One Piece RPG
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» The Victory Promise
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Alê Hoje à(s) 18:22

» Escuridão total sem estrelas
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor K1NG Hoje à(s) 18:21

» Garfield Henryford
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 17:19

» O começo do grande catálogo! Aventura na ilha das flores
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Kiomaro Roshiro Hoje à(s) 15:26

» Contrato de Sangue
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Coldraz Hoje à(s) 14:47

» Tyrael Silverfang
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 14:13

» Akira Suzuki
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 14:10

» O início de uma aventura. Em busca do topo!
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Quazer Satiel Hoje à(s) 13:58

» Leon Ari Nefesh
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:52

» Jhonathan Wolf
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:42

» Daniel Fried Hanz Von Joseph
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:35

» O início da pesquisa.
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:22

» Cap.1 - O primeiro passo!
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:17

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 13:12

» II - Eternas Ondas
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Mephisto Hoje à(s) 12:28

» II - Aliados
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Hunson Hoje à(s) 9:05

» Vermelho
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor annavitoria Hoje à(s) 8:27

» Saindo das sombras
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor annavitoria Hoje à(s) 8:07

» O Sapo Mágico
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 5:35

» A justiça não é cega!
Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Emptypor Van Hoje à(s) 2:08



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Capítulo I: Em busca de um propósito!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 50
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 1ª Rota - Karakui

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptySeg 19 Jun - 13:10

Relembrando a primeira mensagem :

Capítulo I: Em busca de um propósito!

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Isabella Lundgren. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Chronicler
Civil
Civil


Data de inscrição : 30/08/2015

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptySab 1 Jul - 3:51

Em busca de Gwansu! (2)

As informações que o oficial lhe passaram eram importantes. Mais ainda do que aonde poderia encontrar algumas pistas descobriu também que era um homem um tanto perigoso, sendo responsável por um assassinato. O fato deste ter ocorrido na parte baixa era um fator para sua recompensa não tão distante dos outros dois cartazes mas isso ainda apenas empolgou mais Isabella. Logo após toda essa reflexão sobre disparidade social uma oportunidade de fazer algo pelos menos privilegiados apareceu, e ainda que talvez o criminoso não fosse morador da parte baixa as chances de sua vítima serem eram enormes, tornando a missão algo maior.

- Sei... Obrigado pelas informações, oficial. Provavelmente nos veremos novamente, então até logo. - Dizia enquanto tornava-se a porta, parando sob ela e contemplando qual seriam seus próximos passos. O calor era intenso e a fome começava a ficar mais forte; um inimigo potencialmente perigoso não deveria ser encarado se não estivesse em suas melhores condições. Então, dando um último suspiro daria seu primeiro passo para fora da porta.

"Eu preciso comer algo... E esse calor, parece que hoje vai ser um dia cansativo... Bom, acho que não tenho muita opção, imagino que na cidade baixa tenha algum lugar que eu consiga algo pra comer e beber. Com sorte, até alguma informação."

Isabella seguiria o caminho de volta pela estrada de pedra, querendo ultimamente chegar na cidade baixa. Observava seus arredores e ocasionalmente o céu, na esperança de alguma dica se o tempo viraria em breve, ou pelo menos ficaria mais fresco. Se fosse bem-sucedida em chegar na cidade baixa procuraria por uma taverna que fosse possível suprir suas necessidades básicas.




Off::
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
TheJoker
Agente Graduado
Agente Graduado
TheJoker

Créditos : 20
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 12/01/2017
Idade : 26

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyQua 5 Jul - 2:23


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Apesar do sol quente, a busca determinada da garota por Gwansu fazia com que todo o trajeto de volta a cidade baixa fosse tolerante. Seus passos novamente percorriam pela avenida de pedra, mas agora descendo de volta a parte menos privilegiada de Porto Branco.

O cheiro de fritura dos aperitivos que eram servidos nas barracas ao longo da parte baixa apetecia Isabelle ainda mais, vez ou outra os toldos das lojas proviam sombra e um alivio momentâneo do Sol.

Após alguns minutos de caminhada, avistou a taverna que poderia finalmente lhe fornecer abrigo do sol e boa comida. Possuía pintura amarelada devido o tempo, fachada com o desenho de duas lanças com um javali no centro e portas tipo bang bang no melhor estilo velho oeste, por fim o nome, escrito de forma tosca na parte superior: Taverna do Ares.

Por dentro, o cheiro de comida fazia o estomago de Isabelle roncar e sua boca aguar. Pessoas sentadas em volta as varias mesas circulares comiam e conversavam de forma alta e alegre , outras no longo balcão bebiam e beliscavam petiscos enquanto um homem alto os servia. O homem devia ter certamente mais de dois metros, corpo musculoso, corte militar e feições brutas e rudes. Bastou Isa entrar para que o mesmo lhe olhasse de longe e disse em tom alto:

Ares: Bem vinda a Taverna do Ares, nunca lhe vi por aqui mas sinta-se a vontade! Me chamam de ares.

No alto do balcão, como ornamento podia ver a cabeça de um javali empalhado e uma grande e gasta lança de guerra.

PhotoNPC: Ares:
 

____________________________________________________

Objetivos nessa aventura::
 


A voz do Joe:
 


Aventura:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Chronicler
Civil
Civil
Chronicler

Créditos : 6
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 9010
Masculino Data de inscrição : 30/08/2015
Idade : 25
Localização : Dawn Island - East Blue

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyQua 12 Jul - 14:15

Em busca de Gwansu: Comida e informação na Taverna de Ares

O cheiro de comida sendo servida nas barracas de rua era enfeitiçador para uma jovem faminta e deixou que seus olhos percorressem pelo ambiente, desejando e admirando os diversos aperitivos enquanto abrigava-se nas sombras de seus toldos. Esta parte da cidade sempre pareceu mais animada e divertida que a parte alta, com sua diversidade e dinamismo. Estava prestes a desistir de encontrar uma taverna e optar por comer ali mesmo quando chegou frente a um estabelecimento. Possuía um aspecto rústico, envelhecido pelo tempo, e lanças e um javali decoravam sua fachada seguido de seu letreiro. Não sabia porque, mas tinha o pressentimento de que gostaria do lugar: a simplicidade sempre lhe afetou mais que o luxo.

"Aurea mediocritas, diria Garian... Simplicidade áurea, apenas a felicidade de contentar-se com o suficiente. Eu sempre acreditei nas suas palavras mas parece que junto com minha jornada eu também descobrirei minhas próprias verdades, sejam elas iguais as suas ou não. É fácil esquecer que tudo é de certa forma 'novo'..."

Levava as mãos as portas de madeira características de algumas taverna e as empurrava, revelando o ambiente para si. Naquele estado a primeira coisa que a alcançou foi o cheiro de comida sendo preparada e a visão de diversos grupos tendo suas refeições, algo que provocou um ronco em seu estômago. Logo em seguida parou para prestar atenção na energia do lugar, com muitos conversando alto e sorrindo o que fez com que Isabella assumisse que era um bom lugar de se estar. Ainda assim sempre se sentiu bem sozinha e não tinha a intenção de socializar, a vida com animais e árvores sempre se mostrou mais gratificante. Virando o olhar ao balcão percebeu que alguns outros indivíduos o ocupavam e eram servidos por um brutamontes que com sua alta estatura e corpo musculoso poderia ser intimidante, não fosse sua simpatia ao cumprimentar a jovem.

- Olá, Ares. É, eu não sou alguém que gosta muito da cidade, costumo evitar frequenta-la - Isabella tinha este costume de falar com os outros olhando-os nos olhos e sem tripudiação, sempre mantendo uma certa distância emocional de suas interações. Sentaria-se em um lugar vago no balcão e continua sua fala - Se não estiver ocupado traga-me algo para comer. Qualquer coisa servirá mas acompanhe o prato com uma cerveja. Eu talvez tenha umas perguntas pra fazer quando você trouxer tudo, se você tiver o tempo.

O álcool era um prazer que ocasionalmente permitia-se experimentar mas sempre foi extremamente moderada em relação ao ato. Na teoria, provavelmente conseguiria produzir cerveja caso encontrasse as plantas certas e isso dava um aspecto natural àquela bebida. Enquanto dialogava seus olhos passeavam pelo cenário e eram inevitavelmente puxados para uma enorme lança seguida de um troféu de caça. Inevitavelmente associou aquela figura enorme, Ares, à lança e imaginou que ele era seu antigo portador. O quão grande guerreiro ele era não sabia, mas ao menos um javali tombou contra ele, como evidenciado pela decoração. Ainda assim, a suposição de um histórico guerreiro trazia uma leve empatia com o sujeito, mesmo estranhando os óculos escuros em um recinto fechado.




Legenda::
 

Off::
 

____________________________________________________



Objetivos:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
TheJoker
Agente Graduado
Agente Graduado
TheJoker

Créditos : 20
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 12/01/2017
Idade : 26

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptySeg 17 Jul - 11:58


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Isabelle perdeu-se por instantes enquanto observava a decoração simples e rudimentar daquela taverna, quando voltou a si, um grande prato de asas de frango temperadas e uma caneca de cerveja estavam no balcão a sua frente, o cheiro da comida fazia seu estômago revirar, aquilo parecia estar delicioso e não precisava sequer experimentar para saber disso.

Ares: Aqui está a comida, bom apetite. Tenho que atender todo o bar, então pergunte logo moça, o que gostaria de saber?

O grandalhão olhava com curiosidade para Isa, uma mutualidade, afinal a garota perguntava-se por que aquele homem usava óculos escuros em um ambiente fechado.
Enquanto comia, dois músicos que haviam acabado de chegar, começavam a tocar, um com um alaúde e o outro com um pequeno tambor. A música era animada, e soava muito bem vinda enquanto comia.

OFF:
 

____________________________________________________

Objetivos nessa aventura::
 


A voz do Joe:
 


Aventura:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Chronicler
Civil
Civil
Chronicler

Créditos : 6
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 9010
Masculino Data de inscrição : 30/08/2015
Idade : 25
Localização : Dawn Island - East Blue

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyQua 30 Ago - 4:08

Em busca de Gwansu: Comida e informação na Taverna de Ares (2)

Via a comida à sua frente assim como a caneca de cerveja e salivava por ambos. Já separava um punhado de seus Berries que julgava necessários em uma de suas mãos e os levava a um bolso de fácil acesso como forma de assegurar-se de que caso tivesse que deixar o precinto poderia fazer rapidamente; não se sentia completamente à vontade rodeada de estranhos. Foi primeiro para a cerveja e deu um longo gole saciando sua excruciante sede e umedecendo sua garganta. Em seguida apoderou-se de uma das muitas asas de frango e deu uma mordida, começando sua fala enquanto ainda mastigava:

- Então, Ares, eu estou procurando por alguém. Vendo esse lugar não posso deixar de achar que muitas pessoas diferentes frequentam aqui, carregando consigo muitas informações - Após engolir dava mais uma mordida e continuava, modos nunca foram um ponto forte seu - Parece que alguém dessa região fez algo que não deveria e eu quero acha-lo. O que pode me dizer sobre aquele que chamam de Gwansu?

Enquanto esperava a resposta conseguia se sentir cada vez mais confortável naquele ambiente. Se não bastasse a comida que estava deliciosa aquela cerveja fazia com que sentisse-se reidratando e o corpo se tornando pelo menos um pouco menos pesado de sua caminhada até então. Mesmo quando não podia querer nada mais do estabelecimento algo a surpreendia, como acontecera com a entrada de trovadores, cada um com seu instrumento. A melodia era agradável e seu ritmo acelerado tornava o prospecto de aventura cada vez mais intrigante, como uma ressonância com seus próprios pensamentos. Continuaria a se alimentar enquanto esperaria a resposta de Ares, aproveitando para passar os olhos mais uma vez pelos clientes na miníma chance que seu procurado estivesse ali mesmo.

Caso suas dúvidas não fossem saciadas agradeceria e procederia para terminar sua refeição o quanto antes: a ansiedade batia à sua porta avidamente. Ficava curiosa com como poderia ser a reação espontânea de alguém ao ouvir o nome Gwansu, acreditando que tal seria um indicador do nível de ameaça que ele representava.




OFF:
Estou de volta, qualquer coisa só falar, estou sempre aberto a críticas e sugestões!
Obrigado pela narração!

____________________________________________________



Objetivos:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Red
Membro
Membro
Red

Créditos : Zero
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 14/12/2016
Idade : 20
Localização : Pão de queijo

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyQui 31 Ago - 0:22

Isabella Lundgren



Isabella não conseguia se conter ao ver a comida em sua frente, bebendo um longo gole de cerveja e logo após pegando uma asa de frango para comer. Em meio as mordidas, a jovem perguntava para Ares se ele sabia algo sobre seu alvo, Gwansu. O homem não demonstrava nenhuma reação ao ouvir o nome, mas ficava alguns segundos em silêncio, permitindo a jovem ouvir a melodia animada que os músicos tocavam. Momentaneamente ele parecia se esquecer de que outros clientes o chamavam, pois se curvava para se aproximar de Isabella, apoiando os cotovelos no balcão. Ele aproximava bem seu rosto do da moça, fazendo com que ela olhasse diretamente para seus óculos escuros.

- Escuta aqui garota, eu não sei o motivo de você estar atrás de Gwansu, e também não me importo para lhe falar a verdade, mas se quer mesmo uma dica, fique longe dele. Pode não parecer por causa da recompensa em cima dele ser pequena, mas ele é extremamente perigoso e não tem nenhum tipo de pudor. – ele dizia em um tom de voz para que apenas ela o escutasse - Mas se mesmo assim tiver disposta a se arriscar e ir atrás dele, eu ouvi boatos de que ele está se escondendo na parte norte da Baixa Cidade, em uma barraco afastado do resto das outras casas. Não precisa pagar pela comida, considere um presente por ser a primeira vez que vem na minha taverna. – ele terminava de dizer e voltava sua atenção para os outros clientes, que reclamavam com o homem pela demora.

Com o fim da conversa, Isabella podia perceber que a música havia mudado para uma mais calma apenas para manter um som no ambiente, os músicos pareciam cansados de tocar tão alegremente a canção anterior, assim como algumas pessoas que voltavam ao seus lugares depois de terem a dançado. Em uma mesa mais afastada, algumas pessoas olhavam com curiosidade para a moça, enquanto bebiam algo calmamente em suas canecas.

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Chronicler
Civil
Civil
Chronicler

Créditos : 6
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 9010
Masculino Data de inscrição : 30/08/2015
Idade : 25
Localização : Dawn Island - East Blue

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptySex 1 Set - 16:01

A calmaria antes da tempestade: um contrato perigoso

Não conseguiu uma reação espontânea como esperava mas sem dúvida conseguiu chamar sua atenção tendo em vista que o mesmo se inclinou mais perto. Terminava o gole ainda em sua garganta e colocava uma feição séria, reconhecendo que as próximas palavras seriam importantes, se não vitais, para sua caçada. Informações sobre seus atos passados e palavras de cuidado lhe são ditas cada vez com maior secretividade, apenas para seus ouvidos, a deixando inquieta o suficiente para manter seu olhar fixado no fundo daqueles óculos escuros dedicando sua completa atenção. Apesar de sua aparente indiferença à sua meta, Ares parecia alguém gentil ao deixar que sua refeição tenha sido gratuita, ou pelo menos um comerciante inteligente e confiante em seu produto. Comeu mais uma de suas asas de frango e pegando firmemente sua caneca a terminou lavando sua garganta: não conseguiria ficar ali por muito mais tempo com estas novas informações. Levantado-se do balcão começaria a andar em direção a porta dando uma última olhada para trás antes de sair pela porta, uma última olhada na atenção que recebia, sempre cautelosa. A vida na cidade nunca lhe deixou confortável, sentindo necessário estar sempre em alerta.

"Agora é o momento de pensar em tudo que tenho até agora e me preparar mentalmente pra esse tal de Gwansu. Uma recompensa de B$50.000 que Ares disse não chegar perto de seus crimes... Extremamente perigoso, sem pudor, provavelmente sem problemas em realizar seus crimes em público. O oficial com quem conversei disse que ele era procurado por um assassinato, à sangue frio, na parte baixa da cidade mas Ares deixou a entender que isto é só a ponta de tudo. Hm... Difícil pensar em alguma pista sobre ele com apenas isso mas uma coisa eu sei: os moradores da cidade não ousam se voltar contra ele, afinal, tantos crimes cometidos e ele é procurado por apenas um destes... Eu sei onde ele mora, acho que agora o plano vai ser bater à sua porta... Não parece um bom plano mas eu não acho que tenha outra escolha por hora... Além do mais, ele pode ter subalternos."

Um suspiro profundo marcava o fim da incessante corrente de pensamentos de angústia e cautela e retomava sua atenção para o caminho à sua frente. Começaria a caminhar pela Cidade Baixa, observando o movimento do local e deixando seus olhos abertos para algo que lhe parecesse de alguma forma uma pista. Não sabia exatamente para onde deveria ir mas tentava seguir pela direção onde as ruas se tornassem cada vez menos densas e as casas cada vez mais separadas umas das outras, em busca do tal refúgio solitário. Sua mão apertaria o cabo da espada enquanto andava, as palavras de Ares ainda ecoavam em sua mente e apenas sentir sua arma ao seu lado conseguia silencia-las.




Objetivos (atualizado)::
 

Histórico::
 

Off:

Se faltou algo que gostaria no histórico me fala que eu adiciono, não lembrei de nada além disso. Atualizei os objetivos aí, vou mudar na minha assinatura. Valeu!

____________________________________________________



Objetivos:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Red
Membro
Membro
Red

Créditos : Zero
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 14/12/2016
Idade : 20
Localização : Pão de queijo

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptySeg 4 Set - 23:29

Isabella Lundgren



A jovem terminava sua caneca de cerveja e comia uma última asa de frango, as informações do taverneiro faziam com que ela se tornasse inquieta, impactada pelas palavras do homem. Ela se levantava de seu lugar e se encaminhava até a saída, olhando uma última vez para dentro do local antes de sair, por cautela. Os homens que a observavam acompanhavam a saída da jovem da taverna, carregando uma expressão de decepção em seus rostos. A jovem se perdia em pensamentos enquanto ia para a área onde supostamente seu alvo estaria, ponderando qual seria o real nível de força dele, já que Ares havia lhe falado que sua recompensa era muito menor do que a que ele merecia por seus atos, e também se lamentava pala falta de pistas, enquanto o sol escaldante continuava a castigar a cidade e quem andava em suas ruas.

Quando se deu conta, Isabella já havia caminhado todo o caminho até a parte norte da Baixa Cidade, estava em uma área residencial bastante populosa, com várias casas enfileiradas uma ao lado da outra. Três mulheres conversavam no portão de uma das casas, mas todas olhavam para os lados a todo o momento, como se estivessem com medo de algo aparecer, e quando viram a jovem, hesitaram um pouco, mas continuaram a conversa, abaixando um pouco o tom de voz para que ela não conseguisse escutar o que falavam. Conforme ia caminhando pela redondeza, ela percebia que a concentração de casas ia diminuindo com seu avanço, até o ponto que começavam a ter intervalos de cerca de vinte metros entre uma casa e outra. A jovem também notava que quanto mais afastada do centro da cidade, mais precária era a estrutura da casa, chegando ao ponto em que as residências eram apenas barracos simples de madeira. Ela chegava ao final da rua aonde apenas um barraco um pouco maior permanecia de pé de alguma maneira, já que a estrutura possuía rachaduras por toda sua extensão. Não havia nenhum som vindo do lugar, mas Isabella conseguia sentir o cheiro de algo sendo assado graças ao seu olfato aguçado. Todas as janelas estavam bloqueadas com tábuas, e a única entrada era pela porta de madeira que possuía três pequenos buracos em sua parte superior, que estava entreaberta. Aquele lugar se encaixava com o que Ares havia dito para Isabella, como ela procederia?

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Chronicler
Civil
Civil
Chronicler

Créditos : 6
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 9010
Masculino Data de inscrição : 30/08/2015
Idade : 25
Localização : Dawn Island - East Blue

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyTer 12 Set - 13:19

Confronto: diante do inimigo!

Seus passos iam cobrindo a distância até o local onde encontraria Gwansu enquanto seus olhos percorriam o ambiente. Estava se sentindo particularmente incomodada com a quantidade de olhares que recebia até então, fosse os indivíduos da taverna que a acompanharam até sua saída da taverna ou as moças que cochichavam enquanto passava. Uma estranha sensação de estar sendo o centro de um assunto do qual ainda não entende.

"Hm... Eu devo estar mais nervosa que eu pensava: me preocupando com todos aqueles perto de mim, esta sensação de perseguição, talvez eu devesse tentar focar mais no meu objetivo. Tudo indica que isso pode ser uma mera coincidência, o tipo de atenção que alguém que não vive aqui recebe quando dá as caras. A única outra opção que me vêm a cabeça é que estou sendo de fato vigiada, uma ideia muito assustadora para levar a sério agora..."

Observava como a paisagem mudava gradualmente durante seu caminho, tornando-se mais rudimentares e empobrecidas de detalhes. As residências eram cada vez mais espaçadas o que deu-lhe a impressão de que logo chegaria, seguindo a lógica que a última destas seria a tal. Era estranho para a jovem pensar que a miséria podia ser algo tão óbvio e ignorado ao mesmo tempo. O que incomodava não era o tamanho das casas ou suas simplicidades mas a análise comparativa com as outras mansões e edificações luxuosas que viu no restante da cidade e por um segundo preocupou-se com as razões para os atos do criminoso, se alguma justificativa seria possível. O pensamento porém se esvaiu assim que avistou o que restava de uma casa. Era uma construção abatida e marcada pelo tempo, isolada do mundo com suas barras de madeira e o silêncio reinava ao seu redor. O que é isto? Um aroma de comida sendo feita invadia sua narinas e imediatamente ocorreu-lhe que o meliante se encontrava presente.

"Devo ser cautelosa agora..." - Pensava apertando os dedos ao redor do cabo de sua espada mas a mantendo embainhada, evitando o som do tintilar de aço - "Ele está preparando algo para comer... Esta casa é maior do que as outras mas ainda não parece muito grande, o espaço interno deve ser mínimo, lutar pode ser complicado. Por outro lado..." - Recordava da foto que viu no cartaz de procurado e podia constatar um homem aparentemente forte, de corpo volumoso - "Não acredito que ele vai ter alguma vantagem com isto também... Talvez eu devesse espiar pelos buracos da porta mas me parece arriscado demais: com tudo embarreirado e distante do mundo exterior parece inocência colocar meu rosto ali e acreditar que não serei descoberta ou ferida por uma armadilha... Engraçado pensar que eu tenho que evitar elas até mesmo fora da floresta. Está decidido! O melhor ataque vai ser aproveitar de sua distração com sua refeição, tentar acabar com isto o mais rápido possível!"

Isabella daria uma ótima olhada em volta no intuito de confirmar que não tinha sido seguida até então e começaria seu plano, aproximando-se lentamente da porta. Tentaria analisar a estrutura da porta apostando que a mesma refletisse o estado da casa para averiguar se seria possível arromba-la. Caso decidisse que sim, ainda que a certeza não fosse absoluta, pegaria um punhado de Berries em seu bolso no formato de moedas e os seguraria firme em seu punho esquerdo enquanto a mão direita permanecia na espada. Era agora ou nunca. Jogaria os Berries, mantendo-se levemente abaixada de forma que não fosse possível vê-la imediatamente, pelos buracos da porta à fim de chamar a atenção de quem perseguia. Uma resposta positiva e o som de passos despertaria uma fala:

- Gwansu, Gwansu! - Todo o plano parecia extremamente mais imprudente naquele momento mas não tinha mais volta - Eu fiquei sabendo que você é um assassino, por favor, me ajude! Tem alguém que eu preciso que morra e eu posso pagar, tem muito mais de onde veio essas moedas! - Torcia para que a voz feminina e jovial da garota fosse o suficiente para entreter a possibilidade de uma moça genuinamente necessitando de sua atenção. Uma resposta positiva de Gwansu e uma aproximação de pelo menos 2 metros da porta por sua parte, que tentaria estimar pelos sons advindo de dentro da casa, faria com que Isabella usasse todo o peso de seu corpo para tentar derrubar a porta enquanto simultaneamente retirava a espada da bainha, desejando estar armada quando a porta caísse. Caso fosse bem-sucedida olharia por alguns segundos para o individuo e confirmaria sua identidade para então apontar sua espada próxima o suficiente de seu pescoço para que fosse-lhe arriscado se mover [A1]. Não sendo bem-sucedida em causar uma aproximação de Gwansu insistira em mais falas aparentemente desesperadas pedindo por sua ajuda até que tal acontecesse, e caso não acontecesse de fato iria derrubar a porta da mesma forma e preparar-se para uma luta [A2]. Finalmente, não conseguindo arrombar a porta colocaria a espada à frente do corpo e se posicionaria diante da casa apontando-a para a porta [A3].



[A1]




- Não se mexa nem mais um centímetro, Gwansu! Você está sendo procurado pela Marinha e é tido como culpado do assassinato de diversas pessoas, e eu serei sua captora. Sugiro que apenas se renda e enfrente as consequências ou eu terei de convence-lo com violência, o que será pior pra você! - Mantinha um semblante sério e olhava o sujeito fixamente. A ideia do mesmo matando inocentes era o suficiente para faze-la emanar uma certa raiva em seu tom de voz, um desejo maior do que um contrato de prendê-lo.



[A2]




- Gwansu, você está sendo procurado por um assassinato e acusado por diversos outros! Renda-se agora e eu não o machucarei mas se resistir por um segundo serei obrigada a lhe fazer obedecer! - Mantinha uma postura ereta com espada em mãos, preparada pra um combate. Usava os poucos segundos entre as reações da conversa para tentar ver como era o ambiente mas mantendo sempre sua atenção primariamente em seu oponente. Esperava para ver como ele iria reagir antes de realizar um ataque mas caso fosse alvo de um sua primeira tentativa seria de ir para atrás, retirando-se do espaço apertado da casa.



[A3]




- Vejo que você tem mais segurança do que eu pensei! - Brandia a espada à sua frente de um lado ao outro bem devagar, mostrando-se pronta para uma batalha um a um - Venha aqui fora e vamos resolver isso! Você é culpado por assassinato e eu devo leva-lo à justiça, como isso acontecerá é uma escolha inteiramente sua! - Tentava provocar seu oponente, chamando-o para um combate. Era confiante em suas habilidades e estar dentro de seu próprio esconderijo era uma vantagem grande demais de Gwansu para ser ignorada.




Objetivos (atualizado):
 

Histórico Atualizado:
 


Off:
 

____________________________________________________



Objetivos:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Red
Membro
Membro
Red

Créditos : Zero
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 10010
Masculino Data de inscrição : 14/12/2016
Idade : 20
Localização : Pão de queijo

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyQua 13 Set - 20:24

Isabella Lundgren



Isabella sentia desconforto durante seu caminho, devido aos vários olhares que atraia. Ela não sabia por que, mas tinha a sensação de que algo não estava certo. Frente ao que parecia ser o esconderijo do seu alvo, a jovem se perdia em seus pensamentos, imaginando qual seria a melhor forma de prosseguir para conseguir captura-lo, analisando bem a estrutura do local, além de olhar ao redor para ver se não havia sido seguida até ali, mas não havia uma única alma viva nos arredores. Ela se aproximava lentamente da porta e tentava jogar algumas moedas pelos buracos da porta, mas estes eram muito pequenos para que as moedas passassem por eles, então ela decidiu apenas por gritar pelo homem, fingindo buscar sua ajuda para assassinar alguém. O silêncio continuava a reinar, mesmo com a jovem insistindo na tentativa de atraí-lo para fora. Com a falta de algum tipo de som em resposta, a jovem se jogava contra a porta, usando seu ombro para colocar todo seu peso contra porta, tendo que repetir a ação mais três vezes antes da porta finalmente ser derrubada. Ela já entrava na casa com a espada em mãos, pronta para o combate, anunciando que seria a captora do procurado, mas tudo que encontrava era um cômodo vazio, com apenas um colchão jogado em um canto, com um cobertor revirado por cima.

Alguns feixes de luz do sol atravessavam frestas no telhado e atingiam o rosto da jovem, que continuava em postura esperando que algo acontecesse. Ela podia sentir o cheiro de comida que havia sentido lá de fora vindo de uma passagem a sua frente, que provavelmente daria em outro cômodo, mas agora o cheiro da comida se misturava com outro cheiro forte, de algo podre. Ela seguia com passos lentos mais adentro da casa, a cada vez que dava um passo, o chão de madeira gasta rangia com o peso exercido contra ele, um barulho que a jovem não conseguia evitar por mais cautelosa que estivesse avançando. Ao atravessar a passagem para a outra parte do barraco, o cenário com que a jovem se deparava fez com que seu estômago tentasse devolver as asas de frango que comera mais cedo. Colocado em uma grande mesa de madeira, havia um corpo com os membros decepados e as entranhas penduradas para fora do corpo, coberto com sangue ainda fresco, além de possuir um cutelo enfiado perto da abertura por onde as tripas saiam. Os membros estavam pendurados assim como peças de carne em ganchos presos à parede, o sangue escorria e pingava no chão, formando uma poça de sangue que ia ficando maior a cada pingo que caía. Várias moscas já voavam sobre o cadáver confirmando que o cheiro forte vinha dele. Em um dos cantos, as labaredas de um fogão a lenha crepitavam ao atingir um javali que assava em cima de uma grelha, revelando de onde era o cheiro de comida que a jovem sentira lá de fora. Ela se aproximava lentamente do cadáver e conseguia identificar que era uma mulher, mas antes que pudesse observar mais, ouvia um grito vindo de fora da casa.

- Gwansu! Venha até aqui fora, tenho outro serviço que pode lhe interessar! – uma voz aguda anunciava, buscando a mesma pessoa que a aspirante a caçadora de recompensas. Aparentemente era alguém que conhecia o alvo da jovem, esperando que ele saísse da casa ao seu encontro. A falta de uma resposta apenas confirmou que ele não estava no local, mas a pessoa lá fora impacientemente continuava a chama-lo - Ande logo Gwansu, não tenho o dia inteiro! – como a jovem reagiria à aquela situação?

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Chronicler
Civil
Civil
Chronicler

Créditos : 6
Warn : Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 9010
Masculino Data de inscrição : 30/08/2015
Idade : 25
Localização : Dawn Island - East Blue

Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 EmptyQui 14 Set - 18:07

Carnificina: a crueldade de Gwansu e a ira de Isabella

Mesmo tendo chamado por algum tempo não obteve resposta e prosseguiu a derrubar a porta, armando-se e gritando palavras de enfrentamento para uma audiência vazia. Aquilo era estranho. Seu ombro ainda formigava levemente das pancadas que dera na porta mas sua atenção estava focada nos arredores prestando atenção em cada passo que dava, evitando o máximo o ranger de tábuas. Um colchão com lençol se encontravam no canto mostrando que de fato fora a residência de alguém aqui, fosse Gwansu ou não, e o cheiro de assado tornava-se cada vez mais forte com sua aproximação até ser de súbito invadido por um odor de podridão em um coquetel desagradável.

"Isso não parece bom..." - Chegando no cômodo seguinte presenciou a fonte daquele cheiro desagradável: um cadáver mutilado e quase irreconhecível com seus membros arrumados em ganchos e suas tripas ocupando a mesa de madeira. O choque foi imediato, assim como o revirar de seu estômago o que fez com que não demorasse para Isabella desviar o olhar para fora da sala - "Mas o que... o que é isso?! Que tipo de pessoa faria isso...? Esse Gwansu, ele é realmente extremamente perigoso. Pensar que ele tem o estômago e a vontade de fazer algo assim com alguém, sujar a memória da pessoa mesmo depois de morta separando-a de seus membros... Toda cautela que tive até então precisa ser redobrada, eu preciso levar isto muito mais a sério... Se eu não tomar cuidado o mais longe que descobrirei sobre o meu caminho é uma parte mais isolada de uma cidade, em uma ilha, dentro do mar inteiro... Eu preciso levar isso a sério."

Deixou seu estômago acalmar por alguns segundos e tomou coragem de observar a cena novamente colocando a mão livre sobre o nariz, dessa vez com mais atenção e menos emoção. Era uma cena realmente devastadora, sangue para todo lado e uma carnificina digna de um campo de guerra. Até mesmo o cheiro invadia seu nariz ainda que tentasse bloqueá-lo.  Observou o corpo por alguns segundos tentando ser o mais fria possível e conseguiu ver que se tratava de uma mulher, mas não muito mais além do fato de que um cutelo seria a ferramenta de escolha do criminoso. Viu também a fonte do odor que lhe chamou a atenção na primeira vez, o javali ao fogo sendo lentamente assado e a ficha lhe caiu: era bem provável que a comida nada mais era do que uma forma de disfarçar a podridão, ou pelo menos um chamariz. Sua análise é interrompida, porém, por uma voz feminina vinda de fora da casa assim como ela procurando por Gwansu. Mas apesar de procurarem pela mesma pessoa seus objetivos pareciam distintos: ela tinha trabalho pra Gwansu, provavelmente a encomenda de outro assassinato. Aquilo fora o suficiente para que a jovem jogasse a recentemente restabelecida calma e cautela ao vento e prontamente começou passos fortes em direção à rua. A cena que presenciou realmente mexeu com a garota que agora deixava com que a ira fizesse parte das suas ações, agindo mais pelo impulso do que pelo raciocínio. Pisando fora da casa já começou a andar em direção ao passo da fonte da voz, ainda com espada em mãos.

- Gwansu não está aqui, mas você pode ter certeza que você vai me ajudar a descobrir onde ele está! - Levantou a espada e a apontou na direção da mulher segurando firmemente o cabo, deixando sua raiva evidente em sua postura e fala, nunca parando de se aproximar - Me diga, quem é você?! E diga logo, o seu amigo me deixou sem paciência e eu sou capaz de descontar no que estiver na minha frente. Qual sua relação com ele e aonde ele está?! Eu tenho assuntos pendentes. - Nesse momento já desejaria estar cara-a-cara com a pessoa e caso conseguisse a pegaria pelo pescoço para tornar sua ameaça mais real. Aquilo não era uma atitude comum de Isabella, alguém preocupado sempre em ajudar àqueles em seu caminho, porém tamanha crueldade fez com que se tornasse mais bruta e passional.






Objetivos (atualizado):
 

Histórico Atualizado:
 

Off::
 

____________________________________________________



Objetivos:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Capítulo I: Em busca de um propósito!   Capítulo I: Em busca de um propósito! - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capítulo I: Em busca de um propósito!
Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Dawn Island-
Ir para: