha mestra em Conomi Island, eu já não aguentava aquela vida pacata vivendo apenas por viver, não me arrependia nem um pouco de ter me tornado pirata e começado a seguir Ria indo parra Grand Line. Dizem que lá é o oceano mais forte, então, com toda certeza o maior espadachim do mundo está lá, um dia vou encontrá-lo e vencê-lo, custe o que custar, nem que para isso tenha que treinar por anos a fim.

OFF Final:
 

OFF:
 

Histórico:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]///[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
ADM.Ventus
Pirata
Pirata
ADM.Ventus

Créditos : 77
Warn : Em busca de fama! Um começo! - Página 22 10010
Masculino Data de inscrição : 15/12/2013
Idade : 25

Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de fama! Um começo!   Em busca de fama! Um começo! - Página 22 EmptyQua 16 Maio 2018, 02:42



Aliança Pirata
Consequências


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




O grupo pirata via o capitão ameaçar a vida do pai de Yue com o gancho encostado no pescoço do homem, Ria começou a pronunciar suas palavras no entanto nenhuma delas parecia surtir um grande impacto no semblante do criminoso e algumas até mesmo colaboraram para a formação de um cenho fechado de pura raiva com a situação -Mas me diga Savage, ninguém aqui pode prever o futuro certo? Poderia ser que o Mallone continuasse conosco na mansão e a marinha tentasse uma abordagem diferente da que foi feita, sendo talvez ainda mais efetiva ou uma abordagem menos efetiva, que no caso, é o que você está supondo, não temos como saber se o que fizemos atrapalhou, ajudou ou não mudou nada do que aconteceu lá.- O homem se isentou de responder tal comentário mas todos que acompanhavam Savage no navio fecharam a cara naquele momento dando a entender que a ceifadora apenas buscava desculpas para aliviar sua culpa usando um discurso em base de “mea culpa”.

-O que podemos dizer é que erramos, eu não conhecia bem seus homens, mas sim, eu sinto muito por todos que morreram, entretanto, matar esse velho inocente vai trazer eles de volta? É isso que eles iriam querer? Nós descobrimos coisas que podem ajudar a população, talvez até a família de alguns de seus homens que foram mortos hoje ou os que estão vivos, além de termos provavelmente acabado com o reinado dos Mallone.- Savage não tinha nenhum empatia ou intenção de ajudar aqueles que foram afetadas pela influência Mallone e sequer se preocupava em saber o que ele planejavam afinal ele tinha escolhido tais alvos meramente pelas suas fortunas. -Vocês realmente não sabem nada… Vocês são uma mancha de vergonha no que se trata em pirataria, acham que são heróis...- O homem cuspiu no chão -Sangue por sangue!- Nesse momento o homem gritou tais palavras e passou a ponta de seu gancho em Haru que estava assustado e em silêncio até então, o silêncio do velho foi quebrado com um urro de dor com a ponta de ferro do gancho rasgando seu pescoço fazendo o sangue jorrar -NÃÃÃÃOOOO!!- Quando o gancho terminou seu caminho pelo pescoço do velho o pirata empurrou o médico para o mar fazendo seu corpo afundar aos poucos, imediatamente Yue pulou no mar antes que seus amigos tivessem qualquer reação.

-Era exatamente isso que eles iriam querer, vingança, é assim que as coisas funcionam pirralha você me fode e eu te fodo de volta...- Enquanto o homem falava os tripulantes no navio urravam de maneira energética orgulhosos do que tinha acabado de acontecer ali, mesmo os feridos erguiam suas armas saudando seu capitão, Yue mergulhou tentando buscar o corpo de seu pai que por estar amarrado acabou afundando bem rápido mas ainda assim a loira conseguiu emergir carregando seu pai, o homem gancho apontou para a loira que nadava -Homens apontem os canhões para o velhote e a loira.- Um dos piratas imediatamente manuseou uma das armas deixando os dois em sua mira. -Eu já ia traí-los na própria mansão garota, eu nunca tive intenção de mantê-los vivos, na verdade eu ganhei esse gancho exatamente por ter traído um grupo perigoso… Enfim...- O homem se virou para seu bando e andou navio a dentro. -Vamos homens logo a marinha estará aqui, vamos em direção para o Farol, deixem essas crianças aí elas sequer valem meu tempo.- O navio do homem foi se afastando e nisso Yue começou a nadar de volta para o porto carregando seu pai que deixava um rastro de sangue pelo mar.

A médica conseguiu subir sem problemas com a ajuda de Kaminari -Pai fale comigo, por favor me responda, por favor não me deixe, pai pai...- Falou a médica de joelhos na plataforma do porto com a cabeça de seu pai apoiada em suas coxas, as palavras de Yue começavam a ser interrompidas por suas lágrimas e os homens de Savage que ainda estavam ali aproveitavam a oportunidade para correrem seguindo em outra direção. -Não… não me deixe por favor… você também não!- Os soluços de seu pranto interrompiam suas palavras e era bem visível que Haru já tinha perdido sua vida sem nem mesmo ter a chance de dar suas últimas palavras em conforto para a sua filha, por mais que Ria ou Dk pensassem em carregar o corpo para lhe dar um enterro era óbvio que isso seria inviável já que a marinha ainda estaria em seu encalço e ia ser bem fácil para eles encontrarem um grupo que estaria se movimentando de maneira lenta devido o peso com um rastro de sangue até a sua direção. -Eu vou vingá-lo… eu juro que irei vinga-lo!- Por mais que a médica ainda estivesse em prantos tais palavras foram pronunciadas com uma visível fúria com seu olhar fitando o navio de Savage que se distanciava ao horizonte, Yue era a que mais era afetada pela morte de Haru e mesmo ela em sua dor sabia que o melhor naquele momento era deixar seu pai para trás para que a marinha quando chegasse identificasse o corpo e lhe desse um enterro apropriado algo que os piratas não poderiam fornecer em meio a sua fuga.

A loira tirou as amarras de seu pai e começou a correr com os seus amigos a seguindo logo em seguida, a tempestade ainda agredia fortemente aquela madrugada, todos os estabelecimentos ainda estavam fechados e claro tinha patrulhas da marinha por todo lado fazendo que os becos escuros de Loguetown naquele momento fossem o melhor refúgio para os piratas que não se encontravam em suas melhores condições e assim a noite dos piratas da ruiva terminava, com o amargo e azedo sabor da traição daquele que antes se dizia um amigo e aliado.  

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] escreveu:
Avaliação


Fanalis B. Ria

Perdas:
● 47.500 B$ Ok

Ganhos:
● Grupo: pirata Ok
● Recompensa: 6.200.000 berries Ok
● Perícia: atuação, engenharia Ok
● Foice assassina Ok
● Pistola simples (lvl1) – descarregada Ok
● Perfuração abaixo das costelas - (5/10) Ok
● Corte médio no peito - (6/10) Ok
● Corte horizontal abdômen - (4/10) Ok
Canhoneira:
 
Ok

Citação :

~ NPC ACOMPANHANTE ~

Citação :
Nome: Akeno Yumeko
Level: 1
Oficio: Médica
Estilo de Combate: Gatuna
Perícias Cirurgia, Diagnose e Primeiros Socorros
Atributos Principais Dano, Acerto e Esquiva
Aparência: Yumeko tem 22 anos, possui 1,62 metros de altura, pesa 54kg, é loira, sempre anda com o cabelo preso atrás da cabeça e está quase sempre séria, é considerada uma mulher muito acima da média em questão de beleza, usa roupas finas brancas, um casaco marrom por cima, uma calça azul e que vão até o joelho botas marrons.
Photoplayer:
 
Personalidade: É uma ótima médica, não se preocupa com lucro e bens, sendo muito humilde, caso veja alguém aleatório ferido ou doente, fará de tudo para ajudar a pessoa, assim como seus amigos, que geralmente cria laços muito fortes e faria de tudo se fosse para protege-los.
Ok


Relação de personagens:
● Ele faz Ok

Exp:23 xp Ok
EdC: -x-

Localização:Loguetown Ok



Kaminari DK


Perdas:
● 145.000,00B$ Ok

Ganhos:
● Grupo: pirata Ok
● Recompensa: 5.500.000 berries Ok
● Perícia: primeiros socorros, toxicologia Ok
● 2x Katanas lvl 1Ok
● 200.000B$ Ok
● Garrafa d’ Sake (9/10) Ok
● Coxa esquerda perfurada - (4/10) Ok
● Corte longo nas costas - (4/15) Ok
● Corte horizontal abdômen - (3/10) Ok

Relação de personagens:
● Ele faz Ok

Exp:21 exp Ok
EdC:

Localização:Loguetown Ok

Quantidade de posts do(s) Narrador(es):
ragnar: 10 Ok
Abel: 17 Ok
Alencar: Ok
Ventus: 41 Ok



Considerações Finais:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
~[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]|[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]~
Olá Convidado seja bem-vindo(a) ao One Piece RPG.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Empty
MensagemAssunto: Re: Em busca de fama! Um começo!   Em busca de fama! Um começo! - Página 22 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Em busca de fama! Um começo!
Voltar ao Topo 
Página 22 de 22Ir à página : Anterior  1 ... 12 ... 20, 21, 22

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Conomi Island-
Ir para: