One Piece RPG
Chuck Norris XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Nox I - Loucura
Chuck Norris Emptypor Catuios Hoje à(s) 11:31 pm

» Sons of Vermillion's Blood: Gênesis
Chuck Norris Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 10:08 pm

» Bizarre Adventure: Smooth Criminal
Chuck Norris Emptypor Achiles Hoje à(s) 9:43 pm

» Teleton Chronicles I: Retaliação
Chuck Norris Emptypor Sakaki Hoje à(s) 9:34 pm

» [ficha] Hinata Bijin
Chuck Norris Emptypor Bijin Hoje à(s) 8:39 pm

» Apenas UMA Aventura
Chuck Norris Emptypor Van Hoje à(s) 8:35 pm

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
Chuck Norris Emptypor Wesker Hoje à(s) 8:07 pm

» Buki Bijin
Chuck Norris Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 7:02 pm

» Arthas Mandrake
Chuck Norris Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 6:58 pm

» Bastardos Inglórios
Chuck Norris Emptypor Wing Hoje à(s) 6:57 pm

» Evento Natalino - Amigo Secreto
Chuck Norris Emptypor Mizzu Hoje à(s) 6:13 pm

» あんみつ - Anmitsu
Chuck Norris Emptypor Vincentão Hoje à(s) 6:03 pm

» Unbreakable
Chuck Norris Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 6:03 pm

» Cap. 1 - Abrindo caminho
Chuck Norris Emptypor Fonseca Hoje à(s) 5:31 pm

» [Mini-Theodore]
Chuck Norris Emptypor Death-D.Obscure Hoje à(s) 5:04 pm

» [Ficha] Mikhail Vermillion
Chuck Norris Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 4:40 pm

» Mikhail Vermillion
Chuck Norris Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 4:37 pm

» Construindo o Começo
Chuck Norris Emptypor Graeme Hoje à(s) 3:17 pm

» [Ficha] Coldraz Vermiillion
Chuck Norris Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 1:35 pm

» Coldraz Vermillion
Chuck Norris Emptypor ADM.Senshi Hoje à(s) 1:34 pm



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 Chuck Norris

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 65
Warn : Chuck Norris 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 5ª Rota - Pindorama

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Chuck Norris   Chuck Norris EmptySab Jan 21, 2017 12:44 am

Chuck Norris

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Chuck Norris. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Chuck Norris
Civil
Civil
Chuck Norris

Créditos : Zero
Warn : Chuck Norris 10010
Data de inscrição : 11/09/2015

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptySeg Jan 23, 2017 11:06 am

Ali estaria eu, o grandioso, o impiedoso, o maravilhoso, o guerreiro, o honesto, o bravo, o intimidador, o rustico, o belo, o monstruoso, o colossal, o senhor dos anéis, o malevolente, o sábio, o altruísta, o herói, o humilde, o Deus, o homem entre os homens, o desbravador, o tritão entre os tritões, Chuck Norris em algum local dessa ilha chamada Conomi!

Não me recordaria muito bem de onde eu estaria ou de como chegaria ali! A sensação de que eu teria é de como se eu estivesse iniciando uma nova aventura de RPG, mas como nem tudo na vida é brincadeira, eu precisaria descobrir onde eu estaria o como havia parado ali não me importaria, pois quem vive de passado é museu e torcedor do Santos.

“ Não me recordo de nada, mas preciso tomar um rumo e conseguir muito dinheiro! “


Olharia a minha volta, caso estivesse em algum ambiente com paredes simular a uma casa ou algo do tipo e procuraria uma saída ou alguém a que pudesse perguntar onde eu estaria ou que maldito lugar seria aquele!

Encontrando alguém que pudesse me comunicar, perguntaria gentilmente a essa pessoa segurando-a pela camisa, caso estivesse trajando.

- Me diga verme, como eu saio da porra desse lugar? Se não me responder irei fazer um buraco na parece com o seu corpo escroto!

Olharia fixamente e esperaria a resposta, sendo útil seguiria a direção após cuspir na cara do indivíduo. Caso não fosse, arremessaria a pessoa com toda a força em alguma parede próxima. Continuaria a procurar uma saída e assim que a encontrasse sairia e andaria de forma calma e despretensiosa pelas ruas.

Caso não estivesse jogado na rua, ou conseguisse sair do local, olharia para o céu e ficaria por alguns segundos sentindo o clima daquele momento e me perderia no que deveria fazer em meus profundos e singelos pensamentos...

“Muito bem, agora preciso tomar um rumo e para isso preciso de informações! E nada mais justo de conseguir informações do que em um bar, um prostibulo ou uma biblioteca!”

E sem pestanejar, começaria andar pelas ruas daquela ilha até encontrar a biblioteca ...“pensou que eu iria para o puteiro né safadenhos”... Como vivi grande parte da minha vida nesse pedaço de terra chamado Conomi, precisaria apenas me lembrar qual era o caminho e por isso resolveria caminhar livremente até encontrar o local.


Off::
 

Objetivos::
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Khrono
Estagiário Orientador
Estagiário Orientador
Khrono

Créditos : 3
Warn : Chuck Norris 10010
Masculino Data de inscrição : 13/01/2017

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyTer Jan 31, 2017 4:03 am


Narração



ㅤㅤㅤㅤㅤ No céu azulado de Conomi, a estrela de fogo pairava ainda do lado leste, indicando quase meio-dia no horário local. O calor estava castigando até mesmo a mais resistente planta que lutasse para sobreviver mesmo na beira-mar. No ancoradouro da pequena e calma ilha, a movimentação de pescadores e barqueiros diminuía ao ponto de ter apenas alguns poucos corajosos a enfrentar aquele sol escaldante, afinal, estava no horário de descansar e ir comer alguma coisa, para somente então retornar às atividades vespertinas.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Portador de vários títulos, e carregando consigo uma pequena aversão a um time específico de esportes referentes a uma cidade também litorânea de algum outro lugar, Chuck saía do mar e caminhava pelo porto sem saber exatamente sua localização ou sequer seu próprio destino, com apenas um objetivo certo em sua mente: conseguir mais dinheiro!” Estando no meio da viela que levava do porto até o centro da vila, o tritão olhava pros lados e avistou apenas um senhor de meia idade que estava enrolando sua rede de pesca, pronto para ir pra casa. De forma bruta, Chuck o pressionava contra uma árvore próxima, exigindo informações sobre sua localização e como poderia sair dali.


– Essa… essa… é C-Conomi Island, senhor… Pra sair, você pode ir por aqui, pelo porto, ou pode passar por dentro da vila e ir pelo outro lado, na praia, onde também dá direto ao mar… por favor, não me mate! Implorava o senhor, que cedeu a informação em troca de sua vida. Seus olhos refletiam todo o medo e pavor ao estar na presença do sireno. Usando sua força, Chuck arremessou o homem no chão e cuspia em sua cara, pisando em sua perna de forma “acidental”.   – Obri-Obrigado senhor… Falava o homem, com lágrimas caindo de seus olhos, afinal, por um momento achou que fosse morrer e não poderia comparecer ao almoço especial do aniversário de sua filha.


ㅤㅤㅤㅤㅤ Levando consigo todo o rancor dos tritões pelos humanos, Chuck fora atraído pelo caminho mais interessante: ir por dentro da vila. Debaixo daquele sol, o aquático logo sentiria a necessidade de se hidratar, afinal, naquele dia em especial, o sol parecia não perdoar ninguém. Parecendo gostar disso, ele olhava para o céu e sentia sua pele absorver os raios ultravioleta. Uma combinação nada comum de se ver. Andando pelas ruas da vila, as pessoas que passavam por ele eram poucas, mas algumas lançavam um olhar estranho sobre o tritão, talvez se perguntando como alguém de rosto tão fino poderia ter uma barriga tão grande, não sabendo eles que aquilo se tratava dos braços de Chuck escondidos por debaixo de seu manto. Parecendo esquecer brevemente que já havia passado por aquele local, Chuck seguia algumas ruas a procura de uma biblioteca, e ao que parecia algumas lembranças começavam a se encaixar na cabeça do mesmo, o levando até uma rua de cima, em direção ao centro. Todavia, aquele lugar não era nem de longe o caminho da biblioteca, mas sim de um centro comercial, com várias lojas de todos os tipos, várias pessoas indo de um lugar a outro e algumas poucas barracas em cantos estratégicos vendendo frutas cultivadas na própria região. Que parte de Conomi era aquela, Chuck teria que descobrir por conta própria.






Histórico:
 


OFF:
 
[/quote]

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





Voltar ao Topo Ir em baixo
Chuck Norris
Civil
Civil
Chuck Norris

Créditos : Zero
Warn : Chuck Norris 10010
Data de inscrição : 11/09/2015

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyTer Jan 31, 2017 11:15 am

Finalmente estaria em um ponto da ilha muito interessante, o local parecia com um Centro Comercial e isso me deixaria eufórico por um motivo indecifrável. Nesse instante,  apenas fecharia meus olhos, respiraria fundo, para alcançar os mais diversos e aromas do ambiente e abriria meus braços (apenas os dois já amostra). Com um sorriso estampado em meus rosto cantaria a primeira musica em minha cabeça enquanto pulava de barraca em barraca.

- Abelhas zumbindo, crianças brincando e se divertindo.
E eu fazendo o que o Tritão faz no verão.
Vou me refrescar, na areia escaldante me deitar
Um bronzeado lindo pegar no verão.
Vou ver a brisa do verão, afastar o mau humor
E ver o que o Tritão se torna quando está no calor!
Eu mal posso esperar, para ver o que vão pensar
Meus amigos vão me achar mais legal no verão!
Dah dah, da doo, uh bah bah bah bah bah boo

Ilustração da Dança::
 

Pararia em frente a uma barraca de frutas, sapatearia de forma engraçada, daria uma piscada ao comerciante e pegaria uma fruta. Antes que o vendedor começasse a reclamar, morderia a fruta e continuaria andando pelo local. Assim que avistasse uma bela donzela, na faixa de seus 19 a 70 anos, me aproximaria de forma escorregadia* e a tomaria em braços, rodaria como um pião e a abraçaria novamente em uma pose cinematográfica, olharia para seus olhos, cafungaria em seu pescoço e diria... *...Se a jovem estivesse acompanhada por algum homem, aplicaria um golpe na boca de seu estômago sem nenhum aviso, esse golpe seria desferido por uma joelhada e após a investida, a tomaria em meus braços e assim faria o que fora descrito acima.

- Olha minha queria, obrigado pelo prazer em ter me dado essa dança deliciosa! Poderia me apontar à direção ou me explicar o caminho para a biblioteca.... Meu amor!?

Aguardaria a resposta ou a explicação da mesma, assim que me fosse dada, a largaria no chão e cantarolaria... - Dah dah, da doo, uh bah bah bah bah bah boo... até o local que me fora apontado!

Não me importaria com nada naquele momento, minha meta seria apenas chegar à biblioteca é claro que não fugiria de uma briga, afinal eu teria contado até o infinito duas vezes! E assim de forma serena e calma iria até a biblioteca pelo caminho que a pouco fora me informado pela bela donzela humana.

Uma vez em frente ao local, olharia por toda a construção externa e me perderia em meus pensamentos por um instante.

“Não sei o porquê....Mas, eu adoro olhar as construções, fico imaginando quantos seres humanos foram capazes para construir e quantos tritões são necessários para destruir! Ai ai...”


Assim que terminasse de analisar o ambiente, me colocaria para dentro da biblioteca e uma vez lá dentro, faria a mesma inspeção e ao mesmo tempo procuraria pelo bibliotecário ou bibliotecária que respondesse pelo estabelecimento... Assim que pusesse meus olhos na pessoa, em que julgasse responsável, faria a minha pergunta sem hesitação!

- Olá ser! Meu nome é Chuck Norris e eu quero que me indique um livro que conte a história de algum tesouro perdido nessa maldita ilha! Caso não tenha nada me conte alguma lenda local e não se esqueça dos malditos detalhes!

Com um tom de voz sério para que a pessoa não me questionasse com perguntas de que não havia me compreendido.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Khrono
Estagiário Orientador
Estagiário Orientador
Khrono

Créditos : 3
Warn : Chuck Norris 10010
Masculino Data de inscrição : 13/01/2017

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyQua Fev 01, 2017 2:26 am


Narração



ㅤㅤㅤㅤㅤ O centro comercial da ilha de Conomi, apesar do horário, estava até que bastante movimentado, com bastante pessoas fazendos compras, ou simplesmente passeando. Debaixo do caloroso sol, Chuck Norris ficou parado por alguns segundos ao perceber que estava indo para aquele local, sendo preenchido por tamanha alegria repentina, que começou a cantarolar e dançar pelo local indo em direção a uma das barracas na rua. Era uma bonita barraca, que vendia maçãs e laranjas, seu vendedor fazia questão de chamar a atenção dos clientes com o visual do lugar, ordenando as frutas em fileiras de duas cores, uma vermelha e outra laranja. – Bom dia, gracioso cliente, gostaria de levar alguma fruta? Disse o vendedor com um sorriso amigável e os olhos fechados de felicidade após visualizar o sapateado de Chuck Norris, afinal, era o costume da relação com seus amados clientes. Todavia, o tritão apenas pegou uma das maçãs e colocou na boca, mordendo um grandioso pedaço e saiu andando normalmente, como se aquilo fosse a coisa mais normal do mundo. – Ei! Vai ter que pagar isso! Vo-Volte aqui!! Gritou o homem de sua barraca ficando para trás enquanto Chuck caminhava.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Sua felicidade sem explicação aparente parecia não ter fim após chegar ali naquele local, o que fizera com que Norris, ao avistar um casal passeando do outro lado da rua, fosse até lá e tirasse a garota da companhia de seu namorado.   – O que está fazendo? Solta ela, seu desgraçado! O namorado da moça, mesmo tendo quase a metade da altura de Chuck, partiu pra cima na tentativa de socá-lo, mas o tritão foi rápido e o chutou na altura do estômago, fazendo-o cair no chão com a mão na barriga devido a dor causada. Um sorriso com segundas intenções do tritão foi respondido com um rosto de desespero da moça.   – Me solte, por favor, me soltaaa! Ela tentava empurrá-lo, afastando seus rosto do dele quando o mesmo se aproximou. Sem tem opções do que fazer, após o agressor exigir a localização da biblioteca, ela apontou para o final da rua.   – Seguindo aqui, você precisa apenas… apenas dobrar a direita. Seus olhos estavam cheios de lágrima, mas Chuck a jogou no chão com força, e ela foi até seu namorado caído.   – Desgraçadoo! Alguém faça alguma coisa!! Por favor! Gritava a moça, na esperança de que fosse atendida por alguém, mas todos que passavam pelo local, tratavam de ficar ao longe, apenas observando o que acontecia, chocados com a situação. Mães que passavam com seus filhos, tratavam de afastá-los dali, cobrindo seus olhos.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Continuando sua busca, o tritão continuava indo até a biblioteca sem parecer se importar com o que havia feito, um ato cruel, mas que para ele fora algo totalmente normal. Após uma breve análise na estrutura do local, Chuck adentrou o mesmo, sendo recebido por uma bibliotecária um tanto diferente do padrão comum, já que essa era jovem, de belíssimos cabelos negros e fartos seios. Ela parecia um pouco entediada, mas sabia de sua função ali dentro: garantir o silêncio. Foi pra isso que fora contratada, e estava precisando daquele emprego mais do que tudo. Atrás do balcão da recepção, que separava ela e o tritão, ela levantou uma das sobrancelhas ao escutar o que ele havia dito. – Oh, vejam só, temos aqui alguém que parece não saber ler. Escolha um livro na seção de história e pesquise sobre a tal lenda você mesmo.   Com palavras brutas, a mulher parecia não ter acordado em um bom dia, ela afastou-se do balcão e foi até a parede no fundo, e apontou pra uma placa bem grande escrito “SILÊNCIO!”. – Caso não consiga controlar sua boca grande, respeite a maldita placa, ao menos. Passar bem... Ao final da frase, ela deu um sorrisinho falso e meigo para Chuck.



Bibliotecária:
 


Histórico:
 

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





Voltar ao Topo Ir em baixo
Chuck Norris
Civil
Civil
Chuck Norris

Créditos : Zero
Warn : Chuck Norris 10010
Data de inscrição : 11/09/2015

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyQua Fev 01, 2017 8:38 am

Retribuiria o sorriso da jovem bibliotecária e em seguida caminharia na direção dela, repousaria uma de minhas mãos em seu ombro e a questionaria novamente sobre o que a pouco perguntei...

- Acho que eu sei muito bem que lendas ficam na parte de histórias, mas creio que você não entendeu que eu não faço a menor ideia de onde procurar! Por isso te perguntei qual o maldito livro que contenha a informação que eu busco!...
...E é claro que com esse seus olhos sagazes, você parece ser uma pessoa obstinada e se me ajudar com o que eu busco, poderia recompensa-la com uma boa quantia de dinheiro e quem sabe você nem precise mais trabalhar nesse local.


“Acho que fazendo isso, poderei conseguir mais informações do que preciso e ela não me parece ser uma bibliotecária”

Olharia agora de forma firme para dentro de seus olhos e aguardaria a resposta, caso a mesma me indicasse o livro iria imediatamente até o local e lá procuraria por ele. Assim que o encontrasse, me sentaria em algum lugar naquela biblioteca e começaria a ler a história sobre aquele tesouro...

“Primeiro preciso entender de forma culta a história desse tesouro... se for realmente verdade, os bêbados vagabundos dessa ilha irão me passar as demais informações que eu preciso. Afinal eles sempre acabam falando mais do que deveriam...”

Caso a mulher não me informasse o livro e apenas saísse do local, respiraria fundo e daria um sorriso maléfico e me encaminharia até a seção de história da biblioteca. Estaria um tanto quanto irritado, afinal teria posto toda a minha educação em prática para solicitar o livro para aquela infeliz. Sem me importar retirava livro por livro da prateleira, leria o titulo e se o mesmo não falasse nada sobre tesouros, o dispensaria e partira para o próximo.
Continuaria nesse modo sistemático até encontrar alguma coisa que pudesse ser utilizada e ao encontrar, não perderia mais o meu precioso e ganancioso tempo e me sentaria para começar a devorar as informações ali contidas.

- Hum....

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Khrono
Estagiário Orientador
Estagiário Orientador
Khrono

Créditos : 3
Warn : Chuck Norris 10010
Masculino Data de inscrição : 13/01/2017

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptySab Fev 04, 2017 8:05 pm


Narração



ㅤㅤㅤㅤㅤ Atitudes atrevidas e um tanto obstinadas. Essas eram as palavras que mais caracterizavam o tritão Chuck Norris. O que não fazia nem um pouco o estilo da mulher em sua frente, que apesar de jovem e está em um emprego que não gostava nem um pouco, ela precisava daquilo, porém, não ao ponto de ser enganada com uma proposta tão fraca e infantil.   – Tesouro? Acha mesmo que vai ser tão fácil assim encontrar um tesouro? Diga isso a todos os babacas que procuram o One Piece por aí. Ela sorriu, com desdém, afastando-se alguns passos para trás, evitando assim de ser tocada pelas mãos de Chuck. Com o balcão entre os dois, seria difícil para ele avançar a não ser que pulasse e tivesse a sorte de não cair dali. Não acreditava nessa história de pirata e tesouro lendária, achando tudo isso uma grande bobagem. Afinal, isso não pagava nenhuma conta sua, assim como também não pagaria sua dívida com aquele homem.

– De toda forma, é só olhar atrás de si, vai ter um corredor, vá até o fim e vire a direita, lá vai ter a sessão que procura. Ah, e se encontrar algum tesouro me avisa, tá?   Irônica, a garota apenas virou-se para trás e continuou mexendo e organizando em uns papéis enquanto o tritão parecia seguir o caminho, com uma raiva estampada no rosto. Essa era uma reação normal de todos os que iam na biblioteca e encontravam-se com ela por lá, afinal, tinha uma atitude rude com todos.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Chegando até o final do corredor e virando a direita, Chuck veria uma imensa prateleira de oito andares com dezenas de seções que iam desde histórias infantis até história do mundo e lendas. Com livros de cores e espessuras variadas, sendo alguns bem finos e outros bem maiores do que até mesmo a bíblia. Verificando livro por livro, fazendo assim com que a poeira neles levantasse, Norris veria que haviam até vários com o tema “tesouros”, como “O grande Caçador de Tesouro, Burns!”, “A lenda do Baú de prata” e até mesmo “As grandes laranjas douradas de Conomi- Um tesouro perdido através do século, volume 2”. Logicamente, o que estava mais chamativo dentre esse era “O grande Caçador de Tesouros, Burns!”. Folheando o exemplar, o tritão chegaria até o capítulo contando sobre a tal lenda do tesouro de Conomi Island.


“Dia 03, mês décimo, do ano de 1502

Reporto neste diário, quase que em forma de livro, um pequeno relato sobre o que descobri na pequena ilha das laranjeiras. Ao norte, bem no alto de um cume, atrás de uma pequena vila, encontrei um baú velho, mas que dentro havia certas moedas de grilhões totalmente em ouro maciço e brilhante. Juntando isso aos demais, pude concluir que dava um total capaz de comprar até dez vezes mais o maior barco que já vi nesses mares. Porém, creio que agora tudo isso está em meu domínio, deixarei-o guardado nas informações de um mapa.”




Esse era a parte do livro que provavelmente interessaria Norris, e ele com toda certeza iria querer ver o mapa encontrado na outra página. Contudo, ao virar, ele perceberia que a mesma encontrava-se rasgada, com o mapa pela metade, sendo a parte contendo o X da localização do tesouro havia sido levada com quem fez isso. Descobrir mais ou partir para outro livro ficaria nas decisões do tritão, possuindo um enorme acervo em sua disposição, bastava ele estar disposto a ler todos eles.




OFF:
 


Histórico:
 

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





Voltar ao Topo Ir em baixo
Chuck Norris
Civil
Civil
Chuck Norris

Créditos : Zero
Warn : Chuck Norris 10010
Data de inscrição : 11/09/2015

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyTer Fev 07, 2017 12:46 pm

Estaria farto de folear diversos livros e aquele, talvez, poderia ser o único que ilustrasse realmente sobre uma lenda de tesouros! Afinal, mais alguém já teria chego a mesma conclusão que eu e teria levado consigo a merda da metade do mapa. Não perderia mais meu tempo e é claro que só haveria uma única pessoa que poderia me dizer quem havia ido para procurar por tesouros. Seguraria o livro com uma de minhas mãos e iria em direção a recepção novamente...

“Com toda a certeza ela poderá me ajudar, afinal ela só fica aqui enchendo o saco de todos que adentram a essa maldita biblioteca!”

Ao chegar ao balcão jogaria o livro sobre ele e bateria com as duas mãos sobre a superfície.

- Hei, garota emburrada, preciso fazer uma pergunta a você! É de seu interesse também, já que trata que se trata da condição e conservação dos livros dessa maldita biblioteca! E qual o seu nome cara feia?

Esperaria a mesma se aproximar, caso estivesse distante ou assim que ela terminasse de retrucar o que acará de falar, continuaria com a conversa!

- Não irei tomar o seu tempo com detalhes desnecessários, afinal não sei se você possui intelecto para tal, enfim...

Folearia o livro até a parte em que o mesmo encontrava-se resgado, apontaria insistentemente com um de meus dedos e continuaria a falar...

- Provavelmente deve ter tido alguém a procura de informações similares com as que eu procuro. Preciso saber quantas pessoas nos últimos dias foram até lá e quais foram as mais suspeitas...

Deixaria a mesma refletir sobre o ocorrido, afinal se ela realmente gostava daquele lugar, não iria gostar de ver os livros sendo maltratados.

- Você as conhece ou as viu alguma vez nessa ilha? Poderia me descrever com uma riqueza maior de detalhes! Afinal você é uma bibliotecária e ao menos eu espero que você consiga me descrever tal pessoa e onde posso encontrar mais informações.


Esperaria pela resposta da bibliotecária, antes de qualquer coisa rasgaria a folha que continha os relatos de onde Burns encontrou o tesouro e o resto do mapa, guardaria dentro de minha calça e em seguida, sairia do recinto e se me fosse dada a direção para a procura de mais informações ou até mesmo do paradeiro da pessoa, eu não hesitaria e da forma mais rápida e obstinada iria até o local.

“Poderia até mesmo procurar ao norte da ilha, mas como o relato conta que Burns e é claro que ele não deixaria o tesouro lá, pelo menos eu não deixaria..”

Continuaria até chegar ao local, caso fosse indicado, uma vez lá observaria calmamente por fora e em seguida adentraria...

Mas, se me fosse passado o local e a descrição da pessoa, observaria de longe até identificar o rato e depois o seguiria de forma discreta e sem me aproximar muito do indivíduo, até identificar que ele estivesse com o restante do mapa em posse.

Off::
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Khrono
Estagiário Orientador
Estagiário Orientador
Khrono

Créditos : 3
Warn : Chuck Norris 10010
Masculino Data de inscrição : 13/01/2017

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyTer Fev 07, 2017 6:16 pm


Narração



ㅤㅤㅤㅤㅤ Sem perceber, o tritão havia passado algum tempo folheando e procurando o livro do qual queria, todavia, sua atenção foram mesmo para o livro do grandioso Burns!. Aquele nome era um tanto conhecido em Conomi, mas todos o associavam a uma lenda, nada que pudesse ter existido de verdade na ilha. A biblioteca estava começando a ficar cheia, com mais pessoas entrando. Aquele horário, perto da chegada da noite, era onde várias pessoas chegavam para estudar, afinal, na noite era mais tranquilo e um bom horário para isso.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Ao se surpreender com o fato de que a página mais preciosa para si havia sido retirada, Chuck foi até o balcão tirar satisfações com a bibliotecária mal-encarada. Ela estava de costas e deu um pulo ao se assustar com o fortíssimo som feito pela ação de Norris ao socar o balcão com o livro, pedindo explicações da pessoa que havia feito aquilo. Fechando a cara, a garota de fartos seios e grandes cabelos negros cerrou os dentes, gritando em seguida com o meio-peixe.   – Eu só vou falar mais uma vez… FECHA! A PORRA! DESSA! SUA BOCA! Ela se aproximava da lateral do balcão, observando as ações hostis de Chuck.   – Grave bem o meu nome já que eu não quero mais ouvir essa sua voz chata de novo. É AGNE! A-G-N-E. E eu não tenho a obrigação de saber quem entra e sai desse maldito lugar! O que cada um faz é da conta del- Ela arregalou os olhos e olhou a parte do livro onde o tritão havia mostrado que estava rasgado, ela começou a suar frio.   – Droga!! Como isso foi acontecer? Madame Carry vai me demitir com certeza, depois de descobrir isso.   Comentou ela, por alto.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Farto daquele lugar, e arrancando mais algumas folhas, sedento por suas moedas de ouro, Chuck saía em direção da porta da biblioteca, virando as costas para Agne. Ela não poderia deixar aquilo acontecer, afinal, qualquer dano em algum livro daquele lugar, ela estaria no olho da rua. Pegando um bastão de beisebol que guardava ao lado do balcão, apenas por precaução, a garota subiu no balcão, flexionou as pernas e deu um salto na direção do Norris, golpeando seu ombro esquerdo com um grande baque, o fazendo cair alguns metros a frente, sentindo bastante dor no local do golpe.   – Desgraçado! Devolva essas páginas, agora! Todas elas! Agne estava ofegante, e precisava recuperar aquilo a todo custo, nem que fosse preciso derrubar o tritão na base da força, afinal, as ruas haviam lhe ensinado bastante coisa sobre como se proteger, depois ela se resolveria com o Marines.

ㅤㅤㅤㅤㅤ Toda aquela movimentação havia quebrado o fino silêncio do local, fazendo os civis presentes ficarem assustados e encurralados, afinal, não tinham por onde sair e se escondiam atrás das cadeiras, embaixo das mesas de estudo e das prateleiras. O clima de tensão estava apenas começando.




Histórico:
 

____________________________________________________



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]





Voltar ao Topo Ir em baixo
Chuck Norris
Civil
Civil
Chuck Norris

Créditos : Zero
Warn : Chuck Norris 10010
Data de inscrição : 11/09/2015

Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris EmptyQua Fev 08, 2017 2:42 pm

Levaria a minha mão direita até o meu ombro esquerdo e procuraria sentir melhor a dor com uns leves apertões . Rangeria os dentes e fecharia completamente a minha expressão facial, deixaria a raiva e a fúria tomar conta de mim naquele momento.

“Sua Humana de merda, como se atreve a me ferir!”

- Se você quer tanto pegar as paginas que estou levando, esforce-se e me diga quem foi a ultima pessoa que andou a procura da mesma informação ! Mas, se não quiser do modo fácil, você pode optar pelo modo difícil e vir aqui pegar!(Nesse momento levaria minha mão até as minhas genitais, apertaria e as balançaria com um leve sorriso escrachado que estaria estampado em meu rosto).

“Com toda a certeza ela irá optar pela opção agressiva, afinal esse é o modo operante dela!”

Não estaria muito a fim de ter uma briga desnecessária com ela, afinal eu teria acabado de levar uma pancada em meu ombro e não queria piorar a minha situação no momento, afinal o ouro seria muito mais importante do que ensinar uma lição a uma fedelha chata de biblioteca.

Caso a opção de Agnes fosse apelar para a violência, eu serraria meus punhos, ergueria minha mão direita próximo a minha face e deixaria esquerda semi flexionada na altura da cintura e quase colada ao meu corpo. Aguardaria a jovem tomar a iniciativa em me atacar, assim que ela estivesse a uma distância de aproximadamente de dois metros e meio a três metros eu cuspiria a minha tinta preta em seus rosto com a intenção de bloquear o seu campo de visão e pularia em sua direção e aplicaria uma voadora de direita em seus fartos seios, pisaria no pulso que estivesse segurando o taco de beisebol e se possível, chutaria o mesmo para longe.
Após a investida, recuaria alguns metros e caso a garota permanecesse no chão, correria em direção a saída da biblioteca dizendo em voz alta!

- Obrigado por tudo Acne! Segure as pontas...

Mas o jovem, além de ser uma rebelde sem causa, apresentava um certo desespero com relação ao sumiço da página e era mais do que evidente que ela não sabia o que fazer. Pelo menos foi essa a primeira impressão que ela deixou escapar e insistiria mais uma vez pelo bom senso da garota!

-Deixando a brincadeira de lado, você pode trabalhar em conjunto comigo e assim iremos ter aquilo que procuramos! Eu o tesouro e você as páginas da livro arrancadas, tanto as que estão comigo como a que foi roubada! O que acha?

Aguardaria a resposta da garota e  as informações  ou plano da mesma.

Se a mesma não a opção não fosse o diálogo e sim a agressividade esperado pelo primeiro momento, aplicaria as ações descritas anteriormente do diálogo sensato e depois sairia da biblioteca.

Uma vez na rua, procuraria algum bar, pub, taverna ou algo do gênero. Afinal a noite estaria pairando pela ilha e os retardados que gostam de se vangloriar e contar histórias, geralmente se reúnem nesses lugares. Não havia muito sobre o que fazer a não ser tentar a sorte nesses lugares e quem sabe assim encontrar alguém que tivesse a informação de um ser iluminado com o mapa de tesouro roubado.

Assim que encontrasse o estabelecimento, adentraria e sem cerimonia, iria até uma mesa e me sentaria. Se não houvesse nenhuma mesa desocupada, olharia a minha volta e escolheria alguém que estivesse sentado sozinho. Andaria em sua direção e com um largo sorriso diria em voz alta...

- Saia verme!

Nesse mesmo momento, aplicaria um ponta pé no peito do individuo, ao estilo Leônidas 300, e o olharia com um olhar de frieza! Caso o individuo não entrasse na briga me sentaria e esperaria o garçom ou garçonete me servir. Minha escolha seria uma caneca de Chopp ou cerveja e ficaria ali bebendo e observando a todos por um tempo. Procuraria por alguém que dissesse as palavras, ouro, tesouro e Burns.

Por outro lado, o homem poderia querer revidar ao meu chute e nesse momento, jogaria o primeiro objeto que estive próximo de minhas mãos em seu rosto e aplicaria dois golpes em seu corpo, uma joelhada em suas costelas e um direto de direita entre seus olhos, recuaria e levantaria a minha guarda de karatê tritão... – É melhor ficar onde está saco de merda fétida, não quero contaminar o ambiente com o seu cheiro!... Se não houvesse mais reação hostil, me sentaria e faria exatamente o que fora descrito acima sobre observar as pessoas do bar.


Off::
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Chuck Norris Empty
MensagemAssunto: Re: Chuck Norris   Chuck Norris Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Chuck Norris
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Conomi Island-
Ir para: