One Piece RPG
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» As Raízes do Vigilante Lucífugo
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Kekzy Hoje à(s) 18:29

» Meu nome é Mike Brigss
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Shiro Hoje à(s) 17:46

» 1º Tale - Where the Earth Meets the Sky
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 16:50

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Kekzy Hoje à(s) 16:32

» Os 12 Escolhidos, O Filme
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Ceji Hoje à(s) 16:14

» Kit - Ceji
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Ceji Hoje à(s) 15:23

» [ficha] Arthur D.
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor arthurbrag Hoje à(s) 15:15

» Mini-Aventura
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Makei Hoje à(s) 14:25

» [Mini-Aventura] A volta para casa
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Ryoma Hoje à(s) 12:40

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Akuma Nikaido Hoje à(s) 12:34

» Mini-Aventura
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Makei Hoje à(s) 12:29

» Art. 4 - Rejected by the heavens
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Ryoma Hoje à(s) 12:04

» O Log que vale Dois Bilhões de Berries
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Takamoto Lisandro Hoje à(s) 11:06

» [Mini-Azarado] Um falastrão beberrento
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor GM.Jinne Hoje à(s) 10:58

» Jade Blair
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Kylo Hoje à(s) 03:42

» Seasons: Road to New World
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Ravenborn Hoje à(s) 02:26

» The Victory Promise
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Akise Hoje à(s) 00:33

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Fukai Hoje à(s) 00:27

» Kit Phil Magestic
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor GM.Muffatu Ontem à(s) 22:25

» 10º Capítulo - Parabellum!
Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Emptypor Marciano Ontem à(s) 22:12



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Inicio de Um Futuro Prometido

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... , 9, 10, 11  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptySeg 28 Mar 2016, 12:49

Relembrando a primeira mensagem :

Inicio de Um Futuro Prometido.

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Diego Kaminari. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Diego Kaminari
Pirata
Pirata


Data de inscrição : 21/06/2013

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptySex 01 Set 2017, 23:16






Minha visão embaçada aos poucos se adaptava a tarefa de enxergar novamente.  O local era escuro o que atrapalhou minha visão a se acostumar, havia uma janela e uma cama apenas. Jacobi estava sentando e repousando suas costas na parede, enquanto pela janela com olhos atentos Luze observava como se procurasse algo com um olhar suspeito. O afeminado não tão traidor quanto eu pensava ironizou suas palavras sobre mim, eu apenas sorri sarcasticamente em resposta. O mesmo falou algo sobre eu dar problemas e questionou o estado do meu braço. Naquele momento havia lembrando-se do que tinha acontecido, eu levei um tiro para salvar Iuriah.

- Essa é a essência... – Diria me referindo ao fato de dar problemas enquanto mexia o braço demostrando que estava bem. Apesar de sentir que o membro havia se ferido, não doía ou impedia de movimenta-lo. Independente de como trataram, o fizeram muito bem.  Jacobe falara sobre minha sorte do líder selvagem ter ido com minha cara, sinalizando que, pelo contrario, eu estaria morto. – Eu salvei a vida dele, o mínimo que poderia fazer é ir com minha cara! Mas já estou começando a me arrepender de ter feito algo... – Diria enquanto acompanhava Luze que se aproximava de mim.

Um soco inesperado me fez soltar uma careta. Não era um ataque e isto era claro, e logo começou a falar. O mesmo citou que eu lhes dei muito trabalho, mas que acertei no final, e me contou que após eu ter apagado, ambos os lideres resolveram o que tinham pendente, Iuriah tratou de Wesker e fiquei pensando o que teria feito com o arquiteto. Disse também que a atiradora não foi encontrada. – Lady – Pensei . Não posso nem dizer que ela nos enganou, afinal nos nem perguntamos nada sobre ela... Mas fiquei surpreso ao saber que ela era do Governo Mundial, uma agente de alguma CP, o mesmo governo que matou minha irmã! Independente do que fez, espero que não cruze meu caminho novamente, pelo seu próprio bem. Disse que minha amiga conseguiu chegar à segurança do reino e devolveu o jovem a seu respectivo lugar. Saber que ela estava bem me causou um relaxamento e uma sensação de tranquilidade. – Acho que ela me deve algo... – Pensei e sorri com meu próprio pensamento. Jacobi se levantou e foi para a janela que antes estava Luze, disse que a relação dos bárbaros com os revolucionários estava intacta apesar de por muito pouco. Todavia sua maneira de punir era peculiar e isso era expresso em seu rosto demarcado de hematomas. Informou-me que o selvagem se sentiu em divida e providenciou meu tratamento, o arrependimento fora embora diante desta informação, afinal fizeram um bom trabalho. Estávamos em Frushin, mas ao que parecia ambos não sabiam sair de lá, a policia estava a nossa procura e por algum motivo algum amigo meu conseguiu o local que estávamos para nos abrigar. - Que amigo? - Foi o que me perguntei de imediato ao ouvir, mas logo voltei à atenção as palavras de Luze que agora estava sentando onde Jacobi estava.  O revolucionário falou que Rhedus estava à procura de informações para nos tirar dali... - Rhedus! – Havia dois sujeitos que precisava dar um soco na cara e ele era um deles.  A melhor parte foi quando disse que poderia acompanha-los ao porto se quisesse e se me interessasse verdadeiramente poderia entrar para o grande exercito revolucionário. Eu havia sido convidado e isso me deixou honrado, apesar disso eu não nasci pra seguir regras ou ordens de alguém, eu sou um pirata!

- Sobre dar trabalho... Eu sou um pirata! Dar trabalho é meu trabalho. – Diria rindo. – Fico muito honrado pelo convite, mas minha vida não é essa.  – Falaria serio e expressando gratidão. - No entanto, sempre que vocês ou o exercito revolucionário precisar eu estarei disposto a ajuda-los.  – Diria sorrindo confiante para os dois. – Mas quero um favor, tem como conseguir um transporte para Loguetown?  Preciso ir para lá. – Todos saberiam o motivo deu querer ir para cidade do inicio e do fim, iria para onde espalharia meu nome e conseguiria força, eu iria para a Grand Line!




Histórico do Diego Kaminari:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptyDom 03 Set 2017, 21:26



Inicio de Um Futuro Prometido


Despedida




Luze se mostrou realmente desapontado com a resposta de Diego. O homem realmente esperava que o atrapalhado rapaz entrasse no exército e pudesse fazê-lo um grande e poderoso líder. Sim, o homem tinha uma visão para o futuro do exército em que a jovem safra de rapazes e garotas teriam de ser bem treinados e capacitados, porém, Diego não seria uma dessas jovens em ascensão. O jovem aspirava a objetivos que iam além de derrubar o Governo, o rapaz queria ser livre.

- Entendo se é o caso, consigo um transporte para você até Loguetown, porém, se esse é o caminho que seguirá, a partir do momento que você pisar no solo de lá, você será um desconhecido para o Exército Revolucionário! – afirmou o homem saindo o local pela porta. Jacobi revirava seus olhos para a atitude de seu superior, porém não falara nada até o homem sair dali, meio que enfurecido e decepcionado. – Não entenda ele mal – falou o afeminado sentando-se onde estava Luze, anteriormente – Ele apenas está magoado. Acredito que ele via em você alguém relevante para o nosso objetivo... “nosso”... – falou o rapaz.

Algum tempo se passou até que a porta foi novamente aberta. De lá surgiu Rhedus. O homem também tinha seu rosto um tanto quanto deformado de inchaço, porém não mais que os outros. – Já está tudo acertado. A escuna está pronta para zarpar. O superior Luze está nos convocando para zarparmos o quanto antes! – ordenou o homem, que ficou ali, junto a porta, esperando a movimentação de Diego e Jacobi em direção a saída.

Era um corredor escuro, não havia portas ou janelas, assim com não seria muito longo, apenas levava aqueles que estavam dentro do quarto até o lado externo. Ao sair, o clima estava mais abafado. A brisa havia cessado e já estava escurecendo. A movimentação da ilha estava menor, os trabalhadores se encaminhavam até suas casas e a segurança não estava realizando patrulhas como antes devido a certo ocorrido.

- Bem, acho que teremos um caminho bem calmo até onde pegaremos a escuna. O Rei ordenou que a maior parte da segurança da ilha cercasse o palácio. Ocorreu um ataque em que Wesker e seus homens tentaram o matar, porém fracassaram, por pouco. Além disso, o seu filho foi sequestrado, mais motivos para essa segurança toda por enquanto. – informou Jacobi. Perto do local, nos fundos e já fora, estava Luze. Ele olhava o movimento e vestia um capuz. O homem avistou a chegada de Diego e Cia, porém, não falou nada, apenas calado, esperou que se aprontassem.

- Aqui está! – falou Rhedus, entregando um, sobretudo com capuz a Diego e a Luze – Quanto mais precaução, melhor. Iremos naquela carroça – apontou o moreno – Indo nessa carroça, chamaremos menos atenção. Iremos à cima dela, cobertos por alguns panos, então não façam barulho! – afirmou o moreno. Então, ele se dirigiu até a carroça, que estava apoiada. Luze estava próximo e esperava pela chegada de Diego e Jacobi. - Eu acho que você irá gostar de como vamos até o barco... – comentou Jacobi.

Logo após o afeminado vestir-se e encaminhar-se até a carroça, um grande homem chegou ao local, era conhecido de Diego, o grandalhão chamado “Exército de um Homem Só” pelo loirinho chamado Yon, que havia causado alguns problemas a Diego. – Vamos todos! – bradou Luze – Está tudo bem em fazer isso? – questionou Luze ao brutamonte, que confirmou com a nuca que estava tudo ok.

Então partiram.


O brutamonte não sentia dificuldade alguma em carregar todos ali naquela carroça, e de maneira curiosa, ninguém se importava, como se já fosse algo comum de acontecer. Totalmente cobertos, o abafado era sentido por todos ali. Próximo a Diego, havia uma pequena brecha onde o rapaz poderia observar o que acontecia ao lado de fora, naquele começo de escuridão. Estava quieto. Alguns homens e mulheres poderiam ser visto ao longo do caminho. Soldados feridos eram levados até o ambulatório, soldados mercenários. Não demorou muito para chegarem até uma parte da mata, onde o homem parou e desceu a carroça. Era o sinal para continuarem.

- Muito obrigado! Saiba que você e seus amigos tem todo o nosso respeito e afeto. Qualquer problema que ocorrer, pode me contatar! – falou o homem entregando uma espécie de caracol que possuía aspectos do próprio Luze – Vamos seguir!  - afirmou liderando o pelotão. Seria um caminho não muito longo, porém quieto. Não era uma grande floresta, nem ao menos seria uma floresta, de fato, apenas uma vegetação que estava pontualmente ali. A brisa marítima poderia já ser sentida ao, enfim, avistar o mar.

Realmente havia uma escuna ali, o local estava deserto, realmente era um “porto” adaptado para chegadas e saídas à surdina. Próximo a escuna, havia duas pessoas distintas. À direita, a jovem médica San, que havia ajudado Diego no início de seu trajeto na ilha. À esquerda, a ruiva que havia o ajudado até o acampamento dos bárbaros. Ambas esperavam Diego chegar para assim cumprimenta-lo com um forte abraço. – Boa sorte, garanhão, qual vai escolher? – ironizou Jacobi, seguindo para a embarcação junto a Rhedus e Luze.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Diego Kaminari
Pirata
Pirata
Diego Kaminari

Créditos : Zero
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 21/06/2013
Idade : 25

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptyQui 07 Set 2017, 20:19





As palavras de Luze foram um tanto duras diante a minha recusa, no entanto logo Jacobi veio para explicar aquilo que eu já desconfiava. Ele ficou realmente magoado pelo meu não ingresso ao exercito revolucionário, fiquei imaginando o que ele planejaria para mim... Mas as coisas eram complicadas, não nasci pra receber ordens de ninguém.

- Eu entendo Jacobi, serei desconhecido até a pagina dois... Sei que vocês não aguentaram ficar longe de mim por muito tempo, é muita saudade que sentirão! – Diria sorrindo com a certeza de que quando precisassem Luze entraria em contato.

Um tempo se passou até que a porta se abrisse novamente, Rhedus apareceu com a cara tão deformada de inchaço que parecia que serviu de tapete para cavalos. A visão de certa forma me animou afinal ele era outro que havia me enganado, o mesmo disse que a embarcação estava pronta e que Luze já nos convocava para partida. O corredor era escuro e sem janelas, entretanto curto e levava rapidamente para o exterior do edifício. O lado de fora estava realmente mais abafado, a brisa cessara junto ao sol que se punha no horizonte. A noite traria a calmaria já que as rondas já não era há mesmas àquela hora. Jacobi falou sobre a ideia de termos um caminho tranquilo até o porto, ao explicar o motivo disse que era devido ao fato de que toda a guarda estava fazendo segurança no castelo. Wesker havia tentando assassinar o rei e ainda sequestraram seu filho, então motivos era o que não faltava para justificar o reforço na segurança. No fundo Luze já nos esperava e se tinha algo para dizer manteve para ele mesmo, pois ficou em silencio enquanto nos aprontávamos para partir.

Rhedus me surpreendeu ao me entregar um sobretudo com capuz e o mesmo fez para Luze. Informou sobre as precauções que deveriam ser cada vez mais frequentes em nossa situação e apontou para uma carroça que de acordo com o revolucionário iria nos levar até o navio. - Super confortável! – Pensei, afinal não era o método de transporte que sempre imaginei que os revolucionários utilizavam, todavia entendia as circunstancias. Luze apenas nos aguardava e Jacobi falara que eu iria gostar da forma que iriamos, mas como? Deitado numa carroça como um saco de farinha? Não é bem o meio mais divertido de ser transportado. Porém logo entendi o porquê da afirmação, pois quem puxaria a carroça era o grandalhão que eu muito conhecia. Avista-lo me trouxe a lembrança do que fizemos até chegar naquele momento, conheci pessoas incríveis e sofremos juntos, mas no fim conseguimos fazer a diferença. E foi nessas lembranças que me mantive concentrado durante o caminho. Estava realmente complicado respirar com tantos panos nos cobrindo, no entanto próximo a mim havia uma brecha e pude observar o que acontecia ao lado de fora. Poucas pessoas andavam pelo caminho e as poucas que consegui ver eram soldados que estavam sendo levados para o ambulatório, mas eram soldados mercenários!

- Achei que tínhamos acabado com essa raça! – Diria baixo quase como se fosse para mim mesmo.

Chegamos ao inicio de uma mata e a carroça parou. Todos desceram, pude ouvir e ver Luze falando com o grandalhão os deixando a disposição caso qualquer problema os envolvesse. O líder revolucionário entregou um Den Den Mushi para o irmão de Yon. O silencio reinou por todo o caminho que fiquei agradecido por não ser muito longo. A brisa do mar chegava a mim e pude sentir que estávamos próximos e quando chegamos realmente me surpreendi por haver uma embarcação ali, tudo aquilo era um porto improvisado feito para entradas e saídas clandestinas o que agora viria a ser muito útil. No entanto o que mais me surpreendeu e me colocou em estado de choque foi ver que próximo à escuna estava San e a ruiva... As duas eram perfeitas, mas juntas representava algo muito complicado pra mim, uma escolha! As palavras de Jacobi carregadas de ironia apenas me trouxe a realidade do que teria de fazer.

- A morte é uma escolha? – Diria para Jacobi com olhar desesperador, mas apenas vi o mesmo rindo e se afastando.

Cheguei próximo e as duas rapidamente se colocaram a correr e me receberam com um abraço. Eu estava muito feliz de tê-las comigo, ambas eu me importava muito e representaram etapas diferentes do sucesso de nossa missão. San me salvou inúmeras vezes de meus ferimentos de batalha e me apoiou tanto fisicamente quanto emocionalmente. Já a ruiva, ela se fez companheira e quando mais precisava decidiu ficar ao meu lado, mesmo podendo fugir e salvar sua vida. Confiou em mim e tomou para si minha missão. Fazer-me escolher entre elas era no mínimo maldoso. Mas teria de ser feito e eu já tomaria minha decisão.

- Como estou feliz de ver vocês duas bem! – Tentaria dizer retribuindo o abraço. – San, preciso falar com você um instante. – Iria tentar falar para a jovem de cabelos negros. – Volto já! – Faria o mesmo para a ruiva. Uma vez que conseguisse me afastar alguns passos, tentaria olhar nos olhos da menina e começar a falar. – Tenho que te agradecer por tudo que fez por mim, você me salvou de tantas formas que mal poderia dizer. Fez-me envolver de uma maneira que tudo que quero é que seja feliz e segura. Mas San, eu sou um pirata e não ficarei nesta ilha... Já você tem o restante da turma que é sua família e o dever de vocês é cuidar desta cidade. Pode ter certeza quando precisarem de mim eu virei pra lhe ajudar, Luze saberá como me encontrar. – Iria abraça-la e beija-la no rosto. – Pode dar um abraço no restante do pessoal por mim? – Tentaria dizer rindo e com os olhos emocionados. Uma vez que terminei de escutar o que tivesse iria me afastar de San e voltar para a ruiva. – Desculpe a demora, não sou bom com despedidas. – Pararia e olharia em seus olhos. – Acho que esta me devendo uma coisa... – Me referia ao beijo que me prometeu caso eu voltasse. Eu tentaria falar olhando nos seus olhos e sorrindo demostrando minha alegria de poder estar com ela.



Histórico do Diego Kaminari:
 

____________________________________________________

Ficha: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Sing

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por Diego Kaminari em Ter 19 Set 2017, 02:19, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptyTer 12 Set 2017, 15:38



Sexo na Praia


O Amor é como uma Onda do Mar



Desesperado, Diego havia anotado a saia justa na qual estava inserido ali, porém, sem recuar o garoto imaginou que poderia ir até lá e ser recebido com um abraço duplo, pobre garoto. Ao notar que ambas esperavam o mesmo rapaz, elas se entre olharam e desistiram do abraço. Porém, a ruiva era mais experiente que a garota e voltava a caminhar em direção ao rapaz, coisa que surpreendeu a jovem garota, deixando-a irada e ao mesmo tempo envergonhada de não ter tal atitude.

Mesmo abraçando a ruiva, Diego tinha seu foco inicialmente em uma conversa com San. Ainda abraçado com a ruiva, ele lhe explicava que tinha de falar com ela primeiro, o que a surpreendeu e a fez soltar o rapaz quase na mesma hora que ele parara de falar. Ela estava com ciúmes e as situações se invertiam ali. San, que estava enciumada, esbanjava sorrisos enquanto o jovem rapaz se aproximava dela.

Desilusões

- Olha eu tenho tanto para te falar! Depois de tudo que aconteceu, conseguimos chegar bem, a salvo, graças a você. Eu não sei o que falar, mas senti uma angústia tão grande de te imaginar lá e tudo aumentou quando o Ichi me falou que você tinha voltado desacordado, não sei, tive medo de te perder! – afirmou a garota abraçando Diego em meio aos prantos - Eu... Eu te amo! Não posso te perder! Nós podemos ficar aqui até os meus irmãos ficarem bons e depois podemos ir para onde você quiser seguir o seu caminho, eu vou para onde você for e... – antes que ela terminasse Diego a interrompeu.

Cada palavra que saia da boca de Diego fazia a garota murchar. Ela ia perdendo a postura, não acreditava. Seus olhos, em meio a tantas lágrimas, não conseguia mais enxergar a imagem de Diego, não como antes, seu coração mergulhava em um poço em fim, se afogando no que antes era a mais pura água e agora era apenas lama. Isso era o efeito colateral do amor. Suas últimas palavras eram recebidas com um sorriso bem forçado da garota enquanto limpava suas lágrimas. Ela sinalizava positivamente com a cabeça, mesmo que por dentro estivesse morta, naquele momento.

Sem ao menos esperar a jovem garota chegar a uma distância considerável daquele local, Diego se dirigiu até a ruiva. Ela estava impressionada com a coragem do rapaz dispensar a garota daquela maneira, porém no fundo estava feliz. San agora entendera tudo. Ela havia perdido mais uma luta. A garota teve o último resquício de vida tomado ao ver a ruiva saltando e, ao pendurar-se no rapaz, lhe dar um grande beijo, beijo esse que surpreendeu até Jacobi que assistia tudo da escuna.

A garota, coitada, corria como se não tivesse amanhã. Totalmente destruída, ela não queria ver aquela cena, seu amor, com outra, isso para o jovem coração dela era muito mais que apenas uma desilusão, era uma derrota como mulher, a primeira, talvez. Diego, por sua vez, era beijado e totalmente dominado pela mulher. Cada vez mais o beijo ganhava intensidade e até certas partes corporais apalpadas pela mulher – que soltava um leve sorriso ao sentir a “força” do rapaz.

- Acho melhor vocês irem para algum lugar mais reservado, não? Essa pouca vergonha aí é um tanto quanto difícil de ver! – bradou Jacobi apontando algum lugar da mata. Realmente era bem oportuno. Diego havia algum tempo para satisfazer seus desejos, se assim quisesse. A embarcação iria zarpar em algumas horas, então o rapaz tinha algum tempo de sobra. Com um olhar bem intenso e olhando diretamente para Diego, a ruiva mordia seu lábio inferior enquanto puxava o rapaz pela gola da camisa até um local da mata onde havia arbustos cercando e “propício” para descanso. Ao se aproximar, um barulho na mata foi ouvido, porém ele ficava cada vez menos, como se alguém ou algo fugisse. Lá havia uma espécie de tapete de palha, curiosamente posto. – Vai ficar só me olhando? – falou a garota se pendurando em Diego, encaixando seu corpo no dele e o laçando com suas pernas.

Orientações:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Diego Kaminari
Pirata
Pirata
Diego Kaminari

Créditos : Zero
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 21/06/2013
Idade : 25

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptyTer 19 Set 2017, 02:11





Quando as duas não vieram a meu encontro como esperava já notei que não tinha uma forma daquilo sair bem. Por outro lado a ruiva teve uma maior coragem e continuou a meu encontro. Pude ver a expressão de agrado de San quando falei que queria falar com ela primeiramente apesar da outra mulher já estar em meus braços. A mesma se soltou imediatamente mostrando seu ciúme, eu achei lindo as duas ali com ciúmes de mim, entre tudo a certeza que sabia que uma delas sairia incrivelmente mal dali me impedia de aproveitar devidamente a situação.

Mal pude começar a falar e a jovem de cabelos negros começara a disparar palavras e planos para cima de mim. Fiquei feliz quando soube que todos chegaram bem e que Ichi foi bem tratado e aos poucos se recuperava. No entanto suas próximas palavras me destruíram... “Eu te amo...” Foram às palavras da jovem, para mim essas palavras eram delicadas. Muitas mulheres já me despertaram desejos e algumas poucas se tornaram importantes para mim como San, mas amar... Não sei se consegui sentir isso por mais alguém desde que minha irmã morreu, provavelmente eu nem conseguiria tal feito. Eu poderia alimentar seu sentimento, mas não seria eu mais perverso se a deixasse sentindo algo tão forte sozinha? Tinha horas que possuo raiva de mim mesmo e esta era uma delas. Quando a interrompi e rompi minhas palavras, vi a jovem murchar como uma flor no outono... Seus olhos se enchiam de lagrima e o arrependimento crescia ainda mais dentro de mim. - Eu nunca poderia ama-la! - Era o que pensava para tentar consolar meu coração que se destruía junto ao dela. Por fim a mesma concordou apesar de demonstrar, com gestos, completamente o oposto. Quando me virei não pude ver o que aconteceu, mas deve ter visto a ruiva me beijar, pois consegui escutar seus passos pesados e tristes mesmo a distancia que estávamos.  

Quando voltei para a ruiva sua expressão era de surpresa, mal sabia ela a expressão que estava escondendo, mas que por dentro me consumia. A mulher saltou em meu pescoço e deu um grandioso beijo, algo que me pegou de surpresa, mas que por fim acabei por me envolver e acompanhar. Já havia perdido San, ela nunca saberia que teria feito aquilo pelo seu bem... Talvez ela me odiasse para sempre, mas me odiaria viva e segura em seu lar com sua família. A ruiva apalpava meu corpo que já contava com certas partes um tanto quanto rígidas, Jacobi ao ver o rumo que aquilo teria acabou por sugerir algo um tanto necessário e até mesmo agradável. A mulher puxou-me para dentro da floresta onde os olhares não mais podiam cair sobre nos. A garota mordia meus lábios inferiores de maneira provocativa que ela sabia fazer muito bem, no lugar onde paramos curiosamente havia um tapete de palha como se estivesse ali preparado para o que iria acontecer, enfim as palavras da mulher foi o que precisou para mim.

Beijava-a intensamente... Tirei a roupa dela como um animal avançava na comida, seu corpo era tão maravilhoso quanto parecia. Tocar seus seios foi algo nostálgico, no entanto desta vez a reação da mulher era de prazer e contrario a ultima vez, colocou suas mãos sobre a minha forçando para não larga-los mais. Estávamos nus e rapidamente atingimos nosso máximo de intimidade, os gemidos ecoaram pelo ar sem preocupação de quem poderia ouvir... Naquele momento nos dois estávamos entregues ao maior prazer, infelizmente... Quem minha mente forçava a lembrar... Era somente de Chloe, pois assim poderia criar uma fantasia... Uma fantasia de um sonho que jamais poderia realizar.

Se tudo acabasse bem após o ato de intimidade, iria esperar para ouvir o que a ruiva teria a dizer enquanto me vestia novamente.

- Foi maravilhoso, obrigado... - Diria enquanto tentaria passar meus dois dedos em seu rosto.

Logo se não necessitasse de alguma decisão minha tentaria voltar para a escuna de encontro com Luze e os demais revolucionários. Tentaria ficar atento a todo tempo para os arredores de maneira que pudesse me prevenir ou tomar conhecimento prévio do que acontecia a minha volta.


Histórico do Diego Kaminari:
 

____________________________________________________

Ficha: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Sing

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptyQui 21 Set 2017, 14:47



Diego Kaminari


O Safadão dos Sete Mares



A noite nunca havia sido tão calma e prazerosa como naquele momento. Diego esquecia quase que completamente o que havia acontecido anteriormente enquanto, como um animal abatia sua fêmea. Algumas horas se passaram até que a dupla voltava à escuna, pelo menos era isso que Diego imaginava. Ao perceber, o rapaz não avistava mais a ruiva.

— Parece que gostou da noite, certo? Pena que aquela mulher não é muito... “apegada”. Acho que ela foi embora. Isso é o que eu chamo de pagar um favor, agora é a minha vez, certo? — provocou Jacobi rindo de Diego. Pouco tempo se passou até Luze adentrar no navio novamente, seguido do moreno, que logo retirou a âncora.

— Vamos lá! À Conomi Island! — bradou Luze. O moreno era o piloto da escuna. Então partiram. Uma longa viagem os esperava. Jacobi estava ali, sentado em uma das bordas da embarcação. Luze estava no ponto mais alto, observando o trajeto.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Diego Kaminari
Pirata
Pirata
Diego Kaminari

Créditos : Zero
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 21/06/2013
Idade : 25

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptySex 29 Set 2017, 02:59






A noite se passou rapidamente e mais parecia que as horas eram como as águas de uma cachoeira que caem rapidamente sem que saibamos exatamente a quantidade que já se passou.  Quando voltei para a escuna para minha surpresa, ou nem tanto na verdade, a jovem não me acompanhava mais. Havia ido embora o que de fato foi ironizado e confirmado na voz do afeminado que via todo o desenrolar de minha vida como uma forma de entretenimento.

- Confesso que já esperava isto... – Diria olhando para trás. – Agora tudo voltou como sempre foi. – Desta vez falei baixo para mim mesmo, me referia a minha solidão ao vazio que desde quando me lembro... Acompanha-me e apesar de tudo que faço, nunca é preenchido.

Jacobi referiu-se que agora era a vez dele, não sabia se o mesmo se falava sobre ser sua vez a ter prazer com a jovem ou sua vez de pagar o favor para mim. A lembrança de quando o encontrei a primeira vez me veio à mente, como dei em cima dele achando que se tratava de uma mulher. Aquele pensamento me fez sorrir e se sua intenção era me provocar apenas conseguiu me deixar nostálgico. Claro, havia me deixando irado diante de tudo que me fez... Mas agora com a paz sobre nos, me pego pensando que posso sentir falta dessa equipe e do bom humor de alguns companheiros.

Quando adentrei o navio vi que Rhedus estava pilotando, e luze mais em cima dava as ordens de navegação enquanto observava o horizonte. Jacobi sentado na borda do barco recebia a brisa marítima que aos poucos aumentava, mas quando o destino foi anunciado foi que realmente me assustei! - Conomi Island? Estão me sequestrando?!  - Foi o primeiro pensamento que me veio, apesar de tudo analisei que não era um prisioneiro e que de alguma forma eu iria para Loguetown e tinha de confiar na palavra do líder revolucionário, todavia a viagem seria longa.



Inicio do Aprendizado de Pericia. (Navegação)



Caminhava entediado pelo convés, passei bons minutos pensando em como aproveitar a viagem de maneira produtiva. Pensei em treinar, no entanto meu corpo ainda estava se recuperando das lutas anteriores, força-lo poderia me fazer regredir ao contrario de evoluir. Pensei em varias opções, no entanto demorei a ver o que estava bem a minha frente. De certo eu estava sozinho e se não fosse por Luze não saberia como sair da ilha, afinal eu sou um pirata que não sabe pilotar nem navegar em um navio. Eu precisava aprender isso para seguir devidamente meus planos, e adivinha? Eu tinha tudo que precisava bem a minha frente. Inicialmente subi de encontro a Luze que ainda olhava o horizonte e alguns mapas, assim como bussolas e instrumentos próprios de navegação. Aproximei-me devagar, devido nosso ultima conversa não imaginaria que ele estivesse contente e alegre comigo, por isto teria que ser o mais humilde possível.

- Luze... – disse chamando atenção do revolucionário. – Bem... Eu tenho muito a viver daqui pra frente e muito a conquistar, mas pra isto preciso de algo que ainda não tenho, então... Por favor, me ensine à arte da navegação! – Diria me curvando levemente em respeito.

- Você se diz um pirata e não sabe nem navegar um navio? – Disse com certo julgamento em sua voz, será que ainda guardava rancor da minha recusa a seu pedido?– Que ótimo pirata você é... Poderia ter aprendido isto e muito mais no exercito, mas foi como você disse... Sua vida não é essa. – Disse enquanto voltava a seus afazeres. Não pude deixar de me sentir mal quando o homem usou minhas palavras contra mim mesmo, mas quando já de cabeça baixa comecei a retirar-me, ele voltou a falar. – Mas se eu não o fizer, provavelmente vai morrer no meio do mar. Você é teimoso de mais pra entender que não consegue fazer algo. – Disse ele falando verdades sobre mim. – Venha aqui, vamos começar pelo básico.

Luze começou me mostrando como utilizar e identificar os instrumentos de navegação assim como o funcionamento de casa um, algo não muito difícil e até interessante de aprender. Após ensinou-me a ler as estrelas que me auxiliariam em muito à navegação, esta foi à parte mais difícil. Após isto o desafio foi aprender a ler os mapas com olhos de navegador, entender correntes marítimas e localizar as melhores rotas. Explicou-me sobre as divisões e nomes de alguns tipos de velas, entre eles a Mazena, Grande, Bujarrona e Genoa. Ensinou me a identificar a testa, esteira e a valuma de cada vela, este ultimo ensinamento se mostrou simples que que se referia ao nome que se dar a cada extremidade de uma vela e no geral não pude entre elas. Não somente isso, mas também mostrou o nome e a forma de reconhecer cada parte do navio, como o mastro, o burro, adriça, amantilho e etc. Deu nome aos ventos, sendo barlavento aquele que ainda não tocou a embarcação e ainda dará força as velas, e sotavento aquele que já passou pelo navio. O desafio final, foi quando Luze pediu-me para indicar os nomes das manobras que realizaria e como as faria em situações que ele determinava, claramente errei as primeiras vezes e cada uma delas tive que ouvi-lo falar que minha "Jornada" acabaria naquela rocha. Logo pediu para que eu definisse a melhor rota para nosso destino, inicialmente havia mandando o barco para o calm belt, todavia logo que assimilei tudo que aprendi comecei a fazer uma rota que de acordo com as palavras de Luze fora perfeita. Entre tudo tive a ressalva que navegar na Grand Line, seria um desafio incomparável ao que estava fazendo naquele momento, e tudo aquilo somente me deixou mais ansioso ainda. Ao final, muitas horas se passaram e o navio seguia firme seu rumo, eu estava mentalmente exausto... No entanto ainda precisava aprender mais uma coisa.

- Luze, agradeço pelo que me ensinou... Agora sei como criar rotas, mas acho que não me ensinou a como fazer o navio segui-las. – disse achando que o homem havia se esquecido de me ensinar algo.

- Haha! – Riu diante de meu questionamento. – Meu caro te ensinei a navegar, o que quer aprender agora é pilotar. Mas estou cansado e um tanto ocupado para isto, deixarei esta tarefa a cargo de alguém capaz e que estar bem familiarizado.  – Logo se levantou e indo a beirada gritou para o moreno que ainda manejava o leme da escuna. – Rhedus, ensine este inocente jovem a pilotar um navio e o que mais conseguir. – O revolucionário apenas assentiu com a cabeça a ordem, provavelmente Luze ainda me atacava, pois sabia bem que o moreno havia me enganado e ainda guardava ressentimentos disso. Parando pra pensar ao final... Eu e Luze éramos bem parecidos.


Fim do Aprendizado da Pericia



Descia para o encontro do homem de pele morena que me aguardava com um sorriso irônico, a vontade de lhe dar um suco na boca por muito pouco não supera a vontade que tinha de aprender a pilotar. A cada passo me forçava a acalmar-me, afinal teria ali alguém com grande experiência em pilotagem em meio a batalhas e fugas, provavelmente não acharia tão cedo alguém melhor para me ensinar. Posso ter orgulho, mas infelizmente muitas vezes temos que o engolirmos o mesmo para poder conquistar mais do que almejamos. Logo iria tentar ir até o homem.


Histórico do Diego Kaminari:
 

____________________________________________________

Ficha: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Sing

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por Diego Kaminari em Seg 02 Out 2017, 17:25, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptyDom 01 Out 2017, 12:13

Diego tomava aulas com Luze, mesmo o homem tendo um pé atrás com suas decisões. O clima estava normal e ameno. A viagem estava tranquila. Jacobi olhava o mar de maneira apaixonada. Rhedus, como sempre, estava sério e centrado no que fazia. Luze, agora ignorava Diego.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Diego Kaminari
Pirata
Pirata
Diego Kaminari

Créditos : Zero
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 21/06/2013
Idade : 25

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptySeg 02 Out 2017, 17:30





Durante o caminho pude ver Jacobi olhando para o mar de uma forma apaixonada, será que algo o esperava em algum lugar do horizonte ou apenas tem um amor pelo mar e sua visão seria suficiente para contentar lhe? Poucos passos e lá estava eu diante de Rhedus o que seria agora... Meu professor.


Inicio do Aprendizado da Pericia (Pilotagem)


O homem não foi tão provocativo e começou a cumprir suas ordens à risca e de maneira bem clara, ensinou os princípios básicos da pilotagem de navios, como usar a força do vento para mover-me assim como as marés e correntes marítimas para aumentar a velocidade de um navio. Luze havia abordado este tópico, mas não com tanta precisão. Foi divertido e complicado quando começou a falar das manobras que fazemos com o barco, com "Orçar" que é ir em direção ao vento, e "Arribar" que seria ir a favor do vento. Felizmente o homem não parou por ali, falou sobre os variados veículos que existiam e como era a forma de pilotar cada um. Ele abordou uma mecânica básica, mas apenas para que eu entendesse o funcionamento de alguns veículos e pudesse compreender como pilota-los da melhor forma. Achei interessante como os novos inventos se adaptados poderiam melhorar os meios de transporte atuais. Por fim me surpreendi quando minha tarefa final foi dada, eu teria que pilotar o navio ali mesmo para seguir a rota que eu mesmo havia criando. Minhas mãos tremiam, e como segurava o leme o navio inteiro sentia isso. Minhas ordens para as velas ficaram confusas e os marujos igualmente se confundiram ao obedece-las, o navio por sua vez deu solavancos que fez com que Jacobi caísse da borda que estava sentado, felizmente para dentro do navio. Nem tive tempo de rir da situação, pois tinha que me preocupar com muitas coisas, mas com alguma pratica e muito esforço físico, consegui pegar o jeito. A sensação de fazer uma viagem calma ao meu destino era algo revigorante, aquele momento poderia dizer que nada mais me separava de seguir o horizonte que me pedia pra ir cada vez mais longe! Fazer algo que nunca tentei e ver as ondas se abrindo diante de mim, eu sou um pirata!


Fim do aprendizado da Pericia.


Quando terminei e mantive tudo estabilizado por um tempo a calma me trouxe o que já estava em mim, o cansaço. Estava exausto fisicamente e nem falo do quanto estava mentalmente, logo seguindo o exemplo de Jacobi me recostei sobre a parede e sentindo a fria brisa da noite, adormeci.


Histórico do Diego Kaminari:
 

____________________________________________________

Ficha: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Sing

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alê
Narrador
Narrador
Alê

Créditos : 2
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 12/07/2015
Idade : 21
Localização : Farol - Grand Line

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptySex 06 Out 2017, 17:26

Ao longe o rapaz podia ver a sombra do que poderia vir a ser uma ilha. Repleto de aprendizado, ele agora rumava à Loguetown. A viagem não havia acabado, mas, o jovem tinha a certeza que muita coisa já havia sido vivida e que a partir dali, o desconhecido iria interagir com ele diretamente.

- Fazendo o que garanhão? - questionou Jacobi.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


SUPER IMPORTANTE:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Diego Kaminari
Pirata
Pirata
Diego Kaminari

Créditos : Zero
Warn : Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 10010
Masculino Data de inscrição : 21/06/2013
Idade : 25

Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 EmptySex 06 Out 2017, 20:55





O dia raiou e o vento marítimo logo pela manha era tão maravilhoso quanto pensei que seria. Movimentos me chamaram atenção e logo próximo a beirada da proa do navio pude ver uma sombra que conforme nos aproximávamos aumentava em tamanho e nitidez, era uma ilha. Provavelmente Conomi Island, o destino que Luze indicou que iriamos, apesar dali provavelmente ser o ponto final dos meus novos amigos, o meu viria a ser bem mais adiante. Perguntava-me como iria para Loguetown... Sozinho? Em um navio comercial ou transportador comum? Queria meu próprio navio, fato tal que me levou a constatar...- “Eu não ganhei porra nenhuma com tudo que eu fiz!”.

Diante da imagem da ilha que se aproximava, senti uma aproximação, era Jacobi. O mesmo perguntou-me o que eu estava fazendo.

- Estou pensando... – Tentaria responder de imediato. – Eu fiz bastante coisa, mas o ouro ficou com aqueles jovens. Apesar de Luze ter prometido para mim uma recompensa, longe de mim cobrar de amigos. – Pararia pensativo. – Como posso conseguir um navio? Será que Luze tem alguma forma de me arranjar um? – Perguntaria demostrando certo pesar na voz, deixado transparente que aquele seria um assunto importante pra mim e consequentemente um verdadeiro problema.

Aquela altura estava com minhas vestimentas normais e reparadas, as lembranças das batalhas eram apenas uma longe lembrança no que se referia a meu estado físico que ao longo dos dias se recuperava. Minhas armas guardadas junto a mim mostravam-se prontas para me seguir em um novo mar de perigos, prontas para o desconhecido que iriamos enfrentar.


Histórico do Diego Kaminari:
 

____________________________________________________

Ficha: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Sing

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


Última edição por Diego Kaminari em Sex 02 Mar 2018, 02:25, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty
MensagemAssunto: Re: Inicio de Um Futuro Prometido    Inicio de Um Futuro Prometido  - Página 10 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Inicio de Um Futuro Prometido
Voltar ao Topo 
Página 10 de 11Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... , 9, 10, 11  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Dawn Island-
Ir para: