One Piece RPG
O Canto da Justiça - Página 4 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» ~ RESET ~
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor KingSalazar Hoje à(s) 18:01

» Cap. 1: Laços entrelaçados, as chamas da revolução se erguem!
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Kenshin Himura Hoje à(s) 17:54

» Akira Suzuki
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Ceji Hoje à(s) 17:38

» [M.E.P] Nash
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor TsubasaNash Hoje à(s) 13:40

» [Kit - Garou]
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Ainz Hoje à(s) 12:06

» V - Into The Void
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor GM.Alipheese Hoje à(s) 11:03

» Mini - DanJo
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor DanJo Hoje à(s) 02:51

» Crisbella Rhode
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor ADM.Ventus Hoje à(s) 02:48

» A Aparição de Mais Um Meio a Tantos
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Wave Hoje à(s) 00:53

» O vagabundo e o aleijado
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Ghastz Hoje à(s) 00:40

» Mini Aventura - Agyo Shitenno
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 23:16

» O Legado Bitencourt Act I
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Faktor Ontem à(s) 22:16

» Apenas UMA Aventura
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Van Ontem à(s) 17:49

» Bellamy Navarro
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Greny Ontem à(s) 12:43

» Unbreakable
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor Ainz Ontem à(s) 11:55

» (Mini) Gyatho
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 01:02

» (MEP) Gyatho
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:55

» [MINI-Tenzin]Here we go again
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:53

» [M.E.P]Tenzin
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 00:43

» [Extra] — Elicia's Diary
O Canto da Justiça - Página 4 Emptypor GM.Noskire Ontem à(s) 00:27



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG

Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


Compartilhe
 

 O Canto da Justiça

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
AutorMensagem
Buki
Civil
Civil


Data de inscrição : 15/10/2015

O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 EmptySex 20 Out 2017, 21:00

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

É. Parece que eu estou com problemas...

Não existia muito que eu pudesse fazer naquele momento, isso é, de forma que eu pudesse pelo menos escapar dali sem lutar. O próprio escoltado já estava perdendo a cabeça, e ainda por cima, me ofendendo com suas reclamações. Eu realmente não gostava disso...como poderia eu, sendo filha do meu pai, uma Marine, deixar uma pessoa em tamanho estado apenas por me ter ao seu lado. Entendo que sou inexperiente, mas eu não sou tão fraca assim! Mesmo sabendo disso, ainda não é determinação o suficiente para me fazer lutar como uma idiota ou um berserker. Por sorte, o garoto tinha um plano, e era disso o que precisava para me animar um pouco.

Aquele plano era, no mínimo, descente. Não sei como não havia pensado nisso antes. Acho que ter outra pessoa com você realmente ajuda, mas isso não importa. O que importa agora é saber como usar isso. Atrair os inimigos para uma armadilha pode ser uma grande ajuda na hora de enfrentá-los, algo que não é exatamente minha área. Fico me perguntando se deveria ter aprendido a lutar com o corpo, ou pelo menos, usar uma adaga. Primeiro de tudo, eu precisava imaginar como isso ocorreria, sem muito tempo para fazê-lo, claro, nunca vai ter tempo suficiente.

Começaria tentando chamar a atenção do brutamontes primeiro, e talvez, dos colegas dele. Preferencialmente eles. Dado minhas últimas batalhas, eles não seriam tanto problema se eu estiver preparada, já que mesmo sendo pega de surpresa, eu consegui lidar com eles de alguma forma. Conhecer o inimigo é importante, pelo menos, os limites da força. Assim que os tais se mostrassem, a ação iria começar. O plano principal é levar eles até a armadilha, ou seja, eu não podia enfrentar eles com tudo ali, não que eu pudesse de qualquer forma, por isso, tentaria fazer parecer como se eu estivesse fugindo de novo, ofenderia eles de precisasse. Logo que eu estivesse em uma distância mínima da armadilha, iria sacar minha pistola e começar a lutar com eles, disparando um tiro para tentar desviar a atenção da armadilha ou de algo suspeito.

Nesse momento, a luta entraria em seu momento principal. É difícil lembrar quando se está lutando, mas graças ao medo, eu consigo fazer isso melhor, esquivas. Eu estou lutando contra dois ou mais, então a melhor opção de longe é tentar me manter um pouco distante e consciente que eles não precisam de nada além de suas próprias mãos para me atacar, logo, eles iriam se aproximar de mim. A minha melhor opção nesse momento é jogar coisas neles, tentando impedir a vinda rápida ou pelo menos. Assim que eles se aproximarem de mim, algo inevitável, eu iria focar ainda mais em me esquivar, de forma que pudesse escapar de seus socos ou chutes. Minha melhor alternativa nessa hora seria apenas isso, tendo em mente que talvez o garoto me ajude. Ele tem uma arma afinal. Porém, eu também tenho uma, e não poderia me esquecer dela. Enquanto tento me esquivar deles, iria, no mínimo, buscar alguma abertura para conseguir dar um tiro a queima roupa neles. Algo que eles não poderiam escapar, e que de preferência, conseguiria derrubar um deles, ao menos.

Com o plano quase completo, eu finalmente terminaria de atraí-los para a armadilha. Uma última chance de conseguir vencê-Los. Assim que eu conseguisse trazê-Los para a armadilha, eles provavelmente tentariam mais alguma coisa, e com isso, iria disparar pelo menos um último tiro, que poderia derrubar um deles, ou ao menos, acalmar um deles. Tudo o que preciso é contar com a sorte.

Objetivos:
 
— viking age
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dragonmbr
Civil
Civil
Dragonmbr

Créditos : Zero
Warn : O Canto da Justiça - Página 4 5010
Masculino Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 23
Localização : Casa da mãe joana

O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 EmptyTer 24 Out 2017, 10:11


Diferente da maioria dos nobres, Mike se mostrou bastante útil, com suas armadilhas. Se movendo habilmente e as montando sem chamar atenção dos perseguidores ele volta para onde nossa pequena e fofa protagonista estava. Já que o Mike teve sucesso, isso demostrava que se ele quisesse ele poderia escapar sozinho facilmente, mas ele não fez, ele decidiu voltar para seus guardas. Será que era por honra? Ou simplesmente Mike tinha uma queda por garotinhas?

Agora era a vez da Novata ajudar, ela saiu de seu esconderijo e foi atrás dos brutamontes, Não foi muito difícil achar eles, já que eles estavam praticamente por todo lugar tentando achar eles. A novata encontrou dois cheirando o ar tentando encontrar rastro do Mike. Assim que Allen viu os dois começou a chamar atenção dos mesmo os ofendendo. Os brutamontes vendo Allen rugiram e seguiram atrás dela. O rugido atraiu atenção de mais 4 brutamontes. Enquanto Allen corria em direção as armadilhas ela olhou para trás e a cena que ela viu não foi nada animadora. Seis minkis ursos (são ursos não?) estavam correndo com as 4 patas com um olhar fixo nela, sua boca cheia de dentes afiados estava babando uma espuma branca. Felizmente ao ver isso fez com que Allen corresse mais rápido.

Ao se aproximar das armadilhas Allen começou a atirar para chamar atenção para as balas e não para a armadilha. Isso não era necessário, os brutamontes estava com um olhar tão fixo nela que não iriam ver mais nada. Infelizmente os tiros chamaram atenção daqueles que que ainda não tinham detectado Allen.

Um dos tiros acertou o braço de um minki, o fazendo ficar mais lento, outro tiro acertou a cabeça de outro Minki, mas esse nem se importo continuou correndo na mesma velocidade. Sera que os ursos estavam no modo berserk? Um dos ursos caíram na armadilha, seu pé fico preso em uma armadilha, poeira e folhas se levantaram quando o urso perdeu o equilíbrio e deu de cara no chão, o outro que estava logo atrás dele não teve tempo de desviar e trombou sobre fazendo rodar violentamente no chão. Mas esse longamente se levanto e continuo seguir Allen. Os outros ursos pularam sobre o urso amarrado, angus mesmo até o pisoteava.

Outro urso foi pego em uma armadilha agora seu pé foi pego em uma amarra e esse foi pendurado de ponta cabeça, esse Minki ficou sem ter muito que fazer . Allen também quase caiu em uma das armadilhas, eram pequenas pregos afiados que ficavam no chão, no ultimo segundo Allen pulou por cima, infelizmente o urso que a seguia não teve a mesma sorte e enfiou a pata nos pregos, o prego varou a pata dele, mas o urso pareceu não notar e continuou a correr, infelizmente para o urso o prego prendeu o braço firmemente no chão, e como ele estava em alta velocidade, o urso capoto em alta velocidade, ele conseguiu escapar da armadilha mas o estrago em sua pata estava mutilada e parecia ser utilizável, talvez tenha torcido ou quebrado a mesma. Mas ele ainda estava disposto a lutar, infelizmente isso não fez diferença para os que estavam atrás dele, eles os pisotearam sem diminuir a velocidade apagando o urso.

Allen olhou para trás e viu que o plano estava dando certo, assim que olhou pra frente foi surpreendida, encontrou um urso já dando uma patada na diagonal de cima para baixo com a pata esquerda visando acerta o rosto dela. Felizmente Allen teve a capacidade de desviar por pouco se jogando para a direita. As garras do urso passaram a 1 centímetro do olho da Allen, o mundo parecia estar em câmera lenta enquanto desviava. Devido a alta velocidade Allen caiu e foi rolando em alta velocidade no chão, ao se levantar ela percebeu que seu pé direito estava torcido. Sem pensar duas vezes ela deu um tiro na direção do urso que a atacou, o acertando sua barriga, o urso apenas ignorou a dor e deu um urro jogando baba na direção do Rosto de allen.

Dos 4 ursos sobraram, um foi o que havia sofrido o tiro na mão, outro foi um que estava mancando, o terceiro parecia bem, e o quarto era o urso que havia acabado de atacar Allen, o que ela iria fazer? Seu corpo não parecia muito disposto a correr.

Considerações e Dicas:
 


Histórico:
 

____________________________________________________

Link(s) da(s) Ficha(s):[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


tédio....:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Buki
Civil
Civil
Buki

Créditos : Zero
Warn : O Canto da Justiça - Página 4 4010
Masculino Data de inscrição : 15/10/2015
Idade : 16
Localização : Shells Town

O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 EmptyQui 26 Out 2017, 12:00

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Eu apenas gostaria de dizer que estava tudo bem, mas não estava.

Pode se dizer que não haviam muitas formas de deixar aquilo melhor ou pior. Eu consegui acabar com alguns daqueles monstros, mas infelizmente, consegui acabar comigo mesma também. Meu pé estava torcido e eu nem sequer conseguia me levantar ou andar direito, e pior do que isso, eu ainda tinha que lidar com mais desses minks.

Pra começar, andar eu fugir estava fora de questão, tudo o que eu poderia fazer no momento é tentar apenas ferir os monstros e torcer para que eles parassem de atacar de alguma forma. O que acabara de tentar me acertar, e o possível causador do meu pé torcido, ainda era meu problema principal e eu tinha que eliminar este o mais rápido possível. Começaria então dando um segundo tiro no seu estômago, para que pudesse fazer os líquidos digestivos dele e o sangue fluirem ainda mais, de forma que ou ele terias problemas pela dor do ácido digestivo ou da perda de sangue. De qualquer forma, era tudo o que eu poderia fazer. Eu não tinha como escapar daqui e estava contando por um milagre, de preferência, que o nobre me ajudasse de alguma forma. Odeio ter que depender dele, mas não havia outra opção no momento. Por enquanto, apenas seguiria atirando nos ursos, o mais rápido que pudesse. Ainda tentaria dar mais tiros em suas pernas, para que estes ficassem na situação de não poder andar. Algo bem difícil de acontecer, mas nada impossível.

Assim que tivesse uma chance de abertura, tentaria me arrastar pelo chão, me afastando, e ainda olhando para eles. Se eu conseguisse me levantar e ir me agarrando nas coisas, melhor ainda. Eu só precisava ter certeza de que continua viva e atacando. Assim que algum deles me atacasse, eu ainda poderia sair rolando pelo chão, ou pelo menos, me jogar para o lado oposto do ataque, tentando desviar. Eu não podia fazer nada além de continuar tentando escapar deles e esperando por um milagre.

Objetivos:
 
— viking age

____________________________________________________

Ficha
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dragonmbr
Civil
Civil
Dragonmbr

Créditos : Zero
Warn : O Canto da Justiça - Página 4 5010
Masculino Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 23
Localização : Casa da mãe joana

O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 EmptySex 27 Out 2017, 09:04


A situação não pareciam boa para Allen, com o pé torcido ela parecia ser a próxima refeição dos ursos minki. Sem muita escolha, ela dá outro tiro desesperada na direção da barriga do urso que havia atacado ela antes. Com outro tiro na barriga o urso cai de joelhos e da um pequeno gemido de dor. Enquanto estava ajoelhado com as mãos no buraco de bala em sua barriga, ele não tirava os olhos da Allen, seus olhos eram puro ódio. Outro urso se aproximou dela, o que parecia estar saldável. Allen estava desesperadamente se arrastando pelo chão, mas não foi muito difícil para o urso se aproximar dela, já que o mesmo estava completamente bem. Quando o urso estava há aproximadamente dois metros de distancia Allen resolveu revidar antes que fosse tarde demais.

Allen se viro para frente do urso e atirou na perna do mesmo. Allen pode ver o rosto de superioridade do urso se transforma em um rosto de dor, quando foi atingindo, para logo em seguida se transformar em um rosto de ódio. Em um ataque frontal o urso quis enfiar suas garras no busto (quase inexistente de além) tentando por o fim em sua curta viva. Allen já estava vendo seu fim quando ouviu um barulho de tiro. Allen que tinha fechado seus olhos por instinto para não ver o golpe final do oponente sentiu um grande peso sobre seu corpo. Noto um liquido quente escorrer sobre suas roupas. Quando Allen abriu os olhos viu que o Minki havia tomado um tiro na cabeça. -Você esta bem?- Allen ouviu uma voz familiar, era o Mike, ele havia saído de seu esconderijo para Ajudar Allen.

Mike ajudou Allen a tirar o Minki urso de cima dela, ele planeja escapar carregar Allen para fugir, Mas antes que fizesse isso ele foi surpreendido pelo ataque do Minki que havia tomado um tiro no braço, o ataque passou raspando na cabeça de Mike, que desviou por sorte. O outro urso que havia tomado um tiro na perna estava próximo de Allen, provavelmente iria ataca-la logo, o que havia tomado dois tiros na barriga não parecia mais disposto a lutar, estava mais ocupado segurando suas tripas.


Considerações e Dicas:
 


Histórico:
 

____________________________________________________

Link(s) da(s) Ficha(s):[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


tédio....:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Buki
Civil
Civil
Buki

Créditos : Zero
Warn : O Canto da Justiça - Página 4 4010
Masculino Data de inscrição : 15/10/2015
Idade : 16
Localização : Shells Town

O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 EmptySab 28 Out 2017, 12:27

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Ok, ok, ok…eu fui salva mais uma vez. Eu deveria ser a salvadora, não?

Depois do enorme susto que passei, eu conseguia recuperar um pouco da sanidade e me livra do desespero de ter que fugir. Graças ao Mike, eu iria ter tempo suficiente para recarregar a minha pistola e talvez conseguir partir para a ação de novo. A primeira coisa que parecia ser necessário fazer era me livrar daquele Mink que estava prestes a atacar. Eu tinha que ser rápida o suficiente para não permitir que meu nome de marinheira ficasse manchado com sangue.

Logo iria pegar minha arma e apontar na direção do Mink mais próximo, obviamente, o que havia acabado de atacar o nobre. O ponto principal era tentar acertar em seus braços ou pernas, apenas para impedir que ele atacasse. Com isso, eu iria partir para a ação e atirar no ponto mais vital possível, de preferência, na altura do coração. Caso ele ainda conseguisse se aproximar mais de mim, melhor, afinal, um tiro a queima-roupa é bem pior do que um distante, me dando uma pequena vantagem em relação ao dano. Imagino que com menos de 3 balas, eu iria conseguir acabar com este Mink. O que importava agora era o outro.

Não sei como explicar isso, mas a sensação de alívio que senti ao ser salva foi tanta que sentia que nada mais poderia me impedir ali. Antes que o outro Mink tivesse qualquer chance, eu iria disparar alguns tiros contra ele. Não haviam maneiras de ele conseguir me pegar tão rápido quanto eu poderia atirar nele primeiro. Imagino eu. Tentar atingir pontos vitais como o cérebro ou o peito seriam minhas únicas chances de escapar.

Por sorte, Mike também poderia me ajudar a atacar. Eu ainda conseguia andar aparentemente, com isso, eu iria tentar me levantar e fugir, caso ainda não fosse capaz de acabar com todos ali. Mesmo que ainda conseguisse acabar com eles aqui, minha prioridade seria levar o nobre de volta ao porto. Se tivesse sorte, eu ainda poderia cuidar do meu pé e voltar para ver como estava meu companheiro, mesmo que achasse que ele tinha morrido.
- Você vai ter que me ensinar a fazer essas armadilhas, garoto!

Off:
 

Objetivos:
 
— viking age

____________________________________________________

Ficha
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dragonmbr
Civil
Civil
Dragonmbr

Créditos : Zero
Warn : O Canto da Justiça - Página 4 5010
Masculino Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 23
Localização : Casa da mãe joana

O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 EmptyDom 29 Out 2017, 22:52


Mentalmente já recuperada Allen recarrega sua arma, sua primeira escolha foi atacar o minki que estava atacando Mike. Ela teve sucesso em acertar a perna do minki , fazendo minki cambalear e quase cair, mas o mesmo se recuperou rapidamente e tentou atacar novamente. Como resultado tomou um tiro nas costa de Allen e um tiro no peito de Mike, o minki caiu no chão tremendo logo morreria.

Enquanto estava ocupada com o minki que atacava o Mike o outro minki atacou Allen, o golpe foi na horizontal, e acertou em cheio a barriga de Allen que saiu voando por três metros. Allen caiu no chão e sentiu um liquido quente escorrer pela sua barriga, somente então sentiu a dor, em sua barriga a marca das garras do minki, com sorte não iria deixar cicatriz já que não foi tão fundo. Ao fundo era possível ouvir barulho de batalha, o que estava acontecendo, o que Allen iria fazer em seguida.



Considerações e Dicas:
 


Histórico:
 

____________________________________________________

Link(s) da(s) Ficha(s):[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


tédio....:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




O Canto da Justiça - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: O Canto da Justiça   O Canto da Justiça - Página 4 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O Canto da Justiça
Voltar ao Topo 
Página 4 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Shells Town-
Ir para: