One Piece RPG
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» 1º Ato - O Despertar
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Chaitanya Mahaprabhu Hoje à(s) 01:12

» Cap 3: O alvorecer da névoa trovejante
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor PepePepi Ontem à(s) 23:55

» VI - Seek & Destroy
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor ADM.Senshi Ontem à(s) 23:52

» Chapter I: Seafret - Oceans ♪♫♪
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor tamerex12 Ontem à(s) 23:24

» [LB] O Florescer de Utopia III
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Kekzy Ontem à(s) 22:52

» [MINI-Ballu] Um momento desesperador
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor DarkWoodsKeeper Ontem à(s) 22:34

» Enuma Elish
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 22:05

» The Claw
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Achiles Ontem à(s) 20:46

» Vamos nos aventurar! Anjinhas me aguardem...
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Pippos Ontem à(s) 20:15

» III ~ Uma Loira na Ilha das Aranhas?
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor PepePepi Ontem à(s) 20:06

» MaikLynn Scarlaiti de Orr
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor GM.Noskire Ontem à(s) 19:24

» II - Aliados
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Hunson Ontem à(s) 19:19

» Tríade Selvagem
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor GM.Furry Ontem à(s) 19:18

» Escuridão total sem estrelas
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor K1NG Ontem à(s) 19:17

» Rumo à Grand Line?
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Kekzy Ontem à(s) 19:00

» Una Regazza Chiamata Pericolo
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Vrowk Ontem à(s) 18:40

» Arco North Blue: Uma Odisseia no Santuário
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor tamerex12 Ontem à(s) 18:26

» O início da pesquisa.
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor K1NG Ontem à(s) 18:07

» Yami Sukehiro
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor Mad Ontem à(s) 17:50

» O Sapo Mágico
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Emptypor K1NG Ontem à(s) 17:47



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 15 ... 27  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 53
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 26
Localização : 1ª Rota - Karakui

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptyQui 24 Mar 2016, 19:39

Relembrando a primeira mensagem :

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.

Aqui ocorrerá a aventura do(a) pirata Kaiyuki ``Metatron´´ Ashuura. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
Suchiro
Pirata
Pirata


Data de inscrição : 12/02/2013

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySeg 02 Maio 2016, 08:34

Run Boy Run





Eu gostava do jeito de falar da moça, ela agora era assunto para outra hora. Com o sinal dado, eu sairia em disparada, eu ate me apoiaria contra o chão, colocando-me em quatro patas, e reorganizando meu centro de equilíbrio, para correr como um animal, e ir mais rápido que todos meus adversários. Eu já tinha ido pela floresta, e também já conhecia o caminho para o QG, e não queria que mais ninguém passasse na minha prova, quantos menos passassem melhor.

Na corrida, eu passaria por longe de todos, e procuraria um caminho mais rápido, já que já tinha andando pela aquela floresta muito, deveria dar uma vantagem, eu iria correndo com tudo, eu queria uma vantagem antes deles chegarem na floresta. Depois de chegar na floresta, eu percorria pelo caminho comum, é claro, era hora de fazer atrapalhar os demais participantes. Eu pegaria cipós, e os usaria como corda, prenderia e deixaria uma linha reta, é claro, no máximo isso faria era derrubar eles, mas não era pra isso. Eu puxaria os cipós por galhos altos das arvores, pegaria alguns galhos mais fracos e quebraria e usaria minhas garras para afiar suas pontas, então amarraria nas pontas dos cipós para quando eles fossem puxados, os galhos afiados fossem em direção a suas pernas, botaria o angulo baixo para irem na altura do joelhos ou coxa. Todos ali eram rápidos, mas tirando essa vantagem os derrubando, eles iriam se fuder e serem atrasados.

Tinha uma ultima coisa, eu havia vencido os dois animais mais fortes da floresta, duas panteras enormes, três metros de puro animal. Agora eu era o animal mais forte da floresta. Eu voltaria a correr, e daria um rugido a espera de algum predador aparecer. - Pois bem, não estou aqui para lutar, estou aqui para lhe presentear. Ambos somos feras, eu posso andar com humanos, mas no fundo ainda sou como você. Ali passaram vários humanos, fiz uma armadilha para serem atingidos e feridos, eles são rápidos, não fortes ou resistentes, depois de serem acertados, será um belo banquete. Ate mais. - Depois disso eu aceleraria o passo, e iria direto para o QG.

Ao chegar no QG, eu iria procurar pelo marine, meu disfarce ia me salvar, mas não ia dar o mole de ficar muito tempo lá. - Eu estou aqui pelo evento da cidade, vim pegar a comida. - Eu falaria me levantando e apoiando as mãos no joelho enquanto falaria ofegante. Eu seguiria ele e pegaria parte da comida que precisava levar, pegando duas bacias e indo de volta pela floresta. Se eu fosse questionado pela minha aparencia ou qualquer coisa parecida. - Desculpe, sou novo na ilha. Você deve estar me confundindo com outro, muitos confundem nós minks, acho que para vocês somos bem parecidos.- Faria sem olhar nós olhos dele.

Eu ainda tinha que chegar antes que acabasse os outros grupos. Em vez de seguir pelo caminho normal, o qual eu havia colocado uma armadilha e pedido ajuda das feras, seria mais seguro ir por outro, afinal encontrar com eles seria uma má ideia. Eu iria por dentro da floresta, indo pelo caminho onde eu e Dandara havíamos usado para chegar na cidade, assim seria bem mais rápido. Assim que eu voltasse para a cidade, eu começaria a ir de volta para a arena de volta, tendo toda essa vantagem, estava aguardando ser o primeiro.

Pararia em frente a Milan, deixaria a comida que havia trazido ao seu lado, ou talvez em alguma mesa. Se eu fosse o primeiro a chegar do meu grupo, eu tiraria minha camisa, que eu já deveria estar suado e deixaria meu corpo belo a mostra para a jovem guarda real. - Essa prova foi ate fácil. Tem algum premio especial para o primeiro colocado, algo como um encontro com a senhorita? Isso seria um premio magnífico.- Falaria com um grande sorriso, mostrando felicidade verdadeira a falar, mesmo que não sentisse, eu sabia como fingir. Se a resposta fosse não, eu falaria. - Bem, então você aceitaria sair comigo se eu fosse um dos vencedores do torneio? - Eu seguraria sua mão, com ambas minhas, e me abaixaria, olhando-a debaixo para cima com um sorriso inocente e olhos de um gato de um animal abandonado.
OFF:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Senshi
Civil
Civil
avatar

Créditos : Zero
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 4010
Data de inscrição : 22/03/2016

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySeg 02 Maio 2016, 21:44

Suchiro

Ashuura assume uma forma natural de seu lado animal e dispara junto com os outros competidores, no começo todos estavam bem próximos quanto a distancia, mas conforme os corredores entravam na floresta a distancia entre eles foi aumentando e Kaiyuki assumiu a liderança, disparando na frente. No meio do caminho ele arma uma simples armadinha de cipos e avisa a um predador que respondeu a seu rugido(uma pantera negra) sobre a possibilidade de um jantar fácil. Depois segue para a vila do QG, assim que chegou perto da entrada viu um marine sentado sobre uma caixa de madeira com duas alças.

Eu estou aqui pelo evento da cidade, vim pegar a comida.

Ao se aproximar o gato vê nada mais, nada menos que...

--YO! Como vai a capitã? Err... Como era seu nome mes-

...Brum.

Desculpe, sou novo na ilha. Você deve estar me confundindo com outro, muitos confundem nós minks, acho que para vocês somos bem parecidos.

--Ah, é, é, claro. Eu também sou novo aqui. Hahaha! De qualquer maneira, acho que é isso que você quer, né?

Brum, vestido com um uniforme remendado aqui e ali pegou a caixa com um pouco de esforço e coloco nas costas de Ashuura, as alças faziam com que a carga parecesse uma mochila e assim que Brum parou de sustentar o peso delas Kaiyuki quase caiu no chão. O peso era inacreditável para um bando de ingredientes, o felino sabia que não poderia se mover tão rápido com aquela coisa nas suas costas, ninguém poderia. Brum deu um adeus para o colega pirata e se retirou em direção do QG como se fosse a coisa mais natural do mundo. Percebera ali que não tinha mais nenhuma daquelas caixas de suprimentos disponíveis, apenas aquela.

Depois de pegar os suprimentos o felino voltou em direção a cidade. Seguindo pelo caminho que tinha passado e provavelmente que os outros competidores passariam, Kaiyuki não viu sequer um dos homens que começaram a corrida com ele. Logo descobriu porque. Perto da entrada da cidade, fora da floresta o felino viu todos os seus competidores bloqueando a estrada, esbanjando sorrisos e olhares ameaçadores assim que o avista. Entre eles um mink gato com pelo preto e branco e o casaco azul lhe dirige a palavra.

--Mihahahahao! Você é mesmo bem rápido. Achei que tinha acertado você bem no meio da nuca no meio daquela fumaça, mas estou vendo que estou ficando velho! Desista, garoto, coloque essa caixa no chão e volte com o rabo entre as pernas pra floresta! Se não...

O felino começava a jogar algumas pedras para cima e pega-las no meio do ar para ilustrar o que queria dizer. Mais de dez oponentes estavam diante do felino, bloqueando a entrada da cidade, nenhum deles estava armado, mas o mink que os liderava parecia ser capaz de causar danos mesmo com um pedrinha. Atrás de Kaiyuki estava a floresta, defronte dele os oponentes e mais a frente seu objetivo, a arena. Tinha que se apressar antes do tempo acabar.




Auron

Assim que Auron mostrou o cartão VIP o velho que estava sentado levantou num pulo.

--OH, OH, OH! O grande mestre espadachim Saikiyubito aceitou meu convite?! OHHHH, é uma grande honra que você considere uma posição na minha guarda real um cargo digno de suas habilidades, Dai Saikiyubito! Nós devemos prepara um ban-

--MEU REI! Não seja tão apresado! Mesmo que esse homem tenha sido convidado por vossa majestade e mesmo que ele seja um grande mestre nas artes do kendo, ele ainda precisa ser testado pelos membros da guarda real e o povo de Lvneel!--Um grande clamor de gritos de suporte e excitação se espalha pela plateia.--Se quer mesmo proteger o reino de Lvneel, forasteiro, terá que provar seu valor de acordo com nossas tradições! Na etapa em que estamos do nosso torneio você deve aceitar um desafio de um dos membros da guarda real. Infelizmente o desafio de agilidade já começou, apenas lhe resta escolher entre provar sua resistência ou força se realmente quer proteger Lvneel! Apresente-se logo para Sprite, para o teste de resistência ou Kallif, para o teste de força ou suma da minha frente!

A agitação da plateia fica ainda maior enquanto eles observam o novo participante com expectância. Podia ver varias pessoas reunidas em volta de dois homens, cada qual em um lado da arena. A direita podia ver um homem com armadura semelhante ao cavaleiro na varando, mas muito mais jovem com cabelos marrons e um ar calmo e sereno, parecia estar cercado de participantes com bastante força física. Do outro lado, no lado esquerdo, via outro cavaleiro, dessa vez ruivo e com um sorriso brincalhão no rosto, esse parecia estar cercado de guerreiros experientes com uma ou outra cicatriz.

--Ninguém liga pra o que eu quero... uh...




Histórico do Auron:
 

Histórico do Suchiro:
 

____________________________________________________

Narração e Pensamento/--Fala

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]                          [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Auron
Usurpador
Usurpador
Auron

Créditos : 6
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 5010
Data de inscrição : 16/01/2012

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptyTer 03 Maio 2016, 00:43

Tensão no Ar




Logo após mostrar meu cartão vip, um homem que parecia ser o rei de Lvneel, finalmente se pronunciava. Sua empolgação ao ver aquele cartão que eu tinha em mãos era claramente visível, entretanto, não entendi muito bem quando ele começou a me chamar por um nome cujo qual nunca se quer ouvir falar. ~O Que? Quem infernos esse cara pensa que eu sou?!~ Indaguei a mim mesmo sem demonstrar espanto. Saikiyubito, este era o nome pelo qual o rei me chamou, como não fazia ideia de quem seria este homem, resolvi usar minha estrategia para aproveitar essa brecha.

Quando me preparava para falar, novamente o homem que estava ao lado do rei voltava a falar, minha raiva aumentava com cada palavra que era dita por aquele homem, e no final de seu discurso babaca, eu adquiri ambição de degola-lo em praça pública, quando tudo acabasse.
~Eu juro por tudo que eu conquistei, e tudo que ainda irei conquistar.... Que um dia eu tomarei sua vida, seu imundo~ Pensava enquanto olhava cheio de ódio para quele homem.

Como não podia fazer nada, resolvi escolher uma das opções que me foram dadas, escolher entre o lado da força ou da resistência, como eu já conhecia meu corpo, e sabia que eu era portador de uma força admirável, resolvi escolher o teste da força. Feito minha escolha, caminharia para o lado direito, onde foi indicado o teste da força.

Chegando lá ou não, perguntaria num tom bastante sério ao homem que parecia ser o líder daquele grupo - E agora, o que eu faço?! - Após perguntar isso, cruzaria meus braços e ficaria aguardando um comando daquele homem, para que pudesse ter seguimento na competição.


Estava muito emburrado com as atitudes daquele desgraçado da arquibancada, seu exerço de autoridade me incomodava muito e certamente eu iria fazer ele pagar por aquilo. A principio só podia demonstrar meu ódio de forma moderada, no caso,  olhando para ele fixamente, independente de alguém falar comigo naquele momento, eu prestaria atenção no que estava sendo dito, porém meu olhar seria totalmente focado naquele homem.

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Badass Stars:
 

         
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



•Fala•#333366
•Pensamento•#336633
•Ação•#666666




Não Há Mudança Sem Violencia - Karl Marx  
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t12406-yoroshi-auron
Suchiro
Pirata
Pirata
Suchiro

Créditos : 6
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 12/02/2013
Idade : 21

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptyTer 03 Maio 2016, 17:29

Just Run!




Estava cercado, e parecia que os idiotas nem tinha entrado na floresta, e muito menos pegado minha armadilha, aquilo era pesado, e eu estava desarmado, pior impossível. - Eu realmente estou surpreso, não imaginei que fariam isso... - Falaria um tanto assustado. Eu tiraria a mochila, e jogaria para trás, em um arbusto o mais longe possível floresta a dentro, tudo calmamente. - Vocês são muitos, pelo que entendi, vocês primeiro vão acabar comigo, depois lutar entre si para ver quem pensa, certo? Eu realmente não acho que consigo vencer todos vocês e ainda conseguir chegar a tempo.- Eu pegaria alguns galhos do chão com a cauda e passaria para mão, isso enquanto falaria e colocaria atrás do meu corpo e começaria a afiar eles com minhas garras, e olharia para a cara do gato. - Vocês realmente são tão medrosos não é? - Falaria confiante, e riria da cara deles, riria com muita força e vontade, aquilo era ridiculo.Com um só movimento eu cortaria as pontas dos galhos.

Eu daria um chute no chão tentando acertar alguma pedra na cabeça do gato para tirar seu foco, e principalmente tentaria levantar a maior quantidade de terra possível. Passaria a correr para dentro da floresta, pelo lado onde joguei a mochila. Iria aproveitar para sumir de trás de alguma árvore. Na hora que eles se vindo, eu lançaria uma rajada com quase todos os galhos, deixando apenas dois em mãos, mirando em suas pernas, eu queria ferir o Maximo deles possível. A partir desse lugar eu correria ate a mochila, puxando ela e jogando em um galho grosso e mais baixo de uma árvore. -Querem acabar comigo, vamos nessa, seus lixos incompetentes. - Gritaria para todos os humanos correrem atrás de mim.

Eu sacaria os meus últimos galhos com ponta, e correria por entre o mato, andando mesmo ao longe, iria circular ao redor do Mink felino, durante o percurso, eu pegaria algumas pedras do chão. Logo que passasse por uma árvore, eu sacaria os galhos,e deixarias duas pedras em minhas mãos. Jogaria os últimos galhos em suas coxas, deveriam ser grossas para correr em uma velocidade parecida com a minha já que era um mink, mesmo que não um leopardo. Eu sabia a velocidade das estacas, mas não era só isso, durante o lançamento, com mais força e já que pesavam mais, eu jogaria as pedras logo em seguida, não para acertar o inimigo gato, mas para acertar a parte de trás do galhos afiados e impulsionar ainda mais meus galhos para atingi-lo. Não precisava matá-lo, isso daria muito trabalho sem minhas armas, mas incapacitá-lo bastava atingir suas coxas, e eu venceria.

Logo depois, eu saltaria em uma arvore baixa, e me seguraria no seu galho mais baixo, e não muito forte, e impulsionaria minha força para arrancar com tudo, então saltaria para frente, e ao colocar ambos pés no chão, eu lançaria o galho, o segurando com ambas mãos, e deixaria apenas ele deslizar dos meus dedos, para ir direto no peito/costas se alguém estivesse tentando ou tivesse tirado a mochila da arvore que coloquei. Eu correria na direção dele logo em seguida, saltando sobre a estaca para atravessar e usar ele de trampolim, e pegaria a mochila do chão ou subiria na arvore da mochila. - Eu não preciso acabar com todos vocês, só atrasar um pouco... - Tinha que poupar tempo.

Se durante o salto para floresta densa, depois de jogar terra algum deles tentasse me atingir, eu daria um rolamento no chão para dentro de um arbusto, e usaria ele para me perderem de vista e puder fugir com a mochila ate a árvore. Eu andaria de costas caso ouvisse algum barulho pelas costas, para não ser atingido por nenhuma das pedras voadoras, já que enquanto fugia tudo que poderia me basear seria a audição.

Se algum dos idiotas tentasse me socar/chutar ou me bater com algum galho corpo a corpo, eu iria continuar recuando, jogando terra e pedrinhas do chão contra eles. Já que estávamos nos movendo, a única forma de me atingir com golpes corpo a corpo, seria golpes vindo para cima, já que não poderia parar para atacar, já que eu fugia, então logo que viesse golpes assim, eu mudaria de 65° a 90° graus, dando passos para os lados para sair da frente deles. Em caso deles vierem por todos os lados, eu me abaixaria, e quando viesse com tudo, eu pularia e saltaria por cima do ombro de um deles, forçando impulso no ombro, para pular para longe e eles se atingirem.

É claro, para os ataques de longe, principalmente do Mink, seria um problema. Eu sempre passaria por trás de arvores ou pedras para não ser atingido, e quando viessem varias pedras eu passaria a dar rolamentos, também não poderia me basear em uma forma, iria usar uma terceira, que seria parar de correr e mudar minha rota para outro lado, assim eles teriam que mudar de lugar onde iriam mirar. Eu faria essas coisas de forma desordenada, e sem padrão, para não saberem o que faria depois.




____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

narração:
fala
Narração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Senshi
Civil
Civil
avatar

Créditos : Zero
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 4010
Data de inscrição : 22/03/2016

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptyQua 04 Maio 2016, 22:34

Suchiro

O felino chuta uma pedra no outro felino, levantando poeira no processo. O mink logo lança a pedra que tinha na mão e acerta a pedra de Ashuura no meio do ar. Mas Ashuura usa esse momento para correr em direção da floresta onde tinha jogado sua pesada mochila improvisada. Logo o pirata subiu em uma arvore e assim que os inimigos entraram na floresta eles foram atingidos pelo ataque de galhos do mink, porém não receberam muito dano, apenas arranhões em suas pernas e joelhos. O mink então decidiu ir em direção da sua carga enquanto os oponentes o perseguiam. Jogando a precisa carga para o alto em um galho grosso, Kaiyuki segue pela beira da floresta e se aproxima do gato que organizou tudo isso, esse que ainda estava na entrada da cidade, observando o oponente. Quando Kaiyuki fez seu ataque o gato preto apenas sorriu maliciosamente. Tirou mais pedras dos bolsos e para cada uma que Kaiyuki arremessou ele arremessou uma também, as pedras dele esmagaram os galhos e pararam as pedras atrás deles no meio do ar, obviamente ele tinha uma pontaria exemplar, aquilo tinha sido quase como se acertasse uma flecha no mesmo lugar duas vezes.

Retirando-se para recuperar a mochila, Kaiyuki pousa sobre o galho que tinha jogado a mochila, surpreendentemente nenhum dos homens que os seguiram tinha subido na arvore ou tentado pegar a mochila, percebera porque: todos tinham voltado a atenção para uma pantera negra que aparecera de dentro da floresta, eles a olhavam com preocupação, mas ao perceberem que Kaiyuki tinha voltado pareciam dispostos a ignora-la e persegui-lo. O mink ainda estava posicionado na entrada da cidade e enquanto havia bastantes arvores e cobertura na borda da floresta, não tinha muitos sugares para se proteger se tentasse entrar na cidade sem distrair o mink.

--Por que estão demorando tanto, miao?!

Situação:
 

Histórico do Suchiro:
 




Auron

Auron, mostrando claramente sua hostilidade contra o cavaleiro que havia lhe comandado a participar propriamente do torneio segue para ficar ao lado do homem calmo. Ao chegar, perguntar o que deveria ser feito e assumir sua postura fixando seu olhar no cavaleiro, primeiramente ele não ouve nada, nenhuma instrução, nem mesmo um sussurro dos outros participantes, apenas o ruido da plateia.

--Você parece bem descontente com o tratamento que Liam está lhe dando. Peço desculpas em nome da guarda real, mas acredito que agora seja um bom momento para se concentrar no desafio diante de você, mestre Saikiyubito.

Disse o calmo homem sem muita intenção a não ser demonstrar um fato, mas seus olhos estavam cheios de curiosidade.

--O teste de força é simples como todas as coisas na vida devem ser. Você deve deferir três golpes contra mim, eu irei bloquear eles e se acreditar que você esteja apto para se juntar a guarda real pode passar para a próxima etapa. Se eu não o considerar apto e queria questionar meu julgamento podemos resolver isso em combate pessoal, o vencedor será o correto, é claro.

O homem pausa por um instante.

--Considerando que é um mestre tão renomado, talvez tenha interesse em um pequeno aquecimento para a próxima etapa, uma pequena demonstração de seus talentos para o publico, talvez?

Histórico do Auron:
 

____________________________________________________

Narração e Pensamento/--Fala

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]                          [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Auron
Usurpador
Usurpador
Auron

Créditos : 6
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 5010
Data de inscrição : 16/01/2012

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptyQui 05 Maio 2016, 16:20

Que comece a Ação!



O homem que estava responsável pelos competidores na arena, percebia o meu desafeto  com o tal Liam e pedia que me concentrasse no torneio. A principio meio que ignorei o que ele dizia, mas voltei a prestar atenção assim que notei que eles continuavam a me chamar de um nome estranho, porém, mesmo sem entender, continuei atendendo por esse nome.~Por que continuam me chamando desse nome? E ainda me tratam com respeito...Por hora vou apenas concordar com toda essa palhaçada, no momento certo eles irão conhecer o homem que está predestinado a se tornar o Rei do Norte~ No tom de voz, Kalif parecia não concordar com o modo grosseiro do Liam, então resolvi seguir seu conselho  pois não poderia fazer nada contra o maldito Liam no momento, então comecei prestar atenção no que deveria fazer.

Eu observava tranquilamente enquanto o homem me passava as instruções do que fazer, não via a hora de terminar tudo aquilo e ir de encontro com o homem que me insultou e logo em seguida, ir atrás do Rei.

Ao terminar a explicação do que deveria fazer, dei uma breve olhada ao meu redor, todas aquelas pessoas na arquibancada e em seguida olharia para o Liam novamente, porém dessa vez apontando o dedo indicador para ele, caso ele olha-se para mim, abaixaria o dedo indicado e mandaria um "joinha" para ele, independente de sua reação, 2 segundos depois eu inverteria o "joinha"(deslike) para que ele percebesse de vez que eu não fui com sua cara.

Como já esperado,  o teste de força era literalmente força física e por isso que eu o escolhi.O  Kallif pedia que eu acertasse 3 golpes nele, para que ele pudesse certificar se eu era apto ou não. ~Com prazer!~  Eu tinha plena confiança de que aquele homem não era páreo para parar meus golpes, afinal, além de treinar muito, desde pequeno  sempre fui o mais forte nos grupos que andava.

Após ouvir atentamente todas as instruções, por trás daquela mascara eu dava um grande sorriso de empolgação, porém ele era abafado novamente por aquela máscara. Por hora, fiz tudo que poderia fazer contra o homem da arquibancada, porém a raiva ainda estava me corroendo por dentro e eu precisava despejar em alguém, e como o Kalif estava no lugar errado e na hora errada, ele pagaria pelos erros de seu companheiro de côrte. ~Alguém pagará pelos insultos daquele filho da puta, e pelo sopro do destino, este alguém será você! FWAHAHAHAHAHAHAHA!!!~ Dessa forma, usaria minha mão direita para ajeitar o óculos no meu rosto e  como um animal feroz, correria na direção do instrutor.

-Ai vou eu!!! FWAHAHAHAHAHAHAHA! - Gritaria com um tom de voz risonho e bem intimidador.

Durante a corrida, ao chegar cerca de 1,5m de distancia do mesmo, inclinaria  meu tronco e braço(direito) para trás, mantendo o punho firmemente fechado e combinaria todo esse impulso com minha formidável força+Aceleração, para tentar dar um soco no peito do homem. Em seguida, utilizaria minha novamente a aceleração para continuar minha investida, e com o braço esquerdo dessa vez, tentaria dar um soco cruzado na altura de seu rim. Mais uma vez usando minha aceleração+Acrobacia, daria um salto para cima acompanhado de um giro de 360° e finalizaria com um chute horizontal, na altura do pescoço, utilizando  a perna direita.

Como a força era meu forte, na minha mente seria impossível ele conseguir para minha investidai. Caso eu passa-se no teste, não seria capaz de conter meu egocentrismo e falaria num tom bem debochado - Eu já sabia que conseguiria -  E daria uma pequena gargalhada -FWAHAHA - Acompanhado de uma respiração profunda e retomando  um tom de seriedade - E agora, qual o próximo passo?!

Caso não passa-se, ficaria extremamente irritado e iria para cima do Kalif -Como eu não passei nessa droga de teste?! Você está louco?! - Dizendo isso, avançaria em direção a ele, sacando minhas duas sai´s e tentaria combinar minha aceleração+força bruta para tentar perfurar alguma parte do corpo do homem que estivesse sem armadura.

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Badass Stars:
 

         
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



•Fala•#333366
•Pensamento•#336633
•Ação•#666666




Não Há Mudança Sem Violencia - Karl Marx  
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t12406-yoroshi-auron
Suchiro
Pirata
Pirata
Suchiro

Créditos : 6
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 12/02/2013
Idade : 21

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySex 06 Maio 2016, 15:19

Corra e não olhe para trás.


Eu queria muito acabar com todos aqueles idiotas, mas tinha uma pantera enorme atrás dele, a que eu avisei, parece que eles teriam mais problemas, e afinal, eles nem estava mais no meu caminho, então não havia porque perder tal tempo. Eu faria o sinal de paz com o dedo indicador e médio e sairia correndo. - São todos seus, desculpe não poder acompanhar, mas estou atrasado. - Diria enquanto correria. Eu sumiria de novo dentro da floresta, para sair da linha de vista dos randons, eles teriam que tomar cuidado com a pantera antes de vir atrás de mim, ou iriam ser atacados pelas costas e mortos. Eu pegaria bastante terra e varias pedras e guardaria em meus bolsos, eu tinha que ir logo, o tempo estava correndo, e não tinha tempo para sair na porrada com aquele gato idiota.

Eu subiria em uma árvore próxima ao campo devastado, mas ainda dentro da floresta, onde eu pudesse ter alguma visão de fora e também fosse mais ao lado para eu ter algum tempo ate ele se virar, tomaria bastante cuidado, sempre colocando 3 partes do corpo apoiado enquanto subiria. Aquele animal domestico iria entender o porque a floresta é o mundo do mais adaptados, e os que não se adaptam...perecem. Eu subiria o mais alto na arvore, arrancaria algum outro galho grosso o suficiente para machucar bastante, não procurava matar, mas só atrasar. Depois de arrancar o galho, eu o guardaria nas costas, junto a mochila de comida, escondido da visão de quem me vesse pela frente. Eu pegaria o cipó mais grosso, ou um grupo de cipós, tomando cuidado para não puxar uma cobra por acaso. O peso que me fazia ficar devagar, agora iria me ajudar a me mover mais rápido, já que tinha o impulso certo.

Encheria minhas mãos de terra e pedrinhas, que só deixariam minha mão mais firme contra o cipo, e saltaria, me impulsionando com tudo para frente, contra o galho que me apoiava para ir para o mais longe possível, talvez ate para passar pelo inimigo. Quando chegasse no limite do cipó, saltaria do mesmo, e jogaria a terra e pedras em direção do inimigo, é claro, aquilo não iria acabar com ele, mas o faria ter que parar para se defender ou ter que sair para não ser pego. No momento que caísse no chão, eu tentaria manter o equilíbrio, para cair em pé, como um belo felino sempre faz.

Logo depois de jogar meu primeiro ataque, eu forçaria minhas pernas com tudo, e já puxando o galho grande e grosso, eu andaria flanqueando, já apontando para suas pernas, e lançando assim que passasse pela lateral da cortina de fumaça. Minha velocidade poderia ter diminuído, mas isso apenas me dava mais estabilidade para mirar, afinal, mirar em uma velocidade maior era mais difícil. Eu lançaria o ataque flanqueado, deixando o galho grosso indo em direção o joelho do gato.

Não sabia que se iria funcionar perfeitamente, se iria apenas atrasá-lo ou pelo menos tirar seu foco. Só que aquela era minha ultima tentativa, não ia dar tempo de voltar tudo e tentar de novo, eu tinha que voltar antes que meu tempo acabasse, então eu correria como o vento de volta para a arena. Correndo em zigue-zague para não ser atingido pro qualquer possível golpe pelas costas, passando por meio das pessoas na cidade, para me perderem na multidão e ter dúzias de pessoas para serem atingidas em meu lugar.

Se durante minha fuga pela floresta, os humanos me seguissem mesmo que por ali, eu faria um corte em uma arvore mais fina, usando as garras e indo o mais fundo em um corte vertical, que era a forma mais fácil, e chutando a arvore para derrubá-la encima deles e aproveitar para despistá-los. É claro, se eles jogassem pedras, também iriam em zigue-zague para não ser atingido, e dando alguns rolamentos para não ser pego.



____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

narração:
fala
Narração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Senshi
Civil
Civil
avatar

Créditos : Zero
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 4010
Data de inscrição : 22/03/2016

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySex 06 Maio 2016, 23:36

Suchiro

Ashuura rapidamente pensa num plano e conta com a pantera para distrair seus perseguidores enquanto ele coleta materiais e sobe novamente em uma arvore. Assim que ele se move os competidores vão atras dele, mas assim que eles viram as costas para a grande fera que os espreitava ela investe e derruba um dos homens, cravando suas presas em seu pescoço. Os outros voltam sua atenção novamente para a pantera e nesse momento o felino usa um cipo que crescia em uma das arvores para dar uma de Tarzan, impulsionando seu corpo pelos ares até se aproximar do mink que bloqueava a entrada.

O mink que olhava o ultimo lugar em que Kaiyuki tinha desaparecido depois do ataque, quando se volta para o som do corpo do leopardo de 100kg aterrizando no chão se depara com um amontoado de terra e pedrinhas caindo sobre ele, quase sem tempo o gato tenta proteger o rosto com as patas, a terra suja seu pelo e casaco, além de entrar um pouco em seus olhos, as pedrinhas caíram em seus ombros, patas e pés, mas não causaram nenhum dano significativo. Quando o gato voltou sua atenção novamente para o leopardo viu um grande pedaço de galho indo em sua direção, em surpresa o gato pulou instintivamente para trás, se esquivando do ataque, mas criando um distancia entre os dois mink. Kaiyuki já tinha passado da entrada e corria desesperadamente para a arena enquanto o gato limpou a terra de seus olhos.

--Não vou deixar, miao!

Kaiyuki seguia pela cidade, tentando se misturar com as poucas pessoas na rua, no começo de sua corrida pode ouvir gritos de dor aqui e ali além de barulho de algo atingido seus suprimentos. Mas logo ouviu o som de algo mais arriscado que pedrinhas, o som de patas batendo determinadamente contra o chão, quatro patas que se aproximavam dele. Podia ver a entrada da arena, podia sentir as patas logo atras dele, está vendo a recepcionista dormindo, podia ouvir a respiração do seu perseguidor, ainda determinado. Quando finalmente viu o interior da arena e estava prestes a pisar nela...

--PULO DO GATO, MIAO!!

Histórico do Suchiro:
 



Ambos

Auron ainda se mostrava muito irritado com o homem que lhe dirigiu a palavra tão autoritariamente e não perdia a chance de tentar chamar-lhe a atenção e demonstrar sua hostilidade. Infelizmente para ele e suas válvulas emocionais o homem que tinha lhe ofendido estava muito ocupada conversando com o rei para notar seus gestos. O jovem gatuno então resolveu focar sua raiva no instrutor diante dele.

Assim que Auron começou a correr Kallif por a mão em seu espada, mas ao perceber que o mesmo usaria seus braços e pernas para atacar ele levantou uma sobrancelha em estranhamento e tirou a sua mão da ponta da espada. O soco de Auron acerta os dois braços que Kallif levanta para proteger seu peitoral, ressoando em sua armadura. Logo em seguida Auron prossegue com um soco mirando nos rins do avaliador, mais uma vez ele é bloqueado com a manopla de Kallif e sente o frio do metal mais uma vez. Como ultima tentativa o jovem pula e, no meio do ar, defere um chute mirando no pescoço do capitão da guarda real, chute esse que se encontra com o antebraço encouraçado do avaliador que o bloqueia com maestria.

Kallif tinha bloqueado todos os golpes, como dissera que faria, mas podia ver que eles estavam um pouco atrás de onde tinham começado o combate, a força da investida de Auron tinha empurrado o chefe da guarda para trás em cada ataque, mas o mesmo continuava calmo. Ele esfregava seus manoplas como se aquele movimento fosse deixa-las mais limpas.

--Você é tão forte quanto imaginei. De fato está apto a ser parte da guarda real.

Quando Auron estava prestes a comemorar sua vitoria e perguntar sobre a próxima etapa...

--PULO DO GATO, MIAO!!

Subitamente dois minks, um gato e um leopardo, apareceram rolando no chão, desda entrada da arena até o centro dela, todos olharam em direção ao par que pareciam estar brigando por uma caixa de madeira nas costas do leopardo. A mulher ruiva responsável pelo teste de agilidade se proximou dos dois com um sorriso satisfeito no rosto, logo lhe dirigindo a palavra.

--Ocês voltaram! Dois minks, huh? Aposto como cês usarram o poder da amizade e copanheismo para superar os outros mesmo que eu não disse pro ocês que podiam cooperar entre si, né? Né? Num importa! O que importa é a comida!

A mulher logo pega a caixa nas costas do leopardo faz um sinal positivo para os outros dois cavaleiros na arena e se retira, deixando os dois ali no chão. Logo o cavaleiro calmo e o sorridente do outro lado vão em direção as portas que se encontravam embaixo da varanda e se retiram da arena, se despedindo dos seus eleitos enquanto os inaptos para a próxima prova se iam embora e os médicos retiravam aqueles que não conseguiam andar. Agora só os escolhidos estavam na arena: aqueles que passaram no teste de resistência, uma unica mulher com um corte de cabelo rebelde e uma larga cicatriz no rosto, aqueles que passaram no teste de agilidade, dois mink, um com características de gato e o outro de leopardo e, finalmente aqueles que passaram no teste de força, uma anã com roupas orientais e um suposto mestre espadachim com mascara e óculos escuros. O rei logo fez seu anuncio.

--Vocês chegaram longe, guerreiros! Me parece que o torneio desse ano foi mais difícil, mesmo sendo bravos e fortes vejo apenas cinco de vocês em pé e dispostos a continuar. Assim sendo todos que sobreviverem a ultima etapa do torneio serão integrados a guarda real! Mas não se animem prematuramente, guerreiro...--Conforme a voz do rei se esvai, todos os participantes veem água jorrando de canos na arena e lentamente se espalhando pelo local.--Agora, para a ultima prova, vocês devem derrotar uma terrível fera trazida para Lvneel, peguem os equipamentos que usam de costume, pois suas vidas estarão em jogo quando enfrentarem... O bebê de um Sea King!!

Como se para dar enfase ao discurso do rei um rugido é ouvido da porta abaixo da varanda em que o rei falava, a mesma a qual os cavaleiros tinham entrado e saído da arena. Vários homens esperavam na entrada da arena para entregar os equipamentos dos corajosos guerreiros que tinham sobrevivido até agora, eles tinham a intenção de devolver o equipamento confiscado no começo do torneio e logo em seguida fechar todas as portas para que o nível da água subisse.

--Quando o nível da água chegar em seus calcanhares iremos deixar a fera solta e então vocês podem provar que REALMENTE são dignos de entrar na guarda real!

Outro rugido podia ser ouvido do outro lado grande porta abaixo da varanda do rei.

Histórico do Auron:
 




off:
 

____________________________________________________

Narração e Pensamento/--Fala

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]                          [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Auron
Usurpador
Usurpador
Auron

Créditos : 6
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 5010
Data de inscrição : 16/01/2012

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySab 07 Maio 2016, 04:10

Unir para fortificar! Em busca da queda do primeiro Rei!




Muito entusiasmado, avançava feito uma fera em direção ao Kalif. Por confiar bastante em minha força, acreditava que meus golpes o arremessariam longe, porém não foi oque ocorreu. Meu soco colidia com o aço frio da armadura dele, pelo som que era emitido, havia sido um soco potente, porém o desgraçado continuava de pé. Aquilo foi o suficiente para me deixar bastante irritado ~Mas...Oque?!~ - Bem enraivado por ele ter parado meu primeiro ataque, rangia meus dentes acompanhado de um rosno bem sutil, aquela era uma forma de colocar mais força para o próximo golpe, porém como o primeiro, não fui capaz de se quer derruba-lo. ~NÃO PODE SER!!~ e finalizava com o chute.

Terminando os 3 golpes e analisando tudo com mais calma, pude notar que meus golpes foram bloqueados, porém foram potentes o suficiente para tirar o Kalif do ponto inicial.
-Você é tão forte quanto imaginei. De fato está apto a ser parte da guarda real.
Ao ouvir tais palavras, era impossível conter o sorriso no rosto. Retirava a guarda e me preparava para me gabar do resultado quando fui novamente surpreendido por dois gatos que entraram feito loucos na arena.

-PULO DO GATO, MIAO!!

Vendo aquilo fiquei sem entender completamente nada, a unica reação que tive foi gritar irritado com os dois. -QUE PORRA DE GATOS SÃO ESSES, CARALHO?! - Dando alguns passos para trás e colocando a mão no lado esquerdo do peito(coração) ~Porra, levei um sustão, caralho~


Com o desenrolar da historia, descobrir que aqueles gatos também eram participantes  e haviam passado de fase assim como eu. Logo outros finalistas apareceram e eu os olhava rapidamente, eram pessoas bem estranhas e com características muito peculiares. Assim que todos os finalistas estavam ali presentes, o Rei finalmente se pronunciou. Depois de falar uns besteirol, ele veio com o que realmente interessava.
-Agora, para a ultima prova, vocês devem derrotar uma terrível fera trazida para Lvneel, peguem os equipamentos que usam de costume, pois suas vidas estarão em jogo quando enfrentarem... O bebê de um Sea King!!




Assim que suas palavras alcançaram meus ouvidos, meu corpo ficou imóvel, em choque, por alguns instantes conseguia apenas ouvir meus pensamentos. ~U-Um S-Sea King?!?!~ As palavras do rei de certa forma me deixavam assustado, afinal nunca se quer tinha visto um sea king, apenas ouvia suas historias de como são poderosos. Sair do estado de choque assim que ouvir aquele poderoso rugido logo após o rei terminar sua frase.

Todas as portas começavam a se fechar enquanto eu olharia tudo ao meu redor, tentando observar cada minimo detalhe daquele lugar, para traçar uma eventual estrategia de ataque, defesa ou até mesmo uma fuga forçada. ~Não acredito que estou aqui com esse bando de lixo para lutar contra um rei do mar!~

O nível da água começava a subir e eu sentia o liquido entrando nos meus calçados  e molhando um pouco da minha calça.  Era uma sensação muito desagradável, porém tinha certeza que de que todos os problemas, ter roupas molhadas seria o menor. Como dito pelo rei, aquela seria uma luta  fatal, com isso, sacaria minhas sai's e ficaria aguardando o local encher. ~Vamos lá... Vamos lá...~ Enquanto esperava o grande momento, outro rugido era ecoado naqueles canais da arena, novamente um rugido poderoso, capaz de gerar muito calafrio.

Por instantes, quase deixei que o medo atrapalhasse meu objetivo. Enfrentar o desconhecido era uma tarefa bem difícil, porém não impossível aos meus olhos. Desde pequeno sempre fui extremamente ambicioso, e nunca deixei que nada cruzasse meu caminho ou meus planos, sempre que acontecia, a ameaça era esmagada feito mosca. Por um pequeno momento naquele lugar, havia me esquecido disso, porém  o ultimo rugido trouxe a tona a minha real personalidade e todos meus objetivos juntos, a minha expressão de medo e espanto, foi rapidamente substituída por um semblante risonho e ambicioso.

Se aquilo era um obstaculo do meu objetivo final, estaria disposto a enfrentar nem que fosse 50 reis dos mares, caso necessário. -Eu não sei se vocês estão assustados ou não, mas eu não vim de longe para virar comida de peixe num lugar como este, e creio que vocês também não! - Usaria involuntariamente minha capacidade de liderança para acalmar e organizar aquele grupo de competidores, afinal eu precisaria de todos para derrotar a fera. -Me chamo Au...King...Sim!, me chamem de King! Qual o nome de vocês e quais suas especialidades?! - Falaria num tom autoritário e ao mesmo tempo tentaria passar conforto para adquirir a confiança deles.

Caso conseguisse um bom dialogo com informações uteis de todos os participantes, olharia para o local de onde vinha os rugidos e manteria o foco, com um olhar de determinado. ~Vamos la rei do mar... Apareça... No final do jogo, pode haver apenas 1 rei de pé.... E infelizmente nesse tabuleiro há 3 reis...~ -Respiraria fundo- ~...Providenciarei para que dois deles caiam, e para seu azar, você será um deles!~ - Sorriso macabro sem emitir nenhum som, apenas aguardando a fera.

____________________________________________________


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Badass Stars:
 

         
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]



•Fala•#333366
•Pensamento•#336633
•Ação•#666666




Não Há Mudança Sem Violencia - Karl Marx  
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://www.onepiecerpg.com/t12406-yoroshi-auron
Suchiro
Pirata
Pirata
Suchiro

Créditos : 6
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 10010
Masculino Data de inscrição : 12/02/2013
Idade : 21

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySab 07 Maio 2016, 14:38

Matador de Monstros.





Passei, e esse gato idiota veio comigo, bem, não faz diferença, ele vai ser útil contra o monstro. Eu empurraria ele com os dois pés no peito, para tira-lo. Eu subiria para pegar minhas pistolas (lvl 1) e minha escopeta de cano cerrado, junto com as balas de Glicerina. - Ei, vocês podem me dar balas normais também? Acho que vou precisar tomar dar muito tiro para matar essa coisa. - Eu pegaria tudo, deixando as pistolas na cintura, a escopeta em uma mão e outra livre. Eu carregaria a escopeta com balas normais de preferência, e também deixaria as pistolas carregadas. Se eu avistasse Milan do lado de fora, eu gritaria. - Espero que esteja torcendo por mim, senhorita. Ate mais, quando nos encontrarmos,estaremos no mesmo nível.- Depois de falar para ela, eu daria uma breve piscada para ela e desceria de volta para arena.

Um bebê rei do mar, ufa, por um momento achei que íamos enfrentar um bicho daqueles adulto, se colocasse algo como aquilo aqui, não só íamos morrer, como todos nessa arena. Na Grand Line tem monstros fortes, mas se esse for como estou pensando um monstro do Calm Belt, mesmo um filhote vai fazer estrago. Eu sentia o rugido da besta, estava mais do que certo, por um momento eu duvidava de mim mesmo, mas meu sangue falava mais alto, era hora de uma batalha entre monstros. - Maki, sobe. Melhor ficarmos atrás nessa. - Eu estenderia o braço ao chão para que ela subisse.

Eu recuaria para depois da mulher com uma cicatriz, poderia dizer que era ate um pouco sexy, gosto de mulheres guerreiras, mas não era hora pra isso. Um dos cinco falava algo que era algo que poderia me acalmar, se eu já não estivesse pronto para batalha como estava. - Eu sou Dio, sou um atirador, e bem, pela situação eu vou dar apoio e tirar o foco do monstro. Não acho que vai ser muito difícil de atingir essa criatura. - Daria uma breve risada seca ao fim de minhas palavras.

Eu ficaria parado e com a outra mão dando suporte para escopeta, mesmo que não precisasse, seria vantajoso para melhor mais que o normal a mira. Eu pegaria a lama que se formaria pela água ter se misturado a areia do chão da arena e começaria ame cobrir de lama, principalmente na cabeça e tórax onde passava mais sangue. - Também quer, Maki? - Se ela aceitasse, eu também a cobriria com um pouco de lama. Alguns viam essas criaturas como deuses, mas estava na hora de mostrar que não passavam de monstros que podiam ser abatidos como quaisquer outros. Eu sentia meus pés molhados, e percebia que ela apareceria, no momento que a serpente do mar aparecesse. - Ok, sem movimentos bruscos, essas coisas enxergam o calor. E temos a chance de causar um dano enorme só de primeira. Então temos que ir todos ao mesmo tempo, eu estou mirando em seus olhos. - Minha arma estava fixa, eu apontava minha arma para sua cabeça, mas não olhava diretamente nos olhos do animal, já tinha ouvido lendas de pessoas que haviam sido paralisadas apenas por isso.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

narração:
fala
Narração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Senshi
Civil
Civil
avatar

Créditos : Zero
Warn : Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 4010
Data de inscrição : 22/03/2016

Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 EmptySab 07 Maio 2016, 20:45

Todos pegavam suas armas e Ashuura obtêm um pacote de balas normais, então os portões se fechavam, o nível da água subia até ficar um pouco acima dos calcanhares dos participantes o que correspondia a altura da cintura da anã que participava. Logo Auron se pronunciou, querendo saber as especialidades dos participantes para pensar em algum tipo de plano para que todos não acabassem como comida de peixe. O primeiro a se pronunciar foi Kaiyuki que já se posicionava atrás da mulher mais durona do lugar.

Eu sou Dio, sou um atirador, e bem, pela situação eu vou dar apoio e tirar o foco do monstro. Não acho que vai ser muito difícil de atingir essa criatura.

--Meu nome é Mika, sou uma espadachim. Melhor não me subestimarem por causa do meu tamanho! Já matei caras maiores do que essa arena inteira!--Falava a anã limpinha que estava encima do ombro do mink coberto de lama.

--Haha! Gostaria de ver isso, pequenina. Prazer em conhece-los, senhoras e senhores, meu nome é Doran. Assim como o companheiro ali eu sou um atirador, atirador de precisão inegualavél, devo dizer.--Dizia o mink gato enquanto carregava seu rifle e ajustava a mira.

--Lor... Mercenária... Bojutsu...--Falava a mulher com cicatriz, quase como que num sussurro, enquanto segurava seu bastão dourado com firmeza.

Enquanto a porta não abria os participantes conversavam e conheciam um pouco de suas habilidades, mostrando suas armas e etc. Porém logo toda a conversa sessou quando eles ouviram a porta debaixo da varanda do rei se abrindo. Com os portões escancarados eles se prepararão para o monstro que viria. Primeiramente só os minks conseguiram ver na escuridão da porta o monstro que iriam enfrentar e logo começaram a mirar.

Auron

O mink gato que estava logo atrás de Auron sorriu cinicamente e falou para que o jovem a sua frente pudesse lhe ouvir.

--É maior do que pensei, parece uma cobra gigante, deve ter uns vinte metros e olhinhos menores do que uma bola de sinuca. Hahaha, interessante... Se ele ficasse quieto por alguns segundos aposto que poderia cega-lo... Talvez co-

Um rugido subitamente interrompe o monologo do mink, o sea king investia!

Suchiro

Dandara tinha recusado a lama, afirmou que se fosse atingida nessa luta não precisaria nem de um caixão, quanto mais tempo para primeiros socorros. Agora ela estava no ombro de Ashuura, segurando sua orelha como suporte enquanto olhavam para a escuridão onde o mink já podia identificar uma especie de cobra gigante, era coberto por escamas, tinha varias series de dentes afiadíssimos como um tubarão e pequenos olhos amarelos sem inteligencia.

--Né, Ashuura...--Sussurrava a anã para seu parceiro.--Já ti contei sobre a vez que matei um gigante maior que essa arena? O cara era durão mesmo, não importasse onde eu atacasse parecia que nem fazia cocegas nele. Ainda era canibal para piorar tudo, no meio da luta ele acabou me comendo, literalmente, mas foi ai que descobri que gigantes são bem mais frageis por dentro do que por fora... Se as coisas ficarem fe-

Os sussurros de Dandara eram interrompidos por um rugido sombrio, o rei do mar investia!

Ambos


E das profundezas daquela porta escura surgiu uma serpente gigantesca, sua pele coberta por escamas, sua boca armada de dentes terrivelmente afiados e seus pequenos olhos amarelos rapidamente se focando no grupo de indivíduos a sua frente. A multidão vibrou quando viu o monstro, varias reações podiam ser escutadas, surpresa, exitamento, terror... Mal os participantes tiveram tempo para contemplar, que tinha a altura de uns 10m e o comprimento ainda maior que isso, sem aviso o corpo da serpente desliza facilmente pela superfície da arena e investe contra o grupo numa velocidade que nenhuma especie marinha teria em terra firme. O sea king abria sua boca e rapidamente tentava devorar o participante mais próximo dela, Auron.

Informações dos participantes:
 

Histórico do Suchiro:
 

Histórico do Auron:
 

Off:
 

____________________________________________________

Narração e Pensamento/--Fala

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]                          [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por Senshi em Seg 09 Maio 2016, 21:25, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.   Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição. - Página 4 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap 3 - O Ultimo Monstro. Vingança, Conquista e Destruição.
Voltar ao Topo 
Página 4 de 27Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 15 ... 27  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: North Blue :: Lvneel Kingdom-
Ir para: