One Piece RPG
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Arco 5: Uma boa morte!
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 23:12

» Supernova
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 22:34

» I - O bêbado e o soldado
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Masques Hoje à(s) 21:39

» Capítulo I: Raízes Perdidas
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 21:30

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Furry Hoje à(s) 21:10

» [Kit - Makei] Red Saber/Mordred Pendragon
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Volker Hoje à(s) 21:06

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Achiles Hoje à(s) 20:27

» Drake Fateburn
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor CrowKuro Hoje à(s) 19:59

» Hermínia Hetelvine
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:51

» Akira Suzuki
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:49

» Sette Bello
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Hoje à(s) 19:46

» Bell Farest
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Far Hoje à(s) 19:43

» Alipheese Fateburn
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 19:31

» As mil espadas - As mil aranhas
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Noelle Hoje à(s) 19:08

» The One Above All - Ato 2
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 18:54

» Seasons: Road to New World
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor GM.Muffatu Hoje à(s) 18:28

» Cap. 2 - The Enemy Within
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 18:04

» Enuma Elish
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Thomas Kenway Hoje à(s) 17:28

» Primum non nocere
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor Misterioso Hoje à(s) 17:21

» Vallerie P. Breathnach
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Emptypor ReiDelas Hoje à(s) 17:00



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
AutorMensagem
Milho
Civil
Civil
Milho

Créditos : 4
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 18/02/2016
Idade : 25
Localização : East Blue

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptySeg 25 Jul 2016 - 13:21

Relembrando a primeira mensagem :

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!

Aqui ocorrerá a aventura dos Caçadores de Recompensas John Goose Bumps e Takamura Mamoru. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

É isso mesmo, Convidado, eu voltei.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Legenda:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
TigerGG
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas


Data de inscrição : 16/02/2016

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyQui 4 Ago 2016 - 19:46

Não subestime o campeão


Ficava um pouco nervoso por causa dos torcedores, tentava bolar uma estratégia, não era só porque o mesmo era um ‘’amigo’’ não pegaria leve, tentaria manter um ritmo dos meus pés razoáveis nem recuando nem avançando.

1 – Se Takamura avançasse primeiro, eu não recuaria e sim avançaria pouco em pouco tentando dar jabs com a mão esquerda para ver se conseguiria acertar ou fazer o tal não conseguir se aproximar de mim, mais se não desse certo, agora daria passos para atrás tudo com seu ritmo e paciência, se Sr. Topete tenta me der um jab ou um outro soco próximo a cabeça ou em alguma região procuraria abaixar a cabeça e tentaria se abaixar  em baixo do braço em que usou para desferir o golpe em mim, que se chama desvio lateral, e se fosse um sucesso o desvio, possivelmente estaria ao seu lado.

Agora se conseguisse esse avanço, procuraria ser o mais rápido o possível para lançar um soco cruzado, impulsionando meu cotovelo que estaria mais próximo ao corpo do tal para cima e deixaria seu antebraço virado para o chão, agora giraria seu tronco, das pernas ao ombro no objetivo de colocar mais força no seu soco, se acertasse agora com o outro braço tentaria desfrutar um jab em direção ao peito enquanto recuaria o meu braço que lancei o cruzado, se errasse o golpe, tentaria recuar mais próximo ao centro do ringue.

No inicio se errando minha fuga do soco desse errado ou vendo que não escaparia, tentaria mirar um jab esquerdo no braço em que estivesse vindo e se moveria para o lado com mais espaço, mais se falhasse tomaria um soco na cara, se não tivesse caído com o soco tentaria sair daquela posição meio que correndo para o outro lado.

Desde o primeiro paragrafo se Takamura estaria a disposto a vir e tentar mirar um soco no meu tronco, não hesitaria e tomaria no peito porém como estaria um braço a vir do topetudo, tentaria dar um Swing, com a mão mais afastada e mais próxima a minha cara, efetuaria uma curva de cima para baixo, na tentativa de acertar o oponente. Mais se dando errado agora tentaria voltar para atrás, procuraria aguentar o golpe do peito e pretenderia trocar golpes de jabs. Se sucesso agora partiria para cima com golpes direto aonde Takamura possivelmente estaria sem a guarda.

2 -  Se Takamura não avance, avançaria calmamente,  fingiria que iria dar jabs, se achasse um brecha tentaria dar um soco de direita e recuaria novamente dependendo do estado do tal, tipo eu tivesse acertado tentaria dar dois socos em seguida, se errasse apenas voltaria dois passos e ameaçaria a dar um outro soco, e se estivesse perto do adversário, daria socos diretos rápidos e recuando rapidamente apenas um movimento para ganhar tempo do que fazer futuramente.

(OFF):
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Takamura
Civil
Civil
Takamura

Créditos : 3
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 03/06/2016
Idade : 22

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyQui 4 Ago 2016 - 19:48

Round 1 - O poderoso contra-ataque?!!



No meio do percurso para a subida no ringue era recebido com uma grande torcida ''Nossa..isso é incrível'' graças a isso palavras ecoavam em minha mente ao mesmo tempo em que me sentia mais animado para a luta já que todos estavam me tratando como se fosse um campeão e essa sensação é extremamente boa. Alguns segundos antes de realmente alcançar o meu destino era surpreendido pelo segurança cujo colocava um protetor bucal em minha boca enquanto dizia algumas palavras em minha direção.

- Eu não preciso disso.. Respondia lentamente tomando cuidado para não deixar cair da minha arcada dentária e assim que finalmente pisava no local da luta começava a minha apresentação enquanto o narrador anunciava-me. ''Takamura.. a torcida espera muito de você, não decepcione!!'' Dizia algumas palavras mentalmente para minha pessoa enquanto me focava na luta e sem mais delongas, o John entrava e após isso o juiz.

Então após escutar as regras em conclusão a luta começava quando toca o gongo e logo no início usaria minha técnica -Hayadesu Nitaishite: Kanpeki nitaisuru! gritaria o nome da mesma enquanto me posicionaria e sem demorar dois segundos sequer focaria nos movimentos do meu adversário consequentemente não conseguiria mais escutar o barulho da torcida. Se ele estivesse no meio do percurso para interromper minha habilidade esperaria pelo primeiro golpe e se fosse um golpe frontal mirando a cabeça, tentaria desviar apenas movendo a cabeça para o lado contrário do golpe ao mesmo tempo em que procuraria acertar um cruzado de direita e executaria o contra-ataque mesmo se fosse acertado.

Agora se estivesse equivocado e fosse um golpe lateral visando meu crânio, buscaria usar um pendulo da direita para esquerda e logo no começo do movimento procuraria acertar um liver blow cujo seria um cruzado de direita nas costelas de mesma direção então no final da deslocação ao voltar meu corpo para a posição original tentaria no meio do caminho(entre subir até ficar totalmente em pé) lançar um cruzado de esquerda mirando na bochecha de mesmo sentido.

Na teoria em que estivesse errado novamente e fosse um swing na qual seria um golpe de cima para baixo tentaria apostar na velocidade enquanto moveria meu braço em linha reto visando atingir um direto de direita no meio do nariz.E no caso de ser uma ofensiva frontal tendo como alvo meu tronco, buscaria primeiramente desviar inclinando verticalmente o corpo na direita ao mesmo tempo em que tentaria acertar um gancho com o braço mais próximo visando atingir o queixo.
Demonstração:
 

Mas também poderia ser a última hipótese cujo seria um ataque lateral mirando nas costelas ou em baixo e pensando nessa alternativa deixaria ser atingido uma vez que no mesmo segundo lançaria um cruzado de esquerda visando atingir a bochecha esquerda.

Se eu acertasse algum dos contra-golpes, continuaria com um direto de esquerda e posteriormente um direto de direita, mirando no meio da boca e nariz respectivamente. Usaria essa continuação apenas se John não conseguisse reagir em algum momento e agora pensando em que ele estivesse parado desde o inicio da luta iria até o mesmo com um direto de esquerda tendo como alvo o peito.

Na teoria em que encontrasse alguma brecha ou acertasse pelo menos três golpes usaria minha segunda técnica -Smash com a intenção de acabar com a luta logo no começo. Se eu fosse atingido em algum momento buscaria me concentrar novamente em meus ataques e defensivas.

Minha estratégia consistia em mesclar os contra-ataques citados acima em qualquer momento da luta, seja no início, meio ou final dependendo do ataque de meu adversário. Em nenhuma ocasião pararia de atacar mesmo que ele falasse alguma coisa.
1º Técnica:
 
2° Técnica:
 

Estratégia:
 

Off:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyDom 7 Ago 2016 - 17:16

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



A Luta!

Após o toque do gongo, a torcida gritava como uma onda que chegava aos ouvidos dos lutadores. -Hayadesu Nitaishite: Kanpeki nitaisuru! - Takamura iniciava o combate ativando uma técnica que confundia de certa forma a platéia que não sabia o que aquilo significava. Enquanto John se aproximava lenta e cuidadosamente procurando um espaço para acertar um de seus golpes, Takamura buscava uma estratégia de contra-ataque e somente esperava os ataques do seu oponente.

John após alguns passos cuidadosos começava a luta tentando um cruzado, Takamura usava seu corpo com um pendulo para se esquivar do golpe que passava no ar, e logo depois tentava um golpe na costela de John que acertava em cheio, fazendo com que o loiro sentisse muita dor em alguns de seus ossos laterais do torso. Tudo acontecia em uma fração de segundos, Takamura logo voltava a sua posição inicial agora tentando um golpe na direção da bochecha de John que com sua mão oposta agora dava um jab na direção do ante-braço de Takamura, parando o golpe e se afastando de Takamura que após o golpe do braço começava a se concentrar mais.

O lutador de cabelos negros não parava após o distanciamento e logo começava a avançar novamente contra o loiro, aplicando um direto de esquerda contra sua boca, fazendo com que sua cabeça fosse para trás levemente durante o soco, o loiro ficava um pouco zonzo durante o soco em sua boca pois ele não estava esperando aquilo naquele momento mas logo voltava ao normal, ele teria de agradecer o protetor bucal pois se não fosse ele provavelmente seus dentes cortariam seus lábios internos.

Enquanto isso, o homem que gritava cada golpe com o microfone continuava. - Takamura parece ter levado a melhor nessa troca! John terá que conseguir aplicar mais golpes que seu oponente se quiser vencer! Então pra quem estão torcendo!? - A torcida rugia novamente, esperando que os lutadores continuassem a trocar golpes violentos.

Histórico:
 

Histórico:
 

Off:
 

Status escreveu:

John
HP: 120 -> 120 - 11 [Direto na boca (Não tem resistência)] - (11 - 4) [Soco nas costelas] = 102
SP: 112

Takamura
HP: 120  -> 120 - (7 - 3) [Soco no ante-braço] = 116
SP: 94


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Takamura
Civil
Civil
Takamura

Créditos : 3
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 03/06/2016
Idade : 22

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyDom 7 Ago 2016 - 19:50

Round 2 - A solução é continuar atacando!!



Após a trocação de golpes conseguia ver meu oponente alguns metros na minha frente ''Ainda está de pé? Impressionante!'' consequentemente fazendo minha pessoa ficar mais excitado com a luta e um certo aumento em relação a respeito aparecia ao olhar para o loiro. E como minha técnica continuava ativa ainda não ouvia sequer as vozes da torcida uma vez que seguia focado em meu oponente.

A luta ainda estava continuando e mesmo com uma enorme diferença não pretendia abaixar a guarda ou subestimar meu oponente. Com essas palavras em mente esperaria pela ofensiva de meu inimigo e se fosse um golpe frontal mirando o crânio buscaria mover a cabeça para o lado oposto do golpe ao mesmo tempo em que soltaria um gancho de esquerda cujo teria que mover o braço de mesmo sentindo de baixa para cima e tendo como alvo o maxilar do meu oponente. Na hipótese de estar equivocado e o alvo for meu tronco, tentaria desviar para a esquerda inclinando o corpo na vertical enquanto tentaria acertar um cruzado no ouvido de mesma direção.

Mas podia estar mais uma vez errado e então o golpe for um lateral no rosto e por esse motivo procuraria defender de uma maneira diferente da anterior uma vez que buscaria inclinar o tronco para trás com a intenção de trazer a cabeça para a traseira e independente do resultado tentaria rapidamente voltar para frente com um direto de direita visando os lábios do loiro. Contudo no caso de for um liver blow ou um ataque em algum flanco do pescoço para baixo procuraria esticar o braço direito em linha reta mirando no nariz apenas para cancelar o movimento do mesmo com um jab de direita ao mesmo tempo em que causaria algum dano.

Contudo podia ser um swing cujo único alvo seria a cabeça para baixo e nessa hipótese apostaria na velocidade com um direto de direita no meio dos dois olhos que devido ao tamanho da minha mão possui altas chances de acertar os dois. Todavia a investida podia ser na verdade um gancho e pensando nesse caso tentaria desviar inclinando corpo e cabeça para trás e sem demorar nenhum segundo sequer contra-atacaria com um cruzado de esquerda visando a orelha de mesma direção.

Não posso esquecer que o loiro tem chance de mais uma vez acertar meus braços e pensando nesse caso além de sempre manter a guarda alta cujo seria lançar um golpe de direita, levantaria o membro esquerdo na altura da testa e vice-versa também procuraria voltar meu braço após cada ataque o mais rápido possível.

Faria todos os contra-ataques em qualquer parte da luta e tentaria executar mesmo se fosse atingindo em algum momento. Mas se em algum instante ele não reagisse ou não partia pra cima tentaria um direto de esquerdo e posteriormente um gancho de direita, respectivamente visando o nariz e o queixo. Agora se acertasse pelo menos três golpes ou tivesse uma brecha tentaria lançar minha técnica - Smash!! gritaria o nome da mesma enquanto soltaria a habilidade visando a boca do meu oponente.

Se o gongo tocasse ou vencesse a luta teria consequência devido a técnica que deixaria meu corpo mais pesado do que o normal na qual dificultaria um pouco minha movimentação. Independente desse detalhe com toda minha força restante levantaria os braços para demonstrar para a torcida que a vitória era minha e agora poderia finalmente ouvir a voz dos adeptos.

Contudo se fosse apenas o gongo que tocasse me dirigia até um dos cantos livres aonde possivelmente teria um banco me esperando cujo sentaria no mesmo para recuperar o meu folego e beberia uma garrafa de água apenas se tivesse. ''Vamos corpo.. aguente.. só mais um pouco!!'' Palavras ecoariam em minha mente enquanto olhava ao redor sentando no mesmo.
Técnica:
 

Estratégia:
 

Off:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
TigerGG
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
TigerGG

Créditos : Zero
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 16/02/2016
Idade : 18

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyDom 7 Ago 2016 - 19:53

Não subestime o campeão


Agora escutava Takamura falando algo que não entendia muito bem o significado e o porque, mais ignorando apenas pensava que era algo para se agitar falando qualquer coisa. Meus golpes por um momento não iam com precisão sempre o mesmo evitava meus riscos de acertos em seu corpo, e logo sentia meu torso doendo parece que o soco em que o inimigo havia me acertado. Por um segundo apenas tentava esquecer o que aconteceu e ver se concentrava mais na luta era um problema que tentaria cuidar no intervalo isso é o que pensava que duraria aquele  round.

Não conseguia esquivar do golpe e era acertado em cheio na boca se abalaria por uns segundos nunca havia sentindo um golpe desses em toda sua vida. O protetor lhe havia ajudado mais nem ligava não queria levar outro golpe e tentaria se recompor de pé e parar de ficar zonzo.

‘’Você tem potencia mais agora não pego mais leve com você’’ agora ficaria furioso poderia ver em suas sobrancelhas que mexeria com ódio, não poderia perder uma oportunidade de derrotar campeões e ter fama Takamura era apenas um obstáculo de muitos só precisaria passar por Taka o que seria difícil.

- Arg!!! Maldito – gritaria para que todos ouvissem, agora aproximaria do homem  de 3 metros, tentaria usar sua estratégia, só podia torcer pro Sr. Topete ter pouca estamina e estar cansado após executar seus golpes, concentraria seu poder na hipnose e na manipulação. – Olha vou para á sua esquerda agora. – ficaria por enquanto no centro de sua visão, tentaria enganar Takamura e deixa-o confuso da onde viria o próximo golpe, com a mão próxima a minha cara começaria a girar, da esquerda para a direita ,  já que o tal teria que estar sempre a me observar tentaria reunir sua mente. – Você vai para a direita certo? A direita, a direita. -  tentaria falar rápido e usaria sua hipnose com o ponto central a visualização de sua mão, logo se aproximaria dele do lado esquerdo de baixo para cima com pouca inclinação na esperança que sua hipnose desse certo,  tentaria dar um soco esquerdo tentando colocar força para executar, e miraria na região do serratus anterior esquerdo uma das estabilidade do ombro e pode causar paralisia serratus anterior.

Se durante a fala ele tente avançar, com algum soco continuaria a falar e tentaria se afastar apoiaria minha perna que ao lado estase com mais espaço assim dobraria os joelhos e ao mesmo tempo flexionaria o abdômen, faria um pivô leve com meus pés e com meu corpo para o lado que esquivaria, se fosse sucesso apenas sairia próximo ao centro e assim se ele tentar um soco durante meu golpes planejado tentaria fazer a mesma coisa que fez momentos atrás.

Caso o golpe não desce certo voltaria para atrás, e descansaria um pouco, e tentaria desviar do golpe, se fosse um direto ou um uppercut próximo a cara ou na região do abdômen , tentaria fazer uma esquiva longitudinal deixaria sua coluna reta e se afastaria para atrás com o apoio das pernas  e se um possível outro direito do oponente faria a mesma coisa só que para a diagonal recuando, e com meus movimentos tentaria voltar próximo ao centro.

Mais se fosse um gancho ou um cruzado. – Ahhhhh!!!!! – gritaria tentando desconcentrar o golpe e assim tentaria mover para o lado esquerdo deixando sua guarda baixa e tentaria dar um cruzado. Tentaria ser rápido com um movimento de braço da esquerda para a direita em uma linha reta em direção ao rosto do oponente assim fazendo o Cruzado. Eu giraria meu peso e meu ombro direito para frente para acrescentar potência ao golpe.

Se no caso de um soco meu ele tente um swing, avançaria sua mão até o local do golpe, e tentaria mover minha cabeça ao contrario do lado da mão vindo a minha direção para atrasar o golpe dele. E em seguida se meu golpe do que o mesmo tente um swing desse certo tentaria com a outra mão um soco direto em linha reta e se visse que estivesse zonzo moveria próximo do mesmo sem mesmo se distanciar 1 metro, e tentaria socos esquerdo de cima para baixo na região do ombro esquerdo deixando apenas sua mão direita próximo a seu queixo.

Se Takamura pretendesse um golpe estranho que nunca tivesse visto apenas recuaria cuidadosamente, se visse tentaria desviar para o lado direito com minha perna longa.

Se o gongo soasse voltaria para seu lado se tivesse um auxiliar apenas pediria água e ignoraria algo em que falasse queria lutar com sua estratégia improvisada e encararia com ódio nos olhos olhando para Takamura enquanto isso retiraria seu protetor por enquanto se tivesse um balde cuspiria por causa do golpe levado momentos atrás e assim colocaria de volta, e com sua mão passaria sobre o lugar em que sofreu outro golpe e respiraria fundo apenas esperando voltar a partida e tentando se recuperar.

Mais se fosse nocauteado durante o 1 round, apenas ficaria no chão se lamentando e brigando comigo mesmo. ‘’Durante alguma luta dele, vou atrapalhar Ya-Ha se eu não vou ser o Campeão Takamura não será’’ daria um pequeno sorriso animado e sairia do local a espera de se recuperar. Caso tivesse uma queda tentaria não se abalar e levantar se ele avançasse apenas moveria pelo ringue tentando ganhar tempo. Se conseguisse dar um nocaute no oponente saborearia a minha vitória, e se houvesse uma queda do adversário ficaria na postura normal do boxe sem sequer comemorar pela a queda.



(OFF):
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyTer 9 Ago 2016 - 22:34

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



A Luta!

Após a troca de golpes, Takamura continuava com sua mesma estratégia de contra-ataques permanecendo com a sua guarda alta enquanto John após chegar mais perto dele, tentava algo inusitado para uma competição de boxe.– Olha vou para a sua esquerda agora. - Girando sua mão para a esquerda, Takamura ficava confuso de certa forma mas era improvável que somente aquilo pudesse causar algum problema para o mesmo. – Você vai para a direita certo? A direita, a direita. - A voz de John mais uma vez tentava causar certa confusão em seu oponente, mas desta vez algo estava errado com Takamura que ao ver seu oponente abaixando e tentando um golpe abaixo de um de seus braços era afetado pela hipnose do loiro e não conseguindo se esquivar de forma plena, levava um golpe certeiro em uma parte vital para a movimentação de seu braço esquerdo.

A torcida rugia com o soco, mas Takamura era rápido e tentava acertar um cruzado em John que conseguia se esquivar pois além de ter uma boa esquiva ainda tinha a vantagem do braço esquerdo de Takamura que estava lesionado e sentia a pontada de dor abaixo do braço ao desferir o golpe no ar.

Mas não era um simples soco que iria acabar com o round, o lutador de cabelos negros vendo que John não partia para cima avançava contra ele e tentava um direto de esquerda, mas seu braço esquerdo estava lesionado e com isso após tentar o soco ele sentia outra pontada sendo forçado a para-lo ele agora tentava um gancho de direita. – Ahhhhh!!!!! - Um grito do loiro tentava desconcentrar Takamura, mas o mesmo tinha calma em luta e não se intimidava com tais atos, mas mesmo assim errava o golpe que passava no ar novamente.

Após tentar o gancho, o loiro não demorava a tentar o mesmo golpe contra Takamura. Girando seu corpo e com uma boa movimentação o golpe era certeiro, o homem de três metros ainda tentava uma esquiva, mas após tentar um cruzado aquilo era difícil. Takamura sentia o impacto da luva de John em seu queixo e dando alguns passos para trás ele tentava se recompor sentindo-se zonzo por alguns segundos.

O loiro tentava mais uma investida, vendo seu oponente zonzo ele tentava um golpe de cima para baixo na direção do ombro de Takamura que tentava um bloqueio com suas mãos altas, mas ele tinha um péssimo bloqueio e John simplesmente ia para o lado acertando o seu ombro causando uma tremenda dor no mesmo, qualquer movimento agora poderia ser fatal.

O gongo soava novamente. - Que luta incrível! Podemos ver o quanto querem a vitória! A luta finalmente terá seu destino selado após esse round final! Para quem vocês estão torcendo!? - A voz do narrador animava a torcida que gritava os nomes dos lutadores que tomavam água e se sentavam durante alguns segundos para receber os devidos cuidados, um médico de cada lado estava verificando o corpo dos lutadores, por não estarem muito feridos ele apenas deixava que eles fossem lutar novamente, talvez se ele soubesse do braço de Takamura não teria o deixado ir lutar.

Mais uma vez o gongo era ouvido e os lutadores se levantavam, um de cada canto do ringue. Os próximos segundos seriam cruciais para a luta.

Histórico:
 

Histórico:
 

Off:
 

Status escreveu:

John
HP: 102
SP: 112

Takamura
HP: 116  -> 116 - (7 - 3) [Soco debaixo do ombro] - (7 - 3) [Gancho no queixo] - (7 - 3) [Soco lateral no ombro] = 104
SP: 94



____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
TigerGG
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
TigerGG

Créditos : Zero
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 16/02/2016
Idade : 18

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyQua 17 Ago 2016 - 20:14

Não subestime o campeão


Parecia que minha estratégia havia sido um resultado em relação a danificar o ombro esquerdo, facilitaria sua luta e tinha uma certa vantagem. Mais uma coisa seus irmãos o ensinaram nunca subestimar o oponente independente de como está. Sensação era boa de recuperar uns golpes, segundo eu o primeiro round havia sido  ganho.

Enquanto estava sentado torcia para que Takamura não possa mais participar, mas quando  viu o gigante levantar só pensava uma coisa. ‘’Ya-Ha. Vou ter que quebrar aquele braço para ele parar de lutar? ‘’ pensava agora em danificar mais o braço esquerdo mais agora quando o gongo zoasse ficaria na posição de como estava sempre. – Oh vou ter que danificar teu braço esquerdo. –  tentaria passar impressão de estar blefando, só que eu estava sendo sincero, esperaria que fosse a realidade do que pensava que Takamura achasse que era um Blefe e que iria ir em seu braço direito, e seria uma distração para ele tomar cuidado e proteger seu braço direito mais do que o esquerdo.

Se Takamura tivesse a avançar, e tentasse um jab ou um soco direto, me deslocaria em forma diagonal, abaixaria minha cabeça e tentaria um breve avanço ao braço em que ele desferisse o soco, se obtivesse  êxito em sua esquiva, com minha mão atrás da guarda protegendo minha cara, agora começaria uma rotação em meus ombros e enquanto que meu punho  também iniciaria uma rotação de mais ou menos 180° assim fazendo eu trazer meu ombro dianteiro até a guarda junto ao queixo, o golpe é em direção ao maxilar na expectativa de tocar ao seu corpo e leva-lo a lona , se o direto desse certo e não caísse ao chão com minha outra mão afastada faria a mesma coisa porém na direção do ombro esquerdo, e logo após esses golpes tentaria com minha agilidade ir mais para o lado esquerdo de Takamura, já era de imaginar o próximo golpe que tentaria. Se erasse voltaria ao meu posto e tentaria fazer novamente caso o tal tente o mesmo golpe, mais se não apenas observaria o que pudera ser feito em seguida.

Caso desse certo o golpe e a movimentação ao seu rumo do lado do esboço do corpo do topetudo, faria a versão do gancho mais curta conhecido como Uppercut , com orgulho de mim mesmo, tentaria se animar e ver se isso me anima a derrubar o obstáculo, meio que se agacharia pegando impulsão em seu braço direito de baixo para cima tentaria erguer seu punho o mais rápido o possível para  tentar acertar o ombro esquerdo se sucesso e o mesmo tivesse sido acertado agora com o braço esquerdo tentaria um direto no queixo novamente.

Dado que fosse errado o golpe voltaria para as costa do mesmo, e esperaria o beltrano virar para mim.  E durante o round na hipótese de um gancho ou um cruzado, tentaria mover para o lado esquerdo deixando sua guarda baixa e tentaria dar um cruzado. Tentaria ser rápido com um movimento de braço da esquerda para a direita em uma linha reta em direção ao rosto do oponente assim fazendo o Cruzado. Eu giraria meu peso e meu ombro direito para frente para acrescentar potência ao golpe.

Quando fosse tentar algum clinche, com os meus dois punhos tentaria empurrar Takamura para o trás e para se afastar ameaçaria dar jabs se fosse preciso faria a estratégia de antes, e se tentasse um golpe reverso tipo um contra ataque, continuaria fundo com meu golpe apenas levando minha cabeça para o lado oposto do lugar do golpe em que viesse para tentar fazer demorar mais e meu soco acertar primeiro.


No caso de nocautear e acabar a luta sendo vitorioso levantaria meus braços para cima se houvesse um microfone ali por perto pegaria e agora subindo em cima de um corner diria. – Me chamem de The Shark – Daria um enorme sorriso mostrando o meus dentes de tubarão, agora sairia da lona, a primeira coisa a procurar é tentar matar sua sede por refrigerante se achasse pegaria e beberia, mas se não, iria em direção ao agente e diria. – Viu minha luta? Eu disse para não me subestimar. – agora com um tom entusiasmado e convencido diria alegremente.

Mais se de algum jeito Takamura me desse um nocaute apenas sairia da lona indo em direção ao vestiário e descansaria colocando sua roupa e pegando seus equipamentos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Takamura
Civil
Civil
Takamura

Créditos : 3
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 03/06/2016
Idade : 22

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptyQua 17 Ago 2016 - 20:16

Round 3 - Uma nova estratégia?!!



Eu começava ganhando o round, no entanto com uma maneira inusitada de atacar fui pego de surpresa com um soco em uma parte importante do meu ombro cujo foi o motivo de fracassos ao longo da luta. No final do primeiro turno tinha levado uma sequência de golpe e que para uma pessoa normal causaria medo de perder, mas para mim era diferente uma vez que estava cada vez mais animado para lutar ''Ele é forte, muito forte!!'' pensava em relação ao loiro enquanto os médicos checavam meu corpo, estava tão empolgado com a batalha que nem ligava para aqueles que ousaram colocar as mãos sujas em meu corpo.

Logo o gongo tocava e a próxima rodada estava preste a começar ''Finalmente um oponente digno?'' palavras ecoavam em minha mente a cada passo que dava até o centro, conseguia perceber a dor em meu ombro e no entanto apenas ignoraria já que não importaria em sentir dor. Muito pelo contrário porque aquela sensação era boa uma vez que significava que alguém muito forte conseguiu ferir-me.

Assim que chegaria no centro esticaria meu braço direito para o oponente bater e independente de retribuir o gesto apenas daria um pequeno salto para trás com a intenção de afastar-me-ia um pouco. Primeiramente colocar-me-ia numa posição Southpaw na qual esticaria o pé direito para frente e o esquerdo na traseira ao mesmo tempo em viraria meu corpo deixando na vertical com o punho direito mais próximo do inimigo consequentemente deixando todo o lado esquerdo para trás.
Demonstração:
 

Mesmo sabendo que meus movimentos estariam um pouco mais lentos devido a técnica usada anterior não seria motivo para fazer-me desistir e assim que estivesse posicionado esticaria o braço esquerdo com o objetivo de tapar completamente o rosto do loiro já que meu punho estaria praticamente no meio do crânio do sujeito com a finalidade de não saber quais seriam meus próximos movimentos e no momento em que notasse que o inimigo estivesse no limite do alcance de meu braço recuaria brevemente o membro superior para a posição original com a intenção de que segundos depois tentaria desferir o soco mais rápido do boxe cujo teria que mover o braço em linha reta com um jab visando o olho esquerdo.

Idependente de acertar ou errar continuaria com o mesmo movimento outras duas vezes. Mas se ele esquivasse para trás ou inclinasse no mesmo sentido daria dois passos para frente antes de disparar o próximo golpe uma vez que aproveitaria da envergadura do meu braço na qual era quase dois metros e meio. Contudo caso o desvio fosse para o lado tentaria seguir o loiro impulsionando meus pés em direção ao mesmo para só depois lançar minha investida e no entanto havia mais uma opção cujo seria abaixar-se-ia, pensando nessa hipótese buscaria com o pé esquerdo realizar um pequeno passo para trás consequentemente levando o outro membro inferior junto com o resto da estatura corporal para a mesma direção e por fim reajustaria o angulo de meu ataque para disparar o próximo jab diretamente no alvo enquanto abaixaria um pouco meu punho.
Demonstração:
 

Faria todas as investidas apostando em minha agilidade e não exitaria em soltar meu golpe caso ele tentasse abrir a boca ou movimentar-se-ia para executar algum ataque. Meu principal objetivo seria não dar tempo para fazer qualquer movimento e mesmo que fizesse tentaria contra-atacar com meus ataques ao mesmo tempo em que aproveitaria da minha posição que deixar-me-ia o punho direito mais próximo de meu oponente.

Se algum momento da luta acabasse novamente sentindo que algo estava errado comigo teria como resultado uma tentativa de apertar meu punho esquerdo com o máximo de força possível para fazer com que a dor do mesmo despertar-me-ia e se desse certo seguiria com a mesma estratégia.

Após cada jab puxaria meu braço para trás levantado para voltar a posição original com o objetivo de tentar não receber um golpe novamente no membro superior. Se algum momento da luta ele conseguisse se aproximar buscaria dar um leve recuo para trás porque procuraria desviar de futuros ataques e além disso tudo lançaria meus socos mirando no olho esquerdo do loiro para que o mesmo inchasse ou simplesmente fechasse. Por fim, executaria cada movimento em qualquer parte da batalha.
Estratégia:
 

Off:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Sylvanas
Narrador
Narrador
Sylvanas

Créditos : 7
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 101
Localização : Elbaf

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptySex 19 Ago 2016 - 12:18

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



A Luta!

Em cada canto do ringue agora os lutadores se levantavam, o narrador anunciava o reinicio da luta e a plateia reiniciava seus gritos de apoio aos participantes. – Oh vou ter que danificar teu braço esquerdo. - As palavras do loiro tentavam dar a impressão de blefe e conseguiam, mas Takamura somente respondia com seu braço direito estendido como um sinal de recomeço da luta que era ignorado pelo seu oponente.

O primeiro movimento de Takamura impressionava a todos, ele começava a tentar tampar a visão de Tiger com seu braço esquerdo! O mesmo braço danificado por John ao decorrer da luta. Mesmo depois de sentir um desconforto grande, ele conseguia estende-lo ao máximo na direção do rosto do loiro que ficava sem enxergar nada praticamente, somente a luva de seu oponente e mesmo vendo seu alvo a sua frente não fazia nada a não ser ficar sem sua visão.

Depois daquilo, o que John via era somente a outra luva de Takamura vindo na direção do seu rosto com toda sua rapidez e força. O golpe vinha com um impacto certeiro em seu olho esquerdo, talvez se John tivesse visto a mão de seu oponente poderia ter pensado em reagir mas naquela situação não era possível e ele somente sentia uma dor seguida de muito desconforto e dor de cabeça depois do impacto, o narrador gritava o golpe e a plateia rugia novamente esperando somente a finalização de Takamura na luta.

O lutador de cabelos negros era impiedoso e percebendo seu oponente zonzo e dando passos para trás, ele continuava dando passos junto a ele para não perder seu alcance e novamente o acertava com mais um soco direto em seu olho esquerdo, nessa hora John já estava quase desmaiando e seu olho já estava roxo e inchado, sua visão era turva e ele tinha uma tremenda dor de cabeça, mas isso tudo era deixado de lado quando Takamura dava seu golpe de misericórdia com mais outro soco certeiro.

John caia sobre as cordas, e o juiz anunciava a vitória de Takamura com um grito no microfone e suas mãos empurrando o tronco do homem de três metros para trás, não que isso fosse preciso mas era algo que os juízes faziam para impedir golpes desnecessários.

Takamura agora era ovacionado pela torcida e pelo narrador, John estava sendo levado ao centro médico e só podia ouvir alguns sons muito abafados junto a dor latejando em sua cabeça. - Façam os exames e depois levem ele a sala de repouso, espero que os socos consecutivos não tenham danificado alguma parte séria da sua cabeça... - Uma voz feminina falava enquanto apontava uma pequena lanterna sobre um de seus olhos fazendo que ele acordasse mas logo depois desmaiasse novamente.

O outro lutador agora estava sendo levado perto as cordas pelo juiz que indicava que ele fosse para a sala dos lutadores para se preparar para a próxima luta, e se quisesse poderia ir visitar seu amigo depois. Um homem que estava por ali com uma prancheta e uma câmera em seu pescoço chegava perto de Takamura.  - Senhor, pode me dizer da onde vem? Onde você aprendeu a lutar? Aquele homem era seu amigo, irmão ou o que? - Ele parecia estar tentando buscar informações de Takamura e tinha lugar privilegiado na torcida, agora cabia ao lutador fazer alguma coisa, os médicos não sabiam sobre seu braço e ele teria de avisar a eles sobre isso, se quisesse.  

Histórico:
 

Histórico:
 

Off:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Aventuras:
 


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Voltar ao Topo Ir em baixo
TigerGG
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
TigerGG

Créditos : Zero
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 16/02/2016
Idade : 18

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptySex 19 Ago 2016 - 14:53

Raiva Raiva Raiva


John apenas sentia os golpes vindo não podia fazer nada e apenas tomava só achava meio estranho ele levantar seu braço esquerdo para tampar minha visão sendo que eu entendia de anatomia humana tinha certeza que não aguentaria se esforçar tanto para ficar ali e que eu seria capaz de tentar acertar.

Enfim havia caído e desmaiado, claro que havia ficado irritado, mais aquela luta não acabaria ali, movido pelo ódio apenas escutaria a torcida e algumas outras pessoas e então fecharia meus olhos sem pensar apenas em mais nada.

~FlashBack~
O fundo ficava preto, trevas tenebrosas caiam, o clima era nublado o mar se movia agitado, uma voz do além dizia.

- Seu Fracote! Nunca pare de treinar, se alguém te arrebentar não estarei lá. Lembra do nosso combinado? Se alguém te vence você vai se vingar não importa a hora. – o homem não se revelava, John aparecia com olhos vermelhos de ódio e ao outro lado aparecia sua irmã com sua voz calma lhe dizendo.

- Eu posso ser uma traidora, mais acho que tu também será, HAHAHA. Eu sei o seu jeito John perder não está no seu vocabulário, essa palavra é inédita para você. – Ela sorria, e agora saia voando com umas asas que surgem do nada eletrizante com a cor roxa.

Agora se encontrava 2 John, e logo em seguida surgiam vários John como um exercito marchavam passos como se estivessem indo para guerra e agora gritavam ao mesmo tempo.
- Vai deixar assim? – Agora o verdadeiro John aparecia coberto pelo sangue sussurrando. – Me perdoe Takamura, mais se eu não ganho você também não vai ganhar.
~FlashBack~

Acordaria e olharia a sua volta, após um sono viu coisas bizarras que porém para mim fazia sentido, ‘’Takamura não participará mais da competição’’ daria um pequeno sorriso com pensamentos em futuros manipulações em que planejaria.
Observaria a sua volta estaria em uma possível cama e teria algum plano. Preciso de uma garrafa de Refrigerante!- gritaria não importa se tivesse alguém próximo ou não, se viesse tomaria fecharia a tampa e jogaria no chão após algo assim , se caso alguma pessoa estivesse ali ignoraria e mandaria ir tomar no c#, e não faria nada que pedissem para ele fazer por causa de seu rancor.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Takamura
Civil
Civil
Takamura

Créditos : 3
Warn : Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 9010
Masculino Data de inscrição : 03/06/2016
Idade : 22

Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 EmptySex 19 Ago 2016 - 16:38

Mais uma vitória!!



Após executar meus ataques tinha como consequência o fim da luta e posteriormente era considerado o vencedor da batalha quando o oponente cai no chão desmaiado. ''Nada mal loiro!'' refletia enquanto olhava para meu adversário com um sorriso no rosto cujo demonstrava um enorme aumento em relação ao respeito.

''Inseto..'' pensava irritado quando sentia o toque do juiz em meu tórax, contudo tinha que agradecer a torcida pelo apoio durante a batalha e com isso em mente ignoro o sujeito com a finalidade de levantar o braço direito pra cima já que é o modo em que demostro a vitória para todos. Após isso o arbitro aconselhava a minha pessoa de dirigia-me até a sala dos lutadores, mas antes de começar o percurso era interrompido por um entrevistador na qual iniciava um questionamento.

-Ele é apenas mais uma pessoa que cai perante meus punhos! Responderia calmamente enquanto olharia para o homem e sem mais delongas desviaria do mesmo com a intenção de seguir o meu trajeto. Mas se no meio do caminho alguém puxava-me ou chamava-me apenas ignoraria e na teoria em que tivesse a necessidade de impulsionar fortemente o braço numa direção para retirar a provável mão na minha pele, executaria sem pensar duas vezes.

Independente do que acontecer apenas seguiria em frente. Agora pensando na hipótese de finalmente chegar até meu destino iria primeiramente procurar o armário em que deixei meus equipamentos com o objetivo de verificar a possibilidade de um suposto desaparecimento e contudo estivesse completamente normal sentar-me-ia no chão encostado na estante.

Eu conseguia perceber que meu ombro ainda estava danificado, mas devido ao orgulho de minha pessoa não pediria ajuda e como resultado apenas observaria em volta com o objetivo de analisar meus próximos adversários. No entanto ainda contém o caso dos itens desaparecerem e pensando nisso procuraria o guarda com meus olhos -O que você fez com meus objetos?! apenas diria tais palavras caso avistasse o sujeito executando a fala calmamente porém com um olhar intimidador.

Todavia na hipótese de não encontrar o sujeito apenas abancar-me-ia no chão. Em todos os casos apenas começaria a pensar no que fazer daqui em diante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!   Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa! - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ep 2 - Dois caras e uma Recompensa!
Voltar ao Topo 
Página 3 de 6Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Polestar Islands-
Ir para: