One Piece RPG
Episódio 2 - A luta dos Justos XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Sidney Thompson
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Zed Hoje à(s) 01:19

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Fukai Hoje à(s) 00:49

» Seasons: Road to New World
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Ravenborn Hoje à(s) 00:26

» Hello darkness my old friend...
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Zed Hoje à(s) 00:09

» Phantom Blood
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Licia Ontem à(s) 23:50

» [M.E.P]Kujo
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Kujo Ontem à(s) 23:42

» [Mini-Aventura] A volta para casa
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Ryoma Ontem à(s) 23:30

» Enuma Elish
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Thomas Kenway Ontem à(s) 23:07

» [E.M] - Gostosuras e Travessuras
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Blum Ontem à(s) 22:44

» Xeque - Mate - Parte 1
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Ceji Ontem à(s) 22:22

» Ain't No Rest For The Wicked
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Hoyu Ontem à(s) 22:00

» BOOH!
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Oni Ontem à(s) 21:35

» [LB] O Florescer de Utopia III
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Kekzy Ontem à(s) 21:27

» Apresentação 6 ~ Falência Bombástica
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Furry Ontem à(s) 21:24

» Meu nome é Mike Brigss
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Oni Ontem à(s) 21:07

» The One Above All - Ato 2
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Thomas Kenway Ontem à(s) 21:07

» Que se ascenda o fogo!
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 21:01

» Mise en place
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor ADM.Tidus Ontem à(s) 21:01

» [MINI - Gates] O Pantera Negra
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Ryoma Ontem à(s) 20:46

» [M.E.P - Gates] O Pantera Negra
Episódio 2 - A luta dos Justos Emptypor Ryoma Ontem à(s) 20:44



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Episódio 2 - A luta dos Justos

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 62
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : 1ª Rota - Karakui

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptySeg 28 Mar 2016, 12:47

Episódio 2 - A luta dos Justos.

Aqui ocorrerá a aventura do(a) marinheiro Carnelian Velvet. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptySeg 28 Mar 2016, 22:17

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Felicidade é um fim de tarde olhando o mar
Post: 1 | Localização: Rumo à Loguetown 4/6 | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

Previously on One Piece RPG’s Carnelian Velvet:

O mar; Um amontado de água movendo-se em uma certa direção com movimentos irregulares, guiados pelo vento e sem objetivo algum aparente. Tais movimentos eram conhecidos como “ondas”, as quais batiam lentamente contra a embarcação nessa viagem tão demorada. Se os ventos estivessem normais, já teriam chegado ao destino desejado. Não era o caso e assim os marinheiros acabavam passando mais tempo em alto-mar do que gostariam.

Eu entendo que seja da nossa função, mas eu sinto falta de pisar em terra firme… Talvez eu não esteja acostumado, afinal…

Cerraria os punhos, lembrando do passado sofrido, mas logo em seguida balançava a cabeça negativamente, tentando tirar os pensamentos ruins da cabeça e buscaria por algo interessante no navio, porém tudo o que via no barco eram imagens de marinheiros mortos. Sem perceber, estava tendo um sonho, aonde revivia o ataque do primo Kahr aos companheiros e tentava agir desesperadamente, porém atravessava as imagens e percebia estar em uma situação fora de seu controle. A pior parte não era perder os companheiros e sim saber que eles tinham vida fora da Marinha com filhos e mulheres esperando em suas casas.

- Merda…

No momento em que reconheceu sua fraqueza, as imagens sumiriam e ele acordaria no barco junto aos outros companheiros como se nada tivesse acontecido. O tédio lhe fazia dormir e o que pareceu uma eternidade seria apenas 1 minuto com os olhos fechados. Talvez ninguém percebesse seu cochilo, porém isso pouco importava. A viagem estava perto do fim e a melhor maneira de acelerar a chegada, era tornar-se útil dentro do barco.

O primeiro lugar que visitaria seria a parte de reparos do navio. Perguntaria se havia algo para consertar ou forjar. Caso tivesse, executaria os serviços necessários, usando e abusando de seus conhecimentos, sem poupar esforços. Faria serviços com o máximo de eficiência e concentração. Evitaria correr com o trabalho, afinal não tinha pressa. Ainda tinha algum tempo para queimar. O segundo lugar que visitaria seria o de serviços gerais. Oferecer-se-ia para limpar o convés, cômodos e o que mais fosse necessário. Usaria esfregão, panos e o que mais tivesse ao seu dispor. Tiraria o uniforme para não sujá-lo com seu suor e trabalharia sem reclamar. Manteria o sorriso no rosto, afinal estava vivendo o seu sonho e mal conseguia se conter com os planos que tinha. Havia muito para aprender e evoluir. Empolgado com o futuro, as tarefas seriam fáceis de serem executadas. O último lugar seria o convés, aonde ficaria sentado de guarda, esperando por alguma tarefa ou simplesmente de guarda, observando os mares, afinal estavam sem reforços e qualquer ataque pirata poderia acabar com seus sonhos. Havia também a possibilidade de seu clã tentar uma nova investida, porém ele via esta hipótese com bons olhos, pois dessa vez não haveria hesitação em seu combate. Sem amarras, certamente sairia vencedor do próximo embate.

- Podem vir, Carnelians… Não tenho mais medo!

Considerações:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyQua 30 Mar 2016, 17:15

~~ Narração ~~


Era um dia normal perante as aguas do East Blue, o navio sentia um leve balanço, uma boa brisa e um sol caloroso. Velvet sonhava acordado, talvez estivesse ficando insano ou era falta de pisar em terra firme. O jovem boxeador ainda se culpava pela morte dos marines do quartel, não era culpa dele, mas possuía uma convicção de ter tido parte no ocorrido.

Estava vagando pelo navio após perceber seu leve cochilo e observava alguns marines atirados em cada canto. Não havia o que fazer até chegar na ilha, parecia estar perto. Velvet procurava um dos homens em busca de serviço para passar o tempo. O homem olha para ele e indica a forja do navio, ficava alguns andares a baixo, Velvet tinha passado por ela alguns dias atrás enquanto fazia suas tarefas no navio. Ao chegar no local, poderia ver alguns utensílios forjados, havia algumas luvas, pinças e etc.… tudo que pudesse auxiliar na forja, não havia muito metal, mas tinha algumas espadas velhas e quebradas que poderia usar caso quisesse.




Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyQua 30 Mar 2016, 17:57

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
E agora o amanhã, cadê?
Post: 2 | Localização: Rumo à Loguetown 5/6 | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

O tempo passava, mas parecia não passar. O tédio era o pior inimigo que tinham para enfrentar. A paisagem limpa, digna de um quadro perfeito para se pendurar em uma residência nobre, nada mais era que um lembrete do quanto ainda tinham a navegar. A brisa corria pelo corpo cansado dos treinamentos e fazia arder os pequenos machucados, porém tal dor lhe fazia acordar do sentimento neutro causado pela monotonia da viagem.

Que cansaço…

Não, não era físico. Ele sentia a mente cansada de viajar. Visando sair do tédio, ele decidiu caminhar pelo navio em busca de entretenimento. O melhor que encontrou foi a Forja, local aonde poderia exercer seu conhecimento e fazer algo de útil. Foi então que decidiu fazer um par de óculos novos para si mesmo. Seriam óculos firmes, resistentes e que teriam multiuso, ele planejou


~ Forja Óculos Especiais ~


Ele começou preparando o plástico para ser derretido e pegou uma pequena quantidade de ferro para o mesmo uso. Enquanto esquentavam, ele preparou os moldes. Criar era algo complexo e ele tinha dificuldades de fazer o molde. Utilizou o que tinha ao seu dispor e pediu ajuda dos companheiros para lhe auxiliar no que tinha dificuldades, seja desenho, corte ou o que precisar. Faria a armação oca, local aonde ficaria a parte de metal. O objetivo era fazer uma armação de metal coberta por uma de plástico, mas com a possibilidade de ser retirada. Dessa forma, quando precisasse, puxaria a parte de plástico e teria espetos de ferro pontiagudos e afiados, capazes de perfurar facilmente o alvo.

Com os produtos derretidos, ele preparou as partes de metal, despejando a quantidade ideal e com fracas batidas ajeitou dentro do molde. Continuou com as batidas e água fria para controlar a qualidade do material, tentando fazer algo fino, porém firme. Ao terminar, faria a parte do encaixe (a ponta), o mais pontiaguda possível, dessa forma não teria dificuldades caso desejasse furar alguém. Ao terminar, faria a parte aonde entrariam as lentes. Esta não teria dificuldades, visto que já tinha o seu próprio par para usar como modelo. Ao terminar, prepararia as partes de modo que as alças possam sair ao serem puxadas com força, porém fossem resistentes o bastante para ficarem penduradas no rosto sem preocupações.

Por fim, era hora de fazer o acabamento de plástico. Como já tinha o molde em mãos, tudo o que precisava fazer era deixar as alças ocas e preparar os encaixes. Utilizaria seus conhecimentos e o de companheiros para completar a tarefa, algo difícil e chato de fazer para alcançar a total simetria. Ao terminar, encaixaria e faria os últimos detalhes, objetivando assim um bom produto final. Faria também o acabamento na capa para que tenha um bom apelo visual.


~ Fim Forja ~


Deitaria para dormir e descansar. Insistiria mesmo se estivesse sem sono e só sairia da posição caso algum superior lhe ordenasse.

Considerações:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |


Última edição por GM.Van em Dom 10 Abr 2016, 20:33, editado 1 vez(es) (Razão : Esqueci de mudar o banner)
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyQui 31 Mar 2016, 18:27

~~ Narração ~~


Velvet analisava o local da forja e decidia-se forjar um óculo mais resistente, seria bom para futuras batalhas. Passava-se algum tempo e o jovem havia terminado, possuía estilo e resistiria a pancadas mais poderosas em um breve futuro. A noite estava chegando, o sol trocava de lugar com a lua, as nuvens dispersavam-se e as estralas brilhavam como um conjunto radiante.

Velvet sem notar acordava em um susto, pois uma forte onda batia no casco, talvez algum peixe grande estivesse rodeando o barco ou quem sabe fosse a natureza em si. Percebia estar na ala dos dormitórios em um beliche, vários recrutas estavam dormindo, porém pode ouvir alguns barulhos vindo da superfície do navio. Ao levantar-se e seguir lá em cima talvez estivesse com medo de ser algum ataque sabe-se lá o que passava na cabeça do boxeador, subiu as escadas e percebeu um marine com uma caixa. Ele parecia está comendo, pois, sua boca estava lambuzada de doce e em sua mão estava uma rosquinha adocicada. Mordida após mordida agilmente ele comia várias rosquinhas, mas a caixa era grande, talvez ele dividisse algumas se Velvet pedisse educadamente.

O navegador estava exausto parecia quase cochilar, mas o jovem ferreiro já podia avistar o porto da ilha, estava chegando pela noite, havia alguns navios da marinha, outros de comercio, pouco a pouco o navegador fazia o navio atracar no porto. Enfim, terra estava próxima do marine, assim que os soldados fossem avisados, poderiam descer do navio.




Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyDom 10 Abr 2016, 20:48

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
O acaso a se esconder
Post: 3 | Localização: Rumo à Loguetown 6/6 | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

O sono parecia vir após um longo período de trabalho. As possibilidades numa ilha nova eram praticamente infinitas e a ansiedade impossibilitava um descanso agradável. Para completar, uma forte onda acordou o soldado que decidiu ir ao convés a fim de avaliar o que tinha ocorrido. Ele viu um companheiro comendo donnuts e a ilha lá longe. Finalmente estavam no destino final, momento este em que deveriam começar os preparativos para o desembarque.

”Loguetown, huh!?”

O ferreiro procuraria os companheiros que estivessem trabalhando e ofereceria ajuda com o descarregamento, ancoragem, segurança, etc. O que estivesse ao seu alcance, tentaria fazer para ajudar. Não descansaria até que todo o trabalho estivesse pronto, mostrando que estava disposto a suar a camisa de verdade pela corporação.

Na hipótese de algum superior lhe ordenar algo, ouviria as instruções e cumpriria o que fosse ordenado, mesmo que fosse contra seus princípios, todavia se fosse algo que ferisse 100% sua honra, recusaria e tentaria questionar o motivo de tal ordem. Não teria medo de ser preso por desafiar uma autoridade, pois diante de seu senso de justiça, era capaz de enfrentar qualquer um que entrasse em seu caminho.

Na hipótese de chegar na ilha e ser liberado para dar uma volta, seguiria primeiro para o Quartel aonde guardaria suas coisas e instalar-se-ia para só então partir em uma breve jornada pela ilha, aonde visitaria alguns pontos turísticos. Visitaria o local aonde Chris havia sido executado e também outros estabelecimentos famosos. O objetivo era apenas visitar, sem nada específico em mente.

À qualquer momento, caso presencie uma situação de clara injustiça, observaria e tentaria entender o que estava acontecendo. Caso fosse atacado ou notasse alguém prestes a sê-lo, tentaria interferir tirando a pessoa da área de ataque ou até mesmo tentando bloquear o possível ataque.


Considerações:
 


____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptySeg 11 Abr 2016, 19:43

~~ Narração ~~


A chegada era tranquila, Velvet foi chamar alguns companheiros e pode perceber a maioria já arrumado começando seus deveres como descarregar o navio, soltar a âncora e etc. O jovem ferreiro obviamente ajudou seus companheiros sem pensar duas vezes. Passavam-se algumas horas até terminar o descarregamento, alguns marines ajudavam outros levando as cargas para o quartel, usavam alguns carrinhos para carregar o peso e facilitar o serviço.

Vele empurrava atrás um dos carrinhos que carregava diversas caixas empilhadas até deparar com a enorme cidade de Loguetown, além de movimentada era bem esquisita, pois diversas raças transitavam pelo lugar e diversos comércios vendiam e gritavam suas mercadorias com a intenção de atrair fregueses. Carnelian passa por uma cigana que com um sorriso horripilante e uma voz bem fina e rachada lhe profere. – Olá meu jovem, procurando amor? Vingança? Poder ou riquezas? O que você precisar, basta fazer um feitiço e seus desejos se tornam realidade, o que acha garoto! Ela falava e articulava com as mãos, mas sua face era extremamente feia, poderia facilmente ganhar um concurso de feiura. Será que o garoto acreditava em tais façanhas? Crenças, fanatismos e magia acreditava quem quisesse. Caso o jovem ignorasse a mulher poderia continuar seu trajeto e perceber a rua infestada de pessoas e humanoides algo relativamente normal na última cidade de East Blue. Porém para o jovem boxeador talvez tudo fosse muito novo.

Alguns marines estava sempre atento, pois o garoto de madeixas rosadas empurrava atrás sem fazer muito esforço apenas dando um auxílio, o recruta da frente puxava e nas laterais havia cada marine escoltava a carga. Apesar das crianças órfãs correndo em meio à multidão, os bares com algumas brigas e alguns comércios irritantes, a ida foi tranquila, Velvet chega na entrada do quartel percebendo uma boa estrutura, maior que o QG de Shells, provando que se o quartel era maior, sinal que o perigo da cidade também era. Ao entrar alguns marines soldados levavam a carga para dentro do deposito dos fundos. O jovem marine percebia um alvoroço na entrada do quartel com diversas placas e civis gritando, era um protesto, porém aquilo impedia a entrada do novato. – Queremos nossos filhos de volta, vocês precisam acha-los! Uma mulher gritava em prantos de choro enquanto a maioria apoiava. Haviam alguns velhos e velhas, mas a quantidade de mulheres era bem superior.

Nas placas estava escrito governo inútil, marinha corrupta e etc.… ofensas e mais ofensas por algum acontecimento. Um homem de patente tenente visto que suas roupas diziam parava em frente a multidão e respondia. – Calmem... calmem senhoras, estamos fazendo o possível, mas entendam, estamos tentando arrecadar todas as informações necessárias! O marine tentava se explicar até ser interrompido por outra mãe. – Foi o maldito Ganjo... prendam aquele desgraçado! O marine levanta as mãos para tentar articular e minimizar o protesto. – Senhora, mas não podemos sair assim sem ter todas as informações entenda! Assim continuo aquela aglomeração de pessoas e o superior tentando orquestrar, mas parecia estar com problemas.



Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyTer 12 Abr 2016, 19:21

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Stay together for the Kids
Post: 4 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

O desembarque ocorreu de forma organizada e algumas horas de trabalho foram necessárias para que todos pudessem partir em direção ao QG e encontrar suas novas instalações. O caminho foi tranquilo e nada de empolgante ocorreu com a exceção de uma “vidente” que tentava ler seu futuro. Por mais que sua curiosidade quisesse saber o que lhe aguardava, Velvet sentia uma certa aversão a previsões. A vida inteira foi vítima de uma, na qual seria o futuro líder de uma grande família mafiosa e com o passar dos anos acabou tornando-se prisioneiro de tal destino. Logo, não via com bons olhos a ideia de ter o seu futuro decidido.

A caminhada prosseguiu e chegou no Quartel General. A diferença era gritante e Veru sentia os perigos dessa nova fase. Não muito longe dali, gritos desesperados apontavam o caminho tortuoso que seguiria. “Crianças desaparecidas?” Pensou o ferreiro enquanto tentaria se aproximar sem chamar muita atenção. Tentaria ouvir o máximo que conseguisse e fitaria o Tenente, observando o modo como reagiria diante de uma situação tão tensa e consequentemente aprenderia na prática como ser um bom líder.

Na hipótese do superior lhe convocar ou alguma outra pessoa lhe ordenar/pedir algo, preparar-se-ia de imediato para ajudar. Faria posição de sentido e escutaria atentamente o que fosse dito. Caso fosse mandado para algum lugar, caminharia até o local indicado. Se fosse para executar alguma função, faria dentro do que suas capacidades permitissem. Na hipótese de ser ordenado a dispersar a multidão, empurraria o povo para longe, mas enquanto o faria, pediria informações sussurrando para as pessoas que empurrava - O que sabe sobre os sequestros? Tem alguma pista? Aonde acham que estão? - Tentaria assim obter algumas informações para fazer parte da equipe que participaria do resgaste, caso houvesse alguma.
Considerações:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Marciano
Emissário da Morte
Emissário da Morte
Marciano

Créditos : 48
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 6010
Masculino Data de inscrição : 15/09/2014
Idade : 26
Localização : Na Monstrolandia...

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyQua 13 Abr 2016, 19:20

~~ Narração ~~


O jovem soldado prestava atenção a todo momento em seu superior, aprendendo como lidar em tal situação e também como futuramente agir na liderança. Velvet percebia que o tenente havia lhe visto e imediatamente o homem acena para ele. – Ei novato, me ajude a dispersar a multidão! Ele falava ao mostrar uma face nervosa, mas é logico, lidar com uma mãe já difícil imagina um pelotão de mãe enfurecidas.

O novato ajudava o superior a colocar aquelas pessoas para fora do quartel, algumas mães xingavam mostrando repulsa e euforia, mas Velvet nesse momento questionava a mãe mais a frete a que por sinal havia falado anteriormente. – Tudo o que sabemos é que o atual suspeito é o comerciante Ganjo. Ele possui uma fábrica que vende pele de animal! Antes que a mulher pudesse terminar de dar qualquer informação o tenente disperso a multidão e fecha a grade da entrada do quartel. – Tsch.... Tenho pena dessas mães, ah proposito soldado, você é novo por aqui? Imaginei, conheço todos meus homens. Deve ter vindo na leva dos novos recrutas de Shells correto? Garanto que o Jay Pele Cinzenta te mandou! Eu me chamo Tenente Cruzis, sou atualmente o prefeito e líder do quartel, prazer garoto! O homem possuía cabelo ondulado com um rabo de cavalo comprido e negro caindo pela sua costa, parecia bem carismático e utilizava óculos escuros. Em seus ombros estava um par de manopla bem maneiro, o formato era como se fossem cabeça de leão.

- Vou lhe designar para a missão dos sequestros já que mostrou interesse pelo que percebi, irá um sargento e três soldados contando com você! Vamos até minha sala. Ele terminava de falar ao começar a andar em direção a entrada da estrutura marinha. Levavam alguns minutos até chegarem na entrada da sala do mandante. Era um lugar enorme repleto de quatros, tapetes e moveis rústicos. Dentro da sala estava um homem de porte alto medindo cerca de quase três metros e outros dois medindo quase mesma altura de Velvet. – Tenente! Ambos falavam ao baterem continência. – Descansar soldados! Esse é o novo integrante da missão, Velvet Carnelian! O marine profere ao sentar-se em sua cadeira e cruzar os braços, enquanto o restante estava de pé. O tenente era conhecido como justo e rígido, tal motivo fazia os dois novatos soldados ficarem nervosos, já o sargento estava acostumado. - Prazer soldado Carnelian, eu serei o principal responsável dessa missão, me chamo Rhoen, esses são os irmãos gêmeos Zetrax, Will Zetrax e Fill Zetrax! Ele falava ao se apresentar e apresentar os irmãos. – Prazer carinha, bora acabar com essa missão de uma vez HEHEHE. O louro respondia ao ser acenado como Will. – E aí! Já o outro irmão era mais tímido e pouca conversa. – Aqui está a carta com as informações e o único suspeito, Ganjo sócio da fábrica de pelagem. Ele terminava de falar ao entregar para Rhoen, os irmãos e Velvet. – Alguma dúvida? O tenente proferia ao olhar para todos enquanto liam a carta.


Sargento/Soldados:
 

Documentos do Caso:
 
Conteúdo:
 

Histórico Velvet:
 

____________________________________________________

~Fala / Narração

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Conquistas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Van
Agente em Treinamento
Agente em Treinamento
Van

Créditos : 4
Warn : Episódio 2 - A luta dos Justos 5010
Masculino Data de inscrição : 31/10/2011
Idade : 30
Localização : -

Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos EmptyQui 14 Abr 2016, 19:49

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
A busca pela simples camponesa de nobre coração que vai todos os dias ao bosque recolher lenha
Post: 5 | Localização: Loguetown | Aparência: Uniforme padrão da Marinha e Óculos.

A confusão parecia estar longe do fim, porém a voz ativa do oficial fez com que a baderna acabasse e sob às ordens do superior, Velvet ajudou a dispersar o povo. O soldado aproveitou o momento para saber mais sobre os sequestros, mas apesar da discrição, foi notado pelo Tenente que se apresentou e se mostrou um verdadeiro líder ao colocar o jovem no grupo responsável pela missão, mesmo sem conhecê-lo muito bem.

- Eu sou o soldado Velvet!

- Vou lhe designar para a missão dos sequestros já que mostrou interesse pelo que percebi, irá um sargento e três soldados contando com você! Vamos até minha sala.

E assim Veru conheceu seus novos companheiros: O sargento Rhoen e os irmãos Will e Fill Zetrax. Após um breve cumprimento entre os novos companheiros, o ferreiro recebia um envelope com instruções sobre a missão. Alguns diálogos transcritos, imagens e suspeitos. Ele tentava absorver o máximo possível e esperava pelas ordens do superior. O soldado tinha algumas opiniões, mas esperaria as palavras dos companheiros mais experientes, seguindo o que fosse dito. Caso lhe perguntassem o que achava, responderia: - São dois símbolos levemente parecidos, talvez um deles seja verdadeiro ou cada membro do grupo tenha seu próprio símbolo… De qualquer forma, eu sugiro uma isca.

Ouviria as respostas à sua sugestão e acataria as críticas, sejam negativas ou positivas. Por fim, preparar-se-ia para executar as ordens. Se fosse necessário trocar as roupas, assim o faria. Se fosse preciso seguir para algum lugar, iria. Não importava a ordem, tentaria executá-la como um bom soldado.
Considerações:
 

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] |
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.youtube.com/ocanilbr
Conteúdo patrocinado




Episódio 2 - A luta dos Justos Empty
MensagemAssunto: Re: Episódio 2 - A luta dos Justos   Episódio 2 - A luta dos Justos Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Episódio 2 - A luta dos Justos
Voltar ao Topo 
Página 1 de 5Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: East Blue :: Polestar Islands-
Ir para: